Page 1

Viver AlphaVille Ano 2 nº 09 | Telefone (19) 3043.8665 / 9 8143.0001

Abril de 2014

Seu canal de informação mensal

COMER & BEBER

O café é sem dúvida uma das maiores paixões nacionais e o Brasil é o maior produtor mundial do grão. Conheça na página 30 um ateliê em Valinhos que produz um dos melhores café gourmet e se delicie com a matéria.

Alergia: saiba como identificar e tratar uma das causas campeãs de visitas aos consultórios de médicos veterinários. Página 20 O projeto de manejo das capivaras foi aprovado em março deste ano, porém com algumas recomendações. Mais informações na página 24.

Comportamento

Cada vez mais pessoas optam por realizar uma pós-graduação no exterior. Veja como funciona um programa de MBA na Califórnia. Página 18

ACC O carnaval reuniu diversas famílias do residencial em uma alegre tarde. Página 08

Agenda Cultural

Fique por dentro das peças, shows e exposições que irão acontecer em abril. Página 16


Viver AlphaVille

P 2 | abril de 2014

CARTA dos Presidentes No começo de fevereiro, lançamos o novo site da Sociedade AlphaVille Campinas, o Residencial Online, que trouxe mais praticidade, facilidade e dinamismo em todas as informações relacionadas ao nosso residencial. Infelizmente, para adequação de algumas configurações, tivemos que colocar o site em manutenção, aproveitando para ajustar os mais diferentes pontos a fim de melhorar a sua funcionalidade. Para nossa satisfação, o Residencial Online foi bem aceito pela maioria dos associados do AlphaVille, a exemplo da primeira enquete realizada no próprio site, com o resultado de 43% avaliado como bom, seguido de 34% como ótimo, e 22% como “precisa de melhorias”. E foi justamente essa última posição que nos ajudou a aprimorá-lo. Ordenamos todas as sugestões descritas nos comentários da enquete e qualificamos juntamente com outras recomendações realizadas nesse tempo. Claro que alguns salientaram opiniões divergentes, e críticas construtivas - dignas de um processo democrático

e transparente - sendo também avaliadas nesse conjunto de melhorias do novo site. Outra importante questão a ser destacada é a mudança de parte do Estatuto do AlphaVille Campinas, que está sendo avaliada pelos ouvidores Leiser Boldrin e Silvio Barbosa. Esse processo, ainda em fase de estudo, constituirá em uma avaliação metódica e íntegra, sempre respeitando cada artigo. Será criada uma comissão para avaliar criteriosamente essas mudanças, que trabalhará em conjunto com o departamento jurídico do residencial. No final é você, morador, que irá decidir se aceita ou não essas alterações, a serem previamente informadas e levadas para uma futura Assembleia. Você tem alguma opinião ou sugestão que queira dividir conosco? Então, fique à vontade. Sua opinião sempre será bem-vinda pela SACRES, seja ela qual for.

No início do mês de março tivemos uma desagradável surpresa, em que fomos obrigados a desativar nosso playground devido a um laudo solicitado pela Prefeitura de Campinas. Segundo o laudo técnico, muito bem circunstanciado, nossos equipamentos já não apresentavam condições para a sua utilização. Ato contínuo à desativação, convocamos um grupo de associadas (mães usuárias) para colaborar na elaboração de uma proposta para a nova estrutura. Com o projeto em mãos poderemos realizar os procedimentos necessários para a criação de um novo playground no mesmo local. Gostaria de estender o convite a todos os associados interessados a participarem desse grupo e que contribuam com as suas sugestões. Com esse tema em mente, fizemos uma análise da oferta de atividades esportivas do ACC. Um aspecto muito positivo é a estrutura funcional da academia. Além dos equipamentos de musculação, o usuário - pagando uma pequena taxa - tem o direito de praticar mais 11 modalidades orientadas por instrutores especializados. Para grupos, oferecemos aulas de futebol (a

partir de 5 anos de idade) e também de beach tennis (modalidade da moda no ACC), além das aulas tradicionais de tênis para o público adulto e infantil em vários formatos. Como modalidades aquáticas, o associado pode optar por um elenco de 10 tipos variando a idade do associado, a partir de 1 ano de idade. Algumas atividades extras incluem grupos de corrida, slackline, tecido acrobático e ginástica artística. Além das atividades acima oferecidas, sob a supervisão de nossos instrutores, o associado conta também com 7 modalidades coordenadas por instrutores terceirizados. Convidamos os nossos associados a participarem das atividades programadas ou a comparecerem em nossa secretaria a fim de descobrir como funciona cada uma dessas modalidades esportivas e, também, se elas interessam aos senhores. Aguardamos a sua visita.

EXPEDIENTE

VIVER AlphaVille

Antônio Hélio Argentin Presidente do Conselho de Administração da SACRES

Octávio Henrique de Oliveira Pavan Presidente da Diretoria Executiva do ACC

STUDIOCODE projeto gráfico e editorial, edição e tratamento de imagem, publicidade e redação. Contato comercial: 19 3043.8665 ou comercial@studiocode.com.br. Editora: Vanessa Ieno. Direção de arte e comunicação: Luiz Cassiano SOCIEDADE ALPHAVILLE CAMPINAS RESIDENCIAL E ALPHAVILLE CAMPINAS CLUBE Analista de Comunicação: Camila Cristina Guimarães Campos; Conselho de Administração: Adauto Silva Emerenciano, Ademir Alves Pereira, Antonio Hélio Argentin, Arthur P. de Lemos Netto, Carlos Jaci, Francisco Anaruma Filho, Francisco C. Benite, José Carlos P. Ramos, Marcelo Poffo, Márcio Adelino Sambinelli, Marcos Roberto Boni, Paulo Tryfon Kazitoris, Reginaldo Pereira, Saulo Augusto Costa, Waldemir de Paulo. Conselho fiscal: Ana Maria Gabos e José Moacir Fiorim. Ouvidoria: Leiser Magalhães Boldrin e Sílvio Rodrigues Barbosa. Diretoria do Clube: José Dezotti, Octávio Henrique de Oliveira Pavan, Paulo Roberto Hoffmann, Raul Mariano Júnior, Salma Valeria Gesuelli Cia.

