Page 1


Índice Palavra do Presidente....................................................4 Calendário do NBB 2013-14...........................................7 Equipes: Basquete Cearense.......................................................13 Bauru........................................................................21 Brasília......................................................................29 Flamengo................................................................45 Franca.......................................................................53 Goiânia......................................................................61 Liga Sorocabana.........................................................69 Limeira.......................................................................77 Macaé............................................................................85 Minas............................................................................93 Mogi............................................................................101 Palmeiras.....................................................................109 Paulistano....................................................................117 Pinheiros....................................................................125 São José........................................................................133 Uberlândia..................................................................141 Arbitragem..................................................................149 Jogo das Estrelas........................................................155 LDB - Liga de Desenvolvimento de Basquete.........159 Melhores do NBB........................................................163 Líderes do NBB............................................................167 Ranking dos Técnicos do NBB...................................173 RecordesdoNBB.........................................................177 Regulamento..............................................................183 LNB..............................................................................202 Expediente.................................................................203


Foto: Divulgação


Palavra do Presidente Mais uma temporada se inicia e a Liga Nacional de Basquete relembra com orgulho de toda essa rápida trajetória. Desde a fundação, em 2008, conseguimos realizar uma série de ações que fortaleceram a modalidade e resgataram a credibilidade do basquete brasileiro. Campeonatos organizados e extremamente disputados, atletas respeitados no cenário internacional e um modelo de gestão transparente são marcas que a LNB conquistou nos últimos cinco anos. Temos ciência de que o caminho a ser percorrido ainda é muito longo, pois a busca pelo aprimoramento é incansável. Mas, como em qualquer time campeão, esforços físico e mental fazem parte da nossa rotina diária. A sexta edição do NBB conta com a participação de 17 clubes de seis estados do território brasileiro mais o Distrito Federal e, como nas últimas temporadas, com mais de dez equipes com chances reais de busca pelo título. Os esforços de todos os times em repatriar jogadores e trazer atletas estrangeiros com cada vez mais qualidade, atribuem a esta edição o status de ser a mais equilibrada competição da história. A cada ano, novos clubes chegam para fazer parte dessa família. No NBB 6, duas equipes estrearam e enriqueceram demais a competição. A primeira foi o Macaé Basquete, equipe que conquistou bravamente sua vaga através da Super Copa Brasil. E a segunda é o Universo/Goiânia, uma velha conhecida no basquete nacional e que acreditou no novo modelo de gestão da LNB para retornar as suas atividades. Teremos ainda no ano de 2014 uma nova competição que irá fomentar ainda mais a modalidade no Brasil: a divisão de acesso. O campeonato, que terá início no mês de fevereiro, dará ao campeão uma vaga ao NBB;

do mesmo jeito que os dois últimos colocados da principal competição serão rebaixados na temporada seguinte. Outra competição que vem dando o que falar no cenário esportivo nacional é a Liga de Desenvolvimento de Basquete, a LDB. Mais de 400 jovens atletas de 16 a 22 anos de idade disputaram a competição em 2013 e dezenas de nomes despontaram como futuras promessas do esporte. Cristiano Felício, Gegê, Ronald, Lucas Mariano, Léo Meindl, Gui Deodato, Ricardo Fischer, Lucas Dias e Bruno Caboclo são alguns dos talentos lapidados no campeonato sub-22. Parceiros na LDB desde a primeira edição, o Ministério do Esporte também contribuiu com a Liga Nacional de Basquete no projeto de aparelhamento das equipes do NBB. Cada um dos clubes que atuam no campeonato nacional irá receber um piso flutuante desmontável, um par de tabelas no padrão FIBA (Federação Internacional de Basquete) e um placar eletrônico feito exclusivamente para jogos de basquete. A iniciativa, inédita no país, beneficiará não só os atletas e comissões técnicas, mas ao público em geral, que poderá acompanhar os jogos em estruturas de última geração e padrão internacional. Aproveito a oportunidade para agradecer o apoio dos clubes, que estão sempre unidos em prol da modalidade; das associações dos atletas e dos árbitros; da Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e federações estaduais; da Abasu e FIBA Américas; e dos patrocinadores. Deixo um agradecimento especial ao Ministério do Esporte, idealizador de muitos sonhos da LNB, e às Organizações Globo, que, desde o primeiro momento, acreditou no nosso projeto. Aproveitem mais uma edição do Guia do NBB e que tenhamos uma ótima temporada!

Cássio Roque

5


DISTRIBUIDOR EXCLUSIVO PARA O BRASIL: DRASTOSA (11) 2176 5309


CALENDÁRIO DO NBB 2013-14 1ª Rodada 5ª Rodada Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

09/11/2013

Flamengo x Brasília

10h00

28/11/2013

Macaé Basquete x Paulistano

19h30

14/11/2013

Pinheiros x Limeira

17h00

28/11/2013

Limeira x Espírito Santo

20h00

14/11/2013

Macaé Basquete x Goiânia

19h30

28/11/2013

Uberlândia x Goiânia

20h00

14/11/2013

Mogi das Cruzes x Franca

20h00

28/11/2013

Basquete Cearense x Palmeiras

20h00

14/11/2013

Bauru x Palmeiras

20h00

28/11/2013

Mogi das Cruzes x Pinheiros

20h00

14/11/2013

São José x Liga Sorocabana

20h00

28/11/2013

Flamengo x Liga Sorocabana

20h30

14/11/2013

Basquete Cearense x Uberlândia

21h00

03/12/2013

Franca x Brasília

20h00

28/01/2014

Bauru x Minas

20h00

2ª Rodada

Horário

6ª Rodada

Data

Jogo

Horário

16/11/2013

São José x Paulistano

14h00

16/11/2013

Palmeiras x Limeira

18h00

16/11/2013

Bauru x Pinheiros

18h00

16/11/2013

Flamengo x Goiânia

18h00

16/11/2013

Mogi das Cruzes x Uberlândia

19h00

16/11/2013

Basquete Cearense x Franca

19h00

16/11/2013

Espírito Santo x Minas

19h00

16/12/2013

Macaé Basquete x Brasília

19h30

Data

Jogo

Horário

30/11/2013

Limeira x Minas

16h00

30/11/2013

Basquete Cearense x Pinheiros

16h00

30/11/2013

Macaé Basquete x Liga Sorocabana

17h00

30/11/2013

Flamengo x Paulistano

18h00

30/11/2013

Franca x Goiânia

19h00

30/11/2013

Mogi das Cruzes x Palmeiras

19h00

09/12/2013

Uberlândia x Brasília

20h00

20/01/2014

Bauru x Espírito Santo

20h00

7ª Rodada

3ª Rodada Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

21/11/2013

Goiânia x Mogi das Cruzes

17h45

05/12/2013

Pinheiros x Uberlândia

19h00

21/11/2013

Pinheiros x Macaé Basquete

19h00

05/12/2013

Liga Sorocabana x Basquete Cearense

20h00

21/11/2013

Brasília x Basquete Cearense

20h00

05/12/2013

Paulistano x Mogi das Cruzes

20h00

21/11/2013

Palmeiras x Flamengo

20h00

05/12/2013

São José x Limeira

20h00

21/11/2013

Liga Sorocabana x Bauru

20h00

05/12/2013

Espírito Santo x Macaé Basquete

20h00

21/11/2013

Paulistano x Limeira

20h00

05/12/2013

Minas x Flamengo

20h00

21/11/2013

Minas x São José

20h00

06/12/2013

Palmeiras x Franca

11h00

4ª Rodada

Horário

8ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

23/11/2013

Goiânia x Basquete Cearense

15h45

07/12/2013

Pinheiros x Franca

16h00

23/11/2013

Espírito Santo x São José

16h00

07/12/2013

Goiânia x Brasília

16h15

23/11/2013

Pinheiros x Flamengo

16h00

07/12/2013

Palmeiras x Uberlândia

18h00

23/11/2013

Brasília x Mogi das Cruzes

18h00

07/12/2013

Liga Sorocabana x Mogi das Cruzes

18h00

23/11/2013

Palmeiras x Macaé Basquete

18h00

07/12/2013

Paulistano x Basquete Cearense

18h00

23/11/2013

Liga Sorocabana x Limeira

18h00

07/12/2013

Minas x Macaé Basquete

18h00

23/11/2013

Paulistano x Bauru

18h00

07/12/2013

São José x Bauru

18h00

23/11/2013

Franca x Uberlândia

19h00

07/12/2013

Espírito Santo x Flamengo

19h00

7


14ª Rodada

9ª Rodada Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

11/12/2013

Franca x Liga Sorocabana

21h00

07/01/2014

Franca x São José

19h00

12/12/2013

Macaé Basquete x São José

19h30

07/01/2014

Goiânia x Espírito Santo

19h30

12/12/2013

Goiânia x Palmeiras

19h30

07/01/2014

Palmeiras x Liga Sorocabana

20h00

12/12/2013

Mogi das Cruzes x Espírito Santo

20h00

07/01/2014

Mogi das Cruzes x Limeira

20h00

12/12/2013

Uberlândia x Paulistano

20h00

07/01/2014

Brasília x Minas

20h00

12/12/2013

Brasília x Pinheiros

21h00

07/01/2014

Basquete Cearense x Bauru

21h00

12/12/2013

Basquete Cearense x Minas

21h00

08/01/2014

Pinheiros x Paulistano

19h00

10ª Rodada Jogo

Horário

14/12/2013

Mogi das Cruzes x Minas

14h00

Data

Jogo

Horário

14/12/2013

Goiânia x Pinheiros

16h00

11/01/2014

Minas x Pinheiros

16h00

14/12/2013

Flamengo x São José

17h00

11/01/2014

Paulistano x Liga Sorocabana

18h00

14/12/2013

Brasília x Palmeiras

17h00

11/01/2014

São José x Brasília

18h00

14/12/2013

Bauru x Limeira

18h00

11/01/2014

Bauru x Uberlândia

18h00

14/12/2013

Franca x Paulistano

19h00

11/01/2014

Flamengo x Mogi das Cruzes

18h00

14/12/2013

Uberlândia x Liga Sorocabana

19h00

11/01/2014

Limeira x Franca

19h00

14/12/2013

Basquete Cearense x Espírito Santo

20h00

11/01/2014

Espírito Santo x Palmeiras

19h00

11/01/2014

Macaé Basquete x Basquete Cearense

19h30

11ª Rodada Jogo

Data

Horário

16ª Rodada

19/12/2013

Limeira x Flamengo

18h15

Data

Jogo

19/12/2013

Paulistano x Brasília

20h00

13/01/2014

Macaé Basquete x Mogi das Cruzes

19h30

19/12/2013

Minas x Franca

20h00

13/01/2014

São José x Goiânia

20h00

19/12/2013

São José x Mogi das Cruzes

20h00

13/01/2014

Minas x Palmeiras

20h00

19/12/2013

Bauru x Macaé Basquete

20h00

13/01/2014

Bauru x Franca

20h00

19/12/2013

Liga Sorocabana x Goiânia

20h00

13/01/2014

Limeira x Uberlândia

20h00

19/12/2013

Espírito Santo x Uberlândia

20h00

13/01/2014

Espírito Santo x Pinheiros

20h00

13/01/2014

Flamengo x Basquete Cearense

21h15

12ª Rodada

Horário

17ª Rodada

Data

Jogo

Horário

20/12/2013

Pinheiros x Palmeiras

21h00

Data

Jogo

21/12/2013

Minas x Uberlândia

12h00

16/01/2014

Goiânia x Limeira

19h30

21/12/2013

Bauru x Flamengo

16h00

16/01/2014

Franca x Macaé Basquete

20h00

21/12/2013

São José x Basquete Cearense

16h00

16/01/2014

Brasília x Bauru

20h00

21/12/2013

Paulistano x Goiânia

18h00

16/01/2014

Uberlândia x Flamengo

20h00

21/12/2013

Liga Sorocabana x Brasília

18h00

16/01/2014

Palmeiras x São José

20h00

21/12/2013

Limeira x Macaé Basquete

19h00

16/01/2014

Liga Sorocabana x Espírito Santo

20h00

21/12/2013

Espírito Santo x Franca

18h00

16/01/2014

Paulistano x Minas

20h00

13ª Rodada

8

15ª Rodada

Data

Horário

18ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

05/01/2014

Mogi das Cruzes x Bauru

11h00

18/01/2014

Uberlândia x Macaé Basquete

16h00

05/01/2014

Brasília x Espírito Santo

11h00

18/01/2014

Brasília x Limeira

16h00

05/01/2014

Goiânia x Minas

11h00

18/01/2014

Pinheiros x São José

16h00

05/01/2014

Palmeiras x Paulistano

11h00

18/01/2014

Goiânia x Bauru

17h00

05/01/2014

Basquete Cearense x Limeira

12h00

18/01/2014

Liga Sorocabana x Minas

18h00

05/01/2014

Pinheiros x Liga Sorocabana

16h00

18/01/2014

Paulistano x Espírito Santo

18h00

05/01/2014

Uberlândia x São José

18h00

18/01/2014

Franca x Flamengo

19h00

07/01/2014

Flamengo x Macaé Basquete

20h00

18/01/2014

Basquete Cearense x Mogi das Cruzes

19h00


24ª Rodada

19ª Rodada Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

23/01/2014

Liga Sorocabana x São José

20h00

08/02/2014

Pinheiros x Basquete Cearense

16h00

23/01/2014

Palmeiras x Bauru

20h00

08/02/2014

Liga Sorocabana x Macaé Basquete

16h00

23/01/2014

Franca x Mogi das Cruzes

20h00

08/02/2014

Goiânia x Franca

17h00

23/01/2014

Uberlândia x Basquete Cearense

20h00

08/02/2014

Minas x Limeira

18h00

25/01/2014

Goiânia x Macaé Basquete

17h00

08/02/2014

Paulistano x Flamengo

18h00

25/01/2014

Brasília x Flamengo

17h00

08/02/2014

Palmeiras x Mogi das Cruzes

18h00

04/02/2014

Limeira x Pinheiros

20h00

08/02/2014

Espírito Santo x Bauru

19h00

18/02/2014

Brasília x Uberlândia

20h00

20ª Rodada

25ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

23/01/2014

Brasília x Macaé Basquete

20h00

03/02/2014

Flamengo x Minas

20h30

23/01/2014

Goiânia x Flamengo

20h00

13/02/2014

Macaé Basquete x Espírito Santo

19h30

25/01/2014

Paulistano x São José

18h00

13/02/2014

Franca x Palmeiras

20h00

25/01/2014

Minas x Espírito Santo

18h00

13/02/2014

Uberlândia x Pinheiros

20h00

25/01/2014

Uberlândia x Mogi das Cruzes

19h00

13/02/2014

Mogi das Cruzes x Paulistano

20h00

25/01/2014

Franca x Basquete Cearense

19:00

13/02/2014

Limeira x São José

20h00

25/01/2014

Limeira x Palmeiras

19h00

13/02/2014

Basquete Cearense x Liga Sorocabana

21h00

18/02/2014

Pinheiros x Bauru

19h00

26ª Rodada

21ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

27/01/2014

Flamengo x Espírito Santo

20h00

30/01/2014

Macaé Basquete x Pinheiros

19h30

15/02/2014

Bauru x São José

16h00

30/01/2014

Mogi das Cruzes x Goiânia

20h00

15/02/2014

Macaé Basquete x Minas

17h00

30/01/2014

São José x Minas

20h00

15/02/2014

Brasília x Goiânia

18h00

30/01/2014

Limeira x Paulistano

20h00

15/02/2014

Uberlândia x Palmeiras

19h00

30/01/2014

Bauru x Liga Sorocabana

20h00

15/02/2014

Franca x Pinheiros

19h00

30/01/2014

Flamengo x Palmeiras

20h30

15/02/2014

Mogi das Cruzes x Liga Sorocabana

19h00

30/01/2014

Basquete Cearense x Brasília

21h00

15/02/2014

Basquete Cearense x Paulistano

19h00

22ª Rodada Data

Jogo

Horário

01/02/2014

Flamengo x Pinheiros

17h00

01/02/2014

Macaé Basquete x Palmeiras

17h00

01/02/2014

São José x Espírito Santo

18h00

01/02/2014

Bauru x Paulistano

18h00

01/02/2014

Mogi das Cruzes x Brasília

19h00

01/02/2014

Basquete Cearense x Goiânia

19h00

01/02/2014

Limeira x Liga Sorocabana

19h00

10/02/2014

Uberlândia x Franca

20h00

23ª Rodada

21 e 22 de fevereiro

27ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

28/01/2014

Brasília x Franca

20h00

25/02/2014

Pinheiros x Brasília

19h00

06/02/2014

Pinheiros x Mogi das Cruzes

19h00

25/02/2014

São José x Macaé Basquete

20h00

Horário

06/02/2014

Goiânia x Uberlândia

19h30

25/02/2014

Espírito Santo x Mogi das Cruzes

20h00

06/02/2014

Espírito Santo x Limeira

20h00

25/02/2014

Minas x Basquete Cearense

20h00

06/02/2014

Minas x Bauru

20h00

25/02/2014

Paulistano x Uberlândia

20h00

06/02/2014

Paulistano x Macaé Basquete

20h00

25/02/2014

Liga Sorocabana x Franca

20h00

06/02/2014

Liga Sorocabana x Flamengo

20h00

25/02/2014

Palmeiras x Goiânia

20h00

06/02/2014

Palmeiras x Basquete Cearense

20h00

25/02/2014

Limeira x Bauru

20h00

9


28ª Rodada

33ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

27/02/2014

Pinheiros x Goiânia

19h00

20/03/2014

Pinheiros x Minas

19h00

27/02/2014

Palmeiras x Brasília

20h00

20/03/2014

Palmeiras x Espírito Santo

20h00

27/02/2014

São José x Flamengo

20h00

20/03/2014

Brasília x São José

20h00

27/02/2014

Minas x Mogi das Cruzes

20h00

20/03/2014

Franca x Limeira

20h00

27/02/2014

Espírito Santo x Basquete Cearense

20h00

20/03/2014

Uberlândia x Bauru

20h00

27/02/2014

Liga Sorocabana x Uberlândia

20h00

20/03/2014

Basquete Cearense x Macaé Basquete

20h00

27/02/2014

Paulistano x Franca

20h00

20/03/2014

Mogi das Cruzes x Flamengo

20h00

Horário

34ª Rodada

29ª Rodada

Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

Horário

22/03/2014

Pinheiros x Espírito Santo

16h00

06/03/2014

Macaé Basquete x Bauru

19h30

22/03/2014

Goiânia x São José

17h00

06/03/2014

Goiânia x Liga Sorocabana

19h30

22/03/2014

Liga Sorocabana x Paulistano

18h00

06/03/2014

Brasília x Paulistano

20h00

22/03/2014

Palmeiras x Minas

18h00

06/03/2014

Franca x Minas

20h00

22/03/2014

Basquete Cearense x Flamengo

18h00

06/03/2014

Uberlândia x Espírito Santo

20h00

22/03/2014

Uberlândia x Limeira

19h00

06/03/2014

Mogi das Cruzes x São José

20h00

22/03/2014

Franca x Bauru

19h00

06/03/2014

Flamengo x Limeira

20h30

22/03/2014

Mogi das Cruzes x Macaé Basquete

19h00

35ª Rodada

30ª Rodada Data

Jogo

Horário

Data

Jogo

08/03/2014

Macaé Basquete x Limeira

17h00

27/03/2014

Macaé Basquete x Franca

19h30

08/03/2014

Goiânia x Paulistano

17h00

27/03/2014

Espírito Santo x Liga Sorocabana

20h00

08/03/2014

Palmeiras x Pinheiros

18h00

27/03/2014

São José x Palmeiras

20h00

08/03/2014

Brasília x Liga Sorocabana

18h00

27/03/2014

Limeira x Goiânia

20h00

08/03/2014

Basquete Cearense x São José

18h00

27/03/2014

Bauru x Brasília

20h00

08/03/2014

Flamengo x Bauru

18h00

27/03/2014

Minas x Paulistano

20h00

08/03/2014

Uberlândia x Minas

19h00

27/03/2014

Flamengo x Uberlândia

20h30

08/03/2014

Franca x Espírito Santo

19h00

Horário

36ª Rodada

31ª Rodada

Data

Jogo

Data

Jogo

Horário

29/03/2014

Macaé Basquete x Uberlândia

17h00

13/03/2014

Bauru x Mogi das Cruzes

20h00

29/03/2014

Flamengo x Franca

18h00

13/03/2014

Limeira x Basquete Cearense

20h00

29/03/2014

Bauru x Goiânia

18h00

13/03/2014

São José x Uberlândia

20h00

29/03/2014

São José x Pinheiros

18h00

13/03/2014

Espírito Santo x Brasília

20h00

29/03/2014

Minas x Liga Sorocabana

18h00

13/03/2014

Minas x Goiânia

20h00

29/03/2014

Mogi das Cruzes x Basquete Cearense

19h00

13/03/2014

Paulistano x Palmeiras

20h00

29/03/2014

Limeira x Brasília

19h00

13/03/2014

Liga Sorocabana x Pinheiros

20h00

29/03/2014

Espírito Santo x Paulistano

19h00

Horário

32ª Rodada

10

Data

Jogo

15/03/2014

Macaé Basquete x Flamengo

17h00

15/03/2014

Bauru x Basquete Cearense

18h00

15/03/2014

São José x Franca

18h00

15/03/2014

Minas x Brasília

18h00

Data

Jogo

15/03/2014

Liga Sorocabana x Palmeiras

18h00

09 a 19/04/2014

Oitavas de Final

Horário

15/03/2014

Paulistano x Pinheiros

18h00

23/04/2014 a 03/05/2014

Quartas de Final

15/03/2014

Espírito Santo x Goiânia

19h00

07 a 18/05/2014

Semifinais

15/03/2014

Limeira x Mogi das Cruzes

19h00

30/05/2014

Final


BASQUETE CEARENSE Nº

Nome

Nome

4

André Góes

14

Sualisson

21

Nome Erick

5

Davi

15

Rômulo

22

Devon

6

Matheus

18

Jimmy

24

Alexandre

12

Luís Enrique

19

Drudi

33

Felipe

13

Brown

20

Nick

55

Victor


Único representante da Região Nordeste no NBB, o SKY/Basquete Cearense fez uma excelente temporada de estreia e agora vai para sua segunda jornada defendendo as cores nordestinas na elite do basquete brasileiro. Na segunda temporada à frente do time de Fortaleza, o técnico Alberto Bial manteve os pilares do elenco, como os experientes alas/pivôs Felipe Ribeiro e William Drudi, os armadores

André Góes e Matheus, além do jovem ala Jimmy. Porém, a fim de fortalecer ainda mais o time, a equipe cearense trouxe três atletas norte-americanos: o pivô DeVon Hardin, que já teve passagens pela NBA, o ala/armador Nick Williams e o armador Brandon Brown, destaque do Rio Claro no Campeonato Paulista de 2013. Em sua segunda participação no NBB, o Basquete Cearense ainda contará com a força dos jovens atletas vindos da equipe que se destacou na LDB 2013: o armador Davi Rossetto, o ala Victor Gusmão, o ala/pivô Rômulo, além do pivô Erick Camilo, ex-São José.

Uniformes

Ficha Técnica Associação de Basquete Cearense Fundado em

23/06/2012 Endereço:

Av. Santos Dumont, 3060/704 Aldeota - Fortaleza/CE Tel.: 85 3224-8022 Ginásio Municipal Paulo Sarasate Rua Ildefonso Albano, 2050 Dionísio Torres - Fortaleza/CE www.lnb.com.br/equipes/ceara E-mail

basquetecearense@gmail.com Presidente

Marcelo Balabram Assessoria de Imprensa Zarhi El Malek e Raissa Câmara zarhielmalek@textobras.com

14


Alberto Bial Treinador Figura carimbada no basquete nacional, Alberto Bial viveu sua carreira de jogador entre os anos de 1966 e 1982, com direito a passagem pelos tradicionais Fluminense e Flamengo. Sua carreira como treinador começou logo após o término de sua trajetória como atleta. O início foi nas categorias de base do Fluminense, clube de coração da família Bial. Na sequência, Alberto ainda dirigiu Botafogo, Vasco e o Universo/Ajax (GO), além de uma passagem pelo basquete dos Emirados Árabes. Técnico do Joinville nas três primeiras temporadas do NBB, Bial ficou um ano

afastado da função de treinador e utilizou o tempo para se tornar comentarista de basquete no canal SporTV. A empreitada na TV não durou muito e um ano depois retomou os trabalhos como treinador e realizou um ótimo trabalho na estreia do Basquete Cearense no NBB. Alberto Bial conduziu o time nordestino a uma honrosa campanha, que se encerrou com uma dramática eliminação para o Paulistano, no quinto e último jogo das oitavas de final. Por isso, a meta nesta temporada é ir bem mais longe no campeonato.

Equipe Técnica Flávio Soares “Espiga” Assistente Técnico

Dannyel Russo

Assistente Técnico

Julio César Fernandes Preparador Físico

Thális Braga Supervisor

Marcos Girão Médico

Ótono Filho

Fisioterapeuta

João Rafael Rodrigues Mordomo

Patrocinadores

15


4 - André Góes

5 - Davi

Nome: André Luiz Bresolin Góes Nasc.: 05/03/1987 | Chapecó/SC Altura: 1,95m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Joinville (SC) Clubes anteriores: Araraquara (SP),

Nome: Davi Rossetto de Oliveira Nasc.: 27/07/1992 | São Paulo/SP Altura: 1,80m Posição: Armador Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: -

Pinheiros (SP) e Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI JOI JOGOS 35 32 MIN 18.99 26.93 2P% 44.25 47.67 3P% 33.33 26.72 LL% 72.60 83.61 RT 1.94 3.44 AS 2.03 2.50 BR 0.94 1.16 TO 0.34 0.25 ET 1.89 1.81 PTOS 6.60 12.22

2010-11 PIN 37 14.25 45.59 37.10 72.73 1.81 1.05 0.49 0.11 0.35 3.97

2011-12 JOI 38 25.93 41.87 31.86 83.33 3.45 2.29 1.29 0.34 1.79 11.68

2012-13 CEA 39 25.43 49.57 35.46 83.49 2.79 3.26 1.05 0.13 1.72 12.08

Média da Carreira 181 22.27 45.89 32.38 81.33 2.68 2.23 0.98 0.23 1.50 9.30

2010-11 PIN 1 1.33 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00

2011-12 PIN 15 4.00 50.00 100.00 50.00 0.53 0.20 0.13 0.07 0.13 0.80

2012-13 CEA 38 8.76 46.55 20.00 61.29 0.87 0.76 0.34 0.00 0.61 2.24

Média da Carreira 54 7.30 46.67 26.09 58.97 0.76 0.59 0.28 0.02 0.46 1.80

6 - Matheus

15 - Rômulo

Nome: Matheus dos Prazeres Costa Nasc.: 01/04/1980 | Franca/SP Altura: 1,78m Posição: Armador Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Campos (RJ), Fran-

Nome: Rômulo Oliveira Junior Nasc.: 27/01/1992 | Mossoró/RN Altura: 1,97m Posição: Pivô Clube de origem: Colégio Batista (CE) Clubes anteriores: Fluminense (RJ),

ca (SP) e São José (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA SJO JOGOS 33 31 MIN 26.54 35.22 2P% 46.32 61.70 3P% 32.90 36.65 LL% 70.37 79.55 RT 2.42 3.39 AS 3.88 4.23 BR 0.82 1.65 TO 0.09 0.00 ET 1.67 2.06 PTOS 8.45 12.71

2010-11 SJO 28 27.96 55.26 30.88 82.76 2.29 2.71 0.96 0.07 1.46 8.36

2011-12 SJO 34 15.01 48.15 21.33 68.18 1.03 1.32 0.62 0.03 0.76 3.38

2012-13 CEA 37 28.65 49.59 36.27 73.68 1.95 3.46 0.92 0.08 1.70 10.11

Média da Carreira 163 26.51 52.26 33.33 74.76 2.18 3.12 0.98 0.06 1.53 8.56

Tabuleiro do Norte (CE)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 CEA 11 6.08 20.00 0.00 50.00 0.36 0.27 0.18 0.09 0.27 0.36

Média da Carreira 11 6.08 20.00 0.00 50.00 0.36 0.27 0.18 0.09 0.27 0.36

18 - Jimmy

19 - Drudi

Nome: Jimmy Dreher de Oliveira Nasc.: 11/04/1990 | Florianópolis/SC Altura: 1,88m Posição: Ala Clube de origem: Joinville (SC) Clubes anteriores: São José (SP)

Nome: William Fournou Drudi Nasc.: 22/09/1981 | São Paulo/SP Altura: 2,04m Posição: Pivô Clube de origem: Hebraica (SP) Clubes anteriores: Londrina (PR),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI SJO JOGOS 4 16 MIN 3.28 4.97 2P% 100.00 66.67 3P% 0.00 20.00 LL% 100.00 85.71 RT 0.50 0.50 AS 0.00 0.06 BR 0.00 0.38 TO 0.00 0.06 ET 0.50 0.13 PTOS 1.50 1.81

16

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 SJO 14 7.58 52.94 23.08 100.00 1.00 0.50 0.43 0.00 0.14 2.50

2011-12 SJO 15 2.29 28.57 80.00 100.00 0.33 0.00 0.13 0.00 0.40 1.47

2012-13 CEA 24 14.85 54.84 43.90 86.96 1.63 1.04 0.63 0.00 0.50 5.92

Média da Carreira 73 8.08 55.34 40.00 91.30 0.93 0.45 0.40 0.01 0.33 3.21

Campos (RJ), Araraquara (SP), Ajax (GO), Minas (MG), Valdivia (CHI) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA MIN JOGOS 28 34 MIN 30.74 36.38 2P% 50.53 56.98 3P% 20.00 11.11 LL% 81.58 80.81 RT 6.75 8.26 AS 1.14 1.35 BR 0.54 0.71 TO 0.43 0.71 ET 1.75 1.59 PTOS 13.57 16.85

2010-11 FRA 38 26.67 52.80 0.00 81.18 6.34 1.05 0.66 0.24 1.03 10.76

2011-12 FRA 33 28.80 57.26 0.00 83.19 6.52 1.00 0.42 0.18 1.52 11.45

2012-13 CEA 39 28.93 60.86 12.50 75.21 5.51 0.72 0.49 0.15 0.95 13.97

Média da Carreira 172 30.17 55.99 9.68 80.30 6.63 1.04 0.56 0.33 1.33 13.28


33 - Felipe Nome: Luiz Felipe Elizeu Mendes Ribeiro Nasc.: 20/08/1979 | Santa Rita do Sapucaí/MG Altura: 2,01m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Espéria (SP) Clubes anteriores: Bauru (SP), Mogi das Cruzes (SP), Ribeirão

Preto (SP), Rio Claro (SP), Franca (SP) e Paulistano (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA PAU JOGOS 25 27 MIN 24.80 29.72 2P% 46.71 51.79 3P% 25.00 28.71 LL% 80.00 69.81 RT 5.16 6.74 AS 1.16 1.00 BR 2.20 1.07 TO 0.84 1.15 ET 1.88 1.67 PTOS 9.44 12.41

2010-11 PAU 18 30.51 45.22 35.48 82.24 6.94 1.00 1.28 0.67 1.89 12.50

2011-12 PAU 27 28.40 51.97 30.88 83.20 6.70 1.11 1.81 0.59 1.70 12.04

2012-13 CEA 39 30.33 54.51 35.51 76.70 8.38 1.41 1.79 1.31 1.74 15.03

Média da Carreira 136 28.83 50.97 31.41 78.21 6.94 1.17 1.66 0.96 1.76 12.55

17


20 - Nick

21 - Erick

Nome: Nicholas Williams Nasc.: 16/10/1989 | Mobile/EUA Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Univ. de Mississipi (EUA) Clubes anteriores: -

Nome: Erick Rodrigues Camilo Nasc.: 18/02/1992 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,01m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: São José (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

ESTREIA

2010-11 PAU 31 18.28 50.41 26.32 59.38 3.10 0.42 0.55 0.42 1.32 5.03

2011-12 PAU 23 6.67 53.57 0.00 61.11 0.96 0.04 0.09 0.09 0.43 1.78

2012-13 Média da SJO Carreira 41 95 10.15 11.96 51.28 51.13 16.67 20.00 64.06 62.28 1.49 1.88 0.27 0.26 0.32 0.34 0.24 0.26 0.80 0.88 4.00 3.80

22 - Devon Nome: Devon Hardin Nasc.: 07/08/1986 | Long Beach/EUA Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: Cal. Berkley (EUA) Clubes anteriores: Oklahoma City

Thunder (EUA), Yavani (ISR), Gazientes (TUR) e Marinos (VEN)

ESTREIA

13 - Brown

55 - Victor Nome: Victor Chastinet A. de Gusmão Nasc.: 03/09/1993 | Maceió/AL Altura: 1,88m Posição: Ala/armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP) e

Nome: Brandon Robert Brown Nasc.: 14/08/1989 | Tacoma/EUA Altura: 1,82m Posição: Armador Clube de origem: Universidade de Montana

Western (EUA)

Clubes anteriores: Mt. Gambiere (AUS)

e Rio Claro (SP)

Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

18

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 Média da CEA Carreira 3 3 4.96 4.96 25.00 25.00 0.00 0.00 50.00 50.00 0.33 0.33 0.00 0.00 0.00 0.00 0.33 0.33 0.67 0.67 1.33 1.33

ESTREIA Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Uberlândia 84 x 71  Basquete Cearense

26/11/2012

Franca 90 x 68  Basquete Cearense

06/12/2012

Basquete Cearense 71 x 62 Liga Sorocabana

08/12/2012

Basquete Cearense 83 x 82  Bauru

13/12/2012

Tijuca 69 x 83  Basquete Cearense

15/12/2012

Flamengo 86 x 61  Basquete Cearense

20/12/2012

Basquete Cearense 78 x 62  Joinville

22/12/2012

10ª

Basquete Cearense 65 x 84  Limeira

05/01/2013

11ª

Suzano 71 x 85  Basquete Cearense

07/01/2013

12ª

Palmeiras 81 x 86  Basquete Cearense

10/01/2013

13ª

Basquete Cearense 95 x 76  Paulistano

12/01/2013

14ª

Basquete Cearense 84 x 85  Pinheiros

15/01/2013

Brasília 92 x 77  Basquete Cearense

17/01/2013

15ª

Espírito Santo 85 x 94  Basquete Cearense

19/01/2013

16ª

Minas 76 x 74  Basquete Cearense

24/01/2013

17ª

Basquete Cearense 73 x 63  São José

26/01/2013

18ª

Basquete Cearense 71 x 74  Mogi das Cruzes

31/01/2013

19ª

Basquete Cearense 60 x 72  Uberlândia

02/02/2013

20ª

Basquete Cearense 87 x 88  Franca

14/02/2013

23ª

Liga Sorocabana 76 x 86  Basquete Cearense

16/02/2013

24ª

Bauru 95 x 84  Basquete Cearense

21/02/2013

25ª

Basquete Cearense 92 x 86  Tijuca

Playoffs Fase

Data

Jogo

16/04/2013 Oitavas

Paulistano 95 x 74  Basquete Cearense

19/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 79 x 66  Paulistano

20/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 87 x 71  Paulistano

23/04/2013 Oitavas

Paulistano 89 x 85  Basquete Cearense

26/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 68 x 69  Paulistano

Estatísticas NBB 2012-13

23/02/2013

26ª

Basquete Cearense 82 x 101  Flamengo

Fundamento

Média

26/02/2013

21ª

Basquete Cearense 100 x 104  Brasília

Pontos

80.00

9

07/03/2013

27ª

Joinville 94 x 71  Basquete Cearense

Rebotes

29.95

11 9

Ranking

09/03/2013

28ª

Limeira 90 x 72  Basquete Cearense

Assistências

14.03

16/03/2013

30ª

Basquete Cearense 85 x 83  Palmeiras

2 Pontos (%)

52,38

9

21/03/2013

31ª

Paulistano 79 x 86  Basquete Cearense

3 Pontos (%)

34.22

11

23/03/2013

32ª

Pinheiros 87 x 69  Basquete Cearense

Lance Livre (%)

75.26

8

31/03/2013

29ª

Basquete Cearense 96 x 61  Suzano

Tocos

2.44

5

04/04/2013

35ª

São José 76 x 87  Basquete Cearense

Roubos de Bola

7.33

6

06/04/2013

36ª

Mogi das Cruzes 80 x 86  Basquete Cearense

Erros

12.74

11

09/04/2013

34ª

Basquete Cearense 88 x 52  Minas

Faltas

20.9

12

13/04/2013

33ª

Basquete Cearense 77 x 75  Espírito Santo

Pontos Sofridos

79.77

7

19


Temporada 2013-14

20

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Basquete Cearense x Uberlândia

16/11/2013

Basquete Cearense x Franca

21/11/2013

Brasília x Basquete Cearense

23/11/2013

Goiânia x Basquete Cearense

28/11/2013

Basquete Cearense x Palmeiras

30/11/2013

Basquete Cearense x Pinheiros

05/12/2013

Liga Sorocabana x Basquete Cearense

07/12/2013

Paulistano x Basquete Cearense

12/12/2013

Basquete Cearense x Minas

14/12/2013

10ª

Basquete Cearense x Espírito Santo

21/12/2013

12ª

São José x Basquete Cearense

05/01/2014

13ª

Basquete Cearense x Limeira

07/01/2014

14ª

Basquete Cearense x Bauru

11/01/2014

15ª

Macaé Basquete x Basquete Cearense

13/01/2014

16ª

Flamengo x Basquete Cearense

18/01/2014

18ª

Basquete Cearense x Mogi das Cruzes

23/01/2014

19ª

Uberlândia x Basquete Cearense

25/01/2014

20ª

Franca x Basquete Cearense

30/01/2014

21ª

Basquete Cearense x Brasília

01/02/2014

22ª

Basquete Cearense x Goiânia

06/02/2014

23ª

Palmeiras x Basquete Cearense

08/02/2014

24ª

Pinheiros x Basquete Cearense

13/02/2014

25ª

Basquete Cearense x Liga Sorocabana Basquete Cearense x Paulistano

15/02/2014

26ª

25/02/2014

27ª

Minas x Basquete Cearense

27/02/2014

28ª

Espírito Santo x Basquete Cearense

08/03/2014

30ª

Basquete Cearense x São José

13/03/2014

31ª

Limeira x Basquete Cearense

15/03/2014

32ª

Bauru x Basquete Cearense

20/03/2014

33ª

Basquete Cearense x Macaé Basquete

22/03/2014

34ª

Basquete Cearense x Flamengo

29/03/2014

36ª

Mogi das Cruzes x Basquete Cearense


BAURU Nยบ

Nome

Nยบ

Nome

Nยบ

Nome

4

Larry Taylor

10

Ayarza

17

Gabriel Murilo

5

R. Fischer

11

Barrios

21

6

Scaglia

12

Mathias

23

Lucas

7

Kesley

13

Rafael

31

Andrezรฃo

9

Gui Deodato

14

F. Fischer

99

Tischer


O basquete está presente na cidade de Bauru há mais de 30 anos. Apesar da longa data, as primeiras conquistas só vieram no fim da década de 90 e início dos anos 2000, com os títulos do Campeonato Paulista, em 1999, e o do Brasileiro no ano de 2002, contando com ninguém menos que o ala/armador Leandrinho Barbosa dando seus primeiros passos como profissional. Após aproximadamente quatro anos sem ter uma equipe profissional de basquete na cidade, foi criado, em 2007, o Bauru Basketball Team, time que participa do NBB

Uniformes

desde a primeira edição, sempre sob o comando do técnico Guerrinha. A equipe bauruense encerrou a temporada passada da competição nacional na terceira colocação, melhor campanha da história da equipe no maior campeonato do basquete brasileiro. Querendo chegar ainda mais longe no NBB, Bauru manteve a base de sua equipe que disputou a última edição, com o norte-americano naturalizado brasileiro Larry Taylor, os jovens Ricardo Fischer e Gui Deodato, além do experiente ala Fernando Fischer. Para turbinar ainda mais o elenco, a diretoria contratou os pivôs Murilo Becker, MVP do NBB4 com o São José, e Lucas Tischer, que estava no Peñarol (ARG), além do ala/pivô argentino Fabian Barrios.

Títulos Campeão Paulista 2013

Campeão da LDB 2012

Campeão da Copa EPTV 2010

Campeão da Copa TV Tem 2008

Ficha Técnica Associação Bauru Basketball Team Fundado em

14/11/2007 Endereço:

Rua Sérvio Túlio Carrijo Coube, 1-60, Bairro Jardim Infante Dom Henrique - Bauru/SP Tel.: 14 3245-9509 Ginásio Panela de Pressão Rua Benedito Eleutério, 3-50P Bauru/SP www.baurubkt.com.br E-mail

contato@baurubkt.com.br @BauruBasket Presidente

Sandro Renato Fabiano Assessoria de Imprensa

22

Caio Casagrande imprensa@baurubkt.com.br


Guerrinha Treinador Nascido em Franca (SP), Jorge Guerra, o Guerrinha seguiu a tradição da cidade e começou a jogar basquete com 10 anos de idade. Atuando pela equipe da “capital do basquete”, faturou diversos títulos, dentre eles cinco paulistas e um sul-americano, além do tetracampeonato nacional. Ainda como atleta, defendeu a Seleção Brasileira por aproximadamente dez anos, participando de dois Mundiais (1986 e 90) e duas Olimpíadas (88 e 92). Foi o armador titular do time que conquistou a medalha de ouro nos Jogos PanAmericanos de Indianópolis, em 1987, com vitória sobre os EUA na final.

Guerrinha despontou cedo como técnico, à frente da antiga equipe de Bauru, campeã nacional em 2002. Depois de passar por Campos (RJ) e Rio Claro (SP), o treinador retornou a Bauru para tocar esse novo projeto na cidade. Agora com 54 anos, conquistou o título paulista de 2013 à frente da equipe bauruense e faturou o primeiro desde a retomada do time de basquete.

Equipe Técnica Hudson Previdelo Assistente Técnico

Rodrigo Mantovani Preparador Físico

Rogério Lourenço Giancarlo Felipe Fisioterapeutas

Alexandro Martiniano Mordomo

Patrocinadores

23


4 - Larry Taylor

6 - Scaglia

Nome: Larry James Taylor Junior Nasc.: 03/10/1980 | Chicago/EUA Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Univ. Missouri

Nome: Gustavo Scaglia de Paula Nasc.: 23/01/1993 | Sorocaba/SP Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Liga Sorocabana (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP) e

Western (EUA)

Clubes anteriores: La Huacana (MEX),

Feayles de Guasave (MEX), Durango (MEX) e Mazatlan (MEX) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU BAU JOGOS 31 31 MIN 36.26 36.27 2P% 46.99 50.18 3P% 34.71 41.94 LL% 84.18 78.26 RT 6.39 5.52 AS 6.03 5.65 BR 2.61 1.84 TO 0.35 0.35 ET 2.16 2.00 PTOS 18.94 17.03

2010-11 BAU 35 32.96 54.88 34.17 73.28 4.91 5.89 1.91 0.20 2.60 13.97

2011-12 BAU 34 34.66 49.84 33.62 83.91 5.50 6.47 1.85 0.29 3.03 16.91

2012-13 BAU 40 35.06 49.26 35.61 87.69 4.93 4.35 1.70 0.13 2.13 14.68

Média da Carreira 171 34.99 49.97 36.05 81.84 5.41 5.63 1.96 0.26 2.39 16.18

Arizona Western College (EUA)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 31 11.42 51.28 34.85 36.36 0.81 0.87 0.26 0.00 0.45 3.65

Média da Carreira 31 11.42 51.28 34.85 36.36 0.81 0.87 0.26 0.00 0.45 3.65

9 - Gui Deodato

10 - Ayarza

Nome: Guilherme Pereira Deodato Nasc.: 02/06/1991 | Bauru/SP Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: Bauru (SP) Clubes anteriores: -

Nome: Josimar Abdiel Ayarza Tous Nasc.: 03/05/1987 | Cid. do Panamá/PAN Altura: 2,03m Posição: Ala Clube de origem: Univ. of Southern

Mississipi (EUA)

Clubes anteriores: Marinos (VEN) e 9

de Julio (ARG) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU BAU JOGOS 14 10 MIN 3.78 6.10 2P% 66.67 60.00 3P% 18.18 20.00 LL% 50.00 50.00 RT 0.71 1.10 AS 0.21 0.60 BR 0.14 0.50 TO 0.07 0.20 ET 0.29 0.20 PTOS 1.07 1.40

2010-11 BAU 28 5.67 71.43 34.78 0.00 0.89 0.36 0.21 0.14 0.29 1.57

2011-12 BAU 34 19.58 56.58 30.16 61.54 1.56 1.24 1.00 0.15 0.59 6.59

2012-13 BAU 42 30.22 60.18 40.50 63.79 2.38 1.50 1.12 0.29 1.40 11.12

Média da Carreira 128 17.25 59.81 35.92 61.54 1.55 0.97 0.73 0.19 0.73 5.97

11 - Barrios

12 - Mathias

Nome: Fabián Ramirez Barrios Nasc.: 23/02/1990 | Corrientes/ARG Altura: 1,98m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Hércules (ARG) Clubes anteriores: Boca Juniors (ARG),

Nome: Thiago Farias Mathias Rosa Nasc.: 28/07/1989 | Pelotas/RS Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Grêmio Náutico União

San Martín (ARG), Ciclista Olímpico (ARG) e Goiânia (GO)

ESTREIA 24

ESTREIA

(RS)

Clubes anteriores: Rio Claro (SP),

Paulistano (SP), Campo Mourão (PR) e Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PAU JOGOS 23 6 MIN 8.93 11.06 2P% 55.88 61.54 3P% 0.00 0.00 LL% 50.00 40.00 RT 2.39 3.17 AS 0.09 0.33 BR 0.26 0.17 TO 0.70 1.00 ET 0.57 0.67 PTOS 1.83 3.00

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 JOI 32 19.22 57.24 0.00 60.00 5.63 0.50 0.72 1.38 1.44 6.13

Média da Carreira 61 14.54 57.29 0.00 57.14 4.16 0.33 0.49 1.08 1.03 4.20


21 - Murilo Nome: Murilo Becker da Rosa Nasc.: 14/07/1983 | Farroupilha/RS Altura: 2,09m Posição: Pivô Clube de origem: Grêmio Náutico União (RS) Clubes anteriores: Ubirajá (RS), Bauru (SP), Corinthians/Mogi

(SP), Franca (SP), PBK Academik EAD (BUL), Maccabi Tel Aviv (ISR) e São José (SP TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE MIN MIN JOGOS 35 34 MIN 31.64 30.53 2P% 65.49 56.32 3P% 31.58 30.77 LL% 67.36 76.99 RT 8.89 9.06 AS 0.74 1.38 BR 1.00 1.12 TO 1.31 1.09 ET 2.69 2.59 PTOS 20.49 18.06

2010-11 SJO 24 27.08 59.69 41.67 80.37 7.58 1.38 0.88 0.88 2.29 19.54

2011-12 SJO 36 32.09 57.54 41.67 79.92 9.94 1.44 1.28 1.22 2.89 20.64

2012-13 SJO 29 29.17 61.79 19.05 75.29 7.45 1.14 0.86 0.83 2.00 17.17

Média da Carreira 158 30.36 60.22 33.33 75.76 8.70 1.21 1.04 1.09 2.53 19.25

25


14 - F. Fischer

23 - Lucas

Nome: Fernando Fischer Nasc.: 14/08/1981 | São Paulo/SP Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Sírio (SP), Monte

Nome: Lucas Miguel Avelino Nasc.: 10/05/1990 | São Paulo/SP Altura: 1,90m Posição: Armador Clube de origem: Circulo Militar (SP) Clubes anteriores: Paulistano (SP),

Líbano (SP), Hebraica (SP), Circulo Militar (SP), Lugano (SUI), Sion (SUI) e Juventud Badalona (ESP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU BAU JOGOS 29 31 MIN 29.95 32.92 2P% 47.96 52.45 3P% 48.33 45.50 LL% 80.00 85.12 RT 2.34 2.81 AS 1.07 1.13 BR 1.07 0.84 TO 0.03 0.10 ET 0.83 1.06 PTOS 14.03 17.45

2010-11 BAU 34 32.86 47.19 49.50 80.43 3.18 0.88 0.97 0.15 1.15 15.94

2011-12 BAU 31 32.75 44.81 40.59 86.17 3.39 1.32 1.26 0.10 1.39 15.84

2012-13 BAU 13 24.49 51.72 45.45 91.30 1.62 1.08 0.69 0.00 0.92 12.00

Média da Carreira 138 31.45 48.02 45.87 83.80 2.82 1.09 1.00 0.09 1.09 15.49

Pinheiros (SP) e Sorocaba (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 BAU 13 5.58 66.67 75.00 66.67 0.62 0.38 0.15 0.00 0.31 2.77

2011-12 BAU 20 7.05 52.94 43.75 69.23 1.00 0.45 0.20 0.00 0.40 2.40

2012-13 BAU 18 5.71 40.00 25.00 42.86 0.67 0.56 0.11 0.00 0.39 0.89

Média da Carreira 51 6.20 54.84 44.44 62.07 0.78 0.47 0.16 0.00 0.37 1.96

31 - Andrezão Nome: André de Sousa Silva Nasc.: 25/11/1990 | Cubatão/SP Altura: 1,98m Posição: Pivô Clube de origem: Inter de Santos (SP) Clubes anteriores: Franca (SP), Assis

(SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA FRA JOGOS 2 20 MIN 6.18 5.85 2P% 33.33 58.06 3P% 0.00 100.00 LL% 50.00 63.64 RT 1.50 1.20 AS 1.00 0.10 BR 0.50 0.20 TO 0.00 0.15 ET 0.00 0.25 PTOS 1.50 2.65

2010-11 ASS 28 24.46 59.17 33.33 57.50 3.32 0.79 0.61 0.36 1.04 7.25

2011-12 BAU 33 15.37 48.94 50.00 57.89 3.76 0.58 0.27 0.24 0.42 3.94

2012-13 BAU 32 12.66 66.67 34.38 72.73 2.16 0.59 0.50 0.03 0.53 4.41

Média da Carreira 115 15.01 57.23 38.24 61.54 2.72 0.56 0.41 0.19 0.57 4.61

5 - R. Fischer 99 - Tischer Nome: Lucas Daniel Tischer Nasc.: 29/03/1983 | Marechal Rondon/PR Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Franca (SP), Ribeirão

Preto (SP), Phoenix Suns (NBA), Pinheiros (SP), Assis (SP), Brasília (DF) e Peñarol de Mar del Plata (ARG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA ASS JOGOS 18 24 MIN 21.61 22.73 2P% 47.46 53.85 3P% 0.00 28.57 LL% 56.47 54.55 RT 5.28 5.96 AS 0.83 0.63 BR 0.44 0.46 TO 0.61 0.46 ET 1.50 1.33 PTOS 8.89 8.08

26

2010-11 BRA 36 18.09 63.83 0.00 60.64 4.83 0.28 0.28 0.22 0.72 8.25

2011-12 BRA 32 18.12 57.49 0.00 67.62 4.97 0.19 0.63 0.25 1.25 8.22

2012-13 BRA 1 15.15 66.67 0.00 100.00 2.00 2.00 0.00 0.00 1.00 5.00

Média da Carreira 111 19.65 56.77 14.29 60.32 5.16 0.43 0.44 0.34 1.14 8.28

Nome: Ricardo Fischer Nasc.: 16/05/1991 | São Paulo/SP Altura: 1,84m Posição: Armador Clube de origem: Círculo Militar (SP) Clubes anteriores: Hebraica (SP), Martigny

Rhone (SUI), Fortitudo Bologna (ITA), Barueri (SP) e São José (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 SJO 11 10.59 52.94 36.36 93.75 1.36 0.73 0.18 0.00 1.18 5.18

2011-12 SJO 36 12.40 62.50 41.18 88.37 1.03 1.67 0.47 0.00 1.00 5.61

2012-13 BAU 38 29.32 51.63 42.00 79.76 2.76 4.39 1.18 0.11 1.84 11.74

Média da Carreira 85 19.73 54.34 41.25 83.92 1.85 2.76 0.75 0.05 1.40 8.29

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

São José 62 x 82 Bauru

26/11/2012

Mogi das Cruzes 73 x 80 Bauru

29/11/2012

Bauru 81 x 82 Uberlândia

Playoffs Fase

Data

Jogo

28/04/2013 Quartas

Franca 72 x 69 Bauru  Bauru 86 x 79 Franca

01/12/2012

Bauru 67 x 74 Franca

01/05/2013 Quartas

08/12/2012

Basquete Cearense 83 x 82 Bauru

03/05/2013 Quartas

Bauru 87 x 78 Franca

13/12/2012

Liga Sorocabana 76 x 90 Bauru

06/05/2013 Quartas

Franca 70 x 62 Bauru

10/05/2013 Quartas

Bauru 78 x 71 Franca

20/12/2012

Bauru 81 x 68 Tijuca

13/05/2013 Semifinal

Bauru 75 x 89 Uberlândia

22/12/2012

10ª

Bauru 97 x 102 Flamengo

16/05/2013 Semifinal

Uberlândia 93 x 65 Bauru

05/01/2013

11ª

Joinville 71 x 83 Bauru

18/05/2013 Semifinal

Uberlândia 80 x 77 Bauru

07/01/2013

12ª

Limeira 82 x 84 Bauru

10/01/2013

13ª

Bauru 85 x 44 Suzano

12/01/2013

14ª

Bauru 91 x 67 Palmeiras  Paulistano 76 x 73 Bauru

17/01/2013

15ª

19/01/2013

16ª

Pinheiros 73 x 74 Bauru

24/01/2013

17ª

Bauru 85 x 70 Espírito Santo

26/01/2013

18ª

Bauru 91 x 59 Minas

28/01/2013

Brasília 80 x 60 Bauru

31/01/2013

19ª

Bauru 87 x 82 São José

02/02/2013

20ª

Bauru 87 x 84 Mogi das Cruzes

05/02/2013

21ª

Uberlândia 94 x 83 Bauru

07/02/2013

22ª

Franca 80 x 82 Bauru

16/02/2013

24ª

Bauru 95 x 84 Basquete Cearense

18/02/2013

23ª

Bauru 79 x 90 Brasília

21/02/2013

25ª

Bauru 85 x 94 Liga Sorocabana

27ª

Tijuca 71 x 79 Bauru

09/03/2013

28ª

Flamengo 74 x 89 Bauru

14/03/2013

29ª

Bauru 114 x 91 Joinville

16/03/2013

30ª

Bauru 83 x 82 Limeira

21/03/2013

31ª

Suzano 82 x 87 Bauru

23/03/2013

32ª

Palmeiras 89 x 83 Bauru

25/03/2013

34ª

Bauru 67 x 62 Pinheiros

30/03/2013

33ª

Bauru 66 x 64 Paulistano

04/04/2013

35ª

Espírito Santo 79 x 88 Bauru

11/04/2013

36ª

Minas 64 x 77 Bauru

07/03/2013

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

81.33

5

Rebotes

31.74

4

Ranking

Assistências

15.48

6

2 Pontos (%)

53,74

6

3 Pontos (%)

37.86

6

Lance Livre (%)

73.52

13

Tocos

1.62

12

Roubos de Bola

6.67

11

Erros

10.64

2

Faltas

18.52

1

Pontos Sofridos

77.14

3

27


Temporada 2013-14 Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Bauru x Palmeiras

23/01/2014

19ª

Palmeiras x Bauru

16/11/2013

Bauru x Pinheiros

25/01/2014

20ª

Pinheiros x Bauru

21/11/2013

Liga Sorocabana x Bauru

30/01/2014

21ª

Bauru x Liga Sorocabana Bauru x Paulistano

23/11/2013

Paulistano x Bauru

01/02/2014

22ª

28/11/2013

Bauru x Minas

06/02/2014

23ª

Minas x Bauru

30/11/2013

Bauru x Espírito Santo

08/02/2014

24ª

Espírito Santo x Bauru

07/12/2013

São José x Bauru

15/02/2014

26ª

Bauru x São José

25/02/2014

27ª

Limeira x Bauru Macaé Basquete x Bauru

10ª

Bauru x Limeira

19/12/2013

11ª

Bauru x Macaé Basquete

06/03/2014

29ª

21/12/2013

12ª

Bauru x Flamengo

08/03/2014

30ª

Flamengo x Bauru

05/01/2014

13ª

Mogi das Cruzes x Bauru

13/03/2014

31ª

Bauru x Mogi das Cruzes

07/01/2014

14ª

Basquete Cearense x Bauru

15/03/2014

32ª

Bauru x Basquete Cearense

11/01/2014

15ª

Bauru x Uberlândia

20/03/2014

33ª

Uberlândia x Bauru

13/01/2014

16ª

Bauru x Franca

22/03/2014

34ª

Franca x Bauru

16/01/2014

17ª

Brasília x Bauru

27/03/2014

35ª

Bauru x Brasília

18/01/2014

18ª

Goiânia x Bauru

29/03/2014

36ª

Bauru x Goiânia

14/12/2013

28


BRASÍLIA Nº

Nome

Nome

Nome

4

Arthur

12

Guilherme

33

Goree

6

Ronald

17

Rossi

35

Bruno

7

Isaac

23

Nezinho

54

Alírio

10

Alex

28

Salvador

71

Bala

11

Osimani

30

Max


Tricampeão do NBB entre os anos de 2010 e 2012, o Uniceub/BRB/Brasília chega à temporada 2013/2014 disposto a apagar a eliminação nas quartas de final da edição passada da competição, diante do São José/Unimed, em pleno Ginásio Nilson Nelson.

ganhou a companhia do ala/armador uruguaio Martín Osimani e do pivô norte-americano Marcus Goree. Agora sob o comando do argentino Sergio Hernandez, a equipe deu mostras de que tem totais condições de brigar pelo título da sexta edição do NBB logo em sua primeira competição oficial na temporada. Com direito a vitória sobre o anfitrião Aguada (URU) na decisão, o time ficou com o título da Liga Sul-Americana 2013 e chega ao campeonato nacional com toda moral de uma conquista internacional.

