Page 66

Higiene das instalações e dos equipamentos de cozinha As instalações destinadas à preparação, consumo e armazenagem de alimentos devem estar limpas e livres de roedores, insectos e animais domésticos. Também loiças e outros utensílios utilizados na preparação de alimentos devem estar adequadamente limpos. Uma particular atenção deve ser dada às máquinas de picar carne que, após a sua utilização, devem ser desmontadas e bem lavadas. Também as fritadeiras devem ser bem lavadas, sempre que se mudar o óleo, a fim de se eliminarem os resíduos da utilização anterior. Todas as loiças com bordos partidos, ou com fendas, devem ser eliminadas por poderem transmitir doenças ou provocar cortes. As tábuas para cortar alimentos não deverão ser de madeira, porque esta pode alojar microrganismos, mas de material plástico próprio para alimentos. Deve evitar-se a utilização de loiça de barro vidrado, por poder transmitir chumbo aos alimentos. Seguem-se outras regras simples, mas essenciais para garantir uma adequada segurança alimentar. - Nunca usar as mesmas facas ou utensílios para cortar alimentos não cozinhados ou não lavados em alimentos já cozinhados ou preparados para consumo directo, pelo risco de contaminação. - Quando se provam alimentos com uma colher, esta deve ser imediatamente lavada. - Pegar nos talheres sempre pelos cabos. - Nunca colocar dedos nos bordos ou interior de copos, taças ou pratos. - Nunca soprar para os copos de forma a facilitar o seu polimento; usar antes toalhas descartáveis. - No caso do empratamento ser manual, usar luvas descartáveis; caso contrário, executá-lo sempre com um utensílio limpo e adequado.

65

Manual Alimentação Saudável em Jardins Infância  

Manual Alimentação Saudável em JI

Manual Alimentação Saudável em Jardins Infância  

Manual Alimentação Saudável em JI

Advertisement