Page 1

PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO PARA 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

Liga Social e Cultural Campos do Lis


OBSERVAÇÕES - O Programa de Ação e o Orçamento são flexíveis e estão sujeitos a retificações. - Este documento foi escrito ao abrigo do Novo Acordo Ortográfico.


CARO/A ASSOCIADO/A, Por dever estatutário, cumpre-me apresentar o Programa de Ação e Orçamento para 2014, já aprovado por unanimidade na reunião da Direção de 8 de outubro de 2013 e a ser discutido e votado em Assembleia Geral da Instituição, no dia 3 de novembro de 2013.

Gândara dos Olivais, 8 de outubro de 2013.

Com os nossos melhores cumprimentos,

Lia Ferreira Presidente da Direção


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS


4/5

ÍNDICE 1.

SOBRE A INSTITUIÇÃO

6

2.

OBJETIVOS ESTRATÉGICOS

7

3.

RESPOSTAS SOCIAIS

3.1.

8 8

3.2. 3.3. 3.4. 3.5. 3.6.

Criação do Gabinete de Acompanhamento a beneficiários de RSI Centro de Convívio Cantina Social Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário Gestão e Prevenção de Situações de Maus Tratos Envolvimento dos Familiares na Vida Institucional

4.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

20

4.1. 4.2. 4.3. 4.4.

Imagem da Instituição Eventos e Angariação de Fundos/Recursos Parcerias Pastel do Lis

20 20 21 21

5.

REFORÇO DA ORGANIZAÇÃO

22

5.1. 5.2. 5.3. 5.4. 5.5.

Recursos Humanos Formação Programa Operacional Potencial Humano (POPH) Promover Redes Inovação e Oportunidades (PRIO) Partilha de Recursos Viatura com Plataforma Elevatória

22 22 22 22 23

6.

SAÚDE

24

6.1. 6.2. 6.3.

Gabinete de Saúde Serviço de Fisioterapia Gabinete de Psicologia

24 24 24

7.

PROJETOS/ OBRAS

28

7.1. 7.2. 7.3. 7.4. 7.5. 7.6. 7.7. 7.8.

Obra de Requalificação da Sede Ampliação e Requalificação da Cozinha Equipamento de Lavandaria Aquisição de um Módulo para Gabinetes de Atendimento Aquisição de Cacifos para o Centro de Dia Remodelação do Café Social Candidaturas Aposta no Consumo Sustentável

28 28 28 28 28 28 29 29

8.

DINAMIZAÇÃO DA SEDE

30

8.1. 8.2. 8.3.

Biblioteca Atividades Desportivas e Recreativas “Canto Verde“

30 30 30

9.

ORÇAMENTO

32

9.1. 9.2.

Custos Proveitos

32 33

8 8 8 18 18


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

1. SOBRE A INSTITUIÇÃO A Liga Social e Cultural Campos do Lis é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, de Utilidade Pública, sem fins lucrativos, sediada na localidade de Gândara dos Olivais, freguesia de Marrazes, concelho de Leiria. A Liga é uma associação que desenvolve várias atividades, nomeadamente na área social, cultural, desportiva e recreativa. No âmbito social conta com três respostas: Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), atualmente com 56 utentes; Centro de Dia (CD), com 30 utentes; e Cantina Social (CS) com 59 beneficiários, sendo as mesmas contempladas com um Acordo de Cooperação com o Centro Distrital da Segurança Social de Leiria.

A Instituição conta, ainda, com um Café Social disponível aos seus associados e nas restantes áreas realiza, durante todo o ano, várias atividades e eventos que envolvem a comunidade. De forma a assegurar a qualidade do serviço prestado nas respostas socais e de todas as atividades desenvolvidas, a Instituição integra 39 colaboradores.

30 56 UTENTES DE SAD

UTENTES DE CD


6/7

2. OBJETIVOS ESTRATÉGICOS Em 2014 contamos colocar o enfoque da nossa ação no alargamento da plataforma de solidariedade e inclusão sociais, através da expansão das infraestruturas de apoio social, nomeadamente com a criação de novas respostas e estabelecimento de protocolos com entidades públicas e parcerias com entidades privadas.

que permitam a maior consolidação das nossas contas.

Reorganizar e adequar todos os serviços aos novos desafios, decorrentes da atual conjuntura económica e financeira, desencadeando e implementando ações que promovam a sua sustentabilidade. Desta forma, através da adoção de uma política de inovação e empreendedorismo, pretendemos criar fontes de financiamento alternativas,

Afirmar a imagem da Instituição através da criação de um sistema focado na partilha de informação e na comunicação eficaz e assertiva.

59 BENEFICIÁRIOS DE CS

Consolidar uma cultura institucional de avaliação direcionada para a qualidade dos serviços prestados e dotar de maiores competências os recursos humanos, incrementando a sua motivação.

Manter a responsabilização perante a comunidade assumindo fortes preocupações sociais, culturais e ambientais.

39 COLABORADORES


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

3. RESPOSTAS SOCIAIS 3.1. CRIAÇÃO DO GABINETE DE ACOMPANHAMENTO A BENEFICIÁRIOS DE RENDIMENTO SOCIAL DE INSERÇÃO (RSI) Pretende-se criar e dinamizar um Gabinete de Acompanhamento a beneficiários de RSI, através da celebração de um Protocolo com o Centro Distrital de Segurança Social de Leiria, no período de vigência de dois anos. Neste gabinete serão desenvolvidas ações de acompanhamento, dos beneficiários do RSI, que compreenderão a elaboração do diagnóstico da situação familiar, a elaboração do relatório social, a negociação e elaboração do programa de inserção e execução/ acompanhamento do mesmo. O acompanhamento irá ser assegurado por uma equipa multidisciplinar exclusiva do Gabinete, cujos custos serão suportados pela Segurança Social. Atualmente, a Instituição encontra-se a aguardar regulamentação por parte do Instituto de Segurança Social, I.P, para poder dar seguimento a esta nova resposta.

3.2. CRIAÇÃO DE CENTRO DE CONVÍVIO Com a requalificação da sede, pretende-se, igualmente, criar uma nova resposta social tipificada - Centro de Convívio, devido

à grande procura de um espaço social diferenciado, por parte da população idosa, inserida na nossa comunidade.