Para isso, a equipe investiu bastante e, além de manter seus principais jogadores, acertou a contratação de atletas estrangeiros. O vitorioso quarteto formado por Alex, Arthur, Guilherme Giovannoni e Nezinho

Uniformes

Títulos Tricampeão do NBB

2009/2010, 2010/2011 e 2011/2012

Campeão da Liga das Américas 2008/2009

Bicampeão da Liga Sul-Americana 2011 e 2013

Campeão Brasileiro - CBB 2007

12 vezes Campeão Brasiliense Campeão da Copa Brasil 2001 e 2002

Ficha Técnica Instituto Viver Basquetebol Fundado em

26/08/2009 Endereço:

SGAS 703/4, Bloco J Sala 105 Asa Sul - Brasília/DF Tel.: 61 3033-2719 Ginásio da ASCEB SGAS, n° 903/904, Bloco J Brasília/DF lnb.com.br/equipes/brasilia/ E-mail

basquete@uniceub.br @Uniceub_BRB Presidente

Homero Neto Assessoria de Imprensa

30

Susane Morais ceubesporteclube@uniceub.br


Sergio Hernandez Treinador Um dos três técnicos estrangeiros da temporada 2013/2014, o argentino Sergio Hernandez é o que goza de mais prestígio. Medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, à frente da seleção de seu país natal, o treinador chega ao Brasil com status de estrela. E logo de cara, Hernandez justificou a escolha do time candango. Em sua primeira competição oficial no comando da equipe da capital federal, o argentino sagrou-se campeão da Liga Sul-Americana 2013.

Hernandez subiu ao lugar mais alto do pódio da Liga Sul-Americana pela primeira vez, em 2001, à frente do Estudiantes de Olavarría. No comando do Peñarol de Mar del Plata, sua última equipe, “Oveja”, como é conhecido, levantou a taça da Liga das Américas por duas oportunidades (2008 e 2010). Hernandez ainda levou o Peñarol ao tricampeonato da Liga Argentina, entre os anos de 2010 e 2012. Antes disso, já havia ficado com o título do principal campeonato de seu país outras três vezes.

Este foi o quarto título continental do treinador, de 50 anos, nascido na cidade de Bahía Blanca (ARG).

Equipe Técnica Bruno Savignani Paulo Santiago Assistente Técnico

Cristiano Sangeon Preparador Físico

Hideamo Bonifácio Oliveira Fisiologista

Carlos Ewbank Fisioterapeuta

Jorge Sá

Supervisor

Estevão Guimarães Médico

Sergilan Alves Hércules Mordomo

Raimundo Ribeiro Massagista

Patrocinadores

31


7 - Isaac

10 - Alex

Nome: Isaac Rafael Gonçalves Nasc.: 02/07/1990 | São Paulo/SP Altura: 1,93m Posição: Ala Clube de origem: Casa Branca (SP) Clubes anteriores: Limeira (SP), Jacareí

Nome: Alex Ribeiro Garcia Nasc.: 04/03/1981 | Orlândia/SP Altura: 1,91m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Orlândia (SP) Clubes anteriores: Assis (SP), Ribeirão

(SP) e Vila Velha (ES)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM JOGOS 10 MIN 1.72 2P% 66.67 3P% 0.00 LL% 0.00 RT 0.40 AS 0.00 BR 0.00 TO 0.00 ET 0.40 PTOS 0.40 -

2010-11 -

2011-12 VIV 21 23.21 50.67 36.36 78.26 3.43 0.43 0.48 0.24 1.95 7.05

2012-13 BRA 38 17.39 55.86 33.33 86.67 1.89 0.68 0.45 0.08 0.76 6.68

Média da Carreira 69 16.89 53.97 33.63 83.02 2.14 0.51 0.39 0.12 1.07 5.88

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 41 35 MIN 32.40 33.59 2P% 65.13 63.59 3P% 30.69 34.40 LL% 73.99 80.15 RT 5.34 5.60 AS 2.59 3.54 BR 1.32 1.14 TO 0.68 0.86 ET 1.98 1.46 PTOS 19.41 16.51

2010-11 BRA 41 34.54 59.75 31.70 81.59 4.80 3.56 1.73 0.61 2.15 16.83

2011-12 BRA 35 33.15 64.93 30.54 84.35 5.17 3.51 1.77 0.54 1.71 17.74

2012-13 BRA 33 31.85 60.63 30.05 76.52 4.67 3.58 1.55 0.55 1.67 13.94

Média da Carreira 185 33.14 62.88 31.52 79.18 5.12 3.34 1.50 0.65 1.81 17.00

11 - Osimani

12 - Guilherme

Nome: Martín Osimani Nasc.: 22/05/1981 | Montevidéo/URU Altura: 1,94m Posição: Armador Clube de origem: Univ. de Utah (EUA) Clubes anteriores: Biguá (URU), Trota-

Nome: Guilherme Giovannoni Nasc.: 02/06/1980 | Piracicaba/SP Altura: 2,04m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Cristóvão Colombo (SP) Clubes anteriores: Rio Claro (SP),

mundos (VEN), San Germán (PUR), Halcones Xalapa (MEX), Soles (MEX) e Obras Sanitárias (ARG)

Pinheiros (SP), Fuenlabrada (ESP), Dijon (ESP), Rimini (ITA), BC Kiev (UCR) e Virtus Bologna (ITA) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA JOGOS 39 MIN 33.66 2P% 64.41 3P% 39.44 LL% 84.08 RT 7.56 AS 2.10 BR 0.74 TO 0.18 ET 1.85 PTOS 20.54

ESTREIA

2010-11 BRA 39 33.57 57.77 37.35 91.30 7.72 1.95 1.18 0.13 1.64 19.44

2011-12 BRA 36 32.30 60.54 43.86 82.07 6.17 1.83 1.03 0.42 1.86 17.53

2012-13 BRA 36 30.61 55.60 39.75 82.20 6.83 2.25 1.03 0.28 1.50 16.58

Média da Carreira 150 32.58 59.73 39.77 84.95 7.09 2.03 0.99 0.25 1.71 18.58

17 - Rossi

23 - Nezinho

Nome: Frederico Rossi dos Santos Nasc.: 09/04/1980 | Brasília/DF Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: Vizinhança (DF) Clubes anteriores: Brasília (DF), Casa

Nome: Welington R. dos Santos Nasc.: 21/01/1981 | Araraquara/SP Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Sesi (SP) Clubes anteriores: 22 de agosto (SP),

Branca (SP), Rio Claro (SP) e Minas (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 35 19 MIN 6.89 6.42 2P% 60.71 27.27 3P% 33.33 38.10 LL% 75.00 80.00 RT 0.71 1.11 AS 0.49 0.37 BR 0.34 0.21 TO 0.06 0.00 ET 0.74 0.26 PTOS 2.34 2.00

32

Preto (SP), San Antonio Spurs (NBA), New Orleans Hornets (NBA) e Macabbi Tel Aviv (Israel)

2010-11 BRA 37 9.72 38.89 45.12 75.00 0.89 0.35 0.43 0.05 0.38 3.46

2011-12 BRA 36 10.35 40.00 36.00 88.24 1.14 0.28 0.33 0.03 0.31 3.11

2012-13 BRA 32 10.37 41.67 45.76 80.00 1.31 0.41 0.41 0.13 0.19 3.09

Média da Carreira 159 8.98 44.94 40.66 80.70 1.02 0.38 0.36 0.06 0.39 2.89

Ribeirão Preto (SP), Limeira (SP), Brasília (DF) e Assis (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM BRA JOGOS 21 37 MIN 33.95 29.10 2P% 56.10 53.10 3P% 38.46 31.50 LL% 81.88 81.54 RT 2.24 2.43 AS 4.95 4.38 BR 1.57 1.51 TO 0.38 0.16 ET 3.62 2.65 PTOS 16.90 11.22

2010-11 BRA 37 35.71 44.59 32.72 85.53 2.89 6.49 2.14 0.22 3.32 14.30

2011-12 BRA 36 33.37 54.40 31.54 87.13 2.72 5.61 1.33 0.36 3.33 16.31

2012-13 BRA 33 31.93 45.14 41.79 84.43 3.15 6.30 1.45 0.09 3.24 17.70

Média da Carreira 164 32.72 50.29 35.17 84.29 2.72 5.59 1.61 0.23 3.20 15.06


4 - Arthur Nome: Arthur Luiz Belchor Silva Nasc.: 30/09/1982 | Brasília/DF Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Vizinhança (DF) Clubes anteriores: Continental (SP) e Ribeirão Preto (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 41 39 MIN 27.96 22.99 2P% 55.96 70.90 3P% 41.40 47.57 LL% 78.45 83.72 RT 3.10 2.77 AS 1.98 1.21 BR 0.93 0.79 TO 0.37 0.21 ET 2.07 1.54 PTOS 14.17 12.49

2010-11 BRA 41 29.33 64.93 47.92 76.27 2.61 1.56 0.78 0.15 1.34 13.93

2011-12 BRA 37 29.94 63.78 35.90 80.15 3.41 1.65 0.76 0.19 1.62 13.11

2012-13 BRA 35 27.98 63.73 45.27 80.46 2.74 1.51 1.03 0.17 1.23 14.77

Média da Carreira 193 27.63 63.65 43.65 79.44 2.92 1.59 0.85 0.22 1.57 13.68

33


30 - Max

33 - Goree

Nome: Maxwell Dias Ribeiro Nasc.: 07/05/1991 | Pelotas/RS Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Pelotas Basquetebol

Nome: Marcus Goree Nasc.: 11/10/1977 | Dallas/EUA Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: Univ. de West Virginia

Clubes anteriores: Pelotas Basquetebol

Clubes anteriores: Le Havre (FRA), Gran

Clube (RS)

Clube (RS) e Basquete Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 JOI 16 7.11 71.43 0.00 66.67 0.69 0.25 0.00 0.00 0.50 1.50

2012-13 JOI 14 9.50 76.92 0.00 40.91 0.71 0.14 0.14 0.14 0.71 3.50

Média da Carreira 30 8.22 75.00 0.00 46.43 0.70 0.20 0.07 0.07 0.60 2.43

(EUA)

Canaria (ESP), CSKA Moscow (RUS), Phantoms Braunschweig (ALE), PAOK (GRE) e Chloet (FRA)

ESTREIA

35 - Bruno Nome: Bruno Felipe Viana dos Santos Nasc.: 05/01/1993 | São Paulo/SP Altura: 1,88m Posição: Armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP),

Hebraica (SP) e Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAU 28 4.65 50.00 40.00 52.94 0.50 0.36 0.21 0.00 0.57 1.18

Média da Carreira 28 4.65 50.00 40.00 52.94 0.50 0.36 0.21 0.00 0.57 1.18

6 - Ronald 71 - Bala Nome: Fernando Santos de Jesus Nasc.: 24/04/1981 | Brasília/DF Altura: 2,00m Posição: Pivô Clube de origem: Gama (DF) Clubes anteriores: Universo (DF), Vasco

(RJ), Rio Claro (SP), Vila Velha (ES), Piracicaba (SP), Americana (SP), Lima (Peru) e São Sebastião do Paraíso (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

34

2010-11 -

2011-12 BRA 2 1.60 100.00 0.00 0.00 1.00 0.50 0.00 0.00 0.50 1.00

2012-13 BRA 8 3.42 100.00 0.00 0.00 0.50 0.00 0.13 0.00 0.25 0.75

Média da Carreira 10 3.06 100.00 0.00 0.00 0.60 0.10 0.10 0.00 0.30 0.80

Nome: Ronald Rudson Rodrigues Reis Nasc.: 23/12/1991 | Brasília/DF Altura: 2,07m Posição: Pivô Clube de origem: Lance Livre (DF) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA JOGOS 6 MIN 3.67 2P% 25.00 3P% 0.00 LL% 100.00 RT 1.00 AS 0.17 BR 0.17 TO 0.33 ET 0.33 PTOS 0.67

2010-11 BRA 9 6.06 40.00 0.00 62.50 2.78 0.22 0.11 0.33 0.44 2.33

2011-12 BRA 29 8.89 56.58 0.00 78.26 2.28 0.21 0.21 0.34 0.83 3.59

2012-13 BRA 36 11.54 61.68 0.00 83.33 3.33 0.14 0.25 0.61 0.58 4.64

Média da Carreira 80 9.37 57.00 0.00 80.00 2.71 0.18 0.21 0.46 0.64 3.70

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Franca 62 x 76 Brasília

10/12/2012

Uberlândia 95 x 89 Brasília

13/12/2012

Flamengo 102 x 88 Brasília

Playoffs Fase

Data

Jogo

29/04/2013 Quartas

São José 90 x 76 Brasília  Brasília 100 x 79 São José

15/12/2012

Tijuca 53 x 73 Brasília

01/05/2013 Quartas

20/12/2012

Brasília 97 x 89 Limeira

03/05/2013 Quartas

Brasília 91 x 76 São José

22/12/2012

10ª

Brasília 94 x 83 Joinville

06/05/2013 Quartas

São José 84 x 70 Brasília

05/01/2013

11ª

Palmeiras 78 x 88 Brasília

09/05/2013 Quartas

Brasília 81 x 98 São José

07/01/2013

12ª

Suzano 81 x 92 Brasília

10/01/2013

13ª

Brasília 96 x 99 Pinheiros

12/01/2013

14ª

Brasília 68 x 67 Paulistano

15/01/2013

Brasília 92 x 77 Basquete Cearense

17/01/2013

15ª

Minas 86 x 90 Brasília

19/01/2013

16ª

Espírito Santo 94 x 85 Brasília

21/01/2013

Brasília 86 x 75 Liga Sorocabana

24/01/2013

17ª

Brasília 94 x 67 Mogi das Cruzes

26/01/2013

18ª

Brasília 90 x 57 São José

28/01/2013

Brasília 80 x 60 Bauru

31/01/2013

19ª

Brasília 93 x 77 Franca

02/02/2013

20ª

Brasília 102 x 80 Uberlândia

16/02/2013

24ª

Liga Sorocabana 70 x 100 Brasília

18/02/2013

23ª

Bauru 79 x 90 Brasília

21/02/2013

25ª

Brasília 82 x 70 Flamengo

23/02/2013

26ª

Brasília 90 x 79 Tijuca

26/02/2013

21ª

Basquete Cearense 100 x 104 Brasília

07/03/2013

27ª

Limeira 77 x 80 Brasília

09/03/2013

28ª

Joinville 86 x 96 Brasília

14/03/2013

29ª

Brasília 99 x 81 Palmeiras

16/03/2013

30ª

Brasília 94 x 82 Suzano

19/03/2013

32ª

Paulistano 77 x 82 Brasília  Pinheiros 92 x 89 Brasília

28/03/2013

31ª

30/03/2013

36ª

São José 84 x 79 Brasília

04/04/2013

35ª

Mogi das Cruzes 91 x 96 Brasília

07/04/2013

33ª

Brasília 81 x 86 Minas

16/04/2013

34ª

Brasília 102 x 76 Espírito Santo

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

88.59

2

Rebotes

32.85

3

Ranking

Assistências

17.21

2

2 Pontos (%)

55,6

4

3 Pontos (%)

39.04

4

Lance Livre (%)

79.36

3

Tocos

3.05

3

Roubos de Bola

7.31

7

Erros

12.87

13

Faltas

22.31

17

Pontos Sofridos

80.49

12

35


Temporada 2013-14 Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

09/11/2013

Flamengo x Brasília

23/01/2014

19ª

Brasília x Flamengo

21/11/2013

Brasília x Basquete Cearense

25/01/2014

20ª

Brasília x Macaé Basquete

23/11/2013

Brasília x Mogi das Cruzes

30/01/2014

21ª

Basquete Cearense x Brasília

03/12/2013

Franca x Brasília

Mogi das Cruzes x Brasília

22ª 23ª

Brasília x Franca

08/02/2014

24ª

Brasília x Uberlândia

Goiânia x Brasília

09/12/2013

Uberlândia x Brasília

12/12/2013

Brasília x Pinheiros

15/02/2014

26ª

Brasília x Goiânia

14/12/2013

10ª

Brasília x Palmeiras

25/02/2014

27ª

Pinheiros x Brasília

16/12/2013

Macaé Basquete x Brasília

27/02/2014

28ª

Palmeiras x Brasília

19/12/2013

11ª

Paulistano x Brasília

06/03/2014

29ª

Brasília x Paulistano

07/12/2013

36

01/02/2014 06/02/2014

21/12/2013

12ª

Liga Sorocabana x Brasília

08/03/2014

30ª

Brasília x Liga Sorocabana

05/01/2014

13ª

Brasília x Espírito Santo

13/03/2014

31ª

Espírito Santo x Brasília

07/01/2014

14ª

Brasília x Minas

15/03/2014

32ª

Minas x Brasília

11/01/2014

15ª

São José x Brasília

20/03/2014

33ª

Brasília x São José

16/01/2014

17ª

Brasília x Bauru

27/03/2014

35ª

Bauru x Brasília

18/01/2014

18ª

Brasília x Limeira

29/03/2014

36ª

Limeira x Brasília


ESPรRITO SANTO Nยบ

Nome

Nยบ

Nome

Nยบ

Nome

6

Vitor Miranda

15

Gorauskas

32

Arnaldinho

7

Mateus

17

Rashaun

33

Eddy

8

Matheus

18

Gaspar

34

Rafael

11

Muojeke

21

Robson

12

Daniel Costa

23

Collins


O projeto do Centro de Treinamento Arremessando para o Futuro (CETAF) foi criado no ano de 2002, voltado para o desenvolvimento de talentos desde as categorias de base. Dois anos mais tarde, o trabalho com o time adulto foi iniciado. A equipe participou das cinco primeiras temporadas do NBB com o nome de Vila Velha/Cetaf, mas agora, após uma fusão entre Prefeituras de Vila Velha e Vitória e o Governo do Estado do Espírito Santo, o time passa a ser chamado de Espírito Santo Basquetebol. E não foi só o nome da agremiação que passou por mudanças, pois o elenco do

Uniformes

único representante capixaba na competição também foi completamente reformulado. A diretoria apostou em jogadores nascidos no Espírito Santo, como o ala Eddy, exPaulistano, e o pivô Ricardo Gaspar, que já atuou em quatro temporadas do NBB. Além dos atletas capixabas, o Espírito Santo Basquetebol agregou ao seu plantel o experiente armador Arnaldinho, que esteve presente em todas as edições do NBB, e o trio norte-americano composto pelo ala Rashaun McLemore, o ala/pivô Afam Muojeke e o armador C.J. Collins. Para comandar este elenco cheio de novidades, a diretoria apostou em João Batista, assistente técnico do Flamengo durante sete anos, e que agora, terá a missão de comandar o Espírito Santo Basquetebol em sua primeira experiência como treinador principal.

Títulos Tricampeão Capixaba 2005, 2010 e 2012

Campeão do Torneio Aberto 2004

Campeão da Copa 2004

Campeão do Torneio de Ano Novo 2007

Ficha Técnica Centro de Treinamento Arremessando para o Futuro Fundado em

15/05/2000 Endereço:

Rua Humaitá, 12 Divino Espírito Santo - Vila Velha/ES Tel.: 27 3289-8060 Ginásio Municipal João Goulart (Tartarugão) Rua Itaiaba, s/n° Coqueiral de Itaparica - Vila Velha/ES www.cetaf.com.br E-mail

cetaf@cetaf.com.br @Cetaf_ES Presidente

Luiz Felipe Faria de Azevedo Assessoria de Imprensa

38

Margareth Santos imprensa@cetaf.com.br


João Batista Treinador Como jogador, João Batista Guia teve passagens por diversos clubes importantes do basquete brasileiro, mas onde ele realmente fez história foi no Corinthians de Santa Cruz do Sul (RS). Comandado pelo lendário técnico Ary Vidal, ele foi o armador titular na conquista do título nacional em 1994. O sucesso com a camisa do time gaúcho lhe rendeu, inclusive, convocações para a Seleção Brasileira. Fora das quadras, João Batista teve sua primeira experiência como auxiliar técnico no Flamengo em 2004, dois anos depois de se aposentar da carreira de atleta.

Após uma breve saída, retornou em 2006 e ficou até a última temporada, quando sagrouse campeão da quinta edição do NBB como assistente técnico de José Neto. Aos 52 anos, o novo técnico do Espírito Santo viverá sua primeira experiência como treinador de uma equipe da elite do basquete do Brasil e a expectativa é grande em cima dele.

Equipe Técnica Márcio Azevedo Luiz Felipe Azevedo Filho Assistentes Técnicos

João Victor Botelho de Freitas Preparador Físico

Luiz Felipe Azevedo Fernando Grijó Supervisores

Marcelo Nogueira Rosa de Faria Fisioterapeuta

Mariana Piumbini Azevedo Médica

Raphael Alípio Mordomo

Patrocinadores

39


6 - Vitor Miranda

8 - Matheus

Nome: Vitor Christ de Miranda Nasc.: 22/02/1995 | Vila Velha/ES Altura: 1,75m Posição: Armador Clube de origem: Cetaf (ES) Clubes anteriores: -

Nome: Matheus Luxinger Gomes Nasc.: 21/01/1995 | Serra/ES Altura: 1,96m Posição: Ala Clube de origem: Cetaf (ES) Clubes anteriores: -

ESTREIA

ESTREIA

11 - Muojeke

12 - Daniel Costa

Nome: Afam James Muojeke Nasc.: 27/07/1987 | Queens/EUA Altura: 2,03m Posição: Ala Clube de origem: Universidade de

Nome: Daniel N. Costa Souza Nasc.: 27/02/1981 | Duque de Caxias/RJ Altura: 2,04m Posição: Pivô Clube de origem: Flamengo (RJ) Clubes anteriores: Assis (SP), Rio Claro

Wyoming (EUA)

(SP), Bauru (SP), Biguá Montevideo (URU), Liga Sorocabana (SP), Vila Velha (ES) e Jacareí (SP)

Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU JOGOS 31 MIN 21.89 2P% 56.10 3P% 25.00 LL% 64.71 RT 5.03 AS 0.29 BR 0.19 TO 0.58 ET 1.16 PTOS 7.45 -

ESTREIA

2011-12 ARA 27 19.13 51.20 0.00 74.51 3.89 0.59 0.26 0.56 1.48 7.70

2012-13 VIV 33 24.19 51.47 100.00 71.95 5.67 0.52 0.67 0.42 1.30 8.24

Média da Carreira 115 20.33 52.85 33.33 71.13 4.59 0.42 0.35 0.50 1.19 7.34

15 - Gorauskas

17 - Rashaun

Nome: Douglas Grokala Gorauskas Nasc.: 24/02/1983 | São Paulo/SP Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: XV de Piracicaba (SP) Clubes anteriores: São José (SP), Franca

Nome: Rashaun Durrell McLemore Nasc.: 13/05/1983 | Richmond/EUA Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: California State

(SP), Liga Sorocabana (SP), BBC Lyon (SUI) e Walter Tigers (ALE)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA JOGOS 27 MIN 10.47 2P% 51.90 3P% 14.29 LL% 77.42 RT 1.78 AS 0.33 BR 0.37 TO 0.15 ET 0.63 PTOS 4.04 -

40

2010-11 ARA 24 14.37 53.06 0.00 76.32 3.33 0.25 0.21 0.42 0.75 5.54

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 -

Média da Carreira 27 10.47 51.90 14.29 77.42 1.78 0.33 0.37 0.15 0.63 4.04

Northridge College (EUA) Clubes anteriores: Huricane (MEX), América de Rio Preto (SP) e Tijuca (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 TIJ 18 26.25 49.49 29.76 70.31 3.11 1.33 0.94 0.00 1.33 12.11

Média da Carreira 18 26.25 49.49 29.76 70.31 3.11 1.33 0.94 0.00 1.33 12.11


33 - Eddy Nome: Edwanderson Carvalho Nasc.: 29/03/1987 | Vitória/ES Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: Saldanha da Gama (ES) Clubes anteriores: Araraquara (SP), Bauru (SP), Vitória (ES) e

Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE SAL BAU JOGOS 28 29 MIN 28.81 20.41 2P% 53.55 51.30 3P% 32.00 35.00 LL% 51.77 71.19 RT 2.79 2.83 AS 1.79 1.45 BR 1.39 0.45 TO 0.50 0.24 ET 2.89 1.17 PTOS 16.68 8.41

2010-11 VIT 25 27.00 54.55 33.09 71.76 2.72 1.08 0.92 0.24 1.80 13.72

2011-12 PAU 20 21.69 66.00 46.15 78.79 2.95 0.60 0.35 0.30 0.80 9.10

2012-13 PAU 42 19.78 57.60 36.27 68.75 3.14 0.86 0.60 0.05 0.93 7.38

Média da Carreira 144 23.18 55.13 35.12 64.57 2.91 1.16 0.74 0.24 1.49 10.74

41


18 - Gaspar

21 - Robson

Nome: Ricardo dos Santos Gaspar Nasc.: 02/11/1984 |Vitória/ES Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Saldanha da Gama (ES) Clubes anteriores: Vila Velha (ES),

Nome: Robson Coimbra Vesper Nasc.:09/01/1991 |Belo Horizonte/MG Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Colégio Magnum (MG) Clubes anteriores: Vila Velha (ES),

Bauru (SP), Vitória (ES), Internacional de Regatas (SP), Suzano (SP), Fluminense (RJ) e Rio Claro (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE VIV BAU JOGOS 25 25 MIN 10.37 9.34 2P% 71.15 56.10 3P% 31.25 42.11 LL% 43.48 66.67 RT 2.92 2.36 AS 0.24 0.16 BR 0.20 0.20 TO 0.36 0.28 ET 0.64 0.32 PTOS 3.96 2.88

2010-11 VIT 26 20.03 54.95 32.08 61.76 4.65 0.31 0.50 0.73 1.27 7.46

2011-12 -

2012-13 SUZ 19 29.45 52.63 36.05 75.00 5.11 0.89 0.79 0.79 1.74 10.68

Média da Carreira 95 16.56 57.50 35.06 63.00 3.68 0.37 0.40 0.53 0.95 5.98

Vitória (ES) e Minas (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE VIV JOGOS 2 MIN 0.72 2P% 0.00 3P% 0.00 LL% 0.00 RT 0.00 AS 0.00 BR 0.00 TO 0.00 ET 0.00 PTOS 0.00

2010-11 VIV 23 9.46 44.83 10.00 55.00 0.65 0.26 0.26 0.04 0.70 1.74

2011-12 -

2012-13 MIN 4 0.62 0.00 100.00 0.00 0.00 0.25 0.00 0.00 0.00 0.75

Média da Carreira 29 7.64 44.83 15.38 55.00 0.52 0.24 0.21 0.03 0.55 1.48

23 - Collins Nome: Curry James Collins Nasc.: 15/11/1988 | Louisiana/EUA Altura: 1,80m Posição: Armador Clube de origem: McNesse State

College (EUA)

Clubes anteriores: Dusseldorf (ALE),

Sayri (FIN) e Valur (ISL)

ESTREIA

32 - Arnaldinho 34 - Rafael Nome: Rafael Mauro Nasc.: 26/08/1992 | Araraquara/SP Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Araraquara (SP) Clubes anteriores: Pindamonhangaba

(SP) e Taubaté (SP)

Nome: Arnaldo de Souza Moreira Filho Nasc.: 21/10/1078 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,87m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Botafogo (RJ) Clubes anteriores: Tijuca (RJ), Limeira (SP),

Araraquara (SP), São Bernardo (SP), Minas (MG) e Assis (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA ARA JOGOS 5 27 MIN 29.68 28.97 2P% 50.00 53.28 3P% 25.71 31.07 LL% 64.00 79.61 RT 2.20 1.63 AS 3.40 4.37 BR 1.80 1.22 TO 0.00 0.22 ET 1.80 2.04 PTOS 15.00 16.00

ESTREIA 42

2010-11 MIN 32 24.41 52.58 25.15 83.87 1.81 1.44 0.88 0.03 1.09 8.84

2011-12 TIJ 6 25.38 54.55 25.81 78.57 1.67 1.83 1.00 0.00 1.50 9.83

2012-13 TIJ 28 22.40 43.04 31.50 88.89 1.75 1.54 0.68 0.00 1.25 8.71

Média da Carreira 98 25.42 50.68 28.65 81.01 1.76 2.40 0.97 0.07 1.46 11.15

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Espírito Santo 61 x 82 Flamengo

26/11/2012

Espírito Santo 58 x 56 Tijuca

29/11/2012

Limeira 88 x 87 Espírito Santo

01/12/2012

Joinville 99 x 80 Espírito Santo

06/12/2012

Espírito Santo 68 x 59 Palmeiras

08/12/2012

Espírito Santo 86 x 89 Suzano

13/12/2012

Pinheiros 92 x 90 Espírito Santo

15/12/2012

Paulistano 80 x 90 Espírito Santo

20/12/2012

Espírito Santo 82 x 84 Minas

05/01/2013

11ª

Espírito Santo 92 x 85 Mogi das Cruzes

07/01/2013

12ª

Espírito Santo 86 x 93 São José

10/01/2013

13ª

Franca 96 x 86 Espírito Santo

12/01/2013

14ª

Uberlândia 73 x 64 Espírito Santo

17/01/2013

15ª

Espírito Santo 85 x 94 Basquete Cearense

19/01/2013

16ª

Espírito Santo 94 x 85 Brasília

24/01/2013

17ª

Bauru 85 x 70 Espírito Santo

26/01/2013

18ª

Liga Sorocabana 82 x 76 Espírito Santo

31/01/2013

19ª

Flamengo 96 x 77 Espírito Santo

02/02/2013

20ª

Tijuca 82 x 74 Espírito Santo

05/02/2013

21ª

Espírito Santo 72 x 64 Limeira

07/02/2013

22ª

Espírito Santo 67 x 59 Joinville

14/02/2013

23ª

Palmeiras 87 x 65 Espírito Santo

16/02/2013

24ª

Suzano 88 x 94 Espírito Santo

21/02/2013

25ª

Espírito Santo 74 x 78 Pinheiros

23/02/2013

26ª

Espírito Santo 120 x 126 Paulistano

07/03/2013

27ª

Minas 95 x 72 Espírito Santo

14/03/2013

29ª

Mogi das Cruzes 76 x 85 Espírito Santo

16/03/2013

30ª

São José 106 x 87 Espírito Santo

23/03/2013

32ª

Espírito Santo 66 x 84 Uberlândia  Espírito Santo 64 x 87 Franca

25/03/2013

31ª

04/04/2013

35ª

Espírito Santo 79 x 88 Bauru

06/04/2013

36ª

Espírito Santo 88 x 82 Liga Sorocabana

13/04/2013

33ª

Basquete Cearense 77 x 75 Espírito Santo

16/04/2013

34ª

Brasília 102 x 76 Espírito Santo

Playoffs Não participou dos playoffs no NBB 2012-13

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

79.12

10

Rebotes

30.29

10

Assistências

11.12

15

2 Pontos (%)

49,18

15

3 Pontos (%)

32.36

16

Lance Livre (%)

78.59

4

Tocos

1.38

17

Roubos de Bola

7.65

5

Erros

13.71

15

Faltas

19.68

7

Pontos Sofridos

85.26

17

43


Temporada 2013-14

44

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

16/11/2013

Espírito Santo x Minas

25/01/2014

20ª

Minas x Espírito Santo

23/11/2013

Espírito Santo x São José

01/02/2014

22ª

São José x Espírito Santo

28/11/2013

Limeira x Espírito Santo

06/02/2014

23ª

Espírito Santo x Limeira

30/11/2013

Bauru x Espírito Santo

08/02/2014

24ª

Espírito Santo x Bauru

05/12/2013

Espírito Santo x Macaé Basquete

13/02/2014

25ª

Macaé Basquete x Espírito Santo

07/12/2013

Espírito Santo x Flamengo

15/02/2014

26ª

Flamengo x Espírito Santo

12/12/2013

Mogi das Cruzes x Espírito Santo

25/02/2014

27ª

Espírito Santo x Mogi das Cruzes

14/12/2013

10ª

Basquete Cearense x Espírito Santo

27/02/2014

28ª

Espírito Santo x Basquete Cearense

19/12/2013

11ª

Espírito Santo x Uberlândia

06/03/2014

29ª

Uberlândia x Espírito Santo

21/12/2013

12ª

Espírito Santo x Franca

08/03/2014

30ª

Franca x Espírito Santo

05/01/2014

13ª

Brasília x Espírito Santo

13/03/2014

31ª

Espírito Santo x Brasília

07/01/2014

14ª

Goiânia x Espírito Santo

15/03/2014

32ª

Espírito Santo x Goiânia

11/01/2014

15ª

Espírito Santo x Palmeiras

20/03/2014

33ª

Palmeiras x Espírito Santo

13/01/2014

16ª

Espírito Santo x Pinheiros

22/03/2014

34ª

Pinheiros x Espírito Santo

16/01/2014

17ª

Liga Sorocabana x Espírito Santo

27/03/2014

35ª

Espírito Santo x Liga Sorocabana

18/01/2014

18ª

Paulistano x Espírito Santo

29/03/2014

36ª

Espírito Santo x Paulistano


FLAMENGO Nº

Nome

Nome

4

Marcelinho

9

Chupeta

19

Nome Gegê

5

Danielzinho

11

Marquinhos

20

Douglas

6

Shilton

12

Diego

21

Felício

7

Laprovittola

13

Leo

33

Fernando

8

Benite

16

Olivinha

55

Meyinsse


O Clube de Regatas do Flamengo é uma das maiores agremiações do País e seu histórico no basquete faz jus ao tamanho da nação rubro-negra. Desde 1919, grandes nomes do basquete nacional passam pelo clube carioca, como o técnico Kanela, que acumulou títulos na década de 50, e o ala Oscar Schmidt, que encerrou sua gloriosa carreira atuando pelo Flamengo em 2003. Na temporada passada, os cariocas levantaram seu segundo troféu de campeão do NBB e visando defender o título, a equipe manteve suas principais peças do elenco,

Uniformes

como o ala Marquinhos, eleito o melhor jogador do último campeonato, o ala Marcelinho Machado, o ala/pivô Olivinha, o pivô Shilton, o ala/armador Benite e o jovem armador Gegê. Além da manutenção do elenco, o clube rubro-negro fez poucas mas boas contratações: o armador da seleção argentina Nicolás Laprovittola, de 23 anos, o pivô norte-americano Jerome Meyinsse, e o pivô Cristiano Felício, de 21 anos, uma das joias do basquete brasileiro, convocado para disputar a Copa América 2013 pela Seleção Brasileira principal. Quem tem a missão de manter este time nos eixos e guiá-los a mais um título do NBB é o técnico José Neto, auxiliar-técnico de Rubén Magnano na Seleção Brasileira.

Títulos Bicampeão do NBB

2008/2009 e 2012/2013

Campeão da Liga Sul-Americana 2009

Bicampeão Sul-Americano 1953 e 1961

Pentacampeão Brasileiro - CBB 1934, 49, 51, 53 e 2008

39 vezes Campeão Carioca Bicampeão da LDB 2011 e 2013

Ficha Técnica Clube de Regatas do Flamengo Fundado em

15/11/1895 Endereço:

Av. Borges de Medeiros, 997 Lagoa - Rio de Janeiro/RJ Tel.: 21 2159-0100 Ginásio Hélio Maurício (Gávea) Av. Borges de Medeiros, 997 Lagoa - Rio de Janeiro/RJ www.flamengo.com.br/site/basquete E-mail

esp.amador@flamengo.com.br @CR_Flamengo Presidente

Eduardo Bandeira de Mello Assessoria de Imprensa

46

Raiana Monteiro raianamonteiro@flamengo.com.br


José Neto Treinador José Alves Neto iniciou a carreira como treinador no ano de 1992, no Paulistano. Trabalhou até 2001 nas categorias de base do clube onde, por suas mãos, passou o armador da Seleção Brasileira, Marcelinho Huertas. Em 2001, assumiu o cargo de técnico da equipe principal do Paulistano, função que exerceu até 2007. Neto passou também pelo comando da Ulbra, primeiro em São Bernardo (SP), depois em Rio Claro (SP), para mais para frente dirigir o Palmeiras e o Joinville, no NBB 4.

Fora do clube, José Neto também exerce a função de assistente técnico do argentino Ruben Magnano na Seleção Brasileira masculina e esteve presente na campanha dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012 e na Copa América 2013.

Em sua segunda temporada no comando do Flamengo, o técnico atual campeão do NBB vai em busca de mais um título nacional. Se conseguir este feito, o treinador se igualará ao ex-treinador do Brasília, José Carlos Vidal, único dono de dois troféus do campeonato.

Equipe Técnica Rodrigo Silva

Assistente Técnico

Diego Falcão Rafael Bernadelli

Preparadores Físicos

André Guimarães Supervisor

Ricardo Machado Fisioterapeuta

João da Silva “Michila” Massagista

Patrocinadores

47


6 - Shilton

7 - Laprovittola

Nome: Shilton A. dos Santos Nasc.: 10/08/1982 | Cuiabá/MT Altura: 1,98m Posição: Pivô Clube de origem: Monte Líbano (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP),

Nome: Nicolás Laprovittola Nasc.: 31/01/1990 | Morón/ARG Altura: 1,86m Posição: Armador Clube de origem: Lanús (ARG) Clubes anteriores: -

Londrina (PR), Campos (RJ), São Bernardo (SP) e Joinville (SC) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI JOI JOGOS 30 31 MIN 35.39 31.78 2P% 58.01 51.15 3P% 0.00 0.00 LL% 57.46 46.81 RT 11.87 7.61 AS 2.70 1.71 BR 1.20 0.94 TO 0.67 0.35 ET 2.17 1.77 PTOS 12.40 9.29

2010-11 JOI 36 28.00 58.69 20.00 54.89 8.50 1.75 0.64 0.14 1.42 9.06

2011-12 JOI 38 27.19 56.27 0.00 60.47 7.11 1.18 0.76 0.13 1.68 10.53

2012-13 FLA 32 17.04 55.00 0.00 52.24 4.06 0.81 0.25 0.16 1.06 4.53

Média da Carreira 167 27.74 55.96 14.29 55.04 7.77 1.60 0.75 0.28 1.61 9.17

8 - Benite

9 - Chupeta

Nome: Vitor Alves Benite Nasc.: 20/02/1990 | Jundiaí/SP Altura: 1,90m Posição: Armador Clube de origem: Flamengo (RJ) Clubes anteriores: Bauru (SP), Rio

Nome: Luís Otávio da Silva Vieira Nasc.: 09/03/1992 | Italva/RJ Altura: 1,97m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Fluminense (RJ) Clubes anteriores: -

Claro (SP), Pinheiros (SP), Franca (SP) e Limeira (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN FRA JOGOS 24 26 MIN 28.12 26.65 2P% 42.03 43.18 3P% 43.48 31.62 LL% 65.45 74.65 RT 2.17 2.42 AS 2.29 2.19 BR 0.96 0.73 TO 0.21 0.27 ET 1.17 1.23 PTOS 8.92 10.69

2010-11 FRA 34 28.11 56.28 40.65 82.03 2.26 2.59 0.91 0.09 1.71 14.71

2011-12 LIM 33 32.31 50.90 37.58 86.67 2.55 3.39 1.33 0.09 1.76 15.09

2012-13 FLA 41 28.61 48.72 45.63 77.05 2.61 1.80 1.29 0.07 1.15 13.20

Média da Carreira 158 28.88 49.52 39.97 79.03 2.42 2.44 1.08 0.13 1.41 12.85

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FLA 5 3.09 50.00 0.00 33.33 1.20 0.00 0.00 0.00 0.00 0.60

Média da Carreira 5 3.09 50.00 0.00 33.33 1.20 0.00 0.00 0.00 0.00 0.60

12 - Diego

16 - Olivinha

Nome: Diego Marques Rezende Nasc.: 17/03/1992 | Rondonópolis/MT Altura: 1,92m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Fluminense (RJ) Clubes anteriores: Limeira (SP)

Nome: Carlos A. R. do Nascimento Nasc.: 18/04/1983 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Flamengo (RJ) Clubes anteriores: Barreteros (MEX),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

48

ESTREIA

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FLA 19 4.67 50.00 25.00 50.00 0.53 0.32 0.05 0.00 0.47 1.37

Média da Carreira 19 4.67 50.00 25.00 50.00 0.53 0.32 0.05 0.00 0.47 1.37

Uberlândia (MG) e Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN PIN JOGOS 31 32 MIN 36.30 35.31 2P% 59.59 58.90 3P% 40.29 34.69 LL% 76.39 81.87 RT 10.26 10.72 AS 1.65 1.84 BR 1.39 1.16 TO 0.19 0.75 ET 2.16 2.16 PTOS 20.19 20.19

2010-11 PIN 34 32.20 63.41 35.61 77.95 8.50 1.50 0.97 0.26 2.06 17.35

2011-12 PIN 38 29.59 61.82 26.09 78.52 7.11 1.66 1.13 0.37 1.58 14.39

2012-13 FLA 43 28.81 63.41 32.46 71.63 8.21 1.35 0.67 0.16 1.21 13.40

Média da Carreira 178 32.10 61.39 34.16 77.52 8.84 1.58 1.04 0.34 1.79 16.77


11 - Marquinhos Nome: Marcus Vinícius Vieira de Souza Nasc.: 31/05/1984 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,07m Posição: Ala Clube de origem: Monte Líbano (SP) Clubes anteriores: Corinthians (SP), Premiata Montegranaro

(ITA), São Carlos (SP), New Orleans Hornets (NBA), Sutor Basket Montegranaro (ITA) e Pinheiros (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN JOGOS 31 MIN 38.03 2P% 55.09 3P% 38.54 LL% 81.86 RT 5.52 AS 4.74 BR 1.74 TO 0.23 ET 3.45 PTOS 22.84 -

2010-11 PIN 36 33.84 61.69 37.75 85.99 3.67 3.25 1.47 0.44 2.47 21.47

2011-12 PIN 38 32.43 53.56 40.96 76.44 3.92 2.92 1.16 0.18 2.24 17.34

2012-13 FLA 43 31.46 60.13 43.18 80.54 4.65 2.63 1.09 0.21 1.63 20.28

Média da Carreira 148 33.66 57.94 40.17 81.10 4.41 3.30 1.34 0.26 2.37 20.35

49


19 - Gegê

20 - Douglas

Nome: George F. T. Homem Chaia Nasc.: 03/02/1991 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,88m Posição: Armador Clube de origem: Tijuca (RJ) Clubes anteriores: Torrerron (ESP),

Nome: Douglas Corrêa dos Santos Nasc.: 22/03/1991 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Clube Central (RJ) Clubes anteriores: Tarragona (ESP),

Flamengo (RJ) e Tijuca (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 TIJ 31 18.29 47.37 29.55 67.31 1.68 1.74 1.03 0.03 0.81 4.81

2012-13 FLA 43 17.04 39.39 29.91 79.49 1.81 1.93 0.65 0.02 0.93 3.56

Média da Carreira 74 17.56 43.66 29.74 72.53 1.76 1.85 0.81 0.03 0.88 4.08

Palmeiras (SP) e São Caetano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FLA 8 3.70 33.33 0.00 12.50 0.75 0.00 0.13 0.13 0.25 0.63

Média da Carreira 8 3.70 33.33 0.00 12.50 0.75 0.00 0.13 0.13 0.25 0.63

21 - Felício Nome: Cristiano Silva Felício Nasc.: 07/07/1992 | Pouso Alegre/MG Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Minas (MG) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE MIN JOGOS 1 MIN 0.68 2P% 0.00 3P% 0.00 LL% 0.00 RT 0.00 AS 0.00 BR 0.00 TO 0.00 ET 0.00 PTOS 0.00

2010-11 MIN 9 8.07 57.14 0.00 42.86 2.22 0.11 0.22 0.33 1.56 2.11

2011-12 MIN 26 19.25 65.19 0.00 73.61 4.58 0.38 0.58 1.04 1.69 8.81

2012-13 -

Média da Carreira 36 15.94 64.00 0.00 70.89 3.86 0.31 0.47 0.83 1.61 6.89

4 - Marcelinho 55 - Meyinsse Nome: Jerome Dieu Donne Meyinsse Nasc.: 18/12/1988 |Baton Rouge/EUA Altura: 2,07m Posição: Pivô Clube de origem: Univ. de Virginia (EUA) Clubes anteriores: 9 de Julio (ARG),

Sionista (ARG), Weber Estudiantes, Regatas Corrientes (ARG)

ESTREIA 50

Nome: Marcelo Magalhães Machado Nasc.: 12/04/1975 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,00m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Fluminense (RJ) Clubes anteriores: Botafogo(RJ), Ginástico

(MG), Rimini Crabs (ITA), Telemar (RJ), Uberlândia (MG) e Zalgiris Kaunas (LIT)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 39 38 MIN 37.17 36.46 2P% 57.24 52.72 3P% 42.98 42.25 LL% 86.67 83.26 RT 6.23 6.24 AS 3.36 2.79 BR 2.03 2.05 TO 0.18 0.18 ET 1.87 1.92 PTOS 26.85 25.95

2010-11 FLA 35 33.26 54.07 39.78 85.60 4.91 3.34 1.69 0.09 2.03 26.23

2011-12 FLA 32 34.08 49.79 35.93 85.35 3.78 3.72 1.44 0.09 1.78 20.59

2012-13 FLA 1 12.02 100.00 0.00 0.00 2.00 2.00 1.00 0.00 3.00 2.00

Média da Carreira 145 35.19 53.69 40.55 85.34 5.34 3.28 1.81 0.14 1.91 24.91

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Playoffs

Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Espírito Santo 61 x 82 Flamengo

10/12/2012

Franca 77 x 82 Flamengo

13/12/2012

Flamengo 102 x 88 Brasília

15/12/2012

Flamengo 86 x 61 Basquete Cearense

02/05/2013 Quartas

Flamengo 80 x 76 Paulistano

17/12/2012

Flamengo 70 x 64 Mogi das Cruzes

04/05/2013 Quartas

Flamengo 84 x 64 Paulistano

20/12/2012

Liga Sorocabana 59 x 87 Flamengo

14/05/2013 Semifinal

São José 80 x 72 Flamengo

22/12/2012

10ª

Bauru 97 x 102 Flamengo

17/05/2013 Semifinal

Flamengo 100 x 84 São José

05/01/2013

11ª

Tijuca 70 x 94 Flamengo

19/05/2013 Semifinal

Flamengo 106 x 86 São José

23/05/2013 Semifinal

São José 96 x 88 Flamengo

Fase

Data

29/04/2013 Quartas

10/01/2013

13ª

Flamengo 94 x 67 Joinville

25/05/2013 Semifinal

12/01/2013

14ª

Flamengo 98 x 81 Limeira

01/06/2013

14/01/2013

Flamengo 83 x 75 São José

17/01/2013

15ª

Suzano 74 x 105 Flamengo

19/01/2013

16ª

Palmeiras 61 x 106 Flamengo

21/01/2013

Minas 90 x 105 Flamengo

24/01/2013

17ª

Flamengo 94 x 70 Paulistano

26/01/2013

18ª

Flamengo 102 x 85 Pinheiros

28/01/2013

Uberlândia 78 x 87 Flamengo

31/01/2013

19ª

Flamengo 96 x 77 Espírito Santo

02/02/2013

20ª

Flamengo 90 x 77 Minas

05/02/2013

21ª

São José 82 x 84 Flamengo

16/02/2013

24ª

Flamengo 86 x 91 Franca

18/02/2013

23ª

Flamengo 79 x 66 Uberlândia

21/02/2013

25ª

Brasília 82 x 70 Flamengo

23/02/2013

26ª

Basquete Cearense 82 x 101 Flamengo

04/03/2013

22ª

Mogi das Cruzes 64 x 86 Flamengo

07/03/2013

27ª

Flamengo 102 x 64 Liga Sorocabana

09/03/2013

28ª

Flamengo 74 x 89 Bauru  Joinville 72 x 99 Flamengo

21/03/2013

31ª

23/03/2013

32ª

Limeira 75 x 80 Flamengo

28/03/2013

34ª

Flamengo 81 x 61 Palmeiras

01/04/2013

36ª

Pinheiros 93 x 91 Flamengo

04/04/2013

35ª

Paulistano 93 x 94 Flamengo

08/04/2013

29ª

Flamengo 107 x 103 Tijuca

10/04/2013

33ª

Flamengo 89 x 56 Suzano

Final

Jogo Paulistano 91 x 100 Flamengo

Flamengo 88 x 76 São José  Flamengo 77 x 70 Uberlândia

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

90.30

1

Rebotes

33.42

1

Assistências

14.14

8

2 Pontos (%)

57,4

2

3 Pontos (%)

38.56

5

Lance Livre (%)

75.12

10

Tocos

1.42

16

Roubos de Bola

7.09

9

Erros

11.72

5

Faltas

19.33

6

Pontos Sofridos

76.93

2

51


Temporada 2013-14

52

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

09/11/2013

Flamengo x Brasília

23/01/2014

19ª

Brasília x Flamengo

16/11/2013

Flamengo x Goiânia

25/01/2014

20ª

Goiânia x Flamengo

21/11/2013

Palmeiras x Flamengo

30/01/2014

21ª

Flamengo x Palmeiras

23/11/2013

Pinheiros x Flamengo

01/02/2014

22ª

Flamengo x Pinheiros

28/11/2013

Flamengo x Liga Sorocabana

06/02/2014

23ª

Liga Sorocabana x Flamengo Paulistano x Flamengo

30/11/2013

Flamengo x Paulistano

08/02/2014

24ª

05/12/2013

Minas x Flamengo

13/02/2014

25ª

Flamengo x Minas

07/12/2013

Espírito Santo x Flamengo

15/02/2014

26ª

Flamengo x Espírito Santo

14/12/2013

10ª

Flamengo x São José

27/02/2014

28ª

São José x Flamengo

19/12/2013

11ª

Limeira x Flamengo

06/03/2014

29ª

Flamengo x Limeira

21/12/2013

12ª

Bauru x Flamengo

08/03/2014

30ª

Flamengo x Bauru

07/01/2014

13ª

Flamengo x Macaé Basquete 15/03/2014

32ª

Macaé Basquete x Flamengo

11/01/2014

15ª

Flamengo x Mogi das Cruzes

20/03/2014

33ª

Mogi das Cruzes x Flamengo

13/01/2014

16ª

Flamengo x Basquete Cearense

22/03/2014

34ª

Basquete Cearense x Flamengo

16/01/2014

17ª

Uberlândia x Flamengo

27/03/2014

35ª

Flamengo x Uberlândia

18/01/2014

18ª

Franca x Flamengo

29/03/2014

36ª

Flamengo x Franca


FRANCA Nº

Nome

Nome

Nome

4

Cauê Borges

11

Ricci

17

Lucas Mariano

5

Feliz

12

André

20

Lucas Marciel

7

Jhonatan

13

Basden

23

Léo Meindl

8

Figueroa

15

Paulão

35

Maique

9

Jefferson

16

João Pedro

55

Antônio


Franca é conhecida como a capital do basquete e não a toa que tem estampado na bandeira da cidade o instrumento preferido da população: a bola de basquete. Equipe de muita tradição na modalidade, o Franca Basquetebol Clube é um dos times mais vitoriosos do país e, além de levantar diversos troféus, contou com passagens de uma série de consagrados jogadores, como Hélio Rubens, Chuí, Guerrinha, Demétrius, Rogério Klafke e Anderson Varejão, hoje na NBA.

Em seu segundo NBB com o técnico Lula Ferreira no comando, a equipe francana manteve grande parte do jovem elenco que terminou a temporada passada na sexta posição, com os pratas da casa Léo Meindl, Cauê Borges e Lucas Mariano como pilares do elenco, além do armador Jefferson Socas, que junto aos outros garotos, estão sob tutela dos atletas mais experientes como o argentino Juan Pablo Figueroa e Jhonatan.

Uniformes

Títulos

Para deixar o plantel ainda mais forte, o time francano trouxe o pivô Paulão Prestes, ex-Brasília, e o norte-americano Eddie Basden, que defendeu as cores do próprio Franca também na temporada 2011/2012 e agora volta para dar mais experiência ao jovem time da “capital do basquete”.

11 vezes Campeão Paulista 10 vezes Campeão Brasileiro - CBB Hexacampeão Sul-Americano 1974, 75, 77, 80, 90 e 91

Tetracampeão das Américas 1993, 94, 97 e 99

Vice-campeão Mundial Interclubes 1975 e 80

Ficha Técnica Franca Basquetebol Clube Fundado em

02/01/1992 Endereço:

Av. Fco. de Paula Quintanilha Ribeiro, s/nº Parque Francal - Franca/SP Tel.: 16 3713-1000 Ginásio Pedro Murilla Fuentes (Pedrocão) Av. Fco. de Paula Quintanilha Ribeiro, s/nº Parque Francal - Franca/SP www.francabasquete.com.br E-mail

atendimento@francabasquete.com.br @FrancaBasquete Presidente

José Guilherme Calil Maia Assessoria de Imprensa

54

Júlia Abrão imprensa@francabasquete.com.br


Lula Ferreira Treinador A consagrada carreira de Aluízio Elias Ferreira Xavier, o “Lula” começou na A Hebraica (SP) e prosseguiu por outros clubes, como Palmeiras, Ribeirão Preto (SP) e Brasília. Lula é pentacampeão paulista (2001 a 2005), campeão nacional (CBB), campeão da Liga das Américas (2008/2009) e campeão do NBB (2009/2010). O sucesso nos clubes fez com que Lula fosse chamado para dirigir a Seleção Brasileira masculina, onde conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em 2003, e no Rio de Janeiro, em 2007.

Em 2012, Lula recebeu um convite para comandar o Franca na quinta edição do NBB para iniciar o projeto de renovação da equipe, que passou a usar seus atletas da nova geração da “capital do basquete”. O sexto lugar na quinta temporada do maior campeonato de basquete do país rendeu a Lula Ferreira o prêmio de Melhor Técnico do NBB 5, conquista que o treinador também levou para casa na temporada 2009/2010.

Após o título com Brasília, em 2010, o treinador ficou duas temporadas longe do NBB exercendo a função de gerente técnico da Liga Nacional de Basquete (LNB).