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 3


Viver AlphaVille

P 4 | abril de 2014

CANAL do Associado UM VIVER muito especial Por Silvio R. Barbosa - Ouvidor

Às vezes não conseguimos sentir o quanto é bom viver em nosso residencial. Segurança, paz e a tranquilidade - que somente um ambiente salutar pode proporcionar - são as virtudes ofertadas pelo AlphaVille Campinas. Ao andarmos por nossas ruas, não raro, deparamos com pessoas caminhando tranquilamente com suas crianças, degustando as amoras que algumas vezes por ano frutificam nas muitas amoreiras que florescem ou, então, simplesmente passeando por entre as vistosas e aconchegantes residências que enfeitam o nosso AlphaVille. Isso sem falar em nosso clube, com a beleza da paisagem adornada pelos lagos, as árvores centenárias e os jardins bem cuidados que a tudo enfeitam. Não deixe de apreciar o pôr do sol em um final de tarde. Leve a sua câmera e tire muitas fotos, assim você verá que tem muito perto as mais belas paisagens inesquecíveis. Poste algumas em suas redes sociais e, certamente, seus amigos compartilharão com você da sensação de ver um entardecer único e surreal. Nossa piscina bem cuidada e a academia em que muitos cuidam da forma física contribuem para uma perfeita integração entre o viver e o lazer. Mas sempre pode haver alguma opinião di-

vergente a respeito do local onde é nossa moradia e quem cuida de tudo isto precisa saber. Sugestões, reclamações, elogios e reivindicações, todas essas manifestações devem ser encaminhadas por você para a nossa Administração, pois ajudar a aprimorar a qualidade de vida do ambiente no qual vivemos grande parte de nosso tempo, pode ser considerado nosso dever. E como fazer isso? Em primeira instância deve ser direcionado um e-mail para nosso setor de Comunicação no e-mail rp@ sacres.com.br, em que a responsável pelo referido departamento, Camila Campos, cadastrará sua mensagem fornecendo-lhe um número de ordem de atendimento (O.A.), para que, assim, você possa acompanhar o andamento de sua solicitação, que será imediatamente encaminhada para o setor competente, visando o atendimento com a possível urgência daquilo que foi encaminhado. Não havendo solução pronta, os casos serão encaminhados para esta Ouvidoria, que intercederá no sentido de finalizar cada uma das manifestações. Utilize então, em primeira instância, o endereço rp@sacres.com.br e, se caso for, comunique-se com a Ouvidoria através de ouvidoria@sacres. com.br. Nosso muito obrigado!

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 5


Viver AlphaVille

P 6 | abril de 2014

ESPECIAL

A Nossa História

Por Camila Campos

O especial “A Nossa História” está de volta. Iniciado na edição de setembro do jornal Viver AlphaVille, tivemos o prazer de acompanhar a trajetória das terras que hoje pertencem a um dos maiores empreendimentos residenciais do país: o AlphaVille Campinas. Assim, como relatado nas antigas edições do jornal, o AlphaVille Campinas já percorreu inúmeros acontecimentos, com grandes personagens inseridos em cada um. Um exemplo a ser citado é o agricultor Manuel Carlos Aranha (Ponta Grossa, 18 de setembro de 1814 - São Paulo, 28 de fevereiro de 1894), mais conhecido como Barão de Anhumas, que no século XIX trabalhou intensamente pelo progresso de Campinas em vários locais da cidade. Sua história também compõe a célebre trajetória do residencial, sendo o primeiro proprietário da Fazenda Santa Terezinha, em que no futuro seria instalado o AlphaVille. Outro importante nome incluído nesse trajeto histórico é o de José de Queiroz Aranha (Campinas, 13 de de-

zembro de 1866 – São Paulo, 17 de setembro de 1943), filho do Barão de Anhumas, que seguiu intensamente os passos de seu pai, sempre com a visão para o futuro. Passando pelos relatos da escritora norte-americana Ellen Bromfield Geld, nos quais conta a grande amizade de sua família com o Barão; e, por fim, as histórias de Lúcia Amaral, esposa de José Peres de Oliveira, último proprietário da Fazenda Santa Terezinha, que nos contou sobre o desenvolvimento da área nos anos 50, fechando, assim, a primeira parte desse especial. Então, vamos novamente emergir em mais um novo resgate histórico, agora na visão da PRATEC, incumbida pela construtora Albuquerque Takaoka para pesquisar a área em que hoje se encontra o residencial. E quem nos ajuda a acompanhar a continuação dessa trajetória de sucesso é o arquiteto - e também associado do AlphaVille - Adyr Moura Ferreira, que com sua brilhante memória e simpatia nos deleitou com o início da construção

do residencial. Vamos conferir? No começo da década de 90, a Fazenda Santa Terezinha já não obtinha serviços que a delegavam para a continuação de seu funcionamento. Com uma área de mais de 2 milhões de metros quadrados e uma natureza esplêndida, essa seria a perfeita condição para a construção de um residencial nos mais altos padrões habitacionais. Com o objetivo de ser instalado nos moldes de outros residenciais AlphaVille existentes em São Paulo, em abril de 1991, o engenheiro Renato Albuquerque visitou a fazenda e a identificou como reunindo todas as condições para receber um empreendimento condizente com o nome e a importância do AlphaVille. As negociações tomaram aquele ano, até finalmente o ato de sua aquisição. Nascia o sonho do primeiro AlphaVille instalado em uma cidade interiorana. “O senhor Albuquerque, assim que viu a fazenda, ficou encantado com a possibilidade da construção. Por ser uma área de nature-

