Page 1


O MAIOR FESTIVAL DA BICICLETA DA AMÉRICA LATINA

• • • • • • •

EXPOSIÇÕES PUMP TRACK FOOD TRUCK / FOOD BIKE SHOWS APRESENTAÇÕES LOJAS ESPECIALIZADAS PALESTRAS E MUITO MAIS!

#pedalejunto

14

A

17

*

SETEMBRO

*Dias 14 / 15 Exclusivo para Lojistas

JOCKEY CLUB SÃO PAULO Rua José Augusto de Queiroz, s/n – Portão 1 Cidade Jardim, São Paulo/SP

SAIBA MAIS EM: shimanofest .com.br


INSCREVA-SE AGORA SHIMANOFEST.COM.BR/FEST-BUSINESS

ENTRADA FRANCA A QUINTA E SEXTA-FEIRA SERÃO DEDICADAS EXCLUSIVAMENTE A VOCÊ, PROFISSIONAL DO MEIO DA BIKE.

14

e

15

SETEMBRO Exclusivo para Lojistas

PALESTRAS E TREINAMENTOS TEST RIDE DE e-BIKES

EM UMA PISTA EXCLUSIVA PRESENÇA CONFIRMADA DOS MAIORES DISTRIBUIDORES DO MERCADO DE BICICLETAS

Apoio

Midia Oficial

bike.shimano.com.br

twitter.com/sh iman obrasil

f aceb o o k. co m/s hi manomtbbrasil

in stagram.com/sh iman obrasil


Editorial

Muitas vezes ao longo destas quase 3 décadas de publicações, tivemos momentos de questionarmos se estava valendo o trabalho, a dedicação, os enfrentamentos. As incompreensões de um setor que antes do nosso trabalho tinha pouca visibilidade, quase nenhuma. A mídia genérica não conhecia as empresas e empresários que estavam labutando contra todas as dificuldades para a sobrevivência e reconhecimento no mercado. Para o publico em geral, existiam apenas duas marcas de grandes fábricas dominando a sua preferência. Por varias ocasiões, fomos aconselhados para não empreendermos neste setor. Seria temerário, sem nenhuma possibilidade de sucesso. Acreditamos no projeto e estamos aqui, percorrendo esta estrada. Demos oportunidades para alguns talentos da periferia onde nos instalamos, modificamos a ótica do futuro deles. Ampliamos o horizonte para estes meninos. Muitos seguiram, foram em frente, pois ficamos pequenos para os seus projetos profissionais. Mas, ainda são nossos amigos e reconhecem a nossa influencia para a mudança de seus destinos. Outros preferiram continuar conosco e ainda estão nos ajudando. Porém, também tivemos aqueles que nos decepcionaram, agindo de forma malévola, egoísta e com o único desejo de destruir onde iniciaram a carreira e conseguiram algum status profissional. Fizemos amigos por onde passamos neste imenso país. Empreendedores que não imaginavam a importância que tinham. Nós os divulgamos, mostramos os seus estabelecimentos e tornamos mais fácil a sua integração com o universo de fornecedores, a maioria no sudeste/sul. Empresas que cresceram utilizando as nossas paginas, os nossos eventos para se mostrar e afirmar a capacidade de comprar/vender/pagar. Fabricar ou importar. Então, fazemos um balanço de tudo e, teimosamente continuamos, sabendo que nem sempre seremos reconhecidos. Mas saboreando os momentos de felicidade ao sermos abraçados e elogiados. Jovens da nova geração que vimos crescer e agora administram empresas familiares que se tornaram grandes, importantes. Os ‘dinossauros’ ainda em atividades e aqueles que mesmo aposentados continuam se interessando pelas coisas do segmento. Caso de Afonso Moreno, que foi lojista em Brasilia-DF e que faz questão de ainda receber as nossas edições para manter-se informado. E, surpresa agradável foi haver recebido um seu manuscrito que nos encheu de orgulho. Ele dedicou um tempo para nos elogiar. São atitudes como esta que fazem que continuemos teimosamente publicando a Cyclomagazine. Obrigado, Afonso, pelo carinho! Todos nós


Carta

"A Revista Cyclomagazine Aos Amigos Osmar e Haroldo; Quero através desta, parabenizar pelo maravilhoso editorial e artigo (Jair Venturi), publicado na edição no 217. Ainda elogiar a Redação e Edição de Arte, pois a revista está simplesmente linda, muito colorida da prazer em ler, muitas novidades e informações do ramo de bicicletas. Abraços Afonso Moreno - Brasilia D. Federal"


CONTEÚDO

Sumário

Expediente Diretoria Osmar Silva José Haroldo G. Santos

32

Edição 219 - Agosto/Setembro 2017 Editor Osmar Silva osmar@luanda.com.br

12

34 David Cachon e Grupo Eurides A Grande Muralha da evento Chinaanual realiza

Redação Hylario Guerrero (MTB 13.468) Joelma Farias (MTB 78.793) redacao@luanda.com.br joelma.noticia@luanda.com.br Edição de arte Bruno Ricardo Mello dos Santos Diego Igor de Oliveira midia@luanda.com.br arte@luanda.com.br

16 Lançamentos Sense Bike

Diretor Comercial José Haroldo G. Santos haroldo@luanda.com.br Publicidade Ana Paula Lima José Ricardo Gomes Denis Jorge vendas@luanda.com.br

32 in memoriam

Administração Denis Jorge Thais Gonçalves luanda@luanda.com.br Jurídico Dra. Adriana Carla Gomes P. Silva Assessoria Gráfica PavaPrint Impressão Forma Certa Soluções Gráficas

10 Marcia 40 SEÇÕES Mercado Editorial Rio de Janeiro

Endereço Rua Joaquim de Almeida Moraes, 273 Jd. Magali - CEP: 02844-000 São Paulo/ SP - Brasil Tel.: + 55 (11) 3461-8400/ 3461-8401

16

Marketing

www.luanda.com.br

Tecnologia transforma bikes em e-bikes

A revista cyclomagazine aceita matérias técnicas como colaboração para divulgação de projetos, trabalhos, novos produtos, etc. Os artigos deverão vir acompanhados de fotos ilustrativas com as respectivas legendas e curriculum do autor.

Seções

EDITORIAL NOTAS

06 12

A revista não se reponsabiliza por opiniões e artigos assinados que podem ou não expressar a mesma opinião do editor. As opiniões emitidas em artigos assinados são de responsabilidade do autor. A cyclomagazine não se responsabiliza pelo conteúdo dos anúncios veiculados, nem por aquisições em função destes. Todos os direitos reservados, sendo proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio, sob pena de procedimentos legais. A revista cyclomagazine é uma publicação bimestral da Luanda Brasil Serv. de Publicidade, e tem sua marca registrada no INPI sob o número 820.332.593

Fotos das Capa: David Cachon e Fernando Marmolejo

06 08

LANÇAMENTOS ESPORTES

20 26


aniversário

TRADIÇÃO E MODERNIDADE

Em comemoração aos 60 anos de existência, a Márcia Bicicletas se moderniza para atender às necessidades de seus clientes e conquistar novos públicos Texto Joelma Farias e Osmar Silva Imagens Divulgação

10


Empresas familiares representam hoje 80% das 19 milhões de companhias existentes no País, segundo a Pesquisa de Empresas Familiares no Brasil, divulgada no final de 2016 pela PWC. Sua contribuição para o PIB nacional é de 50%. Contrariando as estatísticas que indicam que poucos negócios de família conseguem se manter após a terceira geração, contamos aqui a história da Márcia Bicicletas, uma loja tradicional localizada em Vila Esperança, no bairro de Piabetá, município de Magé, no estado do Rio de Janeiro. A loja comemora 60 anos de uma história conduzida por uma geração de mulheres com habilidade para os negócios. Tudo começou quando Anebal Ferreira da Rocha, que percebeu a falta de uma loja especializada em bicicletas no bairro, meio de transporte muito utilizado na época por ser mais acessível que os veículos automotores. Então, em 1957, a Márcia Bicicletas abriu suas portas, se tornando pioneira na região. Ao iniciar as atividades da sua empresa, Anebal não imaginava que estava também criando uma verdadeira dinastia no segmento. Suas filhas Márcia, Sirlene, Sirlete e Silvia, se integraram precocemente a lida diária na loja. A Márcia, por exemplo, aos treze anos já era titular de conta corrente em um banco para movimentar os depósitos e pagamentos da loja. Assim como em outros casos de sucesso no mundo empresarial, o começo foi modesto, mas com dedicação, trabalho sério e respeito pelo consumidor, a loja prosperou e o sucesso é mantido até hoje, graças à competente administração familiar. As sócias Márcia R. Rocha, Márcia Maria da Rocha, Paula Rocha e Marcele Rocha (as três últimas da terceira geração da empresa), têm a missão de dar continuidade ao negócio com a proposta de modernizá-lo sem perder a sua essência.

