Page 1

PAN4ORAMA anos

TAQUARA, 5 DE JUNHO DE 2015 | Nº 2238 | 16 PÁGINAS | R$ 1,50 | WWW.JORNALPANORAMA.COM.BR

Bombeiros apertam fiscalização em casas noturnas da região Oito estabelecimentos foram interditados por descumprimento às regras de prevenção de incêndio.

Página Central Guilherme Augusto

Dedicação e fé O feriado de Corpus Christi, nesta quinta-feira, foi marcado, novamente, pela montagem de tapetes coloridos nos municípios da região. Atividade mobilizou centenas de fiéis. À esquerda, confecção dos tapetes na rua Ernesto Dornelles, em Igrejinha. Abaixo, procissão na rua Júlio de Castilhos, em Taquara.

Página 4 Cristiano Vargas

Vinicius Linden

ANIVERSÁRIO

TAQUARA

Igrejinha Mix e Projeto Feira do Livro incentiva guarda marcam 51 anos responsável da cidade de animais Contracapa

Página 3

VOCÊ PRECISA DIZER QUE AMA UMA PESSOA?

LUTA POR JUSTIÇA

Familiares e amigos de Andriely Rodrigues realizaram manifestação em Taquara, pedindo justiça pela morte dela, que completou dois anos. Acusado do crime responde a processo em liberdade e aguarda definição se será submetido a júri popular.

Página 12

Aproveite a promoção de Dia dos Namorados do Panorama e faça uma declaração de amor especial. Sua homenagem poderá estar na edição da próxima semana.

Saiba todos os detalhes na página 14.

EDUCAÇÃO Concurso literário tem premiação de R$ 5 mil Página 10


2

ABERTURA

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

REAJUSTE APROVADO

O radar móvel e as multas Na edição da semana passada, a manchete principal do Panorama fez referência à utilização do radar móvel por parte da Polícia Rodoviária de Taquara como novo instrumento de fiscalização nas rodovias do Paranhana. A novidade, há 20 dias em uso, já flagrou desrespeitos importantes aos limites de velocidade, como o caso de veículos trafegando a 146 quilômetros por hora na ERS-239. O uso de instrumentos de fiscalização, portanto, deve ser cada vez mais aperfeiçoado, se os motoristas não se conscientizarem da importância de respeitar as regras. Sempre que um novo equipamento de fiscalização é implantado no trânsito, costuma ser praxe a reclamação de que a intenção dos governos é arrecadatória. Contudo, é importante lembrar que, se o radar móvel for utilizado adequadamente, o governo não arrecadará nada quando os motoristas andarem “na linha”. Na ERS239, são várias as placas limitando a 80 km/h a velocidade da rodovia. Contudo, abusos são rotineiros por parte dos motoristas. Sem deixar de acrescentar que o próprio radar móvel tem uma tolerância de sete quilômetros, ou seja, o motorista só será multado se ultrapassar estas tolerâncias permitidas pela legislação. Paralelamente ao trabalho da Polícia Rodoviária, a região convive, dia após dia, com os acidentes que matam pessoas no trânsito. No sábado passado, por exemplo, uma manifestação pediu justiça pela morte de uma criança de 10 anos, num caso que ainda aguarda definição por parte do Judiciário. Fica claro, portanto, que não é possível amenizar a fiscalização nas rodovias, pois os excessos são diários. Ao contrário, é de se lamentar que os governos não têm condições, por sua própria desorganização, de colocar mais efetivos para fiscalizar estradas, coibindo excessos e multando quem os comete, pois parece que somente quando dói no bolso que algumas situações começam a ser alteradas. Ainda no tocante à situação do trânsito, é imprescindível que os governos, além do ímpeto fiscalizatório, atentem para a necessidade de políticas pedagógicas voltadas aos estudantes. O aluno não precisa esperar até os 18 anos para ter algumas noções importantes de trânsito, que envolvam, principalmente, a consciência com o próximo e o respeito que se deve ter quando se está na direção de um veículo. Hoje, este tipo de aula, ainda que muito breve, só é fornecida quando o candidato precisa tirar a carteira de habilitação. Definitivamente, sem a educação e a fiscalização para o cumprimento das regras, será muito difícil mudar a dura rotina do trânsito brasileiro.

A Câmara de Vereadores de Parobé aprovou, na terça-feira, proposta de reajuste salarial apresentada pela Prefeitura. O índice será de 4,29%, sendo 3,54% de reposição seguindo o Índice Geral de Preços do Mercado (IPG-M) e 0,75% de reajuste. O presidente da Câmara, Moacir Jagucheski (PPS), disse que os vereadores ouviram todas as manifestações dos sindicatos que representam a categoria, porém os servidores corriam o risco de permanecer mais um mês sem o reajuste. "Acredito que cumprimos com a nossa parte, pois os servidores não puderam receber este percentual neste mês já que a folha de pagamento já foi feita. Os funcionários devem continuar lutando por um número maior. Como presidente e vereador, estou junto do funcionalismo público para que eles tenham seu trabalho cada vez mais valorizado", destacou Jagucheski. Os sindicatos de Parobé foram contrários ao índice de reajuste proposto pela Prefeitura.

HORÁRIO DIFERENCIADO

O feriado de Corpus Christi, nesta quintafeira, provocou alteração de serviços públicos em Taquara, devido ao decreto de ponto facultativo confirmado na segunda-feira pelo prefeito Tito Lívio Jaeger Filho. O Posto de Sáude 24 Horas está mantendo atendimento normal. Já o Posto Piazito realizará seus atendimentos no Hospital Bom Jesus, nesta quinta e sexta-feira. Nos demais postos de saúde, não haverá funcionamento, retornando ao horário normal na segundafeira, dia 8. A Prefeitura também não terá atendimento hoje. Da mesma forma, não haverá expediente nas escolas de educação infantil, ensino fundamental e médio, voltando ao horário normal na segunda-feira. O ponto facultativo não se aplicará a serviços essenciais, como iluminação pública e recolhimento de lixo.

