Issuu on Google+

Tarefa 1 – introdução Resposta : Acho que isso envolve muito o nosso emocional, mais associamos isso acho que desde de quando nascemos, isso é um senso comum, toda criança cresceu assistindo Disney, e os filmes romanticos sempre acabam com finais felizes e sempre tem um vilão, a mocinha e um principe, acho que crescemos ouvindo coisas desse tipo ao ouvir falar de romance, e quando assistimos filmes românticos, sempre nos emocionamos, pois sabemos que terminará em um contexto que já sabemos mais ou menos como vai ser, pode nem sempre ter um final feliz, mais terá um final bonito. E os filmes de aventura, guerra também, a gente sente adrenalina, em ver cenas muito agitadas, sabemos como irá ser, e associamos a isso, e os filmes de guerras, eu acho que tem a ver com o conteúdo histórico, sempre nas aulas de historia ouvimos falar das guerras de Roma, então quando vemos filmes assim, mesmo que não tenha muito a ver, sempre iremos relacionar com o que a gente já sabe. Tarefa 2 – Leitura de imagem Resposta 1 : Ele parece estar muito cansado, e emocionado, parece ter passado por muitas coisas difíceis, e é inexplicável a reação dele, ao encontrar o anel . Resposta 2 : Todos eles tem um destino, e querem vencer, e eles lutam por seus objetivos, e eles não pensam só em si próprio, eles tentam ajudar todos ao seu redor, acho que o que eles tem em comum, é a vontade de vencer, e todos serem considerados heróis . Tarefa 3 – Leitura de imagem para texto Resposta 3 : Não poderiam, pois na época que foi escrito tudo e principalmente ideias que contrariassem o que “era de lei” eram oprimidas e penalizadas. Resposta 4 : Telepatia, invisibilidade e super força. Tarefa 4 – Do texto para a pesquisa Resposta 5 : “Mito” vem do Grego Mythós, que tinha um grande número de significados dentro de uma ideia básica: “discurso, mensagem, palavra, assunto, invenção, lenda e relato imaginário. Modernamente está fixada nestes últimos sentidos. E “logia” significa estudo, ou seja, a palavra mitologia significa, sintetizadamente, estudo dos mitos ( que antigamente não eram considerados mitos e só a partir da invenção da filosofia foram considerados assim). A origem dos mitos da Grécia não deriva puramente da civilização grega, mas de uma mistura entre a cultura dos indo-europeus, pré-gregos, e até mesmo dos asiáticos, egípcios e outros povos com as quais os gregos estabeleceram contato. Os primeiros habitantes da Península Balcânica, em grande parte agricultores, atribuíam a cada aspecto da natureza um espírito. Finalmente, estes espíritos vagos assumiram a forma humana e entraram na mitologia local como deuses e deusas. Eles utilizavam a mitologia como uma forma de religião, que era transmitida de pai para filho, ( de geração em geração).Eles tinham templos para “adorar” ( acreditavam que se fizessem uma “oferta” seus pedidos seriam atingidos) cada um dos deuses e lhes atribuíam os fenômenos da natura como por exemplo aos três principais que eram, Zeus atribuíam os seus, as chuvas, os raios; Poseidon atribuíam as águas, as vidas marinhas, os barcos destruídos; Hades que comandava o mundo dos mortos e a ele eram atribuídos os espíritos dos humanos, a passagem da vida para morte.


Os Deus cumpriam os papeis de guardiões do mundo, protegendo e suprindo todas as necessidades dos seres humanos, que em troca lhes davam adoração e fé. Existem até mesmo algumas histórias de que deuses vieram a terra e se relacionaram com seres humanos e desses relacionamentos tiveram filhos que são chamados de semideuses. A mitologia, atualmente não é mais vista como era antes, porém podemos tirar de lição que o ser humano precisa se basear em alguma fé não importa qual seja ela , como ela seja demonstrada ou o por quem.


Odisseia!