Page 1

TAQUARA, 10 DE OUTUBRO DE 2017 • EDIÇÃO 2353

Julio Cunha Neto / DAER

CAMINHO DAS PIPAS TEM ASFALTAMENTO CONCLUÍDO EM ROLANTE Obra que teve investimento de R$ 4,7 milhões contemplou nove quilômetros

Página 6

CREMERS APURA EM SINDICÂNCIA DEMISSÃO DE MÉDICOS DO HOSPITAL DE TAQUARA Página 2 e 3

COMÉRCIO

TRÂNSITO

POLÍCIA

CAMPANHA

Sindilojas anuncia campanha de Natal Página 4

Parobeense morre em colisão na 115 Página 12

Preso acusado de assassinatos em Três Coroas Página 10

Outubro Rosa movimenta postos em Taquara Página 5


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

2

Cremers abre sindicância para apurar afastamento de médicos no Hospital de Taquara O Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (Cremers) confirmou a abertura de uma sindicância para apurar o afastamento de médicos do Hospital Bom Jesus, de Taquara. A informação foi prestada pelo presidente do órgão, Fernando Weber Matos, em entrevista ao Jornal Panorama. Segundo ele, o objetivo é averiguar toda a questão legal deste afastamento. Matos disse que uma reunião em Taquara deverá ser realizada, ainda nesta semana, a fim de discutir este assunto junto com o Ministério Público. A data não estava agendada até o fechamento desta edição. De acordo com Matos, o Cremers já acompanha a situação do Hospital de Taquara há alguns meses. Tanto que fez vistoria e, inclusive, aprovou relatório concedendo prazo para adequações ao hospital e dando ciência dos apontamentos à Promotoria. O presidente disse que o Conselho examinou, a pedido do Sindicato

Médico, o movimento de paralisação dos médicos, e chancelou que a greve estava seguindo as questões éticas. Por isso, segundo ele, o Conselho foi surpreendido pela demissão de médicos que estavam paralisados, por parte do diretor-técnico do Hospital, ocorrida na quinta-feira passada. Segundo ele, este afastamento geraria uma infração ao Código de Ética Médica por parte do diretor técnico, uma vez que os médicos estariam protegidos pela chancela do movimento de paralisação. Além disso, os profissionais que assumiram na casa de saúde também podem, segundo Matos, estar infringindo a ética médica. Outro fato que chamou a atenção do Conselho é que, na noite de quinta-feira, dois profissionais que foram afastados tiveram que fazer cirurgias no Hospital, uma vez que, segundo os relatos, os médicos contratados pelo hospital não estavam disponíveis.

Quanto ao pedido dos médicos, anunciado em entrevista ao Jornal Panorama, de que o Conselho faça a interdição ética do exercício da medicina, o presidente do Cremers disse que os profissionais afastados devem fazer relatórios detalhados a respeito para que o órgão possa tomar as medidas mais adequadas. Segundo Matos, o Cremers já fez reuniões com a administração de Taquara e membros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e está avaliando a questão de forma ponderada, pensando em assegurar o atendimento à população, especialmente no momento de crise. "É importante que o bom senso volte a reinar. Que o diretor técnico comece a pensar como médico, que os médicos também pensem como médicos, deixando qualquer animosidade de lado, pensando em bom atendimento à população", acrescentou Matos, reforçando às partes que existem leis que regulam as questões de trabalho.

Sindicato orienta médicos a registrarem ocorrência policial O Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers) tem orientado os profissionais afastados do Hospital Bom Jesus a registrarem ocorrência policial no caso de serem impedidos de atender pacientes. A informação foi prestada por Gisele Lobato, diretora do Simers, em entrevista ao programa Painel 1490, da Rádio Taquara, na sexta-feira. Segundo ela, a orientação é de que cada vez que um médico for impedido de fazer o atendimento, se dirija à Delegacia de Polícia e comunique o fato, dizendo que, apesar de estar disponível, está sendo impedido.

Com isso, a responsabilidade deixaria de ser do médico e passaria ao gestor do hospital. A segunda atitude do Simers será uma reunião em Taquara, nesta semana, com a presença do Cremers. Conforme Gisele, a ideia é resolver, com o Ministério Público, definitivamente a questão do hospital de Taquara.

