Page 1


Ficha Técnica Quadro MTB Hydroform em alumínio liga 6061-T6

Câmbio traseiro SHIMANO Acera 8v. Câmbio dianteiro SHIMANO ALTUS.

Garfo c/ suspensão Alum. Zoom 100mm c/ trava e regulagem PROMAX Alavanca de Câmbio Ezze-Fire plus Shimano EF-51 8v. Guidão DH 31.8mm Alumínio pto. PROMAX Suporte de Guidão 31.8mm Alum. Pto PROMAX Cassete 8v index SHIMANO HG41 Pedivela Alum. Prowheel Preto 24/32/42 Mov. Direção Ahead Set Mega Over Freio a Disco mecânico PROMAX

Selim MTB Gallo Pedal 9/16 alumínio MTB c/ esfera Pto Canote Selim Al. c/ carrinho pto. PROMAX


shimanobrasil

shimanobrasil

http://bike.shimano.com.br

S71X - PL/PH

C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K


CONTEÚDO

PRODUTO

24 Quadro Muzzi ciclo com qualidade certificada

COMPETIÇÃO

CAPA

28

Fortalecer a indústria nacional para enfrentar o tigre asiático

GENTE

52

Douglas Freires assume novo desafio na Samy Bicicletas

SEÇÕES

42

Cidade das bicicletas sedia prova de BMX freestyle

MARKETING

54

Ciclismo urbano impulsiona novos negócios

Editorial Notas Nacionais

10 16 44

Correio Lançamentos Internacionais

12 32 50


Luanda

Diretoria Osmar Silva José Haroldo G. Santos

Edição 192 - Janeiro/Fevereiro 2014

Editor Osmar Silva osmar@luanda.com.br

Diretor José Haroldo G. Santos haroldo@luanda.com.br

Redação Hylario Guerrero (MTB 13468) hg.noticia@luanda.com.br Joelma Farias (Estágiaria) redacao@luanda.com.br Arte e Diagramação Bruno R. Mello dos Santos Diego Igor de Oliveira Caio Matheus Ventura de Paiva midia@luanda.com.br arte@luanda.com.br Publicidade: Luanda Brasil Serviços de publicidade Ana Paula Lima José Ricardo Gomes vendas@luanda.com.br Administração Juici Monteiro Fernanda Oliveira Jhonnatan André luanda@luanda.com.br

Jurídico Dra. Adriana Carla Gomes P. Silva Assessoria gráfica Pavaprint Impressão Northgraph

EDITORIAL Começou o ano da Copa. Ou será o ano das manifestações? Entre um evento e outro, as eleições estaduais e federais, incluindo a Presidência da República. A Presidente almeja a reeleição e tem a seu favor números apresentados pelos institutos de pesquisa. Parece que os seus opositores têm pouco fôlego para a disputa. No que diz respeito ao ‘maior evento esportivo do mundo’, como costuma qualificar a imprensa especializada, o cenário não é tão favorável assim. Estádios em obras e com previsão pessimista para o término. Muitas dúvidas se estarão prontos dentro das datas limites impostas pela FIFA e com os seus custos finais imprevisíveis. Há estádios que chegaram a custos considerados como os ‘mais caros do mundo’. O Mané Garrincha é o exemplo de valores estratosféricos investidos e cuja utilização pós Copa será pouca e por campeonato de clubes frágeis, de mínima expressão nacional. O que dizer então de Manaus? Durante as obras aconteceram movimentos grevistas dos operários e acidentes. Igualmente, no estádio que abrirá a competição. Para complicar inda mais, o técnico da seleção inglesa de futebol tem feito comentários contrários à sede manauara. O conteúdo de sua fala a imprensa da Europa mostra o seu total desconhecimento da cidade, pois ele teria afirmado que cobras e outros tantos animais selvagens colocariam em risco a integridade de seus jogadores. Mostrou-se um tremendo ignorante, mas causou danos à organização. Aliás, o Comitê Organizador tem tido um enorme trabalho em ações de desmentidos e justificativas para tantos problemas em obras sejam elas nos locais onde irão acontecer os eventos, sejam em infraestrutura. Aeroportos, metros, avenidas, elevados e viadutos projetados estão inacabados. O quadro é realmente preocupante. Para aumentar o grau das complicações, parece que os movimentos de manifestações contrários ao evento irão se intensificar no período que antecede e durante a competição. As previsões são sombrias, principalmente por que a violência descabida destes entreveros entre policiais e ativistas segue uma vertiginosa escalada. Para as atividades comerciais, principalmente o varejo, esta situação é desastrosa. Na medida em que para preservar o patrimônio e segurança dos funcionários, as lojas são obrigadas a baixar as portas, não podendo completar a carga horária de funcionamento normal. Sem contar com as ações de roubo de mercadorias, como já aconteceram por diversas vezes por ocasião dos ataques realizados durante as ações de protesto. Se a postura é de torcer pelo sucesso do evento, torcer pela vitória da nossa seleção, resta-nos rezar pelo milagre de uma tomada de consciência dos manifestantes que em depredando e roubando propriedades alheias, eles não estarão ajudando em nada a Nação. Ao contrário, terão a opinião pública contra as suas atuações, que no princípio eram muito bem vistas.

R. Joaquim de Almeida Moraes, 273 Jd. Magali - CEP 02844-000 - São Paulo/SP Tel.: + 55 (11) 3461 8400 / 3461 8401 Fax: + 55 (11) 3923 5374

A cyclomagazine aceita matérias técnicas como colaboração. Os artigos deverão vir acompanhados de fotos ilustrativas com as respectivas legendas e curriculum do autor. A revista não se reponsabiliza por opiniões e artigos assinados que podem ou não expressar a mesma opinião do editor. As opiniões emitidas em artigos assinados são de responsabilidade do autor. A revista não se responsabiliza pelo conteúdo dos anúncios veiculados, nem por aquisições em função destes. Todos os direitos reservados, sendo proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio, sob pena de procedimentos legais. A revista cyclomagazine é uma publicação mensal da Luanda Editores Associados LTDA., e tem sua marca registrada no INPI sob o número 820.332.593

Todos nós

Foto capa: Synésio Batista da Costa | ABRINQ Divulgação


GRANDE VARIEDADE DE PNEUS 29” KENDA Deixe em sua vitrine os melhores pneus e câmara de ar para aro 29

Pneu Kenda Kozmik Lite II K942 29 x 2.00 Pto Kevlar

código: 59576

Pneu Kenda 24Seven Race Pro K1096 29 x 2.00 Pto Kevlar

código: 59596

Pneu Kenda Nevegal K1010 29 x 2.20 Pto Kevlar

código: 59613

Pneu Kenda Karma K917 29 x 1.90 Pto Kevlar

código: 59137

Pneu Kenda Small Block Eight K1047 29 x 2.10 K1047 Pto Kevlar

código: 59120

Câmara de ar Kenda 29 x 1.9/2.3 c/ válvula presta código: 59122

Kenda, uma marca exclusiva da Isapa. Pedalando e acelerando com você

Contatos somente para lojistas: VENDAS: 0800 702 8699

SAC: 0800 702 0801

Disponível nas principais lojas.

www.isapa.com.br

facebook.com/isapa.bicicleta youtube.com/user/ISAPABICICLETA


CORREIO

INTERAJA COM A REDAÇÃO Email: redacao@luanda.com.br Site: www.luanda.com.br

Endereço: R. Joaquim de Almeida Morais, 273 - CEP: 02844-040, São Paulo - SP

Elogios

Novo parceiro

Sou representante nos segmentos de bike e moto há 14 anos, atendo os estados de Bahia e Sergipe. Desejo receber publicações de suas revistas nos segmentos que atuo e ficar a par dos eventos realizados pelo grupo, no qual possa me programar para estar mais presente.

Grato pelo envio da edição do Guia do Profissional Cyclomagazine. Parabéns ao Grupo Luanda pelo excelente material visual, de fácil manuseio. Ficamos felizes por participar! Nélio Nascimento ALAMETAL ALUMÍNIO

Jorge Cordeiro PÓDIO REPRESENTAÇÕES

Confirmo o recebimento do exemplar. Obrigada, ficou ótimo!

Resp.: Estaremos enviando exemplares das futuras edições e comunicando com antecipação os nossos próximos eventos. Principalmente os que realizaremos em sua região de atuação.

Paula Herrera Lucio Assessoria de Marketing FUNDAÇÃO ABRINQ

Venho, por intermédio deste, manifestar meus sinceros agradecimentos e parabenizá-lo pela excelente matéria publicada na revista Cyclomagazine, edição 191, na seção Perfil sob o título “Um Desbravador em Brasília”, onde foi tratada de maneira objetiva e brilhante nossa trajetória e desempenho à frente da Casa do Ciclismo e da Federação Metropolitana de Ciclismo. Gostaria, nesta oportunidade de me colocar à sua inteira disposição aqui em Brasília. Afonso Moreno Brasilia-DF

Atualização de Guia de Cicloturismo

Curta Cyclomagazine no face

Resp.: Agradecemos os elogios, prometendo continuar trabalhando intensamente com o objetivo de satisfazermos aos nossos leitores.

