Page 1

䔀搀椀漀 ㈀㜀 簀 䄀渀漀 ㄀㌀ 䴀愀椀漀 ⼀ 䨀甀渀栀漀 ㈀ ㄀㠀

最愀猀琀爀漀渀漀洀椀愀攀洀匀愀渀琀愀䌀愀琀愀爀椀渀愀

䌀伀一䠀䔀䌀䔀一䐀伀 愀 漀爀椀最攀洀 搀愀焀甀椀氀漀 焀甀攀 猀攀 䌀伀䴀䔀 䄀 爀漀琀愀 吀唀刀촀匀吀䤀䌀䄀 搀漀 伀攀猀琀攀 䌀愀琀愀爀椀渀攀渀猀攀 瀀愀猀猀愀 瀀攀氀漀 吀栀攀爀洀愀猀 倀椀爀愀琀甀戀愀 倀愀爀焀甀攀 䠀漀琀攀氀 伀猀 倀刀䤀一䌀䤀倀䄀䤀匀 䔀嘀䔀一吀伀匀 匀甀瀀攀爀洀攀爀挀愀搀椀猀琀愀猀 搀漀 䈀爀愀猀椀氀 䔀搀椀氀愀椀渀攀 䌀愀爀瘀愀氀栀漀 䌀栀攀昀

䄀搀爀椀愀渀愀 䰀愀甀û攀爀 倀攀搀椀愀琀爀愀

   䴀愀椀爀愀 䌀漀攀氀栀漀

一甀琀爀椀挀椀漀渀椀猀琀愀 䘀甀渀挀椀漀渀愀氀

䔀猀挀漀氀栀愀 猀攀甀 攀猀琀椀氀漀Ⰰ 瘀椀猀琀愀 猀攀甀 挀栀愀瀀甀㨀 挀漀渀栀攀愀 愀 䈀䤀䜀 䨀伀䠀一 䌀䔀刀嘀䔀䨀䄀刀䤀䄀


Índice

Editorial

04. Os principais eventos Supermercadistas do Brasil 06. A rota turística do Oeste Catarinense passa pelo Thermas Piratuba Parque Hotel 12. Conversa de Chef com a chef Edilaine Carvalho 13. Receita de Torta Kadaifi de abobrinha com queijo 14. O vinagre e os benefícios para o organismo 16. Catchup Tambaú é campeão no N/NE 18. Atenta aos desejos de consumo, Paviloche Sorvetes incorpora o açaí ao mix de produtos 20. Macrovita: o verdadeiro suco natural e integral 22. Congelar e descongelar carne de frango corretamente garante qualidade 24. Phytomare: lhe proporcionando dias melhores 26. Escolha seu estilo, vista seu chapéu: conheça a Big John Cervejaria 28. Receita de Queijo assado com mel e alecrcim 30. Casa Di Conti, 71 anos de história rumo a um grande futuro 32. Tradição e qualidade em tudo que faz 34. Max Wilhelm lança a primeira laranjinha em lata do Brasil 36. Uma dupla que consumida sem excesso só faz bem 38. Conhecendo a origem daquilo que se come 40. Um produto com a qualidade de uma família que sabe o que faz 42. Utensílios em cerâmica trazem praticidade e economia para o diaa-dia na cozinha 44. Alimentos funcionais e nutracêuticos, porque sua saúde merece mais! 46. Comprando e obtendo informação daquilo que se leva para casa 48. Receita de Fondue de camarão 50. Nutrição infantil 52. Qual alimento comer para ter a produção do bom colesterol? 54. Receita de Pimentas em conserva no azeite de oliva

Nessa 27ª edição da revista La Carte. Ela cuidadosamente apresentará dentro do contexto alimentar, marcas que influenciam diretamente no processo de crescimento do setor gastronômico no país. O objetivo desse trabalho é entender, e informar para as indústrias, a insatisfação ou satisfação, do consumidor perante a linha de produtos encontrados dentro dos supermercados e de qual forma, eles se decidem, pela compra de tais produtos. Se pelo preço ou a confiabilidade perante a qualidade da marca. Isso só foi possível ser levantado através de questionamentos e dados de pesquisas, feita pela revista La Carte diante dos supermercados, assim como sondagem realizada diretamente com o consumidor, produtores e indústrias, referente: aquilo

que se coloca no mercado a disposição do cliente. Mas, por outro lado, decidimos apontar com nosso olhar crítico o descaso de marcas que não tem nenhuma preocupação em apresentar informações sobre seu contexto ou aquilo que produz ou como produz, para que o consumidor tenha a oportunidade de saber o que consome podendo assim, optar pela escolha do produto que melhor lhe satisfaz. Por isso, o papel da revista Lacarte é apresentar e garantir com segurança para o consumidor através da publicação, marcas e produtos confiáveis para que eles saibam que existe um instrumento que se preocupa com a qualidade daquilo que eles consomem. Portanto, aquilo que está aqui apresentado é garantia de qualidade.

Promoção Cada curtida em nosso facebook no link abaixo, o participante concorrerá a um Jantar no valor de R$ 300,00 reais em qualquer restaurante da cidade que ele residir. Acesse www.facebook.com/Editora.Larte, curta e participe. (47) 99928-9193

56. Celebrando os bons momentos da vida 58. O cuidado com a alimentação no Inverno 60. Bebidas milagrosas 62. A Função das fibras solúveis e insolúveis 64. Consumindo alimentos na medida certa 66. Alimentos necessários para o corpo 68. Receita de Camarão com arroz de tomate 70. Cuidados no manuseio e consumo dos alimentos

LACARENNA Editora

Direção Executiva Sidney Conceção Direção de Marketing Sidney Conceição Direção Jornalistica: Mary Mendes Diagramação: Dalana Alexandra

Expediente

Comercial: Alexandre Arenna Mônica Santos Valdir Espenrandio Contato Comercial: 47 9928-9193 www.lacartesc.com.br comercial@lacartesc.com.br

3


Feiras

Os principais eventos Supermercadistas do Brasil Voltadas para oportunizar visibilidade, e estreitar um melhor relacionamento com o publico. O segmento das feiras supermercadistas vem se tornando alvo crucial, junto com outros instrumentos, como publicações gastronômicas que fazem com que as marcas brasileiras, tenham proximidade

com o público consumidor nesses eventos; possibilitando mostrar tudo que a indústria alimentícia produz de novidade. A intenção é incentivar o consumo, e melhorar o escoamento dos produtos dentro das redes de supermercados, que operam com as linhas desenvolvidas por essas marcas.

A Mercosuper doou 2,5 toneladas de produtos para o IPCC A Feira resultou na ampliação do debate sobre o vencimento de produtos e o desperdício de alimentos. A Mercosuper 2018, 37ª Feira e Convenção Paranaense de Supermercados, realizada

Programação oficial da Exposuper 2018 está definida A Associação Catarinense de Supermercados (Acats) divulgou a programação oficial da 31ª EXPOSUPER - Feira de Produtos, Serviços e Equipamentos e Convenção Catarinense de Supermercados, que já está disponível no site

Apas Show O tema central do maior evento mundial do setor supermercadista, que aconteceu entre 07 e 10 de maio no parque - Expo Center Norte em São Paulo foi. “Nós Amamos Supermercado”. Com cerca de 100% de todos os seus ingressos vendidos desde Dezembro do ano passado para 738 expositores, gerando até mesmo fila de espera, sendo que 200 desses expositores são internacionais, podendo afirmar que (27% do total) de 19 países, o que torna a APAS Show a maior feira do mundo do setor de supermercados. Indiscutivelmente no caso da Apas Show não

04

é novidade alguma entender porque quão grande é a necessidades desses expositores se adiantarem no firmamento desta parceira. Não é nenhum desafio por entender que é um negocio, onde eles podem apresentar para seus fornecedores toda a novidade voltada a sua linha de produção. Oportunidade que ninguém deseja perder diante do tamanho que é a feira Apas Show. Além de tudo disso, 100% dos ingressos para os congressos da feira foram vendidos, mais de 3500 pessoas acompanharão os congressos. Uma meta excelente.

entre os dias 10 e 12 de abril, no Expotrade Convention Center, terminou com 47 contratos assinados por expositores para a participação na feira do ano que vem. Neste ano, o evento gerou R$ 540 milhões em negócios, recebeu 45 mil visitas e doou 2,5 toneladas de produtos, entre alimentos e materiais de higiene e limpeza, para o IPCC – Instituto Pró-Cidadania de Curitiba.

oficial do evento. Está também aberto o período de inscrições de supermercadistas e varejistas em geral, que podem ser feitas exclusivamente também pelo site oficial. A organização aguarda um público qualificado de mais de 35 mil visitantes para o evento, que acontece no Complexo Expoville, de 19 a 21 de junho, em Joinville. Serão mais de 250 expositores em uma área de 11 mil metros quadrados de feira. A programação de congresso tem mais de 40 atividades entre palestras, seminários, clínicas e workshops.


Turismo Gastronômico

A rota turística do Oeste Catarinense passa pelo Thermas Piratuba Parque Hotel

Bem-estar, sabores e sensações do Thermas Piratuba Park Hotel. Na cidade das águas termais, o turista encontra programações diferenciadas e diversão, ainda aproveita a gastronomia diferenciada do Restaurante Espaço Jardim Gourmet. A pequena e acolhedora cidade do Meio Oeste catarinense é rodeada de verde por todos os lados, com paisagens encantadoras, foi colonizada por imigrantes alemães e italianos. Piratuba é um dos destinos mais procurados no estado de Santa Catarina, já que possui um Complexo Termal amplo e uma ótima estrutura para os turistas que todos os anos visitam a cidade. E para aproveitar esse destino o Thermas de Piratuba Park Hotel possui acomodações confortáveis, serviços de qualidade e um universo de sensações. O Thermas Piratuba Park Hotel foi arquitetado em estilo germânico para difundir, retratar e resgatar a cultura e colonização do município. É a opção ideal para quem busca tranquilidade e integração com a natureza. Está localizado

06

a 300 metros do famoso “Complexo Termas de Piratuba”. Sua estrutura dispõe de duas piscinas internas com água aquecida e uma piscina externa com água em temperatura ambiente são 56 apartamentos, todos amplos e confortáveis, com banheiras e sacadas com vista para a natureza. O empreendimento oferece recreação profissional para adultos e crianças a partir dos 5 anos de idade. No Espaço Wellness, dispõe de saunas a vapor e seca, além de massagens e banhos de ofurô. Possui ainda o Restaurante Espaço Jardim Gourmet - que é aberto ao público, coffee shop na área das piscinas com serviço de bebidas, lanches e porções, sala de TV e chimarrão, espaço para realização de eventos, sala de recreação infantil, wifi gratuito, serviços de lavanderia e estacionamento.


Mídia na TV Nosso comercial não sai da cabeça dos consumidores. Aproveite!

Rádio Patrocínio nos programas líderes de audiência. Sintonize em Orquídea.

PDV Aquele empurrãozinho extra na hora da decisão. Pode contar conosco!

Redes Sociais Uma relacionamento que começa on line e termina na frente da gôndola.

UMA CAMPANHA 360º PARA VOCÊ FICAR CERCADO DE BONS RESULTADOS.

Mídia Externa Vamos cobrir a cidade de verde. Faça o mesmo com o seu PDV!

Para mais informações entre em contato com a equipe comercial da Orquídea pelo número

(54) 3026.7500

.orquidea.com.br

/BiscoitosOrquidea /OrquideaAlimentos

Orquídea Alimentos PraticaMente – Massas Orquídea

@amoprodutosorquidea


Turismo Gastronômico

Maitre Deildo Gomes Sabores e sensações

Com sabores diversificados e pratos bem elaborados o Hotel atrai turistas de diversos lugares através do Restaurante Espaço Jardim Gourmet, que valoriza os sabores regionais e a cozinha internacional, proporcionando sensações únicas ao paladar. As diárias incluem café da manhã, almoço e jantar. Privilegiamse todos que buscam por momentos de satisfação aliando necessidades nutricionais aos prazeres dos sentidos: sabores, cores, texturas e aromas. O Restaurante Espaço Jardim Gourmet oferece uma estrutura aconchegante localizada no Thermas Piratuba Park Hotel e conta com um ambiente amplo, que proporciona experiências que garantem a

qualidade e a autenticidade do sabor e do aroma de pratos assinadas pela Chef Edilaine Carvalho. O Restaurante possui uma extensa agenda de festivais gastronômicos que se firmou como referência na região do Oeste catarinense dedicado a reunir o que há de melhor da culinária mundial e por contar com uma excelente carta de vinhos que podem ser harmonizados aos pratos servidos, proporcionando a melhor experiência. São oferecidos programações com festivais: mexicano, italiano, caribenho, além de fondue, sopas e tortas, risotos e grelhados entre outros. Confira a programação no site www.thermaspiratubahotel.com.br.

