Page 1

PANORAMA Traficante de Três Coroas ordena incêndio a ônibus e represália a policiais

Cristiano Vargas

TAQUARA, 26 DE MAIO DE 2017 • Nº 2329 • 16 PÁGINAS • WWW.JORNALPANORAMA.COM.BR • R$ 2,00

Divulgação

Assaltantes são presos após ataque a sítio de deputado Quatro acusados foram detidos após fugir com carros e entrar em confronto com a Brigada Militar no viaduto da ERS-239 com a 115, em Taquara. Bandidos atacaram sítio do deputado Renato Molling (PP) no interior de Parobé.

Página 11 Divulgação

Cooperativa com sede em Taquara obteve o certificado ISO 9001:2015.

Após a prisão da mulher em Taquara, acusado de vender drogas no Paranhana manda da cadeia queimar ônibus e ameaça policiais. Plano não deu certo: acabou sendo preso novamente, com recomendação de transferência à penitenciária de alta segurança.

Página 10

Unimed conquista certificação de qualidade Página Central


2

ABERTURA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Envie colaborações ao Panorama pelo Whatsapp. 9961.4400

TURNO ÚNICO ACABA

EDITORIAL

A tragédia política brasileira A mais recente crise política instalada no Brasil tem alguns contornos pitorescos. Primeiro, veio a partir de uma gravação de um megaempresário suspeito de corrupção há vários anos. Segundo, esse empresário gravou o presidente da República para negociar a sua delação premiada – aliás, premiadíssima. Depois, o presidente confessa que se reuniu tarde da noite com este empresário, em uma residência oficial do governo, discutindo assuntos com quem o presidente considerou, posteriormente, um fanfarrão. Elementos não faltam para sustentar o enredo de uma tragédia brasileira vivida atualmente pela área política, reforçando a crise da representação popular. A delação dos donos da empresa JBS, frigorífico conhecido como dono das marcas Friboi e Seara, mostrou o quanto a política brasileira está sendo comandada por pessoas que deveriam estar longe dali. O presidente da República foi flagrado ouvindo uma série de relatos sobre corrupção, de que um empresário poderia estar corrompendo juízes e procuradores, até “zerando as pendências” com um ex-deputado preso por corrupção e, o que faz o presidente: indica um interlocutor para ouvir as lamúrias, algo que, segundo Michel Temer disse em um dos seus pronunciamentos no Planalto, não

é nada demais. Mais grave: dias depois dessa conversa, o interlocutor indicado pelo presidente é flagrado em uma ação da Polícia Federal ao deixar correndo uma pizzaria com uma mala contendo R$ 500 mil em dinheiro. O presidente da República ainda escuta pedidos para melhorar a relação do empresário com o governo. Considera “ótimo, ótimo” que o dono do frigorífico esteja segurando juízes, e diz “tem que manter isso, viu!”, quando o fanfarrão afirma que “está de bem com o Eduardo”, em referência a Eduardo Cunha, o ex-deputado que deu o pontapé do impeachment de Dilma Rousseff (PT) e depois parou na cadeia abatido pela Lava Jato. Depois de toda a roubalheira dos governos petistas, parece que chegou a vez de outras siglas, hoje aliadas ao Planalto, se lambuzar. Talvez seja por isso que fosse preciso “estancar a sangria”, como disse um importante senador do PMDB e com forte influência no governo Temer. Acrescentado a isso, o ex-candidato à Presidência da República, que em 2014 apontou o dedo para o antigo governo acusando-o – corretamente, diga-se de passagem – de corrupção sistêmica, foi pego com uma história para lá de suspeita no momento em que pediu R$ 2 milhões para o dono da JBS. Aécio

Neves diz que seria só um empréstimo feito por amigo. Mas, o dinheiro precisava ser entregue em espécie, para um primo de Aécio, e, em vez de parar na conta do advogado que Aécio queria pagar para defendê-lo, acabou na conta de empresas ligadas a outro senador. Afastado, Aécio diz que foi ingênuo. Ingenuidade, talvez, foi a dos brasileiros, que uma vez quase o colocaram na presidência da República para combater desvios que, ao que parece, o tucano não estava disposto a combater. Neste momento de quase tragédia política brasileira, é preciso saudar que as investigações avançam, e precisam continuar. Tendo cuidado, é claro, com direitos fundamentais, que devem ser preservados, em obediência rígida à Constituição. A forma de representação política precisa ser passada a limpo, com novas leis, mais rígidas no combate à corrupção e mais firmes no compromisso com a transparência. Tudo isso não mudará, porém, se a população brasileira não se engajar combatendo vícios que ainda permeiam o dia a dia. O famoso jeitinho, na política demonstrado através da troca de votos por favores, precisa de uma reflexão crítica. Afinal, os representantes do povo são eleitos, soberanamente, pelo povo, sendo, de certa forma, também um reflexo da sociedade.

Divulgação/Juliano Arnold

Divulgação

O prefeito de Taquara, Tito Lívio Jaeger Filho, confirmou ao Jornal Panorama que o turno único na administração municipal se encerrará na próxima quinta-feira, dia 1º de junho. A medida está em vigor desde outubro de 2016 e deveria ter se encerrado em fevereiro, mas acabou prorrogada, segundo o prefeito, por necessidade de contenção de despesas. O horário de atendimento voltará ao anterior da Prefeitura, das 8 horas às 11h30min e das 13 horas às 17h30min. O prefeito afirmou que a economia foi importante à administração, pois alcançou de R$ 800 mil a R$ 1 milhão, devido à redução de despesas básicas, com energia, material, combustível, entre outros racionamentos proporcionados.

RECOLHIMENTO DE LIXO Também em entrevista ao Panorama, o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho informou que a administração de Taquara tem retomado o calendário anterior de recolhimento de lixo. Neste começo de ano, a Prefeitura teve que parcelar dívidas com a empresa responsável pelo serviço, o que obrigou a mudanças em algumas datas. Mas, Tito informou que o parcelamento está sendo pago em dia, o que está permitindo a retomada do calendário normal, exatamente como se tinha antes. O prefeito espera que até o início de junho os caminhões estejam passando nas ruas o mesmo número de vezes que passavam antes de os problemas começarem.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA Outro ponto comentado pelo prefeito Tito na entrevista ao Panorama foi a situação dos atendimentos do setor de iluminação pública em Taquara. O chefe do Executivo reconheceu que aconteceram alguns problemas com relação à equipe, e uma das ideias que chegou a ser analisada foi a terceirização do serviço. Mas, não foram encontrados parceiros, e a Prefeitura reorganizou a equipe, com novas pessoas e aproveitando uma parte dos antigos integrantes. Com isso, os atendimentos foram remodelados e Tito afirmou que está sendo providenciada atenção à demanda reprimida do setor. Assim que estes casos forem atendidos, o prefeito anunciou a ideia de criar um Disque Iluminação em Taquara, a fim de que o cidadão tenha mais facilidade para acionar o serviço.

EDUCAÇÃO INFANTIL

CONCURSADO NA FAZENDA

Doze candidatos concorrem para casal infantil da corte oficial da Oktoberfest

BUBCHEN E MÄDCHEN A Oktoberfest de Igrejinha conhecerá, neste domingo, o casal infantil da corte oficial da 30ª edição da festa. A escolha do Bubchen e Mädchen acontece às 9h30min, durante a programação da Feira do Livro do município, no Parque de Eventos Almiro Grings. Estão inscritos dois meninos e doze meninas, nascidos entre 2007 e 2009 (confira a lista). Além de representar a maior festa comunitária do Brasil, as crianças escolhidas como Bubchen e Mädchen ganham um traje típico e uma bicicleta. Mas para isso precisam saber se comunicar demonstrando simpatia e entusiasmo durante as atividades de avaliação. CANDIDATOS BUBCHEN • Kauã Otávio Silveira de Avila • Pedro Henrique Huff Ferreira Candidatas MÄDCHEN • Bianca de Oliveira • Corinne Kraemer Hack • Fernanda Carolini Schefer Dias • Hannah Victória Lara

• Isabela Krummenauer Hoffmeister • Júlia Hirt Fagundes • Mariana Heldt • Murielly de Oliveira Breyer • Nicole Bado Altenhofen • Rafaela de Oliveira Lopes dos Santos • Valentina Gazzani Ritzel • Vithória Andressa Sampaio Marmitt

Segundo colocado em concurso público de 2015, Gilnei Nunes da Costa, que era secretário da Fazenda, foi efetivado no cargo de contabilista, na Câmara de Vereadores de Parobé. Com isso, o prefeito interino Moacir Jagucheski nomeou para a função, nesta semana, o funcionário concursado Volmir Faleiro (foto acima), que trabalha na pasta desde 2010. Para Faleiro, a nomeação foi uma grata surpresa. “Não esperava. Mas aceitei, agradeço a confiança do prefeito e afirmo que seguirei o trabalho de transparência, que vinha sendo realizado pelo Gilnei”, conta o novo secretário. Sobre seu maior desafio, Volmir Faleiro comenta que será o parcelamento de dívidas anteriores e a busca pelo equilíbrio financeiro “Toda a comunidade sabe das dificuldades financeiras do município, vamos trabalhar para parcelar as dívidas anteriores conforme conseguirmos. Também buscaremos manter pagamentos de fornecedores em dia”, finaliza.

PANORAMA

Fundado em 27/9/1975

Também na entrevista ao Jornal Panorama, o prefeito Tito comentou sobre uma parceria que está em estudo para as escolas de educação infantil. Trata-se de eventual parceria com ONGs ou associações para a administração das escolas, o que seria, segundo Tito, uma alternativa dentro dos recursos disponíveis para, não só abrir a escola do bairro Santa Rosa, mas também colocar novas salas em funcionamento. O prefeito reconheceu que há todo um procedimento necessário, como edital para o esclarecimento das condições aos interessados, ressaltando que a parte pegagógica continuará sempre a cargo da Secretaria de Educação. Essa parceria ainda está sendo elaborada para a abertura das unidades.

PENDÊNCIAS ELÉTRICAS Ainda sobre as escolas de educação infantil, a administração de Taquara está resolvendo pendências apontadas pela concessionária Rio Grande Energia (RGE) na escola do bairro Santa Rosa. Segundo o prefeito Tito, foi exigido um novo transformador, que está sendo comprado por meio de licitação. A ideia do prefeito é abrir a creche ainda no segundo semestre, dentro das parcerias anunciadas no tópico anterior e resolvendo a questão elétrica. Também está sendo comprado um novo transformador, exatamente conforme o exigido, para a escola infantil do bairro Campestre.

Editado pela EMPRESA JORNALÍSTICA GAÚCHA LTDA. Inscrição Estadual: 141/0071666 - CNJP: 88.279385/0001-19 Rua Rio Branco, 1006 - Fone: 3542.2288 - Taquara/RS - CEP: 95.600-000

Jornalismo: editoria@jornalpanorama.com.br Publicidade: publicidade@jornalpanorama.com.br Direção: direcao@jornalpanorama.com.br Diretor: Olavo Carlos Wagner Editores: Inge Dienstmann | Vinicius Linden

Impressão: Grupo Editorial Sinos. Circulação às sextas-feiras em Taquara, Parobé, Igrejinha, Três Coroas, Rolante e Riozinho (Vale do Paranhana).


4

TAQUARA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Cristiano Vargas

Evento realizado na terça à noite reuniu alunos, pais e colaboradores do educandário

Câmara prestou homenagem aos 90 anos do Santa Teresinha A Câmara de Vereadores de Taquara homenageou, em sessão solene realizada na terça-feira à noite, o aniversário de 90 anos do Colégio Santa Teresinha, completados em março. O encontro lembrou a trajetória do educandário, que atualmente atende a quase quinhentos alunos. A homenagem foi proposta pelo vereador Telmo Vieira, do

PTB, e aprovada por todos os parlamentares municipais. Ao iniciar a sessão, Telmo externou a alegria e satisfação pela oportunidade de o Legislativo homenagear a instituição de ensino, contribuindo, ao longo dos anos, para a formação dos taquarenses. “Educação na qual estão enraizados os valores cristãos, e isso é de grande valia. É uma escola que

prepara as crianças para serem cidadãos do amanhã”, destacou o propositor. Após a entrega de certificados aos funcionários e irmãs, a diretora Maria Isabel Rossetti destacou o trabalho realizado por toda a equipe diretiva, de professores e demais colaboradores. A vereadora Sandra Schaeffer relembrou da época em que estudava no Santa, e

das “peripécias” aprontadas quando criança, assim como fizeram os atuais colegas de parlamento Luiz Felipe Luz Lehnen e Mônica Juliana Facio. Foi Sandra a idealizadora do slogan do cinquentenário do educandário. O prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, que foi aluno do Santa, afirmou ser um dos que mais tempo ficou no colégio.

Também estiveram presentes o vice-prefeito Hélio Cardoso Neto (ex-aluno), o secretário de Educação, Antônio Edmar Teixeira de Holanda, direção, professores, alunos, funcionários, Associação dos Ex-Alunos do Santa Teresinha e Associação de Pais e Mestres (APM) do Colégio, além dos vereadores Carmem Solange Kirsch da Silva e Guido Mário Prass Filho.