Olinto e Rafa

Aplicativo "Luanda Editores"

12 | cyclomagazine

Reafirmando nosso compromisso com este projeto tão especial chamado Caminho da Fé, informamos que a partir de agora quem adquirir ou já adquiriu nosso guia receberá a atualização referente à nova ampliação de Sertãozinho até Cravinhos. Qualquer dúvida escreva para nós. Quem visitar nossa página também poderá apreciar as melhores imagens feitas pela Rafaela na primeira etapa de nossa viagem pela Índia: www.olinto.com.br

Resp.: Parabéns pela atuação e pela qualidade dos serviços disponibilizados.

Oportunidade de trabalho

Somos da IMEX Distribuidora de Artigos Esportivos, uma nova empresa no segmento de duas rodas, situada em Indaiatuba – SP, e estamos abrindo vaga para as seguintes funções : Operador de telemarketing - com experiência. Auxiliar de vendas (com conhecimento de Excel, Office ). Vendedores externos ( para todas as cidades do Estado de São Paulo). Os interessados devem encaminhar seu currículo para o e-mail : contato@boxbike.com.br aos cuidados de Sra. Milena. Milena Cunha Indaiatuba – SP

Resp.: Aproveitem a oportunidade.

Agradecimentos

Recebemos mensagens relativas ao período de festas de nossos parceiros clientes,fornecedores,profissionais e amigos. Segue relação e os nossos agradecimentos a todos, desejando o melhor para este novo período que iremos viver. 30FFER (Velamos), A Qualimatic / CR Comercial, Adelimar Repres., Adilson J. Ribas - R&R Repres., Adriana Carla Gomes Pereira Silva e Cia., Advocacia Barros & Montalvão, Agencia UFF-I-Bounces, Alair Perilo, Alencar Xavier Ribeiro,


Televendas: (21) 2603-8632 | (21) 3708-5570 (21) 3022-4098


CORREIO

Alessandra Fernandes, Allyne Antoni, Amarilho Ferreira Jr., Andresa Moreira, Antonieta M. C. Zabeu, Audro Leite, Augusto Repres., Avalty Vilela, BIKE RO, Bikeland, Blog do Galeno, Bosch Imprensa, Bosh Imprensa, Boxnet / Maxpress / Todos Ouvidos, Bruno Sutero, Câmara Brasil – Alemanha, Camejo Comunicação Empresarial, Carlos Ghiraldelli - Aliança Bike, Carlos Zogahib, Caroline Paiva, CENACON, Center Bike - César, CETEC, Chrys Representações, Cilirio Brito, CJS Artes Gráficas, Claudio Estavam Próspero, Clube do Mil, Collie, Correios, Cristina Braga, Cummins Brasil Ltda., D. Franco Audio Visual Eventos, Daniel e Vera Marsiglia, Dejair Micheluti, Delvino Coser, Dep. Arnaldo Faria de Sá, Deputado Mendes Thame, Detona Ralph, Deusdedit Cleto Filho, Dimas Nogueira - Bike ID, Dion Nogueira, Disney deseja um Natal Monstruoso, Dog Clean, Dr. Nestor, Durvalino Representações, Edimar Mendes, Editora Abril, Eduardo Imóveis, Emerson Rossi, Escola da Bicicleta, Fabio Contier, Fabio Giraldi, FENAPRO - Federação Nacional das Agências de Propaganda, Fenapro, Fernanda Villas, FIESP Imprensa, FutPress Comunicação, Germany Travel, Gil Baganha, Gilberto Benedito Godoy, Giovanni Esposito, Graac, Grupo Coelho Junior, Grupo Radar de Comunicações, Grupo X do Brasil, Harlerey, Hélene Verdier - Michelin Bike, Hidraulexus, Humberto Alves Mendes, Imprensa - Esporte Clube Pinheiros, Instituto Bioethicus, INTERFIL, JAC - Juvenal Azevedo, Jeferson Friche, Jorge Luis Fleury, Jorge M. Silva, José Casto (Zé do Pedal), José Jacob Fernandes, K.I. Representações Ltda., Kawasaki, Leandro Albuquerque Gimenez, Leonor - Pneus Technic, Levorin, Lilia Rebello, Link Comunicações, LK Comercial, Luciene

Miranda, Luiz Carlos Alves, Luiz Carlos de Oliveira, Luiz Kuhlmann, M. Maia Representações, Manesco Sociedade de Advogados, Marco Taddeo, Marcos Maia, Maristela Secco, Max Press, Maz Produtora, Metro - Shacman, Metzeler, Mix Bicicletas, Mobly, Moto e Motos, Moto Traxx da Amazônia Ltda., Multiservice, Mundo Press Jornalismo Estratégico, Mundo Press, Mundo Press, Nação Design, Nasa Capacetes, Nissan Comunicações, Northgraph, Nywgraf, Orbea Marketing, Orestes Garcia - Luki Dog, Original Representaciones, Paulinho - Sampa Bikers, Paulo Frota, Paulo Wang, Pax Mídia, Pegrucci Representações, Pepe Nascimento, Pet Shine, Pet Society, Petshine, Philips, Pista Livre Assessoria e Comunicação, Pluricom Informa, PR Newswire, Premier Pet, Printec Comunicação, Printer Press Comunicação Corporativa, Priscilla Bonifacio F de Souza, Privalia e Claire&Bruce, Prósper Comunicacação, Radar rent a car, Ralcoh Comunicação, Renato F. Aragão, Representações Paiva Ltda., Rinaldi, Roberto Di Cicco, Salão Bike Show, Scott Lukaitis, SD & Press, Shimano, Show Agência, Sidinei - SD Marketing, Sindeepres, Starvision, Sudamérica, Tarcísio Campestre - Agreg Midia, Tatiana Felix, Tatiana Jacobina - Ediouro Publicações, Technic, Thais - Central de Fontes Comunicação, Tim Representações, Toninho Cambará, Toninho Pegrucci, Tony Almeida, Trevisan Escola de Negócios e da RV&A, Tribal, UERJ, UNESP Imprensa, Valdir Mariano, Valeria Guimarães, Vedamotors, Vera Moreira, Vereador Claudinho de Souza, Veterinária Pet Brasil, Vimax Magazine, Vimax Magazine, Vininha Carvalho, Vulcanbor, W. Hélio, WDL Representações, Wendel Santana - Diafrag, WGK, William Andó, X Motos, Zoomark – Itália.


NOTAS Ciclovias sobre os trilhos

Imagem: Rodrigo Zaim/Agência Laborazoli

Fonte: Agências de Notícias/ Folha de S. Paulo

Norman Foster, arquiteto britânico, apresentou novo projeto que pretende criar ciclovias suspensas sobre os trilhos dos trens suburbanos em Londres. Chamada SkyCycle, a proposta envolve construir 220km de ciclovias sobre a estrutura já existente dos trilhos urbanos, permitindo aos usuários uma circulação pela cidade sem dividir o espaço com carros e motocicletas.

Desafio de Campos do Jordão

seus próprios atletas. http://youtu.be/jj_W4hl_WVY

O tradicional Desafio de Campos de Jordão comemorou mais uma vitória: a união do grupo Route Bike e a empresa Giant. A empresa agora passa a se chamar Route Bike Team/Giant. O trajeto do passeio começou na Rua Funchal Brasil Cycle Fair maior com a Av.Berrini, região sul de e mais forte em 2014 São Paulo, embaixo da ponte Ari Em 2014, a feira acontecerá entre os Torres e terminou na entrada da dias 28 de setembro e 1º de outubro, cidade de Campos do Jordão, SP Ciclista quer pedalar 1 milhão de km no Expo Center Norte, em São Paulo, SP. A pouco mais de oito Vinicius da Silva, de 28 anos, quer meses para a abertura do evento, Escola de MTB iniciar ainda em 2014 uma viagem já são 115 expositores confirma- Cadu Polazzo dá aula sobre a im- para Washington, nos Estados dos pela organização – ocupan- portância de se treinar de forma Unidos. O atleta quer ultrapassar 1 do mais de 7 mil m² de área para individualizada, no último vídeo milhão de km pedalados até 2027 estandes. Com expectativa de ter do projeto criado pelo bike fitter e já afirma ter percorrido mais aproximadamente 10 mil m² em Rodrigo Langeani, em parceria de 4 mil municípios distribuídos estandes, isso significa que cerca com Cadu Polazzo na 2ª tempo- em 27 estados brasileiros, além de 80% da feira já está ocupada rada da 'Escola de MTB', quando de países como Uruguai, Peru, pelas empresas expositoras. o treinador mostra exemplos de Colômbia, Chile e México.

16 | cyclomagazine

Apoio a Regulamentação da Bicicleta Elétrica Para a ABRACICLO, a regulamentação das e-bikes, trata-se de importante conquista para o setor. A Resolução Contran 465, vai ao encontro da decisão da entidade que participou do processo como representante em câmara temática setorial.