Espaço Sommelier Para harmonizar com os sabores e aromas, a carta de vinhos foi elaborada com 25 rótulos nacionais e internacionais. Há opções de tintos, brancos e rosés cuidadosamente selecionados para harmonizar com a diferenciada culinária do Espaço Jardim Gourmet, comandado pela Chef Edilaine Carvalho e o Maitre Deildo Gomes. Com foco na qualidade e na inovação, o Espaço Jardim Gourmet sempre surpreende com novos sabores e novas combinações. “Unimos os sabores regionais aliados à gastronomia contemporânea, mesclando ingredientes locais aos internacionais, tornando possível um cardápio singular com técnicas próprias de execução e finalização de pratos e agradando os paladares mais exigentes”, destaca Edilaine Carvalho. O Maitre Deildo Gomes destaca que o Hotel tem como característica, incentivar a degustação das castas de vinhos, com campanhas bastante atrativas na visão dos hospedes, que a cada solicitação de degustação de vinho à suas mesas, ele acaba marcando a rolha com nome do hóspede e a data do consumo do vinho ou espumante. Justifica que: "Ter a presença de cada um é especial e, portanto, queremos deixar isso registrado. Além de apreciar cada momento em nossas instalações, desfruta de

08

Chef Edilaine Carvalho

uma boa gastronomia e uma carta de vinhos selecionada. Ao fim de cada promoção, uma rolha é sorteada e um hóspede é contemplado para retornar ao Hotel como cortesia". O Thermas Piratuba Park Hotel se tornou referência na região, com o forte investimento, feito no setor gastronômico e, pela escolha dos turistas que visitam a região. “Esse objetivo vem sendo alcançado, devido à satisfação em atender bem, todos os nossos visitantes e por conseguirmos, consolidar o Hotel como a melhor opção em gastronomia para os visitantes”, destaca Wilson Luiz de Macedo, administrador do Thermas Piratuba Park Hotel.


Turismo Gastronômico

Bem estar e relaxamento Os cuidados com o corpo e a mente tem lugar certo no Thermas Piratuba Park Hotel. Nada melhor do que uma boa massagem relaxante, uma ótima desculpa para passar pelo menos uma horinha desconectada do mundo. O Thermas Piratuba Park Hotel oferece aos hóspedes um espaço especial para relaxamento, cuidados com o corpo e a mente. É o Espaço Wellness que conta diversos serviços de beleza, tratamentos, massagens e banhos aromáticos. Entre os procedimentos mais procurados estão a aromaterapia, onde são também utilizadas às ervas in natura em formas de infusão junto aos banhos e ao escalda pés para promover o bem estar, o equilíbrio e a harmonia. Outro pacote de grande procura é o Wellness - Sentidos, que mescla banhos aromáticos de imersão com ervas é óleos essenciais selecionados para relaxar, desintoxicar, harmonizar, revigorar e energizar; com as técnicas de massagens para curtir sozinho ou a dois. O Espaço Wellness também dispõe de serviços de beleza, como tratamentos faciais de limpeza de pele, limpeza profunda e hidratação; máscara de argila, massagem facial e drenagem linfática facial.

Diversão garantida para crianças e adultos Para aproveitar ao máximo qualquer estação, o Thermas Piratuba Park Hotel programa sempre atividades que unem lazer, diversão e gastronomia. Para garantir a diversão dos hóspedes as recreações elaboradas pela equipe de recreação do Hotel, oferece atividades a partir de 5 anos e também aos adultos, são brincadeiras desenvolvidas no gramado, oficinas, atividades aquáticas e ainda caminhada matinal, hidroginástica e hidrodança, além de jantares temáticos, gincanas, campeonatos e desafios.

Conheça este universo de bem-estar, sabores e sensações.

Thermas Piratuba Park Hotel Rua Florianópolis, 88 Centro, Piratuba (SC) www.thermaspiratubahotel.com.br www.facebook.com/ThermasPiratubaHotel (49) 3553-0000 / (49) 3553-0001 reservas@thermaspiratubahotel.com.br

10


Conversa de chef

Chef Edilaine Carvalho Uma Competência gastronômica estabelecida por dom. De origem famíliar mato-grossense e moradora de uma pequena cidade chamada Ouro Branco do Sul, com cerca de 5 mil habitantes, a chef Edilaine Carvalho, criada até os 16 anos nesta região tão abençoada e considerada o berço experimental da gastronomia por grandes chefs da culinária mundial em um breve bate papo com a revista Lacarte, nos contou um pouco da sua história de vida. Quem a vê logo de cara, percebe um semblante tranquilo de alguém muito Edilaine Carvalho talentoso e paciente, que demonstra entender Chef muito daquilo que faz. Morou um determinando tempo em Curitiba, porém, hoje reside no estado de Santa Catarina, precisamente na cidade de Piratuba, no Oeste Catarinense. Apresenta-se como a Chef de cozinha do Thermas Piratuba Parque Hotel, um empreendimento hoteleiro muito bem visto na região. Ela nos revela que sua pretensão inicial; não era essa, “ser uma chef de cozinha”, que nunca se viu em um espaço como esse, mas, como a vida é cheia de surpresas, quando resolveu abrir os olhos, lá estava ela dentro de uma cozinha se dedicando nada mais que a um segmento que hoje em dia virou moda. Porém, sem saber o que o futuro lhe reservava, ela indaga que quase todos que ingressaram nessa profissão, têm uma história linda e quase todas parecidas que fala sobre avôs ou mães que cozinhavam e se apaixonaram pelo que eles, ou elas, faziam. Com ela foi um pouco diferente, embora suas avós maternas cozinhassem super bem, assim como a sua mãe, uma quituteira de mão cheia, não foram suas inspirações. Ela nos conta, que desde pequena sempre se virou sozinha em casa, onde tinha que aprender a fazer de tudo um pouco, principalmente dentro desse segmento. Casou-se cedo, tornou-se mãe cedo do pequeno Vicente, que fará 13 anos este ano. Conta-nos que nunca gostou de morar na capital que sempre preferiu ficar no interior. Quando seu filho nasceu em 2005 enfatiza que, ali lhe foi apresentada inicialmente essa vertente de trabalho, porém, há principio a sua vinda para Curitiba foi mais para estudar artes do que gastronomia, mas no meio do caminho tropeçou na cozinha, de onde não saiu mais; “comenta” que foi um processo bem natural, o envolvimento com esse universo, pois, a família do pai do seu filho, já trabalhava com isso. Prestavam serviços para eventos, como festa de faculdade, onde

12

serviam churrasco no pão, eram festas para mais de mil pessoas e com o passar do tempo desenvolvendo essas atividades, foi que percebeu a possibilidade de encarar o segmento e o que precisava fazer de verdade. Contudo sua decisão foi acertada, já que seu filho só tinha apenas 9 meses e era ainda uma menina de interior que não queria depender dos outros. Deixou a vida ir moldando os seus sonhos, passou a cursar no Espaço Gourmet, Escola de Gastronomia em Curitiba, onde foi obtendo uma base já conciliando isso com o trabalho que desempenhava na cozinha do Dovalle Eventos, vindo a ajudar bastante na sua vida de aprendizagem, deixando de servir churrasco no pão, passando a montar pratos e outros tipos de cardápios. Com o passar do tempo, foi amadurecendo muito mais suas novas ideias e experiências, aprendendo a verdadeira arte da gastronomia e suas responsabilidades, as quais envolve administrar pessoas e espaços. Cursou graduação na área e teve a ideia de elaborar um curso de gastronomia, onde, os participantes gostassem de por a mão na massa literalmente, sendo um dos seus primeiros eventos voltados a curso de gestão gastronômica na carreira. A sua vinda para a cidade de Piratuba, se deu devido a um simples mural de faculdade, que geralmente expõe ali, algumas oportunidades voltadas ao segmento e uma dessas, era exatamente a oportunidade que ela precisava, cedida pelo Thermas Piratuba Park Hotel. Por causa dessa oportunidade, lidera hoje uma equipe de 7 pessoas, as quais admiram-na, não só pela pessoa de caráter que é, mas, porque se precisar lavar o chão, pratos ou qualquer outro tipo de serviço que muitos se recusem a fazer, ela está ali pronta para solucionar o problema. Afinal de contas, a verdadeira função de um chef é servir e ser solucionador de problemas e não causador.


Caderno de receitas

Torta Kadaifi de abobrinha com queijo

Ingredientes: 400g macarrão cabelo de anjo 70g de manteiga derretida 2 colheres de sopa de azeite 3 abobrinhas cortadas em cubos 1/2 ricota temperada (com pimenta síria, cebola, tomate, salsinha, ovo e sal a gosto) 4 colheres de sopa de parmesão ralado Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Pré-aqueça o forno a 180º. Quebre o macarrão com a mão até que fique em pedaços pequenos, para ajudar a trabalhar com a massa. Coloque a massa numa tigela e misture bem com metade da manteiga derretida. Divida a mistura em duas partes. Coloque metade da massa numa assadeira (24 cm de diâmetro) no fundo e nas laterais. Recheio: Aqueça o óleo em uma frigideira, adicione as abobrinhas, cebola, e cozinhe em fogo baixo, por 5 minutos, mexendo sempre. Adicione sal e pimenta a gosto. Despeje o recheio sobre a massa (abobrinha e ricota). Pulverize sobre o recheio o queijo parmesão e coloque a outra metade da manteiga por cima, pressionando bem, para que fique firme. Coloque a assadeira no forno e asse por 30-35 min até que fique dourada e crocante.

13


Bem Estar

14


Tradição

PRESS RELEASE

Catchup Tambaú é campeão no N/NE

Pesquisas já confirmaram para todo o Brasil o que nós, nordestinos, sabemos há um bom tempo. O catchup Tambaú é o preferido pelos consumidores do Norte/Nordeste na hora de levar o produto para casa. Um desses estudos, realizado pela Kantar World Panel e encomendado pela Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), destaca nosso catchup em primeiro lugar da categoria Presença nos Lares, nessas duas regiões. Além disso, também estamos entre os cinco preferidos em todo o país, pelo ranking do guia anual “Meu Fornecedor”. O catchup é mesmo um dos carro-chefes da Tambaú. No comércio, o produto pode ser encontrado em três versões: Tradicional, Picante e o 100% nordestino. Os dois primeiros possuem a mesma formulação, com a diferença que o segundo contém pimenta vermelha (malagueta) em sua composição. Já o Nordestino se diferencia do tradicional apenas por ter um sabor mais adocicado, atendendo ao paladar do público da região. Toda essa preferência também pode ser confirmada através dos comparativos de venda do produto. Nos últimos anos, de acordo com Igor Gonçalves, Gestor Comercial da empresa, o volume de vendas do catchup vem apresentando crescimento constante, com cerca de 10% de incremento. Isso representa também uma demanda maior de distribuição. “A Tambaú apresenta um produto regional forte há muito tempo, capaz de competir com produtos nacionais. Nossa estratégia é ficar sempre atento às necessidades do mercado para estar à frente, se antecipar, e assim, se manter nesse ranking”, explica a representante. Para ela, quando as diversas áreas da empresa funcionam de forma integrada, apresentando uma logística eficiente e boa produção, é possível oferecer um produto final de qualidade. “Foi dessa forma que a Tambaú conquistou um alto nível de respeito no mercado”, conclui Anúzia Torres, representante de vendas que mais vende catchup Tambaú. Para Alzira Monteiro, Coordenadora de Marketing da Tambaú, o reconhecimento dos consumidores, que já ultrapassa a categoria mais tradicional dos doces e chega até os molhos e atomatados, faz parte do recall que a marca construiu através da sua tradição e da sua garantia de qualidade em tudo que faz. É com base nessa força que a Tambaú também aposta no lançamento de novas linhas de produtos, como é o caso das azeitonas e dos temperos em caldo e em pó. 16


Sabores

Atenta aos desejos de consumo, Paviloche Sorvetes incorpora o açaí ao mix de produtos Puro, com banana, leite em pó, granola, creme de avelã. São inúmeras as formas de consumir o tão apreciado açaí, que já conquistou um grande número de admiradores e ajuda a movimentar a economia no Brasil. Além do sabor marcante, esse fruto tipicamente brasileiro é refrescante, energético e possui inúmeros benefícios para a saúde. Atenta ao mercado e aos desejos de consumo do público, a Paviloche Sorvetes, de Joinville (SC), incorporou o açaí ao seu mix de produtos. Em outubro de 2017, através do co-branding com a Frooty, líder com 64% do mercado nacional em venda de açaí, a fruta virou picolé. O sucesso foi tanto que as empresas decidiram investir ainda mais na parceria. Agora, os consumidores de Santa Catarina e do Paraná vão encontrar nos freezers da marca o tão apreciado açaí. A produção será feita pela Frooty e a distribuição é de responsabilidade da Deligel. A

novidade está disponível em duas versões: pote de 2 litros e potinho com 200 gramas de açaí mais 20 gramas de granola. “O açaí agrada paladares de todos os cantos do Brasil e o consumo cresceu muito nos últimos anos. Por ser refrescante e energético, combina muito com a nossa proposta de oferecer delícias geladas aos clientes”, explica o diretor da Paviloche, Douglas Pavinato. Atualmente, a Paviloche possui cerca de três mil pontos de venda em Santa Catarina e no Paraná. A expectativa é que com o açaí as vendas cresçam 12%. “Nosso trabalho diário é pautado em oferecer momentos felizes aos nossos clientes através de delícias geladas. Constantemente estudamos novos sabores, tendências de mercado, tudo para satisfazer os Pavilovers, que é como chamamos o nosso público”, destaca Pavinato.