Viver


aVille

Viver AlphaVille

za exuberante, com lagos e muito verde, esses fatores ressaltaram ainda mais a vontade de ter um residencial que hoje admiramos”, disse Moura, que também é diretor da PRATEC. No ano de 1992, a PRATEC definiu a elaboração de um projeto de parcelamento do solo, submetido à aprovação prévia pela Prefeitura Municipal de Campinas e pelo Grupo de Análise e Aprovação de Projetos Habitacionais do Estado de São Paulo (GRAPROHAB). Essa elaboração perdurou até o final do ano de 1994, e em 1995 foram iniciadas as obras de Infraestrutura do Loteamento AlphaVille Campinas Residencial. Também naquele ano, o Clube AlphaVille já tinha as suas instalações praticamente concluídas. As vendas foram primorosas e instantâneas, sendo um acontecimento incomum para a época. “A ocupação vertiginosa como ocorreu no AlphaVille em Campinas foi um fato atípico no mercado imobiliário brasileiro. As razões estão no planejamen-

abril de 2014 | P 7

to cuidadosamente elaborado, situado em uma região próspera, com acessibilidade privilegiada, respaldada pela forte expressão do nome AlphaVille”, relata Moura. E assim, a cada lote vendido, Campinas ganhava um empreendimento inédito e exemplar, culminado no projeto que no início seria finalizado em quatro anos, mas que teve o seu término no período de dois anos. Atualmente, estão cadastrados cerca de 7 mil moradores que, acrescido dos visitantes e prestadores de serviços, promove um fluxo diário estimado em 13 mil pessoas. E outro quesito respaldado a favor do residencial foi a criação do AlphaVille Empresarial. Com cerca de 90 lotes destinados às atividades de prestação de serviços, comércio, educação, saúde, utilidade pública, lazer e também empresas de alta tecnologia, atendendo praticamente a todos os anseios dos moradores do residencial e seu entorno, o complexo (imposto pela Prefeitura Municipal de

Campinas) veio somar juntamente com o AlphaVille Residencial. Com um conceito norte-americano nomeado Edge Cities, em que inclui moradia, trabalho e diversão sem deslocamentos. Há 20 anos o AlphaVille Campinas consolida o seu nome como empreendimento de grande porte e alto padrão nacional, inserido também em cada morador participante de sua história. “Para enfatizarmos a ideia de como o nosso residencial perpetua no sucesso e transformação a cada ano que passa, no final de 2006 ele já possuía uma população que só era prevista para o ano de 2020, segundo histórico de outros AlphaVilles. Isso é estimulador e mais uma vez ressalta a sua grandiosidade”, ressalta Moura. E a nossa história não para por aí. Buscaremos mais narrativas marcantes sobre o AlphaVille Campinas. Compartilhe conosco você também alguma lembrança, é fácil: envie um e-mail para rp@sacres.com.br. Até as próximas edições!


P 8 | abril de 2014

ACC Acontece

Carnaval agita

o AlphaVille Campinas

No dia 02 de março, o ACC promoveu uma festiva tarde de Carnaval, reunindo diversas famílias do residencial. Ativas e divertidas, as crianças foram o ponto alto da festa. Fantasiadas de princesas, heróis, fadas, piratas e dos mais variados personagens artísticos, todas cantaram, pularam e dançaram ao som de marchinhas carnavalescas e músicas descontraídas. Os pais e familiares presentes na festa também fizeram bonito, acompanhando o ritmo da criançada. O salão social foi especialmente decorado com muitas fitas coloridas e brilhantes. Serpentinas, máscaras e confetes também fizeram parte da decoração, despertando a alegria da garotada. A equipe do ACC agradece a todos que estiveram no Carnaval do AlphaVille.

Viver AlphaVille

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 9


Viver AlphaVille

P 10 | abril de 2014

ACC Acontece

R E H L U M A D A DI o n o d a r o m e m o c é E L L I V A H P L A

Mulheres do residencial se reuniram na manhã de sábado, dia 08/03, para uma celebração especial: o Dia Internacional da Mulher. Diversas atividades foram programadas ao longo do dia, incluindo um belo café da manhã especial, tudo organizado com muito carinho. As professoras, já conhecidas e queridas pelas moradoras, também participaram da comemoração, que com muita disposição e alegria deixaram o sábado mais divertido.

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 11


Viver AlphaVille

P 14 | abril de 2014

CASA

RETROFIT – Valorize o seu imóvel! Por André Americano e Elaine Massuco/ Fotos arquivo pessoal

Arquivo Pessoal

André Americano e Elaine Massuco Arquitetos

Com mais de 20 anos de experiência na área de construção civil, os arquitetos André Americano e Elaine Massuco idealizam projetos arquitetônicos, de design de interiores, desenvolvimento de mobiliário e paisagismo nas mais diversas áreas: residencial, comercial, institucional, saúde, retrofit, edifícios e templos religiosos. Atuam em diversas cidades do país, com ampla cartela de clientes. O foco de seu trabalho é a inovação e a ousadia, através de um projeto singular para cada cliente em especial. Com toques contemporâneos, jogo de volumes e cores - aplicadas em diferentes materiais -, contemplados por um belo projeto de design de interiores e paisagismo que dão o toque final à obra. A prioridade em seus projetos está totalmente ligada ao conceito “feito para servir ao homem”, buscando sempre soluções que atendam as necessidades do cliente, sem abrir mão da funcionalidade, estética e conforto.

Antes Depois Em um mercado imobiliário cada vez mais competitivo, com várias opções de locação disponíveis, porém fechadas por falta de interesse de inquilinos, verificamos a cada dia um novo perfil de locador: mais exigente e atento às opções de mercado, que analisa os prós e os contras dos imóveis disponíveis, tanto para locação como para compra. Uma ótima opção quando se trata de imóveis antigos com mais de 12 anos de uso, para conseguir uma maior rentabilidade de aluguel ou uma venda mais ágil, é o retrofit. Trata-se de um método de revitalização imobiliária que envolve desde a reforma da fachada do imóvel, através da inserção de novos elementos, como vidro e ACM (placas de alumínio), à melhorias nas áreas comuns dos edifícios, com aplicação de novos pisos, revestimentos, gesso, pintura, mobiliário e até mesmo elevadores e plataformas para facilitar a acessibilidade. Antes

Depois

O retrofit busca, através da modernização da construção, tornar o imóvel mais competitivo no mercado em relação aos novos empreendimentos imobiliários. Dentre as maiores vantagens do retrofit, observamos melhora na acessibilidade, segurança, visibilidade, valorização do imóvel e sustentabilidade. Esse método de modernização de imóveis antigos, muito empregado nos países europeus, pode valorizá-los em até 50% em relação ao seu estado original. Revitalizar e atualizar as construções para aumentar a vida útil do imóvel, através da incorporação de modernas tecnologias e materiais de qualidade avançada, é fundamental para reconquistar a valorização de seu imóvel. Serviços: www. arquitetoandreamericano.com.br www.elainemassuco.com.br (19) 3407-2279/3407-3388

