Page 1


LEONARDO FANZELAU Leonardo Verardo Fanzelau vive e trabalha em Porto Alegre natural de Porto Alegre, 10 maio 1983

Rua General Neto 410 / 202 Porto Alegre RS CEP 90560-020 (51) 9934 3620 3395 4132 leonardofanzelau@gmail.com leonardofanzelau.blogspot.com

FORMAÇÃO 2008 Bacharelado em Artes Visuais, UFRGS, Porto Alegre, RS [Projeto: Passatempos Ocasionais] EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS 2011

“Conjecturas”, Galeria Gestual, Porto Alegre, RS

2009

“Objetos”, Galeria Gestual, Porto Alegre, RS

2008

“Playground”, Galeria Iberê Camargo - Gasômetro, Porto Alegre, RS

2005

“Posições Testiculares”, Espaço Ado Malagoli - UFRGS, Porto Alegre, RS

SALÕES, CONCURSOS 2011

“Arte + Arte: transversalidades”, Galeria Sotero Cosme (MAC) - CCMQ, Porto Alegre, RS “39º Salão de Arte Contemporânea Luiz Sacilotto”, Paço Municipal, Santo André, SP

2009

“2° Salão Fundarte/Sesc de Arte 10x10”, Galeria Loíde Schwambach - FUNDARTE, Montenegro, RS “Salão de Artes de Novo Hamburgo ARTE/SAPATO”, Espaço Cultural Albano Hartz, Novo Hamburgo, RS “X Concurso de Artes Plásticas Contemporâneas”, Goethe-Institut, Porto Alegre, RS “15° Salão UNAMA de Pequenos Formatos”, Galeria de Arte Graça Landeira - UNAMA, Belém, PA

2008

“20° Salão Jovem Artista”, Galerias Sotero Cosme (MAC) e Xico Stockinger - CCMQ, Porto Alegre, RS “Arte + Arte: livre associação”, Galeria Xico Stockinger - CCMQ, Porto Alegre, RS “18° Salão de Artes Plásticas”, Câmara Municipal de Porto Alegre, Porto Alegre, RS

2007

“13° Salão dos Novos”, Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew, Joinville, SC “39° Salão de Arte Contemporânea”, Pinacoteca Municipal Miguel Dutra, Piracicaba, SP “5° Expoarte Salão de Artes de Tapes”, Shopping da Lagoa, Tapes, RS “6° Salão Nacional de Arte”, Museu de Arte Contemporânea, Jataí, GO “3ª Bienal Nacional de Gravura”, Museu Olho Latino, Atibaia, SP

2005

“VII Salão Elke Hering”, Fundação Cultural de Blumenau, Blumenau, SC “4° Expoarte Salão de Arte de Tapes”, Shopping da Lagoa, Tapes, RS

2004

“18° Salão Jovem Artista”, Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS), Porto Alegre, RS

EXPOSIÇÕES COLETIVAS 2011

“Nova Escultura Brasileira”, curadoria Alexandre Murucci, Caixa Cultural, Rio de Janeiro, RJ “Espaço Lúdico”, curadoria Ana Zavadil, Espaço Cultural Chico Lisboa, Porto Alegre, RS “Labirintos da Iconografia”, curadoria José Francisco Alves, Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS), Porto Alegre, RS


2009

“POA-SP Conexão Arte”, curadoria André Venzon, Espaço Cultural Monte Bianco, São Paulo, SP “Porto Alegre é 10”, Espaço Cultural Chico Lisboa, Porto Alegre, RS

2008

“Singularidades”, curadoria Alexandre Santos, Pinacoteca Barão de Sto. Ângelo - UFRGS, Porto Alegre, RS “Travessa Venezianos: construções do tempo”, curadoria Zoravia Bettiol, Espaço Cultural Chico Lisboa, Porto Alegre, RS

2007

“Essa Poa é Boa”, DC Navegantes, Porto Alegre, RS “Bienal B”, Arquivo Público do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS “Bienal B”, Moinhos Shopping, Porto Alegre, RS

2006

“Como seria a cadeira do seu teatro?”, Depósito de Teatro, Porto Alegre, RS “MACnoA6 - Consolidação”, Armazém A6 - Cais do Porto, Porto Alegre, RS

2005

“4º Vaga-lume”, Pinacoteca Barão de Sto. Ângelo - UFRGS, Porto Alegre, RS “Tocando a memória”, Memorial do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS “Pequenos Diálogos”, Museu Universitário - UFRGS, Porto Alegre, RS

PRÊMIOS 2010

indicação IV Prêmio Açorianos de Artes Plásticas - Destaque em Escultura, Porto Alegre, RS

2009

indicação III Prêmio Açorianos de Artes Plásticas - Destaque em Escultura, Porto Alegre, RS

OBRAS EM ACERVOS Pose 1 Museu de Arte Contemporânea, Jataí, GO EVENTOS 2011

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS

2010

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS

2009

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS “Expressões Oi na Rua”, Parque Moinhos de Vento (Parcão), Porto Alegre, RS

2008

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS

2007

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS

2006

“20/20”, Galeria Bolsa de Arte, Porto Alegre, RS

OUTRAS ATIVIDADES 2011

Cenário do espetáculo Cara a Tapa, vai!ciadeteatro, Porto Alegre, RS

2010

Cenário do espetáculo Parasitas, vai!ciadeteatro, Porto Alegre, RS Cenário do espetáculo Agora Eu Era, vai!ciadeteatro, Porto Alegre, RS

2009

Secretaria, Associação Riograndense de Artes Plásticas Francisco Lisboa (Chico Lisboa), Porto Alegre, RS

2007

Mediação, Galeria Instituto Moreira Salles, Porto Alegre, RS

2005

Mediação, Quinta Bienal de Artes Visuais do Mercosul, Porto Alegre, RS


série Passatempos Ocasionais_ escultura

A série Passatempos Ocasionais foi desenvolvida em 2008 como trabalho de conclusão para o curso de Artes Visuais da UFRGS. O principal objetivo foi a construção de peças híbridas resultantes da aproximação de universos a princípio incompatíveis: brinquedos de playground e aparelhos de tortura.


