Page 1

www.correiodovaledoriogrande.com.br Passos, Correio do Vale do Rio Grande, edição 40, de 08 a 15 de novembro de 2013, valor R$2,00

Prefeitura diz que zera fila de cirurgia eletiva Imagem da internet

As cirurgias eletivas, aquelas que tem paciente esperando há mais de dois anos na fila, podem ser zeradas até o meio do ano que vem. A informação do prefeito Ataíde Vilela diz que isto será possível graças a um trabalho de parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde, o Ministério da Saúde e a Santa Casa de Passos. Todos os pacientes que estão na fila serão procurados em sua própria residência, segundo Gilberto Lopes Cançado, o Betaka. Página 03

Casmil ganha ação da Projeto de IPTU Paulista e recebe imóvel rende polêmica Uma ação judicial que a Cooperativa de Agropecuária do Sudoeste Mineiro, a Casmil, moveu contra a Paulista teve resultado favorável à cooperativa, agora proprietária de um imóvel em São Paulo. Página 04

Desde a queixa de retaliação por parte dos vereadores de oposição, que tiveram todos os seus requerimentos recusados pela situação, até mobilização da ACIP, questionando o aumento e passando pela resposta da

prefeitura, o tema tem provocado acalorada discussões entre lideranças e grupos políticos a favor e contra o prefeito Ataíde Vilela, mas ainda não sensibilizou a população de modo geral. Páginas 06 e 07

Sinrural renova convênio com Patrulha Rural

Página 08

Projeto de lei da vereadora Belinha é aprovado

Página 09


De 08 a 15 de novembro

Charge

Opinião

Faculdade de Medicina: “Pública ou Particular”? *Jairo Roberto da Silva Há, pelo menos, três correntes que gravitam em torno da estadualização d a Fundação de Ensino Superior de Passos que, carinhosamente, chamamos de nossa FESP, porque sua construção resultou de um longo e histórico esforço de pessoas e autoridades desta comunidade. Prefacialmente, considero o grupo dos que têm lutado a favor da Universidade Pública, democrática, livre, acessível que proporcione um ensino de qualidade. Coerentemente, essas pessoas que formam endossam o ato praticado pela instituição, há mais de vinte anos, quando optou por fazer parte da UEMG. Uma segunda corrente que não tem demonstrado coragem de mostrar-se pública e claramente contra a estadualização age nos bastidores ou nos porões da instituição, não demonstrando qualquer entusiasmo pela conquista e implantação da Universidade Pública. Não associam o nome FESP à futura universidade e todas as suas ações tratam de robustecer a entidade em vias de ser absorvida. Usam e abusam dos meios de comunicação na busca desesperada de neutralizar a estadualização. Um terceiro grupo entretanto, talvez por desconhecer o processo ou quiçá por não acreditar no Estado e nas suas intenções, prefere não assumir posição em face do assunto. Mostra-se indiferente ao tema que deveria ser palpitante. É nesse contexto que surge o projeto da Faculdade de Medicina, uma parceria da FESP com a Santa Casa de Passos. As diversas correntes

de pensamento a favor, dissimuladamente contra e indiferente ao processo de estadualização convergem nesse ponto. Todos somos favoráveis à implantação do curso de medicina em Passos. É uma conquista de extraordinário significado para toda a região. Entretanto, o que se coloca e se discute neste momento é se a Faculdade de Medicina será pública ou particular, isto é se o curso será gratuito ou pago a preço de ouro. O enfoque faz sentido por duas razões: .a uma, porque a Comissão de Avaliação do MEC já emitiu parecer favorável à aprovação do curso a ser mantido pela FESP. É o primeiro grande passo. Restam outros; a duas,´porque foi assinada, dias atrás, a adesão do Município de Passos ao projeto de criação do curso de medicina por instituição de ensino superior privada. Passos não comporta duas Faculdades de Medicina, uma pública e outra particular. pois a cidade atende os pré-requisitos para apenas uma Faculdade. A opção natural é pela Faculdade de Medicina pública. Para o observador atento que tem acompanhado o desenrolar do processo de estadualização, a questão não é tão simples. A lei 20.807, de 26 de julho de 2013, que aprovou a estadualização da FESP, estabeleceu o prazo de 26 de setembro do corrente ano para que as fundações encaminhassem à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, entre outros documentos, a relação dos cursos autorizados e reconhecidos a serem absorvidos; e a Faculdade

de Medicina não estava definitivamente autorizada até aquela data. Lado outro, é sabido que a mesma Secretaria não tem respondido o questionamento sobre se a criação de novos cursos na fase que antecede à finalização do processo de estadualização poderia prejudicá-lo, especialmente um curso de medicina que é reconhecidamente caro. Em recente artigo escrito sobre “FESP E NOVOS CURSOS’ colocamos nossa preocupação, opinando no sentido de que Estado e FESP estivessem sintonizados no sentido de que o processo ocorresse sem traumas. Fomos além, afirmando que criado o curso de Medicina, deveriam todas as correntes se unir no sentido de que o Estado absorvesse o novo Curso e que gestões políticas fossem feitas nesse sentido. Concluindo e manifestando nossa modesta opinião de que o Curso de Medicina deve ser mantido por instituição pública, no caso a UEMG, reafirmamos nossa inabalável crença de que toda grande causa desafia uma solução política e que a criação do Curso de Medicina em Passos, pela sua grandeza e significado, é uma grande causa,. Convém, pois, que unamos todas as forças vivas do Município no sentido de que o Estado, através da UEMG, assuma a Faculdade de Medicina e satisfaça o anseio desta região.