As sócias entendem o quanto é importante atender às necessidades dos clientes oferecendo qualidade e variedade. “Vendemos as marcas preferidas pelo consumidor, tais como: Pirelli, Shimano, Levorin, Kenda, entre outras. Temos produtos nacionais e importados. Não temos oficina mecânica”, esclarece Márcia Rocha.

MUDANÇAS NO MERCADO

A Márcia Bicicletas vivenciou momentos bons e ruins na economia brasileira. Enfrentou dificuldades ao longo do caminho e, com determinação, as superou. Conquistou espaço no mercado com dedicação, perseverança e, acima de tudo, honestidade. Com o passar do tempo, as bikes também mudaram. Conquistaram mais espaço na rotina dos brasileiros, seja como alternativa de transporte, como opção de lazer ou para a prática esportiva. Uma mudança de comportamento que ajudou o mercado a vender mais. O país está passando por uma grave crise há mais de dois anos, mas as empresárias entendem que investir na melhoria do espaço e serviços oferecidos, podem ajudar a manter o ritmo das vendas. “O mercado na região está devagar, mas segue em frente”, diz Márcia Ramos. Para a empresária, essa é mais uma crise que, certamente, será superada com muito trabalho e altas doses de otimismo. “Acredito que nada perdura para sempre na nossa economia passada, presente ou futura. Sempre haverá mudanças, mas as superaremos, como sempre”, conclui com o seu contagiante bom humor. Nova Geração da Márcia Bicicletas

Para celebrar a efeméride, a loja foi completamente reformada e ampliou seu portfólio de produtos. Hoje, a Márcia Bicicletas conta com 15 profissionais qualificados que oferecem atendimento personalizado, com o carinho e a atenção de sempre. “Fizemos uma reforma na loja porque sentimos a necessidade de oferecer conforto tanto para quem trabalha quanto para quem compra”, afirma Márcia Ramos, uma das sócias da loja (aquela menina de 13 anos).

cyclomagazine

11


Notas PROBLEMAS NO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO Após três meses de inauguração do programa de bicicletas compartilhadas no Centro de Manaus (AM), o serviço “ManôBike” ainda não cumpre 100% do que foi prometido, e as estações das bicicletas continuam a ser alvo de vandalismo. De uma forma geral, o serviço continua limitado. O sistema operacional continua a aceitar somente o pagamento por meio do cartão de crédito. Até agora, a população não consegue alugar uma bicicleta com o Cartão Cidadão (vale transporte) como foi prometido.

SÃO PAULO TERÁ REGRA PARA ALUGUEL DE BICICLETA O prefeito João Doria assinará decreto para regulamentar o compartilhamento de bicicletas em São Paulo. Não haverá licitação nem exclusividade para empresas. Para atender aos ciclistas, as companhias deverão atender a pré-requisitos estipulados pela prefeitura. O Tribunal de Contas do Município já suspendeu duas concorrências públicas abertas pela prefeitura para tentar atrair novas empresas. SAMU DE BICICLETA A praia Beira Mar de Fortaleza, passa a contar com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em bicicletas. O projeto Bike Vida visa reduzir o tempo de socorro na região para até dois minutos. São três estações na Beira Mar com uma bicicleta, o socorrista e os equipamentos. O serviço deve ser acionado pelos frequentadores da praia pelo 192.

12 22

NOVAS ROTAS PARA BICICLETAS EM BAURU Caminhos mais seguros estão sendo planejados para ciclistas de Bauru, interior de São Paulo. O assunto vem sendo discutido pela Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) com o projeto de ciclomobilidade paralelamente ao plano de mobilidade da cidade que deverá ser implementado em abril de 2018. Para isso, um grupo de trabalho foi designado para cuidar particularmente e adiantar o projeto. BRASÍLIA GANHA TRILHA DE MOUNTAIN BIKE EM UC A Floresta Nacional (Flona) de Brasília, no Distrito Federal (DF), conta com a maior trilha de mountain bike no interior de unidade de conservação (UC) do país. A trilha, circular, tem 44 quilômetros de extensão, totalmente sinalizados, e apresenta diferentes níveis de dificuldades. Oferece ainda opções de circuitos menores de 30, 20, 10 e 5 quilômetros. A trilha foi inaugurada em junho pelo Instituto Chico Mendes da Biodiversidade. Localizada no interior de uma unidade de conservação da natureza, a trilha proporciona segurança ao ciclista.

ECOPONTO EM SANTOS A cidade de Santos, no litoral de São Paulo, abriu o primeiro ecoponto público para bicicletas e veículos similares. O local receberá as peças que estão velhas, abandonadas sem uso. A ideia principal é reutilizar as bicicletas abandonadas para que sejam recuperadas e devolvidas ao uso. O ecoponto fica na Rua da Constituição, 75, no Paquetá, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. PLANO DE MOBILIDADE URBANA O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, aprovou o Plano de Mobilidade Urbana por Bicicletas. A proposta visa promover o uso de bicicletas como parte da mobilidade urbana da capital. O “PlanBici” tem o objetivo ampliar para 2% a participação das bicicletas no transporte público em BH até 2020. Atualmente, este número é de 0,4%.

cyclomagazine


Notas MORTES DE CICLISTAS NA CAPITAL PAULISTA AUMENTAM O número de mortes em acidentes de trânsito envolvendo ciclistas aumentou 75% no primeiro semestre deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado, na capital paulista, passando de 12 para 21. Os dados são uma compilação da Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo (Ciclocidade) com base nas estatísticas do Infosiga – Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, ligado ao governo do estado.

BIKE PE As novas bikes da Bike PE, têm peças exclusivas e os novos modelos estarão disponíveis a partir de setembro. O anúncio foi feito durante uma coletiva de imprensa sediada no prédio da Prefeitura do Recife, na área central da cidade. Com design moderno e mais leve, a bike foi repaginada com peças feitas exclusivamente para o modelo. Agora, as 800 bicicletas serão acopladas quase que por completo nas 80 novas estações, três a mais que anteriormente. Elas serão distribuídas pela Região Metropolitana do Recife.

14 cyclomagazine

FÓRUM DE BICICLETAS O VI Fórum de Bicicletas, que acontece em Manaus (AM), será realizado de 22 a 25 de agosto. O evento vai contar a presença de Enrique Penãlosa, prefeito de Bogotá, na Colômbia. Serão promovidos debates, painéis, oficinas, mesas redondas e intervenções urbanas, com apoio da Prefeitura de Manaus, profissionais da comunicação, representantes de ONGs que trabalham a mobilidade ativa, entre outros convidados. COPENHAGUE INOVA NO TRÂNSITO Painéis eletrônicos foram instalados na cidade de Copenhage, na Dinamarca, que atualizam ciclistas sobre o trânsito em tempo real. A meta da prefeitura local é reduzir o tempo de trajeto dos moradores. Os painéis sinalizam o tempo de viagem, congestionamentos e rotas rápidas. O número de bicicletas no centro da cidade ultrapassou o de carros no ano passado.

