Issuu on Google+

Jornal

Linha Popular aqui Camboriú é notícia

Ano V - nº 245

www.linhapopular.com.br

R$1 @LinhaPopular

Siga-nos no twitter

Camboriú, 29 de novembro de 2013

Política

Sessões da Câmara terão início às 17 horas PÁG. 4

Esporte

Entidades se unem para combater a adoção ilegal Gustavo Zonta/Arquivo/LP

Em 2013, foram registrados dois crimes de venda de bebê em Camboriú. Casos motivaram polícias, Prefeitura, Núcleo de Prevenção às Drogas e à Pedofilia e Conselho Tutelar a criarem cartilha que explica o processo de adoção e as penalidades em caso de comércio de criança página 15

Trajetória de dez anos do Camboriú FC vira documentário PÁG. 22

Política

Ângelo Gervásio é o novo presidente do PMDB de Camboriú PÁG. 6

Em setembro, bebê nascido em Camboriú foi vendido para um casal do Paraná

Perfil: Conheça a história da costureira Dorquinhas Pág. 16

Alunos do Espaço Criança no Dia das Crinaças


2

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Opinião

Editorial

Charge

A importância dos projetos sociais

C

amboriú conta com diversas entidades que fazem a diferença exercendo trabalhos sociais em diferentes bairros da cidade. Com foco no esporte, na educação, no lazer, todas elas dão a crianças e adolescente a oportunidade de evoluir, de aprender, de conviver com seus pares sem precisarem se expor à vulnerabilidade das ruas. Todos os anos, estas entidades recebem recursos do Fundo da Infância e Adolescência – FIA, verba do município que é obrigatoriamente destinada para este fim. Porém, antes de recebê-la, a Câmara de Vereadores precisa aprovar o repasse dos recursos e, nesta semana, todas se reuniram para explicar para os edis como funciona o trabalho de cada uma. Vale ressaltar que a maioria das instituições já possui um antigo e reconhecido trabalho na cidade, fato que deveria agilizar o processo de liberação dos recursos, ultrapassando etapas como reuniões de apresentação. Estas entidades, na sua maioria, cumprem na sociedade uma

função que teria que ser suprida pelo Poder Público e, por isso, deveriam receber apoios amplos e irrestritos por parte dos agentes políticos. O que seria de Camboriú hoje sem o Latarte, no Monte Alegre, sem a Kadiz no Taboleiro, sem o Lar Bom Pastor, no Rio Pequeno? Teríamos, certamente, centenas de crianças a mais nas ruas expostas cotidianamente à violência, ao crime, às drogas. Só este fato já deveria ser argumento forte o bastante para que repasses de verbas como este fossem automáticos, permanentes, sem delongas. É claro que é preciso ter cuidado com os destinos do dinheiro público. E é aí que entram os vereadores, visitando cotidianamente as entidades, acompanhando de perto a aplicação dos recursos, entendo o quanto são necessários. Se isso acontecesse, reuniões de apresentação poderiam se transformar em reuniões de agradecimento, onde os líderes de projetos sociais fossem homenageados pelo belo trabalho que exercem na cidade.

Editora

Chargista

Naiza Comel - Mtb/SC 2899 JP

Leandro Francisca

Redação

Contato

Gustavo Zonta - Mtb/SC 3428 JP Fernando Assanti - Mtb/SC 3424 JP Stefani Ceolla

Tel.: 3365-4893 Cel.: 9983-0763

Redação redacao@linhapopular.com.br linhapopular@gmail.com

Tiragem 2 mil exemplares

Site www.linhapopular.com.br

Sede Rua Maria da Glória Pereira, nº 149 - sala 102 - 2º piso Centro - Camboriú CEP 88340-000

As opiniões expressas em artigos e colunas não representam a opinião do jornal e são responsabilidade de seus autores.

Impresso na Gráfica Rio Sul

Este jornal integra o CCJ - Cadastro Catarinense de Jornais

- PERIODICIDADE SEMANAL -

Artigo Cultura da paz

A

exaltação da Paz está expressa na Constituição brasileira de 1988, como também nas Constituições de países latino-americanos e países do mundo. A paz é valor grandemente realçado na Declaração Universal dos Direitos Humanos e na Declaração Americana de Direitos e Deveres do Homem. A paz foi consagrada em pactos internacionais firmados pelo Brasil e por vizinhos da América Latina. Não obstante a relevância de tudo isto, a cultura da paz suplanta o acolhimento constitucional e legal do valor “paz” e suplanta também a força dos pactos que sejam firmados pelas nações. Consagração constitucional e legal, celebração de pactos, instituição de mecanismos de controle - tudo isso é importante na defesa da paz. Entretanto uma “cultura da paz” é decisiva para sua vigência efetiva no mundo, na vida concreta dos povos. Ou dizendo de outra forma:

Constituição, leis, pactos, mecanismos controladores exigem como pressuposto uma “cultura da paz”. A ideia de paz acolhida nas mentes e corações resulta de uma busca da inteligência e da vontade. Cultura da paz, devotamento à paz, absorção do ideal de paz, disseminação do sentido de paz em todo o organismo social, em nível nacional e internacional - este é o desafio que cabe enfrentar. Uma cultura da paz pede um imenso esforço de educação. Trata-se de uma empreitada específica, direcionada a um objetivo escolhido, ou seja “educar para a paz”, educar para o florescimento, a manutenção e a defesa da paz. Ou de maneira ainda mais incisiva - o que se deve pretender é a educação para plasmar na alma das pessoas, dos grupos sociais, dos povos uma cultura da paz radicada no inconsciente coletivo. Esse esforço educacional terá, necessariamente, diversas fronteiras de atu-

ação: na escola, na família, nas igrejas, nas organizações da sociedade civil, nos meios de comunicação social. A empreitada não é fácil porque a defesa da paz não é unânime. Há atores sociais que desejam a guerra, que vivem da guerra. Há forças que alimentam a discórdia, que desencorajam o diálogo, que sabotam todo e qualquer esforço pacifista. Há todo um aparato de sofisticada comunicação destinado a envenenar a opinião pública com uma mensagem subliminar belicista. Os arautos da Paz têm de estar vigilantes para contrapor o entendimento à surdez no ouvir, a mesa de negociações às trincheiras, o convívio entre as nações ao isolamento. Por João Baptista Herkenhoff é Juiz de Direito aposentado, Livre-Docente da Universidade Federal do Espírito Santo, professor itinerante Brasil afora e escritor jbherkenhoff@uol.com.br


3

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Painel LP Foto da semana Gustavo Zonta/LP

ONLINE Inalda do Carmo no Top Five

N

a noite de quarta-feira, dia 27, aconteceu na sede da igreja Assembleia de Deus, em Camboriú, mais uma formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência - Proerd realizado pela Polícia Militar. Mais de 680 crianças de diversas escolas da cidade se formaram no programa durante a solenidade. As crianças destaque no projeto receberam prêmios. Outras fotos do evento no Facebook do LP: www.facebook.com/linhapopular

Uma decoração que une tons de laranja e azul turquesa é a dica da jornalista Naiza Comel no blog “Histórias de véu e grinalda”. Confira ainda as escolhas que Naiza fez para seu próprio casamento e outras dicas que podem te ajudar a planejar a cerimônia. Carlos Decoraões/Divulgação/LP

Reprodução/LP

A jornalista camboriuense foi parar no primeiro lugar do Top Five do programa CQC depois de soltar um palavrão durante uma entrevista. O vídeo pode ser conferido no blog “Teve aquela vez”.

Decoração de casamento

Curtas Natal Solidário Pelo quarto ano consecutivo, um grupo de amigos se une para realizar o projeto Natal Solidário no distrito do Monte Alegre. Eles pedem doações de balas e brinquedos que serão entregues às crianças no dia 21 de dezembro. Quem puder ajudar deve entrar em contato com o grupo pelos telefones 99583744, 99088483 ou 91037080. Eles podem buscar os donativos onde for necessário. Consulta pública O Instituto Federal Catarinense - IFC campus Camboriú realiza na quarta-feira, dia 4, um seminário e consulta pública sobre a criação do curso técnico em Defesa Civil pela entidade. O debate acontece no auditório do IFC a partir das 19h30min. Na ocasião serão explicadas as questões técnicas referentes ao curso. Toda a comunidade pode participar. Viatura apedrejada Uma viatura da Polícia Militar foi apedrejada na manhã de terça-feira, dia 26, no distrito do Monte Alegre. Segundo informações do comandante da PM de Camboriú, Pablo Neri Pereira, os policiais haviam sido chamados para atender uma ocorrência de discussão familiar. No momento da aborda-

gem, um jovem que aparentava ser menor atirou uma pedra contra a viatura e fugiu. O para-brisa foi quebrado. Ninguém foi preso pelo incidente. Roubo A loja de Suplementos Cardoso, que fica na rua Bahia, foi alvo da ação de bandidos na noite de sábado, 23. Segundo relato das vítimas, os ladrões estacionaram uma Fiorino branca com placa ainda não identificada em frente à loja e levaram todos os produtos, deixando apenas as prateleiras. A polícia foi acionada, mas as vítimas afirmam que não chegou a ir ao local. A ocorrência foi registrada na delegacia do Monte Alegre. Na manhã de segunda-feira, os proprietários colocaram um aviso em frente à loja comunicando que estava fechada devido ao crime. Exposição A Prefeitura de Camboriú recebeu esta semana a exposição "Pequenos artistas, grandes descobertas", produzida pelos alunos do Pré II do Centro de Educação Infantil - CEI Maria Russi, que tem como inspiração as obras de arte do artista pernambucano Romero Brito. Com o objetivo de ampliar o conhecimento das crianças e colocá-las em contato com di-

ferentes formas de expressão artística, os alunos realizaram uma pesquisa sobre a vida e as obras de Romero durante o segundo semestre. A exposição encerrou ontem, quinta-feira, dia 28. Formatura Na tarde de ontem, quinta-feira, dia 28, ocorreu a formatura dos alunos que participaram dos cursos de Aprendizagem em Facção e Geração de Renda, ambos oferecidos gratuitamente pela Prefeitura de Camboriú, através da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social. Nesta edição, 42 camboriuenses concluíram a capacitação profissional, 26 no Monte Alegre e 16 no bairro Areias. Fórum de Cultura Foi realizado na quarta-feira, dia 27, o 2º Fórum de Planejamento da Cultura de Camboriú. Durante o evento foi apresentado à comunidade o Diagnóstico da Cultura no município, elaborado a partir de dados coletados através do Inventário Turístico Cultural, realizado no decorrer de dois meses. Um terceiro fórum, ainda sem data agendada, deve ser realizado para elencar os itens que deverão ser contemplados no planejamento cultural da cidade para os próximos 10 anos.

www.linhapopular.com.br No nosso FACEBOOK www.facebook.com/linhapopular

Jocinei Silva diz (sobre a falta de água): “Em Camboriú os nossos governantes pensam em tudo, menos em termos o nosso próprio tratamento de água potável”.

Léka Trinck’s diz (sobre os roubos na cidade): “Ultimamente, Camboriú não tem mais segurança na área, não tem mais polícia circulando nas ruas. É isso o que dá, cheio de roubos, furtos, assaltos, enfim. Agora, nós, cidadãos, começamos a nos preocupar dentro da nossa residência! Se continuar assim, sem segurança, faremos protesto!”

www.twitter.com/linhapopular “Junto com o @GovSC, temos q prevenir para evitar novas tragédias pelas chuvas no Vale do Itajaí e em outras regiões de Santa Catarina”.

@dilmabr Dilma Rousseff, depois de anunciar recursos para a prevenção de cheias em visita a Itajaí


4

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Política

Sessões da Câmara terão início às 17 horas

Bastidores Por Fernando Assanti

fernandoassanti@hotmail.com @FernandoAssanti Código de ética e decoro parlamentar A Câmara de Vereadores de Camboriú vai começar a desenvolver seu código de ética e decoro parlamentar. Segundo o presidente da Casa, este foi um pedido do vereador José Pedro Costa, o Zé Pedro (PSDB). O projeto que define a comissão de elaboração do código foi aprovado pela Casa. Durante a primeira votação, os vereadores destacaram a participação de todos os partidos que têm representação na Câmara. Fazem parte da comissão de elaboração: Alexsander Alves Ribeiro (Presidente), José Pedro Costa, Antonio Paulo da Silva Neto, Eliomar Getulio Pereira, Eduardo Melo Rebelo, José Simas, Josenildo Rosa, Josué Pereira e Carlos Alexandre Martins.

Proposta da mesa diretora levou em conta horários de outras Casas da região

A

s sessões da Câmara de Vereadores de Camboriú começarão mais cedo em 2014. Isso porque foi aprovada a mudança de horário das sessões, que passam das 19 para as 17 horas. De acordo com o projeto, a mudança iniciaria logo após a aprovação, mas como faltam poucas sessões para o recesso, deve entrar em vigor só no ano que vem. É o que explica o

presidente da Câmara, Márcio Aquiles da Silva, o Márcio do Kido (PSC). "Queremos divulgar bem essa mudança para a população, este tempo também será importante para isso", defende. Os dias de sessões continuarão os mesmos - todas as terças-feiras e as duas últimas quintas-feiras do mês. O projeto provocou debates. Os vereadores favoráveis à mudança dizem que há

uma cobrança da população em participação de eventos e reuniões à noite. "É uma forma de darmos atenção para a comunidade quando ela se mobiliza", defendeu Alexsander Alves Ribeiro, o Canídia (PPS). Para a vereadora Jane Stefenn (PSDB), as sessões já têm pouca participação da comunidade. "Acredito que isso vai diminuir ainda mais a participação", afirmou. Naiza Comel/LP

John Lenon Nos últimos dias, quatro projetos oriundos da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social passaram pela Câmara de Vereadores. O secretário John Lenon acompanhou as votações e recebeu elogios dos vereadores, inclusive da oposição. Guigo (PDT) destacou que o secretário foi até a Casa e explicou os projetos em detalhes. “Outros secretários deveriam seguir seu exemplo”, disse ainda. Fátima Gervásio (Educação) e Carla Krug (Meio Ambiente) também estiveram na Câmara recentemente para defender projetos do Executivo. Dilma em Camboriú Na quarta-feira, dia 27, a presidente Dilma Rousseff esteve em Itajaí, mas não conseguiu dar uma esticadinha para visitar Camboriú. Mais uma vez, a cidade ficou na esperança de receber a visita presidencial. Dilma já anunciou que gostaria de vir à cidade até em seu programa oficial de rádio “Café com a presidenta”. O motivo da visita a Camboriú seria conhecer o curso de formação de instrutores de cães-guias do Instituto Federal Catarinense, único gratuito na América Latina. A comunicação de Luana Vivendo na era da informação é primordial que os agentes políticos estejam atentos a todas as formas de comunicação com a comunidade. Na atual Legislatura, Luana Lazzaris (PSDB) é a vereadora que melhor tem feito isso. Além de estar presente nas redes sociais, Luana usa e-mail marketing e tem um excelente discurso (sabendo, inclusive, a hora de não falar nada). Talvez isso seja reflexo da sua juventude, talvez seja reflexo do tempo que passou ao lado de Luzia Coppi, como assessora de Gabinete. Pois se tem uma coisa que Luzia faz muito bem, é se comunicar. O PMDB de Ângelo O vereador Ângelo César Gervásio é o novo presidente do PMDB local. No sábado, dia 23, ele foi aclamado como novo líder do partido e pretende retomar as forças históricas da sigla na cidade. Ângelo anunciou que vai conversar com antigos filiados para que voltem a integrar o PMDB. Um destes desgarrados é o ex-vereador Claudinei Loos, que atualmente integra o PSD. Conversei com Claudinei e ele disse que já recebeu o convite, mas foi cauteloso no papo, sem dar respostas concretas sobre a possibilidade de volta. O que senti na conversa é que o ex-vereador não está totalmente à vontade no PSD. Será que isso tem a ver com o fato do partido ter sido oferecido por lideranças estaduais para John Lenon Teodoro, que integra a base de Luzia Coppi? Vamos acompanhar. Josué na TV Estava vendo a RBS TV e eis que surge na tela Josué Pereira, vereador do PP de Camboriú. Ele apareceu em destaque na propaganda institucional do partido como suplente de deputado e convidou os catarinenses a se filiarem à sigla. O que surpreendeu foi a performance de Josué na telinha. Se na Câmara ele parece nervoso ao falar, na TV ele demonstrou naturalidade e firmeza. Mandou bem!