3.3. CANTINA SOCIAL Daremos continuidade à execução do protocolo de colaboração no âmbito da convenção da rede solidária de cantinas sociais, para o Programa de Emergência Alimentar, assinado com o Instituto de Segurança Social, I.P, concretizado em junho de 2012. Continuaremos, com a prossecução desta resposta, a fornecer até 100 refeições diárias a pessoas e/ou famílias que mais necessitem, em situação de carência comprovada.

3.4. CENTRO DE DIA E SERVIÇO DE APOIO DOMICILIÁRIO De forma a dar seguimento às respostas sociais de Centro de Dia (CD) e Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), seguem os respetivos planos de atividades:


8/9

PLANO DE ATIVIDADES

fevereiro

janeiro

Mê s

Dia

6 seg

Dia dos Re is Ma gos - Cantar as Janeiras - Confecionar Bolo-rei - Desenhos alusivos ao tema

Data a definir

V is it a a o L e iria Shopping

O bje t ivos - Promover momentos de descontração; - Estimular o trabalho em equipa; -Desenvolver a criatividade e as capacidades artísticas e plásticas; - Aprender novos conteúdos. - Dar a conhecer algumas das transformações ocorridas na cidade; - Fomentar o convívio; - Conhecer novos espaços.

Dina miza dore s

- Educadora Social - Assistente Social - Chefe de Cozinha

- Educadora Social - Assistente Social

Durante o mês

Dia Mundia l da L ibe rda de ( 2 3 ) - Elaborar pombas brancas como símbolo da liberdade.

- Fomentar o desenvolvimento de valores e de cidadania; - Implementar atitudes de respeito mútuo.

- Educadora Social

3a7 seg a sex

Elaborar lembranças para os clientes do SAD.

- Promover a criatividade.

- Educadora Social

Durante o mês

Dia Mundia l do Doe nt e ( 11) - Visitar os utentes acamados

- Promover o espírito de entreajuda; - Aproximar os idosos; - Favorecer a socialização.

- Educadora Social - Assistente Social - Profissional de Saúde

Durante o mês

Ensaio para peça de teatro

- Fomentar o convívio; - Fortalecer os laços entre as colaboradoras.

- Educadora Social - Assistente Social

Baile de Carnaval (12) - Convidar outras instituições a participar; - Baile e lanche.

- Proporcionar momentos de descontração; - Vivenciar tradições; - Favorecer as relações com a comunidade; - Aumentar a autoestima e a valorização dos idosos.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Elaboração das lembranças para o Dia da Mulher

- Desenvolver a criatividade; - Estimular a motricidade fina; - Valorizar as utentes.

- Educadora Social - Assistente Social

Baile de Carnaval (4) - Convidar outras instituições a participar; - Baile e lanche.

- Proporcionar momentos de descontração; - Vivenciar tradições; - Favorecer as relações com a comunidade; - Aumentar a autoestima e a valorização dos idosos.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Ensaio para a peça de teatro

- Fomentar o convívio; - Fortalecer o relacionamento entre as colaboradoras.

- Educadora Social - Assistente Social

12 qua

março

A t ivida de

3a7 seg a sex

4 ter

Durante o mês


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

10 seg

Dia Int e rna c iona l da Mulhe r ( 8 ) - Diálogo sobre o tema; - Entrega de lembranças a todas as mulheres da instituição (utentes e funcionárias).

- Valorizar as mulheres; - Aumentar a autoestima; - Promover a criatividade; - Aproximar os idosos; - Verbalizar sentimentos.

19 qua

Dia do Pa i ( 19 ) - Os familiares (filhos), escreverão uma dedicatória aos pais

- Valorizar o papel do Pai na sociedade; - Promover a criatividade.

20 qui

- Assistente Social - Educadora Social

- Vivenciar tradições populares; - Recordar outras épocas; - Permitir o contacto com a agricultura e com a comunidade.

- Educadora Social - Assistente Social - Comunidade local

- Fomentar o gosto pela Natureza; - Sensibilizar para a importância da conservação das florestas.

- Educadora Social - Estagiários

Data a definir

Dia Mundia l da Á rvore ( dia 2 1) - Cada idoso irá plantar uma flor/planta na base de uma garrafa de água.

Data a definir

Comemoração da chegada da Primavera (20) - Decoração alusiva à época (flores em feltro para a árvore da Primavera);

-Fomentar a criatividade; -Proporcionar momentos de lazer;

Dia Mundia l da Á gua ( 2 2 ) - Jogos sobre a água.

- Sensibilizar os utentes para a utilidade da água.

- Educadora Social - Voluntários

27 qui

Dia Mundia l do Te a t ro ( dia 2 7) - Apresentar uma peça de Teatro em que os colaboradores são os atores.

- Desenvolver a capacidade cognitiva; - Consolidar o gosto pelo Teatro; - Promover o contacto com a cultura.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Psicologia - Colaboradores

7 seg

Dia Mundia l da Sa úde ( 7) - Ação de sensibilização sobre a importância da atividade física para a Saúde; - Convidar outra Instituição para fazer ginástica.

- Contribuir para o despertar de novos interesses; - Promover a atividade física.

- Profissional de Saúde - Instrutor de Atividade Física

24 seg

abril

Dia da A gric ult ura - Visitar uma horta.

- Educadora Social

16 qua

Confeção de Folares da Páscoa - Convidar utentes de outra instituição; - Elaboração de enfeites alusivos à data;

21 seg

Dia Mundia l dos Monume nt os ( 18 ) - Visitar o Mosteiro da Batalha

Durante o mês

Ensaio de coreografia para os utentes apresentarem no Dia Mundial da Dança

- Desenvolver novas competências; - Estimular o trabalho em equipa; -Promover o convívio entre instituições; -Promover a criatividade; - Reforçar os laços entre os idosos. - Vivenciar a época e as tradições; - Proporcionar momentos de lazer. - Fortalecer os laços entre os idosos; - Manutenção da motricidade global;

- Educadora Social

- Educadora Social - Assistente Social - Chefe de Cozinha

- Educadora Social - Assistente Social

- Educadora Social - Assistente Social


10 / 11

Dia Mundia l do L ivro - Interpretação de uma história.