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 15


Viver AlphaVille

P 16 | abril de 2014

AGENDA Cultural 25/01 a 21/04 - “Visões na coleção Ludwig” no Centro Cultural Banco do Brasil

A exposição apresenta 70 obras provenientes da Coleção Ludwig, sediada no Museu Estatal Russo de São Petersburgo. A mostra conta com obras-primas da arte pop, do neoexpressionismo alemão, do fotorrealismo e outros movimentos internacionais de arte a partir dos anos 1960 até hoje. Entre os artistas apresentados estão Pablo Picasso, Andy Warhol, Robert Rauschenberg, Roy Lichtenstein, Jeff Koons, Jean-Michel Basquiat, Joseph Beuys, Gerhardt Richter, Anselm Kiefer, George Baselitz, entre outros. Local: CCBB - R. Álvares Penteado, 112 - Centro São Paulo Horário: Quarta a Segunda 9h às 21h Entrada Franca

12/04 - Sandy no Theatro Municipal de Paulínia Depois de abrir 2014 com sucesso de crítica no cinema como uma das protagonistas do longa ‘Quando Eu Era Vivo’ e comemorar a entrada da música ‘Morada’ na nova novela da Globo, ‘Em Família’, Sandy retoma temporada de shows após estreia no Rio de Janeiro, dia 29 de março. A compositora e intérprete da autobiográfica ‘Aquela dos 30’, que no final de janeiro completou 31 anos e recentemente anunciou a chegada de seu primogênito, leva, mais uma vez, a turnê ‘Sim’, homônima ao segundo álbum da carreira solo, para o Theatro Municipal de Paulínia. Local: Av. José Lozano Araújo, 1551 – Pq Brasil 500 Informações: (19) 3324-0060 – www.teatrogt.com.br Site www.bilheteriarapida.com.br/teatrogt

31/01 a 20/04 - Exposição David Bowie no MIS São Paulo

David Bowie pode se orgulhar de seu sucesso comercial e com a crítica especializada. Sua carreira na música já dura quase 50 anos e nessa exposição, especialmente organizada pelo Museu da Imagem e do Som (MIS), os visitantes são levados para uma viagem por meio de inúmeros personagens de Bowie e performances lendárias, destacando as suas influências artísticas e suas experiências com o surrealismo, o expressionismo alemão, a mímica e o teatro Kabuki. A exposição coloca os visitantes dentro do processo criativo de Bowie e mostra como sua obra influenciou diversos movimentos artísticos. Local: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo Ingressos: www.ingressorapido.com.br ou na recepção do MIS. Às terças-feiras a entrada no MIS é gratuita Horários: Terças a Sextas 12h às 21h/ Sábados 11h às 23h/ Domingos e Feriados 11h às 20h

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 17

AGENDA Cultural Em abril - Sinfônica de Campinas no teatro Castro Mendes

A temporada 2014 traz uma série de concertos no teatro Castro Mendes, além de apresentações em diversos palcos da região. Serão mais de 70 apresentações de grandes peças do repertório sinfônico nacional e internacional, com importantes maestros e solistas convidados. De acordo com o diretor administrativo da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas (OSMC) Rodrigo Morte, o repertório será de compositores brasileiros, entre eles Francisco Mignone (Maracatu do Chico Rei), Heitor Villa-Lobos (Choros 10), e Carlos Gomes, com uma série de canções especialmente orquestradas para esse concerto, e a peça “Cenas Quiméricas” de um compositor campineiro contemporâneo, Rafael Picolloto, que atualmente mora nos Estados Unidos. Datas: 12, 13, 26 e 27 de abril Local: Praça Correa de Lemos, s/nº – Vila Industrial- Campinas Horário: 19h / Entrada: R$ 25,00

05 a 27/ 04 – “Penélope - A Repórter Cor-de-rosa” no Teatro Amil

A jornalista, que surgiu na série de TV Castelo Rá-Tim-Bum, leva a plateia numa divertida incursão pelos bastidores de uma emissora de televisão. Cheia de cacoetes e bordões, ela fala sobre iluminação, posicionamento das câmeras e pauta, além de contar histórias pessoais, como o motivo pelo qual usa roupas em tons de rosa. O espetáculo é uma oportunidade de apresentar uma personagem que marcou época no programa da TV Cultura às crianças que ainda não a conhecem e para que os mais velhos matem as saudades desta deliciosa criação de Angela Dip. Local: Parque Dom Pedro Shopping Horários: sábado e domingo às 16h Ingressos: R$25,00 (setor 1) e R$15,00 (setor 2)

05 a 20/04 - “E foram quase felizes pra sempre” no Teatro Amil

Em seu primeiro monólogo – também assinado por ela - Heloisa Périssé brinca já no título com a ideia de que uma relação a dois é (ou deveria ser) semelhante a um conto de fadas. O espetáculo traz a atriz no papel de Letícia Amado, escritora workaholic que passou os últimos meses enfurnada no projeto de um guia de viagens para casais. Tal dedicação cobra um preço: a moça é dispensada pelo relegado companheiro, sujeito tranquilo que não entende o porquê de tanto trabalho. Toda essa história é contada através das lembranças de Letícia, desfiadas no dia do lançamento do seu livro, como se os espectadores fossem os convidados do evento. Os episódios narrados ganham vida através de Heloisa, desdobrando-se em quinze papéis, dos pais da protagonista à sua psicóloga (hilária), além do próprio ex. Local: Parque Dom Pedro Shopping Horários: sexta e sábado às 21h; domingo às 19h Ingressos: R$70,00 (setor 1) e R$50,00 (setor 2)