Jairo Roberto da Silva, advogado e cidadão participante e interessado no desenvolvimento social. E-mail: geracoesjurídico@ gmail.com

Rolou na semana Crimes pela internet Um jovem morador de Passos, caiu em um golpe praticado por bandidos na internet, o jovem que estava interessado em comprar um veículo Celta 1.0 procurou em sites especializados o carro desejado e sem procurar a procedência do site, entrou em contato e efetuou um depósito na conta bancária da suposta empresa de carros no valor de R$ 2,5 mil. Mesmo recebendo a comprovação do pagamento, o jovem suspeitou que algo estava errado e que a empresa do qual ele efetuara o pagamento já havia feito várias vítimas no país. Assim que a pessoa efetua o depósito imediatamente a empresa perde o contato com a vítima, sendo assim o cliente perde todo o dinheiro depositado. Antigo cemitério Foi redescoberto recentemente na zona rural de Passos, um cemitério que segundo historiadores, foi o local onde foi enterrados antigos fazendeiros da região do bairro rural de Toledos. O local guarda elementos históricos importantes. Segundos estudos, esses

fazendeiros e moradores chegaram à região de Toledos no século XVIII e dependiam da agricultura e criação de gado para sobreviver. No local é possível ver vestígios de túmulos e muros que existiram há centenas de anos. Cassado O TRE, na sessão de terçafeira (05/12), confirmou, por unanimidade, a cassação do prefeito e do vice do município de Piumhi , Wilson Marega Craide (PRB) e José Cirineu Silva (PSB), por gastos ilícitos na campanha eleitoral de 2012. A decisão do Tribunal determinou a posse do segundo colocado, Adeberto Melo (PMDB), mas somente será executada após publicação do acórdão referente a eventuais embargos de declaração. Para o relator do processo, o juiz Alberto Diniz, a demonstração de robusto patrimônio e condição de empresário de sucesso do vice-prefeito não é suficiente para se comprovar a origem lícita dos recursos financeiros doados à campanha por ele, situação imprescindível para a garantia da lisura da eleição.O TRE confirmou sentença de primeira instância.

Expediente Correio do Vale do Rio Grande

(www.correiodovaledoriogrande.com.br) É uma publicação da Agência de Publicidade Silva & Mota. - CNPJ:15.170.527/0001-31 - Endereço: Av. Comendador Francisco Avelino Maia, 1505 sala 105 – Centro Telefone: 035 3522-4138 - E-mail: correiodovaledoriogrande@gmail.com - Diretora: Lilian Shorreyla - Arte Final: Helena Ap. Costa - Diagramação: Larryane Mayla - Tiragem: 2.000 - Gráfica: Spaço Jornal e Editora - Ribeirão Preto (SP)


De 08 a 15 de novembro

Prefeitura de Passos vai liberar todas as cirurgias eletivas Uma parceria da Prefeitura de Passos com o Ministério da Saúde vai acabar com a fila de mais de duas mil pessoas que aguardam uma cirurgia eletiva na cidade, que são as operações de menor potencial de gravidade e que podem ser agendadas de acordo com a programação da Secretaria Municipal de Saúde em conjunto com a Santa Casa. Os custos serão totalmente pagos pelo ministério, segundo o prefeito Ataíde Vilela, que fez a adesão de Passos ao programa do governo federal. A meta do prefeito é zerar a fila de pacientes até junho do ano que vem. “A Prefeitura vai liberar todas as cirurgias e zerar a fila, vamos atender todas as demandas dos últimos anos”, afirma Ataíde. “Esse benefício se deve a uma parceria que fizemos com o Ministério da Saúde a partir de um trabalho com a equipe da Secretaria Municipal de Saúde e a Santa Casa de Passos”, acrescentou o prefeito. Para iniciar os procedimentos, a Santa Casa está apenas aguardando o ministério publicar a destinação da verba para cada especialidade, com base no planejamento apresentado pela Secretaria

de Saúde. Em Passos, as cirurgias eletivas serão feitas pela Santa Casa, a partir do agendamento dos pacientes pela Secretaria de Saúde. Segundo Ataíde, por não ter custo para o Município, a parceria veio em boa hora. “É a solução de um problema enfrentado há anos e de certa forma vai aliviar o Município, pois o Ministério da Saúde irá arcar com todas as despesas. É uma grande conquista para o Município, para a Santa Casa e principalmente para os cidadãos”, disse. De acordo com o secretário interino de Saúde, Gilberto Lopes Cançado, o Betaca, a fila por uma cirurgia eletiva (catarata, útero, amígdala, joelho e outras) tem mais de duas mil pessoas e todas deverão ser operadas até a metade de 2014. O secretário ressalta, no entanto, que ninguém precisa procurar a secretaria, porque todos serão avisados em casa. “Os pacientes não têm que se preocupar com nada, porque eles já estão cadastrados. Vão ser chamados gradualmente, de acordo com a ficha de cada um e de acordo com a capacidade da Santa Casa.