SEGURANÇA Cinto de segurança de 3 pontos que mantém a criança devidamente encostada

Almofadasemespumainjetadade Poliuretano (PU)

Talas laterais para proteção de pernas e pés

Pedaisdeapoiodospéscomaltura ajustável

Haste de engate metálica robusta com encaixe prático e seguro

QUALIDADE gulaFitilhos (cintas) de contenção, com regulagem, sobre os pés

Produzidas em Polipropileno (PP) de alta resistência, garantem grande durabilidade

DISPONÍVEIS EM 7 CORES

Conheça também a cadeirinha traseira Kid Bike

/Qualibikers

@kalf_bikes

/Kalf.Ltda

www.kalf.com.br

Empresa 100% Nacional certificada pelo ISO 9001-2008

CONFORTO Manoplas para apoio das mãos


NOTAS

De acordo com a lei

Proibição visa impedir furtos

acontece de 13 a 16 de fevereiro em Curitiba, PR. O evento busca contribuir na construção de cidades mais humanas. Com a participação de professores, arquitetos e ativistas internacionais e de todo o Brasil, a ideia é apontar soluções para harmonizar a convivência entre pedestres, ciclistas, motoristas e demais atores do trânsito. O tema para esta edição é “A Cidade em Equilíbrio”. Informações www.forummundialdabici.org

No Guarujá, litoral paulista, as bicicletas flagradas na areia ou nas calçadas serão apreendidas. A determinação da prefeitura da cidade proibiu a circulação de bicicletas na areia e no calçadão da cidade para impedir Cicloturismo assaltos. A PM (Polícia Militar) durante o carnaval O Circuito Vale Europeu, em e a Guarda Civil alegam que as João Pessoa Santa Catarina, será palco do bikes são utilizadas por bandidos criará vagas de passeio Velotour que acontecerá que escapam após os assaltos. estacionamentos de 01 a 08 de março. O evento para bicicletas não tem caráter competitivo e A Superintendência Executiva visa estimular o companheirismo Pela harmonia de Mobilidade Urbana (Semob) e a interação dos participantes. no trânsito de João Pessoa começou a instawww.clubedecicloturismo.com.br O III Fórum Mundial da Bicicleta lar paraciclos na orla da Capital

18 | cyclomagazine

para estimular o uso da bicicleta e garantir local seguro para estacioná-la. Ao todo serão disponibilizadas 60 vagas gratuitas. Serão priorizados locais onde há maior demanda de ciclistas.

Exposição com modelos antigos de bikes 25 modelos de bicicletas produzidos entre os anos 1940 e 1980, estão na exposição “Bicicletas”, que fica em cartaz até 23 de fevereiro no Sesc Campinas, SP. A exposição conta com modelos históricos e atuais de bicicletas.

Imagem: domingueirasbikeblog.blogspot.com

Imagem: Maria Carolina Brassanini Centa

Os modelos de e-bikes DAFRA, já estão adaptadas à nova legislação do Contran. Além de produzir os modelos na fábrica de Manaus (AM), a DAFRA coloca à disposição na rede de concessionárias e assistências técnicas o kit de adequação para os consumidores que adquiriram bicicletas elétricas da marca na configuração antiga. Para estar dentro da legislação, basta a troca das manoplas, já que motor, velocidade e itens de segurança da marca já estão de acordo com a lei.


NOTAS

Ponte móvel para bicicletas em São Paulo Construída pela empresa Bayer, anunciada no começo de 2013, a ponte móvel para ciclistas foi inaugurada em Socorro, zona sul de São Paulo. A estrutura liga as duas margens do rio Pinheiros, permitindo a passagem de embarcações. O governo do Estado pode prolongar a ciclofaixa até o extremo sul. A ponte custou R$ 5 milhões e deve ser usada por 15 mil pessoas/dia. circular em ciclovias e ciclo faixas desde que garantam o funcionamento do motor somente quando o ciclista pedalar.

Copacabana terá mais ciclovias A Secretaria Municipal de Meio Ambiente deu início às obras que vão colocar ciclovias em quase todas as ruas de Copacabana, RJ, incluindo no bairro 14 km de extensão para os ciclistas pedalarem com segurança.

20 | cyclomagazine

Bicicletas elétricas são regulamentadas pelo CONTRAN

Unidos pela qualidade

O Contran publicou no Diário Oficial da União, a Resolução nº 465, respectiva à categorização das bicicletas elétricas como simples bicicletas. A nova resolução considera a necessidade de apoio às políticas de mobilidade sustentável e a crescente demanda por opções de transporte que priorizem a preservação do meio ambiente. Bicicletas dotadas de motor elétrico auxiliar com potência máxima de até 350 Watts e velocidade de até 25 km/h, tem a liberdade de

Uma das principais lojas de artigos para ciclistas em Bilbao, Espanha, a Maestre e Orbea Bikes abre suas instalações completamente remodeladas de acordo com o padrão Orbea. Com 350m² de exposição. A loja oferece ao cliente uma gama completa de soluções da marca: estrada, montanha, trekking, bikes urbanas, bicicletas para crianças, roupas de ciclismo, capacetes, etc. Também dispõem de oficina especializada.

Campanha de etiqueta no trânsito A campanha se chama “Art of Gracious Cycling” ou a arte do ciclismo gracioso. O foco desta campanha é melhorar a convivência entre os utilizadores das ruas, além de dar algumas dicas de segurança aos condutores de bike. O vídeo foi idealizado pelo governo da cidade de Sydney na Austrália.


NOTAS

10º Tour do Brasil / Volta de São Paulo 2014 O paulista Magno Prado Nazaret é bicampeão na competição. O ciclista da equipe Funvic/ BrasilInvest/ São José dos Campos confirmou seu favoritismo na competição e garantiu o primeiro lugar após as oito etapas realizadas em mais de 900 km. Na etapa final em circuito no Centro de São Paulo, o campeão chegou no pelotão principal, ratificando o primeiro lugar com o tempo de 21h54min38seg. O segundo colocado, seu companheiro de equipe, Alex Diniz Correia. A terceira colocação foi de João Gaspar, da Ironage/Colner.

IPI zero para bicicletas

Treinamento qualifica profissionais O Centro de Formação Proparts divulga calendário de cursos de capacitação para 2014. O primeiro treinamento acontecerá em São Paulo, SP, entre os dias 25 e 27 de fevereiro. O curso habilita os participantes a tornarem-se oficinas certificadas. Apenas lojistas e revendedores autorizados poderão se inscrever. As cidades de Florianópolis, Goiânia e João Pessoa, serão as próximas no calendário. www.proparts.esp.br

22 | cyclomagazine

A Federação paulista de Ciclismo entra na campanha que pressiona as autoridades a votarem o PL (Projeto de Lei) que reduz o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) das bicicletas nacionais. Se aprovada, a redução pode ajudar no projeto de mobilidade urbana no Brasil.

Incentivo ao uso de bicicleta A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados aprovou Projeto de Lei, do deputado Jaime Martins, que cria o programa Bicicleta Brasil (PBB) nos municípios com mais de 20 mil habitantes. A proposta destina 15% do valor arrecadado com multas de trânsito para financiar o projeto que consiste em investi-

mentos em infraestrutura, garante a construção de bicicletários, a circulação segura de bikes em ciclovias, ciclofaixas e vias para compartilhamento com pedestres e automóveis.

Ciclofaixa de Diadema supera expectativas A ciclofaixa da avenida Dr. Ulysses Guimarães, na Vila Nogueira, em Diadema, vem agradando a população. Uma parceria com a Federação Paulista de Ciclismo colabora com atendimento mais específico para o público. Apenas no primeiro mês, o número de usuários está em torno de cinco mil por dia de funcionamento. De acordo com o secretário de Esporte e Lazer da cidade. A frequência atingida no município é a segunda maior do Estado, ficando

atrás apenas da Av. Paulista, que chega a 60 mil praticantes. Em todas as ciclofaixas interligadas de São Paulo, a frequência está em torno de 150 mil pessoas. Entre os aspectos que têm atraído os ciclistas do município está a organização. As atividades contam com bandeiras, cones, fiscais de pista e equipe treinada para auxiliar os usuários. O empréstimo de bicicletas (gratuito), com rodízio a cada hora, também contribui para mobilizar participantes que não possuem bikes. A ciclofaixa funciona das 7h às 16h, e tem dois picos de público, das 9h às 11h e das 14h às 16h. A maior parte dos frequentadores é composta por homens com crianças, e as pessoas costumam ficar apenas em uma região da ciclofaixa ao invés de fazerem todo o percurso, que tem oito km de extensão.


PRODUTO Texto: divulgação

Profissionais da Falcão Bauer avaliaram os quadros e garfos produzidos a partir de material reciclado pela empresa Muzzicicles. Os testes aprovaram a resistência das peças. Agora, o fabricante garante a comercialização de seus produtos com o selo do INMETRO

A Muzzicicles, fabricante de bicicletas com material reciclado, Polipropileno e fibra de vidro, conquistou o direito de comercializar seus produtos com o selo do INMETRO, que certificam sua qualidade. A avaliação técnica teve como base os critérios de desempenho estabelecidos pela ABNT NBR 14714:2013, em veículos de duas rodas como bicicletas a partir do quadro e garfo rígido. A Muzzi, por meio de Propostas Técnica Comercial 1542-2013 Rev. 1, de 07/11/2013, apresentou para avaliação técnica quatro quadros de bicicleta, de uso adulto, fabricados em Polipropileno com mistura de material reciclado e fibra de vidros. A avaliação técnica baseada na ABNT NBR 14714:2013. Trata-se de veículo de duas rodas, bicicleta, onde a avaliação acontece a partir do quadro e garfo rígido, requisitos de segurança.