24 qui

Dia da L ibe rda de - Elaboração de cravos; - Comemoração do 25 de Abril; - Cantigas do 25 de Abril; -Conversar com os idosos.

-Recordar o significado das comemorações; -Mencionar as mudanças provocadas pela Revolução;

- Educadora Social - Assistente Social

Durante o mês

Elaboração das lembranças para o Dia da Mãe

- Desenvolver a criatividade; - Estimular o trabalho em equipa; - Desenvolver a motricidade fina;

- Educadora Social - Assistente Social

Data a definir

Dia Mundia l da Da nç a ( 2 9 ) - Organizar um baile entre instituições.

- Promover a atividade física; - Proporcionar momentos de descontração.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

5 seg

Dia da Mã e - Diálogo sobre o tema.

- Valorizar o papel da Mãe na Sociedade.

- Educadora Social

17 sab

Dia Mundia l da Fa mília ( 15 ) - Lanche convívio com utentes e familiares. - Exposição dos trabalhos feitos pelos idosos.

- Reconhecer a família como essencial à vida humana. - Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de descontração.

Data a definir

Visita à Feira de Maio

- Proporcionar momentos de lazer; - Desenvolver a capacidade de observar e saber; - Conhecer novos espaços;

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Data a definir

Dia Int e rna c iona l dos Mus e us ( 18 ) - Visitar um museu João Soares.

- Fomentar o interesse pelo Património Cultural; - Vivenciar épocas e tradições; - Promover o lazer.

- Educadora Social - Assistente Social

Data a definir

Fazer lembranças para entregar às crianças no Dia Mundial da Criança.

- Desenvolver a criatividade; - Estimular o trabalho em equipa; - Desenvolver a motricidade fina.

- Educadora Social

Data a definir

Dia Mundia l do Bombe iro ( dia 28) - Visitar os Bombeiros Municipais de Leiria.

- Favorecer as relações com a comunidade; - Valorizar o sentido de cooperação.

2 seg

Dia Mundia l da Cria nç a - Lanche convívio entre os utentes e crianças. - Entrega das lembranças.

- Possibilitar o intercâmbio entre gerações; - Favorecer as relações com a comunidade infantil; - Fomentar o convívio.

junho

ma io

23 qua

- Proporcionar momentos de lazer; - Estimular a capacidade de concentração; - Fomentar o gosto pela leitura.

- Educadora Social

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

- Assistente Social - Educadora Social

- Educadora Social - Assistente Social


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

Durante o mês

5 qui

julho

- Educadora Social - Assistente Social

Dia Mundia l do A mbie nt e ( dia 5 ) -Ação de sensibilização sobre a separação do lixo nos diferentes ecopontos; - Jogos sobre a separação do lixo.

- Sensibilizar os idosos para assumirem uma atitude de respeito para com o ambiente.

- Educadora Social - Assistente Social

Data a definir

Pic-nic no pinhal

- Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de lazer.

Data a definir

Dia Mundia l dos O c e a nos ( dia 8) - Passeio a uma praia.

- Sensibilizar os idosos para assumirem uma atitude de respeito para com o ambiente.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Data a definir

Festa dos Santos Populares - Baile. - Convidar outra IPSS.

- Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de descontração.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Pic-nic no pinhal

- Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de lazer.

- Educadora Social - Assistente Social - AAD - Voluntários

Data a definir 21 seg

Caminhada junto ao Rio Lis Dia Int e rna c iona l da A miza de ( 2 0) - Interpretação de um conto.

- Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de lazer; - Promover a atividade física. - Aproximar os idosos; - Promover o desenvolvimento pessoal e social.

- Educadora Social - Assistente Social

- Educadora Social - Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural - Estagiária de Psicologia - Diretora Técnica - Coordenadora Respostas Sociais

Dia Mundia l dos A vós ( dia 2 6 ) - Convívio entre os idosos e netos.

- Proporcionar momentos de lazer; - Promover a ligação entre avós e netos.

Data a definir

Praia / Pic-Nic

- Fomentar o convívio; - Proporcionar momentos de lazer; - Aproximar os idosos; - Proporcionar momentos de descontração; - Promover o contacto com a Natureza.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Data a definir

Dia Mundia l da A lfa be t iza ç ã o ( 8) - Convidar a D. Francelina Cabral (Professora reformada do Ensino Básico) a dar uma aula de Português e Matemática.

- Vivenciar a época e as tradições; - Proporcionar momentos de lazer.

- Educadora Social

26 sáb

agosto

- Fomentar o convívio; - Fortalecer as relações entre os utentes.

- Educadora Social - Assistente Social - AAD - Estagiária de Animação Cultural - Voluntários

Data a definir

setembro

Ensaio para as marchas


12 / 13

Dia Mundia l da doe nç a de A lzhe ime r ( dia 2 1) - Seminário sobre a Doença de Alzheimer.

- Contribuir para o despertar de novos interesses; - Adquirir conhecimentos sobre esta doença; - Aprender como prevenir ou retardar os seus efeitos.

- Profissional de Saúde - Educadora Social - Estagiária de Psicologia

29 seg

Dia Mundia l do Turis mo ( 2 7) - Visita ao Santuário de Fátima.

- Proporcionar momentos de oração e reflexão.

- Educadora Social - Assistente Social

26 sex

Dia Mundia l do Cora ç ã o ( 2 6 ) - Ação de sensibilização sobre doenças cardiovasculares - Elaboração de corações

- Contribuir para o despertar de novos interesses; - Adquirir conhecimentos; - Aprender como prevenir os seus efeitos.

- Profissional de Saúde - Educadora Social

Dia Int e rna c iona l do Idos o - Lanche convívio com outras instituições.

- Desenvolver laços afetivos; - Favorecer as relações; - Aprender a respeitar, valorizar e relacionar-se com os outros na sua forma de estar; - Reconhecer a família como essencial à vida humana.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural - Estagiária de Psicologia - Diretora Técnica - Coordenadora Respostas Sociais

- Sensibilizar os idosos para a necessidade de proteger os animais e a preservação de todas as espécies; - Mostrar a importância dos animais na vida das pessoas.

