Issuu on Google+

Distribuição gratuita e dirigida

Donna 12

Revista

Ah o Amor... Sentimento que nos faz suspirar também pode ser considerado um vício

Mãe depois dos 30

Informações para uma concepção sem riscos e sadia

Esfriou!

A moda inverno já esquenta o guarda-roupa e as nossas páginas.

Se jogue!


a r a ec

D

a v no

a r a p

d

n e t ra

o

lh e m

! o l ê-

Rua Quinze de Novembro, 649, Centro - Tatuí I I

15 3251.8234


Sempre Presente. E vem aĂ­ muitas novidades!

Rua 15 de Novembro, 491 Fone: (15) 3259-8588


PARK SHOP Faça aqui a sua Lista de Casamento com atendimento personalizado

RONA

< INOX TRAMONTINA < BRINOX Neste Mês, Ofertas Especiais Nos Jogos de Panelas

A mais completa seção de brinquedos da região

Rua Onze de Agosto, 918 - Centro - Tatuí

3305.1396

Estacionamento Privativo


Donna

23 - Forma e Saúde Detox, já!

25 - Motor

Que estepe é este?

26 - Editorial

Junto e Misturado

30 - Comportamento Ah o amor...

33 - Décor

Compacto e Confortável

35 - Gastronomia 37- Social

Índice 07- Em Foco

Mandamentos da Temporada

10 - Papo de Mulher Maternidade «Tardia»

12 - Editorial Acessórios

15 - Editorial Moda Kids

20 - Editorial Capa


EXPEDIENTE Diretora de Redação Juliana Jardim Diretor Comercial Francisco Moraes Jr. Diagramação e Arte Editora Multiplica Fotografia Capa Mylene Sagas Fotografia Editoriais Mc Produções e Eventos por Jonatas Caresia Studio Pro7 por Davi Gang Cabelo e Maquiagem Jonatas Caresia Agradecimentos Caracol de Pijama (Andréia) Deborah Moda (Camila e Tamara) Genial Moda e Acessórios (Paula e equipe) Cheia de Graça (Jéssica) Mc Produções e Eventos (Jonatas Caresia) Haras Modelo (Patrícia e Silvana) Studio Pro7 (Davi, Meire e Jonathan) Nossa Capa Flavia Piazzi e Lucas Gravina (vestem Deborah Modas e Street Wash Store) Anuncie (15) 9795.5885 (15) 8114.0325 Donna na Internet www.editoramultiplica/revistadonna A Donna não se responsabiliza por conceitos e opiniões de entrevistados, bem como conteúdo de anúncios e informes públicitários. Fale com a redação revistadonna@hotmail.com Tiragem 5.000 exemplares facebook.com/donnarevista

EDITORIAL Carta ao leitor não serve apenas para anunciar o que você verá no anterior da Um novo começo revista. Aqui também é espaço para expor o que acontece nesse meio tempo entre a reunião de pauta até a execução de todo o conteúdo que você verá a seguir. Então, por esse mo�vo, desta vez farei diferente. Como pode notar, a revista mudou. Mudou, porque em todo o decorrer do projeto, temos a responsabilidade de colocar nas páginas o que o leitor quer ler e ver. Podem ser dez, 20 ou em cem páginas, mas o resultado sa�sfatório tem que estar ali; ao alcance dos seus olhos. E é para isso que exis�mos. Conteúdo atra�vo, com imagens atra�vas, com pessoas atra�vas. O que você verá a seguir é uma sequência de informações de encher os olhos e a mente também. Para que naquele tempinho em que es�ver sentada numa sala de espera, no ônibus, ou simplesmente esperando a amiga no provador de roupas, folhear e sen�r que aqui, em poucos minutos, você sairá informada sobre aquilo o que quer saber. Moda, comportamento ou apenas dicas que favorecerão o seu dia a dia como consumidora farão parte desta nossa nova trajetória. Mudamos por você e para você. Agora teremos mais tempo para dedicarmos aos assuntos que você tanto opina; de organizarmos os editoriais em ensaios surpreendentes e aprofundarmos nos assuntos de uma maneira fácil de ler e compreender. Afinal, a informação deve ser rápida e sa�sfatória para que possa “devorar” a revista naquele pouco tempo em que consegue estar livre. A nossa proposta é estar cada vez mais perto de você. Quer ser a modelo da vez dos nossos editoriais de moda? � só dar uma cur�da na nossa página do �acebook (donnarevista) que lá você terá todos os detalhes de como isso pode se tornar possível. E mais: uma coisa eu posso garan�r: Muitas novidades vêm por aí. Um grande beijo e até a próxima! Juliana Jardim

Curta a gente no Facebook e concorra a brindes super legais! Clica!!

