Issuu on Google+

O RODÃO www.sintraturb.com.br

ANO 15 Florianópolis, julho de 2012 >> número 202

Sintraturb fará festa julina dia 28 1ª edição do evento vai ocorrer na nossa sede social, em Caldas da Imperatriz. Entrada é exclusiva para sócios e dependentes [Pag. 3]

>> Sindicato está exigindo vacina contra Gripe A para toda a categoria [PAG. 3]

>> É verdade que o sindicato é contra a realização de horasextras? [PAG. 4]

>> Estatuto do Motorista entra em vigor e proíbe as dobras de jornadas [PAG. 4]


PÁGINA

2

SUA VIDA

O RODÃO

Florianópolis, julho de 2012

LIVRINHO JÁ ESTÁ SENDO PREPARADO

A redação final da nossa Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) já está em preparação. Os ajustes finais estão sendo realizados entre o Sintraturb e os sindicatos patronais (Setpesc e Setuf ). Após a conclusão da redação final e das revisões necessárias, nossa convenção vai virar um livrinho, como fazemos todos os anos, para que cada sócio do sindicato tenha no bolso todas as regras sobre suas condições de trabalho, jornadas, direitos, salários e muitas outras informações pertinentes a sua vida profissional. Em breve, nosso livrinho já estará sendo entregue nas garagens de cada empresa, para melhor informar nossa categoria sobre seus direitos.

O RODÃO Expediente O RODÃO é uma publicação do Sindicato dos Trabalhadores em transporte Urbano, Rodoviário, Turismo, Fretamento e Escolar da região metropolitana de Florianópolis (Sintraturb). ENDEREÇO: Avenida Mauro Ramos, 72, Centro/Florianópolis/SC Fone/Fax: (48) 3286-5300 sintraturb@terra.com.br www.sintraturb.com.br TIRAGEM: 3.000 exemplares IMPRESSÃO: Diário Catarinense

Se liguem nas catracas

Sintraturb fecha convênio com ótica O Sintraturb fechou um convênio com a Ótica e Joalheria Status. O acordo entre o sindicato e a empresa traz diversos benefícios para a categoria. Entre as vantagens, estão o atendimento por consultores óticos qualificados; produtos com tecnologia de ponta; acompanhamento no período de adaptação do produto adquirido; Consultas com optometrista sem custo para o conveniado na compra do óculos completo (armação + lente); Descontos na consulta ao trocar a lente (no caso de permanecer com a mes-

ma armação); parcelamento de todos os produtos da loja, inclusive da sessão de Joalheria, em até 10 vezes sem juros nos cartões ou em 6 vezes no crediário, e ainda, descontos de até 10% em todos os produtos da loja. A Status Ótica e Joalheria possui duas unidades. Uma na Praça Sete de Setembro, 81, centro de Palhoça, e outra filial na Rodovia BR-282, KM 3.500, no Supermercardo BIG, em Capoeiras, Florianópolis. Mais informações pelos telefones (48) 3242-0446 (Palhoça) e (48) 8402-2563 (Florianópolis).

Os diretores do Sintraturb tem recebido muitas reclamações de companheiros cobradores e motoristas que tiveram descontados algum valor por conta de erro na catraca. O pessoal precisa ficar atento na hora de programar as viagens na catraca, pois, em caso de erro, a empresa não tem como comprovar que os ônibus saem realmente nos horá-

rio correto, nem tampouco, contabilizar o que entrou, tanto de passagens com o cartão eletrônico quanto em dinheiro. Erro de catraca é responsabilidade de quem a programou, e se o pessoal não ficar esperto, vai ficar recebendo descontos no salário por simples falta de atenção. Vamos ficar ligados, moçada!

Muitos companheiros e companheiras em todas as empresas estão assinando o pagamento de multas e batidas indevidamente, por conta da pressão imposta pelos patrões. NÃO ASSINE NADA. Conforme estabelecido em nossa convenção, VOCÊ SÓ VAI PAGAR DEPOIS DE

COMPROVADA A CULPA NA JUSTIÇA. Caso contrário, não há necessidade de pagar o prejuízo. Esses descontos são irregulares e não devem acontecer. Se acontecer com você, procure o sindicato, mas lembre-se: NÃO ASSINE NENHUMA MULTA OU BATIDA.

