Page 1

Informação com qualidade no coração da Zona Leste Ano XXXVI - Nº 1473 - De 17 a 23 de setembro de 2016 www.noticiasdeitaquera.com - Presidente de honra: Lidia Paniaga

Rua Rio Mamanguape, 52 - Cidade Líder - Itaquera - São Paulo - SP - Fone: (11) 2748-7300

Querem a Polícia longe do Shopping Aricanduva. E você? Ter a Polícia por perto é importante? Sentir-se seguro, protegido e, se necessário, recorrer às forças de segurança num momento de agonia faz alguma diferença? Andar, a pé ou de carro, num local de grande concentração de gente é mais tranquilo quando se sabe que se pode contar com a ação policial para inibir atitudes suspeitas ou ilícitos de fato? Calma! Essas perguntas, no contexto brasileiro, parecem piada de mal gosto ou, no mínimo, sandices, afinal, a mesma resposta para todas elas é óbvia: claro, evidente que todos preferem a Baile de Gala do “Projeto Fada Madrinha”, uma Polícia do que a constante ameaça do crime ou, mais belíssima iniciativa com a parceria da Subprefeitura de objetivamente, tornar-se vítima de bandidos. Mas, por Itaquera e o Instituto Nova História, com total apoio incrível que pareça, devido à razões que a própria razão do prefeito Fernando Haddad. desconhece, há quem defenda o contrário, preferindo a Polícia longe do cidadão. Infelizmente não é uma brincadeira idiota. Alguns ou que os moradores e consumidores são os principais alguém quer que o Estado desative o posto policial ins- beneficiários da unidade de segurança. Resta à populatalado na principal via que interliga o Parque Savoy à ção apoiar a permanência da base de segurança, nunca avenida Aricanduva simplesmente porque a unidade está sua retirada. É simples assim. Caso a segurança pública instalada em área particular, pertencente ao Centro fosse uma excelência não haveria necessidade de posComercial Aricanduva. Vale dizer que é o empreendi- to ou base policial, sobretudo em área particular, mas a mento quem mantém a base de segurança naquele lu- realidade brasileira e paulistana são bem diferente dos gar, a pedido do CPA/M9 - 9º Comando de Policia- comerciais de margarina. É questão de bom senso. mento de Área Metropolitana, desde que foi inaugurada, sem provocar qualquer ônus ao Estado, responsável direto pela Polícia Militar. Antes de a base ser construída na avenida do Shopping toda a comunidade foi convidada a discutir a real necessidade do posto. Por unanimidade houve concordância, inclusive porque passam por ali, diariamente, milhares de OAB Itaquera realizou no último dia 14, a solenidade de entrega de carteiras aos pessoas. Não falamos de um lojão e sim de um com- novo advogados(as) e estagiários(as). A cerimonia é para dar as boas vindas aos plexo comercial que está novos profissionais que irão representar a seção local. Desta vez, o evento foi realientre os maiores e mais zado na sede da Subprefeitura de Itaquera, e foram 64 carteiras entregues, o maior movimentados do mundo, número deste documento até hoje nesta subseção. O paraninfo da turma foi o advoopção de compras, lazer e gado João Marcos Quinteiro. serviços para muita gente aqui no extremo Leste. Além de: Detran - Departamento Estadual de Transito do Estado de São Paulo; CEMA - Hospital Especializado Ltda.; Laboratório Lavousier; Unicid Universidade Cidade de São Paulo, entre outros. No entanto, estão querendo acabar com o posto policial sob a alegação de que o mesmo deveria estar em outra área, pública, e não no cinturão em que fica o Centro Comercial Aricanduva. Mesmo porque o Shopping Aricanduva sempre dispôs de uma excelente equipe de segurança patrimonial que dispensa comentários. Na realidade, querem polemizar um assunto que sequer deveria ser cogitado, uma vez

seu apto. com a apresentação deste recorte Equipe Vieira: faça seu agendamento pelo whatsapp 11 93801-4767 Idiene Taisson Mariah





More em frente ao Parque do Carmo pelo programa Minha Casa Minha Vida Concorra aos móveis em apartamento com piscina planejados de todo



LANÇAMENTO



Parcelamos sua entrada e aqui o seu FGTS vale dinheiro






Página 2

Notícias de Itaquera - Zona Leste

Políticas de austeridade Há mais de um modelo de política de austeridade. Entretanto, o pensamento político mundial só conhece um: apertar os cintos, sobretudo de trabalhadores e beneficiários da previdência social. Não negamos que, em determinado momento, o arrocho social deva ocorrer, enquanto última alternativa. Salvar empresas e fazer sofrer os produtores, liminarmente, é uma dialética burra e perversa. Ao se falar em déficit das contas públicas, raramente se olha ao núcleo duro das causas. No caso brasileiro atual, a corrupção, o desvio brutal de dinheiro público, a primeira pergunta: o que fazer para recuperar parte substancial do objeto desses crimes? Ao se dizer que a corrupção é o mais grave problema brasileiro, muitos divergem. É moralismo. Mas, basta ver os números. Corrupção se combate com a Justiça. O que percebemos é o destaque às investigações criminais. Contudo, moralismo e só querer combater com a cadeia. Mais importante é o pragmatismo do ressarcimento dos bilhões surrupiados dos brasileiros. E isso é possível, em prazo imediato, sem violar as garantias do estado democrático de direito. Acelerar a recomposição de nossas finanças, com o uso das leis atuais ou que podem ser propostas pelo governo de Michel Temer. Depois de muito tempo e apesar dos murmúrios das bocas malditas, somente agora se revela que o assalto aos planos de pensão de entidades públicas equivale a aproximadamente 1/ 3 dos bilhões da dívida pública. Têm de ser buscados imediatamente. Ao que consta, até este momento "somente" 8 bilhões foram recuperados. Há o profundo buraco do BNDES e responsáveis que devem ressarcir o tesouro. Muito pouco se recuperou da Petrobrás. Os dirigentes de empresas privadas que contrataram com a administração pública estão presos. Ótimo, dizem os incorrigíveis moralistas, nem só pobre e preto vão aos cárceres no Brasil. E o dinheiro? Falamos do dinheiro dos aditamentos contratuais, inclusive de obras inacabadas, que está escondido em algumas grutas. Em suma: punir criminalmente é mais espetaculoso. Mas, recuperar nosso dinheiro para vencer a crise, é muito mais importante. Ah, não se acham mais os bilhões. Tomaram doril. Quem possui o mínimo de experiência jurídica sabe que os processos cíveis são mais complicados que os criminais. Porém, perguntem se alguém que teve sua bolsa roubada prefere mais sua reobtenção ou ver o ladrão na cadeia... Exsurgirá algum Sérgio Moro no plano cível? No colonismo cultural em que vivemos temos a tendência de copiar tudo, até mesmo as políticas de austeridade, que derrubam os mais pobres e só lhes deixam as alternativas de protesto, como nas ruas de Paris. É um grande equívoco, que o governo Temer está prestes a cometer, insuflado por equivocados do PSDB. Enquanto os ladrões riem, os pobres pagam a conta e fenecem. A pinguela pode desabar

