Page 225

admitir que deve fazê-lo. De qualquer modo, o resultado vai ser nosso casamento no domingo. Sob o aveludado tom de barítono, havia uma determinação férrea, uma confiança arrogante de que ele poderia fazer acontecer o que bem quisesse, de que poderia fazê-la sentir-se mais desamparada e surpreendida. Sherry sabia que o conde era bem capaz disso e queria que ela o admitisse; sabia que podia beijá-la e fazê-la perder a cabeça em poucos minutos. — Ontem você não estava com pressa de casar, de honrar nosso compromisso de noivado — observou ela, altiva.— O que o fez mudar de ideia tão de repente? Seu pai morreu e você não tem ninguém no mundo, a não ser eu, pensou Stephen, porém sabia que havia outro motivo mais importante para ele do que esse, se bem que não inteiramente verdadeiro. — Ontem eu ainda não havia descoberto que queremos um ao outro com tanto desespero. — Sim. Mas esta noite, mais cedo, eu tinha certeza que não queria você de modo algum. Espere! Tenho uma sugestão. Stephen sorriu ao ver o rosto bonito iluminar-se, apesar de saber que não ia apreciar nem admitir nenhuma alteração nos seus planos. Quinhentos anos de pura nobreza corriam em suas veias, e, com a arrogância natural de seus ilustres antepassados, Stephen David Elliott Westmoreland tinha resolvido que sua determinação é que iria prevalecer. O mais importante de tudo era que ela o queria e que ele a queria. Além disso, o único motivo da pressa é que desejava que Sherry pudesse avaliar durante algum tempo o que era ser sua esposa, antes de saber que seu pai morrera. — Podemos continuar mais algum tempo assim, e se você não se tornar desagradável, se nós continuarmos a gostar de nos beijar, então poderemos nos casar. — Sugestão tentadora — mentiu Stephen, bem-educado;— mas acontece que pretendo fazer muito mais do que apenas beijar você, e me sinto… desconfortavelmente ansioso… para satisfazer a nós dois nesse ponto. A resposta dela a essa observação provou que Sheridan esquecera mais do que seu nome e do nome de seu noivo. Ou era isso ou, como muitas das moças inglesas bem nascidas, ninguém lhe dissera o que acontecia na noite de casamento. Com as finas e bem desenhadas

Profile for Keyllane Guedes (Key)

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Profile for keyohkey
Advertisement