Issuu on Google+

Itapema ALESC debate segurança pública 7

Litoral Catarinense

22 de junho de 2012 • Semanal • Edição 30 • Ano I • Itapema, Porto Belo e Bombinhas • R$ 1,00

4ª Companhia do 12º BPM tem novo comandante

O capitão Eder Jaciel de Souza Oliveira assumiu o comando da Polícia Militar na região

Política

6

Partidos políticos costuram alianças em Itapema 4 Investigação

Gaeco investiga veículos da prefeitura de Porto Belo 5 educação

Nova Lei altera forma de ajuda para transporte universitário 12 comunidade

Política

Ministra recebe presidente do PT de Porto Belo 6

Sertão do Trombudo promove festa em honra a São João neste final de semana 11


2

opinião

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

editorial

artigo

O presente secreto de Bussanello!

A força da imagem do PT

Nesta semana o Tribunal de Contas da União (TCU) enviou à Justiça Eleitoral, em cumprimento ao disposto no art. 11, § 5º, da Lei nº 9.504/1997, a relação dos que tiveram suas contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível do órgão competente, ressalvados os casos em que a questão estiver sendo submetida à apreciação do Poder Judiciário, ou que haja sentença judicial favorável ao interessado. Em primeiro lugar advirto: na política tem-se que ter memória, logo vamos aos fatos. A surpresa dos itapemenses foi ver que aquele que fora o prefeito afastado em 2004, cassado em 2006 e condenado a 8 anos de prisão, o ex-prefeito Clóvis José da Rocha (DEM) não consta na lista dos inelegíveis, logo, com essa publicação do TCU deve carimbar seu passaporte para as disputar as eleições deste ano, podendo retornar ao cargo de prefeito – de onde foi retirado pela Justiça – de diferentes formas, a saber:

A

1) A primeira das chances de Clóvis retomar o poder é se confirmar a sua candidatura a prefeito. Pelo que se ventila na cidade, o ex-prefeito democrata deve tentar voltar ao paço em chapa pura, composta pela suplente de vereadora Lorita Montagner, do mesmo partido. 2) A segunda chance de Clóvis retomar o poder municipal é recompor a aliança com seus ex-aliados do PMDB, PSDB, PPS e agregados; onde leia-se Bolinha; Giliard e Rico, respectivamente. 3) Vale lembrar que o PMDB era vice de Clóvis nas eleições de 2000; mas renunciou ao cargo depois de ser flagrado, em condições suspeitas, na praia de Navegantes, com meninas menores de idade. 4) Afastado do cargo em 2004 pela Justiça, Clóvis deixou a cadeira para o presidente da Câmara, Giliard Reis, que atualmente se anuncia como o vice do tucano Rodrigo Costa (PSDB); 5) Pelo que se comenta nos bastidores o último vice de Clóvis – o Rico (PPS) – está costurando coligação com a atual vice, de Bussanello (PT), Maria Luci da Silva (PP), a qual sob as orientações do ex-prefeito Nelson Santos, sempre se manteve contrário a eles (PSDB; DEM e PMDB). 6) Ainda há possibilidade de Clóvis voltar ao poder ‘encarnado’ na figura de um dos dois filhos ou, se preferir, da esposa, que na época de sua gestão, ocupava o cargo de Secretária Municipal de Assistência Social; 7) Além disso, Clóvis tem mais uma possibilidade neste jogo que nenhum outro tem. Só ele, e ninguém mais, teve a chance de reunir para sua campanha R$ 1,5 milhão junto a meia dúzia de empresários/construtores da cidade, fato esse que foi desvendado pelo Ministério Público Estadual em 2005 e ficou conhecido como o escândalo dos “Sete Anões”, e que lhe rendeu a perda do cargo. Logo sete são as chances, sete são as oportunidades. Clóvis tem tudo para voltar para o comando da Prefeitura de Itapema; seja em pessoa, ou seja, em influência. Só um fato pode prejudicá-lo: o presente secreto de Bussanello! Há quem diga que o futuro a Deus pertence, mas neste caso me convenço, a cinqüentenária Itapema de amanhã, nas mãos do povo seu poder adormece. Dados Técnicos Scodago Editora Jornalistica ltda

CNPJ:08.179126/0001-87 INSCRIÇÃO ESTADUAL: ISENTO RUA: 129 D Nº 150 SALA 102

o contrário do que se costuma pensar, o sistema partidário brasileiro tem um enraizamento social expressivo. Ao considerar nossas instituições políticas, pode-se até dizer que ele é muito significativo. Em um país com democracia intermitente, baixo acesso à educação e onde a participação eleitoral é obrigatória, a proporção de cidadãos que se identificam com algum partido chega a ser surpreendente. Se há, portanto, uma coisa que chama a atenção no Brasil não é a ausência, mas a presença de vínculos partidários no eleitorado. Conforme mostram as pesquisas, metade dos eleitores tem algum vínculo. Seria possível imaginar que essa taxa é consequência de termos um amplo e variado multipartidarismo, com 29 legendas registradas. Com um cardápio tão vasto, qualquer um poderia encontrar ao menos um partido com o qual concordar. Mas não é o que acontece. Pois, se o sistema partidário é disperso, as identificações são concentradas. Na verdade, fortemente concentradas. O Vox Populi fez recentemente uma pesquisa de âmbito nacional sobre o tema. Deu o esperado: 48% dos entrevistados disseram simpatizar com algum partido. Mas 80% desses se restringiram a apenas três: PT (com 28% das respostas), PMDB (com 6%) e PSDB (com 5%). Olhado desse modo, o sistema é, portanto, bem menos heterogêneo, pois os restantes 26 partidos dividem os 20% que sobram. Temos a rigor apenas três partidos de expressão. Entre os três, um padrão semelhante. Sozinho, o PT representa quase 60% das identidades partidárias, o que faz que todos os demais, incluindo os grandes, se apequenem perante ele. Em resumo, 50% dos eleitores brasileiros não têm partido, 30% são petistas e 20% simpatizam com algum outro – e a metade desses é peemedebista ou tucana. Do primeiro para o segundo, a relação é de quase cinco vezes. A proeminência do PT é ainda mais acentuada quando se pede ao entrevistado que diga se “simpatiza”, “antipatiza” ou se não tem um ou outro sentimento em relação ao partido. Entre “muita” e “alguma simpatia”, temos 51%. Outros 37% se dizem indiferentes. Ficam 11%, que antipatizam “alguma” coisa ou “muito” com ele. Essa simpatia está presente mesmo entre os que se identificam com os demais partidos. É simpática ao PT a metade dos que se sentem próximos do PMDB, um terço dos que gostam do PSDB e metade dos que simpatizam com os outros. Se o partido é visto com bons olhos por CENTRO - ITAPEMA/SC JORNALISTA RESPONSÁVEL THIAGO FAUTH