NO SITE DO PANORAMA

Ouça a entrevista com Gisele Lobato. Acesse: http://bit.ly/cremerstaquara


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

3

Diretor técnico diz que afastamentos ocorreram devido a questões de atendimento A reportagem do Panorama também entrevistou o diretor técnico do Hospital, Carlos Henrique Bauermann. Sobre a sindicância aberta pelo Cremers, disse que apresentará a defesa, junto com o ISEV, e tem todas as provas em relação à sua atuação. Segundo Bauermann, a demissão dos médicos ocorreu por conta de várias questões, dentre elas o não cumprimento da assistência básica de urgência e emergência. “A questão técnica não estava adequada à realidade”, comentou. Segundo Bauermnan, todo o tema é complexo e envolve questões políticas, de médicos que não querem o ISEV na

gestão do hospital. Mas, o diretor reforçou que foi necessária a tomada de medidas mais drásticas para manter a assistência à população. Quanto à cirurgia que aconteceu na noite desta quintafeira, feita por dois médicos afastados, Bauermann afirmou que o procedimento não teve autorização da direção do hospital. Acrescentou que os médicos contratados estavam de plantão e, para tanto, foi registrado um boletim de ocorrência com declaração destes profissionais atestando isso. Para Bauermann, se tratou de uma armação com a intenção de afirmar que o hospital não estaria funcionando.

Tito: “o hospital não é de médicos, é da população de Taquara” O prefeito de Taquara, Tito Lívio Jaeger Filho, se manifestou, na sexta-feira, em seu espaço semanal na Rádio Taquara, sobre as últimas questões envolvendo o Hospital Bom Jesus. Manifestou preocupação se o grupo de médicos levar o assunto ao Conselho Regional de Medicina (Cremers), reconhecendo que há risco para o funcionamento da casa de saúde, caso venha a ser feito algum tipo de intervenção do órgão. O prefeito manifestou estranheza com o fato de alguns médicos terem paralisado as cirurgias do SUS, dizendo que estavam faltando equipamentos, medicações e insumos, mas continuaram realizando procedimentos particulares. "Se estão usando o hospital, tudo que o hospital tem para as cirurgias particulares, porque não fazem o mesmo com relação às cirurgias do SUS", disse Tito, que vê no fato a tentativa de pressionar o ISEV a pagar tudo o que deve aos médicos de uma só vez.

Ainda na manifestação, o prefeito relatou que o ISEV fez propostas aos médicos, que não foram aceitas, e os profissionais não apresentaram nenhuma contraproposta. Tito lembrou que o Ministério Público entrou na Justiça cobrando a prestação de serviços por parte do ISEV e foi firmado um acordo, nesta semana, para que o Instituto realize os atendimentos da forma que está contratado com o governo gaúcho. Segundo Tito, o que aconteceu na quinta-feira é que o ISEV, como uma instituição privada, demitiu profissionais médicos que se recusavam a prestar os serviços. Por isso, o Instituto, na visão do prefeito, se obrigou a desligar e buscar a contratação de outros médicos. Pois, reforçou Tito, o ISEV precisa prestar os serviços para os quais mantêm contratos com o poder público, assegurando o serviço à população. "O hospital não é de um grupo de médicos. É administrado por uma

instituição que tem que nos fornecer, à população, os serviços. Se um profissional não serve à instituição, não quer atender à instituição, ela tem a obrigação e todo o direito de buscar a prestação de um outro profissional", comentou o chefe do Executivo. Tito frisou que a população precisa cobrar que tenha profissionais para o atendimento e não entrar em uma disputa que envolve relação de trabalho entre os médicos e o Instituto. "Nós, como população, temos que exigir é que cheguemos no hospital e tenhamos o atendimento. É isso que o município busca, que o Ministério Público busca, que o Estado quer quando efetua repasses, que o ISEV forneça a mão de obra", reforçou. "O hospital não é de médicos, é da população de Taquara, com administração do ISEV, que se tirar um profissional, mas colocar outro que atenda bem, isso é o que nos interessa", disse o prefeito. Por fim, ao comentar se há

risco de fechamento do hospital, Tito disse que existe, uma vez que o grupo de médicos disse que levaria o assunto ao Cremers a fim de pedir a interdição ética do exercício da medicina. "Não podemos permitir que interesses pessoais de dois, três ou quatro médicos inviabilizem o hospital. Essa história a gente já viu no passado. O hospital foi fechado no passado porque, infelizmente, tinha um grupinho de médicos que não aceitava que o hospital funcionasse na mão de outros. E esse grupo de médicos que está aí apenas quer é que o ISEV saia para vir outra instituição para que eles possam ter mais espaço. E a população não deve entrar nessa briga, deve exigir que o hospital tenha profissionais", finalizou.

