Page 1

A COPA É AQUI

Ano 1 - Edição 02 - Maio 2014

EDUCAÇÃO: minha primeira escola perto de casa NOVIDADES E SERVIÇOS NO BAIRRO

1


2


3


EDiTORiAL

Caro morador do

PANAMBY

T

odos concordam que o Brasil tem outras neces-

rinhas para fechar o álbum. Adultos têm feito da prática

sidades além de sediar uma Copa do Mundo. E

de colecionar figurinhas da Copa uma forma de voltar à

também que falta estrutura, de hotéis a aeropor-

infância e relembrar as brincadeiras de bafo com os ami-

tos, passando pelo item mais preocupante, a segurança

gos. Em tempos de figurinhas autocolantes e de aplica-

pública, para receber os turistas de todo o mundo que

tivos de celular que ajudam na brincadeira, a emoção é a

devem vir para assistir aos jogos.

mesma, garantem os aficionados pelo hobby.

Mas, chegando o dia do início da Copa no Brasil, é inevi-

E se é possível trocar as figurinhas em pontos no bair-

tável que os tons verde e amarelo comecem a tomar conta

ro, mostramos nesta edição que também há lugares agra-

das ruas. O comércio, os bares e restaurantes já decoram

dáveis para assistir aos jogos bem pertinho de casa, sem

seus ambientes com o tema e é possível ver até alguns

se estressar com o trânsito e a possibilidade de manifes-

carros com bandeirinhas. A febre do álbum de figurinhas

tações contra a Copa. Entre o Panamby e o Morumbi, há

da Copa contaminou crianças e adultos, ávidos por con-

casas novas e outros endereços já tradicionais oferecen-

seguirem as fotos dos craques das 32 seleções de futebol.

do boas promoções para quem for torcer pela sua seleção.

Procure passar nos finais de semana ao lado da banca

Nesta edição confira ainda um roteiro por berçários

de jornal Vila Andrade, na Rua José Ramon urtiza, próxi-

e escolas de Educação infantil, todas pertinho de casa,

mo à Padaria Le Champ, esquina com a Rua Algemesi. O

oferecendo às crianças boas oportunidades de desen-

local se transformou em um concorrido ponto de trocas

volvimento, em ambientes seguros e preparados.

de figurinhas, aos sábados, domingos e feriados, geral-

Boa leitura a todos e nos vemos na próxima edição,

mente entre 10:30h e 18:30h. Marcelo Del Nero, morador

sempre com novidades e serviços para os moradores do

do Panamby, estava lá no último dia 18, satisfeito por ter

Panamby.

completado um de seus álbuns. Ele acredita ter gasto cerca de R$ 200 com as figurinhas. “Mas muitas conse-

um abraço,

gui aqui, trocando”, diz. No mesmo dia Angela Cavalcanti levou as filhas Rafaela, de nove anos, e Giovana, de 11, pela primeira vez ao ponto de trocas. As irmãs costumam comprar 20 pacoti-

Fotos: Panamby Magazine

nhos por semana e estão em busca das últimas 40 figu-

4

Luiza Oliva Editora


Foto: Adidas/Divulgação

SuMÁRiO

06 capa

ANO 1 | Nº 02 | Mai 2014

A Copa é aqui!

FOTO DA CAPA: © filipemfrazao/Fotolia

Kinder Kampus.

11 12

capa Beleza verde e amarela

Educação Minha primeira escola perto de casa

22

Omorovicza Cosmetics chega ao Brasil

24

De olho nos vestibulares

bELEZa

Pueri Domus Verbo Divino.

Educação

26 crIanças

O primeiro corte de cabelo

dIrEtorEs: Luiza Oliva (luiza@leituraprima.com.br) e Marcelo Santos (marcelo@leituraprima.com.br) pubLIcIdadE: Silvia Perutti crIação E artE: Adalton Martins e Vanessa Thomaz atEndIMEnto ao LEItor: Catia Gomes IMprEssão: Laser Press pErIodIcIdadE: Mensal cIrcuLação: Condomínios de alto padrão e comércio do Panamby JornaLIsta rEsponsáVEL: Luiza Oliva MTB 16.935 panaMby MagaZInE é uma publicação mensal da Editora Leitura Prima. PANAMBY MAGAZiNE não se responsabiliza pelos serviços, informes publicitários e produtos de empresas que anunciam neste veículo.

