Page 248

38 Cantarolando baixinho, Sheridan pegou o vestido que ia usar em seu casamento, dali a uma hora, e estendeu-o em cima da cama. Ainda era muito cedo para pôr o maravilhoso vestido azul, e os ponteiros do relógio, no consolo da lareira, pareciam movimentar-se mais devagar do que nunca. Uma vez que teria sido impossível convidar alguns amigos e omitir outros, haviam decidido que apenas a família iria ao casamento, o que evitaria ferir as suscetibilidades de amigos que não fossem convidados e faria do acontecimento uma ocasião calma e familiar, como Sherry preferia. Isso daria chance, também, para esperarem algumas semanas antes de comunicar o casamento, o que o faria parecer menos súbito. De acordo com a duquesa Alicia, que gentilmente pedira a Sherry, na noite anterior, que a chamasse de mãe, casamentos apressados despertavam uma tempestade de mexericos e conjeturas sobre os motivos da pressa. Miss Charity tinha sido convidada porque ninguém tivera coragem de excluí-la, e ela deveria chegar a qualquer momento. O dr. Whitticomb era o único outro convidado que não fazia parte da família, mas mandara um recado dizendo que um paciente precisava dele com urgência naquela manhã e que passaria mais tarde, para tomar uma taça de champanhe. De acordo com o planejado, o duque de Claymore estaria lá dentro de uma hora com a mãe e Whitney; Stephen chegaria meia hora depois, exatamente às onze horas, quando o casamento seria realizado. Sheridan ficara sabendo que os casamentos ingleses aconteciam, tradicionalmente, entre as oito horas e o meio dia, para que os noivos tivessem uma noite inteira para pensar, e depois, a luz do dia para iluminar o importante passo que estavam para dar. O padre deveria ter avaliado a importância de fazer o casamento do conde Langford, pois chegara uma hora antes para ter certeza de não se atrasar: precaução que Colfax achava um tanto divertida, como demonstrou a Sherry ao comunicar-lhe a chegada do religioso. Vestido formalmente para a ocasião, assim como todos os criados que ela vira naquela manhã, o mordomo-chefe também lhe informara que os criados desejavam cantar para ela, naquela ocasião tão importante, uma das canções tradicionais que haviam ensaiado na cozinha, e pediam licença para fazê-lo. Emocionada com a homenagem, ela imediatamente permitiu.

Profile for Keyllane Guedes (Key)

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Profile for keyohkey
Advertisement