Aprovação. Apenas quatro vereadores (em pé) votaram contra a mudança do horário


5

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Política

Prefeitura prorroga Projeto para alterar feriado programa de do Divino Espírito Santo não renegociação de dívidas avança na Câmara Camboriuenses têm até 20 de dezembro para CDL solicitou aos vereadores que projeto fosse apresentado para que se tornasse ponto facultativo. Em conversa com o padre, vereadores afirmaram que não haverá modificação

A

Câmara de Vereadores recebeu um ofício da Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL para que o feriado do Divino Espírito Santo passasse a ser ponto facultativo na cidade. O pedido da CDL foi acompanhado de abaixo-assinado com 150 assinaturas de comerciantes que apoiam a mudanças. Há alguns dias, alguns estiveram na Casa e conversaram com os vereadores no intervalo da sessão. O feriado é sempre na segunda-feira após a Festa do Divino. E os lojistas explicaram que, como feriado, as lojas só podem abrir com pagamento diferenciado aos funcionários. O pedido dos comerciantes depende de um Projeto de Lei para entrar em prática - um dos vereadores teria que apresentar o projeto e conseguir o apoio da maioria dos colegas. E uma reunião realizada na sexta-feira, dia 22, mostra que a proposta não vai avançar na Casa. Os vereadores

Câmara de Vereadores/Divulgação/LP

Conversa. Padre Márcio falou da importância religiosa e cultural do feriado para a cidade

estiveram reunidos com o padre Márcio Alexandre Vignoli para debater o assunto. Após ouvirem os argumentos do pároco, a decisão foi que o feriado do Divino Espírito Santo se mantém. "A maioria dos vereadores já havia se colocado contra a mudança. Mas queríamos ouvir todos os envolvidos. Já estivemos em uma reunião da CDL e agora conversamos com o padre", explicou o presidente da Câmara de Vereado-

res, Márcio Aquiles da Silva, o Márcio do Kido (PSC). Para o padre Márcio, a questão cultural do feriado é tão ou mais importante do que a religiosa. "Não estamos reivindicando um feriado católico, mas algo que faz parte da cultura de Camboriú. Seria uma perda inestimável", defendeu. Ele explica que tanto a Igreja quanto outras instituições da cidade devem trabalhar para que o feriado retome o seu sentido cultural e religioso.

quitar impostos atrasados com redução de juros e multas. Já foram mais de 2.500 parcelamentos e R$ 4 milhões arrecadados

A

possibilidade de que camboriuenses utilizem o 13º salário para pagamento dos impostos atrasados fez com que a Prefeitura prorrogasse mais uma vez o programa de renegociação de dívidas. O Programa de Pagamento Incentivado PPI, como é chamado, prevê descontos nas multas e juros das dívidas, que vão de 50% a 100%, dependendo do número de parcelas. Agora, ele segue até o 20 de dezembro. O programa está tendo uma boa procura. Até o início desta semana, haviam sido 2.508 parcelamentos, o que representa R$ 4,5 milhões. Para incentivar a participação, a equipe da Secretaria de Finanças está trabalhando até as 19 horas. O horário durante algumas semanas foi até as 20 horas. "Mas neste período, poucas pessoas procuraram", explica o secretário Sérgio Venâncio.

Após a finalização do programa, a Prefeitura poderá incluir os nomes de devedores em serviços de proteção ao crédito - SPC e Serasa. Com isso, o devedor poderá ter problemas para fazer compras parceladas e financiamentos. Mas o secretário destaca que isso não será feito neste momento. "Este processo deve iniciar pelos maiores e mais antigos devedores. Além disso, todas estas pessoas serão notificadas", explica.

Os descontos nos juros e multas À vista - 100% Em até 3 parcelas - 80% Em até 6 parcelas - 70% Em até 9 parcelas - 60% Em até 12 parcelas - 50% As parcelas não podem ser menores que R$ 50 para pessoas e de R$ 100 para empresas.


6

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Política

Ângelo César Broqueiros e servidores públicos Gervásio é o novo são homenageados na Câmara Sessão solene foi realizada na noite de quarta-feira, dia 27. Foram 15 presidente do PMDB profissionais de cada atividade que tiveram seus trabalhos reconhecidos

Partido conta com 400 filiados. Objetivo do novo presidente é aumentar este número, inclusive buscando pessoas que deixaram a sigla

O

vereador Ângelo César Gervásio é o novo presidente do diretório municipal do PMDB. A definição aconteceu na convenção da sigla, realizada no sábado, dia 23. Foi uma eleição por consenso, com todos os votantes apoiando a chapa apresentada. A chapa tem o ex-presidente Esmael Rosa como 1º vice-presidente e a conselheira tutelar Tanalu Garcia como 2ª vice-presidente (veja toda a composição da diretoria no BOX). A nova diretoria foi eleita para dois anos de trabalho. Ângelo explica que uma de suas metas é aumentar o número de filiados à sigla. "Quero aproximar os desgarrados. As pessoas que, por algum motivo, decidiram deixar o partido", aponta. Hoje, o PMDB conta com cerca de 400 filiados. "Estou muito feliz e muito preocupado com esta nova missão", afirmou o vereador durante a sessão da Câmara. Ele aproveitou para agradecer aos filiados. "Quero agradecer a todos que já ajudaram o partido. Queremos valorizar as pessoas que

estão firmes na sigla, com mais ou menos interferência", apontou ainda.

Próximas eleições O novo presidente comenta ainda a articulação do partido para as próximas eleições. "Para as estaduais, como não temos candidatos da cidade, vamos apoiar candidatos mais próximos, da região", explica. Com relação às eleições municipais, faz questão de ressaltar que o PMDB terá candidato a prefeito. "O PMDB, por tradição, tem seu próprio candidato ao Executivo", completa.

Nova diretoria Presidente: Ângelo César Gervásio 1º vice-presidente: Esmael Rosa 2ª vice-presidente: Tanalu Garcia Secretário: Márcio Melo Tesoureiro: Flávio Geraldo Delegado: Eduardo Melo Rebelo, o Dado

Informativo do Vereador

Zeca Simas Indicações do Vereador Zeca Simas - Pede o conserto da pavimentação da Rua Rio Teixeira (Loteamento Mathinai), no bairro Rio Pequeno, após a ponte, pois encontra se danificada. Esta é uma reivindicação dos moradores.

U

ma sessão solene foi realizada pela Câmara de Vereadores na quarta-feira, dia 27, para a entrega de dois prêmios: Mérito Broqueiro e o Mérito Servidor Público. Cada vereador escolheu um profissional de cada área para a homenagem, que lotou o plenário da Casa. Os dois prêmios foram criados em 2012. O Mérito ao Broqueiro foi instituído por projeto do então vereador Alcione Teixeira, o Curru, e o Mérito Servidor Público pelo hoje presidente da Casa, Márcio Aquiles da Silva, o Márcio do Kido (PSC). Foram homenageados com o prêmio Mérito Broqueiro: Ambrósio Benvenutti, Arnoldo João da Silva, Augusto Testoni, Célio Faqueti, Célio Rebelo, Dorval Garcia, Henrique João Coppi, José Elias Silva, José Marcos Coppi, Laélio Macelai, Osni Cardoso, Pedro Paulo Cardoso, Pedro Paulo Souza, Rubens dos Santos e Valdir Rebelo. Os servidores públicos homenageados: Bernadete da

Fotos: Inalda do Carmo/Câmara/LP

Prêmio. Quinze broqueiros foram escolhidos para receber o Prêmio Mérito

Homenagem. Servidores públicos tiveram seus trabalhos reconhecidos

Costa, Carina Goulart, Emerita Inês Mualler, Fábio Gervásio, José Paulo da Silva, Lilia Maria da Silva, Luciane Coito dos Santos, Márcia Beatriz Melo Fuck, Maria da

Vereadores conhecem projetos de entidades

Entidades que receberão verbas através do Fundo da Infância e Adolescência falaram sobre suas atividades. Projetos estão em tramitação na Câmara

O

s vereadores puderam conhecer mais sobre o trabalho de algumas entidades da cidade na tarde de quarta-feira, dia 27. O encontro foi realizado porque estão tramitando na Casa oito projetos de repasses de recursos para novos projetos através do Fundo da Infância e Adolescência - FIA. Antes de aprovar os projetos, os vereado-

res quiseram saber mais sobre as atividades e tirar dúvidas. Os projetos envolvem oito entidades e preveem o repasse de verbas durante 2014, em 10 parcelas - Apae (valor total de R$ 103.425), Razão de Viver (R$ 99.300), Ação Social e Cultural Monte Alegre (R$ 53.900), Kadiz Esporte e Lazer (R$ 106.000), Guri Bom de

Naiza Comel/LP

- Solicita que a Prefeitura coloque a placa do Posto de Saúde Olávio Pereira, na Localidade do Braço, que está caída.

Informe Comercial

Glória Faqueti, Maria Nazaré Demétrio Coppi, Nelson Zevasnicki, Paulo Rodrigo de Souza, Paulo Vignóli, Valdete Maciel Jacinto e Valkiria Borba Ruegenberg.

- Indica ainda o conserto do calçamento da Rua Mogno, no bairro Taboleiro. Pois o mesmo encontra - se danificado, ocasionando dificuldades de acesso a todos que por ali transitam. Apresentação. Atividades foram apresentadas por representantes das entidades, como a Razão de Viver

Bola (R$ 73.100), Lar Maternal Bom Pastor (R$ 288.000), Associação Torre Forte - Latarte (R$ 207.700) e Instituto Estrela de Isabel (R$ 390.366). O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente é o órgão responsável por gerir o FIA. O presidente do Conselho, Vilmar Peixe, esclareceu que os recursos do Fundo podem ser usados de duas formas. Uma, para o abrigamento de crianças e adolescentes em situação de risco, caso do Lar Maternal Bom Pastor e do Instituto Estrela de Isabel. As demais entidades devem apresentar projetos diferentes, inovadores. "O objetivo estatutário da entidade, a sua principal finalidade, deve ser mantida pela própria entidade e não com recursos do FIA", apontou.


7

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade

Atraso na entrega de placas adia mudanças no trânsito

Informe

Uma das três sinaleiras previstas já foi instalada. Alterações devem ocorrer até o dia 10 de dezembro

P

revistas para a última semana de novembro, as mudanças em vias importantes do trânsito de Camboriú vão ocorrer no mês de dezembro. Segundo o Departamento Municipal de Trânsito - Demutran, das três sinaleiras previstas, uma foi instalada até agora. Mas as alterações foram adiadas principalmente porque as placas que vão sinalizar e informar dados sobre a área central, como localização do hospital e Fórum, ainda não chegaram. "As placas de sinalização aérea do tipo bandeira deveriam ter chegado no início da semana, mas a entrega atrasou e só devem chegar sexta-feira,", explica o diretor do Demutran, Jair Grings. As principais alterações ocorrerão na região central da cidade. A rua José Francisco Bernardes, que hoje é mão dupla, se tornará mão única e seguirá em direção ao interior. Já a rua Minas Gerais também

muda, se tornando mão única, e será a rota de saída, fazendo o sentido contrário. Grings explica que o grande fluxo de veículos, que gerava acidentes, e a estrutura das vias, que não comportava o tráfego, motivaram as alterações. A primeira sinaleira já foi instalada na José Francisco Bernardes, em frente ao mercado Schmit. Outras duas ficarão entre as ruas São Paulo e Minas Gerais e no cruza-

mento entre a Siqueira Campos com a Coronel Benjamim Vieira. As ruas que passarão por modificações também receberão nova sinalização, com placas indicativas e pintura nas vias. A comunidade será informada das mudanças através de panfletos que serão espalhados pela cidade. "Nos primeiros dias, a Polícia Militar não vai aplicar multas, apenas orientar", afirma Grings.

Presidente da OAB-SC em Camboriú O presidente da Seccional de Santa Catarina da Ordem dos Advogados do Brasil, Dr. Tullo Cavallazzi Filho, esteve na 43ª subseção de Camboriú na terça-feira, dia 26. Tullo participou de dois eventos. Primeiro, presidiu a cerimônia que entregou certificados e carteiras da OAB. Os certificados de aprovação na prova da Ordem foram entregues a Jeverson Saramento, Kevi Baumann e Leandro Renato Moretto Tomelero. Já as carteiras da OAB foram entregues às novas advogadas de Camboriú, Heloise Siqueira Garcia e Fernanda da Silva Nunes. Na sequência, o Presidente palestrou aos presentes sobre a prerrogativa dos advogados, tema que está abordando nas subseções de todo o estado. Foto: Grando Comunicação/LP

Outras mudanças pela cidade Além da Minas Gerais e José Francisco Bernardes, outras ruas serão modificadas. Na rua Evelina Vieira, que passa em frente à escola Recriarte, o sentido será alterado - passará a seguir em direção à rua Coronel Benjamim Vieira. Já no distrito do Monte Alegre, as ruas Flamboyant

e Monte Castelito, no Conde Vila Verde, que hoje são mão dupla, passarão a ter sentido único. "A Flamboyant só vai em direção ao Conde e a Monte Castelito só vem no sentido oposto", diz o diretor do Demutran. A expectativa de Grings é de que até o dia 10 de dezembro as mudanças sejam colocadas em prática. Gustavo Zonta/LP

Agendas 2014 A OAB Camboriú informa aos advogados que já estão disponíveis as Agendas 2014 da subseção. São três modelos, nas cores marrom, vermelho e preto. Cada agenda custa R$ 30,00 e os interessados devem entrar em contato com a subseção para reservarem a agenda na cor de sua preferência.

OAB Mirim e Recriarte firmam parceria A OAB Camboriú e o Centro Educacional Recriarte firmaram parceria na última semana e, a partir de agora, os alunos da escola que fizerem parte das turmas da OAB Mirim terão descontos na taxa de material e na mensalidade. Atualmente, estão disponíveis dez vagas na turma vespertina da OAB Mirim, e outras vinte vagas na turma matutina. O OAB Camboriú estuda a possibilidade de novas turmas, conforme a demanda de jovens interessados em participar do projeto.

Novembro Azul na subseção No último dia 19, a sede da OAB Camboriú recebeu o Novembro Azul, evento promovido pela Caixa de Assistência dos Advogados – CAASC para os advogados da cidade. Na ocasião, eles puderam cuidar da saúde com exames preventivos, palestras, debates e ginástica laboral, além de se divertirem com partidas de videogame e serem servidos com café da tarde. O Novembro Azul é um evento da CAASC para incentivar a conscientização sobre a prevenção ao câncer de próstata, um dos tipos mais comuns de câncer entre os homens.

Acordo para a volta da Defensoria Advogados da OAB-SC irão em comitiva até Florianópolis na segundafeira, dia 2, onde o presidente Dr. Tullo Cavallazzi Filho assinará o protocolo de pagamento do passivo da Defensoria Dativa. Na mesma ocasião, será apresentada e discutida uma proposta para a volta do convênio da Defensoria Pública. Profissionais de Camboriú integrarão a comitiva.