M Tecnologia e Comunicação Ltda.

rEdação, pubLIcIdadE E adMInIstração: Al. dos Jurupis, 1005, conj. 94 – Moema – São Paulo – SP Tel. (11) 2157-4825, 2157-4826 e 98486-3000 – contato@leituraprima.com.br – www.leituraprima.com.br www.panambymagazine.com.br – www.facebook.com/panambymagazine

5


CAPA

A Copa

é aqui

Foto: Adidas/Divulgação

Fotos: Divulgação

Happy hour no Outback

6

Durante qualquer jogo do campeonato, o Outback en-

clientes podem degustar as famosas porções, como as

trará em período de Billabong Hour, ou seja, as bebidas

Bloomin’Onion, gigante cebola dourada acompanhada

alcoólicas serão servidas pela metade do preço (exceto

do molho Bloom, ou as Aussie Chesse Fries, batatas fri-

garrafas). Normalmente, o Billabong Hour acontece de

tas cobertas com uma combinação de queijos e bacon

segunda a sexta (exceto feriados), das 17h30 às 20h. No

picado servidas com o clássico molho Ranch. O cardá-

período do Mundial de futebol, acontecerá durante to-

pio conta ainda com oito variedades de steaks, opções

dos os jogos do campeonato e oferecerá o benefício aos

de peixe, camarão, frango, carne suína, cordeiro, massas,

torcedores que escolherem os restaurantes para assistir

sanduíches, sopas e saladas. Há também uma seleção

as partidas.

de pratos especiais para crianças até 12 anos. O chopp é

Enquanto confere os jogos nas TVs do restaurante, os

servido em charmosas canecas geladas.

Outback Portal do Morumbi Rua Marechal Hastimphilo de Moura, 641 Tel: 3743-6411 e 3743-7901 – www.outback.com.br


Bares, lanchonetes e restaurantes se preparam com TVs, promoções e pratos temáticos para receber os torcedores durante os jogos da Copa. Há boas opções bem perto de casa para torcer com os amigos. O dia da abertura da Copa, 12 de junho, com o jogo Brasil e Croácia, na Arena Corinthians, será feriado na cidade (até o fechamento desta edição, a Câmara Municipal havia aprovado em primeira votação projeto de lei que decreta o feriado, mas o texto ainda passaria por uma segunda votação na Câmara antes de ser encaminhado para sanção do prefeito). Por isso, convém confirmar, antes de sair de casa, os horários de funcionamento dos restaurantes.

Burgers campeões Os burgers da Burger Lab Experience entraram totalmente em clima de Copa do Mundo. São oito lanches dedicados a países campeões do mundo. Escolha o seu e delicie-se: Alemanha: pão preto adocicado, eisbein burger, queijo Burger Lab, relish de repolho roxo e mostarda preta típica Alemã. Argentina: pão clássico, blend bovino de ancho e chorizo, queijo caccio cavalo, cebola roxa e maionese de chimichuri. Brasil: pão clássico, burger de costela Red Angus com crosta de farofa de calabresa, queijo meia cura, couve manteiga com dedo de moça e maionese de banana da terra. Itália: pão clássico, blend bovino de Red Angus, lascas de parmesão, creme de tomate italiano e pesto trufado. Espanha: pão clássico, blend bovino de Red Angus, queijo manchego, presunto cru e maionese de páprica defumada espanhola. França: pão preto adocicado, burger de pato, queijo brie, geléia de maçã e maionese de framboesa. Inglaterra: pão clássico, burger de búfalo, queijo cheddar, barbecue, ovos mexidos e maionese de bacon. Uruguai: pão clássico, burger de cordeiro, mussarela de búfala, creme de hortelã e crispy de cebola. No cardápio da casa, experimente as porções especiais, como as criativas receitas com bacon artesanal (entre elas, Bacon Tempura Cubes, bacon artesanal empanado em forma de cubo). Quem rouba a cena entre as sobremesas é a ousada Banana Split Roller Coaster, com seis bolas de sorvete, três bananas e inúmeros toppings. Os jogos da Copa serão transmitidos em um telão instalado na lanchonete. Burger Lab Experience Rua Jandiatuba, 242 – Tel: 2309-2543 e 2309-2544 www.burgerlabexperience.com.br

7


Foto: Juliana Amorim

CAPA

Jukebox Finest Burger Rua Itatupã, 1 Tel: 2679-0999 www.jukeboxburger.com.br

Rock and roll Com fachada em forma de jukebox, a Jukebox Finest

nha aos quatro queijos (mussarela, catupiry, parmesão e

Burger combina ambiente dos anos 1950, hambúrgueres

gouda). Para as crianças, o Kids Menu tem hambúrgue-

suculentos, Elvis Presley e Chuck Berry. Temática, a lan-

res de 60 gramas.

chonete não irá ficar de fora do clima da Copa. A casa

A decoração é charmosa e inclui uma jukebox, lambretas

está aumentando o número de TVs para que os clientes

e uma antiga bomba de gasolina. O balcão da casa é uma

não percam nenhum jogo. No cardápio, hambúrgueres de

réplica da lateral do famoso Cadillac usado por Elvis, na

160 gramas, como o Beatles Burger: hambúrguer de pica-

década de 50, no mesmo tamanho e cor do original.