- Responsável do Canil - Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

Data a definir

1 qua

outubro

4 sáb

16 qui

Dia Mundia l da A lime nt a ç ã o ( dia 16 ) - Ação de sensibilização sobre a importância de uma alimentação saudável;

- Promover hábitos de alimentação saudáveis; - Proporcionar momentos de descontração.

- Educadora Social - Nutricionista

27 seg

Confeção do Bolinho

- Vivenciar as tradições populares; - Promover o trabalho em equipa.

- Educadora Social - Assistente Social - Chefe de Cozinha

Dia Mundia l c ont ra a Pobre za e E xc lus ã o Soc ia l ( dia 17) - Fazer uma campanha de apoio a famílias carenciadas na Freguesia dos Marrazes.

- Fomentar a importância da ajuda ao próximo.

- Educadora Social - Estagiária de Animação Cultural

Dia de S. Ma rt inho ( 11) - Castanhada com animação musical. - Convidar os utentes de outro Centro de Dia.

- Favorecer as relações com a comunidade; - Fomentar o convívio; - Vivenciar tradições populares; - Proporcionar momentos de descontração.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural - Diretora Técnica - Coordenadora Respostas Sociais

Durante o mês

novembro

Dia do A nima l - Ação de sensibilização sobre a proteção e importância dos animais

11 ter


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

Dia Mundia l da Dia be t e s - Ação de sensibilização sobre a diabetes: cuidados a ter, quando estão com níveis elevados e baixos

- Promover um estilo de vida saudável; - Prevenir a Diabetes; - Controlar valores.

- Profissional de Saúde - Educadora Social

Durante o mês

Preparação da decoração para o Natal.

- Promover a criatividade; - Estimular o trabalho em equipa; - Partilhar ideias; - Promover o espírito natalício; - Desenvolver as capacidades cognitivas e a motricidade fina.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

2a5 ter a sex

- Decoração do Centro de Dia; - Preparação do Presépio; - Elaboração dos convites para a Festa de Natal; - Ensaios para a Festa de Natal.

- Promover a criatividade; - Estimular o trabalho em equipa; - Partilhar ideias; - Promover o espírito natalício.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

dezembro

14 sex

Festa de Natal - Com a participação dos utentes do Centro de Dia, SAD e respetivos familiares.

13 sáb

- Promover o espírito natalício; - Desenvolver laços afetivos entre os clientes e a família; - Promover o elo de ligação entre a família e a Instituição.

- Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural - Estagiária de Psicologia - Diretora Técnica - Coordenadora Respostas sociais

(Outros intervenientes nas atividades: Profissionais de saúde, Diretora Técnica, Coordenadora das Respostas Sociais, Assessora de Comunicação, Administrativas, Estagiária de Psicologia, Cozinheiros e Ajudantes de Ação Direta, entre outros.)

PROGRAMA DE INTERVENÇÃO ESPECÍFICO NO SERVIÇO DE DOMICILIÁRIO Programa de  A cção   Especifico   –  SAPOIO AD   Te má t ic a

Competências do nível cognitivo

fevereiro

janeiro

Mê s

O bje t ivos

Té c nic os

-Desenvolver as capacidades cognitivas do utente;

- Assistente Social

- Exercitar a atividade cerebral;

- Estagiária de

- Minimizar a perda de memória.

Psicologia

março

- Assistente Social

Doença de Alzheimer

Dança entre utentes SAD e CD

- Fomentar o intercâmbio entre os utentes do CD e SAD;

- Educadora Social

- Desenvolver competências,

- Estagiária de Animação Cultural

-Estimular a concentração e raciocínio.

- Estagiária de

aio

abril

Psicologia

Competências motoras

- Desenvolver competências; - Assistente Social - Prevenir o declínio motor.

- Possibilitar a familiarização com


Competências motoras

14 / 15

- Desenvolver competências; - Assistente Social - Prevenir o declínio motor.

maio

abril

Ensino da leitura e escrita

- Possibilitar a familiarização com o código escrito;

- Assistente Social

junho

- Exercitar a atividade mental.

agosto

julho

• •

- Desenvolver os sentidos;

- Assistente Social

sensorial

- Estimular a noção de forma;

- Educadora Social

Dança entre utentes SAD e CD

- Fomentar o intercâmbio entre os utentes do CD e SAD.

- Estagiária de Animação Cultural

- Desenvolver as capacidades cognitivas do utente;

- Assistente Social

Competências do nível

Competências do nível cognitivo

- Estagiária de Psicologia

- Exercitar a atividade cerebral;

novembro

outubro

setembro

- Minimizar a perda de memória.

Doença de Alzheimer

-Desenvolver motoras; -Estimular a raciocínio.

Ensino da leitura e escrita

as

competências

concentração

Dança entre utentes SAD e CD

Competências motoras

- Estagiária de Psicologia

-Possibilitar a familiarização com o código escrito; - Assistente Social -Trabalhar competências escrita e leitura.

e

- Assistente Social

de

- Fomentar o intercâmbio entre os utentes do CD e SAD;

- Assistente Social - Educadora Social

- Desenvolver competências; - Prevenir o declínio motor.

- Estagiária de Animação Cultural

dezembro

- Desenvolver a motricidade fina;

Competências de expressão plástica

- Desenvolver a destreza manual; - Assistente Social - Desenvolver a imaginação; - Estimular a criatividade.


(14h30 – 16h00)

Troca de Saberes

(11h00 – 12h00)

(11h00 – 12h00)

(16h30 – 16h00)

(1x mês)

Música Sevilhana

Bailarina

Cuidados de Imagem

Ginástica

Terça

Jogos de Mesa

Nota: Estes Planos poderão sofrer alterações ao longo do ano 2013.