Não assine multas e batidas


O RODÃO

Florianópolis, julho de 2012

COMEMORAÇÃO

SEDE SOCIAL

3

Sintraturb fará seu primeiro “arraiá” no dia 28 de julho >> 1ª Edição da Festa Julina do Sindicato terá entrada gratuita para sócios Santo Amarto da Imperatriz O Sintraturb vai realizar sua primeira festa julina no próximo dia 28 de julho, a partir das 16 horas. Acompanhada de muito quentão, pipoca, cachorro quente, amendoim, e muito mais, a festa será realizada na sede social do Sintraturb, em Caldas da Imperatriz. A entrada é gratuita e só é permitida para sócios e seus familiares. Bebidas como cerveja e refrigerante serão vendidos a parte. Os convites poderão ser retirados exclusivamente na sede do Sintraturb, a partir do dia 5 de julho até o dia 25 de julho, na Avenida Mauro Ramos, 72,

Centro, Florianópolis. Nos dias 9, 16 e 23 de julho, o sindicato fará plantão até às 21h30 para que o pessoal de garagem possa retirar também os seus convites. Como a galera já sabe, os horários do pessoal da garagem não permitem que eles busquem os convites em horário comercial, quando normalmente a sede do sindicato está aberta. Por isso, haverá o plantão nesses dias, para atender o pessoal de garagem. Adotamos esse método pois, na última festa, vários companheiros pegaram convites e não compareceram. Isso gerou um gasto, pois boa parte da comida comprada, tivemos que doar. Participe da Festa Julina do Sintraturb! Organizese, retire seus convites e vamos comemorar a luta dos trabalhadores e trabalhadoras!

Transol paga multa de R$ 75 mil por atras0 em vale alimentação Os trabalhadores da Transol devem ter percebido o recebimento de um saldo a mais no vale alimentação de maio. Esse adicional é resultado de mais uma vitória do Sintraturb contra os desmandos patronais. O atraso no pagamento do vale alimentação na Transol, ocorrido no feriado de Páscoa, em abril, gerou uma multa de R$ 75,58 por trabalhador, totalizando mais de R$ 75

mil em multa. O dinheiro foi repassado para cada trabalhador lesado. Os companheiros só estão recebendo este valor por uma ação do nosso sindicato na Justiça. A empresa até admitiu o erro, mas disse que não tinha data para pagar. Depois da ação, foram obrigados a pagar todos os valores. Está no livrinho, tem que ser cumprido!

1ª FESTA

JULINA

Pipoca Quentão Pinhão Cachorro Quente Amendoim e muito mais

Sindicato solicita vacina 28A” depara Julho contraDia “Gripe categoria

Sábado, das 16 às 22 horas pelo H1N1 no Brasil, sendo

365Imperatriz casos em Santa CataSede Social do Sintraturb - Caldas da rina. A maior presença do Cerveja e Refrigerante vendidosvírus à parte em solo catarinense

é explicada pelo clima frio úmido, que Retire seu convite na sede do Sintraturb entre osedias 5 eo25 defacilita julho a proliferação do vírus. Avenida Mauro Ramos, 72, Centro - Florianópolis Até agora, 45 pessoas já morreram vítimas do H1N1 em SC. “Os trabalhadores do transporte entram em contato com milhares de pessoas todos os dias, e estão mais sujeitos O Sintraturb enviou ofí- do da Silva, foi pessoalmen- a entrar em contato com o vírus”, explica Marciano. cio aos sindicatos patro- te entregar os ofícios. A preocupação com a A vacina não é gratuita nais (Setpec e Setuf ) e à Secretaria Municipal de gripe a aumentou na cate- para toda a população, Transportes e Terminais goria após os números da apenas faixas consideradas de risco (mulheres grávisolicitando a distribuição doença serem revelados. Neste ano, mais da meta- das, crianças, idosos, entre da vacina contra o vírus H1N1, conhecida como de de todos os casos de Gri- outros). pe A registrados no Brasil O Sintraturb aguarda “Gripe A”. resposta dos patrões e da O Secretário de Organi- são de Santa Catarina. De janeiro a junho, 635 Prefeitura em relação a zação do Sintraturb, companheiro Marciano Rodol- pessoas foram infectadas distribuição da vacina.