Estilo boteco Conhecida no Panamby pelos deliciosos cupcakes, a Tuca e Bimedida também para o inverno, que coincide com os jogos. O caldo de feijão não pode faltar em uma happy hour. Suculento e saboroso, é feito de feijão carioca e servido com cebolinha. O escondidinho de carne seca, cremoso, é sucesso garantido: a carne seca é coberta com purê de mandioca gratinado ao queijo. O frango a passarinho da casa tem um tempero especial, e os pedaços de frango são servidos crocantes e sequinhos. A casa conta com TV que transmitirá os jogos da Copa.

Tuca e Binha Rua Dep. João Sussumu Hirata, 407 Tel: 3742-8383 www.tucaebinhacupcakes.com.br

8

Fotos: Divulgação

nha preparou um cardápio especial para o período da Copa, sob


Nova chopperia No Morumbi Open Center a novidade é o Dom Villas, com previsão de inauguração para o final de maio. A casa irá propor promoções no decorrer dos jogos da Copa, principalmente com drinks temáticos. A happy hour no Dom Villas terá um apelo único: de segunda a sexta-feira, das 17h às 20h, o cliente ganha chopp em dobro. Segundo o proprietário, a choppeira do Dom Villas é a única na região que gela muito mais o chopp, deixando-o mais cremoso. Um telão irá transmitir em Full HD os jogos da Copa.

Dom Villas Morumbi Open Center Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 1210


Fotos: Juliana Am

orim

CAPA

dELícIas árabEs O Phenicio Restaurante e Bar, inaugurado em maio, chega ao Panamby já preparado para receber os torcedores em jogos da Copa. São seis TVs sintonizadas em vários canais que transmitirão as partidas. O cardápio conta com bufê de pratos árabes. Entre os lanches, petiscos árabes, sanduíches e saladas. Estão disponíveis 15 rótulos de cervejas importadas e cinco nacionais, além de uma carta de vinhos, sucos naturais e destilados.

phenicio restaurante e bar Rua itatupã, 36


CAPA

BELEZA

verde e amarela

Os salões de beleza do Panamby também estão preparados e oferecem maquiagem e unhas temáticas para quem pretende torcer com muito estilo.

No L’estilo, é possível aproveitar os serviços de beleza do salão enquanto os jogos são transmitidos na TV de 40 polegadas. Tudo em clima de torcida, com pipoca e refrigerante. O salão oferece dread com lã para os cabelos, maquiagem e unhas com adesivos, entre outros serviços, tudo com inspiração na Copa. L’estilo rua dep. João sussumu Hirata, 170 tel. 4371-7427

No Glitz Mania, além dos serviços de beleza temáticos, as crianças podem trocar figurinhas do álbum da Copa às terças e quintas, das 17h às 20h.

O Lo Studio innovation aposta nas unhas com adesivos, glitter e esmaltadas nas cores do Brasil. O salão também tem profissionais para executar maquiagens temáticas. Lo studio Innovation rua José ramon urtiza, 1220 tel. 3776-7282 / 3776-7280 www.lostudio.com.br

glitz Mania shopping Jardim sul 1º piso – tel: 3742-7333 www.glitzmania.com.br

As crianças também entram na onda da Copa. O Cuts and Fun faz penteados coloridos com as cores do Brasil e unhas personalizadas. As TVs do salão transmitirão os jogos. cuts and Fun r. dep. João sussumu Hirata, 739 tel. 3746-5941 facebook.com/cutsandfun


EDUCAÇÃO

Minha primeira escola

perto de casa

De grandes instituições de ensino, onde o aluno pode cursar até o Ensino Médio, aos pequenos berçários, há boas opções para a escolha da primeira escola dos filhos no bairro ou bem próximo de casa. Por Luiza Oliva  Fotos: Divulgação

o

Morumbi e o Panamby são bairros bem servi-

bro para exercer posteriormente, de forma mais facilita-

dos de instituições de ensino. Há escolas tra-

da, as atividades necessárias na aprendizagem escolar,

dicionais, outras de ensino bilíngue, muitas que

como na alfabetização, por exemplo”, define.

cresceram junto com o bairro. O desenvolvimento da re-

Nesta matéria, conheça algumas escolas no Panam-

gião trouxe escolas diferenciadas, inclusive berçários de

by e próximas ao bairro, selecionadas por Panamby Ma-

qualidade que oferecem cuidados especiais às crianças

gazine, e prepare-se com atenção para sua escolha.

pequenas. Mas, em meio a essa boa diversidade de opções, como escolher a primeira escola dos filhos?