e cair no rio, como disse FHC. Depois recrudescerá o caos. A coragem está em enfrentar-se os conglomerados econômicos que depauperam nosso País e, não, em enfrentar, com a ajuda da polícia, manifestações públicas. Em verdade, temos o rumo, sabe-se como agir com destemor, mas há o famigerado equilíbrio das forças políticas. Enfrentar os ladrões significa inviabilizar o governo. Logo, pau nos sem eira, beira e poder. O raciocínio sobre a Previdência Social também corre às avessas. Fala-se dos efeitos drásticos de suas contas, mas a verdadeira causa de um Instituto Estatal de proporção continental, que poderia não ser esse gigante (o saudoso Montoro cansou de falar sobre a descentralização administrativa, em todos os campos), não é vista. Consiste numa máquina-tartaruga-gigante, que consome mais, como atividademeio, que os benefícios da atividade-fim. E ainda se dá ao luxo de fazer tudo errado, a ponto de termos necessidade de abomináveis órgãos de justiça previdenciária. Não se trata, a reforma previdenciária, de sangria desatada, em ordem a gerar imprevisíveis conflitos sociais. O necessário é reformar, desde já, para não falir em alguns anos. Pelo menos, esse é o discurso oficial. Então, comecemos pelo ataque às verdadeiras causas, administração caríssima, reduzível à metade, andamento paquidérmico e, além disso, guiada pela desonestidade em relação aos segurados, cuja grande maioria percebe benefícios de fome. Se for para mexer em benefícios, que se comece dos servidores públicos e, principalmente, dos cargos mais altos. Estes são ocupados por profissionais de elevada formação educacional, que podem passar essa herança a seus filhos, frequentadores das melhores escolas privadas. Não tem mais cabimento deixar generosas e quase que intermináveis pensões a dependentes nomeados. Todos conhecem a diferença abissal entre previdência privada, do regime geral, pública, e do regime nababesco, comparado à miséria do País. Ninguém quer começar por aí. Mais uma vez, a pinguela despenca. Fomos afogados por medidas provisórias, desde o governo de FHC. A maioria inconstitucional, porque ausentes os requisitos de urgência e relevância. Na salvação nacional, óbvio que as medidas corretas são urgentes e relevantes. Portanto, ajustadas à Constituição. Por esse meio, afastaríamos grande parte dos interesses fisiológicos que inundam o Congresso Nacional. Há um elemento comum nas políticas de austeridade. Coragem, como já disse Michel Temer, para quem quer entrar na história e não num campo de poder, sem reeleição. Se é verdade, veremos logo. Mas, pelo andar da carruagem, tudo o que foi dito acima parece não passar de um sonho no inverno de nossa desesperança. *Amadeu Roberto Garrido de Paula, advogado e poeta. Autor do livro Universo Invisível e membro da Academia Latino-Americana de Ciências Humanas.

De 17 a 23 de setembro de 2016

Plataforma digital inova campanhas eleitorais Com o início das campanhas para as eleições municipais os candidatos têm se preocupado com sua atuação no mundo online e buscado atingir cada vez mais seus eleitores pelos meios digitais. Neste cenário surgem algumas soluções inovadoras que procuram facilitar a vida dos militantes, principalmente através dos smartphones. Um exemplo é a plataforma iLink Votapp www. votapp.com.br , um editor de aplicativos online para candidatos, sistema inédito no Brasil. Iniciativa de um publicitário e um desenvolvedor de tecnologia, que depois se uniram a um consultor de política, o Votapp é uma solução prática para os candidatos que querem marcar presença e utilizar as facilidades do universo conectado. A plataforma permite que o candidato edite seu próprio aplicativo de maneira rápida e fácil, para depois publicá-lo com seu nome. Basta preencher os campos de um formulário e a plataforma automaticamente constrói um aplicativo com as cores de seu partido, além de criar um santinho digital customizado. O candidato pode ver seu aplicativo pronto por meio de um simulador. Já o eleitor pode baixar gra-

tuitamente nos sistemas Android e iOS, acompanhar, interagir e compartilhar a campanha. O aplicativo reúne e sincroniza as redes sociais do candidato, possibilitando uma forma ágil e eficaz de interação com o eleitor. Entre as informações disponibilizadas estão a biografia, propostas, agenda, jingles, vídeos e redes sociais como o Facebook, Instagram e Twitter. "A ideia é tornar a campanha mais dinâmica, facilitando tanto o acesso aos canais de comunicação do candidato quanto a interatividade do eleitor", diz o publicitário Tchelo Nogueira, idealizador da ferramenta. "Os

usuários mais engajados podem compartilhar o santinho digital por e-mail, SMS, WhatsApp ou pelas suas próprias redes sociais, e também podem enviar um e-mail para o candidato." Após as eleições, se o candidato for eleito, sua ferramenta pode ser transformada no aplicativo que acompanha seu mandato. Com uma reestruturação, os usuários passarão a acompanhar seus projetos em andamento, realizações, votações, propostas aprovadas, entre outras informações. O aplicativo personalizado pela plataforma Votapp é uma forma rápida, fácil e inovadora de estar em contato com os eleitores, principalmente com as novas regras eleitorais já vigentes nestas eleições. Ao informar o usuário rapidamente, e dar a ele a possibilidade de compartilhar sua escolha nas urnas, o aplicativo personalizado auxilia o candidato a conquistar seu eleitorado e, principalmente, o ajuda a alcançar o sucesso em sua caminhada.

TV Cultura entrevista, ao vivo, os candidatos à Prefeitura de São Paulo Sabatinas com os 11 concorrentes irão ao ar entre os dias 12 e 26 de setembro, com apresentação de Andresa Boni. São Paulo, 6 de setembro de 2016 - A TV Cultura irá promover, entre os dias 12 e 26 de setembro, uma série de entrevistas individuais, ao vivo, com os 11 candidatos à Prefeitura de São Paulo. As sabatinas acontecerão de segunda a sextafeira, entre 12h15 e 13h, no programa Eleições 2016, e serão conduzidas pela jornalista Andresa Boni e por comentaristas do Jornal da Cultura, como o economista Ricardo Sennes e o cientista político José Álvaro Moisés. Além dos entrevistadores, o coordenador-geral de Jornalismo da TV Cultura e apresentador do JC, Willian Corrêa, fará uma pergunta a cada candidato.

Cronograma de entrevistas: Primeira semana 12 de setembro – João Bico (PSDC) 13 de setembro – Luiza Erundina (PSOL) 14 de setembro – Marta Suplicy (PMDB) 15 de setembro – Celso Russomanno (PRB) 16 de setembro – Fernando Haddad (PT) Segunda semana 19 de setembro – Major Olimpio (Solidariedade) 20 de setembro – Henrique Áreas (PCO) 21 de setembro – João Doria (PSDB) 22 de setembro – Ricardo Young (Rede) 23 de setembro – Altino de Melo Prazeres (PSTU) Terceira semana 26 de setembro – Levy Fidelix (PRTB)

