Page 1

Leonel Vieira

Vasco Duarte

Jorge Neto

Candidato a Presidente da Câmara Municipal de Lousada

Candidato a Presidente de Junta de Freguesia do Torno

Candidato a Presidente da Assembleia Municipal de Lousada

Acreditar na mudança! Vasco Duarte Candidato a Presidente de Junta de Freguesia do Torno

Equipa Por Torno

Caros Aparecidenses; Os tempos que se avizinham não serão por certo fáceis. No entanto, é nesta conjuntura de desânimo e descrédito que sentimos, nas nossas comunidades e na sociedade em geral, a necessidade de sermos mais do que nunca irreverentes, criativos e objectivos. Tendo isto como linha de orientação, não deixaremos de ser sonhadores, na certeza de que o sonho comanda a vida. Sendo este também o princípio com que oriento a minha vida quero poder transporta-lo para a junta de freguesia do Torno, hoje Vila da Sra. Aparecida. Quero, convosco, desenvolver um projecto que nos próximos quatro anos distinga a nossa terra das demais. A transforme numa Vila de referência, atraíndo os filhos da mesma a escolher a Sra. Aparecida para cá permanecerem e constituirem os seus lares. Cativarmos aqueles que de cá não são a escolherem a nossa terra para se fixar. Acredito ter uma excelente equipa composta por homens e mulheres empreendedores e participativos na vida activa da nossa comunidade. Pessoas que eu e vós bem conhecemos. Esta gente permite-me dizer-vos com a maior e sincera frontalidade: podeis confiar em nós, porque seremos capazes de dar uma lufada de ar fresco na nossa Terra! Escolher o que queremos que Aparecida seja num futuro próximo depende de todos nós. Contamos, por isso, com o vosso voto de confiança. Da mesma forma podereis contar com a nossa total dedicação e empenho!

Um abraço amigo.

ORGULHO DE SERMOS DO POVO FAZ-NOS ACREDITAR QUE AINDA É POSSIVEL...

Por Torno Viva!

ACREDITAR NA MUDANÇA!

Vasco Duarte

Por Torno Viva!

ACREDITAR NA MUDANÇA!


Quero, convosco, desenvolver um projecto que distinga a nossa terra das demais. A transforme numa Vila de referência.

obrigação orientá-los nas suas escolhas. Sinto que a junta de freguesia pode ter um papel absolutamente decisivo no auxilio às famílias no que respeita à orientação dos seus jovens, na facilitação da sua orientação, encaminhamento na formação e apoio para a inserção na vida activa.

Seremos capazes. Cativar / empregar / revitalizar. É absolutamente decisivo que esta nossa terra tenha um crescimento sustentável. Para que não cresçamos só em número de habitantes que dormem, mas sim no número que realmente vive connosco. Creio, pois, que a junta, na pessoa do seu presidente, tem por obrigação promover a criação de postos de trabalho dentro das nossas fronteiras, cativando e criando condições para que mais empresários se possam instalar na nossa terra, trazendo, naturalmente, o aumento de postos de trabalho. Como acho que a crise se combate trabalhando, não baixarei os braços continuando e multiplicando negociações já iniciadas com alguns empresários e outras entidades.

Uma Junta de Freguesia para todos. É imperativo que a sede de junta de freguesia esteja disponível para todos, todos os dias, e em horários que possam também facilitar o acesso áqueles que por razões profissionais têm uma disponibilidade reduzida. É do passado uma junta em "part time". Gabinete do "Aparecidense". Pertende-se criar um gabinete que faça a ligação com a sede do concelho, disponiblizando apoio na realização de tarefas diversas que para muitos de nós e dos nossos são aínda hoje de difícil resolução. Tais como: pagamentos a realizar na câmara e em outras instituições públicas. Prestar apoio jurídico, no sentido de orientar e ilucidar os nossos habitantes acerca dos passos mais adequados a tomar no sentido da resolução de pequenas questões que vão surgindo no dia a dia. Espaços públicos / infraestruturas. Lutaremos junto da Autarquia para que seja uma realidade a, já várias vezes anunciada, variante de ligação à Vila, neste caso entre Vilas. Esta é uma medida que ajudará a minimizar alguns dos problemas anteriormente referidos. O facto de sermos uma freguesia limítrofe acarreta uma natural dificuldade nas deslocações à sede do concelho e respectivo aumento dos custos. Dentro de portas é absolutamente necessário promover a limpeza diária de todos os espaços verdes, jardins e bermas, de todos os lugares da freguesia, assim como, não permitiremos que continuem a existir lugares sem, ou com deficiente, iluminação pública. Promoveremos de forma urgente a reestruturação e modernização de espaços públicos, tais com o largo da feira e adro, que apesar de da sua importância e visibilidade se estão a transformar em espaços degradados. Cooperação. Cooperar de forma activa e dinâmica é uma forma inteligente de crescer na sociedade em que vivemos. Daí, tornase evidente a necessidade, e será esta também uma prioridade, de trabalhar em cooperação estreita com as mais relevantes entidades e associações da freguesia, promovendo assim uma sá convivência, trazendo por certo benifícios para todos. Educação / Formação. Numa sociedade cada vez mais competitiva, não basta que os nossos jovens estudem para serem competitivos. Se queremos que os nossos jovens sejam uma referência na sociedade, cada dia mais Europeísta, temos como

VOTE!

Reintegrar . Não posso, nem quero, esquecer todos aqueles que por um motivo ou outro têm estado de costas voltadas para a sociedade, ou que pelos mais diversos motivos a sorte não lhes sorri. Pois estes são também nossos conterrâneos. Tenho pois a obrigação e o compromisso de trabalhar desde o primeiro dia na sua reinserção na sociedade ou melhoria das suas condições de vida. Daqui a quatro anos não quero que seja possível ouvir-se que "Aparecida, tem um bairro dos pobres", não é enviando esta nossa gente para outras freguesias que se resolve o problema, mas sim criando as condições para que ele naturalmente se resolva. Segurança / Acção Humanitária. É obvio que já não é possível uma terra desta dimensão continuar a viver sem um posto da GNR com um nº mínimo de efectivos. Lutarei por isso. Nem que para alguns possa ser uma medida anti-elitoral. Mais uma vez e referindome aos que mais carecem, e padecem, os nossos idosos e doentes. Não é possível continuarmos a viver sem que pelo menos tenhamos uma carrinha de transporte de doentes. Muito mais do que qualquer passeio anual que vos possa oferecer, esta será uma realidade durante o meu mandato. Compromisso. Deixo-vos o meu compromissos que serei, junto da autarquia, uma arma de combate na defesa dos interesses da freguesia do Torno, lutando para que não sejamos esquecidos, nem vejamos a passar grandes investimentos públicos para outras freguesias ou continuemos a ser os últimos a beneficiar deles. Em suma, não quero deixar promessas de empreendimentos gigantescos ou benifícios pessoais. Prometovos sim, um presidente de junta consciente das dificuldades e de pés bem assentes na terra, que será desde o primeiro ao último dia um presidente a tempo inteiro, disponível para todos, independentemente de côr ou credo, e que conta com todos para a construção de um futuro melhor.

De resto, voçês já me conhecem. Um abraço amigo.

Vasco Duarte

VOTE!

Manifestos freguesias  

Tendo isto como linha de orientação, não deixaremos de ser sonhadores, na certeza de que o sonho comanda a vida. Vasco Duarte Escolher o que...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you