PROFESSORES APOSENTADOS

O 32º Núcleo do Cpers/Sindicato, com sede em Taquara, anunciou a realização do Encontro Regional de Aposentados. Segundo Marisa Barth, que está à frente da organização, os encontros estão sendo realizados em todos os núcleos do Rio Grande do Sul, com o objetivo de apresentar as diretrizes do Sindicato, bem como orientar sobre questões importantes para a categoria. Em Taquara, o encontro acontecerá no dia 17 de junho, em local a ser divulgado na próxima semana, às 14h30min. Já em setembro, será realizado o Encontro Estadual de Aposentados, em Porto Alegre. De acordo com Marisa, não é necessária inscrição, pois o encontro não terá custo para sócios em dia.

EDITAL DE CASAMENTOS ELIZABETH MARTINI, registradora do Registro Civil das Pessoas Naturais e Especial de Taquara-RS. Faz saber que pretendem se casar: 1) ELIÉZER BARCELLOS DA SILVA e ESTER ALMEIDA BELMIRIO, 2) MICHEL MARTINS AMORIM DA SILVA e DAIANE DE OLIVEIRA GIRARDI. Quem souber de algum impedimento, que oponha-o na forma da lei. DADA e PASSADO, nesta cidade de Taquara-RS. Aos três (3) dias do mês de junho (6) de dois mil e quinze (2015). Rua Rio Branco, nº 1145 - Sala 104.

Panorama, 5 de junho de 2015.

PANORAMA Fundado em 27/9/1975 Impressão: Gazeta do Sul (051) 3715.7800 / 3715.7887

ESCOLA TÉCNICA EM ROLANTE

A primeira edição projeto intitulado “Conhecendo e Valorizando Ações”, realizado no último dia 28, na Sociedade de Canto Carlos Gomes, encerrou com a assinatura de contrato de retomada das obras da Escola Técnica Federal. O roteiro do programa “Circuito Cascatas e Montanhas” foi apresentado no evento, que contou com participação de autoridades dos municípios da região, e também de São Francisco de Paula e Santo Antônio da Patrulha. Representando o Instituto Federal do Rio Grande do Sul, o diretor-geral da Escola Técnica, Jesus Borges, apresentou a estrutura do sistema público de ensino, através de gráficos, fotos e vídeos. Em seguida, Borges, acompanhado do sócio proprietário da construtora FEF Engenharia e Construção, Claudemir Gond, e da engenheira civil, Josélia Assunção Fernandes, assinou o contrato de retomada das obras do Campus Rolante. Os trabalhos iniciaram na segunda-feira, visando à conclusão do prédio administrativo.

VACINA DA AFTOSA

Os produtores rurais têm até hoje para realizar a entrega das notas fiscais da vacinação contra a febre aftosa. Os recibos devem ser entregues no escritório da Inspetoria veterinária de Taquara, em frente ao Senac, na rua General Frota. Até o início da semana, ainda faltavam a comprovação de aproximadamente 20% dos agropecuaristas da cidade. Aqueles que não retiraram a vacina ou não apresentaram a nota fiscal, receberam multa a partir de R$ 900,00. A Inspetoria lembra que a vacinação é obrigação do produtor. Mais informações pelo telefone 3541.1202.

CASO DE MORMO

A Secretaria de Agricultura e Pecuária do Rio Grande do Sul confirmou um caso de mormo em um cavalo em Rolante. Com isso, a pasta informou a adoção de medidas para prevenir e controlar a doença, que é infecciosa. A constatação do foco ainda provocou alteração no calendário do Freio de Ouro, tradicional competição entre os cavalos crioulos, que teve a etapa de Santo Ângelo cancelada. O mormo é uma doença silenciosa que atinge cavalos. Os sintomas são febre alta, tosse e secreção nasal. Podem aparecer também nódulos no nariz e nos pulmões dos animais, além de feridas nos membros. A transmissão acontece através de secreções dos animais doentes que contaminam principalmente os bebedouros. O mormo é uma zoonose, ou seja, pode ser transmitido ao homem. Tanto em animais quanto em humanos pode levar à morte.

CONFERÊNCIA DE SAÚDE

A Secretaria Municipal de Saúde de Taquara informou que realizará, na próxima quarta e quinta-feira, a oitava Conferência Municipal de Saúde. O tema será “Saude pública de qualidade para cuidar bem das pessoas”. No primeiro dia, a programação iniciará às 19 horas e, no segundo, será das 8 horas às 17h30min. A conferência acontecerá no plenário da Câmara de Vereadores.

CAIXA POSTAL 59

Contribua com seu artigo. Envie para editoria@jornalpanorama.com.br O texto deve conter no máximo 1500 caracteres

A pessoa falante A pessoa falante é aquela que gosta de falar. É a que fala bastante. É a que entra em qualquer assunto. Há vários tipos de pessoas falantes. Há a que fala bastante e só diz bobagem. E a que fala porque quer aparecer. Há a que fala porque tem argumentos e é participativa. Também há aquela que é estimulada, convocada a falar. Mas há também a que fala bastante por timidez. Como? É que querendo vencer a timidez, procura participar ativamente da conversa – quer parecer descontraída. Daí esforça-se para parecer falante. A pessoa que fala bastante pode ser interessante se tornar a conversa agradável e produtiva. Mas também pode se tornar inconveniente, não dando margem a que os outros emitam suas opiniões. A pessoa falante pode ser engraçada quando tiver senso de humor, for brincalhona. Mas também aí deve ser cautelosa, porque tudo tem sua medida. Ela pode ser aquela que quer mostrar erudição. Esta, normalmente, é a chata que quer elevar o nível da conversa, às vezes, tornando-a “uma apresentação de tese”. A pessoa falante também pode ser do tipo que fala eu, eu, eu. Esta é o “estilo biográfico” que, às vezes, não agrada muito. Há perigo da pessoa falante ser do tipo fofoqueira. Cuidado! A conversa pode descambar para a baixaria. Chegamos à conclusão que a pessoa falante deve pensar que as pessoas com quem fala pode também ter vontade de falar. Então a conversa deve manter um nível interessante com a participação de todos, que possam contar suas experiências e dar suas opiniões. A conversa deve ser uma troca de ideias, troca de informações. A pessoa muito falante deve antes de tudo ser inteligente o bastante para saber medir sua participação, não se tornando cansativa. Para quem é tímido e não faz questão de falar é bom conversar com a falante. E só dizer: − Isto mesmo – Sim – Também acho. Passemos a analisar nossa participação nas conversas. Sou uma pessoa falante? De que tipo? Sou agradável? Sou abusiva? Controle é bom. Bom senso também. Eu sou assumidamente falante. Devo me controlar. Maria Helena Holmer Hack, de Taquara