Projeto Gráfico e Diagramação Ana Pizzol

proporções tão amplas, não espanta que seja avaliado positivamente pela maioria em diversos quesitos: 74% do total de entrevistados o consideram um partido “moderno” (ante 14% que o acham “ultrapassado”); 70% entendem que “tem compromisso com os pobres” (ante 14% que dizem que não); 66% afirmam que “busca atender ao interesse da maioria da população” (ante 15% que não acreditam nisso). Até em uma dimensão particularmente complicada seu desempenho é positivo: 56% dos entrevistados acham que “cumpre o que promete” (enquanto 23% dizem que não). Níveis de confiança como esses não são comuns em nosso sistema político. Ao comparar os resultados dessa pesquisa com outras, percebe-se que a imagem do PT apresenta uma leve tendência de melhora nos últimos anos. No mínimo, de estabilidade. Entre 2008 e 2012, por exemplo, a proporção dos que dizem que o partido tem atuação “positiva na política brasileira” foi de 57% a 66%. A avaliação de sua contribuição para o crescimento do País também se mantém elevada: em 2008, 63% dos entrevistados estavam de acordo com a frase “O PT ajuda o Brasil a crescer”, proporção que foi a 72% neste ano. O sucesso de Lula e o bom começo de Dilma Rousseff são uma parte importante da explicação para esses números. Mas não seria correto interpretá-los como fruto exclusivo da atuação de ambos. Nas suas três décadas de existência, o PT desenvolveu algo que inexistia em nossa cultura política e se diferenciou dos demais partidos da atualidade: formou laços sólidos com uma ampla parcela do eleitorado. O petismo tornou-se um fenômeno de massa. Há, é certo, quem não goste dele – os 11% que antipatizam, entre os quais os 5% que desgostam muito. Mas não mudam o quadro. Ao se considerar tudo que aconteceu ao partido e ao se levar em conta o tratamento sistematicamente negativo que recebe da chamada “grande imprensa” – demonstrado em pesquisas acadêmicas realizadas por instituições respeitadas – é um saldo muito bom. É com essa imagem e a forte aprovação de suas principais lideranças que o PT se prepara para enfrentar os difíceis dias em que o coro da indústria de comunicação usará o julgamento do mensalão para desgastá-lo. Conseguirá?

Marcos Coimbra O autor é sociólogo e presidente do Instituto Vox Populi. Também é colunista do Correio Braziliense. anadiagrama@gmail.com Veja as edições anteriores online http://issuu.com/litoralcatarinese


Politicando Passe universitário... Sabe Zé, segundo as corujas me falaram na sessão da Câmara, terça-feira, dia 19 de junho, o circo estava armado pela oposição e por velhas, felpudas e conhecidas raposas. Inconformados com o ofício encaminhado pelo executivo de que havia publicado a nova lei do transporte universitário e, que os passes estariam a disposição dos estudantes na Secretaria, os vereadores e os cordeirinhos dos chefões, que foram alardear na Câmara, ficaram raivosos. O quê ocê qué dizê cum isso? Sabe quem estava liderando o protesto dos estudantes Zé? Uma tal de Danúbia que, segundo as corujas, parecia estar liderando o grupo do ex-prefeito Clóvis. Além dela tinha sobrinha e outros parentes dele no meio. Bão, intão qué dizê qui o Cróvis tava interessadu nu assunto? É disseram as corujas que ele é pré-candidato e... e e e Bateu uma dúvida... Mi diz uma cousa... Si o ofírcio do Perfeito dizia qui tava tudu certo e tava basiadu na lei qui us veriadoris aprovaram, pur unanimidade, cumé qui elis ficaram fazenu essa barulhama toda uai? É! você tem razão Zé. Para você ter uma idéia o vereador Marinho dizia, esbravejando, que a lei não iria ser cumprida pelo Executivo. Bão, e a obrigação delis num é fiscaliza? Num seria o causu di eli dize intão qui iria exigi o comprimento da lei? Não é comprimento, é cumprimento Zé. Pur que ocê tá reliando com ieu? Não é isso Zé! É que a lei é de uma folha só. E tem mais... As corujas me disseram que a Danúbia, do grupo do Clóvis, usou a Tribuna e disse para que a lei fosse revogada. Ai sabe o que aconteceu Zé? Num sei... Ora ieu nun tava lá! O Bolinha disse que ele revogaria. Uai! Intão iele tá juntu com o Cróvis? Parece que sim. Mai iele qué o Cróvis com todus os processus qui iele rispondi na dona justa? Não sei. Mas, é tudo farinha do mesmo saco! Não é mesmo Zé? Craro!!!! e e e Mas nem todos estavam contra... Qué dizê qui tava tudu contra a lei? Não Zé... As corujas falaram que os vereadores Vânio e Vieira disseram que estava tudo certo e os estudantes poderiam ficar tranqüilos. Mai ielis num conta purque são veriadoris da situação... É! Isso é verdade! Porém, de acordo com as corujas, tinha o presidente do Diretório Acadêmico da Univali, Henrique, que também fez uso da Tribuna, e disse que estava preparado com a metralhadora para atacar, mas depois do ofício do Executivo queria elogiar pela proposta da lei, pois traria economia para os cofres públicos e poderia ser investido em outras áreas da educação. Ao final disse estar convencido que estava tudo resolvido.

