Page 1

O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 1


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 2

O QUE FAZER DIANTE DAS CIRCUNSTÂNCIAS DIFÍCEIS

Lindomar Gabriel

Publicação Independente Os textos bíblicos citados neste livro são das versões NTLH (Nova Tradução na Linguagem de Hoje) e NVI (Nova Versão Internacional). Em todas as citações de versículos as suas fontes são indicadas.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 3


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 4

Índice: Introdução (página 6) Capítulo 1 Vivemos em Dias Difíceis (Página 10) Capítulo 2 Passando por Circunstâncias Difíceis (Página 16) Capítulo 3 O que não podemos fazer quando estamos em Circunstâncias Difíceis (Página 22) Capítulo 4 Como reagir diante das Circunstâncias Difíceis? (Página 28) Capítulo 5 Focalizando os Objetivos (Página 32) Capítulo 6 Plante sob Qualquer Circunstância (Página 38) Uma Palavra de Deus pra Você (Página 42)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 5


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 6

Introdução


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 7

Dificuldades, crises, decepções, traumas, derrotas, tribulações, momentos difíceis, fracassos, dias maus, desemprego, enfermidade, calamidade, circunstâncias difíceis, meu Deus, quantas palavras negativas! É, são palavras que até pronunciá-las às vezes não gostamos. Ninguém quer essas palavras em seu vocabulário. Ninguém deseja nada disso pra sua vida particular nem para alguém de sua família. Você esta correto em não querer nada dessas coisas pra sua vida – corretíssimo, nem eu as quero. Não quero pra mim, e nem pra mais ninguém. Se as palavras iniciais mexeram com seu sentimento, é bem provável que esteja passando neste momento por alguma situação desagradável e difícil. Então a leitura deste livro já começou a ser apropriada e o objetivo ao escrevê-lo já está sendo alcançado. Mas pode ser, e é bom que seja, que o leitor esteja vivendo um momento de triunfo e conquista, e nada está sendo difícil pra você. A vida é assim, hora perdemos, hora ganhamos, meus parabéns se tudo anda bem contigo. Mas não deixe de ler este livro, pois ele tem instruções a respeito de atitudes que devemos tomar nos momentos difíceis. Lembre-se; a chuva que rega plantações trazendo prosperidade ao lavrador, pode ser a mesma chuva que causa alagamentos e prejuízos na zona urbana. Então se


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 8

prepare para uma leitura didática, que nos ensinará a agirmos corretamente diante das circunstâncias difíceis. Não apresento a você uma mensagem positivista, mas uma mensagem positiva sobre a perspectiva de um futuro vitorioso, seja um futuro distante ou próximo. Sempre creia que Deus ajudará você a vencer as barreiras que obscurecem a sua trajetória para que possa ver no horizonte da vida o nascer do sol trazendo luz e encerrando a noite. A fé remove montanhas, pois vê além das montanhas. Não é preciso tirar a montanha do lugar, mas crer que depois da montanha existe um lugar melhor; e, vêlo pela fé, é o mesmo que remover a montanha.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis Página 9


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 10

Capítulo 1 Vivemos em Dias Difíceis

Eu digo isso para que, por estarem unidos comigo, vocês tenham paz. No mundo vocês vão sofrer; mas tenham coragem. Eu venci o mundo. (Jo 16.33 NTLH)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 11

Nós precisamos primeiramente nos conscientizar que os dias em que vivemos são dias difíceis. Na verdade em todas as épocas existiram tempos de dificuldades, mas conhecendo esse tempo saberemos como lidar com as questões difíceis. O Homem está colhendo o fruto do que foi semeado. O que o Homem tem semeado ao longo do tempo? O Homem tem lançado a semente das mentiras, prazeres carnais, sensualidade, falsidade, trapaça, inveja, ciúmes, contendas, imoralidade, idolatria; enfim, tudo isso dificulta ainda mais a situação e atinge a humanidade trazendo sobre esta o tempo de dificuldades. Grande maioria de infectados pelo H.I.V. (nem todos, repito; grande maioria) contraíram a doença por meio de relações sexuais ilícitas como: adultério, fornicação, prostituição, homossexualismo, etc. Vários países não entenderam ainda que “feliz é a nação cujo Deus é o Senhor” (Sl 33.12), e vivem na prática da idolatria contraindo para si maldição, e as coisas só pioram; crises e caos. Sabendo que vivemos em dias difíceis, a primeira decisão que devemos tomar é: Consagrar nossa vida ao Senhor! Se os dias são maus, talvez seja o momento daqueles que estão longe do “altar” retornarem o mais rápido. O filho pródigo da parábola em Lc 15, conheceu os dias difíceis e decidiu retornar a casa do pai. Para algumas pessoas, a