Equipe Técnica Paulão Berger

Assistente Técnico

Fúlvio Ventura

Preparador Físico

Rogério Barbosa Fisioterapeuta

Marcelo Cruz Médico

Flávio José de Andrade Júnior Eduardo Moreira Abreu Supervisores

Edson Donizete da Silva Álvaro de Oliveira Roque Mordomo

Patrocinadores

55


4 - Cauê Borges

5 - Feliz

Nome: Cauê Borges dos Santos Nasc.: 13/02/1991 | Franca/SP Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Minas (MG)

Nome: Feliciano Perez Neto Nasc.: 23/05/1990 | Belém (PA) Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: São José (AP) Clubes anteriores: Lance Livre (DF),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA FRA JOGOS 25 17 MIN 7.14 7.99 2P% 50.00 66.67 3P% 16.67 63.64 LL% 68.42 20.00 RT 1.04 0.71 AS 0.24 0.59 BR 0.28 0.29 TO 0.08 0.00 ET 0.28 0.94 PTOS 1.52 2.24

2010-11 MIN 18 11.20 50.00 28.57 76.47 1.22 0.67 0.22 0.06 0.89 3.17

2011-12 MIN 25 25.79 59.57 41.38 81.16 2.40 1.92 1.24 0.08 2.24 10.40

2012-13 FRA 40 20.91 59.77 34.44 79.03 1.50 1.18 1.20 0.15 0.95 8.75

Média da Carreira 125 15.98 58.40 37.06 76.74 1.44 0.98 0.76 0.09 1.06 5.94

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 BRA 1 0.33 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00

2012-13 FLA 22 6.87 47.22 33.33 33.33 1.59 0.14 0.18 0.09 0.45 1.77

Média da Carreira 23 6.58 47.22 33.33 33.33 1.52 0.13 0.17 0.09 0.43 1.70

7 - Jhonatan

9 - Socas

Nome: Jhonatan Luz dos Santos Nasc.: 10/02/1987 | Osasco/SP Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Clínicas Rincón

Nome: Jefferson Socas Nasc.: 12/01/1991 | Joinville/SC Altura: 1,95m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Bom Jesus (SC) Clubes anteriores: Joinville (SC), Maja

Axarquía (ESP), Rayet Guadalajara (ESP), Araraquara (SP) e Limeira (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA JOGOS 26 MIN 27.87 2P% 54.55 3P% 37.68 LL% 75.86 RT 4.08 AS 1.92 BR 1.00 TO 0.12 ET 2.04 PTOS 8.85

2010-11 LIM 30 24.56 53.85 35.05 81.01 3.00 1.53 1.00 0.23 1.63 8.80

2011-12 LIM 33 16.68 55.26 42.25 82.05 2.18 0.82 0.39 0.09 0.88 6.24

2012-13 FRA 37 29.64 58.53 37.50 86.39 3.32 2.43 1.46 0.19 2.19 13.97

Média da Carreira 126 24.67 56.31 37.83 82.90 3.10 1.69 0.98 0.16 1.68 9.66

da Honda (ESP) e Real Madrid (ESP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 40 21.33 42.76 28.57 45.07 2.73 2.10 1.40 0.10 1.40 5.55

Média da Carreira 40 21.33 42.76 28.57 45.07 2.73 2.10 1.40 0.10 1.40 5.55

11 - Ricci

13 - Basden

Nome: Luís Felipe Ricci Maia Nasc.: 23/03/1995 | Franca/SP Altura: 1,78m Posição: Armador Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: -

Nome: Eddie Richard Basden Nasc.: 15/02/1983 | New York/EUA Altura: 1,96m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: UNC Charlotte (EUA) Clubes anteriores: Chicago Bulls (NBA),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

56

Brasília (DF), Vizinhança (DF) e Flamengo (RJ)

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 9 3.44 0.00 0.00 0.00 0.44 0.33 0.11 0.00 0.22 0.00

Média da Carreira 9 3.44 0.00 0.00 0.00 0.44 0.33 0.11 0.00 0.22 0.00

Tulsa 66ers (NBDL), Cholet (FRA), Telekom Bonn (ALE), Austin Totors (NBDL), Maroussi (GRE), Huracanes Tampico (MEX), e San Carlos (DOM)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FRA 31 28.50 53.01 30.30 72.94 4.35 1.97 1.71 0.19 2.13 11.16

2012-13 -

Média da Carreira 31 28.50 53.01 30.30 72.94 4.35 1.97 1.71 0.19 2.13 11.16


8 - Figueroa Nome: Juan Pablo Figueroa Nasc.: 13/03/1986 | Córdoba/ARG Altura: 1,82m Posição: Armador Clube de origem: Atenas (ARG) Clubes anteriores: Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 PIN 36 32.35 49.43 30.43 76.19 2.69 3.58 1.61 0.03 1.39 6.19

2011-12 PIN 38 29.28 48.68 35.19 68.18 2.58 3.39 1.24 0.03 1.32 6.13

2012-13 FRA 41 29.81 49.37 37.70 73.68 2.80 4.63 1.71 0.10 1.88 8.88

Média da Carreira 115 30.43 49.22 34.49 72.41 2.70 3.90 1.52 0.05 1.54 7.13

57


17 - Lucas Mariano

23 - Léo Meindl

Nome: Lucas Fernandes Mariano Nasc.: 24/09/1993 | Planaltina/GO Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: -

Nome: Leonardo Simões Meindl Nasc.: 20/03/1993 | Franca/SP Altura: 2,00m Posição: Ala Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA JOGOS 2 MIN 1.15 2P% 50.00 3P% 0.00 LL% 50.00 RT 0.50 AS 0.00 BR 0.50 TO 0.00 ET 0.50 PTOS 1.50

2010-11 FRA 3 2.46 75.00 0.00 0.00 1.00 0.00 0.00 0.33 0.33 2.00

2011-12 FRA 15 9.96 62.50 0.00 80.00 1.87 0.20 0.40 0.47 0.80 4.13

2012-13 FRA 42 23.28 53.46 0.00 68.29 4.76 0.38 0.64 0.95 1.38 10.90

Média da Carreira 62 18.33 54.50 0.00 69.70 3.74 0.31 0.55 0.77 1.16 8.53

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FRA 12 7.50 44.44 28.57 37.50 0.67 0.58 0.00 0.00 0.58 1.42

2012-13 FRA 42 24.53 50.64 41.94 67.06 2.83 1.12 1.24 0.38 1.36 9.76

Média da Carreira 54 20.75 50.30 41.36 64.52 2.35 1.00 0.96 0.30 1.19 7.91

35 - Maique Nome: Maique Tavares De Oliveira Nasc.: 20/03/1993 | Franca/SP Altura: 2,09m Posição: Pivô Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: -

ESTREIA

15 - Paulão

55 - Antônio Nome: Antônio Elpídio Ferreira Junior Nasc.: 25/05/1994 | Franca/SP Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

58

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 20 5.45 61.11 44.44 50.00 0.60 0.25 0.30 0.05 0.35 1.90

Média da Carreira 20 5.45 61.11 44.44 50.00 0.60 0.25 0.30 0.05 0.35 1.90

Nome: Paulo Sérgio Prestes Nasc.: 15/02/1988 | Monte Aprazível/SP Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Ribeirão Preto (SP) Clubes anteriores: Unicaja Málaga (ESP),

Clinicas Rincon (ESP),BC Pieno (LIT), Gran Canaria (ESP) e Brasília (DF)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 BRA 21 23.31 56.54 0.00 67.16 8.00 0.95 0.62 1.10 1.33 12.43

Média da Carreira 21 23.31 56.54 0.00 67.16 8.00 0.95 0.62 1.10 1.33 12.43

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Franca 62 x 76 Brasília

26/11/2012

Franca 90 x 68 Basquete Cearense

29/11/2012

Liga Sorocabana 59 x 80 Franca

Playoffs Fase

Data

Jogo

16/04/2013 Oitavas

 Liga Sorocabana 69 x 72 Franca

01/12/2012

Bauru 67 x 74 Franca

19/04/2013 Oitavas

Franca 74 x 55 Liga Sorocabana

06/12/2012

Franca 101 x 75 Tijuca

20/04/2013 Oitavas

Franca 72 x 70 Liga Sorocabana

10/12/2012

Franca 77 x 82 Flamengo

28/04/2013 Quartas

Franca 72 x 69 Bauru

13/12/2012

Joinville 50 x 59 Franca

01/05/2013 Quartas

Bauru 86 x 79 Franca

15/12/2012

Limeira 72 x 58 Franca

03/05/2013 Quartas

Bauru 87 x 78 Franca

20/12/2012

Franca 108 x 66 Suzano

06/05/2013 Quartas

Franca 70 x 62 Bauru

22/12/2012

10ª

Franca 82 x 61 Palmeiras

10/05/2013 Quartas

Bauru 78 x 71 Franca

05/01/2013

11ª

Paulistano 51 x 77 Franca

07/01/2013

12ª

Pinheiros 97 x 82 Franca

10/01/2013

13ª

Franca 96 x 86 Espírito Santo

12/01/2013

14ª

Franca 78 x 77 Minas

17/01/2013

15ª

São José 87 x 66 Franca

19/01/2013

16ª

Mogi das Cruzes 59 x 95 Franca

24/01/2013

17ª

Uberlândia 91 x 87 Franca

31/01/2013

19ª

Brasília 93 x 77 Franca

02/02/2013

20ª

Basquete Cearense 87 x 88 Franca

05/02/2013

21ª

Franca 85 x 64 Liga Sorocabana

07/02/2013

22ª

Franca 80 x 82 Bauru

14/02/2013

23ª

Tijuca 59 x 63 Franca

16/02/2013

24ª

Flamengo 86 x 91 Franca

21/02/2013

25ª

Franca 70 x 52 Joinville

23/02/2013

26ª

Franca 75 x 62 Limeira

07/03/2013

27ª

Suzano 75 x 71 Franca

09/03/2013

28ª

Palmeiras 87 x 77 Franca  Franca 77 x 63 Paulistano

14/03/2013

29ª

23/03/2013

32ª

Minas 58 x 60 Franca

25/03/2013

31ª

Espírito Santo 64 x 87 Franca

30/03/2013

34ª

Franca 79 x 71 Mogi das Cruzes

06/04/2013

30ª

Franca 72 x 67 Pinheiros

08/04/2013

33ª

Franca 76 x 53 São José

12/04/2013

35ª

Franca 73 x 75 Uberlândia

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

77.64

13

Rebotes

29.38

12

Assistências

15.12

7

2 Pontos (%)

53,35

7

3 Pontos (%)

34.74

10

Lance Livre (%)

67.73

17

Tocos

3.43

1

Roubos de Bola

9.79

1

Erros

16.40

18

Faltas

19.07

4

Pontos Sofridos

71.38

1

59


Temporada 2013-14

60

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Mogi das Cruzes x Franca

23/01/2014

19ª

Franca x Mogi das Cruzes

16/11/2013

Basquete Cearense x Franca

25/01/2014

20ª

Franca x Basquete Cearense Uberlândia x Franca

23/11/2013

Franca x Uberlândia

01/02/2014

22ª

30/11/2013

Franca x Goiânia

06/02/2014

23ª

Brasília x Franca

03/12/2013

Franca x Brasília

08/02/2014

24ª

Goiânia x Franca

05/12/2013

Palmeiras x Franca

13/02/2014

25ª

Franca x Palmeiras

07/12/2013

Pinheiros x Franca

15/02/2014

26ª

Franca x Pinheiros

12/12/2013

Franca x Liga Sorocabana

25/02/2014

27ª

Liga Sorocabana x Franca

14/12/2013

10ª

Franca x Paulistano

27/02/2014

28ª

Paulistano x Franca

19/12/2013

11ª

Minas x Franca

06/03/2014

29ª

Franca x Minas

21/12/2013

12ª

Espírito Santo x Franca

08/03/2014

30ª

Franca x Espírito Santo

07/01/2014

14ª

Franca x São José

15/03/2014

32ª

São José x Franca

11/01/2014

15ª

Limeira x Franca

20/03/2014

33ª

Franca x Limeira

13/01/2014

16ª

Bauru x Franca

22/03/2014

34ª

Franca x Bauru

16/01/2014

17ª

Franca x Macaé Basquete

27/03/2014

35ª

Macaé Basquete x Franca

18/01/2014

18ª

Franca x Flamengo

29/03/2014

36ª

Flamengo x Franca


GOIÂNIA Nº

Nome

Nome

Nome

5

Diego

10

Raphael

33

Lacerda

6

Rafinha

12

Felippe

44

André Luiz

7

Fernando Penna

15

Adyb

77

Taboada

8

Fernando Mineiro

17

Murilo

9

Fábio

32

Gustavo


Foram longos sete anos de ausência, mas enfim a cidade de Goiânia voltará a ter uma equipe na elite do basquete brasileiro. O Universo/Goiânia estreia nesta temporada do NBB e pretende reconquistar rapidamente seu espaço no cenário nacional. Entre os anos de 2000 e 2006, a capital do Estado de Goiás esteve presente nos principais campeonatos do esporte da bola laranja. Apesar de não ter conquistado nenhum título nacional ou internacional,

Uniformes

a equipe teve boas participações nas competições que disputou. Prova disso foi o vice-campeonato conquistado na Liga Sul-Americana 2005 e o terceiro lugar no Campeonato Brasileiro de 2004. Os goianos chegam para o NBB com um elenco formado por atletas já conhecidos da torcida, como os alas Diego e Fábio, que atuaram no clube entre 2000 e 2006, além de jogadores mais experientes, como o armador tricampeão do Desafio de Habilidades, Fernando Penna, e o ala/armador da seleção uruguaia, Emílio Taboada. Para comandar esse time está Márcio Andrade, último técnico do Goiânia antes da parada e que agora tem o desafio de reerguer o basquete na cidade.

Títulos Heptacampeão Goiano

2000, 01, 02, 03, 04, 05 e 13

Vice-campeão da Liga Sul-Americana 2005

Campeão da Copa Brasil Centro-Oeste 2013

Ficha Técnica Associação Atlética Goiânia Fundado em

01/01/2000 Endereço:

Rua 105B, 185 Setor Sul - Goiânia/GO Tel.: 62 3238-3072 Ginásio Rio Vermelho Rua Paranaíba, quadra 117 Goiânia/GO lnb.com.br/equipes/goiania E-mail

universogoias@gmail.com @ Universo_GYN Presidente

Álvaro Alexandre Camargo Assessoria de Imprensa

62

Vaneska Gondim comunicacaouniversogoiania@gmail.com


Márcio Andrade Treinador Natural de Mimoso do Sul, no Espírito Santo, Márcio Andrade atua como técnico desde 1978. Sua carreira foi construída, primeiramente, no Rio de Janeiro, onde trabalhou nas categorias de base de grandes clubes, como o Vasco da Gama (RJ), e conquistou inúmeros títulos. O destaque nas equipes menores rendeu a ele algumas passagens pela Seleção Brasileira, sendo a mais marcante em 1997, quando comandou o Brasil sub-17 na conquista do Campeonato Sul-Americano em cima da Argentina, que contava com o ala da NBA, Carlos Delfino. Em 2003, Márcio Andrade tornou-se técnico da equipe principal do Fluminense (RJ) e,

depois, partiu para o Universo/Goiânia, onde conquistou o título estadual e o vice-campeonato da Liga Sul-Americana de Clubes, em 2005. Oito anos mais tarde, Márcio Andrade, praticamente, repetiu essa jornada, quando esteve à frente do Fluminense na conquista do título da Super Copa Brasil 2013 e, como a equipe carioca não conseguiu o acesso ao NBB, ele recebeu o convite do Goiânia para retomar o projeto na cidade e ser o comandante dessa estreia do time na maior competição do basquete nacional.

Equipe Técnica Breno Pinheiro

Assistente Técnico

César Augusto da Veiga (Polaco) Preparador Físico

Marco Antônio Bajo (Espanha) Supervisor

Álvaro Alexandre C. da Silva Diretor

Dorian Gray Mordomo

Leonardo Landim Mordomo

Patrocinadores

63


6 - Rafinha

7 - Fernando Penna

Nome: Rafael Diogo da Silva Nasc.: 28/02/1988 | Nova Russa/CE Altura: 1,83m Posição: Armador Clube de origem: Vasco (RJ) Clubes anteriores: Grajaú (RJ),

Nome: Fernando Feres Penna Nasc.: 24/10/1983 | Franca/SP Altura: 1,89m Posição: Armador Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Rio Claro (SP),

Paulistano (SP), Iguaçú (RJ), Saldanha da Gama (ES), Vila Velha (ES) e Macaé (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE SAL SAL JOGOS 25 26 MIN 24.90 21.33 2P% 29.82 41.51 3P% 34.29 27.69 LL% 60.00 70.00 RT 2.68 1.81 AS 2.52 1.38 BR 1.24 1.19 TO 0.04 0.00 ET 2.64 1.27 PTOS 6.40 4.31

2010-11 VIV 28 31.10 51.67 32.59 71.88 3.32 3.04 1.64 0.00 3.00 11.61

2011-12 -

2012-13 -

Média da Carreira 79 25.92 43.91 32.13 69.18 2.62 2.33 1.37 0.01 2.32 7.56

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PAU JOGOS 8 23 MIN 30.40 33.19 2P% 43.33 53.28 3P% 27.03 33.75 LL% 67.74 64.79 RT 4.75 4.39 AS 9.75 5.48 BR 2.75 1.83 TO 0.13 0.04 ET 4.38 2.57 PTOS 9.63 11.87

2010-11 FRA 34 21.00 43.16 35.42 67.65 2.41 4.29 1.44 0.15 2.09 6.76

2011-12 FRA 31 21.15 39.06 34.07 71.43 2.00 3.52 1.19 0.03 1.61 5.58

2012-13 PIN 34 10.06 37.50 23.08 62.50 1.09 2.18 0.47 0.00 0.79 1.74

Média da Carreira 130 20.91 46.00 32.02 67.27 2.46 4.10 1.28 0.06 1.86 6.25

8 - Fernando Mineiro

9 - Fábio

Nome: Fernando Martins Alvim Nasc.: 26/12/1980 | Divinópolis/MG Altura: 2,00m Posição: Ala Clube de origem: Ginástico (MG) Clubes anteriores: Flamengo (RJ),

Nome: Fábio Santos de Oliveira Nasc.: 08/06/1979 | São Paulo/SP Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Continental (SP) Clubes anteriores: Ajax (GO), Limeira

Londrina (PR), Araraquara (SP), Mogi das Cruzes (SP), Tijuca (RJ) e Limeira (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA LON JOGOS 35 23 MIN 11.54 35.21 2P% 50.63 50.00 3P% 36.07 39.24 LL% 57.14 81.11 RT 1.89 6.39 AS 0.57 2.35 BR 0.43 1.09 TO 0.11 0.09 ET 0.60 2.00 PTOS 4.63 19.00

2010-11 ARA 28 19.88 53.64 33.33 83.78 4.71 1.18 0.57 0.36 1.11 7.57

2011-12 TIJ 19 15.79 60.71 33.33 94.74 2.68 0.84 0.58 0.00 0.68 6.58

2012-13 LIM 38 21.35 48.55 37.17 81.67 3.47 1.05 0.53 0.08 0.87 8.13

Média da Carreira 143 20.15 51.52 36.87 79.91 3.69 1.14 0.61 0.13 1.01 8.71

(SP), Guarujá (SP), São José (SP), Santos (SP), Rio Claro (SP), Brasília (DF) e São Bernardo (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 BRA 28 8.46 63.33 33.33 75.00 1.07 0.25 0.54 0.11 0.25 3.29

2011-12 BRA 21 7.10 50.00 42.31 50.00 1.00 0.19 0.24 0.05 0.24 2.14

2012-13 -

Média da Carreira 49 7.88 60.00 36.49 66.67 1.04 0.22 0.41 0.08 0.24 2.80

10 - Raphael

12 - Felippe

Nome: Raphael Gomes Figueiredo Nasc.: 18/06/1993 | Franca/SP Altura: 1,93m Posição: Armador Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Praia Clube (MG),

Nome: Felippe Augusto Simões da

Crisciúma (SC) e Joinville (SC)

ESTREIA 64

Paulistano (SP), Franca (SP) e Pinheiros (SP)

Silva Carvalho

Nasc.: 12/10/1987 | Goiânia/GO Altura: 2,02m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Ajax (GO) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP),

Assis (SP) e Flamengo (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 TIJ 14 2.90 50.00 50.00 0.00 0.64 0.14 0.00 0.07 0.00 0.93

Média da Carreira 14 2.90 50.00 50.00 0.00 0.64 0.14 0.00 0.07 0.00 0.93


77 - Taboada Nome: Emilio Taboada Nasc.: 11/05/1982 | Montevidéu/URU Altura: 1,93m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Yale (URU) Clubes anteriores: Malvin (URU), Biguá (URU), Bucaneros

(VEN), Regatas Corrientes (ARG), Gaeteros (VEN) e Paysandu (URU)

ESTREIA 65


15 - Adyb

17 - Murilo

Nome: Adyb Natan M. Fernandes Nasc.: 01/05/1992 | Miguaçu/GO Altura: 2,04m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Comari (RJ) Clubes anteriores: Macaé (RJ), XV de

Piracicaba (SP), Flamengo (RJ) e Liga Sorocabana (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 LSB 19 8.46 43.33 0.00 50.00 1.53 0.21 0.26 0.11 0.37 1.68

Média da Carreira 19 8.46 43.33 0.00 50.00 1.53 0.21 0.26 0.11 0.37 1.68

Nome: Murilo Noceti Veloso Nasc.: 07/07/1993 | Santos/SP Altura: 1,96m Posição: Ala Clube de origem: Inter de Santos (SP) Clubes anteriores: Limeira (SP),

Pinheiros (SP) e Inter de Santos (SP)

ESTREIA

33 - Lacerda

Nome: Everson Alexandre R. Lacerda Nasc.: 29/08/1986 | Betim/MG Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: Ginástico (MG) Clubes anteriores: Automóvel Clube

(RJ), Universidade Pacific (EUA) e Liga Sorocabana (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 LSB 23 14.39 60.00 0.00 68.75 3.13 0.17 0.39 0.26 0.43 3.61

Média da Carreira 23 14.39 60.00 0.00 68.75 3.13 0.17 0.39 0.26 0.43 3.61

5 - Diego 44 - André Luiz Nome: André Luiz C. Reis Souza Costa Nasc.: 29/10/1986 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,06m Posição: Pivô Clube de origem: São Caetano (SP) Clubes anteriores: Mogi das Cruzes

(SP), Jundiaí (SP), São Bernardo (SP), Pinheiros (SP), Univ. de Central Michigan (EUA), Evessa Osaka (JAP) e Oita Heat Devils (JAP)

ESTREIA 66

Nome: Diego Pinheiro da Silva Nasc.: 14/06/1980 | Goiânia/GO Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Joquei Clube Goiás (GO) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP), Vasco

(RJ), Botafogo (RJ), Fluminense (RJ), Ajax (GO), Joinville (SC), Pinheiros (SP) e Limeira (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA PIN JOGOS 41 31 MIN 23.98 29.23 2P% 53.36 52.48 3P% 36.96 36.69 LL% 79.38 79.37 RT 3.29 3.55 AS 1.90 1.90 BR 1.05 1.39 TO 0.29 0.55 ET 1.98 2.03 PTOS 11.41 11.32

2010-11 LIM 31 24.85 51.01 33.02 80.72 4.03 2.81 0.97 0.26 2.23 10.45

2011-12 LIM 29 20.28 62.07 36.96 86.89 2.59 1.93 0.76 0.10 1.69 10.31

2012-13 LIM 36 20.65 54.29 29.25 90.91 2.78 2.08 0.81 0.25 1.78 9.25

Média da Carreira 168 23.76 54.23 34.77 82.73 3.24 2.11 0.99 0.29 1.94 10.57

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2013-14 Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Macaé Basquete x Goiânia

16/11/2013

Flamengo x Goiânia

21/11/2013

Goiânia x Mogi das Cruzes

23/11/2013

Goiânia x Basquete Cearense

28/11/2013

Uberlândia x Goiânia

30/11/2013

Franca x Goiânia

07/12/2013

Goiânia x Brasília

12/12/2013

Goiânia x Palmeiras

14/12/2013

10ª

Goiânia x Pinheiros

19/12/2013

11ª

Liga Sorocabana x Goiânia Paulistano x Goiânia

21/12/2013

12ª

05/01/2014

13ª

Goiânia x Minas

07/01/2014

14ª

Goiânia x Espírito Santo

13/01/2014

16ª

São José x Goiânia

16/01/2014

17ª

Goiânia x Limeira

18/01/2014

18ª

Goiânia x Bauru

23/01/2014

19ª

Goiânia x Macaé Basquete

25/01/2014

20ª

Goiânia x Flamengo

30/01/2014

21ª

Mogi das Cruzes x Goiânia

01/02/2014

22ª

Basquete Cearense x Goiânia

06/02/2014

23ª

Goiânia x Uberlândia

08/02/2014

24ª

Goiânia x Franca

15/02/2014

26ª

Brasília x Goiânia

25/02/2014

27ª

Palmeiras x Goiânia

27/02/2014

28ª

Pinheiros x Goiânia

06/03/2014

29ª

Goiânia x Liga Sorocabana

08/03/2014

30ª

Goiânia x Paulistano

13/03/2014

31ª

Minas x Goiânia

15/03/2014

32ª

Espírito Santo x Goiânia

22/03/2014

34ª

Goiânia x São José

27/03/2014

35ª

Limeira x Goiânia

29/03/2014

36ª

Bauru x Goiânia

67


68


LIGA SOROCABANA Nยบ

Nome

Nยบ

Nome

Nยบ

4

Thiaguinho

22

Cox

44

Nome Smith

6

Diego Gomes

31

Cipriano

50

De Bem

10

Alfredo

32

Lupa

77

Guilherme

12

Junior

34

Verson

13

Schneider

38

Elivelton


Criada em 1997, a Liga Sorocabana de Basquete nasceu de um sonho de Rinaldo Rodrigues, técnico, presidente e fundador da equipe. O time do interior paulista, aos poucos, foi crescendo e, em 2006, chegou à primeira divisão do Campeonato Estadual adulto. Cinco anos se passaram e a ambição já era outra: entrar no NBB. A equipe da cidade de Sorocaba conquistou uma vaga na elite do basquete brasileiro através do vice-campeonato da Super Copa Brasil, em maio de 2011.

Uniformes

Para sua terceira temporada no NBB, a Liga Sorocabana mudou praticamente todo seu elenco em relação à edição passada, só mantendo o armador Diego Gomes e os pivôs Ricardo De Bem e Everson. Em compensação, Rinaldo Rodrigues trouxe atletas com bastante experiência no NBB, como o ala Schneider, ex-Basquete Cearense, e o pivô Guilherme Hubner, que defendeu o Limeira na última temporada. Os sorocabanos ainda contam com a vinda dos norte-americanos Ned Cox, ala/armador, e Greg Smith, ala/pivô de 22 anos.

Títulos Campeão do Torneio Novo Milênio 2010

Vice-campeão da Super Copa Brasil 2011

11 vezes campeão dos Jogos Regionais Pentacampeão dos Jogos Abertos

Ficha Técnica Liga Sorocabana de Basquete Fundado em

29/11/2003 Endereço:

Rua Dulce Rios de Oliveira, 97 Jardim Sandra - Sorocaba/SP Tel.: 15 3411-6090 Ginásio Gualberto Moreira R. Newton Prado, s/n° Vila Hortência - Sorocaba/SP www.lsbasquete.com.br E-mail

ligasorocabanadebasquete@bol.com.br @LSBOficial Presidente

Rinaldo A. Rodrigues Assessoria de Imprensa

70

Frederico Batalha fredericobatalha@uol.com.br


Rinaldo Rodrigues Treinador Não há como falar de Liga Sorocabana sem falar de Rinaldo Rodrigues. Fundador, presidente e técnico da equipe, ele é o responsável por um projeto que teve início há 14 anos, e que hoje, está na elite do basquete brasileiro. Nascido em Sorocaba (SP), Rinaldo começou sua caminhada no basquete na própria cidade, onde ficou até os 15 anos de idade. Como atleta profissional, conquistou o título de campeão carioca pela Liga Angreense em 1993.

Ele vestiu a camisa de diversos times do estado de São Paulo, como Limeira, Casa Branca e Paulistano e, aos 34 anos, retornou a Sorocaba e realizou sonho de fundar sua própria equipe. Deu início a sua jornada como treinador nas categorias de base da Liga Sorocabana, e hoje, comanda a equipe adulta, que faz parte do maior campeonato do basquete no país desde 2011.

Equipe Técnica Eduardo de Souza Correa Assistente Técnico

Claudio Roberto Cardoso Filho Preparador Físico

José Ricardo Rezende Supervisor

Eduardo Vieira Médico

Matheus Francisco Rossi Fisioterapeuta

Patrocinadores

71


4 - Thiaguinho

6 - Diego Gomes

Nome: Thiago Cesar C. Marcello Nasc.: 12/10/1991 | Sorocaba/SP Altura: 1,88m Posição: Armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: São Caetano (SP) e

Nome: Diego Gomes Nasc.: 27/06/1991 | Sorocaba /SP Altura: 1,84m Posição: Armador Clube de origem: Liga Sorocabana (SP) Clubes anteriores: Jundiaí (SP)

Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PAU JOGOS 1 2 MIN 2.00 16.30 2P% 0.00 50.00 3P% 0.00 0.00 LL% 0.00 75.00 RT 0.00 1.50 AS 0.00 0.00 BR 0.00 0.00 TO 0.00 0.00 ET 0.00 1.50 PTOS 0.00 4.50

2010-11 PAU 14 8.51 45.00 0.00 75.00 0.86 0.93 0.36 0.00 0.79 1.71

2011-12 PAU 18 6.78 53.33 50.00 100.00 0.83 0.39 0.39 0.06 0.89 2.33

2012-13 -

Média da Carreira 35 7.88 48.78 25.93 82.35 0.86 0.57 0.34 0.03 0.86 2.14

2010-11 -

2011-12 LSB 24 6.42 37.50 26.09 100.00 0.33 0.08 0.04 0.00 0.29 1.42

2012-13 LSB 35 10.77 23.53 26.83 58.82 0.66 0.74 0.34 0.00 0.66 1.69

Média da Carreira 59 9.00 28.00 26.56 66.67 0.53 0.47 0.22 0.00 0.51 1.58

10 - Alfredo

12 - Junior

Nome: Alfredo Luiz Perandini Nasc.: 22/02/1975 | Campinas/SP Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Uberlândia (MG),

Nome: Reinaldo de Paula M. Junior Nasc.: 14/07/1994 | Sorocaba/SP Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Liga Sorocabana (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP) e

Ribeirão Preto (SP), Palmeiras (SP), Araraquara (SP) e Botafogo (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ASS JOGOS 19 MIN 26.66 2P% 50.00 3P% 36.08 LL% 74.19 RT 1.95 AS 1.11 BR 0.42 TO 0.05 ET 1.37 PTOS 10.58 -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 -

Média da Carreira 19 26.66 50.00 36.08 74.19 1.95 1.11 0.42 0.05 1.37 10.58

Santo André (SP)

ESTREIA

13 - Schneider

22 - Cox

Nome: Guilherme Schneider Nasc.: 17/07/1996 | Novo Hamburgo/RS Altura: 1,92m Posição: Ala Clube de origem: Novo Hamburgo (RS) Clubes anteriores: Vila Velha (ES),

Nome: Ned Cox IV Nasc.: 14/09/1990 | San Antonio/EUA Altura: 1,80m Posição: Armador Clube de origem: Univ. of Evansville (EUA) Clubes anteriores: -

Joinville (SC) e Basquete Cearense (CE)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE VIV JOGOS 27 MIN 20.47 2P% 51.46 3P% 36.08 LL% 52.17 RT 1.30 AS 0.74 BR 1.00 TO 0.00 ET 1.52 PTOS 8.70 -

72

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 JOI 36 9.47 42.59 42.31 73.33 1.03 0.39 0.31 0.03 0.53 4.64

2011-12 -

2012-13 CEA 37 12.45 49.41 32.58 58.70 1.14 0.73 0.49 0.05 0.78 5.35

Média da Carreira 100 13.54 48.76 36.74 59.84 1.14 0.61 0.56 0.03 0.89 6.00

ESTREIA


77 - Guilherme Nome: Guilherme Santos Hubner Nasc.: 28/04/1987 | Belo Horizonte/MG Altura: 2,09m Posição: Pivô Clube de origem: Olympico (MG) Clubes anteriores: Minas (MG)

e Limeira (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE MIN MIN JOGOS 21 17 MIN 4.97 5.25 2P% 43.75 40.74 3P% 0.00 0.00 LL% 62.50 25.00 RT 1.05 1.47 AS 0.05 0.12 BR 0.05 0.06 TO 0.29 0.18 ET 0.29 0.41 PTOS 1.57 1.35

2010-11 MIN 29 14.22 53.66 0.00 47.62 3.28 0.38 0.41 0.90 0.62 4.90

2011-12 MIN 27 20.25 49.49 100.00 62.16 5.00 0.37 0.70 0.70 0.56 8.15

2012-13 LIM 38 14.07 59.12 0.00 66.67 3.29 0.42 0.37 0.42 0.74 5.74

Média da Carreira 132 12.78 52.51 50.00 60.00 3.05 0.30 0.36 0.53 0.56 4.82

73


32 - Lupa

34 - Verson

Nome: Luiz Paulo Cecílio Dos Santos Nasc.: 24/12/1989 | Sorocaba/SP Altura: 2,09m Posição: Pivô Clube de origem: Objetivo Sorocaba (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP), Iowa

Nome: Everson Aparecido Rodrigues Nasc.: 18/04/1978 | Sorocaba/SP Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Liga Sorocabana (SP) Clubes anteriores: -

Marshalltown (EUA) e Pennsylvania Slippery Rock University (EUA)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

ESTREIA

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 LSB 28 12.44 54.17 31.11 93.33 1.43 0.32 0.18 0.18 0.25 2.93

Média da Carreira 28 12.44 54.17 31.11 93.33 1.43 0.32 0.18 0.18 0.25 2.93

44 - Smith Nome: Gregory Ogden Smith II Nasc.: 15/01/1991 | Omaha/EUA Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Colorado State

University (EUA)

Clubes anteriores: -

ESTREIA

31 - Cipriano 50 - De Bem Nome: Ricardo Taboas De Bem Nasc.: 13/07/1984 | São Paulo/SP Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Palmeiras (SP) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP),

Texas Tech University (EUA), Guarujá (SP), Jacareí (SP), Vitória/CECRE (ES), Providencia (CHI), Olimpia (URU) e Hebraica Maccabi (URU)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

74

2010-11 VIT 19 14.32 46.00 0.00 68.29 2.26 0.47 0.37 0.21 1.26 6.32

2011-12 -

2012-13 LSB 35 24.96 48.77 20.00 66.27 5.46 0.83 0.43 0.40 1.43 7.31

Média da Carreira 54 21.21 47.85 16.67 66.94 4.33 0.70 0.41 0.33 1.37 6.96

Nome: Márcio Santos Cipriano Nasc.: 04/06/1979 | São Paulo/SP Altura: 2,00m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Palmeiras (SP) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP), Vasco

(RJ) e Brasília (DF)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 40 35 MIN 20.27 14.40 2P% 43.89 49.61 3P% 27.14 26.47 LL% 68.75 79.71 RT 6.08 3.80 AS 1.48 0.77 BR 0.75 0.74 TO 0.50 0.34 ET 2.25 1.40 PTOS 6.75 5.94

2010-11 BRA 39 22.16 50.00 26.83 79.28 6.41 1.00 1.18 0.36 1.33 8.23

2011-12 BRA 33 19.73 49.61 23.33 78.72 5.12 0.73 1.00 0.42 1.39 5.64

2012-13 BRA 33 14.34 51.35 36.36 70.37 3.70 0.58 0.42 0.21 0.76 4.76

Média da Carreira 180 18.35 48.59 27.41 76.05 5.09 0.93 0.83 0.37 1.46 6.34

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Mogi das Cruzes 71 x 59 Liga Sorocabana

27/11/2012

São José 77 x 73 Liga Sorocabana

29/11/2012

Liga Sorocabana 59 x 80 Franca

Playoffs Data

Fase

Jogo

16/04/2013 Oitavas

Liga Sorocabana 69 x 72 Franca

01/12/2012

Liga Sorocabana 74 x 63 Uberlândia

19/04/2013 Oitavas

Franca 74 x 55 Liga Sorocabana

06/12/2012

Basquete Cearense 71 x 62 Liga Sorocabana

20/04/2013 Oitavas

Franca 72 x 70 Liga Sorocabana

13/12/2012

Liga Sorocabana 76 x 90 Bauru

20/12/2012

Liga Sorocabana 59 x 87 Flamengo

22/12/2012

10ª

Liga Sorocabana 72 x 67 Tijuca

05/01/2013

11ª

Limeira 85 x 66 Liga Sorocabana

07/01/2013

12ª

Joinville 86 x 93 Liga Sorocabana

10/01/2013

13ª

Liga Sorocabana 93 x 73 Palmeiras

12/01/2013

14ª

Liga Sorocabana 87 x 70 Suzano

17/01/2013

15ª

Pinheiros 77 x 94 Liga Sorocabana

19/01/2013

16ª

Paulistano 94 x 96 Liga Sorocabana

21/01/2013

Brasília 86 x 75 Liga Sorocabana

24/01/2013

17ª

Liga Sorocabana 82 x 84 Minas

26/01/2013

18ª

Liga Sorocabana 82 x 76 Espírito Santo

31/01/2013

19ª

Liga Sorocabana 81 x 74 Mogi das Cruzes

02/02/2013

20ª

Liga Sorocabana 66 x 65 São José

05/02/2013

21ª

Franca 85 x 64 Liga Sorocabana

07/02/2013

22ª

Uberlândia 84 x 81 Liga Sorocabana

14/02/2013

23ª

Liga Sorocabana 76 x 86 Basquete Cearense

16/02/2013

24ª

Liga Sorocabana 70 x 100 Brasília

21/02/2013

25ª

Bauru 85 x 94 Liga Sorocabana

07/03/2013

27ª

Flamengo 102 x 64 Liga Sorocabana

09/03/2013

28ª

Tijuca 68 x 89 Liga Sorocabana

14/03/2013

29ª

Liga Sorocabana 81 x 79 Limeira

16/03/2013

30ª

Liga Sorocabana 93 x 86 Joinville

21/03/2013

31ª

Palmeiras 85 x 77 Liga Sorocabana

23/03/2013

32ª

Suzano 79 x 90 Liga Sorocabana

26/03/2013

34ª

Liga Sorocabana 73 x 78 Paulistano  Liga Sorocabana 81 x 87 Pinheiros

30/03/2013

33ª

04/04/2013

35ª

Minas 78 x 76 Liga Sorocabana

06/04/2013

36ª

Espírito Santo 88 x 82 Liga Sorocabana

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

76.59

14

Rebotes

26.62

18

Assistências

10.11

18

2 Pontos (%)

51,41

11

3 Pontos (%)

32.94

15

Lance Livre (%)

74.87

11

Tocos

1.43

15

Roubos de Bola

8.14

3

Erros

13.43

14

Faltas

19.78

8

Pontos Sofridos

80.11

9

75


Temporada 2013-14

76

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

São José x Liga Sorocabana

23/01/2014

19ª

Liga Sorocabana x São José

21/11/2013

Liga Sorocabana x Bauru

30/01/2014

21ª

Bauru x Liga Sorocabana

23/11/2013

Liga Sorocabana x Limeira

01/02/2014

22ª

Limeira x Liga Sorocabana

28/11/2013

Flamengo x Liga Sorocabana

06/02/2014

23ª

Liga Sorocabana x Flamengo

30/11/2013

Macaé Basquete x Liga Sorocabana

08/02/2014

24ª

Liga Sorocabana x Macaé Basquete

05/12/2013

Liga Sorocabana x Basquete Cearense

13/02/2014

25ª

Basquete Cearense x Liga Sorocabana

07/12/2013

Liga Sorocabana x Mogi das Cruzes

15/02/2014

26ª

Mogi das Cruzes x Liga Sorocabana

12/12/2013

Franca x Liga Sorocabana

25/02/2014

27ª

Liga Sorocabana x Franca

14/12/2013

10ª

Uberlândia x Liga Sorocabana

27/02/2014

28ª

Liga Sorocabana x Uberlândia

19/12/2013

11ª

Liga Sorocabana x Goiânia

06/03/2014

29ª

Goiânia x Liga Sorocabana

21/12/2013

12ª

Liga Sorocabana x Brasília

08/03/2014

30ª

Brasília x Liga Sorocabana

05/01/2014

13ª

Pinheiros x Liga Sorocabana

13/03/2014

31ª

Liga Sorocabana x Pinheiros

07/01/2014

14ª

Palmeiras x Liga Sorocabana

15/03/2014

32ª

Liga Sorocabana x Palmeiras

11/01/2014

15ª

Paulistano x Liga Sorocabana 22/03/2014

34ª

Liga Sorocabana x Paulistano

16/01/2014

17ª

Liga Sorocabana x Espírito Santo

27/03/2014

35ª

Espírito Santo x Liga Sorocabana

18/01/2014

18ª

Liga Sorocabana x Minas

29/03/2014

36ª

Minas x Liga Sorocabana


LIMEIRA Nº

Nome

Nome

Nome

4

Ronald Ramon

9

Deryk

21

Fiorotto Renan

5

Hélio

10

Teichmann

26

6

Matheus Dalla

13

Renato

28

Higor

7

Wagner

15

Matheus Pereira

32

David Jackson

8

Lukinha

17

Dú Sommer


O Winner/Kabum/Limeira foi fundado em 2001 e logo no primeiro ano conquistou o título da segunda divisão paulista. Aos poucos, o clube foi crescendo e ganhando seu espaço. O time foi campeão da Nossa Liga de Basquete, em 2006, e mais tarde, faturou o bicampeonato estadual, em 2008 e 2010. A fim de alcançar voos mais altos na temporada 2013/2014, a equipe do técnico Demétrius Ferracciú repatriou três atletas que participaram da conquista do primeiro Campeonato Paulista.

Uniformes

São eles o ala/pivô Teichmann, ex-Franca, o ala Renato Lamas, que estava no Minas, e o pivô Bruno Fiorotto, campeão da Liga das Américas 2013 com o Pinheiros. Além dos jogadores já conhecidos em terras limeirenses, o clube ainda acertou a vinda do ala/armador norte-americano David Jackson, um dos destaques do Flamengo no NBB4, e os pivôs Wagner, ex-Paulistano, e o jovem Renan Leichtweis, convocado para a Seleção Brasileira de Novos e que atuava no Tijuca. Apesar das caras novas, o Limeira continua apostando na dupla de armadores bastante conhecida pela torcida: Ronald Ramon e Hélio, destaques da equipe na última temporada, ao lado do jovem ala Matheus Dalla, e que prometem conduzir o time comandado por Demétrius Ferracciú a um excelente campeonato.

Títulos Bicampeão Paulista 2008 e 2010

Campeão da Nossa Liga de Basquete 2006

Tricampeão dos Jogos Abertos do Interior 2006, 2007 e 2012

Campeão Paulista A2 2001

Campeão da Copa EPTV de Basquete 2008

Octacampeão dos Jogos Regionais 2001 a 2008

Campeão da Associação Regional de Basquete 2001

Campeão da Copa Sul 2004

Campeão da Copa Rosa Branca 2007

Ficha Técnica Associação Limeirense de Basquete Fundado em

02/01/2001 Endereço:

Rua Deputado Otávio Lopes, 62 Centro - Limeira/SP Tel.: 19 3404-3344 ramal 256 Ginásio “Vô” Lucato Rua João Jacon, s/n° Vila Jacon - Limeira/SP www.winnerbasquete.com.br E-mail

contato@winnerbasquete.com.br @WinnerLimeira Presidente

Osmar de Paula Júnior Assessoria de Imprensa

78

Denis Fernando denis@winnerbasquete.com.br


Demétrius Ferracciú Treinador Demétrius Conrado Ferracciú entra em seu quarto ano como técnico da equipe adulta de Limeira já com conquistas importantes no currículo. Em 2010, faturou o título do Campeonato Paulista e no ano seguinte, teve a chance de trabalhar como treinador da Seleção Brasileira Sub-15 e como assistente de Rubén Magnano na equipe adulta, onde mais tarde fez parte da campanha do Brasil nos Jogos Olímpicos de Londres 2012.

Antes de iniciar a carreira de comandante técnico, Demétrius teve uma longa e vitoriosa trajetória como jogador. O ex-armador conquistou seis títulos nacionais (três com Franca, dois com o Vasco (RJ) e outro com o Telemar (RJ)). E pela Seleção, disputou a Olimpíada de Atlanta, em 1996, dois Mundiais, em 1998 e 2002, e conquistou, também, o bicampeonato Pan-Americano em Winnipeg 1999 e Santo Domingo 2003.

Equipe Técnica Dedé Barbosa Jece Leite

Assistentes Técnicos

Otávio Troyano Supervisor

Dr. Adolfo Nabas Médico

José Francisco Daniel Fisiologista

Márcio Cavinatto Felipe Souza

Preparadores Físicos

Gregory Buck Fisioterapeuta

Euclides Ormieres Mordomo

Patrocinadores

79


5 - Hélio

6 - Matheus Dalla

Nome: Hélio Victor L. da Costa Lima Nasc.: 14/11/1981 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,87m Posição: Armador Clube de origem: Tijuca (RJ) Clubes anteriores: Paulistano (SP),

Nome: Matheus Dalla Barba Nasc.: 02/05/1991 | Lajeado/RS Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Bira (RS) Clubes anteriores: Limeira (SP)

Londrina (PR), Uberlândia (MG) e Flamengo (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 39 36 MIN 28.09 29.63 2P% 59.09 59.20 3P% 38.10 42.40 LL% 71.23 88.89 RT 2.46 2.72 AS 3.67 2.50 BR 1.10 1.36 TO 0.03 0.00 ET 1.79 2.00 PTOS 10.41 11.92

2010-11 FLA 34 24.37 54.70 38.46 80.95 2.12 3.03 0.85 0.03 1.29 7.41

2011-12 FLA 38 25.79 63.95 46.88 74.47 2.34 2.47 0.97 0.03 1.61 7.37

2012-13 LIM 38 28.47 53.01 39.50 79.65 3.32 4.32 1.53 0.05 1.58 11.18

Média da Carreira 185 27.31 57.52 41.11 79.25 2.60 3.21 1.17 0.03 1.66 9.69

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 LIM 14 8.46 63.64 30.00 66.67 0.93 0.36 0.29 0.00 0.36 2.71

2011-12 VIV 28 28.07 50.44 42.19 88.41 3.79 1.25 0.57 0.00 1.68 12.04

2012-13 LIM 39 21.94 50.00 42.86 83.78 1.15 1.26 0.59 0.03 1.49 8.13

Média da Carreira 81 21.73 50.87 41.67 85.22 2.02 1.10 0.53 0.01 1.36 8.54

7 - Wagner

9 - Deryk

Nome: Wagner Carvalho F. Mattos Nasc.: 21/09/1982 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Vasco (RJ) Clubes anteriores: Tijuca (RJ),

Nome: Deryk Evandro Ramos Nasc.: 14/06/1994 | Limeira/SP Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: -

Telemar (RJ), Universo (GO), Uberlândia (MG), Flamengo (RJ) e Paulistano (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 38 38 MIN 12.10 19.41 2P% 55.95 62.42 3P% 0.00 0.00 LL% 61.54 67.69 RT 2.84 4.29 AS 0.53 0.79 BR 0.45 0.39 TO 0.13 0.32 ET 0.71 1.26 PTOS 3.53 6.58

2010-11 FLA 29 12.87 47.92 0.00 61.11 3.00 0.28 0.72 0.07 1.17 2.34

2011-12 FLA 32 9.83 61.29 0.00 68.18 2.00 0.50 0.28 0.03 0.59 2.84

2012-13 PAU 39 22.14 48.57 0.00 66.36 5.54 1.08 0.64 0.36 1.28 7.10

Média da Carreira 176 15.62 55.01 0.00 65.10 3.63 0.66 0.49 0.19 1.01 4.66

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 LIM 13 4.81 20.00 27.27 25.00 0.38 0.23 0.31 0.00 0.31 0.92

2011-12 LIM 18 7.04 77.78 31.25 100.00 0.39 0.33 0.33 0.00 0.39 1.89

2012-13 LIM 14 6.43 12.50 58.82 100.00 0.21 0.36 0.00 0.07 0.21 2.43

Média da Carreira 45 6.21 40.91 40.91 72.73 0.33 0.31 0.22 0.02 0.31 1.78

10 - Teichmann

13 - Renato

Nome: Guilherme Frantz Teichmann Nasc.: 03/09/1983 | Concórdi/SC Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Vasco (RJ) Clubes anteriores: Tulsa (EUA), Monte

Nome: Renato Lamas Pinto Nasc.: 28/05/1978 | Belo Horizonte/MG Altura: 2,02m Posição: Ala Clube de origem: Ribeirão Preto (SP) Clubes anteriores: Paulistano (SP),

Líbano (SP), Limeira (SP), Flamengo (RJ) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM FLA JOGOS 32 37 MIN 31.21 21.95 2P% 58.17 63.95 3P% 29.07 33.33 LL% 58.33 58.67 RT 7.13 5.43 AS 1.78 1.11 BR 1.53 0.86 TO 2.00 0.76 ET 1.88 1.11 PTOS 13.22 10.30

80

e Vila Velha (ES)

2010-11 FLA 35 25.27 63.46 29.73 48.94 7.03 1.60 1.11 0.54 1.34 9.80

2011-12 FLA 16 11.32 63.41 0.00 52.63 2.31 0.44 0.44 0.13 0.56 3.88

2012-13 FRA 39 28.19 52.69 23.17 41.00 7.18 2.97 1.74 1.21 1.95 9.54

Média da Carreira 159 25.01 59.42 27.87 51.30 6.24 1.74 1.23 1.01 1.47 9.94

Limeira (SP), São José (SP), Pinheiros (SP) e Minas (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM SJO JOGOS 32 8 MIN 34.05 24.41 2P% 50.32 54.17 3P% 34.76 19.23 LL% 77.63 66.67 RT 3.72 2.00 AS 4.19 2.63 BR 0.94 0.63 TO 0.13 0.13 ET 2.25 1.38 PTOS 13.56 6.13

2010-11 SJO 34 29.08 53.61 32.82 72.00 3.18 3.97 0.68 0.35 2.26 11.50

2011-12 PIN 34 17.11 36.92 31.67 63.64 1.76 1.53 0.65 0.09 1.15 3.91

2012-13 MIN 35 26.76 52.85 28.16 73.08 4.03 2.71 0.80 0.17 2.37 7.29

Média da Carreira 143 26.52 50.62 31.89 72.20 3.10 3.06 0.76 0.18 1.97 8.83


32 - David Jackson Nome: David Dwayne Jackson Jr Nasc.: 12/08/1982 | Rockville/EUA Altura: 1,96m Posição: Ala Clube de origem: Penn State (EUA) Clubes anteriores: Defensor (URU), Humacao (PRC), Penarol

(ARG), La Union (ARG), Flamengo (RJ), Guaiqueres (VEN), Gimnasia Índalo (ARG) e Santurce (PRC) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FLA 38 32.22 62.79 49.65 92.52 2.66 2.37 1.11 0.08 1.13 16.21

2012-13 -

Média da Carreira 38 32.22 62.79 49.65 92.52 2.66 2.37 1.11 0.08 1.13 16.21

81


15 - Matheus Pereira

17 - Dú Sommer

Nome: Matheus Henrique Pereira Nasc.: 13/10/1994 | Pederneiras/SP Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: -

Nome: Eduardo Campos Sommer Nasc.: 29/12/1994 | Mogi Guaçu/SP Altura: 2,04m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 LIM 8 5.75 25.00 50.00 60.00 1.50 0.00 0.13 0.13 0.38 1.25

Média da Carreira 8 5.75 25.00 50.00 60.00 1.50 0.00 0.13 0.13 0.38 1.25

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 LIM 5 1.81 0.00 0.00 0.00 0.20 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00

2012-13 LIM 11 3.20 60.00 33.33 100.00 0.36 0.00 0.18 0.00 0.45 1.45

Média da Carreira 16 2.76 50.00 25.00 100.00 0.31 0.00 0.13 0.00 0.31 1.00

21 - Fiorotto Nome: Bruno Pires Fiorotto Nasc.: 23/08/1984 | Americana/SP Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: Londrina (PR), Rio

Claro (SP), Paulistano (SP), Limeira (SP), Tenerife (ESP) e Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM JOGOS 32 MIN 26.19 2P% 56.00 3P% 50.00 LL% 69.81 RT 6.28 AS 0.97 BR 0.53 TO 0.94 ET 2.13 PTOS 10.28 -

2010-11 PIN 27 21.27 48.62 0.00 64.04 5.44 1.15 0.96 0.81 1.81 8.63

2011-12 PIN 35 18.81 55.96 0.00 64.00 4.31 0.94 0.51 0.46 1.34 7.54

2012-13 PIN 23 13.49 52.14 0.00 57.14 3.87 0.61 0.43 0.30 0.74 6.00

Média da Carreira 117 20.35 53.49 25.00 65.44 5.03 0.93 0.61 0.64 1.55 8.24

4 - Ronald Ramon 26 - Renan Nome: Renan Michel Leichtweis Nasc.: 01/07/1989 | Campina das

Missões/RS

Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Sevilla (ESP) Clubes anteriores: Cajasol (ESP), Bilbao

(ESP), Palencia (ESP) e Tijuca (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

82

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 TIJ 34 23.65 52.68 0.00 75.00 4.18 0.50 0.29 0.71 1.06 8.47

Média da Carreira 34 23.65 52.68 0.00 75.00 4.18 0.50 0.29 0.71 1.06 8.47

Nome: Ronald Ricardo Ramon Guerreiro Nasc.: 14/01/1986 | Santo Domingo/DOM Altura: 1,86m Posição: Armador Clube de origem: Univ. de Pittsburg (EUA) Clubes anteriores: Lanús (ARG), Tabarí (URU)

e Toros de Aragua (VEN)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 LIM 32 32.86 43.71 38.00 87.21 2.78 2.75 0.94 0.06 1.94 13.59

2011-12 LIM 30 28.57 46.23 45.61 87.00 1.67 2.13 0.67 0.03 1.23 13.97

2012-13 LIM 39 31.50 52.05 47.60 81.82 2.67 3.44 0.67 0.03 1.36 14.36

Média da Carreira 101 31.06 47.39 43.83 85.26 2.41 2.83 0.75 0.04 1.50 14.00

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Paulistano 86 x 82 Limeira

29/11/2012

Limeira 88 x 87 Espírito Santo

01/12/2012

Limeira 85 x 87 Minas

Playoffs Fase

Data

Jogo

18/04/2013 Oitavas

Limeira 88 x 74 Pinheiros  Pinheiros 82 x 95 Limeira

06/12/2012

São José 84 x 76 Limeira

21/04/2013 Oitavas

08/12/2012

Mogi das Cruzes 72 x 89 Limeira

22/04/2013 Oitavas

Pinheiros 93 x 82 Limeira

10/12/2012

Pinheiros 102 x 100 Limeira

24/04/2013 Oitavas

Limeira 85 x 86 Pinheiros

13/12/2012

Limeira 77 x 87 Uberlândia

26/04/2013 Oitavas

Pinheiros 97 x 77 Limeira

15/12/2012

Limeira 72 x 58 Franca

20/12/2012

Brasília 97 x 89 Limeira

22/12/2012

10ª

Basquete Cearense 65 x 84 Limeira

05/01/2013

11ª

Limeira 85 x 66 Liga Sorocabana

07/01/2013

12ª

Limeira 82 x 84 Bauru

10/01/2013

13ª

Tijuca 77 x 82 Limeira

12/01/2013

14ª

Flamengo 98 x 81 Limeira

17/01/2013

15ª

Joinville 77 x 62 Limeira

24/01/2013

17ª

Limeira 96 x 65 Suzano

26/01/2013

18ª

Limeira 75 x 65 Palmeiras

31/01/2013

19ª

Limeira 89 x 68 Paulistano

05/02/2013

21ª

Espírito Santo 72 x 64 Limeira

07/02/2013

22ª

Minas 81 x 61 Limeira

14/02/2013

23ª

Limeira 79 x 83 São José

16/02/2013

24ª

Limeira 71 x 79 Mogi das Cruzes

21/02/2013

25ª

Uberlândia 86 x 96 Limeira

23/02/2013

26ª

Franca 75 x 62 Limeira

27/02/2013

20ª

Limeira 82 x 81 Pinheiros

07/03/2013

27ª

Limeira 77 x 80 Brasília

09/03/2013

28ª

Limeira 90 x 72 Basquete Cearense

14/03/2013

29ª

Liga Sorocabana 81 x 79 Limeira

16/03/2013

30ª

Bauru 83 x 82 Limeira

23/03/2013

32ª

Limeira 75 x 80 Flamengo  Suzano 80 x 81 Limeira

26/03/2013

35ª

04/04/2013

31ª

Limeira 91 x 75 Tijuca

06/04/2013

36ª

Palmeiras 72 x 68 Limeira

08/04/2013

33ª

Limeira 93 x 86 Joinville

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

81.33

6

Rebotes

29.18

13

Ranking

Assistências

15.59

5

2 Pontos (%)

51,87

10

3 Pontos (%)

40.02

2

Lance Livre (%)

76.34

6

Tocos

1.59

14

Roubos de Bola

6.54

12

Erros

12.54

8

Faltas

21.38

14

Pontos Sofridos

80.08

8

83


Temporada 2013-14

84

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Pinheiros x Limeira

23/01/2014

19ª

Limeira x Pinheiros

16/11/2013

Palmeiras x Limeira

25/01/2014

20ª

Limeira x Palmeiras

21/11/2013

Paulistano x Limeira

30/01/2014

21ª

Limeira x Paulistano

23/11/2013

Liga Sorocabana x Limeira

01/02/2014

22ª

Limeira x Liga Sorocabana

28/11/2013

Limeira x Espírito Santo

06/02/2014

23ª

Espírito Santo x Limeira

30/11/2013

Limeira x Minas

08/02/2014

24ª

Minas x Limeira

05/12/2013

São José x Limeira

13/02/2014

25ª

Limeira x São José

25/02/2014

27ª

Limeira x Bauru

14/12/2013

10ª

Bauru x Limeira

19/12/2013

11ª

Limeira x Flamengo

06/03/2014

29ª

Flamengo x Limeira

21/12/2013

12ª

Limeira x Macaé Basquete

08/03/2014

30ª

Macaé Basquete x Limeira

05/01/2014

13ª

Basquete Cearense x Limeira

13/03/2014

31ª

Limeira x Basquete Cearense

07/01/2014

14ª

Mogi das Cruzes x Limeira

15/03/2014

32ª

Limeira x Mogi das Cruzes

11/01/2014

15ª

Limeira x Franca

20/03/2014

33ª

Franca x Limeira

13/01/2014

16ª

Limeira x Uberlândia

22/03/2014

34ª

Uberlândia x Limeira

16/01/2014

17ª

Goiânia x Limeira

27/03/2014

35ª

Limeira x Goiânia

18/01/2014

18ª

Brasília x Limeira

29/03/2014

36ª

Limeira x Brasília


MACAÉ BASQUETE Nº

Nome

Nome

7

Will

13

João

37

Nome Pablo

9

Fred

14

Oliveira

45

Romário

10

Duda

15

Márcio

55

Thiaguinho

11

Jamaal

21

Torres

99

Crucillo

12

Atílio

22

Espinoza


A Associação Macaé de Basquete (AMB) foi fundada no dia 17 de fevereiro de 2009 para dar continuidade ao time da cidade que já existia desde 2002 e que chegou, até, a disputar campeonatos nacionais adultos. Trabalhando ano a ano para retornar à elite do basquete brasileiro, o Macaé conquistou o vice-campeonato da Super Copa Brasil, em 2013, e, com isso, chegou ao Triangular de Acesso para o NBB. Diante de Fluminense e Tijuca, os macaenses terminaram a disputa na segunda posição e conseguiram o direito de pleitear a uma vaga para o principal campeonato do país.