Diretora/editora


Donna

Em foco

Mandamentos da Temporada Entre com tudo na temporada mais elegante do ano, mas esteja abastecida com os seus itens obrigatórios. Dia ou noite, o tricô As botas de cano curto com pegada western vão bem com calças skinys e também com vestidos fluidos, à lá boho chic.

metalizado deixa o look chique e despojado ao mesmo tempo. Pode ser usado com uma saia longa ou com jeans que o sucesso será o mesmo

O acessório da vez é o ear cuff. O brinco que envolve todo o lóbulo da orelha já é sucesso entre as fashionistas. E aí, já adquiriu o seu?

Para fazer a dobradinha com o ear cuff, o hand bracelet, que já vem há algum tempo fazendo as mãos das garotas, ultrapassa estações e mais uma vez fará parte da composição fashion da temporada.

Sucesso dos anos 90, os coturnos voltam com tudo, agora com ar bem mais fashionista, deixando um pouco de lado o estilo rocker-metal, característica daquela década.

As striped pants, ou simplesmente calças listradas de branco e preto já tomaram conta do street style do mundo inteiro. Quer elegância? Aposte nos diversos shapes que a peça propõe e arrase!


Combine com a e arrase!!!

Cerquilho

Dr. Campos, 126/b - Centro 15 3384-5220

Tatuí

15 de Novembro, 273 e 285 - Centro 15 3305-4485 3259-4190

Boituva

São João, 4 - Centro 15 3363-4187


UM PRESENTE ESPECIAL

LINHA SÉRIES E FILMES

LINHA FEMININA

THE WALKING DEAD

GOLA CANOA GUNS`N ROSES

R$ 29,90

R$ 39,90

!

CURTE LÁ NO FACE

LINHA ROCK

LINHA GAMES GOD OF WAR ASCENSION

MANGA LONGA METALLICA R$ 49,90

CAPITÃO AMÉRICA R$ 29,90

R$ 29,90

100% alg od

ão

Elleven1 Elleven2 Rua 11 de Agosto 1020 3251 9244 Centro Tatuí

LINHA HERÓIS

Rua Lúcio Seabra nº 529 3305 4178 Centro Tatuí


Donna

Papo de Mulher

Maternidade “Tardia” Saiba o que a mamãe de primeira viagem na casa dos 30 deve fazer para desenvolver uma gravidez sadia e livre de qualquer complicação.

10 Donna

Os tempos mudaram. Hoje as mulheres buscam, acima de tudo, independência e maturidade profissional, além de quererem curtir mais a vida com o companheiro antes de seguir para um dos passos mais importantes de sua vida adulta. A maternidade do século 21 está sendo cada vez mais tardia, aguardando a chegada da cegonha somente para depois dos 30 anos. O que muitas vezes parte de uma decisão psicologicamente responsável, fisiologicamente, pode trazer alguns riscos, embora, segundo especialistas, com o avanço da medicina houve uma significativa diminuição de complicações fetais. “A primípara tardia já não é uma condição suficiente para se converter numa gravidez de alto risco, embora, clinicamente, continue a incluir-se nesse grupo”, diz o médico ginecologista Rubens José dos Santos. “É comum na mulher que ultrapassa a casa dos 20 uma certa preocupação quanto o ser mãe, pois ela vem de uma educação de que casamento e filhos têm que acontecer entre os 20 e 24 anos, no máximo. Depois disso, na concepção de uma parte conservadora da sociedade, ela estará velha demais para gerar uma vida. Puro erro”, emenda. Segundo relatório do National Center for Health Statistics, dos Estados Unidos, o número de mulheres que têm o primeiro filho com idades compreendidas entre 30 e 39 anos é mais do que o dobro, se comparado com a realidade de 20 anos atrás. No mesmo período, aumentou em 50% o número de mulheres que têm o seu primeiro filho com mais de 40 anos. Fato que também tem ocorrido no Brasil. Pode-se dizer que apesar de alguns riscos, como a má-formação fetal, riscos de aborto, diabetes gestacionais, desenvolvimento da síndrome de down, entre outras complica-


