Page 1

A LENDA DO PARANOÁ


IESB - DESIGN GRÁFICO 1/2018 - NOTURNO CAMILA KAKAZU


Há muito, muito tempo, antes da chegada dos bandeirantes ao Planalto Central,

Existia uma tribo indígena chamada Goiases.

Segundo a lenda, nessa tribo crescia um belo índio, chamado Paranoá.

Seu pai havia morrido por uma picada de cobra cascavel...

...e sua mãe havia partido para outras terras com um jovem guerreiro.


Paranoรก ficou sรณ...

Mas por pouco tempo.

O cacique da tribo resolveu criar a crianรงa.


Os dois se davam muito bem.

O tempo foi passando...

E assim, sob os cuidados do cacique, Paranoรก cresceu.


Com o passar dos anos, porém, a tribo diminuía cada vez mais.

Os integrantes aos poucos deixavam o lar em busca de terras mais prósperas.

E logo restaram poucos índios além do cacique e Paranoá.

E convenceu Paranoá a partir com os demais.

O cacique, consciente que tinha pouco tempo de vida, decidiu ficar.


No entanto, na noite anterior à sua partida,

Tupã apareceu em seu sonho.

Disse que Paranoá deveria ficar no cerrado, mesmo quando todo seu povo tivesse partido.


Disse ainda que mandaria uma linda mulher, BrasĂ­lia, a quem ParanoĂĄ deveria amar: com ela teria filhos e povoaria toda aquela terra.


Paranoá, então, decidiu ficar.

Até mesmo após a partida do cacique.

E assim, durante anos, caminhava todas as noites pelo cerrado, sempre só, à espera de sua prometida.


Sua Ăşnica companheira era Jaci, a lua.

E ela, de tanto o admirar, acabou se apaixonando por ParanoĂĄ.


Um dia, durante sua caminhada logo antes do anoitecer, ouviu um barulho estranho.

Ao verificar, avistou uma linda mulher.

Logo teve a certeza de que era sua prometida.


Ambos naturalmente sabiam que eram destinados um para o outro.

Jaci, ao longo de todos esses anos permanecera sempre ao seu lado, e era a ela a quem seu coração pertencia.

Porém, ao se aproximarem um do outro, Paranoá hesitou e mudou de ideia.


Tupã, decepcionado com a resolução de Paranoá, decidiu castigá-los.

Paranoá, aos poucos, transformou-se em lago.


E assim tentou, até quanto pôde, alcançar sua amada.


Enquanto BrasĂ­lia tornara-se cidade.


Paranoå foi condenado a eternamente abraçar Brasília.

E apesar dos anos passados desde o nascimento da cidade...


Acredita-se ainda que quando Jaci finalmente conseguir elevar Paranoá para viverem juntos,

Brasília desaparecerá tão rapidamente quanto surgiu.

FIM


HQ - Lenda do Paranoá  

Trabalho para a disciplina de Semiótica (IESB - 1/2018) Exercício de representação.

HQ - Lenda do Paranoá  

Trabalho para a disciplina de Semiótica (IESB - 1/2018) Exercício de representação.

Advertisement