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 12

circunstância difícil é um convite para o retorno a presença de Deus; para outras uma mensagem de perseverança, se está difícil como cristão e servo de Deus, imagine como estaria pior se não O servíssimos? De qualquer forma, não precisamos nos atemorizar pois todas as pessoas passam por dificuldades nesta vida. Não é pelo fato de sermos crentes que isso vai mudar. Deus com certeza nunca nos abandonará, e assim conseguiremos triunfar sobre as adversidades. Como encarar os dias difíceis? Em primeiro lugar, é necessário ter esperança. A esperança pode mudar não a situação em que as pessoas se encontram, mas pode mudar as pessoas que estão em situação difícil. O olhar sem esperança conduz ao fracasso, mas o olhar com esperança conduz a vitória. Moisés escolheu doze homens para espiarem a terra de Canaã, eles foram, viram, mas dos doze homens enviados, somente dois não perderam a esperança: Aí o povo começou a reclamar contra Moisés, mas Calebe os fez calar e disse: — Vamos atacar agora e conquistar a terra deles; nós somos fortes e vamos conseguir isso! (Nm 13.30 NTLH). Josué e Calebe não perderam a esperança. Os dias podem ser difíceis, mas com esperança nós venceremos.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 13

Em segundo lugar, precisamos ser determinados. Quando o problema cruzar a nossa frente, a nossa determinação nos fará sobressair. Determinação no dicionário da Língua Portuguesa significa “permanecer firme em um objetivo”. Nem sempre é possível ser inflexível. Às vezes temos de mudar a rota, sem contudo perder o foco da chegada final. Isto é determinação. Talvez o que vem acontecendo nos últimos anos não é bem o que você planejou; isso pode acontecer no trabalho, nos estudos, nas finanças, na família, e até na Igreja, mas o importante é não perder de vista o seu objetivo. A trajetória às vezes muda, mas o ponto de chegada jamais. E, em terceiro lugar, é preciso ter visão. Todos tem visão, o que diferencia as pessoas nesse aspecto é o tipo de visão que elas têm. Uns só conseguem ver as coisas dando errado, mesmo que tudo saia certo, então dizem que foi sorte. Outros tem a visão otimista, sempre enxergam coisas boas. Tudo a sua volta pode estar num caos, mas a visão muda tudo. Com uma visão otimista, o caos se transforma em benção, o fim no recomeço, e o ponto final em ponto e vírgula. Na preparação deste livro tomei como base o texto de Ec 11.1-6. Veja: “Atire o seu pão sobre as águas, e depois de muitos dias você tornará a encontrá-lo. Reparta o que você tem com sete, até


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 14

mesmo com oito, pois você não sabe que desgraça poderá cair sobre a terra. Quando as nuvens estão cheias de água, derramam chuva sobre a terra. Quer uma árvore caia para o sul quer para o norte, no lugar em que cair ficará. Quem observa o vento não plantará; e quem olha para as nuvens não colherá. Assim como você não conhece o caminho do vento, nem como o corpo é formado no ventre de uma mulher, também não pode compreender as obras de Deus, o Criador de todas as coisas. Plante de manhã a sua semente, e mesmo ao entardecer não deixe as suas mãos ficarem à toa, pois você não sabe o que acontecerá, se esta ou aquela produzirá, ou se as duas serão igualmente boas.” (Ec 11.1-6 NVI – grifo meu). O versículo sublinhado fala sobre visão. Uma exortação para não termos visão pessimista, pois esta não produz resultado algum.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 15


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 16

Capítulo 2 Passando por Circunstâncias Difíceis

E também nos alegramos nos sofrimentos, pois sabemos que os sofrimentos produzem a paciência, a paciência traz a aprovação de Deus, e essa aprovação cria a esperança. Essa esperança não nos deixa decepcionados, pois Deus derramou o seu amor no nosso coração, por meio do Espírito Santo, que ele nos deu. (Rm 5.3-5 NTLH)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 17