Eduardo Cunha está inelegível até janeiro de 2027 O agora ex-deputado, que está inelegível até 2027, prometeu escrever um livro contanto todos os bastidores do impeachment de Dilma Rousseff, incluindo conversas com diversos agentes públicos e políticos. Negou que vá fazer delação premiada, como tem sido ventilado, há tempos, por aliados. “Só faz delação quem é criminoso e eu não cometi crime nenhum.” Cunha citou nominalmente o secretário do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), Moreira Franco, como um dos seus desafetos. “Ele é sogro de Rodrigo Maia”, lembrou. Questionado se era uma ameaça ao Planalto, o peemedebista foi lacônico. “Eu não sou homem de fazer ameaças veladas”, pontuou. Rodrigo Maia não participou da votação, conforme previsto no Artigo 17 do Regimento Interno da Câmara. Cunha disse ter sido alvo de vingança do PT e reclamou, também, do fato de a votação de ter sido marcada para 12/09. “Diziam que estavam me protegendo por ter marcado a sessão para depois da conclusão do processo de impeachment de Dilma. Mas ela aconteceu em uma semana solta, a 15 dias das eleições. Com um plenário onde temos 50 candidatos a prefeito e outros tantos apoiando amigos

e familiares, o resultado não poderia ser outro”, afirmou. O peemedebista também ironizou a decisão de Rodrigo Maia de não ter aceitado o requerimento apresentado pelo deputado Carlos Marun (PMDBMS), que deixava uma brecha para um abrandamento da pena. “Curiosamente, o Senado fatiou o impeachment da ex-presidente Dilma com base em um artigo da Câmara. E Maia, que preside a Casa, recusou-se a aceitar o pedido”. Duas questões de ordem foram apresentadas. Conforme já havia sido combinado, Marun pediu a votação um projeto de resolução, que, passível de emendas, permitiria a sugestão de uma pena mais

E x p e d i e n t E

branda a Cunha, como a suspensão do mandato. Maia recusou a questão e Marun entrou com recurso pedindo efeito suspensivo, que poderia retardar ainda mais o processo, mas não teve o apoio de nem um terço do plenário para colocar a proposta em análise. Em discurso de defesa aos parlamentares, antes de ser cassado, Cunha negou ter mentido à CPI da Petrobras e afirmou que não tem contas no exterior. “Cadê a conta? Qual o número da conta?”, questionou. Ao longo de seu discurso, que superou os 25 minutos previstos, o peemedebista buscou reforçar que a cassação alimentaria a tese de “golpe” defendida pelos apoiadores de Dilma.

Este jornal é uma publicação da empresa Notícias de Itaquera Ltda. Redação: Rua Rio Mamanguape, 52, Cidade Líder Itaquera - São Paulo - SP CEP: 08285-120 - Fone: (11) 2748-7300 Internet: www.noticiasdeitaquera.com.br E-mail: noticiasdeitaquera@noticiasdeitaquera.com.br Presidente de honra: Lidia Paniaga Jornalista Responsável: Sueli Benazi (MTB 24.268) Colaboração: Joel Novaes/ Vitor Locks Depto. Jurídico: Advocacia Malheiros & Paniaga OAB/SP 77.136 - Fone: 2743 9834 Tiragem: 20 mil exemplares Distribuição: gratuita Impressão: Gráfica Atlantica - Fone: 4615-4680 OBS.: AS MATÉRIAS ASSINADAS NÃO COMPROMETEM A NEUTRALIDADE DO JORNAL.


De 17 a 23 de setembro de 2016

Notícias de Itaquera - Zona Leste

460 árvores, 460 anos da Móoca!!!

Da esquerda para direita: Gregor Osipoff, Arnaldo de Barros Neto, Ian Gonçalves (garoto), Henrique Lambertini Neto, Maria Cristina Eickenscheidt Gonçalves, Regina Celia Cuzziol Longo, Ricardo Akimoto e Cris Gouvêa

Idealizado para ser uma ação em conjunto com a comunidade e homenagear o bairro em parceria com moradores e empresas. Deste modo, o intuito é fazer a diferença para sustentabilidade global, trazendo um grande benefício para toda a população local. A primeira árvore foi plantada em frente a sede do RC Ato da Mooca. Esse projeto convidada toda a sociedade para refletir sobre a arborização de nossa cidade, envolvendo as escolas nos plantios, dos ensinos infantil, fundamental I e II que tiverem interesse em participar, com auxílio de alunos e professores. Também contempla a possibilidade das árvores serem apadrinhadas, via doações espontâneas e diretas..

São instituições que promovem a transformação de pessoas pelo acolhimento e cuidado: Fundação Rotária (Projetos Humanitários) e Associação Nosso Sonho (cuida de crianças com Paralisia Cerebral). De forma transversal o projeto leva à educação inclusiva e ambiental, para toda a sociedade. Criando um novo horizonte voltado à capacitação e respeito às diferenças. Estas ações podem ser ampliadas de acordo com as necessidades, por exemplo, palestras com auxílio de voluntários. A escolha das árvores será feita de acordo com a disponibilidade nos Viveiros Municipais. Não serão plantadas mudas, e sim árvores com mais de 2 metros de altura.

4ª Virada da Pele Saudável

Acontece de 23 a 24 de setembro de 2016, em São Paulo, a 4ª Virada da Pele Saudável. Promovido pela Sociedade Brasileira de Dermatologia Clínico Cirúrgica (SBDCC), em parceria com a Associação Pele Saudável (APS) e a BWS Núcleo de Ensino Superior, o evento contará com o envolvimento de 150 profissionais da dermatologia que durante 36 horas ininterruptas - das 7h da sexta-feira às 19h do sábado - na BWS Núcleo de Ensino Superior - Rua São Domingos, 69 - Bela Vista realizarão atendimentos gratuitos diversos, como consultas, avaliação e conduta para qualquer problema de pele. Para Valcinir Bedin, presidente da SBDCC a iniciativa já faz parte do calendário de São Paulo, sendo a grande oportunidade

da população ao acesso a uma série de atendimentos dermatológicos. “A cada edição da Virada da Pele Saudável, percebemos a carência da população em atendimentos desse tipo. Sobretudo em casos de emergências dermatológicas, como quadros de dermatite, psoríase e câncer de pele, que necessitam de diagnóstico e tratamento rápidos. O que nem sempre ocorre na rede pública”, comenta. Desde que foi criado, em 2013, já foram realizadas 17503 consultas e 2479 procedimentos cirúrgicos. Apenas no ano passado, 7874 pessoas foram atendidas durante o evento. Os atendimentos serão realizados das 7h do dia 23 (sextafeira) às 19h do dia 24 (sábado) na BWS Núcleo de Ensino Superior, na Rua São Domingos, 69 - Bela Vista. Não é necessário agendar horário, basta comparecer ao local levando documento com foto. As consultas serão realizadas mediante senha recebida no momento da chegada.

TRE SP tem concurso previsto O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo abre vagas para técnicos e analistas judiciários e o concurso deverá ocorrer em 2017. O período de inscrição vai de 12/9 a 11/11/2016 e a publicação do edital de convocação para as provas objetivas e discursivas está prevista para 2/ 2/2017. O Concurso, organizado pela Fundação Carlos Chagas, destina-se ao preenchimento de vagas disponíveis e das que vierem a surgir, de acordo com a disponibilidade orçamentária.

Para o cargo de analista, a exigência é de ensino superior completo, com remuneração inicial de R$ 9.736,27 + benefícios. No caso dos técnicos judiciários, a escolaridade exigida é nível médio, com salário inicial de R$ 5.934,15 + benefícios. O concurso contempla vagas para deficientes e a novidade para este edital é que serão reservadas aos candidatos negros 20% das vagas existentes e das que vierem a surgir.