Encerramento anual da subseção A OAB Camboriú realiza no dia 11 de Dezembro, às 20 horas, sua confraternização de final de ano. Todos os advogados da cidade estão convidados para o evento, que será realizado na Rua Antônio de Almeida, no bairro Areias. Mais informações podem ser obtidas diretamente na subseção. Mudança. Uma das principais ruas centrais da cidade, a José Francisco Bernardes, se tornará mão única e terá semáforo no cruzamento do mercado Schmit

www.oabcamboriu.org.br - 3365.2743


8

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade

Em dezembro, o seu jornal vai ficar diferente.

Escola Anita realiza "Caldeirão Cultural"

Projeto que iniciou para reduzir casos de agressão no recreio da escola ganhou força e atingiu seu objetivo Gustavo Zonta/LP

Apresentação. Akila e Beatriz cantaram durante o evento realizado nesta semana na escola

E

Mais moderno. Mais bonito. Mais dinâmico. Linha Popular: uma nova cara, a mesma responsabilidade. Novo projeto gráfico do Linha Popular. Em dezembro, nos pontos de venda.

m 2012, os casos de agressão entre alunos durante o recreio na escola Anita Bernardes Ganancini, que fica no distrito do Monte Alegre, motivou os professores de educação física a tomarem uma atitude. Eles passaram a incentivar a união entre os alunos através de grupos de dança, música e teatro, entre outros. Com isso, estudantes que tinham algum tipo de problema passaram a se envolver nas atividades. A união provocou nos alunos a vontade de mostrar para os outros seu potencial. Assim, no fim do ano passado, as melhores apresentações foram premiadas. O projeto continuou em 2013, envolvendo ainda mais estudantes da unidade de ensino. Foram tantas as atividades desenvolvidas pelos próprios alunos em parceria com os professores que dessa vez foram necessários dois dias de apresentações. Na terça e quarta-feira, dias 26 e 27, a escola realizou o "Caldeirão Cultural". O evento foi a oportunidade que as crianças e adolescentes tiveram de mostrar para toda a comunidade escolar o seu potencial. Quem explica a origem do projeto é a professora Edelma Heinzen. Ela

conta que os alunos passaram a se sentir mais importantes ao serem estimulados. "Descobrimos grandes talentos", revela. Dois deles são as estudantes Akila Thalia de March, de 15 anos, e Beatriz Rhoden Peixoto, de 12. Akila é autodidata, aprendeu a tocar violão vendo os tios. "Toco desde os oito anos", conta a menina, que já se apresenta na igreja e pretende fazer faculdade de música. Foi ela que fez o arranjo para a música que foi interpretada pela amiga, Beatriz. Tímida, esta foi a primeira vez que a adolescente se apresentou para um grupo de pessoas. "Antes eu só cantava no chuveiro", afirma. Beatriz também sonha em seguir carreira na música. Estimular estes desejos e mostrar a capacidade dos alunos foram alguns dos objetivos do projeto. "Cada ano mais estudantes querem participar. Atingimos nosso resultado e vamos continuar com esse trabalho", afirma a professora Edelma. Durante os dois dias, foram feitas cerca de 15 apresentações. Os trabalhos envolveram também alunos portadores de necessidades especiais, professores e funcionários da escola.

Lixão clandestino se forma nas margens da rua Rio Negrinho Fundação do Meio Ambiente afirma que responsáveis serão autuados e caso repassado ao Ministério Público

O

mau cheiro chama a atenção de quem passa pela rua Rio Negrinho, no bairro Rio Pequeno. Em um ponto da via, grande quantidade de lixo está acumulada. Além de dejetos de fossas, há restos de móveis e eletrodomésticos e lixo comum despejados no local. A Fundação Camboriuense de Gestão e Desenvolvimento Sustentável - Fucam foi comunicada do problema e promete providências. Carla Krug, presidente da Fucam, explica que nesta semana começou uma força-tarefa que deve atingir todos os bairros da cidade. "A partir de agora estamos dando uma geral. Vamos começar a autuar os proprietários pela Fundação do Meio Ambiente e encaminhar os casos para o Ministério Público", afirma.

Gustavo Zonta/LP

Lixão. Restos de móveis, eletrodomésticos e lixo comum estão depositados no local

Carla explica ainda que a partir do ano que vem, os proprietários também poderão ser multados nestes casos. A Secretaria de Finanças também será comunicada das autuações para cobrar o serviço de limpeza dos proprietários se for necessário.


9

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade

Lar do Adolescente de Camboriú é fechado Criada através de decreto em 2003, casa foi fechada e nova lei foi criada formalizando seu funcionamento. Previsão é de que seja reaberta em 2015. Até lá, menores serão atendidos por entidade de Itajaí

O

Lar de Integração do Adolescente de Camboriú foi criado através de decreto municipal no ano de 2003. Dez anos depois, a entidade, com capacidade para abrigar até 15 menores com idade entre 12 e 17 anos, fecha as portas. O motivo foi a necessidade de a Prefeitura se adequar a uma orientação da Justiça e criar uma lei que formalizasse o funcionamento da casa, sua estrutura, corpo técnico e método de trabalho. O projeto de lei foi elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social e aprovado agora pela Câmara de Vereadores. Ele prevê as atribuições do lar, estrutura e equipe. No entanto, o secretário John Lenon Teodoro explica que não é possível tirar a lei do papel neste momento. Para evitar que os menores atendidos ficassem desabrigados, a Prefeitura firmou

Stefani Ceolla/LP

Portas fechadas. Estrutura já não funciona mais na cidade. Menores atendidos foram encaminhados ao lar da entidade Estrela de Isabel, em Itajaí

um convênio com a entidade Estrela de Isabel, de Itajaí. A partir de agora, os menores abrigados pelo lar em Camboriú - alguns foram abandonados ou são vítima de violência - estão morando na

sede da entidade, na cidade vizinha. "Foram suspensas as atividades do município e esse atendimento repassado à Estrela de Isabel por uma orientação judicial. Agora te-

Aberto de segunda a sábado. A partir de segunda-feira, dia 18, atendimento das 14h às 20h. Aos sábados das 9h às 20h.

mos um ano para tirar a lei do papel, organizar a estrutura do lar aqui para voltar a abrigar os adolescentes em nossa cidade", explica John Lenon. "A comarca já cobrava a estruturação da casa através de

lei, não de decreto", completa. Ele afirma que o convênio é temporário e deve ser mantido somente durante 2014. "O ideal é que os menores fiquem no município e estamos nos estruturando para isso", afirma o secretário. A intenção é construir uma sede própria para a casa através de recursos que serão buscados nas esferas estadual e federal e formar uma equipe efetiva de atendimento. A casa que abrigava o lar, na rua Porto Alegre, é alugada e será a nova sede do Conselho Tutelar a partir do mês de dezembro. O convênio da Prefeitura com a entidade Estrela de Isabel foi firmado através do Fundo da Infância e Adolescência - FIA no valor de R$ 390.366, que serão pagos em dez parcelas. A entidade foi criada em Itajaí para auxiliar mulheres e crianças vítimas de violência.

Fone (47) 3050-2530 Rua Heitor Santos, 74, Centro início da rua do Estádio Robertão - Camboriú


10

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade Hélio Marcos Benvenutti email: hmarcos@terra.com.br facebook.com/heliomarcos.benvenutti

SENSACIONALISMO BARATO Alô, alô, galera, voltei... falando pra nossa terrinha, as verdades e meias verdades, das doideiras que estão por aí! Mesmo quem não aprecia os programas policiais sensacionalistas que invadem as televisões no final das tardes, uma hora ou outra, durante as “zapeadas”, acaba vendo. Em raras oportunidades até há casos interessantes passando, mas a chatice dos apresentadores vence a paciência de qualquer um. Os apresentadores geralmente se acham os donos da razão ao fazerem comentários oportunistas que soam bem ao ouvido do povão. O desrespeito a algumas autoridades também é patente. É muito comum os apresentadores tentarem reter ao máximo, investigadores, delegados de polícia, promotores de justiça e outras pessoas, durante entrevistas, para tentar aumentar a audiência. Às vezes, os apresentadores chegam ao cúmulo de pedirem para a autoridade entrevistada aguardar no local enquanto é apresentado o intervalo comercial. E o pior é que tem imbecis que aguardam, ao invés de voltarem ao trabalho. Um dia vi um delegado de polícia se negar a fazer esse papel de bobo, o que despertou a ira do apresentador. Numa atitude covarde, aos berros, ele disse que o delegado tinha a obrigação de prestar esclarecimentos à população. Depois ficou esbravejando contra a autoridade por longo tempo. É evidente que a autoridade deve prestar esclarecimentos públicos do seu trabalho, mas ele não tem obrigação de, durante o expediente, ficar plantado ao lado de um repórter, aguardando o intervalo comercial feito um imbecil. Além disso, muito blá blá blá acaba prejudicando as investigações. Na semana passada o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve acórdão condenatório do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSC), proferido em desfavor do apresentador José Luiz Datena e da emissora onde ele trabalhava, por conta de sensacionalismo. Para os julgadores paulistas, uma reportagem exibida por Datena foi marcada pela falta de prudência e sem um mínimo de provas sobre as práticas criminosas atribuídas ao ofendido. A reportagem seria “típico exemplo de mau jornalismo, que, afastando-se de sua missão institucional de informação e desvirtuando suas finalidades, descamba para o sensacionalismo, sendo exercido, assim, com o único propósito de aumentar a audiência, elevar os lucros da empresa.” Ainda conforme o TJSP, o apresentador exerceu de forma ilícita e abusiva a liberdade de informação jornalística. Disse a decisão, que “na verdade, os réus ofenderam despropositada, desproporcional e injustificadamente, o nome, a imagem, a reputação e o sentimento de autoestima do autor, cujos sacrifícios não se impunham em prol da tutela de bem jurídico superior, ainda mais se demonstrado que a matéria veiculada se caracterizou pela informação açodada, despreocupada e despida de seu conteúdo ético, pela leviandade, pelo descuido censurável e pelo sensacionalismo”. Ainda bem que a Justiça está atenta aos abusos praticados por esses apresentadores arrogantes e mal educados. Para encerrar aviso que estou alugando casas no centro, com 3 quartos (uma suíte), sala, cozinha, 2 banheiros, lavabo, churrasqueira/lavanderia, área de varal e garagem, na rua Porto Alegre, ao lado do n. 1020 (rua dos fundos do Mercado Schmit/ Cofran), Camboriú/SC (F: 9977-0415). Fiz o meu merchã! Por agora é isso, porque eu vou “zapear” em busca de boa informação. Fui!

Fala Camboriú: Moradores de vários bairros participam da penúltima edição

Evento foi realizado no centro da cidade, mas maioria dos pedidos foi feita por moradores de outros bairros

M

oradores dos bairros Areias e Santa Regina levaram pedidos de pavimentação de ruas. Do Monte Alegre, chegaram também solicitações relacionadas à habitação. Assim foi a edição do Fala Camboriú realizada na segunda-feira, dia 25, no centro da cidade. Os pedidos de moradores da região central foram minoria entre os registrados. E a pavimentação de ruas continua liderando a lista de solicitações feitas à prefeita Luzia Coppi Mathias. "No centro não foi diferente porque a maioria dos moradores que vieram ao Fala Camboriú é de outros bair-

ros", comentou a prefeita. Luzia ainda observa que houve uma "diversidade de outros pedidos", e que o aumento da divulgação tem levado pessoas mesmo de bairros distantes ao Fala Camboriú. "Quando me procuram no gabinete com alguma solicitação, os moradores já são orientados a me procurar no Fala Camboriú. Facilita o acesso", diz a prefeita. Foi o que fez Maria de Lourdes Leandro Leal. Moradora do Conde Vila Verde, ela foi ao centro da cidade para falar diretamente com Luzia. "Durante a campanha eleitoral ela prometeu ajudar minha filha com uma casa. Eu vim

cobrar", disse Maria. A filha já está incluída em um programa de habitação da Prefeitura, mas ela pede agilidade. A jovem mora em uma casa sem estrutura e em situação de risco no Conde. O pedido foi repassado à secretaria responsável. Esta foi a 12ª edição do programa, que já soma mais de 1200 atendimentos e 1157 solicitações, entre pedidos, sugestões, elogios e reclamações. A última edição do Fala Camboriú este ano atenderá a comunidade da Várzea do Ranchinho na segunda-feira, dia 2. O atendimento será das 14h às 19h na escola Abelardo Torquato Rosa. Stefani Ceolla/LP

Pedidos. Moradora do Conde Vila Verde, Maria de Lourdes foi ao centro da cidade cobrar promessa da prefeita


11

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

rcn@adjorisc.com.br | www.adjorisc.com.br

A notícia que você lê aqui, mais de 800 mil pessoas também leem.

MELHOR IDADE

Esta página circula em 52 jornais.

PRESIDENTE DILMA NO ESTADO

Uma visita de R$ 2,4 bi para SC

Vantagens na hora de viajar O programa Viaja Mais Melhor Idade, programa do Ministério do Turismo que oferece descontos e vantagens exclusivas em roteiros turísticos para aposentados e pensionistas, e para pessoas com 60 anos ou mais, ganhou uma segunda edição. O lançamento da nova etapa aconteceu em Florianópolis, na segunda-feira (25). No evento, o secretário nacional de Políticas de Turismo, Vinícius Lummetz (foto), destacou que uma das características do público-alvo do programa é que ele tem a possibilidade de viajar em qualquer período do ano, o que contribui para minimizar o problema da sazonalidade do setor turístico.

Potencial De acordo com Lummetz, o país tem em torno de 21 milhões de pessoas com mais de 60 anos, dos quais 95% viajam. “Todas as regiões de Santa Catarina têm potencial para oferecer produtos turísticos para este turista, basta estruturar as propostas e cadastrá-las no portal do Viaja Mais Melhor Idade”, frisou. O secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Valdir Walendowsky, acrescentou que o programa cria oportunidades para a iniciativa privada de fidelizar uma clientela que já é consumidora e que, cada vez mais, procura por novidades e quer um tratamento diferenciado. Vantagens - O Viaja Mais Melhor Idade traz descontos de, no mínimo, 20% e possibilidade de estender a oferta para pelo menos um acompanhante, de qualquer idade. Além de pacotes turísticos ofertados por operadoras e agências de viagem, o viajante também poderá comprar serviços avulsos, como hospedagem, passagens e locação de veículos. O programa ainda traz facilidades de crédito, com a possibilidade de parcelar o custo da viagem em até 48 vezes. Como usar - As ofertas e vantagens serão cadastradas pelos agentes, operadores de viagens e proprietários de meios de hospedagem diretamente no portal www.viajamais.gov.br. Junto aos anúncios, o turista encontrará o link do site da empresa ofertante e os meios de contato para que possa concretizar a compra.

