Issuu on Google+

A revista de festas do Rio de Janeiro e Niterói. Edição 15 | Ano 07 | 2011 www.revistafestejar.com.br

R R

Edição Especial de Aniversário

CHÁ DE LINGERIE As amigas fazem a festa! eNTREVISTA Daniella Lazary COMPORTAMENTO E se o noivo não quer festa? BELEZA E ESTÉTICA Peelings e rejuvenescimento facial

Distribuição gratuita

EDITORIAIS Grinaldas e Vestidos


Noivas, Debutantes e Festas A busca pelo sapato perfeito termina aqui. Nossa coleção inclui os mais diferentes estilos.


www.villafestejar.com.br Rua Moreira César, 229 sala 920 - Shopping Icaraí - Niterói Tels: 3027-2556 / 2704-9162 / 9466-1312


Bastidores

Sérgio Ronaldo

Sérgio Ronaldo

Tanto o Lajedo quanto o Bistrô Mac caíram como uma luva para os editoriais de Vestidos de Noiva e de Grinaldas preparados para esta edição. O ambiente arborizado do Lajedo e o charme do Bistrô Mac ofereceram o que as equipes de produção esperavam: tranquilidade. As modelos puderam ficar bem à vontade, e o resultado você confere neste número da Festejar.

No alto, Márcio Lira capricha no visual da modelo Juliana Castro e depois prepara suas longas madeixas para a sessão de fotos. Ao lado, momento de descontração: David Torres, Sônia Andradelima, Édipo Ferreira, Marcos Freire, Marcio Lira, Lucas Fernandes, Cristine Banho e Sérgio Ronaldo (da esquerda para a direita). Em primeiro plano, as modelos Juliana Castro e Júlia Azevedo

6


Murillo Ribeiro

Murillo Ribeiro Murillo Ribeiro

1

2 (1) O fotógrafo Wagner Martins explica à produtora Cristine Banho e à modelo Renata Santos que tipo de lente vai usar. (2)O assistente de produção Lucas Fernandes dá últimos retoques na preparação da modelo Vanessa Thomé. (3) Fernando Rodrigues (à direita) prepara o visual da modelo Renata Santos. (4)Uma boa iluminação é tudo! 3

4 Pausa para um clique. Da esquerda para a direita, Wagner Martins, Vanessa Magalhães, Lucas Fernandes, Murillo Ribeiro, Cristine Banho, Vanessa Thomé, Alyne Collet, Rodrigo Fidelis, Renata Santos, Fernando Rodrigues e Marcos Martins

7


Editorial Algumas tristezas e muitas alegrias

S

im, chegamos à 15ª. edição da Revista Festejar! Mais que um motivo de comemoração, uma grande alegria e a sensação de estar alcançando o propósito pelo qual a revista foi criada: ajudar a tantas jovens e mulheres a realizar seus sonhos de 15 anos e de casamento. A celebrar tantas bodas, formaturas, aniversários, eventos corporativos... Porque em nossas páginas o leitor encontra os mais gabaritados profissionais, aqueles que fazem de qualquer festa um evento inesquecível. Esta edição de aniversário nos faz relembrar o início de nossa trajetória, as dificuldades e desafios que tivemos de encarar em busca da fixação de uma marca, do estabelecimento de um trabalho que fizesse diferença no mercado, da criação de metas que pudessem manter o nome Festejar sempre vivo e atual. E aqui estamos, 15 edições depois. A Mistral é uma editora vitoriosa – pelos frutos que já colheu e pelos que ainda vai colher. Um dos casamentos que o leitor verá retratado em nossas páginas é o de Suzana e Marcelo. Além de terem uma bela história de amor, eles foram o último casal que nosso querido amigo Fabrício Belote fotografou profissionalmente. Fabrício faleceu na última semana de abril e deixou muitas saudades – tanto pelo ser humano que foi quanto pelo fotógrafo dedicado que era. Publicar aqui o casamento de Suzana e Marcelo é também uma forma de homenageá-lo. Além de demonstrarmos nosso carinho por Belote, esta edição ainda é particularmente especial para nós pelo fato de estarmos presenteando nossas leitoras com três editoriais – vestidos de noiva, grinaldas e sapatos e carteiras. Foram trabalhos fotográficos primorosos aliados a uma produção muito bem cuidada. Nosso desejo sincero é que esses editoriais sirvam de auxílio às noivas e venham a inspirá-las. Assim como aconteceu com Suzana, que encontrou a cerimonialista para seu casamento aqui na Festejar e ficou supersatisfeita! Faça da Festejar você também o seu guia, a sua revista referência em festas.

Renato Machado

Um abraço e até a próxima!

8

Karla Lopes

e

Luiz Oliveira


Índice

Bastidores • 6 Editorial

A������ ��������� � ������ �������� • 8

Tendências

U� ��� ��, ���� ��� �� • 74

Em Foco

E���� ����������� � ������ • 78

Colunas

COZINHA COZINHA / R������ P������� • 26 COMPORTAMENTO / C������ P����� • 102 BELEZA E ESTÉTICA/ P������� B����� R���� • 116 FESTEJAR / K���� L���� • 158

Seções

PERFIL / N������ � F����� (C����� E������) • 34 ENTREVISTA / D������� L����� (������ ������) • 54 VIVENDO A DOIS / T������ D��������� • 130 AMEI! / U��������� P��� � L�� • 144 NOVIDADES / L��������� • 149

Editoriais

S������ � ��������� • 46 G�������� • 66 V������� �� ����� • 84

Casamentos

S����� � M������ • 18 A���� � G�������� • 40 G���� � L��� G������ • 96 R����� � F���� • 124

15 Anos

E���� M������• 32 F������ V������ • 60 L������ L����� • 110 G�������� P��� • 138

Bodas de Ouro

M���� L���� � T������� • 152

10


Colaboradores

desta edição

Cristine Banho Produtora

ANO 7 - EDIÇÃO Nº 15 - 2011 WWW.REVISTAFESTEJAR.COM.BR EXPEDIENTE

Lucas Fernandes Assistente de Produção

Sérgio Ronaldo, Wagner Martins e Vanessa Magalhães Fotógrafos

Saullo Moreira e David Torres Assistentes de Fotografia

Fernando Rodrigues e Márcio Lira Cabelo e Maquiagem

Marcos Freire, Édipo Ferreira e Marcos Martins Assistentes de Cabelo e Maquiagem

Murillo Ribeiro Making Of

Rodrigo Fidelis

Direção Geral Karla Lopes . karla@mistraleditora.com.br Luiz Oliveira . luiz@mistraleditora.com.br Coordenação Editorial Gláucia Victer . redacao@mistraleditora.com.br Programação Visual Designer: Aline Tavares Bezerra Web: Leandro Olegário arte@mistraleditora.com.br Departamento Comercial Gerência: Martha Lins . marthalins@mistraleditora.com.br Consultores comerciais: Ana Cláudia Diniz | Angela Rebello Bruno Nobre | Cristiane Cunha | Dorival Gavinho Juliane Dantas | Raphael Figueiredo Logística | Distribuição Supervisão: Dorival Gavinho Allan da Silva | Denise Rebello Para anunciar, entre em contato com o Departamento Comercial: (21) 2621-7673 . vendas@mistraleditora.com.br

Assistente de Making Of

Rafaela Panisset, Cláudia Puntel e Patrícia Breder Rocha Colunistas

Publicação de eventos e sugestões comunicacao@mistraleditora.com.br Outras Publicações: Festejar Kids Niterói Festejar Kids Rio . www.festejarkids.com.br Revista MultiNegócios Zona Sul Revista MultiNegócios Região Oceânica . www.revistamultinegocios.com.br Assessoria Jurídica Gomes e Thomas Assessoria Jurídica

Capa M�����: J������ C����� F��������: S����� R������ C����� � M��������: M����� L��� G�������: S���� A���������� V������ � ���: F��� �� L���������

As matérias assinadas não representam a opinião da revista. Os textos, as imagens dos anúncios e os serviços oferecidos são de inteira responsabilidade dos profissionais aqui anunciados. A Mistral Editora reserva-se o direito de recusar anúncios que não estejam de acordo com o padrão editorial.

Mistral Gráfica Editora Ltda. Trav. Cadete Xavier Leal, 42.Centro.Niterói.Rj.CEP 24020-220 Telfax: 55 21 2621-7673

11


Suzana & Marcelo

“M

arcelo e eu nos conhecemos através de amigos em comum e, desde o início, houve grande empatia. Sempre arrumávamos um jeito de implicarmos um com o outro, e talvez isso já fosse o prenúncio de um amor. Com o passar do tempo, ambos se renderam àquilo que todos já sabiam, ou seja, que havíamos sido feitos um para o outro. Começamos a namorar em maio de 2008 e, desde então, o amor só cresceu; nem as maiores adversidades foram capazes de desgastar a relação. Muito pelo contrário, elas só serviram para alimentar ainda mais nossos sentimentos. Foram dois anos e quatro meses intensos de namoro. Viagens, passeios e noitadas em

18

companhia dos amigos e familiares. Tudo o que fazíamos era gostoso pelo simples fato de estarmos juntos. Ficamos noivos de uma maneira bem intimista – fizemos os votos a sós, no apartamento onde iríamos morar, e justamente no dia do meu aniversário. Foi lindo e emocionante! Após dois anos e onze meses de muita harmonia e amor, resolvemos oficializar o casamento e festejar entre amigos no Clube Naval Charitas. A festa reservou aos convidados várias surpresas, tais como: picolés sortidos e banda de rock, entre outras. Até os bonequinhos que ficam no topo do bolo divertiram os convidados,

pois reproduziram uma cópia fiel do casal FlaXFlu. A nossa querida cerimonialista, Deise Azeredo, foi descoberta através desta revista, assim como outros profissionais que engrandeceram o evento. A festa foi bem animada, colorida, e contou com bastante espaço para dançar. O clima era de muita alegria, como se pode ver pelas belas fotos do saudoso e badalado fotógrafo Fabrício Belote. Aliás, nosso casamento foi o último trabalho realizado por ele... A todos, o nosso agradecimento. Tudo aquilo que almejávamos e sonhávamos foi concretizado com muito esmero, superando, inclusive, as nossas expectativas.