Viver AlphaVille

P 18 | abril de 2014

COMPORTAMENTO

MBA NO

EXTERIOR

Arquivo Pessoal

Carolina Mizuno

Moradora do Residencial Como não conseguiu conquistar nenhuma vaga de trainee após concluir a faculdade, minha filha Karen resolveu que teria mais possibilidades se fosse estudar no exterior. Pensou em ir para a Austrália ou Nova Zelândia, mas estava difícil encontrar algo que a tornasse mais feliz. Até que encontrei a Efígie, que, por sinal, já tinha realizado o intercâmbio da Karen quatro anos atrás. A Lara, nossa amiga e dona da empresa, sugeriu as faculdades da Califórnia. E o sonho está sendo realizado! É o que eu acredito, pois é muito difícil passar no teste para ingressar no curso e conseguir se manter por um ano. Mas pelos filhos, nós, os pais, nos sacrificamos. Ela tem aprendido a cozinhar, a lavar, a ser mais organizada e até mais econômica. A minha expectativa é de que ela seja feliz e encontre o seu real caminho, tornando–se uma bela profissional. O meu conselho para outras mães é que sejam, principalmente, otimistas em relação aos filhos, desapegadas e que os incentivem a estudar fora. Ter uma pós-graduação ou um MBA no exterior é um diferencial, e se você pode investir em seu filho, porque não fazê-lo?

Por Vanessa Ieno

Karen Mizuno, de 23 anos, é formada em Comunicação Social pela PUC – Campinas, mas hoje encontra-se na Califórnia, cursando MBA em uma universidade que emprega mais vencedores do Prêmio Nobel do que qualquer outra instituição de ensino superior no mundo, a UC – Universidade da Califórnia. Ela faz parte de um grupo cada vez maior que opta por concluir uma pós-graduação no exterior e que são categóricos em afirmar que essa é uma experiência necessária, que não traz apenas ganhos acadêmicos, como aprendizado cultural, pessoal e, principalmente, profissional. “Acredito que voltar com um MBA desse gabarito em meu currículo será um diferencial no mercado de trabalho”, afirma Karen, que optou pela formação em Gestão de Negócios. “Gosto de empreendedorismo e pretendo abrir meu próprio negócio no futuro, para isso preciso estudar e abrir minha

cabeça para novas possibilidades”. Essa é a segunda vez que ela reside em outro país através dos programas da Efígie - Educação Internacional. No programa atual, realizado no campus Riverside da universidade, serão três módulos com duração de três meses cada um, totalizando nove meses. No primeiro, o aluno cursa cinco disciplinas ligadas aos fundamentos da gestão, no segundo, ele escolhe uma área de concentração entre Gestão de Negócios, Hospitalidade, Engenharia, Biotecnologia, Gestão de Esportes ou Mídia e Entretenimento. Além das disciplinas, nesse módulo, também existe um treinamento específico para realizar entrevistas em inglês em grandes empresas. No terceiro e último módulo, o aluno faz um estágio, não remunerado, na área escolhida, em empresas parceiras da UC, como a Merril Lynch, Walt Disney World Resort, Monsanto,

Showtime, entre outras. A supervisão é feita por um dos professores do programa. A UC de Riverside é a única dos EUA que oferece ainda a opção de um quarto módulo, no qual, dependendo do desempenho no estágio, o aluno poderá ser convidado pela empresa para trabalhar por 12 meses, recebendo um salário compatível a um cidadão americano com a mesma formação. Essa é a expectativa de Karen, que pretende ser contratada pela empresa em que estagiar e valorizar, assim, ainda mais o seu certificado final do MBA. Mas para ser admitido no programa de MBA na Califórnia, assim como em qualquer outro de pós no exterior, o interessado precisa ser aprovado no TOEFL, teste que demonstra que a fluência no idioma é suficiente para estudar em uma instituição em que aquela língua é predominante. E a vida lá fora não é só em

Viver


aVille

Viver AlphaVille

sala de aula e trabalhando nas empresas, a UC organiza vários passeios para os finais de semana, que incluem parques, praias, montanhas e cidades vizinhas. Quanto a hospedagem, as opções são as Homestay, que são as tradicionais casas de famílias americanas, em que muitas são de professores e funcionários da própria Universidade e que moram a 10 ou 20 minutos de carro do campus; ou a International Village, apartamentos dentro do campus universitário com cozinha completa e acesso à muitas facilidades disponibilizadas pela

abril de 2014 | P 19

UC. O preço do programa completo por pessoa é de 30 a 33 mil doláres, o que inclui os três módulos, traslados, alojamento com refeição, assistência médica, livros e materiais do curso. Aos que tem interesse em estudar fora, mas não dispõe de tantos meses, a Efígie oferece cinco opções de módulos, em que mini-palestras são intercaladas com exercícios vivenciais. A duração é de duas semanas focadas nas últimas práticas de gerência e estratégia. As salas de aula são compostas por trinta alunos de diversos

lugares do mundo. O valor é de U$ 3.800,00 e inclui todo o material, certificados, traslados, seguro-viagem e a acomodação na UC Riserside em apartamentos duplos com café da manhã. Está pensando no assunto? Pesquise, converse com quem já vivenciou essa experiência e, acima de tudo, permita-se. “Todo dia é um novo desafio para mim, mas eu estou amando viver tudo isso”, garante Karen. Serviços: Efígie Educacional (19) 4141-1515 Efigieeducacional.com.br


Viver AlphaVille

P 20 | abril de 2014

PET

ALERGIA? Cuide do seu melhor amigo Saiba como identificar e tratar a doença com teste alérgico intradérmico e imunoterapia Por Redação