A Paviloche A história da Paviloche começou no Rio Grande do Sul, movida pelo sonho do casal Jair e Ivete Pavinato de abrir uma pequena sorveteria. Esse sonho ganhou forma e proporções maiores quando a família se mudou para Joinville (SC) e deu continuidade ao negócio, primeiramente de forma artesanal. Mais tarde, teve início a produção industrial. Hoje, com 27 anos, o carinho no desenvolvimento dos produtos continua igual, embora a distribuição tenha se tornado maior.

18


Saudável

MACROVITA: o verdadeiro suco natural e integral Conheça um pouco da Macrovita. Sua semente foi plantada em 1987 por Cornélio Wiggers e Norma Hawerroth Wiggers, em Braço do Norte, Santa Catarina, em uma chácara de 25 hectares. No ano 2000 essa semente germinou com a abertura da fábrica de suco da Marca. Desde então a empresa é reconhecida na região Sul por produzir e ofertar o melhor suco de laranja integral - presente, com distribuição própria, em mais de 50 cidades do o litoral de Santa Catarina e Região metropolitana de Curitiba no Paraná. Com um suco 100% natural, obtido exclusivamente da fruta in natura, utilizando equipamentos adequados para espremer, pasteurizar e engarrafar. Atualmente em fase de lançamento do suco misto Integral de Caldo de Cana com Laranja, a Macrovita não esconde que o segredo do seu sucesso é a combinação das melhores frutas com os melhores processos, práticas éticas, transparência e sustentabilidade. Comprometida com o respeito ao meio ambiente, a qualidade e o frescor do suco que chega na casa dos consumidores, a empresa ao amadurecer, internaliza sua missão e seus valores na rotina diária de uma cultura de trabalho, e mão de obra própria. Veja um pouco mais do processo em etapas: PLANTIO, MANEJO e TRANSPORTE DA LARANJA. Esta etapa é fundamental. É nela que se faz a primeira seleção dos frutos e se criam bases para um suco saboroso e saudável. As diferentes variedades de laranja são combinadas de maneira adequada à produção nos padrões de qualidade Macrovita, respeitando o desenvolvimento dos frutos com plantio e colheita nas estações corretas. Para toda essa precisão é necessário conhecimento ao trabalhar

abaixo de condições climáticas variáveis, que impactam diretamente no sabor e quantidade de suco das frutas. A partir daí, o transporte dos frutos é feito todos os dias em caminhões graneleiros, carregados diretamente nos pomares. PRODUÇÃO Esta é a etapa mais importante na obtenção do suco natural de laranja. Nela, a Macrovita trabalha em um modelo just-in-time; sempre no nivél máximo de frescor. Em ciclos diários, todas as etapas primam pela seleção e controle. •Com os frutos sendo selecionados manualmente e visualmente por tamanho, textura, rigidez e coloração. •Na lavação, as laranjas são escovadas e limpas apenas com água. •Espremedores desenvolvidos internamente, exclusivamente para a produção de suco de laranja, retiram apenas o suco dos frutos. •É feita a pasteurização suave, própria para suco de laranja, que mantém suas características nutricionais, qualidade e sabor, em um suco de laranja verdadeiramente natural e integral. •O suco é engarrafado e datado com lote e validade. •As garrafas são verificadas, acondicionadas em caixas retornáveis, e expedidas imediatamente para a distribuição. DISTRIBUIÇÃO É projetada para ser ágil e feita em veículos refrigerados (entre 1 e 7ºC), próprios para a distribuição de suco em pequenos e grandes pontos de venda. Assim se fecha o ciclo diário da Macrovita. Para conhecer mais sobre a empresa, o suco, os processos, e as práticas de sustentabilidade da empresa, acesse e entre em contato pelo site: www.macrovita.com.br

Mito ou Verdade? Algumas experiências foram realizadas por técnicos da EMBRAPA para quebrar vários mitos a respeito do suco de laranja, principalemente em relação à perda instantanea da vitamina C. “Mito ou verdade.” A vitamina C desaparece depois de uma hora que o suco é espremido do fruto? Foi feito um experimento com 100 gramas de suco de laranja; que depois de preparado, a bebida contava com 33 miligramas de vitamina C em temperatura ambiente, duas horas depois, fizeram uma nova medição: a quantidade caiu para 28 miligramas. Quatro horas depois, para 25 miligramas – uma perda de 24% da vitamina C original. Ou seja, quatro horas depois de espremido, o suco ainda restava com 76% da sua vitamina! Por isso, alguns mitos que vemos por ai, devem ser dismistificados. Portando, é Mito. Antes de comprar um produto qualquer, a priopridade é conferir a idoneidade da marca e a sua credibilidade de mercado.

20


Preparo

Congelar e descongelar carne de frango corretamente garante qualidade Comprar alimentos congelados se tornou comum para quem reside sozinho ou não tem tempo para fazer compras sempre. No caso das carnes, é preciso seguir algumas regras para não haver perda de nutrientes. Confira as dicas para garantir a maciez e qualidade nutricional da carne de frango congelada: Quanto menor a temperatura do congelamento, melhor será a retenção dos nutrientes. O congelamento, as baixas temperaturas evitam a formação de grandes cristais de gelo no interior das fibras do alimento, mantendo a integridade da carne. No congelador, a temperatura ideal para o congelamento é -10ºC, mantém a carne conservada por até seis meses. Já no freezer é -12ºC, respeitando a data de validade da carne, ou conforme indicação na embalagem.

IQF Esse tipo de tecnologia é a ideal para congelar individualmente cortes de carne, frutas e demais alimentos. Uma embalagem que contenha pedaços de frango sairá do congelador com cada parte separada e não em um bloco gigantesco único de carne, você pode pegar exatamente a quantidade que for usar. Obviamente, isso faz com que os alimentos congelados em IQF sejam muito mais fáceis de manusear – o que ajuda (e muito) no preparo das refeições, com mais praticidade e economia. Ao escolher um frango congelado no mercado, independentemente do corte, o consumidor deve dar preferência à carne dura e lisa. “A coloração deve ter aparência saudável e a cor da gordura também deve ser observada”. Se ela estiver muito amarelada, é sinal que a carne já sofreu oxidação.

22

O descongelamento deve ser gradativo, ou seja, deve ser feito o mais lentamente possível, de maneira natural e sempre no interior da geladeira, a uma temperatura entre 2°C e 10°C. A carne deve ser mantida na mesma embalagem em que foi congelada, tomando bastante cuidado com o líquido que escorre durante o descongelamento, pois pode contaminar os outros alimentos. Após o descongelamento, a carne deve, preferencialmente, ser preparada e consumida imediatamente, pois estará sujeita à deterioração. Ela nunca deve ser congelada novamente. A carne só poderá voltar ao freezer como prato pronto - nunca crua. Uma alternativa ao descongelamento total do pacote, já presente no mercado Brasileiro, são os produtos IQF (individually quick frozen), congelamento individual rápido, em tradução livre.


Nutrição

Phytomare: lhe proporcionando dias melhores Quando falamos em nutrição, logo associamos ao papel fisiológico e metabólico que os nutrientes dos alimentos exercem sobre o nosso organismo no processo de crescimento, desenvolvimento, manutenção e outras funções normais para o adequado desempenho das células, tecidos e órgãos. Por isto, é muito importante termos uma dieta balanceada e variada constituída de proteínas, vitaminas, minerais, carboidratos e lipídeos. Contudo, quando a ingestão dos alimentos não for realizada em quantidades suficientes, o organismo humano responde com deficiências nutricionais, prejudicando o bemestar e, desta forma, levando a doenças e ou disfunções. Com esta finalidade, os suplementos alimentares foram surgindo a fim de, completar a dieta diária através da reposição de nutrientes que não são consumidos nas quantidades necessárias ou que podem estar faltando no organismo. Dentre os nutrientes, mais relevantes da atualidade, mencionamos o mineral cálcio, obtido das conchas de ostras, com aproximadamente 98% de carbonato de cálcio. A carência deste mineral no organismo conduz a severas patologias crônico-degenerativas, dentre as quais, a osteoporose que diminui a densidade mineral óssea (DMO), sendo este o principal constituinte que define a resistência óssea. Assim, com a redução da DMO o risco de fraturas é potencializado,

24

principalmente a nível de vértebras, punho e fêmur, causando dores intensas como também perda de altura, o que impossibilita uma vida normal. A osteoporose atinge todas as classes sociais, sexos, fatores genéticos e idade, sendo esta última, fator predominante sobre os efeitos da DMO. Entretanto, segundo estudos, as mulheres são as mais atingidas durante o período da menopausa, pois nesta fase há uma redução nos níveis de estrógeno no organismo. Existem também outros fatores que contribuem para a perda da massa óssea como uso de medicamentos, vida sedentária, pouca exposição ao sol, alimentação pobre em cálcio, dentre outros. O cálcio é fundamental para o fortalecimento e manutenção da massa óssea, condição esta de suma importância para a prevenção da osteoporose; na sustentação e mobilização, por ser constituinte do tecido ósseo; na participação de muitos processos fisiológicos tais como: transmissão nervosa, contração muscular, coagulação sanguínea, permeabilidade das membranas, reações imunes e secreção de algumas enzimas. Deste modo, profissionais recomendam a suplementação deste mineral, pois atua como um grande promotor da saúde e o Ministério da Saúde recomenda a ingestão diária de 1000 mg de cálcio por dia para um adulto, aliado a uma dieta balanceada e hábitos de vida saudáveis.


Artesanal

Escolha seu estilo, vista seu chapéu: conheça a Big John Cervejaria A história da Big John Cervejaria começa com vários sonhos e objetivos. Mas mesmo com tantas “opções” não fizeram com que o sentimento maior mudasse: produzir e entregar cerveja de qualidade, carregada de bons conceitos. Afinal, fazer cerveja não é apenas produzir uma bebida, não para quem tem amor pelo que faz. Produzir uma boa cerveja é trabalhar com carinho e dedicação, para que o produto final possa ser degustado, agradando a todos os tipos de paladares, criando um sentimento de boa relação com cada pessoa que quer degustar uma boa cerveja artesanal. Mas afinal, quem é Big John? John era um bom vivant, colecionador de chapéus que sempre produziu suas próprias cervejas de forma totalmente artesanal. Seu estilo elegante e clássico, porém livre ousado e moderno, representa nossa essência, representa a alma de nossas cervejas. Em cada brassagem, John vestia um de seus lindos e estimados chapéus como fonte de inspiração. Essa paixão de John pelos chapéus e pelas cervejas artesanais nos inspirou, nos desafiou. John, um verdadeiro gentleman, cheio de classe e um cervejeiro de mão cheia que merece nosso respeito e admiração.

A Cervejaria Localizada no município de Descanso - SC, a Big John Cervejaria conta com um espaço de aproximadamente 1000 m² e com a capacidade para fabricar 50 mil litros de cerveja por mês. Com equipamentos modernos, equipe altamente qualificada e olhos fixos nas principais tendências mundiais, a cervejaria tem como missão oferecer produtos, acima de tudo, com excelente qualidade.