23/04/2011

Produção do Evento Cerimonial: Deise Azeredo Fotografia: Fabrício Belote e Gustavo Bressan Local da cerimônia e festa: Clube Naval Charitas Alianças: Montecarlo Joias Banda: BR80 Bem-casados: Rafaela Panisset Bolo: Patrícia Siqueira Buffet: Elegance Buquê da noiva: Sharles Rafael Cabelo: Luiza Penant Carrinho de picolés sortidos: Sol a Sol Carro da noiva: Impala 1969 (Ribamar) Celebrante: Juiz de Paz Mário Bitar Chocolates: Dager Coberturas e forrações: Ekipe Tendas Convites: Unicop Decoração Floral: Sharles Rafael Dia da noiva e Noite de núpcias: Hotel Solar do Amanhecer Doces: Rafaela Panisset e Vera Rocha Espumantes: Salton Brut e Salton Rose Filmagem: Jorge Hamiltone Formas de doces: Patrícia Caetano Lista de presentes: Tok & Stok, Leader e Ponto Frio Lua de mel: Punta Cana (República Dominicana) Make up: João Salvatore Músicos da cerimônia: Grupo Musical Quatro Estações Roupa do noivo: Só a Rigor Roupa dos pais da noiva: Flor de Laranjeira e Só a Rigor Roupa dos pais do noivo: Mathilde Kraichete e Só a Rigor Topo do bolo(Biscuit): Jacyara Davi Vestido da noiva, mantilha, grinalda e acessórios: Flor de Laranjeira Whisky: Red Label

19


Cozinha Cozinha

RAFAELA PANISSET É fácil brincar de cozinha D

e alguns anos para cá, tenho notado um crescente número de pessoas que abandona seus trabalhos ditos convencionais para se lançar no mundo gastronômico. Durante os anos de faculdade, observei o contrário. Vi várias pessoas desistindo do curso de Gastronomia com o único argumento de que tudo aquilo não era bem o que haviam pensado... Elas faziam o tipo que apenas gosta de preparar um churrasco nos finais de semana mas não pretende seguir na profissão. Outros colegas faziam o curso porque queriam aprender a cozinhar, e outros ainda não tinham qualquer objetivo concreto. Mas o que será que eles pensavam de fato a respeito da Gastronomia? Que sairiam da colação de grau diretamente para um programa bacana na televisão a cabo? Ou então que posariam com o uniforme branquíssimo para um anúncio de revista? A verdade é que todo esse luxo e glamour é para poucos, pois esse grupo seleto, além de ser excelente na cozinha, em geral é muito bom na comunicação. A grande massa está atrás dos fogões, cobertos de suor, com seus uniformes completamente sujos. Estes sim são os verdadeiros guerreiros da cozinha. Antes de mais nada, o verdadeiro chefe de cozinha tem que amar o ofício que escolheu: cozinhar. Ele está sempre em busca de novas alquimias, novos ingredientes e texturas delicadas, sem esquecer, é claro, do sabor. Quantas vezes virei noites trabalhando, sem ver direito o meu filho, e me perguntava se era isso mesmo o que eu queria para a minha vida. Mas a satisfação de receber um telefonema, o e-mail de um cliente satisfeito, ou ainda de encontrar alguém que diz ser seu fã, como se você fosse algum artista de televisão, desfaz qualquer esgotamento emocional e físico. Trabalhar com alimentos é coisa séria, minha gente, e vai além de gostar de fazer docinhos ou de ter uma excelente receita de bolo. Ultrapassa os limites do ra-

26

zoável no que diz respeito às horas dedicadas ao trabalho e estudo. E, na minha humilde opinião, deveria ser obrigatório um curso de boas práticas na cozinha, com prova e certificado, assim como é exigido dos advogados e engenheiros. Afinal, sem ter a noção básica da contaminação cruzada dos alimentos, um simples brigadeiro pode se transformar em uma bomba de bactérias e até mesmo levar a óbito. Do mesmo modo que um prédio construído de maneira irresponsável ou uma causa mal defendida podem levar uma pessoa à ruína. Quem não se lembra daquele caso onde todos os convidados de um casamento na Europa foram parar no hospital por causa de uma intoxicação alimentar? Quem de nós nunca comeu algo que nos fizesse passar mal? É preciso muito estudo e isso me preocupa, porque é fácil brincar de cozinha; difícil é se entregar de corpo e alma. Rafaela Panisset é Chef Pâtissière www.rafaelapanisset.com


15 Anos

Elisa Menezes Produção do Evento Cerimonial e Decoração: Casual Eventos Fotografia: J.C. Xavier Local: Clube Naval Charitas Atração: Mc Catra Buffet: Lazary DJ: DJ Tony Dee e Gabriel Galvão (Conexx) Filmagem: Jean Vargas Iluminação: Casual Eventos Móveis e Lounges: Casual Eventos Open Bar: Joe Drinks

32


Preparar uma festa na qual vamos debutar exige dedicação, empenho e muito amor pelo que estamos fazendo. É um momento especial, exatamente porque só se completa 15 anos uma vez na vida!”

33


Perfil NATÁLIA TAVARES E FELIPE CUTRIM

Wagner e Vanessa

CASUAL EVENTOS O vigor e a juventude de um casal que leva a sério o que faz

N

Wagner e Vanessa

atália e Luiz Felipe são dois jovens de 26 anos. O que mais têm em comum? São casados e donos da Casual Eventos, onde dividem o mesmo espaço de trabalho. Ali eles fazem todos os preparativos para que os sonhos de muitas noivas, debutantes, formandos, sejam realizados com perfeição (ou quase isso) no “grande dia”. Ela é engenheira de produção e ele é administrador de empresas, mas um dia descobriram o gosto comum por organizar eventos e ninguém mais os segurou. A coisa toda teve início quando eram ainda namorados. Felipe já trabalhava com eventos, mas era DJ, e Natália deu os primeiros passos no ramo como recepcionista. A chance de ouro surgiu quando, dois anos depois, foram convidados pela madrinha de Natália para organizar suas Bodas de Prata. Deu tudo tão certo que outras portas foram abertas e os dois começaram a trabalhar juntos de fato. Não tinham cartão de visitas, escritório, nada! Mas aos poucos, com o aumento da demanda, foram organizando a estrutura que se vê hoje.

Uma das metas da Casual é deixar a festa com a cara do cliente e preparar uma recepção que procure agradar também os convidados. Natália e Felipe entendem que é no decorrer dos encontros com o cliente que se vai conhecendo os diferentes perfis, a partir dos quais poderão elaborar um estilo de festa que seja simpático a todos. “De que adianta colocarmos um buffet servindo itens sofisticados se a família e os amigos do anfitrião são pessoas simples? Ou, de que adianta elaborar um projeto mais moderno, priorizando lounges e ambientes diversificados, se a festa será composta por convidados conservadores?”, pondera o casal. O bom senso mostra que cada evento deve ter um estilo próprio, e o que funciona superbem para uma pessoa pode não funcionar tão bem para outra. Outra coisa que fica patente na Casual é a valorização das relações interpessoais. Natália e Felipe acabaram desenvolvendo uma relação de amizade com alguns casais depois de terminado o evento. Em algumas situações, viraram amigos dos noivos antes mesmo de o casamento acontecer. E já fizeram três casamentos em que, além de serem os cerimonialistas e decoradores, foram padrinhos também. Eles também encaram com naturalidade o nervosismo das noivas, debutantes e respectivos familiares, pois entendem que os eventos se revestem de extrema importância para os envolvidos. Foi ao longo do tempo que aprenderam a conviver com isso e hoje têm como base uma prática simples: demonstrar confiança no trabalho e dar a atenção necessária às noivas e debutantes. “Tudo flui melhor”, garante Natália. Mas nem tudo são flores na vida de quem produz eventos. Um aspecto delicado do ofício, por exemplo, é a questão do

34


dinheiro envolvido. Quando o assunto é casamento, então, são tantos itens a serem providenciados – e ao mesmo tempo – que os gastos pesam no bolso do cliente e complicam bastante na tomada de decisões. Nesse caso, os cerimonialistas procuram ter tato e mostrar a cada cliente as prioridades e os elementos que vão ter mais destaque naquele tipo de evento específico e que merecem ser mantidos no projeto. Outra coisa que às vezes acaba acontecendo com casais que trabalham juntos – e com Natália e Felipe também – é o desgaste com episódios do dia a dia. Seja uma briguinha boba ou uma desavença por conta de algo inesperado ocorrido na semana do evento, ambos precisam administrar muito bem o estresse do momento. “O lado bom”, pondera Natália, “é que praticamente toda semana estamos em cerimônias de casamento, e nós interpretamos isso como uma renovação da nossa própria cerimônia. Depois disso não tem como continuarmos chateados um com o outro”. Texto: Gláucia Victer

Wagner e Vanessa

Arquivo Pessoal

Wagner e Vanessa

Arquivo Pessoal

Com garra e vontade de vencer, Natália e Felipe criaram a Casual Eventos, que produz e organiza cerimoniais diversos e deixa a festa com a cara do cliente

35


Aline & Guilherme

“G

uilherme e eu nos conhecemos numa festa julina em 2008. Fomos apresentados por amigos em comum e jamais imaginávamos que daria tão certo. Daquela noite em diante, nos encontrávamos sempre e tínhamos assunto a perder de vista, até que o garçom apagasse as luzes de propósito para que pedíssemos finalmente a conta. Somos pessoas bem diferentes. Ele adora sítio e eu praia; ele adora pinga e eu chopp; ele é muito simpático e eu nem tanto; ele é todo coração e eu sou razão. Entretanto, descobrimos duas coisas muito fortes em comum: nosso

40

amor e nossos sonhos.Fazíamos planos de casamento, filhos, viagens... E quando conseguimos comprar o nosso apartamento, foi a maior felicidade, embora tivéssemos que aguardar 24 meses até ficar pronto. Quando já estávamos convencidos dessa espera, meus pais nos deram um pronto para morar. Ficamos noivos em maio de 2010 e, a partir daí, começamos os preparativos para o grande dia. Queríamos uma comemoração simples para dividir a nossa alegria com amigos e parentes, e fizemos questão da bênção de Deus. Foi correria total porque, além de ter preparado tudo sozinha, ainda

tínhamos o apartamento para arrumar e sonhávamos com um cantinho que fosse a ‘nossa cara’. Na condição de ‘marinheiros de primeira viagem’, vivíamos uma época muita tensa, com pouco tempo e pouca grana. Mas no final tudo deu certo. Tivemos a sorte de contar com bons profissionais que tornaram aquela noite inesquecível para nós. E a nossa casa também ficou linda, do jeito que havíamos sonhado. Nossas diferenças sempre nos uniram. Elas nos fazem ver que somos muito melhores juntos!