E D A D I QUAL A D A C I F CERTI 24 | cyclomagazine


QUADRO MUZZICICLES

Não existia no momento do ensaio em laboratório acreditando na RBLE. Deste modo foi utilizado Instituto Lab System de Pesquisas e Ensaios, que está equipado para realizar os ensaios. O teste ocorreu no dia 19/11/2013. Para análise, foi necessário o uso do guidão padrão ou uma barra de aço para substitui-lo. Neste caso foi utilizado o mesmo guidão padrão em todos os ensaios. Deste modo exclui-se a capacidade de determinar o melhor resultado, uma vez que o ensaio é considerado destrutivo tanto para o quadro quanto para o guidão. Os resultados foram conclusivos e considerou que o exposto nos ensaios nos Relatórios de Análises e Ensaios de Produtos (RAE) nº 6981113; 6991113; 7001113 e 7011113, que os quadros de bicicletas Muzzi atendem aos requisitos da ABNT NBR 14714:2013. E NBR 14714/2013 –Veículo de duas rodas quadro e garfo, atendem as normas de segurança. Ensaio de impacto e peso contra quadro Mede-se a distância entre o centro das duas rodas, dianteira e traseira; ergue-se uma massa de 22,5kg na estrutura e medir a altura de 180 mm; mede-se novamente a distância entre o centro das rodas, dianteira e traseira; a diferença dimensional entre os centros das rodas dianteira e traseira não pode exceder 40 mm. Ensaios de queda de quadro Monta-se o quadro fixando o eixo traseiro: fixar uma massa total de

70 kg; rotacionar a altura de 300 mm acima de uma base metálica, solte até o impacto. Repetir a queda 2 vezes. O quadro não deve apresentar sinais de trincas e/ou fraturas.

A composição dos quadros deu-se de misturas de diferentes componentes

Considerações finais Não existia no momento do ensaio em laboratório acreditando na RBLE. Deste modo foi utilizado Instituto Lab System de Pesquisas e Ensaios, que embora não esteja acreditado na RBLE, equipado para realizar os ensaios e aguarda a inclusão deste escopo na sua acreditação. Os ensaios forma realizados no dia 19/11/2013. Para a realização dos ensaios

descritos, era necessário um guidão padrão ou uma barra de aço para substitui-lo. Neste caso foi utilizado o mesmo guidão padrão em todos os ensaios. Deste modo exclui-se a capacidade de determinar o melhor resultado, uma vez que o ensaio é considerado destrutivo tanto para o quadro quanto para o guidão. Considerando o exposto nos ensaios nos Relatórios de Análises e Ensaios de Produtos (RAE) nº 6981113; 6991113; 7001113 e 7011113, conclui-se que os quadros de bicicletas Muzzi atendem aos requisitos da ABNT NBR 14714:2013.

QUADRO

COR

COMPOSIÇÃO

1

Branco

74% DE 74% Polipropileno virgem +26% de fibra de vidro Borealis

2

Preto

69% Polipropileno virgem + 26% de fibra de vidro Borealis +5% de Resina Natura

3

Preto

64% de Polipropileno virgem + 26% de fibra de vidro Borealis +10% de Resina Natura

4

Laranja

30% de Polipropileno virgem +30% de fibra de vidro Borealis +40% de Reciclado pós-consumo

cyclomagazine | 25


RÁPIDAS DE MARKETING Marketing francês inteligente para o uso da bike

Imagem: Murilo Rezende | Seppia

Com o objetivo de incentivar o uso da bicicleta, a França propõe subsidiar os trabalhadores que pedalarem até seu local de trabalho. O governo se dispõe a pagar 21 centavos de euro/ km percorrido. As empresas realizariam o abono em troca de isenções fiscais. O Governo gastará 20 milhões de euros com a medida e espera poupar 5,6 bilhões de euros na área da saúde. Da garagem de casa para o Brasil

A DCycles, loja do ex-piloto de downhill Danylo Westin, o Dadá, é opção para os apreciadores de bike. Atualmente, instalado na zona norte da capital paulista, Serviço BIKE FIT virou moda

Focada em clientes das classes A e B, diversas empresas estão criando o serviço bike fit, que faz adaptações das bicicletas para os seus clientes e, para pessoas que têm problemas de coluna, como hérnia, é preciso que a bicicleta tenha o tamanho certo para não prejudicar a coluna. Com expressivo número de clientes cadastrados, as empresas estão faturando cerca de R$ 80 mil a R$100 mil por mês. Lembrando que localização, propaganda, exposição e serviços prestados das loja contribui e muito para os negócios.

26 | cyclomagazine

o local atende todo tipo de ciclista. Além da demanda pelo DH e ciclismo extremo, a loja ainda possui produtos para quem quer começar a pedalar.

Bicicletas rendem oportunidades por todo país

A moda de andar de bicicleta se amplia no país e deve render bons negócios neste ano. A disputa de espaço entre carros e bicicletas nas grandes cidades abre oportunidades de bons negócios para pequenos empresários. Lojas especializadas oferecem peças, acessórios e consertos para bicicletas. Com investimento de R$ 250 mil em reforma do espaço e compra de estoque, o empresário Roberto David montou uma loja de bicicletas em 2010. “De lá para cá, o negócio vem crescendo 40% ao ano. Com a agilidade da

bicicleta, pode-se pedalar em qualquer horário, além dos grupos à noite, e de dia, e grupos que viajam nos finais de semana para diversos lugares. Todo esse cenário mostra e projeta crescimento sólido do setor”, diz o empresário. Anúncio de novo Diretor Comercial

O executivo Sérgio Dias assume a Diretoria Comercial da DAFRA, sendo responsável pelas marcas DAFRA, MV AGUSTA e VEX BIKES. Formado em administração de empresas e pós-graduado pelo Insper, o novo diretor de 39 anos, construiu sua carreira profissional nos setores de

duas e quatro rodas, com passagens por empresas como Volkswagen e Moto Honda da Amazônia. Proposta pretende isentar bicicletas de ICMS

O deputado estadual Marcelo Santos, ES, apresentará projeto de lei que isenta as bicicletas do ICMS. O imposto sobre as bikes chega a 40,5% do preço final do produto. A proposta é vista pelo parlamentar como estímulo para que os capixabas adquiram e façam uso da bicicleta.

Palavra de especialista em marketing e vendas Para Richard Vinic, professor da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), especialista em marketing e vendas, a bicicleta virou uma tendência e faz parte do cenário urbano. Todo marketing deve seguir uma tendência, ou criar uma quando há espaço, criatividade e necessidade. A bicicleta está vivendo um momento importante porque atende à questão que as grandes cidades precisam para facilitar o deslocamento das pessoas, servindo meio de transporte, e lazer. É um exercício viável, é barato.

Lojas apostam na modernidade e sofisticação

Mais lojas estão investindo em modelos importados e sofisticados. Há bicicletas com suspensão hidráulica, freio à disco e quadro de fibra de carbono. Pneus que têm um dedo de largura. São bikes projetadas para cortar o ar e ganhar velocidade, alcançando mais de 70km/h. O serviço de manutenção é essencial quem lida com este tipo de negócio. Nas lojas esta área representa até 20% do faturamento, atraindo e mantendo a fidelidade de clientes.


Bicicleta Dobrável

Bolsas Tele vendas (11) 2533 6000 www.goeasy.com.br

A melhor distância entre dois pontos alta qualidade, design diferenciado, resistente e durável, instruções em português, pilhas inclusas

Cadeados e Cadeados com Alarme

Lanternas e Lanternas de Silicone


ENTREVISTA CAPA

Fortalecer a indústria nacional para enfrentar o tigre asiático Setor de bicicletas poderia se espelhar no modelo do mercado de brinquedos para crescer e enfrentar a concorrência externa Imagem: Divulgação Texto: W.Marek

28 | cyclomagazine

T

oda a indústria nacional reclama da alta carga tributária e da falta de incentivo do governo brasileiro para combater os produtos importados da China. No setor de bicicletas não é diferente. Outros mercados conseguiram se articular através de associações organizadas e de certa forma, fortaleceram toda a cadeia para minimizar os efeitos dos importados. Um dos exemplos é o setor de brinquedos, que através da atuação do presidente da Abrinq, Synésio Batista da Costa, consegue enfrentar muitos desafios para se manter competitivo sem perder a função de ajudar a formar os cidadãos do futuro. O executivo aborda ainda questões como a qualidade dos nossos brinquedos e o custo Brasil, que facilita a entrada dos produtos chineses.

de brinquedos? Devemos crescer em relação à temporada passada? Synésio: Sim. O faturamento do setor em 2012 foi de R$ 3,875 bilhões, 12% superior ao ano anterior. Considerando as vendas no varejo, o valor supera os R$ 7,5 bilhões. A expectativa de crescimento para 2013 é de outros 12%.

Cyclomagazine: Qual o panorama do mercado brasileiro

Sua postura como líder setorial sempre foi de defender a

Apesar da alta carga tributária, o Brasil continua atraindo investidores estrangeiros? Somos realmente o país mais interessante entre os BRICS para receber investimentos externos? A indústria brasileira de brinquedos não é dependente de investimentos estrangeiros. Mas, se fosse, o Brasil seria sem dúvida um dos mercados mais interessantes em razão de ser um dos poucos países do mundo a manter uma indústria de brinquedos em plena atividade, com mais de 370 fábricas.


