Page 173

— Deborah! – Jael acordou com o coração aos pulos. Nathan entrou correndo na tenda e viu a moça com o olhar assustado. — O que foi, Jael? Ela agarrou as mãos dele e o fitou com os olhos cheios de preocupação. — Está acontecendo alguma coisa com Deborah! Eu posso sentir isso! Ele ajoelhou-se ao lado dela. — Lembra-se de quantas vezes ela intercedeu por você? Jael balançou a cabeça que sim. Ela estava assustada. — Precisamos fazer isso agora, Jael. — O que eu devo fazer? Ele respirou fundo. — Concentre-se em fortalecer sua armadura espiritual e eleve seus pensamentos para sua irmã. Jael fechou os olhos e procurou fazer o que Nathan disse. Deborah estava quase lá. Ela já podia até ver a casa. O ataque que se seguiu, no entanto, foi tão forte que ela achou que sua alma estava sendo invadida por um exército de sombras. Ela soltou um grito e caiu de joelhos com as duas mãos pressionando a cabeça. Zipor a viu de longe e correu. Ao seu lado estava Silas. O caravaneiro envolveu Deborah com seus braços. — Deborah! Deborah! – ele olhou apavorado para Zipor. — O que nós faremos, Silas? – ela perguntou. Deborah soltou um gemido, tentando voltar a si. — Shilloh! – ela conseguiu dizer com esforço. – Me levem... para o santuário... Foi o que ela conseguiu dizer antes de desmaiar. Silas a pegou nos braços e, com a ajuda de Zipor, a colocou na carroça. Em seguida, ele foi correndo buscar Bruma. A ex—parteira sentou-se ao lado dela e apoiou sua cabeça no colo. A mulher não sabia o que fazer, então massageava suas têmporas como se adiantasse alguma coisa. — Já estou vendo os muros do santuário – disse Silas. – Como ela está? Deborah mexia-se agitada e Zipor olhava com terror uma luz vermelha que parecia envolver lentamente o braço da moça. Uma luz que parecia surgir de dentro. O que seria aquilo? — Eu não sei dizer, Silas. Mas ela não me parece muito bem. Seja mais rápido, por favor! Quando a carroça atravessou o portão do santuário, Ana e Simeão vieram correndo recebê-los. Simeão viu logo o que estava acontecendo e tomou a neta nos braços. Apesar da idade, ele era um homem forte. — Ana, você precisa usar o óleo em volta do santuário e selar o lugar, a

Saga Os Tronos da Luz : A Profecia de Hedhen - Cristina Aguiar  
Saga Os Tronos da Luz : A Profecia de Hedhen - Cristina Aguiar  

A Profecia de Hedhen – Os Tronos eram forças que reinavam nos dias antigos com o título de “Luminares”, e através deles, a luz era derramada...

Advertisement