Sentindo-se como Elias Fugindo das perseguições que provocariam sua morte, o profeta Elias vai em direção a Horebe, o monte de Deus, também conhecido como Sinai, onde Deus manifesta suas revelações. O anjo de Deus o desperta de seu sono lhe dando pão assado na brasa e água que lhe garantiriam forças para caminhar uma longa jornada. Voltando a dormir, o anjo repete a cena ao profeta e lhe dá uma orientação de Deus; ele deveria ir adiante sem temer estar sozinho, pois o Senhor preservou a vida de 7.000 profetas fiéis. Com certeza não passamos os mesmos problemas que Elias passou, mas enfrentamos lutas e dificuldades na vida, então podemos extrair pelo menos duas lições deste momento de Elias: 1º - No deserto nós veremos o milagre de Deus; o pão assado é a providência que precisamos. 2º - Somos alvos do cuidado e proteção de Deus; pense que mesmo na caverna você está vivo, salvo, guardado. O que importa é que Deus está cuidando de você. Porque Deus permite que passemos por circunstâncias difíceis? Esta pergunta não cessa para os que estão passando por momentos difíceis. Todos querem saber, se são servos e


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 18

filhos de Deus, porque Ele permite que passem por tribulações? Devemos ter em mente o seguinte, os nossos problemas não são o plano de Deus, eles apenas fazem parte do plano. Precisamos parar de pensar que Deus tem prazer no nosso sofrimento, pois Ele não tem. Deus não quer que vivemos sofrendo, mas permite que “passemos” (não “vivemos”) por sofrimento. 1º O sofrimento faz parte de uma tragetória, por onde Deus realizará Seus propósitos. José foi vendido como escravo por seus próprios irmãos, no Egito foi adquirido por Potifar como escravo, ali foi acusado falsamente pela mulher de Potifar de ter cometido tentativa de estupro, com isso foi levado a prisão, até que por fim, revelou o significado do sonho de Faraó com sabedoria dada por Deus e se tornou Governador do Egito. Com todo o seu sofrimento José chegou a conclusão de que tudo havia sido parte de um plano divino para preservar sua família inteira: “Agora não fiquem tristes nem aborrecidos com vocês mesmos por terem me vendido a fim de ser trazido para cá. Foi para salvar vidas que Deus me enviou na frente de vocês. Já houve dois anos de fome no mundo, e ainda haverá mais cinco anos em que ninguém vai preparar a terra, nem colher.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 19

Deus me enviou na frente de vocês a fim de que ele, de um modo maravilhoso, salvasse a vida de vocês aqui neste país e garantisse que teriam descendentes. Portanto, não foram vocês que me mandaram para cá, mas foi Deus. Ele me pôs como o mais alto ministro do rei. Eu tomo conta do palácio dele e sou o governador de todo o Egito.” (Gn 45.5-8 NTLH; grifo meu) 2º As circuntâncias difíceis são as ferramentas de Deus para aperfeiçoamento do nosso caráter. Existem materiais como ouro, prata, ou qualquer outro metal que precisam passar por um processo para que possa obter valor no mercado; os metais passam pelo fogo. Nós também somos postos a prova para o nosso valor aumentar; não o valor do mercado, mas o valor do caráter. As lutas da vida são meios pelos quais Deus molda o nosso caráter, visando sempre nos aerfeiçoar. “E também nos alegramos nos sofrimentos, pois sabemos que os sofrimentos produzem a paciência, a paciência traz a aprovação de Deus, e essa aprovação cria a esperança. Essa esperança não nos deixa decepcionados, pois Deus derramou o seu amor no nosso coração, por meio do Espírito Santo, que ele nos deu.” (Rm 5.3-5 NTLH; grifo meu).