Uniformes

O Macaé quer fazer bonito em sua temporada de estreia no NBB e pensando assim, contratou jogadores experientes e de alto nível, como o ala Duda Machado, bicampeão nacional com o Flamengo, o ala Márcio Dornelles, ex-Pinheiros, o armador Fred, vindo do Tijuca, e o pivô argentino Torres, ex-Fluminense. Além dos contratados, o Macaé manteve importantes peças, como o ala/pivô da seleção argentina Pablo Espinoza, o jovem João Phylippe, convocado para a Seleção Brasileira de Novos, e o armador norte-americano Jamaal Smith, queridinho da torcida macaense. A missão de comandar esse recheado time é de Léo Costa, que junto de seu irmão, o assistente Pablo Costa, tentará conduzir a equipe do norte-fluminense a uma ótima campanha.

Títulos Campeão do Torneio Carioca 2013

Vice-campeão da Super Copa Brasil 2013

Campeão do Jogos Abertos do Interior 2004

Campeão do Jogos Abertos Brasileiros 2005

Ficha Técnica Associação Macaé de Basquete Fundado em

17/02/2009 Endereço:

Rua Dr. Pereira de Souza, 117 Centro - Macaé/RJ Tel.: 22 2772-1952 Tênis Clube de Macaé Rua Dr. Pereira de Souza, 117 Centro - Macaé/RJ www.macaebasquete.com.br E-mail

associacao@macae.com.br @BasqueteMacae Presidente

Maria Florêncio Assessoria de Imprensa

86

Rafael Kassius rafael.mor@hotmail.com.br


Léo Costa Treinador Nascido em Franca (SP), conhecida como a “capital do basquete”, Léo Costa faz sua primeira participação em uma edição do NBB. Antes de tornar-se treinador, atuou nas categorias de base francanas e teve passagens por equipes importantes como Ribeirão Preto (SP), Palmeiras (SP) e pelo próprio Macaé (RJ). Ao encerrar sua carreira de atleta, em 2006, Léo assumiu a função de técnico da equipe juvenil do clube macaense, e logo em seu primeiro ano como treinador, foi chamado para comandar a seleção carioca sub-19, sagrando-se vice-campeão brasileiro daquele ano.

O treinador foi conquistando seu espaço e, rapidamente, assumiu o time principal do clube, onde foi um dos responsáveis pelo vice-campeonato da Super Copa Brasil 2013, competição que levou a equipe a pleitear uma vaga no NBB. Para sua estreia no maior campeonato de basquete do país, Léo Costa conta com um reforço bem familiar: seu irmão Pablo Costa, que deixou o cargo de assistente técnico do Franca para auxiliá-lo na primeira temporada do Macaé Basquete.

Equipe Técnica Pablo Costa

Assistente Técnico

Rafael Santos

Preparador Físico

Rodrigo Stefanelli Coordenador geral

Fabiana Santos Supervisora

Luiz Phelipe Machado Fisioterapeuta

Bruno Gonzalez Estatístico

Edson Meirelles Massagista

Édson Luiz Meirelles Alcideiveison Santos Mordomos

Patrocinadores

87


7 - Will

9 - Fred

Nome: William Lucas Evangelista Nasc.: 18/09/1984 | Uberaba/MG Altura: 1,85m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Sírio Libanês (MG) Clubes anteriores: Itápolis (SP), XV

Nome: Frederico Lima Santos Nasc.: 08/06/1980 | Acre/AC Altura: 1,80m Posição: Armador Clube de origem: Canto do Rio (RJ) Clubes anteriores: Fluminense (RJ),

de Piracicaba (SP), São Carlos (SP), Clube Campineiro de Regatas (SP) e Rio Claro (SP)

ESTREIA

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 37 36 MIN 19.97 18.42 2P% 54.44 44.90 3P% 38.36 45.95 LL% 71.64 74.42 RT 1.43 1.33 AS 2.92 1.92 BR 0.86 0.69 TO 0.00 0.00 ET 1.05 0.81 PTOS 6.22 6.17

2010-11 FLA 34 18.76 43.75 23.26 74.47 1.03 2.24 0.62 0.03 1.00 3.56

2011-12 FLA 35 13.72 47.62 28.21 86.96 0.60 1.11 0.40 0.00 0.74 2.66

2012-13 TIJ 28 28.04 38.58 39.24 71.25 2.89 3.07 0.89 0.04 1.46 8.86

Média da Carreira 170 19.44 45.13 37.01 73.85 1.40 2.22 0.69 0.01 0.99 5.38

11 - Jamaal

12 - Atílio

Nome: Jamaal Thaddius Smith Nasc.: 25/02/1985 |Los Angeles/EUA Altura: 1,75m Posição: Armador Clube de origem: Univ. of New

Nome: Atílio Leonardo G. de Mello Nasc.: 28/06/1982 |Marília/SP Altura:2,03m Posição: Pivô Clube de origem: Iara Marília (SP) Clubes anteriores: Franca (SP),

Mexico (USA)

Clubes anteriores: Beijing Aoshin

(CHI), CSN Bucareste (ROM)

ESTREIA

Pinheiros (SP), Paulistano (SP), Santo André (SP), São Caetano (SP) e Rio Claro (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FRA 13 7.64 61.11 0.00 71.43 1.31 0.15 0.15 0.00 0.85 3.77

2012-13 -

Média da Carreira 13 7.64 61.11 0.00 71.43 1.31 0.15 0.15 0.00 0.85 3.77

13 - João

15 - Márcio

Nome: João Phylippe Belmiro Bernardi Nasc.: 08/06/1990 | Ji-Paraná/RO Altura: 1,98m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Grêmio Náutico

Nome: Márcio da Silva Dornelles Nasc.: 29/12/1975 | Porto Alegre/RS Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: Sogipa (RS) Clubes anteriores: Jales (SP),

União (RS)

Clubes anteriores: Rio Claro (SP),

Jacareí (SP) e SPC College (USA)

ESTREIA 88

Botafogo (RJ), Ribeirão Preto (SP), Minas (MG), Rio Claro (SP), Macaé (RJ), Flamengo (RJ) e Tijuca (RJ)

Corinthians (SP), Ribeirão Preto (SP), Uberlândia (MG), Minas (MG), Campos (RJ), Ulbra (RS), Rio Claro (SP), Franca (SP) e Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA FRA JOGOS 18 31 MIN 31.55 28.38 2P% 42.57 58.11 3P% 42.20 39.82 LL% 61.46 63.08 RT 3.28 3.39 AS 1.72 1.19 BR 1.39 1.13 TO 0.06 0.23 ET 1.44 1.32 PTOS 17.94 15.32

2010-11 FRA 38 28.44 55.98 35.10 70.31 3.26 1.11 1.50 0.00 1.08 13.45

2011-12 FRA 30 27.59 49.43 38.46 80.56 3.03 1.27 1.00 0.13 1.07 12.20

2012-13 PIN 40 23.41 55.26 42.40 75.53 2.30 0.93 0.85 0.13 0.53 9.95

Média da Carreira 157 27.34 53.00 39.39 69.96 3.00 1.18 1.15 0.11 1.03 13.20


10 - Duda Nome: Eduardo Magalhães Machado Nasc.: 10/09/1982 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,91m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Fluminense (RJ) Clubes anteriores: Comary (RJ), Londrina (PR), Flamengo (RJ),

Limeira (SP), Brasília (DF) e Flamengo (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 37 37 MIN 28.61 32.10 2P% 58.09 51.80 3P% 26.40 40.67 LL% 76.47 81.48 RT 2.76 3.11 AS 3.68 3.32 BR 2.11 1.89 TO 0.16 0.24 ET 2.30 2.24 PTOS 10.95 12.57

2010-11 FLA 31 22.41 52.31 35.77 87.80 2.10 1.90 0.71 0.03 1.13 7.61

2011-12 FLA 37 14.88 63.04 36.80 84.62 1.30 1.05 0.54 0.00 0.81 5.89

2012-13 FLA 43 19.85 59.34 43.12 84.62 1.35 1.40 1.07 0.07 1.28 10.60

Média da Carreira 185 23.49 56.18 36.81 81.45 2.10 2.25 1.28 0.10 1.56 9.62

89


21 - Torres

45 - Romário

Nome: Juan Manuel Torres Nasc.: 24/02/1984 | Bahía Blanca/ARG Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: 9 de Julio (ARG) Clubes anteriores: Quimsa (ARG),

Nome: Romário J. de Oliveira Souza Nasc.: 06/01/1988 | Teófilo Otoni/MG Altura: 2,06m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Minas (MG) Clubes anteriores: College Southern

Bahia Blanca Basket (ARG) e Fluminense (RJ)

ESTREIA

Idaho (EUA), Louisiana Tech (EUA), Mackenzie (MG) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 36 10.58 43.70 0.00 74.19 2.08 0.33 0.36 0.17 0.72 3.53

Média da Carreira 36 10.58 43.70 0.00 74.19 2.08 0.33 0.36 0.17 0.72 3.53

55 - Thiaguinho Nome: Thiago Teixeira Basílio Nasc.: 24/08/1985 | São José do Rio

Preto/SP

Altura: 1,75m Posição: Armador Clube de origem: América (SP) Clubes anteriores: Macaé (RJ) e

Campos (RJ)

ESTREIA

22 - Espinoza 99 - Crucillo Nome: Leonardo dos S. Crucillo Nasc.: 24/09/1985 | São Bernardo do

Campo/SP

Altura: 1,88m Posição: Ala Clube de origem: Volkswagen Clube (SP) Clubes anteriores: Clube Espéria (SP),

Nome: Pablo Anibal Espinoza Nasc.: 21/03/1987 | Resistencia/ARG Altura: 2,00m Posição: Ala Clube de origem: Hindu Club (ARG) Clubes anteriores: Argentino de Junín (ARG),

Quilmes (ARG) e Obras Sanitarias (ARG)

Casa Branca (SP), Pinheiros (SP) e Palmeiras (SP)

ESTREIA ESTREIA 90

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2013-14 Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Macaé Basquete x Goiânia

21/11/2013

Pinheiros x Macaé Basquete

23/11/2013

Palmeiras x Macaé Basquete

28/11/2013

Macaé Basquete x Paulistano

30/11/2013

Macaé Basquete x Liga Sorocabana

05/12/2013

Espírito Santo x Macaé Basquete

07/12/2013

Minas x Macaé Basquete

12/12/2013

Macaé Basquete x São José Macaé Basquete x Brasília

16/12/2013

19/12/2013

11ª

Bauru x Macaé Basquete

21/12/2013

12ª

Limeira x Macaé Basquete

07/01/2014

13ª

Flamengo x Macaé Basquete

11/01/2014

15ª

Macaé Basquete x Basquete Cearense

13/01/2014

16ª

Macaé Basquete x Mogi das Cruzes

16/01/2014

17ª

Franca x Macaé Basquete

18/01/2014

18ª

Uberlândia x Macaé Basquete Goiânia x Macaé Basquete

23/01/2014

19ª

25/01/2014

20ª

Brasília x Macaé Basquete

30/01/2014

21ª

Macaé Basquete x Pinheiros

01/02/2014

22ª

Macaé Basquete x Palmeiras

06/02/2014

23ª

Paulistano x Macaé Basquete

08/02/2014

24ª

Liga Sorocabana x Macaé Basquete

13/02/2014

25ª

Macaé Basquete x Espírito Santo

15/02/2014

26ª

Macaé Basquete x Minas

25/02/2014

27ª

São José x Macaé Basquete

06/03/2014

29ª

Macaé Basquete x Bauru

08/03/2014

30ª

Macaé Basquete x Limeira

15/03/2014

32ª

Macaé Basquete x Flamengo

20/03/2014

33ª

Basquete Cearense x Macaé Basquete

22/03/2014

34ª

Mogi das Cruzes x Macaé Basquete

27/03/2014

35ª

Macaé Basquete x Franca

29/03/2014

36ª

Macaé Basquete x Uberlândia

91


92


MINAS Nº

Nome

Nome

Nome

5

Elinho

13

Wanderson

26

Betinho

7

Bruno

14

Demétrio

27

Moisés

8

Coelho

15

Júnior

28

Adriano

9

Rafa Moreira

18

Tobias

29

Siqueira

10

Ansaloni

24

Douglas Nunes

31

Cintra


Um dos maiores clubes do Brasil, o Minas Tênis Clube possui equipes profissionais em diferentes modalidades e o basquete é uma delas. Prova disso é que a equipe nunca ficou de fora da disputa do NBB desde a fundação do campeonato.

promessas da nova geração da modalidade no país, como o armador Henrique Coelho, o ala Danilo Siqueira e o ala/pivô Léo Demétrio. Para dar suporte à garotada, o clube de Belo Horizonte manteve o ala/armador Betinho e o ala/pivô Douglas Nunes em seu elenco e ainda contratou o armador Elinho, destaque do Paulistano nas últimas temporadas, e o experiente técnico argentino Carlos Romano, que já teve passagens por equipes brasileiras, como o Uberlândia e o Ulbra/Rio Claro.

Dono de um ótimo trabalho de base no basquete, o Minas ganhou destaque na formação de atletas nos últimos anos. Neste ritmo, a equipe apresenta um time jovem para o NBB 2013/2014, com a presença de

Uniformes

Títulos Campeão Sul-Americano de Clubes Campeões 2007

Campeão do Torneio Internacional Amsterdam 2007

10 vezes Campeão Mineiro Campeão do Torneio Internacional Mercosul 1993 Pentacampeão Metropolitano 1985, 86, 88, 91 e 94 Campeão Interestadual 1986 Campeão do Torneio José Bento 1993

Ficha Técnica Minas Tênis Clube Fundado em

15/11/1935 Endereço:

Rua da Bahia, 2244 Lourdes - Belo Horizonte/MG Tel.: 31 3516-1064 Arena Vivo Rua da Bahia, 2244 Lourdes - Belo Horizonte/MG www.minastenisclube.com.br @MinasTC Presidente

Osmar de Paula Júnior Assessoria de Imprensa

Samuel Santos imprensa@minastc.com.br

94


Carlos Romano Treinador Carlos Romano está de volta ao Brasil. Com passagens pelo país entre os anos de 2006 e 2007, pelas equipes de Uberlândia e Rio Claro, o argentino fará sua primeira aparição no NBB. Campeão mundial de clubes como jogador, com o Obras Sanitarias (ARG), em 1983, Romano iniciou sua carreira de técnico em seu país natal, em 1999, no comando do Peñarol de Mar del Plata. Permaneceu no clube platense até 2000 e depois dirigiu o Estudiantes de Olavarria, entre 2003 e 2005. Nas temporadas 2006 e 2007 retornou ao Peñarol e na sequência veio para o Brasil.

Após passagens por Uberlândia e Rio Claro, voltou à Argentina e assumiu o Quimsa de Santiago del Estero. Lá, conquistou sua maior glória como treinador: o título da Liga Sul-Americana 2009/2010. Antes de chegar ao comando do jovem time do Minas Tênis Clube, seu último time foi o La Unión Formosa, no primeiro semestre de 2013.

Equipe Técnica Cristiano Grama Assistente Técnico

Elton Rosa

Preparador Físico

Rogério Guedes Fisioterapeuta

Daniel Westin Supervisor

Rodrigo Araújo Médico

Eduardo de Almeida Pinto Diretor de Basquete

Patrocinadores

95


7 - Bruno

8 - Coelho

Nome: Bruno Irigoyen Nasc.: 16/04/1992 | Porto Alegre/RS Altura: 2,00m Posição: Ala Clube de origem: Sogipa (RS) Clubes anteriores: -

Nome: Henrique Coelho Nasc.: 17/02/1993 | Uberlândia/MG Altura: 1,82m Posição: Armador Clube de origem: Uberlândia (MG) Clubes anteriores: Palmeiras (SP),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE MIN JOGOS 1 MIN 1.00 2P% 0.00 3P% 0.00 LL% 0.00 RT 0.00 AS 0.00 BR 0.00 TO 0.00 ET 0.00 PTOS 0.00 -

2010-11 MIN 19 8.45 36.36 28.00 83.33 0.89 0.32 0.16 0.11 0.32 1.79

2011-12 MIN 26 19.70 42.19 34.21 95.24 1.69 1.00 0.42 0.12 1.00 5.85

2012-13 MIN 25 6.58 56.00 25.00 100.00 0.76 0.24 0.16 0.04 0.44 1.80

Média da Carreira 71 11.80 45.00 31.62 93.75 1.13 0.54 0.25 0.08 0.61 3.25

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 UBE 36 14.88 48.15 34.48 66.04 1.64 0.67 0.64 0.00 1.11 4.81

2012-13 MIN 36 13.41 50.00 30.77 84.21 1.25 0.64 0.58 0.00 0.89 3.11

Média da Carreira 72 14.14 49.02 33.33 70.83 1.44 0.65 0.61 0.00 1.00 3.96

9 - Rafa Moreira

10 - Ansaloni

Nome: Rafael Moreira da Silva Nasc.: 16/11/1991 | São Paulo/SP Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Corinthians (SP) Clubes anteriores: Limeira (SP), Jacareí

Nome: Ralfi Silva Ansaloni Nasc.: 26/12/1987 | Belo Horizonte/MG Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: Ginástico (MG) Clubes anteriores: Praia Clube (MG),

(SP) e Suzano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 SUZ 29 22.65 47.41 36.05 75.44 2.55 0.86 0.76 0.24 1.62 9.10

Média da Carreira 29 22.65 47.41 36.05 75.44 2.55 0.86 0.76 0.24 1.62 9.10

São Caetano (SP), Uberlândia (MG), Guarujá (SP), Vila Velha (ES), Olympico (MG) e Liga Sorocabana (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE VIV JOGOS 28 MIN 16.65 2P% 52.80 3P% 0.00 LL% 60.76 RT 3.54 AS 0.39 BR 0.39 TO 0.29 ET 1.32 PTOS 6.43

2010-11 VIV 28 21.05 48.43 33.33 66.98 4.46 0.32 0.21 0.21 1.64 8.14

2011-12 LSB 18 9.24 50.00 0.00 84.62 2.17 0.22 0.11 0.06 0.39 3.50

2012-13 MIN 28 7.33 47.06 0.00 65.38 2.00 0.18 0.07 0.14 0.39 2.93

Média da Carreira 102 13.99 49.87 10.00 65.60 3.13 0.28 0.21 0.19 0.99 5.42

13 - Wanderson

14 - Demétrio

Nome: Wanderson Camargo Trigueiro Nasc.: 10/05/1981 | Contagem/MG Altura: 2,04m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Minas (MG) Clubes anteriores: Mogi (SP),

Nome: Leonardo Demétrio Nasc.: 24/03/1994 | Curitiba/PR Altura: 2,01m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Círculo Militar (PR) Clubes anteriores: Paulistano (SP)

Uberlândia (MG), Keltek (PR), Rio Claro (SP), Quimsa (ARG), São José (SP) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE SJO JOGOS 33 MIN 27.78 2P% 59.18 3P% 37.08 LL% 79.41 RT 4.27 AS 1.15 BR 0.85 TO 0.30 ET 1.85 PTOS 13.73

96

Uberlândia (MG)

2010-11 SJO 31 20.00 60.00 27.12 85.71 3.39 1.19 0.65 0.29 0.97 7.35

2011-12 FRA 25 8.29 58.49 20.00 72.73 0.96 0.28 0.20 0.12 0.32 3.16

2012-13 TIJ 32 21.21 56.06 24.00 78.33 3.00 0.50 0.44 0.09 0.94 7.22

Média da Carreira 121 20.02 58.42 32.12 79.81 3.02 0.81 0.55 0.21 1.07 8.19

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 MIN 1 5.05 100.00 0.00 0.00 2.00 0.00 0.00 0.00 0.00 2.00

2012-13 MIN 12 3.61 42.86 33.33 0.00 0.75 0.00 0.25 0.00 0.25 0.75

Média da Carreira 13 3.72 50.00 25.00 0.00 0.85 0.00 0.23 0.00 0.23 0.85


5 - Elinho Nome: Elio Corazza Neto Nasc.: 27/12/1989 | São Bernardo do Campo/SP Altura: 1,90m Posição: Armador Clube de origem: Volkswagen (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP), MDC (EUA), São Caetano

(SP) e Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 PAU 9 13.79 40.00 28.57 75.00 1.44 0.67 0.78 0.00 1.89 2.56

2011-12 PAU 31 26.61 43.45 23.88 81.82 3.10 3.81 0.81 0.10 2.10 6.77

2012-13 PAU 42 26.51 45.85 39.16 67.44 2.83 3.36 0.83 0.07 2.38 11.07

Média da Carreira 82 25.15 44.79 33.93 71.19 2.78 3.23 0.82 0.07 2.22 8.51

97


26 - Betinho

27 - Moisés

Nome: José Roberto Nardi Duarte Nasc.: 24/05/1988 | Catanduva/SP Altura: 1,95m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: Rio Claro (SP) e

Nome: Moisés Barbosa de Lima Silva Nasc.: 27/07/1992 | Belo Horizonte/MG Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Minas (MG) Clubes anteriores: -

Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM PAU JOGOS 32 28 MIN 17.99 30.08 2P% 44.29 49.38 3P% 38.36 28.37 LL% 73.08 79.13 RT 1.63 3.75 AS 1.50 2.29 BR 0.94 1.32 TO 0.06 0.07 ET 1.06 2.36 PTOS 6.34 13.25

2010-11 PAU 28 26.64 44.44 36.97 80.59 3.36 2.36 1.68 0.21 2.71 15.61

2011-12 PAU 29 23.98 57.43 31.53 76.64 1.90 2.28 1.14 0.10 2.17 13.10

2012-13 MIN 37 31.45 52.90 31.33 78.54 2.95 3.08 1.86 0.27 2.51 16.95

Média da Carreira 154 26.12 50.46 32.62 78.16 2.69 2.32 1.40 0.15 2.16 13.10

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 MIN 2 2.26 0.00 0.00 0.00 1.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00

Média da Carreira 2 2.26 0.00 0.00 0.00 1.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00

28 - Adriano Nome: Adriano Ferraz Machado Nasc.: 28/01/1983 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Flamengo (RJ) Clubes anteriores: Casa Branca (SP),

Joinville (SC), Boston College (CHI), Uberlândia (MG), Londrina (PR), Paulistano (SP) e Basquete Cearense (CE)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI LON JOGOS 25 23 MIN 7.55 25.34 2P% 52.78 48.55 3P% 30.00 42.11 LL% 69.23 77.19 RT 1.72 6.61 AS 0.20 0.61 BR 0.24 0.52 TO 0.36 1.70 ET 0.84 2.39 PTOS 2.24 10.26

2010-11 ASS 25 21.89 43.92 23.53 77.78 4.68 0.84 0.44 1.40 1.40 7.36

2011-12 PAU 25 11.11 55.29 0.00 52.38 2.36 0.36 0.12 0.44 0.96 4.20

2012-13 CEA 32 5.70 50.70 0.00 76.19 1.50 0.19 0.25 0.13 0.41 2.75

Média da Carreira 130 13.68 48.93 31.25 73.49 3.22 0.42 0.31 0.75 1.14 5.15

24 - Douglas Nunes 29 - Siqueira Nome: Danilo Fuzaro Siqueira Nasc.: 10/01/1994 | Uberaba/MG Altura: 1,95m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Minas (MG) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

98

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 MIN 21 7.32 64.29 25.00 100.00 0.38 0.33 0.48 0.14 0.43 2.19

Média da Carreira 21 7.32 64.29 25.00 100.00 0.38 0.33 0.48 0.14 0.43 2.19

Nome: Douglas Ângelo Nunes Nasc.: 09/02/1987 | Uberlândia/MG Altura: 2,08m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Uberlândia (MG) Clubes anteriores: Pinheiros (SP), La

Coruña(ESP), Mérida (ESP) e Bauru (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 BAU 32 30.12 57.22 35.92 74.77 5.22 1.41 0.50 0.94 1.34 13.97

2011-12 BAU 29 28.85 53.47 35.29 79.63 4.34 1.03 0.62 0.83 1.38 11.14

2012-13 MIN 37 29.86 55.19 39.72 83.33 4.89 1.11 0.84 0.97 1.59 10.62

Média da Carreira 98 29.64 55.46 37.06 78.41 4.84 1.18 0.66 0.92 1.45 11.87

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

23/11/2012

Minas 77 x 70 Tijuca

29/11/2012

Joinville 73 x 55 Minas

01/12/2012

Limeira 85 x 87 Minas

Playoffs Data

Fase

16/04/2013 Oitavas

Jogo Minas 70 x 68 São José

06/12/2012

Minas 100 x 78 Suzano

19/04/2013 Oitavas

São José 61 x 60 Minas

08/12/2012

Minas 89 x 77 Palmeiras

20/04/2013 Oitavas

São José 67 x 64 Minas

22/04/2013 Oitavas

Minas 59 x 75 São José

13/12/2012

Paulistano 92 x 78 Minas

15/12/2012

Pinheiros 91 x 77 Minas

20/12/2012

Espírito Santo 82 x 84 Minas

05/01/2013

11ª

Minas 97 x 77 São José

07/01/2013

12ª

Minas 84 x 86 Mogi das Cruzes

10/01/2013

13ª

Uberlândia 88 x 86 Minas

12/01/2013

14ª

Franca 78 x 77 Minas

17/01/2013

15ª

Minas 86 x 90 Brasília

19/01/2013

16ª

Minas 76 x 74 Basquete Cearense

21/01/2013

Minas 90 x 105 Flamengo

24/01/2013

17ª

Liga Sorocabana 82 x 84 Minas

26/01/2013

18ª

Bauru 91 x 59 Minas

31/01/2013

19ª

Tijuca 65 x 75 Minas

02/02/2013

20ª

Flamengo 90 x 77 Minas

05/02/2013

21ª

Minas 78 x 69 Joinville

07/02/2013

22ª

Minas 81 x 61 Limeira

14/02/2013

23ª

Suzano 76 x 97 Minas

16/02/2013

24ª

Palmeiras 96 x 87 Minas

20/02/2013

25ª

Minas 109 x 114 Paulistano

23/02/2013

26ª

Minas 101 x 75 Pinheiros

07/03/2013

27ª

Minas 95 x 72 Espírito Santo

14/03/2013

29ª

São José 95 x 93 Minas

16/03/2013

30ª

Mogi das Cruzes 75 x 66 Minas  Minas 67 x 90 Uberlândia

21/03/2013

31ª

23/03/2013

32ª

Minas 58 x 60 Franca

04/04/2013

35ª

Minas 78 x 76 Liga Sorocabana

07/04/2013

33ª

Brasília 81 x 86 Minas

09/04/2013

34ª

Basquete Cearense 88 x 52 Minas

11/04/2013

36ª

Minas 64 x 77 Bauru

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

79.03

11

Rebotes

28.92

14

Ranking

Assistências

13.63

10

2 Pontos (%)

52,77

8

3 Pontos (%)

35.4

8

Lance Livre (%)

79.55

2

Tocos

2.39

6

Roubos de Bola

7.24

8

Erros

12.58

9

Faltas

20.68

11

Pontos Sofridos

80.26

10

99


Temporada 2013-14

100

Data

Rodada

Jogo

Espírito Santo x Minas

25/01/2014

20ª

Minas x Espírito Santo

Minas x São José

30/01/2014

21ª

São José x Minas

Rodada

Jogo

16/11/2013

21/11/2013

Data

23/11/2013

Bauru x Minas

06/02/2014

23ª

Minas x Bauru

30/11/2013

Limeira x Minas

08/02/2014

24ª

Minas x Limeira

05/12/2013

Minas x Flamengo

13/02/2014

25ª

Flamengo x Minas

07/12/2013

Minas x Macaé Basquete

15/02/2014

26ª

Macaé Basquete x Minas

12/12/2013

Basquete Cearense x Minas

25/02/2014

27ª

Minas x Basquete Cearense

14/12/2013

10ª

Mogi das Cruzes x Minas

27/02/2014

28ª

Minas x Mogi das Cruzes

19/12/2013

11ª

Minas x Franca

06/03/2014

29ª

Franca x Minas

21/12/2013

12ª

Minas x Uberlândia

08/03/2014

30ª

Uberlândia x Minas

05/01/2014

13ª

Goiânia x Minas

13/03/2014

31ª

Minas x Goiânia

07/01/2014

14ª

Brasília x Minas

15/03/2014

32ª

Minas x Brasília

11/01/2014

15ª

Minas x Pinheiros

20/03/2014

33ª

Pinheiros x Minas

13/01/2014

16ª

Minas x Palmeiras

22/03/2014

34ª

Palmeiras x Minas

16/01/2014

17ª

Paulistano x Minas

27/03/2014

35ª

Minas x Paulistano

18/01/2014

18ª

Liga Sorocabana x Minas

29/03/2014

36ª

Minas x Liga Sorocabana


MOGI DAS CRUZES Nº

Nome

Nome

Nome

4

Gustavinho

12

Santos

25

Pedro Macedo

5

White Jr.

13

Toledo

33

B. Simões

9

Lersch

14

Thomas

42

Jeff Agba

10

Jefferson Campos

16

Daniel Alemão

66

Bábby

11

Filipin

22

Patekoski


Tradicional praça do basquete nacional, a cidade de Mogi das Cruzes sempre teve a modalidade da bola laranja como um de seus principais esportes. Apesar de ter se profissionalizado apenas em 1995, a equipe acumulou sua primeira glória já em 96, com a conquista do Campeonato Paulista. Depois de figurar por quase dez anos entre as principais agremiações de basquete do país, Mogi encerrou suas atividades em 2004. Porém a ausência da cidade na elite da modalidade não durou muito.

Uniformes

A equipe voltou à ativa em 2011 e logo conquistou o título da Super Copa Brasil 2012, torneio que garantiu o esquadrão paulista na temporada 2012/2013 do NBB. Em sua estreia na principal competiçã de basquete do país, Mogi terminou na 14ª colocação. Mas para esta temporada, a equipe qualificou seu plantel. Os principais nomes do time, o pivô Bábby, o ala Guilherme Filipin e o armador Gustavinho permaneceram, enquanto que o jovem ala/armador Jefferson Campos, o ala Marcus Toledo, que estava há nove anos na Europa, e os pivôs Daniel Alemão e Jeff Agba foram contratados.

Títulos Campeão da Super Copa Brasil 2012

Campeão Paulista 1996

Ficha Técnica Grêmio Esportivo Mogiano Fundado em

19/06/1984 Endereço:

Rua Professor Ismael Alves dos Santos, s/nº Mogi das Cruzes/SP Tel.: 11 4699-2282 Ginásio Municipal Professor Hugo Ramos Rua Professor Ismael Alves dos Santos, s/nº Mogi das Cruzes/SP www.mogidascruzesbasquete.com.br E-mail

contato@mogidascruzesbasquete.com.br @basqueteMC Presidente

Reiad Abdu Arab Assessoria de Imprensa

102

Guilherme Piacente contato@mogidascruzesbasquete.com.br


Paco García Treinador Nascido em Valladolid, na Espanha, Franscisco “Paco” García, irá para sua segunda temporada no comando do Mogi, depois de debutar em solo brasileiro à frente da equipe na última temporada do NBB. Com um vasto currículo, “Paco” trabalhou em times da Liga ACB, principal competição de seu país e uma das maiores de todo o planeta. Além disso, acumulou passagens por equipes da Venezuela e do Líbano.

O treinador também comandou seleções de base da Espanha e teve conquistas importantes, como a medalha de prata no Campeonato Europeu Sub-22, em 1996. Antes de chegar ao Mogi das Cruzes, o treinador espanhol, de 47 anos, dirigiu a seleção da República Centro-Africana.

Equipe Técnica Danilo Korber Padovani Assistente Técnico

Eric Ferreira Ruiz Preparador Físico

Atilio Mauro Suarti Guilherme J. G. de França Fisioterapeuta

Ewerton Komatsubara Diretor

Wagner Roberto de Oliveira Mordomo

Patrocinadores

103


4 - Gustavinho

5 - White Jr.

Nome: Gustavo Santos Pereira Lima Nasc.: 05/07/1985 | São Paulo/SP Altura: 1,78m Posição: Armador Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: Joinville (SC) e

Nome: Tony Fitzgerald White Jr. Nasc.: 22/09/1988 | Texas/EUA Altura: 1,84m Posição: Armador Clube de origem: Col. of Charleston (EUA) Clubes anteriores: BSV Wulfen (ALE) e

Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN PIN JOGOS 3 13 MIN 7.44 17.60 2P% 14.29 51.35 3P% 0.00 41.67 LL% 75.00 57.14 RT 1.00 1.31 AS 0.67 1.77 BR 0.00 0.46 TO 0.00 0.00 ET 1.00 0.69 PTOS 1.67 4.69

2010-11 PIN 14 5.98 40.00 22.22 25.00 0.57 1.07 0.50 0.00 0.86 1.07

2011-12 -

2012-13 MOG 24 18.39 47.00 20.51 70.59 1.42 2.33 0.88 0.00 2.42 6.42

Média da Carreira 54 14.37 46.10 24.59 65.75 1.15 1.78 0.63 0.00 1.52 4.35

ESTREIA

10 - Jefferson Campos

13 - Toledo

Nome: Jefferson Campos Nasc.: 09/02/1981 | Guarulhos/SP Altura: 1,86m Posição: Armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Vila Velha (ES) e

Nome: Marcus Vinicius Toledo Nasc.: 10/04/1986 | São Paulo/SP Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Monte Líbano (SP) Clubes anteriores: Hebraica (SP), CB

Suzano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PAU JOGOS 23 10 MIN 15.16 13.28 2P% 52.78 33.33 3P% 32.56 42.86 LL% 64.29 62.50 RT 1.13 0.70 AS 1.74 0.70 BR 0.91 0.70 TO 0.26 0.10 ET 2.04 0.70 PTOS 4.26 2.20

2010-11 PAU 27 11.87 49.12 23.81 73.33 0.93 1.11 0.70 0.15 1.41 4.00

2011-12 VIV 26 22.52 45.00 30.11 72.97 1.77 2.15 1.65 0.15 2.58 7.04

2012-13 SUZ 33 36.23 50.20 26.95 77.33 3.09 4.18 1.94 0.15 3.39 15.24

Média da Carreira 119 21.71 48.85 28.41 74.31 1.73 2.28 1.29 0.17 2.28 7.68

Tarragona (ESP), Manresa (ESP), CB Lleida (ESP), CB Valls (ESP) CB L’Hosptalet (ESP) e Burgos (ESP)

ESTREIA

14 - Thomas

16 - Daniel Alemão

Nome: Thomas Lutke Gerhke Nasc.: 24/06/1982 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 2,05m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: São Paulo (SP) Clubes anteriores: Franca (SP), Guarujá

Nome: Daniel M. de Barros Castellar Nasc.: 14/12/1983 | Limeira/SP Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: Araras (SP), Rio

(SP), Paulistano (SP), Rio Claro (SP) e Pinheiros (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PIN JOGOS 28 20 MIN 24.93 10.39 2P% 55.42 54.55 3P% 26.09 37.50 LL% 70.34 67.74 RT 5.96 1.50 AS 1.07 0.25 BR 0.39 0.10 TO 0.54 0.20 ET 1.82 0.55 PTOS 10.82 3.90

104

Barsy Atran Kazan (RUS)

2010-11 PIN 30 9.01 53.97 22.22 80.65 1.47 0.23 0.10 0.20 0.53 3.70

2011-12 -

2012-13 MOG 34 30.86 47.86 29.79 77.98 6.53 1.62 0.53 0.47 1.88 13.47

Média da Carreira 112 19.87 51.51 27.34 75.13 4.13 0.87 0.30 0.37 1.27 8.48

Pardo (SP), Arthur Nogueira (SP) e Limeira (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 LIM 31 19.82 53.88 0.00 58.16 6.26 0.45 0.71 1.16 1.45 9.90

2011-12 LIM 27 17.15 56.89 0.00 67.24 4.78 0.11 0.96 0.74 0.96 8.48

2012-13 LIM 39 21.67 56.02 0.00 64.15 7.38 1.21 0.90 0.49 1.49 9.38

Média da Carreira 97 19.82 55.49 0.00 62.60 6.30 0.66 0.86 0.77 1.33 9.30


66 - Bábby Nome: Rafael Paulo de Lara Araújo Nasc.: 12/10/1980 | Curitiba/PR Altura: 2,10m Posição: Pivô Clube de origem: Universidade Arizona Western (EUA) Clubes anteriores: Toronto Raptors (NBA), Utah Jazz (NBA),

Spartak (RUS), Paulistano (SP), Flamengo (RJ) e Franca (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA PAU JOGOS 36 16 MIN 22.46 26.09 2P% 63.23 52.17 3P% 20.00 50.00 LL% 73.33 60.66 RT 6.06 7.50 AS 0.86 0.56 BR 0.53 0.63 TO 0.39 0.38 ET 2.33 1.75 PTOS 13.06 14.31

2010-11 FLA 24 21.55 63.02 0.00 72.00 5.83 0.63 0.67 0.13 1.67 12.33

2011-12 FRA 6 21.30 43.59 0.00 77.78 4.67 1.50 0.50 0.17 2.00 6.83

2012-13 MOG 31 27.68 49.06 23.53 83.33 8.74 1.23 0.77 0.26 2.87 14.65

Média da Carreira 113 24.15 56.14 32.50 75.00 6.88 0.90 0.64 0.28 2.24 13.19

105


22 - Patekoski

25 - Pedro Macedo

Nome: Pedro Luiz Patekoski Moraes Nasc.: 22/07/1989 | Registro/SP Altura: 1,98m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Sorocaba (SP) Clubes anteriores: Sorocaba (SP) e

Nome: Pedro Henrique C. de Macedo Nasc.: 23/04/1993 | São José do Rio

Jacareí (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

Preto/SP

Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Automóvel Clube de

Rio Preto (SP)

Clubes anteriores: Pinheiros (SP)

2011-12 -

2012-13 MOG 32 17.26 47.75 46.43 66.67 3.09 0.44 0.47 0.06 0.97 5.28

Média da Carreira 32 17.26 47.75 46.43 66.67 3.09 0.44 0.47 0.06 0.97 5.28

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 PIN 8 2.02 50.00 60.00 0.00 0.25 0.00 0.13 0.00 0.13 1.38

2012-13 PIN 2 3.32 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 0.00 2.00 0.00

Média da Carreira 10 2.28 50.00 60.00 0.00 0.20 0.00 0.10 0.00 0.50 1.10

33 - B. Simões Nome: Ted Marcos Bento Simões Nasc.: 03/03/1980 | Sorocaba/SP Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP), Assis

(SP), Flamengo (RJ), Tijuca (RJ) e Americana (SP)

ESTREIA

11 - Filipin 42 - Jeff Agba Nome: Chin Wuba U. Jefferson Agba Nasc.: 12/01/1980 | Bloomington/EUA Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Tromso Storms (NOR) Clubes anteriores: Boston College

(CHI), Independiente (ARG), Bauru (SP) e Minas (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU JOGOS 27 MIN 29.63 2P% 54.64 3P% 14.29 LL% 81.72 RT 7.70 AS 0.37 BR 0.81 TO 0.74 ET 1.59 PTOS 14.70

106

2010-11 BAU 33 26.92 58.13 25.00 74.76 7.55 0.48 0.45 0.55 1.45 14.12

2011-12 BAU 32 28.56 60.40 25.00 81.56 7.97 0.34 0.84 0.16 1.91 15.13

2012-13 BAU 38 25.64 57.28 0.00 69.52 7.00 0.82 0.39 0.26 1.21 11.24

Média da Carreira 130 27.51 57.65 15.79 77.15 7.52 0.52 0.61 0.41 1.52 13.65

Nome: Guilherme Filipin Alves Pereira Nasc.: 07/08/1983 | São Paulo/SP Altura: 1,90m Posição: Ala Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: Campos (RJ), Rio Claro

(SP), Bauru (SP), Liga Sorocabana (SP), Paulistano (SP), Londrina (PR) e Vitória (ES)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN LON JOGOS 19 26 MIN 6.30 34.28 2P% 53.85 56.79 3P% 42.11 35.87 LL% 85.71 81.07 RT 0.79 3.15 AS 0.21 1.77 BR 0.21 1.04 TO 0.00 0.12 ET 0.63 2.42 PTOS 2.63 21.12

2010-11 VIT 27 29.27 47.83 38.28 79.78 3.41 1.41 0.81 0.22 1.67 11.33

2011-12 -

2012-13 MOG 33 26.16 53.01 40.54 82.44 3.36 1.58 0.85 0.09 1.79 12.70

Média da Carreira 105 25.38 53.35 38.01 81.36 2.86 1.33 0.77 0.11 1.70 12.61

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Mogi das Cruzes 71 x 59 Liga Sorocabana

26/11/2012

Mogi das Cruzes 73 x 80 Bauru

29/11/2012

Tijuca 76 x 67 Mogi das Cruzes

06/12/2012

Mogi das Cruzes 68 x 70 Joinville

08/12/2012

Mogi das Cruzes 72 x 89 Limeira

13/12/2012

Suzano 78 x 77 Mogi das Cruzes

15/12/2012

Mogi das Cruzes 78 x 75 Palmeiras

17/12/2012

Flamengo 70 x 64 Mogi das Cruzes

20/12/2012

Mogi das Cruzes 77 x 73 Paulistano

22/12/2012

10ª

Mogi das Cruzes 76 x 95 Pinheiros

05/01/2013

11ª

Espírito Santo 92 x 85 Mogi das Cruzes

07/01/2013

12ª

Minas 84 x 86 Mogi das Cruzes

10/01/2013

13ª

São José 105 x 67 Mogi das Cruzes

17/01/2013

15ª

Mogi das Cruzes 83 x 81 Uberlândia

19/01/2013

16ª

Mogi das Cruzes 59 x 95 Franca

24/01/2013

17ª

Brasília 94 x 67 Mogi das Cruzes

26/01/2013

18ª

Basquete Cearense 71 x 74 Mogi das Cruzes

31/01/2013

19ª

Liga Sorocabana 81 x 74 Mogi das Cruzes

02/02/2013

20ª

Bauru 87 x 84  Mogi das Cruzes

05/02/2013

21ª

Mogi das Cruzes 68 x 83 Tijuca

14/02/2013

23ª

Joinville 85 x 90 Mogi das Cruzes

16/02/2013

24ª

Limeira 71 x 79 Mogi das Cruzes

21/02/2013

25ª

Mogi das Cruzes 86 x 65 Suzano

23/02/2013

26ª

Palmeiras 86 x 77 Mogi das Cruzes

04/03/2013

22ª

Mogi das Cruzes 64 x 86 Flamengo  Paulistano 67 x 77 Mogi das Cruzes

07/03/2013

27ª

09/03/2013

28ª

Pinheiros 118 x 82 Mogi das Cruzes

14/03/2013

29ª

Mogi das Cruzes 76 x 85 Espírito Santo

16/03/2013

30ª

Mogi das Cruzes 75 x 66 Minas

19/03/2013

31ª

Mogi das Cruzes 60 x 93 São José  Uberlândia 75 x 68 Mogi das Cruzes

28/03/2013

33ª

30/03/2013

34ª

Franca 79 x 71 Mogi das Cruzes

04/04/2013

35ª

Mogi das Cruzes 91 x 96 Brasília

06/04/2013

36ª

Mogi das Cruzes 80 x 86 Basquete Cearense

Playoffs Não participou dos playoffs no NBB 2012-13

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

74.88

16

Rebotes

31.74

5

Assistências

12.44

12

2 Pontos (%)

46,23

18

3 Pontos (%)

33.87

12

Lance Livre (%)

75.37

7

Tocos

1.32

18

Roubos de Bola

5.50

18

Erros

12.59

10

Faltas

22.56

18

Pontos Sofridos

82.24

14

107


Temporada 2013-14

108

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Mogi das Cruzes x Franca

23/01/2014

19ª

Franca x Mogi das Cruzes

16/11/2013

Mogi das Cruzes x Uberlândia

25/01/2014

20ª

Uberlândia x Mogi das Cruzes

21/11/2013

Goiânia x Mogi das Cruzes

30/01/2014

21ª

Mogi das Cruzes x Goiânia

23/11/2013

Brasília x Mogi das Cruzes

01/02/2014

22ª

Mogi das Cruzes x Brasília

28/11/2013

Mogi das Cruzes x Pinheiros

06/02/2014

23ª

Pinheiros x Mogi das Cruzes

30/11/2013

Mogi das Cruzes x Palmeiras

08/02/2014

24ª

Palmeiras x Mogi das Cruzes

05/12/2013

Paulistano x Mogi das Cruzes

13/02/2014

25ª

Mogi das Cruzes x Paulistano

07/12/2013

Liga Sorocabana x Mogi das Cruzes

15/02/2014

26ª

Mogi das Cruzes x Liga Sorocabana

12/12/2013

Mogi das Cruzes x Espírito Santo

25/02/2014

27ª

Espírito Santo x Mogi das Cruzes

14/12/2013

10ª

Mogi das Cruzes x Minas

27/02/2014

28ª

Minas x Mogi das Cruzes

19/12/2013

11ª

São José x Mogi das Cruzes

06/03/2014

29ª

Mogi das Cruzes x São José

05/01/2014

13ª

Mogi das Cruzes x Bauru

13/03/2014

31ª

Bauru x Mogi das Cruzes

07/01/2014

14ª

Mogi das Cruzes x Limeira

15/03/2014

32ª

Limeira x Mogi das Cruzes

11/01/2014

15ª

Flamengo x Mogi das Cruzes

20/03/2014

33ª

Mogi das Cruzes x Flamengo

13/01/2014

16ª

Macaé Basquete x Mogi das Cruzes

22/03/2014

34ª

Mogi das Cruzes x Macaé Basquete

18/01/2014

18ª

Basquete Cearense x Mogi das Cruzes

29/03/2014

36ª

Mogi das Cruzes x Basquete Cearense


PALMEIRAS Nº

Nome

Nome

Nome

4

Lucas

11

Marcão

30

Wiggins Mogi

7

Éder

12

Wesley

32

8

Thyago Aleo

14

Neto

33

Guto

9

Caleb Brown

15

Igor

71

Dos Santos

10

Léo Eltink

20

Tiagão

88

Curnell


Em 1923, foi fundado o departamento de basquete do Palestra Itália, antigo nome da Sociedade Esportiva Palmeiras. O clube foi um dos fundadores da Federação Paulista de Basquete e, desde aquela época, possui uma enorme tradição na modalidade. Doze vezes campeão estadual e vencedor do título nacional de 1977, o Palmeiras já revelou uma série de craques do basquete nacional, como Rosa Branca, Edvar Simões, Carioquinha, Oscar Schmidt e, mais recentemente, o ala/armador Leandrinho.

Uniformes

Depois de alguns anos inativo na equipe adulta, o alviverde retornou com força total e conseguiu sua vaga no NBB na última temporada, após o vice-campeonato na Super Copa Brasil de 2012. Para sua segunda temporada no NBB, o Palmeiras manteve a base do elenco e renovou com alguns de seus principais jogadores, como o trio norte-americano, formado por Brown, Wiggins e Tyrone, e os experientes pivôs Tiagão e Marcão. Além dos atletas que permaneceram, o clube do Palestra Itália trouxe três reforços: os armadores Neto e Thyago Aleo, vindos de Liga Sorocabana e Joinville, respectivamente, e o pivô Átila Santos, que estava no basquete da Bulgária.

Títulos Campeão Brasileiro - CBB 1977

12 vezes Campeão Paulista Campeão da Copa Interamericana 1974

Tetracampeão do Torneio Rio São Paulo 1933, 58, 59, 62

Ficha Técnica Sociedade Esportiva Palmeiras Fundado em

26/08/1914 Endereço:

Rua Turiassu, 1840 Perdizes - São Paulo/SP Tel.: 11 3874-6500 Ginásio Palestra Itália Rua Turiassu, 1840 Perdizes - São Paulo/SP www.palmeiras.com.br E-mail

secretariaesportiva@palmeiras.com.br @PalmeirasMeltex Presidente

Paulo Nobre Assessoria de Imprensa

110

Jairo Giovenardi Jairo@pressfc.com.br


Betão Treinador Hebert Coimbra, o Betão, assumiu o comando do time adulto com a temporada 2013/2014 do NBB em andamento. O novo treinador substituiu o experiente Ênio Vecchi, que passou a ser o coordenador da modalidade no Palmeiras. Ex-jogador de basquete, Betão atuou por tradicionais clubes brasileiros, como o próprio Palmeiras, em 1992, Limeira, Monte Líbano, Blumenau, Rio de Janeiro/Telemar e Ulbra/São Bernardo, antes de tornar-se treinador. Sua principal característica como atleta era o arremesso de 3 pontos.

Como técnico em time adulto, o novo comandante palmeirense conquistou a Copa Brasil Norte, em 2011, e ficou em quarto lugar na Super Copa Brasil, do mesmo ano, pelo São José, de Macapá (AP). Já pelo clube alviverde, o treinador conquistou o título paulista sub-14 neste ano, e ainda foi vice-campeão no sub-17.

