Issuu on Google+

Sind Vans

01 EDIÇÃO

Info.

Agosto 2011

INFORMATIVO MENSAL DO SINDICATO DOS PERMISSIONÁRIOS AUTÔNOMOS DE VEÍCULOS EM TRANSPORTE PÚBLICOS ALTERNATIVOS DE PASSAGEIROS E REGIÃO

« Rumo ao futuro Comemorar as vitórias e preparar-se para os novos desafios. Na longa estrada que nos trouxe até aqui, a certeza: ESTAMOS NO CAMINHO CERTO! Esse é o jeito Sindvans de lutar, promovendo conquistas, propondo debates e valorizando o trabalho do permissionário.

« Comunicação direta e eficiente

Pág.:02

Sindvans Info: O novo Informativo chega para estreitar ainda mais os laços entre o Sindicato e a categoria. Confira! Pág.: 02

« Especial - Restrospectiva

Com uma trajetória de conquistas e reconhecimento, o Sindvans segue na luta e se fortalece para o amanhã. Relembre as principais ações desde 2005. Págs.: 3 e 4

017994 - INFO.SindVans - n1.indd 1

04/08/2011 08:22:51


« Editorial

SINDICATO DOS PERMISSIONÁRIOS AUTÔNOMOS DE VEÍCULOS EM TRANSPORTE PÚBLICOS ALTERNATIVOS DE PASSAGEIROS E REGIÃO

Sindvans: uma história de conquistas; os olhos

voltados para o futuro Já se passaram alguns anos desde que empreendemos a missão de iniciar a luta pela nossa classe, pela profissionalização e o fortalecimento da categoria. Muitas vitórias foram obtidas, em especial o respeito da sociedade e o reconhecimento da nossa honestidade e nossa transparência. O momento agora é de, fortalecidos pelo nosso passado, voltarmos os olhos para o futuro. Temos, dentro do Sindvans, trabalhado com seriedade em busca de modernização e aprimoramento, atentos às mudanças do mundo, do nosso país, do nosso setor.

« Especial

Você, nosso companheiro de luta, tem percebido essa evolução, tem participado dela, se beneficiado com uma gestão cada vez mais séria e comprometida. Para marcar esse avanço, estamos reformulando nossa estratégia de comunicação e lançando este novo informativo, uma ferramenta mais ágil, mais moderna, em sintonia com nosso espírito. Nessa primeira edição do novo informativo, uma retrospectiva do nosso trabalho desde 2005, nossas principais conquistas, os maiores desafios. Mostramos, também, os projetos

de curto e médio prazo que temos desenvolvido, as capacitações que nossos colaboradores têm realizado e nossas iniciativas de intercooperação e responsabilidade socioambiental. Queremos você informado, por dentro de todo nosso trabalho. Participe: leia o informativo, envie suas sugestões, críticas, comentários, diga o que você gostaria de ver noticiado aqui. Ajude-nos a construir um sindicato cada vez mais ativo, inovador e adequado às suas necessidades. A Diretoria

Desde 2005

Sindvans na luta pela melhoria do transporte complementar Unir forças, trabalhar com seriedade, buscar um nível de profissionalização cada vez maior para os permissionários: colecionar conquistas. É o que tem feito o Sindvans nos últimos seis anos. Vitórias que orgulham e motivam ainda mais a categoria. Ao negociar com lideranças de forma firme e per-

« Expediente

Uma publicação da Assessoria de Imprensa do Sindvans - Simmetria Comunicação contato@simmetriacomunicacao.com.br

Jornalista Responsável: Julyta Albuquerque Reportagem: Thaís Pereira Revisão ortográfica: Thaís Pereira Contatos: (85) 3223.2909 E-mail: info@sindvans.com.br Diagramação: Sullivan Rodrigues Impressão: Expressão Gráfica Tiragem: 3.000 exemplares

02 017994 - INFO.SindVans - n1.indd 2

sistente, o Sindvans mostra como se constrói a verdadeira luta sindical, pautada na honestidade e na transparência, beneficiando não apenas um setor, como toda a sociedade. Os resultados alcançados dizem tudo. Nessa história de desafios e total dedicação, ganham os permissionários,

motoristas, trocadores e passageiros que puderam assistir a uma evolução concreta dos transportes complementares de Fortaleza. Relembre, na exposição a seguir, uma mostra do esforço e empenho do Sindicato desde 2005 e um pouco das conquistas até aqui obtidas.

