Page 152

sem bater. O aposento estava escuro e tinha uma pessoa na cama. Era uma mulher já idosa e, pelo olhar parado, parecia cega. — Rabtecá, Nathan enviou alguém a sua procura – disse a mulher antes de sair. Jael, por um momento, não soube o que fazer. A situação não estava sendo exatamente a que ela esperava. — Aproxime-se – a mulher falou. Jael obedeceu e a mulher estendeu a mão. Jael a pegou, constatando que ela era realmente cega. — Sente-se perto de mim. O único lugar em que ela podia sentar era a cama. Buscou ficar de um modo que não incomodasse a velha senhora. — Então, Nathan lhe mandou. Eu sei quem você é. — Como pode saber? Rabtecá deu um sorriso cansado. — Todos nós temos uma missão nessa vida, filha. A minha era esperar que um dia você viesse. Jael não sabia o que responder. — Nathan lhe enviou, e este é o sinal. Ele me disse há muito tempo que o faria. No dia em que ele pisasse nos limites de Aroer, seria para mudar a sorte desse mundo, e trazer aquela que poderia segurar e compreender a chave... – ela parou num acesso de tosse. – A chave para encontrar a Profecia Selada. Você é a Guardiã. — Sim, a senhora está certa. Cada vez mais eu me sinto como se a minha vida estivesse toda traçada. Parece que cada passo que eu dou serve apenas para cumprir um propósito já estabelecido. A mulher apertou sua mão. — Pensa assim porque ainda não se deparou com um momento decisivo, em que poderá optar pelo seu próprio caminho. Mas, prepare-se, porque ele está chegando. Mas não tema, pois sinto que o seu coração já está preparado. Jael sorriu e envolveu a mão da velha senhora com a sua. — Posso perguntar como conheceu Nathan, morando tão longe? A mulher deu um longo suspiro. — Conheço—o há muito e muito tempo. Ele é meu filho. Jael fitou a mulher com espanto, e ficou sem fala. — Está surpresa? Percebo pelo seu silêncio. Não tem tempo para isso, minha filha. Precisa saber o que fazer. — Como eu posso entrar no palácio? - disse Jael, encontrando novamente a voz. — E quem eu devo procurar? — Fora dos muros, na parte de trás da muralha, há uma abertura. É um

Saga Os Tronos da Luz : A Profecia de Hedhen - Cristina Aguiar  

A Profecia de Hedhen – Os Tronos eram forças que reinavam nos dias antigos com o título de “Luminares”, e através deles, a luz era derramada...