26

E nesta busca por oferecer o melhor produto, a Big John foi recentemente premiada no concurso considerado o mais importante da América Latina: o Concurso do Festival Brasileiro da Cerveja, em sua décima edição. Na oportunidade, a Cervejaria recebeu medalha de prata no estilo Weizenbock, através da receita da Boater Hat Weizenbock. Premiação que serviu não apenas como conquista, mas sim como prova do comprometimento de uma empresa feita por, e para quem tem liberdade na essência: fugir à regra sem perder a classe – pois o melhor, é beber com qualidade. Atualmente, a casa oferece seis estilos, sendo eles: American Lager, Weissbier, Vienna Lager, American IPA, Belgian Dubbel e Weizenbock. Eis a Big John, uma cervejaria, feita por pessoas que amam o que fazem, com um objetivo em comum: construir vínculos de confiança e satisfação através da produção da nossa cerveja, desde os primeiros passos do processo até o momento em que ela chega ao copo dos nossos apreciadores.


A gente tem um produto para cada estilo de sede american lager bowler hat

belgian IPA baseball cap

cor: 6 EBC amargor: 8 IBU temperadura ideal para consumo 2oC a 5oC

cor: 14 EBC amargor: 50 IBU temperadura ideal para consumo 7oC a 11oC

weissbier top hat

belgian dubbel bearskin hat

vienna lager tyrolean hat

weizenbock boater hat

cor: 8 EBC amargor: 10 IBU temperadura ideal para consumo 5oC a 7oC

cor: 26 EBC amargor: 20 IBU temperadura ideal para consumo 5oC a 7oC

cor: 36 EBC amargor: 18 IBU temperadura ideal para consumo 7oC a 11oC

cor: 42 EBC amargor: 22 IBU temperadura ideal para consumo 9oC a 11oC


Caderno de receitas

QUEIJO ASSADO COM MEL E ALECRIM

Ingredientes: 1 queijo brie – 200 g Ramos de alecrim 1 colher (sobremesa) de mel Sal

28

Modo de fazer: Aqueça o forno a 200C. Tire o queijo da lata ou desembrulhe, coloque-o em um pratinho que possa ir ao forno. Com uma faca faça cortes em forma de X no queijo e enfie raminhos de alecrim. Regue com o mel, polvilhe sal e leve para assar por 15 minutos no forno a 200C. O tempo para assar varia em cada forno, mas é importante cuidar para não passar do limite, pois a casca pode se romper e espalhar o queijo.


Malte

Casa Di Conti, 71 anos de história rumo a um grande futuro Considerada uma das fábricas mais modernas da América Latina, a Casa Di Conti possui estrutura e tecnologia com padrões internacionais. A companhia comemora em 2018 os seus 71 anos de existência com a certeza de que trilha no caminho certo. “Sua missão é trabalhar com honestidade para oferecer o melhor produto dentro daquilo que o consumidor procura”. Um pouco de história A Casa Di Conti possui um grande parque industrial em uma área de 135 mil m² na cidade de Cândido Mota, município distante há cerca de 400 km da capital paulista. Aliás, a empresa da família Conte fundada em 1947, que conta com aproximadamente 1.200 colaboradores, precisou percorrer uma longa estrada para ter as proporções atuais. Naquela época, os produtos eram produzidos pela própria família nos fundos de sua mercearia. No entanto, o divisor de águas foi à criação e produção dos vermutes da linha Contini. A partir daí a empresa ganhou projeção nacional. O produto é líder de vendas no mercado nacional há mais de 25 anos, com 33% de participação (AC Nielsen). A marca explodiu no começo da década de 90, época que o mercado estava em alta. A partir daí, uma história de sucesso continuou a ser escrita. A Casa Di Conti se fortaleceu, aumentou sua produção, elevou o número de produtos e nem sequer pensa em parar por aí. Estudos de mercado, ampliação da capacidade de envase e lançamentos de novas bebidas estão entre algumas ações que têm o objetivo de manter a companhia em franca evolução. A área de atuação da Casa Di Conti abrange as principais regiões do País, como Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além dos Estados do Tocantins, Bahia e Rondônia. Portfólio diversificado na linha de destilados A gama de bebidas na linha de bebidas quentes impressiona. No total, são 42 produtos, entre destilados, conhaques, licores e aperitivos. As diferentes embalagens visam atender todos os nichos de um mercado cada vez mais exigente. A linha Contini, por exemplo, conta com as versões Bianco, Rosso e Rosé. Entrada no mercado de Cervejas Sempre em busca de novos desafios, a Casa Di Conti deu início a um novo projeto em 2001, quando nasceu à cervejaria Conti por meio da produção da Conti Bier. Houve um profundo estudo para que a empresa fosse para o mercado cervejeiro e para isso a empresa montou um dos mais modernos parques industriais cervejeiros do Brasil. O espaço possui equipamentos de última geração e alta tecnologia, fabricados pela Steinecker/Krones, maior e mais tradicional indústria de equipamentos cervejeiros do mundo. Na fabricação de seus produtos são utilizadas matérias-primas – cevada e lúpulo – importadas e água atestada como uma das melhores do país. Mas ter os melhores materiais não é suficiente. Desta forma, a empresa conta também com mestres cervejeiros altamente capacitados e funcionários que recebem treinamentos e atualizações constantes. Depois de lançar a primeira marca, a companhia investiu em novos rótulos para atender à demanda do consumidor e possui cervejas

30

importantes como a 1500 Puro Malte, Burguesa, Zero Grau e Samba, além do chopp e da cerveja Malzbier. A capacidade anual de produção gira em torno de 180 milhões de litros de cerveja. Neste concorrido mercado, a empresa aparece na quinta colocação geral do ranking das maiores do Brasil com cerca de 1% de share em vendas. Em algumas localidades do País, chega a ocupar a liderança do segmento.

Bebidas não alcoólicas Ficar estagnada não é mesmo a vocação da Casa Di Conti. Tanto que em 2011 a companhia decidiu entrar no segmento de bebidas não alcoólicas. Na primeira etapa, a empresa lançou uma linha completa de refrigerantes. O destaque ficou para a Conti Cola, mas com os demais sabores também, linha diversificada de sabores e embalagens para todos os tipos e pontos de venda. A linha de produção e envase de pet, também da Krones, tem uma capacidade de 14.400 garrafas/hora para 600 ml, 12 mil garrafas/hora para dois litros e oito mil garrafas/hora para embalagens de três litros. Com o intuito de seguir as tendências do mercado, a fabricante lançou no início de 2014 o energético Big Power. Qualidade e honestidade, as chaves para o sucesso. De olho no futuro, a Casa Di Conti tem pretensões ainda maiores. O objetivo principal é estar em 100% do território nacional com todas as suas linhas de produtos. “Para que o consumidor conheça e comprove ainda mais a qualidade e o carinho na produção dos produtos. Meta que a Casa Di Conti tem como marca registrada em seus 70 anos de história.” www.casadiconti.com.br


Especiarias

Tradição e qualidade em tudo que faz Há mais de 20 anos a Konsumo cria receitas, sabores e temperos que ganham o Brasil através de molhos feitos sob medida para o paladar brasileiro. E a linha de produtos só cresce, junto com o orgulho de ser uma das marcas mais vendidas do país. Tradição é isso: usar

a experiência para unir sabor e qualidade com lucratividade. Quem experimenta aprova, quem vende também. Vamos juntos deixar a vida mais gostosa?

O Termo “barbecue” é inglês, significa “churrasco”, sua origem vem dos nativos, na época do descobrimento, indicava a maneira de como a carne era assada em brasas por eles, através de um buraco feito no chão. Ela é também muito conhecida para se referir a um molho de textura densa e cor escura que conhecemos como “molho barbecue”.

Ele é, na verdade, uma mistura de molhos que ganha componentes e toques específicos de acordo com a região. No mundo inteiro, o molho barbecue é usado para acompanhar churrascos e outros pratos à base de carne assada. No entanto, é comum que seja utilizado para acompanhar outros alimentos como batata frita e pizza.

Aprenda a preparar molhos barbecue simples e caseiro Ingredientes: 2 colheres (sopa) azeite de oliva 1 cebola ralada 2 colheres (sopa) açúcar mascavo 2 colheres (sopa) mostarda 2 colheres (sopa) molho inglês 1 colher (sopa) vinagre 1 xícara (chá) molho de tomate sal e molho de pimenta a gosto Modo de preparo: Em uma panela, aqueça o azeite, refogue a cebola e acrescente o restante dos ingredientes. Deixe ferver até encorpar e depois tire do fogo. Molho barbecue com chilli: Para o molho barbecue:

Ingredientes: 1 colher (sopa) de azeite 1 cebola ralada 4 colheres (sopa) bem cheias de açúcar mascavo 2 colheres (sopa) de vinagre branco 3 colheres (sopa) de molho inglês 300 ml de catchup caseiro 2 ou 3 folhas de louro 2 pitadas de chilli em pó (ou a gosto) 2 pitadas de sal (ou a gosto) * Para o catchup, caso não queira usar o industrializado que seria mais fácil: 1,6 kg de tomate bem maduro (aproximadamente 10 tomates) 1/2 copo americano de vinagre de vinho branco 1 colher (chá) de sal 3 colheres de molho de pimenta vermelha 1 ½ colher (sopa) de açúcar Como fazer o catchup caseiro:

Retire a pele dos tomates e corte-os em 4 partes, removendo as sementes. Coloque os tomates no liquidificador e bata bem. Leve ao fogo por aproximadamente 20/30 minutos, até ficar bem grosso. Num recipiente, misture o extrato de tomate, o vinagre, açúcar e a pimenta. Modo de preparo: Como preparar o molho barbecue: Rale a cebola e refogue no azeite. Adicione o açúcar mascavo e as folhas de louro. Quando o açúcar estiver derretido, acrescente o catchup, caseiro, o chilli, o sal, o vinagre e o molho inglês. Deixe cozinhar em fogo alto por aproximadamente 15 minutos, mexendo sempre, até engrossar. Depois de pronto, retire as folhas de louro para servir. Vai saborear um barbecue feito por você. Aproveite

32


Indústria

Max Wilhelm lança a primeira laranjinha em lata do Brasil A embalagem inédita já está em mais de 800 pontos de venda em Santa Catarina e mais novidades serão apresentadas em breve. Segundo Otávio Greuel, diretor presidente da Max Wilhelm, a laranjinha em lata era um produto muito solicitado e que também pretende atender a demanda de bares e restaurantes. A novidade já agradou muito o público final que além de ter uma ligação emocional com a Max, interage pelas redes sociais compartilhando fotos, vídeos e opiniões dos momentos em que está bebendo a laranjinha. Essa preocupação com o cliente faz a Max Wilhelm buscar inovação constante e estar sempre atenta as tendências do mercado. O resultado disto se reflete nos números, só no ano passado (2017), a indústria de refrigerantes registrou crescimento de 7%. A embalagem de 2 litros ainda é a campeã de vendas, mas com as famílias diminuindo de tamanho a tendência é a busca por tamanhos menores, enfatiza Greuel. Hoje é possível comprar Max Wilhelm nas versões pet de 250 ml, 510 ml, 1 litro e 2,1 litros.

O sabor da tradicional Max Laranjinha já é conhecido pelo grande público consumidor da marca. A indústria de refrigerantes que possui 93 anos de história marcou a infância e os almoços em famílias de muitas gerações. E agora, de uma forma ainda mais prática, os clientes já podem beber a laranjinha direto da lata. Lançada em fevereiro deste ano, a primeira laranjinha em lata do Brasil já é um sucesso em mais de 800 pontos de venda do norte ao sul de Santa Catarina.