O diretor executivo da Santa Casa, Daniel Porto Soares, destaca um dado importante na parceria entre o Ministério da Saúde e a Prefeitura, que é determinação de atender todos os pacientes que precisam ser operados, sem limitação financeira ou quantitativa. “Cada município apresentou a sua demanda, o que totalizou 5.800 cirurgias para a microrregião de Passos, em todas as especialidades. Mas o mais importante é o ministério possibilitar os hospitais a atenderem os pacientes com qualidade”, disse o diretor.

Ataíde afirma que a prefeitura vai liberar todas as cirurgias e zerar a fila


De 08 a 15 de novembro

Casmil ganha causa e recebe imóvel da antiga paulista Por Marco Túlio Costa Depois de uma batalha jurídica que durou 12 anos, a CASMIL – Cooperativa Agropecuária do Sudoeste Mineiro saiu vitoriosa da ação que movia contra a Cooperativa Central de Laticínio do Estado de São Paulo – a Paulista. A CASMIL pedia a anulação da decisão da assembleia geral de 26 de julho de 2001 que a excluía do quadro societário da Paulista e, ainda, a restituição do seu capital social que, à época, era da ordem de R$ 9,6 milhões. Na última quarta-feira, 30, a diretoria da Casmil, recebeu do escritório do advogado Marcos Colombarolli, a carta de adjudicação (declaração de propriedade) de imóvel situado na cidade de São Paulo, devidamente registrada no Cartório de Registro de Imóveis do 3º Ofício daquela capital, em restituição ao capital social. O imóvel com 12.400 m², correspondente a 44,32% da sede da CCLSP, está situado no Bairro do Braz, na capital paulista. Esforço dobrado A atual diretoria da CASMIL, mergulhada na crise de 2007, viu nesta ação uma possibilidade para recompor a situação econômica da empresa. A primeira providência foi solicitar ao escritório de advocacia que entrasse com uma petição na 29ª Vara Cível

Barracão da Casmil em Passos

da comarca de São Paulo, solicitando que o andamento do processo tivesse a maior celeridade possível, tendo em vista a sua grave situação financeira. Além disso, contratou serviços de escritórios de advogados na capital paulista e em Brasília, para acompanhar de perto o processo. Nesse meio tempo, foram muitas as tentativas de negociação por parte da CASMIL, visando a um acordo, porém sem sucesso. O processo tramitou por todas as instâncias do Poder Judiciário, incluindo-se aí, além do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, o Superior Tribunal de Justiça e o Supremo Tribunal Federal, ambos em Brasília. A CASMIL foi vitoriosa em todos.

“Este imóvel, integrando o patrimônio da CASMIL, certamente torna a nossa cooperativa de laticínios uma das mais fortes do setor em todo o Estado, a maior da região, sem dúvida” – comentou Leonardo Medeiros, que há poucos dias anunciava outra vitória importante, no caso da Leite Nilza. Entenda o caso A CASMIL, cooperativa que completará 65 anos em fevereiro do próximo ano, associou-se à CCL-Paulista em meados da década de 1970, à qual fornecia leite in natura. Em 22 de maio de 2001, a CCL enviou correspondência à CASMIL, informando-a que um relatório produzido por alguns funcionários que

tinham feito uma visita à cooperativa, concluía que a CASMIL teria vendido leite a terceiros sem a intermediação da CCL, infringindo normas estabelecidas pelo Estatuto Social da CCL-Paulista. Isso sujeitava a CASMIL a processo de eliminação e exclusão dos quadros societários. Um processo de eliminação foi instaurado. A CASMIL apresentou sua defesa ao relator do processo, no prazo estipulado, mas ainda assim houve deliberação para remeter a decisão de eliminação à Assembleia Geral Extraordinária (AGE), convocada para o dia 12 de julho de 2.001. Nessa data, mesmo com a presença do representante legal da CASMIL, a AGE não deliberou sobre a

questão e convocou-se nova assembleia, para 26 de julho. Conforme o advogado Marcos Colombarolli, “era fato notório que a eliminação da CASMIL estava consumada, inclusive de interesse da Central e das outras cooperadas”. A CASMIL à época era a maior cooperativa associada da Paulista e pretendia cargo na diretoria executiva da CCL. Com a sua eliminação, as demais cooperativas teriam aumentadas as suas cotas de entrega de leite à Paulista. Como previsto, a AGE deliberou pela exclusão da CASMIL. Posteriormente, em outra AGE, a Paulista decidiu restituir o capital social pertencente à Cooperativa de Passos, em 27 anos, sem juros e nem correção monetária. Daí a CASMIL viu-se obrigada à propositura de Ação de Anulação de Deliberação de Assembleia Geral cumulada com pedido de Restituição de Capital Social (processo nº 000.02.073584-7), que terminou com a Adjudicação de parte imóvel pertencente à Central Paulista, solicitada pela CASMIL, visto que aquela Central encontravase com sérios problemas financeiros, o que poderia tornar difícil o pagamento do Capital Social, ainda que a CASMIL, saísse vencedora no processo.


