Page 1


UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS – UNISINOS UNIDADE ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO CURSO DE JORNALISMO

LETÍCIA ROSSA YNGRID LESSA

REVISTA WONDERLAND PROJETO EDITORIAL E GRÁFICO DO INFORMATIVO

SÃO LEOPOLDO 2011


Letícia Rossa Yngrid Lessa

REVISTA WONDERLAND Projeto Editorial e Gráfico do informativo

Trabalho acadêmico apresentado para a Disciplina Planejamento Gráfico I, pelo Curso de Jornalismo da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS. Professor: Carlos Jahn.

São Leopoldo 2011 2


SUMÁRIO 1 PROJETO EDITORIAL................................................................................................4 2 PROJETO GRÁFICO....................................................................................................4 2.1 Logo...............................................................................................................................5 2.2 Cores..............................................................................................................................5 2.3 Cartolas de editoria......................................................................................................5 2.4 Tipografia.....................................................................................................................5 2.4.1 Títulos.........................................................................................................................5 2.4.2 Linha de apoio...........................................................................................................6 2.4.3 Corpo do texto...........................................................................................................6 2.4.4 Créditos......................................................................................................................6 2.4.5 Olho............................................................................................................................6 2.4.6 Legenda......................................................................................................................7 2.4.7 Expediente..................................................................................................................7

2.5 Normas para o uso das fotografias...................................................................7 2.6 Normas para uso de fios....................................................................................7 2.7 NORMAS PARA ARQUITETURA DAS PÁGINAS.....................................8 Anexo 1......................................................................................................................9 Anexo 2......................................................................................................................10

3


Revista Wonderland

1 Projeto Editorial A Revista Wonderland é uma publicação da casa noturna Wonderland (fictícia), localizada em Porto Alegre, cuja proposta é divulgar os eventos musicais que acontecem na região. A veiculação do informativo ocorre trimestralmente fazendo referência às estações do ano. Em função de ter uma temática dinâmica, a revista preocupa-se em proporcionar uma leitura leve para o público, apostando na linguagem simples e projeto gráfico limpo. Contudo, isso não implica num produto pobre, pois, através dessa limpeza textual, busca-se uma riqueza de conteúdo. A revista poderá atingir qualquer público que se interesse por uma casa noturna diferenciada das outras existentes no mercado. Sua tiragem será de 20 mil exemplares e sua circulação acontece no Rio Grande do Sul. A publicação de oito páginas será estruturada em sumário, expediente, editorial, reportagem de capa (especial), fotografias de festas indicadas pela revista na estação passada e agenda de atrações. Foi dada atenção especial à capa, onde se optou por um layout sem excesso de informação, dando destaque à foto da principal atração da edição. Dessa forma, foge-se da diagramação normalmente engessada e apresenta-se um conteúdo mais estilizado ao leitor. Atraindo, assim, sua curiosidade para o que está no conteúdo da revista. Embora esse projeto seja sobre as questões gráficas, é importante destacar outros aspectos além do impresso. Exemplo disto são as ferramentas online de interação social, como Twitter e Facebook. Estas ferramentas se tornam indispensáveis à legitimação de um novo produto. Além de representarem um canal de diálogo direto com o público/cliente, servem como uma espécie de “termômetro” do conteúdo produzido, a partir da repercussão das edições nos meios online. A ideia de usar o webjornalismo é para que possamos interagir com o público trazendo informações, novidades e promoções, além de “ouvir” as ideias, críticas e sugestões dos clientes.

2 Projeto Gráfico

4


O projeto gráfico da Revista Wonderland baseia-se basicamente em uma estrutura simples de texto e exploração das imagens. A principal característica do impresso é a inovação, a forma moderna com que traz as informações. O projeto tem como público-alvo pessoas que apreciam música eletrônica. A escolha tipográfica se deve à limpeza que proporciona devido às fontes simples e páginas leves. Há valorização das fotos e dos textos através dos olhos.

2.1 Logo A logomarca está disposta no topo da capa, de modo centralizado. A fonte utilizada é Bauhaus 93, tamanho 82. Sua cor é laranja com contorno preto.

2.2 Cores As cores utilizadas na Wonderland são laranja, azul e cinza, além do tradicional preta. A cor laranja surge nas cartolas e chamadas de capa, pois contrasta com o preto de fundo e com a logomarca, também laranja; Azul no título da matéria de capa e olhos, a fim de harmonizar o texto e equilibrar o tom com o das fotografias; Cinza na linha de apoio e nas retículas.

2.3 Cartolas de editoria As cartolas de editoria são formadas pela logo do informativo, cuja fonte é Bauhaus 93 e o tamanho 18. Estão localizadas no canto superior esquerdo e direito das respectivas páginas (esquerdo das páginas pares e direito nas páginas ímpares). Cor laranja e preta.