NA INTERNET Ouça a íntegra da entrevista de Tito no site do Panorama. Acesse: http://bit.ly/titohospital


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

4

Sindilojas comemora resultados de feira e anuncia campanha de vendas para o Natal O Sindicato do Comércio Varejista do Vale do Paranhana (Sindilojas) está comemorando os resultados da terceira edição do feirão Liquida Tudo. O evento foi realizado no último sábado, na Rua Coberta de Taquara, levando mais de 50 expositores ao local. Todos informaram à entidade organizadora uma boa comercialização dos seus produtos. Segundo a executiva do Sindilojas, Sônia Bohnen, a feira atendeu a expectativa dos consumidores e expositores. "Tivemos produtos e preços diferenciados. Para as lojas, é impor-

Significativa presença de público marcou a terceira edição do Liquida Tudo em Taquara

tante uma vez que se desloca até a feira e capta novos clientes, muitos deles que passam a conhecer os expositores e estabelecimentos a partir do evento. Se trata de uma iniciativa para conquistar novos públicos", reforçou Sônia. A executiva contou que houve intensa movimentação durante todo o dia do sábado, que teve a colaboração de um bonito dia de sol. O destaque ficou para o período da manhã, que registrou os maiores picos de visitação. A próxima edição do Liquida Tudo está confirmada para março de

2018. Agora, o Sindilojas se prepara para a sua campanha de Natal, que terá extensão para todo o Vale do Paranhana, mas exclusivo aos estabelecimentos associados ao Sindicato. De acordo com Sônia, a cada R$ 100,00 em compras os clientes terão direito a um cupom para o sorteio. O primeiro prêmio será o sorteio de uma viagem com o valor de R$ 6,5 mil. Já o segundo prêmio será uma televisão SmarTV de 40 polegadas e, o terceiro, um celular MotoG. O sorteio está previsto para janeiro.


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

5

Divulgação/Cleusa Silva

Andréa da Conceição (jaqueta branca) e sua equipe de trabalho esperam a participação de um bom público na palestra da UBS Santa Maria

Postos de saúde realizam atividades do Outubro Rosa em Taquara

Orientados pela Secretaria Municipal de Saúde de Taquara, os postos da rede de Taquara estão realizando atividades alusivas ao Outubro Rosa, que incluirão palestras, exames de coleta de material, entre outras. Criado nos Estados Unidos, na década de 1990, o movimento tem como objetivo incentivar a participação da população na prevenção e controle do câncer de mama, além de promover a troca de informações sobre a doença e reforçar a importância de sua descoberta precoce. A coordenadora do posto do bairro Santa Maria, Andréa da Conceição, falou sobre as ações que ocorrerão no posto, que também trabalha com Estratégia em Saúde da Família (ESF), e da boa participação do público que todos os anos prestigia esse movimento. “Assim como nos outros postos de

saúde do município, aqui no bairro Santa Maria também teremos uma decoração especial para chamar a atenção das mulheres que vierem ao posto e lembrá -las sobre a importância dos exames de prevenção. Acredito que no dia 11, quando teremos a palestra ‘Outubro Rosa Temos Pressa’, as moradoras do bairro irão lotar esse espaço, a exemplo do que ocorreu em anos anteriores”, explicou Andréa. Segundo a Secretaria de Saúde, que neste ano também está trabalhando com a prevenção ao câncer de colo do útero, as mulheres deverão consultar na unidade básica de saúde mais próxima de sua residência e solicitar o agendamento de exames de mamografia e citopatológico. Na quinta-feira, dia 12, durante a 4ª Festa das Crianças, no Parque do Trabalhador, haverá uma equipe da Saúde realizando

palestras, marcação de mamografias e exames citopatológicos, além da medição de pressão arterial e glicose. Para auxiliar as mulheres que trabalham durante a semana, e que não puderem ir ao parque na quinta-feira, também será realizada uma

mobilização no próximo dia 28. Denominada como o Dia D, a ação ocorrerá em todos os postos de saúde de Taquara, que ficarão abertos das 8h às 12h, período em que as taquarenses poderão realizar consultas e fazer o agendamento de exames.