Tarde

Manhã

Segunda

Ateliê de artesanato (14h30 – 16h00)

(14h30 – 16h00)

(11h00 – 12h00)

Treino de Memória

Quinta

Trabalhos manuais

(11h00 – 12h00)

Motricidade

Quarta

PLANO SEMANAL DE ATIVIDADES

PLANO SEMANAL DE ATIVIDADES DO CENTRO DE DIA

(14h30 – 16h00)

Atividade Livre

(11h00 – 12h00)

Ginástica

Sexta

PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014

LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS


16 / 17

PLANO DE ANIMAÇÃO NO SERVIÇO DE APOIO DOMICILIÁRIO Mê s

ja ne iro

fe ve re iro

ma rç o

Te má t ic a •

Animação Cognitiva

Animação de um

O bje t ivos •

de descontraçao e lazer

Cultural

Promover a criatividade

Melhorar a motricidade

da expressão

Animação através da escrita criativa

Animação Musical

Animação cognitiva

• s e t e mbro

Animação através da expressão dramática

out ubro

- Estagiária de Animação

corporal

a gos t o

Proporcionar momentos

da expressão

ma io

julho

Cultural

Animação através

Animação Musical

manual • •

nove mbro

Animação através da música e da dança

- Estagiária de Animação Cultural

Maximizar o potencial motor

- Estagiária de Animação

Readquirir competências

Cultural

do esquema corporal •

Estimular a criatividade

Desenvolver a competência linguística

- Estagiária de Animação Cultural

Estimular a capacidade

- Estagiária de Animação

sensório-motora

Cultural -

Estimular a memória

• •

Estagiária de Animação Cultural

-

Estagiária de Psicologia

Consolidar o gosto pelo teatro

- Estagiária de Animação

Readquirir competências

Cultural

do esquema corporal •

Estagiária de Psicologia

leitura

Animação através

Cultural

- Estagiária de Animação

Animação lúdica

Estagiária de Animação

Fomentar o gosto pela

plástica

junho

Estimular a memória -

conto

a bril

Té c nic os

• •

Estimular a capacidade

- Estagiária de Animação

sensório-motora

Cultural

Preparação para a festa de Natal com o Centro

- Estagiária de Animação

de Dia

Cultural

Prevenir o declínio

- Estagiária de Psicologia

motor

- Diretora Técnica

Fomentar o convívio

- Educadora Social

com os utentes do

- Assistente Social

Centro de Dia • • de ze mbro

Animação através da música e da dança

Preparacão para a festa

- Estagiária de Animação

de Natal com o Centro

Cultural

de Dia

- Estagiária de Psicologia

Prevenir o declínio

- Directora Técnica

motor

- Educadora Social - Assistente Social


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

3.5. GESTÃO E PREVENÇÃO DE SITUAÇÕES DE MAUS TRATOS Prevê-se, durante o próximo ano, definir a metodologia para a gestão e prevenção de situações de negligência, abusos e maus tratos, através da elaboração de um manual de procedimentos.

3.6.ENVOLVIMENTO DOS FAMILIARES NA VIDA INSTITUCIONAL Envolver os familiares de utentes na dinâmica da Instituição, no sentido de melhoria do funcionamento dos serviços, é outros dos objetivos para o próximo ano, bem como envolvê-los na implementação do Programa de Intervenção Específico do CD e SAD, trabalhando no domicílio, as competências desenvolvidas através do mesmo. Pretende-se, igualmente, uma maior participação dos familiares na concretização dos objetivos traçados para 2014, nomeadamente através da realização de inquéritos de satisfação a familiares e utentes.


18 / 19


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

4. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 4.1. IMAGEM DA INSTITUIÇÃO Apostar na consolidação da imagem renovada durante o ano de 2013, será um dos objetivos para o próximo ano, através de uma forte presença nas redes sociais, envio de newsletter, constante atualização do novo site institucional, bem como melhoria contínua de todos os suportes de comunicação concebidos. Em 2014 pretende-se manter a presença nos órgãos de comunicação social, com publicações de caráter positivo, como é o caso de atividades realizadas pela Instituição, tal como aconteceu no presente ano de 2013. Através da consolidação de uma imagem credível e inovadora, visa-se a projeção a novos públicos, que contribuam para um contínuo e sustentado crescimento da Instituição.

4.2. EVENTOS E ANGARIAÇÃO DE FUNDOS/RECURSOS Em 2014, a Instituição continuará a apostar na realização de eventos temáticos, de modo a proporcionar novos meios de entretenimento para a comunidade, e assim angariar fundos/ recursos, bem como através da realização de candidaturas e outras iniciativas. Todo este trabalho será desenvolvido de acordo com as reais necessidades da Instituição e que visem a sua sustentabilidade. Neste sentido, a Instituição manterá, igualmente, todos os seus produtos de merchadising, reforçando a divulgação dos pontos de venda habituais. (Calendarização comunidade)

de

eventos

para

a

EVENTO

DATA

Noite de Fados

15 fevereiro

Aniversário do Centro de Dia

6 agosto

Dia da Mulher

8 março

Gala Solidária

outubro

Baile da Pinhata

5 abril

Encontro Multicultural

4 outubro

3º Passeio de BTT

11 maio

Aniversário da Liga

19 outubro

2º Festival de Sopas

11 maio

São Martinho

9 novembro

Santos Populares

28 junho

Torneio de Jogos de Mesa

a definir

Ciclo de Cinema Ao Ar Livre

agosto

(Nota: Calendarização que puderá estar sujeita a quaisquer alterações.)


20 / 21

4.3. PARCERIAS Durante o próximo ano, queremos manter e criar uma maior interação com todas as parcerias já estabelecidas, estreitando boas relações com as mesmas, reforçando o contacto com as mais recentes, como é o caso da Sodicentro e Petroibérica. Em 2014 pretendemos igualmente estar atentos a novas oportunidade, beneficiando os nossos associados de uma vasta gama de serviços, nos mais diversos setores.

4.4. PASTEL DO LIS Após a criação de uma nova especialidade de doçaria, intitulada de Pastel do Lis, e da conceção de toda uma imagem associada à mesma, pretendemos, no próximo ano, divulgá-la e comercializá-la a uma larga escala, chegando a novos públicos, de modo a sermos reconhecidos pela inovação, criatividade e empreendedorismo, gerando uma nova fonte de financiamento para a Instituição através de um produto noss, produzido pela nossa equipa de cozinha.


