Issuu on Google+

Jornal

Leve & Leia

®

Ano 4 - Junho 2011 Distribuição gratuita

www.leveleia.com.br

Especial Gastronomia

e+:

comportamento, moda, namorados, vida saudável, caderno de indicações


Índice

3 7

Capa: © Lsantilli | Dreamstime.com

04............................Nota baixa de novo 05............................Namoro na internet 06....................................... Ensinar a ler 07........................ Especial Gastronomia 08............................................... Fondue 10................................................. Paella 12..............................................Receitas 16................................................ Temaki 19.................... Amar é para quem quer 20....................................................Beijo 22.................. Dicas de relacionamento 23................................................Turismo 24....... Hábitos que atrapalham a dieta 25............................Óleo de Melaleuca www.leveleia.com.br

26............................Alimentação no frio 28 .........Postura diante do computador 30.................. Não desperdice energia 31..........................................Horóscopo 32.............................Agenda do cabelo 34......................... Erros de maquiagem 36 ..........................................Sobretudo 43...............................................Ecobag 44 ............................... Carro no inverno 46 .................. Mandala de sal colorido 48 ...............................Roupas de cama 50 ...... Desenhos infantis na decoração 51 ....................................... Vida Animal 52 ....................Caderno de indicações

Expediente Jornal Leve & Leia Ano 4 – Nº 78 Junho 2011 Gerentes: Albert J.H.Huber e Gleiva N.P. Vilela atendimento@leveleia.com.br gleiva@leveleia.com.br Jornalista responsável: Carina Nascimento Bessa carina@leveleia.com.br Colaboradores nesta edição: José Ruy Lozano, Dra Eliana Brandão, Maria Tereza Reginato, Maria Isabel Carapinha, Guilherme Salviano, Alessandra Busko, Marcia Asmis, Fabiane Guimarães, Tamara H. B. Gentil Comercial: Gilberto C. de Mattos, Adriano Matos e Bruna Vilela Depto. Comercial: Gleiva Vilela gleiva@leveleia.com.br Redação: Carina Bessa carina@leveleia.com.br Assinaturas: 11 4108 - 1691 souleitor@leveleia.com.br Atendimento ao leitor: 11 4119-4583 Jornal Leve & Leia é uma publicação da Editora Sunshine. CNPJ: 09.470.795/0001-76 Administração, redação e publicidade: Rua Iquiririm, 897a, Butantã Cep 05586-001 - São Paulo 11 4119-4583/ 2862-1087 Abrangência: Butantã, Osasco, Lapa, Vila São Francisco, Parque dos Príncipes, Morumbi, Alphaville e Granja Viana Distribuição: veja no www.leveleia.com.br/ distribuição e abrangência Observação: O Jornal Leve & Leia não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados, que são de responsabilidades de seus autores e nem pelo conteúdo de anúncios ou espaços publicitários. Projeto gráfico e edição de arte: Studio Code 11 2364-8661 *A inclusão do nome de colaboradores neste expediente não implica em vínculo empregatício de qualquer natureza.

Jornal

Leve & Leia

®


44

Cultura

Ai não, nota baixa de novo!!!!

Por que meu filho não presta atenção?

Q

ueixas frequentes da escola e notas baixas, certamente são fantasmas que rondam a vida de qualquer mãe que tem filho em idade escolar.

Os problemas que levam uma criança a apresentar um mau desempenho na vida escolar são das mais variadas ordens, que podem ter sua origem: 1 - Na escola, quando o método de ensino adotado não é o mais adequado ao perfil daquela criança. 2- Na família, quando existem conflitos que atingem a criança direta ou indiretamente, doenças em familiares próximos, ou excesso de cobrança em relação ao desempenho do (a) filho(a), ou ainda hábitos familiares que interferem com a rotina da criança como dormir tarde e acordar muito cedo. 3 – Na própria criança - e este ponto é o que trataremos com maiores detalhes aqui. Os fatores relacionados especificamente à criança que podem interferir no seu desempenho escolar variam desde doenças orgânicas agudas ou crônicas, transtornos de ordem emocional, de atenção, e específicos de aprendizagem (como dislexia, por exemplo). Nos transtornos ocorre uma alteração no funcionamento e desempenho de determinadas áreas do cérebro, sem que isso se traduza numa lesão orgânica e, por isso, não podem ser diagnosticadas através de exames complementares.

Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade

Atualmente, quando se fala de crianças com problemas na escola, o tema que nos vem à mente é: Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade ou conhecido simplesmente por TDAH. E por que este transtorno é lembrado de imediato? Nos últimos anos não apenas na comunidade científica, mas também na mídia, o assunto vem sendo tratado tanto pelos que defendem, quanto pelos que são contrários a este diagnóstico. O fato é que TDAH é um transtorno reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que afeta entre 3% e 5% das crianças em idade escolar, sendo mais comum em meninos do que em meninas. É reconhecido como um transtorno neurobiológico. Estudos científicos demonstram que indivíduos com TDAH apresentam alterações na região frontal e nas suas conexões com o restante do cérebro. É justamente a região frontal a responsável pela inibição do comportamento, ou seja, controlar ou inibir comportamentos inadequados; e pela capacidade de prestar atenção; autocontrole; organização e planejamento. O TDAH tem início na infância e engana-se quem acredita que na idade adulta o indivíduo liberta-se dele. Na verdade, ele persiste na vida adulta em 60% dos caJornal

Leve & Leia

®

sos.

Toda criança agitada tem TDAH?

O quadro compõe-se da tríade desatenção, hiperatividade, e impulsividade. Crianças com TDAH parecem estar sempre no mundo da lua, com o pensamento distante, se distraem ao menor estímulo, são inquietas, não param sentadas, começam uma atividade e não terminam; nas avaliações escolares erram por distração, esquecem de fazer anotações na agenda, esquecem ou perdem material escolar. Quando estão envolvidas em atividades que gostam são capazes de ficar concentradas por longo tempo, e este fato não exclui o diagnostico de TDAH. As consequências deste transtorno são sentidas na esfera familiar, acadêmica e social. Assim, o TDAH não se constitui num transtorno de aprendizagem, mas leva a prejuízos escolares também, e este acaba sendo o ponto de partida para a busca de um diagnóstico e tratamento. As crianças podem apresentar-se como predominantemente desatentos, predominantemente hiperativos e impulsivos, ou como mistos. Vale ressaltar que as crianças, onde predomina a hiperatividade ou do tipo misto, chegam primeiro ao consultório médico, pois chamam a atenção mais cedo dos pais e profissionais da escola pelo seu comportamento, ou seja, pela hiperatividade, embora sejam desatentas também. O predominantemente desatento demora um pouco mais para chegar ao consultório por ser uma criança quieta, que “não incomoda ninguém”. Na medida em que a criança cresce, ocorre melhora nos sintomas de hiperatividade, fato que leva muitas pessoas a acreditar que, nessa fase da vida, o transtorno deixe de existir. Porém o quadro de desatenção permanece. O conhecimento dos pais, educadores e profissionais relacionados à saúde da criança, a respeito desse assunto é fundamental para que o diagnóstico seja estabelecido sem demora, para que os prejuízos na vida escolar, social e familiar da criança sejam os menores possíveis. Considerando que a criança levará consigo o diagnóstico para a vida adulta, os prejuízos serão de maiores proporções nesta fase da vida, onde se espera uma constância nos relacionamentos, onde os pais serão espelhos para seus filhos, onde será avaliado por seu desempenho no trabalho. O adulto com TDAH é conhecido em seu meio de trabalho por sua desorganização, por não concluir as atividades iniciadas e esquecer-se dos compromissos ou não conseguir cumpri-los por ter assumido varias atividades ao mesmo tempo.

transtorno, e achar que a criança vai superar sozinha suas deficiências na adolescência ou na vida adulta, é um equívoco. O diagnóstico de TDAH é clínico, e pode estar associado a outros transtornos como transtorno do humor, de ansiedade e transtorno de aprendizagem, a isso chamamos co-morbidades. O tratamento inclui abordagem psicoterapêutica, medicamentos psicoestimulantes e na presença de comorbidade uma abordagem terapêutica adequada desta. Mesmo frente ao diagnóstico, existe resistência de alguns pais quanto ao tratamento medicamentoso, por tratar-se de medicamentos controlados, psicoestimulantes (como primeira escolha). Há medo em relação a efeitos colaterais, à dependência, ao uso de drogas na adolescência; enfim, muitas dúvidas que o médico familiarizado com o assunto poderá esclarecer, para que o preconceito e a desinformação não resultem em prejuízos para a criança. Dra Eliana M D Brandão- neuropediatra Mestrado em neurologia pelo Hospital das Clinicas- FMUSP Consultório: Av. Antonio de Souza Noschese, 171, sl04 Parque Continental –São Paulo Fone: 37149812/ e-mail brandão.neuro@hotmail.com

Será que TDAH existe mesmo???

Esta é uma pergunta que muitos pais e educadores ainda fazem, infelizmente. Existem mitos a respeito do TDAH e seu tratamento, o que só retarda o diagnóstico e uma terapêutica adequada. Negar a existência deste www.leveleia.com.br


Cultura

No Brasil, o estudo feito com mil pessoas, apontou que 83% dos brasileiros já encontraram com alguém que conheceram na internet.

U

ma pesquisa realizada por uma universidade da Grã-Bretanha mostrou que o número de pessoas que acessam páginas de relacionamento, no mundo, cresceu 500% nos últimos 10 anos. O estudo, realizado em cinco países, ouviu mil brasileiros e revelou que 83% já se encontraram com pessoas que conheceram pela internet. Segundo a pesquisa, para os brasileiros entrevistados a amizade, a simpatia, a química e o companheirismo são fundamentais para a relação dar certo. Segundo a responsável pela pesquisa no Brasil, os brasileiros declararam ser mais importante valores como, família, amor, saúde, filhos e felicidade, enquan-

www.leveleia.com.br

© Neil Lockhart | Dreamstime.com

Namoro na internet cresceu 500% no mundo, nos últimos dez anos. Da redação

to que em outros países, aparece com mais destaques religiosidade, dinheiro e até o meio-ambiente. O estudo ainda dá dicas para encontrar um grande amor na internet: • Saiba o que você está procurando: relacionamento sério, pessoas sem filhos, que gostem de cachorros (ou não) são alguns exemplos. • Seja honesto nas informações e nas trocas de mensagens. • Capriche na apresentação. Boas fotos ajudam. Perfis com fotos recebem em média nove vezes mais mensagens do que sem fotos. • Cuidado com erros de português.

5

Ainda segundo a pesquisa, as mulheres brasileiras dão mais valor à fidelidade, a crença em Deus e o respeito aos mais velhos. Já os homens valorizam dinheiro, carreira e liberdade. Os estudiosos em namoro na internet orientam que, para preservar a sua segurança, os primeiros encontros sejam sempre em locais públicos.

Jornal

Leve & Leia

®


6

Vender é arte Cultura

Ensinar a ler é ótimo; a interpretar é essencial (*) Por José Ruy Lozano

N

inguém sabe ler de antemão, e isso não se refere apenas à decifração de códigos, letras e frases, mas sim ao desenvolvimento de capacidades leitoras diversas, como, por exemplo, a de inferir sentidos. Frequentemente, a relevância da leitura para a vida em sociedade é debatida. São várias as preocupações de pais e educadores no que se refere às exigências sociais associadas a ela, seja em função de atividades profissionais que exigem comunicação verbal eficiente e boa redação; ou em função de necessidades mais gerais, relativas à inserção social, o que demanda saber ler diferentes tipos de texto, ou mesmo saber utilizar o nível de linguagem adequado a diferentes situações. Ainda que existam, hoje, muitas mídias que viabilizam o acesso rápido e irrestrito a informações úteis para a vida cotidiana, o texto escrito é ainda o meio fundamental de obtenção do conhecimento. Isso porque ele oferece ao leitor possibilidades de interpretação e, portanto, maior autonomia. Quando lemos, também construímos os sentidos, pensamos autonomamente, elaboramos nossas indagações e recusamos, confirmamos e/ou redefinimos respostas. O leitor é aquele que reescreve o significado do texto a partir de sua interação com as intenções de quem escreveu.

Disciplinas: Português, matemática, ciências, física, química, biologia, história, geografia, sociologia, filosofia, artes, astronomia, inglês, espanhol, entre outras. Disciplinas: Cálculo, Estatística, Álgebra linear, Mecânica, Termodinâmica, Eletromagnetismo, entre outras.

Fique por dentro. Siga-nos!

Jornal

Leve & Leia

®

Se a importância da leitura é consensual, a constatação de que nossos filhos leem mal desperta grande inquietação, além do desejo de ajudá-los no processo de aquisição da capacidade de ler com eficiência e inteligência. O primeiro passo para ensinar a ler textos de maior complexidade é justamente o de compreender o quão complexo pode ser, para as crianças e jovens, um texto que para nós, adultos, é relativamente fácil ou óbvio. Nesse processo, não existem obviedades. O que é claro e evidente para mim nem sempre o é para uma criança. Ela detém um repertório mais restrito, tanto de palavras quanto de experiências. O que nos induz ao próximo passo: ensinar a ler exige a intervenção ou a mediação ativa de quem propõe a leitura, sejam pais ou professores. E tomando o cuidado de não ler para a criança, substituindo sua experiência de leitura. É preciso ler com a criança, questionando-a sobre passagens que ocultem implícitos importantes para a compreensão global do que se lê, além de estabelecer relações de significado que, de outro modo, passariam despercebidas. Assim, estaremos ensinando que ler é mais do que decifrar letras: ler é pensar sobre o que se lê. E isso fará toda a diferença no futuro. Outro elemento importante para permitir o aprendizado desta atividade é possibilitar o acesso da criança à maior variedade possível de textos, em diversas situações sociais de leitura. Ler é algo que se desenvolve por meio da imersão em sua prática, não uma atividade exercida de modo descontextualizado da vida em sociedade. De acordo com essa visão, o adulto precisa mostrar para a criança como os textos que circulam na sociedade podem ser usados, a fim de que ela compreenda os seus sentidos. Charges ou tirinhas de jornal, por exemplo, muitas vezes não são compreendidas pelos mais novos. “O que tem de engraçado aqui?” perguntam-se. Isso ocorre quando o efeito de humor passa por um dado cultural desconhecido pelo jovem leitor. Esse dado pode ser apenas uma palavra de duplo sentido ou até mesmo um pressuposto que exige o reconhecimento de fatos políticos ou históricos. Propagandas estabelecem relações de sentido que podem ser inferidas de acordo com a intenção daqueles que as produziram e com o público a que se destinam os produtos. Uma notícia pode ser escrita com diferentes intencionalidades, visando a finalidades que não são apenas as de informar. Da mesma maneira, um artigo de opinião pode refletir tendências ideológicas de quem o publica. Compreender essas relações não é fácil, nem pode ser dado como pré-requisito. Como já se afirmou aqui, ninguém sabe tudo de antemão; ou seja, a criança precisa ser ensinada a ler com profundidade. Ao questionarmos nossos filhos sobre todas essas complexidades, em diversas situações sociais, estaremos evidenciando a eles que ler envolve “um montão de coisas”, o que provavelmente os induzirá a ler não somente com maior atenção, mas também de modo mais inteligente. A atitude do adulto diante da leitura deve ser positiva, se ele quiser influenciar o jovem a ler mais e melhor. Essa postura inclui necessariamente um envolvimento afetivo com o que lê. O adulto é quem oferece um modelo de leitura para o aluno-leitor, servindo-lhe de exemplo e espelho. Caso a criança não reconheça a importância da leitura nas atitudes do adulto, seu modelo, qualquer estratégia será em vão. Continuamos ensinando melhor por nossas obras do que por nossos discursos. (*) José Ruy Lozano é professor licenciado em Ciências Sociais e Letras pela Universidade de São Paulo (USP) www.leveleia.com.br


Vender ĂŠ Arte

7

Gourmet Leve & Leia

www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia

ÂŽ


8

Gastronomia

© Ferdinand Steen | Dreamstime.com

FONDUE, um prato que vai aquecer o seu inverno!

A

o contrário do que muita gente acredita, fondue é uma palavra feminina. Portanto, a fondue significa queijo fundido ou derretido. Originária da Suíça francesa, conta-se que no século XIII moradores dos Alpes Suíços tiveram uma superprodução de queijo que endureceu com o inverno. Para evitar a perda e conservá-los, derreteram o excesso produzido e acrescentaram Kirsch (bebida alcoólica de cereja produzida ali). Enquanto preparavam, iam provando com pão para determinar o tempero. Com o passar do tempo, a operação se transformou em celebração e o queijo fundido, na fondue que conhecemos hoje: degustada entre amigos durante o inverno. Como em todo ritual, o prato foi adaptado e, além da fondue de queijo, há ainda a bourguignonne (fondue de carne), de peixe, camarão ou chocolate com frutas.