BIKE VV TERÁ BICICLETAS ADAPTADAS O Projeto Bike VV em Vitória (ES), será lançado com bicicletário adaptado para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. O número de bicicletas ainda não foi definido. O projeto foi alvo de uma consulta pública onde mais de 400 munícipes puderam opinar diretamente no portal da Prefeitura de Vila Velha, na internet.

23 cyclomagazine


tendência 16

RECEITA MINEIRA PARA S DIFICULDADES ECONÔMI DO PAÍS: OUSADIA


SUPERAR ICAS

O mercado foi pego de surpresa no lançamento da linha 2017 da Sense Bike, com a qualidade e bom gosto das bikes apresentadas. Naturalmente, a expectativa para a linha 2018 era imensa. Desta feita, a Sense mostrou 19 modelos, sendo 10 mountain bikes, 4 speeds , 2 urbanas e 3 e-bikes. Demonstração de ousadia e confiança na superação dos problemas com o momento atual de consumo Texto Osmar Silva* Imagens Divulgação

A

empresa se esmerou, corrigindo as ínfimas falhas dos modelos anteriores, que demonstra que foram ao mercado para ouvir os lojistas e usuários, e assim, decidir por mudanças aqui e ali. Louvável. As bikes certamente irão agradar e, isso foi possível de constatar no evento que completou a festa de lançamento no Caesar Business Hotel, em Belo Horizonte, onde todos os convidados da imprensa especializada, parceiros fornecedores e lojistas, atletas e até o jornalista e atleta Clayton Conservani, da Rede Globo, assistiram a apresentação da linha 2018 feita pelo diretor da empresa Henrique Ribeiro e os seus executivos, com destaque novamente para o ex-ciclista e designer Mark Blewett, responsável pela criação e projeto. No dia seguinte, todos puderam testar os modelos nas pistas de mountain bike e urbanas do empreendimento Alphaville Lagoa dos Ingleses, em apreciadíssima sessão de demo tour. Os ciclistas foram divididos em dois grupos para as pedaladas. Desta forma, entre a chegada do primeiro do grupo a saída para os testes dos integrantes do segundo, Mark Blewett, fez um bate-papo para esclarecer possíveis dúvidas e detalhar ainda mais as características de cada modelo. Como não poderia deixar de acontecer, os jornalistas presentes apresentaram várias questões de natureza técnicas e objetivos da marca. Todas prontamente esclarecidas. Sendo que esta reunião foi realizada a bordo do belo caminhão que a empresa projetou. O veículo, batizado de Demotruck, foi preparado para transportar as bikes e rapidamente se transformar em uma confortável sala, com todos os recursos para a apresentação de palestras para selecionadas plateias de 100 cidades nacionais que serão percorridas, com a equipe Sense, expondo a nova linha, em eventos que serão produzidos ainda neste ano pela LM Bikes.

cyclomagazine

17


LINHA SENSE 2018

CICLISMO DE ESTRADA <<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

MOUNTAIN BIKES<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

Uma gama completa de bicicletas para atender os mais diversos públicos.

Invictus Black Edition

Dentre as Mountain Bikes destacam-se o lançamento da nova Fun (foto), uma MTB com muita qualidade; a Invictus Comp, full suspension, com quadro em fibra de carbono; a Impact Pro, e a Invictus Black Edition, uma série limitada com 50 bicicletas disponíveis e numeração no quadro, uma verdadeira peça de colecionador, montada com o grupo Shimano XT Di2 (eletrônico) e suspensão DT Swiss Race em fibra de carbono.

Impact Pro

Prologue

18

Criterium

Nas Bikes de Ciclismo de estrada o lançamento da Criterium, trata-se de uma bicicleta com quadro de alumínio e excelente acabamento. Montada com freios a disco. Há também a Prologue Black Edition, exclusiva e única, com apenas 20 unidades disponíveis para venda, numeração no quadro e que já vem equipada com rodas em fibra de carbono.

* Osmar Silva viajou a convite da Sense Bike


E-BIKE<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

Também fazem parte da linha 2018 as e-bikes Easy (foto de abertura) e Breeze, que estão alinhadas ao padrão mundial e encantam a todos com sua beleza harmônica.

AÇÕES PARA AUMENTAR O SHARE DA MARCA Activ Thiago Lemos / Pedal.com.br

BIKES URBANAS<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<<

Dentre as bicicletas elétricas (E-bike) a Sense criou a Impulse, modelo híbrido com freios a disco, para uso urbano com toda a agilidade e segurança necessária para driblar o trânsito das metrópoles.

Move As Bikes Urbanas da nova linha da Sense Bike em 2 modelos. Um dos modelos é a Move, que é 100% montada com componentes Shimano, possui canote com sistema de absorção de impactos, além do quadro inédito na cor alumínio. E a segunda, a Activ, é uma bike premiada em 2017, que evoluiu ainda mais, sendo montada com o grupo Shimano Altus de 27 velocidades.

cyclomagazine

O Grupo Lagoa, da qual fazem parte a LM e Sense Bike, adotou o comportamento desafiador ao atual momento economico. Investe fortemente em estrura , produtos e pessoal. Muito além do lançamento das novas bicicletas e compreende, também, o aumento do número de colaboradores na fábrica em Manaus, AM; a compra de maquinários para a linha de produção; o desenvolvimento do novo Demotruck, uma estrutura enorme de ativação, que rodará todo o Brasil e o investimento no esporte em várias ações, na qual se destaca a Equipe Sense Factory Racing.

19


Lançamentos Kl

Km

Kn

Ko

Capacete com setas de sinalização KRIPTA

Kl

O capacete Tauros vem com uma grande novidade: possui setas em LED, que sinalizam quando o ciclista vai mudar a direção. O sistema é bem parecido com o usado em carros e motos, com o condutor acionando o controle instalado no guidão da bicicleta. As setas em LED são recarregáveis via cabo USB e têm autonomia de até 30 horas depois de totalmente carregado. Além das setas, o capacete Tauros também possui fitas reflexivas. www.kripta.com.br

20

Kp

Jaqueta corta vento Acid FREE FORCE

Km

A agasalho foi desenvolvido pensando no conforto e saúde do ciclista. Pedalar em dias frios e úmidos fica muito mais fácil. Possui tratamento de Teflon, para maior proteção contra ventos frios, chuvas finas ou sujeiras; Faixa refletiva no zíper do bolso traseiro, além da segurança para os seus pertences, torna-se acessório a mais para aumentar sua visibilidade para os motoristas a noite. Tamanhos disponíveis: P | M | G | GG | 3G. www.freeforce.com.br

Coleção Abbey Road BIKEZETAS

Kn

A nova coleção de camisetas casuais tem o tema pop art. Com modelos femininos e masculinos, a primeira camiseta da nova coleção é uma homenagem ao disco Abbey Road, último lançado pelos Beatles. Produzidos com 96% de viscose e 4% de elastano, as camisetas são ideias para quem quer unir estilo, conforto e bicicleta no mesmo visual. www.bikezetas.com.br

Ko

Cubos BELUMI

Os cubos dianteiro e traseiro da Belumi, são leves e resistentes. Estão disponíveis em diversas cores. www.belumi.com.br

Quadro Trust Myth BIAPE

Kp

Oferece o que há de melhor para a mobilidade Downhill e Free Ride. Entre suas características destacam os tubos Hydroformados, caixa de direção tapered, balança inferior com reforço de alumínio usinado, link em duas peças de alumínio usinado, amortecedor X-fusion RC 7.5 com regulagem de retorno e compressão, eixo de 12mm e gancheira substituíveis. . www.biape.com.br

cyclomagazine


41 3020 4950 COMERCIAL@JBE.COM.BR

CAPACETES & BICICLETAS

A KRIPTA É LÍDER NACIONAL EM CAPACETES E PEÇAS PARA BICICLETAS. GARANTIA, QUALIDADE E CERTIFICAÇÃO EUROPÉIA DE SEGURANÇA.


