Issuu on Google+

Mensário Caso de Sucesso

Curiosidades

Sicolsa

Você Sabia...

Que a cola foi criada pelos homens pré-históricos? A invenção da cola data da era pré-histórica, quando foi criada acidentalmente. Os artistas do passado misturaram ovos, sangue seco e sucos de frutas procurando desenvolver diferentes tintas para pintar as cavernas. Mais tarde, os egípcios aprenderam a fazer colas mais fortes com ossos de animais. Hoje em dia, o famoso líquido é feito de substâncias sintéticas. Que a garrafa térmica foi criada inicialmente para conservar soluções em laboratório? A garrafa térmica foi criada no século 19, pelo inglês James Dewar. Ele não pretendia manter o café quentinho, mas apenas conservar soluções no laboratório. Dewar nunca patenteou a invenção, mas um fabricante de vidros, o alemão Reinhold Burger diminuiu o tamanho da garrafa e enriqueceu, ao lançá-la para uso doméstico, em 1903. Fonte: Terra Curiosidades

Nova Sede Na primeira semana deste mês a construção da nova sede foi retomada. Depois de uma série de avaliações referente a orçamentos e métodos construtivos optou-se por continuar a edificação com a construtora CHF, que já executou a cobertura e a drenagem. A construtora escolhida trabalha há 12 anos com prestação de serviços no ramo de construção civil nas áreas de Indústria, Comércio e Serviços em geral. Uma de suas preocupações observadas em seus projetos é compatibilizar o desenvolvimento de suas atividades com a preservação ambiental e melhoria da qualidade de vida. A CHF tem em sua carteira de clientes empresas como Drogaria Catarinense, Erzinger Indústria Mecânica, Pressenge Ind e Com, Minâncora & Cia, entre outras. Julho / 2006 Ano III / Nº36

“KS Chapelins - Conquistando o Mercado Internacional.”

Que o “olho-de-boi” foi o primeiro selo brasileiro? O Brasil foi o segundo país do mundo a emitir selos. Em 1843, por determinação de Pedro II, começou a circular o “olho-de-boi”, que não trazia a efígie do imperador para que ninguém ousasse carimbar sua augusta face. Também foi excluído o nome do país, porque a palavra Brasil era sagrada e só podia figurar em objetos veneráveis.

A Siderúrgica Colombiana S.A., SICOLSA sediada em Manizales na Colômbia foi fundada em 1980 e desde então dedica-se à fundição de ferro cinzento, modular e outros ferros especiais para a indústria nacional e internacional. A empresa conta com uma equipe capacitada e centrada em princípios além de ter um compromisso econômico, social e ambiental com seus clientes, acionistas e comunidade em geral. A SICOLSA é certificada pela ISO 9001/ Versão 2000 – QS 9000/98, isso permite à empresa um grande nível competitivo. Com a certificação, a empresa fornece um produto de qualidade comprovada, além do preço altamente competitivo. Atualmente a Siderúrgica Colombiana S.A. fornece seus produtos a diversos mercados especializados, alguns deles são: setor automotivo, aqueduto, elétrico e industrial. Colaboração: Paulo - Comercial Fonte: www.sicolsa.com

A diretoria da KS está preocupada em realizar a mudança para as novas instalações o mais breve possível e, com isso, ressaltar a conquista através da soma dos esforços de todos os colaboradores. Para que isso aconteça, já foi confirmada a construção da guarita e, para o fim do mês, o estaqueamento do galpão do RH.