SYNÉSIO BATISTA DA COSTA

nossa indústria. Como minimizar a ação dos chineses no mercado de brinquedos e nas outras economias? Trabalhando firmemente em parceria com o Governo Federal. Tomar medidas de proteção da indústria nacional e coibir a entrada de produtos subfaturados ou piratas. Quantas entidades o senhor dirige? ABRINQ – Associação Brasileira

A expectativa de crescimento para 2013 é de outros 12%

dos Fabricantes de Brinquedos, Sindicato das Indústrias de Brinquedos do Estado de São Paulo, Associação Brasileira dos Fabricantes de Embalagens Laminados, Associação Brasileira de Produtos Infantil, Associação Brasileira da Música, Sindicato da Indústria de Artefatos de Papel, Papelão e Cortiça no Estado de São Paulo, Associação Brasileira dos Fabricantes de Derivados de Papel, Papelão, Cortiça e Embalagens Especiais ou Personalizadas, Associação Brasileira de Circuitos Impressos, Montagem de Placa, Teclados de Membrana e Componentes Eletrônicos, Instituto Brasileiro de Qualificação e Certificação, Instituto Abemusica pela Educação Musical, Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente. Os “eletrônicos” são realmente os maiores concorrentes a ser enfrentados pela indústria de brinquedos? Hoje, os país estão presenteando os filhos com celulares em detrimento dos tradicionais brinquedos? Os aparelhos eletrônicos como smartphones e tablets concorrem com os brinquedos pela atenção das crianças. Por isso cada vez mais a indústria de brinquedos vem investindo em produtos com tecnologia embarcada, na interatividade e em brinquedos que emulam os aparelhos eletrônicos.

O ‘Custo Brasil’ facilita a penetração da indústria asiática no mercado brasileiro? Sim. Por isto, além das ações relacionadas anteriormente, merece destaque o trabalho da Abrinq junto aos órgãos competentes para minimizar os custos de produção e aumentar a produtividade dos fabricantes. Entre nossas conquistas podemos citar o fim da guerra dos portos, desoneração da folha de pagamento, criação de programas de compras governamentais e fortalecimento comercial com parceiros do Mercosul para fornecimento de partes e peças. Levando em consideração que a matéria-prima principal da indústria de brinquedos é o plástico, as dificuldades que o Brasil está enfrentando com o custo do petróleo deve agravar os problemas com a concorrência externa? A linha de plásticos representa 30% da nossa indústria, de modo que qualquer alteração no preço da matéria-prima impacta diretamente no custo de produção. Mas em razão de outras medidas já citadas para aumentar a produtividade dos fabricantes, acreditamos que o preço dos brinquedos vai manter a tendência dos últimos anos de aumentar abaixo da inflação.

cyclomagazine | 29


LANÇAMENTOS 01

02

03 01 MOBILIDADE SEGURA

A empresa Schwinn lança o acessório CycleNav. O aparelho é acoplado ao guidão da bike e indica, por meio de setas iluminadas, o caminho que o ciclista deve seguir. O gadget ainda tem alto falante que indica quando uma curva deve ser feita. www.schwinnbikes.com

32 | cyclomagazine

02 LINHA DE DISPOSITIVOS DIGITAIS

A Pioneer lançou a linha Cycling Sports de ciclocomputador SGX-CA 900 e monitor de pedaladas SGY-PM 900. Os dispositivos digitais trabalham integrados ao painel de controle e acompanhamento Cyclo-Sphere, que fornece aos ciclistas sistema completo de análise de métricas e desempenho em tempo real. Consegue medir 199 diferentes tipos de dados. www.pioneerelectronics.com

04 03 NOVIDADE DISPONÍVEL EM 27,5" E 29"

A KTM apresenta a Aera 2014. O modelo está disponível nas versões 27.5” e 29”, e são montados a partir do quadro em fibra de carbono. www.ktmbikes.com.br

06 LUVA SINALIZADORA PARA CICLISTAS A luva Zackees possui luzes de LED em formato de seta que ficam na parte traseira da mão. O objetivo do acessório é trazer mais segurança e visibilidade para ciclistas noturnos. www.zackees.com


LANÇAMENTOS

06

05

07 05 PINGENTES TEMÁTICOS

A Magia das Joias, fabricante de peças temáticas em prata 950, lançou a coleção Magia dos Esportes. São anéis, brincos e pingentes com design nas formas que mostram o universo da bicicleta. www.magiadasjoias.com.br

08 06 GRUPO STEPS

A Shimano lança a sua linha para E-bikes, o grupo STePS. O sistema ajuda o ciclista durante a pedalada e ao chegar na velocidade de 25 km/h, o equipamento se desliga automaticamente. Pesando 3,1 kg, é dos conjuntos mais leves disponíveis no mercado. A compactação e a leveza melhoram o controle do ciclista sobre a bicicleta. www.shimano.com.br

34 | cyclomagazine

07 E-BIKE

A Icon lançou a bicicleta elétrica E-Flyer. O modelo pesa 25,8 kg, tem motor elétrico de 3.500 watts que é alimentado por uma bateria de 52 volts, recarregável e com autonomia de 56,3 km. A velocidade máxima é de 58 km/h, porém, limitada eletronicamente em 32 km/h em ambientes urbanos. www.iconelectricbike.com

08 RETROVISOR PARA RACK DE TETO

O novo Roofscope é espelho que pode ser fixado no capô de qualquer veículo. Com ele o motorista monitora se as bicicletas estão firmes no rack de teto no carro, evitando acidentes. www.roofscope.co.uk


LANÇAMENTOS

09

10

11 09 DE BIKE COMUM À ELÉTRICA

Os EUA lançam o novo dispositivo que transforma praticamente qualquer bicicleta em veículo elétrico híbrido, usando aplicativo no smartphone. O Copenhagen Wheel (roda de Copenhague) é instalado como parte do cubo de uma roda traseira e é equipado com computador próprio, baterias e sensores que monitoram a força produzida pelo ciclista. www.superpedestrian.com

36 | cyclomagazine

10 CAM EM AÇÃO

A Sony lança a câmera HDR-AS100VR Spashproof, para quem aprecia registrar aventuras radicais em trilhas de bike. Com design compacto, a filmadora oferece resistência à água e tombos moderados.

www.sony.com

11 PARA MELHOR FUNCIONAMENTO DA BICICLETA

A MMGK está lançando o Protetor 5 Furos Com Parafuso Coroa Tripla. Produto disponível nas cores: cinza, amarelo, vermelho, pink, azul e preto. Outra novidade é a Maçaneta de Freio V-Brake com Regulador. A peça pode ser encontrada nas cores: preto, azul e vermelho.


LANÇAMENTOS

12 13 15 14 12 ÓCULOS ESPORTIVOS

Os óculos de sol da grife TAG Heuer, proporcionam proteção extra com modelos esportivos e luxuosos feitos para serem usados diariamente. Disponíveis nos modelos TH 0253, TH0982 Ayrton Senna Collection, TH5107 e TH9100 by Maria Sharapova. www.feniciadobrasil.com.br

38 | cyclomagazine

13 EQUIPAMENTOS PARA CICLOTURISTA

A Topeak lança sua linha exclusiva de produtos como o alforje Pannier DryBag DX, a prova d’água, e os canivetes das linhas Alien e Hexus que oferecem diversos tipos de funções e ainda cabem no bolso.

www.igp-sports.com.br

14 CONJUNTO RACE DAMATTA

A Race lança o Conjunto Race DaMatta. O Bretelle Ciclismo têm modelagem anatômica, alças em tecido Aerofresh, elástico personalizado DaMatta na perna e tratamento antibacteriano. A camisa ciclismo é confeccionada em tecido 100% poliéster e tratamento UV. Conjunto disponível nos tamanhos P/M/G/GG.

www.damattadesign.com

15 LISS PARA USO ADULTO

A Gilmex apresenta a nova linha de bikes LISS (Cissa Miss) Aros 16”; 20” 24” e 26”.

ww.gilmex.com


LANÇAMENTOS

16

17 16 BIKE DE CARGA

A MK1 é bicicleta elétrica de carga da Butchers & Bicycles. Com ela é possível inclinar-se para a virada de forma intuitiva sem comprometer a segurança. O veículo pode ser conduzido com a mesma facilidade que a bike comum.butchersandbicycles.com

17 EDIÇÃO COMEMORATIVA

A Cicli Montante está fazendo uma edição limitada de 50 bicicletas Montante for Abarth. O modelo foi criado para celebrar o 50º aniversário do pequeno e icônico carro, Abarth 595. As peças estão disponíveis nas cores características do veículo: vermelho com branco.

www.montanteicli.it

40 | cyclomagazine

18 18 FAROL TRASEIRO COM RASTREADOR

A Nastek Tecnologia lançou o Yon Bike Lamp. O rastreador fica embutido no farol traseiro de bicicleta que através do módulo da Telit GL865-QUAD faz a comunicação GSM/GPRS e por SMS permitindo ao usuário o login por website, aplicativo do Android ou Iphone

www.nastek.com.br


COMPETIÇÃO

CIDADE DA S A T E L C I C I B SEDIA PROVA DE BMX FREESTYLE ara coroar o maior projeto de ciclismo esportivo realizado em uma só cidade no ano de 2013, a prova de BMX Freestyle reuniu participantes de diversas partes do país. As rampas ‘fun box’, ‘quarters’ e afins lançavam para o alto os ‘biemexers’ que estiveram em Rio das Ostras para encontro entre os melhores atletas do Brasil. Nessa modalidade radical, os atletas não se preocupam em chegar primeiro ou ter o menor tempo de volta. No BMX Freestyle cada participante se apresenta e tem suas manobras julgadas pelo grau