Ela é uma das causas campeãs de visitas aos consultórios dos médicos veterinários e pode ser disparada por uma infinidade de fatores e de elementos que estão por todo o ambiente. A dermatite atópica é uma doença inflamatória e pruriginosa da pele, de ordem genética, que precisa ser tratada com atenção. Mas como identificá-la? Segundo a Professora Mestre Camila Domingues de Oliveira, responsável pelo serviço de dermatologia veterinária na VESP Especialidades Veterinárias, a alergia provoca inflamação na pele e coceira constante de variados graus de intensidade, que não só prejudica a qualidade de vida dos animais como também incomoda os proprietários ao observarem o seu companheiro em situação tão desconfortável. “Os cães apresentam lambedura nas patas e o ato de roçar o corpo em móveis, paredes e tapetes, além de se mordiscar e de se coçar com as patas”, destaca. A dermatite atópica é geralmente

causada pelas mesmas substâncias que ocasionam a rinite e a bronquite alérgica no homem, como os ácaros da poeira doméstica, bolores e fungos, epitélios de insetos e de animais, pólens de gramíneas. Todas praticamente impossíveis de serem eliminadas do ambiente. “O seu diagnóstico é complexo, sendo realizado através da exclusão de outras doenças que causam coceira, como as parasitárias, fúngicas e bacterianas, bem como as outras alergias. Nos animais, em que o diagnóstico já foi estabelecido, o teste alérgico pode ser realizado na tentativa de identificar quais substâncias presentes no ambiente são responsáveis pelo seu desencadeamento”, relata Camila. Dos testes disponíveis, o alérgico intradérmico é considerado o mais confiável, visto que permite a avaliação direta da pele frente à aplicação de substâncias indutoras de alergia em cães. A partir das reações positivas observadas, é possível desenvolver

uma vacina específica para o tratamento. “Vale ressaltar que o tratamento da dermatite atópica exige o uso de diversos medicamentos de forma contínua para o controle da alergia que – com o tempo – podem apresentar efeitos colaterais”. Já as vacinas são praticamente isentas desses efeitos e mais uma aliada no combate, podendo reduzir e até mesmo fazer com que os medicamentos não sejam mais necessários em longo prazo. “É importante lembrar que a doença – por seu caráter genético – não tem cura. O tratamento visa o seu controle, melhorando a qualidade de vida do animal e amenizando os sintomas da alergia. O método com vacinas pode ser realizado em animais em qualquer faixa etária, desde os muitos novos a idosos, sem contra indicação”, afirma Camila. Serviços: VESP Campinas (19) 3367-6733 www.vespcampinas.com.br

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 21

SOLIDARIEDADE

AbraceSolidário e a destinação do Imposto de Renda Atendendo a uma rígida regulamentação exigida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Campinas, a Associação de Desenvolvimento Humano AbraceSolidário está qualificada para receber parte do imposto de renda devido por Pessoa Física e Pessoa Jurídica. O prazo final para a destinação é até o dia 27 de abril. Os cidadãos que declaram no modelo completo do IR podem designar até 6% do imposto devido apurado ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). O contribuinte Pessoa Física, que já colaborou com alguma porcentagem no ano passado, pode destinar o restante desse imposto até a data citada, desde que não ultrapasse o limite anual de 6%. Já para Pessoa Jurídica a regra permanece a mesma, sendo destinado 1% do IR devido. Uma oportunidade única a fim de permitir que parte do seu IR devido permaneça em Campinas e, dessa forma, beneficie crianças e adolescentes, assegurando os seus direitos sociais, além de criar condições para promover a sua integração e participação efetiva na sociedade. Para receber as novas destinações, a Secretaria Municipal de Cidadania Assistência e Inclusão Social (SMCAIS) providenciou

alteração no link do FMDCA no portal da Prefeitura, e incluiu o campo de destinação complementar 2014. Todos os valores destinados são criteriosamente fiscalizados e, no final do processo, há uma rígida prestação de contas de cada instituição beneficiada aos órgãos municipais. No caso da Abrace, o dinheiro investido consiste no atendimento das crianças e adolescentes por meio de atividades socioeducativas nas áreas culturais, esportivas, de preparação para o mundo do trabalho e serviços de acolhimento institucional. Os interessados em contribuir, ou para mais informações sobre a destinação do imposto de renda, devem acessar o site http://fmdca.campinas.sp.gov.br/, preencher o formulário online, imprimir e pagar em qualquer agência bancária, inclusive via internet. Com essa destinação você assegurará muitas ações sociais praticadas em favor da criança e do adolescente de Campinas. A AbraceSolidário agradece a ajuda recebida e os convida para uma visita em nosso centro comunitário, situado na rua Araçandiva 351, Jd. Miriam, Campinas-SP, ou visite nosso site www.abracesolidario.org.br.

Amigo não se compra A paixão por animais – aliada à triste realidade que muitos vivem – fez com que as protetoras Carol Pimenta, Ana Pugliesi e Maria Fernanda Milani criassem o Amor de Bicho. A associação acolhe animais vítimas do abandono e dos maus tratos, e conta com a ajuda de doações e outras contribuições para oferecer tratamentos e alimentação, recuperando-os antes de doá-los a quem ama igualmente esse peludos de quatro patas. São diversos cães em lares temporários ou em canil pago aguardando um lar definitivo. O custo é muito alto e você pode colaborar! Adote ou apadrinhe um cão, ofereça um lar temporário, ou doe remédios, ração ou dinheiro. Entre em contato através do e-mail amordebichocampinas@gmail.com ou pelo telefone (19) 99768-1739. Acompanhe e divulgue a fan page: www.facebook. com/amordebichoresgate.


Viver AlphaVille

P 22 | abril de 2014

SACRES Informa DEVERES dos associados Por Luis Arlindo Feriani Filho (*)

Atendendo a solicitação da Administração, em edições anteriores foram destacados alguns aspectos do Estatuto Social da SACRES e que se relacionam especialmente com os direitos dos associados. Com o único objetivo de contribuir para a disseminação e reflexão das disposições normativas da Associação e após elencar os diversos direitos, é necessário agora chamar a atenção para os correspondentes deveres estatutários. Na qualidade de associado da SACRES - e para que sejam assegurados os direitos previstos no Capítulo III do Estatuto Social - todos devem, inicialmente, cumprir e fazer cumprir fielmente o próprio estatuto e as normas internas da Associação (artigo 8º, inciso I). Como se sabe, o convívio social em qualquer espaço territorial impõe, ainda que de forma natural, a criação, organização e cumprimento de normas de conduta mínimas e que permitem o bem-estar social. Além disso, como forma de permitir a melhor administração dos interesses da coletividade, os diversos órgãos sociais contam com a participação de associados que, eleitos por seus pares, podem conduzir os rumos da Associação por meio da participação direta ou indireta de todos. Não por outro motivo, estabelece o estatuto que os associados devem acatar e cumprir as deliberações das assembleias gerais, “cuja implementação é de responsabilidade da SACRES” (artigo 8º, inciso II). Considerando os inúmeros objetivos da Associação - previstos no artigo 3º - é natural que os associados contribuam com todas as despesas, razão pela qual estabelecem os incisos III e IV do artigo 8º que são deveres de todos pagar à SACRES os valores e as taxas fixados pela assembleia, sendo proibido escusar-se ao pagamento. A respeito do assunto, importa destacar que a todos os inte-