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 20

O aperfeiçoamento começa no sofrimento e nos faz crescer. As jóias mais belas que vemos nas vitrines são as que mais valem, pois foram purificadas no fogo. 3º Deus nos disciplina através do nosso sofrimento. Existe uma escola de Deus que não é teológica, é prática, esta escola se chama disciplina. Na Bíblia se encontra o registro de vários servos de Deus que cometeram erros, mas que foram em seguida disciplinados. Deus preferiu disciplinar Jonas ao invés de matá-lo, e nós conhecemos a história. E também prefere nos disciplinar no sofrimento: “Será que vocês já esqueceram as palavras de encorajamento que Deus lhes disse, como se vocês fossem filhos dele? Pois ele disse: ‘Preste atenção, meu filho, quando o Senhor o castiga, e não se desanime quando ele o repreende. Pois o Senhor corrige quem ele ama e castiga quem ele aceita como filho.’ Suportem o sofrimento com paciência como se fosse um castigo dado por um pai, pois o sofrimento de vocês mostra que Deus os está tratando como seus filhos. Será que existe algum filho que nunca foi corrigido pelo pai? Se vocês não são corrigidos como acontece com todos os filhos de Deus, então não são filhos de verdade, mas filhos ilegítimos. No caso dos nossos pais humanos, eles nos corrigiam, e nós os respeitávamos. Então devemos obedecer muito mais ainda ao nosso Pai celestial e assim viveremos. Os nossos pais


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 21

humanos nos corrigiam durante pouco tempo, pois achavam que isso era certo; mas Deus nos corrige para o nosso próprio bem, para que participemos da sua santidade. Quando somos corrigidos, isso no momento nos parece motivo de tristeza e não de alegria. Porém, mais tarde, os que foram corrigidos recebem como recompensa uma vida correta e de paz.” (Hb 12.5-11 NTLH)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 22

Capítulo 3 O que não podemos fazer quando estamos em circunstâncias difíceis Quem observa o vento não plantará; e quem olha para as nuvens não colherá. (Ec 11.4 NVI)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 23

Nos momentos de crise, é fácil agirmos por impulso ou por emoção, porém na maioria das vezes que isso acontece a situação piora. É como se saíssemos de um buraco para entrar em outro. Portanto é preciso muita calma quando estamos vivendo em circunstâncias difíceis, para não fazermos coisas das quais depois vamos nos arrepender. Não olhe para trás Sempre corremos o risco de voltarmos nossa mente ao passado quando estamos na dificuldade. São aqueles pensamentos do tipo: “Se eu não tivesse mudado de cidade”, “se eu tivesse feito aquela faculdade”, “se eu tivesse ficado naquele emprego”, “se eu pudesse voltar atrás”. Esses são pensamentos retroativos, e alimentam nossa mente com o passado. É claro que o passado não pode ser esquecido, pois nos trazem lições muito importantes, mas na circunstância difícil não vai adiantar nada ficar se lastimando e pensando no que se foi. Se você mudou de cidade, não adianta ficar pensando como seria se não tivesse mudado; você já mora em outro lugar. Se você saiu de um emprego para ingressar em outro e as coisas não foram bem pra você, não adianta ficar pensando como seria se não tivesse trocado de emprego, agora o seu momento é esse, e sua concentração deve ser no “agora”, não no ontem.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 24

Uma vez que estamos com a mão no arado, não adianta olhar para trás. Como vimos no início; é necessário determinação da nossa parte, e isso só é possível quando nos isentamos de qualquer apego ao que se passou. “Porém uma coisa eu faço: esqueço aquilo que fica para trás e avanço para o que está na minha frente.” (Fp 3.13 b NTLH; grifo meu) Só há uma maneira de avançar em direção a nossa vitória: esquecer o que ficou pra trás. Temos de encarar a vida com a consciência da situação em que estamos. Josué, um personagem bíblico extraordinário, um homem de Deus, servo de Moisés, e esteve ao seu lado por longos quarenta anos, quando todos murmuravam contra Moisés, Josué estava ali do seu lado, mas na hora decisiva para os israelitas entrarem na Terra da Promessa, Deus, que é o Dono da vida, permitiu que Moisés contemplasse Canaã de cima de um alto monte, mas ali mesmo toma a vida de Moisés. Todo o Israel estava parado diante do rio Jordão quando Moisés morreu, e Josué estava muito abatido com a perda do seu líder; daí Deus fala com o próprio Josué: “Depois que Moisés, servo do SENHOR, morreu, Deus disse ao ajudante de Moisés, chamado Josué, filho de Num: —O meu servo Moisés está morto. Agora você e todo o povo de Israel se preparem para atravessar o rio Jordão e entrar na terra que vou dar a