Proposta diferenciada

Os especialistas são unânimes em afirmar que a primeira infância é a fase mais importante para o desenvolvimento do ser humano. “Inegavelmente a escola mais importante é aquela cursada na primeira década da vida, inclusive porque é a etapa da vida neurológica onde o cérebro tem as melhores e mais enriquecedoras condições de desenvolvimento”, esclarece a psicopedagoga Maria Irene Maluf. Principalmente quando se trata da Educação Infantil, é preciso checar as condições de segurança para os pequenos e a adequada implantação do prédio e das áreas de lazer em relação à iluminação natural e à ventilação. “O aspecto arquitetônico também é importante, pois as

12

crianças devem se sentir acolhidas em um espaço claro,

Christine Bruder, psicóloga e psicanalista especializada

visualmente agradável, onde afinal permanecerão boas

em desenvolvimento infantil pela Universidade de Har-

horas do seu dia. Quanto mais a escola lhes for visualmen-

vard e New York University, levou oito anos entre pesquisa,

te aprazível, mais elas estarão à vontade e prontas para a

projeto e construção do Primetime Child Development,

aprendizagem e a socialização”, justifica Maria Irene.

um centro de desenvolvimento infantil com uma propos-

E é claro que não se deve esquecer da importância das

ta diferenciada, inaugurado em 2007. Ao contrário de

brincadeiras para os pequenos. Segundo a especialista,

oferecer um simples local para socializar e brincar, é for-

brincando a criança planeja e vivencia situações inusita-

mada uma parceria para acompanhar e orientar as mães

das para ela, desenvolve seu equilíbrio físico em ativida-

de forma personalizada em todas as suas dúvidas sobre

des que exigem também aprimoramento motor, senso-

o desenvolvimento de seu filho, por exemplo, sobre sono,

rial, da acuidade visual, auditiva, tátil, olfativa, e maior ra-

amamentação, alimentação, disciplina, escolha da escola,

pidez de respostas a novas situações assim como trocas

etc. “As atividades da criança são planejadas levando em

de ordem emocional e social com seus pares. “Brincando

conta suas características e interesses individuais a cada

a criança treina simultaneamente seu corpo e seu cére-

momento. Desta maneira se cria o ambiente para viabilizar


que ela seja mais feliz agora, e se estruture para ser mais

Destaque também para os cuidados com a saúde dos

feliz no futuro”, sustenta Christine. Até os dois anos, cada

pequenos, como o piso aquecido para preservar o siste-

grupo tem apenas quatro bebês, cuidados integralmente

ma imunológico. “Tudo para eliminar os senões de berçá-

por duas psicólogas ou pedagogas com formação contí-

rios e potencializar seus benefícios de um acompanha-

nua em Neurociência aplicada à Educação e Desenvolvi-

mento personalizado para o desenvolvimento. Seja por

mento Infantil. A proposta é bilíngue português/inglês.

poucas horas diárias, ou durante todo o dia, conforme a

A escola deu tão certo que hoje atrai crianças de ou-

rotina da família”, afirma a psicóloga, completando que

tras regiões: cerca de 40% de suas crianças (a partir de

a escolha da primeira escola do bebê deve ser feita com

três meses e até quatro anos) vêm de bairros distan-

muito critério pelos pais. “Conforme a renomada publi-

tes, como Vila Mariana, Itaim ou até mesmo Alphaville.

cação científica The Lancet, investir no desenvolvimen-

Segundo Christine, o Primetime recebeu vários prêmios

to nos primeiros meses e anos tem um retorno até seis

na Inglaterra, Itália e América Latina por seu destaque

vezes maior do que em outros momentos da vida. Cien-

mundial em segurança, ergonomia e pelo que oferece em

tistas estimam que 50% daquilo que somos têm origem

oportunidades de desenvolvimento. “É uma combinação

em nossa bagagem genética, e os outros 50% são fruto

sinérgica de inúmeros elementos que garantem o melhor

de nossas vivências e experiências, de forma muito mais

aproveitamento de todas as vivências, como janelas à al-

concentrada nos primeiros anos. Trata-se da fase em

tura dos olhos dos bebês, rampas ao invés de escadas,

que a qualidade do ambiente e estímulos externos farão

water play, horta, teatro, amplas salas de atividade e es-

mais diferença em toda a vida”, arremata.

paços para brincar e interagir com animais diversos”, diz.

13


EDUCAÇÃO Bilíngue, com espaços didáticos A Kinder Kampus Educação Infantil Bilíngue aceita crianças a partir de um ano e três meses que estejam andando. Na escola o idioma oficial é o inglês. O português é usado somente em momentos específicos como adaptação ou atividades dirigidas que são relacionadas à Língua Portuguesa, como Festa Junina e Carnaval. “A maior parte da rotina das crianças na escola acontece em Inglês”, explica a diretora, Catia Ryan.

As instalações da Educação Infantil foram projetadas para atender às necessidades dos alunos menores. Todos os espaços são ventilados e iluminados naturalmente e possuem acessos por rampas. Pensando na função pedagógica da arquitetura da escola, os ambientes foram criados de modo a se tornarem “espaços didáticos” que proporcionam uma maior oportunidade de busca do conhecimento e interação entre as crianças. Os pequenos desenvolvem atividades de música, artes visuais, motricidade, além de jardinagem, culinária e biblioteca. A escola trabalha em parceria com a Nutrical, empresa especializada em alimentação infantil, relata Catia. “Tudo o que é servido aos nossos alunos é planejado por nutricionista e preparado na escola. A nutricionista também acompanha o desenvolvimento dos alunos por meio de avaliações de peso e altura”, completa.