Conselho Municipal de Cultura aguarda encaminhamento jurídico A instituição do Conselho Municipal de Cultura de Taquara está na fase final dos encaminhamentos. Aprovado ainda no final do ano passado pela administração, compete ao conselho propor, fiscalizar, acompanhar e avaliar políticas públicas para desenvolvimento cultural no município. Conselheiros deverão planejar ações na área cultural a partir das decisões tomadas em conjunto. Conforme reunião do departamento realizada neste mês, já estão selecionados os primeiros representantes das comissões do conselho. Será formado por 16 representantes

indicados pelo poder público e por 16 representantes provenientes de diferentes segmentos culturais. Após as definições de titulares e suplentes, o próximo passo será a eleição da diretoria do conselho prevista ainda para o primeiro semestre de 2017. O regimento interno está para ser aprovado como decreto através da assinatura do prefeito. Após os trâmites jurídicos e a eleição do conselho, o primeiro grande trabalho do grupo será a produção conjunta do Festival da Diversidade, previsto para dias 27, 28, 29, 30 de setembro e 1º de outubro.

Novena do Divino começa nesta sexta A Paróquia Senhor Bom Jesus, de Taquara, dará início, nesta sexta-feira, à programação da Novena do Divino de 2017. As atividades acontecem sempre às 20 horas, na igreja matriz, até o dia 3 de junho. Nesta sexta-feira, o tema será a Grandeza de Deus. Amanhã, será enfocada "A Alegria da Salvação" e, no domingo, "A Humildade dos Servos de Deus". O restante da programação está publicado no site do Jornal Panorama. A Nove-

na encerrará com a Festa do Divino, no dia 4 de junho, com convites para o almoço sendo vendidos ao preço de R$ 25,00. Mantendo a tradição, a Rádio Taquara acompanhará todas as noites da programação da Novena do Divino, com transmissão ao vivo a partir das 20 horas. O patrocínio é de: Tênis Shop, Faccat, Beto Bazar, Ademacro, Multiloja/Multiluzes, Alice Imóveis, Danis Lupo, Restaurante Casa Silva e Comercial de Gás

Andriola. Ouça ao vivo a programação da Rádio Taquara, e a transmissão da Novena do Divino, com o QR Code ao lado.

Idealizadores foram recebidos pelas voluntárias na sede da entidade

Embaixada Feminina destinará R$ 9,6 mil para melhorias no Hospital Bom Jesus A quinta edição do galeto da Embaixada Feminina de Amor pelo Hospital Bom Jesus, realizado no dia 1º de maio, rendeu lucro de R$ 9,6 mil à entidade. O valor dos mais de 1,4 mil cartões vendidos será utilizado para melhorias na ala de observação da casa de saúde de Taquara. O evento beneficente teve o apoio e a parceria de um grupo de empresários da cidade. A presidente da Embaixada Feminina,

Delma Dal Castel, faz um agradecimento especial ao CTG Fogão Gaúcho, ao Centro Sinodal de Ensino Médio Dorothea Schäfke e à Igreja Luterana. Também lembrou a importância dos idealizadores da ação, senhores Paulo Renato (Pistola), Jordane Gossler, Gilmar Grifante e Marcio Foscarini, na realização do evento, e de toda a comunidade, como os moradores das localidades de Morro Alto, Vila Teresa, Rio da Ilha, Padilha.


TAQUARA

Taquara oferece exames gratuitos de mamografia O Hospital Bom Jesus tem uma nova oportunidade de serviço às mulheres, no caso, o atendimento em mamografia. As interessadas deverão apresentar um documento de identificação com foto e cartão do SUS. A Secretaria Municipal de Saúde promove orientações de autocuidado e marcação de exames de mamografia como parte da prevenção ao câncer de mama, diariamente. A Oncoprev funciona em anexo ao Hospital Bom Jesus, que está entre os 27 centros hospitalares habilitado, pelo Ministério da Saúde a atender procedimentos de alta complexidade em oncologia no estado. De acordo com Renata Rockenbach, mastologista, ginecologista e obstetra, o câncer de mama é o câncer que mais acomete as mulheres. A especialista revela que a incidência de casos em Taquara é baixa. Os exames estão disponíveis pelo SUS, bem como consultas e acompanhamentos. Este procedimento de rastreamento é eficaz para diagnóstico precoce e tratamento adequado. Apenas 5% dos casos de câncer de mama são hereditários, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer. A partir dos 40 anos, o exame de mamo-

grafia é um direito garantido por lei, e foi considerado o mais seguro para rastreamento. O Ministério da Saúde recomenda, para mulheres com mais de 50 anos, que o procedimento seja feito de dois em dois anos, enquanto a Sociedade Brasileira de Mastologia orienta o cuidado antes até dos 40 anos. Mesmo em pessoas sem histórico familiar, ao detectar um nódulo, lesão, o ideal é a procura de atendimento especializado o mais urgente possível. A mastologia é a ciência que estuda as glândulas mamárias, especialidade médica responsável por prevenir, diagnosticar e tratar as doenças benignas e malignas da mama. Os nódulos benignos serão acompanhados por ecografia e mamografia de seis em seis meses em Taquara. “Sempre orientamos a mulher se auto-conhecer, se auto-tocar, qualquer suspeita é melhor tratar que deixar no desconhecimento. O autoexame melhora a questão de casos precoces. Para conseguir com que o posto de saúde encaminhe demora alguns dias. Nós tentamos evitar perder tempo, através da mamografia que não dói e não aperta a mama. O quadro de tratamento muda conforme o tamanho da

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

5

Hospital receberá repasse de R$ 760 mil lesão”, explica Renata. De acordo com a médica, o objetivo de qualquer câncer é uma proliferação desenfreada de células “defeituosas” alteradas geneticamente que afetam o órgão em que estão se proliferando. O objetivo destas células é atingir outros órgãos para fazer a metástase. Cada tipo de câncer ataca órgãos diferentes. No caso do câncer de mama, a metástase ocorre em ossos, fígado, cérebro e pulmão. Para cada um existem tipos de quimioterapia. Alguns sinais e sintomas que são importantes tomar cuidado: bico (mamilo) puxado para dentro e/ou secreção pelo mamilo. O tratamento do câncer de mama envolve profissionais das áreas de cirurgia plástica, oncologia, radioterapia e quimioterapia, assim como fisioterapia e psicologia. Renata explica que “normalmente o paciente vem encaminhado do médico de posto e vai para atendimento com o médico cirurgião geral. Agora, atendemos todos municípios referenciados aqui em Taquara, aptos para o suporte, credenciados ao Unacon em dezembro. Prestamos atendimentos oncológicos, exames, cirurgia e quimioterapia. A radioterapia é encaminhada para Porto Alegre.”

O Hospital Bom Jesus receberá R$ 759.988,36 provenientes de projeto aprovado na Consulta Popular 20162017. Os recursos deverão ser utilizados para a compra de novos equipamentos hospitalares. Entre os aparelhos a serem adquiridos estão um mamógrafo de alta resolução (R$ 160 mil), ventilador pulmonar (R$ 220 mil), equipamento para exames de colonoscopia e endoscopia (R$ 167 mil). Os repasses foram publicados no Diário Oficial do Estado na semana passada.

Calendário de podas tem sequência A Prefeitura de Taquara dará sequência, neste final de semana, ao calendário de podas. Moradores do bairro Cruzeiro do Sul têm deste sábado até a segundafeira para efetuar as podas e deixar os galhos nas ruas. A partir de terça-feira, os resíduos serão recolhidos

gratuitamente pelas equipes da Secretaria de Meio Ambiente. A administração informa que não serão retirados materiais como entulhos, restos de construção, móveis, eletrodomésticos, entre outros que não sejam vegetação. Mais informações pelo telefone 3541-9200.

CASA DA AMIZADE - A Casa da Amizade, em parceria com a Mara do Pistola, promove Vispadinha neste sábado, a partir das 14 horas, no salão de eventos da rua Henrique Bauermann. Haverá diversos brindes aos participantes e para o sorteio da rifa. O objetivo é continuar a atender as ações do Rotary Clube em Taquara.


TAQUARA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

COMUNIDADE EVANGÉLICA Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil

“Não peço somente por eles, mas também em favor das pessoas que vão crer em mim por meio da mensagem deles” (João 17.20).

Amigos do Panorama! Quinta, 25, lembramos a Ascenção de Jesus. Deus está no céu, os humanos continuam na terra. Jesus volta às alturas. Órfãos de Deus, esta foi a experiência dos discípulos. O Cristo que nasceu, viveu aqui, foi morto e ressuscitou, agora volta ao céu. Espantados, os discípulos veem o Mestre subindo “às alturas”. Por que nenhum deles segurou as vestes de Jesus que se erguia ao céu? Não havia ninguém que, naquele momento quisesse gritar: “Senhor, não vás embora”. A volta de Cristo aos céus poderia aparentar o fim de toda a esperança e segurança que a presença do Mestre representava. João, o evangelista, não fala de uma separação radical, mas destaca a necessidade de somar, de unir. Quem precisa ser somado? Deus, o Pai e Jesus Cristo, o Filho. E Jesus precisa ser somado aos seguidores. O fio vermelho desta união é o amor que o Pai tem por nós. Jesus ora pela unidade dos crentes. Não foi ele que partiu para sempre. A realidade das separações é, na verdade, o grande problema humano. A nossa oferta é ter uma morada junto de Deus e viver em união com ele e com os irmãos. Na comunidade unida, não há gente excluída. Jesus não só subiu ao céu. Aos seus seguidores ele prometeu um “novo céu e uma nova terra”. Aos discípulos não foi anunciada vida fácil. Foi prometido, isto sim, vida amparada pelo amor do Pai. Uma vida que nem a morte pode apagar. Amém. Pastor Valmor Haag

PROGRAMAÇÕES Sexta-feira, 26: Culto no Lar OASE, às 15 horas, com Ceia do Senhor; Domingo, 28: Dia da Igreja em Gramado. Saída às 7 horas. Por este motivo não haverá culto na Igreja da Paz (centro). Sábado, 3 de junho: Café Colonial no Ginásio do Dorothea. Programação da OASE e Grupo de Casais da IECLB de Taquara. Das 15h30min às 19 horas.

Pesquisa de atendimento a pacientes ajudará a planejar a área da saúde A Secretaria Municipal da Saúde está realizando, desde março, relatórios dos atendimentos da Unidade Básica Central, o Posto 24 Horas. Os dados sobre os pacientes servirão para planejar o setor, de acordo com o coordenador das pesquisas, enfermeiro Jorge Amaral. As informações levantadas revelam que o Posto 24 Horas atendeu, em março, moradores de pelo menos 22 locais de Taquara. Naquele período, 15% dos atendidos eram do interior do município, outros 12% do bairro Empresa e a mesma porcentagem do Centro. O público feminino é superior na procura por atendimentos. Em março, 58% dos 8.225 pacientes foram mulheres e 42% homens. A trabalhadora doméstica Beatriz Machado, 47 anos, mora no Santa Teresinha, mas buscou assistência médica na quartafeira à tarde na Unidade Central. O bairro dela possui uma UBS, mas Beatriz argumenta que procura consultar no 24 Horas por ficar mais próximo do emprego. Este posto foi procurado por 7.384 pacientes em março, sendo que as dez Unidades Básicas de Saúde do município tiveram, juntas, 10.944 atendimentos. O enfermeiro Jorge ex-

Cristiano Vargas

6

Pacientes aguardando atendimento na quarta-feira desta semana

plica que outro motivo que atrai muitas pessoas a procurar ajuda médica no Centro é o fato da proximidade com a Farmácia Básica Municipal, serviço disponível o tempo todo. No Empresa, uma farmacêutica faz o atendimento em meio turno. Porém, o secretário da Saúde, Vanderlei Petry, diz que ficaria inviável disponibilizar um profissional para a dispensa de medicamentos em todas as UBSs. Pacientes com idade superior a 60 anos foram 28% em março. Nesta categoria se encontra o morador do bairro Morro da Cruz, Jorge Luis de Lima, 64 anos, que foi acompanhado da irmã Vera Lúcia de Lima, 56 anos, para fazer exame de eletrocardiogra-

ma e medição de glicose. O enfermeiro conta que a pesquisa ajudará a conhecer o perfil dos pacientes e o fluxo de atendimentos, possibilitando, com as informações, melhorias à promoção da saúde. Os dados também procuram elucidar os motivos que levam as pessoas a deixar os postos de bairros e procurar atendimento na Unidade Central. Um dos planos de Petry é criar uma comissão para avaliar os indicadores e os manter atualizados. A tendência, segundo o secretário, é diminuir os atendimentos com profissionais especialistas e aumentar os com médicos generalistas, que trabalham com a prevenção de doenças.

Dados do 24 Horas em março Média de pacientes que desistiram do atendimento, seis por cento. O turno com maior demanda é à tarde, com 41% dos pacientes, contra 37% da manhã e 22% da noite. A maior procura é na terça e quarta-feira, e a menor, no sábado e domingo. Os dias úteis têm mais que o dobro de pacientes em comparação com os finais de semana. Moradores de outras cidades também buscaram ajuda médica na Unidade Central. A maioria veio de Parobé – 42 atendimentos –, mas também houve casos de Rolante e Igrejinha.