3

William De Lucca Martinez Jornalista

De 22 junho de 2012

william.delucca.martinez@gmail.com

Como tudo começou... Naquela linha de matar a cobra e mostrar o pau, nossa equipe procurou saber se era verdade do Executivo de que esta celeuma toda foi por conta de mais uma, das inúmeras denuncias do vereador Bolinha. Neste caso pudemos confirmar que de fato o “denunciador mor” da Câmara, representou o município no Ministério Público (representação nº 01.2011.010009-6/processo nº CON-TC0031407/70) e no Tribunal de Contas do Estado (REP-11/00427519). Pur quê ocê fala “denunciadô mor”? Porque já há um ano e meio, o Bolinha e seus colegas de oposição mudaram a função da Câmara de Legislativa para Denunciativa, tal é a quantidade de denuncias feitas contra o Prefeito. Vale lembrar que aquelas que já foram apreciadas foram todas arquivadas por serem infundadas? e e e Quem tá com quem... Na semana passada não conseguimos acessar o Tribunal Regional Eleitoral para colocar nossa lupa em mais um partido. Nessa edição vamos ver como anda o Partido Republicano. É possível observar que o PR cresceu no número de filiados, desde a última eleição. E tem argúem di pesu? Olha Zé! Tem gente de peso e de tamanho. Comu anssim? Veja só! Tem um tal de João Luis Emmel, de mais de dois metros de altura, que por sinal teve sua pré-candidatura a prefeito, anunciada pelo partido, no dia 19 de junho. Tem o André Gobbo, o Aristides Nolli, o Ayrton Justino Silva Junior e o Valdir Luiz Zanella Junior. E elis vão sai cum canidatura pópria é? Tudo indica que sim. Essa ieu num isperava... Para você ver Zé! Muita água vai rolar por baixo da ponte até dia 30 de junho. e e e Quem tá com quem... 2 Bom, como ficamos devendo semana passada nada mais justo que fazer o trabalho dobrado nesta semana. Vamos ver o Partido Verde como está para estas eleições. Verificamos que o PV também teve um crescimento significativo desde a última eleição. Tem em seus quadros o ilustre, Higino Antônio Oltramari, o empresário da comunicação, Deolir de Souza Machado, o empresário Gilmar Antônio Comin, o famoso colunista Odir Flavio do Nascimento, e o presidente do partido, Pedro Henrique Pereira Becker. É! Elis tem genti ilustri e di peso memo, né! E arguns dessis podi vi a se pré-canidato a perfeito? Olha Zé, do jeito que a coisa anda não duvido nada...

litoralcatarinense@gmail.com

e e e Procuram-se pneus e baterias. O Grupo Especializado de Combate ao Crime organizado, que pegou o esquema da Currupção em Porto Belo, esteve no último domingo (17) vistoriando os veículos do Município. A grande procura foi por baterias e pneus, já que haveria várias aquisições destes objetos. Segundo se conta em Porto Belo, o esquema da Currupção transformou pneus e baterias em caminhonetes e muitos litros de cerveja bebidos em vários bares da cidade! Isso é que é mágica! e e e A Gasolina que dava para ir à Lua! Segundo o Veredor Maninho (PT), na última sessão da Câmara de Vereadores de Porto Belo, no dia 18, a quantidade de gasolina que foi adquirida pela Prefeitura de Porto Belo no Governo da Currupção daria para ir e voltar 4 vezes à Lua, fazendo cada automóvel 10 Km por litro. Há quem diga que Maninho errou nos cálculos, já que os foguetes da NASA gastam mais gasolina que os automóveis da Prefeitura de Porto Belo. Será? e e e As certezas e incertezas. Muitos partidos de Porto Belo hoje estão na dependência da decisão uns dos outros. A candidatura à reeleição do Prefeito Vadinho (PSD) que era certa até bem pouco tempo, está em dúvida. Tem Vereador e ex-vereador com situação enrolada na justiça. De certo, só o fato de que o povo quer mudança e que está repudiando todo o esquema da Currupção. O fato é que aqueles que estiverem ao lado do ex-prefeito sairão derrotados. e e e Quem é mudança? Nas próximas eleições em Porto Belo muitos posarão de mudança, já que é isso que o povo quer. O fato é que os eleitores devem todos ficar atentos para quem será efetivamente mudança e quem serão os lobos em pele de cordeiro. É importante observar a coerência das palavras e ações, separando o joio do trigo! De boa intensão o inferno tá cheio!


4

política

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Partidos costuram alianças de olho na prefeitura Neste jogo de construção e desconstrução de alianças quatro são as figuras que surgem no comando deste jogo, sobre os quais recaem decisões importantes neste jogo que há de apontar o sucessor do Governo de seis anos do petista Sabino Bussanello.

H

á 15 dias para o início das eleições municipais deste ano, assim como em qualquer outro lugar Itapema já é cenário de uma série de movimentações e reuniões políticas. Partidos, com mais e menos expressão, se reúnem em um debate sem tréguas medindo forças para angariarem não apenas a confiança do eleitorado, mas também visando acumularem mais tempo nos programas eleitorais gratuitos na rádio. Neste jogo de construção e desconstrução de alianças quatro são as figuras que surgem no comando deste jogo, sobre os quais recaem decisões importantes neste jogo que há de apontar o sucessor do Governo de seis anos do petista Sabino Bussanello. Assim como em outras épocas, no cenário local ressurgem as figuras dos ex-prefeitos os quais, mesmo fora do poder, atraem para seus redores seus militantes e simpatizantes e, assim, definem-se as alianças para a derradeira disputa. Dos quatro prefeitos de Itapema que ainda fi-

guram no cenário político possível aproximação dos mesmos com o PPS de Rilocal estão José Higino cardo Rosa; PSD de Nilza Furtado (PMDB); Magnus Francisco Guimarães Simas e o próprio DEM, (PDT); Clóvis José da Ro- do ex-prefeito Clóvis. Numa outra corrente cha (DEM) e Sabino Busdesponta a atual vicesanello (PT). Se em nível -prefeita Maria Luci da nacional há a coligação Silva (PP) que parece entre PT e PMDB, aqui ter se aproximado na antiga Tade Ricardo Rosa pera, não será Caberá ao povo, (PPS) e também em 2012 que a em 7 de outubro, com a sua sobrinha rixa histórica definir quem Nilza Simas (PSD); entre ambos governará sendo que neste será resolvida; Itapema nos momento, a disputa uma vez que o PMDB – leiapróximos anos. interna repousa em saber qual deles -se Giliard Reis abre mão de liderar - já declarou e a chapa; não descartando já desfila em público ao alianças com os partidos lado do pré-candidato de oposição bem como tucano Rodrigo Costa. de sustentação ao GoverGiliard – que cumpriu no atual de Bussanello. um mandato tampão em Embora mais inclinado 2004, quando do afastaao lado da direita, o PP mento do prefeito Clóvis ainda pode reeditar a – desta vez parece ter parceria de 2008. aceito a condição de vice Apesar de ter sido na composição com o cassado em 2006 e ficado PSDB, no entanto, ainda no escanteio em 2008; o há quem aposte numa