TELEFONIA

Promessa de melhorias Como resultado de CPI na Alesc, operadoras se comprometem a melhorar os serviços de telefonia móvel

Na extensa agenda em SC, a presidente Dilma fez elogios ao governador Colombo, à bancada parlamentar e a seus ministros

Foram assinadas parcerias entre os governos do Estado e Federal, que vão garantir obras em diversas áreas A viagem que a presidente Dilma Rousseff fez na quarta-feira (26) a Santa Catarina trouxe R$ 2,4 bilhões em recursos para o Estado. Passando por três cidades – São Francisco do Sul, Itajaí e Florianópolis – a presidente J inaugurou a ampliação do berço 201, de 150 para 280 metros, a um custo de R$ 35 milhões do PAC e R$ 5 milhões do próprio Porto de São Francisco; J entregou 59 motoniveladoras e dez caminhões caçamba a 69 prefeituras, num programa de R$ 269 milhões do PAC 2 para SC; J liberou R$ 60 milhões para a ampliação da capacidade de contenção das barragens de Taió e Ituporanga; R$ 2 bilhões do Banco do Brasil, para obras de infraestrutura rodoviária e portuária, Defesa Civil, Segurança, Sistema Prisional, Saúde e Turismo para o Pacto por SC; e R$ 34 milhões para dragagem do Porto de Imbituba. A presidente ainda foi homenageada por ter sancionado a lei que regulamenta as universidades comunitárias, que são 16 no Estado. Elogios a SC - Nas oito horas em que esteve no Estado, Dilma revelou em todos os discursos a sua satisfação com as parcerias que fechou em SC. Em Florianópolis, no discurso final, foi enfática: “Nossas obras têm que ter o aspecto federativo – então eu preciso do governador, eu preciso dos prefeitos. Isso é o geral, nós fazemos com todos os governadores e com todos os prefeitos. Mas eu quero dizer para vocês que encontrei aqui um outro tipo muito importante. Encontrei aqui iniciativa, vontade de acertar e vontade política. Encontrei, também, uma disposição para critérios técnicos

rigorosos, procurando o melhor jeito de fazer. Ou seja, nós não só temos uma parceria muito republicana – e eu agradeço imensamente por ela – mas eu tenho também uma parceria muito qualificada”. Parcerias - Sobre a parceria política, a presidente referiu-se ao discurso do governador (“eleição tem a primeira fase, que é a da gratidão, nós somos muito gratos ao que a senhora tem feito por Santa Catarina) e do prefeito da Capital, Cesar Souza Júnior (“pode contar com nosso apoio para continuar transformando este país”). E também ao eclético grupo político que estava no palco do Centro Integrado de Cultura: a ministra Ideli Salvatti (PT), o ministro Manoel Dias (PDT), os senadores Casildo Maldaner e Luiz Henrique (ambos do PMDB), este sentado

ao lado do ex-inimigo, deputado Joares Ponticelli (PP), que ao sair do evento disse: “Temos que agradecer a presidente Dilma pelas parcerias com o Governo do Estado, que beneficiarão toda a população catarinense”. Agradecimento - E a presidente fez um emocionado agradecimento no final: “Daqui a pouco vou para Brasília. Encontrei aqui um acolhimento, um carinho, uma generosidade, e um calor humano que eu não vou esquecer. Eu conheço razoavelmente Santa Catarina, mas não de agora, eu conheço SC de alguns tempos atrás. E fiquei impressionada nesta viagem, neste trecho que hoje nós fizemos de helicóptero. É impressionante como Santa Catarina está próspera! Mas nós temos muito o que fazer: podem contar comigo”.

Municípios contemplados 69 cidades com até 50 mil habitantes receberam equipamentos que somam R$ 269 milhões A entrega de 59 motoniveladoras e 10 caminhões caçamba para 69 municípios catarinenses, feita pela presidente Dilma em São Francisco do Sul, faz parte de um pacote de 810 máquinas destinadas pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário para Santa Catarina, investimento que soma R$ 269 milhões. São 272 retroescavadeiras (já entregues), 269 motoniveladoras e 269 caminhões caçamba. Esta é uma agenda do Governo Federal em todos os municípios brasileiros com população de até 50 mil habitantes. As 59 motoniveladoras entregues em São Francisco do Sul beneficiam os municípios de Agrolândia, Agronômica, Apiúna, Araquari, Ascurra, Atalanta, Aurora, Balneário Barra do Sul,

Barra Velha, Bela Vista do Toldo, Benedito Novo, Botuverá, Braço do Trombudo, Campo Alegre, Chapadão do Lageado, Corupá, Dona Emma, Doutor Pedrinho, Garuva, Guabiruba, Guaramirim, Ibirama, Ilhota, Imbuia, Irineópolis, Itaiópolis, Itapoá, Ituporanga, José Boiteux, Laurentino, Lontras, Major Vieira, Massaranduba, Mirim Doce, Monte Castelo, Papanduva, Petrolândia, Pomerode, Porto União, Pouso Redondo, Presidente Getúlio, Presidente Nereu, Rio do Campo, Rio do Oeste, Rio dos Cedros, Rio Negrinho, Rodeio, Salete, Santa Terezinha, São Francisco do Sul, São João do Itaperiú, Schroeder, Taió, Timbó, Três Barras, Trombudo Central, Vidal Ramos, Vitor Meireles e Witmarsum. Os 10 caminhões basculante foram entregues aos municípios de Antônio Carlos, Balneário Piçarras, Bombinhas, Canelinha, Luiz Alves, Nova Trento, Penha, Porto Belo, São João Batista e Tijucas.

Um Termo de Compromisso firmado na terça-feira, (26), na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), prevê a implementação de um conjunto de melhorias direcionadas ao serviço de telefonia móvel no Estado. O documento é resultado do trabalho da CPI da Telefonia, instalada na Assembleia há cerca de seis meses. O Termo foi assinado pelos membros da Comissão, por representantes do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), e pelas prestadoras de serviços que atuam em Santa Catarina (Oi, TIM, Claro e Vivo).

FENABRAVE-SC

Os vitoriosos no 2º concurso jornalístico Os vencedores do 2º Prêmio Fenabrave-SC de Jornalismo foram conhecidos na noite de abertura do 6º Congresso Estadual Fenabrave-SC, na quinta-feira (21). Os 14 finalistas do concurso, que este ano registrou mais de cem trabalhos inscritos, também foram homenageados.

Premiados Impresso: Kelly Erdmann - O Correio do Povo - Jaraguá do Sul; Web: Juliana Soares Dalla Porta – RIC TV - Itajaí; Rádio: Marcos Andrei Meller- Rádio Peperi - S.Miguel do Oeste; TV: Paulo José Mueller - RIC TV – Joinville, sucursal Jaraguá. Os vencedores dessas categorias foram premiados com vales viagem no valor de R$ 3 mil para cada contemplado. Categoria Especial - 1º lugar: Daiana Rose Brocado - TVLitoral Panorama - Balneário Camboriú - Premiada com um Fiat Uno; 2º lugar:Juliana Soares Dalla Porta – RIC TV Record (Itajaí). Levou uma moto Honda. Comissão julgadora - Dois jornalistas da Adjori/SC - Fernando Bond, diretor editorial e Rita Lombardi, diretora institucional - integraram a comissão julgadora.


12

K E arina

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

lisa

karina.elisa@gmail.com www.twitter.com/kasocial

Divulgação/LP

Fotos: Arquivo pessoal/LP

Estúdio Fotográfico Marciane/LP

Na sexta-feira, dia 22 de novembro, Aldinho Bastos comemorou a passagem de mais um ano de vida ao lado de toda a sua família. Parabéns!

A Rainha da Exporural foi escolhida na sexta, dia 22 de novembro. A festa foi um luxo, o Maria’s Show e Eventos transforma tudo em sonho, mas o grande destaque da noite foi ela, Beatriz Bueno. Esta morena de apenas 15 anos arrasou e levou o título de 2014. Considerei uma das mais lindas rainhas até hoje escolhidas, futuro promissor como modelo e apostaria desde já como uma futura miss pela desenvoltura, beleza e porte na passarela. Parabéns linda, que seu ano seja maravilhoso!

47

A querida Nete Silva comemora aniversário na terça-feira, dia 3 de dezembro. Na foto, Nete ao lado do marido durante viagem a Gramado, no Rio Grande do Sul. Felicidades para ela e toda a família!

3366-6434

Cama - Mesa - Banho Cortinas - Confecções Enxovais de Bêbe - Tapetes Rua Monte Agulhas Negras, 303 - Sala 4

Comemoração em dobro, tudo de bom. Minha amiga fotógrafa Priscila Castro comemora seu níver neste domingo, dia 1º de dezembro. E agora, com mais de 10 anos de diferença, virá mais um bebê para alegrar a família! Parabéns Pri, você merece toda felicidade deste mundo.


13

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade

Formada a nova realeza da Exporural 2014 Jovem de 15 anos, moradora do bairro Areias, foi escolhida rainha. Concurso teve novidades, como escolha da Miss Simpatia e premiação para melhor torcida

F

oi formada na sexta-feira passada, dia 22, a nova realeza da Exporural 2014. A jovem Beatriz Bueno, de 15 anos, foi eleita Rainha. O título de Primeira Princesa ficou com Mayara Tetu, de 20 anos, e a Segunda Princesa é Jéssica Bueno, de 21. Este ano, uma das novidades foi o título de Miss Simpatia. A escolhida foi Mayra Kefren, de 23 anos. A melhor torcida também foi premiada. O troféu foi para o grupo de Samanta Neneve, de 19 anos, que ficou entre as seis finalistas. Durante dois meses de preparo, as 13 candidatas tiveram lições de passarela, oratória, palestras e conheceram os apoiadores do evento. Mas para a organizadora do concurso, Fabiliz Skoniezny, mais que o aprendizado que poderão levar para a carreira de modelo, as meninas criaram grandes laços de amizade no decorrer do concurso. A grande vitoriosa foi uma adolescente que na infância sonhava em ser modelo, mas agora tem outros planos para o futuro. Beatriz,

moradora do bairro Areias, está no 9° ano do ensino médio e planeja fazer faculdade de arquitetura. Apesar de entrar confiante no concurso, ela tinha dúvidas quanto à possibilidade de ser escolhida rainha. "Me achava novinha, mas mesmo assim estava confiante", diz a adolescente, que era a mais jovem entre as 13 candidatas. Beatriz e as outras escolhidas ganharam uma série de prêmios dados pelos patrocinadores e lojas da cidade. A menina diz que se sente realizada. "Meus pais ficaram muito orgulhosos", comemora. E o trabalho das meninas não termina por aqui. "Cuidamos de cada detalhe para que o concurso pudesse ser realizado da melhor forma. Agora é dar continuidade à preparação das eleitas, para que possam representar bem a nossa cidade, afinal, o trabalho já começou e temos que focar na festa", comentou o presidente da Fundação de Cultura, Milton Antonio da Silva.

Alan Vignoli/Prefeitura de Camboriú/LP

A realeza Rainha: Beatriz Bueno Idade: 15 anos Bairro: Areias "Eu entrei no concurso querendo muito o título, mas tinha meninas lindas e merecedoras, assim como eu". Primeira Princesa: Mayara Tetu Idade: 20 anos Bairro: Santa Regina "Dos concursos que participei, este foi o melhor organizado. Foi muito transparente e fiquei feliz com o resultado". Segunda Princesa: Jéssica Bueno Idade: 21 anos Bairro: Taboleiro "Me senti muito feliz de poder representar a minha cidade, foi muito gratificante tudo que vivi durante o concurso, as amizades que eu fiz, os ensinamentos e aprendizados que eu obtive".

Rainha. Beatriz Bueno, de 15 anos, foi eleita a Rainha da Exporural 2014

Festa Julina Espaço Criança Todos os anos o Espaço Criança realiza uma grande Festa Julina. O evento já é tradicional e reúne milhares de pessoas, entre familiares dos alunos e comunidade em geral. Além de muita comida, bebida e diversão, a festa conta com apresentações artísticas dos alunos e sorteio de prêmios. Venha para o Espaço Criança!

Miss Simpatia: Mayra Kefren Idade: 23 anos Bairro: Cedro "Pretendo seguir a carreira de modelo. O concurso foi muito bom, fizemos amizades muito bonitas que pretendo manter para sempre".


14

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Cidade

Escola apresenta Profissionais discutem a resultados de projetos importância da horta escolar Camboriú realizou um encontro de troca de experiências entre profissionais desenvolvidos da educação e Conselho de Alimentação Escolar para debater o assunto ao longo do ano

Gustavo Zonta/LP

Mostra pedagógica foi realizada na escola Abelardo Torquato Rosa, na Várzea do Ranchinho

Fotos: Gustavo Zonta/LP

Prática. Entre os trabalhos apresentados, estão o cultivo de plantas e atividades práticas, como a fabricação de queijo

N

as aulas da professora Vera Weber, do 2° ano, os alunos foram muito além do que é mostrado no quadro negro. Foram para o campo, tiraram leite de vaca, fabricaram queijo. Aprenderam ainda a cultivar plantas, decoraram os vasos, cuidaram das flores. Além disso, tiveram acesso a projetos de incentivo à leitura e o que aprenderam na escola, levaram para casa. As atividades realizadas com esta turma foram algumas das apresentadas durante a mostra pedagógica da escola Abelardo Torquato Rosa, que fica na Várzea do Ranchinho. Na sextafeira passada, dia 22, a direção organizou atividades em que foram expostos oito projetos desenvolvidos ao longo do ano. Durante o dia, professores e funcionários também fizeram apresentações. A diretora Vanusa Zago Puntel explica que na unidade de ensino estudam 170 crianças, divididas entre a escola e o Centro de Educação Infantil - CEI, que

funcionam na mesma estrutura. "No CEI os trabalhos foram embasados em projetos determinados pela Secretaria de Educação que focam na identidade, autonomia, interações e brincadeiras", conta Vanusa. Já na escola, os trabalhos não seguiram uma linha específica. Temas como alimentação e meio ambiente foram discutidos, e foram desenvolvidos projetos sobre Luiz Gonzaga e temas natalinos. "Foram trabalhos que envolveram toda a comunidade", afirma a diretora. Para a professora Vera, a importância destes trabalhos está em mostrar que a educação não é feita somente dentro da sala de aula. "Trabalhamos de maneira lúdica, de um modo que os alunos se interessam mais e dá mais resultado", avalia. Ela ainda afirma que recebe o retorno dos pais. "As crianças têm um desenvolvimento muito bom que reflete no comportamento em casa", completa.

Apresentação. Professoras pintaram o rosto e colocaram roupas de dança para animar a criançada

Experiência. O professor André Luiz apresentou os resultados da criação da horta na escola Domingos Fonseca

F

acilitar o acesso a uma alimentação mais saudável, proporcionar o aprendizado de forma prática, além da teórica, fazer com que crianças coloquem as mãos na terra e aprendam sobre o cultivo de alimentos, unir atividades de várias disciplinas em uma única experiência. Estas são algumas das possibilidades que surgem com a criação de hortas nos ambientes escolares. Foi para discutir o tema que na sexta-feira, dia 22, foi realizado o 1° Encontro de Troca de Experiências sobre Hortas Escolares em Camboriú. O evento foi conduzido pelo Conselho de Alimentação Escolar - CAE e aconteceu no auditório da escola Anita Bernardes Ganancini, no Monte Alegre, com a presença de profissionais da educação. Antonio Carlos Mesquita Leite, presidente do CAE, explicou a importância das hortas escolares e de que forma podem ser feitas. "Seguimos diretrizes do Governo Federal que orientam sobre a alimentação escolar, a preocupação com a saúde e a obesidade infantil. Temos leis que regem nossas escolas em relação à alimentação saudável", explicou. Os membros do CAE passaram por capacitações e agora estão focados em estimular e prestar assessoria a escolas que queiram desenvolver o projeto. "O Conselho vai visitar as escolas e Centros de Educação

Infantil para explicar como fazer. Temos certeza de que a partir desta reunião muitas escolas vão dar início ao projeto", disse Antonio. Algumas unidades de ensino já começaram suas hortas. Na escola Domingos Fonseca, o projeto envolve os alunos e já mostra resultados. O caso foi explicado pelo professor André Luiz da Silva Mota e Silva, que é biólogo. "Primeiro a gente viu a necessidade de uma horta escolar. Pedi apoio da direção, que aceitou a ideia", conta. "Com o tempo percebemos a interatividade que esse projeto gerou entre as crianças, pais e funcionários", completou. André explica que antes da prática, foi necessário o embasamento teórico para que fosse avaliado o que cultivar e de que forma. Em seguida, foram selecionados os alunos e definidos em que dias a horta seria trabalhada. "Exigimos uma reflexão por parte dos alunos e

professores. Tivemos que envolver ações pedagógicas. Mais do que plantar, precisávamos ensinar alguma coisa", avalia o biólogo. O resultado deu tão certo que as crianças aguardam ansiosamente pelo dia de trabalhar na horta. Questões de matemática, física, língua portuguesa e outras disciplinas foram aliadas à prática. Além disso, o resultado inicial - proporcionar boa alimentação no ambiente escolar - foi atingida. "Partimos do ponto de que criança que não se alimenta bem, não tem bom desenvolvimento", explica o professor. Toda a metodologia de trabalho foi apresentada aos profissionais da educação. A secretária Fátima Gervásio, que participou do encontro, avalia que é importante que mais escolas desenvolvam o projeto. A Secretaria de Educação se colocou à disposição para auxiliar os profissionais no que for necessário, assim como o CAE.