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

5. REFORÇO DA ORGANIZAÇÃO 5.1. RECURSOS HUMANOS Será dada continuidade à reestruturação dos serviços, iniciada em 2012, e à atualização e reformulação de procedimentos inerentes a todos os processos existentes nos serviços, com a criação de um Manual de Procedimentos. Implementaremos novos processos como a Gestão de Desempenho e Gestão de Formação, sempre com a certificação de Gestão de Qualidade como meta. Colocaremos em prática uma Avaliação de Satisfação de colaboradores através de inquéritos de satisfação.

5.2. FORMAÇÃO PROGRAMA OPERACIONAL POTENCIAL HUMANO (POPH) Em parceria com a Tecnoforma, irão decorrer as seguintes formações modulares certificadas: Ciências Informáticas - Folha de cálculo; - Folha de cálculo – funcionalidades avançadas; - Internet – navegação. Hotelaria e Restauração - Funcionamento e conservação dos equipamentos, materiais e produtos de limpeza; - Sistema de HACCP.

Comércio - Técnicas de venda.

5.3. PROJETO PROMOVER REDES INOVAÇÃO E OPORTUNIDADES (PRIO) Como resultado de uma cadidatura aprovada em 2013, a Instituição teve oportunidade de iniciar o projeto PRIO, promovido pela EAPN Portugal - Rede Europeia Anti-Pobreza, que tem como principal objetivo promover uma maior sustentabilidade das organizações sem fins lucrativos, de luta contra a pobreza, envolvidas no projeto, incentivando o trabalho em rede, a inovação social e a procura ativa de novas oportunidades, através de ações de formação padronizada e individualizadas e de ações de consultoria, nas seguintes áreas: - Trabalho em rede e desenvolvimento local; - Gestão dos recursos humanos; - Gestão financeira; - Desenvolvimento de projetos; - Desenvolvimento de estratégias de angariação de recursos. De referir que este projeto teve inicio em abril de 2013 e estará em execução até junho de 2014.

5.4. PARTILHA DE RECURSOS Durante o próximo ano, a Instituição irá apostar na partilha de recursos interinstitucional, quer humanos, quer materiais, no sentido de


22 / 23

a.m.e.

ne ova me assi am-se a

enve

olv

a a eleve

am ov m jude a rentabilizar recursos/ serviços, em prol da sua sustentabilidade financeira.

ssineude m

re

e

a-se el ho sine vn olv mame as

pa oie movlehlaoervee me

le emuvdeeeamvee ajudeeve smuedea a - re movanv o lve a mel ho e ajud assine le

mova

e ssin

poie

le

mova

e ligue-se ocial.. a uma causa s

5.5. VIATURA COM PLATAFORMA ELEVATÓRIA No seguimento da grande necessidade da Instituição, verificada há já vários anos, para aquisição de uma viatura com plataforma elevatória, e após várias candidaturas e pedidos de subsídios sem sucesso, a Instituição avançou com uma nova estratégia para captação deste recurso. Assim, foi estabelecida uma parceria com a MercedesBenz - Sodicentro Leiria (empresa de referência), que se reflete numa campanha de angariação de fundos, essencialmente, por meio de sensibilização, envolvimento e captação de investidores sociais. Este é um recurso que constituirá uma mais-valia para o reforço da organização, na medida em que contribuirá para uma melhoria do serviço prestado, principalmente para transporte de utentes com mobilidade reduzida.

Assine esta causa, do Lis, a adquirir s o p m a C a ig L a e d ju ea , ia r o t a v le e a m r o f a t uma viat ura c om pla a. id z u d e r e d a id il b o m para pessoas c om ves do

ra Faca a sua doacao, at 17631 49. 0001 - projeto para (Suporte de comunicação da campanha A.M.E. ni b 5180 0001 00 aquisição de viatira com plataforma elevatória)

Promotor

Parceiro

Media Partners


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

6. SAÚDE 6.1. GABINETE DE SAÚDE

6.4. GABINETE DE PSICOLOGIA

Em 2014 será efetuada uma reestruturação do serviço prestado pelo gabinete de saúde, tendo sempre em conta as necessidades verificadas na comunidade, no que respeita a utentes e associados.

Em 2013 foi criado um gabinete de psicologia, orientado para a intervenção clinica e social, de aconselhamento e de apoio, no atendimento a utentes, colaboradores, associados e comunidade em geral. Para os diferentes públicos-alvo deste serviço serão disponibilizadas as seguintes atividades:

6.2. SERVIÇO DE FISIOTERAPIA A Instituição dará continuidade ao serviço de fisioterapia disponibilizado aos seus utentes, duas vezes por semana, e que atualmente é assegurado por uma fisioterapeuta, em regime de voluntariado.

6.3. APOIO FARMACÊUTICO No âmbito da parceria estabelecida com a Farmácia Baptista, continuarão a ser disponibilizados, a todos os associados e utentes, produtos farmacêuticos a custos mais reduzidos, com entrega direta no Centro de Dia.

- Integração do idoso; - Avaliação psicológica; - Estimulação cognitiva; - Acompanhamento psicológico; - Gestão de conflitos; - Estimulação do desenvolvimento pessoal e social; - Promoção da saúde e prevenção da doença mental; - Apoio ao familiar e cuidador; - Dinâmicas de grupo; - Formação de equipas técnicas; - Consulta de psicologia.


24 / 25

PLANO DE INTERVENÇÃO ESPECÍFICO DO GABINETE DE PSICOLOGIA

Á re a de Int e rve nç ã o Int e gra ç ã o do Idos o

Pe riodic ida de

A t ivida de s

Aquando da - Anamnese; entrada do utente na Instituição - Conversas informais - Avaliação do estado mental - Preenchimento de um protocolo específico

O bje t ivos - Promover a integração;

Públic o - A lvo - Utentes de CD e SAD

-Minimizar o impacto da institucionalização; - Identificar a existência de alguma demência;

Dina miza dore s - Estagiária de Psicologia - Educadora Social - Assistente Social

- Conhecer a história de vida pessoal, social e médica;

- Diretora Técnica

- Conhecer a dinâmica familiar;

- Cuidadores/ Familiares

- Identificar as queixas dos utentes. A va lia ç ã o Ps ic ológic a

Semanalmente

- Observação das atitudes/ comportamento - Conversas informais - Preenchimento de instrumentos de avaliação específicos

- Identificar a existência de - Utentes de CD e perturbações psicológicas SAD e/ou psiquiátricas; - Associados e não - Identificar o estado e o associados traço de personalidade; - Identificar as queixas.