Lançamentos Kq

Kr

Kt

Kq ASW

Lk

Mochila de Hidratação

Novo sistema de fecho central e suporte, ainda mais moderno. Ele tira o peso da água dos ombros dividindo e equilibrando o sistema de hidratação no corpo durante o pedal. Oferece desempenho superior aos sistemas tradicionais, além disso, contém um novo bolso externo revestido, oferecendo o tamanho ideal para pequenos objetos.

22 20

Ks

Kr ASW

Alforje Amancay

A marca brasileira apresenta o multifuncional alforje. Além de ser usado no bagageiro da bicicleta, também pode ser colocado no guidão ou ser usado como uma mochila ou bolsa a tiracolo. Além de trazer estilo ao ciclista, o alforje garante a segurança dos objetos carregados: são quatro divisões internas e é confeccionado em lona com detalhes em couro, sendo resistente à água. www.draisiana.com

Capa de chuva unissex VELO

Ks

Seu tecido é fino e impermeável e, quando dobrada, cabe em todo tamanho de bolsa e/ou mochila. Nas costas há uma regulagem especial para ser possível usar a capa por cima da mochila. Para auxiliar sua segurança a capa possui fitas refletivas frente e costas, tornando-o visível em qualquer horário do dia e em pedaladas na chuva e neblina. www.velo.vc

Óculos Crossrange OAKLEY

Kt

Com tecnologia que o torna adaptável tanto para o cotidiano de trabalho e estudos quanto para práticas esportivas. Essa versatilidade decorre da possibilidade de trocas tanto das hastes laterais quanto das adaptações nasais. Os modelos oferecem ainda a tecnologia de lentes PrizmTM da Oakley – que aumenta o contraste das cores, destacando objetos e tornando a visão mais clara. www.oakley.com.br

Lk

Alforje Track PRÓ BIKE

Com fitas bem largas e fivelas resistentes garante a durabilidade que o ciclista de aventura precisa em qualquer condições e terrenos. Confeccionado em nylon ripstop de alta performance, possui fechamento estanque a prova d 'água, vivo refletivo 3M traseiro e forração interna em nylon. www.probike.com.br

cyclomagazine


Esporte GFNY NO BRASIL

A cidade de Conservatória, Rio de Janeiro, recebeu a primeira edição do Gran Fondo Nova York, no Brasil. Trata-se de um desafio de resistência pessoal, onde o participante compete contra outros atletas, o relógio e si mesmo. Aberto para amadores e profissionais, o evento simulou o Grand Fondo Italiano. Os 1.200 inscritos na prova fizeram percurso inteiro, de 160km, ou 72km. Ao todo, foram estimadas quase quatro mil pessoas na cidade. A altimetria acumulada, na prova mais longa, foi de 3.163 metros.

73ª PROVA CICLÍSTICA DE SÃO SALVADOR

O ciclista Rodrigo Araújo Mello, de São José do Rio Preto/São Paulo, foi o campeão da categoria Elite da 73 o Prova Ciclista de São Salvador, que aconteceu no Rio de Janeiro. O campista Areno de Miranda Parente, da equipe Bike Center, foi o campeão na categoria Regional. A prova reuniu 45 atletas de vários estados brasileiros e é considerada pelos ciclistas como uma das mais importantes do país.

24 26 36

cyclomagazine


HONEY BADGER XC PRO Este é um pneu para quem tem uma pilotagem mais agressiva e não se importa se começar a chover no meio da pedalada. Seu desenho de cravos um pouco mais espaçados e o formato de rampa impedem o acúmulo de barro, ao mesmo tempo que garantem a tração necessária em condições diversas. Disponível nas versões 27.5” e 29”, com arame ou Kevlar.

Pedalando e acelerando com você

DISTRIBUIDOR EXCLUSIVO NO BRASIL


Esporte Ivo Gonzalez

DESAFIO DA MACACA EM GOIÁS

CAMPEONATO BRASILEIRO DE MTB XCO

PAN-AMERICANO DE CICLISMO DE ESTRADA NO MÉXICO

No estado do Jalisco, México, o brasileiro Leonardo Finkler, comemorou a medalha de ouro. O paraguaio Jose Wilfrido ficou com a prata e Fernando Islas com o bronze. A equipe masculina ainda contou com Wolfgang Hipólito, conquistando a 15o colocação e Bruno Martins, na 24o posição. Na prova feminina, a brasileira Marcella Sodre completou o percurso de 65 quilômetros na 24o colocação. Na categoria junior, o brasileiro Wolfgang Hipólito, de apenas 17 anos, foi medalha de prata na classificação geral da prova Omnium.

26 28 cyclomagazine

Arquivo pessoal de Beto Leão

A cidade de Domingos Martins, no Espírito Santo, recebeu o Campeonato Brasileiro de MTB XCO. Na categoria Elite feminina, a ciclista Raiza Goulão terminou em primeiro lugar. A segunda colocação ficou com Letícia Candido, e no terceiro posto, Erika Gramiscelli. Na categoria Elite masculina Luiz Henrique Cocuzzi comemorou o primeiro título nacional, Henrique Avancini completou a prova na segunda posição e Sherman Trezza, completou o pódio na terceira colocação.

O goiano Mário Veríssimo, atleta de Elite da equipe ISAPA/OGGI, venceu pela quarta vez seguida o Desafio da Macaca de MTB XCM 2017, em 30/07, prova de MTB que conta com 15 categorias e recebe os atletas do centro-oeste. A competição, realizada em Bonfinópolis, estado de Goiás, conta com 53 km de percurso com 1680 de altimetria, e pontos válidos para o ranking estadual.

NOTA DE FALECIMENTO

Faleceu no hospital de Santa Cruz do Capibaribe (PE), o ciclista pernambucano Beto Leão. Beto estava com amigos quando começou a passar mal, tendo uma crise convulsiva. Foi socorrido, mas não resistiu. O atleta tinha uma carreira vitoriosa no esporte e, ao longo de mais de 15 anos, conquistou mais de 400 medalhas e troféus. José Alberto Nunes, também conhecido como Beto Santa Cruz, tinha 36 anos e estava disputando em alto nível há quase 16 anos.

cyclomagazine 37


CICLE UNIVERSAL R. Dr. Télio Barreto, 636 Centro Macaé - RJ Tel.: (22) 2762-7833

SHIMANO

BIKE CLUBE Av. Arthur Bernardes, 195 PQ Rosário Campos /RJ Tel.: (22) 3055-5523 atendimento@bikeclube.com

KODE CALOI SPECIALIZED

CICLE UNIVERSAL 2 R. Dr. Lacerda Sobrinho, 93 Centro, Campos - RJ Tel.: (22) 2722-5450

03 CICLE UNIVERSAL DO BETINHO Av.: Julia Kubitschek, 38 Cabo Frio - Centro/RJ Tel:(22)2645-4104


Esporte IROMAN 70.3

Realizado na Praia de Pajuçara, em Maceió (AL), Francisco Sartore, o Chiquinho, de Santos, no litoral paulista, e Vanessa Gianinni, de Campinas (SP), foram os mais rápidos. Com as conquistas, ambos garantiram vaga para o Mundial IRONMAN 70.3 2018, que será nos dias 1 e 2 de setembro, em Nelson Mandela Bay - África do Sul. A edição do IRONMAN 70.3 Alagoas, reuniu mil atletas de 12 países, representando os cinco continentes. site Mampituba

CURSO DE RECICLAGEM E ATUALIZAÇÃO PARA ÁRBITROS Essa é a oportunidade para que árbitros de ciclismo de estrada no Brasil passem por exame de conhecimento, para atuar em provas no calendário nacional da CBC. O curso será realizado Maringá – PR, entre os dias 25 e 26/08. Informações: www.cbc.esp.br

CAMPEONATO BRASILEIRO PARA PARATLETAS

Os paratletas João Carlos Paranhos Nogueira e Jorge Fonseca, da Sociedade Recreativa Mampituba, sagraram-se campeões das categorias PTS 2 e PTS 4, respectivamente, da 1a etapa do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon 2017. A competição aconteceu em Caraguatatuba (SP). A 2a etapa do Campeonato deve acontecer no Rio de Janeiro, no dia 8 de outubro, e a 3a etapa em São Paulo, no dia 15 de novembro.