Fondue: o que você vai precisar

O fogareiro é o passo inicial para fazer uma fondue. Para cozinhar sobre a mesa é preciso, antes de tudo, um fogareiro, que pode ser encontrado em diversos formatos e materiais. Os melhores são aqueles que o queimador é de fácil manejo, desliga-se facilmente e pode ser retirado sem expor-se ao risco de queimaduras. Em geral, usa-se álcool como fonte de calor (apropriado para manter as fondues ferventes), mas pode-se usar ainda vela, gás ou energia elétrica. O tempo de combustão em fogareiros a álcool, com chama alta, é mais ou menos de uma hora. Já em chama média ou baixa é de duas horas. A vela é a fonte de calor mais fraca, com ela é possível derreter chocolate e manter as fondues e os molhos quentes, mas não é possível ferver ou fritar a carne. Já os queimadores que usam gás (butano) permitem cozimento sobre a mesa e com ele pode-se ferver em chama alta. Existem também os aparelhos elétricos para fondue. Embora sejam mais práticos por permitirem o controle da temperatura, não têm o mesmo romantismo e o mesmo aconchego que os de chama. A seguir, colocamos algumas dicas e receitas de Fondue para você saborear com os amigos nas agradáveis noites de inverno. Dicas para a Fondue de carne Para fazer a fondue de carne, você precisará de um fogareiro com queimador a álcool ou a gás e uma panela de aço inox, esmalte, cobre ou ferro revestido internamente de uma camada de esmalte. Prefira as panelas que vão se afunilando na parte superior, pois evitam que o óleo espirre. Calcule 2 garfos por pessoa, um de cabo comprido, de preferência de madeira, com pequenos

Jornal

Leve & Leia

®

dentes retos para fritar a carne e um segundo (que pode ser o de sobremesa), para mergulhar a carne no molho. Materiais:Diversos potes para molho e pratos individuais, uma tábua com a carne cortada em tiras e uma cesta de pão. Calcule 200 g de pão por pessoa e de preferência escolha os de casca mais firme. Uma escumadeira ou uma pequena peneira de cabo longo para retirar alguma coisa que venha a cair no óleo. Tipos de carne Você pode escolher carne de boi, cordeiro ou de aves desde que seja de textura delicada e sem gordura aparente. O filé mignon é o mais indicado pela sua maciez. Limpe-o bem e corte em cubos ou tiras. Preparo Não tempere a carne com sal antes de fritá-la, pois isto faria a carne criar água e, consequentemente, o óleo espirra; e não coloque ervas sobre a carne antes de fritar, pois elas queimam e deixam um aroma desagradável. Para levar a fondue de carne à mesa, coloque filme plástico entre as fatias de carne, isto evitará que elas grudem e facilitará o manuseio. Se a carne estiver cortada em tiras, enrole-a no garfo apropriado para fondue, se for cubo basta espetála. Só depois frite no óleo bem quente. Os garfos com dentes pequenos espetam com mais firmeza.

Dando mais sabor a sua receita

Para deixar sua fondue de carne mais saborosa, corte a carne e coloque-a em uma tigela forrada com rodelas de cebola. Regue com azeite de oliva, coloque um ramo de manjericão e salpique pimenta-doreino em grãos (não coloque sal). Espalhe com uma camada de cebola e cubra com papel-alumínio ou filme plástico. Deixe tomar gosto por 12 horas. No outro dia, antes de servir, retire os pedaços de carne e seque com toalha de papel. Para acompanhar a fondue de carne Monte um conjunto de temperos e leve à mesa, como sal, páprica, pimenta-do-reino moída. Só tempere a carne depois de frita. Distribua em pequenas tigelas pepino em conserva, azeitonas, mini cenouras, tiras de pimentão, pedaços de talo de salsão. Sirva pelo menos quatro molhos diferentes. Fondue de Carne Ingredientes: 500 g de filé mignon cortado em cubos de 3 cm óleo de girassol ou canola para a fritura saleiro e pimenteiro www.leveleia.com.br


Gastronomia

• molho A mango Chutney industrializado • molho B ½ xícara de maionese 1 colher (sopa) de cebola picada 1 colher (chá) de alcaparras picadas 2 colheres (sopa) de creme de leite • molho C 1/2 xícara de maionese 1 colher (sopa) de curry em pó 2 colheres (sopa) de creme de leite sal e pimenta-do-reino • molho D Mesmos ingredientes do molho C, substituindo o curry por mostarda • molho E ¼ xícara de catchup 2 colheres (sopa) de geléia de damasco 1 colher (chá) de molho inglês 1 colher (chá) de vinagre • molho F ½ xícara de maionese 1 colher (café) de wasabi (raiz forte) 4 colheres (sopa) de catchup 3 colheres (sopa) de creme de leite Modo de Preparo: Coloque o óleo em uma panela para fondue e leve ao fogo. Arrume os cubos de carne em uma travessa oval e decore a travessa com folhas de alface, pepinos e cebolinhas em conserva. Aqueça o óleo e transferira a panela para o aparelho de fondue. Sirva acompanhado dos molhos que devem ser colocados em molheirinhas individuais. Para o preparo de cada molho, basta misturar os seus respectivos ingredientes.

Dicas para a Fondue de Queijo

Para este tipo de fondue, além do queijo, você vai precisar de uma cesta de pão. Siga atentamente a receita que você escolheu. Não há como errar. Se a fondue engrossar aqueça, à parte, um pouco de vinho e despeje na massa sem parar de mexer. Se a fondue ficar mole, junte um pouco mais de queijo ralado, sem parar de mexer, até a massa encorpar. Outra opção é adicionar um pouco de maisena dissolvida em leite morno. Mexa até encorpar. Se a massa empelotar - isto normalmente acontece quando mistura-se vinho muito doce - melhore a textura, acrescentando suco de limão, vinagre e vinho seco. Ah, cada vez que mergulhar o pão na massa de queijo, não deixe de mexer. Assim a fondue continuará cremoso até o fim. Se preferir, tempere com páprica ou sementes de erva-doce.

www.leveleia.com.br

Os queijos mais indicados para fazer a fondue são: Emmenthal do allgau ou suíço: queijo duro, amarelo-claro, de sabor suave. Ideal para ser fundido após 6 meses de cura. Bel paese: queijo italiano amanteigado, bem suave e cremoso. Deve ser combinado com um queijo mais duro. Cantal: queijo francês bem curado, aromático e meio duro. Cheddar: queijo inglês suave, duro, de consistência farinhosa. Antes de fazer a fondue, corte-o em cubos pequenos. Chester: queijo inglês duro. O de cura recente é suave, já o de cura mais antiga tem sabor mais aromático e forte. É um queijo que derrete com facilidade. Comté: queijo francês duro, parecido com o gruyère, dá bons resultados depois de derretido. Edam: queijo de sabor suave. Emmenthal: queijo suíço duro, de sabor suave. Depois de bem curado ganha um sabor bem forte. Fontina: queijo italiano gorduroso, de aroma suave e sabor levemente adocicado. Gouda: queijo cremoso, delicado e macio. Derrete com facilidade. Gruyère: queijo suíço, duro e com um sabor mais forte que o emmenthal. Mussarela: queijo italiano, levemente ácido. É indicado para preparar fondues à base de leite e não dá bons resultados quando misturados com bebida alcóolica. Provolone: queijo italiano de casca bem dura e com um sabor adocicado quando fresco. Já curado torna-se picante. Para fondues deve-se misturar com emmenthal ou gruyère. Tilsit: queijo alemão firme, de coloração dourada, gosto acre e levemente ácido. Para fazer fondue precisa ser misturado com queijo de sabor mais suave. Fondue de Queijo Tradicional Ingredientes: 400 g de queijo gruyére ralado 200 g de queijo emmenthal ralado 1 dente de alho sem casca partido ao meio 1 xícara (chá) de vinho branco 1 colher (chá) de suco de limão 2 colheres (chá) de maisena 4 colheres (sopa) de leite 4 colheres (sopa) de vodca (se não tiver o KIRSCH) 3 pitadas de pimenta-do-reino 1 pitada de noz-moscada Modo de Preparo: Esfregue o alho na parte interna de uma panela própria para fondue. Coloque o vinho e o suco de limão e leve ao fogo até amornar. Reduza o fogo, junte os queijos e mexa bem até começar a derreter. Adicione a maisena dissolvida no leite e continue a cozinhar, mexendo sem parar, em mo-

vimentos na forma de 8 para o queijo não ficar em ponto de fio. Acrescente a vodca, a pimenta e a noz-moscada e misture por mais 2 minutos, ou até ficar cremoso. Transfira a panela para o fogareiro e leve à mesa. A fondue deve continuar a ferver. Sirva com pedaços de pão, de preferência os de casca dura, como o pão italiano. Espete-os no garfo próprio para fondue e mergulhe no queijo.

Dicas para a Fondue Doce

A fondue doce é uma excelente sobremesa para dias frios. A mais comum é a de chocolate, mas vale a pena experimentar a de caramelo e a de marshmallow. O importante é saber que cada tipo de fondue requer uma temperatura adequada. A fonte de calor mais comum é o álcool, que pode ser usado para qualquer tipo de fondue, bastando regular a chama. Excepcionalmente para o preparo da fondue de chocolate, aconselhamos utilizar a vela que não deve aquecer demais. Fondue de Chocolate Preto Ingredientes: 150 g de chocolate meio amargo 2 colheres (sopa) de manteiga 1 xícara de creme de leite fresco ¼ xícara de leite condensado Modo de Preparo: Coloque na panelinha o leite condensado, a manteiga e o creme de leite. Leve ao fogo baixo para que comece a ferver. Acrescente o chocolate picado e misture bem para que o chocolate derreta. Transfira para o aparelho de fondue e sirva acompanhado de pelo menos 4 das seguintes frutas: morango, banana, maçã, mexirica, abacaxi, kiwi e uva Itália. Fondue de marshmallow Ingredientes: 1 bolo de chocolate 2 xícaras (chá) de marshmallow Modo de Preparo: Coloque o marshmallow em uma tigela refratária. Leve ao fogo em banho-maria por 3 minutos, ou até a água ferver. Retire do fogo, transfira para a tigela do fondue e coloque sobre o fogareiro. De preferência, opte pelo fogareiro que use vela como fonte de calor. Leve à mesa. Corte o bolo em pedaços pequenos. Espete um pedaço de bolo no garfo próprio para fondue, mergulhe na tigela e envolva o bolo no marshmallow. Se preferir, sirva com pedaços de morango. Fonte: Revista Água na Boca.

9


Gastronomia

PAELLA:

um prato bonito e muy sabroso!!!

A

culinária espanhola é riquíssima e tem seus pratos tradicionais. Ou você nunca ouviu falar da paella, que podemos grosseiramente comparar a um risoto de frutos do mar? Podemos até dizer que a Espanha é a terra da paella, mas se formos nos aprofundar um pouco mais na culinária local, descobriremos que se trata de um prato típico da região de Valência – por isso é chamada de paella valenciana, e, em muitas ocasiões adotada como marca de todo o País. Recipiente usado para a paella O prato é chamado paella devido à paellera ou paella valenciana, uma espécie de frigideira, de ferro ou aço, onde são preparados vários pratos da culinária valenciana. A paella ou paellera, é uma frigideira rasa e grande (diâmetro mínimo de 30 cm), com duas alças. O formato da paella favorece o cozimento do arroz por igual.O nome Paella vem do latim “Patella”, espécie de bandeja usada na Roma antiga, onde eram colocadas as oferendas aos Deuses, em rituais de fecundação da terra. Variações Há diversas receitas, mas a autêntica paella valenciana é a união de vários alimentos característicos da região: arroz, frango, coelho, pato, tomate, azeite e açafrão. Com a difusão da paella pela costa, foram acrescentados frutos do mar: tornando-o um prato misto (terra e mar). Para você entender um pouquinho mais as razões pelas quais essa receita merece o título de prato típico da Espanha, separamos 4 receitas divinas – duas delas para quem não é muito fã de frutos do mar e não se importa em fugir um pouco da tradição.

Paella de frutos do mar Ingredientes: 3,3 Kg de mexilhão limpo na concha 4 xícaras (chá) de água 1/2 xícara (chá) de azeite de oliva extravirgem 3 dentes de alho amassados 1 cebola picada 3 xícaras (chá) de arroz 300 g de polvo limpo cortado em pedaços 2 envelopes de açafrão em pó 300 g de lula limpa e cortada em anéis 300 g de camarões médios limpos 300g de camarões grandes inteiros pimenta-da-jamaica moída a gosto Modo de preparo: Cozinhe o mexilhão com muita água até as conchas se abrirem. Despreze as que ficarem Jornal

Leve & Leia

®

© Lsantilli | Dreamstime.com

10

fechadas. Reserve o mexilhão e o caldo separadamente. Coloque o azeite na paellera e leve ao fogo médio. Refogue o alho e a cebola por três minutos. Junte o arroz e o polvo e frite por dois minutos. Ponha o caldo reservado, o açafrão e cozinhe por dez minutos. Adicione a lula e os camarões médios e cozinhe por dez minutos. Junte os camarões grandes, o mexilhão, tampe e cozinhe por cinco minutos. Polvilhe com a pimenta e sirva imediatamente. Acima de 45 minutos. Paella valenciana Ingredientes 2 xícaras (chá) de arroz 200 g de linguiça cortada em rodelas 6 colheres (sopa) de azeite 500 g de frango cortado à passarinho 5 dentes de alho amassados 1 colher (chá) de açafrão 4 xícaras (chá) de água 1 tomate cortado em pedaços grandes 1 pimentão vermelho cortado em pedaços grandes (opcional) 12 mariscos ou mexilhões 300 g de lulas em anéis 500 g de camarões pequenos sem casca 12 camarões grandes descascados e aferventados 6 lagostins com casca, pré-cozidos e com um talho nas costas 1/2 xícara (chá) de ervilhas 1 colher (sopa) de cebolinha picada Sal, pimenta-do-reino e molho de pimenta a gosto Modo de preparo: Em uma panela tipo paellera, frite a linguiça no azeite por 5 minutos. Junte o frango e cozinhe por mais 10 minutos. Acrescente o alho e cozinhe por mais 2 minutos. Ponha o arroz e misture bem. Adicione o açafrão, a água, o tomate, o pimentão, o sal e a pimenta. Deixe ferver, abaixe o fogo e cozinhe por 25 minutos. Junte os mariscos, as lulas e os camarões pequenos. Cozinhe por 5 minutos. Misture as ervilhas, a cebolinha e cozinhe por mais 5 minutos. Mexa, espalhe os camarões grandes e os lagostins, cozinhe por 2 minutos e retire do fogo. Cubra com papel-alumínio e deixe descansar por 5 minutos. Sirva imediatamente com a pimenta. Paella de legumes Ingredientes 2 xícaras (chá) de arroz para risoto 2 colheres (chá) de açafrão 3 xícaras (chá) de água quente

1 berinjela cortada em pedaços grandes 6 colheres (sopa) de azeite 1 cebola grande cortada em fatias finas 3 dentes de alho amassados 1 pimentão amarelo fatiado 1 pimentão vermelho fatiado 8 tomates pequenos e frescos sem casca e picados 2 colheres (chá) de páprica 1 xícara (chá) de cogumelos fatiados 1 e 1/2 xícara (chá) de vagens 1 xícara (chá) de grão-de-bico cozido Modo de preparo: Misture o açafrão com 3 colheres (sopa) de água quente e reserve. Espalhe sal sobre a berinjela, deixe-a escorrer por 30 minutos. Lave e seque com papel-absorvente. Aqueça o azeite e frite a cebola, o alho, os pimentões e a berinjela por 5 minutos. Salpique com a páprica e mexa. Misture o arroz, acrescente a água, os tomates e o açafrão que estava reservado. Cozinhe em fogo baixo por cerca de 15 minutos com a panela destampada. Mexa algumas vezes e adicione mais água, se necessário. Junte os cogumelos, as vagens e o grão-de-bico. Cozinhe por mais 10 minutos e sirva com um fio de azeite. Dica: uma folha de louro pode ser acrescentada a essa receita. Paella vegetariana Ingredientes 1/3 de xícara (chá) de azeite 1 cebola picada 2 dentes de alho picados 2 talos de salsão picados 2 cenouras cortadas em cubo 1 abobrinha cortada em cubos 1 pimentão vermelho sem sementes picado 1 xícara (chá) de arroz 3 xícaras (chá) de caldo de legumes 1 colher (café) de açafrão 1/2 xícara (chá) de vinho branco 2 tomates sem pele e sem sementes picados Ervas frescas à gosto Modo de Preparo: Em uma frigideira grande aqueça o azeite. Frite a cebola, o alho e junte o restante dos vegetais até o pimentão e misture. Adicione o arroz, o caldo de legumes e o açafrão. Quando começar a secar, adicione o vinho, o tomate e as ervas. Cozinhe por mais dois minutos e sirva em seguida. www.leveleia.com.br


Comportametnto

www.leveleia.com.br

Jornal

11

Leve & Leia


12

Gastronomia

Ovos de codorna indianos Ingredientes: 2 colheres (sopa) de iogurte natural 1 colher (sopa) de hortelã picada 1/2 colher (sobremesa) de coco ralado quanto baste de cardamomo quanto baste de cominho quanto baste de páprica picante quanto baste de sal 100 gr de carne moída 4 unidades de ovo de codorna cozidos, sem casca quanto baste de óleo de soja para fritar Modo de preparo: Junte o iogurte, a hortelã e o coco ralado. Faça o molho e reserve. Em seguida coloque os temperos na carne e misture bem, deixe descansar por 20 minutos. Envolva os ovos com a carne temperada, depois frite e deixe escorrer em papel absorvente. Sirva com o molho à parte.