18/12/2010

Produção do Evento Cerimonial e Decoração: Ana Telles Fotografia: Raquel & Julio Cerino Local da cerimônia: Porciúncula de Sant’Ana Local da festa: Salão de Festas La Salle Alianças: Joris Jóias Bem-casados: Iza Cunha Bolo: Jaciara Festas Buffet: Malu Buffet Dia da Noiva: Espaço Elemental Beauty Doces: Ailton Calixto Filmagem: Movie Factory Música: Grupo Vibrato Roupa do Noivo: Só a Rigor Vestido da Noiva: Casa Assuf

41


Escolher, calçar, brilhar! Fornecedor: Villa Festejar Produção e Fotos: Mistral Editora

Toda mulher que vai a uma festa merece estar de bem consigo mesma. Sentir-se bonita, mas também confortável, sabendo que beleza tem que estar aliada a bem-estar. Se você vai casar ou foi convidada para ser madrinha, nestas quatro páginas encontrará os modelos mais elegantes e ao mesmo tempo imbatíveis no quesito comodidade. As adolescentes que estão se preparando para debutar também foram lembradas. Sapatos com o jeitinho delas estão expostos aqui – prontos para deixá-las lindas! E que tal incrementar o visual com uma carteira cheia de charme? Selecione a que melhor combine com sua personalidade e sinta-se poderosa!

46


Peep toe clássico branco com aplique floral

Peep toe branco com gliter nas laterais

Sapato peep toe bronze com fivela

Sapato branco com aplique de orquídea para debutantes

Sapato peep toe branco trançado

47


Scarpin prateado com fivela para Scarpin de salto mĂŠdio forrado as noivas e sapato peep toe vercom renda melho com aplique lateral para madrinhas

Scarpin de bico fino com drapeado prata e fivela de strass

Sapato peep toe dourado para madrinhas

Sapatilha afivelada e lateral vazada

48

Peep toe com strass


Arredondada na cor prata com strass na parte superior

A carteira furtacor se destaca por suas diferentes nuances

Vermelha em tecido trançado com laço e strass

Drapeada em cetim e detalhe central em strass

Bolsa estilo carteira em tecido preto e fivela redonda

Tafetá rosa com aplicação em strass e fecho em forma de lacinho

As peças em tom caramelo dispostas lado a lado lembram pedras preciosas

Carteira prata coberta de strass. Destaque para o fecho arredondado

49


Entrevista

DANIELLA LAZARY “Faço a integração entre a experiência de meu pai e as novidades do mundo gastronômico”

Eles são três. Daniella, a filha; Lazary, o pai; Thiago, o marido. Comandam o Buffet que há 25 anos tem no currículo, além de boa comida, um desempenho impecável. Isso gerou tanta credibilidade que os serviços do Lazary foram parar na mesa do Presidente da República. Sim, eles serviram ao presidente Lula e comitiva em 2003 na inauguração de um estaleiro em Angra dos Reis. Sem contar as muitas celebridades que vez ou outra provam do cardápio sempre atualíssimo. Em entrevista exclusiva à revista Festejar, Daniella de Melo Lazary Malta conta como, depois de ter feito a faculdade de Gastronomia e Eventos, decidiu atender aos apelos de seu Lazary e acabou se apaixonando pelos encantos da boa mesa. Hoje é uma das que conduz com maestria o negócio iniciado pelo pai e faz a intermediação entre o que aprendeu com ele e a moderna culinária. Nesses 25 anos de existência do Buffet Lazary, o que mudou de lá para cá? Que “ingredientes” a tornaram uma empresa de sucesso? Tenho consciência de que chegar aos 25 anos de serviço é uma experiência e tanto. Nossos principais ingredientes são o amor pela profissão, a dedicação aos nossos clientes e os bons profissionais que temos. A principal propaganda do Lazary foi e continua sendo a indicação de clientes e parceiros profissionais que confiam em nosso trabalho. Se há uma coisa que não muda na empresa é o fato de respeitarmos o cliente em primeiro lugar, e é nisso que reside a excelência de nossos serviços. Por outro lado, estamos constantemente abertos às mudanças do mercado, procurando oferecer aos clientes as novidades do mundo gastronômico. Alguns especialistas em Gastronomia e donos de restaurante têm reservas com relação a modismos e novidades. Você diria que o Lazary tem perfil conservador ou moderno? Não gosto muito de nos rotular, ou seja, dizer que somos totalmente conservadores ou totalmente modernos. Não sou a favor de criações muito bonitas mas que não tenham uma boa sintonia de sabores. Gosto muito de conhecer meus clientes e montar algo que seja adequado a eles e aos seus convidados.

54

Já passou alguém pelo Buffet que absorveu tão bem o ofício que abriu seu próprio negócio? Sim, alguns. Não somos contra esse tipo de conduta, só acho que o profissional tem que ser transparente e nos procurar para conversar. Dizer que daquele momento em diante ele buscará algo melhor. Não tenho como me opor a esse tipo de procedimento, pois foi assim que começou o Buffet Lazary. Falando nisso, conte um pouco dessa fase inicial e em que época especificamente você começou a fazer parte da história da empresa. É uma longa história, por isso vou tentar resumir. Meu pai começou como garçom. Acompanhei tudo desde muito pequena, porém não fui pressionada a trabalhar com ele. Quando fiz minha primeira faculdade – Turismo e Hotelaria – coincidentemente estagiei num hotel. Fui parar na cozinha do estabelecimento e, a partir dessa experiência, resolvi preparar minha monografia sobre Gastronomia no Nordeste. Na ocasião, tive que pesquisar muito sobre o assunto e fui me apaixonando. Ao mesmo tempo, o convite do meu pai era insistente: “Venha trabalhar no que é seu...”. Logo depois de concluir a faculdade, resolvi fazer Gastronomia. Comecei a me envolver cada vez mais e daí vieram as realizações profissionais.


Como você traçaria o perfil de seu pai? Meu pai é um guerreiro, um empreendedor nato. Aprendi e continuo aprendendo com ele várias lições, mas a principal é trabalhar sempre com fartura. Quem conhece o Lazary sabe do que estou falando. Em nossos eventos, sempre fazemos um cálculo de comidas e bebidas de forma que os convidados sejam muito bem servidos. Uma frase típica dele é: “Nunca quero deixar a desejar”. Por isso, antes de trabalhar para o cliente, trabalhamos para nós mesmos. Outra coisa é que meu pai faz questão de estar presente em todas as decisões. É um privilégio poder fazer a integração entre o que temos de novo e a experiência dele. E a participação de seu esposo, de que forma acontece? Procuramos, como equipe, acompanhar cada processo, desde as compras até o momento do evento. Então Thiago é o meu grande parceiro. Costumo dizer que faço as criações e ele busca os ingredientes para que o produto final seja o melhor possível. Ele também cuida da parte administrativa e marca presença nas festas, em sistema de revezamento, pois achamos importante ter sempre um de nós em cada evento. Quais são os pratos mais pedidos? Que tipo de serviço tem mais saída? Já passamos por várias fases – a mesa de frios, de jantares à francesa, dentre outras. Hoje em dia, os pratos mais solicitados são os servidos em miniporções. Servimos várias opções que funcionam como minijantares, e realizamos um serviço mais dinâmico. Outra solicitação recorrente são os grandes eventos de coquetel seguido de jantar. Costumo dizer que o evento tem que ter o perfil dos anfitriões e de seus convidados, por isso nenhuma festa é igual à outra.

Um dos pratos aos quais Daniella não resiste

Vocês já atenderam a muitas celebridades. Houve um fato em especial que os levou a ter penetração nesse meio? Acredito que tenha sido a credibilidade de nossos bons serviços, conquistada ao longo desses anos com muito trabalho. Receber o então presidente Lula foi um acontecimento muito importante para nós, mas o que mais nos marcou foi o almoço ministerial, que reuniu os ministros das Relações Exteriores do Brasil, da Índia e de outros países. Para esse evento veio uma equipe do cerimonial do governo da República, que depositou em nós uma confiança muito grande. Foi uma enorme responsabilidade.

Tudo começou com Lazary pai (à direita), que repassou seus conhecimentos e experiência à filha e ao genro

Conte alguma saia justa que tenha vivido e que exigiu tato da sua parte para contornar a situação. Hum... acho que foi um casamento para 200 pessoas e que deu o dobro. Tivemos que ir ao Buffet pegar mais comida e sair comprando bebidas geladas em lanchonetes e bares. A situação ficou tão complicada que fomos “obrigados” a explicar para os convidados que a culpa não era nossa. Sorte que esse tipo de conduta hoje em dia é muito difícil, pois a maioria dos clientes tem consciência de que para o evento ser perfeito, cliente e fornecedor precisam falar a mesma língua. Você consegue tirar férias como todo mundo, ainda mais com um filho pequeno? No seu ramo, o que mais lhe dá prazer e o que mais lhe estressa? Como somos três no comando, geralmente escolhemos uma época com menos eventos para Thiago e eu tirarmos 15 dias de folga. Nessas ocasiões meu pai assume e, em época posterior, é ele quem se retira. O que mais me dá prazer é quando elaboro com os meus clientes os seus cardápios e “viajo” junto com eles. É uma delícia! O que mais me estressa é quando acontece algo que não tenha sido combinado entre ambas as partes, como aconteceu naquele casamento já mencionado. O que é mais difícil na sua profissão: liderar a equipe, renovar o cardápio ou lidar com a clientela? Em minha opinião, a principal dificuldade não é liderar, e sim lidar com algumas pessoas. Quando há a presença de vários profissionais, há também divergência de opiniões. Converso e escuto muito, e consequentemente aprendo bastante, mas na hora da decisão, às vezes tenho que ser incisiva, pois é minha responsabilidade preservar o perfil de nosso Buffet. A qual tipo de comida você particularmente não resiste? Sou boa de garfo (rsrs) e não resisto a pratos que tenham camarão e frutos do mar. Um bom risoto de camarão me deixa com água na boca! Texto: Gláucia Victer Fotos: Arquivo Pessoal

55


15 Anos

Fabiana Vicente

16/03/2011

Produção do Evento Organização Geral: Fernando Chaves Cerimonial e Decoração: Mariana Gaspar Fotografia: Sergio Ronaldo Local: Clube Naval de Charitas Bolo: Cacá Ribeiro Buffet: André Santos Convites e Lembrancinhas: Studio Bis DJ: Roberto Simas Doces: Betinha Filmagem: Clip Studio Iluminação Decorativa e da Pista: Walker Vasques Open Bar: Top Bar Pista de Dança: Light Dancing

60

Pi


A melhor coisa de fazer uma festa de 15 anos é poder juntar as pessoas que eu amo num lugar tão especial e saber que estão todas ali, felizes por mim!”