Equipe Técnica Eran Sherzer

Assistente Técnico

Chiaretto Alves Costa Preparador Físico

Álvaro Francisco Ferreira Neto Fisioterapeuta

Lucas Moura Costa Supervisor

Willians Manzini Ribeiro Estatístico

José Alcione Macedo de Almeida Médico

Marcelo Militão de Carvalho Aurélio Ribeiro Gama Mordomo

Patrocinadores

111


4 - Lucas

7 - Éder

Nome: Lucas Farina de Lima Nasc.: 21/06/1995 | Blumenau/SC Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Blumenau (SC) Clubes anteriores: -

Nome: Éder Borges de Araújo Nasc.: 04/05/1981 | São Paulo /SP Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Banespa (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

ESTREIA

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 VIV 34 21.88 50.50 18.18 73.61 3.97 0.41 0.24 0.18 1.03 7.68

Média da Carreira 34 21.88 50.50 18.18 73.61 3.97 0.41 0.24 0.18 1.03 7.68

8 - Thyago Aleo

9 - Caleb Brown

Nome: Thyago Taroni Aleo Nasc.: 20/01/1989 | São Paulo/SP Altura: 1,87m Posição: Armador Clube de origem: Hebraica (SP) Clubes anteriores: Valência (ESP),

Nome: Caleb Franklin Brown Nasc.: 14/06/1989 | Memphis/EUA Altura: 1,84m Posição: Armador Clube de origem: Austin Peay College

Mérida (ESP), Santo André (SP), Londrina (SP) e Bauru (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LON JOGOS 21 MIN 27.89 2P% 51.72 3P% 31.82 LL% 83.67 RT 2.14 AS 2.38 BR 1.05 TO 0.00 ET 2.48 PTOS 10.24

2010-11 BAU 32 10.36 26.67 33.33 90.48 1.25 1.56 0.47 0.03 0.84 2.03

2011-12 BAU 25 8.79 46.43 34.78 78.26 1.20 0.80 0.32 0.04 0.92 2.72

2012-13 JOI 28 29.92 42.76 32.19 81.08 3.14 3.25 1.36 0.00 2.75 11.82

Média da Carreira 106 18.63 44.11 32.40 82.63 1.92 1.99 0.78 0.02 1.69 6.41

(EUA)

Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 33 33.73 46.64 33.13 71.81 4.06 3.64 1.70 0.09 2.24 15.82

Média da Carreira 33 33.73 46.64 33.13 71.81 4.06 3.64 1.70 0.09 2.24 15.82

11 - Marcão

15 - Igor

Nome: Marcos Vinicius Inácio Nasc.: 10/08/1984 | São Paulo/SP Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: Monte Líbano (SP) Clubes anteriores: Palmeiras (SP),

Nome: Igor Dal Col Tormar Nasc.: 29/09/1994 | Santo André/SP Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Espéria (SP) Clubes anteriores: -

Araraquara (SP), Lajeado (RS), Piracicaba (SP) e Guarujá (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA ARA JOGOS 21 30 MIN 19.83 12.76 2P% 49.40 48.10 3P% 21.43 0.00 LL% 69.05 72.34 RT 3.76 2.53 AS 0.71 0.27 BR 0.14 0.20 TO 1.19 0.43 ET 1.81 1.00 PTOS 5.71 3.67

112

Pioneros (MEX), Al Jalaa (SIR), Mogi (SP), Hebraica (URU), Vila Velha (ES) e Rio Claro (SP)

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 34 20.01 48.15 33.33 81.19 3.26 0.85 0.56 0.35 1.15 7.53

Média da Carreira 85 17.41 48.46 26.47 76.32 3.13 0.61 0.33 0.59 1.26 5.72

ESTREIA


88 - Tyrone Nome: Tyrone Curnell Nasc.: 22/04/1988 | New York/EUA Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Valdosta State University (EUA) Clubes anteriores: Barreinse (POR) e Kazma (KUW)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 20 28.99 48.85 26.83 58.06 4.60 1.35 1.35 0.30 2.70 12.40

Média da Carreira 20 28.99 48.85 26.83 58.06 4.60 1.35 1.35 0.30 2.70 12.40

113


20 - Tiagão

30 - Wiggins

Nome: Tiago Valentim de Lima Nasc.: 07/03/1981 | São Paulo/SP Altura: 2,00m Posição: Pivô Clube de origem: Palmeiras (SP) Clubes anteriores: COC/Ribeirão Preto

Nome: Antwaine Jermaine Wiggins Nasc.: 23/12/1988 | Kingston/EUA Altura: 2,05m Posição: Ala Clube de origem: College of Charleston

(SP), Guarujá (SP), Paulistano (SP) e Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI JOI JOGOS 31 30 MIN 19.34 27.75 2P% 57.76 49.43 3P% 31.48 37.36 LL% 64.81 68.85 RT 4.87 7.17 AS 0.48 0.90 BR 0.74 0.83 TO 0.32 0.53 ET 1.06 1.47 PTOS 7.10 10.53

2010-11 JOI 37 22.09 53.21 36.84 74.42 5.14 1.00 0.95 0.24 0.81 8.54

2011-12 JOI 27 15.51 48.00 38.64 80.95 3.52 0.37 0.52 0.30 1.07 6.70

2012-13 PAL 33 28.70 46.86 39.66 76.92 6.30 1.18 0.91 0.42 1.09 10.67

Média da Carreira 158 22.88 50.59 37.20 72.83 5.44 0.81 0.80 0.36 1.09 8.77

(EUA)

Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 29 27.83 55.65 29.51 53.97 5.55 1.34 1.48 0.24 1.86 13.03

Média da Carreira 29 27.83 55.65 29.51 53.97 5.55 1.34 1.48 0.24 1.86 13.03

33 - Guto Nome: Gutemberg Pereira de Souza Nasc.: 13/01/1983 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,90m Posição: Armador Clube de origem: Flamengo (RJ) Clubes anteriores: Londrina (PR),

Fluminense (RJ) e Flamengo (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 FLA 25 13.26 65.00 35.85 60.00 0.40 0.36 0.24 0.04 0.24 3.44

2011-12 FLA 16 5.93 75.00 46.15 0.00 0.19 0.19 0.06 0.00 0.19 1.50

2012-13 PAL 27 27.49 51.22 37.82 76.27 1.48 0.96 0.81 0.00 1.07 11.33

Média da Carreira 68 17.19 54.72 37.84 75.00 0.78 0.56 0.43 0.01 0.56 6.12

14 - Neto 71 - Dos Santos Nome: Átila Sacramento dos Santos Nasc.: 15/09/1983 | Salvador/BA Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Cherno More (BUL) Clubes anteriores: Tenerife Rural (ESP),

Bakersfield Jam (EUA), Flamengo (RJ) e Balkan (BUL)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

114

2010-11 FLA 35 14.52 50.38 0.00 55.84 3.91 0.26 0.31 0.60 1.17 5.00

2011-12 FLA 21 10.52 52.38 0.00 64.71 2.33 0.19 0.33 0.62 1.05 4.71

2012-13 -

Média da Carreira 56 13.02 51.03 0.00 59.38 3.32 0.23 0.32 0.61 1.13 4.89

Nome: Arlindo Gomes Baltazar Neto Nasc.: 05/01/1986 | Vilhena/RO Altura: 1,86m Posição: Armador Clube de origem: Ribeirão Preto (SP) Clubes anteriores: Bauru (SP), Guarujá (SP),

São Carlos (SP), Araraquara (SP) e Limeira (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA ARA JOGOS 21 27 MIN 36.35 25.27 2P% 55.38 48.51 3P% 36.43 26.47 LL% 82.89 70.83 RT 2.86 2.85 AS 5.90 3.11 BR 2.19 1.37 TO 0.00 0.00 ET 4.43 2.37 PTOS 16.57 9.07

2010-11 ARA 31 19.21 45.37 35.38 75.86 1.23 2.10 0.90 0.06 1.74 6.81

2011-12 LIM 32 20.16 52.43 28.26 86.27 1.47 2.16 0.94 0.00 0.97 7.19

2012-13 LSB 37 33.17 55.78 30.91 70.59 2.32 1.92 2.11 0.11 1.97 13.65

Média da Carreira 148 26.44 52.34 31.46 76.72 2.08 2.79 1.48 0.04 2.13 10.40

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Palmeiras 95 x 86 Suzano

29/11/2012

Palmeiras 79 x 86 Paulistano

06/12/2012

Espírito Santo 68 x 59 Palmeiras

08/12/2012

Minas 89 x 77 Palmeiras

13/12/2012

Palmeiras 75 x 66 São José

15/12/2012

Mogi das Cruzes 78 x 75 Palmeiras

19/12/2012

Uberlândia 89 x 73 Palmeiras

22/12/2012

10ª

Franca 82 x 61 Palmeiras

05/01/2013

11ª

Palmeiras 78 x 88 Brasília

07/01/2013

12ª

Palmeiras 81 x 86 Basquete Cearense

10/01/2013

13ª

Liga Sorocabana 93 x 73 Palmeiras

12/01/2013

14ª

Bauru 91 x 67 Palmeiras

15/01/2013

Palmeiras 85 x 94 Pinheiros

17/01/2013

15ª

Palmeiras 77 x 79 Tijuca

19/01/2013

16ª

Palmeiras 61 x 106 Flamengo

24/01/2013

17ª

Joinville 75 x 60 Palmeiras

26/01/2013

18ª

Limeira 75 x 65 Palmeiras

31/01/2013

19ª

Suzano 79 x 87 Palmeiras

05/02/2013

21ª

Paulistano 83 x 69 Palmeiras

07/02/2013

22ª

Pinheiros 87 x 82 Palmeiras

14/02/2013

23ª

Palmeiras 87 x 65 Espírito Santo

16/02/2013

24ª

Palmeiras 96 x 87 Minas

19/02/2013

25ª

São José 77 x 65 Palmeiras

23/02/2013

26ª

Palmeiras 86 x 77 Mogi das Cruzes

07/03/2013

27ª

Palmeiras 112 x 104 Uberlândia

09/03/2013

28ª

Palmeiras 87 x 77 Franca

14/03/2013

29ª

Brasília 99 x 81 Palmeiras

16/03/2013

30ª

Basquete Cearense 85 x 83 Palmeiras

21/03/2013

31ª

Palmeiras 85 x 77 Liga Sorocabana

23/03/2013

32ª

Palmeiras 89 x 83 Bauru

28/03/2013

34ª

Flamengo 81 x 61 Palmeiras

30/03/2013

33ª

Tijuca 82 x 79 Palmeiras

04/04/2013

35ª

Palmeiras 92 x 86 Joinville

06/04/2013

36ª

Palmeiras 72 x 68 Limeira

Playoffs Não participou dos playoffs no NBB 2012-13

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

78.06

12

Rebotes

30.56

9

Assistências

12.18

14

2 Pontos (%)

48,45

17

3 Pontos (%)

33.29

13

Lance Livre (%)

68,10

16

Tocos

1.68

11

Roubos de Bola

7.76

4

Erros

13.74

16

Faltas

21.47

15

Pontos Sofridos

83.18

15

115


Temporada 2013-14

116

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Bauru x Palmeiras

23/01/2014

19ª

Palmeiras x Bauru

16/11/2013

Palmeiras x Limeira

25/01/2014

20ª

Limeira x Palmeiras

21/11/2013

Palmeiras x Flamengo

30/01/2014

21ª

Flamengo x Palmeiras

23/11/2013

Palmeiras x Macaé Basquete

01/02/2014

22ª

Macaé Basquete x Palmeiras

28/11/2013

Basquete Cearense x Palmeiras

06/02/2014

23ª

Palmeiras x Basquete Cearense Palmeiras x Mogi das Cruzes

30/11/2013

Mogi das Cruzes x Palmeiras

08/02/2014

24ª

05/12/2013

Palmeiras x Franca

13/02/2014

25ª

Franca x Palmeiras

07/12/2013

Palmeiras x Uberlândia

15/02/2014

26ª

Uberlândia x Palmeiras

12/12/2013

Goiânia x Palmeiras

25/02/2014

27ª

Palmeiras x Goiânia

14/12/2013

10ª

Brasília x Palmeiras

27/02/2014

28ª

Palmeiras x Brasília

21/12/2013

12ª

Pinheiros x Palmeiras

08/03/2014

30ª

Palmeiras x Pinheiros

05/01/2014

13ª

Palmeiras x Paulistano

13/03/2014

31ª

Paulistano x Palmeiras

07/01/2014

14ª

Palmeiras x Liga Sorocabana

15/03/2014

32ª

Liga Sorocabana x Palmeiras

11/01/2014

15ª

Espírito Santo x Palmeiras

20/03/2014

33ª

Palmeiras x Espírito Santo

13/01/2014

16ª

Minas x Palmeiras

22/03/2014

34ª

Palmeiras x Minas

16/01/2014

17ª

Palmeiras x São José

27/03/2014

35ª

São José x Palmeiras


PAULISTANO Nº

Nome

Nome

Nome

5

Manteguinha

14

Arthur Pecos

26

Dawkins

6

Gemerson

15

Renato

41

Mineiro

7

Lucão

17

Duso

55

César

11

Pilar

20

Arthur

12

Pedro

22

Holloway


Fundado em 30 de novembro de 1900, o Club Athletico Paulistano é um dos clubes mais tradicionais de São Paulo e está marcado na história por sua grande quantidade de troféus e conquistas em diversos esportes. Falando de basquete, o Paulistano é conhecido pelos altos investimentos nas categorias de base, que resultam na revelação de vários talentos para o cenário nacional da modalidade. Nesta temporada, o clube da capital de São Paulo foi campeão estadual na categoria sub-16 e chegou à decisão do Campeonato Paulista adulto.

Uniformes

Integrante do NBB desde a primeira edição, o clube da capital paulista se reforçou para esta temporada e contratou a dupla norte-americana que se destacou demais com a camisa da Liga Sorocabana na edição passada: o ala Desmond Holloway e o armador Kenny Dawkins. O plantel comandado pelo jovem técnico Gustavo De Conti deu um ‘upgrade’ em seu garrafão e acertou as vindas dos alas/pivôs Pilar, ex-Bauru, e César, vindo do Tijuca, e do pivô Mineiro, que atuou pelo Minas na última edição do NBB.

Títulos Campeão da Copa EPTV 2009

Campeão Torneio Início 2004

Campeão da Capital 1944

Ficha Técnica Club Athletico Paulistano Fundado em

29/12/1900 Endereço:

Rua Honduras, 1400 Jardim América - São Paulo/SP Tel.: 11 3065-2074 Ginásio Antônio Prado Junior Rua Colômbia, 77 Jardim América - São Paulo/SP www.paulistano.org.br E-mail

basquete@paulistano.org.br @BasqPaulistano Presidente

Antonio Carlos Vasconcelos Salem Assessoria de Imprensa

118

Dênis Botana basquete.paulistano@gmail.com


Gustavo de Conti Treinador Técnico mais jovem do NBB, Gustavo de Conti, de apenas 33 anos, vai para sua terceira temporada à frente do Paulistano. Mais conhecido como “Gustavinho”, teve uma breve carreira como atleta, chegando a atuar por Corinthians (SP), Monte Líbano (SP), Ypiranga (SP) e Paulistano (SP). Começou sua carreira de treinador no Ypiranga, mas foi no Paulistano que ele obteve maior destaque, ao conquistar o título estadual da categoria juvenil nos anos de 2006 e 2007.

Tais feitos o levaram para a Seleção Brasileira de base e, após ser auxiliar técnico do time adulto do clube por seis anos, assumiu o cargo de técnico da equipe principal. A competência de Gustavinho foi notada pelo técnico da Seleção Brasileira adulta, o argentino Rubén Magnano, que o convidou para comandar o time do Brasil no Campeonato Sul-Americano, disputado na Argentina, em 2012. Um ano mais tarde, Magnano tornou a acioná-lo, desta vez, para dirigir, ao lado de José Neto, do Flamengo, a Seleção Brasileira de Novos, no torneio Universíade, realizado em Kazan, na Rússia.

Equipe Técnica Clauber Roder

Assistente Técnico

Diego Jeleilate

Preparador Físico

Felipe Pellegrini Chamilian Felipe Nazareth Filomeno Fisioterapeutas

Patrocinadores

119


5 - Manteguinha

6 - Gemerson

Nome: André Luiz B. de M. Rodrigues Nasc.: 02/04/1981 | Rio de Janeiro/RJ Altura: 1,92m Posição: Armador Clube de origem: Tijuca (RJ) Clubes anteriores: Vasco (RJ), Ajax

Nome: Gemerson Silva Barbosa Nasc.: 29/03/1993 | Lençois/BA Altura: 2,00m Posição: Ala Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: -

(GO), Iguaçu (RJ), Rio Claro (SP), Joinville (SC) e Tijuca (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOI JOI JOGOS 29 27 MIN 34.27 34.79 2P% 56.74 51.54 3P% 48.95 40.82 LL% 78.57 85.86 RT 2.72 2.26 AS 4.21 2.59 BR 1.28 1.22 TO 0.14 0.33 ET 2.14 1.89 PTOS 17.79 14.78

2010-11 JOI 38 36.72 54.42 41.10 83.72 2.76 2.82 1.63 0.32 1.82 17.05

2011-12 TIJ 32 33.48 47.06 37.70 85.11 2.41 2.97 1.22 0.13 2.25 11.31

2012-13 PAU 33 26.60 45.07 48.94 77.42 2.55 2.39 0.73 0.24 1.48 12.33

Média da Carreira 159 33.19 51.22 43.71 82.37 2.55 2.97 1.23 0.23 1.91 14.67

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAU 13 3.41 60.00 0.00 0.00 0.54 0.23 0.00 0.00 0.00 0.46

Média da Carreira 13 3.41 60.00 0.00 0.00 0.54 0.23 0.00 0.00 0.00 0.46

11 - Pilar

12 - Pedro

Nome: Henrique Macia A. da Cruz Nasc.: 14/02/1984 | São Paulo/SP Altura: 1,98m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Hebraica (SP) Clubes anteriores: Paulistano (SP),

Nome: Pedro César Teruel Lima Nasc.: 08/07/1987 | Marília/SP Altura: 1,90m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Artur Nogueira

São José dos Pinhais (SC), FTC/ Salvador (BA), São Bernardo (SP) e Bauru (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 BAU 34 24.00 56.00 33.93 67.12 5.68 1.88 1.00 0.09 1.24 8.88

2011-12 BAU 17 25.04 51.58 25.81 69.57 5.24 1.53 1.00 0.00 1.41 8.12

2012-13 BAU 42 29.23 44.26 39.18 68.13 5.05 2.05 1.00 0.07 1.64 11.21

Média da Carreira 93 26.55 49.70 36.43 67.91 5.31 1.89 1.00 0.06 1.45 9.80

(SP), Liga Sorocabana (SP), Bauru (SP), Presidente Prudente (SP), Americana (SP) e Suzano (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 PAU 30 20.68 52.73 35.25 76.92 1.23 0.87 0.87 0.00 1.10 9.50

2011-12 PAU 31 19.44 52.86 39.13 71.83 1.77 0.58 0.68 0.03 1.03 9.26

2012-13 PAU 42 22.51 55.26 30.86 80.46 1.64 1.29 0.60 0.00 1.50 9.24

Média da Carreira 103 21.05 53.92 34.83 76.67 1.56 0.95 0.70 0.01 1.24 9.32

14 - Arthur Pecos

17 - Duso

Nome: Arthur Pecos F. da Silva Nasc.: 01/11/1994 | São Paulo/SP Altura: 1,88m Posição: Armador Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Círculo Militar (SP) e

Nome: Lucas Lopes Duso Nasc.: 29/05/1994 | Mococa/SP Altura: 1,80m Posição: Armador Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: -

Palmeiras (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

120

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PAL 31 16.55 56.12 27.78 75.00 1.90 1.71 0.90 0.00 1.84 6.06

Média da Carreira 31 16.55 56.12 27.78 75.00 1.90 1.71 0.90 0.00 1.84 6.06

ESTREIA


26 - Dawkins Nome: Kenny Montrell Dawkins Nasc.: 23/07/1987 | Holly Springs, Mississipi/EUA Altura: 1,78m Posição: Armador Clube de origem: LAMAR University (EUA) Clubes anteriores: Liga Sorocabana (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 LSB 30 34.02 47.98 31.65 84.92 4.77 2.97 2.13 0.07 3.03 16.40

2012-13 LSB 31 33.67 47.22 36.02 80.92 3.23 4.13 2.10 0.13 3.23 17.81

Média da Carreira 61 33.84 47.56 33.86 82.95 3.98 3.56 2.11 0.10 3.13 17.11

121


20 - Arthur

22 - Holloway

Nome: Arthur José da Luz Casimiro Nasc.: 02/05/1992 | Porto Alegre/RS Altura: 2,06m Posição: Pivô Clube de origem: Paulistano (SP) Clubes anteriores: Paulistano (SP),

Nome: Desmond Holloway Nasc.: 28/03/1990| Indianapólis/EUA Altura: 1,91m Posição: Ala Clube de origem: Coastal Carolina

College (EUA)

Universidade de Southern Idaho (EUA) e Universidade de San Bernardino Valley (EUA)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 PAU 28 18.28 61.47 0.00 72.55 3.11 0.11 0.32 0.61 1.11 6.11

2011-12 PAU 13 9.34 76.19 0.00 87.50 1.54 0.08 0.23 0.31 0.69 3.00

2012-13 -

Média da Carreira 41 15.44 63.85 0.00 74.58 2.61 0.10 0.29 0.51 0.98 5.12

Clubes anteriores: ISauk Valley Preda-

tors (EUA) e Guaymas (MEX) e Liga Sorocabana (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 LSB 37 30.20 56.17 33.33 80.50 4.62 1.14 1.30 0.19 1.81 20.30

Média da Carreira 37 30.20 56.17 33.33 80.50 4.62 1.14 1.30 0.19 1.81 20.30

41 - Mineiro Nome: Rafael Rodrigues Nasc.: 17/10/1987 | Passa Tempo/MG Altura: 2,13m Posição: Pivô Clube de origem: Ribeirão Preto (SP) Clubes anteriores: São Bernardo (SP),

Brasília (DF), Limeira (SP), Olympico (MG), Liga Sorocabana (SP) e Minas (MG)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 34 22 MIN 11.58 11.73 2P% 67.57 64.63 3P% 0.00 0.00 LL% 70.83 54.69 RT 3.03 3.73 AS 0.09 0.14 BR 0.26 0.36 TO 0.29 0.23 ET 1.47 0.68 PTOS 5.41 6.41

2010-11 LIM 27 13.23 58.06 0.00 72.41 2.52 0.15 0.07 0.15 1.00 5.56

2011-12 LSB 21 22.55 61.36 50.00 78.21 6.24 0.62 0.38 0.62 1.57 10.76

2012-13 MIN 36 20.33 65.18 0.00 80.49 6.14 0.44 0.28 0.42 1.58 9.94

Média da Carreira 140 15.82 63.71 25.00 72.12 4.32 0.28 0.26 0.34 1.30 7.56

15 - Renato 55 - César Nome: César Luiz Fabretti Araújo Nasc.: 08/07/1981 | Lins/SP Altura: 2,02m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Corinthians (SP) Clubes anteriores: Bauru (SP), Assis

(SP), Araraquara (SP), Pinheiros (SP), Rio Claro (SP), Santos (SP), Liga Sorocabana (SP) e Tijuca (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN JOGOS 13 MIN 5.82 2P% 28.57 3P% 21.43 LL% 66.67 RT 0.15 AS 0.00 BR 0.00 TO 0.00 ET 0.15 PTOS 1.46

122

2010-11 -

2011-12 LSB 30 31.71 47.77 43.65 77.27 3.70 0.83 0.70 0.27 1.80 12.77

2012-13 TIJ 34 29.45 44.65 36.55 68.49 5.03 0.71 0.91 0.24 1.47 10.32

Média da Carreira 77 26.34 45.82 38.95 72.94 3.69 0.64 0.68 0.21 1.38 9.78

Nome: Renato Carbonari Nasc.: 20/04/1987 | Bauru/SP Altura: 2,05m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Bauru (SP) Clubes anteriores: Liga Sorocabana (SP) e

Bauru (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU BAU JOGOS 27 28 MIN 8.86 21.27 2P% 49.02 55.43 3P% 38.10 36.49 LL% 83.33 74.07 RT 1.48 3.86 AS 0.37 0.71 BR 0.15 0.32 TO 0.04 0.14 ET 0.56 0.86 PTOS 3.81 7.25

2010-11 BAU 20 7.43 53.85 40.00 73.33 2.00 0.25 0.35 0.00 0.55 3.15

2011-12 PAU 25 27.47 60.61 39.53 75.68 4.96 0.96 0.72 0.16 1.80 11.16

2012-13 PAU 35 22.70 45.78 32.97 76.67 4.66 1.31 0.60 0.17 1.31 8.23

Média da Carreira 135 18.26 53.20 36.30 75.86 3.52 0.78 0.44 0.11 1.04 6.93

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Paulistano 86 x 82 Limeira

26/11/2012

Paulistano 95 x 71 Joinville

29/11/2012

Palmeiras 79 x 86 Paulistano

01/12/2012

06/12/2012

Playoffs Data

Fase

Jogo

16/04/2013 Oitavas

Paulistano 95 x 74 Basquete Cearense

Paulistano 84 x 72 Suzano

19/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 79 x 66 Paulistano

Paulistano 89 x 88 Pinheiros

20/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 87 x 71 Paulistano

23/04/2013 Oitavas

Paulistano 89 x 85 Basquete Cearense

13/12/2012

Paulistano 92 x 78 Minas

26/04/2013 Oitavas

Basquete Cearense 68 x 69 Paulistano

15/12/2012

Paulistano 80 x 90 Espírito Santo

29/04/2013 Quartas

Paulistano 91 x 100 Flamengo

20/12/2012

Mogi das Cruzes 77 x 73 Paulistano

02/05/2013 Quartas

Flamengo 80 x 76 Paulistano

22/12/2012

10ª

São José 68 x 76 Paulistano

04/05/2013 Quartas

Flamengo 84 x 64 Paulistano

05/01/2013

11ª

Paulistano 51 x 77 Franca

07/01/2013

12ª

Paulistano 76 x 88 Uberlândia

10/01/2013

13ª

Basquete Cearense 95 x 76 Paulistano

12/01/2013

14ª

Brasília 68 x 67 Paulistano

17/01/2013

15ª

Paulistano 76 x 73 Bauru

19/01/2013

16ª

Paulistano 94 x 96 Liga Sorocabana

24/01/2013

17ª

Flamengo 94 x 70 Paulistano

26/01/2013

18ª

Tijuca 52 x 74 Paulistano

31/01/2013

19ª

Limeira 89 x 68 Paulistano

02/02/2013

20ª

Joinville 63 x 71 Paulistano

05/02/2013

21ª

Paulistano 83 x 69 Palmeiras

07/02/2013

22ª

Suzano 85 x 87 Paulistano

14/02/2013

23ª

Pinheiros 88 x 86 Paulistano

20/02/2013

25ª

Minas 109 x 114 Paulistano

23/02/2013

26ª

Espírito Santo 120 x 126 Paulistano

07/03/2013

27ª

Paulistano 67 x 77 Mogi das Cruzes

09/03/2013

28ª

Paulistano 80 x 68 São José

14/03/2013

29ª

Franca 77 x 63 Paulistano

16/03/2013

30ª

Uberlândia 86 x 75 Paulistano

19/03/2013

32ª

Paulistano 77 x 82 Brasília

21/03/2013

31ª

Paulistano 79 x 86 Basquete Cearense  Liga Sorocabana 73 x 78 Paulistano

26/03/2013

34ª

30/03/2013

33ª

Bauru 66 x 64 Paulistano

04/04/2013

35ª

Paulistano 93 x 94 Flamengo

06/04/2013

36ª

Paulistano 84 x 65 Tijuca

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

80.02

7

Rebotes

33.38

2

Ranking

Assistências

13.29

11

2 Pontos (%)

50,4

13

3 Pontos (%)

37.39

7

Lance Livre (%)

63.91

18

Tocos

2.00

9

Roubos de Bola

6.40

13

Erros

12.38

7

Faltas

22.02

16

Pontos Sofridos

81.00

13

123


Temporada 2013-14 Rodada

Jogo

16/11/2013

São José x Paulistano

21/11/2013

Paulistano x Limeira

23/11/2013

Paulistano x Bauru

28/11/2013

Macaé Basquete x Paulistano

30/11/2013

Flamengo x Paulistano

05/12/2013

Paulistano x Mogi das Cruzes

07/12/2013

Paulistano x Basquete Cearense

12/12/2013

Uberlândia x Paulistano

14/12/2013

10ª

Franca x Paulistano

19/12/2013

11ª

Paulistano x Brasília

Data

124

21/12/2013

12ª

Paulistano x Goiânia

05/01/2014

13ª

Palmeira x Paulistano

07/01/2014

14ª

Pinheiros x Paulistano

11/01/2014

15ª

Paulistano x Liga Sorocabana

16/01/2014

17ª

Paulistano x Minas

18/01/2014

18ª

Paulistano x Espírito Santo

25/01/2014

20ª

Paulistano x São José

30/01/2014

21ª

Limeira x Paulistano

01/02/2014

22ª

Bauru x Paulistano

06/02/2014

23ª

Paulistano x Macaé Basquete

08/02/2014

24ª

Paulistano x Flamengo

13/02/2014

25ª

Mogi das Cruzes x Paulistano

15/02/2014

26ª

Basquete Cearense x Paulistano

25/02/2014

27ª

Paulistano x Uberlândia

27/02/2014

28ª

Paulistano x Franca

06/03/2014

29ª

Brasília x Paulistano

08/03/2014

30ª

Goiânia x Paulistano

13/03/2014

31ª

Paulistano x Palmeiras

15/03/2014

32ª

Paulistano x Pinheiros

22/03/2014

34ª

Liga Sorocabana x Paulistano

27/03/2014

35ª

Minas x Paulistano

29/03/2014

36ª

Espírito Santo x Paulistano


PINHEIROS Nº

Nome

Nome

Nome

8

Morro

19

Humberto

28

Leandrinho

9

Paulinho Boracini

20

Bruno Caboclo

33

Toyloy

10

Joe Smith

21

Wesley

41

André Bambu

12

Rafael Mineiro

24

Shamell

45

Tavernari

14

Lucas Dias

25

Mortari


Com 114 anos de vida, o Esporte Clube Pinheiros é um dos principais polos esportivos de todo o país. A instituição é referência em várias modalidades, como judô, handebol, vôlei e, agora, o basquete.

Tradicionalmente formador de atletas em suas categorias de base, o Pinheiros passou a fazer sucesso no basquete profissional no início da década. Nas terceira e quarta edições do NBB, o time paulista ficou com o terceiro lugar e passou a figurar sempre nas primeiras posições dos principais campeonatos.

Ainda em 2011, o Pinheiros faturou seu primeiro título na história da modalidade: o Campeonato Paulista. Porém, a glória máxima foi alcançada na última temporada. Sob a tutela dos norte-americanos Shamell e Joe Smith, do armador Paulinho e do ala/pivô Rafael Mineiro, a equipe sagrou-se campeã da Liga das Américas 2013 e ganhou o direito de disputar a Copa Intercontinental de Clubes, em que acabou derrotada pelo Olympiacos, atual bicampeão europeu.

Em 2011, a equipe chegou pela primeira vez em uma decisão internacional, mas acabou com o vice-campeonato da Liga Sul-Americana.

Para tentar sua primeira conquista do NBB, o Pinheiros manteve a base campeã das Américas e ainda adicionou um importante reforço em seu elenco. A equipe acertou com o renomado ala/armador Leandrinho, além de ter contratado o pivô norte-americano Steven Toyloy e repatriado o ala Jonathan Tavernari.

Uniformes

Títulos Campeão da Liga das Américas 2013

Vice-campeão Mundial de Clubes 2013

Campeão Paulista 2011

Ficha Técnica Esporte Clube Pinheiros Fundado em

07/09/1899 Endereço:

Rua Angelina Maffei Vita, 493 Jardim Europa - São Paulo/SP Tel.: 11 3598-9818 Poliesportivo Henrique Villaboim Rua Hans Nobling, s/n° Jardim Europa - São Paulo/SP www.ecp.org.br E-mail

basquete@ecp.org.br @ClubePinheiros Presidente

Luiz Eduardo Dutra Assessoria de Imprensa

126

Gabriel Nicolatti e Gabriel Navajas imprensa@ecp.org.br


Cláudio Mortari Treinador Com um extenso currículo de conquistas no basquete nacional, Cláudio Mortari é um dos maiores treinadores da história da modalidade da bola laranja no país. Sua carreira como jogador foi discreta e durou até 1973. Então, com 25 anos, Mortari resolveu se dedicar à carreira de treinador. Seis anos depois, Mortari conquistou a maior glória de sua carreira. No comando do Esporte Clube Sírio, o técnico sagrou-se campeão mundial interclubes, à frente da equipe que contava com grandes nomes como Oscar, Marcel e Marquinhos.

O treinador levou o time pinheirense a diversas decisões e conseguiu dar os dois primeiros títulos da história do clube. O primeiro deles foi o Campeonato Paulista 2011 e, em seguida, o mais importante, o troféu de campeão da Liga das Américas 2013, conquista que levou o clube à disputa da Copa Intercontinental, diante do Olympiacos (GRE).

O sucesso com o clube da capital paulista o levou à Seleção Brasileira e o treinador comandou o time verde-amarelo nos Jogos Olímpicos de Moscou, em 1980, conquistando o quinto lugar. Com passagens por importantes equipes do país, como Corinthians (SP), Pirelli (SP), Mogi, Flamengo e Ulbra/São Bernardo (SP), Mortari está no Pinheiros desde 2008 e escreveu seu nome na história do tradicional clube de São Paulo.

Equipe Técnica Cesar Guidetti José Luiz Marcondes Assistentes Técnicos

Pablo Rebouças Marcelino Preparador Físico

Bruno de Lima Secco Fisioterapeuta

Carlos Darwin Fisioterapeuta

Patrocinadores

127


8 - Morro

9 - Paulinho Boracini

Nome: Leonardo Di P. dos Santos Nasc.: 06/10/1984 | Santo André/SP Altura: 2,09m Posição: Pivô Clube de origem: São Caetano (SP) Clubes anteriores: Guarujá (SP)

Nome: Paulo Heitor Boracini Nasc.: 26/12/1984 | Mogi das Cruzes/SP Altura: 1,83m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Mogi (SP) Clubes anteriores: São José (SP),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN PIN JOGOS 30 31 MIN 28.13 26.92 2P% 60.79 65.17 3P% 0.00 0.00 LL% 74.04 82.02 RT 5.30 4.97 AS 1.30 1.06 BR 0.97 0.65 TO 1.03 0.84 ET 1.47 1.55 PTOS 11.77 10.81

2010-11 PIN 34 25.63 65.84 50.00 70.00 5.62 1.12 0.74 1.24 1.12 9.97

2011-12 PIN 31 19.93 60.94 33.33 67.14 3.87 0.71 0.29 0.77 1.03 6.65

2012-13 PIN 7 4.85 25.00 0.00 0.00 1.00 0.14 0.14 0.00 0.29 0.29

Média da Carreira 133 24.07 63.12 15.38 73.55 4.74 1.00 0.63 0.92 1.23 9.29

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU JOGOS 16 MIN 37.79 2P% 54.10 3P% 42.28 LL% 87.93 RT 3.44 AS 3.75 BR 1.69 TO 0.00 ET 4.44 PTOS 23.25

2010-11 JOI 38 27.79 46.64 35.68 77.69 2.79 3.18 1.13 0.11 2.82 13.95

2011-12 PIN 37 17.94 57.43 44.64 90.20 1.62 2.16 0.92 0.08 1.95 8.43

2012-13 PIN 35 26.34 57.38 33.74 79.20 4.00 3.74 1.11 0.00 2.60 13.54

Média da Carreira 126 25.77 52.94 38.30 81.69 2.87 3.11 1.13 0.06 2.71 13.40

10 - Joe Smith

12 - Rafael Mineiro

Nome: Joseph Troy Smith Nasc.: 17/12/1977 | New Orleans/EUA Altura: 1,93m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Col. of Alabama (EUA) Clubes anteriores: BK Ventspils (LET),

Nome: Rafael Ferreira de Sousa Nasc.: 03/06/1988 | Uberaba/MG Altura: 2,09m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Uirapuru (MG) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP),

Angelico Biella (ITA), Elitzur Maccabi Netanya BC (ISR), La Unión de Formosa (ARG) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 PIN 39 32.31 61.96 43.87 85.40 2.21 4.15 0.64 0.03 1.77 17.26

Média da Carreira 39 32.31 61.96 43.87 85.40 2.21 4.15 0.64 0.03 1.77 17.26

Franca (SP), Paulistano (SP) e São José (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU SJO JOGOS 21 17 MIN 24.58 23.84 2P% 55.70 65.00 3P% 21.43 9.09 LL% 68.54 59.32 RT 5.29 4.65 AS 0.57 1.12 BR 0.67 1.24 TO 0.76 0.29 ET 1.90 1.71 PTOS 11.24 9.88

2010-11 SJO 29 24.53 53.24 29.31 64.91 4.34 1.24 0.90 0.55 1.62 8.14

2011-12 PIN 35 13.90 67.29 21.74 60.42 2.29 0.54 0.57 0.66 0.86 5.37

2012-13 PIN 43 32.05 57.78 33.82 70.86 4.77 1.35 0.67 0.72 1.70 12.95

Média da Carreira 145 24.12 58.82 29.75 66.58 4.14 0.99 0.76 0.63 1.51 9.55

14 - Lucas Dias

20 - Bruno Caboclo

Nome: Lucas Dias Silva Nasc.: 06/07/1995 | Bauru/SP Altura: 2,07m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Bauru (SP) Clubes anteriores: -

Nome: Bruno Correa F. Caboclo Nasc.: 21/09/1995 | Osasco/SP Altura: 2,03m Posição: Ala Clube de origem: Barueri (SP) Clubes anteriores: -

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

128

Guarujá (SP), Pinheiros (SP), Minas (SP), Shangai Ducks (CHI), Fileni Jesi (ITA), Paulistano (SP) e Joinville (SC)

2010-11 -

2011-12 PIN 4 4.09 60.00 100.00 50.00 1.00 0.00 0.75 0.00 0.00 3.25

2012-13 PIN 32 11.75 56.41 37.50 63.64 1.81 0.66 0.25 0.41 0.69 4.13

Média da Carreira 36 10.90 56.82 39.19 61.54 1.72 0.58 0.31 0.36 0.61 4.03

ESTREIA


28 - Leandrinho Nome: Leandro Mateus Barbosa Nasc.: 28/11/1982 | São Paulo/SP Altura: 1,92m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Palmeiras (SP) Clubes anteriores: Bauru (SP), Phoenix Suns (NBA), Toronto

Raptors (NBA), Flamengo (RJ), Indiana Pacers (NBA) e Boston Celtics (NBA) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FLA 6 33.03 68.75 36.36 80.00 3.00 4.00 0.83 0.33 1.83 19.00

2012-13 -

Média da Carreira 6 33.03 68.75 36.36 80.00 3.00 4.00 0.83 0.33 1.83 19.00

129


25 - Mortari

33 - Toyloy

Nome: Bruno Enrico Mortari Nasc.: 02/01/1980 | São Paulo/SP Altura: 1,86m Posição: Ala Clube de origem: São Paulo F.C. (SP) Clubes anteriores: Flamengo (RJ),

Nome: Steven Anthony Toyloy Nasc.:06/10/1987 | West Palm Beach/EUA Altura: 2,03m Posição: Pivô Clube de origem: Univ. de Cincinnati (EUA) Clubes anteriores: Istanbulspor (TUR),

Hebraica (SP), Ipiranga (SC), Paulistano (SP) e São Bernardo (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PIN PIN JOGOS 30 23 MIN 18.06 10.98 2P% 32.14 50.00 3P% 31.00 45.71 LL% 45.45 62.50 RT 1.13 0.70 AS 1.07 0.35 BR 0.63 0.43 TO 0.00 0.00 ET 0.83 0.22 PTOS 3.87 2.74

2010-11 PIN 20 4.84 0.00 40.74 50.00 0.35 0.10 0.40 0.00 0.20 1.80

2011-12 PIN 16 5.55 33.33 26.67 0.00 0.38 0.38 0.38 0.00 0.31 0.88

2012-13 PIN 16 9.57 25.00 40.00 87.50 0.56 0.44 0.25 0.00 0.56 2.19

Média da Carreira 105 10.79 32.69 35.53 60.61 0.69 0.52 0.45 0.00 0.46 2.51

Urunday Universitario (URU), Libertad (PAR), Limeira (SP) e Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 LIM 22 14.77 65.63 0.00 60.98 4.05 0.59 0.27 0.45 1.50 6.86

2012-13 PAU 41 24.82 58.19 0.00 51.74 6.80 0.80 0.63 0.85 1.61 12.24

Média da Carreira 63 21.31 59.82 0.00 53.31 5.84 0.73 0.51 0.71 1.57 10.37

41 - André Bambu Nome: André Luis Quirino Pereira Nasc.: 04/08/1979 | Ribeirão Preto/SP Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: Ribeirão Preto (SP) Clubes anteriores: Araraquara (SP),

Ajax (GO), Campos (RJ), Club Pamesa Castellón (Espanha), Joinville(SC), São Bernardo (SP), Araraquara (SP), Paulistano (SP) e Limeira (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE ARA PAU JOGOS 26 24 MIN 27.60 22.80 2P% 53.33 48.65 3P% 41.79 35.85 LL% 71.15 58.33 RT 6.77 3.25 AS 1.54 0.63 BR 0.88 0.71 TO 0.54 0.38 ET 2.00 1.13 PTOS 11.42 7.75

2010-11 LIM 16 17.83 57.41 35.48 85.19 3.44 0.56 0.63 0.13 1.25 7.38

2011-12 LIM 28 15.18 49.40 52.38 80.95 2.68 0.57 0.57 0.29 1.43 5.32

2012-13 PIN 43 22.52 63.77 47.46 70.33 3.77 0.63 0.42 0.33 0.79 7.53

Média da Carreira 137 21.48 54.81 41.99 72.18 3.99 0.78 0.61 0.34 1.26 7.84

24 - Shamell 45 - Tavernari Nome: Jonathan Peter G. Tavernari Nasc.: 01/01/1987 | São B. do Campo/SP Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Volkswagen Clube (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP),

Bishop Gorman (EUA), BYU (EUA), Pallacanestro Biella (ITA), Pistoia Basket (ITA) e Scafati Basket (ITA)

ESTREIA 130

Nome: Shamell Jermaine Stallworth Nasc.: 07/09/1980 | Fresno, Califórnia/EUA Altura: 1,94m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Univ. São Francisco (EUA) Clubes anteriores: Araraquara (SP), Paulista-

no (SP), Zadar KK (SP), Zheijang (CHI) e Limeira (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LIM PIN JOGOS 25 32 MIN 33.02 37.74 2P% 57.43 54.02 3P% 40.48 40.59 LL% 87.60 79.63 RT 4.08 3.84 AS 2.76 3.44 BR 1.88 1.75 TO 0.20 0.09 ET 1.96 3.22 PTOS 19.48 21.91

2010-11 PIN 37 34.09 55.22 39.73 79.55 3.46 3.57 1.22 0.16 2.43 19.00

2011-12 PIN 34 31.75 57.59 38.61 75.71 3.65 2.38 1.44 0.18 2.26 18.32

2012-13 PIN 44 34.23 60.38 41.90 76.02 4.48 3.52 1.11 0.09 2.39 16.23

Média da Carreira 172 34.19 56.99 40.35 79.43 3.92 3.18 1.43 0.14 2.47 18.77

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Pinheiros 88 x 87 Joinville

06/12/2012

Paulistano 89 x 88 Pinheiros

Playoffs Data

Fase

Jogo

18/04/2013 Oitavas

Limeira 88 x 74 Pinheiros  Pinheiros 82 x 95 Limeira

10/12/2012

Pinheiros 102 x 100 Limeira

21/04/2013 Oitavas

13/12/2012

Pinheiros 92 x 90 Espírito Santo

22/04/2013 Oitavas

Pinheiros 93 x 82 Limeira

15/12/2012

Pinheiros 91 x 77 Minas

24/04/2013 Oitavas

Limeira 85 x 86 Pinheiros

17/12/2012

Suzano 72 x 91 Pinheiros

26/04/2013 Oitavas

Pinheiros 97 x 77 Limeira

20/12/2012

São José 93 x 77 Pinheiros

29/04/2013 Quartas

Pinheiros 67 x 86 Uberlândia  Uberlândia 97 x 103 Pinheiros

22/12/2012

10ª

Mogi das Cruzes 76 x 95 Pinheiros

02/05/2013 Quartas

05/01/2013

11ª

Pinheiros 87 x 92 Uberlândia

04/05/2013 Quartas

Uberlândia 70 x 91 Pinheiros

07/01/2013

12ª

Pinheiros 97 x 82 Franca

07/05/2013 Quartas

Pinheiros 76 x 89 Uberlândia

10/01/2013

13ª

Brasília 96 x 99 Pinheiros

09/05/2013 Quartas

Uberlândia 92 x 85 Pinheiros

Basquete Cearense 84 x 85 Pinheiros

12/01/2013

14ª

15/01/2013

Palmeiras 85 x 94 Pinheiros

17/01/2013

15ª

Pinheiros 77 x 94 Liga Sorocabana

19/01/2013

16ª

Pinheiros 73 x 74 Bauru

24/01/2013

17ª

Tijuca 64 x 73 Pinheiros

26/01/2013

18ª

Flamengo 102 x 85 Pinheiros

07/02/2013

22ª

Pinheiros 87 x 82 Palmeiras

14/02/2013

23ª

Pinheiros 88 x 86 Paulistano

17/02/2013

21ª

Pinheiros 91 x 65 Suzano

21/02/2013

25ª

Espírito Santo 74 x 78 Pinheiros

23/02/2013

26ª

Minas 101 x 75 Pinheiros

27/02/2013

20ª

Limeira 82 x 81 Pinheiros

04/03/2013

19ª

Joinville 73 x 93 Pinheiros

07/03/2013

27ª

Pinheiros 77 x 82 São José

09/03/2013

28ª

Pinheiros 118 x 82 Mogi das Cruzes

21/03/2013

35ª

Pinheiros 84 x 81 Tijuca  Pinheiros 87 x 69 Basquete Cearense

23/03/2013

32ª

25/03/2013

34ª

Bauru 67 x 62 Pinheiros

28/03/2013

31ª

Pinheiros 92 x 89 Brasília

30/03/2013

33ª

Liga Sorocabana 81 x 87 Pinheiros

01/04/2013

36ª

Pinheiros 93 x 91 Flamengo

04/04/2013

29ª

Uberlândia 91 x 87 Pinheiros

06/04/2013

30ª

Franca 72 x 67 Pinheiros

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Pontos

86.25

3

Rebotes

27.82

17 4

Ranking

Assistências

16.25

2 Pontos (%)

58,43

1

3 Pontos (%)

39.83

3

Lance Livre (%)

75.25

9

Tocos

2.14

8

Roubos de Bola

5.91

16

Erros

11.36

4

Faltas

20.43

10

Pontos Sofridos

83.77

16

131


Temporada 2013-14

132

Data

Rodada

Jogo

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Pinheiros x Limeira

23/01/2014

19ª

Limeira x Pinheiros

16/11/2013

Bauru x Pinheiros

25/01/2014

20ª

Pinheiros x Bauru

21/11/2013

Pinheiros x Macaé Basquete

30/01/2014

21ª

Macaé Basquete x Pinheiros

23/11/2013

Pinheiros x Flamengo

01/02/2014

22ª

Flamengo x Pinheiros

28/11/2013

Mogi das Cruzes x Pinheiros

06/02/2014

23ª

Pinheiros x Mogi das Cruzes

30/11/2013

Basquete Cearense x Pinheiros

08/02/2014

24ª

Pinheiros x Basquete Cearense

05/12/2013

Pinheiros x Uberlândia

13/02/2014

25ª

Uberlândia x Pinheiros

07/12/2013

Pinheiros x Franca

15/02/2014

26ª

Franca x Pinheiros

12/12/2013

Brasília x Pinheiros

25/02/2014

27ª

Pinheiros x Brasília

14/12/2013

10ª

Goiânia x Pinheiros

27/02/2014

28ª

Pinheiros x Goiânia

21/12/2013

12ª

Pinheiros x Palmeiras

08/03/2014

30ª

Palmeiras x Pinheiros

05/01/2014

13ª

Pinheiros x Liga Sorocabana

13/03/2014

31ª

Liga Sorocabana x Pinheiros

07/01/2014

14ª

Pinheiros x Paulistano

15/03/2014

32ª

Paulistano x Pinheiros

11/01/2014

15ª

Minas x Pinheiros

20/03/2014

33ª

Pinheiros x Minas

13/01/2014

16ª

Espírito Santo x Pinheiros

22/03/2014

34ª

Pinheiros x Espírito Santo

18/01/2014

18ª

Pinheiros x São José

29/03/2014

36ª

São José x Pinheiros


SÃO JOSÉ Nº

Nome

Nome

Nome

4

Andre Laws

10

Jefferson

18

Jerônimo Gustavo

5

Victor Correia

11

Fúlvio

19

6

Chandler

13

Caio Torres

20

Alex

8

Dedé

16

Lucão

21

Quezada

9

Gabriel

17

Pajé

22

Nelson


O basquete de São José dos Campos tem uma história de glórias e conquistas na década de 80, com o bicampeonato paulista, em 1980 e 81, e o título da Taça Brasil, em 82. Depois de encerrar as atividades em 86, a equipe joseense retornou nos anos 2000 e passou a figurar novamente entre os grandes clubes do Brasil. Bicampeão paulista e finalista do NBB 4 sob o comando de Régis Marrelli, o São José trocou de treinador pela primeira vez desde 2006 e, para a sexta edição do NBB, terá o experiente Edvar Simões à frente da equipe.

Uniformes

Apesar de mudar o técnico, o São José manteve importantes peças de seu elenco, como o ala/pivô Jefferson William e os alas Andre Laws e Dedé. Os joseenses, por sua vez, não contarão com seu maestro, o armador Fúlvio, submetido a uma cirurgia no joelho esquerdo no início da temporada. Para reforçar o elenco, o São José trouxe jogadores de peso: o pivô Caio Torres, MVP da Final do último NBB, o ala Alex Oliveira, ex-Paulistano, o armador dominicano Manny Quezada e o pivô norte-americano Ed Nelson, jogador de sucesso no basquete argentino. Não bastasse a força dos jogadores adultos, a equipe do Vale do Paraíba ainda contará com a garotada sub-22, que fez bonito na LDB, com o armador Victor Correia, os alas Chandler e Gustavo, o ala/pivô Pajé e o pivô Jerônimo.

Títulos Tetracampeão Paulista 1980, 1981, 2009 e 2012

Campeão Brasileiro - CBB 1982

Vice-campeão Sul Americano 1982

Ficha Técnica São José Desportivo Fundado em

08/07/2011 Endereço:

Rua Prudente Meireles de Moraes, 302 Vila Ady-Anna - São José dos Campos/SP Tel.: 12 3942-4336 Ginásio Lineu de Moura Travessa Cesar Leite, 435 Centro - São José dos Campos/SP www.sjc.sp.gov.br/esportes E-mail

fadenp@sjc.sp.gov.br @EsporteSJC Diretor-executivo

Rafael Gonçalves Mota Assessoria de Imprensa

134

Claudio Ribeiro claudio.ribeiro@sjc.sp.gov.br


Edvar Simões Treinador Edvar Simões substituiu Régis Marrelli no comando do São José dias antes do início do NBB 2013/2014. Nascido em São José dos Campos, Edvar possui uma ligação muito forte com a cidade, já que suas carreiras de jogador e técnico começaram na região. Como atleta, o comandante joseense possui um histórico recheado de conquistas, especialmente com a camisa da Seleção Brasileira. Pelo time verdeamarelo, o ex-atleta conquistou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio 1964 e ainda faturou duas medalhas em Campeonatos Mundiais: bronze no Uruguai, em 1967, e prata na Iugoslávia, em 1970.

Como treinador, Edvar dirigiu a Seleção Brasileira no Mundial de 1982, na Colômbia, e levou a equipe nacional ao oitavo lugar. À frente do São José, conquistou o bicampeonato paulista, em 1980 e 1981, e a Copa Brasil, em 1981. O comandante ainda trabalhou no Monte Líbano e no extinto Corinthians/Mogi das Cruzes, seu último clube. Além da função de treinador, Edvar teve uma passagem por outra modalidade e foi Gerente de Futebol do Corinthians, entre os anos de 2005 e 2007.

Equipe Técnica Ricardo Cardoso Guimarães, o “Cadum” Assistente Técnico

Adilson Roberto Doretto Preparador Físico

Marco Antonio de Toledo Médico

Osvaldo José da Silva Filho Fisioterapeuta

Francisco Carlos Flora de Toledo Supervisor

Luiz Inácio Messias Diretor

David Moreira da Silva Mordomo

Patrocinadores

135


4 - André Laws

5 - Victor Correia

Nome: André Bennett Laws Nasc.: 20/09/1980 | Anchorage/EUA Altura: 1,86m Posição: Ala/Armador Clube de origem: Univ. San Diego (EUA) Clubes anteriores: Halcones Xalapa

Nome: Victor de Souza Correia Nasc.: 03/04/1992 | São Paulo/SP Altura: 1,79m Posição: Armador Clube de origem: Monte Líbano (SP) Clubes anteriores: Círculo Militar (SP),

(MEX), ASU (JOR), Al Riyadi (JOR), Atenas (ARG) e Ciclista Olimpico (ARG) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 SJO 37 30.39 57.36 38.64 87.50 2.27 2.73 0.92 0.08 1.14 10.32

2012-13 SJO 47 31.90 60.00 37.04 77.69 2.94 3.06 1.13 0.06 1.47 9.68

Média da Carreira 84 31.23 58.75 37.60 82.40 2.64 2.92 1.04 0.07 1.32 9.96

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 JOI 33 22.56 51.74 32.39 70.63 1.91 2.24 1.36 0.00 2.76 12.27

Média da Carreira 33 22.56 51.74 32.39 70.63 1.91 2.24 1.36 0.00 2.76 12.27

6 - Chandler

8 - Dedé

Nome: Chandler Yury Chaves Nasc.: 19/06/1992 | Araporã/MG Altura: 2,02m Posição: Ala Clube de origem: Meninos do

Nome: André Stefanelli Martins Nasc.: 21/08/1984 | São Paulo/SP Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Banespa (SP) Clubes anteriores: Araraquara (SP),

Basquete (MG)

Clubes anteriores: Praia Clube (MG),

Uberlândia (MG), Araraquara (SP) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 ARA 6 7.02 33.33 0.00 50.00 0.83 0.00 0.00 0.00 0.33 0.67

2011-12 ARA 14 5.24 41.67 33.33 100.00 0.43 0.29 0.29 0.07 0.43 1.64

2012-13 SJO 18 6.35 40.00 40.00 100.00 0.89 0.28 0.11 0.17 0.28 2.00

Média da Carreira 38 6.05 40.00 32.14 85.71 0.71 0.24 0.16 0.11 0.34 1.66

Paulistano (SP) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE PAU PAU JOGOS 18 4 MIN 32.91 21.59 2P% 54.55 66.67 3P% 33.08 64.71 LL% 77.08 70.00 RT 4.00 2.25 AS 1.67 0.25 BR 1.78 0.50 TO 0.67 0.00 ET 2.11 1.00 PTOS 20.78 15.00

2010-11 FRA 36 18.69 51.54 32.56 75.76 1.92 0.86 0.58 0.33 1.06 8.61

2011-12 SJO 37 28.73 55.80 31.77 83.62 4.14 1.32 0.54 0.35 1.51 14.32

2012-13 SJO 40 29.87 49.06 38.77 80.00 3.50 1.63 0.70 0.30 1.68 14.30

Média da Carreira 135 26.74 53.06 35.24 79.42 3.28 1.30 0.76 0.36 1.50 13.67

11 - Fúlvio

17 - Pajé

Nome: Fúlvio Chiantia de Assis Nasc.: 15/08/1981 | São Paulo/SP Altura: 1,86m Posição: Armador Clube de origem: Limeira (SP) Clubes anteriores: Limeira(SP),

Nome: Marciel da Silva Santos Nasc.: 28/03/1991 | Várzea Grande/MT Altura: 2,00m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: ALBF (MT) Clubes anteriores: Garça (SP),

Uberlândia (MG), Ribeirão Preto (SP), Trotamundos (VEN), Pallacanestro Roseto (ITA) e C.B. Granada (ESP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE SJO JOGOS 33 MIN 35.39 2P% 41.24 3P% 37.62 LL% 86.67 RT 4.42 AS 8.00 BR 1.58 TO 0.09 ET 3.52 PTOS 13.94

136

Paulistano (SP), Barueri (SP), São Caetano (SP) e Joinville (SC)

2010-11 SJO 27 31.32 58.90 40.52 92.50 3.11 7.04 1.37 0.07 3.44 12.52

2011-12 SJO 31 31.74 55.00 42.25 85.25 3.55 8.03 1.32 0.03 3.29 12.00

2012-13 SJO 44 30.85 51.48 39.78 86.18 4.23 7.52 1.34 0.05 3.34 11.84

Média da Carreira 135 32.26 51.07 39.75 87.48 3.90 7.66 1.40 0.06 3.39 12.53

Limeira (SP), Dracena (SP), Jacareí (SP)

ESTREIA


10 - Jefferson Nome: Jefferson Willian Andrade Silva Antonio Nasc.: 29/03/1983 | São Paulo/SP Altura: 2,07m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Tietê (SP) Clubes anteriores: Hebraica (SP), Universidade do Arizona

(EUA), Londrina (PR), Paulistano (SP), Ribeirão Preto (SP), Assis (SP), Univer (HUN) e Flamengo (RJ) TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FLA FLA JOGOS 36 30 MIN 27.24 25.08 2P% 52.80 49.66 3P% 40.53 39.39 LL% 79.31 74.39 RT 6.67 5.73 AS 1.53 0.77 BR 0.97 0.73 TO 0.47 0.47 ET 1.81 1.17 PTOS 13.06 12.10

2010-11 FLA 24 17.85 58.33 46.03 72.97 4.08 0.54 0.46 0.33 1.04 8.25

2011-12 SJO 30 29.29 54.25 36.54 91.46 6.13 0.97 1.17 0.53 1.93 13.73

2012-13 SJO 37 29.72 53.79 36.26 81.08 7.00 1.27 0.95 0.81 2.35 16.70

Média da Carreira 157 26.37 53.34 38.90 80.73 6.07 1.06 0.88 0.54 1.72 13.13

137


18 - Jerônimo

20 - Alex

Nome: José Victor Ferreira Jerônimo Nasc.: 14/05/1991 | Florianópolis/SC Altura: 2,08m Posição: Pivô Clube de origem: Joinville (SC) Clubes anteriores: Zaragoza (ESP),

Nome: Alexandro da Silva Oliveira Nasc.: 17/08/1983 | São Paulo/SP Altura: 1,94m Posição: Ala Clube de origem: São Caetano (SP) Clubes anteriores: Internacional de

Paulistano (SP), Joinville (SC) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 PAU 13 10.90 41.94 0.00 22.73 2.31 0.00 0.23 0.08 0.69 2.38

2011-12 JOI 21 7.72 67.50 0.00 36.36 1.29 0.10 0.14 0.19 0.67 2.95

2012-13 FRA 7 3.85 77.78 0.00 33.33 0.86 0.14 0.14 0.00 0.29 2.29

Média da Carreira 41 8.07 58.75 0.00 30.00 1.54 0.07 0.17 0.12 0.61 2.66

Regatas (SP), Bauru (SP) e Paulistano (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BAU BAU JOGOS 31 15 MIN 33.50 28.41 2P% 57.93 50.68 3P% 33.33 33.33 LL% 57.76 39.71 RT 3.42 4.27 AS 1.97 2.80 BR 0.81 1.20 TO 0.23 0.33 ET 1.94 1.20 PTOS 12.55 9.93

2010-11 BAU 33 31.27 57.58 36.31 60.42 2.64 2.30 1.15 0.09 1.67 11.55

2011-12 PAU 17 28.97 51.35 39.13 58.33 4.06 2.06 1.18 0.00 2.06 12.06

2012-13 PAU 42 26.40 46.02 36.31 49.60 4.26 1.36 0.81 0.19 1.33 10.79

Média da Carreira 138 29.69 52.32 35.85 53.29 3.66 1.96 0.98 0.17 1.62 11.43

21 - Quezada Nome: Emannuel Amauris Quezada Nasc.: 13/04/1985 | New York/EUA Altura: 1,88m Posição: Armador Clube de origem: Rutgers (EUA) Clubes anteriores: Universidade de

San Francisco (EUA), Sameji (DOM), Cupes (DOM), C.B. León (ESP) e Juventut Badalona (ESP)

ESTREIA

13 - Caio Torres

22 - Nelson Nome: Edward Richard Nelson Nasc.: 19/03/1982 | Brockton/EUA Altura: 2,02m Posição: Pivô Clube de origem: Univ. Connecticut (EUA) Clubes anteriores: Estudiantes de Bahía

Blanca (ARG), Regatas Corrientes (ARG), Gimnasia Indalo (ARG), Trotamundos (VEN) e 9 de Julio (ARG)

ESTREIA 138

Nome: Caio Aparecido da Silveira Torres Nasc.: 03/06/1987 | São Paulo/SP Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Pinheiros (SP) Clubes anteriores: Rayet (ESP), Estudiantes

(ESP), Melilla (ESP) e Vivemenorca (ESP), Flamengo (RJ)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 FLA 38 23.34 57.88 30.43 70.59 5.58 1.05 0.29 0.34 1.26 12.76

2012-13 FLA 43 25.20 61.46 14.29 78.10 6.79 0.93 0.53 0.47 1.77 13.40

Média da Carreira 81 24.33 59.79 24.32 74.74 6.22 0.99 0.42 0.41 1.53 13.10

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

São José 62 x 82 Bauru

Playoffs Fase

Data

Jogo

27/11/2012

São José 77 x 73 Liga Sorocabana

06/12/2012

São José 84 x 76 Limeira

08/12/2012

São José 83 x 76 Joinville

19/04/2013 Oitavas

São José 61 x 60 Minas

13/12/2012

Palmeiras 75 x 66 São José

20/04/2013 Oitavas

São José 67 x 64 Minas

15/12/2012

Suzano 80 x 100 São José

22/04/2013 Oitavas

Minas 59 x 75 São José

17/12/2012

Tijuca 74 x 79 São José

29/04/2013 Quartas

São José 90 x 76 Brasília  Brasília 100 x 79 São José

16/04/2013 Oitavas

Minas 70 x 68 São José

20/12/2012

São José 93 x 77 Pinheiros

01/05/2013 Quartas

22/12/2012

10ª

São José 68 x 76 Paulistano

03/05/2013 Quartas

Brasília 91 x 76 São José

05/01/2013

11ª

Minas 97 x 77 São José

06/05/2013 Quartas

São José 84 x 70 Brasília

07/01/2013

12ª

Espírito Santo 86 x 93 São José

09/05/2013 Quartas

Brasília 81 x 98 São José

10/01/2013

13ª

São José 105 x 67 Mogi das Cruzes

14/05/2013 Semifinal

São José 80 x 72 Flamengo

17/05/2013 Semifinal

Flamengo 100 x 84 São José

14/01/2013

Flamengo 83 x 75 São José

19/05/2013 Semifinal

Flamengo 106 x 86 São José

17/01/2013

15ª

São José 87 x 66 Franca

23/05/2013 Semifinal

São José 96 x 88 Flamengo

19/01/2013

16ª

São José 80 x 76 Uberlândia

25/05/2013 Semifinal

Flamengo 88 x 76 São José

24/01/2013

17ª

Basquete Cearense 73 x 63 São José

26/01/2013

18ª

Brasília 90 x 57 São José

31/01/2013

19ª

Bauru 87 x 82 São José

02/02/2013

20ª

Liga Sorocabana 66 x 65 São José

05/02/2013

21ª

São José 82 x 84 Flamengo

Fundamento

Média

07/02/2013

22ª

São José 81 x 65 Tijuca

Pontos

80.02

8

14/02/2013

23ª

Limeira 79 x 83 São José

Rebotes

31.31

6

Estatísticas NBB 2012-13 Ranking

16/02/2013

24ª

Joinville 79 x 93 São José

Assistências

16.98

3

19/02/2013

25ª

São José 77 x 65 Palmeiras

2 Pontos (%)

53,95

5

04/03/2013

26ª

São José 89 x 74 Suzano

3 Pontos (%)

35.16

9

07/03/2013

27ª

Pinheiros 77 x 82 São José

Lance Livre (%)

78.15

5

09/03/2013

28ª

Paulistano 80 x 68 São José

Tocos

2.63

4

14/03/2013

29ª

São José 95 x 93 Minas

Roubos de Bola

6.23

15

16/03/2013

30ª

São José 106 x 87 Espírito Santo

Erros

10.79

3

19/03/2013

31ª

Mogi das Cruzes 60 x 93 São José

Faltas

18.75

2

Pontos Sofridos

78.71

5

30/03/2013

36ª

São José 84 x 79 Brasília

04/04/2013

35ª

São José 76 x 87 Basquete Cearense

08/04/2013

33ª

Franca 76 x 53 São José

10/04/2013

34ª

Uberlândia 88 x 63 São José

139


Temporada 2013-14

140

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

São José x Liga Sorocabana

16/11/2013

São José x Paulistano

21/11/2013

Minas x São José

23/11/2013

Espírito Santo x São José

05/12/2013

São José x Limeira

07/12/2013

São José x Bauru

12/12/2013

Macaé Basquete x São José

14/12/2013

10ª

Flamengo x São José

19/12/2013

11ª

São José x Mogi das Cruzes

21/12/2013

12ª

São José x Basquete Cearense

05/01/2014

13ª

Uberlândia x São José

07/01/2014

14ª

Franca x São José

11/01/2014

15ª

São José x Brasília

13/01/2014

16ª

São José x Goiânia

16/01/2014

17ª

Palmeiras x São José

18/01/2014

18ª

Pinheiros x São José

23/01/2014

19ª

Liga Sorocabana x São José Paulistano x São José

25/01/2014

20ª

30/01/2014

21ª

São José x Minas

01/02/2014

22ª

São José x Espírito Santo

Limeira x São José

13/02/2014

25ª

15/02/2014

26ª

Bauru x São José

25/02/2014

27ª

São José x Macaé Basquete

27/02/2014

28ª

São José x Flamengo

06/03/2014

29ª

Mogi das Cruzes x São José

08/03/2014

30ª

Basquete Cearense x São José

13/03/2014

31ª

São José x Uberlândia

15/03/2014

32ª

São José x Franca

20/03/2014

33ª

Brasília x São José

22/03/2014

34ª

Goiânia x São José

27/03/2014

35ª

São José x Palmeiras

29/03/2014

36ª

São José x Pinheiros


UBERLÂNDIA Nº

Nome

Nome

Nome

4

Rafael

10

Helinho

22

Audrei

5

Salsicha

12

Dida

31

Robert Day

7

Ícaro

15

Cipolini

32

Zanini

8

Luan

20

Gruber

34

Kurtz

9

Valtinho

21

Leo Waskiewicz


Fundada em 1998, o Unitri/Magazine Luiza já conquistou diversos títulos, mas seus tempos áureos foram vividos na metade dos anos 2000. A equipe de Uberlândia foi campeã brasileira, em 2004, e sul-americana, em 2005.