34

Há três anos, por conta da comemoração de 90 anos da empresa, a Max Wilhelm relançou as embalagens de vidro, mas agora na versão descartável. Na linha premium da marca, a água tônica da Max também é um dos destaques, consumida pura ou como ingrediente na preparação de drinks especiais. Neste ano de 2018, além do lançamento da lata, a Max Wilhelm está preparando outras novidades. Nas redes sociais e no blog da marca é possível acompanhar todas as notícias da indústria catarinense.


w w w. maxwilhelm. com.br refrigerantesmax


Degustação

Uma dupla que consumida sem excesso só faz bem Fundada em 2004 na cidade de Ribeirão Preto, interior do estado de São Paulo, a Zinho Indústria e Comércio de Pães, está entre as empresas nacionais que mais cresceram nos últimos anos, resultado da dedicação de seus colaboradores e de constantes investimentos no desenvolvimento de novas tecnologias de produção. Zinho destacou-se em 2017 como líder de mercado na categoria Pão de Alho, crescendo 132%, em volume e valor, em relação a 2016*. A marca está presente em todos os estados brasileiros contando com uma grande rede de distribuição e equipes comerciais prontas a atender o mercado. Em 2018, Zinho enxerga grandes oportunidades à categoria, incrementadas por datas festivas, feriados prolongados, campeonato mundial de futebol bem como a boa perspectiva de recuperação da economia brasileira, e o mercado deve estar preparado para atender à demanda. Nossa equipe está pronta a atendêlos! Zinho, o Pão de Alho Nº1 do

36

Churrasco! Vamos vê quais os benefícios desses dos alimentos juntos? O Alho é uma fonte de fibra dietética e de proteína. Ele ainda é uma rica fonte de energia, uma vez que fornece cerca de 150 calorias por 100 gramas de seu consumo. Além disso, o Alho é também uma fonte de Vitamina C e fornece uma grande quantidade de minerais essenciais tais como Cálcio, magnésio, Potássio e Ferro. Ele Reduz o Risco de Diabetes: melhorando o colesterol, assim como combate alguns tipos de alergias, ajudando na digestão. Auxilia na pressão arterial e doenças cardíacas. Ele também tem propriedades antioxidantes que o torna útil na redução do câncer. Contem substâncias como a Quercetina, Dialilo, Sulfureto, Allium e Ajoene, esses antioxidantes são encontrados no alho que ajudam a prevenir e a combater os cânceres de estômago, do fígado e do cólon. Sendo que a imunidade do ser humano pode ser sempre melhorada pelo o consumo do mesmo. O alho possui várias propriedades antimicrobianas, que, deixa o corpo mais resistente a alergias e a resfriados. Além disso, é uma boa fonte de vitaminas e minerais. Seus benefícios servem para os dentes e gengivas. Servindo também com um analgésico pode ser aplicado diretamente sobre a dor de dente e podem proporcionar alívio imediato. Foi mostrada que no alho, a Alicina ajuda a promover a perda de peso. Ele também serve para combater os germes que causam a tuberculose. Já o pão apesar das calorias, esse alimento também aparece como uma ótima fonte de nutrientes. O ganho de peso como dizem, não está relacionado ao carboidrato consumido à noite para quem come pão e sim na qualidade da alimentação consumida no restante do dia, ao sedentarismo e ao exagero na quantidade dos alimentos. Através de uma pesquisa feita em 78 voluntários, que seguiram uma dieta de 1.500 calorias diárias. A dieta era composta de 20% de proteína, 31% a 34% de gorduras e de 46% a 49% de carboidratos. Os participantes foram divididos em dois grupos, o primeiro deveria consumir a cota de carboidrato apenas durante o dia, enquanto o segundo comia esse tipo de alimento no período da noite. Após seis meses, todos os participantes perderam 10 kg. A leptina que ajuda no controle do apetite foi a principal diferença entre os participantes que consumiram carboidrato à noite, apresentaram quantidades maiores dessa substância, sentindo menos fome durante o dia. Então imagine esses dois juntos no seu consumo, porém sem exagero.


Agronegócio

Conhecendo a origem daquilo que se come

COOPERSULCA Cooperativa Regional Agropecuária Sul Catarinense A NOSSA MISSÃO “Atender as demandas dos cooperados de forma sustentável, difundindo o cooperativismo”.

38

Acompanhamos o processo produtivo do arroz Fazenda desde o plantio até chegar à mesa do consumidor. Garantindo a qualidade dos nossos produtos. A década de 1.960 foi marcada por profundas transformações políticas econômicas e sociais, em resposta aos movimentos sociais radicais de esquerda o governo brasileiro fomentou a criação das cooperativas. Com apoio da igreja católica e após a realização de inúmeras reuniões nasce o espírito empreendedor num grupo de 214 produtores rurais. Após a disseminação dos princípios cooperativistas, estes pioneiros reunidos numa assembleia geral; fundaram a Coopersulca em 20 de dezembro de 1964. Todos os líderes cooperativistas eleitos e que conduziram a cooperativa ao longo destes 50 anos, sempre foram postos diante de grandes desafios superados com muito trabalho e dedicação, apoiados por associados, parceiros e funcionários. Na coopersulca o foco é o ser humano, investimos constantemente na capacitação profissional dos associados e colaboradores, que são a razão de ser da cooperativa. A cooperativa foca o desenvolvimento econômico e social, que são as bases para a melhoria da qualidade de vida das 1.800 famílias associadas; residentes no sul catarinense e nordeste do Rio Grande do Sul. A qualidade do nosso produto final começa no campo, através da assistência técnica qualificada e aplicada por engenheiros agrônomos e técnicos agrícolas altamente capacitados; que orientam diariamente às famílias dos associados desde o plantio das sementes até a comercialização do arroz beneficiado. O departamento técnico acompanha os associados, orientando-os no preparo do solo, nas atividades como incorporação da palhada através da rotativa, nivelamento, semeadura, adubação, manejo da água e aplicação de defensivos recomendados. Realiza projetos de custeio e investimentos e recuperação dos créditos de Icms de máquinas e implementos agrícolas para os associados. Colocando a qualidade em primeiro lugar, industrializamos alimentos obedecendo as rigorosas normais de qualidade nacionais e internacionais, através da observância do manual de boas práticas de fabricação e dos 5 esses. Após a pré - limpeza e secagem do arroz, ou seja, tão logo esteja armazenado nos silos metálicos o submetemos a um tratamento térmico, diminuindo a temperatura da massa de grãos, impedindo a proliferação dos insetos que o danificam. O resfriamento é feito através de um equipamento moderno, sem o uso de agroquímicos. Outra vantagem é a garantia de que a temperatura será mantida baixa até a industrialização, garantindo que não haverá deterioração do arroz. A parboilização, ou pré-cozimento é um processo industrial hidrotérmico natural que inicia com o encharcamento do arroz ainda com a casca colocado em tanques metálicos revestidos inundados com água

aquecida a uma temperatura entre 65 a 75 graus Celsius, permanecendo neles por 7 horas. Em seguida passam por um forno rotativo aquecido a 600 graus por 9 minutos, realizando o pré-cozimento dos grãos; deixando-os gelatinizados. O próximo passo é a secagem, diminuindo a umidade de 18 para 13 graus. O objetivo da parboilização é manter inalterados os valores nutricionais do arroz. Durante o processo, as vitaminas e sais minerais solúveis existentes numa fina película na periferia do grão, são fixados no seu interior.

A família arroz fazenda é composta por: Arroz fazenda Parboilizado, Arroz fazenda Branco, Arroz fazenda vermelho, Farinha de Arroz Fazenda arroz Fazenda orgânico. A Farinha de Arroz Fazenda não contém glúten, é comercializada para fábricas de alimentos e voltada ao público celíaco. O arroz Fazenda orgânico é o resultado do plantio totalmente livre de agrotóxicos. Nossos produtores de arroz seguem rigorosas normas técnicas de produção, desde o plantio e durante o desenvolvimento das lavouras, cuidamos para que nossos rios permaneçam limpos. É comprovado cientificamente que a água utilizada na irrigação do arroz, é devolvida aos rios mais limpa do que quando entra nas quadras. Na unidade industrial seguimos as normas da legislação ambiental vigentes, evitando a poluição do meio ambiente. Os efluentes sólidos e líquidos são retidos através de uma unidade de tratamento de efluentes. O circuito é fechado, as partículas sólidas passam pelos lavadores de gases, onde ficam retidas n’ água, liberando para o ambiente apenas vapores de água. Os sólidos passam por um processo de decantação e posteriormente são utilizados para adubação pelos agricultores. Já o líquido é tratado e retido depois é reutilizado num circuito fechado. A Coopersulca pratica e dissemina os princípios do cooperativismo. Em parceria com SESCOOP, coordena projetos de cunho social: “Cooperjovem” e “Núcleos Femininos”. Nosso faturamento vem crescendo constantemente nos últimos anos. Destaca-nos perante as demais empresas da nossa região pelo expressivo recolhimento de tributos. Reflexos de uma administração transparente, competente, comprometida com o futuro, que preza a honestidade e a seriedade nos negócios. Somos uma cooperativa fruto da união dos associados, somado com o esforço e comprometimento dos colaboradores e parceiros; buscando sempre ultrapassar as metas estabelecidas no planejamento estratégico. O COOPERATIVISMO é a união das pessoas com objetivos comuns. Coopersulca, 53 anos praticando o Cooperativismo.


Vegetais

Um produto com a qualidade de uma família que sabe o que faz CONSERVAS ODERICH: Pioneira no Brasil A História das Conservas Oderich começa em 1879, com a chegada de Adolfo Oderich no Brasil. Natural da cidade de Wittenburg, na Alemanha, o jovem de 22 anos havia estudado técnicas comerciais e ao ser convidado por uma empresa exportadora de Hamburg, aceitou a proposta de trabalho e emigrou para o Rio Grande do Sul. Era o final do século e o cenário nas colônias de imigração alemã e italiana era de grande prosperidade. O porto fluvial de Caí, entre Porto Alegre e a região da serra gaúcha, dinamizava a distribuição e comercialização dos produtos agropecuários produzidos pelos colonos e as mercadorias manufaturadas vindas da capital. Neste cenário, Adolfo Oderich vislumbrou uma grande oportunidade de negócio e iniciou uma fábrica de refino de banha. A tentativa de industrializar alimentos em conserva concretizou-se quando Carlos Henrique, o filho mais velho de Adolfo, retornou ao Brasil após três anos de estudos na Alemanha, trazendo o conhecimento da conservação de carnes. Em agosto de 1908, na cidade de São Sebastião do Caí, no Rio Grande do Sul, nascia a Conservas Oderich SA, empresa pioneira no Brasil (e terceira no mundo) a dominar as técnicas de conservação de carnes e vegetais enlatados. Passaram-se 110 anos e a empresa expandiu-se, abriu novas fábricas e seus produtos cruzam muitas fronteiras. Suas bases, porém, ainda são as mesmas, assim como a sua sede principal mantém-se no mesmo local de sua fundação. Atualmente, a centenária marca gaúcha está presente em mais de 60 países, nos 5 continentes, responsáveis por negócios que representam metade da receita total da empresa. Competir com as principais marcas internacionais, oferecendo aos consumidores uma opção de produtos confiáveis, a preços atrativos e com valor agregado é o objetivo da empresa.

Com 3 mil colaboradores diretos alocados em suas 5 sedes – São Sebastião do Caí (RS), Pelotas (RS), Eldorado do Sul (RS) e Orizona (GO) –, a Oderich fabrica atualmente a mais completa linha de conservas de carnes, legumes, condimentos e compotas de frutas do Brasil, embalando aproximadamente 300 milhões de unidades por ano. A companhia mantém uma parceria com cerca de 2 mil famílias de agricultores e seleciona carnes oriundas de frigoríficos que atendem a normas técnicas de padrão internacional – certificando, dessa forma, a qualidade e a procedência de sua matéria-prima. A Conserva Oderich SA encontra-se na 4ª geração da família Oderich, já preparando a 5ª geração para assumir o comando das 5 modernas unidades desta tradicional empresa, com o mesmo espírito empreendedor e visão do futuro, preservando a cultura e os valores adquiridos de seus antecessores. Valores que passam pelo aprendizado e desenvolvimento pessoal, relacionamento, honestidade e transparência, comprometimento com o indivíduo e com a comunidade, responsabilidade com o meio ambiente, reconhecimento da identidade e da visão, educação pela ação e, acima de tudo, o trabalho em equipe de seus colaboradores.

DE

40

SD

E


Visite nosso site e veja nossa linha completa de produtos:

www.oderich.com.br


Utilidades

Utensílios em cerâmica trazem praticidade e economia para o dia a dia na cozinha Seja como profissão, para a família ou ainda para si, quem cozinha todo dia sabe da importância de ter ao seu alcance utensílios que facilitam a vida e ajudam a economizar tempo e dinheiro, certo? Isso ajuda a explicar o sucesso que as cerâmicas da Ceraflame mundo afora. Feitas a partir de uma matéria prima inorgânica exclusiva, as peças da marca conquistaram seu espaço por serem 100% atóxicas e resistentes a choques térmicos, com isso, é possível levar uma panela do congelador ao fogão, sem medo de trincar. Além disso, o material permite uma distribuição de calor mais eficaz, proporcionado um cozimento uniforme. E se você já teve a oportunidade de cozinhar em uma panela como esta, deve ter percebido que além de distribuir melhor o calor, ela ainda

retém a temperatura por muito mais tempo, garantindo que as receitas continuem quentinhas mesmo quando levadas à mesa. Essa relação com a temperatura também influencia na economia de gás e eletricidade, já que é possível desligar os eletrodomésticos antes do cozimento completo, pois a panela continuará cozinhando o alimento! Para finalizar, os conjuntos de panelas ainda dão um show de design, como exemplo, citamos as peças da linha Martelada, que unem a tecnologia de ponta da marca com o acabamento feito totalmente à mão. Essa é a única linha da empresa com peças que têm texturas feitas à mão. Basta passear pelo site para ficar apaixonado pelos modelos e cores que são tendência em decoração, como a cobre e a nova rose gold. ww.ceraflame.com.br

Quem não gosta de comer?

