Page 1

Domingo, 4/Novembro/2012

Domingo, 4/Novembro/2012

Bazar* Correio 13

DIVULGAÇÃO

12 Bazar* Correio

O Resort Vila Galé Marés, em Guarajuba, é o único meio de hospedagem classificado como cinco estrelas na Bahia até o momento

A HORA DAS ESTRELAS Sistema de classificação da qualidade de meios de hospedagem no país segue padrões internacionais Lívia Cabral A maioria dos guias de viagens traz símbolos que facilitam, e muito, a vida dos turistas. Para os restaurantes, alguns usam as cifras - $ - para indicar o baixo, médio ou alto custo de uma refeição, por exemplo. Para os hotéis, o símbolo internacionalmente conhecido são as estrelas. No Brasil, o antigo sistema de estrelas falhou, mas, desde setembro, o Ministério do Turismo (MTur) reformulou a classificação e a ‘marca’ estrela passou a ser exclusiva do governo federal. Ela somente poderá ser utilizada pelos meios de hospedagem avaliados de acordo com os critérios do Sistema Brasileiro de Classificação de Meios de Hospedagem (SBClass). “Com a proximidade dos grandes eventos, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, precisamos qualificar nossos equipamentos e serviços. Nesse contexto, a classificação é um instrumento importante para colocar nossa hotelaria em pé de igualdade com a dos países ícones do turismo mundial”, afirma o ministro do Turismo, Gastão Vieira. De acordo com o ministério, o sistema de classificação adotado pelo país foi regulamentado a partir do estudo de modelos internacionais e pretende alinhar a

hospedagem no Brasil com a de outros países. Até agora, apenas 19 empreendimentos do país solicitaram a classificação. Na Bahia, apenas dois: o resort Vila Galé Marés, em Guarajuba (cinco estrelas) e o Hotel Porto do Sol, em Caetité (três estrelas). Além da classificação pela qualidade, o MTur também estabeleceu que são sete as categorias de meios de hospedagem no Brasil. Para saber identificar em que tipo de lugar você vai arrear suas malas na sua próxima viagem, confira a tabela na página ao lado. Segundo o coordenador regional de Serviços Turísticos do Mtur, Yrton Jambeiro, são os próprios hotéis que devem solicitar ao ministério a inclusão no sistema. “Outros empreendimentos ainda não se manifestaram, acredito que por causa do custo de inscrição. Mas, com a proximidade dos grandes eventos esportivos, muitos devem se animar, pois uma marca dessa atrai clientes”, considera Jambeiro. O investimento mínimo para a menor categoria - o cama e café - é de R$ 800, válido por três anos. O coordenador pensa que a motivação pode surgir à medida que a Copa do Mundo se aproxime. “Vai demandar muitos clientes estrangeiros que estão acostumados a escolher a hospedagem pelas estrelas, até para prever o orçamento da viagem”, conclui.

A classificação é um instrumento importante para colocar nossa hotelaria em pé de igualdade com a dos países ícones do turismo mundial Gastão Vieira, ministro do Turismo

*

CRITÉRIOS

A DEFINIÇÃO DO NÚMERO DE ESTRELAS DE UM HOTEL é feita de acordo com critérios que analisam requisitos de sustentabilidade, infraestrutura, equipamentos e serviços oferecidos aos hóspedes.

DIVULGAÇÃO

CONHEÇA AS CATEGORIAS DE HOSPEDAGEM Cama e café O residente do estabelecimento, que deve estar disponível por telefone 24 horas, coloca o imóvel à disposição de turistas – em um número máximo de três quartos para este fim. A hospedagem pode ser classificada de uma a quatro estrelas e em todas elas é necessário oferecer café da manhã, serviços de limpeza e medidas permanentes de sustentabilidade.



REPRODUÇÃO

TURISMO

 Pousada Empreendimento de característica horizontal, composto de, no máximo, 30 unidades habitacionais e 90 leitos, com serviços de recepção, alimentação e alojamento temporário, podendo ser em um prédio único com até três pavimentos, ou contar com chalés ou bangalôs. A pousada pode ser classificada de uma a cinco estrelas.

Flat/apart-hotel Constituído por unidades habitacionais que disponham de dormitório, banheiro, sala e cozinha equipada, em edifício com administração e comercialização integradas, que possua serviço de recepção, limpeza e arrumação. O flat/apart-hotel pode ser classificado de três a cinco estrelas.



DE ACORDO COM O SBCLASS, UM HOTEL poderá obter uma estrela quando disponibilizar serviço de recepção aberto durante 12 horas e disponível 24 horas por telefone, além de serviços de café da manhã, guarda de valores e monitoramento das expectativas e impressões do hóspede. Deverá apresentar também medidas permanentes para redução de consumo de energia elétrica e água. PARA CONSEGUIR A SEGUNDA ESTRELA, os hotéis devem adicionar sala de estar com televisão, área útil dentro do quarto e disponibilidade para pagamento com cartão de crédito ou débito. A TERCEIRA ESTRELA EXIGE O SERVIÇO de recepção aberto por 18 horas, estacionamento, restaurante, serviço de lavanderia, climatização e televisão com canal por assinatura em todos os quartos, acesso à internet nas áreas sociais e nos quartos.

