Page 1

Júlia Blanque

Reencontro com

Você

É chegada a hora de despertar e resgatar sua força interior!

3


Este livro é dedicado a todos que desejam e buscam incansavelmente um sentido maior para a vida.

Aos que têm coragem para enfrentar o medo e recriar suas vidas, numa nova jornada de realidade, tendo o aprendizado do passado como lição para o presente. Aos que desejam se conhecer e evoluir, cada vez mais, rumo ao comprometimento com a luz, neste palco de relacionamentos chamado Terra, tão fulgaz e tão intenso.

5


PRÓLOGO

Há milênios, o ser humano procura por uma luz e um sentido maior para a imensidão desta vida repleta de cicatrizes... E quem pode dizer onde está nossa felicidade? Ah, como tudo é tão simples e, ao mesmo tempo, tão profundo! Essa é a grande busca – compreender a si mesmo, as experiências, os relacionamentos, qual nosso papel e para onde caminhar nesta existência, muitas vezes tão fulgaz. Quanto aprendizado ao longo dos anos! Experiências cotidianas, relacionamentos contundentes, pensamentos divergentes e muito sentimento! Sem perceber, à procura do “amor”, tudo colaborou para o eterno aprendizado voltado ao amor-próprio e à autoestima... E quem procura, acha! Esta é uma história recheada de encontros, desencontros, vitórias, derrotas, sofrimento, felicidade, profundas conclusões de vida e contatos com a divindade. Todos os acontecimentos aqui contados são reais, mas os personagens foram adaptados, a fim de proteger a privacidade. 11


12


À Beira do Abismo

Certos episódios em nossa vida são tão profundos... Que se tornam um marco indelével em nossa alma!

Depois de mais uma noite com dificuldades para dormir, repleta de preocupações, sem saber como pagar tantas contas e refletindo sobre o que fazer da vida, acordei às cinco e meia da manhã. Teria de enfrentar mais um dia... Caminhei até a sala, como de costume, para ver o sol descortinando a manhã, da varanda de meu apartamento. Estava observando a paisagem urbana inerte, cansada de pedir ajuda e perdão a Deus... Perdão por ter feito sei lá o quê para ter provocado essa situação. Nunca, em todos estes abençoados anos de vida, conseguira descer tão fundo. Alcançara o deserto, chegara às profundezas de um vasto oceano repleto de vida e prosperidade. Era evidente o clima de introspecção estampado em minha face. Perguntava a Ele por que não ouvia mais meus pedidos. 13


Coragem e Fé

Espanha, meados do ano de 1480

Eu estava em um momento em que o planeta passava por um marcante período de escuridão e trevas. A Santa Inquisição estava perseguindo homens e, principalmente, todas as mulheres que poderiam ser intituladas como bruxas; assim como muitos cavaleiros templários, que também tiveram suas vidas ceifadas nas chamas de fogueiras, em praça pública. A Inquisição espanhola foi a mais marcante e implacável da história da humanidade, foi uma perseguição interminável às bruxas; muitas vezes essas pessoas eram delatadas por vizinhos bisbilhoteiros, denunciantes pagos ou pessoas que prestavam falso testemunho acusando inocentes, em uma limpeza de sangue em nome de Deus; muitos também agiam por interesses políticos ou para aniquilar rivais no comércio. As bruxas eram acusadas por diversos motivos, como tomar banho, lavar uma toalha à sexta-feira, não frequentar a igreja regularmente ou falar algo impensado. 91


Acreditava-se que as pessoas limpas de alma não precisavam se lavar, numa sujidade aparente. As pessoas e o povoado exalavam um odor fétido, as roupas que usavam eram muito escuras! Talvez por isso chamou-se também de Idade das trevas e da escuridão... Inocentemente, eu não sabia ao certo o que havia feito de tão obscuro, por ajudar os peregrinos que passavam em minha simples choupana, perto de um riacho, lavando e tratando de suas feridas com ervas e chás revigorantes. Eu era uma mulher que morava sozinha; optei por esta liberdade, pois tinha temperamento forte e determinado. Não era um tipo comum, era rebelde, diferente dos outros. Arisca, não confiava em ninguém e tampouco precisava de alguém para sobreviver naquele povoado. Não tinha amigos, apenas alguns poucos viajantes que passavam em meu caminho e que podíamos nos reconhecer pela sintonia da transparência do olhar. Os olhos são o espelho da alma. Naquele lugar horrível, tudo tinha que ser às escondidas e vivia em sigilo. Definitivamente, não combinava com as pessoas daquele local adoentado e tomado por preconceitos e hipocrisias. Eu não queria estar nesse lugar, e me sentia muito mal, cercada por fuxiqueiros e preconceituosos, vivendo suas vidas tristes e obscuras. Diante de tanta ignorância, fui julgada e reconhecida como uma bruxa, uma curandeira, por manipular elementos que a natureza nos dispunha. Naquele século, marcado por obscuridades, paguei um preço muito alto, assumindo minha diferença!

Os corajosos não temem, eles têm fé e determinação. 92

Profile for julia blanque

Reencontro com Voce  

Livro de Julia Blanque

Reencontro com Voce  

Livro de Julia Blanque

Advertisement