Jornal

Leve & Leia

© Monkey Business Images | Dreamstime.com ®

www.leveleia.com.br


Vender é Arte Gastronomia

13

Folhado de linguado com molho de limão siciliano e cebolinha Ingredientes: 2 colheres (sopa) (30 g) de manteiga derretida 4 folhas de massa filo 2 (140 g) de filés de linguado Sal e pimenta a gosto 2 colheres (chá) de *endro fresco picado 3 colheres (sopa) de suco de limão siciliano

1/2 xícara (120 ml) de creme de leite 2 cebolinhas, bem picadas

*Endro:Erva aromática. Também conhecido por aneto ou dill, é muito usado na cozinha sueca, finlandesa, russa e polaca para temperar peixes.

Modo de preparo: Pré-aqueça o forno a 220ºC (temperatura quente). Pincele uma folha de massa filo com a manteiga derretida. Coloque uma folha por cima. Pincele essa segunda folha de massa com a manteiga. Faça o mesmo processo com as 2 folhas restantes. Corte a massa ao meio. Tempere o peixe com sal e pimenta. Coloque um filé de peixe perto da borda inferior da massa filo cortada ao meio. Polvilhe-o com o endro. Dobre as laterais da massa e em seguida enrole-a. Ponha a massa numa forma refratária e pincele-a levemente com manteiga. Repita o processo com o outro filé. Asse o folhado no forno preaquecido até que a massa esteja corada e crescida, cerca de 12 a 15 minutos. Enquanto isso, prepare o molho. Em uma panela, coloque o suco de limão siciliano para ferver em fogo alto. Deixe-o ferver até quase evaporar. Abaixe o fogo e misture o creme de leite. Deixe-o no fogo baixo, até que tenha engrossado um pouco. Misture a cebolinha. Ponha sal e pimenta a gosto. Sirva o folhado de linguado com bastante molho.

© Monkey Business Images | Dreamstime.com

www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia

®


14

Gastronomia

Sopa de queijo Ingredientes: 150 g de queijo emmenthal 150 g de queijo gruyére ¼ xícara de vinho branco 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 2 colheres (sopa) de manteiga 200 g de requeijão tipo catupiry 1 litro de caldo de frango sal e pimenta-do-reino Modo de Preparo: Coloque em uma panela a manteiga e a farinha de trigo e leve ao fogo para que a manteiga derreta e se misture com a farinha. Acrescente o caldo aos poucos, reservando 1 xícara. Cozinhe em fogo baixo por 10 minutos. Em outra panela, coloque 1 xícara de caldo frio e o vinho branco. Rale os queijos no lado grosso do ralador e misture na panela. Leve ao fogo baixo misturando lentamente para que os queijos derretam. Despeje esta mistura de queijos na panela com o caldo. Acrescente o requeijão e misture bem. Cozinhe por mais 2 ou 3 minutos e tempere com sal e pimenta-do-reino, se necessário. Sirva na cumbuca para sopas salpicando cada porção com um pouco de noz moscada ralada.

Minestrone com pesto

Sopa creme de abóbora com hortelã Ingredientes: 1 kg de abóbora-moranga descascada e picada 1 tablete de caldo de carne 4 xícaras (chá) de leite desnatado 1 cebola média picada 1 xícara (chá) de hortelã picada sal a gosto pimenta-do-reino a gosto Modo de Preparo: Coloque em uma panela a abóbora, o tablete de caldo de carne esfarelado, o leite e a cebola. Leve para cozinhar e, assim que ferver, reduza o fogo e cozinhe por 20 minutos, ou até a abóbora ficar macia, mexendo de vez em quando. Acerte o sal e acrescente a pimenta. Misture e retire do fogo. Transfira a metade da sopa para o liquidificador e junte a hortelã. Bata por 1 minuto e despeje na panela com a sopa restante. Misture e distribua nos pratos.

Minestrone

com pesto

Ingredientes: 4 colheres (sopa) de azeite de oliva 2 cebolas médias cortadas em pedaços pequenos 100 g de bacon cortado em pedaços pequenos 3 batatas médias em cubos pequenos 2 cenouras médias em cubos pequenos 5 tomates médios sem pele e sem sementes em cubos pequenos 2 litros de caldo de galinha caseiro 2 talos de salsão picados 1/2 repolho médio ou acelga em tiras bem finas

z © George Tsartsianidis | Dreamstime.com

2 abobrinhas médias em cubos pequenos 1 xícara (chá) de feijão branco cozido (sem o caldo) ou ervilha 200 g de massa para sopa ou arroz sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto pesto folhas de 1/2 maço médio de manjericão 3 dentes de alho sem casca 1/2 xícara (chá) de azeite de oliva 100 g de nozes 4 colheres de queijo parmesão ralado sal a gosto

Modo de Preparo: Minestrone: leve ao fogo uma panela com o azeite de oliva, a cebola, o bacon, a batata, a cenoura e o tomate. Refogue até a cebola começar a dourar. Acrescente a metade do caldo de galinha e cozinhe, mexendo de vez em quando, por 10 minutos, ou até os legumes começarem a amaciar. Acrescente o salsão, o repolho, a abobrinha, o feijão, o macarrão, o restante do caldo de galinha, o sal e a pimenta-do-reino. Deixe cozinhar, mexendo de vez em quando, por mais 20 minutos, ou até os legumes e o macarrão ficarem macios. Acerte o sal e retire do fogo. Reserve. Pesto: bata no processador o manjericão e o alho por 30 segundos. Aos poucos e sem parar de bater, adicione o azeite de oliva até obter uma pasta. Acrescente as nozes, o queijo ralado e o sal e bata por mais 30 segundos. Montagem: distribua a sopa quente nos pratos e no centro coloque um pouco de pesto. Se preferir, decore com manjericão.


Vender é Arte

15

RESERVE SEU ESPAÇO

FAÇA SUA FESTA

CASAMENTO • BODA • ANIVERSÁRIO • BATIZADO RODÍZIO DE MASSAS • PRATOS A LA CARTE

ESPAÇO INFANTIL COM MONITORES

DON CAMILLO

www.ristorantedoncamillo.com.br www.leveleia.com.br

AV. SÃO CAMILO, 580 - GRANJA VIANA COTIA SP / TEL.: (11) 4702.3535 Jornal

Leve & Leia

®


16

Gastronomia

TEMAKI: Nutritivo, prático e saudável. Essa especiaria da culinária japonesa criou uma nova tendência de restaurante nipônico ao utilizar o conceito de fast-food saudável. Conheça seus benefícios para a saúde. Da redação

F

alar em fast food ainda leva muita gente a pensar apenas nas grandes redes de lanchonete. Mas se engana quem acha que comida rápida é sinônimo só de sanduíches gordos. O temaki é aquele cone feito de nori (folha de algas), arroz Gohan, acompanhado de peixes, legumes ou mesmo produtos doces. Feitos para comer à mão, eles são uma versão japonesa do fast food, deliciosos e rápidos, com o diferencial de serem menos calóricos e saudáveis. Descubra os benefícios que essa especiaria da culinária japonesa pode propiciar a sua saúde.

Ingredientes de Qualidade

Nori: A alga que envolve o temaki(nori) é rica em iodo, ferro, potássio e proteínas. Elimina toxinas, favorece a digestão, ativa a circulação sanguínea, é boa para o funcionamento do intestino, cabelos e unhas. A alga é ideal para quem não come vegetal e fibras. Contém também vitamina A, cálcio, ferro, vitaminas B1, B2 e C. Gohan: O arroz japonês é tão rico em carboidrato como o comum, sendo um alimento energético. Porém, não é preciso de óleo para a preparação, dessa maneira é bem menos calórico e muito mais saudável.

Jornal

Leve & Leia

®

Salmão: possui alto teor de ômega 3, que auxilia no bom funcionamento do cérebro e mantêm o organismo funcionando de forma equilibrada. Atum: esse peixe também possui alto teor de ômega 3 que, além dos benefícios citados acima, ajuda também a reduzir o colesterol ruim (LDL) e afasta os riscos de doenças do coração. Informação nutricional (Temaki Simples) Porção 131g Valor energético - 205 Gordura trans -zero Carboidratos -18 Fibra alimentar- zero Proteinas -17 Sódio - 154mg Gorduras totais -7,1g Cálcio Gorduras saturadas -1,3g Ferro Gordura Polinsaturada: a gordura benéfica para a saúde. Todas as espécies de salmão são de carne firme e oleosa, significando que sua gordura é distribuída por toda carne e não concentrada no fígado, como é o caso do bacalhau e do cação. Apesar de conter grande quan-

tidade de gordura, é rico em Ômega 3, que faz parte da família dos ácidos graxos ômega. São gorduras polinsaturadas, que não são produzidas pelo corpo, mas necessárias para o crescimento e o metabolismo. Os estudos com este tipo de gordura começaram com pesquisas feitas com esquimó, que apresentavam baixa incidência de doenças cardiovasculares apesar do alto consumo de gorduras, principalmente ricas em ômega 3. Assim, estas gorduras podem auxiliar na redução dos níveis de triglicérides e podem prevenir doenças cardiovasculares aumentando a viscosidade do sangue que fica com menos capacidade de coagular. Mas não fica por ai. Também foi observado em outros estudos: a redução de dores nas articulações (nos casos de artrite reumatoide), a melhora da depressão e dos problemas de pele, agindo ainda na prevenção de alguns tipos de câncer como os de cólon, mama e próstata. Também é fonte de niacina, fósforo, potássio e cálcio. Colaborou com a matéria: Renato Leal, da Makis Place. Contatos pelo site: www.makis.com.br ou email: faleconosco@makis.com.br

www.leveleia.com.br


Vender ĂŠ Arte

www.leveleia.com.br

Jornal

17

Leve & Leia

ÂŽ


18

Jornal

Vender ĂŠ Arte

Leve & Leia

Gastronomia

ÂŽ

www.leveleia.com.br


Comportamento

Comportametnto

Amar é Para quem quer

19

www.leveleia.com.br

© Get4net | Dreamstime.com

N

amorar... quem não gosta de namorar? Aquele friozinho na barriga, uma razão para acordar mais cedo e ficar grudada no celular, perder o apetite, ter motivação para fazer ginástica, saber que o final de semana está “garantido” e de quebra...beijo na boca, muito carinho e sexo. Em qualquer idade namorar rejuvenesce, motiva, traz alegria de viver. Bem, isso quase sempre nos três meses iniciais ou um pouquinho mais. E depois??? Queixas, cobranças, brigas, lágrimas, decepção. Você provavelmente sabe bem do que estou falando, o príncipe encantado vira sapo e a princesa se transforma numa bruxa. É preciso entender que atração e amor são coisas muito diferentes. O que atrai tem apenas a função de aproximar. A afinidade tem raízes mais profundas e é nela que o amor se fundamenta. Temos uma tendência a acreditar que devemos procurar uma pessoa que goste das mesmas coisas que nós, mas esse é um critério superficial. Uma boa parte das coisas que gostamos é circunstancial, tem a ver com momentos ou fases e não necessariamente vai permanecer. A questão da afinidade é mais complexa. Implica, em grande parte, no autoconhecimento. Se você reconhece o que lhe é essencial para viver bem, também será capaz de definir o que deseja de alguém como parceria de vida. Quando conhecemos uma pessoa, sentimo-nos atraídos por alguns aspectos que se assemelham a coisas que gostamos e imaginamos muitas outras similaridades a partir daquelas que nos atraíram. Podese dizer que completamos o que falta, ou seja, o que não conhecemos, com fantasias criadas pelo desejo de encontrar a pessoa ideal. Dessa forma nos iludimos, criando “miragens” sobre quem a pessoa é e mais tarde desiludimos, a fantasia desaparece quando a realidade se mostra, confrontando o ideal. O que estou tentando dizer é que, embora nos sintamos atraídos por alguém e encontremos nesse alguém alguns pontos em comum, conhecê-lo demandará tempo e disposição em aceitar o que é real. Para isso existe o namoro, fase que se tornou bastante confusa nos últimos tempos. O sexo precoce quase sempre antecipa situações; as pessoas conversam menos embora até fiquem mais tempo juntas do que antes. É comum que os casais venham a morar juntos mais depressa e o namoro vira casamento sem ter sido antes, momento de descobrir afinidades. Os parceiros pedem “garantias” para comprometer-se numa relação duradoura, mas a única promessa que podemos fazer é a de que nos esforçaremos para entendê-lo e de que procuraremos ser transparentes na relação.

Amar leva o tempo de desvendar aquele que está à nossa frente. Não sabemos se as afinidades serão suficientes para dar conta das diferenças. Além do mais, uma relação que “deu certo” não necessariamente dará certo para sempre, pois a vida é muito menos previsível do que gostaríamos que fosse. Quando os pares agem com honestidade e conseguem definir as próprias regras, podem moldar cada fase às necessidades individuais que vão surgindo. Nesse sentido, tem mais chance de serem bem sucedidos, acordos baseados naquilo que ambos sejam capazes de sustentar e não no que se idealiza. Se você deseja que isso aconteça em sua vida precisa namorar mais, mostrar-se mais, superar o medo da rejeição e aceitar o risco de arranhar sua imagem, pois imagem é somente um reflexo do que realmente somos. O essencial a seu respeito é que precisa ser evidenciado para que você se sinta amado pelo que realmente é. Como foi dito no filme Dança Comigo. “Com bilhões de pessoas no planeta o que uma

vida significa? Precisamos de uma testemunha para nossas vidas”, diz a personagem. É por esse motivo que nos sentimos tão especiais quando somos amados. Porque estamos diante de alguém que sublinha a nossa existência, que reconhece as mais íntimas particularidades dela e as acolhe com todo o seu coração. O Ser Amado torna-se um espelho e um apoio, pois nos coloca em um lugar que nos distingue dentro de um mundo totalmente impessoal. Diante dele somos únicos porque o olhar dele nos destacou da multidão. E tem mais, fazer alguém sentir-se dessa forma, ou seja, AMAR é tão ou mais gratificante do que ser especial. É tomar posse de um PODER que traz uma profunda felicidade, a gratificação de fazer alguém feliz. Maria Teresa Reginato – Psicóloga CRP 17927 www.facaterapia.com.br Jornal

Leve & Leia

®


20

Comportamento Vender é arte

BEIJO, O DIÁLOGO DO AMOR! Por Carina Bessa

A

ssim como respirar é fundamental em nossa existência, é impensável imaginar passar por essa vida sem beijar alguém. Uma via concreta que o amor encontrou para falar diretamente ao coração. O beijo da mãe é sublime, o do pai, sinônimo de afago, com os avós, ao pedir a benção beijando suas mãos, demonstramos respeito e gratidão. O trocar de beijos no rosto significa amizade. Entre os amantes, o beijo é um momento de alta comunicação e erotismo, uma maneira maravilhosa de interagir com o corpo do outro, criar vínculos e compartilhar intimidades. Na ciência, estudos apontam que o beijo pode ativar o funcionamento de nossa saúde orgânica, biológica e energética. Quando beijamos, o nível de serotonina no cérebro aumenta, portanto, beijar acalma. Quer mais? Beijando, o corpo se aquece queimando até 15 calorias e a pressão arterial sobe. Pesquisadores americanos afirmam que a saliva trocada em um beijo apaixonado facilita a digestão e tem efeitos benéficos sobre as defesas do organismo. Sem contar que 29 músculos são ativados em um beijo apaixonado, uma opção interessante para as mulheres que não querem ter linhas de expressões darem adeus a elas, fazendo um exercício saudável e natural. Ainda segundo a ciência, há quem afirme (e nem imagino como isso pode ter sido feito) que uma pessoa troca, em média, 24 mil beijos (de todos os tipos, dos maternais aos apaixonados e, até mesmo, os roubados!) ao longo da vida. Portanto, não deixe de dar aquele beijo bem estalado sempre que quiser expressar o seu afeto. O livro “Eles são simples, Elas são complexas”, da editora Alaúde, lista as sete saúdes do ser humano - física, sexual, financeira, emocional, social, mental e espiritual - e os sete beijos correspondentes a cada uma delas. A seguir:

“Um beijo é a melhor forma de diálogo Que o amor já encontrou Quando nos faltarem às palavras Ou não restar mais uma razão Durante um longo beijo O amor falará direto ao nosso coração”.

• Beijo flex: beijo com muita língua, saliva e mordidinhas. Representa prazer, ativa a saúde sexual. • Beijo power: um dita o ritmo para o outro. Representa posse, ativa a saúde financeira. • Beijo doce: as línguas se entrelaçam suavemente, os corpos se unem carinhosamente. Representa amor, ativa a saúde emocional.