Dorothea tem intensa programação na terceira edição da Doromática Com mais um Show da Matemática, encerra hoje a Doromática do Centro Sinodal de Ensino Médio Dorothea Schäfke. Durante toda a semana, os alunos tiveram diversas atividades na escola, incluindo palestra, jogos e apresentação de vídeos. Na segunda-feira, a diretora Simone Weber fez a abertura oficial do evento e, logo em seguida, aconteceu a palestra com o professor Rafael Korman, com o tema "Como estudar Matemática sozinho!". Através de muita reflexão e atividades lúdicas, o palestrante fez os estudantes do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio refletirem sobre a disciplina e como desenvolver estratégias para estudá-la sozinho. Ainda na manhã da última segunda-feira, todos os alunos participaram do Desafio da Matemática, momento em que prestaram provas escritas. A partir dos resultados, foram selecionados os finalistas para o Show da Matemática que acontece hoje para o Ensino Médio. Ontem foi a vez do Ensino Fundamental II. Neste ano, como inovação, os alunos tiveram que produzir videoaulas, que foram apresentados para as turmas na última terça-feira, para seleção do melhor trabalho de cada turma. No mesmo dia, a Doromática contou com jogos e o Escape Game. Na quarta-feira os estudantes tiveram Celebração, com divulgação dos estudantes selecionados para o Show da Matemática. Dentro da programação da Doromática, ainda, os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I par-

ticiparam de jogos e circuitos que envolveram a lógica, contas e números de acordo com a sua faixa etária. Na segunda-feira, a abertura para os pequenos foi com a professora Fernanda Sápiras, que falou um pouco sobre a Matemática no cotidiano. A Doromática tem organização da professora Juliana Bergmann Kohn, coordenadora pedagógica da área de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias, e dos professores de Matemática Silvio Luiz Martins Britto, Fábio Rubem Zimmer e Rita de Cássia Belmonte, além da coordenadora pedagógica do Ensino Fundamental I, Cássia Petry.

Divulgação

Lançamento da programação sobre matemática aconteceu com evento na segunda-feira

CÃES - A vereadora Sandra Schäeffer (PP) encaminhou indicação legislativa à Prefeitura de Taquara para que estude a possibilidade de realizar o projeto "AlimentaCão". A iniciativa, segundo ela, consiste na instalação de alimentadores e bebedouros para cães e gatos nas principais praças da cidade e demais locais onde houver grande população de animais de rua. Os alimentadores, segundo Sandra, servirão para que o município, a comunidade em geral e demais interessados depositem ração e água para os animais. "Poderão ser estudadas parcerias público-privadas para a instalação e manutenção destes alimentadores", complementou a vereadora. HOMENAGEM - A Câmara de Vereadores de Taquara realizará, no dia 5 de junho, homenagem aos professores e alunos envolvidos no Programa Municipal de Educação Ambiental Formal. O requerimento foi apresentado pelo vereador Telmo Vieira (PTB). Na ocasião, será apresentado na Câmara o trabalho desenvolvido pelos grupos, no que tange às escolas que participam do chamado Coletivo Educador Ambiental de Taquara, em que grupos de 15 alunos participam das Comissões de Meio Ambiente e Qualidade de Vida na Escola (Com-Vida).

SÍNTESE DOS PROJETOS EM TRAMITAÇÃO NA CÂMARA DE VEREADORES DE TAQUARA * Projetos aprovados na sessão ordinária de segunda-feira, dia 22 de maio. - PROJETO DE LEI NÚMERO 68, de autoria da Prefeitura de Taquara: autoriza o Executivo a doar bens inservíveis para a Escola Estadual de Ensino Médio Willybaldo Bernardo Samrsla (Ciep). - PROJETO DE LEI NÚMERO 69, de autoria da Prefeitura de Taquara: autoriza o Executivo a repassar até R$ 20 mil para a realização do Festejos Farroupilhas do Paranhana. - PROJETO DE LEI NÚMERO 74, de autoria da Prefeitura de Taquara: autoriza o Executivo a celebrar convênio com a Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) para a realização de estágios.


TAQUARA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Prefeitura proíbe estacionar na Rua Coberta e estuda cruzamentos de risco Fotos: Cristiano Vargas

Visando a resolver uma situação que vinha se tornando corriqueira, a Prefeitura de Taquara formalizou, nesta semana, a proibição de estacionamento de veículos na Rua Coberta ao lado da Praça da Bandeira. Placas foram instaladas no local dando conta da medida. Até o final do mês, os fiscais da administração atuarão de forma a conscientizar os motoristas em relação à proibição. Depois, haverá a aplicação de multas. Também foram anunciados estudos de forma a resolver pendências em cruzamentos perigosos de Taquara, que vem registrando acidentes. As revelações foram feitas pelo secretário de Segurança e Trânsito, Lorival da Rosa, em entrevista ao Jornal Panorama. Segundo ele, a proibição de estacionar na Rua Coberta leva em conta que o local não é apropriado para isso. O secretário explicou que o tráfego fica liberado no local apenas quando não há eventos, mas o estacionamento não é permitido. Inclusive, há pisos táteis no local para os deficientes visuais e motoristas estavam colocando carros em cima destes pisos. Panorama flagrou este problema mais de uma vez e o assunto também foi tema de reclamações de ouvintes do programa Painel 1490, da Rádio Taquara. Lorival explicou que, junto com o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, foi tomada a decisão de não multar os motoristas até o final do mês, com trabalhos de conscientização. Depois, será necessário aplicar as multas. Ainda no tocante à Rua Coberta, foram afixadas placas dando conta da proibição do tráfego de caminhões e ônibus no local, bem como o limite de velocidade, que nas ruas urbanas, originalmente, é de 40 quilômetros por hora, foi diminuído para 30 km/h. Sobre os cruzamentos perigosos, um dos locais que receberá intervenção será o da avenida Sebastião Amoretti com a rua Emílio Lúcios Esteves, no acesso ao Hospital Bom Jesus.

Estacionamento na Rua Coberta vinha atrapalhando até mesmo pisos táteis para uso de deficientes físicos

Cruzamento na avenida Sebastião Amoretti, no acesso ao hospital, será um dos pontos que terá intervenção

Travessia entre os bairros Empresa e Santa Teresinha, na ERS-239, poderá receber sinal piscante

Lorival pretende proibir o acesso de quem se dirige a São Francisco e converte à esquerda para subir ao hospital, uma das situações verificadas como de risco. Quem desce do hospital também deverá ter medidas de centralização na via, a fim de acessar com mais segurança a rodovia. No entanto, como se trata de uma rodovia estadual, Lorival explicou que será necessária a autorização do Departamento Autônomo

de Estradas de Rodagem (Daer). Mesmo se não for obtido um aval do Daer, Lorival pretende tomar medidas nas vias laterais, que são de competência da Prefeitura. Nesta semana, outro ponto que chamou a atenção em Taquara foi o cruzamento dos bairros Empresa e Santa Teresinha, na ERS239, em que houve uma colisão entre uma van escolar e um carro, deixando uma jovem levemente ferida. O

ponto registrou protestos recentes por conta de mortes. Lorival disse que a 239 é uma rodovia estadual e, por consequência, a competência para intervenções no trecho, como a instalação de semáforos, seria do Daer. No entanto, o secretário pretende tomar medidas, tanto nesta travessia como no cruzamento do bairro Ideal, como a possível colocação de sinais piscantes, de forma a reduzir a velocidade e controlar acidentes. Estas intervenções também terão que ser debatidas com o Daer.

7

Seleção do IBGE tem inscrições até hoje Foram prorrogadas apenas até o meio-dia desta sexta-feira as inscrições para o processo seletivo simplificado que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) realizará visando a contratação de profissionais para o Censo Agropecuário. Em Taquara, há vagas para os cargos de agente censitário regional e recenseador. Mais informações po-

dem ser obtidas no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), através do link no QR Code ao lado.

Sesc fará troca-troca de livros

Para fomentar e estimular o hábito de leitura na comunidade, o Sesc Taquara, durante o mês de junho, promoverá o Troca-troca de Livro. O projeto visa a garantir o acesso a novas histórias, possibilitando aos leitores trocarem um livro por outro que ainda não tenham lido. Os interessados devem levar o material até a Biblioteca do Sesc (rua Júlio de Castilhos, 2835). A Biblioteca do Sesc Taquara é informatizada, climatizada e possui um acervo de mais de três mil exemplares de obras literárias. Além de revistas, jornais e informativos também estão disponíveis a toda comunidade. Há, ainda, contação de histórias e outras ações literárias. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas sem fechar ao meio-dia e, aos sábados, das 10 às 12 horas. Mais informações sobre os serviços podem ser obtidas pelo telefone 3541-2210, no site www.sesc-rs.com.br/taquara e na página www. facebook.com/sesctaquara.


8

GERAL

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Divulgação

MUNDO DOS

NEGÓCIOS negocios@jornalpanorama.com.br

DIEGO LUZES BERLITZ inaugura na próxima quinta- feira, dia 1º de junho, Berlitz Corretor, na rua Rio Branco, 1304, sala 5, na Galeria Irmãos Lemos, em Taquara. O negócio próprio foi idealizado após vários anos de experiência em empresas do segmento. PICCADILLY apresenta novo posicionamento focado na mulher real. “Vivendo um momento empolgante, a Piccadilly se posiciona com um manifesto forte, inspirado na coragem, autenticidade e sensibilidade da mulher. O momento é de dizer não aos rótulos e abraçar a diversidade, princípios que têm tudo a ver com uma marca antenada, exigente e que sempre buscou inspiração e valorizou sua consumidora, destaca a assessoria de comunicação da marca. Com as constantes mudanças do mercado, dos costumes e do comportamento do consumidor, as empresas vêm transformando a forma com que se comunicam, apresentando não somente produtos, mas sim experiências. A Piccadilly, que há mais de 60 anos está presente no universo feminino “com calçados que transformam a vida das mulheres”, por focar em seus anseios e oferecer modelos com conforto e beleza, entra em um novo momento, buscando sempre gerar experiências inspiradoras às suas consumidoras. Com comunicação visual e logomarca renovadas, a empresa enxerga a nova fase como uma oportunidade de empoderar e exaltar as mulheres de verdade e de contar histórias reais. Para Cristine Grings Nogueira, presidente da Piccadilly, a forte personalidade da marca é reflexo do comportamento de suas consumidoras, que inspiram a companhia a criar modelos que atendem a todos os tipos de mulheres. “Elas são a nossa fonte de inspiração e, por isso, queremos sempre construir uma relação profunda e verdadeira com elas, independentemente da idade, estilo ou biotipo. O momento é de falar menos de nós e muito mais delas,” afirma. A empresa, a partir de uma pesquisa que durou mais de um ano, realizada pelo GAD, uma das mais importantes consultorias de marca do Brasil, apresenta um posicionamento inspirado nos aprendizados que permeiam o comportamento e o jeito de ser da mulher. “Foi feita uma pesquisa detalhada e ampla com todos os públicos, tanto do Brasil, quanto de outros países, para apontar como as mulheres enxergam o universo feminino e também como se relacionam com a Piccadilly. Os resultados foram surpreendentes e apenas comprovaram nossa visão de que era preciso avançar para algumas mudanças,” comenta a presidente. Lançamento na SICC 2017

Cooperativa com sede em Taquara conquistou certificação para o seu programa de qualidade no atendimento e serviços

Unimed Encosta da Serra é certificada com a ISO 9001:2015 TAQUARA - Um reconhecimento internacional entra para a história da Unimed Encosta da Serra no seu 24º aniversário: a cooperativa acaba de ser certificada com a ISO 9001:2015 - norma que define critérios para a implantação de um Sistema de Gestão da Qualidade, com foco na satisfação de clientes e na gestão dos riscos do negócio. Trata-se da primeira singular Unimed a receber esta certificação no Rio Grande do Sul e a oitava em todo o Brasil. Ter esta certificação significa que a empresa possui um sistema de gestão da qualidade, o que traz inúmeros benefícios para todos os públicos envolvidos no negócio da instituição. No caso da Unimed Encosta da Serra, a implementação das melhorias propostas pela ISO 9001:2015 promoveu uma verdadeira revolução no modo de trabalhar dentro da cooperativa e nas suas entregas. Alguns dos resultados desta transformação operacional estão no dia a dia da Unimed e de seus clientes: mais agilidade nas solicitações dos beneficiários, disponibilização de funcionalidades no site (como segunda via de boleto e consulta de coparticipação), troca do número de telefone tradicional pelo 0800, menos erros operacionais e outros tantos aperfeiçoamentos. Internamente, uma série de ferramentas, indicadores e controles de processos passou a fazer parte da rotina dos colaboradores, gerando mais eficiência, rastreabili-

dade de dados e sustentabilidade da empresa. Para Dirceu Marílio Martins Filho, presidente da Unimed Encosta da Serra, essa conquista demonstra o comprometimento da cooperativa com todos os seus públicos – clientes, médicos cooperados, colaboradores e toda a comunidade – e o compromisso da empresa com a melhoria contínua, já que há um cronograma estabelecido de auditorias, avaliações e recertificação da ISO para os próximos anos. “Tivemos um grande engajamento de toda a equipe até chegarmos a este reconhecimento. O foco da Unimed Encosta da Serra em fazer melhor e com mais eficiência convergiu para a ISO 9001:2015 e podemos agora, próximo ao nosso aniversário de 24 anos, celebrar também esse resultado”, destaca Dirceu. Como explica Hendley Reschke, presidente da cooperativa até março de 2017, a decisão de implantar a ISO 9001:2015 dialogou com a adesão ao Programa de Acreditação de Operadoras da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). “A Acreditação é um programa de excelência específico para operadoras de saúde no país e a certificação ISO, com seu alto padrão de exigência, converge para os objetivos deste programa”, afirma. A auditoria que recomendou a Unimed Encosta da Serra à certificação foi feita por uma equipe, liderada por Marta Rodrigues Martins, da DNV GL

- Business Assurance (empresa certificadora internacional autorizada pelo Inmetro no Brasil a auditar a norma; veja mais no box). Para Marta, a Unimed Encosta da Serra teve alguns diferenciais para chegar à ISO, entre eles o envolvimento da alta direção, gestores e colaboradores no sistema de gestão, além da disseminação da cultura da qualidade. Um trabalho coletivo, com um objetivo muito claro: atender e mesmo superar as expectativas dos clientes da cooperativa. Esta é uma missão que está em cada detalhe do que a Unimed Encosta da Serra faz e que, agora, é avalizada pela ISO 9001:2015.