TURNO INTEGRAL

Em quatro dias da semana, a Escola Municipal Castro Alves, de Riozinho, oferece turno integral para alunos do primeiro ao quinto ano. As aulas acontecem de segunda a quinta-feira, das 7 às 17 horas. “Nesses dias são oferecidas oficinas que possibilitam a melhoria do ambiente escolar, como apoio pedagógico, prevenção e promoção da saúde, jardinagem, brinquedoteca e dança”, explicou a diretora Paulina Tarasiuk. Segundo a Prefeitura, a nova sistemática foi possível devido à adesão ao programa Mais Educação, em outubro de 2014. O secretário de Educação, Oto Petry, lembra que, mais do que manter os estudantes em atividades durante o turno escolar no instante em que os pais estão buscando o sustento de suas famílias, o programa tem como uma de suas metas trabalhar a cidadania.

Editado pela EMPRESA JORNALÍSTICA GAÚCHA LTDA. Inscrição Estadual: 141/0071666 - CNJP: 88.279385/0001-19 Rua Rio Branco, 1006 - Fone: 3542.2288 - Taquara/RS - CEP: 95.600-000

Jornalismo: editoria@jornalpanorama.com.br Publicidade: publicidade@jornalpanorama.com.br Direção: direcao@jornalpanorama.com.br

Diretor: Olavo Carlos Wagner Editores: Inge Dienstmann / Vinicius Linden

Circulação às sextas-feiras em Taquara, Parobé, Igrejinha, Três Coroas, Rolante e Riozinho (Vale do Paranhana). Fechamento comercial quartas ao meio-dia.

Membro da


TAQUARA

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

“Todo Focinho Merece Carinho” busca incentivar guarda responsável de animais Com o auditório do Centro Educacional Índio Brasileiro Cézar (antigo Cine Viena) lotado de diretoras das escolas municipais, a Secretaria de Educação de Taquara lançou, na segunda-feira, o projeto “Todo Focinho Merece Carinho”. A proposta pedagógica prevê incentivar, junto aos alunos da rede municipal de ensino, a guarda responsável de animais, chamando a atenção para os cuidados que se deve ter quando um animal é adotado. A estratégia visa a diminuir o abandono de animais em Taquara. O projeto foi idealizado pela vereadora Sandra Schaeffer, que, em novembro de 2014, enviou sugestão à Prefeitura de Taquara, por meio de um documento do Legislativo. A administração adotou a ideia e destinou a professora Tatiane de Oliveira (Tati Conrado) como coordenadora técnica. Segundo Tati, a ideia é abranger até três mil estudantes com o projeto, que iniciou na segunda-feira e seguirá até novembro. Serão realizadas atividades como oficinas, hora do conto, palestras, entre outras promoções, com o tema da guarda e da responsa-

3

Divulgação/Magda Rabie

Fotos: Vinicius Linden

Coral da escola Rosa Elsa se apresentando durante o primeiro fórum, que enfocou a cultura paulista No lançamento, autoridades e lideranças de Taquara receberam cópia do projeto

bem como conclamou os profissionais da educação a levarem adiante o projeto. Por fim, o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho ressaltou a necessidade de os animais serem bem cuidados e da importância de as pessoas, quando fizerem a adoção, tenham o cuidado adequado. O chefe do Executivo também agradeceu o trabalho da Apata em Taquara e disse que o lançamento do projeto da rede municipal de educação é um passo importante no atendimento à causa animal no município. Tito destacou, ainda, que sua administração está estudando a abertura de uma clínica veterinária de responsabilidade da Prefeitura, que poderá ser lançada até o ano que vem.

Dari Castencio e Ruan Castencio Biondi fizeram apresentação musical no evento

bilidade com o cuidado dos animais. “A proposta visa a construção de uma nova cultura em nosso município”, pontuou Tati. De acordo com a vereadora Sandra, há 12 anos atua no voluntariado da causa animal e sempre se percebeu a necessidade de um projeto educacional, com uma proposta pedagó-

gica, voltada a este tema. “Quanto mais educarmos as pessoas, mais positivos serão os resultados no atendimento aos animais”, sublinhou a vereadora. O secretário de Educação, Antônio Edmar Teixeira de Holanda, enalteceu o trabalho de entidades de Taquara, como a Associação Protetora dos Animais (Apata),

Café da manhã marcou os 60 anos da Emater A unidade de Taquara da Emater reuniu, na manhã de terça-feira, produtores rurais e autoridades municipais para celebrar o sexagésimo aniversário da entidade estadual. A repartição da cidade é uma das cinco primeiras a serem criadas no Rio Grande do Sul. O chefe do escritório taquarense da Emater, Felipe Pereira Dias, lembra que a unidade local é a maior dos vales dos Sinos e Paranhana. Este ano, a repartição municipal também concluirá a sexta década de atuação. Nestes últimos 60 anos, Dias

lembra que foram feitos diversos trabalhos com agricultores da cidade, a fim de fornecer assistência àqueles de menor renda e em situação de vulnerabilidade. As ações também acontecem através de parcerias com as secretarias municipais, como a da Educação e do Meio Ambiente. Presente ao evento, o prefeito, Tito Livio Jaeger Filho agradeceu aos trabalhos desenvolvidos pelo escritório local. “É um serviço importante, muitos produtores recorrem à Emater quando precisam de auxílio e orientação”, destacou.

Juntamente com Dias, que é agrônomo, trabalham um nutricionista, um veterinário, uma técnica agropecuária e um matemático. Ele recorda que, somente no ano passado, foram concedidos mais de R$ 4,3 milhões em créditos através do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). “É um dinheiro que gira na cidade, que fortalece a economia local e principalmente a agropecuária”, destacou, ao reforçar a parceria com a merenda escolar, que cria um ciclo local com a produção e o consumo dos produtos na cidade.