ções, a mulher que decide engravidar depois dos 30 conta com um forte aliado para que o período de gestação ocorra da maneira mais tranquila possível: a maturidade psicológica. “De uma forma geral, a mulher que decide ter seu primeiro filho nessa faixa etária encontra-se psicologicamente melhor preparada para assumir a gravidez e a maternidade; por outro lado, tem menos conflitos já que são gravidezes desejadas e programadas. É uma decisão de duas pessoas maduras, com experiência de vida e que assumem plenamente a responsabilidade de serem pais”, diz a psicanalista Tânia Mendonça Furtado. Segundo a especialista, os filhos desses casais são normalmente crianças mais equilibradas, uma vez que as suas mães não apresentam problemas emocionais. Riscos Segundo João Roberto Paiva, ginecologista e obstetra, apesar do avanço técnico, os riscos para a medicina continuam sendo pontuados no decorrer da idade. “Quanto mais idade tem a mulher, maior é a chance de ela desenvolver hipertensão arterial, diabetes gestacional, distúrbios na tireóide e até trabalho de parto prematuro”, alerta o es-

pecialista. Tudo isso acontece porque, segundo ele, o organismo da mulher está biologicamente no auge para gerar um filho até os 32 ou 33 anos. “A partir dos 35 há uma diminuição na qualidade e na quantidade de óvulos, fato que aumenta a probalidade de malformações do feto e alterações cromossômicas”. No entanto, frisa, o maior fantasma da grávida após os 35, que é o de conceber um filho com síndrome de down, pode ser afastado por conta de uma estatística bem simples. Ela demonstra de um risco de uma mulher de 40 anos dar à luz um filho com a sídrome é nove vezes superior ao de uma de 30 anos. De qualquer forma, não há motivo para alarme. Uma mulher de 40 anos tem apenas 1% de probabilidade de ter um filho com down, ou seja, cerca de 99% de probabilidade de nada de mal acontecer. Já a grávida com mais de 45 anos, o risco eleva-se para 3%”, conclui João Roberto.D

Decidida a engravidas, toda mulher deve ter alguns cuidados básicos necessários para evitar qualquer tipo de complicação durante o período gestacional: •Antes de engravidar peça ao seu médico para fazer um check-up à sua saúde. •Deve fazer o teste de imunidade à rubéola e ao sarampo antes de engravidar. Se não for imune, vacine-se. Depois da tomada da dose deve esperar um mês para começar a tentar a engravidar. •Comece logo a ter cuidados pré-natais. Peça ao seu médico vitaminas que 400 microgramas de ácido fólico e comece a tomá-las antes de engravidar e no período inicial da gravidez, para ajudar a evitar defeitos congênitos. •Comece a gravidez com um peso saudável: nem muito, nem pouco peso. •Tenha uma alimentação equilibrada e saudável, que inclua uma variedade grande de vitaminas e de ácido fólico, incluindo cereais integrais, vegetais de folha verde, leguminosas, laranja e outras frutas ricas em vitaminas. •Não ingira comida mal cozinhada •Não ingira peixes ricos em mercúrio, como peixe-espada, cavala ou perca. Pode comer atum enlatado (não mais de 100 gramas por semana) salmão, camarão, todos bem cozinhados. •Não beba álcool, não use drogas ilícitas ou fume.

11 Donna


Donna

Editorial - Acessórios

Maxi Total

Anéis de pedras gigantescas, colares idem, mix de pulseiras. É assim que a moda dos acessórios aparece na próxima estação. Combinando ou descombinando, se jogue nessa mega tendência!


Fotografia, Cabelo e Maquiagem: Mc Produçþes e Eventos por Jonatas Caresia 13 Donna


Emily usa acessórios Cheia de Graça Rua Farmacêutico Afonso Avallone, 144 Dr Laurindo - Tatuí - SP 15 3305.1726 91078292 (Vivo) 14 Donna


Donna

Moda Kids

A moda deles tambĂŠm estĂĄ na moda!