Página 3

Famílias de baixa renda terão subsídio para comprarem terren\os prontos para a construção O governador Geraldo Alckmin e o secretário de Estado da Habitação, Rodrigo Garcia, lançaram na segunda-feira, 29, o Programa de Lotes Urbanizados, que vai oferecer subsídio para famílias com renda de até cinco salários mínimos comprarem 12 mil terrenos prontos para a construção de casas. Além disso, foram anunciados modelos inéditos de crédito imobiliário, para que mais famílias de baixa renda realizem o sonho da casa própria, e medidas para criar condições mais propícias para a retomada do crescimento do setor imobiliário e para a geração de empregos na área. Os lançamentos do Morar Bem, Viver Melhor foram feitos durante a abertura da Convenção Secovi 2016, na sede da entidade na Vila Mariana, zona sul da Capital. “Nós vamos entrar com subsídio diretamente para as famílias de menor renda, para poder adquirir o lote urbanizado, com água, esgoto, asfalto e iluminação. E daí terá mais facilidade para construir, de maneira regular, a sua casa”, disse Alckmin. O programa de Lotes Urbanizados irá convocar empresas loteadoras que queiram inscrever no programa seus lotes com infraestrutura básica, licenciados ou registrados. Os lotes participantes terão valor máximo de R$ 35 mil e subsídio de até 90% para as famílias com renda de um salário mínimo. Para as famílias com renda de cinco salários mínimos, o subsídio será de 10%. O restante do valor dos lotes será financiado pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano). Desta forma, os beneficiados poderão construir suas casas com recursos próprios ou de financiamento. O edital para o processo de certificação de loteamentos e lotes implantados e em implantação será publicado até o final desta semana, com prazo de três meses para as loteadoras interessadas participarem. Esse programa de apoio ao crédito individual será viabilizado por meio da CDHU - que será o agente técnico, operacional e financeiro -, com investimento previsto de R$ 300 milhões. “Com o credenciamento, o

Governador Geraldo Alckmin e secretário Rodrigo Garcia com autoridades na convenção Secovi

Estado terá acesso à oferta desses lotes para compatibilizar com a demanda e os locais com obras em andamento, ações habitacionais do Estado, União e municípios. Ao final, serão identificadas as cidades que mais necessitam. Assinaremos então convênio com as prefeituras para o processo seletivo das famílias, com sorteio se houver excesso de inscritos”, explicou o secretário Rodrigo Garcia. FEIRÃO Além disso, o Morar Bem, Viver Melhor irá realizar o Feirão do Servidor Público e de beneficiários do auxílio-moradia. Esse evento de apoio ao crédito habitacional irá promover a compra de 2 mil imóveis novos por funcionários públicos estaduais, com renda familiar de até R$ 5.280, e pelos 13 mil beneficiários do auxílio-moradia que recebem até R$ 400 por mês. Serão oferecidos certificados de subsídio individual de R$ 5 mil a R$ 40 mil e com condições especiais de compra. O investimento previsto é de R$ 50 milhões. Os limites de preços dos imóveis variam de R$ 200 mil na Capital até R$ 90 mil em cidades com menos de 20 mil habitantes, aberto também para empreendimentos da faixa 1,5 do Programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal - novo programa para imóveis de até R$ 135 mil. O evento será realizado nos dias 5 e 6 de novembro no Ginásio do Ibirapuera. As incorporadoras irão oferecer até 10% de desconto no valor dos imóveis, além de custear toda a documentação neces-

sária - que pode chegar a R$ 5 mil -, com Registro do Imóvel e pagamento do ITBI. Será feito um cadastramento prévio dos interessados, para que possam se informar sobre o que será oferecido no Feirão, mas isso não impede a participação dos que não se cadastraram. O certificado de subsídio individual terá validade de 60 dias. O evento será realizado em parceria com a Abrainc, Secovi e Sinduscon. O Governo do Estado também anunciou a criação de grupo de trabalho permanente para debater propostas para simplificar e agilizar os processos de aprovação de empreendimentos imobiliários em órgãos estaduais. O grupo terá representantes da Secretaria da Habitação, Sabesp, DAEE, Cetesb, Iphan e Eletropaulo. Entre os temas que serão discutidos estão: exigências estabelecidas para atuar em áreas contaminadas; exigências para intervenção em áreas de proteção permanente; tempo para emissão de autorizações da Sabesp e DAEE para a realização de empreendimentos que necessitam destas documentações; dificuldade para receber o fornecimento de energia elétrica e de iluminação pública de acordo com as necessidades dos imóveis. O secretário também anunciou que será lançado um aplicativo que dará acesso a informações de todos os lotes aprovados e os que estão em aprovação. O objetivo da novidade é ampliar a transparência nos processos de aprovação e oferecer uma base de dados para que o setor possa planejar suas ações.

Secretaria da Fazenda deposita R$ 153 milhões em repasses de ICMS aos municípios paulistas O governo do Estado de São Paulo deposita nesta terça-feira, 6/9, R$ 153,80 milhões em repasses de ICMS para os 645 municípios paulistas. O depósito feito pela Secretaria da Fazenda é referente ao montante arrecadado no período de 29/8 a 2/9 de 2016. Os valores correspondem a 25% da arrecadação do imposto, que são distribuídos às administrações municipais com base na aplicação do Índice de Participação dos Municípios (IPM) definido para cada cidade. Para o mês de setembro, a Secretaria da Fazenda estima um repasse total de R$ 2,21 bilhões para os municípios paulistas. Os depósitos semanais são realizados por meio da Secretaria da Fazenda sempre até o segundo dia útil de cada semana, conforme prevê a Lei Complementar nº 63, de 11/01/1990. As consultas dos valores podem ser feitas no site da Secretaria da Fazenda (www.fazenda.sp.gov.br), no link Municípios e Parcerias > Repasse de Tributos.

Nos primeiros oito meses do ano foram transferidos R$ 16,21 bilhões em repasses de ICMS para os caixas dos municípios paulistas. AGENDA TRIBUTÁRIA Os valores semanais transferidos aos municípios paulistas variam em função dos prazos de pagamento do imposto fixados no regulamento do ICMS. Dependendo do mês, pode haver até cinco datas de repasses. As variações destes depósitos oscilam conforme o calendário mensal, os prazos de recolhimento e o volume dos recursos arrecadados. A agenda de pagamentos está concentrada em até 5 períodos diferentes no mês, além de outros recolhimentos diários, como por exemplo, os relativos à liberação das operações com importações. ÍNDICE DE PARTICIPAÇÃO DOS MUNICÍPIOS Os repasses aos municípios são liberados de acordo com os respectivos Índices de Participação dos Municípios, conforme

determina a Constituição Federal, de 5 de outubro de 1988. Em seu artigo 158, inciso IV está estabelecido que 25% do produto da arrecadação de ICMS pertencem aos municípios, e 25% do montante transferido pela União ao Estado, referente ao Fundo de Exportação (artigo 159, inciso II e § 3º). Os índices de participação dos municípios são apurados anualmente (artigo 3°, da LC 63/ 1990), para aplicação no exercício seguinte, observando os critérios estabelecidos pela Lei Estadual nº 3.201, de 23/12/81, com alterações introduzidas pela Lei Estadual nº 8.510, de 29/12/93.