Cristiano Vargas

V

CONVITE PARA MISSA DE 1 ANO DE FALECIMENTO Esposa Sirlei, filhos Jefferson e Tiago, e demais familiares de

LUIZ CLAUDIO RANGEL (BIMBA) convidam para missa a ser realizada no dia 6 de junho de 2015, às 17 horas, na Igreja Matriz Senhor Bom Jesus, de Taquara.

A mesa farta foi o exemplo da diversidade gastronômica colonial existente em Taquara

“... E eu entendi que a saudade é como o amor, nunca para de crescer, porque aqueles que amamos fazem parte do que nós somos, mesmo estando longe.”

Escolas municipais realizam fóruns internos As escolas municipais de Taquara deram início, na sextafeira passada, à realização do calendário de fóruns internos. A primeira atividade aconteceu na Escola Rosa Elsa Mertins, com o tema “São Paulo e a sua Diversidade”. Apresentações dos estudantes retrataram a história do Estado, como uma peça teatral que destacou a chegada dos imigrantes. Também houve declamação de “Lampião de Gás”, de Inezita Barbosa, coral com a música “Trem das Onze”, e salas temáticas sobre a história, tradição e os costumes paulistas. “Foi um trabalho conjunto entre alunos e professores e ficou tudo muito lindo, pois a dedicação foi uma constante entre toda a nossa equipe”, destacou a diretora da escola, Mara Antônia Salomé. O secretário de Educação, Antônio Edmar Teixeira de Holanda, salientou a importância dos fóruns, pois incentivam a pesquisa, trabalho, integração e cultura. Neste ano, a Secretaria de Educação definiu como tema dos fóruns municipais “Brasil Canta e Dança - Diversidade Cultural”. Cada um dos educandários participantes desenvolve atividades relacionadas a um estado brasileiro. As melhores apresentações de cada fórum interno serão compartilhadas entre todos os alunos e professores no Fórum Estudantil Municipal, marcado para 15 de junho, na Sociedade Cinco de Maio. Conforme o calendário, na próxima semana serão realizados os fóruns das escolas Getúlio Vargas (dia 11, às 8 horas) e Emílio Leicthweis (dia 12, às 8 horas). CIMOL - A Escola Técnica Estadual Monteiro Lobato (Cimol), de Taquara, informou que estão abertas as inscrições para os cursos técnicos noturnos (eletro, eletrônica, mecânica, móveis, informática e design de móveis). A inscrição deve ser feita pelo site www.educacao.rs.gov.br até a próxima quarta-feira, dia 10. A prova de seleção será realizada no dia 4 de julho e as matrículas ocorrerão de 17 a 24 de julho. O edital completo pode ser conferido no site do Cimol (www.cimol.g12.br).


4

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

ESPECIAL

Tapetes coloriram o Vale do Paranhana

Textos e fotos: Cristiano Vargas e Guilherme Augusto

A tradicional montagem de tapetes coloridos de Corpus Christi iniciou por volta das 8h30min, em frente às igrejas até o entroncamento da Guilherme Lahm com a Júlio de Castilhos, em Taquara. Participaram das confecções diferentes movimentos da igreja católica e representantes de comércio, entidades e órgãos municipais. A procissão aconteceu às 14h30min, com saída da Paróquia Bom Jesus, passando pelas ruas Pinheiro Machado, Bento Gonçalves e Rio Branco, onde retornaram a Júlio de Castilhos até a Igreja Matriz. Houve missa a céu aberto, às 15h30min. Em Igrejinha, cerca de 250 pessoas trabalharam na con-

Os catequizandos da segunda etapa, do Centro de Taquara, colocaram a mão na massa para montarem o tapete do grupo. Para a catequista Maria Janete, que estava admirada com o trabalho dos pequenos, o momento é extremamente necessário para a integração e fé dos jovens. “É importante para eles se conscientizarem sobre Jesus, dentro de tudo aquilo que já estamos ensinando a eles”, destacou.

A coordenadora da CPJ (grupo vinculado aos jovens da igreja) de Igrejinha, Eduarda Wagner Jung, também saiu cedo da cama para se dedicar à criação dos tapetes. “É uma tradição que deve ser continuada, pois simboliza a passagem de Jesus Cristo”, disse a jovem de 15 anos.

fecção dos tapetes em frente à igreja católica, trabalho que iniciou às sete horas. Além de grupos e comunidades da paróquia Imaculada Conceição, também participaram empresas e entidades do município. Às 15 horas, aconteceu missa. A paróquia São João Batista, de Parobé, iniciou os trabalhos de montagem das peças logo cedo, às seis da manhã. Seus tapetes coloriram a rua Lothário Raimundo, e também envolveram grupos da própria igreja, além de representantes empresas e entidades do município. Ocorreu missa às nove horas.

A catequista Rejane Kickler, de Taquara, trouxe alguns dos seus 13 catequizandos da crisma da primeira etapa. “É um dia especial, em que as famílias e amigos se reúnem para se ajudarem a montar os tapetes para receber Cristo na rua”, comentaram os estudantes.

Inete Kielling, de 52 anos, é membro do grupo Simeão, que organiza a montagem dos tapetes em Igrejinha. Para ela, que atua nas atividades há nove anos e acordou às 5 horas nesta quinta-feira, trabalhar na confecção das peças “é algo que fazemos para Deus, pois temos Jesus em nossos corações”, afirmou.

A atividade de Parobé contou com a participação de Pedro Gonçalves Moreira, 37 anos. Ele atuou na criação do tapete da comunidade São Sebastião, do bairro Planaza. Foi a segunda vez que participou, “entusiasmado por ter Deus no coração. É um momento importante, porque celebra a vida eterna de Jesus em nós”, frisou.

Criar as peças coloridas simboliza, para Victor Negretti, a passagem de Cristo. “É um trabalho de doação, de voluntariado, que só se torna completo, pois estamos fazendo para Jesus. Além disso, podemos sentir ele tocar nossos corações quando passa durante o Corpus Christi”, enfatizou o jovem de 17 anos, morador de Igrejinha.