Jornal

Leve & Leia

®

© Maxim Timokhin | Dreamstime.com

• Beijo animal: a pessoa morde os lábios e “ataca” ferozmente o outro. Representa força, ativa a saúde física.

www.leveleia.com.br


Comportamento

• Beijo surpresa: aquele roubado. Causa susto e prazer inesperado, faz rir. Representa alegria, ativa a saúde social. • Beijo focado: penetração da língua na boca como num ato sexual. Representa intenção sexual, ativa a saúde mental. • Beijo tântrico: é aquele que evolui do tipo animal ao focado naturalmente, mudando a energia e as nuances. Representa união, integração, êxtase, ativa a saúde espiritual.

A história do beijo

A palavra “beijo” origina-se do latim basiu e tem como sinonímia o ato de tocar com os lábios em alguém ou alguma coisa, fazendo leve sucção, contato suave, carinhoso. A pessoa que gosta de beijar é um ser notável pela doçura.

ra do herói, recompensando-o postumamente. • Os homens persas e russos também trocavam beijos na boca, mas somente entre os que pertenciam à mesma classe social. Se um dos homens fosse considerado inferior, o beijo deveria ser dado no rosto. Da mesma forma, entre os romanos era permitido que os nobres mais influentes se beijassem nos lábios, enquanto os menos influentes deveriam beijar as mãos. • Na Escócia, era comum aos padres beijar os lábios da noiva no final do casamento, pois essa benção simbolizava a felicidade conjugal. Durante a festa, as noivas tinham o hábito de circular entre os convidados e deviam beijar a boca todos os homens, que em troca lhes davam algum dinheiro para começar com fartura a vida a dois.

O amadurecimento do Beijo

21

• Beijo de Esquimó: O casal deve permanecer um de frente para o outro, aí esfregam seus narizes, simultaneamente da esquerda para a direita. • Beijo Francês: Ah, esse todo mundo conhece! É o famoso beijo de língua! Porém, antigamente, só os homens podiam colocar a língua na boca da mulher. Hoje as coisas mudaram e os dois podem revezar a tarefa. • Beijo de amigos: É o famoso “selinho”, é só fazer biquinho e SMACK!!! • Beijo Oceânico: Comum em tribos da África e Oceania, um cobre o nariz do outro com os lábios ou abocanha literalmente! • Beijo Balinês: Neste beijo a mulher encosta os lábios no rosto do homem, sentindo assim sua temperatura. E o homem retribui, encostando seu rosto no dela, sentindo assim seu odor. • Beijo Chinês: É o chamado beijo estalado. O homem encosta os lábios e o nariz na bochecha da mulher, aspira seu perfume e estala seus lábios. É um beijo com sonoridade! • Beijo Musical: Ou beijinho Hippie, onde os lábios não se tocam, o homem sopra na boca da mulher com cuidado, e ela controla o som abrindo e fechando a boca.

Em seu currículo, o beijo carrega fatos marcantes na história da humanidade. Inevitável lembrar que foi o beijo, dado em Jesus, o sinal escolhido por Judas como forma de distingui-lo entre os discípulos para que o exército romano pudesse prendê-lo e posteriormente, crucificá-lo. As referências mais antigas sobre o beijo datam de 2.500 a.C., de acordo com registros nas paredes dos templos de Khajuraho, na Índia. Nos museus do mundo podem ser encontradas obras com cenas de beijos que marcaram a história. A seguir, alguns fatos curiosos sobre o beijo em diferentes países e épocas. • Em Mégara, no templo de Teócrito (séc. III a.C.), desenvolveu-se um concurso de beijos reservado aos homens. Aquele que imprimisse os lábios o mais suavemente sobre os do juiz voltava para casa carregado de coroas. O concurso ocorria na tumba de Diocles, guerreiro que havia protegido seu amado durante uma batalha, cobrindo-o com seu escudo, e dando a vida para salvá-lo. Os beijos desses homens imortalizam a bravu-

www.leveleia.com.br

Ao quebrar a barreira do primeiro beijo, quando somos adolescentes tudo que queremos é beijar muuuito e mais nada. Nesta fase, não há pudor, beijamos em qualquer lugar. Depois, com um pouco mais de experiência na vida, descobrimos que um beijo longo é mais que suficiente e sabemos aonde e quando dar, nos reservando mais. Já os mais velhos preferem dividir essa intimidade entre quatro paredes, afinal,“ninguém precisa ver nossos beijos”, pensam eles.

A química do Beijo

Ao beijar, troca-se até 9 miligramas de água, 0.7 gramas de albumina, 0.18 gramas de substâncias orgânicas; 0.711 miligrama de matérias gordurosas e 0.45 miligrama de sais, sem contar os vírus e as bactérias. Quem está preocupado com isso? Insalubre é não amar!

Beijos, beijos e beijos.

Tradicionalmente, conhece-se pelo nome de “beijo francês”, o chamado beijo de língua. Mas existem outros formatos. A seguir:

• Beijo de Beber: Os amantes dão de beber um ao outro usando a boca. É um costume romano e fica mais gostoso se for champanhe ou vinho!!! • Beijo de Tia ou Beijo de Comadre: As bochechas se tocam e a boca beija o ar. • Beijinho de Borboleta: encostam-se o olho e a bochecha do casal, e acaricia-se o rosto do parceiro com os cílios. • Beijo de Largatixa: É só dar uma lambida nos olhos de alguém. • Beijo Assoprado: Beije sua mão e assopre para a pessoa em questão. • Beijo de Donzela: Seja educado e romântico beijando a mão de sua amada. As meninas também podem beijar a mão de seu amado.

Jornal

Leve & Leia

®


22

Comportamento

10 dicas

viver bem com

para

ELE

1. Quando estão estressados, os homens ficam calados. As mulheres tendem a interpretar esse silêncio como um sinal de desinteresse ou raiva. Mas o melhor a fazer nessa hora é ignorá-lo. 2. O cérebro masculino é compartimentado: o homem só consegue se concentrar em uma coisa de cada vez. 3. A maioria dos homens dorme melhor do lado da cama mais próximo da porta. Dessa forma, assume simbolicamente a defesa da entrada da caverna. 4. No restaurante, deixe o homem sentar-se de costas para a parede e de frente para a entrada. Assim, ele fica mais à vontade e tem a impressão de que está no controle da situação. 5. Se quiser que ele vá ao shopping com você, forneça-lhe dados específicos: que tipo de coisas vai comprar, em quais lojas e quanto tempo pretende demorar. 6. Deixe claro para o homem se você quer que ele a escute ou que resolva seus problemas. Caso contrário, ele irá sistematicamente sugerir soluções. 7. As mulheres costumam usar o silêncio como punição. Péssima escolha: os homens adoram o silêncio. 8. Nunca tente fazer um homem reconhecer seus erros. Ele acredita que, se admitir que está errado, sua mulher vai amá-lo menos. Explique a ele que, ao contrário, você o amará mais. 9. Para demonstrar autoridade, as mulheres tendem a elevar a voz. Os homens consideram esse artifício um ato de agressão. 10. Uma mulher quer muito sexo com o homem que ela ama. Um homem quer muito sexo.

viver bem com

para

ELA

1. As mulheres precisam ser vistas. Um homem que não tira os olhos da tevê a noite inteira pode dar à companheira a impressão que não a ama mais. 2. Ao lidar com uma mulher irritada, não tente lhe oferecer soluções, nem a contrarie. Apenas demonstre que a escuta. 3. Não se desespere quando sua parceira lhe der um conselho. As mulheres acham que trocar conselhos é uma forma de criar uma relação de confiança, não um sinal de fraqueza de uma das partes. 4. Em momentos de estresse, as mulheres falam sem pensar. Os homens agem sem pensar. 5. Para melhorar suas relações com as mulheres, fale mais. O silêncio masculino é considerado pelo sexo oposto como falta de interesse, esnobismo ou recusa em participar da conversa. 6. Durante uma conversa, as mulheres fazem contato físico de quatro a seis vezes mais do que os homens. Não interprete mal o significado disso. 7. As mulheres tendem a fazer rodeios e a entremear suas conversas com pequenas dicas sobre o que desejam. É o que chamamos de discurso indireto. Dessa forma, elas estabelecem laços com as pessoas e evitam ser agressivas e gerar desentendimentos. 8. Nunca peça a uma mulher que seja seu copiloto. A leitura de mapas está ligada à capacidade de orientação espacial, que é muito melhor nos indivíduos do sexo masculino. O senso de direção do homem é um vestígio de sua época de caçador. 9. Quando a mulher está infeliz no relacionamento, não consegue se concentrar no trabalho. Quando o homem está insatisfeito no trabalho, não consegue se concentrar no relacionamento. 10. Diga que ela é tudo para você. Para que uma mulher fique com vontade de fazer amor, ela precisa se sentir importante e amada. *Extraído do Livro: “Como viver a Dois”, da editora Sextante.

© Bigio | Dreamstime.com

Jornal

10 dicas

Leve & Leia

®

www.leveleia.com.br


Turismo

Vender é Arte

23

Bilhetes de viagem:preço ou qualidade? Da redação

Atualmente o consumidor ao pensar em viajar depara-se com um dilema: comprar passagens mais baratas pela internet ou utilizar os serviços oferecidos por uma agência de viagem, priorizando conforto e segurança?

A

s agências de viagens são empresas privadas que trabalham como intermediárias entre seus clientes e determinados prestadores de serviços turísticos (empresas aéreas, hotéis, cruzeiros) com o objetivo de vender os produtos relacionados a essas viagens, com preços e condições especialmente atrativas em relação ao que uma pessoa física poderia conseguir ao se dirigir diretamente a esses provedores. O sucesso de uma agência de viagens está frequentemente atribuído ao papel que seus consultores de viagem desempenham. São eles que organizam, distribuem e divulgam os pacotes turísticos, oferecendo preços especiais e até vantagens de financiamento, além de facilidades tais como pontualidade, conforto e segurança, somados aos atrativos turísticos que o cliente deseja, oferecendo, ao mesmo, todos os elementos necessários para uma viagem agradável. Com o surgimento da Internet, no setor do turismo, criou-se um debate sobre o futuro das agências de viagens, uma vez que as empresas aéreas começaram a comercializar suas passagens diretamente com seus clientes, deixando de comissionar os agentes de viagens pelas vendas. Para a agente de viagens Gilmara Bregaglio, no inicio, a venda de bilhetes pela internet causou um mal-estar no setor turístico, ao gerar concorrentes tanto de outros segmentos (algumas lojas de departamento famosas, abriram postos para venda de passagens aéreas dentro do próprio empreendimento) como de setores do próprio mercado, como as companhias aéreas que passaram a comercializar até mesmo aluguéis de carros e estadia em hotéis. Porém, segundo ela, essa preocupação atualmente é coisa do passado, pois as agências de viagens que há tempos estão no mercado, se especializaram criando websites que prestam serviços de consultoria ao consumidor que não quer ter problemas futuros e tornaram-se aliadas das companhias aéreas na venda de suas passagens. Para Gilmara, as agências de viagens provaram que um trabalho bem feito, personalizado, dificilmente será trocado pelos comandos da internet. E reforça: “Uma simples passagem é fácil de comprar, mas uma viagem que você sonhou, que tem como objetivo aliviar as tensões do seu dia-a-dia, essa não dá para você fazer apenas dando “enter”. De qualquer maneira, a importância da internet no setor turístico não pode ser ignorada. Os consumidores buscam cada vez mais as redes, devido às facilidades na obtenção de informações turísticas e no processo de decisão. No entanto, a adoção de modelos on-line tem levado a erros básicos por parte das empresas. A ausência de um modelo de negócio sustentado off-line (no mundo real) e o descuido com preocupações estratégicas essenciais, afetam a viabilidade do negócio na Internet. Segundo a agente, tais problemas estão relacionados à forma como as empresas virtuais trabalham, priorizando a produção rápida e os resultados. “São empresas que não se preocupam com a satisfação do cliente no pós-venda e muito

www.leveleia.com.br

menos com a sua fidelização” afirma Gilmara. Por outro lado, as pessoas que utilizam os serviços de uma agência online, alegam que os custos na rede sempre são inferiores aos do varejo tradicional. Com promoções relâmpago que garantem uma economia de até 50%. Tais compras podem ser feitas com alguns minutos, bastando alguns cliques e sem sair de casa. Outra vantagem está na hora do pagamento: na web, o parcelamento pode vir em até 12x sem juros, o dobro do que é ofertado pelas lojas do varejo. Com a opção de pagar via depósito ou boleto bancário. Para a agente Gilmara Bregaglio, esses consumidores devem ficar atentos a alguns transtornos comuns nesse tipo de compra. Segundo ela, problemas de morosidade e insatisfação, referentes à necessidade de remarcação de bilhetes, cancelamentos de viagem e outras alterações que saiam do padrão, podem deixar o consumidor sem ter a quem recorrer ao se deparar com problemas dessa ordem. “A pessoa que utiliza os serviços de uma agência online tem grandes chances de ser atendida por um setor que terá que se inteirar de tudo, para depois ouvir que o problema não é com ele. Temos muitos clientes em nossa agência que passaram pelo trauma das compras por internet e não tiveram a quem reclamar” confessa Bregaglio. Neste sentido, Gilmara lembra que os serviços prestados pelas agências de viagens são de suma importância, pois a tranquilidade passada por seus agentes permite ao cliente desfrutar de uma viagem sem o transtorno de estar preocupado com reservas, horários, etc. Segundo a agente, outro ponto favorável para as agências de viagens, principalmente as que atuam a mais tempo no mercado, são os fornecedores e os clientes antigos, que acabam sendo uma garantia de que nesse tipo de vendas não há surpresas. Quanto ao pagamento, Gilmara explica que ao optar por uma agência de viagens que trabalha de forma séria e profissional, o consumidor pode negociá-lo conforme sua necessidade e com a vantagem de poder recorrer se algum valor for lançado indevidamente em seu cartão de crédito. “Todos os serviços são intermediados com segurança pela agência. Ao passo que pela internet, você sempre fica preocupado e com receio de chegar ao destino de sua viagem e ter o incômodo de não encontrar sua reserva, deparar-se com o hotel escolhido em reforma, ou pior, perder o voo por não receber ou ler o e-mail informando a alteração de antecipação do mesmo”, alerta Gilmara Bregaglio, que conclui, ressaltando que muitas agências de viagens encontram-se fundamentadas no Código de Defesa do Consumidor e na Legislação Civil, que podem ser usados em favor do consumidor, caso o mesmo venha a se sentir lesado em sua compra ou viagem. Colaborou com a matéria a Agente de Viagens Gilmara Bregaglio Contato: atendimento@agenciamontserrat.com.br Jornal

Leve & Leia

®


24

Vida Saudável

Vender é Arte

05

hábitos que atrapalham a dieta (e fazem mal à saúde).

Sugestões de mudanças que podem transformar sua relação com a comida.

V

ocê se dedica à dieta, faz cinco refeições por dia, come alimentos saudáveis, pratica exercícios físicos, mas ainda assim não emagrece tanto quanto gostaria. Essa é uma reclamação muito comum entre as pessoas que vivem brigando com a balança, sedentas por perder alguns quilinhos e manter o corpo em forma. Porém, o que muitos sequer desconfiam, é que a solução para o problema em questão pode ter ligação com algumas manias alimentares difíceis de serem identificadas. Conheça a seguir, 05 hábitos que podem atrapalhar sua dieta, apontados por nutricionistas; e sugestões para melhorar sua relação com a comida e com a balança de forma saudável.

Comer rápido Velho hábito: Quem come rápido não mastiga corretamente e aumenta o trabalho do estômago para digerir os alimentos, o que pode levar ao desenvolvimento de doenças como gastrite e úlcera. O costume também prejudica a obtenção da sensação de saciedade, já que ela demora um pouco para aparecer depois que se inicia a refeição. Se a pessoa come muito rápido, nem dá tempo para o cérebro entender que o corpo está sendo alimentado.