PROGRAMAÇÃO DO OUTUBRO ROSA EM TAQUARA - Dia 11 de outubro, às 10h: CAPS; - Dia 11 de outubro, às 14h: UBS Santa Maria; - Dia 12 de outubro, às 14h: Parque Municipal do Trabalhador; - Dia 18 de outubro, às 14h: UBS Pega Fogo; - Dia 23 de outubro, às 13h: CAPS AD; - Dia 24 de outubro, às 9h: UBS Mundo Novo; - Dia 25 de outubro, às 9h: UBS Empresa; - Dia 26 de outubro, às 13h30min: UBS Santa Cruz da Concórdia; - Dia 26 de outubro, às 14h: UBS Fazenda Fialho; - Dia 27 de outubro, às 10h: UBS Santa Teresinha; - Dia 28 de outubro, das 8h às 12h: todos os postos estarão abertos no Dia D; - Dia 31 de outubro, às 10h: UBS Rio da Ilha; - Dia 31 de outubro, às 13h30min: UBS Padilha.


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

6

Fotos: Divulgação/Júlio Cunha Neto/Daer

Obra abrange 9,4 quilômetros e facilita acesso a cantinas e vinícolas no interior do município

Rota turística de Rolante tem pavimentação concluída

Um dos principais roteiros turísticos do Vale do Paranhana já conta com mais um atrativo para receber os visitantes: as obras de pavimentação na estrada que dá acesso às cantinas e vinícolas do interior de Rolante já estão 100% finalizadas. O asfaltamento do Caminho das Pipas foi viabilizado por meio de um convênio firmado entre o governo do Estado – através da Secretaria dos Transportes e do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) – e a prefeitura. O in-

vestimento soma R$ 4,72 milhões, dos quais R$ 3,77 foram repassados pela autarquia estadual ao município, que aplicou a contrapartida de R$ 956 mil. “Em momentos de grandes desafios, como este que o Estado enfrenta no campo das finanças, as parcerias com os municípios têm sido fundamentais para ampliarmos nosso objetivo de melhorar a situação geral das estradas gaúchas”, destaca o secretário dos Transportes, Pedro Westphalen. “O convênio que firmamos com a prefei-

tura de Rolante é um exemplo claro disso, pois, além de melhorar a trafegabilidade, irá impulsionar a economia de uma importante região turística.” A obra abrange uma extensão de 9,4 quilômetros na localidade de Boa Esperança. A maior parte do trajeto recebeu asfalto usinado à quente e, num trecho de 800 metros, foi executada pavimentação poliédrica (calçamento). A estrada passou, ainda, por serviços de drenagem e sinalização de trânsito.

Comerciantes projetam aumento nas vendas

Para os donos das nove cantinas que compõem o roteiro turístico, a obra irá ajudar na comercialização e divulgação dos produtos locais. É o que apostam a comerciante Ana Beatris Lazzari, 45 anos, e os pais Francisco Boniatti, 74, e Claudina Boniatti, 70, que produzem todo ano até 15 mil litros de vinho artesanal com as uvas colhidas no próprio parreiral. “O cliente fica mais feliz ao ver a estrada em boas condições e espalha a notícia aos amigos e parentes, que vêm conhecer

também”, explica Ana. “Não temos nem mais poeira em cima das garrafas. É um sonho que achávamos muito distante e se tornou, agora, uma conquista”, comemora. Há poucos metros dali, o otimismo também contagia Verônica Montemezzo, 57 anos, que montou uma agroindústria especializada em pães, cucas e massas coloniais. Com o asfalto na frente de casa, ela acredita que as vendas dos produtos acompanharão o crescimento do turismo de Rolante.

“Vai facilitar bastante, pois o pessoal gosta muito de conhecer os pontos turísticos, como a Cascata Três Quedas,

que fica perto aqui de casa”, afirma. “É a oportunidade para que mais turistas conheçam o que a gente faz.”

Ana Beatris (à direita), com os pais Francisco e Claudina: Asfalto na frente de casa faz aposta em mais fregueses Verônica projetar aumento na cantina da família na venda de pães e cucas


Comunidade

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

7

Parquinho está reaberto na praça central de Parobé A Prefeitura de Parobé recolocou, à disposição da comunidade, os brinquedos da Praça 1º de Maio. Para esta obra, o município investiu R$ 7,9 mil e, segundo a administração, é uma forma de trazer as famílias ao centro da cidade. “Sabemos que as famílias precisavam deste espaço para trazer suas crianças em momentos de lazer, como no final de semana, por exemplo. Também estamos prestes a concretizar a obra de uma academia ao ar livre aqui

na Praça 1º de Maio”, salienta o prefeito interino Moacir Jagucheski. Já o secretário de Meio Ambiente, Valdenir Martins, destacou que o município quer tornar a Praça atrativa às famílias parobeenses, e que este investimento trará retorno à comunidade. “Agora as famílias de Parobé possuem mais um motivo para poder vir até a praça, aproveitar um final de tarde, tomar um chimarrão e se divertir”. Divulgação

Contate-nos também pelo whatsapp

51.

