Page 340

Havia tanta compreensão e apoio naqueles olhos cor de violeta que Sherry se sentiu como uma menina de quinze anos, em vez da governanta que era. — Tenho,— sim insistiu, teimosa. —Sei quanto sua mãe deseja o casamento entre ele e você, sei que deve ter se admirado ao me ver… me ver dirigir-me ao lorde de modo tão atrevido e familiar. Como se mudasse de assunto, Julianna comentou: —Tem razão quanto às intenções de mamãe… Lembro-me que ela ficou nervosíssima, acho que uma semana antes de você ir lá para casa. Sentindo-se uma covarde por aceitar o desvio da conversa, Sheridan perguntou —Por que sua mãe ficou nervosa? —Porque o noivado do conde fora anunciado nos jornais —Ah, —E a noiva dele era uma americana Inquieta diante do olhar franco da jovem, ela nada disse — Claro, havia mexericos a respeito dela— continuou Julianna, —e você sabe como mamãe adora saber tudo o que acontece na alta aristocracia. Diziam que a noiva dele tinha cabelo vermelho muito, muito vermelho E que ele a chamava Sherry. Diziam também que ela perdera a memória por causa de uma pancada na cabeça e que deveria recuperá-la, mais dia, menos dia Numa última e frágil tentativa de continuar anônima, Sheridan indagou —Por que está me contando isso? —Para você saber que pode contar comigo, se precisar de ajuda, e que foi por sua causa que nos convidaram para este fim de semana. Notei que havia algo estranho quando vi o modo como Lorde Westmoreland reagiu ao vê-la junto do coreto, ontem. Fiquei surpresa por mamãe não perceber o que flutua claramente no ar —Não ha nada flutuando no ar —negou Sherry, orgulhosa. —Esse capítulo horrível foi encerrado Sem comentários, Julianna indicou Monica e Georgette com um aceno de cabeça —Elas sabem quem você é? —Não. Nunca as encontrei quando eu era.— Calou-se antes de dizer Charise Lancaster

Profile for Keyllane Guedes (Key)

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Profile for keyohkey
Advertisement