Da redação

Novo hábito: O primeiro passo para mudar a postura, em relação à velocidade com que se come, é estar atenta à quantidade de comida e à forma como a refeição é realizada. As dicas para melhorar essa atitude são: levar pequenas porções de alimentos à boca, comer em lugares tranquilos, descansar os talheres entre uma garfada e outra, evitar se alimentar na frente da TV ou do computador, em pé ou realizando outra atividade, e principalmente: saborear cada bocada. Comer muita carne Velho hábito: ingerir carne em excesso sobrecarrega os rins, pois esse é o órgão que elimina as substâncias derivadas do alimento que não servem para o organismo. Por ser fonte de proteína animal, a carne não deve ser consumida de forma exagerada devido à quantidade de gordura saturada e colesterol que contém. Novo hábito: Nutricionistas aconselham que, por possuir mais gordura saturada que a carne branca, a carne vermelha seja consumida apenas duas vezes por semana. E sugerem o aumento da ingestão de vegetais. Para deixá-los mais saborosos, as sugestões são cozinhá-los em versões diferentes, como grelhados e assados, e temperá-los com molhos light ou à base de ervas. Comer sob estresse Velho hábito: A pessoa que ingere alimentos sob essas condições acaba comendo mais rápido e em mais quantidade, alertam os especialistas. Isso porque, é comum descontar os sentimentos de ansiedade e tensão nos alimentos. Novo hábito: O ideal é se conscientizar que, no horário de refeição, é preciso se esforçar para que os problemas fiquem em segundo plano. Ficar sem se alimentar nesses momentos também não é uma boa alternativa. A saída é nunca pular as refeições, porque isso pode aumentar o apetite e facilitar o ataque a guloseimas e alimentos calóricos. É importante também controlar o consumo de substâncias estimulantes, como bebida alcoólica, café e chá preto, que aumentam a sensação de irritabilidade. Comer com a atenção desviada Velho hábito: Se alimentar enquanto responde e-mail, vê TV ou trabalha faz com que a pessoa preste menos atenção no que está ingerindo e acabe consumindo uma maior quantidade de comida. Novo hábito: O horário de alimentação deve ser respeitado apenas para tal. A dica é realizar as refeições em horários pré-determinados sempre na cozinha ou em um local calmo. Comer sempre a mesma coisa Velho hábito: De acordo com nutricionistas, pratos que não são coloridos podem ter carência de nutrientes. Em função disso, por mais que você adore alguns alimentos específicos e pense que poderia viver apenas à base deles, é importante diversificar sempre o cardápio. Novo hábito: Uma solução para mudar esse habito é alternar os tipos de preparações, realizar novas receitas, incluir temperos variados e inovar sempre o menu, incluindo diferentes tipos de alimentos.

Jornal

Leve & Leia

®

www.leveleia.com.br


Vida Saudável

Herança Aborígene: Óleo de melaleuca

25

A

s Melaleucas pertencem a um grupo de plantas nativas da costa Nordeste da Austrália, também conhecida como Árvore-do-Chá (apesar de não ter qualquer relação com o que conhecemos como chá). Seu óleo é obtido por meio das folhas, a partir de um processo de destilação a vapor. Devido às suas qualidades curativas, o óleo de Melaleuca (Teatreeoil) é usado por aborígenes da Austrália há milhares de anos.

Uso Medicinal

O óleo da Melaleuca é um excelente agente antibacteriano e antifúngico, além de estimular a defesa do organismo.É destinado exclusivamente ao uso externo e tem um efeito intenso sobre a pele e os órgãos respiratórios. Por isso, os banhos, massagens, compressas, inalações, enxágues da boca e outras lavagens são as possibilidades de aplicação mais eficazes. É conhecido por ajudar no tratamento de problemas respiratórios, incluindo dores na garganta, tosse, bronquite e também por ajudar a combater vários tipos de vírus, incluindo a varicela, gripe, sarampo, herpes e verruga. Usar um pouco do óleo de melaleuca diluído, nos poros da pele, combate a acne; da mesma forma que o seu vapor diminui as manchas deixadas pelas espinhas. Pode ser combinada com gel de babosa para tratar fungos e micoses. A melaleuca é usada ainda na aromoterapia, aliviando dores, estresses e tensão. Seu óleo costuma ser combinado com a Lavanda, proporcionando forte ação antibactericida. A seguir, dicas de aplicação e ação do óleo. Lavagem das mãos e pés: os banhos de mãos e pés com o óleo de melaleuca não são somente agradáveis e higiênicos, mas também têm efeitos curativos, combatem os fungos e são um desodorante eficaz contra o suor dos pés. Modo de usar: adicionar de 6 a 8 gotas do óleo a uma bacia de água quente. Deixar mãos e pés imersos durante 10 minutos. Banho de assento: os banhos de assento estão especialmente indicados para o tratamento e prevenção das enfermidades da região genital. Modo de usar: colocar de 6 a 8 gotas do óleo de melaleuca em uma bacia ou bidê com água quente. Tomar um banho de assento durante 5 a 10 minutos. Efeitos medicinais: alívio do prurido da região genital, melhoria das hemorroidas e efeito curativo nas inflamações da bexiga. Enxágues da Boca: para os resfriados, úlceras na boca, dores de garganta, o óleo também tem dado resultados. Modo de usar: colocar de 5 a 10 gotas do óleo em um copo com água quente e agitar bem a mistura. Fazer gar-

www.leveleia.com.br

garejos e enxaguar a boca com essa mistura. Não engolir. Efeitos medicinais: Desinfecção da cavidade bucal, alívio das dores, reforço na cura das regiões já inflamadas, eliminação do mau hálito, deixando-o fresco e saudável. Inalações: as inalações atuam tanto de forma fisiológica, como harmonizante entre o corpo e a alma. Modo de usar: colocar algumas gotas do óleo de melaleuca em uma vasilha de água fervendo para produzir vapor. Inclinar-se sobre ela, tampando a cabeça e a vasilha com uma toalha. Respirar lentamente os vapores aromáticos durante 10 minutos. Importante: manter os olhos fechados porque o óleo de melaleuca pode irritá-los. Em viagens e na vida cotidiana: em viagem e para o uso frequente durante o dia, coloque algumas gotas do óleo de melaleuca em um lenço. Assim, em caso de resfriado ou transtornos respiratórios, poderá inalar, de vez em quando, ao longo do dia. À noite, colocar algumas gotas nos travesseiros. Efeitos medicinais: alívio da tosse, dos resfriados e transtornos das vias respiratórias, equilíbrio do metabolismo em problemas dermatológicos, tais como comichões, acnes, etc. Cuidado eficaz da pele, pois as inalações atuam como uma sauna facial. Compressas: as compressas em gaze desinfetada ou faixas esterilizadas, que permitam envolver várias vezes o local afetado, são também um bom remédio caseiro para inflamações, varizes e muitos outros problemas, e proporcionam um efeito paulatino e profundo. Modo de usar: com o óleo de melaleuca, as compressas adquirem um componente medicinal único. Embeber a compressa em água, torcer para retirar o excesso e colocar sobre ela 3 a 5 gotas do óleo. A água pode estar quente ou gelada, de acordo com a necessidade. Deixar uma hora, reaplicando várias vezes durante este espaço de tempo. Contra inflamações com pus (abscessos): para extrair o pus ou retirar um espinho de uma região inflamada, misturar água a uma quantidade de argila verde e adicionar umas gotas de óleo de melaleuca. Colocar esta mistura na região inflamada e cobrir com uma compressa de gaze. Efeitos medicinais: desinfecção da região, alívio das dores e aceleração do processo curativo. O óleo de melaleuca atravessa a superfície da pele e pode chegar até o foco de infecção, onde desenvolve seu efeito antibiótico. Além disso, ele possui a propriedade de decompor o pus. Massagem: é a forma de medicina mais conhecida pelos seres humanos. Atua mecanicamente sobre a pele e sobre os tecidos abaixo dela (músculos, tecido conjuntivo e partes moles). Relaxa e não só transmite uma boa

© Nadezda Postolit | Dreamstime.com

Da redação

sensação corporal, como pode atuar de forma curativa sobre as dores musculares e tensões psicológicas. Modo de usar: misturar o óleo de melaleuca a um óleo vegetal puro, como oliva, amêndoas ou abacate. Guardar a mistura em um vidro escuro, agitando bem antes de usar. Efeitos medicinais: efeito desinfetante, alívio de problemas dermatológicos, como acne, etc. Cuidado eficaz da pele e ação aromaterapêutica e tranquilizantes na parte psíquica. Misturas: para 100 ml de óleo vegetal colocar 50 gotas do óleo de melaleuca. Para 1 colher (sopa) de óleo vegetal (15 ml): 7 a 8 gotas do óleo de melaleuca. Para 1 colher de (chá) de óleo vegetal (5ml): 2 a 3 gotas. Obs: 20 gotas do óleo de melaleuca equivalem a 1ml. A proporção da mistura acima citada, corresponde a uma diluição de 2,5%. Onde comprar: Farmácia e manipulação Principia: 3719-3983- 3719-5839 Farmácia Ananda: 3769-1000

Jornal

Leve & Leia

®


26

Vida Saudável Vender é arte

Estética

Alimentação no frio Em dias mais frios, as pessoas alegam sentir mais fome, tem um apetite maior. Isso não ocorre por acaso. Vamos ver o porquê! Por Tamara Gentil

N

© Micropix | Dreamstime.com

osso organismo entende que o que temos armazenado é bom, que o tecido adiposo, em um momento de emergência, serviria para suprir as necessidades do corpo. Isso foi muito útil no passado, quando a humanidade dependia da caça de animais, atividade vulnerável e que, na falta, poderia comprometer todo um grupo de indivíduos. Mas hoje em dia, as pessoas tem total acesso aos alimentos, chegam no supermercado e compram o que desejam. Não precisamos armazenar, comemos a todo momento. Porém, o organismo ainda não entende assim e tudo que vem em excesso acaba sendo guardado. E o que tudo isso tem a ver com o frio? Bem, para tentar poupar o tecido adiposo (gordura), que nos serve, dentre outras coisas, como isolante térmico (nos protege da baixa temperatura e impede que o organismo entre em hipotermia), o corpo “pede” através de alterações hormonais, mais alimentos calóricos, ricos em carboidratos, para que essa reserva não se degrade. Assim pode suprir toda necessidade com o alimento novo, sem mexer no que já havia guardado. Outro fator que contribui é o próprio tempo, que propicia comidas mais gordurosas, como fondue, pizzas, pratos mais elaborados. Sem contar as bebidas, além dos chocolates quentes, vinhos e quentões. Em se falando de frio e comidas, agora em Junho, comemoramos as Festas Juninas. Arraiais na escola, no clube, nas comunidades, nas Igrejas. Doces infindáveis feitos com amendoim, churros, crepes. Em minha prática clínica, não proíbo alimentos. Peço, apenas, bom senso e a consciência de que atitudes hoje influenciarão o organismo amanhã. Portanto, socialize, coma, beba. Mas sempre com moderação!

Jornal

Tamara Hamle Batista Gentil é nutricionista, CRN 23.984. Fez especialização na UNIFESP, e atende através do telefone 4616.5102 ou e-mail tamarahamle@hotmail.com

Leve & Leia

®

www.leveleia.com.br


27

Dores na Coluna? A Quiropraxia pode te ajudar nos seguintes casos: • Dor Lombar • Dor Cervical • Dor de Cabeça • Dores nas Costas • Formigamento nos braços e nas Pernas • Estresse • Hérnia de Disco • Escoliose

Telefone: 11 3681-7317

www.drfelipeferreira.com.br

e-mail: contato@drfelipeferreira.com.br

CENTRO COMERCIAL CIDADE DE DEUS Rua Benedito Américo de Oliveira, 325 - sala 16 Vila Yara - Osasco

www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia

®


28

© Monkey Business Images | Dreamstime.com

Vida Saudável

Postura diante do computador O computador tornou-se importante ferramenta de trabalho, mas às vezes, ao manuseá-lo, adotamos posturas incorretas que podem comprometer a nossa saúde. Da Redação

A

tecnologia trouxe praticidade, mas também muita dor de cabeça. O computador é peça quase essencial e muitas vezes facilita nosso trabalho, no entanto ocasionalmente adotamos posturas incorretas que podem levar, ao longo do tempo, a consequências desfavoráveis à nossa saúde - e nossa coluna. Além disso, o mau posicionamento nos leva a utilizar de forma errada outras articulações como as dos ombros, braços, quadris, joelhos e pés. As principais consequências podem ser o enrijecimento de articulações vertebrais, encurtamento dos músculos e dor no pescoço, costas, antebraços e punhos, além de limitações de movimento e sensação de cansaço, desconforto e também distúrbios como cifose, lordose, além de hérnia de disco. Confira algumas dicas para você “teclar” de forma positiva. 1. A cadeira sempre tem que ter encosto e as costas devem ficar rentes ao mesmo.

Também é importante deixar o cotovelo ao lado do tronco, com o antebraço formando um ângulo de 90 graus com o braço. 2. Os pés devem estar sempre à frente da cadeira e firmes, apoiados totalmente no chão. Isso distribuirá o peso do corpo nas pernas. 3. O monitor deve ficar na altura dos olhos, pelo menos 40 centímetros do seu rosto. No caso do notebook é aconselhável um suporte ergométrico e a utilização do mouse. 4. É importante fazer uma pausa do uso, e praticar alguns exercícios simples de alongamento. Respeite também o ciclo biológico: não passe horas ininterruptas nem fique a madrugada inteira na atividade. 5. Evite o mesmo movimento com as mãos na digitação por muito tempo, e procure usar o teclado de forma suave com as mãos retas.

A Festa Junina no Magdala é no Circo O Grupo Socorrista Maria de Magdala convida para a festa: Quando: 11 e 12/06 Onde: Rua Alberto Tanganelli Neto, 497 Convites: Rua Iquiririm, 316 - Fone: 3726-5134 Agradecimento: Marquinho do Centro Comunitário de Esporte do Butantã Jornal

Leve & Leia

®

www.leveleia.com.br


VIida SaudĂĄvel

www.leveleia.com.br

Jornal

29

Leve & Leia

ÂŽ


30

Vida Saudável

Não desperdice sua energia

© Andriy Dykun | Dreamstime.com

Por Maria Isabel Carapinha

*Radiestesia: É a ciência que lida com o estudo dos campos de energia emanado pelas pessoas, objetos e coisas, por indivíduos dotados de uma sensibilidade especial a estas radiações.

E

xistem coisas na vida que nos passam despercebidas, uma delas que acho muito interessante é a arte de observar pessoas sem julgamento. A observação contínua das reações das pessoas frente a fatos e situações conflitantes nos levam a um enorme aprendizado interior. É através da observação que crescemos. Veja, nesse ponto, cabe adicionar um adendo: esta observação não pode vir acompanhada de julgamento, porque senão ela se transforma em crítica e esta desperdiça a nossa energia. Essa observação desprovida de julgamento nos faz remeter à nossa própria maneira de viver, verificando se o nosso comportamento está adequado, se não agimos, da mesma forma, se conseguimos comandar a nossa vida de maneira a confiar e entregar tudo ao Universo, permitindo que as coisas aconteçam da forma como devem ser. Puxa! Como tudo isso é profundo... Podemos aproveitar para refletir um pouco sobre o que estamos vivendo... Será que nesse exato momento de sua vida você está lutando contra uma situação conflitante? Situações conflitantes geram desperdício de energia! Estas podem se apresentar de várias formas: - Em um relacionamento doentio e desgastante, no qual lutamos contra tudo e todos para mantê-lo; - Em um amor não correspondido, em que nos contentamos com as migalhas, quando na realidade somos dignos de ter o todo; - Em uma situação familiar desgastante, em que nos colocamos como elo de ligação, tentando realizar uma união entre todos que há muito não existe; - Em um emprego que não nos satisfaz, mas que nos Jornal

Leve & Leia

®

apegamos a ele como se fosse o último no mundo; - Em doenças que não procuramos a origem para nos libertarmos dela... sim, o seu corpo fala, e a doença é uma forma de alerta sobre determinado comportamento repetitivo que lhe trouxe o resultado, mas que deve ser modificado e não mais fazer parte de sua vida; - Pode ainda ser vivido como uma forma de rejeição contínua, ou seja, em cada situação de sua vida você vive um processo de rejeição com uma face diferente; Eliminar os conflitos significa adquirir o controle de nossa vida. Isto pode ser feito pelo equilíbrio de nossas frequências energéticas, eliminando os bloqueios de nossa vida, que nos levaram a tais situações desgastantes. Em outras palavras, significa colocar a sua vida em Ordem Divina, permitir que o Universo, o “Todo” direcione cada passo de sua existência. Tenha absoluta certeza... é muito mais fácil viver assim!!! Quanto mais você se mantiver em equilíbrio total, mais o seu Supra consciente será magneticamente atraído para a sua consciência e você se tornará desta forma mais sábio, mais intuito e mais desperto para o Amor Incondicional. No campo de observar pessoas, você pode comparar com comportamentos seus e evitá-los. Esta semana, estava conversando com uma grande amiga e ela me transmitia, em sua sabedoria divina, algo que me senti na obrigação de dividir com vocês. Ela iniciou a conversa como sempre faz, na doçura de comparações e observação de pessoas, para me trazer a mensagem final. Ela me disse: minha avó que era uma pessoa muito sábia, sempre me dizia que o fato de criticar pessoas faz com que a nossa energia se desperdice,

é como se nesse momento houvesse uma troca, ou seja, você entrega tudo que há de melhor seu de energia ao outro e pega dele tudo que não é bom, ou seja, entrega a ele a sua sorte. Puxa! Isto me fez pensar e observar... Quantas e quantas pessoas criticam os outros, falam mal de suas vidas, tecem comentários maldosos; e muitas vezes até mesmo nós, como seres humanos que somos, caímos nessa armadilha. Observando as pessoas nesses últimos dias, pude realmente confirmar o que havia sido colocado pela minha amiga: quanto mais criticamos os outros com menos energia positiva ficamos. Com cada vitória que for adquirindo com a mudança de frequência vibracional, você aumentará a força magnética da sabedoria da sua alma, perceberá que a sua intuição pode guiá-lo, sem que para isso exista algum desgaste emocional. Situações desgastantes e comportamentos críticos acentuados não podem fazer parte de sua vida: quanto mais nos entregamos à intensidade de comportamentos e emoções desgastantes, mais perdemos tempo em nossa vida. Por último, quero lhe dizer com toda intensidade de minha alma: você está aqui para ser feliz, elimine de sua vida o que não lhe pertence. Se uma situação é desgastante para você, ela não é para ser vivida, equilibre-se e elimine-a de sua vida! Desejo de coração que você deixe de viver situações conflitantes e possa vislumbrar uma realidade completamente diferente da que vive hoje! Não desperdice a sua energia, mantenha-se em equilíbrio. Para isto, a radiestesia* com auxílio da mesa radiônica pode ajudá-la. www.leveleia.com.br


Horóscopo Comportametnto

Horóscopo mensal O mês de Junho inicia com a influência de um eclipse solar em Gêmeos em seu primeiro dia, algo que refletirá na maneira de nos expressarmos e na forma de lidarmos com os pensamentos diante de assuntos primordiais em nossa vida. Eclipses são frequentes a cada semestre, por isso, muitas situações iniciadas ou transformadas em nossa vida neste mês tendem a refletir por um semestre. Em um eclipse solar, Sol e Lua estão em mesmo signo, portanto, acontece em Lua Nova, algo que deve determinar o início de um ciclo mental, de

Junho de 2011

idéias e de informações que poderão transformar nossa conduta diante de assuntos especiais. Ainda na primeira semana do mês acontece a entrada de Júpiter em Touro, influência que prevalecerá por um ano, refletindo na expansão de valores pessoais e na maneira de lidarmos com questões materiais. Dia 15, ocorre um eclipse lunar, e como estes sempre ocorrem na Lua Cheia, seus impactos tendem a transformar a maneira de nos expormos diante das relações e na maneira de conduzirmos muitas delas daqui por diante.