Modelos vestem: Caracol de Pijama Rua. Cel. Aureliano de Camargo, 662 Tel. 15 3251-1072 - Tatuí-SP Calçados: Acervo pessoal Fotografia: Studio Pro7 por Davi Gangi Arte: Editora Multiplica


Déborah A loja inspirada em você!

Renove-se Rua Capitão Lisboa, 718 Centro - Tatuí 15. 3259.1863


Donna

Capa

Celebrando o amor Já dizia Albert Einsten: Os apostos se distraem e os dispostos se atraem. E na moda do amor não é diferente. Casais com gostos diferentes, mas que se combinam são a prova maior de que amor e moda não se discute. Entregue-se!


Flavia Piazzi e Lucas Gravina vestem: Deborah Moda e Street Wash Store Calçados: Lucas Gravina (Street Wash Store) e Flavia Piazzi (acervo pessoal) Fotos: Mylene Sagas Produção Moda: Tamara Moraes Agradecimento: Haras Modelo


Donna

Forma e Saúde

Detox, já!! Ele ajuda a compensar os exageros na alimentação, melhora a saúde, aumenta o bem-estar e ainda faz bonito para a pele. Acredite: Você ainda vai fazer um!

P

assamos a semana nos policiando para não derrapar e manter a alimentação a mais saudável possível. Mas, como a tentação fala mais alto o resultado é uma overdose de gordura, sal, açúcar, conservantes e bebidas alcoólicas que pesam no corpo. “Esses excessos comprometem o bom funcionamento do fígado e do intestino, deixando a metabolização dos nutrientes deficientes e comprometendo vários aspectos da saúde”, alerta a nutricionista Beatriz Botequio. “Eles também fazem com que haja o aumento na quantidade de toxinas

no organismo e, por tabela, de radicais livres”, completa ela. Os primeiros sintomas percebidos por quem ultrapassa os limites nas garfadas e nos goles são cansaço excessivo, falta de concentração, dores de cabeça, diarreia ou prisão de ventre, ganho de peso, dificuldade de fazer o ponteiro da balança baixar e piora na celulite. “Há também a retenção de líquido, que provoca inchaço, e o aparecimento dos gases”, acrescenta a nutróloga Andrea Frias. “A longo prazo, isso também favorece o 23 Donna


o envelhecimento precoce e nos deixa mais vulneráveis ao surgimento de doenças”, reforça.

Limpando a área

Uma boa maneira de amenizar o estrago é lançar mão da desintoxicação, conhecida popularmente como detox, que funciona como uma verdadeira faxina no organismo. O primeiro passo é retirar completamente do cardápio produtos industrializados, refinados e ricos em sal, açúcar, gorduras ruins e aditivos, e também bebidas alcoólicas. “No lugar disso, colocamos alimentos repletos de fibras e substâncias antioxidantes, como as frutas e as verduras”, diz Paula. Carnes brancas, sementes de linhaça, gergelim, chia e grãos como feijão, grão-de-bico e ervilha, além de carboidratos integrais, também são bem-vindos nessa fase. E claro, a hidratação é fundamental - pode investir pesado em litros e litros de água, chás e sucos naturais. O período em que o detox deve ficar em cena depende de quanto exagerou e da sua disciplina. Normalmente, em poucos dias já é possível perceber os seus efeitos, em especial a redução

do inchaço na barriga e a sensação de leveza e bem-estar. “O indicado é que ele dure no máximo um mês”, diz Beatriz, Depois disso, o ideal é manter uma alimentação livre de substâncias nocivas. “Como não é possível ficar totalmente a salvo delas, é importante que a pessoa repita esse tipo de dieta mais radical de vez em quando para que o organismo se mantenha funcionando a todo vapor”, recomenta Andrea. Marcar uma massagem também é bom para quem precisa eliminar o excesso de toxinas, diminuir o inchaço e combater a celulite. “A mais indicada, nesse caso, é a drenagem linfática, pois ela melhora bastante o fluxo dos líquidos corporais, proporcionando a sensação imediata de conforto e aumentando a eficácia geral do sistema imunológico”, explica a fisioterapeuta Ana Cristina Oliveira. “O recomendado é que, no início, sejam realizadas duas ou três sessões semanais, dependendo do caso. Mas os benefícios já podem ser notados na primeira”, garante a especialista. D