Semanalmente

- Educadora Social - Assistente Social - Ajudantes de Ação Direta

- Recolha de informações com a equipa multidisciplinar E s t imula ç ã o Cognit iva

- Estagiária de Psicologia

- Realização de exercícios de estimulação (jogos de sala, jogos lúdicos, TIC, cálculo matemático, treino do vocabulário)

- Prevenir a degradação - Utentes de CD e mental nas variadas áreas; SAD

- Estagiária de Psicologia

- Estimular a memória;

- Educadora Social

- Preenchimento do “Livro da Memória”

- Estimular a concentração.

- Estimular o raciocínio; - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

A c ompa nha me nt o Ps ic ológic o de Pa t ologia s Me nt a is

Semanalmente

- Partilha de informação com a equipa multidisciplinar

- Prevenir o desenvolvimento da patologia;

- Utilização de terapias - Melhorar a qualidade de especificas (consoante a vida; patologia) - Ensinar a utilização de - Terapia estratégias de coping; Comportamental - Evitar o isolamento - Terapia Cognitiva social; - Intervenção Social - Terapia Psicossocial

- Utentes de CD e SAD

- Estagiária de Psicologia

- Associados e não associados - Colaboradores

- Estimular o diálogo/partilha de vivências e sentimentos.

- Gestão de conflitos internos - Exercícios de relaxamento - Terapias de grupo Ge s t ã o de Conflit os

Diariamente

-Psicoeducação - Conversas formais e informais - Realização de actividades que estimulem a interacção (jogos de sala, jogos lúdicos)

E s t imula ç ã o do de s e nvolvim Diariamente e e nt o pe s s oa l e s oc ia l Mensalmente

- Conversas informais - Ações de sensibilização (ondas de calor, alcoolismo, Alzheimer, obesidade, diabetes, igualdade de género, reciclagem, meio ambiente, direitos e deveres do cidadão)

- Analisar e estimular a interação dos utentes;

- Colaboradores

- Estagiária de Psicologia

- Prevenir o aparecimento de conflitos;

- Educadora Social

- Gerir conflitos existentes.

- Estagiária de Animação Cultural

- Estimular a comunicação verbal; - Desenvolver a afetividade; - Educar para a cidadania e despertar o espírito critico; - Partilhar experiências;

- Distribuição de folhetos informativos

- Utentes de CD

- Evitar o isolamento.

- Utentes de CD - Comunidade em geral

- Estagiária de Psicologia - Educadora Social - Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural - Parcerias


26 / 27

Promoç ã o da Diariamente Sa úde e Pre ve nç ã o da Doe nç a Me nt a l

- Vigilância do estado geral do utente

-Promover a saúde mental;

- Estagiária de Psicologia

- Observação física e psicossocial do utente

- Detetar precocemente problemas psicológicos;

- Educadora Social

- Personalizar cuidados

- Controlar a evolução dos problemas já existentes;

- Assistente Social - Estagiária de Animação Cultural

- Promover a autonomia e independência.

- Ajudantes de Ação Direta A poio a o fa milia r e a o c uida dor

Sempre que necessário

- Conversas formais e informais

- Informar as famílias - Familiares e acerca das patologias dos Cuidadores utentes;

-Psicoeducação - Sessões de esclarecimento

- Educadora Social

- Dar formação às famílias acerca do modo como devem lidar com os comportamentos/atitudes dos utentes;

- Estagiária de Animação Cultural

- Auxiliar na gestão de conflitos familiares. Cons ult a de Ps ic ologia

Semanalmente

- Acompanhar psicologicamente.

- Estagiária de Psicologia

- Assistente Social -Utentes de CD e SAD;

- Estagiária de Psicologia

- Colaboradores - Associados e não associados (crianças, jovens, adultos e idosos) - Grupos; Dinâ mic a s de Grupo

Semanalmente

- Sessões com as equipas técnicas

- Intervir nos grupos funcionais da instituição (equipa técnica);

- Equipas técnicas

- Estagiária de Psicologia - Psicólogo

- Resolver problemas funcionais; - Fortalecer as relações interpessoais; - Integrar e promover a relação entre colaboradores. Forma ç ã o de Trimestralmente e quipa s t é c nic a s

- Sessões de formação de cuidados primários e doenças de envelhecimento

- Administrar formação técnica sobre cuidados e psicologia do idoso.

-Colaboradores - Familiares e Cuidadores

- Estagiária de Psicologia


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

7. PROJETOS/ OBRAS 7.1. OBRA DE REQUALIFICAÇÃO DA SEDE Pretendemos com esta obra requalificar as instalações existentes desde a constituição, e todo o espaço envolvente da Sede, melhorando assim as condições de utilização da mesma, por todos os sócios, colaboradores, utentes da Instituição e, em geral, toda a comunidade local.

7.2. AMPLIAÇÃO E REQUALIFICAÇÃO DA COZINHA Pretendemos ampliar e requalificar as instalações da cozinha, bem como adquirir novos equipamentos industriais, para conseguir responder a todas as solicitações e colmatar os pontos críticos apontados na última inspeção da Segurança Social.

7.3. EQUIPAMENTO DE LAVANDARIA Pretendemos adquirir equipamentos industriais para equipar a lavandaria, na sua totalidade, de forma a melhorar a qualidade do serviço prestado e responder a todas as solicitações, bem como cumprir com as diretrizes e Manuais da Qualidade da

Segurança Social.

7.4. AQUISIÇÃO DE UM MÓDULO PARA GABINETES DE ATENDIMENTOS Iremos adquirir um módulo amovível, com 40 m2, composto por dois gabinetes e uma sala de espera, que nos vai permitir receber os beneficiários do RSI do Gabinete de Acompanhamento, outras pessoas da comunidade, bem como representantes de outras entidades.