61


Grinaldas

Deixe que elas façam a sua cabeça

A grinalda adorna e ilumina o rosto, dá um toque de nobreza e lhe confere um charme extra. As noivas atestam essa verdade neste editorial. Quatro exemplares vão despertar o lado princesa de cada mulher e encantar com seus detalhes. Porque é preciso sentir-se única e especial. 66


Duas flores em cristais Swarovski encrustados (banho em ouro branco). Brinco longo em navetes de zircones.

Na pĂĄgina ao lado, a modelo usa Tiara imperial em diferentes modelos de cristais Swarovski (banho em ouro branco). Brinco de trĂŞs zircones.

67


Tiara estilizada com vรกrios cristais Swarovski diferentes (banho em ouro branco). Brinco folha encrustada de cristais e gota de zircone.

68


Arco arredondado em navetes de zircone (banho em ouro branco). Brinco longo com zircones retangulares e flor no final.

Fotos: Sérgio Ronaldo Assistentes de Fotografia: Saullo Moreira e David Torres Locação: Bistrô MAC Produção: Cristine Banho Assistente de Produção: Lucas Fernandes Cabelo e Maquiagem: Marcio Lira Marcos Freire e Édipo Ferreira (assistentes) Grinaldas e Acessórios: Sônia Andradelima Vestidos: Flor de Laranjeira Sapatos: Villa Festejar Modelos: Juliana Castro e Júlia Azevedo

60 69


Tendências

Cresce a procura de noivos e jovens debutantes por escolas de dança. Eles querem ficar craques em diversos ritmos para fazer bonito na própria festa. Fotos: Arquivo Pessoal

Um pra lá, dois pra cá... Q

uem não se lembra da cena inusitada de Comer, Rezar, Amar, em que a personagem vivida por Julia Roberts, recém-casada, se prepara para dançar a primeira música com seu marido diante dos convidados? Ele prega uma peça nela, pedindo ao DJ para tocar um ritmo totalmente diferente daquele que haviam combinado nos ensaios. Passado o primeiro susto, ela se diverte quando percebe que o amado queria lhe fazer uma surpresa e dar um “showzinho” individual antes de dançarem coladinhos.

O casal Aletheia e Gustavo, proprietários do Amazonas Dance...

Brincadeiras à parte, a primeira dança tem se tornado o grande momento surpresa da festa de casais e debutantes e sido um tanto responsável por encher cada vez mais as escolas de dança. Que o digam Aletheia Hoppe e Gustavo Loivos, proprietários da Amazonas Dance, situada em Niterói. “O novo casal e a moça que debuta são oficialmente apresentados à sociedade. Por isso tanto empenho em tornar essa passagem memorável e surpreendente”, explicam. O casal Aletheia e Gustavo – dançarinos profissionais de dança de salão – possui a firma há apenas 2 anos e já conta com uma demanda de três alunos por semana. Engana-se quem pensa que a tradicional valsa é o único estilo procurado. Os interessados costumam escolher ritmos que vão do bolero e do tango ao rock e hip-hop, sem esquecer do samba de gafieira e do forró. Há também casais que querem simplesmente aprender um estilo escolhido para dançar livremente, enquanto outros preferem montar uma coreografia.

74

...são os responsáveis pelos ensaios dos noivos e das debutantes

Em média, com 4 aulas é possível preparar uma dança simples, mas Aletheia e Gustavo sugerem ao menos 8 encontros. No caso das debutantes, as escolhas variam da valsa tradicional com os parentes até superproduções baseadas no tema da festa envolvendo os 14 casais convidados. Embora a Amazonas Dance tenha uma equipe de professores responsáveis por outras modalidades como sapateado, ballet e dança do ventre, é o casal que se incumbe de trabalhar as danças escolhidas por noivos e jovens prestes a completar 15 anos. E, por terem contato direto com essa fase complicada que é a adolescência, já tiveram que encarar alguns imprevistos. “Com debutantes, às vezes acontece alguma briga ou até término do namoro com o ‘príncipe’ durante o período de ensaio. Acho que é coisa da idade... A situação fica tensa, mas os ensaios continuam com os parentes. Geralmente acontece a reconciliação e acaba tudo bem”, contam. Nesse caso, pode-se dizer que Aletheia e Gustavo têm muito jogo de cintura, nos dois sentidos. O que interessa é que o alvo principal seja mantido, que é fazer bonito na hora da festa. “Nosso conselho para noivos e jovens debutantes é pensar com carinho nesse momento marcante da festa, escolher com calma a música e, com antecedência, começar os ensaios para que tenham segurança na hora do show!”, concluem. Texto: Gláucia Victer


Em foco

Chá de lingerie: o encontro entre amigas que está dando o que falar

Entre espartilhos e sutiãs

E por uma rica donzela cujo pai reprova o casamento

ra uma vez um pobre moleiro holandês que se apaixona

e, por conta disso, nega-se a dar-lhes um tostão sequer. Compadecidos, os amigos do jovem se mobilizam para lhe ofertar itens básicos que possam servir para mobiliar a nova residência do casal. Essa é a história mais remota usada para explicar a tradição do chá de cozinha (ou chá de panela) e que, com o passar do tempo, ganhou outros contornos. Na época em que era comum o chefe de família oferecer um dote ao futuro marido de sua filha, muitas moças ficavam solteiras por não ter recursos. A situação mudou quando as pessoas mais próximas dessas jovens começaram a se reunir para supri-las do que fosse necessário, tornando-as aptas ao casamento. Muitos creem que foi aí que nasceu o tradicionalíssimo chá de panela. Ele vem se arrastando durante décadas, mas nos últimos anos começou a ser preterido pelas casadoiras. O que elas querem agora é chá de lingerie! A novidade está ganhando espaço numa velocidade impressionante. Se antes a lista compartilhada pelas amigas era composta de utensílios para o lar, hoje o que se compra de presente para a noiva são camisolas, short dolls, cintas-ligas, espartilhos e objetos eróticos. A festinha, também chamada de despedida de solteira, é exclusiva para mulheres e deve sempre ocorrer em locais discretos para que as convidadas fiquem bem à vontade. O cardápio deve ser composto de comidinhas leves, próprias para serem “beliscadas”, e a farra deve ser garantida pelas brincadeiras previamente escolhidas. Uma delas é chamada

78

Olho nos Classificados. Cada convidada recebe um papel onde se vê uma lacuna e em seguida se lê “À venda!” A lacuna deve ser preenchida com um utensílio doméstico encalhado em casa. As amigas preparam um pequeno anúncio do produto, descrevendo suas qualidades e, em roda, a noiva lê cada anúncio substituindo os nomes dos produtos pelo nome do noivo. Há quem ache tudo isso muito sem graça e prefere apimentar o clima contratando um Gogo Boy para animar o ambiente, além de preparar doces e salgados com referências cheias de erotismo. O estilo de cada noiva é que deve ditar o ritmo que a reunião terá. E falando em estilo, se você pretende organizar uma reunião desse tipo ou foi convidada para participar de uma, não esqueça que o perfil da anfitriã deve ser respeitado na hora de escolher as peças íntimas. Se a noiva em questão faz o estilo romântico, abuse dos babados, lacinhos e rendas. Se é mais divertida, tente estampas inusitadas, coloridas e com frases engraçadas. Mas não esqueça a peça clássica e que nunca sai de moda: a lingerie branca. Com essa não tem como errar! De olho no mercado, algumas empresas lançaram kits que trazem dicas de brincadeiras e opções de lembrancinhas para a ocasião. Outras até oferecem palestras. Em busca ou não de praticidade, a palavra de ordem é se divertir e fazer do chá de lingerie – seu ou de sua amiga – um momento inesquecível.

Texto: Gláucia Victer Ilustração: Aline Tavares Bezerra


(21) 9612-4747 / (21) 9661-3908 www.wagnerevanessa.com.br


Vestidos de Noiva

Belas e Inspiradas Fotos: Wagner e Vanessa Locação: Lajedo Produção: Cristine Banho / Lucas Fernandes (assistente) Cabelo e Maquiagem: Fernando Rodrigues (com produtos Sebastian Professional) Marcos Martins (assistente) Making of: Murillo Ribeiro / Rodrigo Fidelis (assistente) Vestidos: Internovias, La Boda, Marie Lafayette e Happy End Grinaldas, Flores de Tecido, Voillet e Casquete: Marcelo Hicho, Internovias e Sônia Andradelima Brincos: Sônia Andradelima Buquê: Luciane Denys Sapatos: Villa Festejar Modelos: Vanessa Thomé, Alyne Collet e Renata Santos (Agência 40 Graus Models)

Casamento no campo é romântico e nunca sai de moda. Mas o momento dispensa tecidos mais pesados. É hora de abusar do tule, da organza e das rendas. Tecidos com fluidez e muita suavidade, que combinem com o cenário maravilhoso escolhido pelos noivos. O estilo ganha força seja na transparência discreta, nos babados esvoaçantes ou nos delicados bordados. Arrematando o look com arranjos naturais nos cabelos, qualquer mulher se sentirá bela e inspirada para ir ao encontro do amado no dia mais especial de sua vida!