Sucos desintoxicantes Eles são uma opção prática e saudável e muito saborosa para quem quer livrar o organismo dos excessos cometidos. “O segredo é misturar frutas, vegetais, ervas, grãos e líquidos”, indica Andrea Frias. Suco de Laranja, couve Preparo cenoura, mamão e maçã Descasque as laranjas, eliminando a parte Ingredientes: branca. Em seguida, 1 copo de 200ml de suco bata os ingredientes de laranja no liquidificados e 4 folhas de couve-mantei- sirva em seguida ga 1/2 cenoura média crua 1/4 de mamão papaia 1/2maçã Sucralose (adoçante à base de derivados de de canade-açúcar) a gosto. 24 Donna

Suco de abacaxi,hortelã e chá verde Ingredientes 3 fatias de abacaxi 5 folhas de hortelã 1 copo de 200ml de chá verde solúvel preparado Gelo à vontade

Preparo Descasque o abacaxi, corte as fatias e retire o miolo. Junte todos os ingredientes e bata no liquidificador - inclusive o gelo. Passe a mistura em uma peneira e sirva imediatamente.


Donna

Motor

Que estepe é este? Bem mais fino que o normal, o pneu temporário ainda é tratado como novidade por aqui. Conheça seus pós e já vai se acostumando com a ideia, porque tudo indica que daqui a pouco tempo todos os veículos sairão de fábrica assim

O

dos pneus. Mas você mesma pode fazer isso.

Sim, ele é seguro, garante os fabricantes. Mas, mas como o próprio nome diz, o estepe é temporário. Ou seja, ele só entra em ação em caso de emergência e serve apenas para que o veículo possa chegar até o borracheiro.

Os pneus, hoje em dia, já vêm com indicadores de desgaste, o TWI (Tread Wear Indicator). Procure no pneu a sigla ou um triângulo e acompanhe uma “barra” transversal entre os sulcos. Se o pneu estiver desgastado, na altura do TWI, você já sabe: hora da substituição.

Outra informação importante: não se pode rodar com o pneu reserva a uma velocidade superior a 80 quilômetros por hora. Isso porque, nessas condições, o carro perde estabilidade. Afinal, de um lado há muito mais área de borracha em contato com o solo do que o outro.

Bolhas, saliências, riscos ou cortes também são sinais de que os pneus precisam ser aposentados. A cada 15 dias, é legal fazer uma inspeção visual para saber se está tudo em ordem.

pneu temporário é uma maneira que os fabricantes de automóveis encontraram para, além de diminuir a onda de furtos de estepes, fato comum atualmente, aumentar a capacidade do porta-malas, a melhora no consumo de combustível, por diminuir o peso extra do veículo, menor custo de reposição, e, convenhamos, para as mulheres que fazem elas mesmas o serviço de troca, é bem mais leve que o pneu normal.

Antes, ele era mais comum nos veículos importados, mas, nos últimos tempos, muitos carros nacionais têm sido equipados com ele e, ao que tudo indica, o estepe temporário ou provisório está chegando para ficar.

Comece dando uma boa geral na aparência deles. O primeiro indício é a profundidade dos sulcos. Se estiver abaixo de 1,6 milímetros, está na hora de trocar. Para medir, aí vai uma dica: coloque uma moeda de R$ 1 real nos sulcos. Se a parte dourada não ficar coberta, é sinal de que há pouca profundidade.

Outro indício é chegar o volante enquanto dirige. Ele vibra, mesmo em pista lisinha? Se sim, provavelmente há algo de errado com os pneus. D

E por falar em pneus... Depois de um bom tempo rodando por aí, os pneus se desgastam e podem colocar a nossa segurança em risco. É claro que você pode levar seu carro para o mecânico e pedir a ele que veja como está a situação

25 Donna


Donna

Editorial

Junto e M


Transparência, brilho, cores aplicações e o animal print se uniram para fazer do nosso inverno a estação mais cool do ano!

