Page 375

— E quanto a você? — ele perguntou. Jael procurou o olhar de Deborah. — Jael entrará comigo no palácio — Deborah respondeu. — O nosso alvo é a rainha e sua guarda pessoal. — Não esqueçam a sacerdotisa-chefe — falou Eunice. — Ela tem um reduto perto da torre que é totalmente preparado para suas feitiçarias. — Você e suas amazonas, podem nos guiar para dentro? — Deborah perguntou. Eunice a olhou com surpresa. — Confiaria em nós? Deborah olhou fixamente nos olhos da capitã e sorriu. — Você me guardou na minha morte. Acredito que me guardará agora que estou viva, também. Os gaditas foram discretos ao subir e tomar posição em cima dos prédios. De lá, os vultos das arqueiras amazonas eram bem visíveis para eles. Sarah daria o sinal através de um apito silencioso, utilizado nas caçadas. Os ouvidos do povo de Gades estavam acostumados com aquela vibração sem som. Jael ergueu a mão e Sarah apitou. Uma chuva de flechas varreu o ar e alcançou certeiramente as arqueiras que estavam de prontidão nos muros. Aproveitando o momento de susto pelos gritos das mulheres, Noa e a Ordem correram em meio a escuridão até o lado sul do muro. Andaram poucos passos até encontrar uma brecha de um metro de altura. A rachadura se abria mais na base e dava para passar uma pessoa rastejando. — Maalá, Milca, Hogla e Tirza, vocês vêm atrás de mim - disse Noa. — Hadassa, Rute e Rebeca, eu preciso que vocês corram e subjuguem quem estiver no portão. Ele precisa ser aberto o quanto antes. A brecha, por sorte, estava escondida entre alguns arbustos. Elas puderam passar e ficar despercebidas. A um sinal da cabeça de Noa, Hadassa liderou as duas meninas na direção indicada. Elas foram usando carroças abandonadas e caixas empilhadas como esconderijo até chegarem de surpresa ao portão. Lá haviam quatro amazonas e guarda. — Estão prontas? - perguntou Hadassa. — É só dar a ordem - disse Rebeca. — Vamos lá! As três pularam sobre as mulheres, surpreendendo-as. Três foram subjugadas, mas a quarta conseguiu escapar. Ela ia dar o grito de alerta das amazonas, mas uma flecha atirada por Noa, que estava atenta a cada movimento, calou a sua boca. Isso deu tempo para que elas pudessem tirar a pesada trave do portão e abri—lo sem dificuldade.

Saga Os Tronos da Luz : A Profecia de Hedhen - Cristina Aguiar  

A Profecia de Hedhen – Os Tronos eram forças que reinavam nos dias antigos com o título de “Luminares”, e através deles, a luz era derramada...

Advertisement