Página 4

Notícias de Itaquera - Zona Leste

De 17 a 23 de setembro de 2016

Após fazer o maior mural do mundo, Abertas as inscrições para o Seminário Kobra entrega obra em Cincinnati e faz Marista de Serviço Social em Itaquera novo mural em São Paulo

Todos Somos Um”, monumental trabalho de Eduardo Kobra, com 2.646,34 m², no Boulevard Olímpico, no Porto Maravilha, Rio de Janeiro, foi reconhecido pelo Guinness World Records como o maior mural grafitado do mundo. Em agosto, o muralista brasileiro fez em Cincinnati, nos EUA, um mural de 44 metros de largura por 16,15 metros de altura, sobre o astronauta Neil Armstrong (falecido em agosto de 2012, em Cincinnati). Obra entregue à Cidade dia 5 de setembro. O muralista brasileiro

Eduardo Kobra não para de criar. Ele está em São Paulo, onde faz um mural, ainda sem nome definido, inspirado no ciclismo e na necessidade da apropriação de espaços urbanos pela população da maior cidade do País. A obra fica na empena (parede lateral) do Ibis Styles São Paulo Faria Lima (rua Tavares Cabral, 61, em Pinheiros). A parede que recebe o mural do artista, de 60 metros de altura por 13 de largura, é voltada para a av. Faria Lima. A obra foi entregue à cidade no dia 5 de setembro, às 11h30. Kobra é apaixonado por bicicletas, que usa há mais de uma década em São Paulo. É a segunda vez que destaca o veículo em suas obras. Em maio de 2015, pintou na rua Oscar Freire, em São Paulo, o mural “Genial é Andar de Bike”, onde mostra uma divertida cena do cientista Albert Einstein pedalando uma bicicleta. No dia 13 de setembro

Kobra seguiu para Ravenna, na Itália, para pintar um mural sobre Dante Alighieri, em um pequeno prédio na região central da cidade italiana. Kobra levará para o mural de 4 metros quadrados a mesma imagem de uma gravura de 35X50 cm que está produzindo para uma exposição sobre o escritor italiano na Casa Oriani, também em Ravenna, na qual diversos artistas pintam suas leituras sobre o notável escritor italiano. Após a Itália, Kobra segue para Amsterdã, na Holanda, onde fará o mural da menina Anne Frank, morta em fevereiro de 1945 pela barbárie nazista o campo de extermínio de Bergen-Belsen. Viaja a convite da cidade holandesa, com parceria do Instituto Cruyff (em abril do ano que vem, no aniversário de um ano da morte do grande jogador holandês, Kobra pintará o mural “Cruyff”, em São Paulo).

OAB/SP empossa novas Comissões As Comissões de Ética Pública, Controle Social dos Gastos Públicos, Contra Caixa Dois nas Campanhas Eleitorais, Relações com o Poder Legislativo e Direito Administrativo, da Ordem dos Advogados do Brasil Seção de São Paulo, realizou a solenidade de Posse Solene de seus membros no dia 15 de setembro, às 19 horas, na sede institucional, à rua Maria Paula, 35, 3º andar, São Paulo, Capital.

São eles: Adib Kassouf Sad - Presidente da Comissão de Direito Administrativo; Alexandre Luís Mendonça Rollo - Presidente da Comissão de Relações com o Poder Legislativo; Jorge Eluf Neto - Presidente da Comissão de Controle Social dos Gastos Públicos; Luciano Caparroz Pereira - Presidente da Comissão Contra Caixa Dois nas Campanhas Eleitorais; Oscar Alves de Azevedo - Presidente da Comissão de Ética Pública.

Maestro João Carlos Martins no Anália Franco

Para marcar a chegada da Primavera em grande estilo, o Shopping Anália Franco apresenta uma edição mais que especial do Grandes Encontros. Desta vez, no domingo, dia 18 de setembro, o maestro João Carlos Martins e a Orquestra Bachiana Filarmônica se apresentam em um espetáculo gratuito, inédito e exclusivo, na Praça de Eventos, ao meio dia. O show contará com a participação especial do cantor Pedro Mariano. Um dos maiores intérpretes de Bach do mundo, enquanto pianista, João Carlos Martins também se tornou famoso pela sua história de superação quando, em 2004, assumiu a regência após problemas físicos que causaram a contratura de suas mãos. Nessa formação inédita, junto à Or-

questra Bachiana Filarmônica e ao cantor Pedro Mariano, Martins apresentará ao público os atemporais da música erudita, provando, definitivamente, que a música clássica é acessível a todos. No dia da apresentação, o shopping arrecadará alimentos não perecíveis que, posteriormente, serão distribuídos à instituição Hospital Santa Marcelina, entidade que desenvolve trabalho de cunho social com a comunidade local. Neste ano, já passou pelo palco do Grandes Encontros a banda Blitz e na, edição Kids, Beatles para Crianças. GRANDES ENCONTROS Parceria do Shopping Anália Franco com a rádio Alpha FM, o projeto leva aos palcos dos empreendimentos apresentações variadas e de qualidade. O primeiro show foi em maio de 2003, no Shopping Anália Franco. Em 2014 e 2015, o Shopping Vila Olímpia também inseriu as apresentações em seu calendário de eventos. Desde então, foram realizados 97 shows com a presença de 158 artistas diferentes, recebendo um público de mais de 385 mil pessoas. O Grandes Encontros tem como objetivo oferecer aos seus frequentadores um momento de lazer, no qual a família ouve boa música, num local seguro, com ar condicionado e estacionamento, além de uma ampla praça de alimentação e grande variedade de lojas e serviços.

Com o tema “Serviço Social e Psicologia: construindo práticas psicossociais”, a abertura do seminário, no dia 17 de setembro, das 8 às 12 horas, será com Deise Fernandes do Nascimento, Assistente Social, Doutoranda e Mestre em Ciências: Educação e Saúde na Infância e Adolescência, pela UNIFESP/SP, Especialista no Combate a Violência Doméstica Contra Criança e Adolescente pela USP e Especialista em Educação Inclusiva pela PUC /SP. Segundo Cristiane Nascimento, assistente social do Centro Social Marista Ir. Lourenço, a proposta do evento é provocar o debate sobre a possibilidade de construir uma prática psicossocial nos diversos espaços de atuação e atribuições

do Assistente Social. “Será uma oportunidade de troca de conhecimentos e reflexão sobre a contextualização histórica e o impacto gerado pelo atendimento social no País”, explica. Na programação está prevista também uma apresentação de Dança Carimbó com o grupo "Mães Dançantes Maristas", do Centro Social Marista Robru. Durante o evento haverá exposição e comercialização de materiais produzidos pelos Grupos de Economia Solidária apoiados pela Rede Marista de Solidariedade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site http://goo.gl/JQx9Zc, até 9 de setembro . As vagas são limitadas. O local será no Centro Social Marista Itaquera, na avenida Radial Leste, 198, pista Sul, em Itaquera.