Misturado


Modelos vestem: Genial Moda e Acessórios Rua Maneco Pereira, 07 e Largo do Mercado, 17 Tels: 15 3259.2778 - 3205.2988 Fotografia e Maquiagem: Mc Produções e Eventos por Jonatas Caresia Arte: Editora Multiplica


Donna

Comportamento

Ah o amor... O mais complicado dos sentimentos pode ser considerado um vício. Bom ou ruim,isso talvez explica a dificuldade que muitos têm para se livrarem das amarras do passado. E como todos os outros, a cura só acontece para quem estiver disposto a tratá-lo

O

meu propósito foi simples: Tentar entender o porquê de muitos homens e mulheres ainda regerem sobre si enormes dificuldades em lidar com sentimentos de negativa e rejeição. Afinal, um exército de livros de autoajuda para esses casos saltam aos nossos olhos em livrarias e bancas de jornal. Mas afinal, o que se esconde por trás desse sentimento que tira o sono, arranca suspiros, mas que às vezes é traiçoeiro?

humana, pois acredita-se que os circuitos do cérebro para o amor romântico desenvolveram-se há milhões de anos para permitir que os nossos antepassados concentrassem sua energia de acoplamento em apenas uma pessoa por um tempo e iniciar o processo de acasalamento. E quando você é rejeitado no amor, é como se perdesse o maior prêmio da vida, ou seja, um parceiro para o acasalamento e tudo vai por água abaixo”, ressalta.

A minha primeira pergunta diante do psicoterapeuta Mario Prates foi direta: “Por que temos – sim, também me incluo nessa – que estarmos plenamente felizes e satisfeitos no nosso campo sentimental para que todos os outros (trabalho, estudo, família...) caminhem na mais perfeita paz e harmonia?”

Um vício chamado amor

A resposta veio de maneira ampla e esclarecedora: "Desde a infância, vivemos uma formação de expectativas. Começar na escola, passar no vestibular, se formar, arrumar um emprego...", explica o psicoterapeuta. No entanto, segundo ele, o erro é tentar reproduzir esse comportamento nas relações humanas - esperar algo ou prever o comportamento do outro. “Essa prioridade de estar-se, primeiramente, feliz e satisfeito no campo sentimental, vem da natureza 30 Donna

Pesquisadores estudaram o cérebro de 15 voluntários (dez mulheres e cinco homens) com idade universitária e que tinham terminado um relacionamento, mas que ainda amavam a pessoa que os havia rejeitado. A duração média das relações era de cerca de dois anos, sendo que dois meses haviam se passado, em média, desde o rompimento dos relacionamentos. Todos os participantes tiveram altas pontuações em um questionário que psicólogos utilizam para medir a intensidade dos sentimentos românticos. Os participantes também disseram ter gasto mais de 85% de suas horas acordados pensando em quem os rejeitou.


Após a varredura, os cientistas descobriram que, enquanto olham para as fotografias dos antigos parceiros, homens e mulheres com o coração partido têm ativadas as regiões cerebrais associadas com recompensa, ânsia do vício, controle das emoções e sentimentos de apego, dor física e angústia. Esses resultados fornecem respostas sobre os motivos pelos quais pode ser muito difícil para alguns superar uma ruptura e porque, em alguns casos, as pessoas são levadas a cometer atos extremos, como perseguições e homicídios, depois de perder o amor. Os pesquisadores observaram que quanto mais o tempo tinha passado desde a separação, menor atividade havia em uma região do cérebro associada ao prazer e à recompensa. “O amor romântico é um vício”, disse a autora da pesquisa Helen Fisher, antropóloga biológica. “É um vício muito poderoso e maravilhoso, quando as coisas estão indo bem e um vício horrível quando as coisas estão indo mal”, disse ela. As áreas do cérebro envolvidas na regulação da emoção, a tomada de decisão e avaliação também foram ativadas quando os participantes viram a foto do seu ex-amor. “Isso sugere que os participantes estavam aprendendo a partir de sua experiência romântica passada, avaliando os seus ganhos e perdas e descobrindo como lidar com a situação”, prossegue Helen. Esses resultados sugerem que falar sobre sua experiência, ao invés de simplesmente “curtir” o sofrimento, pode ter benefícios terapêuticos para o apaixonado. “Parece ser saudável para o cérebro, ao invés de apenas ficar nadando em desespero, pensar sobre a situação de forma mais ativa e tentar trabalhar uma forma de lidar com isso”, explica ela. Expectativa X decepção Quer dizer que não estamos preparados para viver frustrações no amor? Que sofrer demais não é normal? E onde começa essa dor que parece não ter fim? Dá para dizer que a grande vilã do processo é a expectativa, e, quanto maior ela for, é fato, maior será o tombo?