7.5. AQUISIÇÃO DE CACIFOS PARA O CENTRO DE DIA Para cumprir com as normas definidas pelo HACCP (Hazard Analysis and Critical Control Points), iremos adquirir vestiários triplos para os colaboradores.

7.6. REMODELAÇÃO DO CAFÉ SOCIAL Durante o próximo ano pretendemos recorrer à responsabilidade social de várias empresas, no sentido de solicitar apoio na remodelação do Café Social, através da doação dos materiais necessários e mão de obra voluntária.


28 / 29

7.7. CANDIDATURAS Iremos continuar a apresentar candidaturas, nomeadamente a prémios, concursos, programas, subsídios, entre outros, com o objetivo de captar todo o tipo de recursos, para a realização dos nossos projetos e concretização dos objetivos estratégicos.

7.8. APOSTA NO CONSUMO SUSTENTÁVEL Iremos promover e desenvolver, junto dos colaboradores e utentes, ações de formação e sensibilização sobre o tema, de forma a alterar comportamentos e no sentido de alertar para a necessidade de conservação e preservação do ambiente. Iremos reduzir os custos relacionados com a água e a energia, que estão cada vez mais escassos e dispendiosos, sensibilizando para a racionalização dos mesmos.


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

8. DINAMIZAÇÃO DA SEDE 8.1. BIBLIOTECA Pretende-se continuar a dinamizar a biblioteca, sedeada no Café Social, onde os nossos associados podem ler, trocar e requisitar livros.

8.2. ATIVIDADES DESPORTIVAS E RECREATIVAS Durante o próximo ano, um dos objetivos para dinamização do espaço da sede, no que respeita à prática de atividades desportivas e recreativas, centra-se na realização de aulas de Ténis de Mesa e Zumba, umas das modalidades tendência.

8.3. “CANTO VERDE” Pretende-se criar um “Canto Verde“, inserido no Café Social, construído através da reciclagem de paletes que irá permitir a colocação de um jardim vertical. Assim será gerada uma zona de lazer e conforto, onde serão colocadas mensagens sustentáveis e motivacionais.


30 / 31


PROGRAMA DE AÇÃO & ORÇAMENTO 2014 LIGA SOCIAL E CULTURAL CAMPOS DO LIS

9. ORÇAMENTO PARA 2014 Orçamento para o Ano 2014

9.1. CUSTOS

Custos Compras Bar Compras Centro Dia Custo mercadorias

24.264,04 130.819,74 1.045,20

Eletricidade

12.468,27

Combustível

11.583,18

Água

2.866,55

Gás Ferramentas e utensílios desgaste rápido

8.115,30

Material escritório

6.300,27

Ofertas Telefone Selos Seguros viaturas

2.360,4 124,82 6.255,56 450,00 2.505,01

Seguros ac.pessoais voluntários

158,40

Outros seguros MR/RC

858,59

Deslocações

496,64

Contencioso

1.135,89

Conservação e reparação instalações

2.772,44

Conservação e reparação equipamento

4.580,07

Conservação e reparação viaturas

7.141,99

Publicidade

189,66

Limpeza higiene e conforto

11.705,61

Trabalhos especializados

31.015,59

Jornais Viatura c/ plataforma elevatória

662,75 37.500,00

Cacifos (Fundo Socorro Social)

1.542,42

Arrumos (Fundo Socorro Social)

4.564,51

Carrinha (Fundo Socorro Social) Gabinete Psicologia (Fundo Socorro Social) Impostos Custos com colaboradores Formação com colaboradores

34.149,72 22.930,37 0 349.684,27 2.525,45


Publicidade

189,66

Limpeza higiene e conforto

11.705,61

Trabalhos especializados

31.015,59

Jornais

662,75

Viatura c/ plataforma elevatória

37.500,00

Cacifos (Fundo Socorro Social)

1.542,42

Arrumos (Fundo Socorro Social)

4.564,51

Carrinha (Fundo Socorro Social) Gabinete Psicologia (Fundo Socorro Social)

34.149,72 22.930,37

Impostos

0

Custos com colaboradores

349.684,27

Formação com colaboradores

2.525,45

Formação financiada

2.845,00

Amortizações Imobilizado

40.175,80

Quotizações

506,25

Juros empréstimos bancários

2.761,26

Total

769.061,02

9.2. PROVEITOS

Proveitos

Mensalidade CD

91.190,03

Mensalidade SAD

116.078,77

Proveitos Bar

124.755,03

Festas e eventos

4.902,54

Troca de saberes

507,43

Comparticipações CRSS - CD

37.581,55

Comparticipações CRSS - SAD

171.976,53

Comparticipações IEFP

5.887,17

Cantina Social

65.893,97

Cantina Social - Comparticipação Parceria com Sodicentro (viatura c/ plataforma elevatória)

5.402,11 37.500,00

Fundação Caixa Agrícola

1.000,00

Fundo Socorro Social

63.187,02

Quotizações

8.647,50

Proveitos financeiros

118,35

Formação financiada

4.364,00

Donativos

30.069,02

Total

769.061,02

Gândara dos Olivais , 8 de outubro 2013. A Presidente da Direção Gândara dos  Olivais,  08  de  Outubro  2013.    

A Tesoureira

 

A Presidente  da  Direcção  

32 / 23


Liga Social e Cultural Campos do Lis

INSTITUIÇÃO DE UTILIDADE PÚBLICA Diário da República nº 222 – III Série de 18-11-05 Cont. Nº 501 510 192 Rua Professor José Pires da Fonseca, nº 5 - Gândara dos Olivais 2415-335 Leiria Sede Tel.: 244 821 230 secretaria@ligacamposdolis.com Centro de Dia Tel.: 244 838 440 | Fax: 244 838 442 geral@ligacamposdolis.com www.ligacamposdolis.com www.facebook.com/liga.camposdolis

Programa de Ação & Orçamento 2014 | Liga Campos do Lis  

Programa de Ação & Orçamento 2014 | Liga Campos do Lis

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you