HÉLIO MARCOS BENVENUTTI SOCIEDADE DE ADVOGADOS - OAB-SC 2007/2012 HÉLIO MARCOS BENVENUTTI – OAB/SC 7087 MARIELZA A. DE SOUZA – OAB/SC 21905 LUIZ FILIPI TESTONI – OAB/SC 28070 INDENIZAÇÕES – QUESTÕES TRABALHISTAS – APOSENTADORIAS E PENSÕES – OUTRAS CAUSAS Rua Cel. Benjamin Vieira, 10, 2º Piso, Sala 05, Centro, Camboriú/SC - F: 3365-1395


15

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Segurança

Cartilha pretende prevenir casos de adoção ilegal

Material foi desenvolvido depois de dois casos graves registrados este ano. Conselho Tutelar afirma que nos últimos três anos, seis casos foram acompanhados

E

m 2013, dois casos de adoção ilegal ocorreram em Camboriú. O primeiro foi confirmado em janeiro depois que uma garota de programa entregou seu bebê para um casal de Tijucas. Ela teria recebido cerca de R$ 300 mensalmente durante a gestação. O bebê estava registrado em nome da mãe biológica e do suposto pai, que pagou pela criança. A mulher foi detida e o bebê encaminhado a um abrigo. Caso semelhante ocorreu no mês de setembro. Uma mulher de Camboriú entregou sua filha recém-nascida para um casal do Paraná. A criança foi encontrada e também levada para um abrigo. A mãe recebeu R$ 600 por mês durante a gestação. Ela garante que não vendeu o bebê, apenas recebeu dinheiro para os gastos que teve durante a gravidez. Depois deste caso, o delegado Osnei Valdir de Oliveira, da Divisão de Investigação Criminal - DIC chegou a afirmar que existe a suspeita de que uma quadrilha especializada na venda de crianças esteja agindo na região. O foco deste grupo seriam mulheres jovens, carentes e com problemas com álcool e drogas. Nos últimos três anos, o Conselho Tutelar acompanhou

seis casos de suspeita de vendas de bebê em Camboriú. "E isso é só o que conseguimos descobrir e levar até o fim. Muitas denúncias chegam até nós e não conseguimos comprovar", comentou Manoel Mafra, do Núcleo de Prevenção às Drogas e à Pedofilia, que atua no Conselho Tutelar há uma década. Ele concorda com a visão do delegado. "Nos últimos dez anos a gente percebe que há uma rede atuando aqui. São pessoas que procuram mulheres grávidas em condições de vulnerabilidade social", afirma. É para evitar que mais casos aconteçam que o Núcleo, Conselho Tutelar, Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, Secretaria de Saúde, DIC e Polícia Militar desenvolveram uma cartilha sobre adoção legal. Para Manoel, muitas mulheres acabam comercializando seus filhos

pela simples falta de informação. "Muitas não sabem que se trata de um crime. São procuradas e entregam as crianças porque não têm condições de cuidar", diz. As cartilhas serão distribuídas principalmente pela Secretaria de Saúde durante o acompanhamento de gestantes. "O primeiro objetivo da cartilha é mostrar que a mãe pode ficar com a criança e de que forma ela pode receber ajuda", explica Manoel. "Se isso não for possível, explicamos como ela pode entregar o bebê legalmente para a adoção", completa. Por fim, a cartilha ainda explica a que penalidades estão sujeitas as mães que venderem seus filhos. "Acreditamos que a informação pode reduzir significativamente o número de casos. Nosso objetivo final é zerar esta estatística", completa Manoel.

Penalidade Se o caso for descoberto, os criminosos podem pegar até 15 anos de prisão. A mãe pode ser indiciada por entregar o filho mediante pagamento, os falsos pais podem ser acusados de registrar como seu o filho de outra pessoa, além de serem indiciados por declaração falsa ou alteração da verdade sobre o fato. Mas para Manoel, o principal prejuízo está para o bebê. "São crianças, não são mercadorias. Este tipo de situação pode acabar com a vida de uma criança psicologicamente", afirma. Gustavo Zonta/LP

Prevenção. Manoel Mafra, do Núcleo de Prevenção às Drogas e à Pedofilia, acredita que falta de informação tem resultado em muitos casos de irregularidade

Camboriú chega a 25 homicídios em 2013 O 25° homicídio do ano em Camboriú foi registrado por volta das 23h de sábado, dia 23, e chocou a comunidade do Monte Alegre. O crime ocorreu em uma residência da rua Monte Orizada. Segundo a Polícia Militar, Félix Marconcini, de 61 anos, foi morto após uma tentativa de roubo durante uma festa de Comunhão. Ele foi atingido por um tiro no pescoço e na perna e morreu na hora. Uma pessoa que estava no local tentou reagir e atingir um dos criminosos com uma cadeira, e acabou atingida por um tiro na perna, mas passa bem. Segundo o relato das testemunhas, três homens armados entraram na residência onde acontecia uma celebração. Os criminosos chamaram a vítima pelo nome e arrancaram uma corrente de ouro do pescoço de Félix. O mês de novembro foi o mais violento do ano, com cinco assassinatos até agora.

Caso polêmico envolve Conselho Tutelar Mãe acusa conselheiro de ter tomado decisão arbitrária e tirado seus filhos, gêmeos de quatro meses. Profissional afirma que crianças estavam em situação de risco

U

m caso envolvendo uma moradora de Camboriú e o Conselho Tutelar da cidade tem gerado discussões nos últimos dias. Rosane Martins Beppler, de 38 anos, acusa o conselheiro Valmor Dalago de ter tomado uma decisão arbitrária e dado para o ex-marido dela a guarda de seus dois filhos gêmeos de quatro meses de idade. O conselheiro guarda documentos que mostram que Rosane tem passagem pela polícia e que as crianças estavam em situação de risco. Ele ainda esclarece que a mãe não perdeu a guarda dos filhos, que neste momento estão morando com o pai em outra cidade enquanto corre um processo judicial. Toda a situação que resultou no problema aconteceu no início do mês de novembro. Na versão de Rosane, ela foi agredida pelo marido, que a traía, e acusada injustamente de ameaça aos gêmeos. Além dos meninos, Rosane tem outros três filhos. Ela explica que no início do mês, foi com quatro filhos buscar o marido no moto-táxi em que ele trabalhava. No local, suspeitou do envolvimento dele com outra mulher, o que ocasionou uma briga. Ela garante que depois de deixar os filhos menores em casa, foi procurar ajuda de uma amiga. No dia seguinte, quando voltou para casa, não encontrou mais o marido e os gêmeos. "Uma vizinha me disse que ele tinha ido para o Conselho Tutelar", conta. Na sede do Conselho, Rosane encontrou o marido e as crianças, que estavam se mudando para a cidade de Salete, local de origem de seu marido, por orientação de Valmor. "Ele não escutou minha versão, ordenou que levassem as crianças", diz.

No decorrer deste mês, Rosane chegou a visitar as crianças em Salete e diz que os filhos estão sendo mal tratados. Nesta semana, ela acionou uma advogada para tentar recuperar as crianças. Já o conselheiro afirma que na noite em que Rosane foi buscar o marido no trabalho, ela o agrediu. Além disso, a mulher teria deixado os bebês junto com o homem no meio da rua, à noite, e voltado meia hora depois. Em casa, ela ainda teria ameaçado asfixiar os gêmeos, matar o marido e se matar em seguida. Naquela noite, segundo Valmor, Rosane saiu de casa com seus três filhos maiores, deixando os bebês, e só retornou dois dias depois, quando descobriu que o marido estava no Conselho Tutelar. Na sede da entidade, Rosane teria tentado agredir novamente o marido. "Eu não tirei a guarda, quem decide isso é a Justiça. Apenas orientamos que os bebês fossem levados para um lugar seguro", explica. "A solução seria ou encaminhar para alguém da família ou levar para um abrigo. Optamos pela primeira alternativa", acrescenta. O conselheiro reúne documentos que comprovam a situação de risco das crianças. Ele afirma que Rosane já havia abandonado dois filhos, que voltaram a morar com ela no ano passado. Além disso, existem dois boletins de ocorrência contra ela, abertos por dois ex-maridos, que a acusam de agressão. Toda a documentação será encaminhada para o Conselho Tutelar de Salete, que acompanha as crianças e garante que estão bem. Naquela cidade, o pai já entrou com processo pedindo a guarda dos gêmeos.


16

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Perfil

D

“É muito gostoso você ver que pode fazer o bem para as pessoas”

orcas é uma personagem bíblica. Costureira, ela fez as vestes de discípulos de Jesus. Também usou essa vocação para ajudar mulheres sozinhas e pessoas necessitadas. É citada na Bíblia como uma pessoa de coração piedoso que não queria que ninguém passasse necessidade ou Mais de 200 profissionais já se formaram na Casa da Costura de Camboriú depois de receber sofresse. Foi esse o nome es- os ensinamentos de Dorquinhas Rodrigues da Silva Malmann. O que estas pessoas não sabem é que a professora estava predestinada a fazer duas coisas: costurar e ajudar os outros colhido pelo pastor José para batizar sua filha, que nasceu Gustavo Zonta/LP 58 anos atrás no interior da ci- conheceu o marido, Gerson, dade de Ibirama, no Alto Vale que era caminhoneiro. Há do Itajaí. 25 anos, depois que o pai foi A menina nasceu muito transferido para a região, Dorpequena e logo nos primeiros quinhas se instalou em Balnedias de vida, passou a ser cha- ário Camboriú. Trabalhou na mada de Dorquinhas pela fa- Prefeitura da cidade vizinha mília. Quase um mês após o até que conseguiu comprar nascimento, quando José con- uma casa no Monte Alegre. seguiu ir até a cidade vizinha Há duas décadas, é no distrito para registrá-la, nem ele se que ela vive. lembrava mais do nome que Gosta de fazer de tudo, havia escolhido. Foi assim mas prefere as roupas feminique aquela que nasceu para nas. Talvez por um “trauma” ser Dorcas virou Dorquinhas do passado. Dorquinhas conta Rodrigues da Silva Malmann. que quando morou com a faO nome foi para o diminutivo, mília em uma cidade do Oeste mas ela continuou carregando do Estado se propôs a fazer os ensinamentos da persona- os uniformes de uma banda gem bíblica que lhe servia de de igreja. No entanto, tinha exemplo. feito curso de corte e costura Não é só no nome que apenas de roupas femininas e ela foi uma precisou impredestinada. provisar para A mãe, Mafazer os paleria, também tós dos dois Eu comecei a fez seu papel. homens que “Quando meu atuavam na costurar porque umbigo caiu, banda. Um me apaixonei pelo a mãe colodeles tocava cou dentro da barulho da tesoura bumbo e o tragavetinha da balho de Dormáquina de quinhas quase costura”, cono impediu de ta. “Deu bem atuar. “Eu fiz certinho”, o paletó no completa. molde de roupa feminina e Desde criança Dor- ficou muito apertado. Ele não quinhas gostou da profissão podia abrir os braços, preciao ver a mãe costurando em sou ficar com os cotovelos casa. “Eu comecei a costurar grudados no corpo enquanto porque me apaixonei pelo ba- tocava”, conta, rindo. “Meu 200 pessoas. A última turma quem falha, tem que começar rulho da tesoura”, afirma. Aos pai riu disso durante muitos concluiu o curso ontem, quin- tudo de novo. Mas contabili8 anos, a mãe cortou o tecido anos, sempre que via o ra- ta-feira, dia 28. É com sensa- za as relações de amizade e os e ela costurou seu primeiro paz lembrava dessa história”, ção de dever cumprido que resultados alcançados e acreela garante que com o traba- dita que tem feito o trabalho vestido. Aos 14, entrou em completa. uma escola de costura. Desde Mas Dorquinhas apren- lho, cumpre sua missão. Não bem feito. “A cada formatura eu então, não faz outra coisa que deu – apesar de ainda prefe- apenas costura como também não seja costurar. “Meus pais rir as roupas femininas. Sua ajuda pessoas que precisam fico realizada, você vê que me criaram para ser costurei- trajetória profissional passou daquilo para recomeçar suas eles te aplaudem de pé, você vê no semblante que estão ra e foi isso que fiz. Meu pai por altos e baixos. Chegou a vidas. “Eu amo ensinar. Tem satisfeitos. Acaba tendo uma sempre dizia que a filha dele conduzir uma facção e semveio como ele pediu a Deus”, pre trabalhou na área da cos- uma aluna que diz ‘ô profe, tu relação de amizade muito recorda. tura. Tudo se ajeitou há qua- é o cara’”, diz , rindo. Dorqui- grande”, afirma. E dá alguns A profissão a acompa- tro anos, quando começou a nhas afirma que tenta buscar exemplos: “Tem um casal nhou por onde andou. “Mora- trabalhar na Casa da Costura, o equilíbrio entre o pulso fir- que começou aqui sem saber mos em muitos lugares, meu serviço mantido pela Prefei- me e a bondade nas aulas, e nada e hoje tem uma facção pai era transferido a cada dois tura, no Monte Alegre. Des- não aceita quem quer desistir. no Conde com cinco funcioanos”, ela explica. Na estrada de então, já formou mais de Também não gosta de erros e nários. Outro dia ele passou

por mim com um carro zero e me mostrou. Já devem ter comprado com o dinheiro desse trabalho”. Para ela, esta é a principal realização. “São coisas que te dão mais ânimo. É muito gostoso você ver que pode fazer o bem para as pessoas”, avalia. Seu trabalho, no entanto, não se resume só à Casa da Costura. Em casa, Dorquinhas também mantém a atividade com a ajuda do marido, Gerson, e da filha, Dorly. Ela costura figurinos para uma escola de música, além de outros trabalhos. “Minha rotina é bem puxada porque eu não consigo parar”, afirma. Além de Dorly, ela é mãe de Débora e Roberto, todos casados. Tem seis netos, que são sua paixão. “Eu sou muito coruja”, admite. É conhecida por eles como a “avó das bonecas”. O motivo é um gosto que Dorquinhas descobriu recentemente. “Ganhei uma boneca, gostei. Ganhei outra, gostei. Aí fui pegando gosto”, explica. Hoje tem uma coleção com 12 bonecas. Não pode ver um exemplar bonito em uma loja que logo quer levar para casa. Mas explica que não é assim que funciona. “Eu não quero comprar, quero ganhar. Quem quiser me dar um presente, é só me dar uma boneca”, diz. E nas horas de lazer, além dos brinquedos, Dorquinhas gosta mesmo é de deixar tudo para trás, entrar no carro com a família e ir pescar. Passa dez, quinze dias acampando na beira de um rio. “Minha loucura é pescaria”, afirma. É isso que deve fazer agora no fim deste ano e início do próximo. Mas depois, a dura rotina recomeça. Dorquinhas tem os figurinos, uniformes para os Gideões, além das aulas da Casa da Costura. Não se sente cansada e garante que nem pensa em parar. Tem como exemplo o pai, que logo após se aposentar, faleceu. “Ele tinha construído um sítio, preparado tudo para a aposentadoria, mas nem pode aproveitar”, conta. “É por isso que não quero me aposentar. Só vou parar lá pelos 90 anos, quando for morrer”, diz, rindo. Até lá, vai continuar apaixonada pelo barulho da tesoura e seguindo aquilo que nasceu para fazer.