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 25

vocês. Como disse a Moisés, eu lhes darei toda a terra que pisarem. Os limites dessa terra serão os seguintes: ao sul, o deserto; e, ao norte, os montes Líbanos; a leste, o grande rio Eufrates e toda a terra dos heteus; e, a oeste, o mar Mediterrâneo. Você nunca será derrotado. Eu estarei com você como estive com Moisés. Nunca o abandonarei. Seja forte e corajoso porque você vai comandar este povo quando eles tomarem posse da terra que prometi aos antepassados deles. Seja forte e muito corajoso. Tome cuidado e viva de acordo com toda a Lei que o meu servo Moisés lhe deu. Não se desvie dela em nada e você terá sucesso em qualquer lugar para onde for. Fale sempre do que está escrito no Livro da Lei. Estude esse livro dia e noite e se esforce para viver de acordo com tudo o que está escrito nele. Se fizer isso, tudo lhe correrá bem, e você terá sucesso. Lembre da minha ordem: ‘Seja forte e corajoso! Não fique desanimado, nem tenha medo, porque eu, o SENHOR, seu Deus, estarei com você em qualquer lugar para onde você for!’”. (Js. 1.1-9 NTLH; grifo meu) Quando ficamos pensando no passado, perdemos o presente, e, embora o passado tenha sido de perdas, as nossas atitudes do presente podem fazer o futuro ser de vitórias! Quantas pessoas ficam paralisadas por causa do passado. Até mesmo os erros do passado as fazem sofrer.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 26

Entenda, eu não quero ser radical, mas a Bíblia afirma: “Mas, se confessarmos os nossos pecados a Deus, ele cumprirá a sua promessa e fará o que é correto: ele perdoará os nossos pecados e nos limpará de toda maldade.” (Jo 1.9 NTLH) “Quem tenta esconder os seus pecados não terá sucesso na vida, mas Deus tem misericórdia de quem confessa os seus pecados e os abandona.” (Pv 28.13 NTLH) Pecado do passado, confessado e abandonado é perdoado e lançado no mar do esquecimento. Não queira ser mais justo do que Deus, deixe de se lamentar por erros do passado. Se Deus já perdoou, siga em frente em uma vida nova e vitoriosa que Deus tem pra você. Voltando ao caso de Josué, vimos uma nação inteira paralisada, lamentado a perda de um líder, que embora fora um homem excepcional, Moisés já estava morto. Era preciso muita coragem para atravessar a primeira barreira – o Jordão. As barreiras que estão diante de nós só podem ser vencidas se nos levantarmos com esperança de um futuro melhor, não importa como tenha sido a situação até agora, o que importa é como vai ser a partir desse momento. Josué se levantou, preparou a nação e entraram na Terra Prometida.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 27

Quantas são as vezes que nos pegamos pensando que se Deus fez promessas, Ele mesmo as cumprirá sem depender de nossas atitudes. Mas a verdade é que as promessas pessoais de Deus pra nós, são também condicionais, e dependem das nossas atitudes. Existem promessas incondicionais, mas estas não são pessoais, como por exemplo; a promessa do Arrebatamento da Igreja – a Igreja vai ser arrebatada a qualquer momento, os desapercebidos não serão, mas a promessa se cumprirá. Já no caso da nação israelita, eles estavam diante da Terra Prometida, mas estavam lastimando a morte de Moisés, não que não podemos nos entristecer, pois somos humanos e temos sentimentos, porém, o momento era de atitude, não de lembranças. Quem sabe você está num momento difícil e triste; mas Deus está contigo, sua história ainda não acabou, olhe para frente, contemple as barreiras a serem vencidas, esqueça as perdas, os traumas, as decepções, os erros, os danos sofridos, e avançe em rumo a sua vitória!


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 28

Capítulo 4

Como reagir diante das Circunstâncias Difíceis? Plante de manhã a sua semente, e mesmo ao entardecer não deixe as suas mãos ficarem à toa, pois você não sabe o que acontecerá, se esta ou aquela produzirá, ou se as duas serão igualmente boas. (Ec 11.6 NVI)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 29