De 08 a 15 de novembro

Cássio anuncia R$ 40 mil para obra em asilo de Ibiraci

Cássio Soares anunciou durante a Campanha “Novembro Azul”, a liberação de R$ 40 mil para a contrução da nova sede do Asilo

IBIRACI - O secretário de Estado de Desenvolvimento Social, deputado estadual Cássio Soares anunciou durante o lançamento da Campanha “Novembro Azul”, em Ibiraci, a liberação de recursos no valor de R$ 40 mil para a construção da nova sede do Asilo Aisa Rodrigues Siqueira. O pedido foi feito pelo prefeito José Fernando Hermógenes, pelo presidente da entidade, Aid Rodrigues Cintra e pela juíza de direito da Comarca, Elisandra Alice dos Santos Camilo, durante o evento de lançamento da campanha

Novembro Azul, realizado no município. O evento contou com a presença de diversas autoridades, entre elas o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), Dinis Pinheiro. O presidente do asilo Aid Rodrigues Cintra, ressalta que a entidade possui 16 anos de existência no município e necessita de melhores acomodações para continuar realizando o seu trabalho. “Atualmente cuidamos de 19 idosos em um espaço físico pequeno, antigo, precário e sem a infraestrutura de que um

asilo precisa e merece para acomodar os idosos”, diz o presidente. “Com essa excelente notícia do apoio que o deputado está nos dando, conseguiremos dar um impulso na obra e oferecer aos nossos idosos um lugar melhor para eles morarem”, completa. Durante o anúncio, feito na obra da nova sede, a juíza Elisandra agradeceu ao apoio do deputado, dizendo que o novo espaço está sendo construído para melhor abrigar os idosos e que o apoio recebido será de grande valia para agilizar

o término da obra. De acordo com Cássio Soares, o asilo presta um importante serviço para o município de Ibiraci ao cuidar da saúde, sociabilidade e bem-estar dos idosos. “Sei do respeitável trabalho realizado por essa entidade, e gostaria de destacar o comprometimento e atenção de todos os envolvidos, voluntários e colaboradores. Fiquei muito sensibilizado com os problemas enfrentados pelo asilo e podem continuar contando com meu apoio”, afirma o deputado.


De 08 a 15 de novembro

IPTU PROVOCA POLÊMICA NA CIDADE DE PASSOS

Acip mobiliza empresários a ficar atentos sobre votação do projeto de reajuste do IPTU

A

Associação Comercial e Industrial de Passos (Acip) mobiliza os sócios da entidade, um total de 800 empresários, para que eles permaneçam em alerta quanto a votação do Projeto de Lei Complementar 001/2013 que dispõe sobre o reajuste do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2014. Sem ser contrária ao projeto da câmara, a Acip alega que o projeto

apresentado pelos vereadores trará uma correção tributária injusta que poderá prejudicar não só as indústrias como os comerciantes e toda população de Passos. O projeto de Lei apresenta um reajuste somente na alíquota do IPTU dos Comércios, passando o percentual de 0,5% para 1%. Outro detalhe questionado pela associação seria a adoção de valor de R$ 1.080,00 para

cálculo do metro quadrado das construções. O presidente da Acip, Carlos Renato Lima Reis, Renatinho Ourives, solicitou aos vereadores cópias do Projeto de Lei para ser analisado pelos empresários. Após o envio do documento, o presidente solicitará uma reunião entre a Câmara de vereadores e os empresários passenses para apresentar o posicionamento do grupo

frente ao projeto. O que os representantes da Acip questionam no Projeto é que o IPTU sofrerá um grande aumento, segundo o vice-presidente da associação, Renato Mohallem, em alguns casos esse aumento poderá chegar a 500%. A associação sugere que a prefeitura de Passos, tentasse resgatar o valor de 8,5 milhões de contribuintes inadimplentes com o IPTU, ao invés de

aumentar dos que pagam corretamente o imposto. Segundo a Câmara de vereadores de Passos, o projeto de Lei do aumento do IPTU, já está em análise da Comissão de Legislação, Constituinte e Justiça e segue para análise da Comissão de Fiscalização, Financeira e Orçamentária e seguirá para votação dos vereadores, que provavelmente darão o parecer até o final do ano.