CAMPEONATO BRASILEIRO SUB-23 DE MTB XCO

A atleta mineira do Team ISAPA/OGGI, Karen Olímpio, foi bicampeã brasileira sub-23 de MTB XCO, em Domingos de Morais, Espírito Santo. Outra atleta da equipe ISAPA/ OGGI, Laura Mira, teve uma disputa intensa na Ultra Sertão Diamante, realizada em Minas Gerais, prova de MTB de dois dias e com 108 km na abertura e outros 60 km no dia decisivo. Todos os ciclistas utilizam a nova bicicleta OGGI AGILE CARBON, capacetes, sapatilhas e luvas Giro, pneus Kenda e componentes Shimano.

4ª ETAPA DA COPA PATENSE DE CICLISMO

Realizada em Patos de Minas (MG), a prova reuniu cerca de 42 competidores. Essa é a segunda etapa consecutiva vencida pelos experientes, Hudson Luidgi, campeão Pan-Americano na categoria master A2 e Pedro Nicacio, campeão PanAmericano na categoria elite. A próxima etapa está marcada para os dias 23 e 24 de setembro.

28 30

2ª VOLTA DE GUARULHOS

Depois de quatro etapas e mais de 500 km rodados, Murilo Ferraz Affonso, do Soul Brasil Pro Cycling Team, sagrou-se campeão da Volta Ciclística Internacional de Guarulhos. A segunda posição ficou com Alan Maniezzo (São Francisco Saúde/Klabin/SME Ribeirão Preto), e o terceiro lugar, com Caio Godoy Ormenese (também da Soul Brasil Pro Cycling Team).

cyclomagazine


~ in memoriam ~

HOMENAGENS

A

historia do segmento de bicipeças sofre uma dura perda e alteração para o seu prosseguimento. O passamento do Antonio Momoli, abre uma lacuna que provavelmente jamais será superada. Ele que atuou por 43 anos na Isapa, com afinco, construindo a relação da empresa com o mercado de maneira solida, digna e, sobretudo, muito profissional. Esteve em cada Estado, cidade e bairro onde tivesse um estabelecimento voltado para os negócios da bicicleta, suas partes e acessórios. Criou profissionais com ensinamentos que permanecem influenciando os seus comportamentos, mesmo que já não mais estejam na empresa. A maioria deles, ainda faz parte da sua equipe por décadas, o que demonstra os seus acertos ao selecionar cada um deles para compartilhar as atividades que tornaram a Isapa, empresa líder no segmento. Reto em suas atitudes, direto em suas comunicações, não deixava dúvidas no que pretendia e como queria que fosse feito. Normas claras onde todos sabiam os limites. Não fazia questão de ser simpático. Às vezes, era até duro em suas colocações. Depois, quando se fazia um analise de seu comportamento, via-se que tinha razão. Apenas desejava as coisas certas. Não havia dúvidas que não tivessem os devidos esclarecimentos. Desta maneira, conquistou a confiança do senhor Abramo Douek e de seu sucessor, o filho Isacco, dirigentes máximos da empresa. Nos últimos anos, forjava a nova geração de administradores e executivos que irão continuar as atividades nas vendas e nos contatos com os clientes.

Outro que nos deixou, foi o Alejandro Tkaczusk, argentino de nascimento e brasileiro por convicção. Diretor da Avios, atualmente, era conhecido por todos com ‘Alejandro da Tecind’, empresa que dirigiu por longos anos, consolidando amizades por onde passava. Como não poderia deixar de ser, apreciador da carne e vinho, estava em um momento especialmente feliz, convivendo mais tempo com a família, e principalmente com a netinha. Um infarto fulminante o tirou do nosso convívio. Há alguns anos, o rapaz magrinho e agitado procurou alguns empresários atacadistas que conhecia e pediu apoio por que soubera que a empresa onde trabalhava estava encerrando as atividades. Ele não pretendia desperdiçar os anos que dedicou ao trabalho de vendas das peças que produziam. Iria começar o seu próprio negócio, mesmo com poucos recursos financeiros naquele momento. Tratava-se de Josemar Gomes. Aqueles que acreditaram naquele jovem não se arrependeram. Ele trabalhou com dedicação e construiu uma empresa. Pequena na verdade, e nem poderia ser de outra maneira, mas venceu. Colocou no cenário a Tubo Cross. Por anos ele fabricou e forneceu produtos com a sua marca, até que, infelizmente, foi tirado do nosso convívio por uma enfermidade que ele enfrentou bravamente, sem nunca se entregar. Fica aqui a nossa homenagem a estes três personagens do segmento bicipeças. Eles, cada um a seu modo, lutaram o bom combate, marcaram a sua passagem com dignidade e honradez.

Assim, para muitos ele era o Tonhão, para outros, o ‘seu’ Antonio da Isapa, Porém, para todos, um ser humano justo, correto.

32

cyclomagazine


Capa Texto: David Cachon Fotos: Fernando Marmolejo

David Cachon

é ciclista, mas também um aventureiro e, já publicamos uma de suas excursões, quando ele apresentou ‘El Caminito Del Rey’ , em Málaga, na Espanha, considerado o “caminho mais difícil do mundo’. Agora, Cachon, nos apresenta em imagens e texto, a sua experiência de pedalar pela Muralha da China. Imaginem como deve ter sido a emoção de estar vivendo nesta paisagem única. Ícone universal, uma das sete maravilhas da mundo moderno. Cheia de historias e significados, sua construção remonta ao ano 221 a.c , varias dinastias dominantes e, somente com a criação do Império Chinês e a unificação do país, na Dinastia Ming, no século XV, a obra de 21196 quilômetros na totalidade e aproximadamente 7 metros de altura foi terminada. Medidas que contemplam todas as paredes que foram alguma vez construídas, mesmo as que já não mais existem. Sigam o relato deste ciclista destemido, e “vivam” esta experiência maravilhosa, que permite também conhecermos alguns aspectos da historia deste país de cultura milenar. Juntem a isso a sensação que uma bike trás, nos aproximando à natureza e suas belezas impares. Osmar Silva

34

cyclomagazine


35


Capa A Grande Muralha da China é 1000 ve􀒂􀒂 zes maior do que qualquer monumento já criado. É o maior projeto civil a ser ten􀒂􀒂 tado na história. A construção começou antes do nascimento de Cristo e eles ainda estavam trabalhando nisso quando Colombo descobriu a América. Milhares de pessoas morreram ao longo dos anos e anos de cons􀒂􀒂 trução. Fotos e selfies estão sempre em abundância a partir deste lugar. Até mesmo muitas celebridades fizeram isto. Mas, o que poucos sabem é que o muro em que a maioria dos turistas pisam e as paredes em que gravam suas iniciais não são tão antigas. Eles oferecem apenas algumas décadas de história. Além da atração turística, há um muro muito diferente, raramente visitado e filmado. Quase desconhecido e localizado logo acima do horizonte a partir do qual os turistas param. Esta é a verdadeira “Grande Muralha da China”. Começa nas margens do Mar Amarelo e chega até Jaijou Wang no Deserto de Gobi. Ele atravessa o país como uma espinha dorsal longa e sinuosa, que se estende por mais de 6400 quilômetros de extensão. Tem grandes castelos fortificados e torres de vigia localizadas nas passagens de montanha estrategicamente importantes, onde os exércitos inimigos poderiam quebrar as defesas. Muitos se perguntam por que tal trabalho de engenharia foi criado. Os chineses tentam ser pessoas tranquilas, mas foram submetidos a contínuos ataques e invasões. Por isso, começou o costume de criar paredes em torno de suas aldeias e assentamentos. Tanto assim, é essa parte da cultura deles que os chineses usam a mesma palavra para descrever uma cidade e uma parede. As extravagâncias e os egos de seus imperadores também foram parte do que influenciou a criação das paredes, mas isso é outro assunto.