Ela explica que, para os menores, a adaptação à vida escolar é gradativa, “ou seja, a carga horária deve crescer a cada dia, até que o aluno consiga ficar todo o período proposto na escola”. “Na Kinder Kampus permitimos que um adulto, que tenha muito vínculo com o aluno, entre em sala com a criança em adaptação e faça a transferência de segurança para os professores gradativamente. Cada aluno 14


EDUCAÇÃO tem um tempo para sua adaptação e é preciso que esse tempo seja respeitado”, define. Mas, para que a adaptação seja segura, Catia orienta que os pais estejam bem seguros da decisão tomada. “Quanto mais seguros os pais estiverem, mas fácil será a adaptação. Essa segurança dos pais é transmitida na despedida e a criança sente!” A Kinder Kampus Educação Infantil oferece o período da manhã, das 8h às 12h, ou o da tarde, das 13h às 17h. Os alunos ainda podem optar por atividades no período estendido, ficando na escola das 8h às 17h ou por períodos mais curtos, como das 10h às 17h ou das 8h às 15h. “No período estendido oferecemos atividades diferentes das que ocorrem na rotina escolar, que acontece por um período de quatro horas. São atividades de recreação e momento de descanso para alunos até três anos, e teatro, futebol, tênis e outros esportes para alunos de quatro e

sensorial, com pisos de pedrinhas, onde as crianças têm

cinco anos”, explica.

seu sentido tátil estimulado. Os aromas também são valorizados, através de uma horta com temperos. “Percebe-

Tradição e modernidade

mos que o novo espaço para os pequenos, separado dos

Desde agosto do ano passado, a unidade Verbo Divino da

demais alunos, deu maior segurança aos pais”, comenta

Escola Pueri Domus tem um novo espaço para as crian-

Maria Cecília, completando que a escola aceita crianças a partir do momento em que andam sozinhas. “O uso da fralda não é impeditivo para entrar no Pueri Domus. O único pré-requisito é estar andando, por isso a idade de acesso à escola varia conforme cada criança.” Especialmente para os pais de primeira viagem, que ficam em dúvida sobre a idade ideal para colocarem os filhos na escola, Maria Cecília costuma enumerar as vantagens da opção por uma instituição de ensino: “Via de regra a escola se mostra a escolha mais segura e mais bem preparada para receber a criança pequena, pois conta com profissionais especializados e lhe oferece enriquecimento, relacional e intelectual. O Pueri Domus acredita no brincar intencional, ou seja, há uma orientação de por

ças pequenas. Um prédio tombado pelo Patrimônio Histórico foi reformado e está recebendo os alunos do Mini Maternal, Maternal 1 e 2. “Preservamos as questões arquitetônicas mas aliamos a modernidade ao novo espaço, que ficou conhecido como Ala dos Maternais”, explica a diretora Maria Cecília C. Aranha. Brinquedoteca, sala de música, oficina de artes, todos os espaços são planejados para os pequenos. Cada sala de aula tem um banheiro anexo, preparado para a higiene das crianças. A grande atração da escola é o novo pátio, no centro do prédio tombado. Arborizado, o local recebeu novos brinquedos de madeira, triciclos e até um jardim 16


EDUCAÇÃO que brincar com massinha em um dia, e com blocos de montar no outro, por exemplo. Educar, no Maternal do Pueri Domus, significa propiciar situações de cuidados, brincadeiras e aprendizagens orientados de forma integrada e enriquecedora para o desenvolvimento dos pequenos alunos.” O Pueri Domus recebe crianças no horário da manhã ou tarde, e ainda no período integral (das 7h às 18:30h) ou ampliado (a criança permanece o dia todo na escola em dois ou três dias da semana). A partir dos três anos e meio, as crianças podem entrar no Global Brazilian American Program, programa de educação bilíngue que integra os currículos brasileiro e americano. Essa educação bilíngue oferecerá aos alunos uma tripla certificação: além do certificado brasileiro, podem receber

Panamby dispõe de espaços voltados a oportunidades

um diploma de High School aceito em universidades

educativas. Segundo a coordenadora pedagógica Maria

americanas e o International Baccalaureate Diploma,

Júlia de Oliveira Dias, é função da escola oferecer possibili-

aceito em mais de cem países, de todos os continentes.

dades de desenvolvimento para os pequenos. “Na primeira escola eles se percebem e conhecem o mundo a sua volta.