XVI Encontro de Educação Educação especial: os mitos porquês O UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo – promoverá, de 19 a 21 de setembro de 2016, o XIII Encontro de Educação, um evento realizado pelo Curso de Pedagogia da Unidade São Paulo, Campus Santa Teresinha, que reúne alunos, professores das redes públicas e particular de ensino e profissionais que atuam na gestão educacional (coordenadores pedagógicos, diretores de escola, orientadores educacionais e supervisores de ensino). O evento é gratuito e aberto também à comunidade. As inscrições estão abertas. Nesta edição, entre os convidados especiais estão o Prof. Dr. Gabriel Chalita, Doutor em Comunicação e Semiótica, Direito e Mestre em Ciências Sociais, que fará a palestra magna sobre “Educação Especial: os muitos porquês e ética” e a Prof.ª Dr.ª Rosângela Gavioli Pietro – Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo e Mestre em Educação Especial pela Universidade Federal de São Carlos, que participará da mesa-redonda: “Educação Especial: por que não?” “O Encontro de Educação deste ano contemplará a discussão sobre as demandas e atenções que precisamos assegurar na educação de crianças, jovens e adultos com alguma necessidade especial, construindo assim uma educação mais justa, solidária e alinhada com as perspectivas de vida de plenos direitos”, afirma Delma Lúcia de Mesquita, Coordenadora de Pedagogia do UNISAL. Inscrições pelo site: http://unisal.br/ eventos/encontroeducacao

PROGRAMAÇÃO Dia 19 - 18h às 23h: 18h – Credenciamento, acolhimento e café; 19h – Abertura: Apresentação artísticocultura; 19h30 – Abertura oficial; 20h – Palestra Magna: Educação Especial: os muitos porquês e ética; Prof. Dr. Gabriel Chalita – Doutor em Comunicação e Semiótica, bem como em Direito, ambos pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC-SP, Mestre em Ciências Sociais também pela PUC-SP e graduado em Filosofia pela Faculdade Salesiana de Filosofia Ciências e Letras de Lorena; 22h30 – Encerramento das atividades. Dia 20 - 17h às 23h: 17h – Sessão aberta de pôsteres didáticos; 18h – Acolhimento e café; 19h – Oficinas temáticas: Educação Especial: múltiplas linguagens. Materiais didáticos elaborados pelos alunos do Curso de Pedagogia do UNISAL; 22h – Encerramento das atividades. Dia 21– 17h às 23h: 17h – Sessão aberta de pôsteres didáticos; 18h – Acolhimento e café; 19h – Mesa-redonda: Educação Especial: por que não? Prof.ª Dr.ª Rosângela Gavioli Prieto – Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo e Mestre em Educação Especial pela Universidade Federal de São Carlos. Atualmente é professora da USP. Mário Augusto Costa Valle – Pós-graduado em Psicopedagogia e Psicomotricidade. Graduado em Educação Física. Responsável pelo programa de Inclusão e Coordenador do Programa de Desenvolvimento Educacional, ambos do Senac São Paulo; 22h30 – Encerramento do evento.

Elite International Realty anuncia parceria com Boston Innovation Gateway A consultoria imobiliária Elite International Realty, localizada em Miami e comandada pelos paulistas Léo e Daniel Ickowicz, é anfitriã de brasileiros em Miami há 26 anos e acaba de firmar uma parceria com a Boston Innovation Gateway, um hub de internacionalização de negócios para os Estados Unidos, sediada em Boston com representante no Brasil. “O número de famílias do Brasil que nos procura para investir em imóveis, realizar cursos, abrir franquias e trabalhar nas diversas opções que a América oferece não para de crescer. Acreditamos que essa nova parceria possa proporcionar um pool maior de possibilidades a esse público que deposita em nós tanta confiança, além de agilizar muitos processos”, afirma Léo. Unindo as duas expertises será possível trabalhar em todas as etapas de um

procedimento de internacionalização, desde a identificação de oportunidades, estudo de viabilidade, pesquisas mercadológicas, desenvolvimento do plano estratégico de entrada no mercado e trâmites de implantação do negócio. O grande diferencial é a aceleração de entrada no mercado por meio de um processo proprietário e uma rede de experts em várias indústrias. A metodologia de trabalho da Boston Innovation Gateway já foi implementada com sucesso em centenas de empresas de diversos portes, segmentos e geografias. A Elite presta uma consultoria completa e facilita a vida de quem está indo para os EUA, possibilitando que obtenham informações valiosas para ajudar em seu processo de imigração. Isso é feito por seus representantes e também em eventos realizados periodicamente, principalmente no Brasil.


De17 a 23 de setembro de 2016

Notícias de Itaquera - Zona Leste

Página 5

Reforma é necessária por questões socioeconômicas e demográficas Pointer Telocation adquire Judicialização. Para o Cielo Telecom por R$ 21 mi A economia do governo

federal com a revisão de benefícios previdenciários por incapacidade pode superar os R$ 6 bilhões previstos inicialmente pela equipe do presidente Michel Temer. Uma experiência pioneira feita pelo INSS em Jundiaí, no interior de São Paulo, resultou na reversão de metade dos benefícios desse tipo. Já o cálculo feito pela equipe econômica considerou uma estimativa com base em parâmetros bem mais baixos de reversão: 20% dos auxílios-doença acima de dois anos e 5% das aposentadorias por invalidez. Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que vão precisar passar pela revisão dos benefícios começam a receber as correspondências de convocação nesta semana. A primeira leva é de 534 mil pessoas que recebem o auxílio-doença, sendo 530 mil decorrentes de decisões judiciais. A estimativa é que a economia com esse primeiro público – com base na estimativa conservadora – será de R$ 1,5 bilhão aos cofres públicos por ano. Em seguida, no segundo grupo, devem ser convocados 1,1 milhão de aposentados por invalidez com menos de 60 anos. Só depois o governo deve fazer um pente-fino no Benefício da Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social.

“É um efeito colateral muito positivo ter uma reversão de benefícios que vinham sendo pagos de maneira imprópria”, disse ao Estado o presidente do INSS, Leonardo Gadelha. “Com base na experiência de Jundiaí, podemos chegar a um impacto mais significativo.” A cidade paulista implementou um sistema de revisão dos benefícios nos últimos cinco anos. Para o presidente do INSS, porém, o principal propósito da revisão é dar segurança para um número grande de beneficiários. Se a perícia confirmar a necessidade do benefício, quem recebe auxílio-doença passará a receber a aposentadoria por invalidez, limpando, dessa forma, o cadastro desse tipo de benefício. Já para o grupo que a perícia considerar apto a voltar a trabalhar, o benefício será imediatamente suspenso. A legislação não impede que os segurados que forem obrigados a retornar ao mercado de trabalho sejam demitidos. Segundo Gadelha, é “residual” o número de pessoas que recebem atualmente o auxílio-doença e que ainda tem vínculo empregatício. Ao retornar à ativa, esses trabalhadores não terão garantia de estabilidade, a não ser em caso de acidentes de trabalho, casos que contam com proteção legal por um ano.

advogado especialista em direito previdenciário Rômulo Saraiva, aumentará na Justiça os recursos contra o resultado da perícia. “Essa revisão vai aumentar ainda mais o número de judicializações contra o INSS”, afirmou. Antes de entrar na Justiça, para atender os que se sentirem injustiçados, o INSS vai reforçar as instâncias administrativas pelas quais os beneficiários podem recorrer das decisões, que são as juntas recursais e o Conselho do Seguro Social. A revisão dos benefícios por incapacidade foi uma das primeiras medidas de economia para os cofres públicos anunciadas pela equipe de Temer. Com base na adesão de 2,5 mil dos 4,2 mil médicos peritos ao programa de revisão, o INSS teria capacidade para fazer 10 mil perícias extraordinárias por dia para queimar o estoque em dois meses e meio. “A impressão passada à sociedade é que as perícias extras vão resolver o buraco da Previdência, mas não é bem assim”, diz Fé Juncal, presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Jundiaí. Para ela, o governo precisa “abrir o caixa” da Previdência e rever receitas, desonerações, isenções e, principalmente, sonegações. “Essa discussão está muito rasa.”