99961.4400


Esporte

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

8

Ariane Tadday

Primeira partida das quartas terminou em empate em Horizontina

APF decidirá em casa a continuidade na Série Prata PAROBÉ – A Associação Parobeense de Futsal (APF) empatou contra o Esporte Clube Caipirinha, no Ginásio Edio Stoll de Nova Horizontina, no sábado à noite, pelas quartas de final da Série Prata. Agora, a “Lokomotiva do Vale” precisa garantir bom resultado em casa, no próximo sábado, às 20 horas, para seguir na competição. Os parobeenses viajaram cerca de 500 quilômetros desfalcados do goleiro Alemão, que segue se recuperando de uma lesão na mão. O Horizontina abriu o placar, mas Vefo, na sequência, conseguiu o empate. O adversário marcou o segundo, terminando o primeiro tempo com a vitória. No retorno dos vestiários, a APF igualou o marcador, com

Mineiro, e ultrapassou os adversários, com Gustavo Saraiva. O jogo ficou equilibrado, mas Bruninho e André ainda conseguiram marcar os seus, finalizando a partida em 5x5. A APF, na primeira fase, terminou na 3ª posição da classificação geral, com 42 pontos, 12 vitórias, seis empates e quatro derrotas, em saldo de 81 gols marcados e 51 sofridos, garantindo a melhor defesa da competição. O Caipirinha ficou em 6º colocado, com 33 pontos, 10 vitórias, três empates e nove derrotas, e saldo de 72 gols marcados e 67 sofridos. Por ter melhor campanha, a APF traz a decisão da vaga para o Ginásio Municipal Décio Francisco da Costa. (CV)


Esporte

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

9

Divulgação

Meninas do Getúlio Vargas, de Parobé, chegaram ao sexto título consecutivo

Projeto Bom de Bola definiu campeões da região Parobé foi palco, na semana passada, dos Jogos Bom de Bola, iniciativa do Instituto Bom de Bola Brasil, que realiza competições regionais entre escolas. Mais de 900 atletas, representando 46 escolas de 30 municípios da região, participaram de jogos em seis campos espalhados pela cidade. Na categoria masculina, os meninos da Escola Maria Francisca da Silva chegaram às quartas de finais em uma grande partida contra os representantes de São Leopoldo,

que levaram a melhor nas penalidades. Os campeões foram da Escola Machado de Assis, de Igrejinha. Já no feminino, as anfitriãs da Escola Getúlio Dornelles Vargas ficaram, pela sexta vez consecutiva, com o título regional ao vencer as equipes das cidades de Sapiranga e Campo Bom no triangular final. Os vencedores da etapa se credenciaram para participar da última fase do torneio, que encerra no dia 17 de novembro, em Passo Fundo.


Polícia

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

Preso homem acusado de participação em homicídios em Três Coroas Em ação conjunta realizada na manhã de sexta-feira, entre a Delegacia de Polícia de Três Coroas e a 2ª DP de São Leopoldo, foi realizada a prisão de Adriano Martins, conhecido como Taison, 31 anos. Segundo a polícia, o homem foi encontrado em sua residência, no bairro Feitoria, em São Leopoldo. O delegado Ivanir Caliari informou que Martins é suspeito de participar de um homicídio consumado e outro tentado, delitos executados no início do ano nos bairros Luterana e Morro do Raul, em Três

Coroas. O delegado Caliari, responsável pelas apurações, acrescentou que os dois homicídios possuem relação com o tráfico de drogas promovido pelo traficante atualmente preso conhecido como Ederson Nantal, o Saraiva. Os mandados de prisão preventiva contra Adriano, além de diversas outras pessoas, foram emitidos em razão das investigações de tais crimes. O preso foi encaminhado à Delegacia de Três Coroas, onde foi interrogado nos inquéritos dos dois homicídios.