Dezenas de fiéis se mobilizaram na tradicional montagem na rua Júlio de Castilhos, em Taquara

Em Parobé, tapetes foram confeccionados na rua Lothário Raymundo, ao lado da igreja matriz


TAQUARA

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Fotos: Divulgação

Calendário de podas começa na segunda-feira Terá início, na próxima segunda-feira, o calendário de podas de Taquara. A iniciativa foi elaborada pela administração municipal com vistas a manter a cidade limpa, organizando as podas que costumam ser realizadas. O serviço é gratuito, mas prevê apenas o recolhimento das podas de árvores. Materiais como entulhos, madeiras, caliça, pedras, sofás, entre outros, não serão recolhidos, devendo a comunidade contratar caçamba de tele-entulho. Na próxima semana, o recolhimento, de 8 a 14 de junho, abrangerá os bairros Sagrada Família e Morro da Cruz.

Semana do Meio Ambiente em Taquara A partir da próxima segunda-feira, dia 8, será realizada a Semana do Meio Ambiente de Taquara, com abertura oficial às 9 horas, na Praça Marechal Deodoro, quando ocorrerá plantio de árvores. A programação continuará na terça-feira, com a palestra “Caminho do Lixo”, com a líder comunitária Marli Medeiros. O evento acontecerá às 19h30min, na Escola Profissional Unipacs. Na quarta-feira e na quinta-feira, as atividades ambientais serão promovidas nas escolas municipais, dentro do Circuito “Tela Verde”. O encerramento, na sexta-feira, dia 12, terá a terceira edição da Feira Socioambiental, a partir das 9 horas, na Praça Marechal Deodoro.

Os fatOs que fOram nOtícia aO lOngO da história deste jOrnal estãO nO

Detritos acumulados em galhos mostram o atual nível de poluição das águas em municípios banhados pelo rio

Falta de desassoreamento torna a navegação impraticável em algumas áreas

Expedição realizada pelo Comitê Interlegislativo do Pró-Sinos verificou nível de poluição no rio No último mês de maio, durante quatro dias, integrantes do Comitê Interlegislativo do Pró-Sinos, grupo criado em 2009, que conta com a vice-presidência do vereador Guido Prass Filho, percorreram cerca de 160 quilômetros de extensão do Rio dos Sinos. Dividida em quatro barcos, a equipe formada por 20 pessoas navegou saindo de Santo Antônio da Patrulha, passando pelos municípios de Taquara, indo em direção a Campo Bom e São Leopoldo. Realizada entre os dias 8 e 16 de maio a expedição iniciou com águas límpidas, porém, não demorou a surgirem os primeiros vestígios de detritos, como restos de garrafas e sacolas plásticas, segundo informou o verea-

dor Guido Mário, que participou da ação. Ele disse que o objetivo da atividade foi verificar o nível de poluição do rio para buscar soluções. “Em Campo Bom, muitas residências ribeirinhas depositam todo o lixo doméstico diretamente nas águas. Com isso, os detritos se acumulam em galhos no leito e margem do rio” informou. Além do lixo, a erosão causada pelo desmatamento em algumas áreas próximas às margens também é preocupante, destacou o vereador. Em contrapartida, em alguns pontos, a mata praticamente torna impossível a navegação, pois a densa vegetação encobre todo o leito, dificultando a passagem. A expedição prosseguiu até o Rio

Empresa do ramo frigorífico passou a funcionar em Taquara A Prefeitura de Taquara informou, nesta semana, a atração de uma empresa do ramo agropecuário. O Matadouro e Frigorífico Taquarense começou a funcionar na localidade de Santa Cristina do Pinhal, com a geração de 15 empregos. A produção está voltada ao abate de 150 bovinos por semana. Na semana passada, o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho fez uma visita à empresa, acompanhado de secretários municipais. Na ocasião, ressaltou a parceria da administração para viabilizar a abertura do empreendimento. De acordo com Nilva Garcia Lucas, diretora-adminis-

trativa do frigorífico, o objetivo é aumentar a produção e gerar mais 50 postos de trabalho no próximo ano. “O apoio e incentivo recebido da administração municipal foram fundamentais para instalação e abertura da empresa e esta contribuição foi e será decisiva para trabalharmos com o objetivo de aumentar a produtividade e empregos futuros”, afirmou Nilva. A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que o auxílio concedido à empresa não foi financeiro, mas sim com apoio para que toda a documentação fosse formalizada seguindo a legislação vigente.

PROCURAM-SE TALENTOS...

Estamos procurando talentos para fazer parte de uma concessionária de motocicletas Honda pioneira no RS. Atuando há 37 anos no mercado. BUSCAMOS: • Identificação com motocicletas • Goste de trabalhar em equipe • Queira construir carreira • Comprometido com a empresa

VAGAS: CONSULTOR(A) VENDAS MOTOCICLETA

Taquara - (51) 3541.0000 Canela - (54) 3909.1000/(54) 3909.1001

Interessados encaminhar currículo para gerencia@candemil.com.br, ou, se preferir, entregar no endereço: Rua Guilherme Lahm, nº 1055, Taquara-RS

Jacuí, quando uma grande quantidade de espuma branca mostrou o alto nível da poluição em áreas mais populosas, além da grande quantidade de esgoto não tratado que é depositado nas águas. A próxima etapa da atividade realizada pelo grupo será verificar como está a situação da nascente do Rio dos Sinos, no município de Caraá, em nova expedição ainda a ser agendada. Além disso, serão retirados os detritos encontrados pelo trajeto, com a colaboração de voluntários, com destino a Campo Bom. “Dependendo do número de voluntários,

a atividade poderá se estender até o município de São Leopoldo”, ressaltou o vereador. Na próxima quarta-feira, dia 10, haverá uma reunião no plenário da Câmara de Vereadores de Taquara, que abordará o tratamento de esgoto no Rio dos Sinos, debatendo o tema com representantes de todos os 32 municípios que integram o Comitê. O encontro, que iniciará a partir das 10 horas, servirá para debater os projetos em andamento e perspectivas dos mesmos, com representantes da Corsan, Emater e do Ministério Público.