ressados na aquisição de imóveis no residencial é dada a oportunidade de conhecer a documentação pertinente, a forma de implantação, as normas existentes e os direitos e deveres decorrentes e que importarão no pagamento de valores destinados, sobretudo a manutenções e investimentos da associação e do Residencial. Considerando que a mencionada documentação é pública e consta das escrituras públicas e cartórios, o que também sustenta a Associação e os deveres dos associados, ganha relevância a participação nas assembleias gerais e nos diversos órgãos sociais, especialmente quando está em pauta a proposta orçamentária e a posterior prestação de contas. Além das questões acima apontadas, os associados têm por dever desempenhar as obrigações que lhes forem atribuídas pelos órgãos sociais, quando nomeados, por exemplo, para integrar Comissões de Trabalho da Associação. Referidas comissões podem ser criadas para desenvolver trabalhos sobre quaisquer assuntos de interesse da SACRES (artigo 11, §1º, inciso II) e são de suma importância para apresentação de propostas de implantação de melhorias no residencial. Por fim, ainda que se entenda como absolutamente natural e benéfico para tudo e todos, estabelece de forma expressa o artigo 8º, inciso V, que todos os associados têm o dever de colaborar no sentido de preservar o patrimônio econômico e moral da SACRES, o que também justifica o disposto no artigo 57, no sentido de que o descumprimento das normas acarretará na responsabilização do associado conforme dispuser o estatuto e a legislação aplicável. (*) Advogado, Doutorando em Direito Processual Civil pela PUC/SP, Mestre em Direito Processual Civil pela PUC/Campinas, Professor da Faculdade de Direito da PUC Campinas.

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 23

PRINTED WITH R


Viver AlphaVille

P 24 | abril de 2014

SACRES Meio Ambiente Projeto de manejo das CAPIVARAS Por Dr. Francisco Anaruma Filho (*)

O projeto de manejo das capivaras foi apresentado junto a Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo (SMA-SP) em dezembro de 2013, sendo aprovado em março deste ano, porém com algumas recomendações que já estão sendo providenciadas. Concomitante a submissão do projeto, a SACRES já executa as seguintes atividades em relação à questão: • Preparação de reuniões informativas com profissionais de saúde, dando a oportunidade aos moradores do residencial AlphaVille Campinas dirimirem todas as dúvidas sobre a presença de animais silvestres. • Treinamento do veterinário contratado e também dos funcionários da SACRES na Superintendência de Controle de Endemia (SUCEN), referente à captura, manipulação e o manejo desses animais. Além do intercâmbio com outros residenciais da região para a discussão de soluções de problemas semelhantes. • Construção e instalação de dispositivos mecânicos para impedir que as capivaras saiam da área cercada do ACC. • Adequação de uma sala para a realização de pequenas cirurgias e reforma do banheiro, para que todos os procedimentos contidos no projeto de manejo, submetidos

a SMA-SP, sejam realizados dentro dos padrões éticos, higiênicos e seguros. Salientamos aos moradores que todas as fases do projeto são supervisionadas por um membro do Conselho de Administração e da Comissão de Meio Ambiente da SACRES, de forma a assegurar o cumprimento dos protocolos éticos e legais durante as diferentes atividades prévias ao manejo dos animais silvestres. Ainda assim, se faz necessária a sua atenção ao circular pelos lagos do residencial, como, por exemplo: • Caminhe apenas na pista demarcada com pedrisco, de forma a se evitar o contato com carrapatos ou micuins (ninfa do carrapato). • Se por algum motivo você ou seu filho sair da trilha (pista de cooper), quando chegar em casa verifique se existem organismos em suas vestes ou em seu corpo; tome banho quente e se esfregue com o auxílio de uma bucha vegetal. • Ao avistar o organismo (carrapato ou micuim) retire-o imediatamente com uma pinça, por meio de leve torção. Evite espremer o carrapato entre as unhas e lave bem as mãos. Para matá-lo, coloque-o em uma solução de álcool ou hipoclorito (água sa-

nitária). • Para aqueles que foram infectados com carrapato e, posteriormente, apresentarem febre, dor e manchas no corpo, procurem imediatamente um médico ou uma Unidade Básica de Saúde e reportem o contato recente com o carrapato. Os pescadores e funcionários que cuidam do paisagismo do clube devem utilizar EPI específicos para o trabalho (roupas claras, calça comprida com cinto, camisa de manga comprida por dentro da calça, botas, meia por cima da calça e o uso de uma fita adesiva dupla face na altura da canela), e também evite sentar no chão. Mais informações sobre a febre maculosa e carrapatos acessem os seguintes sites: http://www.saude.sp.gov.br/sucen-superintendencia-de-controle-de-endemias/homepage/downloads/arquivos-febre-maculosa http://wwwnc.cdc.gov/eid/article/16/3/ pdfs/09-1338.pdf http://www.cdc.gov/rmsf/ (*) Ecólogo e membro do Conselho de Administração e da Comissão de Meio Ambiente - SACRES

Viver


aVille

Viver AlphaVille

Abril de 2014 | P 25


Viver AlphaVille

P 26 | abril de 2014

SACRES Notas CUIDADO com a velocidade Sempre preocupada com o bem-estar de todos os associados do AlphaVille Campinas, a Administração da SACRES alerta para a prudência na condução de veículos acima do limite de velocidade e na direção perigosa no interior e arredores do residencial. Com um pouco de atenção e responsabilidade, conseguiremos evitar muitas ocorrências que tem acontecido no AlphaVille, inclusive em acidentes com vítimas. O alerta serve também para o uso de quadriciclos motorizados, utilizados em sua maioria por jovens do residencial. É importante ressaltar que a condução de veículo automotor - de qualquer porte ou espécie - por pessoa não habilitada, maior ou menor de idade, caracteriza falta gravíssima, sujeitando o infrator, seus pais ou sócio responsável, à imposição de penalidade aplicável. Por isso, vamos nos atentar a essas importantes questões destinadas à segurança de todos no AlphaVille Campinas.