O QUE É A ISO? ISO é a sigla em inglês para Organização Internacional para Padronização e trata-se de uma entidade criada em Genebra, na Suíça. Esta organização criou algumas normas, cada uma com uma série de quesitos de atendimento; uma destas normas é a ISO 9001:2015, que define os itens para colocar um sistema de gestão da qualidade em vigor. No Brasil, a norma ISO é apresentada, organizada e traduzia pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Também aqui no Brasil, o Inmetro é o organismo certificador da ISO, fazendo a acreditação de terminados institutos (como a DNVL GL) para realizar auditorias de verificação da norma.

Painel do Turismo debateu sustentabilidade na Faccat TAQUARA - A coordenação do curso de Turismo das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) realizou, na terça-feira, no auditório do campus, o painel intitulado “Sustentabilidade como fator de Competição". O encontro surgiu como resultado das discussões da disciplina de Turismo e Meio Ambiente e contou com a participação dos empreendimentos Parador Casa da Montanha, de Cambará do Sul; Refúgio Pedra Afiada, de Praia Grande (SC); e Ecoland, de Igrejinha. Os palestrantes foram Ana Cláudia Aveline, Felipe Peccin e Monique Willers, que apresentaram suas experiências, histórias de vida, dificuldades e acertos no desenvolvimento de um produto de alto nível e que tenha a sustentabilidade como fundo.

O painel ainda contou com a participação dos professores Álvaro Machado, coordenador do curso de Turismo; padre Ari Antônio da Silva, de Administração; Augusto Ebling, da Escola Ambiente; e Luciele Nardi Comunello, da disciplina de Antropologia. O diretor-geral da Faccat, Delmar Backes, fez a abertura do evento, salientando a importância de discutir com os alunos a questão da sustentabilidade. O Painel fechou o ciclo de debates do Turismo, que abordou outros temas como acessibilidade, empreendedorismo e, agora, sustentabilidade. No encerramento, foi firmado um acordo de cooperação para oferecer estágios aos acadêmicos de Turismo da Faccat no Parador Casa da Montanha.


SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Ciranda Cultural de Prendas tem representantes do Paranhana

A região está com representantes asseguradas na Ciranda Cultural de Prendas do Estado. O evento tem como finalidade despertar a importância de preservar a cultura do Rio Grande do Sul e estimular a participação efetiva das prendas, como divulgou a organização. A 47ª edição será realizada em Bagé. A competição começou em 1970, ganhou novas categorias ao longo dos anos e hoje recebe mais de 30 delegações das regiões tradicionalistas do estado. O Movimento Tradicionalista Brasileiro (MTG) comemorou 50 anos de atividades. Foi formado por oito jovens gaúchos de 18 a 30 anos há meio século, eles determinaram a carta de princípios onde estão inclusas todas as regras, as pilchas, os valores morais e condutas praticados pela família tradicionalista gaúcha. Para a Ciranda, as can-

didatas participam de uma bateria de provas artísticas, escritas e orais. De acordo com a primeira prenda do Rio Grande do Sul, Roberta Barbosa Rodrigues Jacinto, do CTG Prenda Minha, de Bagé, a principal finalidade da ciranda cultural é escolher aquelas que estejam aptas a representar a cultura gaúcha e a mulher do Rio Grande do Sul. “As pessoas precisam entender a função da prenda na sociedade, dentro do tradicionalismo, somos unidas, juntas cumprimos as normas afirmadas pelo MTG, como auxiliar o estado na resolução dos problemas sociais. As prendas defendem a representação da cultura e a preservação dos valores dentro do movimento. O amor pela cultura do Rio Grande do Sul é o que nos motiva a convidar cada vez mais as pessoas para participar”, afirma a estudante de Direito, na

Universidade Federal de Rio Grande. De acordo com Roberta, o número de participantes do concurso vem crescendo, fato que depende do incentivo e conscientização tradicionalista. Em Rolante, o CTG Passo dos Tropeiros será representado pela prenda Katya Wingert. Sobre a importância da participação dos jovens no movimento tradicionalista, a gaúcha afirma que o apelo está cada vez mais forte. “Entrei no movimento com nove anos, pela entidade que participo hoje, um local de muito respeito e aprendizado. O CTG é um espaço familiar, a criança aprende ali dentro, mas claro, a família incentivar e apoiar a participação é muito importante. Como prenda, através da entidade realizo projetos educativos. Vou às escolas para dar oficinas, também levamos turmas para dentro da entidade para conhecer, ter

contato mais próximo com a tradição. Instruímos através de um trabalho intenso feito de dentro para fora do CTG, faço isso há mais de três anos”, relata a bacharel em moda pela Feevale, com 25 anos. A primeira prenda do estado, Roberta Jacinto, 21 anos, da 18ª RT, revelou algumas dicas para as candidatas. “Primeiramente organização. Em todos os aspectos, nos estudos, viagens, vestimentas, provas, para vencer a bateria de provas é preciso um cronograma. Segundo, humildade. Se você não sabe, tem dúvida, é melhor pedir ajuda da família, dos amigos, não conseguimos fazer tudo sozinhas. Reconhecer nossos pontos fracos pode nos ajudar a desenvolver as provas. Terceiro, mantenha a calma, é preciso entender que o psicológico irá contar muito, manter a serenidade na reta final”.

9

Dia do Desafio mobilizará mais de 64 mil pessoas com atividades físicas REGIÃO – O dia 31, próxima quarta-feira, será o de Desafio para moradores de todas as cidades do Vale do Paranhana, que reservarão 15 minutos da rotina para praticar alguma atividade física. O evento esportivo promovido no estado anualmente pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em parceria com as prefeituras pretende mobilizar mais de 64 mil pessoas nos municípios do Vale do Paranhana, além de São Francisco de Paula, Nova Hartz e Cambará do Sul. A competição saudável é realizada com cidades de fora do Estado e do País. O município que mobilizar mais pessoas em relação ao número oficial de habitantes vence. A gerente do Sesc Taquara, Fabiane Luiz Oliveira, explica que o objetivo é despertar nas pessoas a consciência e a importância do exercício físico, e o incorporar no dia a dia. A programação em Taquara inicia cedo. Pela manhã, a taquarense Lara Schüller, conhecida como a Robinha Gaúcha, visitará empresas do município para desafiar os colaboradores com as embaixadinhas. A adrenalina sobe à tarde, pois às 15 horas acontecerá uma descida de rapel no prédio do Sesc. A população que estiver no centro também poderá participar de uma aula de ritmos às 18h30min. Fabiane comenta que as atividades também serão realizadas no comércio, com a presença de profissionais de educação física, e que as escolas e indústrias movimentam bastante o índice de participação populacional. A gerente explica que aqueles que praticarem algum tipo de exercício no dia 31 – caminhada, corrida, danças – podem contatar o Sesc pelo 3541-2210 e informar para que também seja contabilizado.

CONFRONTOS Taquara x Moa (Cuba) Três Coroas x Aroa (Venezuela) Riozinho x Santa Cecilia do Pavão (Paraná) Parobé x Aquiraz (Ceará) Rolante x Marazán (Guatemala) Igrejinha fará o Auto desafio

Protesto contra reformas em Brasília

“São horas, dias, meses e anos de estudo, de preparação e dedicação para todas as etapas da Ciranda Cultural de Prendas. Neste ano de 2017, para a Mostra Folclórica, optei por falar sobre os ritos, especificamente o rito de passagem 15 anos. Por se tratar de um momento de transição na vida das meninas e por se encaixar na categoria que represento, a juvenil. Realizei tanto a entrevista bibliográfica, quanto a de campo, entrevistando meninas e mães das meninas das cidades da 22ª Região Tradicionalista, que tiveram alguma comemoração em função dos 15 anos de idade. Realizei no dia 1° de Abril deste ano o 2° Sarau Regional da Prenda Jovem, que não ocorria em nossa região há 17 anos. O Sarau tem como principal objetivo a apresentação das prendas à sociedade tradicionalista, reunindo meninas de 14 a 16 anos de idade. Foi a oportunidade de colocar em prática toda a pesquisa feita, bem como realizar com maestria as diretrizes desta etapa.” Júlia da Silva, do CTG Sangue Nativo de Parobé, Prenda Juvenil da 22ª RT.

“Há mais de três anos tenho estudado. Na prova artística vou cantar a música “Manhãs”, de Miguel Marques, porque a letra me emociona e acredito que toque os jurados no estadual. Na mostra folclórica o tema é “Ritos, Crendices e Superstições”. Entrevistei pessoas da região, mulheres mais velhas que cultivavam a crendice dos dentes de alho para conquistar possíveis pretendentes. Resumidamente, funcionava assim: na noite de Santo Antônio, as mulheres plantavam três dentes de alho, escreviam três nomes de pretendentes em cada um dos dentes de alho. O primeiro que brotasse seria o nome do futuro marido. Minha avó fez e deu certo. Estou um pouco nervosa, mas acredito que me preparei bastante, estudei muito sobre conhecimentos gerais, história, geografia, tradição, tradicionalismo e folclore do RS. A ciranda será transmitida ao vivo pela TV Tradição e também pela internet.” Luiza Tormes, Prenda Mirim da 22ªRT, mora em Igrejinha e tem 12 anos.

“Ganhando o regional estamos melhor preparadas para o estadual. Estudei muito para as provas, escrita, oral, artística e folclórica, fiz entrevistas com pessoas sobre o tema “Ritos, Crendices e Superstições”. Optei por trabalhar neste tema a Benzedura. Entrevistei benzedores da cidade de Rolante, os tipos que fazem e há quanto tempo benzem. Muitas pessoas vão até a casa deles para pedir ajuda, focados na parte do bem, da fé, são pessoas que acreditam em santos, pois a benzedura é feita a partir de rezas para os santos.” Katya Wingert, prenda adulta da 22ªRT.

PAROBÉ - O Sindicato dos Sapateiros de Parobé mobilizou delegação do município para acompanhar protesto liderado pelas centrais sindicais, em Brasília, contra as reformas Previdenciária e Trabalhista. "Acompanhamos este momento importante para todos os trabalhadores, na

defesa dos nossos direitos", destacou o presidente do Sindicato, João Pires. Nesta semana, foi apresentado, no Senado, relatório favorável à reforma trabalhista, dando sequência à tramitação do projeto. A Reforma da Previdência continua em debate na Câmara dos Deputados.

SCHAAN ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S JOSÉ FERNANDO SCHAAN GAYSITA PAHL SCHAAN

OAB/RS nº 2.641 OAB/RS nº 6.094

GAYSITA SCHAAN RIBEIRO OAB/RS nº 31.724 LUCAS PAHL SCHAAN NÚÑEZ OAB/RS nº 88.998

ESCRITÓRIO: Rua Pinheiro Machado, nº 1287 Centro - Taquara Fone/fax: (51) 3542-1264


10

POLÍCIA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Da cadeia, preso manda queimar ônibus na região após prisão da mulher REGIÃO – A distância superior a 130 quilômetros do Vale do Paranhana não impediu que um detento da Penitenciária Estadual do Jacuí (PEJ) ordenasse um tipo de crime que ainda não tinha sido registrado na região. Trata-se do incêndio criminoso a ônibus como represália à atuação policial. Na última sexta-feira, uma mulher foi presa em Taquara, acusada de vender drogas. Desta ação, resultou a ordem para que ônibus fossem incendiados na região, com o registro de um ataque em Três Coroas. O presidiário foi identificado e autuado em flagrante. Ainda na sexta-feira passada, por volta de 16h45min, a Polícia Civil, através de agentes de Três Coroas e Igrejinha, cumpriu dois mandados de busca e apreensão em Três Coroas e um em Ivoti, dentro da opera-

Fotos: Divulgação

Preso já foi flagrado com celular

Na operação de sexta-feira, quase seis quilos de maconha foram localizados pela Polícia Civil

Marta Valquíria foi presa em Taquara após carro ser interceptado na ERS-115

ção Saraiva. Também foi realizada diligência em um Fiat Palio que estava sendo conduzido na ERS-115, em Taquara. Neste carro, os policiais prenderam em flagrante Marta Valquíria Oliveira Machado, 35 anos, que transportava 150 gramas de crack e aproximadamente 150 gramas de maconha. Ela estava na companhia de dois filhos adolescentes e, segundo a Polícia, faria a entrega da

cia Civil na operação Saraiva encontrou um depósito de drogas em Ivoti, em uma residência. Ao todo, a ação de sexta-feira acabou resultando na apreensão de 5,7 quilos de maconha, munições de arma de fogo, uma balança de precisão, aparelhos celulares e R$ 920,00 em dinheiro. Marta foi autuada por tráfico de drogas, posse ilegal de munição, bem como o crime de corrupção de menores.