5

Hemodiálise foi tema de reunião A Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores de Taquara recebeu, no último dia 28, para abordar questões envolvendo o atendimento do setor de Hemodiálise do Hospital Bom Jesus, a técnica responsável pela área, Miriam Gressler, e o diretor técnico da Secretaria de Saúde, Fábio Strauss. Miriam informou que o setor atende consultas nefrológicas e avaliações para transplantes renais, atendendo, atualmente, um total de cem pacientes. A unidade atualmente conta com três médicos especialistas, três enfermeiras, psicólogos, assistente social, nutricionista e 21 técnicos de enfermagem, totalizando 34 colaboradores. Dificuldades como falta de reajuste por parte do governo também foram abordadas na reunião.

DOE SANGUE

A vida de alguém pode depender deste gesto.


6

TAQUARA

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Comunidade Evangélica

Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil

“Alegrar-me-ei e exultarei em ti; ao teu nome, ó Altíssimo, eu cantarei louvores” (Salmo 9.2).

Amigos do Panorama! Há um ditado que diz: “É mais fácil pedir do que agradecer”. Desde pequenos somos acostumados a fazer pedidos. Porém, nem sempre aprendemos a agradecer. A natureza humana centraliza as coisas num egoísmo exagerado. Agradecer se torna mais difícil, pois temos que reconhecer a dádiva do outro. Nosso texto é um Salmo de agradecimento. Agradecimento e louvor a Deus pela poderosa salvação que Deus nos proporcionou pela sua graça: “Alegrar-me-ei e exultarei em ti; ao teu nome, ó Altíssimo, eu cantarei louvores”. Conta-nos o Evangelho de Lucas 17. 11-19: “A cura de dez leprosos”: somente um dos dez leprosos curados voltou para agradecer a Jesus.” Muitas pessoas estão tão mergulhadas em tarefas diárias de trabalho, estudos e demais afazeres da vida que não têm tempo para agradecer a Deus. Não tem tempo para agradecer ao levantar, nas refeições, ao deitar, nos momentos de alegria e, também, nos momentos de tristeza. A letra do hino 237 do HPD 1 nos diz: “Graças dou por esta vida, pelo bem que revelou. Graças dou pelo futuro e por tudo que passou, pelas bênçãos derramadas, pela dor e, na aflição, pelas graças reveladas; graças dou por teu perdão”. Pensemos nisto sempre. Amém.

Pastor Valmor Haag PROGRAMAÇÕES

Sábado, 6 de junho: Culto no Lar OASE, às 15 horas; Encontro de Jovens, às 19 horas, no Dorothea. Domingo, 7: Culto na Igreja da Paz (centro), às 9 horas, com ceia. No mesmo horário haverá Culto Infantil. Dia 10, quarta-feira, Café-Colonial. Programação da OASE. Será no Ginásio do Dorothea, com início às 16 horas e término às 19 horas. O ponto G do seu rádio

prazer de ouvir

www.fm91.com.br

Promotoria quer estudo sobre áreas que podem receber asfalto em Taquara O Ministério Público de Taquara, por meio da promotora de Justiça Ximena Cardozo Ferreira, procurou o Jornal Panorama, nesta semana, para esclarecer inquérito civil sobre asfaltamentos no município. No procedimento, a Promotoria exige que a Prefeitura faça a contratação de estudos técnicos sobre as áreas que podem receber asfalto, de modo a não comprometer a impermeabilidade do solo, a fim de não gerar enchentes. Além disso, o Ministério Público apura possível dano ao patrimônio pela aplicação de asfalto em cima de paralelepípedo, o que seria considerado inadequado por normas técnicas. De acordo com a promotora Ximena, desde o ano passado o Ministério Público busca informações com a Prefeitura sobre estudos técnicos que contemplassem o risco de cheias. O procedimento foi instaurado em maio de 2014, a partir de notícia do Panorama que informava sobre várias obras de asfaltamentos que seriam realizadas em Taquara. A administração municipal respondeu que todas as ruas têm projeto específico de drenagem pluvial, mas, segundo Ximena, a preocupação do Ministério Público não diz respeito à instalação de bocas de lobo, mas quanto à permeabilidade do solo. Desde então, a Prefeitura e a Promotoria trocam informações a respeito dos projetos de asfaltamento. Recentemente, quando a administração deu

início aos trabalhos na rua Rio Branco, o Ministério Público expediu recomendação por conta da impermeabilização e pela aplicação de asfalto em cima do calçamento com paralelepípedo. No documento, além de sugerir a paralisação do asfaltamento, a promotora requereu que a Prefeitura apresentasse estudos técnicos sobre a questão da drenagem urbana, bem como alternativas de locais que podem ou não receber asfalto em Taquara. Após esta recomendação, foram realizadas duas audiências com o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, em uma delas sendo proposta a formalização de um termo de ajustamento de conduta (TAC). Pela ideia da Promotoria, seria autorizada a conclusão do asfalto na rua Rio Branco, levando em conta que o perímetro a ser finalizado é pequeno, mas ficariam suspensas outras obras de asfaltamento até que os estudos sejam concluídos. Inicialmente, a Prefeitura ganhou prazo de 10 dias para estudar se aceitaria a assinatura do TAC, mas solicitou ao Ministério Público mais 20 dias, o que foi deferido. A administração informou que estava estudando a possível contratação de empresas para o levantamento. A promotora Ximena negou qualquer posição contrária a asfaltamentos em Taquara, mas salientou que a administração pública, no seu entendimento, precisa ter planejamento. “Não po-

demos pensar Taquara para hoje, mas sim para daqui 20 ou 30 anos”, defendeu. A exigência de estudos técnicos sobre a questão da impermeabilização do solo leva em conta, segundo Ximena, que as enchentes são um problema recorrente e histórico de Taquara, que poderá piorar, se os asfaltamentos não forem feitos seguindo um estudo técnico eficiente, o qual informe as áreas em que o asfalto não gerará cheias e aquelas em que a colocação de asfalto poderá provocar alagamentos. Quanto à exigência deste estudo à atual administração, Ximena esclareceu que acontece por conta do alto número de obras de asfalto que estão sendo prometidas pelo governo, o que chamou a atenção para a necessidade de um planejamento eficiente das áreas que receberão as obras, para não resolver um problema agora, criando outro posteriormente. Ximena ainda destacou que não deverá aceitar a proposta da Prefeitura de realizar uma audiência pública para discutir com a comunidade a situação. Segundo ela, isso acontece pois este assunto, no seu entendimento, deve ser tratado levando em conta as questões técnicas. “Somente os estudos deverão dizer as áreas que podem receber asfalto em Taquara, não comprometendo a questão das enchentes”, ponderou a promotora, defendendo que é dever do poder público trabalhar com planejamento.