DEM ressurge nas eleições deste ano apostando em reconduzir o ex-prefeito Clóvis à prefeitura, tendo ao seu lado a empresária Lorita Montagner. No entanto, ainda não descarta a chance de uma aproximação com seus ex-aliados PPS, PSD e PMDB. Do outro lado da moeda figuram o ex-prefeito Magnus Guimarães (PDT) e o atual Sabino Bussanello (PT) – atuais aliados. Depois de o PT indicar o vereador professor Vieira para a sucessão de Bussanello, Guimarães lidera a conversação com outros partidos que dão sustento ao atual Governo como o PRB, PMN, PV, PCdoB e PR. Para dedicar-se a este projeto que chama de “terceira via” nesta semana Guimarães pediu a sua exoneração e, pelo que se ouve, deve com-

por a chapa majoritária com Ivanor de Souza (PRB). No entanto, nesta semana ventilou-se o nome do advogado João Emmel, do PR. Vê-se que nada é definitivo e até as convenções tudo pode acontecer. No entanto, neste jogo de bilhar, onde as bolas estão na mesa espera-se a tacada final que repousa sobre a responsabilidade de Bussanello e do próprio PT. Percebe-se que, dependendo das decisões internas do Partido dos Trabalhadores, o jogo pode mudar de uma hora pra outra as alianças se recompõem novamente, ou então, se desfazem de uma vez por todas. Bussanello, que até agora, tem defendida a necessidade de um consenso entre os partidos aliados ao seu Governo, tem pouco mais de uma semana para acertar a mira e apresentar o seu candidato oficial. O pronunciamento de Bussanello é o que até mesmo a oposição declarada a ele espera escutar. Dependendo do nome indicado, este jogo, de alianças e desalianças, tem tudo para recomeçar. Com a palavra o prefeito! Neste cenário de ex-prefeitos, observa-se que, se quiserem medir forças ainda há possibilidades de alianças entre os aliados de Magnus e Sabino versus José Higino e Clóvis; ficando o PP no meio da balança, decidindo para onde pende. Queiramos ou não, a exemplo das últimas eleições, vislumbra-se uma disputa entre duas principais forças: o passado e o presente; e caberá ao povo, em 7 de outubro, definir quem governará Itapema nos próximos anos.


política

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Gaeco investiga veículos da prefeitura de Porto Belo Ação teve o objetivo de verificar a existência da chamada “licitação de papel”

O

Grupo Especializado de Combate a Corrupção (Gaeco) periciou todos os veículos da Prefeitura de Porto Belo durante o domingo (17). A operação aconteceu na própria garagem do Poder Executivo, vinculada a Secretaria de Obras, localizada no centro do município. O foco da ação foi a análise de peças de automóveis que teriam sido, supostamente, adquiridas e não entregues – principalmente pneus e baterias. A vistoria apurou informações para verificar a não entrega de peças por meio

Grupo de combate a corrupção analisou peças que teria sido, supostamente adquiridas e não entregues. da “licitação de papel”. Nesse golpe os procedimentos licitatórios não adquirem nada efetivamente, apenas tem a intenção de desviar dinheiro público para administradores e empresários envolvidos. Investigações Depois do início da Operação Bola de Neve em algumas prefeituras de Santa Catarina, o GAECO busca informações para combater a corrupção levantada em

suas investigações. Em Porto Belo o foco são os contratos feitos durante a administração do ex-prefeito Albert Stadler “Curru”, que esteve à frente do Poder Executivo do município por sete anos e três meses, iniciando como filiado do PTB e terminando como do PSDB. Operação Bola de Neve O ex-prefeito de Porto Belo, Albert Stadler “Curru” (PSDB), o ex-secretário da Saúde, Antônio Ballestero

Garcia Jr., o ex-secretário de Administração, Ailton Motta Porto, de um funcionário do setor de compras e outros de 11 acusados ficaram presos durante 10 dias durante investigações do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) sobre supostos crimes de formação de quadrilha, fraudes de licitações e crimes contra a administração pública. Segundo o MPSC, além das prisões, houve apreensão de documentos, dinheiro e

5

computadores nos municípios de Anita Garibaldi, Cerro Negro, Porto Belo e São Joaquim. Outras autoridades também foram chamadas para prestar depoimento sobre o caso de corrupção, como o atual prefeito de Porto Belo, Osvaldo Ramos Filho “Vadinho”. Há pouco mais de um mês, Curru renunciou ao cargo de prefeito. A alegação seria a de que iria assumir a secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) de Itajaí, o que acabou não acontecendo. Em março, Curru havia deixado do PTB pra se filiar ao PSDB. A operação recebeu o nome de “Bola de Neve” em decorrências das supostas fraudes em um dos municípios mais frios do Brasil e da sua possível extensão para outros municípios fazendo o efeito bola de neve.


6

geral

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

4ª Companhia do 12º BPM tem novo comandante

N

a tarde de sexta-feira (15), às 16h, foi realizada a solenidade de passagem de comando da 4º Companhia do 12º Batalhão da Polícia Militar (BPM), sediada em Itapema. A formatura marcou a passagem de comando do major Darci Antônio Varela, que foi substituído pelo capitão Eder Jaciel de Souza Oliveira. A cerimônia foi presidida pelo comandante do 12ºBatalhão de Polícia Militar (BPM), tenente coronel Renato José Thiesen. A formatura contou com a presença de várias autoridades, dentre elas o prefeito de Itapema, Sabino Bussanelo, o prefeito de Porto Belo, Osvaldo Claudino Ramos Filho, o prefeito de Bombinhas, Manoel dos Santos, além de membros do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) de Itapema e outras autorida-

O capitão Eder Jaciel de Souza Oliveira assumiu o comando da Polícia Militar na região des civis e militares. O major Darci Antônio Varela agradeceu aos po-

liciais militares pela ajuda durante seu comando, o que refletiu positivamen-

te no desempenho de sua função como comandante: "Melhorar sempre foi a

meta perseguida’’, destacou. Agradeceu também o apoio de sua família, que sempre esteve ao seu lado durante esses quase dois anos de comando. O prefeito de Itapema elogiou o trabalho do comandante substituído e o empenho dos policiais militares na garantia da segurança pública da região de Itapema, Porto Belo e Bombinhas, além de dar as boas vindas ao novo comandante, capitão Eder Jaciel de Souza Oliveira. O major Darci Antônio Varela recebeu o elogio consignado pelo comando da 4ª Companhia do 12º BPM das mãos do comandante, tenente coronel Renato José Thiesen. O capitão Eder Jaciel de Souza Oliveira recebeu uma placa de agradecimento dos policiais militares do 4º Pelotão de Bombinhas como forma de reconhecimento pelo trabalho desenvolvido.