Uma geração sem o toque gourmet

42

Pouquíssimas pessoas responderiam que não, até porque, nem todo mundo possui essa vontade excessiva de comer. Na verdade esse ato; deveria ser visto como um dom; para todos que se dizem amantes da gastronomia. Mas, quando nos referimos a “dom”: não se trata apenas de comer e se empanturrar. Referimo-nos a pessoas, que costumam degustar, e sabem decifrar aromas e sabores daquilo que consomem. Não estamos falando, daquelas que se dizem apaixonadas por comida, mas, que não conseguem viajar pelo universo daquilo que o paladar pode leva-la. Podemos citar aqui, vários amantes da gastrônoma que surgiu só depois que atentaram para o prazer que tinham de comer e fizeram com que esse dom despertasse, e o levasse para um universo que hoje jamais deseja sair. É o caso do médico pediatra, George Thomé, que aparece na mídia com receitas incríveis. Não é uma tarefa nada fácil para quem não é sensitivo, ao paladar, e que apenas gosta de desfrutar, desses bons momentos. Fazer inicialmente uma pergunta dessa é quase uma provocação. Mas, na verdade não é. A pergunta é uma reflexão para quem realmente gosta de comer. Porém,

colocaremos em sena, uma questão polemica. Quem gosta tanto assim de comer, não deveria ao menos - saber fazer algo na cozinha? Já pensou nisso? Acreditamos que não. Uma pesquisa que não era de contexto cientifico, realizada por alguns estudiosos do setor gastronômico - revelou uma situação que pode ti fazer refletir em relação a esse questionamento e entender o porquê da pergunta. Ficou comprovado que 65% dessa geração de jovens nascida nas décadas de 80 e 90 até os dias atuais, não sabe se quer preparar uma omelete ou um simples ovo mexido. Nessa atual contemporaneidade um jovem, ou uma menina de certa idade, que não sabe fazer nada na cozinha, ainda mais com um processo evolutivo de comunicação, onde tudo voltado ao conceito gourmet está muito fácil de acessar e poder aprender para fazer, nos faz - parar e pensar. Não estamos aqui, querendo forçar algo, ou ate mesmo, determinar que um jovem independente da sua sexualidade, seja obrigado a saber cozinhar. Mas, se fazer pensar que: esse universo hoje além de ser uma fonte de renda, revela formas criativas de desenvolturas para a pessoa: e que também, pode ser uma oportunidade de aprendizado que pode unir família e familiares.


Nutricionais

ALIMENTOS FUNCIONAIS e NUTRACÊUTICOS, porque sua saúde merece Mais! Com o passar dos anos, o ser humano vem enfrentado muitas transformações. São mudanças físicas, comportamentais, sociais e até modificações nos hábitos alimentares que trazem ao homem moderno características bem diferentes das encontradas num passado não tão distante. A correria do dia a dia, a rotina assoberbada de afazeres e a falta de tempo para atividades como o preparo do próprio alimento, vem contribuindo para uma drástica mudança na maneira de nos alimentarmos. Alimentos enlatados, pré-prontos, com adição de conservantes, acidulantes, corantes e muitos outros “antes” vem ganhando espaço em nossas mesas e sendo introduzidos - cada dia mais cedo na alimentação das nossas crianças. Porém, uma nova e valorosa visão vem angariando forças: a de uma vida mais saudável, com alimentos de mais qualidade, balanceados e que oferecem diferenciais de funcionalidade, resultando em uma alimentação que não só alimenta mais que nutre, previne, que trata e até mesmo contribui para a cura de muitas patologias. Coadjuvante à esta alimentação que preza pela saudabilidade, podemos contar com produtos ainda melhor e mais elaborados nos quesitos qualidade, equilíbrio e quantidade de benefícios à saúde dos seus usuários, são os alimentos funcionais, os suplementos alimentares e os nutracêuticos. Essa forma moderna de suprir as carências nutricionais vem ganhando cada dia mais adeptos e oferecendo eficientes benefícios que uma alimentação normal jamais poderia ofertar ao organismo humano. A seguir vamos pontuar algumas definições que com certeza lhe auxiliarão no esclarecimento de algumas dúvidas, sendo fundamentais para a escolha de produtos mais adequados às suas necessidades. Você sabe o que significa um alimento ser denominado de funcional? O alimento deve estar na forma de alimento comum, ser consumido como parte da dieta e produzir benefícios específicos à saúde. Por exemplo, as castanhas que fornecem ácidos graxos essenciais do tipo ômega e sais minerais, como o selênio e o zinco.

44

Alessandra Guerra Nutricionista

E qual a diferença do termo alimento funcional para simplesmente alimento? Alimento é toda substância ou mistura de substâncias, destinadas a fornecer ao organismo humano os elementos normais à sua formação, manutenção e desenvolvimento. E quando nos referimos a um produto como sendo um suplemento alimentar? O suplemento tem a função de fornecer uma quantidade adicional, além das necessidades nutricionais normais. E o complemento alimentar? É usado para complementar o que está faltando na alimentação.

Nutracêutico, o que essa palavra significa? São alimentos ou parte dos alimentos que apresentam benefícios à saúde, incluindo a prevenção e/ou tratamento de doenças. Abrange desde os nutrientes isolados, suplementos dietéticos, produtos fitoterápicos e alimentos processados. E os nutricosméticos? São compostos administrados via oral, que possuem componentes indispensáveis à nutrição da pele e que exercem papel importante na conservação e manutenção das funções metabólicas relacionadas à juventude e beleza, como aminoácidos, proteínas e vitaminas. E assim está montada a nova esfera de opções nutricionais para a alimentação do mundo moderno. São produtos em sua maioria provenientes da natureza, desenvolvidos com tecnologia de última geração e que passam pelos mais elaborados controles de qualidade, além de serem regulamentados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Uma alimentação saudável e o uso de produtos nutricionais de alta tecnologia se tornaram grandes aliados da saúde, que associados a hábitos de vida saudáveis, trazem mais saúde, longevidade e com certeza uma doce alegria de viver.


Fonte de รกcidos graxos insaturados, principalmente

DHA e EPA*.

*EPA: รกcido eicosapentaenรณico | DHA: รกcido docosahexaenรณico.

www.apisnutri.com.br facebook.com/Apisnutri


Tô de olho

Comprando e obtendo informação daquilo que se leva para casa A história da humanidade confirma que o ser humano utiliza o alimento como forma de socialização, como expressão cultural de seus valores e crenças sobre o mundo e, finalmente, como forma simples de prazer. O estilo de vida urbano, baseado na praticidade e na falta de tempo e influenciado pela mídia, trouxe alterações profundas na forma como as pessoas preparam e se relacionam com os alimentos. Os estudos que avaliam as modificações no padrão de consumo dos brasileiros ao longo dos anos revelam que há uma tendência a substituir os carboidratos complexos por lipídios e carboidratos simples. Além disso, ocorreu um aumento no consumo de refrigerantes e de proteínas, havendo a troca de proteínas vegetais por proteínas animais, principalmente industrializadas (salame, salsicha, presunto e carnes empanadas pré-prontas). Os rótulos dos alimentos são elementos essenciais de comunicação entre produtos e consumidores. Portanto é muito importante que as informações contidas nos rótulos sejam claras, possibilitando orientar a escolha adequada de alimentos. As informações obrigatórias presentes nos rótulos são: origem e procedência do produto - data de fabricação e prazo de validade, lote, conteúdo líquido e informação nutricional. Itens estes, que devemos observar sempre nos produtos que escolhemos comprar. Devemos observar também, a parte estrutural dos produtos, ou seja, escolher produtos que apresentem a embalagem íntegra, sem furos, rasgos e sem estarem amassados (importante para as latas). Estas observações são importantes visto que alimentos em embalagens avariadas podem representar um perigo para a nossa saúde. A importância de ler os rótulos dos produtos em supermercados é conhecer o que realmente você está levando para casa, verificando os nutrientes e ingredientes presentes na composição como, por exemplo, fibras, gorduras, carboidratos, vitaminas e minerais. Pessoas com intolerâncias (lactose, glúten), diabéticos, ou com

Carolina Infingardi Nutricionista

46

alergias alimentares (a corantes, por exemplo), precisam verificar sempre os ingredientes e as observações nos rótulos. A lista de ingredientes normalmente é descrita logo abaixo da tabela nutricional. A leitura dessa informação é importante porque o consumidor pode identificar a presença de termos, como açúcar, lactose, sacarose, glicose, ou outros tipos de açúcar. Indivíduos com hipertensão arterial, por exemplo, devem observar a quantidade de sódio presente naquele alimento, pois este mineral eleva a pressão arterial. Curiosidades: Os rótulos dos alimentos não devem: - Apresentar palavras ou qualquer representação gráfica que possa tornar a informação falsa, ou que possa induzir o consumidor ao erro. Exemplo: chocolates que demonstram mediante ilustração que o consumo de determinada quantidade equivale ao consumo de um copo de leite. - Destacar a presença ou ausência de componentes que sejam próprios de alimentos de igual natureza. Exemplo: “Óleo sem colesterol” – nenhum óleo vegetal possui colesterol em sua composição. O certo é informar “Óleo sem colesterol, como todo óleo vegetal”. - Indicar que o alimento possui propriedades medicinais ou terapêuticas ou aconselhar o seu consumo como estimulante, para melhorar a saúde, para prevenir doenças ou com ação curativa. Exemplo: “... previne a osteoporose” ou “... emagrece”. Por isso, fique atento.


Caderno de Receitas

Fondue de camarão Ingredientes: Tempero do camarão: 12 camarões cinzas 13 Suco de limão a gosto 14 Sal à gosto 15 Pimenta do reino branca a gosto 16 Óleo suficiente para fritar 17 Farinha de trigo suficiente para empanar os camarões Molho: 1 Xícara de chá de maionese 1 Colher de sobremesa de gengibre ralado 1 Xícara de chá de vinagre branco 3 Colheres de sopa de catchup 1 Colher de chá de mostarda Sal a gosto Pimenta do reino branca à gosto

48

Preparo: A primeira coisa a se fazer é limpar os camarões. Tempere-os com sal, limão e pimenta do reino branca. Deixe escorrer por completo e passe na farinha de trigo. Frite-os apenas na hora de comer. Para fazer o molho basta misturar todos os ingredientes no recipiente para fondue.


Pediatria

Nutrição infantil As práticas alimentares no primeiro ano de vida da criança constituem marco importante na formação dos hábitos da criança. Esse período pode ser dividido em duas fases: antes dos seis meses e após os seis meses. No primeiro semestre de vida, objetiva-se que a criança mame exclusivamente ao peito, ou que, pelo menos retarde-se pelo maior tempo possível a ingestão de outros alimentos. A partir dos seis meses, deve ser oferecido de forma gradativa, alimentos saudáveis como: frutas, verduras, legumes, cereais e carnes e evitar alimentos enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos, café, açúcar e outras guloseimas. A formação dos hábitos alimentares inicia-se com a bagagem genética que interfere nas preferências alimentares, e que vai sofrendo diversas influências do meio ambiente: o tipo de aleitamento recebido nos primeiros seis meses de vida; a forma como os alimentos complementares foram incluídos no primeiro ano de vida; as experiências positivas e negativas quanto à alimentação ao longo da infância; hábitos familiares e condição socioeconômica, entre outros. Quando começam a freqüentar a escola, as crianças descobrem outros alimentos e isso pode causar algumas mudanças nos seus padrões Fonte: Livro Nutrição da Gestação à Adolescência (Márcia Regina Vitolo)

Adriana Lauffer Pediatria

50

alimentares, por isso é muito importante que pais e educadores façam um trabalho de educação nutricional com essas crianças. Hábitos alimentares errôneos nessa faixa etária podem conduzir a problemas nutricionais em curto prazo, tais como comprometimento do crescimento e do desenvolvimento na infância, bem como facilitar o aparecimento de doenças não transmissíveis na fase adulta, como, por exemplo: hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus tipo II, câncer, entre outras. Para muitos especialistas, a rotina corrida dos pais é um dos principais motivos da má alimentação e conseqüente sobrepeso dos filhos, pois nessa correria cotidiana os pais oferecem alimentos industrializados mais fáceis de serem feitos e acabam transformando isso em um hábito. Para muitos pais, o mais importante é saciar a fome dos filhos, sem se preocupar se a alimentação deles está ou não comprometendo o futuro de sua saúde. É extremamente importante que os pais dêem o exemplo, e também mantenham hábitos saudáveis, já que são eles que determinam o que se consome dentro e fora de casa.