DIRETORIA EXECUTIVA Presidente - Antônio de Pádua Chaves - 308/11 - Vice-Presidente - Valdira de Carvalho Praciano Silva - 373/11 Secretário - Eliéser Freire de Araujo - 299/53 - Diretor Financeiro - Joaquim Rodrigues Neto - 313/12 Diretor Patrimonial - Francisco das Chagas Araujo - 168/53 Diretor de Assuntos Sindicais - Raimundo Gomes Neves - 293/28 Diretor Social - Edson Castelo Branco Lima - 306/09 CONSELHO FISCAL Presidente - Valdembergue Rodrigues Praciano - 381/06 - Primeiro Conselheiro Gilberto Ferreira Lima - 344/05 Segundo Conselheiro - Raimundo Nonato do Nascimento - 201/06 Primeiro Suplente - Jose Edivone Carneiro - 133-25 - Segundo Suplente - Jeferson Cardoso da Silva - 274/13

04/08/2011 08:23:06


« Retrospectiva

Edição 01 - Agosto de 2011 - www.sindvans.com.br

2006

O início de uma nova era, marcada pela seriedade e competência Empossada em janeiro, a diretoria, liderada pelo presidente Antônio de Pádua Chaves, assumiu em condições pouco favoráveis: desorganização administrativa, negociações sem transparência e muito a se fazer. Abria-se campo fértil para a atuação de uma equipe obstinada em atingir resultados e resgatar a confiança da categoria. O início do trabalho foi marcado pela preocupação em reestruturar o Sindicato, iniciar um processo de formação e capacitação e atuar mais fortemente no âmbito político, para o alcance de metas.

A luta do Sindvans no processo de revisão da Lei Orgânica As audiências públicas e demais atos que trataram sobre o transporte coletivo foram acompanhados de perto pelo sindicato. Das reuniões, surgiram emendas que foram elaboradas e discutidas com a categoria. O principal objetivo das emendas era o de fazer constar na Lei Orgânica, pela primeira vez na história de Fortaleza, o Serviço de Transporte Alternativo, na categoria de Transporte Coletivo Complementar.

2007

Muito trabalho no aniversário de 10 anos

Homenagem da Câmara ao Sindvans

O ano de 2007 marcou a homenagem da Câmara Municipal pelos 10 anos do Sindvans, em audiência pública, cujo tema era “Os dez anos do transporte complementar em Fortaleza”. Parlamentares e presentes enfatizaram a necessidade de canais de diálogo para a solução de problemas e melhoria do serviço prestado à população.

Discussões relevantes no avanço da categoria No início do ano, foram iniciadas as discussões para atualização da Lei 8.060, que originou a categoria, e do Decreto 10.222, que regulamenta o Transporte Complementar. Ainda no primeiro semestre, o Sindvans discutiu na Etufor (Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza) a situação de transferência de permissão. O processo, então realizado por meio de ação judicial, passou a ser reconhecido pelo órgão gestor.

2008

Tempo de implementar melhorias e discutir projetos para elevar a qualidade dos serviços Visita a cooperativas de São Paulo Representantes do Sindvans, COOTRAPS e Etufor estiveram em São Paulo para conhecer as experiências das cooperativas que fazem o transporte complementar na capital paulista. Na viagem puderam ver em prática algumas lições de Cooperativismo e como os profissionais de lá solucionaram muitos dos problemas comuns a Fortaleza.

Sindvans define piso salarial dos operadores para o ano seguinte Foram várias rodadas de negociações do piso salarial dos operadores, porém, em convenção trabalhista realizada no fim do ano, o valor acertado foi o sugerido em Assembleia Geral Extraordinária do Sindvans. Mais uma vitória para o nosso Sindicato.

