Page 356

não estão prestando atenção naquilo em que estão. Sem perceber a agitação ou indiferentes à atmosfera de suspense e aos olhares curiosos que não se desviavam deles, os dois contendores encaminharam-se juntos para o centro da sala; Langford para chegar ao criado que levava uma bandeja de bebidas, DuVille para voltar ao seu lugar na mesa de jogo. —Era minha vez de dar cartas? —perguntou, sentando-se no seu lugar. Os dois rapazinhos responderam ao mesmo tempo que sim, o duque de Stanhope disse que não tinha absoluta certeza, mas Baskerville, que estava zangado por ter passado por mentiroso ou bobo diante dos jovens, falou o que todos tinham vontade de falar: —É melhor você dizer a esses dois meninos o que aconteceu lá dentro ou eles não vão conseguir prestar atenção no jogo nem dormir, mais tarde, sem saber o que aconteceu. Mas vejo-me na obrigação de lhe dizer, DuVille, que foi um comportamento condenável. De ambas as partes! —Não há o que contar respondeu Nicholas, tranquilo, pegando suas cartas e abrindo-as em leque, habilidosamente. Conversamos a respeito de um casamento. Baskerville fitou-o desconfiado. Os dois rapazes pareciam estar se divertindo, mas só o mais bêbado teve a temeridade e a má educação de pedir mais do que aquela explicação. —Um casamento? —perguntou, olhando meio vesgo para o colarinho amarrotado e a gravata fora do lugar de DuVille.— O que dois homens podem conversar sobre casamento? —A respeito de qual dos dois será o noivo —foi a resposta calma do francês. —E decidiram?— perguntou o rapaz menos bêbado, enviando um olhar de zangada advertência para o companheiro e procuramdo dar a impressão de que acreditava naquela história esquisita. —Sim.— O francês inclinou-se para colocar suas fichas no centro da mesa. —Eu vou ser o padrinho. O rapazinho bêbado tomou mais um grande gole de vinho e deu uma risada: —Um casamento!— exclamou com sarcasmo, evidenciando que não acreditava naquela bobagem. Nicholas DuVille ergueu a cabeça bem devagar, olhou-o com profunda atenção e

Profile for Keyllane Guedes (Key)

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Profile for keyohkey
Advertisement