Saúde

Qual alimento comer para ter a produção do bom colesterol? O colesterol é uma gordura necessária ao organismo para a formação de membranas celulares, ácidos biliares e para a produção de alguns hormônios. O nosso organismo sintetiza 70% do colesterol e apenas 30% provêm da alimentação. Entretanto quando em excesso, o colesterol pode ser depositado na parede das artérias e formar placas gordurosas que causam obstrução progressiva dos vasos arteriais. Vários estudos em diversos países têm demonstrado íntima relação entre colesterol, arteriosclerose (obstrução das artérias pela formação de placas arterioscleróticas) e doença coronariana. Demonstrou-se que em populações cujas dietas têm excessivo teor de gordura ocorre maior número de mortes por doenças coronarianas. O elo entre dietas ricas em gordura e o ataque cardíaco é o colesterol. O colesterol não se dissolve no sangue, de modo que, para seu transporte pelo organismo, deve ser combinado com uma proteína formando as chamadas lipoproteínas. Os dois tipos mais importantes são as lipoproteínas de baixa densidade – LDL, estas se acumulam nas paredes arteriais. Há também as lipoproteínas de alta densidade – HDL, que tendem a remover o colesterol das artérias. O colesterol HDL é conhecido como colesterol ”bom”, pois um nível alto do mesmo funciona como cardioprotetor. Desta forma pessoas com LDL alto e HDL baixo têm maior risco de desenvolver doenças cardiovasculares. O controle do colesterol é feito através de exame de sangue. Mais

importante do que analisar o colesterol total no sangue é saber a relação entre HDL e LDL, pois quanto maior o valor do HDL e menor do LDL, melhor para o seu coração. O excesso de colesterol, na maioria das vezes se dá por uma alimentação desequilibrada, rica em gorduras saturadas e pela falta da atividade física. O colesterol é encontrado somente em produtos de origem animal: leite integral e derivados, carnes vermelhas gordurosas, peles de aves, bacon, embutidos, gema de ovo, vísceras, frutos do mar (lagosta, camarão, ostra e marisco). Mas alguns alimentos podem aumentar o nível de HDL, ou seja, do colesterol bom como, suco de amora, peixes ricos em ômega 3, Cálcio, alem de uma boa dieta. Estudos indicam que o cálcio pode aumentar os níveis de HDL isso foi observado apenas em mulheres na pós-menopausa. Uma boa vigilância no habito alimentar, já é um bom recomeço para um prolongamento da vida, sem um possível risco de um infarto devido à prática de uma dieta alimentar.

Eliane Aguiar

52


Caderno de receitas

Pimentas em conserva no azeite de oliva

Ingredientes: 6 pimentas Murupi 8 pimentas Cereja 3 pimentas Dedo-de-moça 8 pimentas Malagueta 4 dentes de alho descascados 4 ramos de alecrim 2 folhas de louro 400ml de pinga da boa! (usei a Boazinha) 400ml de azeite de oliva

Preparo: Primeiro, lave todas as pimentas bem e seque. Tire o cabo delas e corte elas ao meio, deixando os caroços. Em seguida, deixe elas de molho na pinga por 10 dias, sendo que a pinga deve cobrir elas por completo. Essa parte é opcional, mas dá um toque gostoso. Então, tire as pimentas da pinga, seque elas bem e, em um pote de tamanho adequado, coloque elas. Adicione os dentes de alho inteiros e descascados, os ramos de alecrim e as folhas de louro. Cubra tudo com azeite de oliva. Deixe de molho por mais uns 3 dias para pegar o gosto. A partir daí é só ir usando. Caso ache muito picante, vá adicionando mais azeite.

54


Vinoteca

Celebrando os bons momentos da vida Nos dias de hoje vinho é um assunto que está em evidência, principalmente nos melhores momentos que exigi a sua presença. Com o aumento do conhecimento através da mídia e das opções de compra em lojas especializadas os apreciadores brasileiros não pensam mais nos champanhas de uma festa apenas em termos de “Cidras” e “Filtrados” como se fossem as únicas opções. Atualmente, a maioria das pessoas quando organizam uma festa em momento especiais ou até mesmo de Final de Ano, já se preocupam em oferecer aos seus convidados um champanha ou um espumante de alta qualidade. Porque na maioria das vezes os convidados avaliam o nível do evento pela qualidade dos vinhos ou champanhas servidos. Infelizmente, algumas vezes, por exemplo, uma festa de Final do Ano perfeita é desvalorizada por Champanhas e espumantes mal escolhidos, ou de má qualidade. Champanhas e espumantes bem escolhidos, de boa procedência e produtores renomados, valorizam todos os bons momentos. Com um bom champanha, tudo fica melhor aos olhos dos convidados que sempre comentam e elogiam a seleção proposta pelo anfitrião. Toda festa precisa de um bom espumante para brindar e celebrar. Neste sentido é importante seguir algumas regras na hora da escolha da bebida para não se decepcionar depois.

João Paulo Martins

56

Aí vão algumas dicas básicas: - Na hora da escolha pense em quanto você quer gastar e não se atenha a conceitos pré-formados ou indicações enganosas e marqueteiras; - É melhor escolher um bom espumante nacional do que um Champagne ou um Prosecco de baixa qualidade; - Às vezes é melhor um bom e exclusivo Franciacorta italiano do que um Champagne francês de grande produção industrial; - Lembre-se, o importante neste caso, é o nome do produtor, pois este fator garante a qualidade do produto; - Espumantes diferentes e bem escolhidos, como exemplo os rosados de Portugal e Espanha, podem dar um toque especial a sua festa; E, se preferir os nacionais que hoje são muito apreciados em nosso país e no mundo. Procure aqueles espumantes procedentes do terroir do Vale dos Vinhedos, no Rio Grande do Sul. Estes se destacam pela sua qualidade, por serem finos e refrescantes e de uma tipicidade e perfeita acidez na boca.


Hábitos

O cuidado com a alimentação no Inverno O inverno chega e as pessoas já podem sentir na pele uma pequena amostra do frio que está por vir. Alguns cuidados tornam-se necessários para manter a saúde neste período do ano, mas, talvez nenhum deles seja tão importante quanto às mudanças que ocorrem na alimentação de grande parte da população. No verão é muito comum comermos frutas, saladas e ingerirmos mais líquidos, mas no inverno a ingestão desses alimentos cai muito. No inverno a ingestão de alimentos como massa com molho branco, feijoada, chocolate-quente e fondue se tornam muito mais frequentes e a vontade de fazer exercícios vai embora. Segundo nutricionistas o consumo de comidas gordurosas nessa época do ano é importante, mas exige muito cuidado e cautela. De acordo com alguns nutricionistas os alimentos gordurosos são essenciais durante o ano todo, por estarem associados a uma série de funções vitais do corpo (como reserva de energia, síntese de hormônios e transporte de vitaminas lipossolúveis), porém, no inverno, o consumo de tais alimentos se torna ainda mais importante devido à capacidade da gordura atuar como isolante térmico, prevenindo a perda de calor. Mas, apesar de ser importante, o consumo de alimentos gordurosos no inverno não serve de pretexto para exageros. O alimento quente ajuda a aquecer o corpo. Só que, dentre esses alimentos, podemos escolher alguns com menor teor de gordura pois o consumo em excesso pode trazer muitos riscos à saúde, como obesidade, hipertensão arterial, colesterol sanguíneo elevado, entre outros.

58

Alane Nicacio Tavares Nutricionista

O friozinho é bom, mas exigem alguns cuidados, abaixo algumas dicas para você consumir alimentos gostosos e menos calóricos, pois pequenas mudanças farão a diferença. Sopas: legumes batidos, ao invés de creme de leite; adicionar farelo de trigo, pois além de dar mais sabor, contribui à sensação de saciedade, regula a função intestinal e controla os níveis de colesterol. Chocolate quente: utilize leite desnatado e achocolatado diet. O melhor é dar preferência aos chás. Queijos: prefira os brancos e lights. Fondue: prepare com leite desnatado e queijos magros e substitua o pão por legumes. Carnes de porco: substitua por carnes mais magras (peixes, frango sem pele) preparados na pressão ou grelhadas. Frutas: morangos, tangerina, laranja e maracujá são típicos do inverno. Devem ser consumidos constantemente já que são boas fontes de vitamina C. Chás: ótimas opções para esquentar o corpo, além de deliciosos e diversificados são saudáveis. E tenha um inverno mais saudável porque vale à pena.


Digestivos

Bebidas milagrosas Alane Costa Nutricionista Se você já tomou chá de Alecrim vai entender sobre o que estamos falando. Quando tomamos o chá de alecrim, ou nos alimentamos, com pratos que contem essa erva, é como se um bem estar tomasse posse de nosso ser, o gosto suave e o aroma agradável são fortes atrativos, mas o que pouca gente sabe, é que o Alecrim – Rosmarinos officinalis – é uma planta nativa da região mediterrânea e que foi muito apreciada na idade média e no renascimento. O alecrim fez parte de várias fórmulas milagrosas nessa época como, por exemplo, a fórmula da Água da Rainha da Hungria, que foi uma famosa solução rejuvenescedora. Desde os primórdios se dizia que o alecrim era acima de tudo, uma planta calorífera que fortalece o centro vital e age em todo organismo. Abaixo citamos alguns benefícios do Alecrim. Equilibra a temperatura do sangue e de todo o corpo. Por isso é recomendado contra anemia, menstruação insuficiente e problemas de irrigação sanguínea. Atua no fígado e proporciona uma melhor irrigação dos órgãos estimulando o metabolismo. Ele é digestivo e sudorífero, portanto, ajuda a assimilação do açúcar no corpo, muito indicado para diabéticos e é indicado também para recompor o sistema nervoso após uma longa atividade intelectual. • Na beleza, é recomendado para a queda de cabelo, caspa, cuidados com a pele, lesões e queimaduras, nesses casos, pode-se beber o chá e até enxaguar o cabelo com ele. Cura resfriados e bronquites, é ótimo para cansaço mental, ajuda ainda a diminuir a perda de memória e aumenta a capacidade de aprendizado.

60

O Alecrim realmente traz muitos benefícios e para fazer o chá é muito simples: uma colher de chá rasa da erva para uma xícara de água ou uma colher de sopa da erva para um litro de água. Ferva a água, apague o fogo e jogue a erva, já lavada dentro do recipiente com a água. Quando amornar, está pronta para beber. Tome pelo menos uma xícara de chá de Alecrim ao dia. Pode ser à noite, antes de dormir. O hábito de tomar chá é saudável e traz inúmeros benefícios.


PARA PRATOS MARAVILHOSOS, INGREDIENTES DELICIOSOS PIRACANJUBA.

O MINISTÉRIO DA SAÚDE INFORMA: O ALEITAMENTO MATERNO EVITA INFECÇÕES E ALERGIAS E É RECOMENDADO ATÉ OS 2 (DOIS) ANOS DE IDADE OU MAIS.

Gostamos de fazer bem o que te faz bem. www.piracanjuba.com.br

8gÚ[aYdHajY[YfbmZY

'gÚ[aYdHajY[YfbmZY


Constipação

A Função Das Fibras Solúveis e Insolúveis Constipação intestinal! É preciso sempre estar atento aos sinais que o corpo nos dá. A constipação intestinal pode ser prolongada, quando não tratada corretamente, pode acarretar sérios problemas, entre eles flatulência, distensão abdominal, fissura anal, hemorroidas, diverticulite e câncer intestinal. A alimentação influencia diretamente no tempo de trânsito intestinal, assim também como na consistência das fezes. O bolo fecal é estimulado dependendo da quantidade e do tipo de fibras existente na alimentação. A ingestão de líquidos, principalmente a água, também tem um papel fundamental no volume e na consistência das fezes. A fibra alimentar é descrita como uma classe de compostos de origem vegetal, constituída, principalmente, de polissacarídeos e substâncias associadas que quando ingeridos não sofrem hidrólise, digestão e absorção no intestino de humanos. Ou seja, chamamos de fibras as partes do alimento que nosso organismo não consegue digerir e absorver. O alvo de ação da fibra alimentar é o trato gastrointestinal. Um de seus papéis primários é servir de substrato para a microflora normalmente presente no intestino grosso e, também modular a velocidade de digestão e absorção dos nutrientes, bem como promover uma laxação normal.