17

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Saúde

Campanha para arrecadar recursos para o hospital deve ficar para o ano que vem

Proposta do Conselho da Fundação Hospitalar surgiu no início de outubro, em uma reunião com os vereadores. Até agora, não foi definido como isso será feito

O

fechamento da maternidade no hospital gerou muita polêmica entre a comunidade e, no início de outubro, representantes da Fundação Hospitalar estiveram na Câmara de Vereadores para tratar do assunto. Entre outros dados, os novos conselheiros do hospital, que haviam assumido em julho, falaram que a Fundação precisaria da ajuda da comunidade para reabrir a maternidade. Uma das possibilidades levantadas foi a doação de valores (entre R$ 1 e R$ 5) através da conta de água. Mas até agora a proposta não foi levada adiante. Segundo o presidente da Fundação Hospitalar, Luiz Espíndola, esta é uma das propostas de campanha junto à comunidade. "Mas precisamos de um trabalho de marketing, de mídia, que tem que ser organizado. Vamos verificar se este momento das festas pode prejudicar. Provavelmente, a campanha será realizada no ano que vem", explica. Para esta

definição, a diretoria vai contar com a colaboração da equipe de comunicação da Prefeitura. Ainda de acordo com Luiz, é preciso fazer um planejamento para saber o que é preciso arrecadar e também como desenvolver esta campanha. "Vamos estudar bem. A nossa vontade é reabrir a maternidade. Para isso, precisamos de recursos", aponta. Na semana

Expectativa era de que campanha iria começar em novembro Depois do debate na Câmara de Vereadores, o Linha Popular conversou com alguns conselheiros do hospital. Em uma entrevista concedida no dia 10 de outubro, Jucélia Vinholi, Ricardo Garcia e Nelson Pereira falaram da intenção de realizar a campanha através da conta de água. A expectativa dos conselheiros é que ela iniciasse em novembro. Eles fizeram questão

Naiza Comel/Arquivo/LP

que vem, haverá uma reunião do corpo clínico do hospital e da direção e a maternidade estará na pauta. A primeira ação de participação da comunidade foi uma Macarronada no dia 25 de outubro, quando foram arrecadados cerca de R$ 10 mil. Os valores, segundo Luiz, serão investidos em melhorias no hospital.

de destacar que cobrariam transparência na arrecadação e aplicação dos recursos. Esta semana, o LP voltou a procurar os conselheiros. Jucélia, que representa a OAB Camboriú no Conselho, explica que a intenção de fazer a campanha continua. "É algo que terá que ter um grande planejamento e controle. Vamos sim organizar isso", apontou.

Indicação. Possibilidade de uma campanha foi levantada em reunião realizada no início de outubro, na Câmara de Vereadores

A situação do hospital Na reunião realizada com os vereadores, a diretora administrativa da Fundação, Margareth Cadore, explicou que a maternidade tinha um custo de cerca de R$ 67 mil por mês. Mesmo com os pagamentos feitos pelo SUS, o déficit das contas chegava a R$ 40 mil, R$ 50 mil mensais. Este é o valor necessário para que a maternidade seja reaberta e será buscado em campanhas com a população. Além do déficit com a maternidade, a Fundação ainda enfrenta problemas com os R$ 6 milhões em dívidas - há débitos a serem quitados com médicos e com fornecedores de diversas áreas.

ESTAMPARIA E CONFECÇÃO

A Vide Verso está sempre presente nos eventos esportivos de Camboriú. Nas roupas dos atletas ou na torcida pelo crescimento do esporte, contem sempre com a gente!

“Sua marca no esporte” Rua 2.870, 900 Centro Balneário Camboriú

Tele-entrega 47 3365-1195 | 3365-2773 Rua Gustavo Richard, em frente à Praça das Figueiras

(47) 3361.5583 / 9122.6439

estampariavideverso@brturbo.com.br


18

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

ClassiPopular linhapopular@gmail.com

Imóveis

Imóveis

Aluguel

Troca

venda

casas Vendo casa no bairro Cedro. 2 quartos, sala, cozinha, banheiro. Barbada! R$ 200 mil. 9934-3098 Vendo casa c/ 5 quartos, sala cozinha, garagem. Rua Samambaia, Monte Alegre. Troca por sítio (motivo de saúde). 8486-5502 Vendo casa no Monte Alegre, rua Monte Serra Negra. 3 quartos, sala, cozinha, banheiro, lavanderia, garag. 2 carros, churrasq. 478m2. Galpão no fundo. Valor a combinar. 3363-9126 c/ Darcilo. Vendo casa em Bombas, aprox. mil metros da praia, 2 quartos. Valor R$ 120 mil. Aceito troca por quitinete em Camboriú e Itapema. 33638428 / 8411-9355 APOLAR IMÓVEIS - EExcelente IMÓVEL RESIDENCIAL E COMERCIAL com 480 m² de área construída, próximo ao Forum, terreno com 360m², SALA COMERCIAL E APTO COM 03 DORM. E demais dependências, churrasqueira, garagem, piscina e salão de festas. . Ref. 108201. R$ 750.000,00. Fone: (047) 33656820. CRECI-SC - Prot. 1766 www.apolar.com.br Vendo bela casa de tijolo a vista. Com ótima vista. Dois grandes quartos, sendo um suite. Ampla cozinha. Grande sacada com deck de madeira e lindo jardim. Valor: R$ 700 mil. 3365- 1956 / 9626-2626 Vendo casa no centro de Camboriú, com 2 suítes mais 2 dormitorios, sala, cozinha, área de serviço. Por apenas R$ 250 mil. Ótima oportunidade. 3365-5102 - 9965-8610. Vendo casa no bairro Cedro. 2 quartos, R$ 135 mil. 99343098 Vendo casa no bairro Cedro, próx. garagem da Praiana, 550m2, totalmente livre de enchentes. R$ 600 mil. Falar com A. Carlos - (47) 91498655. Obs.: dispenso curioso

Vendo casa no centro com terreno de 300 metros, com área total construída de 100m², 3 dormitorios, sala de estar e jantar, cozinha, wc social. Mais edicula com 1 suite e cozinha. R$ 300.000,00, proprietária tem interesse em permuta. 3365-5102 - 8422-3252 APOLAR IMÓVEIS CASA DE ALVENARIA NO BAIRRO NOVA ESPERANÇA – Balneário Camboriú, 02 dorm. E demais dependências. CONDOMÍNIO FECHADO. Fácil acesso. Garagem privativa. R$ 140.000,00 Ref. 104658 Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC-3829J www.apolar.com.br Vendo CASA DE ALVENARIA NO CENTRO DE CAMBORIÚ, terreno com 344m², 156 m² de área construída, completa área de lazer com churrasqueira, 01 suíte, 02 dorm., sala de estar e jantar, cozinha, área de serviço, garagem coberta, jardim e amplo quintal .R$ 430.000,00. Ref. 118207. Fone: (047) 3365-6820. CRECI-SC-3829J. www.apolar.com.br APOLAR IMÓVEIS – EXCELENTE CASA DE ALVENARIA no Bairro São Francisco, toda murada, Terreno com 300 m² , área construída de 90 m², ótima localização, 02 dorm., BWC social, sala de estar e jantar, cozinha, área de serviço, amplo espaço para quintal e jardim. SOMENTE R$ 160.000,00. ACEITA CARRO. Ref. 121628. Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC- 3829J www.apolar.com.br APOLAR IMÓVEIS – ÓTIMA CASA DE ALVENARIA NO SANTA REGINA V, 02 suítes, 01 dorm. Sala de estar e jantar, cozinha mobiliada, cozinha externa com churrasqueira, garagem coberta para 03 carros, despensa, orquidário, semi mobiliada. R$ 430.000,00. Referência 118201 Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC3829Jwww.apolar.com.br Vendo casa 2 dorm., piscina, churrasq., area de serviço, 1 BWC c/ hidro. R$ 320 mil. Area 415m2, Rio Pequeno. 3050-3030 / 9957-8004. CRECI 17991

Negócios Empregos

3365-4893

Automóveis

Motos

apartamentos

sobrados

Vendo aptos na rua Suíça, bairro das Nações - BC. 1 ap. c/ suíte + 2 quartos + BWC e 6 kitnetes c/ área de serviço. Garagem p/ 6 carros. R$ 800 mil. Tratar c/ Souza - 9419-0590 ou 3365-5818 (recados)

APOLAR IMÓVEIS – Excelente sobrado no Bairro Tabuleiro, 02 demi-suítes, sala de estar e jantar, cozinha, amplo quintal, BWC social, 02 vagas de garagem, fácil acesso e fino acabamento. Somente R$ 200.000,00. Pronto pra morar. Ref. 104627. Fone: (047) 3365-6820. CRECI-SC-Prot. 1766/13 www.apolar.com.br

APOLAR IMÓVEIS – APARTAMENTO no SANTA REGINA em Camboriú, 58 m², 02dorm., sala de estar e jantar, cozinha integrada, BWC social, área de serviço, 01 vaga de garagem, ENTREGA 11/13. R$ 150.000,00 Ref. 118205. Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC-3829J www.apolar.com.br Vendo 2 aptos. na planta, próx. Av. Minas Gerais, centro de Camboriú. Aceito terreno, carro ou parcelamento. 8431-0911 APOLAR IMÓVEIS – APARTAMENTO no Centro, ESTÁCIO DE SÁ, 01 suíte + 01 dorm. Sala de estar e jantar, cozinha, área de serviço, sacada com churrasqueira, garagem privativa, portão eletrônico. R$ 190.000,00 PRONTO PRA MORAR! Referência 104643 Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC-Prot. 1766/13 www. apolar.com.br Vendo ap. no bairro Santa Regina, 2 quartos, bwc, sala, cozinha, área de serviço, churrasqueira, garagem, portão eletrônico. R$135 mil. PRONTO PARA MORAR! Fone: (47) 3366-1468/9991-5580/99353509. CRECI 7075 APOLAR IMÓVEIS – APARTAMENTO no CENTRO DE CAMBORIÚ, 89 m² de área privativa, 01 suíte + 02dorm. Sala de estar e jantar, cozinha, área de serviço, sacada com churrasqueira, salão de festas, 02 VAGAS de garagem. R$ 350.000,00. MOBILIADO. Ótimas condições de pagto. Referência 118203 Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC-3829J www.apolar.com.br Vendo ap. 2 quartos, sala, cozinha, banheiro, garagem numerada, playground, salão de festas, bem localizado, no bairro S. Judas Tadeu, em BC. R$ 170 mil. 3363- 6604 ou 8405-4996

Anuncie! É grátis

Vendo sobrado: 1 suíte c/ sacada, 1 suíte, sala estar, cozinha e copa, lavabo, área de serviço, churrasqueira. Área de construção de 75,20m2, pátio nos fundos, 2 vagas garag. Fone: (47) 3366-1468/9991-5580/99353509. CRECI 7075. Vendo excelente sobrado geminado no bairro santa Regina VI, possui uma suíte com sacada, um dormitório, entrada facilitada, valor R$ 140.000,00 Fone: 8441-8252 / 9168-0424 / 33654995 CRECI.12.981 Vendo sobrado no bairro Santa Regina III, 2 suítes, móveis sob medida, livre de enchente. 9273-5158 Vendo sobrados no bairro Santa Regina, com 2 dormitórios, sala, cozinha, wc social e lavabo, área de serviço, 1 ou 2 vagas de garagem, ótimo acabamento. Financiamento pelo plano minha casa minha vida. 3365-5102 - 8422-3252 APOLAR IMÓVEIS - SOBRADO pronto para morar !!! 02 dorm., sala de estar e jantar, área de lazer com churrasqueira, cozinha integrada, área de serviço, garagem. R$ 140.000,00 Ref.104638. Fone: (047) 3365-6820. CRECI-SC-3829J www.apolar.com.br Vendo sobrado c/ 1 suíte c/ sacada + 2 dorms., banheiro, sala de estar, lavabo, cozinha, área de serviço, churrasqueira, vaga 2 carros, 121,72m2, direto c/ construtora. Centro de Camboriú. 9920-8754

Serviços

Vendo sobrado 2 dorm., sala, cozinha, garag. Sta Regina 2. R$ 60 mil de entr. + 120 prestações de R$ 1 mil direto c/ construtor. Aceita veículo. 47 3050-3030 / 9957-8004. CRECI 17991 Vendo sobrado no centro de Camboriú c/ salas comerciais e terreno lateral. R$ 1,5 milhão. 8404-4306 - CRECI 19531

terrenos Vendo ou troco por imóvel em Camboriú um terreno em Balneário Camboriú, no bairro dos Municípios, entre 5ª Av. e marginal, rua Canoinhas, nº 85. R$ 250 mil, ao lado da Marambaia, c/ 2 casas em cima. 9616-1536 / 32631401 c/ Almeida ou Cida APOLAR IMÓVEIS – TERRENO NO BAIRRO AREIAS com 339 m², 15x22,60 CAMBORIÚ, com 339 m², 15 m x 22,60 m, ÓTIMA LOCALIZAÇÃO! R$ 180.000,00. Referência. 104633 Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC - Prot. 1766/13 www.apolar.com.br Vendo lote com área de 490m2 em São Francisco do Sul. Valor de R$ 45 mil. (47) 8417-1222. Aceito carro no negócio Vendo terrenos p/ chácara a 8km do Braço de Camboriú., Aceito parcelamento, carro ou imóvel. A partir de R$ 20 mil. (47) 3081-1997 - 9739-0048 Vendo terreno 300m2, R$ 110 mil. Rua pavimentada, área nobre. 9921-9054 / 8430-2598 Creci 20250 APOLAR IMÓVEIS – Terreno com 387 m² no Centro de Camboriú, ótima localização, pronto para construir. R$ 250.000,00. Aceita propostas. Ref. 12165. Fone: (047) 3365-6820 CRECI-SC- Prot. 1766/13 www. apolar.com.br Vendo sítio no Rio do Meio e Macacos. Aproximadamente 4 mil metros quadrados. Tratar: 8482-8315 CRECI 19348

Vendo ou troco terreno no Morro do Baiano, Braço de Camboriú. Troco por terreno em Piçarras ou região. Valor a combinar. Pronto p/ construir. Falar c/ Wilson - 96599537

Imóveis

aluguel

Procuro casa ou kitinete para alugar no centro, ou próximo ao centro, de Camboriú. Com cozinha, sala, podem ser integrados, com quarto e garagem. 8481-9007 Alugo 2 aptos. com 02 dorm. demais peças, com garagem coberta, no Bairro Areias Rua Bahia esq. Goiás. R$ 650,00. CRECI 19.531 - (47) 8404.4306 Alugo aptos em Balneário Camboriú de 1, 2 e 3 dormitórios. Tratar (47) 3367-2829 Alugo 3 salas comerciais de 105m2 em BC, próx. à Av. Central. R$ 2.300. Fones: 9739-5538 / 8828-2050 Alugo casa no bairro Cedro, 3 quartos, rua Rodrigo Faveri, 156. Fone: 9657-2081 ou 9659-9413. Alugo apartamento 2 dormitórios, no Dom Amaro próx. escola Clotilde. R$ 750. 9918-0503 c/ Júnior Alugo casa na rua Pedro Saut Junior, 307. Kitinete. R$ 450 + água e luz. 9660-6332 Alugo sala comercial no residencial Maria Helena, no Cedro. R$ 800. 9690-2762 / 9932-4180 Alugo kitinete na rua Jamaica, no bairro das Nações, em Balneário Camboriú. 3361-64701 / 9619-11646 Alugo SALA COMERCIAL, CENTRO, CAMBORIÚ. Excelente localização. 75m², reformada, iluminação de emergência, copa, BWC mobiliado. (47) 9645-4290 CRECI/SC Prot.1765/13 Alugo apto., 2 dorm., R$ 750. Residencial Maria Helena, no Cedro. 9690-2762 / 9932-4180


19

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Classi Popular Imóveis

Aluguel

Imóveis

aluguel

Alugo kitinete na rua Acyla Garcia, 85, Centro de Camboriú. Fones: 3365-2064 ou 9933-2974 Alugo kitnete no Rio do Meio, ao lado do Clube Brejeiros. 1 dorm, sala conj. cozinha, banheiro R$ 300,00 Fones: 47 99102018 / 48 98146650 e 48 32990993 Email: nicelegal@uol.com.br Alugo um apt. de 2 quartos, sala, cozinha, e demais dependências, com garagem privativa, no bairro da Barra, em Bal. Camboriú, com aluguel mensal de R$ 850,00. Fone : 33636604 / 8405 4996 Alugo galpão na rua Sassafrás, no bairro Taboleiro, 165m2. 3365-2969 Alugo salas comerciais no centro de Camboriú, a 50mts do Posto de Saúde Central. 8415-9510

Troca

Negócios Empregos

Procuro sítio ou chácara para alugar. 3365-6205 / 8441-7440

Negócios Vendo cadela da raça Yorkshire com oito meses de vida. Todas as vacinas em dia. Fone: 9678-2029 c/ Bruno ou Zenilda Vendo geladeira de 360 litros c/ auto degelo por R$ 400 e máquina de lavar roupa por R$ 200. 3365-0216 Vendo ponto de bar, avenida Osvaldo Reis, 3546, em Itajaí. Funciona como assadão aos domingos. 9251-7923 / 8414-0348 Vendo égua mestiça quarto de milha de charrete e montaria. Quatro patas brancas, frente aberta. Preço de ocasião: R$ 2 mil. 8804-4092 c/ Luiz.