Política

Ministra recebe presidente do PT de Porto Belo O presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) de Porto Belo, Evaldo Guerreiro, esteve em Brasília na quinta-feira (14), em agenda com a ministra da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, Ideli Salvatti. A pauta do encontro foi baseada em projetos que tramitam junto ao Governo Federal relacionados a Porto Belo e a articulação política no município. Segundo Evaldo Guerreiro, os resultados das tratativas foram muito bons, principalmente por ver que a tramitação dos

projetos de Porto Belo estão regulares, constando apenas alguns de carência de prestação de contas para sua continuidade, relacionados a alguns Ministérios e o órgão de financiamento. “Vi que Brasília está de portas abertas para Porto Belo, sobretudo o Governo da Presidenta Dilma. Confirmei também que a ministra Ideli Salvatti tem um carinho todo especial por nossa cidade. Fico feliz com as perspectivas e possibilidades futuras que se abriram para o nosso município”, explica.

Ideli Salvatti e Evaldo Guerreiro discutiram tramitação de projetos relacionados ao município de Porto Belo.

Recursos para Porto Belo Desde 2005, Porto Belo foi contemplado com alguns projetos e recurso Federais, como o Píer Turístico no valor de R$ 585.000,00 (convênio 592493), a Implantação da 1ª Etapa do Sistema de Esgotamento Sanitário de Porto Belo no valor de R$ 16.953.839,21 (convênio 598654) e a Creche do Perequê R$ 611.917,90 (convênio 664969), além de algumas ruas e demais programas federais. O total de repasses ao município ultrapassa o montante de R$ 60.000.000,00 desde 2005. Todas as informações estão disponíveis no site do Portal da Transparência (http://www.portaltransparencia.gov.br).


segurança

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

ALESC debate segurança pública em Itapema Ascom Câmara de Vereadores

A Audiência Pública sobre a criminalidade na região foi organizada pela Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa.

U

m grande encontro para debater a segurança pública do litoral Norte de Santa Catarina, aconteceu na noite de quinta, dia 14 de junho, em Itapema. Autoridades políticas, lideranças empresariais e população lotaram o plenário da Câmara Municipal de Vereadores, que recepcionou municípios vizinhos da faixa de Penha a Bombinhas. A Audiência Pública sobre a criminalidade na região foi organizada pela Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa. Na oportunidade o Delegado de Itapema, Giancarlo Rossini, anunciou que em 2010, Itapema teve um índice de 19,65% de criminalidade, enquanto Balneário Camboriú registrou apenas

7

Autoridades políticas, lideranças empresariais e população lotaram o plenário da Câmara Municipal de Vereadores, que recepcionou municípios vizinhos da faixa de Penha a Bombinhas 9,32%. Chefiada pelo Presidente da Comissão de Segurança, deputado Gilmar Knaesel (PSDB), a audiência de Itapema foi a sexta a ser realizada no Estado e segundo Kanesel, ao todo dez debates diretos com a população catarinense serão feitos. Com base nos pedidos da população registrados nas audiências, a Comissão vai realizar um diagnóstico da situação da

segurança em Santa Catarina. “Essas audiências terão consequências”, garantiu Knaesel. Abaixo assinado e ofício: Sandra Cordeiro Burigo, moradora de Itapema, levou um abaixo assinado com 4.375 assinaturas aos componentes da mesa. “Ainda faltam as assinaturas dos moradores de municípios que apoiam a causa da falta de segurança. Queremos chegar a 10.000

assinaturas reivindicando por mais segurança”, declarou. Fernando Bento, secretário executivo da Associação de Moradores de Meia Praia, entregou um oficio à Comissão de Segurança Pública apresentando quatro dos vários pontos que consideram fundamentais para a segurança pública do município. A criação de um posto de polícia na BR-101 que atenda Itapema, Porto

Belo, Bombinhas e Tijucas foi uma das reivindicações, assim como a construção de nova delegacia de Polícia Civil. A destinação de verbas públicas também foi debatida, para que haja mais parceria entre estado e municípios na construção de centros de recuperação de dependentes químicos, já que este é considerado o fator de maior relevância na questão da violência urbana. O relato mais marcante da noite, veio no relato emocionado do comerciante de Porto Belo, José Vilmar, que foi teve sua loja assaltada nesta quarta-feira, 13, e abriu seu discurso agradecendo a Deus por ele e sua família estarem vivos, depois te terem ficado na mira dos assaltantes. “Em 10 minutos, eles levaram quase dois anos do meu trabalho. E nós comerciantes, deixamos de colocar câmeras nas nossas empresas, porque precisamos investir no cupom fiscal, para contribuir cada vez mais com um governo que não faz nada pela nossa segurança”, lamentou.

“EMPRESA PATROCINADORA DO HANDEBOL DE ITAPEMA”

Rua: 412-A, nº 400 Bairro Morretes - Itapema/SC 47- 3368.0448 ou 47-33688315

Matriz: entre as ruas 211 e 213

Filial: rua 295 ambas a beira mar


8

cultura

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Bussanello sancionará Lei que denomina nova escola A escola Professora Mariazinha deverá ser entregue à comunidade em outubro de 2012

O

prefeito de Itapema Sabino Bussanello (PT) sancionará na próxima semana o Projeto de Lei de autoria do vereador Luiz Carlos Vieira (PT), através do qual denomina a nova Escola Municipal de Educação Básica que está sendo construída na Rua 294, na Meia Praia, com o nome da Professora Maria de Lourdes Cardoso Mallmann, falecida em 26 de dezembro de 2011. A proposta aprovada pelos vereadores homenageia a Professora Mariazinha – como era conhecida - por sua significativa contribuição à educação e cultura de Itapema. “Dona Mariazinha soube muito bem resgatar os elementos da cultura açoriana. Em inúmeras oportunidades ela nos prestigiou com belas apresentações até mesmo aqui nesse plenário, onde eu como pai, assistia as encenações de boi-de-mamão da qual minha filha participava”, registrou o vereador

Professora Mariazinha foi a primeira mulher a presidir a Academia Itapemense de Letras Vieira durante a sessão de aprovação do Projeto por unanimidade. O autor do projeto lembrou, ainda, do importante papel de Mariazinha na fundação da Academia Itapemense de Letras, da qual o prefeito Sabino também faz parte. Maria de Lourdes foi a primeira mulher a assumir a presidência da instituição e teve três livros de poesia publicados. O prefeito Bussanello recebeu com a alegria a

proposta dos vereadores, dizendo que esta é uma justa homenagem a uma professora que atuou intensamente no município e que é imortalizada emprestando seu nome a uma importante obra para a comunidade de Meia Praia. A escola que receberá o seu nome terá 2.870,96 m2, 11 salas de aula, sala para aulas especiais, p��tio coberto e banheiros adaptados e quadra poliesportiva coberta, entre outros.