62

Cristiane Volkmann Nutricionista

As fibras alimentares se diferenciam por suas funções e são classificadas em fibras solúveis e fibras insolúveis. As fibras solúveis se ligam com a água, formando uma espécie de gel. Estas têm como principais funções aumentar o tempo de trânsito intestinal, retardar a absorção de glicose e auxiliar na diminuição do colesterol. Podem ser encontradas em alimentos - como abacate, abacaxi, agrião, ameixa, couve, laranja, entre outros. Já as fibras insolúveis têm a propriedade de reter ou absorver água, provocando a maciez e o aumento das fezes, diminuindo o tempo de trânsito intestinal. São encontradas na abóbora, abobrinha, espinafre, goiaba, vagem, etc. O aumento do consumo de fibras deve ser gradual e sempre associado ao aumento do consumo de líquidos. Orienta-se o consumo de até 30 gramas de fibras diárias. Sempre é necessário observar na sua rotina quais as possíveis causas desse problema e tentar corrigi-las modificando seus hábitos alimentares e de vida. Caso os sintomas persistirem, procure o auxílio de um médico e um nutricionista. Não use medicamentos laxativos. Este tipo de medicação pode “viciar” o intestino, fazer com que sejam expelidas junto às fezes várias vitaminas além de seu uso contínuo ser um dos responsáveis pela destruição da flora intestinal.


O SABOR DA ITÁLIA EM SUA MESA A Sacciali está chegando nos mercados com sua linha de produtos precisamente selecionados e de alta qualidade, que levará para sua família o melhor da culinária italiana.

www.sacciali.com.br


Obesidade Aline Brito Nutricionista

Consumindo alimentos na medida certa Uma dieta equilibrada baseia-se em comer moderadamente usando o bom senso. A dieta equilibrada deve fornecer todos os nutrientes que o corpo necessita para a manutenção da saúde. A dieta deve ser composta por alimentos nutritivos, porém de baixas calorias, deve ter capacidade de proporcionar saciedade e estar aliada a prática de exercícios físicos regulares. A alimentação de um indivíduo adulto sadio deve ser composta diariamente por todos os grupos de alimentos, considerando escolhas inteligentes dos alimentos de cada grupo. Valoriza-se a qualidade do que se põe no prato e recomenda o consumo de carboidratos integrais (pães e massas feitos com farinhas e grãos integrais) ao invés de simples, gorduras saudáveis (azeite, castanha e amêndoas), leite e derivados magros (queijo branco) e carnes de preferência brancas (peixes). As

frutas, verduras e legumes são muito importantes, aumentando assim, a ingestão de vitaminas, minerais, fibras e outros nutrientes essenciais, que normalmente aparecem com menos frequência na alimentação. Os alimentos que devem ser consumidos com cautela ou mesmo evitados são aqueles ricos em gordura trans: alimentos industrializados que contenham gordura vegetal hidrogenada, incluindo diversas margarinas, bolachas, bombons, pães e sorvetes. Alimentos ricos em gorduras saturadas: carnes vermelhas, manteiga, queijo amarelo, frios e embutidos. Portanto, a nossa alimentação é responsável pela nossa saúde, e o consumo de alimentos saudáveis previne o surgimento de várias doenças associadas ao sobrepeso e obesidade, dentre elas: doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, diabetes, anemia e câncer.

Algumas dicas de alimentação saudável para você: 1 - Faça 5 refeições diárias com alimentos saudáveis. 2 - Inicie a refeição (almoço e jantar) pelas saladas; 3 - Coma devagar, mastigando bem os alimentos; 4 - Faça suas refeições em locais tranqüilos; 5 - Adote horários regulares para se alimentar; 6 - Evite o consumo de doces, refrigerantes, bebidas alcoólicas; 7 - Controle o consumo de carne vermelha, dê preferência a frango e peixe; 8 - Retire toda a gordura visível das carnes antes de consumir; 9 - Aumente o seu consumo diário de fibras (legumes crus, frutas com casca, pão integral, arroz integral); 10 - Beba 2 litros de água por dia; 11 - Evite o consumo de alimentos fritos; 12 - Sal - use com moderação; 13 Fa- ça atividade física regularmente (3 a 4 vezes por semana); Adquira novos e bons hábitos alimentares, começe já!

64


Venha cozinhar conosco na COMFRIO Você tem que ver isto! |48| 3240-4749

Avenida Leoberto Leal - 301 - Barreiros - São José www.comfriosc.com.br | comfrio@comfriosc.com.br

|48| 9918-8773 whatsapp


Anemia

Alimentos necessários para o corpo A anemia é uma doença do sangue caracterizada pela diminuição dos glóbulos vermelhos, ou mais precisamente, pela quantidade de hemoglobina presente nesses glóbulos. A hemoglobina é uma proteína muito importante do sangue, pois é ela que contém o ferro e o oxigênio necessários para alimentar os tecidos do corpo. Portanto, quando há diminuição dos glóbulos vermelhos ou da hemoglobina, os tecidos começam a receber uma quantidade inadequada de oxigênio e não conseguem trabalhar normalmente. Existem várias causas de anemia, cada uma levando a diferentes alterações nas células do sangue, mas no final os sintomas são sempre os mesmos. A causa mais comum é a falta de ferro, tanto devido a uma dieta pobre deste mineral quanto a uma perda intensa de sangue, como ocorre nos acidentes ou nas menstruações abundantes. Também pode ocorrer naquelas pessoas com úlcera ou problemas intestinais, que levam a perda de sangue pelo vômito ou pelas fezes. O tratamento consiste em aumentar o consumo de ferro, quer seja através da alimentação ou com o uso de suplementos. As carnes vermelhas, fígado, coração e de aves e peixes representam a melhor fonte dietética de ferro. Entre os vegetais, as melhores fontes são os feijões. A eficiência da absorção do mineral será determinada pelo alimento que o contém; em alimentos de origem animal, o ferro

66

Maira Coelho Nutricionista Funcional

geralmente está na forma heme, e é muito mais absorvido do que aquele ferro na forma não-heme encontrado em alimentos de origem vegetal. Hortaliças com folhosas verde escuras geralmente são ricas em ferro, porém, além desse ferro encontrar-se na forma não-heme (de difícil absorção), muitas dessas plantas apresentam substâncias antinutricionais que podem "arrastar" o ferro, impedindo-o de ser absorvido (é o caso do ácido oxálico e fítico presente no espinafre). Outro fator importante a considerar é a ingestão de vitamina C junto com alimentos ricos em ferro ou suplementos de ferro. A vitamina C tem a capacidade de aumentar a absorção do ferro e pode ser encontrada em abundância em frutas cítricas (laranja, tangerina, limão), acerola, caju, etc. Uma última dica: o cálcio é um mineral que pode inibir a absorção de ferro. Por isso, se você está anêmico, evite consumir alimentos derivados do leite junto com alimentos fontes ou suplementos de ferro. A anemia na infância, não se limita ao atraso no crescimento e à suscetibilidade às infecções, mas leva também a prejuízos na capacidade de aprendizagem, e ao atraso no desenvolvimento psicomotor. A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda a suplementação preventiva de 1 mg de ferro por Kg de peso para crianças dos seis meses de idade até os dois anos.


Descubra o seu lado gourmet!

REDECIADASAUDE.COM.BR

REDECIADASAUDE

A MAIOR REDE DE LOJAS DE PRODUTOS NATURAIS DO SUL DO BRASIL!. SÃO MAIS DE 80 LOJAS EM 10 ESTADOS. PROCURE A LOJA MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ! BAHIA | MINAS GERAIS | PIAUÍ | PARANÁ | RIO DE JANEIRO | RIO GRANDE DO SUL | SANTA CATARINA | SERGIPE | SÃO PAULO | ESPÍRITO SANTO


Caderno de receitas

Camarão com arroz de tomate Camarão: Ingredientes: 18 camarões VG 02 dentes de alho 01 colher de chá rasa de gengibre ralado 01 maço de salsa 01 maço de coentro Azeite Sal e pimenta-do-reino

Modo de Preparo: Descasque os camarões, deixando o último anel junto com a cauda; Tempere os camarões com sal e pimenta-do-reino a gosto. Aguarde 10 minutos. Ralar os dentes de alho (bem fino) junte o gengibre e o azeite e misture aos camarões. Em uma frigideira antiaderente, grelhar os camarões 2 a 3 minutos de cada lado. Picar a salsa e o coentro e torcer em um pano de prato para desidratar. Reserve.

Arroz de tomate Ingredientes: 02 copos de arroz branco 05 tomates bem maduros 01 cebola grande 04 dentes de alho ½ pimentão vermelho ½ maço de coentro ½ copo de vinho branco seco 03 colheres de sopa de azeite Sal a gosto

Modo de preparo: Retire a pele e sementes dos tomates e pimentão. Pique o tomate e corte o pimentão em tiras. Fatiar o alho e picar a cebola (bem fino). Aquecer o azeite na panela e fritar o alho em fogo baixo, para não queimar. Adicionar a cebola e fritar até ficar transparente. Adicione o tomate, pimentão, coentro e vinho branco e refogue sempre mexendo, para não grudar na panela. Quando o tomate começar a amolecer, acrescente o arroz, espere aquecer, e então acrescente 05 copos de água. Cozinhe em fogo baixo. Após o cozimento, deixe descansar por 5 minutos. O arroz fica “molhado”. Para servir: Coloque 03 camarões e uma porção de arroz, salpique a salsinha e o coentro e bom apetite.

68


Higiene

Cuidados no manuseio e consumo dos alimentos Muitas vezes ao entrarmos no maravilhoso mundo da culinária, em nossos lares, nos vemos imunes aos riscos ora encontrados na alimentação fora de casa. Engano nosso, já que em determinadas situações, o não cuidado, aquela atitude impensada pode também estar presente no local tido como mais seguro: a nossa casa. Pequenas negligências no preparo de comida caseira são responsáveis pela maioria dos casos de doenças transmitidas por alimentos, tais como os encontrados em restaurantes e cozinhas industriais que não passam por constante supervisão dos órgãos competentes. Cuidados básicos de higiene são imprescindíveis para a garantia do consumo de alimentos seguros, saudáveis e nutritivos para você e sua

família. O cuidado com a segurança alimentar deve começar ainda no supermercado, durante as compras verificando sempre se as embalagens dos produtos estão integras, sem rasgos, amassadas, estufadas ou sujas; conferindo sempre a existência de informações que comprovem a procedência dos produtos como dados do fabricante, data de fabricação, data de validade. Produtos de origem animal devem apresentar Selo de Inspeção (SIF/SIE/SIM). Prefira escolher os produtos perecíveis por último, já que carnes, frios e laticínios necessitam de refrigeração/congelamento para seu armazenamento.

Já em casa a primeira atitude a ser tomada é o armazenamento correto dos produtos. Novamente as carnes, os frios e os laticínios devem ter atenção especial, ou seja, devem ser guardados por primeiro, já que a oscilação de temperatura pode prejudicar os mesmos. Sempre ao guardar qualquer alimento, coloque os de validade mais extensa para trás, de modo que os produtos que vençam antes sejam consumidos primeiramente. Se possível a correta higienização dos alimentos antes de guardá-los deve ser feita. As latas de refrigerantes e outras bebidas devem ser bem lavadas, uma vez que suas embalagens podem ficar expostas a ação de pragas, poeiras e outros contaminantes durante sua armazenagem e transporte. Ao preparar os alimentos sempre prenda muito bem os cabelos e procure retirar joias e relógios. Orienta-se a utilização de touca descartável. Quando da não existência desta, um lenço de pano pode

substituí-la muito bem. Higienize sempre as suas mãos, punhos e braços. Ao iniciar a arte de cozinhar, tenha cuidado com a contaminação cruzada, que é a transferência de bactérias de alimentos crus ou ainda não higienizados para alimentos prontos para o consumo, já cozidos ou higienizados. Desta forma, nunca use o mesmo utensílio e/ou tábua que cortou carne crua, por exemplo, ou em processo de descongelamento para manipular alimentos já prontos. Após as refeições, guarde as sobras em potes fechados ou sacos plásticos transparentes. Leve à refrigeração, por no máximo 3 dias. Quando for reaquecer estes alimentos tenha a certeza de que eles foram bem aquecidos. É importante salientar que uma cozinha limpa e bem organizada faz toda a diferença na qualidade das suas refeições, bem como na saúde da sua família.

70

Ana Carolina Gallas Nutricionista


Lacarte edição 27  
Lacarte edição 27  
Advertisement