“Desde a infância, vivemos uma formação de expectativas. Começar na escola, passar no vestibular, se formar, arrumar um emprego...”, explica Mario. “O erro é tentar reproduzir esse comportamento nas relações humanas - esperar algo ou prever o comportamento do outro”, diz. E, não tem jeito, em muitas ocasiões é inevitável gerar expectativas. Mas se uma relação acabou, o melhor remédio é sacudir a poeira e seguir em frente. Parte desse exercício de sanidade mental é entender que as decepções, maiores ou menores, são um efeito colateral da vida, mas também passa por ter uma visão menos egocêntrica e mais humilde da própria existência a de que mundo não gira só ao nosso redor. “É importante adaptar os desejos à realidade, mas compreender que nem sempre isso será possível”, fala o psicoterapeuta. Tristeza fora do comum Mas como avaliar se sofremos com discernimento? De acordo com Mario, o normal é que o sofrimento provocado por uma desilusão tenha um pico nas primeiras 24 horas e nos dias seguintes comece a decair. “Ficar triste não é uma doença, mas a manutenção da tristeza e de abandono merece ser estudado”, avalia. “É a lamúria e a lamentação que alimentam a decepção. Os indivíduos que estão passando por esse tipo de alteração emocional apresentam sinais que fazem parecer que a vida estivesse acabado após sofrer a mágoa. São os chamados sintomas de definhamento. Quando a pessoa entra em um processo externo de autodestruição: fica isolada socialmente; come exageradamente ou não se alimenta; fica depressiva e relaxada com a sua própria higiene”, diz o especialista. “As pessoas têm medo da incerteza, do futuro. Essas instituições, essas estruturas e ideologias são um esforço inútil de criar algum sentimento de certeza e segurança onde nada disso existe”, conclui Mario. D

31 Donna


•Móveis sob Medida •Sala de Jantar •Dormitórios •Estofados •Cozinhas •Racks

Loja 1: Rua Onze de Agosto, 1802 - Sta Emília - Tatuí (15) 3259.2010 Loja 2: Av. Vice Pref Pompeo Reali, 514 - São Cristovão - Tatuí (15) 3251.3529


Donna

Décor

COMPACTO e CONFORTÁVEL

Um ambiente bem iluminado, principalmente pela luz natural oferece vida e evidencia as cores presentes.

O tapete de estampa étnico por si só muda totalmente o ambiente. Detalhes como os vasinhos de flores e uma mesa de centro com objetos bem dispostos arrematam a decoração.

Com a crescente no número de solteiros ou casais sem filhos que optam por morar num espaço reduzido, a busca por ambientes únicos está sendo cada vez mais comum. E além da facilidade, esses moradores também não abrem mão do conforto.

C

onhecidos como quitinetes, os ambientes pequenos exigem um bom planejamento para que caiba tudo no imóvel. Uma proposta interessante é que o único cômodo que esse tipo de imóvel dispõe se transforme em um espaço multiuso, que possa oferecer tudo o que seu morador precisa. A decoração e a disposição dos móveis e objetos também ajudam e muito para que essas moradias, além de aconchegantes, possam ser um convite aos olhos de quem não abre mão de uma decoração de bom gosto.


Também na função de criado mudo, o míni home office deixa esse pequeno espaço charmoso

Organização é a palavra de ordem desses compactos. Afinal tudo fica sempre exposto.

Sem qualquer divisão, a cama encostada no sofá deixa o espaço amplo. 34 Donna


Donna

Gastronomia

Rotini Integral ao Molho Pesto

Divulgação

Ingredientes 15 tomates cereja, cortados ao meio; 4 muçarelas de búfala médias, cortadas em 4 pedaços; 4 colheres de sopa de azeitonas pretas cortadinhas; 3 colheres de sopa de molho pesto; 1|2 pacote de massa tipo rotini integral.