Biografia Maria de Lourdes Cardoso (Mariazinha) nasceu em Santa Rosa no dia 12 de janeiro de 1939, filha de Clotilde Assumpção Cardoso e Vicente Theodomiro Cardoso. Na década de 90, ao mudar-se para Itapema, Mariazinha tratou de desenvolver um projeto de danças folclóricas nas escolas da rede municipal de ensino. Este trabalho envolveu aproximadamente mil crianças, as quais

trabalharam vinte e uma etnias. Ela mesma entregou-se a pesquisa, buscou trajes típicos, incentivou e organizou feiras e exposições da gastronomia e costumes que bem representassem cada país, visando possibilitar a comunidade, maior conhecimento sobre os hábitos dos países ali representados. Sobre os seus escritos vale mencionar que ela já publicou três livros, “Tardes de Chuva”, livro de poesias, publicado em Giruá (RS), “Estigma”, romance publicado em 1993, lançado na Feira do Livro de Porto Alegre, e “Versos que vem do Mar”, lançado em Itapema, em setembro de 2005. Além disso, participou de uma coletânea de poetisas brasileiras na obra “Mulher Poeta”. Mariazinha também recebeu o prêmio “Maricota”, primeiro lugar e destaque feminino da literatura catarinense. Foi eleita em 2002, a primeira mulher a presidir a Academia Itapemense de Letras, onde comandou por dois anos os trabalhos. Casou-se com Alceu Ambros Mallmann, com ele teve sete filhos: Rubem, Maurício, Bernardete, Adalgisa, Rogério, Graziela e Cristiane.

dança

Itapemense garante vaga em Festival Internacional O dançarino Natan de Ramos, conhecido como Pacman, conquistou o segundo lugar no 22° Festival de Dança Mery Rosa, que aconteceu no sábado (16) no Teatro Municipal de Itajaí (SC). Com essa conquista ele garantiu vaga no Festival Internacional em Indaia-

tuba (SP), na modalidade Dança de Rua Individual Masculino. Natan faz parte do Grupo Anjos de Rua, que tem o apoio da Prefeitura de Itapema, por meio da Secretaria de Esporte, Cultura e Lazer. O professor Ivan Santos, diretor e coreógrafo do

Natan de Ramos faz parte do Grupo Anjos de Rua, que tem o apoio da Prefeitura de Itapema.

grupo, ficou satisfeito com o resultado. Ele acredita que “os jovens de Itapema podem desenvolver sua arte, ocupar sua ociosidade com atividades culturais e divulgar a cidade através do trabalho cultural”. O Grupo Anjos de Rua conta atualmente com 35 integrantes e o Projeto Cultura nos Bairros, do atual Governo Municipal, possui 117 alunos nas oficinas de Hip Hop.


geral

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Vereador solicita ciclovia e iluminação A iluminação é uma antiga reivindicação dos moradores dos bairros

O

vereador itapemense Vanio Cesar Vieira (PT), através de dois requerimentos encaminhados para a Autopista Litoral Sul, solicita à concessionária a implantação de iluminação na passarela que liga o bairro Morretes à Meia Praia e na passarela do bairro Ilhota. Segundo Vanio, desde que as passarelas ficaram prontas, há alguns anos, a iluminação é uma reivindicação dos moradores dos bairros que, durante a noite, convi-

vem com a insegurança de não haver iluminação pública nestes locais. “A falta de segurança já ocasionou algumas ocorrências criminosas nas duas passarelas”, destacou o parlamentar. O vereador também pede a implantação de um trecho de ciclovia, na Marginal Leste da BR-101, mais precisamente no trecho que liga os

bairros Meia Praia e Morretes ao Centro de Itapema. Vanio ressaltou que a construção de uma ciclovia neste entre as Ruas 165 e 205 já foi objeto de indicação na Câmara de Vereadores de Itapema. “As marginais são de competência da concessionária, portanto estamos pleiteando a implantação desse trecho de ciclovia junto a Autopista. Se for construído este trecho, teremos um aumento em cerca de dois quilômetros na malha viária de ciclovias em Itapema integrando ainda mais qualidade de vida a população. Além disso, teremos mais segurança para esta opção de transporte que é barata, saudável e ecologicamente mais adequada”, analisou o vereador.

9

Transparência ALESC traz salários legislativos Desde a última sexta-feira (15) a Assembleia Legislativa disponibiliza a todos os interessados o valor dos vencimentos dos seus 1,7 mil servidores, além dos cerca de 500 aposentados e militares cedidos à Casa. A medida atende à Lei nacional 12.527/2011, conhecida como Lei de Acesso à Informação, que garante transparência a todos os atos públicos. As informações podem ser obtidas no espaço Transparência Alesc, disponível no endereço transparencia. alesc.sc.gov.br ou pelo site www.alesc.sc.gov.br. Além do cargo, função, situação jurídica do servidor (efetivo ou comissionado) e data de contratação, o espaço passa a divulgar o valor do

salário total e dos descontos de Imposto de Renda e previdência social. Segundo o diretor geral da Assembleia, Carlos Alberto de Lima Souza, a Comissão de Transparência Institucional, formada por servidores de diversos setores, teve como preocupação inicial disponibilizar, em tempo hábil e num único espaço virtual, as informações de interesse público, excetuadas as consideradas de caráter sigiloso. O próximo passo, adiantou, será alterar a formatação do site, facilitando o acesso aos dados. “O Transparência Alesc continua sendo aperfeiçoado, visando não só tornar públicas as informações, mas também estimular a participação e a fiscalização da sociedade”, afirmou.