84


Vestido de renda da Happy End com saia em babados e fita de cetim no busto. Os sapatos s茫o da Villa Festejar. Brincos e grinalda de S么nia Andradelima

85


Vestido com saia de organza e aplicações em flores da Happy End. Nos cabelos, arranjo de La Boda; nos pés, sapatos Villa Festejar. Os brincos são de Sônia Andradelima

86


Vestido em tafetá com bordados e drapeados da Internovias, que também forneceu o delicado casquete usado na cabeça. Os brincos são de Sônia Andradelima

87


Tomara que caia de La Boda em english net, com transparências e aplicações de renda. O voillet também é de La Boda. Grinalda de Marcelo Hicho e brincos de Sônia Andradelima

86 88


Vestido de organza plissada em camadas (Internovias). A modelo usa flor na cabe莽a de Marcelo Hicho e brincos de S么nia Andradelima

89


Vestido em renda francesa soutache tingida artesanalmente no chá, com segunda cauda em tule de seda e aplicações de rendas e cristais Swarovski (Ateliê Marie Lafayette). Brincos de Sônia Andradelima e grinalda de Marcelo Hicho

90


Vestido de seda com drapeado e ombro 煤nico de renda guipir (Internovias). Grinalda de Marcelo Hicho e brincos de S么nia Andradelima

91


Vestido em shantung de seda e renda francesa chantilly, bordado com pérolas Dior e cristais Swarovski (Ateliê Marie Lafayette). Brincos e grinalda de pérolas de Sônia Andradelima. As flores no cabelo são de Marcelo Hicho

92


93


Geíza & Luiz Gustavo

“H

á mais de 10 anos frequentávamos a casa de uma amiga em comum, Nely Flores. Sempre fomos tratados pelos entes queridos da Nely como se fôssemos da família, e para nós ela é uma verdadeira mãe. Só que eu e a Geíza nunca nos víamos. Carlinhos, o marido de Nely, veio a ficar muito doente e faleceu em setembro de 2009. No enterro desse grande amigo, eu e Geíza nos vimos pela primeira vez, sem saber que da parte dele já havia uma intenção em nos apresentar. No dia 1º de dezembro de 2009, recebi uma ligação da Nely pedindo para ir à casa dela com urgência. Mal sabia que ela havia feito a mesma coisa com a Geíza. Preocupados com a sua saúde, em virtude da recente perda, nos dirigimos, individualmente, à residência dela, sem imaginar que nos encontraríamos ali.

96

Chegando lá, qual a minha surpresa! Nely estava muito bem. Geíza chegou preocupada logo em seguida, e quando me viu pensou: ‘O cara do cemitério...’. Ficamos conversando, sem saber direito o que estava acontecendo, até o momento em que Nely me pediu que levasse Geíza para casa, já que era meu caminho. No percurso, chamei-a para comer uma pizza e combinamos de nos encontrar no dia seguinte, quando começamos a namorar. Mais tarde descobrimos que, através daquele encontro, Nely estava realizando o sonho de seu amado marido. Nosso noivado foi uma surpresa para Geíza, pois ela não pensava nisso, embora já estivéssemos “montando” o

apartamento onde iríamos morar depois de casados. Na verdade, foi um pedido de noivado e casamento ao mesmo tempo. Tínhamos mais ou menos 1 ano de namoro, e foi a primeira vez que presenciei minha esposa transpirar e não falar nada. Seis meses depois, aqui estamos – casados. Agradecemos sempre aos nossos amados pais (Vânia, Antonio José, Mariza e José Gesildo) por todo o esforço, carinho, amor e compreensão que sempre tiveram e têm para conosco. Sem eles, nada disso seria possível. Problemas sempre podem surgir, mas sempre colocamos Jesus à frente de nossas vidas, além de muito amor um pelo outro.


24/06/2011

Produção do Evento Cerimonial e Produção: João & Francis Fotografia e Filmagem: Romariz Local: Solar Imperial Alianças e Joias: Vivara Buffet e Doces: João & Francis Buquê: Maurício Mattos Cabelo e Maquiagem: Milzana Azevedo Caligrafia: Joaquim Ricardo Convites: By Elson Convites Decoração Floral: João & Francis DJ: DGB Music - Daniel Goulart Grinalda: Sônia Andradelima Lembrancinhas: João & Francis / Web Momentos Lista de Presentes: Fastshop / Tok & Stok / Átrio Lua de mel: Resort Miramar Maragogi (Grand Oca) – Maceió Lustres e Mobiliário: João & Francis Manobrista e Segurança: Agentes & Cia Open Bar: João & Francis Pista de dança e Iluminação: João & Francis e DGB Music Roupa do noivo: Dom Sancho Tapetes, Tendas e Toldos: João & Francis Velas e Taças: João & Francis Vestido da dama de honra: Flor de Laranjeira Vestido da noiva: Cidália Namora Vinhos: Cais de Icaraí

97


Comportamento

CLÁUDIA PUNTEL E se o noivo não quer festa? A

mulher sonha com um casamento de princesa e se vê entrando com o pai na igreja, tendo à frente daminhas que carregam as alianças. Ela quer fazer juras de amor eterno diante de todos, sair da cerimônia com seu príncipe e dançar coladinho – olho no olho – a música do casal. Daí que um belo dia essa mesma mulher escuta do amado, sem mais nem menos, que ele acha “o fim!” essa coisa de festa de casamento. Não quer escolher nada para a recepção e diz achar um desperdício gastar dinheiro com esse tipo de coisa nos dias de hoje. Como é que ela fica? Arrasada... Ele pode até ter motivos, as vezes justificáveis, para não compartilhar desse sonho, mas, mesmo assim, não muda a decepção que causou na amada e nem elimina o desejo de realizá-lo. Existem sonhos dos quais não podemos abrir mão; outros podemos e devemos negociar. O grande impasse na relação é quando um desejo não negociável de um esbarra em outro não negociável do outro. Então precisamos lançar mão de enaltecer o que é possível – e não só o que não é possível e impeditivo –, e entrar em contato com o amor, para que ele abra o coração dos dois e trabalhe a generosidade mútua. Quando a questão é um pouco mais focada na impossibilidade de o noivo compartilhar os sonhos dela, emocional e financeiramente, não tem chantagem sentimental que resolva. Ele diz que até topa encarar, mas que pretende ser apenas um convidado; ou NÃO deixa claro que é isso o que pretende fazer, mas dá mil indícios: atrasa com tudo o que fica encarregado de fazer; sempre reclama quando precisa escolher entre diversos itens; desqualifica a sua histeria por conta da festa (e você sabe que metade do seu estado deplorável de nervos é porque ele tem deixado tudo por sua conta), e enfatiza que se o sonho é seu, a grana também precisa sair da sua poupança. O que fazer?

102

Você pode escolher abrir mão de tudo e ficar péssima, uma vez que não vai desistir de ficar com ele por esse motivo mas precisará lidar com a mágoa que a perseguirá por conta desse episódio. Ou pode aceitar os fatos e transformá-los de modo que a situação fique a seu favor. A noiva precisa desenvolver a capacidade de andar com as próprias pernas e dar a si mesma o apoio necessário nesse momento. Se é um sonho pessoal que ela quer mesmo realizar, não vai adiantar nada contar com um suporte que não existe. Sei que é difícil superar isso, mas é necessário. Melhor ter uma festa que a deixe feliz e realizada, mesmo que não seja da maneira perfeita (ou ideal), do que não ter nada e ficar com a frustração de não ter cuidado nem de você nem do seu sonho. Cláudia Puntel é Psicóloga e Coach de Noivas www.noivasemcoaching.blogspot.com


15 Anos

Luciana Lontro

16/04/2011

Produção do Evento Produção e decoração: Alvaro Câmaras Fotografia: Guto Ribas Local: Espacio Festas Banner e Painel: Lex Costa Bolo: Beth Gomes Buffet e Open Bar: Canela Cabelo e maquiagem: Dunga Vidal DJ: Fabiano Araújo Doces: Therezinha da Matta Filmagem: Patrícia Castilho Segurança: Mauro Ribeiro Vestido da aniversariante: Lucília Servio Tema: Cassino

110


Comemorar 15 anos é entender como é maravilhoso ter amigos com quem posso compartilhar minha felicidade e saber que Deus estará sempre comigo no caminho que tenho a percorrer.”

111


Beleza e Estética

PATRÍCIA BREDER ROCHA Seu rosto longe do bisturi E

star sempre bonita, com o rosto jovem e bem cuidado, é o ideal de qualquer mulher. Porém, com o tempo, a pele pode apresentar linhas de expressão, manchas, cicatrizes, pequenos sulcos, poros abertos e enfraquecimento da musculatura, entre outros fatores igualmente incômodos. Essas preocupações são especialmente relevantes no caso das noivas, que querem estar lindas no dia do casamento. Mas elas não precisam se desesperar! Houve um tempo em que técnicas de rejuvenescimento facial restringiam-se apenas às cirurgias plásticas convencionais. Atualmente, a Dermatologia Estética oferece um arsenal de tratamentos menos invasivos que conseguem substituir o efeito bisturi. E com as seguintes vantagens: são mais rápidos, baratos (na grande maioria dos casos) e trazem um resultado mais natural. Para conseguirmos isso, o rosto precisa ser visto de uma forma global e tratado da mesma forma. Podemos separar esse tratamento global em 3 linhas de frente, ou seja, “os 3R” do rejuvenescimento: 1. Renovação da pele – Peelings e Laser Essa etapa consiste em retirar as células superficiais da pele e estimular a renovação do colágeno. Para essa finalidade, temos os peelings mecânicos e os químicos, e o laser de CO2 fracionado. Os mecânicos são os peelings de cristal e diamante. Este peeling realiza uma esfoliação na pele através de um equipamento específico para fazer uma microdermoabrasão da pele. Com o peeling mecânico, é possível remover as células mortas e, assim, regenerar o local. Já o peeling químico é feito através da aplicação de ácidos cujos produtos provocam uma esfoliação química na pele. O laser de CO2 fracionado é capaz de produzir novo colágeno, além de uniformizar a pigmentação e diminuir os poros dilatados. Os resultados podem ser vistos após quatro sessões. E mais: possibilita rejuvenescer sem curativos ou afastamento das atividades sociais e de trabalho.