42 | cyclomagazine

de dificuldade e precisão. Com isso, torna-se a ‘modalidade arte’ do ciclismo. Arrastando público pelo país como uma tendência do que é visto nos Estados Unidos e Europa, o Ostreet BMX apresentou à cidade uma modalidade que agrega a base de entrada para outras modalidades do esporte. Embora a pista da Praça do Skate não seja totalmente adaptada para atender à bike, a estrutura que os atletas encontraram no local fez com que esse detalhe não ficasse em evidência. O palco com som de

grande porte foi montado dentro da pista, onde a banda Tio Juka com repertório de rock pesado tocou ao vivo para adrenalizar ainda mais os participantes. O organizador do evento, que também é diretor de projetos da Fecierj – Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro – destacou que a instituição passou a abraçar o Freestyle a pedido dos atletas que se sentiam marginalizados em relação ao apoio para o desenvolvimento do esporte. De acordo com Eduardo Almeida da Fecierj, a federação carioca vai


OSTREET BMX

AS S

Adrenalina, emoção e cooperação marcaram a primeira prova Ostreet BMX de Freestyle, em Rio das Ostras, RJ. Destaques da modalidade no Brasil estiveram no evento que reuniu cerca de 70 participantes Texto e imagem: divulgação

des marcas do esporte. Depois de viajar mais de 15h para chegar até o local, ficou agitado na pista entre algumas apresentações, e durante suas voltas de julgamento pouco se manteve no chão. A altura que ele atingiu foi proporcional aos gritos do público, que permanecia empolgado em cada manobra. Nomes fortes do Brasil estavam na batalha. Ruan Mosca, Weslei “Risadinha”, Douglas “Van Homan”, e Brian Santos, se surpreenderam com o segundo lugar de Roger de Itaguaí, este que também foi campeão no ‘Best Trick’ executando um ‘double tailwhip de transfer’ com perfeição. Jovem com idade A presença de José Pedro, conhecido como ‘Mineiro’, de Viçosa, MG, empolgou o público com manobras de ‘backflip’, que são arriscadas. Aos 42 anos e com espírito de adolescente, o esportista conquistou os participantes que pediam e eram atendidos. José Pedro mostrou que não existe idade para a prática do Freestyle.

atender ao pedido, criando em 2014 o primeiro campeonato estadual da modalidade. Organização como ponto forte O destaque foi o cronograma do evento que, embora montado com limitação de vagas para participação, previsão para tempo de chamada entre atletas e espaços para apresentação de ações sociais, conseguiu entregar os serviços de ambulância e guarda municipal com apenas 37 minutos de atraso. Isso ainda não havia acontecido

nas provas do Rio e fez com que atletas, desacostumados com precisão de tempo, perdessem sua largada individual. O espaço também dispunha de uma tenda de hidratação, que oferecia água e frutas exclusivamente aos atletas. Pássaro de São Paulo Conhecido como Du Race, Gabriel Ribeiro dos Santos, morador de Lorena, SP, foi o grande campeão do Ostreet BMX na categoria OPEN, onde correm atletas profissionais que representam as gran-

Projeto Rio das Ostras Cidade Bike O Ostreet BMX faz parte do projeto Rio das Ostras Cidade Bike, que pretende estimular o ciclismo como prática esportiva, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da população, além de promover a sustentabilidade e a mobilidade urbana. O projeto visa também incluir Rio das Ostras como zona de aclimatação olímpica para delegações estrangeiras para as Olimpíadas do Rio 2016.

cyclomagazine | 43


RÁPIDAS NACIONAIS

Talentos reconhecidos Atletas olímpicos foram homenageados no Prêmio Brasil Olímpico, realizado no Teatro Bradesco, em São Paulo. Durante a comemoração foram homenageados atletas que há 50 anos disputaram os Jogos Pan-Americanos de São Paulo. Organizado pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), o evento premiou os atletas que se destacaram nas 43 modalidades olímpicas durante toda a temporada.

Construção de Centro de Treinamento de BMX Diretores da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e da Caixa Econômica Federal assinaram, em conjunto com a Prefeitura de Londrina, PR, contrato que visa acelerar a construção do Centro de Treinamento para a disciplina de ciclismo BMX na cidade. A pista será utilizada como sede de treinamentos para os pilotos da seleção, e atenderá eventos nacionais e internacionais. A pista ficará pronta em maio.

Circuito Imbatível de Mountain Bike Realizado em dezembro, encerrando o calendário oficial de provas de MTB em 2013, na Fazenda Santo Ângelo, Nova Odessa, SP, o 1º Circuito Imbatível de Mountain Bike Pague Menos by Ravelli. Contou com a participação de nomes como Adriana Nascimento (10 vezes campeã brasileira), Raiza Goulão, Roberta Stopa, Erika Gramiscelli, Eva Lutz (Alemanha), Nuno Jorge (Portugal) Pablo Rodriguez (Argentina), os brasileiros: Rubens Donizete, Ricardo Pscheidt, Edivando Cruz, Guilherme Muller, Douglas Luis Neto, Leandro Donizete, Guilherme Saad, Valmor Hausmann, Robson Ferreira e João Paulo Firmino. Como diferencial deu a maior premiação já paga no Brasil para o segmento: R$ 50 mil. O vencedor elite masculino levou R$ 20 mil. Participaram 800 atletas, subdivididos em 17 categorias, entre elite e amadores. Organizada por Márcio Ravelli, atleta de MTB em competições mundiais e Olimpíadas, sendo 12 vezes campeão brasileiro, duas vezes campeão Sul-americano e uma vez campeão Pan-americano. Sobre mega estrutura com área Vip, DJ, palco, pódio, vestiários para atletas, ambulâncias, degustação de produtos de patrocinadores, equipe médica, banheiros químicos, bombeiros, amplo estacionamento, lava bike, Circuito Kids e o mínimo de dois postos de hidratação estrategicamente instalados durante o percurso. Grupo Anama - Com pouco mais de um ano de existência o Grupo Anama se destacou na competição colocando 3 de seus 4 atletas entre os 10 primeiros colocados.

Henrique Avancini no topo do Ranking da UCI União Ciclística Internacional divulgou a atualização de 2013 do ranking administrado pela entidade, o principal do ciclismo mundial. Um dos destaques fica por conta do carioca Henrique Avancini, que aparece no topo de uma lista com mais de mil ciclistas, na 15ª posição da Elite Masculina, a categoria mais importante do Mountain Bike.

44 | cyclomagazine

Ciclismo de Ribeirão Preto é bicampeão do ranking nacional A equipe de ciclismo de Ribeirão Preto/Botafogo sagrou-se bicampeã do ranking nacional em 2013. De acordo com o ranking da CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo), a equipe ribeirão-pretana encerrou a temporada com 2.460 pontos, contra 2.070 pontos da FW Engenharia, do Rio de Janeiro, segunda colocada.


RÁPIDAS NACIONAIS

12º Desafio Litoral Sul de Mountain Bike

Volta Feminina do Brasil 2014 e 8ª Volta do Futuro

O 12º Desafio Litoral Sul Rincão/Farol de Santa Marta/Rincão em MTB, acontece no litoral Sul de Santa Catarina. O percurso de 120 km será feito por estradas de chão. Será exigido dos participantes o kit de segurança, tais como capacete e luvas.

Na Volta Ciclística Feminina Ana Paula Polegatch, equipe Memorial, foi bicampeã da competição. Na Volta do Futuro, categoria Júnior, vitória de André Gohr, da equipe Brucicle. No feminino, vitória de Thayna de Lima, equipe Negão Team.

Passeio ciclístico 2014

Copa Brasil de Paraciclismo A cidade de Rio das Ostras, RJ, sediou a etapa final da Copa Brasil de Paraciclismo. A disputa reuniu 78 superatletas que superaram limitações físicas para se tornar campeões no esporte. Em diferentes categorias, os ciclistas disputaram os circuitos de Estrada (Resistência) e Contra-relógio. A competição conta pontos para o campeonato mundial, nos Estados Unidos, e ainda serve como uma preparação das equipes e atletas para as Paraolimpíadas.

46 | cyclomagazine

Oito mil ciclistas participaram do World Bike Tour, que foi realizado na Zona Sul de São Paulo. O evento que deveria ter acontecido no aniversário da capital paulista, 25 de janeiro, acabou adiado por conta do atraso na entrega das bicicletas. O passeio ciclístico teve início na Ponte Octávio Frias de Oliveira e foi encerrado no Jóquei Clube de São Paulo. A edição 2014 foi marcada por muitos problemas com a organização. Segundo os participantes, pessoas sem inscrição conseguiram retirar as bicicletas destinadas aos cadastrados. Esta não é a primeira vez que a empresa Bike Tour Eventos Esportivos enfrenta contratempos ligados à realização do passeio. No ano passado, o MP-DF (Ministério Público do Distrito Federal) obrigou a empresa a devolver aos 4,5 mil inscritos a quantia de R$ 250 que foram pagos por cada partícipe.