Estruturada para o desenvolvimento

Temos, por exemplo, paredes sensoriais com diferentes

Para o primeiro momento em que a criança pequena se

texturas. Aqui no Portinho as crianças podem experimen-

separa da família, quando entra na escola, o Portinho

tar com segurança, é uma fase importante da infância onde são construídos os primeiros vínculos”, aponta. A escola atende crianças de um a cinco anos, nos períodos da manhã ou tarde (8h às 12h e das 13:30h às 17:30h). “Às vezes a criança ainda não anda mas já pode entrar no Portinho. O processo de adaptação à escola é acompanhado pela família. A permanência dos pais no Portinho varia conforme cada caso. Orientamos que os pais conversem com a criança, explicando que ela irá para o Portinho, que fará amigos. Se a criança percebe insegurança nos pais, sofrerá mais”, orienta Maria Júlia. Da proposta pedagógica à arquitetura, passando por instalações e mobiliário, tudo no Portinho é sob medida

18


Excelência e qualidade Há 10 anos no Morumbi, o Berçário e Escola Balou acaba de inaugurar uma nova unidade no Panamby. No primeiro endereço, o atendimento é de zero a cinco anos. Já na nova escola o foco é exclusivo para os pequenos de zero a três anos. Mãe e filha, as sócias Mary Boyadjian e Fabiane Boyadjian Guimarães são pedagogas. A escola nasceu

para as crianças de um a cinco anos. Bichinhos de verdade marcam presença na fazendinha para favorecer as primeiras noções de responsabilidade, afeto e zoologia. Na horta, as crianças aprendem sobre o preparo, os cuidados e as fases de crescimento de diferentes vegetais. Mais tarde, o fruto de seu próprio cultivo será a base para preparar uma gostosa refeição. No salão de Educação Física, os pequenos partem para as primeiras explorações do espaço, atravessando obstáculos e ganhando confiança. Na biblioteca do Portinho, as crianças têm constantemente contato com livros. A escola conta também com sala de artes, brinquedoteca e sala de informática.

19


EDuCAÇÃO ras. A partir de um ano e quatro meses, há opção de meio período ou integral. protagonIstas O Espaço Infância Magic camp, das sócias Priscilla Lauton e Enina Tihich, se estabeleceu no Panamby há três anos. Segundo Priscilla, que é pedagoga, a escola atende crianças de cinco meses a cinco anos, com uma abordagem fundamentada na filosofia sócio-construtivista. “Nossas crianças são protagonistas de suas próprias histórias. intencionalmente, elas são estimuladas a quando a filha mais velha de Fabiane era pequena. “Sou

explorar e a descobrir as possibilidades e potencialidades

uma mãe muito exigente e procuro no Balou atender

de seu próprio corpo, a participar das relações sociais e a

aos aspectos de segurança, higiene e desenvolvimento

interagir com o meio ambiente, à medida que desenvol-

da criança. Para nós, o cuidar é indissociável do educar.

vem a capacidade de observar, investigar, explorar, criar,

Temos uma preocupação com o desenvolvimento cogni-

pensar e descobrir”, pontua Priscilla. A escola oferece vi-

tivo dos bebês, que são atendidos por pedagogas e por

vência em inglês (diariamente), aulas de Circo, Música e

fisioterapeutas”, explica Fabiane. As profissionais de fisioterapia montam um programa para cada bebê, atendendo suas necessidades individuais com um trabalho semanal. “A cada seis meses o bebê é reavaliado pela fisioterapeuta. Essa atuação acontece com os alunos de zero a dois anos.” A escola conta com a assessoria de uma nutricionista com experiência hospitalar. “Ela vive o dia a dia da escola, avaliando a aceitação do cardápio pelas crianças, os itens da época bons para consumo e elaborando uma lista de consumo per capita. Ou seja, se temos 20 bebês, ela determina a quantidade de carne necessária per capita que deve ser colocada na

Desenvolvimento Motor Global. Ballet e judô são as pos-

sopa.” A atenção com a saúde das crianças se estende

sibilidades de atividades extras.

até ao ganho de peso do bebê, que é acompanhado. “A

O horário de funcionamento do Espaço infância é das

alimentação é individualizada, montamos prato a prato.”

7h às 19h, com opções diversas de horários. Para o ber-

Em todos os pontos do berçário a água é filtrada. Os

çário, há meio período, manhã ou tarde, ou integral (das

cuidados com a higiene são intensos: visitantes devem

7:30h às 18:30h ou das 7h às 19h). A partir de um ano e sete

utilizar protetores de sapato e na nova unidade foi utili-

meses, outra opção é o semi-integral, das 8h às 15:30h.

zado um piso líquido, sem rejuntes e fácil de limpar. Segundo Fabiane, o Balou não quer perder de vista o atendimento à individualidade de cada criança: “Temos salas pequenas, com 10 a 12 crianças cada no máximo. Nosso foco é trabalhar com a excelência e a qualidade, sempre em comunicação com os pais, construindo uma relação de confiança com a família.” Aula de música, valorização da contação de histórias visando a formação do leitor literário, ateliê, acqua play, brinquedoteca e parquinho fazem parte das atividades. As crianças do Berçário (de zero a um ano e três meses) podem ficar na escola em períodos de oito, 10 ou 12 ho20


BELEZA

Omorovicza Cosmetics

CHEGA AO BRASiL

Foi lançada em maio no Spa Cidade Jardim, no Shopping Cidade Jardim, a marca Omorovicza Cosmetics, originária de Budapeste, Hungria. São produtos elaborados com uma potente mistura de águas termais, ricas em minerais.