116

O tratamento com os peelings químicos ou mecânicos e o laser de CO2 fracionado ajudam a retirar as manchas causadas principalmente pelo sol e as rugas superficiais, assim como recuperar a firmeza do rosto. 2. Relaxar os músculos – Toxina Botulínica Para que a mulher possa se apresentar com uma aparência mais jovem e descansada, nada melhor que a aplicação do ultracomentado BOTOX®. Pequenas quantidades da substância são injetadas em determinados músculos da face, inibindo a sua contração. Assim, tratamos as rugas existentes e evitamos o aparecimento de novas rugas. O BOTOX® deve ser aplicado regularmente e o resultado é espetacular. A mulher fica satisfeita porque obtém um resultado natural. Após a aplicação, é comum ouvir o seguinte relato: “Todos dizem que estou mais bonita, mas não conseguem identificar o porquê dessa melhora”. Isso é o reflexo da boa aplicação do produto – não provoca a sensação de rosto congelado, melhora a aparência e, o melhor de tudo, ninguém precisa saber!!! 3. Recuperar o volume redefinindo os contornos faciais – Preenchimento e Bioplastia A pele naturalmente produz ácido hialurônico, que a mantém hidratada e com volume. Com o tempo, porém, sua produção é cada vez menor e, por isso, a pele vai ficando com uma aparência “murcha”, sem volume. O tratamento mais eficiente para evitar esse efeito da idade na pele é o preenchimento com ácido hialurônico. Em certos casos, também é possível injetar o ácido hialurônico em alguns “vetores” que têm a função de tracionar a pele caída, tratamento conhecido como bioplastia. Com essas técnicas, é possível suavizar os traços e, simultaneamente, corrigir as imperfeições do rosto. Com o tratamento dos 3R, as mulheres poderão se sentir lindas e poderosas novamente!

Patrícia Breder Rocha é pós-graduada em Medicina Estética e Dermatologia. www.patriciabrederrocha.com.br


Renata & Fábio

“E

u e Fábio nos conhecemos quando éramos escoteiros e tínhamos apenas 15 e 14 anos de idade, respectivamente. De uma grande amizade começou a aparecer um interesse mútuo e, seis meses depois, já éramos namorados. Um namoro simples, despretensioso, mas cujo sentimento ia ficando cada vez mais forte. Alguns fatos – ao contrário do que se podia supor – contribuíram para fortalecer o relacionamento. Fábio foi obrigado a dançar comigo em minha festa de 15 anos, coisa para a qual não leva o menor jeito. Dali em diante, as coisas foram acontecendo. Éramos

124

adolescentes, então crescíamos juntos. Estudamos lado a lado para o vestibular, entramos na mesma universidade e cursamos Engenharia. Fizemos intercâmbio juntos e chegamos a dividir o mesmo teto. Muitos perguntam – mas não temos a fórmula – como é que nos aturamos. Provavelmente porque cultivamos a cumplicidade e sabemos ceder (um mais que o outro). De fato, nos entendemos. Temos vários amigos, e todos eles são amigos de ambos. A gente sai para se divertir, bebe junto... Cuidamos um do outro. Se for para viajar, basta nos chamar. Os dois

vão querer ir. Se envolver mudanças radicais e aventura, então, melhor ainda. O céu é o limite, ou seja, não há limite. Fábio me pediu em casamento no dia em que completamos 11 anos de namoro (dezembro de 2009). A partir daí, começamos os preparativos. Sempre quis casar na praia, então fui à procura de um lugar bem legal. Encontrei várias opções, mas Camboinhas venceu. Na semana do casamento choveu muito, mas no dia fez um sol lindo! Começamos com sorte! Atualmente moramos em Recife porque a firma onde trabalho me transferiu para lá... E o meu maridão foi junto, claro!


30/04/2011

Produção do Evento Cerimonial: Carolina Souza Lima Fotografia: Carolina Cattan Local: Quiosque Harmonia - Camboinhas Alianças: H.Stern Bem-casados: Ilze Cunha Bolo: Valéria Bolos Buffet: Delícias de Campos Cabelo e Maquiagem: Fernando Rodrigues Convites: Just Paper Decoração: Carolina Souza Lima DJ: Reinaldo de Paula (Omni Eventos) Doces: Neide Carraro Filmagem: Movie Factory Grinalda: Le Modiste Pista de dança: Reinaldo de Paula Roupa do Noivo: Richards Vestido da Noiva: Le Modiste

125


Vivendo a dois

Tarefas domésticas

Para não deixar que elas sejam motivo de briga entre vocês

L

á se foi o tempo em que as jovens eram sistematicamente educadas nas artes culinárias e nos serviços domésticos. A menina chegava à vida adulta sabendo lavar, passar, cozinhar, costurar e como deixar a casa um brinco. Depois de ter feito aquele bolo que todos elogiavam de tão gostoso, costumava ouvir a indefectível sentença: “Essa já está pronta pra casar!” Os tempos mudaram e esse tipo de situação é difícil de se ver hoje em dia, pelo menos nas áreas urbanas. As garotas têm outros horizontes, metem a cara nos estudos e se envolvem num interminável ciclo de cursinhos e atividades extracurriculares. O tempo, escola à parte, que antes era gasto aprendendo a deixar o arroz soltinho, hoje é investido em aulas de balé, cursos de idiomas, palestras, seminários e simpósios ligados à área escolhida. Jovens são levados a pensar grande, ou seja, ser muito bem-sucedidos na vida profissional, e como a competição do mercado está cada vez mais acirrada, o objetivo é se preparar o mais que puder. O diploma da faculdade não tem mais a força de antes. No currículo tem que constar agora a pós-graduação, o MBA, o mestrado, o doutorado, a fluência em várias línguas... Nesse panorama se inserem moças e rapazes, e as moças, sim, sempre elas, às

130

vezes penam mais tarde quando se veem cobradas, e até de maneira injusta. A mulher do século 21 coleciona conquistas importantíssimas e não abre mão delas. Ganhou respeito, reconhecimento, cargos importantes. É ouvida, considerada e até mesmo tida como favorita em relação aos homens – José Serra foi preterido pelo povo brasileiro nas urnas em 2010, dando a Dilma Roussef a chance de ser a primeira mulher a governar o Brasil como presidente da República. Maravilhoso, não? Com toda a certeza, mas é na administração do lar que a mulher passa por sua prova de fogo. Nessa hora o marido tem que chegar junto mesmo, senão a coisa degringola. Em outras palavras, se a divisão das tarefas não for vista como algo prioritário para que a relação do casal dê certo, muitos conflitos poderão ocorrer. Quem já não ouviu de um casal que ficou brigado porque o marido se recusou a lavar a louça ou porque a mulher esqueceu de colocar a roupa na máquina e ele ficou sem cueca limpa para vestir? Parece engraçado, mas é o tipo de coisa que, se acontece todo santo dia, traz muito desgaste, depois acusações mútuas, depois hostilidade, e depois o pior: o rompimento. Prevenir é a palavra de ordem nesse caso. O período do noivado, quando o casal já está ciente de que em breve vão viver sob o mesmo teto, é a época certa de os pombinhos acerta-

rem quem vai fazer o quê – um se encarrega de pôr o lixo pra fora, o outro fica com a tarefa de verificar se portas e janelas estão trancadas antes de dormir; um se responsabiliza pela limpeza da casa, o outro de cozinhar. Ainda que o casal não tenha conversado sobre esse assunto antes do casamento, nada de sair pela tangente quando passar pelo primeiro embate já de aliança no dedo. O alvo é discutir, ponderar, negociar, até que tudo fique claramente estabelecido. Gestão é tudo, certo? Se o casal decidir contratar uma empregada, fique atento. Sua casa será gerenciada por outra pessoa, mas ela continua sendo a sua casa. Quem dá as ordens, as diretrizes, quem coordena quando e de que modo será feito, são vocês dois. Não adianta simplesmente dizer “Faça!” se aquele ser humano maravilhoso versado em prendas domésticas, que veio para lhes socorrer, não souber se vocês gostam do café fraco ou forte. Tarefas domésticas são chatas, todo mundo concorda. Mas precisam ser feitas, não tem jeito. Já que é assim, a saída é dividi-las de maneira que nenhum dos lados fique sobrecarregado. Se o casal decide compartilhar tudo na vida em comum, isso implica que ele deve ser solidário – tanto nas coisas boas quanto nas não tão boas.


15 Anos

Gabrielle Piaz

29/04/2011

Produção do Evento

Cerimonial: Haroldo Enéas Fotografia: Sérgio de Melo Local: IF Espaço Múltiplo Bebidas: Boisse Brasil Bolo: Casal Garcia Buffet e Open Bar: Marias e Amélias Buffet japonês: Hinata Cabelo e Maquiagem: Milzana Azevedo Caligrafia: Jorge Pinto Convites: Set Comunicação Coreografia: Escola de Dança Camarim Decoração, louça, prataria e taças: Rosa dos Ventos Doces: Louzieh e Casa das Delícias Chocolates Filmagem: Movie Factory Forminhas dos doces: Louzieh Guardanapos: Arlete Reis Joias: H. Stern e Dulce Joias Lembranças: Set Comunicação e Carina Cruvinel Móveis: Espaço Design, de Roberto Prallon Roupa do pai: Armani Exchange Sapatos da aniversariante: Lidu Segurança e manobrista: Comandos Vigilância Som e iluminação: Roberto Prallon e Lumeaudio Sousplats: Eliane Salgado Telões: Lumeaudio Tratamento estético: Karla Assed e Simone Sattler Velas: Nit Velas Vestidos: Glorinha Pires Rebello

138


Fazer 15 anos é uma das coisas mais importantes na vida de uma menina. Foi um sonho realizado, pois a festa ficou perfeita e lá estavam todos que eu amo. Nunca vou esquecê-la e de como foi especial para mim. ”

139


Amei! Utilidades para o lar. Quadros em litografia e serigrafia A artista plástica Pinky Wainer lançou com exclusividade o projeto Artforyou com o objetivo de criar uma plataforma viável que traduza o desejo de conhecer e trazer para o universo pessoal obras de artistas brasileiros. Nessa primeira fase foram selecionados Adriana Tavares, Fernando Ribeiro, Rita Wainer e Felipe Yung, mais conhecido como Flip. Cada profissional criou quatro quadros, todos confeccionados nas técnicas de litografia e serigrafia. Você encontra esses quadros exclusivos na Tok&Stok do Plaza Shopping Niterói (Rua XV de Novembro, 08, Centro) ou em qualquer das sua dezenas de lojas espalhadas pelo Brasil.