Modo de fazer Comece o preparo da receita cinco minutos antes de escorrer o macarrão. Numa panela média, aqueça o molho pesto. Quando ele já estiver bem quente, adicione os tomates picados e as azeitonas. Misture até o tomate “murchar” um pouco e desligue a panela. Escorra o macarrão e junte-o ao molho. Adicione sal e pimenta do reino a gosto. Na hora de despejar a massa na travessa, misture a muçarela, que vai derreter ao entrar em contato com a massa quente. Bom apetite! Rendimento: 2 porções

Um Beijo na Boca diferente...

Vodka 1|2 doses de suco de morango Champanhe

Modo de preparo Junte a vodka e o suco de morango em uma taça para coquetel e complete com champanhe. Enfeite a taça com morango, laranja e cereja. E beije muitooo...

Divulgação

Ingredientes


Lanchonete e restaurante

A melhor refeição de Tatuí Comercial e Executivo

Disk Marmitex

Tel: 3205.2933

Imagens ilustrativas

Rua José Bonifácio, 400 - Centro - Tatuí (Próximo do museu)


Donna

Social

Fotos: xpres.com.br

Quer aparecer aqui? Mande sua foto para revistadonna@hotmail.com. Inclusive suas poses no Instagram, tá?

rles Cha Charles Tatto o piercing Luciano

Tel.: (15) 3259-4539

Rua Onze de Agosto, 643 - Tatuí

Rua Onze de Agosto, 693 - Centro - Tatuí

3205.1294 www.charlinhotatoo.com.br

Aceitamos cartões


Percussão Percussão Cordas Cordas Clássicas Clássicas

MECÂNICA

Sopro Sopro Cordas Teclas Cordas Teclas Métodos Métodos

Seminovos Seminovos

Rua Onze de Agosto, 740 - Tatuí 15 3259.5490

Loja virtual: www.perininstrumentosmusicais.com.br

Especilizada em injeção eletrônica, suspensão a ar (fixa e com rosca) Preparações de veículos tunados e turbo

(15) Rua 15 de Novembro, 2050 - Jd. Módena - Tatuí

3251.1549

9701 8076

Rua Chiquinha Rodrigues, 364 - Estação

ÓPTICAS Ministério Pastor Valter Leite e Pastora Juliana Tuani

Aceitamos cartões e crediário próprio

Tradição no ramo 40 anos de hora certa!

Óculos Óculos de de grau grau Óculos Óculos de de sol sol Lentes Lentes de de contato contato...

Consertos de relógios em geral 15

3259.7293

Rua Cel. Aureliano de Camargo, 486 - Centro - Tatuí

Ano Profético de Josué

(15) (15)

Praça Praça da da Matriz, Matriz, 85 85 -- Centro Centro -- Tatuí Tatuí

Fone: 15 3259-0573

3259-3333

Rua: Maria Marchesi Donati, 544 - Jardim Módena Travessa da 15 de Novembro


Toda casa tem uma dona de casa e toda dona de casa agora tem o

At

ac

ad

o

e

Va r

ej

o

Armazém Maranata

, inas Cor t , s , e r dão er to Algo Cob ia de ra Pia e r a c Sa a pa hinh is... Buc o Ma i Mu t

Pano Pano Pano Pano

de Prato de Chão p/ Rodo de Pia

TUDO PARA LIMPEZA E CONSERVAÇÃO DE SEU LAR

ho Ban to e d Ros lha Toa lha de Toa

TUDO COM PREÇO DE FÁBRICA

Rua do Cruzeiro, 479 - Centro - 3251-3314

DROGARIA GRANDO

G Casa do genérico

DISK REMÉDIOS

3259-4147

Entrega e aplicação em domicílio drogariagrando@hotmail.com

Rua Quinze de Novembro, 1253 - Centro - Tatuí


anhe G e ha Ven

2es5c% onto

d

Assistência Farmacêutica Especializada em Manipulação Estacionamento Próprio Atendemos a todas as especialidades médicas e seguimos um rigoroso controle de qualidade. Aceitamos cartões de crédito e débito inclusive em domicilio


Revista Donna 12 edição web