Issuu on Google+

INTRODUÇÃO DURAÇÃO O principal objetivo deste monográfico será um complemento às técnicas escutistas, sendo estas mais apelativas e desafiantes. Como monográfico de iniciação a uma modalidade que permitirá aos dirigentes, candidatos e auxiliares adquirir uma ferramenta educativa para os seus jovens. Pretendemos que o formando termine a formação com a consciência dos riscos inerentes a prática, ficando preparado para efetuar progressões em canyons em autonomia como praticante e inserido num grupo devidamente monitorizado,. Neste modulo apenas é pretendido que o formando seja capaz de progredir de forma autónoma deixando para o nível avançado a formação em relação ao planeamento, realização e todas as componentes de socorro imprescindíveis para a segurança e boas práticas nesta modalidade. Para a realização deste monográfico, cada três formandos serão acompanhados por um monitor.

20 Horas Teórico-práticas – 12 horas Práticas – 8 horas LOCAL Centro de Formações em alfena ; Valongo Descida de um Rio (local a designar mediante a hidrologia do rio) DATAS 1º curso - 28 e 29 de Junho de 2014 2 º curso – 13 e 14 de Setembro de 2014 PLANO DE FORMAÇÃO •Apresentação e história da modalidade •Enquadramentos legal •Materiais- individuais e coletivos •Técnicas de progressão- rapel, bloqueio de descensor, destrepe, saltos e tobogãs •Nós- nó de pescador duplo, nó de oito, prusik •Segurança e risco em canyoning

FUNCIONAMENTO PROGRAMA Inicio com uma pequena introdução teórica. E todo o desenrolar da formação será teórico-prática. FINALIDADES Consiste em formar os dirigentes, candidatos e auxiliares de conhecimentos que permite a exploração progressiva de rios, transpondo os obstáculos sendo eles verticais, horizontais e anfíbios, através de diversas técnicas e equipamentos.

Sábado 08h00- Inicio da formação Regime de acantonamento acampamento Domingo 19h00- encerramento

ou

FORMADORES A equipa de formadores é constituída por monitores com formação em alpinismo, montanhismo, manobra de cordas, espeleologia, socorro em canyoning, socorro em locais remotos e socorro técnico por cordas.


AVALIAÇÃO Avaliação contínua – durante o curso. Os dirigentes são qualificados em apto ou não apto

- A inscrição só é considerada válida com o pagamento por transferência para o NIB da JRP 0046 0198 0060 0283926 12 (Banco Popular) e envio do comprovativo para o email geral@porto.cne-escutismo.pt

NA INSCRIÇÃO ESTÁ INCLUIDO Materiais de apoio, certificado de qualificação, material técnico necessário ao curso. Dois cordino

CORDENAÇÃO TECNICA Equipa Regional de Formação Atividades ao Ar Livre – ERFAAL Para mais informações

NA INSCRIÇÃO NÃO ESTA INCLUÍDO erfaal@porto.cne-escutismo.pt Transportes, deslocações, alimentação, material para acantonar e todos os extras a atividade. NÚMERO DE PARTICIPANTES Número mínimo 6 participantes e número máximo de 12 participantes. PRÉ REQUISITO Nenhum impedimento físico ou médico para a prática desta atividade Ser dirigente, candidato a dirigente, ou auxiliar do Corpo Nacional de Escutas CUSTO 25 euros INSCRIÇÕES As inscrições realizam-se através formulário eletrónico na página:

do

https://docs.google.com/a/porto.cneescutismo.pt/forms/d/1SVqkTQAZOPNa_N bUPiA87bYUQ4M82Zz_7FvzZPGLyn8/viewf orm

de


Plano de curso canyoning inicial