Automóveis

Vendo barco de alumínio de 5 metros, c/ carretinha, emplacado e com motor. Valor a combinar. 3365-0216. Vendo máquina de lavar, 7,5 quilos, marca Consul. R$ 200. Fone: 9665-8602 Vendo parelha de pôneis pretos. Domados de carroça e montaria. Valor R$ 3 mil. 9106-8338. Falar c/ Luiz Vendo televisor Samsung 29’’, slim, tela plana. Em ótimo estado, com controle. (47) 9711-9811

Empregos Contrata-se profissionais para trabalhar como camareira, recepcionista e manobrista. Contatos: 3344-6024 ou 9143-4043

Motos

Contrata-se camareira. Falar com Luis. 3367-1616

Veículos

forma pró-ativa e não-convencional de atuar no mercado.

Anuncie! É Grátis 47

3365-3305

automóveis

Vendo Classic Preto, 2012. Financiado – R$ 18,5 mil já pagos. Assumir parcelas. Aceito propostas (moto ou carro de menor valor). 8431-0911 Vendo Verona, 95, 4 p., direção hidráulica, vidro elétrico. R$ 5 mil. Fones: 9669-2271 / 9600-4613 Vendo F1000, ano 89, hidráulica, gabinada, motor MWM. R$ 18 mil. Aceito carro no negócio. 9644-3548 PERDA DE DOCUMENTO Foi perdido o cartão de identidade profissional da OAB/SC de nº 15482 em nome de Antônio Henrique Baki Huscher.

VENDO - Terreno de 300,00 m.² no centro com edificação R$ 270.000,00 Ref. 0131. VENDO - Casa de alvenaria com 3 quartos, 1 suíte, 3 vagas de garagem no centro. R$ 350.000,00 - Ref. 0133 VENDO - Sitio no Caetés de 2.730,00 m.² R$ 150.000,00 - Ref. 0100. VENDO - Sítio no Cerro de 1.950,00 m.² com casa de alvenaria de 130,00 m.² R$ 400.000,00 - Ref. 0091 VENDO - Terreno no bairro São Francisco de 327,00 m.² com casa de 64,00 m.² R$ 150.000,00 Ref. -120

www.acacioimoveis.com.br Rua Cel. Benjamin Vieira, 50 Sala 03 - centro

3365.0025

A pedidos, a maior imobiliária

de Itajaí em Minha Casa Minha Vida, chega à Camboriú com sua

Serviços

A pagar parte da sua entrada. Informe-se. A atender nos dias úteis das 9h às 19h (sem fechar no almoço), e aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 12h, e das 13:30h às 17h.

9706.7987

Centro Comercial Nuova Città, sala 25 (na rua da Delegacia)


20

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Variedades

Ofício de delícias

paulo.gastronomia@uol.com.br oficiodedelicias.com.br Twitter:@FariaPauloR

Fotos: Paulo Roberto Faria/LP

Morangos Paixão Ingredientes:

Chef paulo roberto faria Morango é uma das frutas mais bonitas e atraentes que conhecemos. Além de muito saborosa, tem ainda a fama de ser considerada a fruta da sedução, pelo seu formato de coração e pela sua cor de um vermelho intenso. Existem centenas de doces e sobremesas feitas com morangos, mas a combinação mais perfeita é morango com chocolate. Não há quem não aprecie. Nesta receita, fiz uma combinação bastante exótica: morango, maracujá e chocolate. Esta sobremesa é uma ótima pedida para as festas de final de ano, além de muito gostosa vai deixar a sua mesa mais bonita e decorada.

2 caixinhas de morangos 2 latas de leite condensado 1 colher de manteiga 4 colheres de sopa de polpa de maracujá sem semente 4 colheres de sopa de leite em pó 300 gramas de creme de leite fresco batido em chantilly 200 gramas de chocolate ao leite 1 caixinha de creme de leite 2 colheres de sopa de licor da cacau Physalis ou morangos inteiros para decorar

Modo de fazer: Misture a polpa de maracujá com o leite condensado, leve ao fogo e adicione a manteiga e o leite em pó. Misture tudo bem e mexa com uma colher de pau até incorporar todos os ingredientes. Tão logo abra fervura, apague o fogo e deixe esfriar naturalmente. Quando estiver bem frio, misture delicadamente ao creme de chantilly e deixe na geladeira até a hora de usar. Ganache de chocolate: Misture o chocolate bem picado ao creme de leite e leve ao banho-maria até derreter e ficar bem liso. Não deixe a água ferver. Junte o licor de chocolate, misture bem e reserve. Montagem: Lave e seque muito bem os morangos e corte em pedaços pequenos. Coloque os morangos

no fundo de taças ou na vasilha onde vai montar a sobremesa. Cubra os morangos com o creme de maracujá, alise a superfície e coloque por cima a ganache de chocolate. Coloque na geladeira até a hora de servir. Decore com os physalis ou com morangos cortados ao meio.

Horóscopo Boteco mineiro

O mineirinho entra num boteco e vê anunciado acima do balcão: Pinga R$ 1,00 Cerveja R$ 2,50 Pão de queijo R$ 2,00 Sanduíche de galinha R$ 3,00 Acariciar as partes baixas R$ 5,00 Ele vai até o balcão e chama a mais bonita das três garotas que estão atendendo os clientes. — Ô moça, faiz favor... — Sim? - responde ela com um sorriso. Em que posso ajudar? — É ocê que acaricia as partes baixas dos freguêis? — Sou eu mesma... - responde ela, com voz caliente e um olhar bem sensual. — Então, ocê lava bem as mão, que eu quero um pão de queijo!

Cadeira elétrica

Aquele bandido muito perigoso, condenado a morte, senta-se na cadeira elétrica para ser executado. — De acordo com a lei, o senhor tem direito a solicitar o seu último desejo - diz o diretor do presídio. — Eu gostaria que o senhor segurasse a minha mão.

Loira queimada

Uma loira está deitada na praia, com um bronzeado espetacular, de chamar a atenção. Uma mulher muito interessada chega perto dela e pergunta: — Por favor, querida, qual é o seu protetor? — São Francisco de Assis.

Mania esquisita

No bar, o bêbado desabafa com o amigo: — A minha mulher anda com uma mania esquisita, rapaz! Ela passa a noite inteira em pé debruçada na janela do quarto. — Nossa! E o que é que ela fica fazendo este tempo todo? — Espera eu chegar!

Áries

Leão

Sagitário

Saberá ajustar energia e inteligência para alcançar os seus objetivos profissionais. No plano afetivo, vai precisar de muita energia e dinamismo para confrontar algumas situações desagradáveis. Melhor dia: Segunda-feira

Poderá ter o anúncio de uma proposta associativa que o levará a projetarse profissionalmente. Se tem uma relação estável, serão dias de profunda união amorosa. Confie no seu instinto neste período. Melhor dia: Quinta-feira

Não hesite em se sentar em torno de uma mesa e discutir o que necessita ser esclarecido ou decidido. Deverá lutar na defesa dos seus interesses e procurar a sua felicidade. Enfrente todos entraves. Melhor dia: Sexta-feira

Touro

Virgem

Capricórnio

Seja objetivo e exponha aquilo que pretende e os sentimentos que nutre. Se a sua relação está caindo na rotina, parta para uma aventura com o ser amado. Torne os seus dias mais excitantes. Melhor dia: Sexta-feira

Tome todas as precauções para não correr o risco de perca do seu posto de trabalho. No plano afetivo poderá ter de enfrentar uma ruptura definitiva nos seus relacionamentos e até ficar sozinho. Melhor dia: Terça-feira

Os seus amigos poderão ajudá-lo a sentir algum desafogo em termos financeiros. No plano profissional, pessoas influentes podem apoiá-lo a desbloquear projetos financeiros e desenvolver negócios. Melhor dia: Sexta-feira

Gêmeos

Libra

Aquário

Não conte com qualquer ajuda profissional por parte de quem o rodeia. Os seus esforços de conquista poderão resultar num tremendo quebra-cabeças. Exponha as suas ideias e opiniões sem medo. Melhor dia: Terça-feira

Uma relação amorosa do passado poderá vir a fazer bater de novo o coração. Há que reconhecer os limites e acalmar corpo e espírito. Recomenda-se muito cuidado com relações duplas. Melhor dia: Terça-feira

Para se sentir em harmonia com o seu parceiro, reserve o fim de semana apenas para ambos. Fortes oscilações na sua vida sentimental não permitem sentirse na sua melhor forma. Melhor dia: Domingo

Escorpião

Peixes

Será com grande prazer que descobrirá que algumas das suas aplicações financeiras o ajudam a assegurar o seu futuro. A sua vida amorosa tomará uma nova dimensão. Coloque de lado todos os tabus. Melhor dia: Quinta-feira

Com bom humor conseguirá ultrapassar intrigas e atitudes mesquinhas por parte de quem o rodeia profissionalmente. No plano afetivo, deverá dar especial atenção ao seu cônjuge. Agite sua vida! Melhor dia: Terça-feira

Câncer Terá todas as oportunidades para fazer valer as suas opiniões e ideias desde que respeite igualmente as dos outros. Em família, não opine sobre questões que não lhe dizem diretamente respeito. Melhor dia: Sábado


21

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Variedades

Up!

O que

VER

Por Anderson M. Duarte   Cinéfilo

amachadoduarte@gmail.com

 

A Seleção: Durante anos, Portia Nathan (Fey), funcionária de admissões da Universidade de Princeton, viveu sua vida de acordo com as regras. Mas durante seu processo de seleção anual, ela reencontra um ex-colega de classe, John Pressman (Rudd), um professor de ideias liberais. Mas quando flexibiliza as regras para acei-  A Seleçã tar um aluno nemfuncionária de admissões da Universidade de Prin um pouco convencional, regras. Mas durante seu processo de seleção anu Portia põe em risco o futuro que sempre John Pressman (Rudd), um professor de ideias lib  A Seleção: Durante anos, Portia Nathan (Fey),  quis, e entra emaceitar um aluno nem um pouco convencional, P um caminho surpreenfuncionária de admissões da Universidade de Princeton, viveu sua vida de acordo com as  dente e revigorante, com o qual nunca sonhou. Comédia Dramátientra em um caminho surpreendente e revigoran regras. Mas durante seu processo de seleção anual, ela reencontra um ex‐colega de classe,  Dramática\2013\102 minutos\Direção de Paul W John Pressman (Rudd), um professor de ideias liberais. Mas quando flexibiliza as regras para  ca\2013\102 minutos\Direção de Paul Weitz.

Por Jaison Gardini jgardini@gmail.com @jaison31

Olá, pessoal! De repente, já é dezembro outra vez. Que dezembro nos traga sorte e venha repleto de amor, paz, fraternidade, solidariedade e união. Dezembro é mês de festas, de confraternização, de aniversário do nosso Senhor Jesus, de realizar sonhos e principalmente, viver feliz. Que seja doce, alegre e que o amor seja o melhor dos presentes! Findi está chegando. Confira nossa agenda: O que rola hoje, dia 29 Shed Western Bar/BC: Mês de dezembro, mês de badalações. Atrações: Show nacional com Guilherme e Santiago + Wesley e André. Informações: www.shedbar. com.br Didge Steakhouse Pub/BC: The Best Happy Hour - com promoções válidas de terça a sexta até as 20h30min. Atrações: ColdPlay Cover. Informações: (47) 3361-6414.

Night e Cia/Divulgação/LP

aceitar um aluno nem um pouco convencional, Portia põe em risco o futuro que sempre quis, e  entra em um caminho surpreendente e revigorante, com o qual nunca sonhou. Comédia  Dramática\2013\102 minutos\Direção de Paul Weitz. 

Wolverine Imortal: Após matar Jean Grey (Famke Janssen) para salvar a humanidade por ela não conseguir controlar os poderes da Fênix, Logan (Hugh Jackman) decidiu Cristina Bastos curtiu o show de Thaeme e Thiago na Wood’s abandonar de vez a vida de herói e passou no último findi. a viver na selva, como um ermitão. Deprimido, ele é encontrado em um bar pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por Logan em Nagasaki, no Japão, na época em que a bomba atômica foi detonada. Yashima  Wolverine Imortal: Após matar Jean Grey (Famke   Wolverin Janssen) para salvar a humanidade por ela não conseguir controlar os poderes da Fênix, Logan  deseja reencontrar Logan para fazer-lhe Janssen) para salvar a humanidade por ela não co (Hugh Jackman) decidiu abandonar de vez a vida de herói e passou a viver na selva, como um  (Hugh Jackman) decidiu abandonar de vez a vida  uma proposta: transferir seu fator de cura para ele, de forma que Loermitão. Deprimido, ele é encontrado em um bar pela jovem Yukio (Rila Fukushima). Ela foi  ermitão. Deprimido, ele é encontrado em um bar enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Hal Yamanouchi), que foi salvo por Logan em  gan possa, enfim, se tornar mortal e levar uma vida como uma pessoa Nagasaki, no Japão, na época em que a bomba atômica foi detonada. Yashima deseja  enviada a mando de seu pai adotivo, Yashida (Ha reencontrar Logan para fazer‐lhe uma proposta: transferir seu fator de cura para ele, de forma  qualquer. Ele recusa o convite, mas acaba infectado por Víbora (Svetlaque Logan possa, enfim, se tornar mortal e levar uma vida como uma pessoa qualquer. Ele  na Khodchenkova), uma mutante especializada em biologia que é tamrecusa o convite, mas acaba infectado por Víbora (Svetlana Khodchenkova), uma mutante  bém imune a venenos de todo tipo. Fragilizado, Logan precisa encontrar especializada em biologia que é também imune a venenos de todo tipo. Fragilizado, Logan  meios para proteger Mariko (Tao Okamoto), a neta de Yashida, que é precisa encontrar meios para proteger Mariko (Tao Okamoto), a neta de Yashida, que é alvo  tanto de seu pai, Shingen (Hiroyuki Sanada) quanto da Yakuza, a máfia japonesa.  alvo tanto de seu pai, Shingen (Hiroyuki Sanada) quanto da Yakuza, a A realeza escolhida para representar Camboriú na Exporural Ação\2013\126 minutos\Direção de James Mangold.  máfia japonesa. Ação\2013\126 minutos\Direção de James Mangold. 2014.Beatriz Bueno, Rainha. Mayara Tetu, 1ª Princesa e Jés-

sica Bueno 2ª Princesa. A noite ainda nomeou a Miss Simpatia da festa, Mayra Kefren.