10

Divulgação

Adriano Martins foi detido em sua residência em São Leopoldo

Polícia Civil apreende sete máquinas caça-níqueis em Taquara Agentes da Delegacia de Polícia de Taquara, na tarde de sexta-feira, efetuaram a apreensão de sete máquinas caça-níqueis. Os equipamentos foram encontrados em um bar da rua Bento Gonçalves, no Centro. A operação, denominada Jogatina, foi mais uma ação da Polícia Civil no município com o objetivo de combater o jogo ilícito. Segundo o delegado Ivair Matos Santos, o proprietário do bar, um homem de 38 anos, responderá pela contravenção penal prevista no artigo 50 da lei de contravenções penais, que tem pena prevista de três meses a um ano

Fotos: Divulgação

Caça-níqueis foram encontrados em bar do Centro

de prisão e multa. O delegado ressalta que, há menos de um mês, foram realizadas outras operações no município, resultando na apreensão de outras 36

máquinas nas ruas Sebastião Amoretti, Gaspar Martins e Marechal Floriano, totalizando 43 caça-níqueis apreendidos.

Polícia faz três prisões por tráfico de drogas A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Parobé, prendeu, na sexta-feira, dois homens por tráfico de drogas e um adolescente por ato infracional. A ação, que contou com o apoio das delegacias de Dois Irmãos, Sapiranga e de Novo Hamburgo, foi decorrente do cumprimento de mandado de busca e apreensão na investigação

de comercialização de drogas na cidade. Segundo o delegado Rafael Sauthier, a medida foi cumprida na residência de um dos investigados. "As drogas foram encontradas no quarto e com os próprios suspeitos", conta o delegado. Drogas, dinheiro e um simulacro de arma de fogo foram apreendidos.


Polícia

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

Mulher é presa por furto em farmácia de Parobé

Uma mulher de 35 anos foi presa por furto em uma farmácia, na rua João Mosmann, em Parobé. O fato aconteceu por volta de 10 horas do sábado. A Brigada Militar foi chamada para atender a ocorrência e, chegando no local, a proprietária da

farmácia mostrou imagens de uma câmera de segurança que gravou o momento em que a mulher furtava um aparelho celular de uma cliente. Os policiais iniciaram as buscas e localizaram a suspeita em um hotel da cidade. A mulher negou o furto, mas,

11

após ver as imagens feitas pela câmera de segurança do local, assumiu e entregou o aparelho aos policiais. Os agentes deram voz de prisão à mulher e ela foi encaminhada para a delegacia de Taquara para o registro da ocorrência.


Polícia

Terça-feira, 10 de outubro de 2017

12

Parobeense morre em acidente de trânsito na ERS-115 Um morador de Parobé morreu em acidente de trânsito na manhã de segunda-feira, quando estava retornando de Gramado. Segundo as informações, Robinson Castione, 32 anos, sofreu acidente com sua moto ao colidir em um furgão Mercedes Benz na ERS-115, em Três Coroas. O acidente aconteceu por volta de 8h40min, no quilômetro 18 da rodovia. Robinson foi socorrido até o Hospital de Três Coroas, com muitas lesões, e teve que ser transferido para Caxias do Sul, onde seria submetido a cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. O parobeense atuava como técnico de enfermagem, sendo funcionário do Hospital São Francisco de Assis e também voluntário da Associação Parobeense de Futsal (APF).

Adolescente é abusada pelo pai há pelo menos 13 anos Uma adolescente de 17 anos contou à Polícia Civil, na tarde de segunda-feira, que era abusada pelo próprio pai há pelo menos 13 anos. Os abusos teriam começado quando a menina tinha apenas quatro anos de idade. O caso aconteceu no bairro Medianeira, em Taquara. Ela disse que só teve coragem de relatara situação agora para sua mãe, devido ao histórico de agressão que as duas sofriam em casa.

A mãe da adolescente disse que não tinha conhecimento do ocorrido, e que assim que soube levou a filha até a polícia. A menina falou aos policiais que o pai, que tem 42 anos, foi até seu quarto diversas vezes desde que começaram os abusos. Foi pedida uma medida protetiva e a garota foi encaminhada para perícia em Porto Alegre. A Polícia Civil investiga o caso.


Passo a passo para ter o aplicativo do Jornal Panorama no seu celular

1

Toque no Ă­cone Android

2

Digite: jornal panorama

3

Toque no primeiro da lista

4

Toque em INSTALAR ou no Ă­cone em azul

iOS (Apple)

2353  
2353  
Advertisement