De 08 a 15 de novembro

Projeto atualiza planta genérica de valores, diz prefeitura Segundo a Prefeitura de Passos, a correção da Planta Genérica de Valores dos Imóveis de Passos prevê a atualização do valor venal dos imóveis, mas não aumenta o imposto em hipótese alguma e que para o comércio, a indústria e o setor de prestação de serviços ocorre o contrário: a Prefeitura está cobrando apenas a metade da alíquota estabelecida numa lei de 20 anos atrás. O prefeito Ataíde Viela frisa que o projeto não aumenta o imposto, mas uma real necessidade e obrigação do Município, porque os valores de edificações e terrenos praticados são os mesmos de 16 anos atrás e precisam ser corrigidos. “Do jeito que estão lançados os valores dos imóveis de Passos, que refletem diretamente no cálculo do IPTU, fica inviabilizada a administração municipal. E se a correção

não for aprovada pela Câmara isso pode representar renúncia de receita para o Município e renúncia de receita é crime”, justifica o prefeito. “E nenhum município tem um valor venal de imóveis tão defasado como o nosso”, acrescentou. O trabalho mostra que dentre as cidades da região e também entre as maiores do Sul de Minas Gerais, Passos é a que possui a menor alíquota de IPTU e a que tem a planta de valores mais desatualizada – a última correção foi feita em 1997. Enquanto Passos cobra 0,5% de IPTU para terrenos com edificação, tanto para uso residencial quanto para outras finalidades, cidades como São Sebastião do Paraíso e Divinópolis cobram 0,7% e 1%, respectivamente. Quando se trata de terrenos sem construção, a diferença é maior ainda: a alíquota em

Passos é de 1%, Paraíso cobra 2,3% e Divinópolis, 3%. Conforme frisa Ataíde Vilela, a Prefeitura não pretende aumentar o IPTU, pois as alíquotas permanecerão as mesmas, sendo que para estabelecimentos empresariais serão cobrados apenas 50% do índice. Além disso, o projeto prevê a criação da alíquota diferenciada, de 0,25%, para aposentados, pensionistas, viúvas, portadores de deficiência, moradores de zonas especiais de interesse social (população carente) e para proprietários de terrenos destinados a estacionamento de veículos de acordo com condições que venham a ser regulamentadas por decreto. Ainda de acordo com o projeto, o metro quadrado de construções estabelecido na tabela de valores é de R$ 1.080,00 para apartamento, casa, loja, sala, fábrica,

Prédio da Prefeitura Municipal de Passos

imóvel especial, R$ 200,00 para sub-habitação, R$ 300,00 para telheiro e R$ R$ 400,00 para galpões. Exceto para sub-habitação, galpão e telheiro, esses valores foram apurados conforme a tabela do Sinduscon/MG (Sindicato da Indústria da Construção Civil de Minas Gerais). Em relação às alíquotas, que são os percentuais de incidência do imposto sobre o valor do imóvel, o projeto

da Prefeitura de Passos prevê três tipos: a alíquota diferenciada de 0,25%, a de 0,5% para residências e a de 1% para comércio, indústria ou prestação de serviços. Neste último caso, a lei municipal número 1.911/1993 estabelece uma alíquota de 2%, mas a Prefeitura irá aplicar apenas 50% do índice, conforme o projeto de lei enviado para a Câmara.

Repercussão na Câmara Municipal de Passos A sessão da Câmara Municipal de Passos de segunda-feira (04) foi marcada por polêmica, após uma reunião com os vereadores de situação, que são maioria na Câmara,

em portas fechadas, eles decidiram não aprovarem 11 requerimentos que estavam para ser apreciados e votados propostos pelos vereadores de oposição que são eles, Iran Parreira

(PMDB), Alex Bueno (PSD) e Reinaldo Santos de Oiveira Nardão (PMDB). O motivo seria o polêmico projeto de lei complementar que trata da mudança na planta de

valores para definição do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano). Segundo Luis Carlos Souto, Dentinho, Presidente da Câmara o motivo de votar contra

esses requerimentos dos vereadores de oposição é uma represália à bancada de oposição que é contrária à mudança da planta de valores dos imóveis da cidade.


De 08 a 15 de novembro

Convênio da Patrulha Rural foi renovado Logo que a atual administração do SinRural assumiu seu primeiro mandato, em 2005, deu prioridade a um dos assuntos que mais perturbavam os produtores rurais de Passos: a segurança no campo. Dando prosseguimento à iniciativa tomada pela diretoria anterior, de adquirir um veículo, foi assinado um convênio que possibilitou à Polícia Militar montar sua equipe. Essa parceria produziu resultados imediatos e nos primeiros meses os índices de ocorrências na zona rural de Passos caíram 80%. Além disso, o serviço tornou-se referência para toda a região, já que nossa Patrulha Rural era a segunda implantada em todo o Estado de Minas Gerais. Em 2008, foi comprado um veículo zero, 4 x 4, Mitsubishi, atendendo às especificações repassadas pela própria PM, para que a Patrulha Rural pudesse rodar com eficácia pelas estradas rurais, o que não ocorria com o veículo anteriormente doado. E buscando ampliar mais ainda esse valioso serviço ao homem do campo, em agosto de 2009, há exatamente

quatro anos, foi realizada uma reunião com o então subsecretário de Estado da Defesa Social, Cássio Soares, e também o comandante do 12º BPMMG à época, Ten. Cel. José Geraldo de Souza, bem como do então vereador José Antonio de Freitas

Campos. Posteriormente, a chegada de mais um veículo para a Patrulha Rural chegou a ser anunciada, “resultado do empenho do subsecretário de Estado da Defesa Social, Cássio Soares, atendendo ao pedido feito na reunião. Com base nessa importante

história de parceria, o SinRural renovou o convênio que havia expirado no início de setembro com a Polícia Militar, para a manutenção do serviço. O veículo, inclusive, vai receber nova identificação visual. Para o presidente Leonardo Medeiros,

é preciso ter paciência diante das dificuldades do Estado, no momento, mas há muita expectativa dos produtores rurais de que a Patrulha Rural possa ser ampliada, conforme planejado, e esteja cada vez mais presente no campo, pois seu valor já foi comprovado.