ÁRIES Neste período suas ideias serão mais intensas, assim como a chance de executálas, mas precisará de paciência. O modo de colocar suas palavras fará diferença diante de suas relações. Por isso, um pouco mais de tato e cordialidade será de grande importância, principalmente com parentes. Há propensões para mais envolvimento com estudos. A vida amorosa aponta um bom momento para mais compreensão de ideias na relação ou em paqueras.

LEÃO O momento é propenso para a expansão de metas profissionais e materiais. A vivência de novas expectativas tende a proporcionar motivações especiais para algo que dê prazer em se dedicar, seja trabalho ou estudos. O período é importante na convivência com grupos e amizades, até para esclarecimentos de assuntos e retomada de contatos. Na vida afetiva, período decisivo para planos importantes com o cônjuge. Boa época para paqueras para quem está só.

SAGITÁRIO A entrada de seu regente Júpiter em Touro propicia mudanças importantes na maneira de lidar com alguns valores e mesmo com o seu ritmo. Será essencial uma atenção a excessos com o corpo e a saúde, principalmente em função do stress. Evite querer resolver várias coisas de uma só vez. A busca por simples prazeres será essencial para o equilíbrio de suas energias. Momento do ano que deverá mudar a forma de conviver com as relações mais importantes.

TOURO Em Junho, e por um ano, acontece a entrada de Júpiter em seu signo, algo que ocorre a cada 12 anos. Este é uma influência que marca um ciclo diferente e expansivo, com tendências para transformações determinantes na direção de metas. Novas ideologias e prioridades tendem a marcar tal momento. Há mais chances para expansão de objetivos materiais. Período de cuidado para não agir de forma exagerada e possessiva nas relações com quem mais ama.

VIRGEM Novos conhecimentos tendem a tomar seu empenho para os assuntos profissionais. Aliás, este é um setor propenso a novidades e mudanças repentinas em métodos e nas relações que tem. Burocracias e temas de justiça serão temas para esclarecer situações, bem como estudos, planos para viagens e relações à distância. Cuide para que os assuntos materiais e profissionais não atrapalhem momentos familiares e também a vida amorosa.

CAPRICÓRNIO Situações diferentes em sua rotina devem marcar mudanças na condução de projetos. Terá mais oportunidades para mudar e incrementar mais criatividade em seu trabalho até para amenizar desgastes e torná-lo mais prazeroso. O período requer atenção com a saúde, que pode tomar uma atenção extra para algum tipo de cuidado ou prevenção. Propensão a demonstrar sentimentos com mais intensidade, especialmente na vida amorosa e familiar.

GÊMEOS O mês inicia com a um eclipse em seu signo, o que traz tendências para mudanças na direção de objetivos e nas idéias para seus planos. É essencial o cuidado para não se dispersar de pessoas importantes e especiais, em função do montante de tarefas que costuma colocar como metas em sua rotina. Neste período de aniversário, são boas as alternativas para um novo momento profissional. Momentos intensos e especiais favorecerão a vida amorosa.

LIBRA Neste mês os estudos e as atividades que tragam conhecimento serão essenciais. Checar informações profissionais e trocar contatos neste meio beneficiará objetivos no setor. Está mais suscetível a contratempos que envolvam papéis e documentos ainda mais relacionados a questões materiais. Mês para evitar despesas e investimentos. Na vida amorosa, atente-se à impulsos para não ter conclusões e palavras precipitadas.

AQUÁRIO Às vezes expor idéias lhe torna revolucionário(a) ou rebelde em função de sua originalidade. E as idéias estarão afloradas neste período, sendo importante ser paciente, pois às vezes leva-se tempo para ter a compreensão de certas pessoas. Muitas vezes o jeito de se expressar interfere nas relações e isto fará diferença nas relações com quem mais gosta. Período para ajustes domésticos, resoluções em questões familiares e decisões importantes na vida amorosa.

CÂNCER Este período do ano será propenso para refletir sobre seus projetos e para perceber quais prioridades deverão ser essenciais. Mesmo que alguns citem este período como “inferno astral” por anteceder seu aniversário, não há regra na Astrologia sobre isso, portanto, use-o para um balanço, retiro, cuidados com o corpo, terapias, espiritualidade e para organizar planos materiais a longo prazo. Evite se exceder em sacrifícios para a vida amorosa e familiar.

ESCORPIÃO Sigilo e estratégica serão fundamentais em seus projetos, especialmente no trabalho. A entrada de Júpiter em Touro, seu signo oposto, aponta oportunidades para expandir parcerias profissionais e em negócios, mas também necessidade de cautela para não se precipitar com o excesso de confiança diante delas. Há mais propensões à contratempos nas finanças. Novas empolgações e sentimentos devem ser percebidos na vida amorosa.

PEIXES A atenção com assuntos do lar e as relações com entes mais próximos devem tomar atenção extra, principalmente na solução de antigas pendências. Fase especial em que papéis ligados a negócios ocuparão uma atenção especial tanto no trabalho como em algum interesse material. A vida amorosa traz oportunidades para retomar velhos hábitos e algumas nostalgias. Procure ser compreensível com alguns pensamentos de quem está ao seu lado. Por Guilherme Salviano www.astrologo.blog.br guisalviano@gmail.com

www.leveleia.com.br

31

Jornal

Leve & Leia

®


32

Vender é arte

Estética

Agenda do cabelo

Da redação

Veja quais os cuidados diários, semanais, quinzenais, mensais e até a cada 3 ou 6 meses, que irão deixar os seus cabelos cada vez mais saudáveis DIARIAMENTE

Pentear ou Escovar - Quem acredita que escovar os cabelos é só uma questão de estética se engana. Uma boa escovada diária, além de ativar a circulação sanguínea do couro cabeludo, distribui o óleo natural do cabelo, que muitas vezes costuma ficar concentrado na raiz. Quem não tem tempo para ficar escovando os cabelos diariamente pode optar por uma massagem profunda a cada três meses, o que irá proporcionar a estimulação da corrente sanguínea e a higienização do couro cabeludo. Dica: jogue o cabelo para frente, inclinando-se, e penteie durante um ou dois minutos. Dê preferência a um pente de madeira largo ou uma escova do tipo raquete (aquelas que têm cerdas só de um lado). Isso é importante para ativar a circulação do couro cabeludo. Lavar com xampu específico e condicionador - Quem tem cabelo oleoso deve lavá-lo diariamente com um xampu antirresíduos ou que equilibre o pH dos fios. Quem tem cabelos mistos, é bom contar com um antirresíduos de vez em quando e um sem sal. Quem tem as madeixas ressecadas deve tomar mais cuidado nas lavagens. O ideal é usar xampu sem sal e condicionador para cabelos secos apenas de dois em dois dias. O antirresíduos deve ser evitado ou usado somente uma vez por mês, para eliminar resíduos de sal, cloro, poluição e cosméticos. Se você faz escova progressiva, jamais o utilize!

UMA VEZ POR SEMANA

Hidratação: a hidratação nos cabelos deve ser semanal, com a realização de nutrição capilar. Esse tipo de hidratação pode ser feito em casa mesmo, com um creme de tratamento que seja adequado às necessidades do seu cabelo e que evite a quebra, situação comum em fios desidratados. Deixe o produto agir por 20 minutos, de preferência com touca térmica. Quem tem cabelo oleoso deve também fazer uso de um xampu de limpeza profunda, passando depois uma máscara hidratante do meio para as pontas. Intercalar os xampus. Esta dica é mais indicada para os cabelos mistos, que precisam se equilibrar.

esfoliação no couro cabeludo tem ação bactericida e regeneradora, pois remove células mortas. Também é indicada para cabelos ressecados, sem brilho e porosos, mas, nesses casos, a periodicidade deve ser diferente, com um tempo maior.

UMA VEZ POR MÊS

Retocar a tinta. Fios desbotados e raízes brancas definitivamente não caem bem. Faça a manutenção todos os meses para não perder o tom desejado e a uniformidade das cores. O cabelo ficará muito mais brilhante e até macio depois do retoque. Se você é adepta da tintura, lembre-se de maneirar no xampu antirresíduos. Cortar. O cabelo cresce entre um e dois centímetros por mês. É importante tirar aquelas pontas ressecadas, quebradiças, desiguais e queimadas de sol. Uma vez ao mês as pontas dos cabelos devem ser aparadas, o que irá determinar a manutenção do corte. Se o seu cabelo demora mais a crescer ou é muito longo, passe a tesoura de três em três meses, pelo menos. Que tal dar uma nova vida ao seu corte, ou mesmo um novo estilo?

capilar e serve para fixar as ceramidas dos fios, fechando e protegendo as cutículas. Escova progresssiva. Costumam durar de 30 a 40 lavagens. Por este motivo, após três meses o cabelo já está precisando de uma “repaginada” para permanecer com menos volume e ondulações. Como o efeito é progressivo, ao manter a frequência e o intervalo de três meses entre uma escova e outra, as madeixas vão ficando cada vez mais lisas.

A CADA 6 MESES

Escova definitiva. Quem é adepta da escova definitiva ou japonesa precisa retocar a raiz com esta frequência. É indicada a manutenção, a cada seis meses, de qualquer tipo de alisamento de fios à base de tioglicolato de sódio. Como este procedimento é mais forte e não costuma ser barato, cinco ou seis meses (dependendo do tipo de cabelo) é o tempo ideal para se esperar. No caso de fios que nascem bem cacheados ou crespos, o visual fica melhor se a raiz for alisada em menos tempo, de três em três meses, por exemplo. Até lá, hidratação nela!

A CADA 3 MESES

Cauterizar ou queratinizar. A cauterização e a queratinização, tratamentos de choque feitos no salão, são ideais para devolver a maciez, a força e o brilho aos cabelos, acabando com aquele aspecto quebradiço e “espigado”. A queratina ajuda principalmente os mais ressecados, agindo mais profundamente que as hidratações normais. A cauterização é uma espécie de plástica

Hidratar os fios mais secos. Cabelos ressecados pedem uma hidratação mais profunda, então nada de fugir do salão! A reposição hídrica é essencial. Já os mistos devem ser reidratados nas pontas e tratados com antirresíduos na raiz. Fazer um peeling capilar. Anote isso na agenda se você tiver cabelos muito oleosos ou com caspa. Essa

Jornal

Leve & Leia

®

© Viorel Sima | Dreamstime.com

DE 15 EM 15 DIAS

www.leveleia.com.br


Trag a sua este cu p p e ga rimeira om na desc nhe 30 visita simp onto n % de R$ 4 les. E o cor 5,00 le sa te ir por R$ 3 á de 0,00 .

Cuide da saúde de seus pés: Podologia, Relexologia, Laserterapia para Micoses, Órteses para Correção de Unhas, Polimento - Corte - Hidratação Aniversariantes de Junho têm 20% de Desconto

A Barbieri del Capo fica no Center Shop Colina de São Francisco, Av. Dr. Cândido Motta Filho, 731 loja 377 - Tel.: 3763.2237. A matriz fica em Alphaville, no Shopping Flamingo: Alameda Araguaia, 762 - Loja 57S. Tel.: 4193.4255 www.leveleia.com.br

Porque se cuidar é indispensável L Jornal

© Yuri Arcurs | Dreamstime.com

INSPIRADA NAS ANTIGAS BARBEARIAS DE BAIRRO,  A BARBIERI DEL CAPO OFERECE OS MELHORES  SERVIÇOS A HOMENS QUE VALORIZAM CUIDAR  DA APARÊNCIA EM UM AMBIENTE EXCLUSIVO.

eve & Leia

®


34

© Dmitry Ersler | Dreamstime.com

Estética

Erros de maquiagem que podem abalar sua imagem Da redação

N

a ânsia de parecer perfeita, ficar mais bonita, melhorar a autoestima, impressionar ou simplesmente por que gostam, algumas mulheres acabam exagerando ou cometendo erros que comprometem a maquiagem e o visual. Saiba quais são e arrase no próximo encontro! Olhos Nada melhor do que denotar modernidade e sofisticação. A escolha da cor da sombra depende muito do efeito que você quer dar a seus olhos. Quem tem olhos muito pequenos e quer aumentá-los deve escolher uma cor clara para o côncavo e escura para fora. Se, ao contrário, você quer deixar seus olhos menores, use os tons de marrom, que ficam bem suaves. Em uma produção para noite pode se fazer bem preto, sempre passando o lápis dentro do olho. Para olhos muito juntos, a dica é passar um tom clarinho na parte interior da pálpebra e esfumar a parte de fora com um tom mais escuro. Para olhos separados, opte por uma sombra de tonalidade escura em toda a pálpebra. Base Um rosto com uma camada muito espessa de base, o chamado “reboco”, ou a diferença de cores entre o rosto e o pescoço, a chamada máscara, são para assustar mesmo. Super bronzeada ou pálida igual fantasma - não importa a impressão: a cobertura da pele deve estar o mais natural possível. Para não errar na escolha da cor da base, faça um teste aplicando uma pequena quantidade do produto na maçã do rosto. Se ficar invisível, aposte no tom escolhido. Outra dica é o tipo da base: opte pela versão oilfree, livre de óleo, para evitar a aparência de pele oleosa.

Jornal

Leve & Leia

®

Gloss e Batom O gloss foi feito para dar brilho apenas; e não para ficar escorrendo e grudando. O melhor é optar por um produto fino e leve, aplicado em pouca quantidade. Já em relação ao batom, quando usado em cores fortes como vermelho, vinho ou marrom, a atenção deve ser redobrada e vale conferir, constantemente no espelho, ao retocá-lo, se os dentes estão sujos. Blush O blush serve para conferir uma aparência mais saudável e iluminada. Mas é importante aplicar do jeito certo. Fazer o estilo palhacinha, com dois círculos marcados nas bochechas, vai detonar o visual. Para evitar esse transtorno, o ideal é esfumar bem o produto com auxílio de um pincel específico para essa finalidade. Faça movimentos ascendentes indo das maçãs do rosto em direção as têmporas. Cuide para não deixar muito escuro ou manchado. Se quiser um look com cara de praia, troque o blush por um pó de efeito bronzeador. Exagerar na base, corretivo e pó é um erro comum. Na ânsia de corrigir todas as possíveis imperfeições, muitas mulheres acabam exagerando nesses produtos. O resultado é uma pele empelotada, com cara de massa corrida. A base líquida é a mais leve e não deixa o rosto com um aspecto pesado. Aplique o pó compacto com pincel para não deixar a maquiagem espessa e nem carregada. Rímel Vale a pena aplicar várias camadas de máscara para cílios, dando mais impacto ao visual, desde que você tome cuidado para que não fique com a cara de Emília. Os cílios grudados uns nos outros fazem você perder toda a força do olhar. Cílios cheios de bolinha do rímel

também afastam de perto qualquer pretendente. Fora que você ainda corre o risco de sofrer com as pálpebras borradas no fim do encontro, no maior estilo panda. Se o que você quer é um cílio longo e bem definido, prefira sempre uma máscara alongadora, que deixará o efeito desejado, usando uma quantidade menor do produto. Lápis Labial Muitas mulheres querem aparentar ter a boca maior e acabam usando lápis labial fora do contorno dos lábios, ou mesmo desenhando “lábios novos” com batom. A chance de isso dar muito errado é gigante e todo mundo percebe que você “borrou” a produção. Para parecer que tem lábios maiores, experimente usar o lápis labial no contorno dos lábios, não fora deles. E cuide para o lápis ser do mesmo tom do seu batom. Passar um pouco de gloss no centro da boca para dar volume também ajuda. Sobrancelhas Sobrancelhas arredondadas denotam muita descontração e alegria, por isso alguns homens podem não levar a mulher muito a sério. Já as sobrancelhas caídas aparentam uma expressão mais triste. E você precisa estar radiante no seu encontro, não? Sobrancelhas mais escuras que o cabelo também ficam estranhas e carregam o visual. Afinal, não dá pra ser loira e ter a sobrancelha preta. Se você descolore os cabelos aproveite para descolorir um pouco a sobrancelha também, para não ficar tão destoante. Opte sempre por sobrancelhas bem depiladas e simétricas. O formato que está na moda são as arqueadas! Se tiver alguma falha, corrija-a com um lápis para sobrancelhas da mesma cor dos pelos. Fonte: dicas do maquiador Alexandre Krisek. www.leveleia.com.br


HAPPY PAPER, NAMORADOS E VOCÊ!