_Pe莽a 1

ferro, tinta ep贸xi | 172 x 170 x 155 cm | 2008


_Pe莽a 2

ferro, madeira, tinta ep贸xi, tinta laca | 77 x 243 x 56 cm | 2008


_Pe莽a 3

ferro, madeira, tinta ep贸xi, tinta laca | 174 x 335 x 102 cm | 2008


Divers茫o sem fim escultura

ferro, tinta ep贸xi | 204 x 51 x 340 cm | 2009


Berรงo de Newton escultura

cabo de aรงo, ferro, tinta epรณxi | 120 x 164 x 78 cm | 2011


Spiroball escultura

corda, ferro, pedra, tinta ep贸xi | 245 x 50 x 50 cm | 2010


sem título intervenção urbana

substituição das correntes do balanço por outras desproporcionais à dimensão do brinquedo evento EXPRESSÕES OI NA RUA | Parcão, Porto Alegre | 2009


Relíquia instalação

balanço revestido com tecido, corrente, pvc, tecido | 165 x 400 x 400 cm caixa revestida com tecido, ovo, prateleira, prego | 22 x 28 x 18 cm | 2007


a estrutura com o balanço foi instalada no jardim existente no trajeto que leva à sala de exposições

do interior da sala, onde foi colocada a caixa relicário, era possível ver o jardim


PalĂ­ndromo objeto

arame, madeira, ovo, papel, vidro | 18 x 14 x 14 cm | 2008


Pose 1 objeto

barra roscada, madeira, ovo, tecido | 102 x 21 x 15 cm | 2005


Escorregador fotografia

123 x 83 cm | 2007


Capas de livros nĂŁo escritos desenho digital

papel fotogrĂĄfico sobre mdf | 20 x 20 x 4 cm | 2008


Mini-monumento objeto

almofada de feltro, ovo, prego | 30 x 30 x 30 cm | 2009


Um de cada vez objeto

acrĂ­lico, madeira, ovo, prego, tecido | 35 x 73 x 33 cm | 2011


série Didática_ objeto

_Ovo Koons | acrílico, mdf, ovo, válvula de inflar | 14 x 10 x 10 cm | 2010 _Ovo Warhol | acrílico, impressão em papel couché, mdf, ovo | 14 x 10 x 10 cm | 2009 _Ovo Dalí | acrílico, mdf, ovo, papel | 14 x 10 x 10 cm | 2010 _Ovo Magritte | acrílico, mdf, ovo | 14 x 10 x 10 cm | 2010 _Ovo Duchamp | acrílico, mdf, ovo | 10 x 8,5 x 8,5 cm | 2009 _Ovo Botticelli | acrílico, impressão em papel de seda, mdf, ovo | 10 x 8,5 x 8,5 cm | 2009


Ovo de Lascaux objeto

caixa de metal, impress達o em papel de seda, ovo, tecido | 12 x 11 x 12 cm | 2008


IMPRENSA E OUTROS IMPRESSOS

JORNAL DO COMÉRCIO, Porto Alegre, 23/11/2011


JORNAL DO COMÉRCIO, Porto Alegre, 07/11/2011

CORREIO DO POVO, Porto Alegre, 09/11/2011


ZERO HORA, Porto Alegre, 03/08/2009


ZERO HORA, Porto Alegre, 14/07/2008 # a obra Peça 3 da série Passatempos Ocasionais foi colocada em uma praça de Porto Alegre com o objetivo de verificar a reação de quem a visse. Durante o período em que ficou exposta, uma transeunte a fotografou e encaminhou a imagem ao Jornal Zero Hora solicitando uma possível explicação. A fotografia foi publicada na Coluna Informe Especial, dedicada a curiosidades e afins.


CORREIO DO POVO, Porto Alegre, 03/05/2009


ZERO HORA, Porto Alegre, 20/10/2009

CORREIO DO POVO, Porto Alegre, 17/12/2007


convite/cartaz da exposição CONJECTURAS


folder da exposiテァテ」o ARTE COMO QUESTテグ


[extraído do folder da exposição ARTE COMO QUESTÃO]

“Uma escada tripartida colorida, daquelas que tingem de vivos matizes o cotidiano das praças, subverte na exposição a banalidade dos playgrounds de tantas crianças felizes. ‘Diversão sem fim’ ganha no novo espaço (que não é o seu próprio), um trágico e irônico destino, ao tornar-se um instrumento de aprisionamento, pois ao alto do brinquedo balançam astuciosas algemas. A arte de Leonardo Fanzelau inquieta a lógica das coisas e de seus lugares, rejeita convenções, traz à luz o absurdo. É obra na qual o autor se vale de objetos originalmente desprovidos de pretensão artística, tal como Duchamp buscou em seus longínquos readymades.” Mônica Zielinsky


Portfolio_Leonardo Fanzelau  

artes visuais_obras

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you