36

cyclomagazine


FAÇA SEU PRÓPRIO ATALHO A GRANDE MURALHA "Eu nunca imaginei como a bicicleta marcaria o curso da minha vida. Como ela definiria meu estilo e personalidade. Explorar novos caminhos e criar novos atalhos é minha principal motivação. Permitiu-me visitar e conhecer lugares que eu gostaria. São experiências únicas que dão sentido à minha vida e me enchem de energia para continuar a seguir esse caminho. A aventura continuará por muito mais tempo, este é apenas o começo "- David Cachon Eu me concentrei em andar de bicicleta praticamente toda a minha vida. Desde que eu tinha idade suficiente para saber por que era tão incrível. Lembro-me desse sentimento de rolamento, deslizamento, movimento e a sensação agradável que produz no meu cérebro. Ao longo dos anos, adaptei todo o meu universo e toda a minha vida à bicicleta. Eu já tenho cerca de 40 anos e ainda sinto o mesmo entusiasmo, paixão e interesse, como quando era apenas uma criança. Eu sempre pensei que a vida nos mostra muitos caminhos o tempo todo e que no momento menos esperado é quando uma aventura começa, quase sem saber, inadvertidamente. Então, a faísca é produzida, as estrelas se alinham e de repente, lá estava a caminho do Grande Muro Chinês, com dois bons amigos. Abel Blanco é natural de Madri, Espanha, atualmente reside na China, trabalhando em uma escola em Pequim. Um filósofo virtuoso. Ele era realmente o link de conexão de toda essa história. O meu outro companheiro de viagem foi o fotógrafo Fernando Marmolejo, com quem comecei os primeiros projetos para #MakeYourOwnShortcut. Juntos, embarcamos nesta aventura que nos levou a um dos sonhos da minha infância: andar na minha mountain bike na Grande Muralha.

38

Comparar o leste e o oeste é inevitável. Em minhas viagens descobri que existem muitas diferenças e tradições em culturas ao redor do mundo, que podem ser vistas como barreiras. Mas, com algo tão simples quanto uma mente aberta e uma bicicleta, podemos juntar as mãos e criar amizades e vínculos fortes e saudáveis. Durante uma semana, estávamos explorando algumas das seções mais remotas e inexploradas da Grande Muralha. Acordávamos às 2:30hs todos os dias. Uma hora e meia antes do nascer do sol. E, tivemos dias úteis de até 17 horas, onde o calor, o vento e as tempestades nos chicotaram sem piedade. Vivemos em uma pequena aldeia ao lado de uma família que tinha um pequeno albergue e não falava nem uma só palavra de nada que não fosse chinês. Graças aos conhecimentos de Abel, conseguimos nos comunicar com as pessoas locais. Comer, dormir, nos deslocar e, mais importante: depois de um cansativo dia de 17 horas; pedir uma cerveja gelada. Nesta viagem, eu poderia comparar o modo de vida tranquilo que se desenvolve em uma aldeia com a agitação, e a poluição de uma grande cidade como Pequim, onde uma pedalada divertida através da cidade levou-nos a alguns dos seus cantos mágicos, como a Cidade Proibida, residência dos imperadores antigos. Espero por você no próximo atalho, para curtirmos esta outra história.

cyclomagazine


Especial Rio de Janeiro

O mercado da Região Sudeste segundo os representantes

Na linha de frente desbravando caminhos que levam às vendas, o representante comercial também é responsável pelo bom relacionamento entre representados e seus clientes. Profissionais gabaritados que atuam nas cidades do Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo, revelam seus anseios, metas e desafios para a segunda metade deste ano Texto: Joelma Farias | Imagens: divulgação

40


www.lafebh.com.br

41

cyclomagazine


Especial Rio de Janeiro

Donatas Dabravolskas/Shutterstock

A

atividade de um representante comercial tornou-se imprescindível para o desenvolvimento da economia no Brasil. Atuando seja como empregado, como autônomo ou ainda abrindo uma empresa de representação comercial, esse profissional é responsável pelas vendas de produtos de fabricantes em uma determinada região e trabalha com a principal missão de conectar empresas aos seus clientes. Representantes Comerciais do mercado de bicicletas que atuam na região sudeste do Brasil (Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo), atendem a um território que possui a maior concentração populacional do País, ou seja, potencialmente mais usuários de bicicleta. A região está entre as principais em desenvolvimento de ciclovias e ciclofaixas, que foram impulsionadas por movimentos de combate ao aquecimento global, sedentarismo e como modal de transporte à população, assim como acontece em cidades europeias. Segundo dados da Companhia de Engenharia e Tráfego (CET), a cidade de São Paulo possui cerca de 498,3 km de vias com tratamento cicloviário permanente, sendo 468,0 km de Ciclovias/Ciclofaixas e 30,3 km de Ciclorrotas. 460 quilômetros de vias adaptadas para bicicletas no total.

42

Informações da BHTrans, revelam que a capital mineira de Belo Horizonte (MG), possui aproximadamente 87,4 km de ciclovias. O planejamento da instituição é que nos próximos três anos este número suba para 300 km e que até 2030, toda rede viária de BH esteja contemplada com ciclovias e ciclofaixas. Segundo o site da Prefeitura de Vitória (ES), são 29km de ciclovias implantadas e outros 12km em execução. O Rio de Janeiro tem uma malha cicloviária com cerca de 400 quilômetros de ciclovias espalhadas pela cidade. Existem locais reservados para andar de bicicletas seja nas praias, para a prática de esportes ou transporte. Seja na cidade, praia ou interior, existe uma bicicleta específica para cada finalidade. Com a alta do desemprego, o poder de compra da população foi reduzido. Houve a necessidade de utilizar um meio de transporte mais econômico no dia a dia. Muitos deixaram de lado despesas altas com veículos automotores, e, dessa forma, o segmento de duas rodas acabou se beneficiando com a crise.

PANORAMA DO ATUAL MERCADO REGIONAL

Com o Brasil enfrentando a pior crise que se tem conhecimento, muitos brasileiros passaram a pedalar mais. A bicicleta está sendo utilizada como meio de transporte para o trabalho ou estudos por questão

cyclomagazine


AQUI VOCÊ ENCONTRA AS MELHORES MARCAS PELO MELHORES PREÇOS

Rua Fontes, 441 - Paraíso - São Gonçalo / RJ Tel./Fax: (21) 2605-4504 / 3707-6834 gmvbike@gmail.com


Especial Rio de Janeiro

www.claudiaregina.com

economia. O veículo também é utilizado para atividades esportivas, lazer e cicloturismo. Por conta disso, há uma crescente demanda pela bicicleta e seus componentes, mesmo em períodos recessão. ENCONTRO CYCLOMAGAZINE Juntamente com os expositores, importantes representantes que atuam na região Sudeste, se encontrarão no 21º Encontro de Negócios Cyclomagazine, no Rio de Janeiro, para trocar ideias, informações sobre o setor e divulgarão seus negócios. A Cyclomagazine abriu espaço para que os principais representantes que atendem a essa região expusesse suas opiniões sobre o atual momento econômico e a melhor maneira para superar dificuldades. Em um ponto todos concordam, 'para prosperar e conquistar novos clientes em tempos de economia fraca, o melhor caminho é trabalhar mais e avançar território'. Diante da lenta recuperação da economia, Carlos Luiz Teixeira, proprietário da AD Teixeira Representações, afirma que o pior já passou e o momento agora é de estabilizar as vendas para os próximos meses. “Mercado passou por uma forte crise, mas agora já está se estabilizando. As expectativas são boas para 2017.” Carlos Loureiro, da Thiabelle Representações Ltda, com 25 anos de mercado, afirma já ter passado por