Moda

35

Seja do jeito que for, o importante é declarar o seu amor! Nós da Happy Paper, apaixonados declarados, estamos aqui para te dar aquela forcinha de sempre! Tem presentes para todo tipo de amor! É só escolher... Bandeja de colo

Urso de pelúcia

Cofrinho porquinho

Canecas Taça

Almofada

Porta retrato

Necessaire www.leveleia.com.br

Porta DVD Center Shop Colina Av. Dr. Cândido Motta Filho, 545 Lj 08 Tel.: 3765-1938 / www.happypaper.com.br Jornal

Leve & Leia

®


36

Moda

Sobretudo para o inverno Dicas de como usar esse item básico da moda inverno e ficar quentinha e bem vestida.

© Lepas | Dreamstime.com

Por Alessandra Busko

P

ara ficar protegida nesse inverno sem perder o charme e a elegância, o sobretudo ou trenchcoat, é peça indispensável em qualquer armário feminino. O sobretudo fica ótimo com qualquer produção e ocasião. Com modelos variados e modelagens modernas, ele pode ser encontrado em comprimentos na altura dos joelhos para baixo, com detalhes como peles, bolsos, amarrações, aplicações nos tecidos mais leves aos mais pesados e em cores que vão desde as neutras até as mais coloridas e contrastantes. Mulheres de estatura baixa devem apostar no casaco sobretudo mais curto para não achatar a silhueta. Já as mulheres de estatura mediana a alta podem abusar de qualquer comprimento. Para as que estão acima do peso, o sobretudo é uma ótima opção para esconder e disfarçar os quilinhos a mais. Para looks mais clássicos e discretos, uma dica de como usar sobretudo é combinar calça de alfaiataria com o casaco em cores neutras e escuras. Jornal

Leve & Leia

®

Para produções mais descoladas e modernas, opte pela composição do sobretudo com calça jeans, legging, meia fina, ou invista nos sobretudos coloridos ou estampados. As cores de sobretudo para o inverno que mais se destacam nesta temporada são o camelo ou caramelo, branco, cinza e preto (para looks mais discretos) e azul, vermelho, roxo, rosa, verde e amarelo para looks mais despojados. Aberto ou fechado, o trenchcoat pode ser usado da maneira que desejar. Uma dica para deixar a produção ainda mais charmosa, é utilizar o sobretudo inteiro fechado como vestido, para afinar e alongar a silhueta, ou complementar com detalhes como cinto e faixas marcando a cintura. Nos pés, use calçados confortáveis como botas com salto médio e sapatilhas para usar durante o dia. Para um look mais elegante e sofisticado, aposte nas botas de salto alto, ankle boots e sandálias pesadas. Os acessórios como cachecol, lenços, luvas e gorros, além de proteger ainda mais nos dias frios, dão um toque especial ao modelito. www.leveleia.com.br


37

Shopping da Granja Vianna 1

2

4

3

5

Mr. Kitsch: 1 e 3 - Kit Camisa + Jeans R$ 249,90 ou 4x R$ 62,99; 2 - Malha Preta R$ 199,90 ou 3x de R$ 66,99; Save: 4 - Cintos Dupla Face a partir de R$ 69,00 5 -Sapatos Castanho e Preto - R$ 179,00 www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia


38 Shopping da Granja Vianna 1

2

3

Óticas Carol: 1- Óculos Fendi R$ 889,00 em 6 x; Kamppala: 2 - Colete de pele R$ 179,00 e malha básica R$ 69,00; 3 - Calça Montaria com botões R$ 95,00; Yukka: 4 - Bota Montaria Matelassé R$ 259,90 Jornal

Leve & Leia

®

4

www.leveleia.com.br


39 1

2

3

4

Óticas Carol: 1- Óculos Mercedes Benz R$ 846,00 em 6 x; Kamppala: 2 - Casaco de tricot com Pele R$ 369,00 e malha básica de oncinha R$ 78,00; Yukka: 3 - Sapatilha USAFLEX R$ 149,90; Maria Maria: 4 - Camisa Xadrez feminina R$ 65,00 www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia

®


Jornal

Leve & Leia

www.leveleia.com.br


41

www.leveleia.com.br

Jornal

Leve & Leia


42

Moda

1

2

4 3

Jornal

Leve & Leia

Maria Maria: 1 - Polos masculinas Inkabrock R$ 68,00 e 2 - Casaco Feminino R$ 89,00; Divino Luxo: 3 - Camisola Oncinha R$ 79,90; 4 - Lingerie Vermelho R$ 74,90

www.leveleia.com.br


Meio Ambiente

Casa

Vender é Arte

43 43

ECOBAG: FAÇA A SUA!

F

aça sua própria ecobag e deixe-a mais bonita personalizando o tecido com um desenho de seu filho.

Material: 2 retângulos de 36,5 x 41,5 cm de brim cru (ou outro tecido). 2 retângulos de 36,5 x 41,5 cm de tecido de forro. 2 cortes de alça (tipo cadarço) medindo 60 cm cada um. Lápis ou caneta. Placa de corte, régua e cortador. Ferro de passar roupa. Máquina de costura. Alfinetes. Tesoura. Modo de fazer 1. Com o auxílio de uma régua, risque com lápis ou caneta o tecido e corte-o nas medidas já indicadas duas vezes no brim e duas vezes no tecido do forro. 2. Junte os lados direito com direito do brim, e alfinete, deixando o tecido bem retinho. 3. Costure começando pela lateral superior direita, depois costure a parte inferior e a outra lateral. Não costure os quatro lados, pois a bolsa precisa de uma abertura. 4. Alfinete o tecido de forro, direito com direito. Em seguida, costure somente as laterais. O fundo e o topo ficarão sem costura. 5. Para fazer o fundo da ecobag, abra a bolsa (notando que ela ainda está pelo avesso).

www.leveleia.com.br

Esse truque de costura é que dará o formato. No fundo da bolsa você tem duas pontas: a ponta da direita e a da esquerda. Escolha uma delas para começar. 6. Coloque a bolsa numa superfície plana. Alinhe bem essa ponta, usando a linha de costura do avesso (o fundo) com a costura lateral que está do lado de fora da peça. Deixe ambas as linhas uma em cima da outra (vale dar uma olhadinha por fora para ver se está certinho) e prenda com alfinetes. 7. Com uma caneta, marque uma linha de 5 cm: da ponta para o centro (5 cm), da esquerda para a direita (5 cm) e da direita para a esquerda (5 cm). Marcando assim você centraliza bem. Risque. Repita esse processo do outro lado. Leve para a máquina e costure. O resultado é um cantinho bem assentado. 8. Vista o forro na bolsa. A bolsa do lado direito com as alças já alfinetadas. Deixe as alças para baixo. 9. Encoste os lados direito com direito. Note que a costura do forro fica no topo. Alfinete toda a volta, deixando os tecidos bem ajustados. Costure. Para a alça ficar bem firme e segura, faça o retrocesso com a máquina, assim a costura fica bem reforçada. Por último, vire a peça para o lado direito. 10. Para finalizar, feche o fundo. Dobre as pontinhas para dentro. Se você quiser facilitar a costura passe a ferro para assentar. Prenda com alfinetes e costure. Fonte: site Maxima.

Jornal

Leve & Leia

®


05 dicas para o seu carro no inverno

© Denis Raev | Dreamstime.com

Automóvel

44

Evite ter problemas nessa época do ano. Da redação

Q

uando chega o inverno, costumamos tomar vários tipos de cuidado. Abrir a casa durante o dia para evitar alergias, cuidar da saúde para não pegar uma gripe, usar o secador de cabelos antes de sair. O que nem todos sabem é que o carro também precisa de cuidados especiais nesta época do ano. A seguir, algumas dicas para manter o bom funcionamento do seu carro quando a temperatura cair. Bateria No inverno, com a temperatura mais baixa, o motor pode precisar mais da bateria para funcionar. Isso acontece por que no frio, o óleo pode estar mais viscoso, necessitando de mais energia. Segundo especialistas, a bateria é um dos principais itens a ser checados no inverno. Por isso, é importante que esteja tudo em ordem. Motor de arranque Esse componente é fundamental na hora de dar a partida e passa ser mais exigido no inverno. Por isso, não basta estar com a bateria em dia já que, sem o motor de arranque funcionando perfeitamente, o carro não vai pegar nos dias mais frios. Itens como o bendix e as escovas desse componente são os que costumam apresentar mais defeitos na maioria das vezes. Reservatório de partida a frio Os carros flex têm um reservatório que deve ser abastecido com gasolina para facilitar a partida quando o carro estiver abastecido com álcool. Em lugares ou épocas do ano em que a temperatura fica acima de 20ºC, a gasolina deste reservatório não é utilizada. Quando chega o inverno e a temperatura cai, o carro pode apresentar alguns problemas. Se a gasolina está há muito tempo no reservatório, pode ter perdido o seu poder de combustão e se tornado inútil no tanquinho. Neste caso, é necessário levar o carro até uma oficina para retirar o líquido que está no reservatório e abastecê-lo novamente. Dê preferência à gasolina aditivada, que dura mais tempo. Outro problema recorrente se dá com o solenoide de abertura do reservatório. Por ficar muito tempo parado, ele pode enguiçar e não liberar mais a gasolina

Jornal

Leve & Leia

®

que seria injetada para facilitar a partida. Quando isso ocorre o solenoide deve passar por uma limpeza ou ser trocado em alguma oficina. No inverno, a gasolina do “tanquinho” pode acabar mais rápido, então é bom ficar atento. Alguns carros não utilizam esse combustível só na partida, mas também para aumentar o torque do motor até o carro esquentar. Afogador Em temperaturas mais baixas, o afogador do carburador é mais requisitado na hora da partida. Se não estiver funcionando, o carro não funciona. Sinal de que é bom verificar o carburador também. Ar-condicionado No verão o ar-condicionado é utilizado quase todos

os dias. O inverno chega, a temperatura cai e o acessório fica esquecido no carro até o calor voltar novamente. O problema é que muito tempo desligado pode ressecar as borrachas de vedação e danificar a tubulação. Mesmo no inverno, é recomendável que o ar-condicionado seja ligado uma vez por semana por pelo menos dez minutos. Esse tempo de funcionamento fará o gás circular pela tubulação e lubrificar as borrachas, mantendo a qualidade do ar-condicionado. Afora isso, existem muitas outras medidas que ajudam a manter a saúde do seu carro e que não estão diretamente relacionadas ao inverno e ao frio. É bom revisar o carro pelo menos duas vezes por ano e levar a uma oficina sempre que houver alguma dúvida. Fonte: Revista Auto esporte www.leveleia.com.br


Comportametnto

www.leveleia.com.br

Jornal

45

Leve & Leia


Casa

46

Os bons fluidos O da mandala de sal colorido Dizem que os monges budistas fazem mandalas de sal colorido. Com muita arte. Prontas, admiradas, contempladas, amadas, são logo desfeitas. Querem lembrar que, na vida, tudo é transitório. A cada dia, a cada momento, é hora do recomeço. O mais certo na vida é a incerteza. Saúde, oração, paz, amor, perdão, trabalho, humildade, valorizam a vida e os sentimentos negativos de orgulho, inveja, ira e apego a depreciam. Da redação

Jornal

Leve & Leia

®

© Calee Allen | Dreamstime.com

riginalmente utilizadas para a meditação, as mandalas são hoje artefatos de decoração que compõem uma atmosfera de paz e serenidade. Uma mandala é sempre um desenho sagrado onde, no seu interior, forças poderosas estão em movimento. As energias de uma mandala são regeneradoras, equilibradoras e ativadoras. O seu campo de força modifica a nossa energia em vários níveis. Ela estimula a mente, equilibra as emoções e ativa processos físicos. Os monges budistas são especialistas em fazer mandalas de sal colorido.Feitas com o maior cuidado e com a maior dedicação, elas são desmanchadas logo depois de prontas para demonstrar a transitoriedade das coisas na vida, mesmo que elas exijam o maior esforço. Com esse ritual, os monges nos ensinam que assim é que nós devemos encarar o dia-a-dia: sempre prontos para começar tudo de novo, se preciso for. A paciência e dedicação desses monges ao fazer minuciosamente cada detalhe da Mandala de Sal, que depois de concluída e apreciada é desmanchada, nos transmite algumas lições, tais como: Perca o referencial de vez em quando. Saia de sua zona de conforto. Dê oportunidade ao imprevisível. Nada é mais certo do que a incerteza. As coisas têm o valor que nós damos a elas... “ Panta Rei” é uma expressão do pensador Heráclito, que significa TUDO MUDA (tudo flui, nada persiste) - e ele usava como metáfora filosófica a ideia de pisar num Rio, que um milésimo de segundo depois de pisado, já não era mais feito da mesma água. A Saúde - A nossa maior dádiva! A Oração - A solução para os dias atuais com a Terra em transição! A PAZ - Busque-a na sua Energia Vital, no interior do seu ser! O Amor - O elo, a razão e o entendimento para tudo! O Perdão - A ascensão espiritual! O Trabalho - É o nosso estímulo! A Humildade - É a sabedoria! O Orgulho - é a maior DOENÇA da ALMA! www.leveleia.com.br


Casa

Elementhos na casa cor Inaugurou ontem a Mostra de arquitetura e decoração mais importante do país; a Casa Cor de São Paulo.

A

Elementhos Projetos obteve como desafio nesta Edição Casa Cor 25 anos o Banheiro Público Masculino. O ambiente tem como características predominantes: sofisticação, elegância, dinamismo e sustentabilidade. Linhas retas e bem marcadas compostas por tons cinza e amarelos, detalhes minuciosamente escolhidos tais como a poltrona Pigalle da Artefacto, despojada e confortável, e as gravuras que criam uma composição com carros antigos identificam um ambiente sofisticado e ao mesmo tempo prático, fazendo assim uma alusão ao universo masculino. A iluminação indireta, um tanto quanto intimista contribui para um espaço acolhedor, que integra tecnologia e sustentabilidade. A utilização dos espelhos e quadro vivo foi propositalmente pensada para ampliar a sensação de um ambiente mais charmoso e natural. Para fortalecer as características acima mencionadas utilizamos da frase: “As Idéias nascem aqui”, pois de

2011

Por Syrlene Del Paulicchi

onde menos se espera e talvez do menor estado de espírito nasça a melhor oportunidade e realização. Não perdendo o foco na sustentabilidade foi utilizado neste espaço: • Bancada de Silestone – Carbono, um produto do Grupo Cosentino com selo ISO 14001; • Piso e revestimento da Roca – com selo Greentiles Ecologically Sensitive, a cerâmica integralmente ecológica; • Lâmpadas Par 30 de LED, novidade no mercado! Lâmpada de foco que consumem menos energia e e emite baixo calor; • Mictório Deca – Save, novidade no mercado! O diferencial desse produto é que não utiliza água em seu processo; • Lâmpadas econômicas fluorescentes T5 e fitas de LED, sendo produtos economizadores; • Quadro Vivo, o jardim vertical. Utiliza plantas nativas e conta com um sistema de irrigação própria. Esse produto faz a renovação continua do ar no ambiente! Rua Prof. Herbert Baldus, 133 (paralela Av. Cândido Motta Filho) Vila São Francisco _São Paulo

EXCLUSIVIDADE e SOLUÇÕES COMPLETAS

www.leveleia.com.br

11 - 3467-6594 contato@elementhos.com.br www.elementhos.com.br

47

Designer de interiores formada pela Academia Brasileira de Artes. Ganhadora do concurso Novos Talentos de 2001 promovido pela Editora Abril. Especializada em Feng Shui Tradicional Chinês. Atua há 10 anos na Vila São Francisco contando com uma equipe de 12 profissionais de arquitetura e design de interiores.