A vida nos apresenta muitas surpresas, umas boas, outras desgradáveis. Independente do tamanho da dificuldade, o que irá determinar o desfecho da história é a nossa “reação”. Resistência A primeira definição que pensamos sobre “reação” é “resistência”. Diz um provérbio chinês: “Não importa o quanto você bate, mas sim, o quanto você aguenta apanhar”. Isso é resistência! O que vai contar muito em nosso favor diante dos problemas é a nossa resistência. Pense em toda a trajetória da sua vida e chegue a conclusão de quanta resistência você tem. Quanto você já sofreu, lutou, apanhou na vida, mas você resistiu. Você já é treinado por outras lutas e com certeza tem resistência o suficiente para superar as lutas que virão. Força que se opõe a outra Isso é muito interessante! A reação é uma força oponente. Nós reagimos quando as circunstâncias dizem “não”, e nós insistimos em dizer “sim”. Os problemas fazem a gente declarar falência, mas reagimos e começamos outra vez. O gigante só desafia enquanto ninguém reage, mas um moço resolve reagir a afronta, e não é que o moço vence!?


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 30

Não importa o tamanho da adversidade, você deve se opor a ela. Empregue todas as suas forças, ore, busque a Deus, invista, proclame guerra contra a adversidade. Estímulo Quatro homens em Cafarnaum tinham um amigo que completava o grupo de cinco amigos. Este quinto amigo estava paralítico; ao saberem que Jesus estava na cidade, eles decidiram levar o amigo até a casa onde Jesus se encontrava. Chegando lá, as portas estavam tomadas por pessoas querendo ver Jesus. O que fazer nessa hora? Pensaram eles. Voltar. De maneira alguma! A multidão serviu para estimulá-los a procurar uma solução. Então surgiu a brilhante idéia de transportar o paralítico para o telhado, e por um buraco conduzí-lo a presença de Jesus. E deu certo! “Alguns dias depois, Jesus voltou para a cidade de Cafarnaum, e logo se espalhou a notícia de que ele estava em casa. Muitas pessoas foram até lá, e ajuntou-se tanta gente, que não havia lugar nem mesmo do lado de fora, perto da porta. Enquanto Jesus estava anunciando a mensagem, trouxeram um paralítico. Ele estava sendo carregado por quatro homens,mas, por causa de toda aquela gente, eles não puderam levá-lo até perto de Jesus. Então


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 31

fizeram um buraco no telhado da casa, em cima do lugar onde Jesus estava, e pela abertura desceram o doente deitado na sua cama. Jesus viu que eles tinham fé e disse ao paralítico: —Meu filho, os seus pecados estão perdoados. Alguns mestres da Lei que estavam sentados ali começaram a pensar: ‘O que é isso que esse homem está dizendo? Isso é blasfêmia contra Deus! Ninguém pode perdoar pecados; só Deus tem esse poder!’ No mesmo instante Jesus soube o que eles estavam pensando e disse: —Por que vocês estão pensando essas coisas? O que é mais fácil dizer ao paralítico: ‘Os seus pecados estão perdoados’ ou ‘Levante-se, pegue a sua cama e ande’? Pois vou mostrar a vocês que eu, o Filho do Homem, tenho poder na terra para perdoar pecados. Então disse ao paralítico: —Eu digo a você: levante-se, pegue a sua cama e vá para casa. No mesmo instante o homem se levantou na frente de todos, pegou a cama e saiu. Todos ficaram muito admirados e louvaram a Deus, dizendo: — Nunca vimos uma coisa assim!” (Mc 2.1-12 NTLH) As lutas podem servir de estímulo. Muitos grandes empresários que existem hoje já foram falidos. Muitos cantores famosos já perderam em festivais. Mas isso estimulou a cada um, e ragiram conseguindo reverter a situação.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 32

Capítulo 5

Focalizando os Objetivos

Atire o seu pão sobre as águas, e depois de muitos dias você tornará a encontrá-lo. (Ec 11.1 NVI)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 33

Pessoas que vivem sem objetivos não conseguem conquistar nada. Alguma coisa que conseguem alcançar não pode ser comparado com o que teriam conseguido se tivessem objetivos. Os objetivos são o alvo daquilo que queremos! Quando uma criança diz o quer ser quando crescer, ela está traçando um objetivo, uma meta. Mesmo que a meta não seja alcançada, pelo menos alguma coisa foi conquistada. Muitos jovens queriam ser médicos, mas com as condições financeiras dos seus pais eles se formaram para contador, administrador, ou outra coisa; porém, o objetivo de ser médico os levou a serem administradores, contadores, gerentes, enfim, chegaram a algum lugar. Se não tivessem o objetivo de serem médicos, não teriam ao menos estudado. Traçando objetivos Quando vamos iniciar a construção de uma casa, a primeira coisa a fazer é procurar um engenheiro, certo? (Espero que tenha concordado). O engenheiro vai análisar o terreno, calcular o tamanho da área que receberá a construção, e criar uma planta. A despesa é você mesmo quem paga. Análise, cálculo e criação. Assim se traçam objetivos. Então vamos aprender a traçar objetivos com base nestas três etapas.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 34