Após mais alguns anos, o time mineiro ficou inativo por três temporadas, mas retomou o projeto para a disputa do NBB 2010/2011. E como esse retorno fez bem à cidade de Uberlândia.

Uniformes

Após as duas primeiras temporadas, o técnico Hélio Rubens foi contratado para assumir o comando do time e as vitórias voltaram a surgir. Após ficar em terceiro na fase de classificação, o Uberlândia cresceu de produção nos playoffs e chegou à final para enfrentar o Flamengo. Porém, na decisão em jogo único, os cariocas acabaram levando a melhor. O atual vice-campeão do NBB não investiu pesado em reforços e segue apostando na manutenção de sua equipe base. Os pilares do elenco uberlandense continuam sendo o ala norte-americano Robert Day, melhor ala da última temporada, o ala/pivô Luís Gruber, o pivô Cipolini e o experiente armador Valtinho, capitão da equipe.

Títulos 13 vezes Campeão Mineiro Campeão Sul-Americano 2005

Campeão Brasileiro - CBB 2004

Campeão do Torneio Cidade de Las Palmas - ESP 2001

Ficha Técnica Associação Salgado de Oliveira de Educação e Cultura Fundado em

01/06/1998 Endereço:

Av. Anselmo Alves dos Santos, 3415 Santa Mônica - Uberlândia/MG Tel.: 34 3217-7237 Ginásio Tancredo Neves (Sabiazinho) Av. Anselmo Alves dos Santos, 3415 Santa Mônica - Uberlândia/MG lnb.com.br/equipes/uberlandia/ E-mail

unitribasquete@hotmail.com Presidente

Wellington Salgado de Oliveira Assessoria de Imprensa

Cinthia Muniz unitribasquete@hotmail.com

142


Hélio Rubens Treinador Um dos maiores nomes do basquete brasileiro, Hélio Rubens Garcia tem uma carreira que não se resume apenas às passagens como treinador. Com uma trajetória toda construída em sua cidade natal, Franca, Hélio Rubens teve inúmeras conquistas como armador da equipe francana, feitos que o levaram à Seleção Brasileira, onde foi, por muitos anos, capitão. Ele esteve presente nas campanhas das medalhas de bronze nos Campeonatos Mundiais de 1967 e 1978. Como treinador, ele possui o recorde de títulos nacionais, nove, sendo seis à frente do Franca, duas do Vasco (RJ) e a última pelo seu atual time, o Uberlândia, em 2004. No NBB, Hélio Rubens ainda não conseguiu ser campeão, mas chegou bem perto em duas ocasiões. A primeira foi o vice-campeonato com o Franca, na temporada 2010/2011, e a segunda foi na edição passada quando o Uberlândia foi superado pelo Flamengo na final. Além do sucesso nos clubes, Hélio Rubens também foi treinador da Seleção Brasileira em 12 competições internacionais e conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg, em 1999.

Equipe Técnica Claudio Clemente “Brasília” Assistente Técnico

Edicarlos Machado Siqueira Preparador Físico

Silas Pereira Rezende Fisioterapeuta

Leandro Gomide Médico

Fernando Larralde Supervisor

Giuseppe Urzeta Ricardo Borges da Silva Mordomos

Patrocinadores

143


5 - Salsicha

7 - Ícaro

Nome: Leandro Cruvinel Miranda Nasc.: 10/05/1991 | Uberlândia/MG Altura: 2,05m Posição: Pivô Clube de origem: Uberlândia (MG) Clubes anteriores: -

Nome: Ícaro Parisotto Nasc.: 23/08/1992 | Santa Cruz do Sul/RS Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Projeto Cestinha (RS) Clubes anteriores: Lajeado/Bira (RS),

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 UBE 2 2.19 50.00 0.00 0.00 0.50 0.00 0.50 0.00 0.00 1.00

2011-12 -

2012-13 UBE 13 5.81 54.55 0.00 75.00 1.23 0.31 0.23 0.15 0.31 1.15

Média da Carreira 15 5.33 53.85 0.00 75.00 1.13 0.27 0.27 0.13 0.27 1.13

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LAJ JOGOS 6 MIN 5.96 2P% 0.00 3P% 33.33 LL% 50.00 RT 0.00 AS 0.00 BR 0.17 TO 0.00 ET 0.33 PTOS 0.67 -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 SJO 42 7.39 41.67 33.96 71.43 0.52 0.76 0.17 0.05 0.33 2.00

Média da Carreira 48 7.21 40.00 33.93 68.75 0.46 0.67 0.17 0.04 0.33 1.83

10 - Helinho

12 - Dida

Nome: Hélio Rubens Garcia Filho Nasc.: 12/05/1975 | Franca/SP Altura: 1,83m Posição: Armador Clube de origem: Franca (SP) Clubes anteriores: Vasco (RJ),

Nome: Olintho Pereira Abrão Silva Nasc.: 03/07/1992 | Uberlândia/MG Altura: 2,01m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Uberlândia (MG) Clubes anteriores: Cáceres (ESP) e

Uberlândia (MG) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE FRA FRA JOGOS 20 31 MIN 35.24 33.20 2P% 45.83 48.96 3P% 38.41 43.10 LL% 88.00 89.19 RT 2.55 2.52 AS 4.80 4.77 BR 2.00 1.23 TO 0.15 0.00 ET 2.45 1.65 PTOS 14.55 14.55

2010-11 FRA 37 29.69 62.26 41.18 94.69 2.49 4.19 0.97 0.03 1.46 11.57

2011-12 FRA 34 28.44 48.10 43.15 95.79 1.76 3.88 0.79 0.06 1.97 10.47

2012-13 UBE 33 28.39 50.00 38.05 77.50 2.18 3.94 0.64 0.03 1.70 6.97

Média da Carreira 155 30.56 51.77 41.02 90.66 2.28 4.26 1.05 0.05 1.79 11.33

Málaga (ESP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 UBE 7 2.75 25.00 100.00 50.00 0.29 0.14 0.14 0.00 0.14 0.86

2012-13 UBE 12 3.86 25.00 0.00 0.00 0.33 0.17 0.17 0.08 0.25 0.17

20 - Gruber

21 - Leo Waskiewicz

Nome: Luis Felipe Gruber Nasc.: 16/04/1985 | Santa Rosa/RS Altura: 2,05m Posição: Ala Clube de origem: Grêmio Náutico

Nome: Leonardo Klassmann

União (RS)

Clubes anteriores: Alicante (ESP),

Castellón (ESP), Llíria (ESP), Cáceres (ESP), La Palma (ESP) e Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

144

Christian High School (EUA), Corinthians de Santa Cruz do Sul (RS) e São José (SP)

2010-11 JOI 30 28.32 50.62 34.75 77.17 5.30 0.77 1.00 0.43 2.27 11.93

2011-12 UBE 31 20.83 51.76 39.51 78.69 3.45 1.06 0.61 0.68 1.45 10.32

2012-13 UBE 43 29.82 59.61 40.34 82.47 4.81 1.49 0.65 0.51 1.63 15.33

Média da Carreira 104 26.71 55.24 38.40 79.60 4.55 1.15 0.74 0.54 1.76 12.86

Média da Carreira 19 3.45 25.00 33.33 50.00 0.32 0.16 0.16 0.05 0.21 0.42

Waskiewicz

Nasc.: 23/05/1989 | Santo Angelo/RS Altura: 2,11m Posição: Pivô Clube de origem: Bira (RS) Clubes anteriores: Pinheiros (SP),

Zarzuela Marsistas (ESP) e Valladolid ACB (ESP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 UBE 33 17.91 57.00 0.00 76.56 4.61 0.55 0.33 1.48 0.76 4.94

2012-13 UBE 31 14.38 54.05 0.00 60.53 3.61 0.35 0.23 0.68 0.68 3.32

Média da Carreira 64 16.20 55.75 0.00 70.59 4.13 0.45 0.28 1.09 0.72 4.16


15 - Cipolini Nome: Lucas Cipolini Alves Nasc.: 14/06/1986 | Casa Branca/SP Altura: 2,03m Posição: Ala/Pivô Clube de origem: Casa Branca (SP) Clubes anteriores: Pinheiros (SP), Ajax (GO)

e BYU Hawaii (EUA)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 UBE 34 20.98 61.19 7.14 72.37 4.03 0.59 0.24 0.38 1.26 8.94

2011-12 UBE 37 23.60 65.65 0.00 81.90 4.73 0.62 0.38 0.49 1.32 11.86

2012-13 UBE 43 27.31 63.49 35.90 82.52 5.86 1.21 0.65 0.67 1.58 14.88

Média da Carreira 114 24.22 63.61 25.42 80.00 4.95 0.83 0.44 0.53 1.40 12.13

145


22 - Audrei

31 - Robert Day

Nome: Audrei Parisotto Nasc.: 27/09/1984 | Santa Cruz do

Nome: Robert A. Day Nasc.: 13/01/1982 | Portland/EUA Altura: 1,97m Posição: Ala Clube de origem: Univ. W. Oregon (EUA) Clubes anteriores: Portland Chinooks

Sul/RS

Altura: 1,95m Posição: Ala Clube de origem: Corinthians (RS) Clubes anteriores: Vasco (RJ),

São José (SP), Ajax (GO), Bira (RS) e Joinville (SC)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE LAJ JOI JOGOS 28 32 MIN 35.81 27.37 2P% 50.59 49.69 3P% 29.90 36.30 LL% 80.00 78.79 RT 3.18 3.66 AS 1.68 0.84 BR 1.46 0.63 TO 0.07 0.03 ET 1.96 1.13 PTOS 16.75 11.16

2010-11 JOI 36 30.10 55.21 31.01 77.22 3.58 1.11 0.50 0.14 1.58 10.92

2011-12 JOI 38 29.40 46.27 37.87 73.20 2.84 0.71 0.82 0.21 1.34 11.82

2012-13 UBE 42 23.60 51.29 38.71 80.26 3.19 0.98 0.50 0.07 1.17 9.69

Média da Carreira 176 28.81 50.63 34.99 78.01 3.28 1.03 0.74 0.11 1.41 11.79

(EUA), Caballeros (MEX), Algodoneros (MEX) e Lobos Grises (MEX)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 UBE 36 31.00 57.89 42.23 81.33 4.83 1.78 1.33 0.22 2.14 18.33

2011-12 UBE 35 32.76 56.21 42.17 82.31 4.91 2.63 1.17 0.14 2.34 17.20

2012-13 UBE 43 34.32 56.61 46.67 87.22 4.53 3.35 1.40 0.07 2.44 17.91

Média da Carreira 114 32.79 56.93 43.86 83.86 4.75 2.63 1.31 0.14 2.32 17.82

32 - Zanini Nome: Ricardo Zanini Nasc.: 24/08/1988 | Campinas/SP Altura: 1,98m Posição: Ala Clube de origem: Clube Cultura (SP) Clubes anteriores: Ribeirão Preto (SP),

Assis Texas Hawks (EUA), Our Lady of Lake University (EUA) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 30 6.56 38.46 31.71 90.48 0.73 0.53 0.13 0.00 0.50 2.60

Média da Carreira 30 6.56 38.46 31.71 90.48 0.73 0.53 0.13 0.00 0.50 2.60

9 - Valtinho 34 - Kurtz Nome: Douglas Tuchtenhagen Kurtz Nasc.: 11/06/1987 | Pelotas/RS Altura: 2,13m Posição: Pivô Clube de origem: Joinville (SC) Clubes anteriores: Joinville (SC),

Marshall Town Community College (EUA), University Hawai (EUA), Jacareí (SP) e Franca (SP)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE JOGOS MIN 2P% 3P% LL% RT AS BR TO ET PTOS -

146

2010-11 -

2011-12 -

2012-13 FRA 42 13.39 62.70 50.00 63.79 2.60 0.19 0.26 0.31 1.29 7.36

Média da Carreira 42 13.39 62.70 50.00 63.79 2.60 0.19 0.26 0.31 1.29 7.36

Nome: Valter Apolinário de Silva Nasc.: 31/01/1977 | Rio Claro/SP Altura: 1,85m Posição: Armador Clube de origem: Rio Claro (SP) Clubes anteriores: Franca (SP), Ribeirão Preto

(SP), Uberlândia (MG), Vasco (RJ) e Brasília (DF)

TEMP 2008-09 2009-10 EQUIPE BRA BRA JOGOS 39 37 MIN 35.17 32.07 2P% 61.54 55.15 3P% 34.67 35.25 LL% 80.77 81.88 RT 3.92 3.76 AS 5.00 4.97 BR 1.41 1.24 TO 0.15 0.03 ET 2.90 2.08 PTOS 12.28 11.70

2010-11 UBE 33 36.42 63.01 35.16 86.09 4.00 5.24 1.64 0.03 2.52 11.48

2011-12 UBE 26 32.14 55.22 40.58 82.43 2.65 4.50 1.15 0.00 1.65 11.27

2012-13 UBE 23 30.22 56.94 49.12 76.09 2.78 5.04 0.78 0.09 1.78 8.74

Média da Carreira 158 33.48 58.48 37.42 81.98 3.53 4.97 1.28 0.06 2.26 11.30

Temp - Temporada; Equipe - Equipe em que atuou na temporada; Jogos - De quantos jogos participou; Min - Minutos por jogo; 2P% - Percentual de 2 pontos certos/tentados; 3P% - Percentual de 3 pontos certos/tentados; LL% - Percentual de lances livres certos/tentados; RT - Rebotes totais; AS - Assistências; BR - Bolas recuperadas; TO - Tocos; ET - Erros total; PTOS - Pontos


Temporada 2012-13 Data

Rodada

Jogo

24/11/2012

Uberlândia 84 x 71 Basquete Cearense

29/11/2012

Bauru 81 x 82 Uberlândia

01/12/2012

Liga Sorocabana 74 x 63 Uberlândia

08/12/2012

10/12/2012

13/12/2012

Playoffs Fase

Data

Jogo

29/04/2013 Quartas

Pinheiros 67 x 86 Uberlândia

Uberlândia 71 x 57 Tijuca

02/05/2013 Quartas

Uberlândia 97 x 103 Pinheiros

Uberlândia 95 x 89 Brasília

04/05/2013 Quartas

Uberlândia 70 x 91 Pinheiros

Limeira 77 x 87 Uberlândia

07/05/2013 Quartas

Pinheiros 76 x 89 Uberlândia  Uberlândia 92 x 85 Pinheiros

15/12/2012

Joinville 71 x 62 Uberlândia

09/05/2013 Quartas

19/12/2012

Uberlândia 89 x 73 Palmeiras

13/05/2013 Semifinal

Bauru 75 x 89 Uberlândia

22/12/2012

10ª

Uberlândia 109 x 73 Suzano

16/05/2013 Semifinal

Uberlândia 93 x 65 Bauru

05/01/2013

11ª

Pinheiros 87 x 92 Uberlândia

18/05/2013 Semifinal

07/01/2013

12ª

Paulistano 76 x 88 Uberlândia

01/06/2013

10/01/2013

13ª

Uberlândia 88 x 86 Minas

12/01/2013

14ª

Uberlândia 73 x 64 Espírito Santo

17/01/2013

15ª

Mogi das Cruzes 83 x 81 Uberlândia

19/01/2013

16ª

São José 80 x 76 Uberlândia

24/01/2013

17ª

Uberlândia 91 x 87 Franca

28/01/2013

Uberlândia 78 x 87 Flamengo

31/01/2013

19ª

Basquete Cearense 60 x 72 Uberlândia

02/02/2013

20ª

Brasília 102 x 80 Uberlândia

05/02/2013

21ª

Uberlândia 94 x 83 Bauru

07/02/2013

22ª

Uberlândia 84 x 81 Liga Sorocabana

16/02/2013

24ª

Tijuca 63 x 83 Uberlândia

18/02/2013

23ª

Flamengo 79 x 66 Uberlândia

21/02/2013

25ª

Uberlândia 86 x 96 Limeira

23/02/2013

26ª

Uberlândia 99 x 73 Joinville

07/03/2013

27ª

Palmeiras 112 x 104 Uberlândia

09/03/2013

28ª

Suzano 67 x 89 Uberlândia

16/03/2013

30ª

Uberlândia 86 x 75 Paulistano

21/03/2013

31ª

Minas 67 x 90 Uberlândia

23/03/2013

32ª

Espírito Santo 66 x 84 Uberlândia

28/03/2013

33ª

Uberlândia 75 x 68 Mogi das Cruzes

04/04/2013

29ª

Uberlândia 91 x 87 Pinheiros

10/04/2013

34ª

Uberlândia 88 x 63 São José

12/04/2013

35ª

Franca 73 x 75 Uberlândia

Final

Uberlândia 80 x 77 Bauru  Flamengo 77 x 70 Uberlândia

Estatísticas NBB 2012-13 Fundamento

Média

Ranking

Pontos

84.21

4

Rebotes

30.79

7

Assistências

17.42

1

2 Pontos (%)

55,78

3 1

3 Pontos (%)

40.92

Lance Livre (%)

80.59

1

Tocos

2.21

7

Roubos de Bola

5.63

17

Erros

10.12

1

Faltas

19.86

9

Pontos Sofridos

77.84

4

147


Temporada 2013-14

148

Data

Rodada

Jogo

14/11/2013

Basquete Cearense x Uberlândia

16/11/2013

Mogi das Cruzes x Uberlândia

23/11/2013

Franca x Uberlândia

28/11/2013

Uberlândia x Goiânia

05/12/2013

Pinheiros x Uberlândia

07/12/2013

Palmeiras x Uberlândia

09/12/2013

Uberlândia x Brasília

12/12/2013

Uberlândia x Paulistano

14/12/2013

10ª

Uberlândia x Liga Sorocabana

19/12/2013

11ª

Espírito Santo x Uberlândia

21/12/2013

12ª

Minas x Uberlândia

05/01/2014

13ª

Uberlândia x São José

11/01/2014

15ª

Bauru x Uberlândia

13/01/2014

16ª

Limeira x Uberlândia

16/01/2014

17ª

Uberlândia x Flamengo

18/01/2014

18ª

Uberlândia x Macaé Basquete

23/01/2014

19ª

Uberlândia x Basquete Cearense

25/01/2014

20ª

Uberlândia x Mogi das Cruzes

01/02/2014

22ª

Uberlândia x Franca

06/02/2014

23ª

Goiânia x Uberlândia

08/02/2014

24ª

Brasília x Uberlândia

13/02/2014

25ª

Uberlândia x Pinheiros

15/02/2014

26ª

Uberlândia x Palmeiras

25/02/2014

27ª

Paulistano x Uberlândia

27/02/2014

28ª

Liga Sorocabana x Uberlândia

06/03/2014

29ª

Uberlândia x Espírito Santo

08/03/2014

30ª

Uberlândia x Minas

13/03/2014

31ª

São José x Uberlândia

20/03/2014

33ª

Uberlândia x Bauru

22/03/2014

34ª

Uberlândia x Limeira

27/03/2014

35ª

Flamengo x Uberlândia

29/03/2014

36ª

Macaé Basquete x Uberlândia


ARBITRAGEM

Dono de uma das mais qualificadas arbitragens do planeta, o Brasil esteve representado nas duas últimas finais de competições principais masculinas organizadas pela FIBA (Federação Internacional de Basquete). O árbitro da federação catarinense, Cristiano Maranho, atuou nas decisões do Campeonato Mundial da Turquia, em 2010, e dos Jogos Olímpicos de Londres, dois anos depois. A tradição de revelar bons árbitros para o basquete mundial vem de longa data e o departamento de arbitragem da Liga Nacional de Basquete, em conjunto com a Confederação Brasileira de Basketball (CBB), está trabalhando forte no desenvolvimento de novos oficiais. Com a LDB (Liga de Desenvolvimento de Basquete) consolidada, alguns jovens árbitros tiveram a oportunidade de se desenvolverem ainda mais atuando na competição de base nos dois últimos anos. Nomes como Andreia Regina da Silva, Diego Chiconato e Maria Claudia Moraes, revelados no campeonato sub22, são, hoje, peças importantes do quadro de arbitragem do NBB. A temporada 2013/2014 contará com uma equipe de 45 profissionais. Mostrando a grandeza da arbitragem brasileira, 14 estados brasileiros (Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e São Paulo) mais o Distrito Federal estão representados entre os árbitros da sexta edição do maior campeonato de basquete do país.


Nome: Andreia Regina da Silva Nasc.: 30/11/1979 | São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Auxiliar Administrativo Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Andreza Sousa Almeida Nasc.: 06/11/1979 | Brasília/DF Federação: Distrito Federal Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Breno de Lima da Silva Nasc.: 01/04/1980 | Vitória/ES Federação: Espírito Santo Profissão: Autônomo Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Bruno de A. Gonzaga Pereira Nasc.: 13/02/1983 | Maceió/AL Federação: Alagoas Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Bruno da Costa Oliveira Nasc.: 01/04/1980 | Porto Alegre/RS Federação: Rio Grande do Sul Profissão: Universitário Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Cauan Santos Nasc.: 20/05/1988| Uberlândia/MG Federação: Minas Gerais Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Cristiano Jesus Maranho Nasc.: 01/01/1974 | Apucarana/PR Federação: Santa Catarina Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Davi Geovani de Souza Nasc.: 07/06/1979 | Santana da

Copa América Sub-18 Feminina 2012 Sul-Americano Sub-15 Feminino 2011

Super Copa Brasil 2011 e 2012 Nacional Masculino 2008 Nacional Feminino 2009/2010 LDB 2012 e 2013

LDB 2012 e 2013 Super Copa Brasil 2013

Pré-Olímpico Américas e Ásia 2011 Olimpíada de 2008 e 2012 Mundial Masculino 2006 e 2010 Jogos Pan-americanos de 2007

Nacional Masculino 2007 e 2008 Mundial Master 2011

LDB 2012 e 2013

Vargem/MG

Federação: Minas Gerais Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 0 Principais competições:

Super Copa Brasil 2013 LDB 2013 Nacional Feminino 2009

Nome: Davi Marcelino Fidelis Nasc.: 26/05/1981| Fortaleza/CE Federação: Ceará Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Diego Chiconato Nasc.: 17/07/1985 | Apucarana/PR Federação: Paraná Profissão: Técnico em Informática Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Durval Pantoja Penafort Peleja Nasc.: 17/09/1982 | Campinas/SP Federação: Amazonas Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições: -

Nome: Eduardo Albano Nasc.: 02/10/1981 | Joinville/SC Federação: Santa Catarina Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Emanuel dos Santos Pereira Nasc.: 29/08/1992 | Vitória/ES Federação: Espírito Santo Profissão: Universitário Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Nome: Fabiana Pinheiro Pereira Nasc.: 03/02/1980 | São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Personal Trainner Nº de Temporadas do NBB: 4 Principais competições:

LDB 2013 Mundial de Basquete Master 2011 JUBs 2009

LDB 2012 e 2013 Nacional Sub-15 Masculino 2010

150

Pan-Americano Universitário 2010 Nacional Feminino 2006 a 2011

LDB 2011 e 2012 Camp. Sul-Brasileiro 2009 Jogos Abertos Brasileiros 2010 Nacional Feminino 2008 a 2011

Sul-Americano Feminino Sub-17 2013 LDB 2011 a 2013 Super 8 - 2011

Copa América Sub-16 Feminina 2011 Jogos Sul-Americanos 2010


Nome: Fábio Kover Nasc.: 24/09/1971 | São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Fabíola Carraro Nasc.: 09/07/1982 | Cascavel/PR Federação: Paraná Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 0 Principais competições:

Nome: Fernando Serpa Oliveira Nasc.: 20/02/1968 | Porto Alegre/RS Federação: Rio Grande do Sul Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Francisco Ferreira de Lima Filho Nasc.: 09/02/1960 | Caruaru/PE Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Gerson Falcão Acosta Nasc.: 24/04/1984 | Campo Grande/MS Federação: Mato Grosso do Sul Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Nome: Gonçalo J.de C. e S. Gonçalves Nasc.: 09/12/1975| São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Gregório Aguiar Lelis Nasc.: 19/09/1987 | Uberlândia/MG Federação: Minas Gerais Profissão: Supervisor Esportivo Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Gregory Gracia Nasc.: 14/02/1985 | São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Coordenador Esportivo Nº de Temporadas do NBB: 3 Principais competições:

Nome: Guilherme Locatelli Nasc.: 15/08/1981| Florianópolis/SC Federação: Santa Catarina Profissão: Engenheiro Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Gustavo Edson Mathias Nasc.: 23/05/1982 | Osvaldo Cruz/SP Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Gustavo Petrosemolo Saraiva Nasc.: 17/03/1983 | Rio de Janeiro/RJ Federação: Rio de Janeiro Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Jacob Cassimiro Barreto Nasc.: 15/08/1972 | Dom Aquino/MT Federação: São Paulo Profissão: Árbitro Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: João Manuel Ricci B. Calado Neca Nasc.: 01/09/1987 | Florianópolis/SC Federação: Distrito Federal Profissão: Assistente Administrativo Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Nome: Joaquins Duarte Feitosa Neto Nasc.: 25/03/1971 | Catarina/CE Federação: Distrito Federal Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Torneio Super Four 2010 Sul-Americano Sub-16 Masculino 2011 Nacional Masculino 2000 a 2008 Nacional Feminino 2000 a 2010

Sul-Americano Adulto Masculino 2012 Super Four 2012 e 2013 Mundial Sub-21 Feminino 2007 Copa América Sub-20 Masculina 2004

Super Copa Brasil 2011 LDB 2011 a 2013 LBF 2011 a 2013 JUBs 2012

LDB 2012 e 2013

Pré-Olímpico das Américas Masc. 2011 Mundial Sub-19 Masculino 2011 Mundial Sub-17 Masculino 2010 e 2012

LDB 2012 e 2013

LDB 2012 e 2013 Nacional Feminino 2008 Nacional Masculino 2008

LDB 2013 Copa Brasil 2011 e 2012 LBF 2012 e 2013

Jogos Pan-Americanos 2013 Mundial Juvenil Masculino 2001 Mundial Militar 2011 Sul-Americano de Clubes 1988

LBF 2011 Nacional Sub-17 Masculino 2010

LDB 2011 LBF 2011 Nacional Feminino 2007 a 2009

LBF 2011 e 2012 Nacional Feminino 2007

Universíade 2011 Sul-Americano Feminino 2010 Copa América Sub-17 Feminina 2013 Mundial 3 x 3 2012

Mundial Sub-17 Masculino 2010 Mundial Universitário 2010 Jogos Pan-Americanos Universitários 2010

151


Nome: Jonas de Carlo Pereira Nasc.: 01/03/1969 | Americana/SP Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Mundial Militar 2010 e 2012 Copa América Masculina 2006 e 2012 Sul-Americano Sub-17 Masculino 2005 e 2007

Nome: José Carlos Pelissari Nasc.: 14/08/1958 | São Paulo/

SP

Federação: Minas Gerais Profissão: Representante

Comercial

Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Mundial Masculino 1995 Olimpíada de Atlanta 1996

Nome: Juliana Roveri Nasc.: 14/07/1980 | Jundiaí/SP Federação: São Paulo Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Nome: Karla Cristina Gonçalves Diniz Nasc.: 03/06/1976 | Belo Horizonte/MG Federação: Minas Gerais Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Leandro Sehnem Nasc.: 05/11/1984 | Balneário

Nome: Luciene Sta. Rita D. A. Cordeiro Nasc.: 11/04/1968| Salvador/BA Federação: Bahia Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições: -

LDB 2012 LBF 2010 e 2011

Camburiú/SC

Federação: Santa Catarina Profissão: Personal Trainner Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Jogos Pan-Americanos 2011 Mundial Feminino 2010 Copa América Feminina 2010 Universíade 2013

LDB 2011 e 2012 LBF 2010 Copa Brasil Sul 2012

Nome: Marcos A. de M. Ferreira Nasc.: 09/08/1967 | Registro/SP Federação: São Paulo Profissão: Rep. Telecomunicações Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Marcos Fornies Benito Nasc.: 12/04/1972 | São Paulo/SP Federação: São Paulo Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Maria Cláudia C. Moraes Nasc.: 17/09/1983 | Uberlândia/MG Federação: Minas Gerais Profissão: Professora Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Nome: Maurício Serour Nasc.: 30/03/1981 | Niterói/RJ Federação: Rio de Janeiro Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Naldson Melo Santos Nasc.: 04/09/1980 | Aracaju/SE Federação: Sergipe Profissão: Psicólogo Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Peter Emerson de S. Santos Nasc.: 26/09/1985 | Curitiba/PR Federação: Ceará Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Ramiro Marques Inchauspe Nasc.: 25/01/1990 | Pelotas/RS Federação: Rio Grande do Sul Profissão: Universitário Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Nome: Sérgio de Jesus Pacheco Nasc.: 04/04/1965 | Campinas/SP Federação: São Paulo Profissão: Funcionário Público Nº de Temporadas do NBB: 4 Principais competições:

Mundial Sub-18 Feminino 2012 Mundial de Clubes Feminino 2006 Sul-Americano Masc. 1989, 91 e 1997 Sul-Americano Feminino 2003

Copa América Feminina 2013 LBF 2010 a 2013 LDB 2011 e 2012

LBF 2011 a 2013

LDB 2012 e 2013 Super Copa Brasil 2013

152

Olimpíada Londres 2012 Mundial Masculino 2010 Sul-Americano Masc. 2010 Jogos Pan-Americanos 2011

Jogos Mundiais Militares 2011 Panamericano Universitário 2010 Super Four Masculino 2007 e 2008

LDB 2013

Mundial Feminino 1998 e 2006 Mundial Feminino Juvenil 1997 Mundial Sub-21 Masculino 2005 Universíade 2005 e 2007


Nome: Vander Lobosco Nunes Júnior Nasc.: 24/09/1975 | Niterói/RJ Federação: Rio de Janeiro Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 5 Principais competições:

Nome: Vinícius Augusto S. Valentim Nasc.: 16/11/1980 | Goiânia/GO Federação: Goiás Profissão: Técnico em Informática Nº de Temporadas do NBB: 1 Principais competições:

Jogos Mundiais Militares 2011 Mundial Sub-19 Feminino 2013 Copa América Sub-18 Masc. 2012 Copa América Sub-16 Masc. 2009

Super Copa Brasil 2013

Nome: Vinícius Simões da Silva Nasc.: 28/06/1982 | Apucarana/PR Federação: Paraná Profissão: Professor Nº de Temporadas do NBB: 2 Principais competições:

Foto: João Pires/LNB

Foto: João Pires/LNB

LDB 2011 a 2013 Super Copa Brasil 2012 e 2013 Sul-Brasileiro 2011 e 2012

Maria Claudia Moraes foi a árbitra revelação do NBB 5

Foto: João Pires/LNB

Na última temporada, José Pelissari fez parte do trio destaque

Diego Chiconato é uma das revelações da arbitragem brasileira

153


Ginรกsio Nilson Nelson - Jogo das Estrelas 2013


A capital federal, Brasília, foi a sede do Jogo das Estrelas do NBB 2013. Nos dias 01 e 02 de março, o Ginásio Nilson Nelson recebeu o maior evento de basquete do Brasil, que já havia sido realizado em três outras cidades: Rio de Janeiro (2009), Uberlândia (2010) e Franca (2011 e 2012). No primeiro dia da festa, os brasilienses acompanharam os torneios individuais, quando os jogadores mais habilidosos e performáticos do NBB disputaram as três tradicionais competições: o Desafio de Habilidades e os Torneio de 3 Pontos e Enterradas. Na manhã seguinte, foi a vez das estrelas do NBB Brasil e do NBB Mundo entrarem em quadra para o terceiro confronto entre brasileiros e estrangeiros, partida que teve, novamente, a transmissão ao vivo da TV Globo para todo o Brasil.

Com o placar empatado com uma vitória para cada lado, o Jogo das Estrelas 2013 foi o grande desempate no confronto entre NBB Brasil e NBB Mundo. A equipe brasileira foi liderada pelo técnico do Flamengo, José Neto, e contou com os armadores Larry Taylor (Bauru), Fúlvio (São José) e Nezinho (Brasília); os alas Marquinhos (Flamengo), Alex (Brasília), Paulinho Boracini (Pinheiros) e Vitor Benite (Flamengo); e os pivôs Olivinha (Flamengo), Caio Torres (Flamengo), Rafael Mineiro (Pinheiros), Luis Gruber (Uberlândia) e Jefferson (São José). O NBB Mundo teve o comando do técnico do Franca, Lula Ferreira, e o elenco formado pelos armadores Kenny Dawkins (Liga Sorocabana), Kojo Mensah (Flamengo) e Mark Borders (Minas); os alas Shamell (Pinheiros), Robert Day (Uberlândia), Benzor Simmons (Vila Velha), Joe Smith (Pinheiros) e Desmond Holloway (Liga Sorocabana); e os pivôs Steven Toyloy (Paulistano), DeAndre Coleman (Bauru), Guillermo Araujo (Pinheiros) e Tyrone Curnell (Palmeiras). Pela primeira vez na história, o Jogo das Estrelas foi decidido na prorrogação. Liderados pelo ala Alex, MVP da partida com 26 pontos, o NBB Brasil levou a melhor e venceu o confronto por 146 a 144.

Desafio de Habilidades Pela terceira vez consecutiva (em três edições da competição), o armador Fernando Penna conquistou o título do Desafio de Habilidades. O armador do Pinheiros superou Gustavinho, do Mogi das Cruzes, na final e levantou, mais uma vez, o trofeu de campeão. Penna conseguiu bater oito atletas de diferentes times do NBB: Fúlvio (São José), Kenny Dawkins (Liga Sorocabana), Marcellus (Tijuca), Jefferson Campos (Suzano), Victor Correia (Joinville), Gustavinho (Mogi das Cruzes) e Eric Tatu (Brasília).

Na decisão, jogador do Mogi das Cruzes mostrou um pouco de nervosismo, e errou o primeiro passe do percurso, perdendo, assim, bastante tempo no total (35,3 segundos). Tranquilo, Fernando Penna voltou a mostrar tranquilidade, teve um desempenho impecável e assegurou o tricampeonato com o excelente tempo de 23,4 segundos. 156

Foto: João Pires/LNB

Na primeira fase, Gustavinho e Kenny Dawkins foram os mais rápidos, mas Fernando Penna ainda não havia entrado em quadra, pois foi o último na disputa. O armador do Pinheiros fez o melhor tempo da rodada de classificação e eliminou Dawkins.

Fernando Penna (Pinheiros)


Torneio de 3 Pontos O Torneio de 3 pontos foi de tirar o fôlego. Matheus Dalla, do Limeira, e Matheus, do Basquete Cearense, protagonizaram um duelo histórico no Ginásio Nilson Nelson. Os dois atletas terminaram duas vezes empatados na grande final do torneio e somente na terceira série de arremessos é que Dalla saiu com o título absoluto.

A disputa ficou quente na final, quando os dois atletas empataram duas vezes na sequência de arremessos de 3 pontos. Na primeira rodada, eles acertaram 17 pontos e, na seguinte, o ritmo deu uma caída e o empate foi em 13. No entanto, o jovem Matheus Dalla guardou forças para acertar 19 tentos na terceira bateria e ficar com o título.

Foto: João Pires/LNB

Na etapa de classificação, o ala do Limeira anotou 21 pontos e classificou-se para a final com Matheus, que marcou 18. Ambos superaram os outros quatro concorrentes Guto (Palmeiras) Bruno Irigoyen (Minas) e Rossi (Brasília), que fizeram 16; e Helinho (Uberlândia), que defendia o título, acertou apenas 15.

Matheus Dalla (Limeira)

Torneio de Enterradas Na final, o jovem jogador superou outro atleta da nova geração, Danilo Fuzaro, do Minas, e fez a festa no Ginásio Nilson Nelson. Junto de Gui e Fuzaro, os outros participantes do torneio foram Jefferson Socas, do Franca, Desmond Holloway, da Liga Sorocabana, e Isaac, do Brasília.

Foto: João Pires/LNB

O Batman voltou. Essa é a melhor maneira para definir o título de Gui Deodato, do Bauru, no Torneio de Enterradas do Jogo das Estrelas 2013. Novamente com a fantasia do super-herói Batman, assim como no título conquistado no último ano, o ala bauruense roubou a cena no torneio que encerrou o primeiro dia de atividades do evento festivo do NBB.

Gui Deodato (Bauru)

157


Foto: João Pires/LNB

Fernando Penna (Pinheiros), Matheus Dalla (Limeira) e Gui Deodato (Bauru)

158

A caravana do NBB também visitou o Colégio Marista, em Brasília, para alegria da garotada, que lotou o pátio da escola para curtir a habilidade dos ídolos do NBB Brasil e NBB Mundo. Enquanto isso, os atletas que participaram dos torneios se dividiram em dois grupos, um para acompanhar as obras do Estádio Mané Garrincha, que será utilizado na Copa do Mundo de 2014, e outro para fazer uma ação com os patrocinadores do Jogo das Estrelas.

Além das atividades com os atletas, a Liga Nacional de Basquete também proporcionou aos clubes um workshop com um dos maiores mascotes do esporte mundial, Jay-Jay. O personagem da FIBA Américas passou um bom tempo com os mascotes dos clubes do NBB antes, durante e depois do evento, ensinando algumas técnicas de entretenimento com o público.

Foto: João Pires/LNB

Foto: João Pires/LNB

Para começar, os jogadores visitaram o Centro Olímpico de Ceilândia (DF) e bateram uma bola com mais de 300 crianças do projeto. A criançada aproveitou a presença dos ídolos para tirar fotos e conseguir autógrafos, além de poder realizar o sonho de jogar basquete com os principais atletas do país.

Foto: João Pires/LNB

NBB na Comunidade A ida do Jogo das Estrelas 2013 para Brasília foi marcante não só na quadra, mas também fora dela. Às vésperas do evento, a Liga Nacional de Basquete promoveu uma série de atividades na comunidade com a presença dos atletas e treinadores.


Bauru campe達o da LDB 2012


Em 2011, a Liga Nacional de Basquete (LNB) e o Ministério do Esporte firmaram uma parceria para a criação da Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), uma competição nacional de base que envolve os principais clubes do Brasil. Contemplando jogadores com idade de até 22 anos, a LDB visa a formação de atletas para as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, e também abastecer as equipes profissionais que disputam o NBB, competição adulto de basquete. Um campeonato nacional forte e de bom nível técnico é importante para o desenvolvimento não só dos atletas, mas também de técnicos e árbitros envolvidos.

Quatro meses mais tarde, a terceira edição da LDB foi iniciada, com um grande aumento no número de equipes e estados participantes. Foram 20 times de 10 estados nacionais mais o Distrito Federal. A competição também cresceu e cada clube teve um mínimo de 28 partidas. Os oito times mais bem colocados na fase de classificação (Flamengo, Minas, Basquete Cearense, Pinheiros, Brasília, São José, Ginástico (MG) e Bauru) avançaram para a fase final, realizada nos dias 26 a 30 de dezembro no Rio de Janeiro. Com equipes bastante consistentes, Flamengo e Minas Tênis Clube superaram os adversários e foram se encontrar na grande decisão da LDB 2013. Liderados pelo armador Gegê e o pivô Cristiano Felício, o time carioca sagrou-se bicampeão da competição (os rubro-negros venceram em 2011). O título coroou também o trabalho do técnico Paulo Chupeta, o único treinador que conseguiu ser campeão tanto na LDB quanto no NBB (troféu conquistado em 2009).

Foto: Newton Nogueira/LNB

No final de 2012, a segunda edição da LDB teve início com a participação de 18 clubes de sete estados brasileiros mais o Distrito Federal. Bauru, Flamengo, Franca e São José se classificaram para as semifinais da competição, que foi disputada no sistema de “Final Four” no final de semana do Jogo das Estrelas, nos dias 02 e 03 de março, em Brasília.

Bauruenses e francanos venceram seus respectivos confrontos e se encararam na final da segunda edição da LDB. Com bom desempenho do pivô Andrezão, MVP do campeonato, mais a dupla formada pelo armador Ricardo Fischer e Gui Deodato, o time de Bauru levou a melhor sobre o adversário e ficou com título inédito.

Danilo Siqueira (Minas) e Lucas Mariano (Franca)

160


Bruno Cabloco (Pinheiros)

Felício (Flamengo)

Foto: João Pires/LNB

Foto: João Pires/LNB

Em apenas dois anos, a LDB revelou para o basquete nacional mais de 60 jovens atletas, que já atuam no NBB e, a cada dia, vão assumindo mais o papel de protagonistas de seus respectivos clubes. Jogadores como Davi (Basquete Cearense), Andrezão (Bauru), Gui Deodato (Bauru), Ricardo Fischer (Bauru),

Foto: Divulgação

Com o sucesso da LDB, a Liga Nacional de Basquete e o Ministério do Esporte fecharam mais três edições do projeto para os anos de 2014, 2015 e 2016. As novas temporadas da competição contarão com a participação de 24 times e o número de partidas também será maior em relação aos campeonatos passados.

Foto: João Pires/LNB

Continuidade da parceria

Gui Deodato e Ricardo FIscher (Bauru)

Foto: Bruno Spada/LNB

Isaac (Brasília), Ronald (Brasília), Cauê Borges (Franca), Léo Meindl (Franca), Lucas Mariano (Franca), Gegê (Flamengo), Deryk Ramos (Limeira), Danilo Siqueira (Minas), Henrique Coelho (Minas), Arthur Casimiro (Paulistano), Arthur Pecos (Paulistano), Lucas Dias (Pinheiros), Bruno Caboclo (Pinheiros) e Victor Correia (São José) já atuaram na competição sub-22.

Foto: João Pires/LNB

Douglas (Flamengo)

Rafa Moreira (Minas)

Davi Rosseto (Basquete Cearense)

161


Foto: João Pires/LNB

162

Victor Correia (São José)

Foto: Caio Casagrande/LNB

Foto: João Pires/LNB

Foto: Bruno Spada/LNB

Gegê (Flamengo)

Léo Meindl (Franca)

Lucas Dias (Pinheiros)

Ronald (Brasília)

Foto: Luiz Pires/LNB


MELHORES DO NBB


Logo após a vitória do Flamengo sobre o Uberlândia na Final do NBB 2012/2013, a Liga Nacional de Basquete divulgou os ganhadores dos prêmios individuais da quinta edição da maior competição de basquete do país. O grande destaque da premiação ficou por conta do ala Marquinhos, do time carioca, eleito o MVP (jogador mais valioso) do campeonato.

Junto do quinteto ideal do campeonato e do melhor treinador, também foram divulgados os ganhadores de outros quatro prêmios individuais. Vencedor do troféu de Melhor Defensor nas quatro temporadas do NBB, Alex Garcia, do Brasília, repetiu a conquista nesta temporada e garantiu o pentacampeonato. Outro destaque ficou por conta do Gui Deodato, do Bauru, que foi escolhido pelo segundo ano consecutivo como o Jogador que Mais Evoluiu. Para completar a dobradinha bauruense na premiação do NBB5, o armador Ricardo Fischer ficou com o troféu de Destaque Jovem (Sub-21). Para fechar, o garoto Léo Meindl, do Franca, de apenas 20 anos, foi eleito o Sexto Homem da temporada 2012/2013.

Foto: Divulgação

Além do prêmio de melhor jogador da competição, o camisa 11 flamenguista também figurou na seleção do NBB5, ao lado do armador Fúlvio, do São José, do ala norte-americano

Robert Day, do Uberlândia, do ala/pivô Rafael Mineiro, do Pinheiros, e do pivô Caio Torres, também Flamengo e que ficou com o título de MVP da Final. Enquanto isso, o Troféu Ary Vidal (melhor técnico da competição) ficou com Lula Ferreira, do Franca.

Com vitória sobre o Uberlândia, o Flamengo ficou com o título do NBB 5

164

Prêmio por Equipe

Prêmio Individual

Campeão - Flamengo Vice-Campeão - Uberlândia Terceiro Lugar - Bauru Melhor Ataque - Flamengo Melhor Defesa - Franca Fair-Play - Minas

Cestinha - Holloway (Liga Sorocabana) Líder em Rebotes - Bábby (Mogi) Líder em Assistências - Fúlvio (São José) MVP da Temporada - Marquinhos (Flamengo) MVP da Final - Caio Torres (Flamengo) Melhor Defensor - Alex (Brasília)


Foto: Divulgação

Destaque Sub-21 - Ricardo Fischer (Bauru) Maior Evolução - Gui Deodato (Bauru)

Prêmio Arbitragem Melhor Trio - Marco Benito Fernando Serpa José Pelissari Destaque - Cristiano Maranho Revelação - Maria Cláudia Moraes

Foto: Divulgação

Caio Torres recebe o troféu de MVP da Final das mãos de Anderson Varejão

Marquinhos foi o dono de três troféus individuais no NBB 2012/2013

Seleção do NBB Sexto Homem - Léo Meindl (Franca) Técnico do Ano - Lula Ferreira (Franca)

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Armador - Fúlvio (São José) Alas - Robert Day (Uberlândia) Marquinhos (Flamengo) Pivôs - Rafael Mineiro (Pinheiros) Caio Torres (Flamengo)

Robert Day e Marquinhos levaram o prêmio de Melhores Alas

Rafael Mineiro e Caio Torres receberam o troféu de Melhores Pivôs

165


Foto: Divulgação

Lula Ferreira recebeu o troféu Ary Vidal da esposa do lendário treinador

NBB 2008/2009

NBB 2009/2010

NBB 2010/2011

NBB 2011/2012

Campeão

Flamengo

Brasília

Brasília

Brasília

Flamengo

Vice-campeão

Brasília

Flamengo

Franca

São José

Uberlândia

Terceiro lugar

Minas

Franca

Pinheiros

Pinheiros

Bauru

Melhor Ataque

Flamengo

Brasília

Brasília

Flamengo

Flamengo

Melhor Defesa

Joinville

Joinville

São José

Pinheiros

Franca

Fair Play

Bauru

Bauru

Uberlândia

Uberlândia

Minas

Prêmio Individual

NBB 2008/2009

NBB 2009/2010

NBB 2010/2011

NBB 2011/2012

NBB 2012/2013

Cestinha

Marcelinho (FLA)

Marcelinho (FLA)

Marcelinho (FLA)

Murilo (SJO)

Holloway (LSB) Bábby (MOG)

Líder em Rebotes

Shilton (JOI)

Olivinha (PIN)

Shilton (JOI)

Murilo (SJO)

Líder em Assistências

Sucatzky (MIN)

Sucatzky (MIN)

Fúlvio (SJO)

Fúlvio (SJO)

Fúlvio (SJO)

MVP da Temporada

Marcelinho (FLA)

Marcelinho (FLA)

Giovannoni (BRA)

Murilo (SJO)

Marquinhos (FLA)

MVP da Final

.....

.....

Giovannoni (BRA)

Giovannoni (BRA)

Caio Torres (FLA)

Melhor Defensor

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Craque da Galera

Marcelinho (FLA)

Marcelinho (FLA)

Chico (ARA)

..........

..........

Destaque Sub-21

.....

Raulzinho (MIN)

Benite (FRA)

Gui Deodato (BAU)

Ricardo Fischer (BAU)

Maior Evolução

.....

Audrei (JOI)

Benite (Franca)

Gui Deodato (BAU)

Gui Deodato (BAU)

NBB 2012/2013

Prêmio Arbitragem

NBB 2008/2009

NBB 2009/2010

NBB 2010/2011

NBB 2011/2012

Melhor Trio

Carlos R. dos Santos

Carlos R. dos Santos

Cristiano Maranho

Carlos R. dos Santos

Marco Benito

Cristiano Maranho

Cristiano Maranho

Marcos Benito

Sérgio Pacheco

Fernando Serpa

Sérgio Pacheco

Vander Lobosco

Sérgio Pacheco

Fernando Serpa

José Pelissari

Destaque

.....

Sérgio Pacheco

Carlos R. dos Santos

Cristiano Maranho

Cristiano Maranho

Revelação

.....

.....

