Page 163

Ao perceber que ele hesitava, ela ergueu o rosto e sorriu, para mostrar que estava bem: — O que ia dizer? — incentivou-o. — Que tomei uma decisão com a qual minha família concorda— respondeu ele, indicando que ela não tinha para quem apelar, caso não gostasse do ultimato. Quero que você participe da temporada e tenha a atenção de outros cavalheiros, antes de anunciarmos nosso noivado. Sheridan teve a impressão de ter sido esbofeteada. Não queria a atenção de estranhos e não conseguia imaginar por que ele agia dessa maneira. Procurando evitar que sua voz tremesse, falou: — Posso saber por quê? — Sim, é claro. Casamento é um passo muito sério, que não deve ser dado com pressa… — Stephen se amaldiçoou mentalmente: em vez de estar dourando a pílula, devia ser direto e convencê-la.— Como não tivemos tempo de nos conhecer bem antes que você viesse para cá, decidi que deve ter a oportunidade de entrar em contato com outros possíveis pretendentes, antes de me aceitar definitivamente como marido. Por isso, quero que nosso noivado continue um segredo nosso e de nossas famílias, por algum tempo. Alguma coisa pareceu romper-se no íntimo de Sherry: ele queria que ela encontrasse outra pessoa. Estava tentando livrar-se dela, podia sentir isso. E por quê não? Ela era uma pessoa que não saberia sequer seu nome se não lhe tivessem dito, e nada tinha a ver com as mulheres lindas e alegres que vira no parque no dia anterior. Não podia comparar-se à cunhada ou à mãe dele, que tinham maneiras aristocráticas e eram seguras de si. Se elas haviam concordado com aquilo, com certeza não a queriam na família, portanto a cordialidade com que a tratavam era falsa. Lágrimas de humilhação subiram-lhe aos olhos, queimando-os, e ela se pôs de pé, procurando controlar-se, lutando desesperadamente para ocultar o orgulho ferido. Não podia encará-lo e também não podia sair correndo do escritório, pois isso demonstraria o que sentia. Voltou-lhe então as costas e foi até a janela, onde permaneceu por alguns minutos, fingindo observar o movimento da rua. — Creio que é uma ideia excelente, milorde — conseguiu dizer, sem enxergar nada do que acontecia lá fora por causa das lágrimas. Percebeu que ele se levantava e se aproximava; engoliu em seco e respirou fundo, antes

Profile for Keyllane Guedes (Key)

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Até Você Chegar - Judith McNaught  

Profile for keyohkey
Advertisement