Hotel histórico Um empreendimento com edificação preservada em sua forma original, restaurada ou que tenha sido palco de fatos histórico-culturais de importância. O reconhecimento deve ser formal por parte do Estado brasileiro, ou informal, com base no conhecimento popular ou em estudos acadêmicos. O hotel histórico pode receber de três a cinco estrelas. Comuns a todos, televisão e minirrefrigerador em 100% dos quartos e medidas permanentes para a geração de trabalho e renda para a comunidade local. 

Hotel-fazenda Localizado em ambiente rural, dotado de exploração agropecuária, que ofereça entretenimento e vivência do campo. Pode ser classificado de uma a cinco estrelas.



EM ESTABELECIMENTOS COM QUATRO ESTRELAS, é necessário que o serviço de recepção esteja aberto por 24 horas. Facilidades como manobristas, bar e serviço à la carte no restaurante também são necessárias. O hotel precisa oferecer ainda um mínimo de três serviços ‘especiais’, como salão de beleza, venda de jornais/revistas, farmácia e baby sitter. Nos quartos, minirrefrigeradores e mesa de trabalho também são exigências. A QUINTA ESTRELA SERÁ A MARCA DE UM HOTEL que atender aos requisitos acima – e oferecer também salão de eventos e serviço de guest relation/concierge (ponto de informação ao cliente). Além disso, deverá dispor de seis serviços ‘especiais’, restaurante com comidas vegetarianas e dietas especiais e roupões e chinelos em todos os quartos.

Hotel Estabelecimento com serviço de recepção, alojamento temporário, com ou sem alimentação, ofertados em unidades individuais e de uso exclusivo do hóspede, mediante cobrança de diária. Pode ser classificado de uma a cinco estrelas.



Resort Hotel com infraestrutura de lazer e entretenimento que disponha de serviços de estética, atividades físicas, recreação e convívio com a natureza no próprio empreendimento. Para o resort, o SBClass estabelece as categorias entre quatro e cinco estrelas.



Mega resort em Guarajuba tem sistema all inclusive

Grande produtora de urânio, Caetité atrai turistas de negócios

Resort Vila Galé Marés

Hotel Porto do Sol

Situado entre o mar e a lagoa de Guarajuba, o resort Vila Galé Marés ocupa um terreno de 200 mil metros quadrados e fica a 12 quilômetros da Praia do Forte. São 447 acomodações, entre chalés, chalés superiores com banheira de hidromassagem e ainda há três chalés Master Suíte, com sala e cozinha. As acomodações são equipadas com varanda com rede de descanso, ar-condicionado, secador de cabelos, TV a cabo, cofre, wi-fi e minibar. Através da utilização de materiais naturais e do aproveitamento da vegetação local, o resort se integra com a paisagem tropical. Durante a sua visita, aproveite todo o luxo que o lugar tem para lhe oferecer. Não deixe de mergulhar na piscina gigante ou de experimentar o SPA Satsanga, onde há uma variedade de massagens e tratamentos relaxantes. Você também vai se surpreender com a gastronomia do restaurante Tenda dos Milagres. O resort ainda oferece um espaço para as crianças aproveitarem o melhor das férias, o Mega Kids Club. Para os adultos que não abrem mão de manter a forma mesmo no período de folga, há academia com atividade de spinning e ainda atividades na água como mergulho, windsurf, body board, surf e caiaque, além de quadra de tênis e vários outros esportes. Salão de beleza, lojas e agências de viagens também estão disponíveis no local. O sistema de hospedagem inclui todas as refeições e mais lanches, bebibas alcoólicas e não alcoólicas. Reservas: Telefone: (71) 3674-8300 Email: mares.reservas@vilagale.com

Na região Sudoeste do estado, Caetité tem como maior destaque as ricas jazidas de urânio, ametista, manganês e ferro. Lá está localizada a única mina de urânio em produção no Brasil, uma unidade de mineração e beneficiamento de urânio que é explorada pela estatal Indústrias Nucleares do Brasil S.A., empresa vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Considerada como uma Província Uranífera, com reservas de 100 mil toneladas do minério, Caetité produz anualmente 400 toneladas de concentrado de urânio, que, depois de passar por diversos processos industriais, geram energia nas usinas nucleares brasileiras. No primeiro semestre do ano passado, a energia nuclear foi a segunda fonte de geração de eletricidade no país. Por causa de todo esse potencial, a cidade tem sempre um grande fluxo de turismo de negócios. Pensando em investir pesado na concorrência, o empreendimento apostou na classificação de qualidade do Ministério do Turismo e obteve as três estrelas certificadas pelo governo federal. A estrutura do hotel conta com 30 apartamentos e 75 leitos, com capacidade máxima para 90 hóspedes, piscina, ar condicionado, telefone, TV, frigobar, american bar, wi-fi, aquecimento solar e estacionamento privativo de 500m². O sistema de hospedagem inclui café da manhã com variedade de frutas, sucos, frios e massas. O atendimento cortês é um dos pontos mais observados pelos clientes. Reservas: Telefone: (77) 3454-3000 Site: www.portodosolhotel.com.br

A HORA DAS ESTRELAS  

Jornal Correio*, 04/1/2012

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you