De 08 a 15 de novembro

Aprovado projeto que valoriza “Educação no Campo”

Câmara Municipal de Passos aprova 3 projetos de lei, entre eles o “Educação no Campo”

Classificados CVRG Casa Paulinho imóveis creci 12203, vende casa nova alto padrão, piscina com vista pra cidade, 04 suites, sala Tv, Sala Visita, Sala jantar, Cozinha, espaço Goumet,03 lavabo, garagem 06 carros 9138. 84049981.1941 Paulinho imoveis creci 12203, vende casa jardim Italia, quartos mais suite, sala, copa cozinha, edícula e garagem 02 carros, apenas R$ 250.000,00 = 9981.19809138.8404 Paulinho imóveis, creci 12203, Casas de alto padrão dentro e fora dos condomínios, agende uma visita conosco Paulinho 9981.1980, Claudia 9981.1941e Donizeti vilela 9184-8404

Paulinho imóveis creci 12203,oportunidade vende casa central Gonçalves dias, interior reformada, dois quartos, suíte, sala, cozinha, garagem , terreno 550 m2 9138.8404.9821.8337

Paulinho imóveis creci 12203, vende casa 02 suítes, quarto com armários embutidos, sala, copa e cozinha gourmet , piscina, garagem 02 carros avenida amazonas 9138.8404-9821.8337

Apartamento Paulinho imóveis creci 12203, vende apartamento com vista para praça da matriz de Passos , suíte + 02 quartos, cozinha, lavanderia, sala 02 ambientes, 9981.1980-9138.8404

Paulinho imóveis creci 12203, ótimos terrenos para construir barracões e minha casa minha vida, 35215481-9138.84049981.1980-9981.1941

Paulinho imóveis creci 12203, Vende apartamento novo com elevador, dois quartos opcional para três, garagem, sala ,cozinha, sacada, preço a partir R$ 160.000,00 aceita financiamento 9981.19419138 8404

Paulinho imóveis, creci 12203, terrenos Nova Passos parcelados em ate 120 meses com pequena entrada, direto com o empreendedor 9138.8404 – 9821.8337 Paulinho imoveis, creci 12203, vende terrenos no condomínio vale verde com vista para serra da canastra

e cidade Passos financiados pela caixa federal 9981.1980 -9138.8404 Paulinho imóveis creci 12203, Vende terreno de 300 m2 na rua Itajaí no Vila Rica, 9981.19809138.8404-9981.1941

Outros Paulinho imóveis CRECI 12203, VENDE RANCHO NO CHICO TANGO COM AREA 4600 M2 OU TROCA POR IMOVEL EM RIBEIRAO PRETO 9138.8404 OU 9821,8337 Paulinho imóveis, quer comprar fazenda, sítios, chácaras, terras para reserva florestal de todos tamanhos, tanto cultivo cereais e criação de gado fale com Donizeti Vilela 9138.84049821.8337

Em sua reunião ordinária da tarde de segunda-feira (4 de novembro), a Câmara Municipal de Passos aprovou três projetos de lei – entre eles um que pretende levar a todas as crianças o aprendizado sobre o valor da atividade rural. Todas as matérias foram votadas em segundo turno e seguem à sanção do Executivo. A ordinária aprovou também o envio de cinco requerimentos de vereadores. O projeto que “Autoriza Instituir o Aprendizado no Campo”, aprovado por unanimidade, tem a vereadora Isabel Ribeiro (Belinha/PP) como autora, prevendo que as escolas da rede municipal

deverão adotar em sua grade curricular o ensino sobre a importância da atividade rural, de modo que as crianças venham aprender sobre as coisas do campo. Toda a alimentação que chega às mesas das cidades, lembra a vereadora, sai da atividade rural. Também em segundo turno, os vereadores aprovaram projeto do Executivo que cria o Fundo Municipal de Turismo (Fumtur). Outro projeto aprovado, de autoria da vereadora Cenira de Fátima Gomes Macedo (Tia Cenira/ PP), dá nome de Gleisson da Silva Jacinto à atual rua K, no loteamento residencial Parque das Aroeiras.


De 08 a 15 de novembro

Variedades Horóscopo

Passatempo PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br Roxo, verde e laranja

Gênero teatral com canto

Tem lances como cortada e manchete

CÂNCER

CAPRICÓRNIO

Câncer estará muito acomodado ao longo desta semana e vão surgir alguns desafios que requerem uma resposta rápida e eficaz da sua parte.

Capricórnio terá ao longo desta semana novas oportunidades que a vida lhe vai trazer, mas não estará devidamente preparado para aproveitá-las.