Casal de garças em bronze maciço Medindo 26cm por 14cm, essa peça em bronze pode decorar tanto sua sala de estar quanto seu quarto de dormir. www.bronzeshop.com.br

Latas Decorativas Que tal um pouco da França em sua cozinha? Essas peças decorativas e utilitárias embelezam o lugar onde você prepara as receitas que a família adora e a ajuda a manter tudo em ordem. Servem para acondicionar mantimentos e tudo o que sua imaginação permitir. Na Rua Haddock Lobo, 151 (Tijuca) ou na loja Utilità mais perto de você.

Kit Queijo em bambu e aço inox São 5 peças confeccionadas em bambu, material que possui um antibacteriano natural que reduz em 99,9% o acúmulo de bactérias no período de 24 horas, além de inibir a aproximação bacteriana. Atóxico, resistente e ecológico, não agride a natureza nem o meio ambiente. É mais leve e seca mais rápido que a madeira. Quem tem esse conjunto gracioso é a Multicoisas - Shopping Iguatemi (Rua Barão de São Francisco, 236, Lojas 94/95, 1º piso, Andaraí) e outros pontos de venda cujos endereços você pode encontrar em: www.multicoisas.com.br.

144


Papel de parede Este painel com padronagem única (da marca sueca Mr. Perswall, álbum Urban Nature 12) vai transformar aquele cantinho sem graça da sua casa e encantar os convidados. Tamanho: 360 cm x 265 cm. Disponível na Orlean - Casa Shopping Av. Ayrton Senna 2150, Bloco A, Loja J, Barra da Tijuca (Rio de Janeiro) - Rua Joana Angélica 161, Ipanema (Rio de Janeiro) - Rua Tavares de Macedo 237, Icaraí (Niterói) www.orlean.com.br

Garrafas térmicas Fun Drink A Jaya Design surpreende mais uma vez! Inspirando-se em rótulos de embalagens das décadas passadas, a designer Sabrina Arini estampou com exclusividade para a Gift Express nostálgicas garrafas térmicas. As peças resgatam nossa memória emocional e nos faz reviver deliciosos momentos da infância! O refrigerante Fanta ganhou uma grafia mais divertida e virou FUNta! A grafia do Sprite ficou mais atual aparecendo na garrafa como Spryte. E o refrigerante Grapette, que chegou ao Brasil nos anos 40, foi idealizada na garrafa térmica com apenas um “t”. Capacidade: 750 ml. À venda na loja virtual Gift Express: www.giftexpress.com.br

Purificador de água Vita Max Com design moderno e atraente, 100% ecológico e totalmente nacional, o purificador conta com nanotecnologia para proteger a água da contaminação por micro-organismos. O aparelho possui cinco estágios de purificação com ação bacteriostática, que impede a proliferação de bactérias e elimina gostos e odores desagradáveis, além de ter baixo custo de energia. Com bica móvel, permite encher jarras e garrafas com facilidade. O lançamento da Latina, líder na categoria de purificadores de água refrigerados, possui um sistema blindado contra bichos, poeiras e insetos. www.ateliedecomunicacao.com.br

Cortador de sachês Inventado por um brasileiro que percebeu o sufoco de quem tem que usar os dentes para abrir os sachês de mostarda, ketchup, maionese e outros condimentos, o cortador de sachês foi uma das estrelas do ano passado e continua popular. Além de não deixar que ninguém fique lambuzado, pode ser usado com apenas uma das mãos. É possível, também, personalizar a peça para dar de brinde se a quantidade for acima de 100 unidades. O produto recebeu o Prêmio Best Invention of the Americas em 2010 (INPEX, Pittsburg, USA). Disponível na Humaitá Louças - Rua Prefeito Olímpio de Melo, 1.183, Benfica, Rio de Janeiro.

145


Novidades

Festa a bordo!

B

aladeiros, casais, jovens solteiros e até crianças e adolescentes estão deixando de lado o charme das casas de festas e apelando para o glamour das limousines para festejar aniversários e despedidas de solteiros. Gente sofisticada que não se importa de gastar “um pouco mais” para vivenciar um momento superdiferente. Essas verdadeiras boates sobre quatro rodas são equipadas com bar, TV de tela plana, iluminação e trilha sonora especiais, além de terem acabamento luxuoso. Agora um casal pode celebrar seu aniversário de casamento dentro de um extravagante 300C Crysler, por exemplo, ou uma menina festejar seu 12º aniversário com as amigas passeando dentro de uma Grand Blazer. Os preços são variadíssimos e estão atrelados ao período de uso do carro, por exemplo. Os serviços atendem a faixas etárias distintas, permitem a entrada de até 8 ou 12 pessoas e tentam abranger um grande leque de interesses.

Em média, 60% da frota de carros de luxo ainda são alugados para casamentos. Os outros 40% vêm do público que deseja fazer transfers para baladas, comemorar aniversários ou despedidas de solteiros, entre outros objetivos. O mercado está aquecido e a tendência é usar, cada vez mais, as excêntricas máquinas motorizadas para fins particulares. Limousines são símbolos de status e, embora tenham vivido sua época de ouro entre as décadas de 70 e 90, hoje parecem estar em evidência novamente. E o leitor, vai aderir?

Patricia Figueira

Não há limites quando a intenção é comemorar. O modismo da vez é alugar carros de luxo e sair pela cidade com os amigos em direção à balada ou cantar parabéns com muito estilo

Luxo e glamour fazem parte desta nova opção de entretenimento entre adolescentes, jovens e casais


Bodas de Ouro

Maria Lígia & Tarcísio

Produção do Evento Cerimonial, Produção e Decoração: Novo de Novo Eventos - Rose Rocha Fotografia: Diogo Du Bem Espaço de Festas: AABB - São Francisco Acessórios: Novo de Novo Eventos Bebidas: Celina Buffet / Jacob Machado Buffet: Celina Buffet / Jacob Machado Decoração Floral: Agnaldo Paranhos Doces e chocolates: Michele Espinoso Iluminação: Claudio Adão Lustres: Novo de Novo Eventos Mobiliário: M&M Eventos Tapetes e Tecidos: Novo de Novo Eventos Toalhas: MP Toalhas Velas e Taças: Novo de Novo Eventos

152


154


Coluna Festejar

KARLA LOPES Revista MultiNegócios – nova publicação da Mistral

Em clima de celebração, eu e Luiz recebemos amigos, anunciantes e parceiros – novos e antigos – no salão de Convenções Orizzonte para um coquetel em comemoração ao mais recente lançamento da Mistral Editora: a Revista MultiNegócios.

Fotos: Renato Machado

A noite de 31 de maio foi muito especial para nós, pois tivemos a oportunidade de compartilhar mais essa conquista e apresentar projetos já engatilhados. Não poderíamos deixar de mencionar os parceiros que nos ajudaram a realizar esse evento tão marcante: All Day, André Som&Luz, Coffee Express, Docinhos e Doçuras, Família Raposo Gastronomia, Floreal de Duques, Flores de Maria, GR2, Hotel Orizzonte, Movie Factory, Renato Machado, Spaço Delícia, Wania e Ricardo Raposo Eventos.

Grife de lingeries causa sensação

Brevemente a definição do nome da grife – também assinada pela estilista Patrícia Vergara – irá ocorrer em breve com um grandioso lançamento.

158

Fotos: Navarro

Sonia Andrade e Patrícia Vergara estão impossíveis. Fizeram uma parceria genial e lançaram uma grife de lingeries de arrasar. O lançamento aconteceu no grandioso desfile da Apada (Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos) no Clube Naval Charitas em 8 de junho. Vários salões parceiros fizeram a produção das modelos, incluindo o de Sandra Martins, dona do salão de beleza de mesmo nome, que organizou o evento e comandou a equipe que cuidou dos penteados e da maquiagem.


Victor Dzenk é conhecido como o rei da estamparia, pois sempre trabalhou com muitas cores e estampas. Depois que começou a desenhar vestidos de noivas para amigas, os resultados foram aparecendo e ele decidiu criar uma coleção toda voltada para o segmento. Além do desafio que foi trabalhar só com off white e cores neutras, Victor disse que fazer essa coleção foi como “um novo respirar”. Embora tenha realizado um trabalho completamente distinto do que já é considerada a sua marca registrada, ele acha que as pessoas conseguem distinguir seu DNA na nova coleção. Dzenk assinou o vestido de noiva de Marilene Saad em 2009, quando se casou com o ator Stênio Garcia.

Na tarde do dia 6 de junho, estivemos em Ipanema para conferir o lançamento do White Room, espaço criado pelo estilista Victor Dzenk e dedicado especialmente às noivas. Vinte vestidos inspirados nas deusas gregas foram impecavelmente expostos no 2º andar do ateliê e chamaram a atenção pela leveza dos tecidos e singeleza dos detalhes. Numa sala anexa havia uma exposição de tiaras assinadas por Claudia Parisi, além de sapatos forrados. O evento contou com a participação da modelo Rafaela Hughein, que usou algumas das peças.

Fotos: Aline Tavares Bezerra

Ateliê de Victor Dzenk agora tem Espaço para Noivas

Fotos: Paulo Herédia

25 anos de carreira de Albéria Amaral Quem não gostaria de realizar um evento que tivesse a Baía de Guanabara, o Pão de Açúcar e a cidade do Rio de Janeiro como pano de fundo? O Zéfiro Eventos tem essas credenciais e se estabelece agora como um espaço de festas com vista totalmente panorâmica e de beleza única. Inaugurado em 12 de abril na Fortaleza de Santa Cruz, em Jurujuba, o local recebeu, entre outros convidados, Elaine Maia, Rafaela Panisset, Shirley Yàñez e Fausto e Valéria. A anfitriã Albéria Amaral, sempre muito simpática, aproveitou o ensejo para comemorar seus 25 anos de profissão como cerimonialista e produtora de eventos.