44

outros momentos de crise, o que o ajudou e se restabelecer mais rapidamente. Carlos acredita que em tempos de economia ruim, a criatividade do vendedor deve aflorar para que as vendas aconteçam. “É no momento de crise que nos desenvolvemos. O Brasil vem atravessando um período crítico na sua economia pela má gestão do dinheiro público e por uma quadrilha de políticos corruptos que nos deixou na maior crise financeira já existente nesse país. Graças a minha atividade, no ramo de bicicletas, minha empresa não sofreu tanto quanto outras atividades”. Wellington Lima, da WDL Representações, empresa de sua propriedade juntamente com outros dois sócios, acredita que ter apresentando alternativas para enfrentar momentos difíceis foi o que o ajudou a se manter nesse mercado. “A crise veio para todos, inclusive para o nosso segmento. Para superar o momento, enxergar oportunidades e reagir diante da situação, faz toda a diferença”. Wellington também ressalta que o trabalho sério é fator importante. “Nós da WDL trabalhamos com profissionalismo e focados mais no atendimento ao cliente sabendo que a crise passa”. Rodrigo Andrade, sócio de Camilla Beraldo na empresa Prime Bike, entende que a melhor forma de superação é atender cada vez mais com qualidade, estreitando laços de confiança com seus clientes. “ Minha empresa está sobressaindo pelo meu trabalho

cyclomagazine


Especial Rio de Janeiro

www.vozerio.org.br

e esforço em continuar atendendo de melhor maneira possível meus clientes sem pensar em crise financeira. O mercado de bike ainda se destaca e continua crescendo, proporcionando cada vez mais adeptos e entusiastas dos produtos de bike”. Opinião comum entre representantes, é que a implantação de ciclovias na região ajudou a incrementar as vendas, mas ainda existem pontos que precisam ser melhorados. O respeito e os cuidados no trânsito se estendem a todos, mas o motorista ainda precisa saber compartilhar as vias públicas com o ciclista. Também é preciso coibir a ação de criminosos e prevenir assaltos. Ações dessa natureza seriam extremamente positivas para o mercado.

OPINIÃO DE QUEM CONHECE BEM O MERCADO

CARLOS LOUREIRO – THIABELLE REPRESENTAÇÕES LTDA - Fui lojista de 1989 a 2005. Já estou nesse ramo de atividade há 25 anos. Na época da inflação foi muito bom para os fabricantes, lojista e representantes. Pena que peguei pouco tempo dessa época. Com a chegada do plano real em 1994, muitos que não acreditaram e não se adaptaram à nova realidade do mercado, quebraram e/ou passaram por péssimas situações, alguns até hoje não se acertaram. Depois com a chegada dos aparelhos eletrônicos,

46

jogos, telefones e outros, principalmente as nossas crianças deixaram de andar de bicicletas. O nosso futuro estava comprometido (a bicicleta), sou representante da Nathor (bicicletas infantis) conheci várias crianças com 12 anos e mais que não sabiam andar de bicicleta. Em final de 2014 houve um aumento significativo nas vendas de bicicletas infantis, isso porque a mídia começou um trabalho de informação para recuperação da saúde das crianças que estavam cada vez mais obesas e com altos níveis de colesterol. Em 2015 tivemos vendas altas em todos os meses do ano e até hoje as vendas continuam altas, mesmo neste momento de crise, as vendas de bicicletas infantis continuam em alta. Hoje vemos a Isapa, a LM a Ciclo Cairu e outros distribuidores vendendo toda linha de bicicletas infantis, mesmo com esses distribuidores vendendo os produtos que represento direto de fábricas, minhas vendas continuam em alta. Há espaço para todos. Voltamos a ter esperança em um futuro melhor para o nosso ramo (a bicicleta). A criança que pedala hoje, é o futuro ciclista e o nosso futuro estava sendo comprometido. Por causa dos produtos importados, ao longo desses 29 anos de mercado, vi diversas fábricas simplesmente acabarem, não por falta de qualidade, mas porque não tiveram condições de competir com os importados como exemplo a Dimosil (fabricantes de câmbios) e a Tekna (fabricante de correntes) e como

cyclomagazine


Especial Rio de Janeiro

Wellington Lima WDL REPRESENTAÇÕES

Marcelo Miramon (1° esq. para direita) 3MGC ZUMM

Rodrigo Martins (esquerda) PRIME BIKE

esses, outras mais. Acho muito importante que tenhamos produtos importados, mas que sejam de qualidade e que nos inspirem em acompanhá-los, mas o que entanto Brasil, são produtos de baixa qualidade com custo infinitamente inferior ao nacional que deixam muitos brasileiros desempregados. Que continuem vindo produtos novos que ainda não conhecemos e/ou não tenhamos ainda capacidade de produzi-los ou não temos capacidade produtiva para nossa demanda. O nosso mercado consegue suportar bem as crises financeiras. Como desde o início dessa crise em 2016 não passamos por grandes dificuldades, esperamos que no 2º semestre, como é natural ser bem superior ao 1º semestre devido o do dia das crianças e o natal, tenhamos dias melhores. WELLINGTON LIMA - WDL REPRESENTAÇÕES - Em 24 anos de experiência, a mudança é constante a cada ano. Antes se negociava grandes volumes de produtos onde não existia variedades, então o cliente garantia estoques. Hoje o mercado está diversificado permitindo o cliente negociar com variedades, está mais exigente e competitivo. Um mercado globalizado no qual a bike não é só um meio de transportes, mas também uma opção de lazer e estilo de vida. É acreditar que fazendo nosso trabalho os resultados trarão bons negócios. Ser positivo e continuar mantendo o foco naquilo que acreditamos”.

48

RODRIGO MARTINS – PRIME BIKE - O mercado está em expansão e cada vez mais aumenta e encanta seus praticantes, porém poderíamos estar aproveitando esse momento para criarmos meios para proporcionar uma mobilidade urbana com mais segurança e estrutura para os ciclistas. Estamos bastante otimistas com relação ao segundo semestre de 2017, acreditamos que haverá um aquecimento no mercado e uma considerável melhora, onde principalmente aqueles que souberam administrar esse momento de incertezas políticas e especulações econômicas saberão e conseguirão colher frutos dessa época que o mercado estará aquecido e em relativa ascensão. Nesses meus 10 anos de atividades, acompanhei mudanças positivas no mercado de bike. MARCELO MIRAMON - 3MGC REPRESENTAÇÕES - Tudo muda muito rápido. Estou no ramo de bicicletas desde 1989, e como representante desde 2001. Vejo que o mercado mudou de uma bike simples e barata, para uma bike de alumínio mais cara, porém com a retração econômica, e mercado voltou a trabalhar um produto mais barato novamente, mas acredito, que temos que valorizar cada dia mais o nosso produto, e temos que oferecer opções melhores, que deem mais lucro a toda cadeia produtiva (fabricantes, atacadistas, lojistas), pois sem lucro não

cyclomagazine


Especial Rio de Janeiro

Raphael Luporini RL REPRESENTAÇÕES

Antonio Carlos (Carlinhos) REPRESENTANTE ISAPA

Carlos Teixeira AD TEIXEIRA REPRESENTAÇÕES

Carlos Loureiro THIABELLI REPRESENTAÇÕES

Antonio Monteiro MONTEIRO REPRESENTAÇÕES

Procópio Senna REPRESENTANTE ISAPA

vamos a lugar algum. Bicicleta ainda é um produto muito barato. Façamos um comparativo entre o preço de uma bike 16, com um tanque de combustível, ou com um almoço em família no final de semana. Com esse comparativo, chegaremos à conclusão, de como nosso produto é barato e pouco valorizado. Espero que o cenário político entre numa retomada de crescimento, e de confiança, pois todos estamos sem credibilidade em nossos políticos. RAPHAEL DURANGO LUPORINI -RL REPRESENTAÇÕES LTDA - Sou representante há 9 anos. Observo que na linha bike shop, houve um crescimento em torno de 30%, em relação aos três últimos anos, enquanto na linha popular, um decréscimo acentuado de 25% em média, no mesmo período. Como atendo a maioria das empresas que represento, tenho boas expectativas de vendas para este final de ano, tendo em vista que os clientes desta linha, não estejam sendo afetados pela crise. ”