ABIMAQ apoia o novo governo e defende a realização de reformas e redução dos gastos públicos Com o anúncio do novo governo à frente da presidência da República, a ABIMAQ espera que o Brasil volte a trabalhar e fazer a sua lição de casa no sentido de recuperar a economia e recolocar o país no rumo do desenvolvimento. Para tanto, a ABIMAQ apoia integralmente as propostas do governo de corte de gastos. “Junto com a Frente Parlamentar da Indústria de Máquinas e Equipamentos (FPMAQ), nós apoiamos a votação, o

mais rápido possível, da PEC da limitação dos gastos públicos e incentivamos as reformas da previdência e trabalhista”, analisa o presidente executivo da ABIMAQ, José Velloso. O presidente executivo acredita que o ajuste fiscal é necessário para que o país volte a crescer, o que deve exigir, forçosamente, o corte de despesas. “Entendemos que não existe espaço na economia para o aumento de impostos. As

empresas já estão asfixiadas, o brasileiro já está endividado e não há como apresentar para a sociedade mais aumento de impostos”, afirma. Além disso, para Velloso, o governo precisa, neste momento, entrar em um ciclo de retomada do crescimento e dos investimentos e, para isso, deve reduzir a taxa de juros, o maior concorrente dos investimentos no Brasil e do setor de máquinas e equipamentos para voltarem a crescer.

O governo necessita, urgentemente, combater a inflação, cortando despesas públicas e abrindo espaço para uma forte redução dos juros. Precisa também de uma política cambial que torne a economia brasileira mais competitiva. “Nos próximos dias, nós trabalharemos fortemente, junto à FPMAQ e aos meios que temos influência, para que o governo tenha sucesso no corte das suas despesas o mais rápido possível”, destaca Velloso.

Manutenção dos juros é decisão prudente e acertada, avalia SPC Brasil O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) considera acertada e prudente a decisão tomada na quarta-feira, 31/8, pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central em manter pela nona vez seguida a taxa básica de juros em 14,25% ao ano. O resultado anunciado já era aguardado pelos analistas do SPC Brasil e está em linha com o tom adotado na ata da última reunião do Copom, sinalizando que apesar dos preços estarem cedendo, a flexibilização da política monetária ainda depende de sinais mais claros de convergência da inflação à meta. Caso esses sinais se fortaleçam, é

provável que o BC inicie a queda da Selic ainda no último trimestre de 2016. Para o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior, “o adiamento do ciclo de afrouxamento monetário mostra que a nova direção do Banco Central está comprometida com a meta de inflação, já que apesar do recuo dos índices de preços, ainda há riscos significantes ao ce-

nário de convergência do IPCA à meta. O Banco Central inclusive destacou na nota que o recuo da inflação foi mais lento que o esperado ainda que se tenha observado queda nas expectativas de inflação. Apesar de a economia apresentar um nível de ociosidade elevado, ainda é necessário trabalhar a ancoragem de expectativas e diminuir os efeitos da inér-

cia inflacionária de anos anteriores”. Pellizzaro Junior diz ainda que os efeitos benéficos de um novo ciclo de redução da Selic só serão sentidos na economia a partir da segunda metade de 2017, pois há uma defasagem de ao menos três trimestres entre o afrouxo monetário e dados de atividade, emprego e produção. “A evolução positiva na confiança dos consumidores e empresários deve ser potencializada pela queda nos juros, contribuindo ainda mais para a melhora do cenário macroeconômico”, analisa o presidente do SPC Brasil.

A Pointer Telocation, multinacional israelense que atua no segmento de Gestão de Recursos Móveis através de desenvolvimento e fabricação de produtos e fornecimento de serviços, softwares e aplicativos móveis, anuncia a aquisição da Cielo Telecom, empresa atuante na fabricação de produtos e Prestação de Serviços no segmento de gestão de frotas, localizada em Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. A Cielo Telecom provê serviços de segurança, logística, rastreamento e telemetria para mais de 16 mil caminhões no mercado brasileiro utilizando tecnologia GPRS e Tecnologia Híbrida - GPRS e Satelital. A transação, que movimentou R$21 milhões, deve ser finalizada no decorrer do mês de setembro, tendo em vista as autorizações necessárias. Para o CEO da Pointer do Brasil, Gustavo Ladeira: “Esta aquisição expandirá nossa base instalada para 4000 clientes com aproximadamente 50 mil ativos móveis rastreados, tornando a Pointer-Cielo uma das cinco principais empresas atuantes no segmento de gestão de frota no Brasil. Temos um grande potencial em termos de complemento de portfolio para a base de clientes existente e novos clientes. Teremos também ganho expressivo em termos de região de atuação. Enquanto a Pointer possui presença no mercado Corporativo e foca sua atuação em veículos leves com forte presença na região Sudeste, a Cielo atua no segmento de Transportadoras e Embarcadores com atuação em veículos pesados com forte presença nas regiões Sul e Centro-Oeste”. “Vamos usar esse complemento de portfolio e área de atuação em nosso favor para acelerar nosso desenvolvimento de negócio. Fortaleceremos a estrutura da Cielo em Passo Fundo, criando um Centro de Competência de desenvolvimento de produtos e softwares conectado com nossa matriz em Israel. Após a aquisição de uma empresa na África do Sul, esse é mais um passo na execução de nossa estratégia global de crescimento que combina o crescimento orgânico com aquisições, com o objetivo de colocar a Pointer como uma das empresas líderes globais no segmento de Gestão de Recursos Móveis e Gestão de Frotas”, completa Ladeira. Já para o diretor do Grupo Cielo, Djulion Kolberg: “É um passo importante na historia da Cielo que possibilita aumentar ainda mais a oferta de produtos de alta tecnologia e serviços altamente eficazes para todos os nossos clientes. Nesta aproximação com a Pointer tivemos a certeza de que se trata da melhor parceira hoje no mercado para levar ainda mais longe o nome e as soluções da Cielo para outros países. Nós da Cielo, ao longo dos últimos 23 anos, sempre trabalhamos acreditando no desenvolvimento das empresas de tecnologia local. Com muito esforço, contando sempre com o comprometimento de nossos colaboradores e principalmente com o apoio de todos os nossos clientes, conseguimos grandes conquistas, que hoje fazem parte do mercado nacional de segurança e logística veicular. Estamos prontos para participar dessa nova etapa da Pointer-Cielo, certos que seremos mais competitivos e teremos nossa abrangência de atuação potencializada".