O que rola sábado, dia 30 Guacamole/BC: Uma noite para lá de mexicana. Mariachis todos os dias, sempre como os tequileiros para alegrar sua noite. Se ainda não sabe para onde ir, este é um bom lugar para você curtir com os amigos. Informações: (47) 3361-0311. Ótima semana e até mais!

Vai acontecer: No próximo final de semana, no dia 7, muito abadá na região com o Carna Facul, realizado em Balneário Camboriú. A festa acontece no Speed Way Music Park, no bairro Nova Esperança. Mais informações no site: carnafaculcamboriu.com.br

 

The Walking Dead Terceira Temporada: A 3ª temporada de The Walking Dead se passa cerca de 8 meses após os terríveis acontecimentos e descobertas da 2ª temporada. A vida é dura para os sobreviventes, que seguem pelas estradas em busca de abrigo e esperança. Rick Grimes prossegue liderando o grupo, com o apoio constante de Daryl Dixon. Carl não é mais uma criança inocente e Lori está prestes a dar a luz. Em meio a todo esse desespero,  The Walking Dead Terceira Temporada: A 3ª temporada  eles encontram um possível porto seguro… de The Walking Dead se passa cerca de 8 meses após os terríveis acontecimentos e  ou a perdição de todos. Os zumbis já não são mais a maior amedescobertas da 2ª temporada. A vida é dura para os sobreviventes, que seguem pelas estradas  aça. Enquanto isso, Andrea e a figura misteriosa que a salvou seem busca de abrigo e esperança. Rick Grimes prossegue liderando o grupo, com o apoio  guem viagem até serem interceptadas por alguém que atende pelo constante de Daryl Dixon. Carl não é mais uma criança inocente e Lori está prestes a dar a luz.  Em meio a todo esse desespero, eles encontram um possível porto seguro… ou a perdição de  nome de “O Governador”, acompanhado de um velho conhecido. todos. Os zumbis já não são mais a maior ameaça. Enquanto isso, Andrea e a figura misteriosa  Série\2013\760 minutos\Vários Diretores. que a salvou seguem viagem até serem interceptadas por alguém que atende pelo nome de “O  Governador”, acompanhado de um velho conhecido. Série\2013\760 minutos\ Vários  Diretores.     


22

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Esporte

Campeonato dos Trajetória do Camboriú FC Servidores Públicos vira vídeo-documentário foi produzido pelo estudante de jornalismo Lucas Coppi, ex-assessor chega às semifinais Trabalho de comunicação do clube e filho do atual presidente do time. Vídeo inédito Partidas serão realizadas no Centro Esportivo do Conde Vila Verde no dia 4 de dezembro

A

pós quatro rodadas e nove jogos, o Campeonato dos Servidores Públicos de Camboriú, disputado na modalidade de futsal, chega às partidas semifinais. As partidas serão realizadas no Centro Esportivo e Cultural Vereador Luis Augusto Ribeiro “Guga”, no Conde Vila Verde, na quartafeira, dia 4 de dezembro. A rodada inicia às 19h30min com o confronto entre as equipes Esporte x Câmara de Vereadores. Já às 20h30min será a vez da Sesb enfrentar o time da Polícia

será exibido durante evento na Câmara de Vereadores na quarta-feira, dia 4

Gustavo Zonta/LP

Militar. Quem vencer os confrontos garante vaga na grande final, marcada para o dia 6 de dezembro, sexta-feira. O artilheiro do campeonato até o momento é o atleta Gilson Rogeri, do Esporte, e a defesa menos vazada é a da Sesb. “Todos estão convidados para acompanhar as partidas. Estamos tendo um campeonato excelente e não tenho dúvidas de que iremos encerrar com chave de ouro”, declarou o presidente da Fundação Municipal de Esportes - FME, Altamir Montibeller.

Acaj recebe mais de R$ 13 mil para compra de materiais Considerada de utilidade pública estadual, Associação Camboriuense de Judô conseguiu a verba através de emenda parlamentar

D

epois de ter sido considerada, há poucos dias, de utilidade pública Estadual através de Lei que contou com o apoio do deputado estadual Dado Cherem (PSDB), a Associação Camboriuense de Judô - Acaj já comemorou esta semana a primeira conquista com a mudança. A Acaj recebeu através de emenda parlamentar do deputado Ismael dos Santos (PSD) R$ 13.600 para a compra de materiais para a manutenção e ampliação das aulas gratuitas de judô na cidade. Segundo o treinador da Acaj, Adrijane França, o recurso será investido na compra de 100 kimonos para os alunos e também 100 tatames. “Nossa intenção é ampliar o projeto. Estamos no Centro e no Tabo-

leiro. Quero reabrir um núcleo da Acaj no Monte Alegre”, explica Adrijane. A reabertura deve acontecer no início do ano que vem. No dia 7 de dezembro, a associação suspende as atividades até a segunda quinzena de janeiro, quando deve retornar já com o núcleo do Monte Alegre em atividade. Além da verba de mais de R$ 13 mil, o deputado Ismael dos Santos se comprometeu a conseguir mais R$ 20 mil no ano que vem para a Acaj. “Estarei buscando recurso também no Governo Federal”, afirma Adrijane. Hoje, a Acaj possui 98 alunos com idade entre 4 e 34 anos e coleciona títulos pa ra Camboriú na modalidade.

Assista o programa de segunda a sexta, a partir das 18h na TV Litoral Panorama.

Canal 11 - Balneário Camboriú e Camboriú Canal 15 cabo - Balneário Camboriú

www.pcnacidade.com.br falecom@pcnacidade.com.br - (47) 9977-1842

Trabalho. Lucas Coppi produziu praticamente sozinho o vídeo de 31 minutos que traz depoimentos de dirigentes, atletas e funcionários ligados historicamente ao Tricolor

A

história de vida do estudante de jornalismo Lucas Coppi se confunde com a trajetória do Camboriú Futebol Clube. Filho de um dos fundadores do time e atual presidente da equipe, José Henrique Coppi, Lucas tinha 11 anos quando o clube surgiu. E desde a criação do Tricolor, ele acompanhou de perto todos os passos do clube. Assistiu à praticamente todos os jogos e treinamentos, conviveu com jogadores e técnicos e ocupou o cargo de assessor de comunicação do clube. Toda essa ligação com o Camboriú FC fez Lucas definir o tema de seu trabalho de conclusão de curso antes mesmo de ingressar no curso de jornalismo da Univali. Ele sabia que o assunto não poderia ser outro. “O clube era o meu tema desde o início. Só não havia definido se iria escrever um livro ou fazer um documentário”, explica o estudante. Foi assim que nasceu a ideia do vídeo-documentário “Paixão de Primeira – Do amadorismo à elite, os 10 anos do Camboriú FC”. O filme conta a história do time através de imagens marcantes e depoimentos

de fundadores, atletas e funcionários que fizeram parte da trajetória do Tricolor. O vídeo, de 31 minutos, levou cerca de seis meses para ser produzido e reúne quinze entrevistados. Entre eles, jogadores como o zagueiro Rodrigão, o lateral Rodolfo e o atacante Monga. Além dos atletas, Lucas conseguiu conversar com a primeira treinadora do time, Zilda Dalmolin, que hoje mora em Itajaí, e com o técnico que colocou o time na Primeira Divisão do Catarinense, Eduardo Clara. “Foram mais de seis horas de entrevistas. Relembrei muitas histórias e consegui ouvir grandes personagens da trajetória do time. Creio que os principais momentos do clube nestes dez anos estão presentes no documentário”, avalia o estudante. Nas conversas, uma pergunta em especial todos os estrevistados do documentário responderam. A reportagem do LP fez o mesmo quetionamento para Lucas: Como espera ver o Camboriú FC daqui a 10 anos? “Vejo o time enraizado na Primeira Divisão do futebol catarinense, sem subir e cair, e dispu-

tando a Série C do Campeonato Brasileiro”, aposta ele. O lançamento oficial do documentário “Paixão de Primeira” será realizado na quartafeira, dia 4, às 20h na Câmara de Vereadores de Camboriú, na rua Siqueira Campos, n. 480, no centro da cidade. Torcedores, patrocinadores e todos aqueles que têm interesse em relembrar como foram os dez anos do Camboriú FC estão convidados a participar do evento. Após o lançamento, o documentário será disponibilizado também na internet, no canal oficial do Cambura. A página oficial do Tricolor no Youtube é o YouTube.com/CamboriuFC. Como resultado mais importante de todo este mergulho na história do clube, Lucas sentiu a sensação de que não está sozinho na torcida pelo Tricolor. “Já me falaram algumas vezes que o Camboriú FC tem poucos torcedores, mas percebi durante este trabalho que existe muita gente torcendo pelo sucesso do clube. Foi muito bom ver que as pessoas que passaram por aqui tem o Cambura no coração”, conclui o futuro jornalista.


23

Jornal Linha Popular - Camboriú, 29 de novembro de 2013

Esporte

Pilotos locais seguem se destacando na motovelocidade Camboriuenses alcançaram grandes resultados na sexta etapa do Catarinense de Velocross, realizada em Vidal Ramos. Carlos Augusto Gervasi foi um deles

O

s pilotos camboriuenses subiram várias vezes no pódio na sexta etapa do Campeonato Catarinense de Velocross, realizada em Vidal Ramos, no dia 17 de novembro. A cidade recebeu um grande público para prestigiar a festa da motovelocidade e conheceu melhor os grandes nomes do esporte que aceleram por Camboriú. Várias categorias foram disputadas e, logo de cara, os garotos camboriuenses brilharam na pista. Anthonny Gervásio, na categoria 55 cilindradas, fez uma prova bastante difícil. Ele teve problemas com o banco da moto e precisou fazer a prova toda sentado. Isso não o fez desistir e a persistência valeu a pena. No fim, Anthonny conseguiu vencer a prova. Depois dele, foi a vez de Carlos Augusto Gervasi correr pelas 65 cilindradas. O garoto largou na ponta, acelerou demais e fez uma prova perfeita. Calos chegou a abrir 8 segundos do segundo colocado e conquistou sua primeira vitó-

ria no campeonato estadual, já que este é o seu primeiro ano na categoria 65cc. E não parou por aí. Os camboriuenses Marcio Rover e Jeferson Gardini foram 1º e 2º na categoria Nacional 150cc; Diego Henning foi vi-

ce-campeão na 85cc; Maykon Correa ficou em 5º na estreante 230cc e Edinilson Batista foi o 2º colocado na categoria VX1. A próxima etapa do Catarinense de Velocross é neste sábado, dia 30, em Massaranduba. Foto: Tiago Wolff e Júlia Santos/Divulgação/LP

Vitória. Carlos Augusto Gervasi conquistou sua primeira vitória no Estadual na categoria 65 cilindradas

Cidade sediará estadual do Moleque Bom de Bola 2014

Camboriú irá receber 20 equipes de todo o estado nos naipes masculino e feminino. Times das escolas locais colecionam títulos da competição

N

a manhã de quinta-feira, dia 21, Camboriú venceu, em Blumenau, a eleição para a escolha da sede da fase estadual do Campeonato de Futebol Moleque Bom de Bola 2014. Camboriú superou a forte concorrente Lages, com 9 votos a favor e 8 contra. Sendo assim, o município já está garantido como participante, tanto no

masculino, quanto no feminino. Para a prefeita Luzia Coppi Mathias, um dos principais responsáveis pela conquista é o presidente da Fundação Municipal de Esportes - FME, Altamir Montibeller. “Para um profissional que ama aquilo que faz, o resultado não poderia ser diferente. Parabéns ao Alta-

69 Sábado das 15h às 18h

mir e toda a equipe. Agora vamos trabalhar todos juntos para realizar um grande evento”, afirmou Luzia. Altamir Montibeller acredita que o desempenho de Camboriú na história da competição foi um dos fatores importantes para a escolha. “Nós somos pentacampeões no masculino e tricampeões no feminino, o nosso desempenho no Moleque Bom de Bola é fantástico. Vamos nos esforçar muito para realizar uma excelente etapa”, declarou Altamir. Camboriú irá receber 10 equipes no naipe masculino e 10 no feminino. O estádio Roberto Santos Garcia “Robertão” será um dos campos onde os jogos serão realizados.

Em Cima da Linha por Gustavo Zonta Email: gugapz@terra.com.br Twitter: @gugazonta

Montibeller prefeito I A prefeita Luzia Coppi Mathias nem terminou ainda seu primeiro ano do segundo mandato e já começaram a surgir pela cidade os boatos de quem será o próximo candidato do PSDB. E nestas conversas, o nome do presidente da Fundação Municipal de Esportes-FME, Altamir Montibeller, tem ganhado bastante força. Não é de hoje que Montibeller é sempre lembrando nas listas de pré-candidatos a prefeito de Camboriú. Há anos seu nome é sempre ventilado, mas ele nunca concorreu ao cargo, principalmente porque sua família não aceitava muito bem a ideia. Agora, isso parece ter mudado e tem fortalecido ainda mais uma possível candidatura. Montibeller prefeito II Há quem diga que entre tantos nomes já falados por aí o do presidente da FME é o preferido da prefeita Luzia Coppi. Porém, estamos bem distantes da próxima eleição municipal e muita coisa ainda pode acontecer. Além disso, a prefeita de Camboriú baseia grande parte de suas ações políticas em pesquisas de opinião e, provavelmente, o próximo candidato do partido terá que estar muito bem nas pesquisas daqui a três anos para ser o escolhido dela e do PSDB. Pessoalmente, vejo Montibeller como um bom possível candidato. Principalmente porque tem uma vida pública sem manchas e uma postura bastante íntegra e transparente. Ele também tem feito um trabalho interessante no comando da FME. Credenciais ele tem. Resta saber se o partido e Luzia vão querer. Eduardo Clara brocador Esta semana, li com surpresa uma notícia veiculada pelo Globoesporte.com na região do Vale do Paraíba, em São Paulo. O ex-técnico do Camboriú Futebol Clube, Eduardo Clara, que comandou o time que levou o Tricolor à elite do futebol catarinense, foi quem revelou o atacante do Flamengo Hernane, o “Brocador”, para o futebol nacional. Em 2007, com 21 anos, Hernane foi descoberto por um olheiro jogando futebol de várzea na Bahia e levado para fazer testes no Sport Clube Atibaia, equipe do interior paulista que era comandada por Eduardo Clara. O técnico assistiu ao teste do atacante e acreditou no seu potencial. Conversei com o treinador via Facebook e ele me contou que desde o início da carreira do atacante sabia que Hernane iria se dar bem nas quatro linhas, pois tinha um bom porte físico e fazia muitos gols. Hoje, Hernane veste a camisa nove do Flamengo, é um dos principais artilheiros do ano e foi um dos líderes da campanha do time no tricampeonato da Copa do Brasil. Parece que ele deu certo mesmo! Taça Cidade nas quartas de finais Após 24 jogos disputados entre as 16 equipes participantes, a Taça Cidade de Futebol de Salão de Camboriú chegou esta semana a fase quartas de finais. Agora, apenas oito equipes disputam o título da competição: Esporte Clube Vila Verde, Juntos com Você, Vide Verso, Vip Vidros, Espaço Certo/Edson Móveis, São Judas, ADP/GM Soccer/Calhas Garcia e Ilha Soccer/Dom Bosco. Deste grupo, apenas quatro seguem para as partidas semifinais, que serão disputadas na quinta-feira, dia 5. Os jogos valendo o título da competição e o terceiro lugar estão marcados para acontecer na sexta-feira, dia 13 de dezembro.


24

Jornal Linha Popular - CamboriĂş, 29 de novembro de 2013


245