Andreia Regina

Diego Chiconato

Maria Cláudia Moraes

Seleção do NBB

NBB 2008/2009

NBB 2009/2010

NBB 2010/2011

NBB 2011/2012

NBB 2012/2013

Armador

Larry Taylor (BAU)

Fúlvio (SJO)

Larry Taylor (BAU)

Fúlvio (SJO)

Fúlvio (SJO)

Alas

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Alex (BRA)

Robert Day (UBE)

Pivôs

166

NBB 2012/2013

Prêmio por Equipe

Marcelinho (FLA)

Marcelinho (FLA)

Marquinhos (PIN)

Marquinhos (PIN)

Marquinhos (LA)

Baby (FLA)

Giovannoni (BRA)

Giovannoni (BRA)

Giovannoni (BRA)

Rafael Mineiro (PIN)

Murilo (MIN)

Murilo (MIN)

Murilo (SJO)

Murilo (SJO)

Caio Torres (FLA)

Sexto Homem

Fred (FLA)

Nezinho (BRA)

Benite (FRA)

Paulinho Boracini (PIN)

Léo Meindl (FRA)

Técnico do Ano

Paulo Chupeta (FLA)

Lula Ferreira (BRA)

Hélio Rubens (FRA)

Régis Marrelli (SJO)

Lula Ferreira (FRA)


Olivinha (Flamengo) Líder Rebotes

Fúlvio (São José) Líder Assistências

Marcelinho (Flamengo) Cestinha

LÍDERES DO NBB


Arremessos de 2 Pontos -

Foto: Claudio Capucho/PMSJC

Top 30

Posição

Atleta

%

Jogos

1

Murilo

1008

1674

60.22

158

2

Drudi

926

1654

55.99

172

3

Olivinha

873

1422

61.39

178 150

Certos Tentados

4

Giovannoni

786

1316

59.73

5

Larry Taylor

754

1509

49.97

171

6

Jeff Agba

712

1235

57.65

130

7

Shamell

681

1195

56.99

172

8

Alex Garcia

654

1040

62.88

185 148

9

Marquinhos

646

1115

57.94

10

Arthur

641

1007

63.65

193

11

Teichmann

590

993

59.42

159

12

Shilton

573

1024

55.96

167

13

Deivisson

570

897

63.55

137

14

Bábby

562

1001

56.14

113

15

Marcelinho

539

1004

53.69

145

16

Cipolini

535

841

63.61

114

17

Estevam

529

981

53.92

174 176

18

Audrei

526

1039

50.63

19

Márcio

494

932

53.00

157

20

Ricardo Probst

488

896

54.46

162

21

Morro

481

762

63.12

133

22

Rafael Mineiro

450

765

58.82

145 136

23

Felipe Ribeiro

446

875

50.97

24

Caio Torres

446

746

59.79

81

25

Jefferson William

439

823

53.34

157

26

Hélio

436

758

57.52

185

27

Diego

436

804

54.23

168

28

Betinho

435

862

50.46

154

29

Paulão

433

722

59.97

126

30

Benite

416

840

49.52

158

Murilo (São José)

Arremessos de 3 Pontos -

Foto: Alexandre Vidal/FLA

Top 30

Marcelinho (Flamengo)

168

Posição

Atleta

%

Jogos

1

Marcelinho

571

1408

40.55

145

2

Shamell

416

1031

40.35

172

3

Fernando Fischer

400

872

45.87

138 164

Certos Tentados

4

Nezinho

395

1123

35.17

5

Manteguinha

358

819

43.71

159

6

Alex Garcia

341

1082

31.52

185

7

Robert Day

336

766

43.86

114

8

Marquinhos

323

804

40.17

148

9

Duda Machado

321

872

36.81

185

10

Helinho

297

724

41.02

155

11

Robby Collum

293

799

36.67

101

12

Arthur

292

669

43.65

193

13

Jefferson William

277

712

38.90

157

14

Vitor Benite

269

673

39.97

158

15

Ronald Ramon

263

600

43.83

101

16

Matheus

260

780

33.33

163

17

Fulvio

258

649

39.75

135

18

Giovannoni

247

621

39.77

150

19

Dedé

246

698

35.24

135

20

Paulinho Boracini

244

637

38.30

126 157

21

Márcio

232

589

39.39

22

Jay Parker

223

591

37.73

65

23

Olivinha

221

647

34.16

178

24

Larry Taylor

221

613

36.05

171

25

Rogério

221

605

36.53

171

26

Luisinho

219

572

38.29

117

27

Audrei

218

623

34.99

176 185

28

Hélio

215

523

41.11

29

Alex Oliveira

214

597

35.85

138

30

Leandro

205

522

39.27

168


Assistências - Top 50 Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

1

Fulvio

1034

135

4

7,66

26

Fred

378

170

5

2,22

2

Larry Taylor

962

171

5

5,63

27

Betinho

358

154

5

2,32

3

Nezinho

916

164

5

5,59

28

Diego

355

168

5

2,11

4

Valtinho

785

158

5

4,97

29

Arthur

306

193

5

1,59 2,03

5

Sucatzky

666

96

3

6,94

30

Giovannoni

305

150

4

6

Helinho

661

155

5

4,26

31

Robert Day

300

114

3

2,63

7

Alex Garcia

617

185

5

3,34

32

Eric Tatu

298

112

5

2,66

8

Hélio

594

185

5

3,21

33

Ronald Ramon

286

101

3

2,83

9

Shamell

547

172

5

3,18

34

Olivinha

282

178

5

1,58

10

Fernando Penna

533

130

5

4,10

35

Teichmann

277

159

5

1,74

11

Matheus

508

163

5

3,12

36

Kojo Mensah

276

69

2

4,00

12

Marquinhos

488

148

4

3,30

37

Jefferson Campos

271

119

5

2,28

13

Luiz Felipe

476

180

5

2,64

38

Alex Oliveira

271

138

5

1,96

14

Marcelinho

475

145

5

3,28

39

Shilton

268

167

5

1,60 3,23

15

Manteguinha

473

159

5

2,97

40

Elinho

265

82

3

16

Robby Collum

451

101

3

4,47

41

Rogério

261

171

5

1,53

17

Alexandre Pinheiro

449

117

4

3,84

42

Zezinho

254

91

3

2,79

18

Figueroa

448

115

3

3,90

43

Andre Laws

245

84

3

2,92

19

Renato Lamas

437

143

5

3,06

44

Ricardo Fischer

235

85

3

2,76

20

Borders

436

106

4

4,11

45

Arnaldinho

235

98

5

2,40

Duda Machado

417

185

5

2,25

46

Kenny Dawkins

217

61

2

3,56

Neto

413

148

5

2,79

47

Jhonatan

213

126

5

1,69

23

André Goes

404

181

5

2,23

48

Thyago Aleo

211

106

4

1,99

24

Paulinho Boracini

392

126

4

3,11

49

Paulo Nery

210

126

5

1,67

25

Vitor Benite

386

158

5

2,44

50

Chico

204

162

5

1,26

Foto: Claudio Capucho/PMSJC

21 22

Fúlvio (São José)

169


Atleta

Total

Jogos

1

Larry Taylor

336

171

5

1,96

2

Alex Garcia

278

185

5

1,50 1,61

Temporadas Média

3

Nezinho

264

164

5

4

Marcelinho

263

145

5

1,81

5

Shamell

246

172

5

1,43

6

Duda Machado

236

185

5

1,28

7

Felipe Ribeiro

226

136

5

1,66

8

Neto

219

148

5

1,48

9

Betinho

216

154

5

1,40

10

Hélio

216

185

5

1,17

11

Valtinho

203

158

5

1,28

12

Marquinhos

198

148

4

1,34 1,23

13

Teichmann

195

159

5

14

Manteguinha

195

159

5

1,23

15

Fulvio

189

135

4

1,40

16

Olivinha

185

178

5

1,04

17

Márcio

181

157

5

1,15

18

André Goes

178

181

5

0,98

19

Figueroa

175

115

3

1,52

20

Vitor Benite

170

158

5

1,08

21

Robby Collum

169

101

3

1,67

22

Diego

167

168

5

0,99

23

Fernando Penna

166

130

5

1,28

24

Arthur

165

193

5

0,85 1,04

25

Murilo

165

158

5

26

A. Pinheiro

162

117

4

1,38

27

Helinho

162

155

5

1,05

28

Matheus

160

163

5

0,98

29

Borders

155

106

4

1,46

30

Jefferson Campos

154

119

5

1,29

Larry Taylor (Bauru) Foto: Alexandre Vidal/FLA

Posição

Foto: João Pires/LNB

Bolas Recuperadas - Top 30

Olivinha (Flamengo)

Rebotes - Top 50

170

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

1

Olivinha

1573

178

5

8,84

26

Mineiro

605

140

5

4,32

2

Murilo

1375

158

5

8,70

27

Rafael Mineiro

601

145

5

4,14

3

Shilton

1298

167

5

7,77

28

Bruno Fiorotto

588

117

4

5,03 3,28

4

Drudi

1141

172

5

6,63

29

Audrei

577

176

5

5

Giovannoni

1064

150

4

7,09

30

Tischer

573

111

5

5,16

6

Teichmann

992

159

5

6,24

31

Rodrigo Bahia

569

100

5

5,69

7

Jeff Agba

978

130

4

7,52

32

Cipolini

564

114

4

4,95

8

Jefferson William

953

157

5

6,07

33

Arthur

564

193

5

2,92

9

Alex Garcia

947

185

5

5,12

34

Valtinho

557

158

5

3,53

10

Felipe Ribeiro

944

136

5

6,94

35

Coloneze

555

157

5

3,54

11

Larry Taylor

925

171

5

5,41

36

Casé

553

111

4

4,98

12

Cipriano

917

180

5

5,09

37

André Bambu

546

137

5

3,99

13

Ricardo Probst

899

162

5

5,55

38

Diego

545

168

5

3,24

14

Tiagão

859

158

5

5,44

39

Robert Day

541

114

3

4,75

15

Estevam

834

174

5

4,79

40

Fernando Mineiro

528

143

5

3,69

16

Bábby

777

113

5

6,88

41

Daniel Filé

528

115

4

4,59 3,90

17

Marcelinho

775

145

5

5,34

42

Fulvio

526

135

4

18

Deivisson

773

137

5

5,64

43

Paulão

519

126

4

4,12

19

Rogério

692

171

5

4,05

44

Roberto

509

81

3

6,28

20

Shamell

674

172

5

3,92

45

Alex Oliveira

505

138

5

3,66

21

Marquinhos

652

148

4

4,41

46

Caio Torres

504

81

2

6,22

22

Chico

640

162

5

3,95

47

Pilar

494

93

3

5,31

23

Wagner

638

176

5

3,63

48

André Goes

485

181

5

2,68

24

Morro

631

133

5

4,74

49

Hélio

481

185

5

2,60

25

Daniel Alemão

611

97

3

6,30

50

Fabricio

480

139

5

3,45


Lances Livres - Top 30

Tocos - Top 30

Posição

Atleta

Certos

Tentados

%

Jogos

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

1

Marcelinho

821

962

85.34

145

1

Murilo

172

158

5

1,09

2

Alex Garcia

814

1028

79.18

185

2

Teichmann

160

159

5

1,01

3

Murilo

797

1052

75.76

158

3

Estevam

144

174

5

0,83

4

Marquinhos

751

926

81.10

148

4

Felipe Ribeiro

131

136

5

0,96

5

Shamell

618

778

79.43

172

5

Morro

123

133

5

0,92

6

Nezinho

601

713

84.29

164

6

Alex Garcia

120

185

5

0,65 0,67

7

Larry Taylor

595

727

81.84

171

7

Chico

109

162

5

8

Olivinha

576

743

77.52

178

8

Adriano

98

130

5

0,75

9

Betinho

551

705

78.16

154

9

Rafael Mineiro

91

145

5

0,63

10

Fulvio

489

559

87.48

135

10

Douglas Nunes

90

98

3

0,92

11

Felipe Ribeiro

488

624

78.21

136

11

Jefferson William

85

157

5

0,54

12

Arthur

483

608

79.44

193

12

Daniel Alemão

75

97

3

0,77

13

Giovannoni

474

558

84.95

150

13

Bruno Fiorotto

75

117

4

0,64

14

Valtinho

464

566

81.98

158

14

Guilherme Hubner

70

132

5

0,53

15

Manteguinha

458

556

82.37

159

15

Léo Waskiewicz

70

64

2

1,09

16

Helinho

427

471

90.66

155

16

Cipriano

67

180

5

0,37

17

Drudi

424

528

80.30

172

17

Thiago Mathias

66

61

3

1,08

18

Robert Day

400

477

83.86

114

18

Alírio

64

143

5

0,45

19

Benite

392

496

79.03

158

19

Ricardo Probst

62

162

5

0,38

20

André Goes

392

482

81.33

181

20

Paulão

61

126

4

0,48

21

Márcio

389

556

69.96

157

21

Cipolini

60

114

4

0,53

22

Ricardo Probst

387

514

75.29

162

22

Olivinha

60

178

5

0,34

23

Shilton

382

694

55.04

167

23

Daniel Filé

57

115

4

0,50

24

Audrei

369

473

78.01

176

24

Tiagão

57

158

5

0,36

25

Filipin

358

440

81.36

105

25

Drudi

57

172

5

0,33

26

Jefferson William

352

436

80.73

157

26

Luís Gruber

56

104

3

0,54 0,39

Jeff Agba

341

442

77.15

130

27

Deivisson

53

137

5

Fernando Fischer

331

395

83.80

138

28

Jeff Agba

53

130

4

0,41

29

Dedé

328

413

79.42

135

29

Gaspar

50

95

4

0,53

30

Bábby

327

436

75.00

113

30

Marcão

50

85

3

0,59

Foto: Alexandre Vidal/FLA

Foto: Claudio Capucho/PMSJC

27 28

Marcelinho (Flamengo)

Murilo (São José)

171


Foto: Alexandre Vidal/FLA

Cestinhas - Top 50

Marcelinho (Flamengo)

172

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

Média

Posição

Atleta

Total

Jogos

Temporada

1

Marcelinho

3612

145

5

24,91

26

Helinho

1756

155

5

11,33

2

Shamell

3228

172

5

18,77

27

Rogério

1751

171

5

10,24 12,55

Média

3

Alex Garcia

3145

185

5

17,00

28

Felipe Ribeiro

1707

136

5

4

Murilo

3041

158

5

19,25

29

Fulvio

1691

135

4

12,53

5

Marquinhos

3012

148

4

20,35

30

Paulinho Boracini

1688

126

4

13,40

6

Olivinha

2985

178

5

16,77

31

André Goes

1684

181

5

9,30

7

Giovannoni

2787

150

4

18,58

32

Robby Collum

1605

101

3

15,89

8

Larry Taylor

2766

171

5

16,18

33

Luiz Felipe

1596

180

5

8,87

9

Arthur

2641

193

5

13,68

34

Teichmann

1581

159

5

9,94

10

Nezinho

2470

164

5

15,06

35

Alex Oliveira

1577

138

5

11,43

11

Manteguinha

2332

159

5

14,67

36

Eddy

1546

144

5

10,74

12

Drudi

2285

172

5

13,28

37

Neto

1539

148

5

10,40

13

Fernando Fischer

2137

138

5

15,49

38

Shilton

1531

167

5

9,17

14

Audrei

2075

176

5

11,79

39

Luisinho

1515

117

4

12,95

15

Márcio

2073

157

5

13,20

40

Bábby

1490

113

5

13,19

16

Jefferson William

2061

157

5

13,13

41

Ricardo Probst

1435

162

5

8,86

17

Robert Day

2032

114

3

17,82

42

Ronald Ramon

1414

101

5

14,00

18

Vitor Benite

2031

158

5

12,85

43

Matheus

1396

163

5

8,56

19

Betinho

2018

154

5

13,10

44

Tiagão

1385

158

5

8,77

20

Dedé

1846

135

5

13,67

45

Rafael Mineiro

1385

145

5

9,55

21

Hélio

1792

185

5

9,69

46

Cipolini

1383

114

3

12,13

22

Valtinho

1785

158

5

11,30

47

Deivisson

1368

137

5

9,99

23

Duda Machado

1780

185

5

9,62

48

Luís Gruber

1337

104

3

12,86

24

Diego

1775

168

5

10,57

49

Filipin

1324

105

4

12,61

25

Jeff Agba

1774

130

4

13,65

50

Estevam

1322

174

5

7,60


Hélio Rubens (Uberlândia) Líder de Vitórias na fase de Classificação

Lula Ferreira (Franca) Líder de Vitórias nos Playoffs

RANKING DOS TÉCNICOS

José Vidal (Brasília) Único Técnico Bicampeão do NBB


Foto: Ricardo Bufolin/ECP

Classificatórias Posição

Técnicos

1

Hélio Rubens

91

53

144

2

Guerrinha

88

56

144

61,1%

3

Régis Marrelli

78

66

144

54,2%

4

Cláudio Mortari

73

43

116

62,9%

5

Alberto Bial

71

45

116

61,2%

6

José Vidal

68

22

90

75,6%

7

Lula Ferreira

66

22

88

75,0%

8

Paulo Chupeta

51

9

60

85,0%

9

José Neto

44

18

62

71,0%

10

Gustavo De Conti

42

48

90

46,7%

Foto: Claudio Capucho/PMSJC

José Neto (Flamengo)

174

Régis Marrelli (São José)

Aprov. % 63,2%

11

João Marcelo

41

41

82

50,0%

12

Demétrius Ferracciú

41

49

90

45,6%

13

Flávio Davis

38

16

54

70,4%

14

Gonzalo Garcia

36

14

50

72,0%

15

Ênio Vecchi

30

86

116

25,9% 33,8%

16

Daniel Wattfy

27

53

80

17

Rinaldo Rodrigues

26

36

62

41,9%

18

Raul Togni

25

37

62

40,3%

19

Nestor Garcia

24

38

62

38,7%

20

Zanon

18

10

28

64,3%

21

Ratto

16

7

23

69,6%

22

Chuí

16

31

47

34,0%

23

Miguel Volcan

15

9

24

62,5%

24

Marco Aga

15

25

40

37,5%

25

Luiz Felipe Azevedo

14

22

36

38,9%

26

Arturo Alvarez

12

22

34

35,3%

27

Paco García

11

23

34

32,4%

28

Carlão

11

31

42

26,2%

29

Márcio Azevedo

11

63

74

14,9%

30

Miguel Ângelo da Luz

9

40

49

18,4%

31

Paulo Murilo

4

7

11

36,4%

32

Xis

4

19

23

17,4%

33

Cadum

4

30

34

11,8%

34

Rodrigo Silva

3

1

4

75,0%

35

Miguel Palmier

3

7

10

30,0%

36

Eldio Leal

3

5

8

37,5%

37

Aldo Andrade Jr.

2

15

17

11,8%

38

Fábio Appolinário

2

26

28

7,1%

39

Adriano Geraldes

0

5

5

0,0%

Foto: Ricardo Bufolin/ECP

Foto: João Pires/LNB

Hélio Rubens (Uberlândia)

Vitórias Derrotas Jogos

Cláudio Mortari (Pinheiros)


Playoffs Posição

Técnicos

1

Lula Ferreira

22

13

35

63%

2

Hélio Rubens

22

15

37

59% 53%

Jogos

Aprov. %

3

Régis Marrelli

20

18

38

4

José Vidal

18

9

27

67%

5

Paulo Chupeta

17

6

23

74%

6

Alberto Bial

13

15

28

46%

7

Guerrinha

13

17

30

43%

8

Cláudio Mortari

13

16

29

45%

9

José Neto

12

7

19

63%

10

Flávio Davis

9

6

15

60%

11

Gonzalo Garcia

8

9

17

47%

12

Demétrius Ferraciú

6

9

15

40%

13

Chuí

5

3

8

63%

14

Rodrigo Silva

5

3

8

63%

15

João Marcelo

4

8

12

33%

16

Gustavo De Conti

3

11

14

21%

17

Nestor Garcia

2

3

5

40%

18

Miguel Ângelo da Luz

1

3

4

25%

19

Zanon

1

3

4

25%

20

Daniel Wattfy

1

6

7

14%

21

Raul Togni

1

3

4

25%

22

Márcio Azevedo

0

3

3

0%

23

Rinaldo Rodrigues

0

6

6

0%

24

Carlão

0

3

3

0%

25

Miguel Volcan

0

1

1

0%

Foto: João Pires/LNB

Vitórias Derrotas

Foto: Brito Júnior/Divulgação

Lula Ferreira (Franca)

José Vidal (Brasília)

175


Foto: Jo達o Pires/LNB Foto: Divulga巽達o

Foto: Jo達o Pires/LNB

Guerrinha (Bauru)

Gustavo De Conti (Paulistano)

176

Alberto Bial (Basquete Cearense)


Murilo Recordista de lances livres (atuando pelo São José)

Marquinhos Recordista de pontos nos Playoffs (atuando pelo Pinheiros)

Larry Taylor (Bauru) Recordista de Triplos-Duplos

RECORDES DO NBB


Recordes Individuais por partida -

Pontos 63 Pontos - Marcelinho (FLA) Flamengo 101 x 89 São José - 07/03/2010 NBB 2009/2010

Arremessos de 2 Pontos Certos 16 Arremessos - Murilo (MIN) Minas 102 x 85 Saldanha - 15/01/2010 NBB 2009/2010

Arremessos de 3 Pontos Certos 16 Arremessos - Marcelinho (FLA) Flamengo 101 x 89 São José - 07/03/2010 NBB 2009/2010

Lances Livres Certos 19 lances livres - Murilo (SJO) Minas 85 x 82 São José - 28/01/2012 NBB 2011/2012

Rebotes Totais 19 Rebotes - Murilo (MIN) Paulistano 85 x 88 Minas - 01/11/2009 NBB 2009/2010

Foto: Cadu Gomes/LNB

Foto: Cadu Gomes/LNB

Fase de Classificação

Foto: Brito Júnior/Divulgação

19 Rebotes – Guilherme Giovannoni (BRA) Brasília 85 x 64 São José - 29/01/2010 NBB 2009/2010

178


Foto: João Pires/LNB

Foto: João Pires/LNB

Assistências 21 Assistências - Fúlvio (SJO) São José 102 x 86 Uberlândia - 01/03/2012 NBB 2011/2012

Roubos de Bola 9 Roubos de Bola - Jefferson Campos (SUZ) Suzano 72 x 91 Pinheiros - 17/12/2012 NBB 2012/2013

Foto: Armando Tozzoni/Divulgação

Tocos 8 Tocos – Adriano (ASS) Assis Basket 78 x 81 Limeira - 07/01/2011 NBB 2010/2011

Triplo-duplo Fernando Penna (PAU) - 23 pontos, 10 rebotes e 11 assistências 28/03/2010 - Araraquara 106 x 110 Paulistano NBB 2009/2010 Larry Taylor (BAU) – 23 pontos, 12 rebotes e 10 assistências 05/12/2010 - Bauru 80 x 81 Flamengo NBB 2010/2011 Larry Taylor (BAU) - 10 pontos, 10 rebotes e 12 assistências 21/11/2011 - Bauru 91 x 77 Vila Velha NBB 2011/2012

Foto: Sergio Domingues/HDR

Foto: Arquivo/LNB

Larry Taylor (BAU) - 24 pontos, 10 rebotes e 10 assistências 01/03/2012 - Bauru 99 x 79 Limeira NBB 2011/2012

179


Foto: Colin Foster/Divulgação

Eficiência 60 - Marcelinho (FLA) Flamengo 101 x 89 São José - 07/03/2010 NBB 2009/2010

Playoffs Arremessos de 2 Pontos Certos 12 Arremessos - Murilo (SJO) São José 106 x 90 Flamengo - 27/05/2012 NBB 2011/2012

Rebotes Totais 21 Rebotes - Shilton (JOI) Joinville 77 x 63 Limeira - 19/05/2009 NBB 2008/2009 Foto: Divulgação

Foto: Cadu Gomes/LNB

Arremessos de 3 Pontos Certos 10 Arremessos - Marcelinho (FLA) Brasília 93 x 90 Flamengo - 28/05/2010 NBB 2009/2010

180

Lances Livres Certos 18 Lances Livres - Marquinhos (PIN) Pinheiros 103 x 105 Joinville - 27/04/2011 NBB 2010/2011

Foto: João Pires/LNB

Foto: João Pires/LNB

Pontos 43 pontos - Marquinhos (PIN) Pinheiros 103 x 105 Joinville - 27/04/2011 NBB 2010/2011


Foto: João Pires/LNB

Foto: Luiz Pires/LNB

Roubos de Bola 8 Roubos - Betinho (MIN) São José 61 x 60 Minas - 19/04/2013 NBB 2012/2013 Assistências 17 Assistências - Sucatzky (MIN) Minas 91 x 78 Brasília - 27/05/2009 NBB 2008/2009 Eficiência 46 – Marcelinho (FLA) Pinheiros 87 x 92 Flamengo - 16/05/2009 NBB 2008/2009

Foto: Ricardo Bufolin/ECP

Tocos 7 Tocos - Morro (PIN) Pinheiros 84 x 70 Joinville - 26/04/2011 NBB 2010/2011

181


Recordes por Equipes por partida Fase de Classificação

Melhor Defesa 34 pontos sofridos - Vila Velha Vila Velha 76 x 34 Assis Basket - 06/05/2009 NBB 2008/2009

Foto: Arquivo/LNB

Maior Diferença de Pontos 62 pontos de diferença - Flamengo Flamengo 103 x 41 Vila Velha - 17/12/2011 NBB 2011/2012

Foto: João Pires/LNB

Melhor Ataque 126 pontos marcados - Paulistano Vila Velha 120 x 126 Paulistano - 23/02/2013 NBB 2012/2013

Playoffs Foto: Arquivo/LNB

Melhor Ataque 118 pontos marcados - Brasília Brasília 118 x 78 Bauru - 23/04/2010 NBB 2009/2010 Melhor Defesa 47 pontos sofridos - Minas Minas 74 x 47 Bauru - 19/05/2009 NBB 2008/2009

Foto: Orlando Bento/Divulgação

Maior Diferença de Pontos 40 pontos de diferença - Brasília Brasília 118 x 78 Bauru - 23/04/2010 NBB 2009/2010

182


REGULAMENTO Parágrafo I Das equipes participantes 1.1. Participarão do campeonato Novo Basquete Brasil, edição 2013/2014, as equipes filiadas à Liga Nacional de Basquete (LNB), que estejam em conformidade com as normas do Estatuto da Entidade e deste Regulamento. Dentro destes critérios, estarão aptas a disputar o NBB 2013/2014, as seguintes equipes: 1. ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA UNIVERSO (GO) 2. ASSOCIAÇÃO BAURU BASKETBALL TEAM (SP) 3. CLUB ATHLETICO PAULISTANO (SP) 4. CLUBE DE REGATAS DO FLAMENGO (RJ) 5. ESPORTE CLUBE PINHEIROS (SP) 6. FRANCA BASQUETEBOL CLUBE (SP) 7. LIGA SOROCABANA DE BASQUETE (SP) 8. MACAÉ BASQUETE (RJ) 9. MINAS TÊNIS CLUBE (MG) 10. MOGI DAS CRUZES/HELBOR (SP) 11. SÃO JOSÉ BASKETBALL/UNIMED (SP) 12. SKY/ASSOCIAÇÃO DE BASQUETE CEARENSE (CE) 13. SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS (SP) 14. UNICEUB/BRB/BRASÍLIA (DF) 15. UNITRI/MAGAZINE LUIZA (MG) 16. VILA VELHA/GAROTO/UVV (ES) 17. WINNER/KABUM/LIMEIRA (SP) Parágrafo II Dos princípios de organização 2.1. Novo Basquete Brasil - NBB - é o campeonato oficial de basquetebol masculino adulto do Brasil, organizado pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com o reconhecimento e apoio da Confederação Brasileira de Basketball (CBB). 2.2. Competirá à Liga Nacional de Basquete (LNB) organizar e dirigir o NBB 2013/2014, mediante a confecção das tabelas, adoção de normas técnicas, divulgação dos resultados e da classificação, indicação e escala de seus representantes e comissários, os quais deverão ser pré-aprovados pela CBB. A LNB será responsável ainda pela realização de julgamentos disciplinares em primeira instância e adoção de medidas administrativas em geral. a. O registro e a inscrição de atletas serão feitos pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB). b. A escala de árbitros será feita pela LNB com o apoio da CBB. c. A escala de mesários será feita pelas respectivas federações estaduais com profissionais pré-aprovados pela CBB. d. O julgamento disciplinar em primeira instância será feito pela Comissão Disciplinar, na forma do

Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) e deste Regulamento. e. O julgamento disciplinar em segunda instância competirá ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBB, na forma da lei. 2.3. O NBB tem como princípios fundamentais: a. A transparência administrativa e disciplinar. b. A autogestão administrativa e comercial das equipes participantes, na forma estatutária, respeitadas as regras esportivas e os calendários da CBB, ABASU, FIBA-AMERICAS, FIBA. c. O compromisso pessoal de cada uma das equipes com o aprimoramento da administração e com a boa imagem da competição. d. A massificação do basquetebol no Brasil, como fonte de lazer da população e valioso instrumento de formação das crianças e adolescentes brasileiros. 2.4. São pressupostos para o atendimento aos princípios fundamentais do NBB a. O respeito ao público e aos órgãos envolvidos com a competição. b. O respeito recíproco entre as equipes. c. A ética e a boa-fé nas relações esportivas e institucionais. d. Pontualidade e seriedade no cumprimento das obrigações pessoais e institucionais. e. A adoção prévia de toda e qualquer medida para assegurar o sucesso e o desenvolvimento regular da competição. Parágrafo III Da finalidade da competição e da premiação 3.1. O NBB terá como objetivo congregar as melhores equipes de basquetebol masculino adulto do Brasil, segundo o nível técnico mínimo exigido, dentre aquelas que são associadas à Liga Nacional de Basquete (LNB). 3.2. A competição apontará o campeão nacional e os demais classificados para competições internacionais subseqüentes, segundo critérios exclusivamente técnicos, respeitada a ordem final de classificação no NBB, conforme item específico deste regulamento. 3.3. A participação nos torneios internacionais exigirá, além da classificação no NBB imediatamente anterior, que a equipe esteja regularmente inscrita para a edição atual do NBB, sob pena de ser substituída pela equipe classificada logo após ela ou pela que, sucessivamente, atenda a estas regras.

183


3.4. As equipes classificadas em 1o (primeiro) e 2o (segundo) lugares na fase final serão atribuídos, respectivamente, os títulos de campeã e vice-campeã do NBB Temporada 2013/2014. 3.5. Serão oferecidos um troféu e dezoito medalhas de posse definitiva a cada equipe classificada em 1º (primeiro), 2o (segundo) e 3o (terceiro) colocados no NBB Temporada 2013/2014. 3.6. Serão oferecidos troféus especiais aos líderes por média, e que tenham disputado pelo menos 50% dos jogos da sua equipe, nos seguintes fundamentos: pontos, rebotes, assistências, equipe fair play, equipe com melhor defesa e equipe com melhor ataque. Pelo critério de votação, serão escolhidos para serem premiados, os seguintes líderes: melhor armador, dois melhores alas, dois melhores pivôs, melhor jogador da temporada, melhor jogador dos playoffs, atleta que mais evoluiu durante a temporada, atleta revelação (sub 21) que não tenha vencido, neste quesito, em edições anteriores, melhor sexto homem, melhor defensor, técnico da temporada cujo troféu é nominado Ary Vidal, craque da galera, trio de arbitragem, árbitro revelação e o árbitro destaque da competição. 3.7. A LNB realizará cerimônia oficial de premiação em data e local a serem oportunamente informados, SENDO OBRIGATÓRIO o comparecimento das equipes e dos atletas agraciados com os mencionados prêmios, ou indicados para os mesmos. 3.8. Durante o transcorrer do 2o turno da fase de classificação será realizado o “Jogo das Estrelas”, conforme critérios a serem divulgados pela LNB, SENDO OBRIGATÓRIA a participação de todos os atletas e técnicos convidados e escolhidos, por votação, para o evento durante toda a programação oficial. 3.9. A LNB realiza, antes da competição, o Congresso Técnico dos treinadores e árbitros participantes do NBB, visando definir, esclarecer e debater os critérios técnicos nela adotados e um Seminário de Avaliação, após o encerramento, com a finalidade de analisar a competição como um todo.

5.1. Das arenas de jogos a. As arenas devem contar com facilitações para entrada e saída de torcedores, de forma a evitar aglomerações, sendo maiores os cuidados com gestantes, crianças e idosos, além de adaptações que facilitem o acesso de pessoas portadoras de necessidades especiais, como rampas e reservados para a assistência aos jogos. b. Em todos os jogos deverá ser respeitada a lotação máxima das arenas, de forma que haja lugares sentados para todos aqueles que adentrarem ao recinto. c. As arenas deverão contar com áreas de escape para o caso de tumultos durante os jogos. d. As arenas deverão ter capacidade mínima para 1000 (mil) pessoas sentadas, salvo por determinação do Conselho de Administração, em situações que julgar pertinente. e. O ginásio do jogo final, que decide a competição, deverá ser escolhido, pelo finalista melhor colocado na fase de classificação, entre os 07 (sete) ginásios abaixo relacionados: 1- Maracanazinho / RJ 2- Arena HSBC / RJ 3- Mineirinho / MG 4- Nilson Nelson / DF 5- Sabiazinho / MG 6- Ibirapuera / SP 7- Pedrocão / Franca f. Durante a competição a LNB, através do Conselho de Administração, sempre observando o melhor interesse para o NBB, poderá indicar novos ginásios para a escolha da equipe mandante do Jogo Final. g. O direito de escolha do ginásio é da equipe classificada para a final melhor colocada na fase de classificação.

Parágrafo IV Dos princípios gerais de conduta desportiva

h. Caso exista alguma divergência na escolha, a definição do local do jogo final é um direito da LNB.

4.1. A competição deve ser marcada pela preocupação de respeitar e tratar com dignidade e conforto o público aficionado do basquetebol.

i. O responsável pelo jogo final, responsável pelo mando, será a LNB, podendo para tanto tomar qualquer medida que vise o melhor espetáculo e a garantia do jogo, tendo o direito de deliberar sobre toda a comunicação visual dentro do ginásio e no seu entorno, bem como estabelecer as ações promocionais que ocorrerão no mesmo.

4.2. Entre as equipes e seus respectivos torcedores deve ser estimulada a rivalidade saudável, eliminadas todas as formas de incitação à violência, de discriminação de qualquer espécie e do emprego de fatores extraquadra como forma de pressão sobre dirigentes, árbitros, integrantes de comissões técnicas e atletas.

184

Parágrafo V Das responsabilidades das equipes participantes

4.3. O mandante dos jogos será pessoal e integralmente responsável pela segurança e incolumidade física de dirigentes, árbitros, comissões técnicas e atletas das equipes participantes, desde a sua chegada até a saída em segurança das respectivas arenas de jogo, sem prejuízo da punição severa de qualquer um que atue de forma provocadora de acontecimentos perigosos ou danosos.

j. Os torcedores deverão ficar sempre a uma distância mínima de três metros da área técnica e também da mesa de controle, tendo como referência o banco de reservas da equipe e a própria mesa de controle. k. Não será permitida a permanência de torcida organizada/uniformizada atrás da área técnica da equipe visitante e também da mesa de controle. Os mesmos deverão obrigatoriamente se sentar do lado oposto ao da área técnica e também da mesa de controle ou, em caso de inexistência de local destinado ao público do lado oposto, deverão se sentar atrás da


área técnica da equipe mandante. l. As arenas também deverão contar com banheiros públicos masculinos e femininos em ótimas condições de higiene e funcionamento, além de adaptações a crianças e portadores de necessidades especiais, com a devida aprovação das autoridades sanitárias. m. As arenas deverão ter lanchonetes ou quiosques para venda de alimentação e bebidas, legalmente permitidas, aos torcedores, com a prévia aprovação das autoridades sanitárias. n. É proibida a venda e consumo de bebidas alcoólicas de qualquer espécie no recinto interno da arena conforme Lei Federal de número 12.299, de 27 julho de 2010. o. As arenas deverão contar com setor ambulatório para atendimento emergencial mínimo aos torcedores, com maca e equipamentos de primeiros-socorros. p. As arenas deverão ter vestiários adequados para cada uma das equipes e para o conjunto de arbitragem, devendo contar com um chuveiro aquecido para cada três pessoas. q. Os vestiários também deverão contar com pelo menos quinze assentos e quinze armários com, no mínimo, cinqüenta centímetros cúbicos para armazenamento de roupas e objetos de uso pessoal, podendo o armário situar-se sob os tampos de bancos ou assentos.

como pontas de pregos, farpas de madeira, buracos ou ondulações. x. O piso da quadra não pode ter cor escura e as linhas demarcatórias devem ser firmes e facilmente visíveis, respeitadas todas as especificações da FIBA. (preferencialmente branca). y. Qualquer anteparo ou objeto situado no fundo da quadra deve estar revestido com espuma ou outro material que evite contusões provocadas por choques dos atletas. z. A iluminação artificial da quadra de jogo deve observar as especificações internacionais (no mínimo 800 “lux” atestados por laudo técnico), bem como as que forem estabelecidas por emissoras de TV para transmissão e gravação de jogos. 5.2. Dos equipamentos e materiais a. A estrutura das tabelas deverá ser móvel ou fixada no chão, e deverá também obedecer 2m de recuo da linha de fundo da quadra. Não serão aceitas estruturas de tabelas fixadas no teto ou nas paredes do ginásio, salvo por determinação do Conselho de Administração, em situações que julgar pertinente. b. As tabelas deverão contar com aros retráteis e redinhas, dentro das especificações da FIBA.

r. O mandante cederá seus vestiários ao visitante caso não estejam em ordem os vestiários reservados a ele.

c. Os aros e as redinhas serão, obrigatoriamente, aqueles enviados ou autorizados pela LNB. No caso de avaria dos mesmos a sua substituição, ou reparo, correrá por conta da equipe. Os materiais substitutos deverão ser os mesmos adotados pela LNB.

s. Em todos os jogos o mandante deverá providenciar mesa de controle que comporte no mínimo 10 cadeiras e mesa para imprensa que comporte no mínimo 10 profissionais.

d. Caso a equipe vá se utilizar de mais de uma arena de jogo, a mesma deverá se encarregar para que o item acima seja observado, tendo que se responsabilizar por qualquer custo extra com a alteração.

t. Em todos os jogos o mandante deverá providenciar que pelo menos uma ambulância e um desfibrilador estejam disponíveis entre uma hora antes e uma hora após os jogos, além de um médico e dois enfermeiros com nível superior.

e. Para a temporada 2013/2014, a LNB fornecerá as bolas, da marca Spalding, para todas as equipes participantes do NBB. A sua utilização é obrigatória nos jogos, e sua calibragem deve estar como indicada pelo fabricante. O carrinho de guardar as bolas deverá ser o mesmo da temporada passada, sem a placa com o nome do fornecedor anterior.

u. Em todos os jogos, caso a equipe visitante solicite, o mandante deverá reservar 10% da carga de ingressos para a compra da torcida adversária. Para os jogos realizados até às 16h o Clube adversário deve efetuar a compra até às 18h do dia anterior. Para os jogos realizados após as 16h a compra deve ser feita em até 6 horas antes do jogo. O clube visitante é responsável pelo pagamento dos ingressos. Após os horários estipulados, não havendo a efetivação da compra, os ingressos estarão liberados para a venda nas bilheterias do Clube mandante sem prejuízo ao Clube visitante. v. O mandante do jogo deverá disponibilizar, para cada jogo, 20 ingressos de Cortesia, em local privilegiado do ginásio para a diretoria do Clube Visitante. Para isso, a equipe visitante deverá informar, por e-mail, a necessidade real do número de ingressos desejados em até 48h do início da partida. w. As quadras de jogo deverão apresentar piso de madeira, sem qualquer saliência que possa representar perigo à incolumidade física dos atletas,

f. É proibido escrever nas bolas. g. Cada arena deverá ter, pelo menos, uma tabela, aro e redinha reservas, para o caso de ser necessária a substituição de uma delas. Se, em um dos jogos, ocorrer avaria, quebra que impossibilite o andamento do jogo, o clube terá um prazo de até uma hora para providenciar a troca, reposição ou reparo. Caso o local de jogo não tenha tabela, aro e redinha para reposição, o jogo será suspenso e a equipe mandante perderá os pontos. h. Após o problema solucionado dentro do período estipulado, o jogo segue normalmente, após aprovação do representante e do árbitro da partida. Caso na mesma partida aconteça novamente a quebra do mesmo material recém trocado, o jogo poderá ser remarcado para o dia seguinte em horário estabelecido pela LNB, respeitando a programação de viagem da equipe visitante.

185


i. As equipes mandantes deverão providenciar para que o local do jogo esteja em perfeitas condições de uso. Quando o jogo não puder ser iniciado, por qualquer que seja o motivo, o mesmo será obrigatoriamente realizado no dia seguinte, em horário estabelecido de comum acordo entre os respectivos clubes. Ocorrendo um impasse, a definição do horário ficará a cargo da LNB. j. Quando a não realização do jogo for motivada por falta de segurança, quadra impraticável por causa de chuva ou outro problema, funcionamento defeituoso dos equipamentos eletrônicos, instalações danificadas, tabela quebrada, piso escorregadio, iluminação inadequada, etc, o clube com mando de jogo será responsável pelas despesas provocadas por sua transferência, como hospedagem, alimentação e transporte interno para a equipe visitante, equipe de arbitragem e representante da LNB. k. É proibida a entrada no ginásio do jogo de instrumentos de sopro ou percussão, focos de laser, fogos de artifícios ou similares, bem como qualquer outro tipo de instrumento que possa ser prejudicial ao correto desempenho da arbitragem, permitindo-se, no entanto, sua utilização em apresentações ou shows, desde que previamente aprovados pela LNB. l. A equipe mandante deverá colocar à disposição da arbitragem no mínimo duas pessoas uniformizadas, uniformes cedidos pela LNB, com a função de secar e limpar a quadra durante os jogos. m. A equipe mandante deverá garantir para equipe visitante as seguintes condições de treinamento, na arena onde o jogo será realizado: Situação 01: Jogo na 5ª feira às 20h Dia anterior ao jogo: 01 (um) treinamento de no mínimo 90 minutos. O início desta prática deverá ser entre 16:00 h e 20:00 h. Dia do jogo: 01 (um) treinamento de no mínimo 60 minutos. O início desta prática deverá ser, no máximo, até as 12h. Situação 02: Jogo no sábado - 16h às 19h Dia anterior ao jogo: 01 (um) treinamento de no mínimo 90 minutos. O início desta prática deverá ser entre 16h e 19h. A equipe visitante deverá entrar em contato com a equipe mandante, agendando um dos horários dentro dos prazos estabelecidos. Esta comunicação entre os clubes deverá ser feita com uma antecedência de 72h antes do inicio do jogo; fora deste prazo a equipe mandante estará desobrigada de ceder suas instalações para os treinamentos previstos. A responsabilidade do contato inicial via email, é da equipe visitante. Os treinamentos deverão ser realizados na arena de jogo. Para os treinos no dia anterior ao jogo, se a equipe mandante tiver comprovadamente um impedimento de ginásio, o treino poderá ser realizado em outra quadra, desde que possua as condições técnicas de uso.

186

n. A equipe mandante deverá providenciar durante os treinos agendados para a equipe visitante, os seguintes itens: • A quadra deve estar limpa; • Água (mínimo de 20 litros); • 10 kg de gelo; • 12 bolas oficiais da competição, em boas condições,

e as que serão utilizadas no jogo; • 01 funcionário responsável para receber a equipe visitante, e oferecer todo o suporte necessário. o. A equipe mandante também deverá providenciar 20 (vinte) estruturas para fixação de lonas publicitárias, de acordo com as medidas e especificações da LNB (conforme modelo da entidade); a filmagem dos jogos, disponibilizando um DVD para o representante da LNB, outro para a equipe visitante e uma cópia para o árbitro do jogo; o upload do arquivo com a filmagem do jogo em uma “nuvem” conforme orientação fornecida pela LNB; equipamentos de estatísticas (computador, impressora e conexão banda larga com a Internet com cabeamento diretamente conectado no computador da estatística estando à disposição 02 horas antes do jogo e até 01 hora depois do jogo; um eletricista de plantão antes e durante o jogo. p. A equipe mandante é responsável pelas seguintes despesas referentes à realização do jogo: seguranças, confecção de ingressos, taxas e tributos oficiais, taxas de arbitragem, ajuda de custo para os árbitros, taxa dos oficiais de mesa e estatísticos, ajuda de custo aos oficias de mesa e estatísticos quando necessário, despesas com ambulância, médicos e enfermeiros. Entende-se como ajuda de custo o valor destinado ao árbitro no deslocamento aeroporto/ginásio ou hotel/ginásio. As despesas com transporte e hospedagem dos árbitros para a cidade, serão suportadas pela LNB. q. Os patrocinadores da LNB terão direito a uma cota de ingressos que deverão ser entregues aos patrocinadores com, pelo menos, 24h de antecedência. A carga de ingressos a ser entregue, deverá ser informada às equipes com, pelo menos, 10 dias de antecedência pela LNB. r. As arenas ainda deverão apresentar os seguintes itens: • Uma área para convidados e autoridades. Nos jogos com transmissão de TV, essa área não deverá estar localizada na parte captada frontalmente pelas câmeras durante a transmissão; • Um local destinado para a imprensa, com internet (Wi-Fi) e, pelo menos, um computador com impressora; • A quadra, as tabelas, aros e cestas a serem utilizados devem ter as dimensões e qualidades exigidas pelas regras oficiais da FIBA; • Placar eletrônico digital com sirene de alcance pleno; • Placar eletrônico digital reserva, com controles e funcionamento independente do placar eletrônico principal; • A tabela deverá possuir acolchoamento em suas bases e proteção de segurança na parte de vidro; • O relógio de 24 segundos deve ser do tipo digital, fixado acima da tabela, e com o cronômetro de jogo de fácil visualização incluso; • Par de relógios de 24 segundos reserva, do tipo digital, com cronômetro de jogo incluso, e funcionamento independente do relógio de 24 segundos principal; • As arenas deverão contar com sinal luminoso indicador do término dos períodos de jogo e 24 segundos. A mesma deverá estar encostada atrás de cada uma das tabelas de jogo, próximo às bordas superiores, inferiores e laterais da tabela. Este sinal luminoso deve ser de cor vermelha e deve estar


sincronizado com a contagem regressiva do placar principal. • Sinalização interna e externa, indicando entradas e saídas, sanitários e saídas de emergência; • Somente poderão ser utilizados os ginásios indicados pelas equipes antes do início da temporada e que forem previamente inspecionados e habilitados pela LNB, cabendo às equipes providenciar todos os equipamentos necessários para a simulação de funcionamento, para a inspeção e certificação. • A obrigação por todas as providencias e ações necessárias para a manutenção dos ginásios e/ ou reformas e reparos solicitados, é de inteira responsabilidade dos clubes que atuam no NBB, independentemente de serem ou não proprietários do ginásio. • A LNB poderá utilizar ginásios neutros, se julgar necessário; • Iniciada a competição, qualquer solicitação de troca de arena de jogo, só será possível com a aprovação do Conselho de Administração. s. Caso a equipe indique um ginásio fora da sua cidade sede, a mesma o deverá fazer somente em dois jogos da fase de classificação e a solicitação para a mudança deverá ser até 15 dias antes do jogo com as seguintes premissas: s.1. O Ginásio deverá ser aprovado na vistoria promovida pelo Departamento Técnico da LNB; s.2. A equipe visitante deverá concordar com a transferência da partida. Todo o gasto decorrente da mudança seja com a equipe visitante, árbitros e staff, ou da coordenação da LNB, para o jogo, deverá ser de responsabilidade da equipe mandante. s.3. Caso a equipe indique um ginásio na sua cidade sede, a mesma o deverá fazer somente em dois jogos ou até que a situação da quadra Oficial ou a indicada na ficha de inscrição se regularize. A determinação se a equipe utilizará este ginásio mais de duas vezes, será da LNB. Esta indicação deve ser efetuada através de um ofício 15 dias antes da data prevista do jogo contendo a autorização da associação, clube ou entidade que disponibilizará as suas instalações para a equipe requisitante. s.4. O Ginásio deverá ser aprovado na vistoria promovida pelo Departamento Técnico da LNB; t. Os jogos que decidirem a temporada 2013/2014 terão como mandante a própria LNB que, visando sempre a melhor condição de jogo para todos os envolvidos, buscará alternativas que possibilitem sempre o melhor retorno financeiro, de imagem e técnico para os Clubes, à LNB, patrocinadores e todos os demais parceiros da competição. u. O clube mandante deverá manter no ginásio um sistema de som, dotado de microfones e caixas acústicas, com alcance pleno internamente e um locutor para a apresentação das equipes e informações ao público. v. Não poderá haver caixas de som atrás ou direcionadas para a área técnica da equipe visitante. w. A presença de público atrás das tabelas só será permitida quando houver arquibancadas ou assentos

em espaços adequados. x. É terminantemente proibida a presença de público e pessoas não autorizadas na quadra de jogo, mesmo nos intervalos. y. As placas de publicidade deverão estar a, pelo menos, 2m (dois metros) das linhas demarcatórias da quadra de jogo. z. As placas deverão estar posicionadas de acordo com o mapa de quadra estipulado no manual de marcas. aa. Os jornalistas, fotógrafos e operadores de câmeras de TV deverão se posicionar atrás das placas de publicidade que ficam próximas aos bancos de reserva das equipes. Exceto profissionais da TV Globo e Sportv. bb. Fazer cumprir o plano de merchandising de quadra e demais normas de publicidade previstas neste regulamento e no Manual de Marcas entregue pela Rede Globo, observando o posicionamento das propagandas dos patrocinadores (placas de quadra, protetores de tabela e afins). cc. Para a realização do exame antidoping, um dos vestiários deverá ter os seguintes itens para a coleta de material: • 02 (Duas) mesas tamanho médio ou 04 (quatro) mesas tamanho pequeno • 08 (Oito) cadeiras • 10 (Dez) garrafas de 1,5 litro de água lacradas (não pode ser água de galão) • Banheiro limpo com iluminação, sabonete líquido, papel higiênico, papel toalha e cesto de lixo. • 02 (Duas) pranchetas • 01 (Uma) tesoura • 02 (Dois) rolos de papel toalha (de cozinha) • 01 (Um) cesto de lixo tamanho médio • 01 (Um) segurança na porta 5.3. Da segurança pública 1) As arenas de jogos devem observar as regras mínimas de segurança estipuladas pela LNB, pelo Corpo de Bombeiros, pela Polícia Militar e outros órgãos administrativos competentes. 2) Deverão estar presentes na arena, no mínimo 02 (dois) policiais para cada grupo de 500 (quinhentos) torcedores, e 10 (dez) seguranças uniformizados, quantidade que será elevada de acordo com o volume de público. O chefe da segurança contratada, assim que chegar ao ginásio, deverá se apresentar ao representante da partida. 3) O clube mandante é responsável por garantir a segurança pública em sua arena, tomando previamente as medidas necessárias junto às autoridades responsáveis, sob pena de sofrer as punições cabíveis. 5.4 - Do registro e inscrição de atletas a) Os clubes inscritos no NBB 2013/2014 devem apresentar à LNB, em formulário, encaminhado por endereço eletrônico e postal, dados cadastrais: razão social completa e nome esportivo do clube, relação de representantes: diretores, gerentes e supervisores (com telefones, e-mail e fax), dois ginásios indicados para

187


utilização no campeonato, com endereço, telefones e capacidade de público dos mesmos, bem como das pessoas responsáveis por cada um deles e dados referente a seus patrocinadores e seus investimentos. b) Os clubes que participarão do Campeonato devem apresentar, em formulário da CBB, a Ficha de Inscrição de Atletas contendo até 24 (vinte e quatro) atletas com os respectivos números de camisas para a inscrição, observando a seguinte determinação: somente 03 (três) dos atletas poderão ser estrangeiros. c) No caso de atletas estrangeiros, as equipes deverão apresentar o passaporte, contrato de trabalho e o comprovante do visto temporário n. 5 (cinco) da Lei 6.815/80, que caracteriza o vínculo de trabalho do atleta de nacionalidade estrangeira, sob pena do cancelamento da inscrição do atleta no campeonato. d) No caso de atletas nacionalizados. O atleta nacionalizado é aquele jogador estrangeiro com nacionalidade brasileira e que tenha documento nacional de identidade. A ficha de inscrição deverá constar o número do documento nacional de identidade. e) Somente poderão participar do NBB 2013/2014, os atletas regularmente inscritos em suas Federações, e registrados na Confederação Brasileira de Basketball. f) Os clubes que não se utilizarem do limite máximo de inscrições poderão completar sua lista de atletas, até o último dia útil antes da data prevista para o final do primeiro turno da fase de classificação, não sendo consideradas, para este fim, partidas adiadas para data posterior, seja qual for o motivo. É necessário que a Federação ateste a vinculação dos atletas com os clubes. g) Os atletas constantes da lista, não habilitados, poderão ter sua situação regularizada pelo clube até o último dia útil antes da data prevista para o final do primeiro turno da fase de classificação, não sendo consideradas, para este fim, partidas adiadas para data posterior, seja qual for o motivo. h) Atletas nascidos a partir do ano de 1994 inclusive (Sub19) poderão ser inscritos a qualquer momento, sem data limite até o término da competição, desde que não tenham atuado por nenhuma equipe no NBB 2013/2014 e que não seja ultrapassado o número de 24 atletas inscritos na relação de jogadores da equipe. i) O atleta que atuar por um clube no NBB 2013/2014, não poderá, nesta mesma competição, atuar por outra equipe, excetuando-se os casos onde o atleta preencha TODOS os requisitos listados na letra “j” abaixo, onde a “janela de transferência” é descrita de forma detalhada. j) “Janela de Transferência” - Qualquer atleta que já tenha atuado por uma equipe no NBB temporada 2013/2014 poderá atuar por outra equipe na mesma competição, desde que cumpra TODOS os requisitos listados abaixo: i.1. O clube que deseja contratar o atleta deverá apresentar uma carta liberatória emitida pelo clube de origem do atleta;

188

i.2. O atleta deverá ter seu nome incluído na relação da equipe de destino e todos os procedimentos de

transferência deverão ter sido realizados, de forma que o respectivo atleta tenha sua situação regularizada pelo clube até o último dia útil antes da data prevista para o final do primeiro turno, não sendo consideradas, para este fim, partidas adiadas para data posterior, seja qual for o motivo. i.3. O nome do atleta que solicita transferência poderá ter constado na súmula em no máximo 08 (oito) jogos. Caso o nome do referido atleta tenha constado na súmula de 09 (nove) jogos ou mais, mesmo não tendo entrado em quadra em um ou mais jogos, o atleta terá sua transferência negada, independentemente de estar dentro do prazo limite; i.4. Um atleta só poderá utilizar a janela de transferência uma única vez durante a competição. Mesmo que ele preencha todos os requisitos anteriores, não será autorizada a transferência de um atleta cujo nome já constou na súmula por duas equipes diferentes na temporada. k) Estarão regularizados, apenas e tão somente, aqueles atletas constantes da “Ficha de Inscrição de Atletas”, com condição de jogo aprovada e publicada em Nota Oficial da CBB. l) Qualquer atleta poderá ser substituído até o último dia útil antes da data prevista para o final do primeiro turno da fase de classificação. No caso de atleta estrangeiro, para efetivação da substituição por outro atleta estrangeiro, o clube deverá requerer o cancelamento da inscrição do atleta substituído, na Federação e na CBB. No caso de atletas nascidos a partir de 1994 inclusive (Sub19), a substituição pode ocorrer em qualquer momento ou etapa da competição, desde que ainda não tenham atuado por nenhuma equipe no NBB 2013/2014. m) Não terá condição de jogo o atleta que estiver cumprindo punição, ou que não constar na relação de inscrição oficial, ou que não apresentar, antes da partida, documento de identidade, com foto, expedido por órgão oficial. n) Qualquer substituição, complemento da relação Nominal dos Atletas ou regularização da situação de um atleta, só dará condições ao mesmo se a solicitação, com todos os documentos válidos, chegar à CBB com um mínimo de dois dias úteis, conforme orientação abaixo, em relação à próxima rodada, para que a mesma seja publicada em Nota Oficial em até 01 (um) dia útil antes da partida, dando condições de jogo ao postulante. o) Formato dos prazos: para os jogos da quinta-feira todos os documentos válidos devem chegar à CBB até as 18h da segunda-feira anterior, jogos aos sábados e domingos o prazo será quarta-feira às 18h e assim sucessivamente. p) A condição de jogo do atleta inscrito, não será concedida para os jogos alterados para data posterior. Leva em consideração a data inicial presente na tabela do campeonato. 5.5 - Dos uniformes utilizados nos jogos a. Na relação de inscrição dos atletas constarão as cores de 03 (três) uniformes de jogo (camisa e calção), dois de cor clara e outro de cor escura.


b. A equipe com mando de jogo usará sempre o uniforme de cor clara, cabendo ao visitante usar o uniforme de cor escura. Mas, se ambas as equipes concordarem, elas podem trocar as cores de suas camisas. c. A numeração dos atletas poderá ser de 04 (quatro) a 99 (noventa e nove). O número de camisa de cada atleta deve ser informado quando da apresentação da lista de inscrição, após o que não poderá sofrer qualquer alteração. Os atletas posteriormente inscritos deverão utilizar-se de números diferentes daqueles já destinados aos seus companheiros de equipe, mesmo que estes não tenham ainda atuado. Os números nas camisas dos atletas não poderão sofrer alteração, para não comprometer o serviço de estatísticas. d. É obrigatória a colocação do nome do atleta na parte posterior da camisa, acima do número, sem prejudicar a visualização deste último. O nome do atleta deverá ter a altura máxima de 05 cm (cinco centímetros) e a extensão não poderá exceder a 25 cm (vinte e cinco centímetros). e. O nome do patrocinador poderá ser colocado na parte posterior da camisa, abaixo do número, desde que sem prejudicar a visualização do número. O nome do patrocinador deverá ter a altura máxima de 05 cm (cinco centímetros) e a extensão não poderá exceder a 30 cm (trinta centímetros). f. O nome do patrocinador, na parte frontal da camisa, não poderá exceder a 08 cm (oito centímetros) de altura por 40 cm (quarenta centímetros) de comprimento ou 320 cm2 (trezentos e vinte centímetros quadrados). g. O logotipo do fornecedor do uniforme poderá ser colocado na parte frontal da camisa e não poderá exceder à área de 12 cm² (doze centímetros quadrados). h. O logotipo do fornecedor do uniforme, ou de um patrocinador do clube, poderá ser colocado na parte frontal do calção, à esquerda, e não poderá exceder a 04 cm (quatro centímetros) de altura por 10 cm (dez centímetros) de largura, ou uma área de 40cm² (quarenta centímetros quadrados). i. O número do atleta também poderá ser colocado na parte frontal do calção, à direita, mas cada algarismo não poderá exceder a 06 cm (seis centímetros) de altura por 03 cm (três centímetros) de largura. j. Os itens d, e, f, g, h e i estão ilustrados no manual de marca NBB nas páginas 17 a 19 do mesmo. Este manual será entregue pela LNB antes do início da competição. k. O logo NBB deverá seguir manual de marcas. l. Toda exposição de marca deverá respeitar o manual de normatização de arena distribuído antes do início da competição, que trata dos uniformes, placas de publicidade e base das tabelas. Jogadores e membros da comissão técnica estão proibidos de utilizar qualquer adereço com publicidade de cunho comercial, religioso, político ou protesto sem o consentimento da LNB. Não será permitida a utilização de bandanas, testeira/faixas na cabeça, armbands, tatuagem temporária, bonés, protetor bucal, etc, que exponham marcas que não sejam a do fabricante.