99 sobe para 30% e táxi fica competitivo com Uber O passageiro que fizer o exercício de comparar o preço de uma corrida 99 e uma corrida Uber vai notar um resultado diferente em São Paulo. É que com o desconto de 30% que passou a vigorar desde o dia 24 último, o preço do táxi ficou competitivo como nunca. E com a vantagem de que o táxi pode trafegar no corredor de ônibus, que economiza até 40% do tempo do passageiro, em horário de pico Vale ressaltar que o modo desconto é uma opção para o motorista. Ele pode ou não aceitar ofertas de corrida no modo desconto 30% off. “Fizemos um upgrade no produto, a partir de agora o motorista

tem duas informações simultâneas: oferta de corrida a preço de táxi comum, e com desconto de 30%”, informa Pedro Somma, diretor de Operação da 99. “Ele tem mais condições de gerir seu negócio, fazendo a opção mais adequada a cada momento”, completa. O modo desconto 30% off vale também para os motoristas da categoria TOP - táxis premium da 99 - que aceitarem a oferta. “O passageiro que pedir uma corrida pelo “30% off” vai ser atendido com preço muito competitivo com a concorrência, com acesso a uma corrida mais rápida, pelo corredor, e ainda pode ser atendido por um Top”, conclui Somma. Lavamos e Impermeabilizamos seus

estofados com técnica, qualidade e com os melhores produtos do mercado. A impermeabilização protege contra poeira, manchas, ácaros e fungos, não permite Agende seu horário/Atendimento em domicílio que líquidos penetrem no tecido, mantendo seu Consultora Elaine estofado lindo, limpo e higiênizado

94668-3765 95416-6780 e 2254-4473


Página 6

Notícias de Itaquera - Zona Leste

Virada Esportiva-2016 de São Paulo ‘será adequada ao momento’: enxuta A Virada Esportiva da cidade de São Paulo de 2016 chega à décima edição nos dias 24 e 25 de setembro, um fim de semana antes do primeiro turno das eleições municipais. Em vez de a Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação planejar uma “festa de arromba” para que se comemore a marca, adotará uma postura mais condizente com o momento econômico brasileiro e com o que constatou em anos anteriores. O novo secretário, José de Lorenzo Messina, disse com exclusividade ao Esportividade quais serão os locais da Virada-2016: Centro Esportivo Tietê,

Centro de Esportes Radicais, Pacaembu, avenida Paulista, Vale do Anhangabaú e Ceret. O fato de, na Virada Esportiva, o paulistano

poder praticar esporte durante a madrugada era, até a nona edição, um dos “cartões de visita” do maior evento esportivo anual promovido pela secretaria. Porém, segundo Messina, havia um período em que acontecia uma procura baixíssima pelas atrações. O secretário declarou que, em 2016, a programação de atividades levará isso em consideração que “o esporte acontece [na maior parte das vezes] de manhã”. “Percebemos que a Virada Esportiva na madrugada era muito pouco frequentada – com algumas exceções de modalidades. Mesmo naquelas que tinham a preferência de serem jogadas de madrugada, como basquete 3×3, às 4h [as atividades] terminavam. Das 4h às 8h ou 9h pagávamos para não haver ninguém praticando o esporte. Contextualizamos a Virada-16 para as situações econômica e prática e a faremos com mais equilíbrio entre oferta e demanda”, disse. No ano passado, de acordo com o Celso Jatene, secretário anterior, a prefeitura gastou R$ 5,1 milhões com a Virada Esportiva. “Muito menos que a Virada de 2012, que não foi feita por nós e custou mais de R$ 7 milhões. E se Deus quiser nós vamos conseguir enxugar mais em 2016. Dá para fazermos o melhor [com o orçamento] cada vez mais enxuto”, afirmou Jatene em outubro de 2015. *Andrei Spinassé

PERSIANAS ITAPARICA

Janelas, Portas, Grades e Portões em Alumínio Brilhantes ou Colorido Box e janelas em Vidro Temperado Portas Sanfonadas e Forors de PVC

ESQUADRIAS DE ALUMÍNIO EM GERAL Email: persianasitaparica@ig.com.br

Fones: (0xx11) 2535-0251 / 2524-8097

De 17 a 23 de setembro de 2016

Programação especial para a 10ª Primavera dos Museus

Está chegando a época mais bonita do ano e com ela muitas flores e atividades exclusivas nos museus. É a 10ª Primavera dos Museus, temporada cultural que promove, divulga e valoriza os museus, de 19 a 25 de setembro. “Museus, Memórias e Economia da Cultura”, o tema escolhido para este ano, destaca o importante papel social desempenhado pelos museus na promoção de trocas simbólicas, culturais, de saberes e de experiências, assim como sua contribuição para a dinamização da cadeia produtiva da cultura de modo sustentável. Confira a agenda preparada pela Feambra, que consagra essa temporada. O Memorial do Ensino Municipal, de São Paulo, estará com a mostra “Florescer Memórias”, com visita orientada e Atividade de Origami, com dobraduras de flor, de 19 a 23 de setembro, das 8 às 17 horas. Serão entregues sementinhas de lembranças. Rua Estado de Israel, 509 – Vila

Clementino, São Paulo. http://portal.sme. prefeitura. sp.gov.br/Main/ Page/PortalSMESP/ memorial-do-ensino-municipal O Memorial da Inclusão, em São Paulo, convida para “Os Caminhos da Pessoa com Deficiência”, com visita mediada às exposições permanente e temporária, e à Sala dos Sentidos, de 19 a 23 de setembro, das 10 às 17 horas. A entrada é gratuita. Av. Auro Soares de Moura Andrade, 564 – Portão 10 – próximo à Estação Palmeiras - Barra Funda do Metrô, São Paulo, www. memorialdainclusao.sp.gov.br O Museu do Futebol preparou a atividade educativa “Cidade do Futebol”, com o objetivo de fazer uma reflexão sobre a cidade de São Paulo e seus bairros, que são os meios para chegar ao clube de futebol. 22 de setembro, das 11 às 12h30, na Sala Origens. 24 de setembro, das 14 às 15h30, na Sala Grande Área. www.museudo futebol.org.br

Compromissão de respeito e tradição com qualidade Rua José Oitica Filho, 85 - Itaquera

ORAÇÃO CONVERSA COM JESUS (orar durante 9 dias seguidos) Ó meu Jesus, em vós depositei toda minha confiança. / Vós sabeis de tudo, meu pai. És senhor do Universo. Sois o Rei dos Reis. Vós que fizeste o paralitico andar, o morto voltar a viver, o leproso sarar, fazei com que (pedir a graça). / Vós que viste minhas angústias e lágrimas, bem sabeis de tudo, Divino Amigo, como preciso alcançar (pedir a graça com fé). / Convosco, Mestre, me dá ânimo e alegria para viver. De vós espero tudo com fé e confiança (pedir a graça com fé). / Fazei, Divino Jesus que antes de terminar esta conversa que terrei Convosco, durante 9 dias, possa alcançar esta graça que peço com fé. (pedir a graça). / Como gratidão, mandarei publicar 2.000 orações iguais a esta para que outras pessoas que precisam de Vós, aprendam a ter fé e confiança na Vossa misericórdia. Ilumine os meus passos, assim como o sol ilumina todos os dias o amanhecer. / Jesus tenho confiança em Vós. Cada vez mais aumenta minha fé. Obrigado por tudo Senhor. Amém.

Ni 1473  
Ni 1473  
Advertisement