159


Guia de Restaurantes


161


Guia de Fornecedores

e d i t o r a


166


167


168


169


170


171


172


173


174


GUIA DE SERVIÇOS ALTA COSTURA|ALUGUEL DE ROUPAS Atelier Lindalva Pezzano – pág. 154 Atelier Maria José e Anriet Brito – pág. 150 Atelier Mônica Santos – pág. 64 Flor de Laranjeira – pág. 76 Vilma Peçanha – pág. 22

ALUGUEL DE GRINALDAS Nilton Mattos – pág. 45 Sônia Andradelima – pág. 65

ALUGUEL DE MATERIAL | MOBILIÁRIO All Day – pág. 147 Loft Decor – pág. 77 Panos & Cores – pág. 134

ALUGUEL DE PLANTAS | PAISAGISMO Floreal de Duques – pág. 28 Variedades Piratininga – pág. 174

ALUGUEL DE VEÍCULOS Carros para Casamento – pág. 166

ASSESSORIA | CERIMONIAL | PRODUÇÃO DE EVENTOS Albéria Amaral – pág. 107 Alfa Quality – pág. 136 Arte & Ofício – pág. 70 Bom Paladar – pág. 103 Casual Eventos – pág. 36 Condeixa Eventos – pág. 37 Corintho Rodrigues – pág. 118 Deise Azeredo – pág. 20 Delair Monnerat – pág. 56 El Shaddai – pág. 141 Eventos Dutrain – pág. 22 Fabiane Abreu – pág. 126 Flores de Maria – pág. 99 Fuzuê – pág. 170 Invento – pág. 14 João & Francis – pág. 94 Luciene Muniz – pág. 21 Mariana Gaspar – pág. 59 Marlene Lemos – pág. 31 MV Eventos – pág. 81 Novo de Novo – pág. 153 Núbia Guimarães – pág. 151 S.A. Produção – pág. 12 Sant’ Anna & Scisinio – pág. 25

176

Solanas Cerimonial – pág. 146 Susana Araújo – pág. 62

BEM-CASADOS | BOLOS Ane Cake – pág. 50 Arte e Delícia – pág. 167 Bolo com Arte – pág. 150 Casal Garcia – pág. 58 Cíntia Martins – pág. 168 Delliart – pág. 166 Ilza Araújo – pág. 38 Fátima Cakes – pág. 166 Livete Daflon – pág. 112 Maria Angélica Albuquerque – pág. 12 Mônica Henrici – pág. 167 Neyde Lima – pág. 42 Núbia Guimarães – pág. 151 Pierassol – pág. 30 Rafaela Panisset – pág. 27 Samira Alves – pág. 166 Spaço Delícia – pág. 72 Suely Guimarães – pág. 167 Sweet Gifts – pág. 167 Vânia Estebanez – pág. 104

El Shaddai – pág. 141 Elegance – pág. 20 Família Raposo – pág. 2 JDK Festas – pág. 133 JK – pág. 156 João & Francis – pág. 94 Lazary – pág. 53 Luciene Muniz – pág. 21 Malagueta – pág. 114 Priscimara Brasil – pág. 169 Red Pepper’s – pág. 169 Sant’ Anna & Scisinio – pág. 25 Soutellinho – pág. 100 VS Gourmet – pág. 50

BUFFET DE CHURRASCOS Ideal Churrasqueiros – pág. 105

BUFFET DE CREPES Canela – pág. 108 Flor de Lis – pág. 135 Soutellinho – pág. 100

BUFFET JAPONÊS

BISCUIT

Hinata – pág. 56

Atelier Encantado – pág. 134 Palladio – pág. 168 Rita Câmara – pág. 24

CABELO |MAQUIAGEM | DIA DA NOIVA | ESTÉTICA

BRINDES | CONVITES | SERVIÇOS GRÁFICOS | LEMBRANÇAS Arte Céu – pág. 167 CH Produções – pág. 28 Cíntia Martins – pág. 168 Fave – pág. 168 Milly & Toot – pág. 44 Mistral Editora – pág. 179 Relevo N.S. Aparecida – pág. 43 Trish Designer – pág. 168

BUFFET Aromas e Sabores – pág. 58 Augusto Decorações – pág. 171 Bom Paladar – pág. 103 Buffet Daflon – pág. 155 Cristina Guimarães – pág. 62 Cristina Souza – pág. 132 D.A. Gastronomia – pág. 57 Dom Guimarães – pág. 17

Daju – pág. 73 Fernando Rodrigues – pág. 82 Gyone Palma – pág. 135 João Salvatore & Luiza Penant – pág. 80 Márcio Lira – pág. 71 Mira Lima – pág. 122 Nova Femme – pág. 117 Odilza Vital – pág. 27 Sandra Martins – pág. 160 Solar do Amanhecer – pág. 142 Tio Sam – pág. 114 Veronezzi Studio – pág. 142

CALÇADOS PARA FESTA Villa Festejar – pág. 4/180

CAMARIM FOTOGRÁFICO Fuzuê – pág. 170

CASCATA DE CHOCOLATE Cascata de Chocolate – pág. 170


CHOCOLATES | DOCES Betinha – pág. 146 Casa das Delícias – pág. 52 Desire Cacau – pág. 126 Docinhos e Doçuras – pág. 16 Fornalha – pág. 104 Lívia Felix – pág. 171 Rosana Paes – pág. 172 Saboreatta – pág. 64

COFFEE BREAK Fábio Sanduba – pág. 169 Família Raposo – pág. 02

IF – pág. 137 Lajedo – pág. 157 Orizzonte – pág. 101 Sítio de Fátima – pág. 172 Solar de Gração – pág. 131 Solar do Amanhecer – pág. 142 Solar Imperial – pág. 98 Solarium – pág. 123 Tio Sam – pág. 114 Zéfiro – pág. 106

ESPUMANTE Cais de Icaraí – pág. 140

CONFIRMAÇÃO DE PRESENÇA

FOTO E FILMAGEM

Sua Presença – pág. 170

Ribeiro – pág. 171 Romero’s – pág. 171

Angelart – pág. 172 Antonio Biêr – pág. 148 CH Produções – pág. 28 Chamar – pág. 172 Denize Ribeiro – pág. 72 Fausto e Valéria – pág. 23 Guto Ribas – pág. 112 HDV – pág. 108 Helder Moraes – pág. 30 Leandro Joras – pág. 148 Márcio Lomba – pág. 172 Mimos de Amor – pág. 173 Movie Factory – pág. 136 Paulo Mar e Mar Studio – pág. 80 Raphael David – pág. 13 Raquel & Julio Cerino – pág. 39 Renata Paes Leme & Gisele Machado – pág. 39 Roberta de Oliveira – pág. 173 Romariz – pág. 95 Sérgio Ronaldo – pág. 9 Star Flash Studio – pág. 128 Studio Marusca – pág. 120 Valeska Rocha – pág. 143 Wagner e Vanessa – pág. 83 ZoomFoto – pág. 121

ESCOLA DE DANÇA

LINGERIES

Amazonas Dance – pág. 75

Diva’s – pág. 173 Villa Festejar – pág. 4/180

COREOGRAFIA PARA EVENTOS Amazonas Dance – pág. 75

DECORAÇÃO | DECORAÇÃO FLORAL Augusto Decorações – pág. 171 Casual Eventos – pág. 36 Condeixa Eventos – pág. 37 Eventos Dutrain – pág. 22 Flores de Maria – pág. 99 JDK Festas – pág. 133 João e Francis – pág. 94 JK – pág. 156 Luciane Dénys – pág. 100 Mariana Gaspar – pág. 59 Marlene Lemos – pág. 31 Maurício Mattos – pág. 171 Sharles Rafael – pág. 170

DISTRIBUIDORA DE BEBIDAS

ESPAÇO PARA FESTAS Amazonas Dance – pág. 75 Axo – pág. 42 Bouganville – pág. 82 Carpe Diem – pág. 129 Chateau Eventos – pág. 132 Espacio – pág. 109 Flamboyant – pág. 128

MÚSICA PARA CERIMÔNIA B Positivo – pág. 122 Marco Musmanno – pág. 14

NOITE DE NÚPCIAS Tio Sam – pág. 114 Solar do Amanhecer – pág. 142

OPEN BAR Café Premier – pág. 15 Joe Drinks – pág. 36 Trish Designer – pág. 168

PISTA DE LED Carlos Perrota – pág. 51

PROGRAMAS DE TV Festejar – pág. 79 TV Mais – pág. 175

RESTAURANTES 7 Grill – pág. 164 À Mineira – pág. 164 Arboretto – pág. 162 Bar Itália – pág. 161 Bistrô Mac – pág. 162 Couve-Flor – pág. 162 Da Carmine – pág. 161 La Mole – pág. 164 Nossa Casa – pág. 162 Olimpo – pág. 162 Parador Bistrô – pág. 162 Spicy – pág. 162 Cervejaria Nói – pág. 163

SALGADOS Fornalha – pág. 104 Vimavi – pág. 169

SEGURANÇA E VALET GR2 – pág. 174

SOM E ILUMINAÇÃO Alex Pim – pág. 24 André Aguiar – pág. 29 André Mattos – pág. 113 MAC – pág. 38 Matarazzo – pág. 154 Moreno – pág. 44 One – pág. 120 Pit Stop Musical – pág. 174 Sandro Zennaro – pág. 20 Tufy – pág. 127

SHOW Batuke Imperial – pág. 52 BR 80 – pág. 70 Carlos Gustavo & Banda – pág. 174 Charanga do Flamengo – pág. 173 Rio Folia Show – pág. 63

Soynni – pág. 140 177


Lançamento FESTEJAR 14ª EDIÇÃO Fotos: Paulo Mar

LANÇADA DURANTE COQUETEL

A

editora Mistral realizou em 06 de fevereiro de 2011 um coquetel de celebração pelo lançamento da 14ª. edição da revista Festejar. A festividade reuniu anunciantes, parceiros, noivas e profissionais de eventos, e abriu espaço para a exposição de produtos e serviços. Ao som de boa música ao vivo, os cerca de 800 participantes puderam interagir e trocar ideias na ocasião.

Confira a cobertura completa do evento acessando: www.revistafestejar.com.br



Revista Festejar 15