Vereadores tentam solução para poluição sonora O plenário da Câmara de Vereadores de Taquara recebeu, na manhã de sexta-feira passada, uma reunião entre legisladores e proprietários de casas noturnas no município. O encontro foi proposto pelo vereador Arleu Oliveira, que recebeu reclamações sobre barulhos que atrapalhariam a noite de sono de taquarenses. Através do empresariado, estavam representadas a Mariah, Boteco do Sebastião, Santo Espeto e Convés Pub. Também participou o secretário de Meio Ambiente, Sérgio Prates de Morais, e uma fiscal da prefeitura, representando o Executivo. Os vereadores apresentaram as reclamações, que se referiam ao barulho noturno, principalmente em noites de quintas-feiras. Do outro lado, os empresários destacaram os cuidados que têm para que o som não se propague em direção a zonas residenciais, como investindo em revestimento acústico e tomando cuidados com a posição de caixas de som. Eles também falaram que, muitas vezes, não são as casas noturnas as responsáveis pelo som alto, mas sim motoristas de carros, que param seus veículos próximo a estes locais e ligam seus sons automotivos em altos volumes . “É muito difícil viver da noite em Taquara, pois é um mercado frágil, mas importante. Além do movimento que trazemos para a cidade em sim, geramos empregos diretos e movimentamos a economia local através da compra

de bebidas, alimentos, entre outros materiais. Sobre as reclamações de som alto, acredito que as pessoas poderiam nos procurar primeiro, apresentando sua queixa e ouvindo nossas explicações. Assim, resolveríamos as questões com mais praticidade, pois estamos abertos para isto”, comentou o proprietário do Boteco do Sebastião, Gabriel Rost. “É impossível fazer uma noite sem ruídos, pois até simples conversas chamam a atenção em uma madrugada silenciosa. É impossível não fazer barulho”, comentou Jaime Júnior, proprietário do Convés Pub. Ao final da reunião, ficou decidido que os vereadores conversariam com a Brigada Militar, a fim de que se façam ações para fiscalizar o som automotivo durante a noite taquarense. Os vereadores também se comprometeram em conversar com o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho sobre as towners que vendem cachorro quente perto destes pontos comerciais, ampliando a propagação de som alto. “Ficamos satisfeitos com o resultado da reunião, pois percebemos a vontade que todos têm, empresários e poder público, de resolver a questão. O que queremos é buscar um entendimento, para que nenhuma empresa do ramo pense em deixar Taquara. Pelo contrário, gostaríamos que este número fosse ampliado”, destacou a vereadora Sirlei Silveira. Finalizando o encontro, Arleu afirmou que, se necessário, será marcada uma nova reunião.

Cras está sob nova coordenação O psicólogo Flávio André Winck (foto) foi nomeado novo coordenador do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). A posse, com a participação do prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, aconteceu na sexta-feira passada. Conforme Winck, a meta é manter e melhorar os serviços prestados pelo órgão. “Nosso trabalho vai trazer bons frutos para a população”, assegurou. Para o prefeito, o desafio será dar continuidade ao trabalho que já vem sendo desenvolvido e que, segundo ele, está gerando aprovação da comunidade. “Será necessário o comprometimento de toda a equipe para dar continuidade às atividades que são desenvolvidas aqui no Cras e que têm resultados positivos. Como o Flávio é conhecedor das questões técnicas, não haverá dificuldade para contribuir com a proteção social básica”, salientou Tito. Divulgação/Eduardo Vaz

Legislativo doará verba ao hospital Em reunião ocorrida no último dia 28, que contou com a participação de representantes do Executivo, Legislativo e do Hospital Bom Jesus, foi anunciado que, através de economias, a Câmara de Vereadores planeja doar a quantia de R$ 100 mil à casa de saúde. Durante o encontro, proposto pelo vereador Roberto Timóteo, foi solicitada à direção do hospital, uma cópia de documento que detalhe quanto o município deve ao Hospital Bom Jesus. Ainda foi anunciado que, nos próximos dias 10 e 11, a Câmara de Vereadores sediará a 8ª Conferência Municipal de Saúde.

SÍNTESE DOS PROJETOS EM TRAMITAÇÃO NA CÂMARA DE VEREADORES DE TAQUARA * Projetos apresentados na sessão ordinária de 2 de junho. - PROJETO DE LEI NÚMERO 85, de autoria da Prefeitura de Taquara: autoriza o Executivo a firmar contrato de rateio de custeio das despesas de manutenção do Consórcio Regional do Paranhana (Conrepar). - PROJETO DE LEI NÚMERO 86, de autoria da Prefeitura de Taquara: autoriza o Executivo a contratar temporariamente um servidor para o cargo de veterinário. - PROJETO DE LEI NÚMERO 87, de autoria da Prefeitura de Taquara: aprova o Plano Municipal de Educação 2015/2025. * Projetos aprovados na sessão ordinária de 2 de junho.

- PROJETO DE RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA NÚMERO 3, de autoria da Mesa Diretora: declara ponto facultativo no dia 5 de junho, em decorrência das comemorações alusivas à Corpus Christi. - PROJETO DE LEI NÚMERO 74, de autoria da Prefeitura de Taquara: cria o Propacom – Projeto de Pavimentação Comunitária. - PROJETO DE LEI NÚMERO 80, de autoria da Prefeitura de Taquara: altera a lei municipal que disciplina os critérios de elaboração e divulgação de mapa urbano relativo ao território de Taquara. - PROJETO DE LEI NÚMERO 84, de autoria do vereador Roberto Timóteo Rodrigues dos Santos (PP): inclui a obrigação da colocação de canos de esgoto de bitola não inferior a 40 centímetros de diâmetro nos loteamentos novos de Taquara.