4

HORA EXTRA

SINDICATO

O RODÃO

Florianópolis, julho de 2012

Quem disse que o Sindicato é contra hora extra? Os burburinhos sobre a postura do sindicato nunca param. Por isso, vamos esclarecer aqui, mais uma vez, a verdade dos fatos em relação as horas extras. O SINDICATO NÃO É CONTRA NEM PROÍBE A REALIZAÇÃO DE HORAS EXTRAS. Tanto é verdade, que temos cláusulas de hora extra previstas em nossa convenção. Ou não temos? As duas primeiras horas extras são remuneradas com adicional de 63%. A partir da terceira hora extra, são pagas com 100% de adicional. É assim ou não é assim? O sindicato é contra a realização de horas extras não pagas, e é isso que muito patrão quer fazer. Te bota para trabalhar

mais horas que o normal, e quer fazer banco de horas. O pessoal que foi assistir as negociações deste ano sabe o que estamos falando. Somos contra a realização de horas extras que depois não são pagas, são devolvidas como “folgas”. Como já dissemos inúmeras vezes, hora extra vale mais que hora normal. Quando nós trocamos hora extra por um dia normal, estamos perdendo muito dinheiro. Isso, sim, o sindicato é contra. Para nós, trabalho feito tem que ser trabalho pago. Nada de banco de horas, de trocar por folga ou coisa parecida. Isso não é justo com o trabalhador que muitas vezes, é obrigado a trabalhar mais que sua jornada regular.

Carona no urbano para companheiros da Paulotur Os companheiros da Paulotur agora poderão utilizar os ônibus do sistema urbano da região da Grande Florianópolis sem pagar. A “carona”, como é chamada pela categoria, já

é um benefício dos companheiros do urbano, e que agora, foi extendido aos companheiros da Paulotur. Com isso, muitos trabalhadores que moram em outras cidades e trabalham

na Paulotur poderão economizar o dinheiro que era gasto com vale transporte, ou ainda, com combustível para quem ia de carro. Essa é mais uma vitória dos traballhadores.

As leis que regulamentam a jornada de trabalho para os motoristas profissionais devem passar a valer a partir de junho deste ano. Conhecida como “Estatuto do Motorista”, o conjunto de leis proíbe expressamente uma prática comum no transporte coletivo da Grande Florianópolis: as dobras de jornada. Motoristas e empresas têm pouco mais de trinta dias para se adequarem a legislação, e ainda restam muitas dúvidas na categoria. Mesmo com todas essas dúvidas, uma coisa é

certa: as dobras estão terminantemente probídas. Dentre várias mudanças, a lei modificou o artigo 67 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), responsabilizando não só o patrão, mas também os motoristas pelo controle da sua jornada de trabalho. Ou seja, você terá todo o direito de dizer NÃO quando o patrão exigir que você dobre sua jornada, sob pena de multa. O trabalhador que desre s p e i t a r o te m p o de condução e de parada terá que pagar uma multa de R$ 127 e irá

perder cinco pontos na carteira. Já pensou? Ser pego quatro vezes por dobrar a jornada vai, além de machucar o bolso, tirar o seu direito de dirigir e ameaçar seu emprego. Por isso, galera, vamos cumprir as novas regras. A i n d a re s t a m m u i t a s dúvidas, mas a questão das dobras deve ser cumprida a risca para evitar problemas.

Nova lei dos motoristas proíbe dobras de jornada


Rodão 202