Pois a prisão em Taquara acabou tendo desdobramentos. Por meio de interceptações telefônicas autorizadas pela Justiça (veja as transcrições), a Polícia Civil descobriu as ordens de represália determinadas por Nantal, de dentro da PEJ. Rapidamente após a prisão, por volta de 23 horas da sexta-feira, o preso já estava sabendo da detenção de sua companheira. Mandou incendiar um ônibus em Três Coroas, o que acabou acontecendo às margens da ERS-115, na garagem de uma empresa, durante a madrugada do sábado. Também ameaçou matar policiais. Agentes da Delegacia Regional de Gramado, com apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil, organizaram a operação “Pronta Resposta”. A ação foi coordenada pelo delegado regional Heliomar Franco e teve a participação de agentes de Três Coroas, Igrejinha, Taquara, Gramado e Canela, com investigação a cargo do delegado Caliari. A Brigada Militar também apoiou os trabalhos. Os agentes entraram na PEJ e deram voz de prisão em flagrante a Ederson, que foi trazido à região, sendo autuado em flagrante na Delegacia de Três Coroas. Responderá, agora, por associação ao tráfico, incêndio criminoso

droga em Taquara. Conforme o delegado responsável pelas investigações, Ivanir Luiz Moschen Caliari, a mulher depositava, entregava e cobrava as drogas a mando de Ederson da Silva Nantal, 30 anos, conhecido como Saraiva, detento da PEJ e investigado como um dos maiores distribuidores de drogas do Vale do Paranhana. Outro mandado de busca cumprido pela Polí-

Segundo a guia de execução penal de Ederson Nantal, ele possui condenações a 24 anos e três meses de prisão. Já cumpriu 10 anos e 11 meses. Faltam 12 anos e três meses de cadeia. São cinco processos com pena estabelecida na guia, sendo dois por porte de arma e três por tráfico de drogas. Todos os casos ocorridos em Igrejinha e Três Coroas. Um dos documentos da execução penal de Nantal mostra que o acusado já foi flagrado, no dia 15 de maio de 2015, utilizando um aparelho celular, no pátio do presídio. Em depoimento, Nantal disse que o aparelho foi deixado por outro apenado que foi embora. Como pretendia realizar ligação para um parente, a fim de solicitar objetos para sua higiene, pegou o aparelho, tendo sido detido nesse momento. O juiz que cuidou do caso, porém, não aceitou o argumento de Nantal e homologou o processo administrativo disciplinar (PAD), com reconhecimento de falta grave, que traz implicações nas progressões de regime do preso.

Segundo a Polícia Civil, uma das interceptações, no dia 16 de maio (terça-feira), mostrou Nantal conversando com Marta após a companheira receber intimação para depor no inquérito que investigou a morte de Vilso Rodrigues, comerciante de Três Coroas. Ela teria ligado para o companheiro na cadeia, preocupada com as investigações. Nantal tranquiliza a mulher, prometendo pegar os policiais. NANTAL - Amor, as cadeias no Rio Grande do Sul é tudo com nós, tá. Qualquer cadeia, é tudo com nós. (inaudível) Tudo nós, não tem polícia, entendeu? MARTA - Que loucura, né? NANTAL - (inaudível). Só que uma coisa é certa. Eu vou pegar eles. Aguarde. MARTA - Que merda né, veio, que merda. NANTAL - Vou pegar eles. Só na cabeça. Vou pegar eles. MARTA - Que merda né veio.

Ederson Nantal ordenou represálias de dentro da PEJ, mas acabou autuado em flagrante por mais três crimes

e coação processual. O delegado Heliomar informou que foi apreendido um celular supostamente utilizado pelo preso. O delegado regional afirma que a operação serve de inspiração para situações análogas, em que presidiários determinam ordens criminosas a serem executadas nas ruas, julgando-se distantes da ação da polícia por estarem recolhidos na cadeia. “Provamos que ninguém está fora do alcance

Ônibus foi queimado às margens da ERS-115 e ficou completamente destruído

da responsabilidade penal, podendo ser preso em flagrante, ainda que já esteja recolhido na penitenciária”, comentou o delegado. Ederson foi reencaminhado à PEJ, com pedido expresso da polícia para ser recolhido em penitenciária de alta segurança. Marta foi encaminhada ao Presídio Feminino Madre Pelletier, em Porto Alegre. Segundo o delegado Heliomar, dois adolescentes foram identificados como responsáveis pelo incêndio, e será solicitada a internação de ambos.

Detento investigado por homicídio em Três Coroas A Polícia Civil revelou, nesta semana, que a ameaça aos policiais por parte de Nantal aconteceu após a companheira, Marta, ter sido intimada a depor sobre um homicídio em Três Coroas. Trata-se do assassinato de Vilso Rodrigues, 55 anos, morto a tiros dentro do seu bar, no último dia 12. Segundo o delegado Ivanir Caliari, um mês antes, uma boca de fumo foi fechada ao lado do bar da vítima, e este

ponto seria administrado por Nantal. Com isso, o preso mandou matar o comerciante por acreditar que ele tinha denunciado. Dois motociclistas executaram Rodrigues com cinco tiros dentro do bar, na rua Martinho Lutero. O delegado Caliari explicou que Nantal era considerado o maior traficante de Três Coroas, tendo ligação com uma facção criminosa que atua no Rio Grande do Sul.

Em uma segunda ligação, já na sexta-feira, dia 19, após a companheira ser presa, Nantal fala com outra mulher, ainda não identificada, e revela as ameaças de queimar ônibus, bem como fala na necessidade de manter os seus negócios em andamento. NANTAL - Eu mandei fazer um monte de represália lá. MULHER NÃO IDENTIFICADA - Como é que é? NANTAL - Mandei fazer um monte de represália lá. Fogo em tudo bicho. MULHER - Tá loco. NANTAL - Mandei tocar fogo lá nos ônibus. MULHER - Não fala merda. (trecho suprimido na transcrição por conter série de palavrões). MULHER - Que loucura. Mas não vai dar nada, não vai dar nada. NANTAL - Pois é, mas o problema é que já tô preparado pra tudo. Não dá pra ficar pensando nas coisas, entendeu. MULHER - Entendi. NANTAL - E agora? MULHER - Agora tu espera pra ver o que vai dar. NANTAL - Que? MULHER - Espera pra ver o que vai dar. NANTAL - Pois é, mas amanhã eu tenho que receber um monte de dinheiro lá, tchê. MULHER - É. NANTAL - Claro. Eu tenho que fazer uma encomenda de dura, tenho que fazer as coisas andar. Está todo mundo parado lá, todo mundo sem dura, tenho que levar pra lá.


POLÍCIA

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

11

Jovem responsável por acidente com morte Pai preso por estuprar procura forma de reparar o fato, diz advogado a filha de dois anos Na próxima terça-feira, dia 30 de maio, completará quatro anos um dos acidentes de trânsito de maior repercussão em Taquara. Trata-se do atropelamento de uma menina junto com sua avó, na ciclovia da avenida Sebastião Amoretti, por volta de 7 horas do dia 30 de maio de 2013. Andriely Gonçalves, 10 anos, morreu no local. Sua avó, Maria Elvira Rodrigues, ainda hoje sofre sequelas do acidente. Nesta semana, por meio do seu advogado, o motorista acusado do acidente se manifestou pela primeira vez ao Jornal Panorama. Julio Cezar Licks Machado, advogado de Montenegro, representa Fábio Edson da Rosa, 29 anos. Diz que seu cliente se sente, até hoje, muito culpado pelo que aconteceu e quer encontrar formas de reparar o dano. A entrevista era para ser concedida pelo próprio Fábio, mas ele optou por deixar a manifestação a cargo do seu advogado, temendo a exposição pública. O defensor afirma que, até hoje, o motorista sofre com eventuais preconceitos de quem sabe o que aconteceu. Segundo o relato, Fábio tem uma filha da mesma idade de Andriely, e cada vez que olha para a criança, inevitavelmente se lembra do acidente. Com isso, sofre e fica triste. "Ele tem um sentimento de peso na consciência pelo que aconteceu, uma vez que não gostaria e não imaginava

que ocorreria o acidente", disse o advogado. Sobre o episódio, Licks contou que Fábio estava trabalhando na Usaflex, em Igrejinha, naquele dia. Fez serão prolongado, e estava sem dormir há várias horas. Quando foi liberado do serviço, deu carona para amigos, deixando-os em casa. Depois, em direção à sua residência, acabou dormindo na direção, o que provocou o acidente. O advogado conta que Fábio se acordou no posto onde o seu carro foi parar, ao lado do quartel da Brigada Militar. Com a confusão, e o receio de que fosse agredido por pessoas das proximidades, fugiu. As garrafas de whisky que foram encontradas no carro de Fábio, segundo o advogado, pertenciam aos amigos do motorista. Foi o temor de que algo ameaçasse a sua integridade física que levou Fábio a fugir para Santa Catarina, diz o advogado. O motorista ficou de maio até novembro de 2013 na condição de foragido, tendo sido pego pela Polícia Civil de Taquara no município de São João Batista. A fuga para o estado vizinho, segundo o advogado, ocorreu porque, devido à repercussão do acidente, Fábio ficou com medo. Em Santa Catarina, trabalhou a fim de arrecadar dinheiro para a sua defesa, com a intenção de derrubar o decreto de prisão preventiva. Mas, acabou preso

antes. Licks foi o responsável por ingressar com o habeas corpus que acabou liberando Fábio. Sentenciado na Justiça de Taquara por homicídio com dolo eventual, ou seja, quando assume o risco da morte, o caso teve uma reviravolta em 2015. O advogado Licks conseguiu desclassificar o crime em recurso no Tribunal de Justiça. Hoje, Fábio responde, na Justiça de Taquara, por homicídio culposo de trânsito, cuja pena varia de dois a quatro anos de detenção, podendo ser agravada em caso de embriaguez. O advogado afirma que busca, neste caso, a suspensão condicional da pena, em que Fábio, como réu primário, se apresentará à Justiça durante dois anos e não poderá cometer nenhum outro crime. Neste caso, após o período de apresentação, o processo será extinto. O advogado ressaltou que seu cliente não é uma pessoa voltada ao crime. "Ele se sente muito mal visto, julgado, principalmente por pessoas que não o conhecem de uma maneira mais próxima. Fábio ainda quer encontrar uma forma de reparar este fato, seja através de um encontro, algo neste sentido", comentou o advogado, dizendo que seu cliente ainda tem dificuldades para dormir devido às lembranças do fatídico dia 30 de maio de 2013.

PAROBÉ - Um crime chocou a comunidade de Parobé no decorrer desta semana. Trata-se do estupro de uma menina de dois anos pelo próprio pai. O acusado, de 27 anos, foi detido por volta de 20 horas de terça-feira, na rua Pedro Arnhold, no Centro, em cumprimento a mandado de prisão preventiva pela Justiça. Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu no domingo, na residência da mãe da criança, no bairro Paraíso. O homem teria ido na casa da ex-mulher para visitar os filhos: a menina e um menino de quatro anos. No relato à Polícia, a mãe contou que deixou o pai sozinho com as crianças enquanto foi ao mercado. Na volta, contou que percebeu um sangramento na menina e questionou o pai. O homem alterou a voz com a ex-mulher e foi embora. Ainda no domingo, a menina foi encaminhada ao hospital e teve o abuso constatado, ficando internada, sem risco. Preso, o homem prestou depoimento à Polícia Civil e foi encaminhado à cadeia. Mais detalhes do inquérito não foram divulgados. Por respeito às determinações legais previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e à intimidade da vítima (uma criança de dois anos), Panorama não divulgará qualquer informação que possa levar à identificação da criança, o que inclui o nome do acusado.