Visite: www.kschapelins.com.br


Reflexão Uma pergunta que foi feita ao médico psiquiatra Roberto Shinyashiki, numa entrevista concedida por ele à revista “Isto É”. O entrevistador Camilo Vannuchi perguntou a ele: - Muitas pessoas têm buscado sonhos que não são seus? Shinyashiki responde: - A sociedade quer definir o que é certo. São quatro as Loucuras da Sociedade. A primeira é: - Instituir que todos têm de ter sucesso, como se ele não tivesse significados individuais. A segunda loucura é: -Você tem de estar feliz todos os dias. A terceira é: -Você tem que comprar tudo o que puder. O resultado é esse consumismo absurdo. Por fim, a quarta loucura: -Você tem de fazer as coisas do jeito certo. Jeito certo não existe. Não há um caminho único para se fazer as coisas. As metas são interessantes para o sucesso, mas não para a felicidade. Felicidade não é uma meta, mas um estado de espírito. Tem gente que diz que não será feliz enquanto não

5 Sensos

casar, enquanto outros se dizem infelizes justamente por causa do casamento. Você pode ser feliz tomando sorvete, ficando em casa com a família ou amigos verdadeiros, levando os filhos para brincar ou indo a praia ou ao cinema. Quando era recém-formado em São Paulo, trabalhei em um hospital de pacientes terminais. Todos os dias morriam nove ou dez pacientes. Eu sempre procurei conversar com eles na hora da morte. Maior parte pega o médico pela camisa e diz: “Doutor, não me deixe morrer. Eu me sacrifiquei a vida inteira, agora eu quero aproveitá-la e ser feliz”. Eu sentia uma dor enorme por não poder fazer nada. Ali eu aprendi que a felicidade é feita de coisas pequenas. Ninguém, na hora da morte, diz se arrepender por não ter aplicado o dinheiro em imóveis ou ações, mas sim de ter esperado muito tempo ou perdido várias oportunidades para aproveitar a vida. “Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é opcional.” Colaboração: Sandra - Qualidade

Piada

Tabela 5´S Junho-2006 SETOR

PONTOS

CONCEITO

Administração

95

Bom

Estampagem

98

Muito Bom

Montagem e Almoxarifado de Componentes

98

Muito Bom

Supervisão e Segurança

92

Bom

Preparação, Manutenção e Lubrificação.

79

Regular

Corte Pinos e Chapas

79

Regular

Tratamento Superficial

86

Bom

Ferramentaria

90

Bom

Almoxarifado/ Recebimento

98

Muito Bom

Controle Final, Expedição e Planejamento

91

Bom

Solda, Almoxarifado de Tirantes

95

Bom

Área Comum

92

Bom

Centro de Corte/ Centro de dobra/ Centro de Processos

84

Bom

Seu Zé, mineirinho, pensou bem e decidiu que os ferimentos que sofreu num acidente de trânsito eram sérios o suficiente para levar o dono do outro carro ao tribunal. No tribunal, o advogado do réu começou a inquirir seu Zé: - O Senhor não disse na hora do acidente “Estou ótimo”? E seu Zé responde: - Bem, vou lhe contar o que aconteceu. Eu tinha acabado de colocar minha mula favorita na caminhonete... - Eu não pedi detalhes!-interrompe o advogado.Só responda à pergunta: - O Senhor não disse na cena do acidente: “Estou ótimo”? - Bem, coloquei a mula na caminhonete e estava descendo a rodovia... O advogado interrompe novamente e diz: - Meritíssimo, estou tentando estabelecer os fatos aqui. Na cena do acidente este homem disse ao patrulheiro rodoviário que estava bem. Agora, várias semanas após o acidente ele está tentando processar meu cliente, e isso é uma fraude. Por favor, poderia dizer a ele que simplesmente responda à pergunta? Mas, a essa altura, o Juiz estava muito interessado na resposta de seu Zé e disse ao advogado: - Eu gostaria de ouvir o que ele tem a dizer. Seu Zé agradeceu ao Juiz e prosseguiu: - Como eu estava dizendo, coloquei a mula na caminhonete e estava descendo a rodovia quando uma pick-up atravessou o sinal vermelho e bateu na minha caminhonete bem na lateral. Eu fui lançado fora do carro para um lado da rodovia e a mula foi lançada pro outro lado. Eu estava muito ferido e não podia me mover. De qualquer forma, eu podia ouvir a mula zurrando e grunhindo e, pelo barulho, eu pude perceber que o estado dela era muito ruim. Logo após o acidente, o patrulheiro rodoviário chegou ao local. Ele ouviu a mula gritando e zurrando e foi até onde ela estava. Depois de dar uma olhada nela, ele pegou a arma e atirou 3 vezes bem entre os olhos do animal. Então, o policial atravessou a estrada com a arma na mão, olhou para mim e disse: - “Sua mula estava muito mal e eu tive que atirar nela. Como o senhor está se sentindo?” - O que o Sr. falaria, meritíssimo?? Colaboração: Sandra - Qualidade