Período 24 de Maio a 12 de Julho Local Jockey Club de São Paulo Av. Lineu de Paula Machado, 1.075 Cidade Jardim - São Paulo - SP Horário Terça a Sábado: 12:00hs às 21:30hs Domingos: 12:00hs às 20:00hs www.casacor.com.br/saopaulo

Jornal

Leve & Leia

®


48

Casa

Roupas de cama: cuidados para dormir melhor e proteger a saúde O tempo esfriou! É hora de tirar os cobertores e os edredons do armário, mas é ai que vem o problema, depois de tanto tempo guardados, eles precisam ser lavados para evitar desconfortos.

D

epois de meses de calor, de repente a temperatura baixa, e ao tirar as cobertas do armário percebemos aquele cheiro de guardado. Aí vêm espirros, desconforto e até o sono sai perdendo. O problema é que no inverno, cresce o número de casos de alergias respiratórias, típicas dos dias frios. A alergia é uma “resposta imunológica exagerada”; isto é, ocorre quando nosso organismo reage com exagero a alguma substância estranha. Seus principais sintomas são a tosse, a coriza e a coceira nos olhos, na garganta e, muitas vezes, na pele. Os causadores dessas alergias variam muito, podendo ser alimentos, tecidos, pelos ou penas de animais, poeira, mofo e até o pólen das flores. Quem passa por uma situação

como essa deve, primeiramente, descobrir a fonte da alergia, através do diagnóstico de um médico especialista que também poderá prescrever remédios antialérgicos, cortisona, dentre outros. Depois, é preciso encontrar meios de ficar longe do agente causador das alergias. É por isso que se prevenir é tão importante. E tudo começa com a limpeza do ambiente em que você vive. A seguir, dicas de como deixar o seu quarto e as roupas de cama um brinco. Quarto: os males da cama Eles podem reunir ácaros, poeira e até células mortas do corpo. Os ácaros se alimentam de resíduos da pele (escamação) e, apesar de terem vida curta (50 dias em média), se reproduzem rapidamente aos milhões. Quanto maior for

Da redação

o número de ácaros, mais alergias eles provocarão. Artigos como bichos de pelúcia, tapetes, almofadas, travesseiros, edredons e cobertores normalmente são utilizados por muito tempo sem lavar, por isso acumulam um número enorme de ácaros, que acabam provocando pequenas alergias até nas pessoas não alérgicas. Para se ter ideia, quase 50% do peso de um travesseiro antigo é composto por excremento de ácaro! Quanto maior o tempo desde a última higienização, maior a quantidade dessas partículas alojadas no local. A dica é simples: é preciso lavar as peças e guardá-las adequadamente. Colchões e travesseiros, de quem já tem prédisposição para alergias, precisam de muito mais cuidados. Mesmo que não tenham manchas visíveis ou cheiro de pó, o mofo pode estar presente, através de micro-organismos, © Ventin | Dreamstime.com

LAVANDERIA E OFICINA DE COSTURA

rno , e s Inv ete e p o d e Ta pas ã oç d ou om gem e R r P va as o. lte! La rtin ern nsu Co Inv Co de

Tecnologia, modernidade e qualidade que você já conhece, também faz quaisquer tipos de reparos necessários, em sua Oficina de Costura.

DELIVERY

Loja Colina São Francisco | Av. Dr. Candido Mota Filho, 731-Tel.: 3765-2555 Loja Extra Raposo Tavares | Rod. Raposo Tavares, km 14,5 -Tel.: 3733-5547 Loja Walmart F. Morato | Av. Prof. Francisco Morato, 2585 - Tel.: 3721-5112

www.5asec.com.br

Jornal

Leve & Leia

®

www.leveleia.com.br


Casa

e principalmente dos ácaros.O ideal seria lavar as roupas de cama com frequência e colocar o colchão, travesseiros e edredons para tomar sol. Proteja seu quarto da poeira Para evitar as alergias, basta adotar hábitos simples, como: - Manter o quarto sempre arejado e ensolarado; - Forrar colchão e travesseiro com capa impermeável; - Lavar e trocar fronhas, lençol e outras peças com bastante frequência - Cobertores devem ser substituídos por edredons que possam ser lavados quinzenalmente; - Limpar a mobília do quarto com pano úmido com frequência superior a uma vez por semana; - Limpar persianas com pano úmido ou em caso de cortinas de tecido leve, lave-as a cada 15 dias no máximo; - Aspirar cortinas, tapetes e carpetes; - Evitar que animais que soltem pelos, como cães e gatos, fiquem no ambiente, principalmente na cama. - Não fumar dentro do quarto; - Evitar deixar no quarto objetos que acumulem poeira como livros, revistas, brinquedos de pelúcia, caixas e quadros; - Evitar cheiros fortes como de tintas, solventes, inseticidas e produtos de limpeza.

A ideia é você ter um jogo em uso e outro lavando (no caso dos lençóis e fronhas). É claro que você pode ter mais do que isso, mas não é necessário. Se você é minimalista, essas quantidades bastam. Uma colcha ou cobre-leito é importante para que você não suje a roupa de cama quando se sentar sobre ela. Especialmente no caso dos edredons e cobertores, que não são lavados sempre. Frequência de lavanderia: • edredons: a cada 6 meses • cobertores: a cada 6 meses • mantas: a cada 6 meses • lençóis: semanalmente • fronhas: semanalmente • colchas: quinzenalmente Lençóis, fronhas e colchas, devem ser lavados em casa, a não ser que sua máquina não suporte o tamanho da colcha (existem colchas leves e colchas mais grossas, que podem necessitar de lavagem profissional). Cobertores e edredons, por exemplo, como são peças grandes, quando lavados em casa podem causar prejuízos, pois a maioria das máquinas domésticas não os comporta: até conseguem lavar, embora fiquem machucados devido ao atrito com a máquina. Por isso, é recomendável levar a uma lavanderia.

49

A roupa da outra estação deve ser guardada em outro lugar, geralmente na parte de cima do armário. O ideal é armazená-los naqueles sacos à vácuo, pois evitam a proliferação de bactérias e mofo. Mas você pode guardar em sacos próprios para isso, ou mesmo caixas de plástico. Regra geral: As roupas devem ser guardadas somente após serem limpas. Dicas • Troque a roupa de cama e as toalhas de banho uma vez por semana. • Quando fizer sua cama, experimente usar um nebulizador de ação bactericida*, com fragrância de flor de laranjeira, de lavanda, etc. Mantém a roupa de cama limpa e higienizada e deixa uma sensação muito agradável ao deitar. • Toalhas de rosto e de mão: troque 2 vezes na semana. • Troque diariamente as toalhas do lavabo. Mantenha uma cesta com toalhinhas enroladas sobre a pia. *Nebulizador bactericida: use um frasco borrifador (como os utilizados em manicures, em jardinagem) com uma mistura de essência/água e Lysoform verde. Existem no mercado as águas de lençol, refrescantes e em diversos aromas. Colaborou com esta matéria: 5 a sec Vila São Francisco 3765-2555

(11) 3763-5544

IMÓVEIS NOS MELHORES CONDOMÍNIOS DA REGIÃO

Cadastre seu imóvel conosco! Temos clientes qualificados para comprar e alugar.

www.leveleia.com.br

Av. Dr. Martin Luther King, 2220 V. São Francisco - CEP 05352-020 SÃO PAULO / SP

COND. COLINA E VILLAS DE SÃO FRANCISCO E REGIÃO, PQ DOS PRÍNCIPES, JD. ADALGISA, JAGUARÉ, OSASCO E REGIÃO Departamento jurídico próprio assessoria em FGTS e financiamento WWW.FORTUNAIMOVEIS.COM.BR

Jornal

Leve & Leia

®


50

Casa

Decore a casa com os desenhos de seu filho

S

abe aquelas pinturas e os rabiscos do seu filho, que você guarda com tanto carinho? Use-os com criatividade na decoração de vários objetos. Exposição de arte Recorte o desenho da criança e escolha um quadrinho no tamanho exato dele. Passe cola no papel e fixe-o na tela. Pinte a moldura do quadro na cor de sua preferência. Aguarde a secagem e, depois, enfeite a peça com laço de fita de tecido e estrelinhas feitas com caneta hidrográfica. Ao final, é só pendurar! Jardim de flores Uma boa sugestão para reaproveitar garrafas de vidro é transformá-las em charmosos vasos de mesa. A decoração fica por conta da colagem daquelas deli-

Jornal

Leve & Leia

®

cadas flores que a sua menina fez um dia. Basta recortar os contornos da imagem e fixá-la com cola branca na garrafa, deixando o caule da flor próximo à base da peça. Escritório animado Ter na mesa de trabalho objetos que tragam à lembrança o carinho do seu filho por você é uma gostosa emoção. Aproveite os desenhos pequenos que ele faz, como bola, foguete, pipa, estrela e sol, para revestir porta-lápis e caixinhas de madeira. Pinte-os com tinta acrílica usando cores que contrastem com a arte da criança. Após a secagem, cole os desenhos recortados como desejar. A tiracolo Até a sua “ecobag” pode ser personalizada com uma figura divertida. Para isso é preciso recorrer ao transfer, uma

Por Márcia Asnis e Fabiane Guimarães

técnica de estamparia - lojas especializadas em faixas ou fotografia digital oferecem esse serviço. O desenho (que deve ser feito em papel sulfite com tin-

ta acrílica) é transferido para uma bolsa lisa de algodão que você compra pronta. Tenha o cuidado de não passar a peça a ferro nem abusar das lavagens.

www.leveleia.com.br


Vida Animal

Comportametnto

Dentes limpinhos e hálito agradável

O

Tártaro é apenas um de uma série de problemas relacionados à saúde bucal que acomete cães e gatos. Trata-se de um acúmulo de bactérias patogênicas que geram uma placa ao redor dos dentes, podendo abalar suas raízes e provocar a retração da gengiva culminando no comprometimento da dentição, com perdas dentárias. A idade, higienização, dieta alimentar, predisposição genética e até a capacidade de defesa do organismo de cada pet são fatores de influência para determinar o aparecimento e a quantidade de tártaro no animal. Por isso, a atenção do dono é indispensável para que um problema de tártaro, por exemplo, seja tratado a tempo e não evolua para uma gengivite. Fazê-lo abrir a boca e observar a coloração da língua, que deve ser vermelho vivo, e dos dentes pode dar pistas valiosas sobre a higienização bucal. Ainda não existe tratamento definitivo para o problema do tártaro e das placas bacterianas, por isso a importância de uma boa prevenção e higienização bucal. A seguir, as especialistas Paloma Clerici e Dayse Zulian dão dicas de como prevenir problemas relacionados à falta de higiene bucal do seu pet. Limpeza do Tártaro (Tartarectomia): As especialistas ressaltam que a profilaxia dentária consiste em exames periódicos da cavidade bucal do animal e, se necessário a limpeza do tártaro, que deve ser feita com anestesia geral

Estar atento à saúde bucal do pet é uma dica valiosa para saber se há algo errado com a dentição do animal. Por Carina Bessa

inalatória. Antes, porém, o animal deve ser submetido a uma boa avaliação, com exames clínicos e laboratoriais para minimizar os riscos pré-anestésicos e avaliar a saúde do animal. Ao submeter seu pet a esse tratamento, é importante procurar por um veterinário qualificado para o procedimento. Alimentação: Com relação à alimentação, o ideal é manter uma ração de boa qualidade com o grão de acordo com o tamanho do animal (os formatos auxiliam na limpeza dos dentes). A composição da ração auxilia na prevenção do tártaro. Ao mantê-la sempre seca, durante a mastigação, o atrito com os dentes do animal evita a formação das placas bacterianas. As veterinárias ressaltam que é muito importante que os donos evitem dar aos seus pets alimentos caseiros como pão, massas e doces, pois os mesmos podem levar a complicações no organismo do animal. Dica: existem ossinhos e biscoitos que colaboram na prevenção do tártaro. Porém, os ossos bovinos e de aves devem ser evitados, pois os mesmos podem quebrar e formar fragmentos nocivos ao animal. Escovação: A escovação pode ser iniciada a partir do quarto ou quinto mês de vida com o auxilio de uma escova de cerda macia ou dedeira e uma pasta de dentes apropriada para cães e gatos, já que a pasta humana pode causar problemas gastrointestinais em caso de ingestão.

Para acostumar o animal com a escovação, as veterinárias afirmam que por agirem e aprenderem na “base da troca”, a sugestão é que os donos apresentem os utensílios de limpeza bucal aos poucos, sempre dando um “brinde” a cada atitude positiva do pet. Assim, o dono pode apresentar primeiro a dedeira ou a escova, depois as mesmas com a pasta e, pacientemente, ir tocando nos dentes. Por exemplo, se o pet deixar você escovar delicadamente os dentinhos da frente, ganha um pedacinho de bifinho ou um pedacinho de cenoura e assim vai, até que ele aceite a escovação completa. Além da comida, o dono pode associar a escovação a um passeio ou um belo carinho, o importante é que o ritual seja prazeroso tanto para o animal quanto para o seu dono. Exames periódicos: Muitos problemas de saúde dos animais poderiam ser evitados se estes visitassem regularmente o veterinário para vacinas, vermifugação, exames clínicos e laboratoriais, além de uma boa avaliação da saúde bucal; recomendam as veterinárias Paloma Clerici e Dayse Zulian. Colaboraram com a matéria, as veterinárias: Drª Paloma Clerici da Clinica Veterinária Pet Helth. Contato: pet-health@superig.com.br e a Drª Dayse Zulian do Consultório Veterinário Anjos de Patas. Contato: dzulian@hotmail.com.

Amigo não se compra São vários os cães precisando de um lar. Que ter a companhia de um grande amigo para a vida toda? Ana Marta é protetora e cuida de mais de 100 peludinhos à procura de muito amor e carinho. Mas, se você que gosta de animal, não tem como adotar um, pode apadrinhar virtualmente um peludo do blog e/ou colaborar com doações de rações ou de qualquer valor, remédios e produtos de limpeza. Os fofos agradecem!

Giovana

Lilika

Bebê fofissíma do nariz arrebitado. 03/04 meses de pura doçura. Porte pequeno/médio

Mestiça de coocker. Pequena, meiga e tranquila, é ideal para apartamento. Tem 1,5 ano.

www.leveleia.com.br

51

Para q uem en xerga c verá be o kantin leza e graça m o coração, em qua hodosp sem Telefon eludos.fot lquer pelud pre oblog.u inho. e de co

ntato: o 9973.4 l.com.br 665

Yanni

Cecy

Tem as características do Akita, mas com a vantagem de ser pequeno. Dócil com pessoas e outros bichinhos.

Brincalhona, divertida e ativa, é ideal para crianças. Porte médio, 1 ano e meio.

Jornal

Leve & Leia

®


52

Caderno de Indicações


Caderno de Indicaçþes classificados classificados Classificados Classificados Classificados Classificados

53


54

Caderno de Indicações


Caderno de Indicações

55


56

Caderno de Indicações


Caderno de Indicações

57


Caderno de Indicações © Paul Hakimata | Dreamstime.com

58

SPAÇO BRANCO

a de

as peençdimeinctíolio

12

Acim

at dom em

Sua Loja de roupa branca

Jalecos e uniformes para profissionais da área de saúde e faculdades. Faça uma parceria conosco!

3683-8325 / 3654-1892 / 7818-6379 Rua Presidente Castelo Branco, Nº 135 - Centro - Osasco www.spacobranco.com.br nice_spacobranco@hotmail.com

ANUNCIO_PEQ_2_final_ok curva quarta-feira, 24 de novembro de 2010 12:14:02


Caderno de Indicações

59


60

Caderno de Indicações


Caderno de Indicações

61


39,60

© Arne9001 | Dreamstime.com

2ª a 5ª feira, das 13 às 23h. Preço de R$ a hora, agora para o mês de

58,80

junho R$ a hora - até 06 pessoas por pista* (exceto feriado e véspera de feriado)

Nós damos bola para sua diversão!

Kit Super festa - até 18 pessoas

BOLICHE + REFRIGERANTE + SALGADO + SALÃO = 4X R$ 157,50

Convide 18 amigos e faça sua festa no Boliche

Horários de segunda a sexta das 13 às 17h para o início da festa. Promoção sujeita a alteração sem aviso prévio. As promoções não incluiem feriados e véspera de feriados.


√ Cozinhas √ Dormitórios √ Closets √ Home Theaters √ Home Offices √ Banheiros √ Áreas de Serviço

São Francisco

Av. Dr. Cândido Motta Filho, 731 Loja 01 - Telefone 3714.9935

Alto da Lapa

Rua Pio XI, 775 Telefone 3834.2215

Perdizes

Rua Heitor Penteado, 920 Telefone 2364.3308 Horário de Funcionamento Segunda a Sábado das 09hs às 21hs e Domingo das 13hs às 19hs

www.grupobiblos.com.br


Jornal Leve e Leia