Balancing Moisturiser: regula a produção sebácea, promove hidratação de rápida absorção e melhora linhas finas e rugas.

C

onsagradas grifes internacionais continuam Fotos: Divulgação

apostando no mercado brasileiro para expandir suas fronteiras. Desta vez, quem desembarca

por aqui é a Omorovicza, marca originária de Budapeste, Hungria, que será utilizada e comercializada no SpaCidade Jardim e na rede de produtos de beleza Sephora. Thermal Cleansing Balm: remove a maquiagem e impurezas da pele sem ressecar.

A história da Omorovicza começa há mais de 2000 anos, quando as propriedades curativas das águas termais da Hungria foram descobertas. A combinação única de minerais encontrados nestas águas apresentam notáveis benefícios anti-envelhecimento.

Em 1800 a família Omorovicza construiu o belo Spa Racz na capital húngara de Budapeste. Budapeste é conhecida como a Capital Mundial dos Spas e é o lar da Omorovicza. E 200 anos mais tarde, o descendente da família Omorovicza, Stephen, levou sua futura esposa Margaret para conhecer o local e seus benefícios terapêuticos. Encantados com os resultados na transformação da pele, pediram a ajuda de um laboratório premiado com o Nobel de dermatologia para estudar as incríveis águas curativas da Hungria e desenvolver uma linha de skincare pioneira e eficaz. Nasce a Omorovicza Cosmetics. Assim surgiu também o sistema Transferência Hidro Mineral™, uma formulação patenteada que compõe os principais produtos Omorovicza. Com base na antiga ciência da bio-fermentação, a Transferência Hidro Mineral™ captura minerais na sua forma original e reconfigura a sua estrutura molecular, de forma que a pele absorva e distribua os produtos Omo-

Stephen e Margaret, fundadores da marca, no Spa Cidade Jardim.

rovicza nas camadas mais profundas da pele. Os resultados são espetaculares, ao toque a pele apresenta uma textura suave, hidratada e visivelmente mais rejuvenesci-

22


da. Com o tempo e a maior produção de colágeno e elastina proporcionam uma hidratação natural que repara e deixa a pele mais firme, com excelentes resultados. A

Aromas foram adaptados ao gosto das brasileiras.

sensação de frescor é um dos benefícios percebidos dos minerais das águas termais. Os produtos Omorovicza são elaborados com uma potente mistura de águas termais, ricas em minerais. O resultado é a combinação de minerais importantes para a pele, combinados com as melhores vitaminas, óleos essenciais e ingredientes naturais de todo o mundo, matérias primas que vêm desde o leito do Lago Heviz ao pico das montanhas dos Andes. “Para o lançamento da marca no Brasil, selecionamos uma linha de produtos perfeita para o tipo de pele e o clima do País. Por isso focamos em produtos para redução

da bastante as brasileiras, são suavemente perfumados

de poros, visto que muitas pessoas possuem a pele ole-

com aromas naturais, elaborados na cidade de Grasse,

osa no Brasil. As ações anti-envelhecimento compõem

no coração da indústria francesa do perfume.

um enfoque importante na linha Omorovicza”, conta Ste-

Hoje, Omorovicza é uma marca global de beleza, pre-

phen de Heinrich de Omorovicza, fundador da marca que

sente nas lojas e spas mais exclusivos do mundo. A im-

esteve em São Paulo para o lançamento com a esposa

portação e distribuição é exclusiva da Classy Brands,

Margaret de Heinrich.

empresa focada em produtos com eficácia comprovada

Os produtos possuem uma característica que agra-

e marcas consagradas.


EDuCAÇÃO

Cursinho aposta em qualidade do corpo docente. Olimpíada destaca os melhores em Língua Portuguesa.

A

VESTiBuLARES

1a Olimpíada de Língua Portuguesa de Taboão

tos dentre as 80 questões apresentadas. Portanto, seria

da Serra, promovida pelo Cursinho Objetivo de

bem sucedida nos vestibulares nesta disciplina e ainda

Taboão da Serra, foi um sucesso. Foram mais de

seria beneficiada em relação às demais disciplinas, uma

100 inscrições de Taboão da Serra e cidades vizinhas. O

vez que o domínio da língua portuguesa contribui para a

cursinho, que adota o sistema de ensino Objetivo, apos-

compreensão dos enunciados de todas as matérias, bem

ta em um corpo docente de primeira linha e na boa es-

como na redação das respectivas respostas. A interpre-

trutura de suas dependências visando a vitória de seus

tação de texto é fundamental para o bom desempenho

alunos nos melhores vestibulares. José de Almeida, dire-

nas provas e nos preocupamos muito com este procedi-

tor do cursinho, comemora os resultados dos alunos nos

mento na cadeira de português.

vestibulares 2013: “As aprovações foram surpreendentes. Tivemos 96 estudantes aprovados, ou seja, 50% de nos-

o cursInHo prEtEndE proMoVEr noVas

sos alunos. Destes, 11 ingressaram no curso de Medicina.

oLIMpíadas?