LEÃO

AQUÁRIO

Leão não terá uma semana muito favorável, já que as dificuldades serão constantes e por vezes até não vai conseguir resolver algumas situações.

Ao princípio da semana, estará mais em baixo e com tendência a pensar no que não deve, mas depois vai começar a animar-se e pode agradecer aos seus amigos o apoio.

VIRGEM

PEIXES

Virgem terá uma semana instável já que será confrontado com situações que o vão obrigar a tomar uma posição definitiva, ou seja, o que ficar decidido não terá mais retorno.

Peixes poderá passar por situações bastantes agradáveis, mesmo sem se esforçar muito, algumas serão mesmo inesperadas e portanto não vai estar à espera, aproveite-as!

Jogada do tênis Depois de P Droga presente no cigarro

Sistema de compra de carros Dançar conforme a (?): adaptar-se

Sentimento que leva à vingança

Ângelo Antônio, ator brasileiro

Primeira e quarta vogais

Oduvaldo Viana, dramaturgo

Forma de locomoção do canguru (pl.)

Paraná (sigla) Enfeite da peteca

Aqueles homens Fingida; enganadora

(?) entre nós: em segredo Veículos de uma companhia Minha e (?): nossa A consoante muda

Sílaba de "raiva" Resultado de avaliação médica

Alimento líquido preferido pelo urso Laboratório (abrev.) Ou, em inglês

(?) prantos: chorando muito

Maior deserto do mundo

BANCO

A região do Distrito Federal (abrev.)

14

Solução

jogos e exercícios para você se lembrar de tudo

nas bancas e livrarias

/

Esta semana Sagitário vai sentir-se muito confiante e otimista devido à conclusão bem sucedida de alguns dos seus objetivos, terá boas realizações pessoais.

Raio aplicado em cirurgias do olho

%

Gemeos terá momentos em que se vai sentir perdido e sem rumo, mas isso é apenas fruto da sua cabeça. Será colhido por fatos positivos que vão aumentar a sua confiança.

Patada de cavalo Reveste as frutas

2

SAGITÁRIO

Pequena lâmina dobrável

2 3 ( 5 $

GÊMEOS

Mídia que consagrou Luciano Huck

( , 5 $ 7 & ( $ 1 $ , 2 9 ( 6 7 $ ( / 7 & 2 2 6

Terá uma semana estável e tranquila, sem acontecimentos muito marcantes. O equilíbrio estará presente em todas as ocasiões. Os amores vão estar mais em destaque.

Método novo de ingresso à universidade

, 9 , $ ( & 2 / 2 0 % , $

Touro está favorecido esta semana, deve tomar mais iniciativas e aproveitar as oportunidades que tendem a surgir, no entanto deve fazer tudo às claras, sendo muito justo e leal.

Utensílio para coar sucos

, ' ( 9 ( 1 ( 0 7 & 2 & ( $ 3 6 2 5 & $ $ ( ) 5 8 $ / $ 2 6 7 5 $

ESCORPIÃO

La Paz e Bogotá são suas capitais, respectivamente Barco de luxo

Direito do presidente em relação às leis

2/or. 3/ace. 5/ópera — saara. 6/saltos.

TOURO

© Revistas COQUETEL 2013

Ernesto Nazaré, músico brasileiro

Da mesma maneira

1 , & 2 7 , 1 $

Libra vai sentir alguma estagnação no princípio da semana à qual não ficará indiferente e até vai sentir-se perturbado, pois também não saberá bem o que fazer e como resolver.

& - 2 * 5 ( 1 /$ 6 ( 6 ( 3 & 2 0 8 6 1 2 ' , $ 5 $ $ * 6 $

Áries estará difícil de se compreender, por vezes pensa que quer uma coisa, mas de seguida muda de ideias querendo logo outra, tornandose confuso e complicado.

,

LIBRA

'

ÁRIES

Receitas

Frango cremoso INGREDIENTES • • • • • •

500g de peito de frango (filé de peito) limpos e sem pele 1 lata de creme de leite com soro 1 pacote de sopa de cebola 1 copo de requeijão 1 lata de milho com água Batata palha para polvilhar

MODO DE PREPARO • Arrume os pedaços de frango em um refratário de vidro que possa ir ao forno • Bata no liquidificador todos os outros ingredientes menos a batata • Jogue esse creme por cima do frango e leve ao forno pré aquecido por uns 30 min • Coloque por cima, um pouco de batata palha, volte ao forno por mais uns 5 minutos e sirva com arroz branco