Cipa

DICAS IMPORTANTES

Foi realizada no dia 29 de junho a reunião da CIPA. Participaram os senhores Rodrigo Liberato, Djone Nardes, Flávio Francisco Rosa, José Aparecido de Aguiar, Marciano de Mattos, Jeferson Silva dos Santos, Marcos Antonio Xavier Veira e Sheila Eberhardt Tavares Schork. Foram discutidos os assuntos abordados na reunião anterior, relatadas as melhorias realizadas no período, em especial a reforma do piso do tratamento superficial, e também registradas as novas sugestões para discussão na próxima reunião. O assunto destaque nesta reunião foi a limpeza e a conservação do refeitório. Foi relatado que após o lanche e/ou almoço, ficam sobre as mesas copos, guardanapos, marmitex e restos de alimentos. Pedimos, então, mais zelo por parte dos funcionários e que após o término de seu lanche e/ou almoço depositem suas sobras nas lixeiras, conforme o indicado nas placas colocadas no local. Outra solicitação é que nos horários de entrada e saída da empresa, onde há muita circulação de motos e bicicletas, os funcionários cuidem para deixar livre o portão evitando o risco de um possível acidente. A colaboração de todos faz a diferença.

Instalações elétricas devem ser projetadas e executadas de modo a prevenir, por meios seguros, os riscos de choque elétrico e outros acidentes. Os perigos da eletricidade estão relacionados à intensidade da corrente, sua duração e seu trajeto pelo corpo humano. Para minimizar estes riscos, devem ser tomados os seguintes cuidados: •Não ligue diversos aparelhos elétricos na mesma tomada, pois isto pode causar um curto-circuito •Ao trocar uma lâmpada, sempre a segure pelo bulbo do vidro •Confira periodicamente as suas instalações elétricas e troque o mais rápido possível os fios velhos com isolamento precário, desencapados ou defeituosos •Não se esqueça de desligar a chave geral antes de fazer qualquer reparo na instalação •Nunca use arames ou fios no lugar de fusíveis •Não faça adaptações, pois elas comprometem a segurança do seu imóvel e das pessoas que vivem ou trabalham nele •Nunca use e nem coloque aparelhos elétricos em lugares molhados •Quanto estiver utilizando algum aparelho elétrico, não se encoste em canos metálicos (água, por exemplo). Como eles estão em contato com a terra, a corrente elétrica poderá passar através de seu corpo •Nunca desligue um aparelho elétrico puxando pelo fio •Confira se suas instalações foram projetadas e executadas de acordo com as normas NBR 5410 da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT. Colaboração: Sheila - Segurança

Qualidade Política da Qualidade A KS Chapelins projeta e desenvolve ferramentas, produz artefatos metálicos e ferramentas para a indústria, atuando positivamente junto aos clientes. Compromete-se a cumprir os requisitos dos clientes, satisfazendo-os com produtos de qualidade e a promover a evolução contínua do sistema de gestão da empresa e dos colaboradores. Política da Qualidade Cliente

Evolução Contínua

Objetivo da Qualidade

Visão

Ser reconhecida no mercado como empresa confiável no fornecimento de artefatos metálicos.

Negócio

Produção de artefatos metálicos para a indústria.

Missão

Proporcionar aos clientes, segurança na aquisição de artefatos metálicos.

Indicadore de Desempenho

Meta

Realizado Junho 2006

Promover o aumento do nível de satisfação dos clientes

Satisfação dos clientes (semestral)

95%

96,22%

Promover o aumento do nível de satisfação dos colaboradores

Satisfação dos colaboradores (semestral)

75%

70,39%

Manter o índice previsto na pontualidade de entregas para os pedidos de vendas com entrega para o período.