10 turismo

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Reunião com associados O Costa Esmeralda Convention & Visitors Bureau realizou, na segunda-feira, dia 18, uma reunião com associados. Participaram do encontro representantes de cerca de 30 empreendimentos da região, assim como de gestores públicos da área do turismo dos municípios. O presidente da entidade, Sylvio Gumz, apresentou as ações realizadas pela entidade e as novas propostas de trabalho para o Convention. Objetivo do Convention Para abrir os trabalhos, Sylvio destacou o objetivo do Convention, através da declaração de do jornalista Milton Carmichael, quando a associação surgiu nos Estados Unidos, em 1896: “Faz-se necessário que nossos empresários entendam que é preciso trabalhar pelo bem da cidade, e não apenas pelo sucesso do próprio negócio. É preciso entender que o concorrente não é inimigo, pode ser parceiro. É necessário que paremos de olhar para o umbigo e saibamos olhar o futuro e aproveitar as oportunidades que só unidos seremos capazes de ver”. O presidente destacou ainda a atualidade do texto. Atividade prática de escalada em parede l Arquivo Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico

Bombinhas recebe visita dos Grupos

O próximo município da região Costa Verde & Mar a ser visitado será Itapema, no mês de Julho

N

a terça-feira (12), a Prefeitura de Bombinhas, através da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico, recebeu a visita dos Grupos de Trabalho de Ecoturismo e Turismo de Aventura da Costa Verde & Mar. A ação, é parte do projeto que está sendo desenvolvido pelo Consórcio Intermunicipal de Turismo Costa Verde e Mar – CITMAR, que tem como objetivo formatar roteiros de Ecoturismo e Turismo de Aventura, ofertando ao turista e visitante, a prática de atividades do segmento durante o ano todo nos municípios que formam a região turística Costa Verde & Mar.

Em um primeiro momento, os grupos foram recepcionados pela equipe da Secretaria de Turismo na sede da Associação Empresarial de Bombinhas – AEMB para a apresentação do relatório da visita anterior, ocorrida em Porto Belo, que foi conduzida pela equipe do Instituto Alouatta, e para uma conversa sobre o mergulho, produto turístico já consolidado em Bombinhas e as unidades de conservação da cidade. O Presidente da Associação das Escolas e Operadoras de Mergulho do Estado de Santa Catarina, Renieri Balestro compartilhou com o grupo as características do produto e as certificações e normas

que regulamentam a prática da atividade do mergulho recreacional. As agências reguladoras e o modelo de normatização utilizado no mergulho são referência para a regulamentação das diversas atividades de ecoturismo e turismo de aventura que são desenvolvidas e estão sendo estruturadas no Brasil. Já o Engenheiro Florestal da Fundação Municipal de Amparo ao Meio Ambiente – FAMAB, Edison Baierle, expôs a realidade das unidades de conservação de Bombinhas e como está sendo desenvolvido o plano de manejo da Área de Relevante Interesse Ecológico Costeira de Zimbros. Em seguida, Gilberto Cunha e Rafael Gartner de Oliveira receberam o grupo no Mirante Eco 360º, onde ocorreram as visitas ao museu e mirantes e a prática das atividades de aventura: tirolesa, escalada em parede, arvorismo infanto-juvenil e gironauta. O próximo município da região Costa Verde & Mar a ser visitado será Itapema, no mês de Julho, onde também será apresentada a avaliação dos equipamentos turísticos visitados em Bombinhas.

Ações desenvolvidas Os associados e gestores públicos acompanharam a apresentação das ações desenvolvidas pelo Costa Esmeralda Convention, com destaque para a participação em eventos. Entre eles, o Workshop CVC, o Salão de Negócios Turísticos de Porto Alegre, o Global Meetings Management, a BNT Mercosul e a Travel Mart Latin America. Sylvio apresentou também os cursos já realizados e em desenvolvimento, fruto da parceria com as secretarias de Turismo e o Sebrae/SC. Novos projetos Sylvio, que assumiu a presidência em maio deste ano, mostrou aos associados as propostas de trabalho para sua gestão. O apoio à concepção de um Arranjo Produtivo Local (APL) na Costa Esmeralda, que vem sendo desenvolvido pelo Sebrae foi apresentado. A proposta de incentivos para os associados para a arrecadação de Room Tax, que é um dos principais suportes de manutenção das atividades da entidade, também foi explicada aos participantes. Entre as proposta de Sylvio, está ainda aumentar a captação de eventos pata a região, principalmente os esportivos. “Estes eventos trazem um retorno importante de movimentação econômica das cidades, porque geram grande ocupação nos meios de hospedagem e favorecem também outros negócios ligados ao turismo”, destacou Sylvio. A ideia é também procurar entidades de classe e apresentar a região como possível destino para congressos e feiras. Semana Internacional de Gastronomia A 5ª edição da Semana Internacional de Gastronomia da Costa Esmeralda também foi abordada no encontro. Este ano, ela será realizada de 22 a 29 de setembro. Associados apresentaram suas indicações para melhorar o evento, que vem se firmando como um dos mais importantes da área no Estado. Sylvio defendeu a realização de noites especiais com chefs locais, como forma de valorização dos profissionais de Itapema, Porto Belo e Bombinhas. A realização da Rota Gastronômica, que acontecerá durante todo o mês de setembro, também foi amplamente discutida. A participação dos restaurantes na abertura da Semana Internacional de Gastronomia foi uma das propostas levantadas para dar mais visibilidade aos participantes da Rota Gastronômica.


geral 11

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Escola Paulo Reis trabalha a favor da reciclagem Alunos e professores conheceram projetos que utilizam recursos naturais, para preservação e conscientização ambiental.

O

s alunos e professores da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Vereador Paulo Reis, do bairro Sertão do Trombudo de Itapema, estudam materiais recicláveis para implantar sistemas sustentáveis na unidade. Na semana passada, as turmas de 5ª e 8ª séries da escola visitaram a Estação Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI) e

Alunos desenvolverão o sistema de aquecimento solar com garrafas PET e embalagens longa vida conheceram projetos que utilizam recursos naturais. De acordo com a diretora da EMEB Paulo Reis, Josiane Maria Simas, a

ressados em desenvolver o sistema de aquecimento solar com garrafas PET e embalagens longa vida”, afirma. Segundo ela, a uni-

MEIO AMBIENTE

comunidade

Sertão do Trombudo promove festa em honra a São João Quem comemora seu padroeiro neste final de semana é a Comunidade São João Batista. Serão dois dias de festa. No sábado, às 20h, tem Celebração da Palavra seguido de atividades típicas, como churrasco, galeto e as tradicionais barraquinhas do pinhão o quentão. No domingo (24) acontece a Santa Missa festiva às 10h30 e segue com almoço e bingo com vários prêmios. São João Batista no bairro Sertão do Trombudo é a Igreja mais antiga de Itapema, na verdade anterior à própria cidade. Durante a pesquisa feita por jornais do município foi localizado um livro ata

partir dessa visita os alunos e professores decidiram adotar alguns projetos e implantá-los na escola. “Nós ficamos muito inte-

dade sempre procura realizar trabalhos que utilizem materiais recicláveis. Os alunos também conheceram diversos projetos que têm como base a preservação e conscientização ambiental. O biodigestor produzido pela Epagri com materiais reciclados chamou a atenção, assim como o Projeto Arroz, Fruticultura, olericultura orgânica, plantas bioativas, aproveitamento de água de chuva e o projeto flora. A visita complementou o aprendizado desenvolvido ao longo dos meses. Os alunos também realizam trabalhos e aprendem sobre questões ambientais e técnicas existentes na busca da preservação e uso sustentável dos recursos biológicos de nosso planeta.