Foram 45 aprovações em universidades públicas. 2013

Sim, a próxima já está marcada para o final de junho e

foi um ano fantástico!” Confira na entrevista mais deta-

será baseada nas matérias de Biologia e Ciências Exatas.

lhes da Olimpíada e do cursinho Objetivo. FaLE uM pouco dos dIFErEncIaIs do cursInHo coMo surgIu a IdEIa da oLIMpíada?

obJEtIVo.

Nossa coordenadora da cadeira de português sugeriu

Seguimos o padrão Objetivo que, sabidamente, é um dos

um desafio aos nossos alunos e acabamos abrindo para

melhores sistemas de ensino do Brasil. Tenho um corpo

todo o público da região. Como o português tem um peso

docente de primeira linha e estamos preocupadíssimos

enorme no vestibular hoje em dia, a Professora Nilda,

com o aluno, tanto no que diz respeito ao ensino como

nossa coordenadora, vem desenvolvendo, junto aos nos-

no quesito comportamental. Disciplina para nós é funda-

sos alunos, um trabalho forte de redação, conhecimento

mental, acreditamos que o aluno que faz nosso cursinho

da língua e leitura dos clássicos da língua portuguesa,

deseja estudar e não pode ser atrapalhado por quem

que é obrigatória para ingresso nas principais institui-

está só passando o tempo. Estamos em contínua melho-

ções acadêmicas.

ra no que se refere às dependências do cursinho: nossas classes estão sendo climatizadas paulatinamente, te-

24

coMo FoI a partIcIpação dos InscrItos na

mos biblioteca, sala de estudos, refeitório com acessó-

oLIMpíada?

rios para refrigerar e aquecer os alimentos. Além disso,

50% dos participantes alcançaram, em média, 40 pon-

oferecemos plantões de todas as disciplinas, inclusive

tos, o que não é mau, mas sempre é possível melhorar.

Geografia e História, importantíssimas no entendimento

Os 10 primeiros estão seguros, acertaram em média 50

socioeconômico do mundo atual. Enfim, estamos pro-

questões, mas não podem se descuidar. A primeira colo-

curando oferecer o máximo para que o aluno possa con-

cada foi Simone Miyashiro da Silva, que obteve 58 pon-

quistar o pódio no final do ano.

Foto: Suprijono Suharjoto/Fotolia

De olho nos


CRiANÇAS

O primeiro

CORTE DE CABELO

Chegou a hora de fazer o primeiro corte de cabelo do bebê. Como o pequeno irá reagir?

O

momento do primeiro corte de cabelo do bebê é cercado por insegurança e apreensão dos pais: será que o pequeno vai chorar? O salão de beleza infantil Glitz Mania, no Shopping Jardim

Sul, está preparado para atender as famílias nesse momento importante. Juliana Butler de Rezende Monteiro, sócia da marca Glitz Mania, comenta que os salões contam com profissionais preparados para atender a criança de forma carinhosa e cuidadosa. O bom atendimento, aliado aos elementos lúdicos presentes na ambientação, prendem a atenção da criança e fazem da experiência um sucesso, afirma. Para Juliana, não existe uma idade certa para o primeiro corte de cabelo, dependendo muito da quantidade de cabelo da criança. Foto: Divulgação

“Normalmente, é feito próximo a um ano de vida, quando o cabelinho começa a crescer de forma irregular. O corte fortalece o cabelo e faz com que o crescimento aconteça de forma mais homogênea”, explica. No Glitz Mania, os pais ganham um certificado do primeiro corte, acompanhado de uma mecha de cabelo para guardar de lembrança. Além do corte de cabelo para meninos e meninas, o salão infantil Glitz Mania do Jardim Sul conta com outros serviços, como penteados, unha decorada, maquiagem social, maquiagem artística, hidratação, além da festa de aniversário infantil. As festas incluem salgados, docinhos e bolo, e serviços de beleza para as meninas: todas fazem penteado, manicure e maquiagem leve e depois da produção participam de um desfile com muita animação. As crianças ainda podem brincar nos brinquedos do salão e jogar videogame. A maior parte dos clientes tem até 12 anos, mas o salão também está preparado para atender adultos, fazendo manicure, pedicure, cortes e penteados. glitz Mania – Shopping Jardim Sul 1º Piso – Tel: 3742-7333 26


Panamby Magazine - Edição nº2  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you