ANTONIO MONTEIRO - MONTEIRO REPRESENTAÇÕES / DR BUSINESS LTDA - Atuamos no segmento de bike há 25 anos. O nosso mercado é mutante as indústrias e importadores colocam no mercado novo produtos com novas tecnologia que vem atendendo as mudanças e criando novos comportamento do consumidor final fazendo com que representantes e lojista estejam sempre

50

conectados às inovações. Embora com um péssimo quadro político, acreditamos que não vai piorar, pois já estamos no limite de suportar tantas falcatruas. A tendência é mudança para melhor. ANTONIO CARLOS – (CARLINHOS) – REPRESENTANTE DA ISAPA - Sou representante há 18 anos. Percebo que esse é um ramo que cresceu muito e, apesar da crise, continua em crescimento. Acredito que com muito trabalho e dedicação, teremos um bom final de ano. Eu só penso coisa boa e sou muito otimista. CARLOS LUIZ TEIXEIRA – AD TEIXEIRA REPRESENTAÇÕES - Estou há 30 anos no mercado. Tenho planos de treinar um sucessor para dar sequência ao meu trabalho. Sobre a minha área de atuação, observo que o mercado passou por uma severa crise, mas agora está se estabilizando. As expectativas para fechar o ano de 2017 com bons resultados, são as melhores.

PROCÓPIO SENNA – REPRESENTANTE DA ISAPA - Já estou nesse ramo há aproximadamente25 anos. Durante esse período, o mercado de Bike passou por grandes mudanças, na década de 90, com as MTBs e atualmente com as bike tops e as lojas em formato Bikeshop, é um mercado dinâmico sempre em "movimento". OBS: Para melhor atender nossos clientes, temos um novo colaborador, sr. Victor Souza Amaral.

cyclomagazine


FLASH

52

cyclomagazine


LIÇÕES DE LIDERANÇA PELO MAIOR IMPERADOR DA CHINA *Chinghua Tang fez graduação na London School of Economics e foi o primeiro chinês a conseguir um MBA em Harvard. É autor do livro “O guia do líder”, lançado pelo selo Planeta Estratégia, da Editora Planeta.

Chinghua Tang*, em O guia do líder A dinastia Tang, uma das mais longas na história da China (618-907), é saudada por historiadores como a época de ouro do país. Essa administração de sucesso se deve, em grande parte, às estratégias do imperador Tang Taizong, um dos maiores líderes da história. Taizong assumiu o império com apenas 28 anos de idade, se cercando de talentosos ministros que debatiam com frequência como melhor governar e alcançar longevidade para a dinastia. Durante os encontros, ele demonstrava como ninguém sua capacidade de liderança e seu conhecimento sobre as características de um administrador de sucesso. O líder é, para o povo, um exemplo a ser seguido. Ele deve inspirar admiração e estima. Deve ser tolerante e magnânimo, de modo a unir o povo. Deve ser justo e imparcial ao tomar decisões. Deve combinar autoridade com benevolência. Deve ser humilde e diligente. Deve tratar seus pais com devoção filiar e seus ministros com respeito. Deve praticar a virtude e a honradez”, dizia ele.

Segundo Taizong, um grande líder deve saber dominar as suas fraquezas e controlar os seus desejos para evitar a confusão da mente. Por isso, é necessário adquirir autoconhecimento por meio do autoexame e da observação de outras pessoas. Para ele, a inteligência emocional e o autoconhecimento levam à mudança de si mesmo, que, por sua vez, leva a transformações externas, as quais permitirão que você seja um líder bem-sucedido. O imperador também destacava que um soberano precisa ser tolerante, modesto e humilde, exercer sua autoridade com prudência, saber ouvir quando necessário e não tentar esconder os próprios erros. Para colocar isso em prática, além das reuniões com seus brilhantes ministros, Taizong frequentemente se dirigia a funcionários mais inferiores para saber o que estava acontecendo no país. Prestar atenção nos trabalhadores mais simples seria uma das formas de aumentar a eficácia de seu governo, porque eles são vistos como seus representantes e o modo como trabalham tem impacto direto sobre o futuro. Entre as razões de sucesso da dinastia também estão a sabedoria e o caráter excepcional de Taizong, que perdoou seus antigos inimigos, recrutou homens capazes e manteve a prática da sinceridade em seu governo. Internamente, seu triunfo pode ser atribuído ao seu autoconhecimento e à sua inteligência emocional; externamente, ao papel desempenhados por seus conselheiros, que protestavam sempre que ele se desviava do caminho da virtude e da retidão. Os pensamentos de Taizong são verdadeiras lições sobre como avaliar pessoas, exercer liderança, influenciar os outros, aumentar a eficácia organizacional, competir com os rivais e alcançar sucesso a longo prazo. Não sem razão, sua obra se tornou um clássico de liderança e administração, capaz de influenciar até nos dias de hoje líderes empresariais e governamentais.

54

cyclomagazine


Ponto de Criação

cerca de 70% de cura, 90% de pacientes do sus e referência no tratamento do câncer infantil

Foto: Maurício Nahas

Com a ajuda de muita gente, ampliamos o nosso hospital e as chances de recuperação de crianças e adolescentes com câncer. Nosso orgulho é poder mostrar a cada doador que sua contribuição é investida com muita responsabilidade para oferecer aos pacientes, como o Kaike, um tratamento digno, humano e comparado aos melhores do mundo. Junte-se a nós! Seja um doador.

www.graacc.org.br Kaike, paciente do GRAACC, com Reynaldo Gianecchini

1991

1998

2013


22 a 24 de setembro de 2017 NOVO LOCAL: São paulo EXPO

SEXTA E SÁBADO DAS 13H ÀS 22H E DOMINGO DAS 13H ÀS 20H

Vem aí a Brasil Cycle Fair 2017, repleta de novidades!

Adquira já o seu ingresso

e mais: • Campeonato Brasileiro de BMX; • Pump Track; • Test Ride; • Muitas outras atrações.

Mais informações:

brasilcyclefair.com.br /brasilcyclefair

Organização e Promoção:

Rádio oficial:

@brasilcyclefair_oficial

Apoio Institucional:

SIMEFRE Mobilidade + Inovação

Apoio:

Evento parceiro: Evento paralelo:

ESCOLA

Local:


“Nosso compromisso é com você e sua bicicleta” LUCAS GARCIA — MECÂNICO

CUIDE BEM DA SUA BIKE: FAÇA O

BIKE

PERFOR MANCE CHECK

shimano.com/bikecheck

Escolher as peças de reposição corretas para sua bike, não é apenas uma questão de detalhe. Por isso recomendo Peças Originais Shimano, desenvolvidas como parte de um sistema totalmente integrado. Uma corrente ou uma pastilha de freio nova podem fazer sua bike parecer nova também. É por isso que você deve insistir em Peças Originais Shimano. Nosso compromisso é com você e sua bicicleta.

SHIMANO ORIGINAL PARTS INSISTA!

Cyclomagazine ed 219  
Cyclomagazine ed 219  
Advertisement