2.4 Tipografia 5


2.4.1 Títulos O tamanho do título é de 75 e sua fonte é Adobe Garamond Pro. Ele não precisará ocupar todas as colunas e deve contrastar com as cores presentes na página a fim de causar uma sensação de harmonia aos olhos do leitor. Pode ter de 15 a 25 caracteres e surgir em negrito ou estilo normal. Alinhamento à esquerda.

2.4.2 Linha de apoio A linha de apoio será apresentada na fonte Franklin Gothic Demi, com tamanho 24. Ela deverá ter entre 70 e 90 caracteres e sempre acompanhará a disposição do título, por isso se alinha à esquerda. De preferência utilizar estilo negrito, mas, caso não combine com o título, pode-se utilizar normal.

2.4.3 Corpo do texto O corpo do texto será na fonte Trebuchet MS, em tamanho 12 e entrelinhas de 15pt. O texto aparece justificado com a última linha alinhada à esquerda. O número de caracteres varia de acordo com o espaço disponível nas páginas, mas deve girar entre 4500 e 550 caracteres. O sinal de final de texto é representado pela letra ‘n’ na fonte Wingdings, tamanho 8. A capitular, por sua vez, ocupará quatro linhas e surge na mesma fonte do corpo do texto.

2.4.4 Créditos O crédito de fotógrafo aparece na fonte Adobe Garamond Pro, tamanho 6, alinhamento justificado, em caixa alta. Já o crédito do repórter surge em Fanklin Gothic Demi, tamanho 12, centralizado, em caixa baixa, abaixo da linha de apoio e antes do corpo do texto.

6


2.4.5 Olho O olho pode ter entre 100 a 130 toques usando o tamanho 18, na fonte Trebuchet MS. Aparece sempre centralizado e em negrito. Pode ser acompanhado por aspas ao fundo com transparência (elementos especiais).

2.4.7 Legendas As legendas devem apoiar toda a extensão da fotografia e aparecem alinhadas à esquerda. A fonte utilizada é Adobe Garamond Pro, tamanho 12.

2.4.8 Expediente O expediente aparece na página 2 da Revista Wonderland com as seguintes informações: diretor Geral, diretor Executivo, diretor Editorial, diretor de Finanças e Recursos, diretor de Redação, diretor de Arte, Tiragem, Circulação, Periodicidade e Contato.

2.5 Normas para o uso das fotografias As imagens serão das páginas da direita devem sempre estar direcionadas para a esquerda e vice-versa. Por exemplo: se há a fotografia de uma pessoa na página 5 de uma revista, ela deve estar olhando para o centro da página, visto que, deste modo, atrai a atenção do leitor e destaca o texto. Elas devem sempre harmonizar com o texto. Deve-se ainda destacar que, na sua grande

maioria, as fotografias serão bastante coloridas.

2.6 Normas para uso de fios Fios serão permitidos onde há muito texto e pouca imagem, para que a página fique mais dinâmica e não represente apenas um amontoado de informações. Deste modo, eles ajudam na organização do diagrama. Porém, deve-se ter cuidado para não utilizá-los em 7


grande número, pois pode dar um sentido negativo à estética da página. Outro local onde se utilizam os fios é abaixo do crédito de repórter. Sua espessura é de 1pt. 2.7 Normas para a arquitetura das páginas A capa de cada edição da Wonderland deverá apresentar a imagem do rosto de um ícone da música eletrônica. Este artista será o entrevistado da estação, gerando, assim, a matéria principal do veículo. A capa deve ser limpa, com poucas chamadas. Já na contracapa irá constar a Wonderland Agenda, uma publicidade criada pela revista onde serão anunciadas as principais festas de música eletrônica da próxima estação. A página 2 é destinada ao sumário e ao editorial da revista. As informações estarão presentes de forma clara e o diagrama será limpo e organizado, com espaços em branco que darão a impressão de dinâmica ao leitor. Além disso, na página 2 constará o expediente da empresa. Na página 3 será apresentada a Wonderland Social, com imagens dos participantes das festas da última estação que foram anunciadas na revista. As 12 imagens virão acompanhadas de suas respectivas legendas, apenas com os nomes das pessoas. As páginas 4, 5, 6 e 7 são as da matéria de capa. Trata-se de uma entrevista em forma de texto corrido com o músico que estiver estampado na capa da revista. Deverá haver cerca de três a cinco fotografias, olhos e informações ilustrativas que resultem em uma estética positiva à Wonderland.

8


Anexo 1 - Espelho da reunião de pauta REVISTA WONDERLAND Nº 1 – INVERNO 2011 Jornalistas: Letícia Rossa e Yngrid Lessa

9


Anexo 2 - Espelho da diagramação REVISTA WONDERLAND Nº 1 – INVERNO 2011

10

Revista Wonderland  

Projeto Gráfico elaborado para a disciplina de Planejamento Gráfico I da Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you