Morto a facadas após briga em bar ROLANTE - Um homem foi morto a facadas por volta de 1h50min do sábado. O crime aconteceu na rua Theodoro Schierholt, no bairro Picadilly, em Rolante. Segundo o registro, a Brigada Militar foi acionada no local para atender ocorrência de homicídio. Quando os policiais chegaram, encontraram a vítima agonizando em via pública, sendo acionados os bombeiros que levaram o homem até o Hospital de Rolante. Andres Monteiro da Rosa, 30 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu. Os policiais militares iniciaram buscas ao autor do crime, o qual teria se embrenhado no matagal. Após algum tempo, conseguiram localizar o indivíduo, transitando em uma das proximidades. O homem foi abordado e confessou o crime, dizendo que havia perdido a faca no mato. Adão da Silva, 29 anos, foi autuado em flagrante na Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA) de Taquara. Segundo as informações da polícia, a briga teria ocorrido por causa de um rádio, mas não foram revelados mais detalhes a respeito.

OBITUÁRIO Falecimentos comunicados pela Rádio Taquara de 18/05/2017 a 25/05/2017

Homens foram detidos pela Brigada Militar após confronto na ERS-239

Quatro são presos após ataque a sítio de deputado PAROBÉ - A Brigada Militar prendeu quatro homens após um assalto ao sítio do deputado federal Renato Molling (PP) na localidade de Poço Fundo, em Parobé. O crime aconteceu na manhã de ontem e os acusados foram detidos na ERS-239, em Taquara, após fuga e confronto. Todos foram autuados na Delegacia de

Polícia de Parobé. Segundo as informações, o grupo chegou à propriedade por volta de 8 horas e ficou no local por cerca de cinco minutos, rendendo as pessoas que se encontravam no sítio. Os criminosos estavam em um automóvel Gol preto e fugiram levando um Ford Focus que estava no sítio, além

de outros pertences. Os bandidos escaparam em direção a Taquara. Avisada do ataque, a Brigada Militar deu início às buscas e se deparou com os criminosos na ERS-239. Após a perseguição, eles foram interceptados nas proximidades do viaduto de acesso à ERS-115. Com eles, foram encontrados um revólver calibre .44 e

dois .38. Segundo a Brigada Militar, foram presos Cristian Elias Santos de Souza, 18 anos; Ismael Godoy dos Santos, 29, Eder Silveira, 32; e Vagner Andrade dos Santos, 19. A Brigada informou que dois dos presos tinham mandados de prisão e um dos acusados era foragido da Justiça.

18/05 - Sebastião Valderi de Melo (Ferreira do Táxi). Cemitério Municipal de Taquara. 19/05 - Francisca Teolinda Land (Linda), 68 anos. Cemitério de Tucanos. 19/05 - Sergio Antônio Machado de Olivera, 68 anos. Cemitério Municipal de Taquara. 22/05 - Eduino Rudi dos Santos, 82 anos. Cemitério de Tucanos. 22/05 - Georgios Zissis Gersos, 53 anos. Crematório Jardim da Memória em Novo Hamburgo. 24/05 - Paulo Alexandre Valim Corrêa, 57 anos. Cemitério Municipal de Taquara. 24/05 - Cléria Nantal, 72 anos. Cemitério Evangélico de Igrejinha. 25/05 - Luis Fernando Werb de Oliveira, 73 anos. Cemitério Municipal de Taquara.


12

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Hospital negocia dívida histórica PAROBÉ - O Hospital São Francisco de Assis, de Parobé, informou que conseguiu resolver um problema que se estendia há vários anos, prejudicando a casa de saúde e seus colaboradores. Foi assinado, na semana passada, contrato com a Caixa Econômica Federal para o pagamento de uma dívida histórica da instituição referente ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Segundo a direção do Hospital, desde 2008, quando houve a intervenção da administração municipal na gestão do hospital, o FGTS não era pago, acumulando uma dívida de mais de R$ 4 milhões. No final de 2016, a gestão do Hospital foi restituída à Associação Beneficente de Parobé, mantenedora da casa de saúde, garantindo à entidade a autonomia das decisões administrativas. Em 60 meses, a direção do São Francisco pretende pagar o FGTS em atraso e regularizar os pagamentos mensais.

Feira do Livro de Igrejinha será neste final de semana IGREJINHA - Com o lema “Cidade Educadora”, Igrejinha realiza a 17ª edição da Feira do Livro neste final de semana, no parque de eventos Almiro Grings. Bate papo com autores, teatro, apresentação nas escolas, sarau literário e redes sociais serão temas abordados na programação que conta com quatro dias de atividades. No sábado, a abertura acontecerá às 9 horas, com peça infantil, seguida pelo bate papo com o patrono da feira Telmo Tiago da Silva, sobre ervas e plantas medicinais. Após cumprimentos, haverá almoço e a última atração do sábado ocorre

às 17 horas, “Como utilizar as redes sociais e viver com a internet”, com Diogo Elzinga. Os eventos serão distribuídos entre os palcos do parque, possibilitando interação e aproveitamento do espaço. No domingo, o dia começa com passeio ciclístico, às 8 horas, e encerra às 17 horas, com Sarau Elétrico. Na segunda e terça, dias 28 e 29, haverá sessão de autógrafos para turmas dos alunos das escolas municipais e estaduais, encerrando com curso de cozinha para as merendeiras. A organização do evento fica por conta da Secretaria Municipal de Educação, com entrada franca.

Lions Solidário no Morro da Canoa amanhã PAROBÉ - O Lions Clube realizará, neste sábado, dia 27, a 12ª edição do projeto Lions Solidário. O evento acontecerá das 13 às 17 horas, no barracão da capela Santa Rita de Cássia, na localidade de Morro da Canoa, no interior de Parobé. Haverá serviços gratuitos em várias áreas para a população, com apoio de empresas e entidades parceiras. No encerramento da programação, haverá entrega de lanches e refrigerantes às crianças. Com a edição deste sábado, o presidente do Lions, Geraldo Both, relata que o clube terá levado os mais diferentes serviços a 25 comunidades, com um número superior a 20 mil atendimentos.

REGIONAL Direção do PT de Parobé pede que PMDB desista de recorrer no caso Feller PAROBÉ - A direção do Partido dos Trabalhadores (PT) de Parobé participou, na segunda-feira, do programa Painel 1490, da Rádio Taquara. Esteve presente o presidente do partido, Cláudio Silva (ex-prefeito de Parobé), e a vereadora Maristela Rossatto (ex-secretária de Educação). Na ocasião, externaram a solicitação de que o PMDB desista do recurso no caso de Irton Bertoldo Feller (PMDB), permitindo que o município tenha uma nova eleição. Mais votado no pleito do ano passado, com 10.899 votos, Feller ainda não conseguiu obter o registro de sua candidatura. Na semana passada, por unanimidade, o TRE manteve o indeferimento do registro, entendendo que a situação de Feller se encaixa na lei da Ficha Limpa, devido à rejeição de sua prestação de contas quando foi diretor-presidente da Companhia Riograndense de Artes Gráficas (Corag). Logo após a decisão do TRE, o presidente

Vinicius Linden

Cláudio Silva e Maristela Rossatto representaram direção petista no programa Painel 1490

do PMDB, Valdenir Martins, anunciou que o partido recorrerá ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na tentativa de reverter o caso. Com isso, Parobé segue sendo governada por um prefeito interino, no caso o presidente da Câmara de Vereadores, Moacir Jagucheski (PPS), até que seja tomada uma posição final da Justiça Eleitoral. Na entrevista, a vereadora Maristela disse que Parobé precisa ter o seu prefeito e a forma mais democrática para que isso aconteça é com a realização de uma eleição. “Estamos dizendo, com todo o carinho ao PMDB que se elegeu, eles ganharam uma eleição, mas ganharam uma

eleição não muito transparente, havia um processo, o candidato não estava liberado. Penso que Parobé precisa avançar, dar um passo à frente, com nova eleição”, afirmou, ressaltando que, embora a administração interina tenha feito o possível, “fica com o freio de mão puxado”, por não ter certeza de quanto tempo estará no comando do município. O ex-prefeito Cláudio Silva afirmou que, apesar de o PT ter externado a sua posição publicamente, o sentimento de que deve ocorrer nova eleição em Parobé é compartilhado por outras siglas e pela comunidade. “É um sentimento que circula pela

cidade. Parobé está em uma situação de fato com muita dificuldade na questão eleitoral. O prefeito Moacir está fazendo todo o esforço possível, mas tem os seus limites de governo interino”, comentou Cláudio. Presidente do PT, Silva afirmou que a sigla não discutiu como se posicionará em relação a um possível novo pleito, mas tem nomes para indicar na candidatura majoritária, inclusive o seu próprio, e poderá conversar com outros partidos. Cláudio também se manifestou sobre a reprovação de sua prestação de contas em relação a 2015, decisão tomada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). Dizendo que discorda da posição da Corte, o ex-prefeito afirmou que recorrerá assim que a decisão for publicada, o que não aconteceu. Mas ressaltou que se trata de uma decisão administrativa, ou seja, o julgamento político deverá ser feito pela Câmara de Vereadores.

Presidente do PMDB assegura recurso e não aceita sugestão petista

Em entrevista ao programa Painel 1490, na manhã desta quinta-feira, o presidente do PMDB de Parobé, Valdenir Martins, rebateu a sugestão do PT de que a sua sigla deixasse de recorrer no caso de Irton Feller. Além de garantir que o PMDB recorrerá ao TSE, como já está fazendo, Martins reclamou do fato de Cláudio Silva estar dando sugestões para os demais partidos. Afirmou que, se for usar a lógica de não recorrer, o próprio Cláudio é que deveria deixar de buscar o recurso no caso em que teve a reprovação de sua prestação de contas no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Incomodado com a manifestação da direção petista, Martins disse que a defesa de Irton Feller já ingressou com os embargos declaratórios, espécie de recurso que visa a sanar eventuais contradições do julgamento no TRE. Pontuou que, após o julgamento destes embargos, a defesa protocolará o recurso especial a ser encaminhado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília. Martins refutou a ideia de que o PMDB esteja deixando Parobé com o “freio de mão puxado”, pela não realização de no-

vas eleições. No entendimento peemedebista, Feller foi o vencedor do pleito. Além disso, o presidente do PMDB destacou que, mesmo os adversários tendo espalhado pelo município a situação jurídica de Feller na disputa, com o pedido de impugnação, foi o ex-prefeito que venceu o pleito, com 10.899 votos. Disse que, no caso de Cláudio Silva, o ex -prefeito petista ficou em terceiro lugar, próximo, inclusive, da soma de votos brancos e nulos. Martins acrescentou que o PMDB buscará o recurso por entender que está no seu direito, assim como Cláudio está fazendo no caso da reprovação das contas. Questionado sobre a convivência com o PT no governo interino, uma vez que os dois partidos integram a administração de Moacir Jagucheski (PPS), Martins defendeu que as questões de governo precisam ser separadas. Mas disparou uma crítica ao PT, entendendo que o partido, por ter ficado em terceiro lugar na disputa ao Executivo, deveria se afastar da administração, conforme foi a votação feita pela população.

Os Doutores Coloridos lançam associação

IGREJINHA – O grupo Os Doutores Coloridos lançaram, no sábado à noite, em evento realizado na Sociedade União de Cantores de Igrejinha (SUCI), a associação própria. O momento foi acompanhado de uma festa flashback. As primeiras atividades do grupo foram no Hospital Bom Pastor, em igrejinha, há três anos. A ideia, de acordo com uma das fundadoras, Adriana Moreno, é ampliar os atendimentos para outros locais, como abrigos, lares de idosos, clínicas, através de

ações voluntárias ou patrocinadas. A partir da associação, ela lembra que será mais fácil captar recursos e dar transparência no uso dos recursos. O mundo lúdico despertado com as cantorias e palhaçadas do grupo, hoje com aproximadamente 20 integrantes, é o remédio contra o baixo-astral. “Então, tive a ideia de fundar uma associação e assim agregar pessoas que compartilham da mesma ideologia e disseminar alegria por onde passamos”, destacou Adriana.

Festa flashback marcou a nova conquista do grupo

Divulgação


esporte

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Grêmio B derrota o Igrejinha em Eldorado IGREJINHA – O Esporte Clube Igrejinha enfrentou o time B do Grêmio Foot-Ball Porto-Alegrense na quartafeira desta semana pela segunda divisão do Campeonato Gaúcho. A partida realizada em Eldorado terminou com a derrota do time do Vale do Paranhana por 1X0. No domingo, a equipe local encara em casa, às 15 horas, o Gaúcho, de Passo Fundo, pela última rodada da primeira fase. O jogo foi parecido com o que ocorreu em Igrejinha no primeiro turno. Lima foi o autor do gol que deu vitória

ao time de Porto Alegre. Com este resultado e o empate entre PRS e TAC, o Igrejinha caiu para terceiro lugar. "Naturalmente, o resultado não era o que queríamos. Mas feliz pelo desempenho, fizemos um enfrentamento de igual, contra um time gigante. No segundo tempo, nosso elenco mostrou qualidade", disse o presidente do clube, Ademir Stein. Se o Igrejinha vencer o Gaúcho no domingo, e o TAC tropeçar diante do Nova Prata, o time pode voltar à segunda colocação no grupo B.