Vooccêê ppooddee V

tran sfo rma r so

onh os eemm re alid ade

Contribua com

o

GRAACC..a.s

ianças ...e dê às nossas cr rem a chance de realiza seus sonhos.

Diariamente o GRAACC trata de crianças e adolescentes com câncer, como o Pedro, para que tenham uma vida saudável. E para que outras crianças, como ele, continuem sonhando com toda uma vida pela frente é que o GRAACC atua no limite do conhecimento, oferecendo chances de cura de cerca de 70%. Índice comparável aos melhores hospitais do mundo. Mas para manter tal excelência, sua contribuição é fundamental!

Torne-se um sócio mantenedor mensal do GRAACC! Mais informações acesse: www.graacc.org.br


RÁPIDAS INTERNACIONAIS

Apresentação da equipe 2014

Novas camisas para edição 2014 Os organizadores da etapa 2014 do Giro de Itália divulgaram as novas camisas desta edição. As peças têm grafismos que representam o tradicional trevo irlandês. Outra característica é o slogan na manga esquerda, Giro Fights for Oxfam, para enfatizar as causas sociais e a parceria com a Oxfam. A competição terá início no dia 9 de maio, em Belfast, na Irlanda do Norte.

Peter Sagan, Moreno Moser, Ivan Basso, Damiano Caruso, Elia Viviani, Ted King e mais parte de seus 28 companheiros na equipe Cannondale, participaram da apresentação do time para a temporada 2014, no Canyon Club, em Westlake Village, na Califórnia, EUA. O chamado “The Green Machine” reuniu suas principais estrelas e apresentou seus novos contratados como o esloveno Mohoric Matej e o francês Jean-Marc Marino.

Equipe de Alonso tem novo diretor O ex-ciclista italiano Paolo Bettini será o diretor geral da equipe de ciclismo comandada pelo piloto de Fórmula 1, Fernando Alonso. Bettini ocupava o cargo de diretor técnico da seleção italiana de ciclismo até o fim de 2013. Com ele, a equipe Fact (Fernando Alonso Cycling Team) está em busca de lugar de destaque no ciclismo Pro Tour, que irá estrear em 2015.

World Tour 2014 Brasil conquista seis medalhas de ouro no BMX No campeonato Internacional de Quito, no Equador, a seleção brasileira de BMX conquistou dez medalhas, sendo seis de ouro. Destaque para as duas dobradinhas conquistadas nas categorias elite masculino e feminino. Renato Rezende ficou com o ouro, enquanto que Miguel Dixini conquistou a prata. Bianca Quinalha garantiu a medalha de ouro e Thaynara Morosin, a de prata.

48 | cyclomagazine

A União Ciclista Internacional (UCI) divulgou o calendário do World Tour para 2014 e a cidade que irá sediar o Mundial de Ciclismo. A competição vai acontecer de 21 a 28 de setembro, na cidade de Ponferrada, Espanha, situada a noroeste do país. Esta será a 87ª edição do evento e a sétima vez que a Espanha é o país sede do campeonato.


RÁPIDAS INTERNACIONAIS

Competição na Argentina Uma das competições que abre o ano de 2014 é o Tour de San Luis. O evento acontece na Argentina. Estarão presentes 150 ciclistas, com total de 18 equipes. Entre a lista de participantes, destacam-se campeãs panamericanas, nacionais e grandes nomes do ciclismo europeu.

Atleta belga tenta suicídio O ciclista belga Jonathan Breyne, de 22 anos, tentou se matar com uma grande dose de medicamentos após ser flagrado no exame antidoping. A amostra coletada deu positivo para o clembuterol, a mesma substância encontrada no corpo de Alberto Contador durante o Tour de France 2010, que resultou na perda do título daquele ano.

Vuelta da Espanha 2014 A 69.ª edição da Vuelta a Espanha, está marcada para o dia 23 de agosto, em Jerez de la Frontera. Com oito provas no alto e três de contrarrelógio, a competição será apresentada em 21 etapas, que terminará em 14 de setembro com a prova de contrarrelógio individual, em Santiago de Compostela.

Copa do Mundo de Cyclocross O campeão francês Francis Mourey (FDJ.fr) venceu pela segunda vez a etapa da Copa do Mundo de Cyclocross 2013. Klaas Vantornout (Sunweb-Napoleon Games) e Niels Albert (BKCP-Powerplus) conquistaram a segunda e terceira posição, respectivamente.

50 | cyclomagazine

Abrindo o calendário internacional O Santos Tour Down Under 2014, principal corrida de ciclismo da Austrália, acontece esse mês. A competição será realizada na cidade de Adelaide e será a primeira prova a dar pontos para o ranking da UCI (União Ciclística Internacional).


GENTE

MUDANÇA RADICAL Após dedicar 22 anos de sua carreira a uma só empresa, caso raro no cenário profissional, Douglas Aimar Freires assume novo desafio: integrar a equipe da Samy Texto e foto: Osmar Silva, com reportagem de Hylario Guerrero

P

ode parecer fácil para um profissional que acumulou vasta experiência no setor, porém, se por um lado às duas décadas de atuação em uma única empresa detentora de uma vasta linha de produtos, em sua maioria, injetados plásticos, comprova a sua competência. Agora, mesmo estando no mesmo segmento, os produtos são muito diferentes. A especialidade da Samy são quadros, garfos, raios e niples. Resultado da transformação de

52 | cyclomagazine

aço. Nada que assuste o ainda jovem Douglas, pois para quem iniciou a vida profissional aos 16 anos como instrutor na área de informática em uma revendedora de computadores e, logo em seguida, quando foi prestar atendimento a um cliente fabricante de bicipeças, recebeu convite para integrar o quadro da empresa, mudando completamente seu universo profissional. No início sua área original era Programador de computadores, depois galgou postos no departamento comercial e chegou à condição de gerente comercial. “Este foi o meu único emprego até aqui. Toda a minha experiência e conhecimento foi solidificada nesta mesma empresa. Lógico, procurei me estruturar buscando formação acadêmica. Sou formado em Matemática Aplicada a Informática, pela Fundação Santo André” comenta. Na Samy, inicialmente, Douglas estará como Supervisor de Vendas.

Aos 42 anos, após ter deixado a empresa, Douglas estava se preparando para montar algo onde pudesse desenvolver atividades como autônomo. “Então fui convidado pelo Reinaldo Rocha e, estou muito contente. Fui muito bem recebido por todos por aqui, uma equipe bastante profissional e um ótimo ambiente de trabalho” ressalta. Douglas é casado há onze anos com Ana Patrícia de Lima, que conheceu no ambiente de trabalho na empresa anterior. Tem dois filhos: Beatriz, com nove anos de idade e, Gabriel com quatro. “Sinto que meus últimos anos de trabalho foram muito fechados, e nestes poucos meses em que assumi minhas funções na Samy percebi a necessidade de me reciclar, atualizar e ampliar meus conhecimentos para crescer profissionalmente. Esta é realmente uma grande oportunidade para eu continuar evoluindo” afirma.

Até a esposa, Ana Patrícia de Lima, Douglas encontrou no trabalho anterior


cyclomagazine | 53


MARKETING

CICLISMO URBANO impulsiona novos negócios As bicicletas voltaram à cena nos grandes centros urbanos brasileiros. E o que para muitos é uma solução sustentável ao trânsito caótico das cidades, para outros é uma oportunidade de negócios Fonte: Jornal O Estado de São Paulo Imagem: divulgação

54 | cyclomagazine

D

e oficinas à estabelecimentos com ser viços especializados para os ciclistas, empresários estão investindo com criatividade para atrair esse público em crescimento. Para o diretor executivo da Abraciclo, José Eduardo Gonçalves, o consumidor atual pede um novo perfil de produção. “Vivemos

um momento de evidência, da redescoberta da bicicleta como alternativa ao transporte viário. A demanda está cada vez mais exigente, com bicicletas mais sofisticadas”. Os novos ciclistas urbanos também exigem uma série de serviços e produtos específicos. Segundo Gonçalves, a discussão de temas relacionados à mobilidade urbana tem ajudado a convocar adeptos


do ciclismo em todo o País. “O empreendedor precisa analisar a fundo este mercado e entender as necessidades dos usuários em cada cidade.” Em São Paulo, onde a sociedade tem demandado investimentos em infraestrutura de ciclovias, o público é de pessoas mais conscientes que querem mudar sua convivência com o espaço urbano. Para o consultor do SEBRAE-SP Marcelo Sinelli, é importante que o empresário estude as exigências e características do mercado. “Uma opção é descobrir novos serviços em torno do ciclismo. Ele pode comprar outras coisas além de simplesmente alugar uma

bicicleta. Mas é algo de nicho, vai ser um negócio mais localizado em lugares em que se usam muito a bicicleta, como a Vila Madalena e o Parque Ibirapuera”, explica. A localização foi um ponto importante para a empresária Camila Nakatsui começar seu negócio. Em 2012, depois de passar uma temporada no exterior, ela decidiu criar o Bike Café integrado à bicicletaria de duas amigas, no bairro de Pinheiros. O espaço, que funciona como um café possui dois bicicletários e recebe tanto ciclistas que são clientes da loja quanto adeptos do Mountain Bike que participam de eventos criados nos fins de semana pelo estabeleci-

mento. “É um serviço combinado, a pessoa vem à loja para deixar a bicicleta (para um reparo) e toma um café enquanto espera.” Ideia parecida tiveram os amigos Talita Noguchi e Rafael Rodo ao criarem o Las Magrelas, no ano passado. A oficina, na Vila Madalena, funciona também como um bar e virou um ponto de encontro para ciclistas urbanos. Além disso, o local atende até as 22h. “Queríamos resolver dois problemas: horário e ter serviços especializados. Isso tudo com um espaço de convivência. A pessoa traz a bicicleta para consertar e pode subir para tomar cerveja e conversar com os amigos”, diz Rafael. O local ainda possui um andar para o projeto Gangorra, em um espaço de coworking para empresas e grupos discutirem iniciativas ligadas à mobilidade urbana. O bar também recebe eventos de coletivos culturais, como oficinas de arte e exposições. “As pessoas querem pensar a cidade de uma maneira diferente. Querem mudar seu estilo de vida. É preciso ter um ambiente que não seja impessoal. Onde o cliente chega e se sente à vontade, sem correria”, afirma Rafael.