03 017994 - INFO.SindVans - n1.indd 3

04/08/2011 08:23:07


« Retrospectiva

SINDICATO DOS PERMISSIONÁRIOS AUTONOMOS DE VEICULOS EM TRANSPORTE PÚBLICOS ALTERNATIVOS DE PASSAGEIROS E REGIÃO

2009

Melhores condições para quem trabalha e para quem faz uso do Sistema de Transporte Complementar Integração do Sistema de Transporte Público No início do ano, diretores sindicais e coordenadores de linha se reuniram na Etufor para discutir a integração do Sistema com ônibus, trem e complementar, integração temporal, caixa único e a realização de cursos de capacitação para operadores. Para o Sindvans, a integração é um cenário possível, cada vez mais ao alcance de todos.

Acessibilidade no transporte complementar: benefícios para a população Em 2009, começaram a circular os primeiros veículos equipados com elevadores para cadeirantes. A acessibilidade é garantida por lei, beneficia os usuários e é uma conquista também para o setor complementar, que pode oferecer um serviço com mais qualidade, dentro das melhores práticas de transporte público.

Edição 01 - Agosto de 2011 - www.sindvans.com.br

Capacidade de lotação Os veículos passaram a ter exigência de capacidade mínima de 8 passageiros e máxima de 16 passageiros sentados, mais 1 Motorista, 1 cobrador, e passageiros a serem transportados em pé numa proporção a ser estabelecida pelo órgão gestor do transporte no município, levando em conta a quantidade de passageiros por metro quadrado.

2010

Ano de consolidação de um trabalho profissional e ético, amparado na qualidade

Salário-base dos operadores é reajustado acima da média nacional Em uma demonstração de amadurecimento administrativo e democrático, o Sindvans concedeu aos motoristas, cobradores e fiscais do Transporte Complementar reajuste de 12,5%, acima da média nacional. A medida foi um incentivo para os trabalhadores poderem desenvolver suas funções dentro dos padrões de qualidade e responsabilidade que o Sistema exige.

Sindvans homenageado no V Encontro de Qualidade e Tecnologia do Transporte Urbano

Lei ampara também o transporte complementar Também em 2009, após muitos anos de trabalho, o Sindvans comemorou a primeira atualização da Lei 8.060, que contempla a categoria com relevantes benefícios para o desenvolvimento coletivo. O novo texto autorizou a transferência da permissão para terceiros; o permissionário ganhou direito de indicar beneficiário para assumir a permissão em caso de falecimento; além de passar a ser permitido o registro de uma frota de reserva, correspondente a até 10% dos veículos em operação. A Diretoria se mostrou incansável, em anos de batalha, para chegar a essa conquista, que exigiu muita negociação com os setores oficiais, visando ao reconhecimento da importância de maior profissionalização para o sistema complementar.

Padronização dos veículos da frota reserva

A Lei n. 9514 determinou que os veículos da frota reserva devem obedecer à padronização do serviço de transporte público coletivo complementar e ter afixada na parte dianteira, nas partes laterais e na parte traseira a inscrição veículos reserva.

No evento, promovido pela Prefeitura de Fortaleza e Governo do Estado do Ceará no mês de setembro, o Sindvans foi agraciado com placa em reconhecimento à contribuição para a melhoria da qualidade do transporte complementar do município. O presidente Pádua Chaves recebeu a homenagem e ressaltou que o setor vem investindo em veículos equipados com acessibilidade e monitoramento operacional, para melhor qualidade dos serviços prestados.

Primeiro passo para a integração Desde novembro deste ano, os usuários do transporte coletivo podem usufruir da integração temporal no percurso dos ônibus da linha central. Pádua Chaves comentou a satisfação pela conquista, que é o primeiro passo para a integração física e tarifária dos sistemas. O serviço, ao ser ampliado, levará mais comodidade e conforto à população.

04 017994 - INFO.SindVans - n1.indd 4

04/08/2011 08:23:08


Informativo - AGOSTO - 2011 - Sindvans Ceará