Parágrafo VI Do protocolo dos jogos. 6.1 Os clubes participantes do jogo deverão entregar ao representante designado pela LNB, com 1h de antecedência ao horário oficial do jogo, a relação de suas equipes, com as seguintes informações: nome completo dos atletas (não mais que doze (12) membros de equipe aptos a jogar, incluindo o capitão) e comissão técnica (no máximo de sete (7) pessoas), nome esportivo, número da camisa, posição que joga, data de nascimento, peso, altura e média de idade e altura da equipe, em duas vias, uma delas, juntamente com os documentos de identificação, deverá ser entregue aos mesários. 6.2 As equipes deverão apresentar-se uniformizadas para o jogo, impreterivelmente, 30 (trinta) minutos antes da hora marcada para seu início. 6.3 As equipes deverão identificar-se perante a arbitragem, munida da relação de atletas igual a que foi entregue ao representante, indicando aqueles que iniciarão a partida, até 20 (vinte) minutos antes da hora marcada para o início do jogo. 6.4 Da relação de atletas, somente 03 (três) dos atletas poderão ser estrangeiros. 6.5 A apresentação oficial das equipes, com chamada nominal, será realizada: a. 15 (quinze) minutos antes do início do jogo; as equipes, por determinação do árbitro, interromperão suas atividades e, a partir do respectivo banco de reservas, à medida que forem chamados, os atletas entram na quadra enfileirando-se de costas para as respectivas tabelas para execução do Hino Nacional. b. 1’30”. As equipes encerram o bate bola e dirigem-se aos bancos de reserva. Serão anunciados, pelo locutor do ginásio, os 05 ( cinco) jogadores de cada equipe que iniciarão a partida. c. 30”. Jogadores titulares entram na quadra para início do jogo. d. Os atletas devem apresentar-se vestidos por igual, isto é, vestidos com a mesma camisa, calção, meias e agasalho. e. Em todos os jogos do NBB - 2013/2014 deverá ser executado o Hino Nacional. f. Durante os jogos, as únicas pessoas autorizadas a permanecer na área dos bancos de reservas são os atletas uniformizados, supervisor, técnico, assistente técnico, médico, fisioterapeuta, estatístico e mordomo, desde que tenham sido identificados e relacionados na ficha de inscrição enviada à LNB e levada ao local do jogo pelo representante. g. Atletas que não foram relacionados em súmula para o jogo não podem ficar em momento algum na área reservada ao jogo. Os mesmos devem se posicionar no ginásio em locais que são de uso comum do público, ou seja, arquibancada, área vip, área de convidados, etc. h. Além dos integrantes das equipes, autorizados conforme critérios acima poderão estar na quadra: 1. 03 oficiais de mesa;

189


2. 02 scoutistas, responsáveis pelas estatísticas; 3. 01 representante da LNB; 4. 01 representante do Clube ou ginásio responsável pela manutenção; 5. Médicos, Paramédicos ou enfermeiros que ficarão próximos ao banco da equipe da casa, antes do início das placas de publicidade, ou local fora da quadra identificado com sinalização adequada e fácil acesso à mesma. 6. 02 enxugadores de quadra; 7. Fotógrafos credenciados pela equipe mandante, desde que estejam com crachá fornecido pela LNB e portando sua câmera fotográfica. 8. Repórteres da emissora que detém os direitos de transmissão que estejam trabalhando no jogo; 9. Representantes da LNB portadores de crachá que identifique acesso à quadra. 10. Durante o intervalo da partida poderão ocorrer atividades dentro da quadra desde que monitoradas pela equipe mandante e que deixem a quadra 5’ (cinco minutos) antes do início do segundo tempo. 11. Após o término da partida a quadra também poderá, a critério de cada equipe mandante, ser liberada para acesso do público, desde que os árbitros, oficiais de mesa e equipes adversárias já tenham deixado a mesma em segurança. 12. Não é permitido o uso de bermudas pelos membros da Comissão Técnica. 13. Durante a competição, caso haja necessidade de alteração na composição da comissão técnica, qualquer modificação deverá ser comunicada a LNB, por escrito, com um prazo mínimo de 48 (quarenta e oito) horas antes do jogo. 6.6 Para os locutores de rádio deverá ser destinado, pelo clube sediante, uma área apropriada para a realização de seus trabalhos. 6.7 Os repórteres de quadra deverão fazer seu trabalho de reportagem somente nos intervalos entre os períodos e tempo técnico. 6.8 Não entrevistar o mesmo atleta ou membro da comissão técnica enquanto o mesmo estiver concedendo entrevista à emissora que detém os direitos de transmissão ou se posicionar atrás do entrevistado. 6.9 Fazer a sua entrevista antes do início da transmissão do jogo, no intervalo do jogo e após a transmissão do jogo, somente com o entrevistado fora da quadra. Entende-se por quadra o espaço limítrofe determinado pelas linhas do basquetebol. 6.10 Durante o jogo zelar pela imagem produzida pela emissora que detém os direitos de transmissão. Em um pedido de tempo pela equipe requisitante ou visitante, não colocar o microfone ou qualquer outro aparato para colher o som de forma que o mesmo apareça na transmissão. Colher as informações do técnico após tempo solicitado se o mesmo quiser conceder a entrevista.

que esse recurso seja utilizado em todos os jogos, sem exceção, de uma mesma fase do campeonato e que o protocolo utilizado seja aprovado em votação pelo respectivo Conselho e comunicado às equipes com pelo menos 03 (três) dias antes do início da utilização deste recurso. 6.13 Nos jogos com transmissão de televisão deverão ser atendidos os itens abaixo: a) Adesivo NBB. É de responsabilidade da equipe sediante, fixar o adesivo disponibilizado pela Rede Globo. O adesivo deverá ser fixado no círculo central da quadra de basquetebol. b) O clube mandante deverá orientar o público a sentarse, inicialmente, no lado oposto às câmeras de TV. c) Durante o intervalo da partida poderão ocorrer atividades dentro da quadra desde que monitoradas pela equipe mandante e que deixem a quadra 5’ (cinco minutos) antes do início do segundo tempo. d) Durante os pedidos de tempo técnico, só poderá ocorrer alguma ação promocional, se a mesma for feita sem a utilização de locutor com microfone. e) Durante os pedidos de tempo técnico é obrigatória a permissão da utilização do microfone por parte da emissora que detém dos direitos de transmissão. No entanto, durante o jogo inteiro, cada equipe terá direito a uma única recusa da colocação do microfone no tempo técnico. Essa recusa deverá ser feita através de um sinal claro do técnico da equipe para o pessoal da emissora que detém os direitos de transmissão. f) Após o término da partida a quadra também poderá a critério de cada equipe mandante ser liberada para acesso do público, desde que o trabalho de reportagem da emissora que detém os direitos de transmissão tiver sido encerrado, os árbitros, oficiais de mesa e equipe adversária já tenham deixado a mesma, em segurança. A autorização por parte da emissora que detém os direitos de transmissão será feita pelo produtor que estiver no jogo, que notificará o representante. O representante é a única pessoa autorizada a efetuar tal procedimento, inclusive orientando os seguranças quanto ao protocolo. g) Os jogos televisionados serão definidos pela emissora que detém os direitos de transmissão, em comum acordo com o Departamento Técnico da LNB, levando-se em consideração os aspectos técnicos das equipes, condições estruturais do ginásio de jogo, visual da quadra e o empenho do clube mandante em divulgar os jogos, mantendo uma média alta de público em seu ginásio.

6.11 Caso essas solicitações não sejam atendidas o repórter deverá ser convidado a se retirar da quadra e o veículo não receberá mais autorização para fazer suas transmissões da quadra.

h) Será obrigação exclusiva dos clubes participantes a responsabilidade pelo pagamento de todo e qualquer direito porventura devido em razão da legislação em vigor, que seja dos atletas, árbitros ou aos demais participantes do evento, sejam eles “direitos de imagem e/ou arena” ou de qualquer outra espécie, eximindo a Liga Nacional de Basquete, desde já, de qualquer responsabilidade neste sentido.

6.12 O Conselho de Administração da LNB poderá autorizar, mesmo durante a competição, a utilização de vídeo para correção de lances de arbitragem, desde

i) Os direitos de transmissão e reprodução de TV pertencem à LNB, que poderá negociá-los, sem exclusividade, com emissoras de TV, a quem serão

190


garantidos o direito de entrevista com os atletas, dirigentes, técnicos e representantes da LNB, que estejam envolvidos na partida disputada, no início, intervalo e encerramento de cada partida. j) As demais emissoras de TV só poderão fazer cobertura jornalística. Qualquer tipo de transmissão ou reprodução deverá ser previamente aprovada pela LNB e pela emissora que detenha os direitos de transmissão.

lugar, sendo formado o seguinte emparceiramento: 5º colocado fase de classificação x 12º colocado fase de classificação (Playoff 1 - Oitavas) 6º colocado fase de classificação x 11º colocado fase de classificação (Playoff 2 - Oitavas) 7º colocado fase de classificação x 10º colocado fase de classificação (Playoff 3 - Oitavas) 8º colocado fase de classificação x 9º colocado fase de classificação (Playoff 4 - Oitavas)

k) A presença de equipes de TV e rádio na quadra só será permitida antes do início da partida, nos intervalos e após as entrevistas da emissora que detém os direitos de transmissão.

8.5.1 Playoff Oitavas de final - Classificam-se para a próxima fase as 04 (quatro) equipes vencedoras destes confrontos.

l) Os clubes mandantes devem providenciar, em seus respectivos ginásios, local reservado para as equipes de TV da emissora que detém os direitos de transmissão (cabines específicas ou praticável medindo 3m x 3m, com 02 mesas e 04 cadeiras), providenciando ainda o acesso de equipamentos e demais facilidades necessárias à instalação dos mesmos.

8..6 Playoff Quartas de final: Será realizado em melhor de 05 (cinco) partidas, sendo considerada vencedora a equipe que obtiver 03 (três) vitórias. Esta etapa será disputada entre as 04 (quatro) equipes vencedoras do playoff oitavas de final, mais as 04 (quatro) classificadas de 1º a 4º lugar na fase de classificação, sendo formado o seguinte emparceiramento:

Parágrafo VII Da Responsabilidade Civil

1º colocado fase de classificação x vencedor do Playoff 4 - Oitavas (Playoff 1 - Quartas) 2º colocado fase de classificação x vencedor do Playoff 3 - Oitavas (Playoff 2 - Quartas) 3º colocado fase de classificação x vencedor do Playoff 2 - Oitavas (Playoff 3 - Quartas) 4º colocado fase de classificação x vencedor do Playoff 1 - Oitavas (Playoff 4 - Quartas)

7.1 As equipes serão responsáveis por contratar plano de saúde dos seus atletas e pelo atestado médico de aptidão para a prática esportiva, emitido por médico do clube. 7.2 Cabe às equipes mandantes providenciar seguros contra acidentes ocorridos com torcedores no âmbito da sua arena esportiva. 7.3 A LNB não se responsabiliza pela omissão destas providências. 7.4 As equipes mandantes serão solidariamente responsáveis com a LNB caso ela venha a ser responsabilizada pela omissão dessas providências. Parágrafo VIII Do Sistema de Disputa 8..1 Os jogos serão disputados de acordo com as regras vigentes da FIBA.

8.6.1 Playoff quartas de final - Classificam-se para a próxima fase as 04 (quatro) equipes vencedoras destes confrontos. 8..7 Playoff Semifinal: Será realizado em melhor de 05 (cinco) partidas, sendo considerada vencedora a equipe que obtiver 03 (três) vitórias. Esta etapa será disputada entre as 04 (quatro) equipes vencedoras do playoff quartas de final, sendo formado o seguinte emparceiramento: vencedor do Playoff 1 - Quartas x vencedor do Playoff 4 - Quartas (Playoff 1 - Semifinais) vencedor do Playoff 2 - Quartas x vencedor do Playoff 3 - Quartas (Playoff 2 - Semifinais)

8..2 O campeonato será disputado em 05 (cinco) fases: 1. Fase de Classificação (todos contra todos / turno e returno) 2. Playoff oitavas de final (do 5º colocado ao 12º colocado) 3. Playoff quartas-de-final 4. Playoff semifinal 5. Jogo final

8.7.1 Playoff semifinal - Classificam-se para a próxima fase as 02 (duas) equipes vencedoras destes confrontos.

8..3 Na fase de classificação as equipes jogam todas contra todas, em rodízio duplo, com jogos de ida e volta, apurando-se as 12 (doze) equipes mais bem classificadas para a fase seguinte.

8.8.1 Partida Final: para o emparceiramento desta fase será adotado o seguinte critério: as equipes vencedoras da fase semifinal serão reclassificadas de acordo com suas colocações na fase de classificação, e ocuparão as posições de 1º e 2º lugar conforme tabela abaixo:

8..4 As equipes colocadas de 1º a 4º lugar ao final da fase de classificação, estarão diretamente qualificadas para a fase quartas de final, não participando da fase oitavas de final. 8..5 Playoff Oitavas de final - Será realizado em melhor de 05 (cinco) partidas, sendo considerada vencedora a equipe que obtiver 03 (três) vitórias. Esta etapa será disputada entre as equipes classificadas de 5º a 12º

8..8 Jogo Final: Esta etapa será disputada entre as 02 (duas) equipes vencedoras do playoff semifinal, e terá um jogo, com o mando da quadra pertencendo à equipe finalista melhor classificada no playoff semifinal.

1º colocado = equipe vencedora do playoff semifinal com a melhor colocação na fase de classificação em relação ao outro finalista. 2º colocado = a outra equipe vencedora do playoff semifinal com a 2ª melhor colocação na fase de classificação em relação ao outro finalista. 8..9 Para definição das sedes dos jogos de todas as

191


séries de playoffs , em qualquer das fases, levar-se-á em conta a colocação das equipes na fase de classificação, cabendo sempre à equipe mais bem classificada naquela fase o mando de jogo na 1ª (primeira), 2ª (segunda) e 5ª (quinta) partidas, ficando a equipe pior classificada com o mando da 3ª e 4ª partidas. 8..10 Critérios para classificação final do NNB 2013/2014: 1º colocado - a equipe campeã será a equipe vencedora do jogo final. 2º colocado - a equipe vice-campeã será a equipe perdedora do jogo final. 3º colocado - será a equipe, entre as 02 (duas) perdedoras do playoff semifinal, com a melhor campanha na fase de classificação. 4º colocado - será a equipe, entre as 02 (duas) perdedoras do playoff semifinal, com a segunda melhor campanha na fase de classificação. 5º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff quartas de final, com a melhor campanha na fase de classificação. 6º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff quartas de final, com a segunda melhor campanha na fase de classificação. 7º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff quartas de final, com a terceira melhor campanha na fase de classificação. 8º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff quartas de final, com a quarta melhor campanha na fase de classificação. 9º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff oitavas de final, com a melhor campanha na fase de classificação. 10º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff oitavas de final, com a segunda melhor campanha na fase de classificação. 11º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff oitavas de final, com a terceira melhor campanha na fase de classificação. 12º colocado - será a equipe, entre as 04 (quatro) perdedoras do playoff oitavas de final, com a quarta melhor campanha na fase de classificação; e 13º colocado - será a equipe que na fase de classificação obtiver a 13ª colocação. 14º colocado - será a equipe que na fase de classificação obtiver a 14ª colocação. 15º colocado - será a equipe que na fase de classificação obtiver a 15ª colocação. 16º colocado - será a equipe que na fase de classificação obtiver a 16ª colocação. 17º colocado - será a equipe que na fase de classificação obtiver a 17ª colocação. 8..11 A LNB, de acordo com os interesses da TV, poderá antecipar as fases quartas-de-final, semifinal e final caso qualquer dessas fases se defina antes das datas previstas na tabela da competição. 8..12 A pontuação para classificação será de 02 (dois) pontos por vitória, 01 (um) ponto por derrota, 01 (um) ponto por derrota por número insuficiente de atletas e 00 (zero) ponto por derrota por desistência.

192

8..13 No caso de derrota por número insuficiente de atletas, se no momento do encerramento do jogo por tal motivo a equipe com o efetivo reduzido estiver à frente no marcador, o resultado será de 02 x 00 (dois x zero) para a equipe adversária. Se tal equipe estiver atrás no marcador, entretanto, o placar será mantido.

8..14 No caso de derrota por desistência, o placar será de 20 x 00 (vinte x zero) para a equipe adversária. 8..15 Caso uma equipe não compareça até o prazo determinado pelas regras oficiais, a equipe presente será declarada vencedora pela contagem de 20 x 00 (vinte x zero). A outra equipe não terá nenhum ponto computado. 8..16 Caso o não comparecimento seja das duas equipes não serão computados pontos para nenhuma delas. 8..17 Critérios de desempate: 8.16.1 Havendo empate na contagem de pontos entre duas equipes, na fase de classificação, proceder-se-á ao desempate utilizando o seguinte critério: 1º - Confronto direto entre as equipes empatadas, considerando-se os resultados dos jogos disputados entre elas; 2º - Melhor saldo de pontos, dos placares dos jogos realizados entre as equipes empatadas; 3º - Melhor cesta average, levando-se em consideração os placares obtidos nos jogos disputados entre as equipes empatadas, na fase de classificação. Entendese por cesta average o resultado da divisão entre os pontos convertidos e os pontos sofridos pela equipe em cada jogo; 4º- Melhor cesta average, levando-se em consideração todos os jogos realizados pelas equipes na fase de classificação. Entende-se por cesta average o resultado da divisão entre o total de pontos convertidos e o total de pontos sofridos pela equipe, em todos os jogos desta fase; 5º - Não se resolvendo a situação de empate, utilizarse-á o sorteio. 8.16.2 Havendo empate na contagem de pontos entre três ou mais equipes, na fase de classificação, procederse-á ao desempate utilizando o seguinte critério: 1º - Será feita uma reclassificação levando-se em conta somente os resultados dos jogos realizados entre as equipes empatadas; sendo melhor classificada a equipe que obteve o maior número de vitórias, nos confrontos entre as equipes empatadas. 2º - Melhor saldo de pontos, dos placares dos jogos realizados entre as equipes empatadas; 3º - Melhor cesta average, levando-se em consideração os placares obtidos nos jogos disputados entre as equipes empatadas, na fase de classificação. Entendese por cesta average o resultado da divisão entre os pontos convertidos e os pontos sofridos pela equipe em cada jogo; 4º- Melhor cesta average, levando-se em consideração todos os jogos realizados pelas equipes na fase de classificação. Entende-se por cesta average o resultado da divisão entre o total de pontos convertidos e o total de pontos sofridos pela equipe; 5º - Não se resolvendo a situação de empate, utilizarse-á o sorteio. 6º - Se em qualquer estágio, usando os critérios acima, um empate múltiplo é reduzido a um empate envolvendo apenas duas equipes, o procedimento aplicado será o descrito no critério de desempate entre duas equipes. Parágrafo IX Ascenso e Descenso 9.1 As equipes classificadas em 16º e 17º lugares no NBB temporada 2013/2014 estarão automaticamente


rebaixadas para a Segunda Divisão do NBB na temporada 2014/2015 ou campeonato equivalente organizado pela LNB.

os requisitos exigidos, dentro do prazo estipulado pela LNB, o direito de disputar o NBB 2014/2015 passa para a equipe classificada em 17º lugar no NBB 2013/2014.

9.1.1 A equipe que conquistar o primeiro lugar na Segunda Divisão do NBB Temporada 2014, ou campeonato equivalente organizado pela LNB, estará classificada para o NBB temporada 2014/2015, desde que preencha os requisitos exigidos pela LNB.

9.1.6 Qualquer equipe com vaga assegurada para disputar o NBB Temporada 2014/2015 que desista de participar da competição, estará automaticamente rebaixada para a Segunda Divisão na temporada seguinte.

9.1.2 Caso a equipe classificada não seja associada à LNB, a mesma poderá pleitear a sua associação mediante o cumprimento dos requisitos estabelecidos pela LNB. São eles:

Parágrafo X Critérios de Classificação para Competições Internacionais

9.1.2.1 Pagamento de taxa de Associação na LNB; 9.1.2.2 Comprovação de viabilidade financeira para suportar o NBB; 9.1.2.3 Comprovação de capacidade técnica; 9.1.2.4 Comprovação de infraestrutura para abrigar os jogos do NBB. 9.1.2.4.1 Todos os requisitos comprobatórios, bem como o valor da Taxa de Associação, serão estabelecidos à época do pedido de inclusão na LNB pelo Conselho de Administração da LNB. 9.1.3 Os dispostos acima contidos nos itens 9.1.2.2, 9.1.2.3 e 9.1.2.4 são exigências comuns a todos os participantes do NBB, associados ou não. 9.1.4 No caso da equipe classificada em primeiro lugar na Segunda Divisão do NBB Temporada 2014 não cumprir os requisitos dispostos acima, dentro do prazo estipulado pela LNB, o direito de disputar o NBB 2014/2015 passa para a equipe classificada em segundo lugar na Segunda Divisão, desde que preencha os requisitos exigidos pela LNB. No caso da equipe classificada em segundo lugar na Segunda Divisão do NBB Temporada 2014 também não cumprir os requisitos dispostos acima, dentro do prazo estipulado pela LNB, o direito de disputar o NBB 2014/2015 passa para a equipe classificada em 16º lugar no NBB 2013/2014 e, por último, no caso da equipe classificada em 16º lugar no NBB 2013/2014 também não cumprir os requisitos exigidos, dentro do prazo estipulado pela LNB, o direito de disputar o NBB 2014/2015 passa para a equipe classificada em 17º lugar no NBB 2013/2014. 9.1.5 Caso alguma equipe com vaga garantida para o NBB temporada 2014/2015 desista de participar da competição, o Conselho de Administração da LNB decidirá se outra equipe será chamada ou não para ocupar o lugar da equipe desistente. Caso o Conselho de Administração da LNB opte por convidar outra equipe para ocupar a vaga a sequência a ser seguida será a mesma prevista no ítem anterior - em primeiro lugar a vaga será oferecida à equipe classificada em segundo lugar na Segunda Divisão, desde que preencha os requisitos exigidos pela LNB. No caso da equipe classificada em segundo lugar na Segunda Divisão do NBB Temporada 2014 não cumprir os requisitos dispostos acima, dentro do prazo estipulado pela LNB, o direito de disputar o NBB 2014/2015 passa para a equipe classificada em 16º lugar no NBB 2013/2014 e, por último, no caso da equipe classificada em 16º lugar no NBB 2013/2014 também não cumprir

10.1 É facultada à LNB a indicação de suas equipes à CBB, para representar o Brasil em competições internacionais de clubes. 10.2 A indicação será feita, em primeiro lugar, pela equipe campeã do NBB 2013/2014, e assim sucessivamente, até que o número de vagas oferecidas aos clubes brasileiros, pelas entidades responsáveis pelas competições internacionais, seja preenchido. 10.3 Caso uma equipe conquiste em uma competição internacional, baseada em sua colocação e préestipulado no Regulamento desta competição, o direito de participar de outra competição internacional ou desta mesma competição em sua próxima edição, este direito está previamente assegurado conforme lhe faculta o próprio regulamento da competição. 10.4 Em hipótese alguma uma equipe filiada à LNB pode participar de competição internacional oficial sem a indicação da LNB e sem que esta equipe esteja em conformidade com os itens acima. 10.5 Ao final da fase de Classificação, as 04 (quatro) equipes melhor classificadas estarão automaticamente qualificadas para representar o Brasil no Torneio Interligas, caso o mesmo seja realizado. 10.6 A LNB sempre observará os critérios de meritocracia em suas indicações e o que estipulado em seus Regulamentos e Estatuto. Parágrafo XI Do Representante da LNB 11.1 A LNB designará um representante/comissário para cada jogo do campeonato com poderes para tomar todas as decisões relacionadas com a realização do respectivo jogo, tendo as seguintes atribuições: a) Conferir a relação nominal das equipes, confrontando-a com a lista oficial da CBB, conferir os respectivos documentos de identidade, e autorizar a participar somente os jogadores e membros da comissão técnica, regularmente inscritos e legalmente identificados. b) Acompanhar “in loco” todas as ocorrências nas áreas técnica e administrativa, antes, durante e após a realização do jogo, e efetuar o pagamento das equipes de arbitragem e estatística; c) Relatar em formulário próprio, qualquer ocorrência de caráter técnico, disciplinar ou administrativo antes, durante e após o jogo, por menor importância que aparente ter, para subsidiar a análise das mesmas pela LNB;

193


d) Receber o relatório do árbitro, quando este o fizer, e o borderô geral da renda, entregue pelo clube; e) Entregar para o locutor oficial do ginásio, os dados oficiais de renda e público, que deverão ser informados ao público presente ao jogo, pelo locutor oficial. Esta informação deverá ocorrer no intervalo entre o 3º e o 4º período do jogo. A responsabilidade de garantir esta informação ao público presente é do representante do jogo. f) Encaminhar à LNB, imediatamente após o jogo, por sedex, o seu relatório, a súmula de jogo, o relatório do árbitro (quando este o fizer) e o borderô geral da renda, entregue pelo clube; g) Chegar ao ginásio de jogo pelo menos 02 (duas) horas antes do horário previsto para o início da partida, a fim de zelar pelo cumprimento dos seguintes itens: g.1 Verificar a conformidade da composição da área de competição com o previsto nas Regras Oficiais de Basquete e com as previsões deste regulamento; g.2 Inspecionar as instalações destinadas às equipes, árbitros, jornalistas, dirigentes e o público; g.3 Verificar se foram atendidas as condições mínimas de segurança para o jogo, isto é, se está presente policiamento oficial e segurança civil, uniformizada, proporcional à capacidade de público no ginásio, mas, em hipótese alguma, em número inferior a 02 (dois) policiais e 10 (dez) seguranças uniformizados; g.4 Verificar o atendimento às condições técnicas exigidas pelas emissoras de televisão para a transmissão dos jogos tendo em vista a obrigação do clube mandante. g.5 Verificar a existência de serviços médicos para urgências traumáticas, inclusive para obtenção de chapas e radiografias; g.6 Verificar, nos locais de jogos, a existência de desfibrilador e ambulância ou veículo específico para transporte urgente de acidentados; g.7 Providenciar junto ao clube com mando de jogo ou ao policiamento, se for o caso, para que pessoas com atitudes inconvenientes para a realização da partida sejam retiradas do local; g.8 Fazer cumprir o plano de merchandising de quadra e demais normas de publicidade previstas neste regulamento, observando o posicionamento das propagandas dos patrocinadores (placas de quadra, protetores de tabela e afins), relatando qualquer anormalidade; g.9 Providenciar o controle de acesso de pessoas às áreas reservadas aos VIPS, à imprensa e principalmente à área de jogo. As pessoas não credenciadas não podem acessar tais áreas; g.10 Não permitir a presença de público em áreas compreendidas a um mínimo de 2,0m (dois metros) da grade que separa a arquibancada da quadra, tomando as providências necessárias para prevenir qualquer tipo de invasão da área de jogo;

194

g.11 Não permitir a presença de público nos setores

atrás das linhas finais da quadra, salvo se houver arquibancada ou assentos previamente instalados, aprovados na vistoria do ginásio; g.12 Cuidar do posicionamento dos profissionais de imprensa presentes, separando área específica para estes, mas não permitindo, em hipótese alguma, que se posicionem na frente das placas de publicidade. Só poderão ter acesso a tal área aqueles identificados com credencial do campeonato ou identificação do veículo em que trabalha; g.13 Coordenar junto ao representante da equipe mandante, a realização de entrevistas coletivas de técnicos e atletas após a realização do jogo. g.14 Seguir qualquer determinação publicada em Nota Oficial pelo Departamento Técnico. g.15 Enviar para a LNB junto com o borderô, recibo e relatório, o formulário de controle de doping. g.16 Preparar para todos os jogos, um dos vestiários para a realização da coleta para o exame antidoping com os seguintes itens: • 02 (Duas) mesas tamanho médio ou 04 (quatro) mesas tamanho pequeno; • 08 (Oito) cadeiras; • 10 (Dez) garrafas de 1,5 litro de água lacradas (não pode ser água de galão); • Banheiro limpo com iluminação, sabonete líquido, papel higiênico, papel toalha e cesto de lixo; • 02 (Duas) pranchetas; • 01 (Uma) tesoura; • 02 (Dois) rolos de papel toalha (de cozinha); • 01 (Um) cesto de lixo tamanho médio; • 01 (Um) segurança na porta; Parágrafo XII Da Suspensão e Interrupção de Jogos 12.1 O árbitro, desde que entra na quadra, é a única autoridade competente para determinar, por motivo relevante, a interrupção ou a suspensão definitiva do jogo. Quando ocorrerem interrupções prolongadas, por motivos relevantes, o árbitro deve decidir as medidas a serem tomadas a fim de restabelecer as condições normais para o prosseguimento do jogo. 12.2 A critério da arbitragem são motivos relevantes para a interrupção de um jogo os seguintes fatos: a. Mau estado da quadra que torne a partida impraticável ou perigosa; b. Iluminação inadequada; c. Falta de garantia momentânea à integridade física e psicológica das pessoas envolvidas no jogo; d. Conflitos ou distúrbios momentâneos na quadra, tais como invasão de quadra, arremesso de objetos etc. 12.3 O jogo interrompido pelos motivos citados na alínea 12.2, letras “a” e “b” do parágrafo anterior será obrigatoriamente realizado no dia seguinte, em horário estabelecido de comum acordo entre os respectivos clubes. Ocorrendo um impasse, a definição do horário ficará a cargo da LNB. 12.4 Quando do prosseguimento da partida serão mantidos o placar e o tempo restante. 12.5 A critério da arbitragem são motivos relevantes


para a suspensão definitiva de um jogo os seguintes: a. Falta de garantia irremediável à integridade física e psicológica das pessoas envolvidas no jogo; b. Conflitos ou distúrbios graves na quadra, decorrentes de invasão de quadra, arremesso de objetos etc. Parágrafo XIII Da Arbitragem 13.1 Todos os jogos serão dirigidos por árbitros e mesários designados pela CBB, com a participação da LNB, que não podem ser recusados pelos Clubes ou Federações. 13.2 Quando atuarem, os árbitros e mesários deverão estar uniformizados com o uniforme fornecido pela LNB e tênis de cor preta. 13.3 A CBB designará os árbitros que atuarão no campeonato através de Nota Oficial e comunicará à respectiva Federação pelos meios apropriados. 13.4 Os árbitros e mesários receberão as taxas de arbitragem de acordo com a tabela e normas estabelecidas pela LNB. Parágrafo XIV Do controle antidoping 14.1 É terminantemente proibida a utilização por atletas de qualquer substância, método ou qualquer outro meio proibido, com o objetivo de obter modificação artificial de rendimento mental ou físico de um atleta, que agrida a saúde ou o espírito de jogo. 14.2 A dopagem é punível quando praticada pelo próprio atleta ou por intermédio de outra pessoa, devidamente configurada mediante processo regular de análise, observadas as normas nacionais e internacionais. 14.3 Cada equipe é responsável pela verificação da lista de substâncias ou métodos proibidos e pela prévia informação à LNB de qualquer evento ou procedimento que possa ser confundido com esta prática. 14.4 Em caso de comprovação de doping, a equipe e o respectivo atleta serão punidos na forma prevista no Código Brasileiro de Justiça Desportiva, e no Regulamento Antidoping da FIBA. 14.5 A LNB, isoladamente ou em conjunto com a CBB, poderá realizar exames antidoping em todos os jogos da competição através de Comissão Antidoping. 14.6 Os atletas que forem sorteados para o exame antidoping não poderão negar-se a fornecer o material necessário, sob pena de punição equivalente à aplicável para o caso de confirmação de doping. 14.7 Além das normas nacionais pertinentes, o controle antidoping observará também o Regulamento Antidoping da FIBA. 14.8 As equipes e os atletas não poderão alegar a ignorância das normas antidoping. 14.9 A lista de substâncias e métodos proibidos encontra-se disponível e atualizada nos endereços:

http://legado.cbb.com.br/noticias/REGULAMENTO_ ANTI_DOPING_-_FIBA.pdf

http://www.fiba.com/downloads/Regulations/2012/ FIBABook4AG.pdf 14.10 Mais informações no Anexo IV deste regulamento. Parágrafo XV Disposições Finais 15.1 A tabela de jogos deverá ser rigorosamente cumprida, somente alterando-se datas ou horários de jogos por motivo de força maior ou para dar cumprimento ao contrato de transmissão com TV. 15.2 No caso de participação de alguma equipe em torneios internacionais oficiais, em se tratando de viagens ao exterior, deverá ser observado um prazo mínimo de 72 (setenta e duas) horas entre a chegada da delegação no Brasil e o horário de início do seu próximo jogo pelo NBB. 15.3 As equipes participantes são obrigadas a cumprir todas as normas deste regulamento, do Estatuto da LNB e outras normas complementares que forem adotadas pela LNB. 15.4 Os casos omissos serão resolvidos pela LNB. ANEXO I REGIMENTO DISCIPLINAR 1. O processo e julgamento de infrações disciplinares da Liga Nacional de Basquete terão como base o Código Brasileiro de Justiça Desportiva - CBJD. 2. A Justiça Desportiva do NBB é composta, em primeira instância, por Comissão Disciplinar integrada por cinco auditores, indicados pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBB, com mandato coincidente com o início e o término da competição, entendido este como o dia do julgamento dos últimos casos pendentes. 3. A Comissão Disciplinar será presidida por um dos auditores, em escolha interna, com posterior aprovação pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBB. 4. A Comissão deverá instalar sessões de instrução e julgamento com, no mínimo, três dos seus auditores integrantes, na forma da lei e do que instituído no Regimento Interno desta comissão. 5. O auditor da Comissão Disciplinar é impedido de participar de julgamento envolvendo interesse da equipe com a qual tem ou teve qualquer tipo de vínculo, na forma do que é instituído no Regimento Interno desta comissão. 6. Os julgamentos da Comissão Disciplinar ocorrerão quinzenalmente, às terças-feiras ou ainda sempre que a Comissão julgar pertinente, na forma do que é instituído no Regimento Interno do Tribunal. (Artigo 286-B do CBJD). 7. Os julgamentos serão feitos na forma prevista na lei (CBJD) e da Regulamentação do Regimento Interno da Comissão Disciplinar. 8. Cada caso será autuado com capa onde constarão os nomes das partes envolvidas, o artigo legal da infração, a data da autuação e o número de ordem do processo. Por exemplo: nº 01/ano da ocorrência, 02/ano da ocorrência, 03/ano da ocorrência e assim sucessivamente, anotado sempre cada ano após a numeração do processo. 9. O processo disciplinar, consoante o instituto legal, Código Brasileiro de Justiça Desportiva, será iniciado pela denúncia oferecida pelo Procurador do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, e será instruído, como comprovações necessárias devidas pela Procuradoria, com cópia da súmula do jogo, relatório dos árbitros,

195


relatório do representante da LNB, vídeo do respectivo jogo, se houver, e qualquer outro elemento de prova previsto e admitido no CBJD. 10. Apresentada a denúncia, o presidente da Comissão Disciplinar designará o relator do caso, marcará dia e hora da sessão de julgamento e determinará as comunicações e providências necessárias. 11. As equipes, quando denunciadas, representarão os seus interesses e/ou dos seus atletas denunciados perante a Comissão Disciplinar, apresentando defesa em nome deles e do seu próprio, nos termos da lei. 12. Os atletas, técnicos e demais integrantes da equipe deverão cumprir uma partida de suspensão automática quando cometerem falta desqualificante, sem prejuízo de outras sanções aplicadas, após julgamento, pela Comissão Disciplinar. 13. Não se aplica a suspensão automática no caso de exclusão do atleta por duas faltas antidesportivas ou do técnico por simples faltas técnicas, não interpretadas como faltas desqualificantes. 14. Também são consideradas faltas técnicas do banco os atos impróprios da respectiva torcida, que atrapalhem o andamento normal da partida, como, por exemplo, o arremesso de qualquer objeto na quadra, a tentativa ou consumação de invasão, a explosão de fogos de artifício e a utilização de instrumentos sonoros que prejudiquem a arbitragem. 15. As intimações sobre as decisões da Comissão Disciplinar serão feitas no mural da sede da LNB, por correio eletrônico (Email/Internet), bem como no site da LNB, ícone e/ou endereço usualmente utilizado para comunicações institucionais da LNB. 16. Contra as decisões da Comissão Disciplinar caberá recurso para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBB, na forma da lei, no prazo previsto pelo CBJD. 17. A interposição de recurso para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBB ficará condicionada ao pagamento de taxas recursais e emolumentos como exigidos pelo STJD. 18. Os valores relativos a penas de multas, quando julgados pelo pleno do STJD da CBB, deverão ser depositados em conta corrente da CBB, revertendo o valor de 50% do montante em favor da LNB. 19. A equipe será responsável pelo pagamento da pena de multa aplicada aos seus atletas, se houver, subrogando-se no direito de ser ressarcida por ele. 20. A equipe punida com a perda de mando de campo fica obrigada a disputar suas partidas em local e data designado pela LNB. Como primeira opção será utilizado o segundo ginásio indicado pelo clube, como segunda opção será utilizado ginásio do clube que faz a parceria de rodada com aquele clube. Se estas alternativas não forem possíveis de serem utilizadas, a LNB designará um ginásio, em outro município onde a punição foi imposta. Anexo II Protocolo de Filmagem a ser seguido pelos Clubes:

196

Em complemento ao ítem 5.2, letra “o” do Regulamento do NBB 2013/2014 que estipula que “A equipe mandante deverá providenciar a filmagem dos jogos, disponibilizando um DVD para o representante da LNB, outro para a equipe visitante e outro para o árbitro do jogo” e também que “o upload do arquivo com a filmagem do jogo em uma “nuvem” conforme orientação fornecida pela LNB”, a LNB determina que as equipes deverão seguir um protocolo de filmagem para garantir um registro fiel das partidas e poder ser utilizado em sua totalidade pala LNB e demais interessados.

O não seguimento desta norma caracterizará a não entrega do DVD e poderá acarretar nas punições cabíveis. “Upload” é o envio de dados de um computador local para um servidor. “Nuvem” é a utilização da memória e das capacidades de armazenamento e cálculo de computadores e servidores compartilhados e interligados por meio da Internet. Procedimentos para filmagem: a. Não será permitida a entrega de vídeos produzidos pela emissora que detém os direitos de transmissão. b. A gravação tem como objetivo principal capturar imagens do jogo para estudo dos técnicos, registro da LNB, avaliação da arbitragem e, se necessário, ser utilizado pela Comissão Disciplinar. Para tanto o ângulo de abertura da câmera deverá contemplar o jogador com a bola e a maior área da quadra de jogo, à frente do jogador com bola, que for possível ser enquadrada. c. A filmagem de cada um dos períodos será realizada de forma contínua, sem cortes nem durante os pedidos de tempo técnico. Portanto, será produzido um único vídeo (sem cortes) para cada período do jogo. d. Quando o jogo for paralisado por tempo técnico, a câmera deverá registrar o placar do jogo, por 05 (cinco) segundos, e depois retornar o enquadramento da quadra de jogo. e. O registro do placar do jogo também deverá acontecer após o término de cada um dos períodos do jogo. f. Ao final da partida a filmagem deverá encerrar somente depois que os atletas e árbitros tenham deixado o recinto do jogo. Se houver qualquer tipo de entrevero ou reclamação, a filmagem deverá seguir até o momento que a situação esteja normalizada. g. Qualquer ação de um jogador que se direciona ao público, banco da equipe adversária ou mesa de controle, a imagem deve ser aberta para registrar todo e qualquer tipo de comportamento. h. Ter a sensibilidade de captar imagens que possam ser importantes para o registro da partida, como agressões, invasões de quadra, marcações importantes dos árbitros, discussões ou qualquer outro fato relevante. i. A filmagem deverá ser executada sempre com áudio (som ambiente). j. O formato de gravação dos DVDs a serem entregues será em “mpeg”, “mp4”, “VOB” ou “avi”. k. A resolução mínima da filmagem será de 720p (tamanho de 1280 x 720). l. As equipes mandantes deverão providenciar para que seu jogo esteja disponibilizado na “nuvem” até as 15:00 do dia seguinte à realização da partida. m. O arquivo que será enviado para a “nuvem” pré-determinada pela LNB deverá, antes da execução do upload, ser convertido para o formato “mp4”.


n. A equipe que não disponibilizar seus jogos na “nuvem”, conforme disposto acima, estará sujeita às multas e sanções previstas nesse regulamento. Anexo III Multas Com o objetivo de prevenir e reprimir alguns problemas relativos às infrações “administrativas” das equipes, a LNB está implantando um sistema de aplicação direta de multas e sanções como segue. Na hipótese de se verificar que a infração praticada é de natureza eminentemente disciplinar, a LNB encaminhará o competente relatório à Comissão Disciplinar, que encaminhará ao Procurador do STJD, tudo nos termos do CBJD, para as devidas providências. As multas, por se tratarem de medidas administrativas, o Clube eventualmente punido poderá encaminhar recurso ao Conselho de Administração que se manifestará sobre sua aplicabilidade ou não. Caso a multa tenha sido aplicada pelo próprio Conselho de Administração, o punido poderá encaminhar recurso à Assembleia Geral da Liga Nacional de Basquete. Toda multa aplicada pela LNB poderá ser descontada de eventuais pagamentos que a LNB tenha que fazer ao Clube apenado. Não havendo crédito a ser concedido ao Clube durante a temporada, o mesmo terá até 05 (cinco) dias úteis para saldar seu débito junto à LNB. Caso a LNB julgue e decida que, além da multa, pela gravidade do fato, a equipe ou envolvido tenha que ser notificado à Comissão Disciplinar e esta por sua vez à Procuradoria para eventual denúncia perante os órgãos competentes, a mesma o fará independentemente da aplicação da referida multa. Parágrafo I Quando houver desqualificação de qualquer atleta ou membro da comissão técnica. Multa: R$ 300,00 (trezentos reais) por atleta e/ou membro da comissão técnica punido. Parágrafo II Para cada falta técnica aplicada à qualquer membro da equipe, jogador ou comissão técnica, a mesma deverá pagar uma multa de R$ 100,00 (cem reais). Parágrafo III Não respeitar a exigência de distância mínima de 3 metros para oferecer segurança ao banco de reservas da equipe adversária e da mesa dos oficiais de mesa. a. Primeira infração deste item: Multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) b. Segunda Infração deste item: Multa de R$ 1.000,00 (mil reais) c. Terceira infração deste item: Multa de R$ 3.000,00 (três mil reais), mais interdição do ginásio até que a situação seja resolvida

b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) a cada não comparecimento. c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) a cada não comparecimento. Parágrafo V Venda e/ou consumo de bebidas alcoólicas de qualquer espécie no recinto interno da arena. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 3.000,00 (três mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida e até que a situação seja resolvida. Parágrafo VI As arenas que não apresentarem condições para atendimento emergencial aos torcedores ou jogadores e comissões técnicas, com maca e equipamentos de primeiros-socorros e não providenciar, em todos os jogos em que for mandante, que pelo menos uma ambulância e um desfibrilador estejam disponíveis entre 30 minutos antes e 01 (uma) hora após os jogos, além de um médico e dois enfermeiros com nível superior. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 3.000,00 (três mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida e até que a situação seja resolvida. Parágrafo VII Não providenciar vestiários adequados para cada uma das equipes e para a equipe de arbitragem conforme o Regulamento: a. Primeira infração deste item: multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida e até que a situação seja resolvida. Parágrafo VIII Não providenciar que os aros e as redinhas sejam aqueles enviados pela LNB. a. Primeira infração deste item: Advertência b. Segunda Infração deste item: multa de R$ R$ 500,00 (quinhentos reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

Parágrafo IV

Parágrafo IX

Não comparecimento às convocações oficiais da LNB para reuniões técnicas ou administrativas da LNB ou eventos oficiais a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) a cada não comparecimento.

Não utilizar as bolas “Spalding” fornecidas pela Liga nos jogos do NBB ou escrever nas mesmas. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 1.000,00

197


(mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

c. A partir da Terceira Infração deste item: multa de R$ 3.000,00 (três mil reais) a cada ocorrência.

Parágrafo X

A equipe mandante que não disponibilizar os jogos na nuvem nos padrões e dentro do prazo estipulado por esse Regulamento: a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ R$ 2.000,00 (dois mil reais). c. A partir da Terceira Infração deste item: multa de R$ 3.000,00 (três mil reais) a cada ocorrência.

Permitir a utilização de instrumentos de sopro ou percussão, focos de laser, fogos de artifícios ou similares, bem como qualquer outro tipo de instrumento que possa ser prejudicial ao correto desempenho da arbitragem, permitindo-se, no entanto, sua utilização em apresentações ou shows, desde que previamente aprovados pela LNB. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida. Parágrafo XI Não obedecer ao layout das placas e adesivos de piso e à parte do Manual de Marcas relativo à comunicação visual dos ginásios enviados pela LNB. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida e até que a situação seja resolvida.

Parágrafo XVI Não providenciar conexão de internet com cabeamento para a estatística e impressora compatível para imprimir as estatísticas na quadra, com pelo menos uma hora antes do início do jogo. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) i. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida. Parágrafo XVII

A equipe mandante que não filmar os jogos e não entregar uma cópia do DVD da partida ao final da partida, em até 01h (uma hora), à equipe visitante e à LNB. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 300,00 (trezentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

Não atender às especificações da regra relativas aos materiais de jogo como tabelas, relógios e placares; placar eletrônico digital com sirene de alcance pleno; ter a tabela com o acolchoamento em suas bases, luz de aviso do estouro dos 24”, proteção de segurança na parte de vidro e relógio de 24 segundos que não seja do tipo digital, fixado acima da tabela, e com cronômetro de jogo de fácil visualização incluso; a. Primeira infração deste item: multa de R$ 500,00 (quinhentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

Parágrafo XIII

Parágrafo XVIII

A equipe mandante que não entregar uma cópia do DVD da partida à equipe visitante e à LNB em até 72h (setenta e duas horas) após o término da partida. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 400,00 (quatrocentos reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 700,00 (setecentos reais c. Terceira infração deste item: multa de R$ 2.000,00 mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

Falta de Placar eletrônico principal ou reserva e/ou equipamento de 24 segundos principal ou reserva ou que estes apresentem mau funcionamento no momento da inspeção do representante/comissário antes da partida; a. Infração deste item em jogos da Fase de Classificação sem transmissão de TV: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais). b. Infração deste item em jogos da Fase de Classificação com transmissão de TV ou em qualquer jogo na Fase de Playoffs: multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais). • Os placares eletrônicos, principal e reserva, devem funcionar de forma independente e ambos devem possuir o cronômetro de 24” atendendo aos itens na alínea “r” do item - 5.2 “Dos equipamentos e materiais” constantes no Parágrafo V “Das responsabilidades das equipes participantes”. • Caso o jogo já esteja em andamento e o placar principal apresente defeito e o placar reserva também apresente defeito, impedindo o melhor andamento da partida, as multas a serem aplicadas são as descritas neste parágrafo XVII.

Parágrafo XII

Parágrafo XIV

198

Parágrafo XV

A equipe mandante que não filmar os jogos e não entregar uma cópia do DVD da partida à LNB em caso de solicitação para registro histórico ou utilização na Comissão Disciplinar, além da pena imposta nos Parágrafos XII e XIII: a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais). b. Segunda Infração deste item: multa de R$ R$ 2.000,00 (dois mil reais).


Parágrafo XIX

reais) por partida.

Permitir a presença de pessoas não autorizadas na quadra de jogo, mesmo nos intervalos ou após o término da partida até que os árbitros e equipe adversária tenham deixado, em segurança, a quadra. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida ou mais, conforme agravantes julgados pela Comissão Disciplinar.

Parágrafo XXV

Parágrafo XX Não ter a segurança conforme item específico do Regulamento. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida ou agravantes julgados pela Comissão Disciplinar, até que a situação seja resolvida. Parágrafo XXI Não obedecer à determinação de que a equipe com mando de jogo usará sempre o uniforme de cor clara, cabendo ao visitante usar o uniforme de cor escura. Mas, se ambas equipes concordarem, elas podem trocar as cores de suas camisas. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 3.000,00 (três mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio, até que a situação seja resolvida. Parágrafo XXII Não obedecer ao protocolo dos jogos. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida. Parágrafo XXIII Não obedecer à indicação do local estabelecido, dentro do ginásio, para a torcida organizada/uniformizada. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 1.000,00 (mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 2.000,00 (dois mil reais) c. Terceira infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mais a interdição do ginásio até que a situação seja resolvida.

Se durante o Campeonato qualquer Associado da LNB através dos seus Dirigentes, membros de Comissão Técnica, funcionários ou colaboradores, atletas e até mesmo torcedores, provocarem atos que sejam considerados pelo Conselho de Administração da LNB prejudiciais à imagem da LNB ou do NBB, poderá este Conselho aplicar sanções a este filiado que poderão ir de simples advertência a multa de até R$ 100.000,00 (cem mil reais). Obs.: As penas aplicadas pelo Conselho de Administração não impedem que o infrator seja submetido ainda à julgamento pela Comissão Disciplinar, caso o ato seja desta competência, ou mesmo sofrer outras sanções previstas no Estatuto da LNB. Parágrafo XXVI Não obedecer às diretrizes do Manual de Normatização e realizar ações de marketing de emboscada. a. Primeira infração deste item: multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais) b. Segunda Infração deste item: multa de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) mais a interdição do ginásio por um mínimo de uma partida e até que a situação seja resolvida. Anexo IV ORIENTAÇÕES SOBRE DOPING O aumento do uso de substâncias ou métodos proibidos, destinados a melhorar artificialmente o desempenho esportivo, motiva uma ação de combate intensa por parte de autoridades nacionais e internacionais. O objetivo é evitar uma vantagem desleal de um competidor sobre os demais, além de preservar os aspectos éticos e morais do esporte e, acima de tudo, a saúde do atleta. Aqueles que, de alguma forma, participam ativamente do esporte de alto rendimento, como atletas, treinadores e médicos especializados, devem buscar a atualização constante para evitar o uso acidental de medicações que possam ocasionar uma infração da regra antidoping. A área de controle de doping do COB publica regularmente uma cartilha com dados e orientações a atletas e a toda Comunidade Olímpica - sobre o uso de medicamentos no esporte. Para maiores informações, consultar o link abaixo.

http://timebrasil.cob.org.br/uploads/ midias/2012/07/12/downloads/ rBPV7vG6qNMWwgjHbY69c858fd.pdf

Parágrafo XXIV Durante a partida, a comissão técnica não permitir a colocação de microfone durante o pedido de tempo técnico por mais de uma vez. a. Infração deste item: multa de R$ 5.000,00 (cinco mil

199


200


Presidente Cássio Roque Vice-presidente João Fernando Rossi Diretor Financeiro Eduardo de Almeida Pinto Diretor Técnico Vitor Bornia Jacob Diretor de Relações Institucionais Kouros Monadjemi Conselheiro Jurídico Rubens Alexandre Elias Calixto Conselho de Administração Alexandre Pavan Póvoa - Clube de Regatas Flamengo Eduardo de Almeida Pinto - Minas Tênis Clube Fernando Larralde - Unitri/Universo Eder Lago - Club Athletico Paulistano José Carlos de Britto Vidal Filho - Instituto Viver Basquetebol (Brasília) José Guilherme Calil Maia - Franca Basquetebol Clube Luís Silva - Joinville Basquete Associados Conselho de Marketing Marcelo Vido Luis Silva Rodrigo Costa Conselho Fiscal José Luiz de Lana Mattos Luiz Inácio Messias Luiz Felipe Faria de Azevedo Nilo Guimarães - Suplente Alberto Bial - Suplente Joaquim Pedro de Figueiredo Neto - Suplente Conselho Nato Kouros Monadjemi Rubens Alexandre Elias Calixto Arnaldo Szpiro Jorge Bauab Jorge Luiz Macedo Bastos 202

Conselho Técnico Alberto Bial Claudio Mortari Flávio Davis Hélio Rubens João Batista Jorge Guerra Luiz Felipe Faria de Azevedo Lula Ferreira Régis Marrelli Comissão Disciplinar José Luiz Lana Mattos - Presidente José Francisco Manssur - Vice-presidente Carlos Henrique Martins Teixeira - Auditor César Soares Magnani - Auditor Ricardo Graiche - Auditor Renato Negrini - Auditor Suplente Marcelo Aparecido Tavares - Auditor Suplente Carlos Osso - Auditor Suplente Paulo Salomão - Procurador Geral Nelson de Oliveira Santos Costa - Procurador Aldo Giovani Kurle - Procurador Luciano de Aguiar Pupo Filho - Procurador Giovana de Souza Possignolo - Secretária Gerente Executivo Sérgio Barbosa Domenici Departamento Técnico Paulo Bassul - Gerente Flávia Renata de Almeida - Coordenadora de Arbitragem Felipe Joseph - Coordenador de Competições Lilian Gonçalves - Coordenadora de Competições Giovana Romano Rangel - Assessora Técnica Hugo Bezerra da Silva - Estatísticas Administrativo e Financeiro Elisabeth D’Andretta - Gerente Gilmar Gomes Silva - Convênios e Projetos Incentivados Israel Sousa - Tecnologia da Informação Comunicação e Marketing Guilherme Buso - Gerente Bernardo Guimarães - Gerente de Redes Sociais Marcel Pedroza -Assessoria de Imprensa Douglas Carraretto - Estagiário Giovanna Terezzino - Estagiária


Editor Responsável Guilherme Buso - MTb 54049 Produção Guilherme Buso Douglas Carraretto Marcel Pedroza Produção de Fotos João Pires Luiz Pires

Liga Nacional de Basquete Avenida Miguel Estéfano, 349 CEP 04301-010 - São Paulo/SP Tel: 11 3266-2558 www.liganacionaldebasquete.com.br

Estatísticas Hugo Bezerra

Diagramação e Arte Christiano Flexa Pepi Marson Assistentes de Arte Kalléo Aires Leonardo Nery Mariana Maneira

Projeto Gráfico

Coordenação Carla Conde Impresso em Janeiro de 2014

www.blogdaon.com


Media Guide NBB 2013/2014  

Guia de media do NBB