Aniversariantes do mês de Abril A SACRES, juntamente com o ACC, parabeniza com muito carinho a todos os colaboradores que fazem aniversário nesse mês. Felicidades!

MARCOS ROBERTO BARBOSA

02/04 – Porteiro - Clube

CAMILA MENDELEH MOSCHIM

03/04 – Técnico de Desportivo - Clube

ERIC SILVA

06/04 – Supervisor de Segurança - Sacres

HUGO MARCELINO SANTOS AMARO

09/04 - Controlador de Acesso - Sacres

ELIEL DE FREITAS SELIS

12/04- Estagiário de Engenharia. - Sacres

FÁBIO HENRIQUE BETHIOL

15/04- Coordenador de Contabilidade - Sacres

EDUARDO APARECIDO PEREIRA

19/04- Ajudante Geral II - Sacres

DANIELA APARECIDA BIBIANO

23/04- Coordenador de Segurança - Sacres

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 27


Viver AlphaVille

P 30 | abril de 2014

COMER & Beber

Uma PAIXÃO chamada CAFÉ

Por Gustavo Blosfeld e Vanessa Ieno | Fotos Kalau Xyneck

O café é sem dúvida uma das maiores paixões nacionais. O Brasil é o maior produtor mundial da bebida – com uma fatia de 30% do mercado internacional – e o segundo maior consumidor do produto, atrás somente dos Estados Unidos. As principais áreas de cultivo do país ficam divididas entre o Nordeste, com plantações na Bahia; o Norte, em que destaca Rondônia; e o Centro-Sul, onde a produção se concentra nos estados do Paraná, Espírito Santo, São Paulo e Minas Gerais, que é exatamente onde fica a Fazenda Daterra. A Fazenda é uma empresa produtora e exportadora de café, pertencente ao grupo DPaschoal, fundada em 1980 com direcionamento agrícola. Hoje são produzidos aproximadamente 100 mil sacas de altíssi-

ma qualidade e também nanolotes de cafés exóticos gerados em determinadas áreas da fazenda. Os grãos cultivados são enviados para o Ateliê do Café, em Valinhos, local em que são torrados e vendidos como um dos melhores café gourmet do Brasil. O empreendimento surgiu da necessidade de satisfazer os mais exigentes apreciadores da bebida, que demandavam um produto diferenciado e com alta qualidade. “Os pedidos são atendidos com a devida atenção, preparados com extrema paixão e dedicação, o que é indispensável para se trabalhar com esse tipo de produto”, afirma Fernanda Pivol, coordenadora do Ateliê. O café gourmet tem um preparo que chega a ser quase artesanal e nenhuma máquina é capaz de substituir as capacidades

Viver


aVille

Viver AlphaVille

abril de 2014 | P 31

do mestre torrador, que se utiliza dos cinco sentidos para explorar o melhor do grão e levar essa qualidade até o consumidor. Os oito blends atualmente produzidos tem, cada um, a sua particularidade, que é sentida pelo mestre através do olfato (os aromas que se desprendem do grão torrado); do tato (calor da máquina); da audição (o crepitar dos grãos durante a torra); da visão (como o grão se apresenta); e o paladar... Ah! O paladar! Daí o nome Ateliê. De acordo com o dicionário, esse é o lugar onde trabalham artesãos e, sobretudo, artistas. Segundo Fernanda, esse é o maior diferencial do Ateliê, o cuidado e o manuseio que se tem em cada pedido em especial, a arte e o compromisso em cada um dos produtos, o que faz com que a marca seja a escolha de muitos baristas para competições, o que aumenta a visibilidade do café exportado para oito países. Além do projeto principal, o Ateliê tem realizado algumas ações em paralelo, como

o desenvolvimento do café descafeínado, que, diferentemente dos atuais produtos comercializados no país, não possui tratamentos e processos químicos e é feito por meio da água, que o deixa muito mais puro. Outro projeto que também já está em funcionamento é o “Moinho Itinerante”. Trata-se de um moinho que vai circular inicialmente em cafeterias do estado de São Paulo e, posteriormente, por todo o Brasil. Para requisitar a visita do moinho é só contatar o Ateliê. Todo o aparato acompanha 1kg do blend “Bourbon Collection” para a degustação tanto dos donos como dos frequentadores do estabelecimento. A ideia é agregar novos clientes e também divulgar a qualidade dos cafés especiais da empresa. Como dizem “(...) é da necessidade que nascem as melhores ideias”. O Ateliê do Café, que surgiu de uma necessidade, hoje supre uma das maiores paixões dos brasileiros e faz isso com louvor, superando as expectativas desses apaixonados.

Serviços: Ateliê do Café – da Terra/ 19 3829-6800 www.ateliedocafe.com.br


Viver AlphaVille

P 32 | abril de 2014

chegou a nova rav4

diferenTe de Tudo, iguaL a você.

Imagens referentes à RAV4 2,5L 4x4.

Faróis baixos e luzes de posicionamento de LED*

Lanternas traseiras de LED**

Rodas de liga leve de 16”com novo design***

*Disponível para a versão Altis.**Disponível para as versões Altis e XEi.***Desenho de roda exclusivo para as versões Altis eXEi.ImagensdaversãoAltismeramenteilustrativas.

Banco ToyoTa

www. .com.br

v

e

n

h

a

f

a

z

e

r

u

m

T

e

s

T

Cinto de segurança salva vidas.

3014.7222 nippokar campinas

r. Luís otávio, 1985 ao lado da cPfL

3014.7333 2106.4222 nippokar campinas nippokar Piracicaba av. Barão de itapura, 2096

av. cássio P. Padovani, 1445

d

r

i

v

e

Viver AlphaVille Abril 2014  

Versão online do Jornal Viver AlphaVille Campinas - versão impressa exclusiva para os moradores do condomínio com páginas que não constam na...