Escolas de Itapema recebem visita do Eco-ônibus da FATMA

Dentro do ônibus há a exibição de vídeos relacionados à preservação do meio ambiente com todas as descrições das atividades, nomes das famílias, receitas e despesas, com registro de diversos anos desde 1928 até 1978, quando a comunidade ainda se chamava Sertão do Perequê, município de Porto Belo.

Cinco Escolas Municipais de Ensino Básico (EMEB) de Itapema receberam a visita do Projeto Eco-ônibus, da Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (FATMA), entre 18 e 22 de junho. A ação faz

parte do Eco-Calendário 2012, do projeto Escola 100% Ambiente, elaborado pelo setor de Educação Ambiental da Fundação Ambiental Área Costeira de Itapema (FAACI). O projeto tem o objeti-

vo de iniciar um processo de reflexão e conscientização sobre Educação Ambiental. A metodologia utilizada é baseada em palestras sensibilizadoras e motivadoras, com a apresentação de vídeos, distribuição de materiais educativos, teatro de fantoches e dinâmicas de grupo, que estimulam a responsabilidade e compromisso com as questões ambientais. O ônibus chama atenção por suas cores vibrantes, destacadas por fora por imagens do meio ambiente e por dentro pela tecnologia utilizada. O veículo oferece 20 acentos, DVD e uma estrutura para acomodar visitantes. Dentro do ônibus há a exibição de vídeos relacionados à preservação do meio ambiente.


12 contracapa

De 22 de junho de 2012

litoralcatarinense@gmail.com

Nova Lei altera forma de ajuda para transporte universitário Como consta na nova Lei, o valor máximo que cada universitário poderá receber será equivalente a quarenta passagens mensais

O

prefeito de Itapema, Sabino Bussanello (PT), sancionou na segunda-feira (19) a Lei Municipal 3088, que altera o Artigo 1º da Lei Municipal 2830/2010. O texto é resultado de Projeto de Lei do Poder Executivo, com o objetivo de autorizar a Prefeitura de Itapema a conceder ajuda de custo para o transporte estudantil dos universitários do município. Como consta na nova Lei, o valor máximo que cada universitário poderá receber será equivalente a quarenta passagens mensais, de acordo com a grade curricular do estudante requerente fornecido pela instituição. Além disso, o valor repassado será calculado sobre a chamada passagem de estudante, ou seja, de 50% do valor de uma passagem normal da linha utilizada. Um Decreto Municipal será publicado nos próximos dias para organizar a forma que o valor será repassado para os universitários e como será feita a prestação de contas pelos mesmos. Até o mês de julho de 2012 ainda serão entregues os passes e, a partir de agosto, será feito o repasse do valor aos universitários. Mesmo não sendo uma obrigação legal do município, o atual Governo Municipal sempre apoiou o transporte dos universitários itapemenses. Em 2011, a Prefeitura de Itapema investiu R$ 517.051,54 e beneficiou em média 726 estudantes por mês.

Prefeito Sabino Bussanello esclareceu principais dúvidas dos estudantes do município sobre a nova Lei de ajuda de custo no transporte universitário.

Prefeito Sabino recebeu estudantes nesta quarta O prefeito de Itapema, Sabino Bussanello (PT), esteve reunido com uma comissão de estudantes universitários do município na quarta-feira (20). A reunião teve o objetivo de esclarecer questões e debater encaminhamentos sobre a Lei Municipal 3087, sancionada em 18 de junho. O texto da nova Lei autoriza a Prefeitura a conceder ajuda de custo para o transporte estudantil dos universitários do município. A forma que será feito o repasse da ajuda de cus-

to no transporte, como irá constar no Decreto Municipal para regulação da Lei 3087/2012, foi um dos tópicos discutidos. Ambas as partes, comissão de estudantes universitários e Poder Executivo, concordaram que: o repasse do auxílio será feito por meio de uma autorização de aquisição de passagens, que será apresentada na(s) empresa(s) concessionária(s) que presta(m) serviço(s) regular no município; que horários e itinerários até então praticados serão

mantidos; e que exista um local para aquisição dos passes de estudantes no próprio município, preferencialmente na Secretaria de Educação. Por fim, a comissão de estudantes universitários afirmou estar satisfeita com as explicações dadas pela Prefeitura, ao mesmo tempo em que reafirmou querer sempre o direito de 50% de desconto no transporte universitário, sem precisar receber dinheiro em momento algum. O prefeito Sabino Bussanello lembrou que

a nova Lei alterou apenas a forma do benefício, sem alterar os demais pontos de auxílio aos estudantes universitários. “O município transporta mais de 700 estudantes universitários, que não é uma obrigação legal, mas é uma política pública de valorização educacional. A preocupação do atual Governo Municipal é ajudar os estudantes universitários, ao mesmo tempo de atuar dentro da Lei e do alcance da municipalidade”, completou o prefeito.

Como solicitar os passes universitários? A seleção dos beneficiados do passe estudantil universitário é feita por um processo de análise de documentos, que devem ser entregues na sede da Secretaria de Educação, localizada na João Francisco Pio, 482, no Canto da Praia, das 8h às 12h e 12h30 às 17h, até 31 de agosto. Para a inscrição são necessários os seguintes documentos, além da renda máxima familiar dos pretendentes não ultrapassar cinco salários mínimos, conforme a Lei Municipal nº 2830/2010: - Duas fotos 3x4;

- Cópia dos documentos pessoais (RG e CPF); - Cópia de Comprovante de Residência (fatura de água, luz, telefone fixo ou contrato de aluguel em nome do requerente-autenticado em cartório); - Comprovante de matricula; - Grade curricular; - Comprovante de renda familiar ou DECORE em caso de autônomo; - Contrato de trabalho e da previdência social.


Litoral Catarinense - 30ª Edição