De 08 a 15 de novembro

Crônica

Mané Garrincha, um craque do riso Quando Garrincha jogava, o estádio parecia mais um teatro ou um circo por Almandrade O personagem mais singular da história do futebol, Mané Garrincha, não era um atleta, talvez um artista, com certeza um craque da humildade, virtuoso e estilista, que encontrou no drible uma forma de encantar a vida. Mais do que um jogador genial, ele transformou o futebol num espetáculo delirante cujo objetivo principal não era ganhar ou perder, e sim o riso. O próprio declara numa entrevista: “Para ser sincero, eu preferia driblar a fazer gol, mas como a única maneira de ganhar os jogos era colocando a bola na rede, de vez em quando eu fazia meus golzinhos”. Quando Garrincha jogava, o estádio parecia mais um teatro ou um circo. Chamou a atenção do mundo com seus dribles

precisos e desconcertantes, improvisados na hora certa com suas pernas tortas, que bailavam contrariando a anatomia, um Charlie Chaplin alegrando multidões. Sempre cordial e `imarcável`, ingênuo até. Deixava o marcador perdido, sem saber o que fazer no gramado, era certa sua passagem pela direita, mas ninguém tinha certeza de quando. Para as torcidas (até mesmo a adversária), que não economizavam gargalhadas, não interessava mais o resultado do jogo, e sim contemplar o show do craque. Um “santo do riso”, alegria dos que tiveram o privilégio de assisti-lo. “Foi um pobre e pequeno mortal que ajudou um país inteiro a sublimar suas tristezas”, palavras do poeta maior, Carlos Drummond de

Andrade. Garrincha foi um caso à parte, uma exceção. Sua relação poética e lúdica com a bola era a de um deus brincando com o mundo, para divertir seus santos. Na elegante crônica do escritor, dramaturgo e jornalista esportivo Nélson Rodrigues, Garrincha não precisava pensar: “Tudo nele se resolve pelo instinto, pelo jato puro e irresistível do instinto. E, por isso mesmo, chega sempre antes, sempre na frente, porque jamais o raciocínio do adversário terá a velocidade genial do seu instinto”. Um bailarino? Desafiou, subverteu as concepções do futebol europeu e solicitou do espectador outra atenção e sensibilidade para o jogo. Mané é uma referência

inédita para um futebol que não mais existe. Jogar bola, para ele, era uma forma de encarar a vida, não importava a partida, fosse da Copa do Mundo ou uma pelada entre amigos, o prazer era o mesmo. E a vida é uma brincadeira que passa rápido, como passou a agilidade de suas pernas,

vencido pelo cansaço, pela boemia e pelo álcool, a alegria foi finalizada pelo apito do tempo. “Tristeza não tem fim, felicidade, sim”, diz a indiscutível perfeição da voz de João Gilberto na brilhante interpretação da canção de Tom e Vinicius. Para lembrar os 80 anos do palhaço da bola.

Almandrade ou Antônio Luiz M. Andrade é artista plástico, arquiteto, poeta e professor de teoria da arte das oficinas de arte do Museu de Arte Moderna da Bahia e Palacete das Artes. Publicou os livros de poesia e/ou trabalhos visuais: O Sacrifício do Sentido, Obscuridades do Riso, Poemas, Suor Noturno,Arquitetura de Algodão, Escritos sobre Arte e Malabarismo das Pedras (poesia).Vive em Salvador.


De 08 a 15 de novembro

Esporte Abdala Júnior, especial para o Correio do Vale do Rio Grande

Competições da LPD vão chegando as fases finais Depois do término do Campeonato Regional com a vitória do Primavera de Passos, a Liga Passense de Desportos (LPD) ainda conta com mais duas competições em andamento na temporada 2013. A Copa Passos, que já na sua segunda fase e o Campeonato Regional Quarentão, começando as quartas de finais, movimentam os gramados de Passos e região aos finais de semana.

Copa Passos No último domingo, 3, a bola rolou para mais quatro jogos da segunda rodada da segunda fase da competição. Troféu Deputado Federal Renato Andrade Santa Cruz 00 X 00 Caram Juventus 09 X 00 Leal Gesso Vitória 01 X 01 Palestra Vila Nova 01 X 01 AABB Santa Cruz 00 X 00 Caram Juventus 09 X 00 Leal Gesso Vitória 01 X 01 Palestra Vila Nova 01 X 01 AABB O Virgilio Vasconcelos recebe vários jogos da Copa Passos e do Quarentão

Grupo 4 P CLUBE PG J V E D GP GC S 1º Santa Cruz 04 02 01 01 00 02 01 +01 2º Juventus 03 02 01 00 01 10 02 +08 3º Caram 02 02 00 00 02 00 00 00 00 4º Leal Gesso 01 02 00 01 01 00 09 -09

Grupo 5 P CLUBE J PG V E D GP GC S 1º Palestra 02 04 01 01 00 04 02 +02 2º Vitória 02 04 01 01 00 04 02 +02 3º Vila Nova 02 01 00 01 01 02 04 -02 4º AABB 02 01 00 01 01 02 04 -02 Faltando apenas uma rodada para o término da segunda fase, as duas primeiras colocadas de cada grupo se classificarão para as semifinais, que serão

disputadas em dois jogos. Domingo, 10 de outubro, se enfrentam AABB e Vitória às 08:30h, na sequência jogam Palestra e Vila Nova às 11h, ambos no Estádio

Starling Soares. Caram e Juventus medem forças no estádio Abraão Caram às 10h e Santa Cruz e Leal Gesso jogam às 9h no Virgílio Vasconcelos.

42ª Edição  

Correio do Vale do Rio Grande