Reforços chegam para segunda fase do Gauchão O Esporte Clube Igrejinha anunciou, nesta semana, a contratação de dois reforços para impulsionar o time na segunda fase da segundona do Campeonato Gaúcho. O centroavante Rodrigo Gral, de 40 anos, e o meia Djoni, 22 anos, foram apresentados no Estádio Alberto Carlos Schwingel. Rodrigo Gral possui 630 gols na carreira e defendeu as cores de Cha-

pecoense, Bahia, Grêmio e Flamengo, além de ter passagens pelas categorias de base da Seleção Brasileira. Multi-campeão, o atleta venceu o Gauchão duas vezes, Campeonato Carioca, Campeonato Brasileiro, Campeonato Japonês, Copa do Brasil, Recopa Sul-Americana e Libertadores da América. Já Djoni retorna ao tricolor do Paranhana depois de disputar o

campeonato sul-mato-grossense. Para o presidente Ademir Stein, a experiência dos jogadores em uma competição fora do Rio Grande do Sul pode agregar conhecimento ao Igrejinha. O dirigente garantiu buscar mais reforços para a segunda fase do torneio. “Queremos conquistar o acesso e vamos lutar com todas as forças para conseguir isso.”

TAC - A chuva impediu a realização das corridas no Autómodro Municipal de Taquara, no último final de semana. Com isso, o Taquara Automóvel Clube (TAC) marcou para este domingo, dia 28, a segunda etapa da Copa Taquara de Velocidade em Pista de Terra, com provas no Turismo 1600cc, Kartcross e Motovelocidade. As provas do kartcross também valerão como terceira etapa do Campeonato Gaúcho. Na tarde deste sábado, ocorrem treinos oficiais. Pela manhã do domingo, a programação terá os treinos classificatórios e vistoria. Às 13 horas, será dada a largada para a primeira bateria de Turismo 1600, seguida de kartcross e motovelocidade. O valor da entrada será de R$ 10,00, com parte da arrecadação sendo revertida à Escola Alípio Sperb, do bairro Santa Maria.

PANORAMA

CLASSIFICADOS VENDE-SE – Sítio dos Pinheiros, com 4,5 ha, em São Francisco de Paula, por apenas R$ 98.000,00. Tratar fones (51) 3377.3935 ou (51) 99479.2552, exceto aos sábados.

INAUGURA DIA 1º DE JUNHO

Vitória fora de casa mantém APF invicta na Série Prata PAROBÉ – A quarta rodada do Campeonato Gaúcho de Futsal Série Prata foi produtiva para a Associação Parobeense de Futsal (APF), com vitória sobre a equipe da ADCH, de Salto do Jacuí. O clube do Vale do Paranhana assumiu a liderança com oito pontos e é o último invicto no torneio. Amanhã, a equipe enfrenta a Assaf de Santa Cruz do Sul, no Ginásio Municipal Décio Francisco da Costa, a partir das 20 horas. A partida começou movimentada, com chances dos dois times. A equipe da casa chegou perto de marcar o gol,

mas o primeiro tempo ficou no zero a zero. No retorno dos vestiários, a APF dominou a quadra, e, aos cinco minutos, o capitão Signori marcou o primeiro gol no Estadual – ele foi um dos artilheiros da equipe em 2016, na Série Bronze. Um minuto depois, voltou a marcar, deixando o placar em 2X0. Saraiva marcou o terceiro para os parobeenses, faltando cinco minutos para terminar o jogo. A APF estourou as faltas, e ocasionou um tiro livre para a equipe da casa, convertido em gol por Roni. Saraiva, novamente, fechou o placar no fim do jogo, fazendo 4X1 para a APF.

Vendas • Locações • Contratos de compra e venda Contrato de locação • Usucapião Avaliações de imóveis • Aluguel de temporada Seguro residencial

Grupo Ad Movere/Faccat/Prativita destaca-se em prova trail de Osório TAQUARA - A terceira etapa do Circuito Trilhas e Montanhas, realizada no último sábado, dia 20, no Morro da Borússia, em Osório, teve a participação destacada de atletas do grupo de corrida Ad Movere/Faccat/Prativita, apoiado pelas Faculdades Integradas de Taquara (Faccat). Este circuito de corridas de trail acontece durante todo o ano no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. As provas em Osório foram nas distâncias de 6 km, 13,5km e 24 km, percorridas em belas paisagens, com muitas subidas e descidas e trilhas do Morro da Borússia. O Ad Movere esteve representado por 32 alunos/atletas, conquistando a premiação como segunda maior equipe da competição. Além deste troféu, o grupo subiu ao pódio mais 19 vezes, com seus atletas, nas três distâncias da prova, sendo a equipe com mais conquistas nesta etapa. Os resultados estão todos publicados no site do Jornal Panorama. Na opinião do preparador físico

13

Diego Luzes Berlitz

Corretor de imóveis | CRECI 52461 F 51 98147-4645 Vivo

51 98575-4645 Oi

51 99665-4645 Tim

www.berlitzcorretor.com.br

51 99726-4645 Claro

BerlitzCorretordeImóveis

Rua Rio Branco, 1304, Sala 5 - Gal. Irmãos Lemos - Taquara

ALICE imóveis

CRECI 20.749-j

Alunos de judô medalham em evento esportivo TAQUARA – O primeiro campeonato de judô de um grupo de 13 alunos do professor Alexandre Prates foi especial. Os pequenos atletas disputaram no domingo a segunda etapa do Circuito Gaba Dojô, realizado em Campo Bom. Os pequenos medalharam com três ouros, quatro pratas e seis bronzes nas modalidades mirim, infantil, pré-juvenil e infanto-juvenil. “Tenho certeza que estamos no caminho certo”, comentou Prates, ao avaliar positivamente o desempenho do grupo, que enfrentou concorrentes experientes. O evento reuniu mais de 450 atletas e a terceira etapa será no dia 2 de julho, em São Leopoldo.

E-mail: aliceimoveis@aliceimoveis.com.br

LOCAÇÕES

Atletas participaram de prova no Morro da Borússia

do grupo, Marcelo Ramos Raymundo, além de toda a premiação, o que mais é importante para o Ad Movere, em provas como esta, é o espírito de união, de equipe e de solidariedade que os componentes demonstram em

PAROBÉ: TAQUARA: J. de Castilhos, 2663 J. Mosmann, 265 Fone: 3541.0400 Fone: 3543.6588

cada evento. A concentração do grupo Ad Movere, agora, estará canalizada para a Maratona Internacional de Porto Alegre e Maratona Internacional do Rio de Janeiro, que acontecerão, respectivamente, nos dias 11 e 18 de Divulgação

SOBRADO EM CONDOMÍNIO NA RUA TRISTÃO MONTEIRO, C/ 2 DORM., SALA ESTAR/JANTAR, COZINHA, 2 BANHEIROS, ÁREA DE SERVIÇO, C/ GAR., PÁTIO FECHADO. R$ 1.000,00 + ENCARGOS. CÓD. 1880. - ÓTIMOS SOBRADOS em condomínio no bairro N.S de Fátima (próximo à Faccat), 2 dorm., sendo quarto de casal c/sacada, banheiro social, sala, cozinha, lavabo, área de serviço, c/gar. Valor a negociar + encargos. Cód. 5799. - APTO., no bairro Centro, 2 dormitório, sala c/sacada, cozinha, banheiro social, área de serviço, c/garagem. R$ 700,00 + encargos. Cód. 6326.

VENDAS CASA ALV. NOVA COM 160M², 3 DORM., SUÍTE, AMPLA ÁREA SOCIAL, COZINHA GORMET, GÁS CENTRAL E GARAGEM PARA 2 CARROS. ÓTIMA LOCALIZAÇÃO. - APTO. CENTRAL, c/ 1 dorm., sala de estar/ jantar, sacada c/ churrasqueira, cozinha e lavanderia. Ed. c/ elev e gás central. R$ 160.000,00. - APTO. TÉRREO, J. do Prado, c/ 70m², 2 dorm., sala de estar, cozinha, lavanderia, 1 box e patio. R$ 160.000,00.

Atletas conquistaram ouro, prata e bronze no Circuito Gaba

- TERRENO, Sagrada Família, medindo 18x22m, de esquina. Localizado a 300m da rua Tristão Monteiro. Imobiliária Traga seu IMÓVEL para LOCAR e VENDER AQUI Conveniada na Alice Imóveis!


14

Diet

SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Taíse escapa da eliminação do MasterChef Amadores

Do meu tuíter @Plinio_Zingano – A verdade sempre tem dois lados! A mentira, milhares.

A EDUCAÇÃO FOI PRO SACO Por favor, não me julguem um grosseiro por dar este nome ao meu comentário de hoje. Aliás, é, justamente, sobre grosseria o texto de hoje. “Ir pro saco” é uma forma eufemística de anunciar a morte de alguém – eufemismo é quando a gente trata de um assunto desagradável sem querer usar a palavra fundamental na mensagem. Tem várias supostas origens, todas ligadas ao fato de cadáveres serem colocados em sacos para transporte ou rearranjo de ossos em sepulturas exumadas. A “educação” mencionada não se refere à organização educacional que inclui escolas, mas àquele conjunto de atos advindos da observância de alguns preceitos básicos, permitindo uma melhor convivência social. Ou seja, quando falamos que alguém é um mal-educado, não estamos negando a escolaridade desse alguém. Estamos, isto sim, ressaltando a falta de civilidade demonstrada em seus atos e palavras. Em suma, estamos nos referindo a pessoas e atos grosseiros. Feito este preâmbulo, comento a inspiração para esta crônica. Nem sempre a palavra inspiração trata de assuntos românticos e poéticos. Vamos aos fatos! A respeito da atual situação brasileira, no Facebook, tenho vivido momentos frustrantes. Minha vaidade e meu orgulho (normais quanto de todas as pessoas) têm sido vilipendiados com os mais impiedosos acha-

ques, como se eu fora a mais desprezível criatura aparecida na face da Terra, mesmo considerando os dinossauros e a serpente do Éden. Termos como “burro”, “estúpido”, “débil mental”, “analfabeto político” são alinhados a ameaças do tipo “vai pagar por isso”. E, pior de tudo, são palavras escritas, muitas vezes, por amigos ou por eles compartilhadas. Os autores que, provavelmente, de maneira voluntária, poucos livros abriram em sua vida, indagam, arrogantemente, se eu nunca li um livro de História. Certo, não são escritas para mim diretamente, mas, como me enquadro no perfil genérico a quem elas se dirigem, devo tomar – e tomo – pelo lado pessoal. Só para ilustrar meus espanto e decepção, conto o caso tragicômico de uma ex-aluna. Na mesma semana de uma consulta sobre determinado assunto de escrita, fazendo-me elogios dignos de elevar minha vaidade bem acima da das outras pessoas, no quesito inteligência e protestando amizade eterna pela minha capacidade letiva, postou uma catilinária que quase me forçou a pedir perdão por ter nascido. Carinhas, se não pudermos ter nossos próprios pensamentos, mesmo diferentes dos dos outros, terá terminado aquilo que muitos dizem estar querendo preservar. E os tais livros de História mostrarão mais algumas páginas cruéis sobre falta de democracia.

EDITAL DE CASAMENTOS ELIZABETH MARTINI, registradora do Registro Civil das Pessoas Naturais e Especial de Taquara-RS. Faz saber que pretendem se casar: 1) WILSON MARTINS e VILMA DORNELLES RODRIGUES, 2) ROBINSON BRIZOLLA MOREIRA e ALESSANDRA RAMOS, 3) OSMIRO RIBEIRO DE SOUZA e VALINDA RAMOS DE FRAGA. Quem souber de algum impedimento, que oponha-o na forma da lei. DADO e PASSADO nesta cidade de Taquara-RS. Aos vinte e quatro (24) dias do mês de maio (05) de dois mil e dezessete (2017). Rua Rio Branco, nº 1145 - Sala 104. Panorama, 26 de abril de 2017.