Análise A análise é um exame minucioso que fazemos, e no caso que estamos nos referindo é examinar todos os aspectos que possuímos em nossa personalidade e caráter, examinar os elementos que temos em nosso domínio, e também os fatores positivos e negativos. Antes de fazer a planta da casa, o arquiteto analisa o terreno, isto é, examina minuciosamente e então conclui o que pode, e o que não pode ser feito na área examinada. Assim nós devemos fazer; examinar nossas condições, nossas emoções e energias disponíveis para empregarmos ao traçar objetivos. Se não analisarmos primeiro, corremos o risco de traçarmos objetivos que nunca serão ao menos 10% alcançados. Cálculo Quanto tinhamos, quanto perdemos, quanto ganhamos, e, quanto temos? Calcular para saber o que pode ser feito. Quando calculamos, concluímos o que vai ser adicionado ou subtraído. Sem o cálculo, podemos até construir alguma coisa, mas veremos nos final que os detalhes poderiam ser menos para abrandar os gastos, ou poderiam ser mais e os acabamentos de melhor qualidade no caso de sobrar recursos.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 35

Muitas pessoas estão indo a luta, se esforçando, batalhando, mas não conseguem atingir objetivos porque não calculam. A falta do cálculo não é impedimento para prosseguirmos, porém, calculando poderíamos prosseguir além. O importante não é vencer as dificuldades, e sim, vencê-las e realizar conquistas em outras áreas da vida. Ir avante é bom; ir além-avante é melhor ainda. Já pensou em fazer uma viagem com a família sem calcular os gastos normais e os possíveis gastos incidentais como; um pneu estourar, a bateria se esgotar, errar uma estrada e andar vários quilômetros a mais? Por isso o cálculo é importante! As circunstâncias difíceis podem nos deixar na lona, e mesmo na lona podemos nos levantar. Criação (construção) Antes de você pensar sobre isso quero explicar que a “criação” a que me refiro é a “construção” ou “formação” dos nossos objetivos. Depois de analisar, calcular, chega a hora de construir. Agora é hora de empregar forças, investir, e se conscientizar dos gastos. Uma casa ficará pronta depois desses três passos. Jesus contou uma história sobre um homem que focalizou o objetivo de uma torre, mas sem análise e cálculo a construção não foi completa: “Qual de vocês, se quiser


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 36

construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la? Pois, se lançar o alicerce e não for capaz de terminá-la, todos os que a virem rirão dele, dizendo: ‘Este homem começou a construir e não foi capaz de terminar’”. (Lc 14.18-30 NVI) Ter um objetivo ou vários objetivos na vida é funtamental, todavia esses objetivos devem ser formados com base na análise, cálculo, e então serão criados. Na dificuldade que enfrentamos, o objetivo será focalizado, assim não seremos destruídos pois estaremos com o olhar fixo num plano traçado. Não importa o tamanho das ondas que assolam o barco dos discípulos, se Jesus mandar andar sobre as águas, o discípulo irá, mas ao deixar de olhar pra Cristo ele começa a afundar. Graças a Deus que Jesus ouve o grito do homem que pede socorro e o ajuda a sair das águas. Não tire o foco do objetivo! Não mude o olhar! Não se atemorize com o que você vê a sua volta, você tem um objetivo e precisa chegar até lá.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 37


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 38

Capítulo 6

Plante sob Qualquer Circunstância

“Aqueles que semeiam com lágrimas, com cantos de alegria colherão. Aquele que sai chorando enquanto lança a semente, voltará com cantos de alegria, trazendo os seus feixes.” (Sl 126.5,6 NVI)