cyclomagazine | 55


MARKETING

Apesar da vantagem de se ter diferentes serviços no mesmo local, o consumidor demanda conhecimento do universo que envolve o ciclismo urbano. É o que aponta o empresário Cléber Anderson, sócio-proprietário da Anderson Bicicletas. A loja, que tem mais de 20 anos de mercado, oferece serviços mecânicos e atendimento especializado para auxiliar os clientes, principalmente do público infantil, na compra de acessórios e bicicletas. Para conquistar a clientela, eles também organizam passeios noturnos semanais pela cidade de São Paulo. Segundo Anderson, o mercado no País vive novo boom com a retomada do ciclismo urbano nas grandes cidades. Assim, o empreendedor precisa estar atento às novidades e entender sobre o que está vendendo. “Uma loja tem sucesso pela oferta de produtos. É preciso oferecer o produto certo que o cliente precisa. Isto tudo com respaldo técnico”, explica. Segundo Sinelli, para embarcar neste novo mercado, é preciso entender o que o público carece e oferecer o que ele precisa. “Em todo negócio, vende-se uma solução. É necessário pensar: que tipo de solução eu posso vender para este ciclista?”, aconselha o consultor. * Estar na internet é exigência do público desse mercado Se esse ciclista urbano pode ser definido como uma pessoa consciente dos problemas da cidade,

56 | cyclomagazine

Os usuários de sistemas de compartilhamento são jovens que buscam uma nova maneira de se integrar ao espaço urbano” Angelo Leite

ele também está conectado para discutir suas causas. Segundo Angelo Leite, presidente da Serttel, empresa responsável pelo desenvolvimento do projeto Bike Sampa, os usuários de sistemas de compartilhamento de bicicletas são normalmente jovens que buscam uma nova maneira de se integrar ao espaço urbano. “É um público voltado para a nova cidade, que está nas mídias sociais e que discute qualidade de vida”, afirma. Foi nesse ambiente conectado que o diretor da Mob Content, Marcos Ferreira, decidiu apostar. Em 2013, financiada por uma campanha de crowdfunding, a empresa de tecnologia midiática desenvolveu o aplicativo Itinere, que funciona como mapa colaborativo para ciclistas. Com informações dos usuários, o sistema aponta para locais com bicicletários, trechos perigosos para bicicletas, buracos e trajetos mais populares, similar ao Waze. Ainda em fase de desenvolvimento, uma nova versão do aplicativo deve ser lançada neste primeiro semestre. A expectativa é que no futuro a tecnologia atraia marcas que queiram estar associadas ao aplicativo e à causa do ciclismo urbano. E este pode ser um dos caminhos para se investir neste mercado. “A bicicleta é como uma causa. Tudo que é lançado com esta causa é adotado como uma marca”, alega Marcos. Mesmo não sendo uma empresa

como a Mob Content, estar na internet é um fator importante para qualquer empreendedor da área. Tanto ter uma loja virtual para oferecer seus produtos quanto investir na divulgação de seus serviços nas redes sociais. Nesta área, a Anderson Bicicletas pretende avançar. Segundo o dono, Cléber Anderson, o desenvolvimento do e-commerce ainda é um desafio. “É uma das nossas principais deficiência”, assume. Para resolvê-la, o empresário tem investido em reforma do website da loja e, neste ano, irá começar a efetuar vendas pela internet. * Empresas investem em serviços de entregas feitas por ciclistas Em um mercado dominado pelos motoboys, os serviços de entregas que usam bicicletas mostram-se competitivos em distâncias pequenas e aparecem também como alternativa menos poluente. A Giro Courier, por exemplo, faz de 30 a 40 entregas por dia e até recusa serviços em dias de muita procura. O empreendimento foi idealizado pelos amigos Paulo Zapella, Thiago Nakano e Daniel Chu em setembro de 2011. “Eu trabalhava como design em agência e usava a bicicleta como meio de transporte, por isso, enxerguei uma brecha no mercado e abri a Giro com meus amigos”, conta Zapella. A Giro está localizada no Ciclo Vila – um espaço na Vila Olímpia


O MAIOR SALÃO DE VEÍCULOS DO NORDESTE. EMOÇÃO E VELOCIDADE EM UM SÓ LUGAR.

DES AS NOVIDA TES NO N A M A G E DE 10 A 13 DE ABRIL CH SHOW. R O T O M DE 2014 E NORDEST E VOCÊ S E P I C E T CENTRO DE AN EITE AS V O R P A E CONVENÇÕES DE TAMBÉM O LOTE 1 PERNAMBUCO O D S A VEND OLINDA-PE COM ATÉ ONTO. C S E D E D 50% UNIDADES ! www.ticketsforfun.com.br LIMITADAS Vendas

4003-5588

S U J E I TO À TA X A D E C O N V E N I Ê N C I A

POSTO DE VENDA OFICIAL: CHEVROLET HALL

APROVEITE AS VENDAS ANTECIPADAS E ACESSE:

WWW.NORDESTEMOTORSHOW.COM.BR OU

FACEBOOK.COM/NORDESTEMOTORSHOW

Atrações já confirmadas: Jorge Negretti / curso de pilotagem / test-ride de motos Apoios

Apoio de Mídia

Organização e Promoção


why-youmad.com

MARKETING

onde funcionam alguns negócios especializados em atender quem anda de bicicleta. O investimento necessário para abrir o negócio foi de R$ 20 mil e atualmente o faturamento do mês oscila entre R$ 20 mil e R$ 25 mil. “A bicicleta é uma solução para os problemas da cidade”, afirma Zapella, que tem oito entregadores, mas quando há necessidade, também pega sua própria bike para atender os clientes. Um dos grandes desafios dessas empresas é contratar mão de obra. Saber andar de bicicleta não basta. É preciso conhecer a cidade, ter noções de mecânica e condicionamento físico. Atento à qualificação dos funcionários, os irmãos Rafael e Danilo Mambretti, da Carbono Zero, formataram uma oficina de formação do ciclista-entregador. Todos os empregados fazem o curso, que inclui ensinamentos sobre cidadania, alimentação e legislação. “Criamos a oficina para evitar o que acontece hoje com o motoboy,

58 | cyclomagazine

que carrega um estigma negativo. Temos a preocupação em formar o cidadão”, pontua Rafael, que abriu a empresa com investimento inicial de R$ 50 mil em novembro de 2010. No início, as entregas eram feitas por apenas dois ciclistas. Hoje, são 18 profissionais e uma média de 40 entregas feitas todos os dias. Em 2012, a empresa faturou R$ 400 mil e espera dobrar esse valor em 2013. De acordo com Rafael, a bicicleta compete com a motocicleta em uma distância de até 20km. “Dentro do centro expandido, a bicicleta é extremamente competitiva em tempo, agilidade, eficiência e custo. Além disso, meu serviço agrega valor”, destaca. Além do ato de empreender, a Carbono Zero despertou o interesse de Rafael pela bike como transporte. O seu carro já ficava na garagem e ele tinha comprado uma moto para enfrentar o trânsito de São Paulo. Com o uso da bicicleta, Rafael

A bike compete com a moto em uma distância de até 20km. Dentro do centro expandido, ela é extremamente competitiva em tempo, agilidade, eficiência e custo” Rafael Mambretti

vendeu os dois, carro e moto. “A bicicleta é um meio de transporte mais eficiente e barato. Sou exemplo do momento que São Paulo está vivendo. Minha rotina melhorou e hoje 99% das minhas atividades são feitas de bike”, relata Rafael. * Delivery O empresário Salvador Ferreira de Almeida não tem uma empresa de serviços de entrega de bicicletas, mas utiliza a solução em seu restaurante de comida saudável, o Be Fresh. “O serviço está alinhado ao conceito de restaurante”, explica. A ideia inicial era adotar só os ciclistas, mas para as entregas mais distantes e as feitas durante à noite, o empresário preferiu as motocicletas. Por isso, a equipe é composta por sete ciclistas e cinco motoboys, que fazem uma média de 150 viagens por dia. As entregas respondem por 54% do faturamento.


ESPECIALISTA EM QUADROS

Cyclomagazine 192  
Cyclomagazine 192  
Advertisement