Carlos Reinis/Band

Empratamento agrada chefe Erick Jacquin

ram submetidos ao teste rápido de empratamento com ingredientes já preparados. Taíse recebeu

Roseli Santos

Chinelagem O acordo de leniência da JBS na Lava Jato reforça e aprofunda, cada vez mais, a vergonhosa condição a que chega o ser humano em nome da ganância. O deboche escancarado, a desfaçatez, a obscenidade dessa gente, tudo farinha podre do mesmo saco, justifica-se em fitas e mais fitas de delações, tão criminosas quanto os delatados. Pior do que a ganância, ou talvez por causa dela, surge o desesperado apego a essa “entidade” chamada poder. Em nome dele é que agem em benefício próprio e de seus protegidos esses que aí estão delatando e roubando uma Nação, certamente sorrindo aliviados, neste momento, em algum resort em Miami, com as sungas recheadas de dólares. Enquanto isso, na Terra Brasilis, depois que “nos descobriram” há 500 anos, dizimaram nossos índios e usurparam todas as nossas riquezas (em nome da ganância e do poder, é claro), já nem se fala mais em independência, mas em morte certa. Só não sei se vai acabar como um grande desfile de carnaval que se desfaz na quarta-feira de cinzas ou com a Lava Jato. Pode ser que tudo termine em pizza, também, enquanto alguém grita desesperada e pateticamente “ Independência ou Morte, em frente ao Palácio do Planalto, onde os fantasmas se divertem. E assim assistimos, entre chocados, pasmos, incrédulos, revoltados ou, simplesmente, já quase anestesiados, aos telejornais para descobrir, além de tudo, que até as tradicionais Havaianas agora soltam e deformam as tiras. É o fim! Nos tiraram o chão e agora, os chinelos. A carne é fraca e nem a Doriana escapou. Andamos sem Vigor e nenhum Banco Original pode nos salvar. Agora é tarde. Sniff, Swift....! De tudo isso, a mobilização por um boicote contra marcas construídas em cima da desgraça de um país, com a conivência de seus governantes, enche as redes sociais de indignação, mas, ainda míope de cultura, reflexão e discernimento, não creio que a população, em sua maioria, consiga dar um brado retumbante. E como num desabafo desanimado e saudosista, uma amiga lamentou, dizendo que vai usar suas Havaianas e o seu Mizuno até gastar. Isso se o país não acabar, antes, minha amiga! Que chinelagem...

elogios do chefe Erick Jacquin, mas apenas a cozinheira Aderlize Martins conseguiu se salvar. Drinques virariam a inspiração para criar os pratos da prova de eliminação, com a presença do mixologista Spencer Amareno, apresentando as bebidas aos participantes. Taise foi desafiada a preparar uma refeição utilizando Bloody Mary – um coquetel com vodca, suco de tomate, suco de limão, sal, molho inglês, tabasco e pimenta. A taquarense entregou um molho de tomate defumado com cenoura cozida no

azeite de ervas. Fogaça reclamou do amargor na boca após degustação. “Isso dói demais, mas engulo no seco. Não vou demonstrar tristeza”, respondeu Taíse, em uma das passagens apresentadas no programa. Jacquin defendeu Taíse, e disse que estava muito mais defumado do que amargo. “Essa páprica defumada é perigosa. Pode ser um veneno”, aconselha, dizendo que beberia um Bloody Mary com a comida preparada pela taquarense. “(Vocês) Precisam pensar em equilibrar as coisas”, advertiu o jurado.

Rodrigo Guterres lança primeiro single chamado “Minha Menina” O músico Rodrigo Guterres (foto), 34 anos, está lançando seu primeiro trabalho autoral. Natural de Porto Alegre, o músico toca e compõe há 15 anos, sendo também integrante do grupo de teatro Cheiro de Chuva e atualmente residindo em Canela. No ano passado, participou do espetáculo "O Renascer do Cangaço", uma comédia musical realizada pelo Cheiro, “com a qual conquistamos diversos prêmios em festivais”. O trabalho com o teatro ocorre como ator e dramaturgo, e Guterres explica que a música faz parte deste contexto de vida. “Atualmente, estou dividindo meu tempo entre essas duas áreas”, complementou. “No momento, estou divulgando algumas composições para as pessoas conhecerem meu trabalho. É uma demanda

Divulgação

Plínio Zíngano

TAQUARA – O capítulo desta semana do MasterChef Brasil Amadores, da TV Bandeirantes, reservou três provas para os 13 competidores do reality show, dentre eles a taquarense Taíse Spolti, 27 anos. A personal trainer ficou entre os dois piores pratos do teste de eliminação, mas quem deixou o programa foi Nayane Barreto, de 26 anos. A primeira prova foi a da caixa misteriosa, com o desafio de preparar ouriço do mar. Victor Vieira, Deborah Werneck e Valter Herzmann apresentaram os melhores pratos e subiram o mezanino. Os demais concorrentes fo-

antiga de amigos”, afirma Rodrigo. Sua música tem elementos de Soul Music, misturado com MPB. O single chamado “Minha Menina” já está publicado na rede social e os demais estão em fase de finalização. A produção do trabalho está assinada por Nelson Beck, do Estúdio 31 de Porto Alegre. Segundo Guterres, “estamos na reta final do trabalho, que estará pronto até julho deste ano. Vou lançar o clipe junto com o single”. Para quem quiser ouvir: www.palcomp3.com/rodguterres


SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017

Por Vanessa Wagner

15

CRUZEIRO VALE DO DOURO

FERNANDA BRANCHINE

com extensão a Porto Lisboa All inclusive a bordo

Natural de Gramado, 37 anos, microempresária, desenvolvedora na Plano Ah! Design Estratégico. Filha de Remi Branchine e Vander Branchine. Voluntária na Associação Protetora dos Animais de Taquara.

3542.1307 3541.3127

PRESENÇAS - Roberta Naviliat, Niçara Ecke Ody, Sabrina Schenkel e Bianca Comassetto prestigiaram desfile no Madre.

Perfil

MODA - Maxi Tendência e Scheila Gessler Acessórios realizaram desfile conjunto, terça-feira, no Madre Pub. Os lançamentos da coleção de inverno já podem ser conferidos na loja Maxi Tendência - que reinaugurou seu espaço com nova decoração.

Conte-nos de sua relação com o Vale do Paranhana/Taquara: Eu cresci, estudei e trabalhei a maior parte da minha vida aqui. Mesmo com minha empresa atendendo cidades fora do Vale do Paranhana, sempre morei aqui. Sinto que devo me dedicar pelo lugar onde estou, lutar para que a cidade em que eu vivo seja o mundo que quero. O trabalho na Apata é um pouco dessa dedicação. Como é a função desempenhada na APATA: Sou voluntária desde 2011 e presidente desde 2013. Trabalho em todos os eventos, como feiras de adoção e briques, e nas campanhas de arrecadação e divulgação, inclusive no espaço mensal que a Rádio Taquara disponibiliza para a Apata falar com a comunidade. São inúmeras atividades de bastidores que os voluntários desempenham e acabam contribuindo para uma cidade melhor. Atualmente estamos repensando a forma de atuação da Apata, pois a dívida da entidade chegou num ponto insustentável, assim como a manutenção dos animais. Como você se define profissionalmente?  Meu trabalho requer estudo constante e envolve a observação das pessoas, como elas se comportam em relação aos serviços, aos produtos e às marcas, como elas consomem e como isso pode ajudar meus clientes. Então, considero que enquanto não estou dormindo, estou trabalhando de alguma forma, ou aprendendo ou produzindo. O que gosta de fazer no tempo livre? Livros de literatura universal são o amor da minha vida. Eu amo ler. Em segundo lugar os seriados disponíveis na Netflix. Mas o voluntariado não deixa muito tempo livre, não.

Rafaella Ribeiro

Como protetora animal, qual sua maior preocupação? Duas questões dividem o título de “maior preocupação”: 1) a dificuldade de conscientizar as pessoas sobre a responsabilidade que cada um deve ter com seu animal. A Apata está no seu 15º ano de trabalho, sempre reforçando a importância da guarda responsável, e ainda é preciso informar tudo como se fosse uma novidade. 2) a dificuldade de conscientizar e envolver as diversas esferas do poder público sobre a importância da causa animal e seu impacto nas vidas das famílias. Na Apata, todos os dias chegam casos que envolvem a saúde pública dos cidadãos e do município, casos que deveriam ser cuidados não por voluntários, mas por órgãos responsáveis. A preocupação com isso ainda é muito nova no poder público. Uma frustração: Ter um antitalento para a música. Sério, se tento até mesmo cantarolar alguma coisa, eu estrago completamente a música. É muito frustrante porque cantar traz uma alegria enorme e eu realmente não posso cantar nem para mim mesma!

Flávio Comassetto, Gilberto Hollweg Filho, Carlos Candemil e Renato Ribeiro

O que você gosta de ouvir: Pearl Jam é minha banda do coração. Gosto muito de Ray LaMontagne e Joni Mitchell. Qual seu maior sonho: Não me preocupar com dinheiro (renda, sobrevivência, garantir o futuro) e poder trabalhar somente em causas sociais, ambientais, culturais.

HUMOR - Kalinca Roberta Petry, Giovanna Meurer, Djéssica Klein, Herta Klein e Luciano Herzog, no show de humor Simplesmente Herta. O evento foi promovido pelo Sindilojas VP, em parceria com a Faccat e o Curto Arte Companhia de Teatro.

Churrascaria

VITÓRIA II desde 1990 3523.4357 Parobé

Deixe uma mensagem aos leitores do Panorama: Somos nós que fazemos a nossa cidade, por isso, temos que melhorar como pessoas e depois estender esse movimento o máximo possível. Ninguém chegou ao ponto em que não pode melhorar. Ajudar os outros é um aspecto disso. Gosto da frase: “Se você não for melhor amanhã do que você foi hoje, então qual a sua serventia para amanhã?” Rabbi Nahman of Breslov.

Cassiane da Rosa e Tiago Blauth


SEXTA-FEIRA, 26 DE MAIO DE 2017 | WWW.JORNALPANORAMA.COM.BR Daíse Carvalho

Concentração das doações permite agilidade na entrega

Prefeitura de Taquara lança Campanha do Agasalho A Pefeitura de Taquara lançou oficialmente a Campanha do Agasalho 2017. A meta é recolher o maior número possível entre peças de roupas, calçados, roupas de cama e outros itens que possam ser doados e destinados à população carente. A novidade deste ano é a centralização do ponto de doação, agora fixado na Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação (rua Ernesto Alves, em frente à loja F.H. Comassetto). Anildo Araújo, titular da pasta, afirma que “oficializar a campanha é uma obrigação nossa, contudo, o trabalho com donativos vem sendo realizado ao longo do ano.” A Brigada Militar de Taquara e o pelotão de policiais mirins estiveram presentes no evento de lançamento,

reafirmando a parceira com a administração. “Nosso projeto tem como foco a solidariedade. Com objetivo de mostrar às crianças a realidade do nosso município, nas periferias, conhecendo assim da necessidade das pessoas”, explicou o sargento Fábio Pedroso. De acordo com previsões meteorológicas, o inverno de 2017 promete temperaturas baixas. Nas quintasfeiras pela manhã, haverá o varal solidário, em que cada família pode levar até cinco peças. Rosa Maria Gesing, 68 anos, aposentada, estava no lançamento da campanha e conferiu as doações, em busca de peças para as filhas e netas. “Vim aqui procurando alguns casacos quentinhos para o inverno, tem muita roupa boa.”

PREVISÃO DO TEMPO

PANORAMA

SEXTA máx: 23° min: 16°

SÁBADO máx: 18° min: 16°

DOMINGO máx: 21° min: 17°

Acadêmicos da Faccat desenvolvem sistema com QR Code para máquina de café TAQUARA - Os cursos de Tecnologia da Informação (Sistemas de Informação, Sistemas para Internet e Jogos Digitais) das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) apresentaram uma verdadeira inovação no campus. O Canto do Café, gerenciado pelo sistema QrCafé (QR de QR Code + Café), foi implantado a partir de um projeto que visa a criar um ambiente de congregação para os alunos da área de TI da Faccat, principalmente nos horários de intervalo das aulas. O coordenador dos cursos de TI, Marcelo Azambuja, salienta que o sistema disponibiliza café e chá gratuitos para todos os acadêmicos dos três cursos, por meio de uma máquina de café automática profissional, patrocinado (incluindo insumos) integralmente pela empresa LoopHOST (hospedagem de páginas web), propriedade de Rodrigo Baldasso, aluno do curso de Sistemas de Informação. Com este apoio, o Canto do Café foi plenamente viabilizado, se tornando um atrativo e um ponto de encontro para alunos e professores, desde o início do semestre. “Não se trata de uma simples máquina de café. Esta tem um sistema (software) e um hardware acoplados, com uma câmera que captura o QR Code disponibilizado para os acadêmicos”, explica o coordenador, lembrando que a máquina só libera as bebidas para os alunos que estiverem cadastrados no sistema e possuírem créditos, distribuídos pela coordenação e pelos professores. Os créditos são fornecidos de acordo com critérios individuais envolvendo tarefas simples, como o fato do aluno responder a uma consulta sobre orientação de rematrícula da coordenação dentro do prazo recomendado ou se fez uma atividade proposta pelo professor. O projeto, planejado ao longo do segundo semestre do ano passado, envolveu alunos em fase de escolha de assuntos para os seus Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs), que assumiram a tarefa de desenvolver os soft-

Divulgação/Roseli Santos

William Willrich idealizou projeto de criação do Canto do Café na Faccat

wares e hardwares necessários. O principal idealizador dessa proposta é William Willrich, do curso de Sistemas de Informação, que apresentou o projeto de TCC sobre o software e hardware que controlam a máquina de café. Segundo Marcelo Azambuja, o mais curioso é que o sistema nunca falhou, o que demonstra a qualidade do trabalho. Para tomar um café, basta o aluno aproximar seu celular com a imagem que recebeu do seu QR Code para identificação da câmera. O sistema verifica se ele possui saldo e, então, a máquina é acionada. “Essa ideia é um projeto inédito, não conhecemos nada parecido. Alia bem-estar com gamificação de atividades de aula, além de congregação no ambiente durante os intervalos. Também está integrada aos fundamentos técnicos e teóricos dos três cursos da área de TI”, reforça o coordenador. Com total engajamento e aprovação dos acadêmicos, o Canto do Café encantou a todos, nesta iniciativa pioneira e divertida, que alia teoria à prática.

2329  
2329  
Advertisement