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 39

O agricultor depende das condições climáticas para o plantio, pois é preciso preaparar o solo, o que envolve necessidades específicas como arar, adubar, enfim, o que é necessário para o plantio. Em Ec 11.4 o escritor fala sobre condições impróprias ao plantio, e como ele está se referindo ao plantio de trigo, percebemos porque das suas palavras: “Quem observa o vento não plantará; e quem olha para as nuvens não colherá.” (Ec 11.4 NVI). O vento impossibilita a semeadura em razão da semente ser leve, e se espalhar fora do lugar preparado para ela. Mas, note também que o texto é um incentivo para que a semeadura se realize mesmo sob condições adversas. Talvez você está vivendo em um tempo de circunstância difícil, e as coisas tem andado tão mal, ao ponto de se sentir como o semeador de trigo em meio um vendaval. Pode ser que a circunstância te impossibilite, mas pode ser que você seja persistente e semeie mesmo sob condições desfavoréveis. Semear no vento é ser persistente. É o mesmo que dizer para o prejuízo: Eu vou ter lucro. É o mesmo que dizer a enfermidade: Eu vou ser curado. É o mesmo que dizer para as perdas: Eu vou ganhar. É o mesmo que dizer a derrota: Eu vou vencer.


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 40

É bater na porta mesmo com as tramelas cerradas. Persistência é o que tem faltado a muitas pessoas que desanimam na hora da dificuldade, e então acabam por sucumbir. Quantos comerciantes não teriam fechado as portas se fossem persistentes mesmo em meio a crise? Quantas famílias não teriam se dessolvido se houvesse persistência? Quantos casamentos não teriam terminado se houvesse em ambos os lados a persitência? Uma desculpa muito pretenciosa das pessoas ao passarem por problemas é a famosa tese que diz que “a vida é assim mesmo”. Esse pensamento leva as pessoas a se acomodarem com a situação. Casais acomodados que não querem mudar de vida acham melhor (na verdade não é o melhor, é o mais fácil e prático) a separação. Que triste! Deus não quer a sua derrota! A circunstância difícil é uma fase. O vento um dia passa, a semente que foi plantada brota, e o tempo da colheita chega. Para isso é preciso persistir. Persista no seu sonho, na sua familia, na sua chamada, no seu trabalho, no seu objetivo. Seja persistente e semeie mesmo na dificuldade pois ha promessas de colheita e recompensas a sua persistência. Veja:


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 41

“Por isso, irmãos, tenham paciência até que o Senhor venha. Vejam como o lavrador espera com paciência que a sua terra dê colheitas preciosas. Ele espera pacientemente pelas chuvas do outono e da primavera.” (Tg 5.7 NTLH) “Aqueles que semeiam com lágrimas, com cantos de alegria colherão. Aquele que sai chorando enquanto lança a semente, voltará com cantos de alegria, trazendo os seus feixes.” (Sl 126.5,6 NVI) Minha oração a Deus é que este livro proporcione aos leitores uma perspectiva de bençãos, e que a mensagem transmitida aqui te ajude a enfrentar e superar circunstâncias difíceis. Você é mais que vencedor em Cristo Jesus!


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 42

Uma Palavra de Deus pra Você Todas as pessoas passam por problemas, e cada uma delas tem os seus prórpios problemas para resolver. Mas Deus está ciente de tudo o que acontece conosco, e se dispões a nos ajudar. Deus tem pra nos oferecer a Sua Graça, Seu Amor, Sua Paz, e Sua Presença. Somente por Jesus nós alcançamos as Bençãos de Deus, Seu perdão e Salvação. Jesus, e só Jesus Salva. Ele é o Caminho, e a Verdade, e a Vida. Se você ainda não entregou sua vida a Cristo eu te convido a fazer isso agora. Neste mesmo lugar onde você se encontra. Ou talvez você está lendo este livro e se encontra afastado de Deus – Reconciliese já! Repita esta oração: “Jesus, a ti confio minha vida, recorro ao Senhor pra me perdoar e salvar. Eu creio que somente o Senhor Salva. Entrego a ti meus planos e propósitos, pedindo que me guarde de todo mal, e faça de mim um filho de Deus. Amém.”


O que Fazer Diante das Circunstâncias Difíceis P á g i n a 43

Contato com o ministério do Pr. Lindomar Gabriel

lindomargabriel.blogspot.com lindomargabriel@yahoo.com.br (14) 9789-1862 (18) 9637-6574


O que fazer diante das circunstâncias difíceis  

Todos passamos por adversidades, e neste livro encontramos um aprendizado especial para lidar com as nossas dificuldades.

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you