Pontualidade nas entregas

100%

100%

Evitar perda de peças produzidas, durante o processo.

Perdas de processo (refugos + retrabalhos)

2%

2,87%

Aumentar a eficácia do sistema de gestão da qualidade

Implementação de Ações Preventivas e Ações Corretivas

90%

100%

Promover o desenvolvimento dos colaboradores

Índice de Treinamento

2,0h/h

1,72hr/h

Evoluir o índice de adequação do ambiente

Adequação de ambiente

92%

90,54%

Aumentar o percentual de manutenções preventivas de ferramentas

Manutenção de Ferramentas

35%

45,50%


RH Aniversariantes Julho 02 Fábio Luciano Cidral 04 Jeferson dos Santos 06 Elton Silvério Leandro Nava Lincoln M. de Avis Roberson Hilleshain 08 José A. de Aguiar 09 Juliano Rossi 10 Jorge Marcilio Alves Jose Luiz Soares Mota 11 Cleverson L. Damaceno Luiz Fernando Peres Sidnei França

14 Sandro da Rocha 17 Fábio Santos Batkai 18 Mércio de Oliveira 20 Adriano da Silva 22 Robson Machado 23 Luiz E. de Oliveira 25 Diovane M. da Silva Marcos D. Tramontini 27 Ricardo Cardoso Urias de Souza 30 Leandro da Silva Mauro C. dos Santos 31 Ubirajara X. Vieira

Agosto 01 Eder de Abreu 02 Laércio Franz 03 Luiz Fernando Moreira

09 José Inácio Voitena 12 Paulo César Vasel

Agenda Data adiantamento salarial: 20/07/2006 Período de retirada da cesta básica: 24 horas após a entrega na empresa Data do pagamento salarial: 5º dia útil de agosto

Metalurgia 2006 A 5ª edição da Feira Metalurgia é considerada como a segunda mais importante feira da indústria de fundição. Realizada em Joinville a cada dois anos, a Metalurgia reúne expositores nos segmentos de fundição, siderurgia, forjaria, alumínio, serviços, educação, entre outros. O evento bienal realizado pela Messe Brasil Feiras & Promoções, acontecerá de 8 à 11 de agosto no Megacentro Expoville. Para melhor atender ao público sua estrutura foi ampliada, onde a área de exposição passou de 3.000 para 7.000m2. A região sul do Brasil é pólo de destaque nacional no segmento, figurando em segundo lugar na produção de fundidos (Abifa), sendo que Santa Catarina reúne cerca de 1.434 indústrias metalúrgicas, o que proporcionará uma excelente oportunidade para o setor e um ambiente ideal para empresas, que como a KS Chapelins, buscam a troca de informações, inovação e oportunidades de negócios. Estaremos expondo nossos produtos na Rua “B” – Stand 135, visite-nos! Colaboração: Paulo - Comercial

Comemoração Julho

Charge Se você acha que sua vida é um stress só, tem gente em situação bem pior...

20 Dia da Conquista da Lua (1969) Dia Internacional da Amizade 25 Dia do Motorista 26 Dia dos Avós 27 Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho 31 Libertação dos Indígenas do Brasil (1609)

Agosto 01 Dia do Selo Postal Brasileiro 04 Dia da Campanha Educativa Combate ao Câncer 05 Dia Nacional da Saúde 09 Dia Internacional do Índio 11 Dia da Consciência Nacional Fonte: www.educacional.com.br

Colaboração: Sandra - Qualidade

Expediente - Redação:Luciana K. Soares; Edição: Nankim CG (47 - 3028 2328) Colaboradores:Sandra, Patricia, Sheila, Paulo e Junior; Tiragem:280 exemplares

KS Chapelins - Rua Patrício Maia, 31 - Guanabara - Joinville/SC Fone/Fax: (47) 3426 2074; E-mail: ksqualidade@kschapelins.com.br


2006-07-KS-Jornal