GERAL

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Região define planos municipais para a educação As cidades do Vale do Paranhana preparam-se para enviar a Brasília os planos municipais de educação. A data limite para remeter os documentos é 24 de junho. Cada município ficou responsável por elaborar 20 me-

Audiência pública será no dia 11 de junho

tas voltadas à realidade do ensino local, incluindo as estratégias para desenvolvê-las nos próximos dez anos. Confira como as cidades construíram seus textos e objetivos.

Metas em 11 áreas deverão conduzir a Educação pelos próximos dez anos TAQUARA – A cidade concluiu, recentemente, o primeiro Plano Municipal de Educação, com 20 metas estratégicas para o ensino nos próximos dez anos. O documento foi apresentado no dia 20 de maio, em audiência pública, no Centro Educacional Índio Brasileiro Cezar, e foi apresentado na sexta-feira passada para apreciação da Prefeitura, para, então, ser encaminhado à votação pela Câmara de Vereadores e, se aprovado, sancionado pelo Executivo municipal. A partir disso, seguirá para o Ministério da Educação (MEC) até o dia 24 de junho – prazo final de entrega ao governo federal. Inicialmente, dez comissões formadas por professores das escolas municipais, estaduais, particulares e Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) começaram os trabalhos de planejamento da educação. Incluiu-se, posteriormente, o grupo de educação ambiental, que teve as ideias articuladas às estratégias dos outros comi-

tês. Além desse, houve bancas para a educação especial, infantil, fundamental, médio, graduação, Educação de Jovens e Adultos (EJA), aprendizado em tempo integral, formação e valorização do magistério e plano de carreira. “Construímos as nossas ideias com profissionais do município, que conhecem a realidade das nossas escolas”, ressaltou a presidente do Conselho Municipal de Educação, Vivian Angeli. Conforme explica, a iniciativa constitui-se no planejamento das ações públicas educacionais, priorizando a oferta e a melhoria da qualidade do ensino. Os trabalhos das comissões iniciaram em março do ano passado e ocorreram através de encontros periódicos. A assessora técnica Hilária Kreuz auxiliou na estruturação das 20 metas, sanando dúvidas durante a construção das táticas para cada área. Todos os tópicos foram levantados tomando como diretrizes o Plano Nacional da Educação (PNE), mas atendo-

se às especificidades locais e à definição de estratégias adequadas para cada circunstância. Os objetivos traçados serão acompanhados pelo Conselho Municipal de Educação e, de tempos em tempos, passarão por avaliações, para ver a necessidade de complementação ou ajustes. O trabalho nas comissões foi de dedicação por parte dos membros, conforme salienta Vivian. A consolidação de um plano da educação é histórica, já que a cidade nunca contou com nenhuma proposta neste sentido, mas apenas haviam acontecido reuniões, em 2008 e 2011, quando foram discutidos alguns tópicos, sem haver a audiência pública. O secretário municipal da Educação, Antônio Edmar Teixeira de Holanda, destaca que as metas estipuladas foram projetadas para os próximos dez anos, aplicadas independente de qual gestão esteja sob a administração municipal. A consolidação do projeto gerará uma repaginação na educação da cidade. A partir

Cristiano Vargas

Vivian ao lado do secretário Holanda com o resultado dos trabalhos das 11 equipes

do recebimento e aceite dele pelo governo federal, pretende-se rever os regimentos e os Projetos Políticos Pedagógicos (PPP) de todas as escolas. Futuramente, Vivian conta que o objetivo é compilar todas as estratégias em um livro, e distribuí-lo pelas entidades educacionais do município, a fim de que sejam compartilhados e apontados os trabalhos que precisam realizar, ou acrescentem ideias às propostas.

Educação contará com 205 estratégias em Igrejinha

IGREJINHA – A Câmara de Vereadores da cidade aprovou, em sessão ordinária, na semana passada, o Plano Municipal de Educação. As 205 estratégias elencadas nas 20 metas propostas pelas oito comissões foram trabalhadas em cima de eixos, buscando alcançar os mais diferentes aspectos que formam o aprendizado. O Plano Municipal começou a ser pensado pela Secretaria de

Educação no ano passado. Foram realizados oito encontros pré-conferências. No dia 16 de abril houve a conferência final. Após, o documento formulado foi enviado para o setor de legislação da Prefeitura, formatado e encaminhado para a Câmara de Vereadores. Os próprios legisladores acompanharam o processo de elaboração do Plano, a par das medidas que eram apontadas e determinadas como importantes.

O Conselho Municipal fará o acompanhamento e fiscalização das metas propostas no Plano. O secretário de Educação, Luis Carlos Trombetta, lembra que a cidade contava apenas com diretrizes, mas, agora, passa a ter como base um plano de estado. “Significa independência de governo. As metas deverão ser executadas, isso é uma conquista incrível. Esta é a grande conquista, metas claras e que serão fiscalizáveis.”

Projeto foi apresentado à comunidade em Rolante ROLANTE – A administração municipal, através da Secretaria Municipal de Educação e Esportes, Conselho Municipal de Educação, representantes de Escolas e Entidades, realizou uma audiência pública, na semana passada, quando apresentou à população o Plano Municipal de Educação. Em novembro de 2014, foi constituída a equipe técnica para a elaboração do documento. Conforme relata a secretária de Educação e Esportes, Eunice Luiza Salim Silveira, as metas foram traçadas a partir de estudos, análises, discussões e reuniões caracterizadas pela participação da comunidade

escolar. Também estiveram envolvidos segmentos representativos da sociedade civil, Poder Executivo, Câmara de Vereadores, Comissão da Educação Infantil, Comissão do Ensino Fundamental e Ensino de Jovens e Adultos, Comissão do Ensino Médio, Comissão do Ensino Superior e participação efetiva do Conselho Municipal de Educação. As Comissões se reuniram durante três meses para discutirem sobre cada estratégia do Plano Nacional de Educação e construírem o Plano Municipal de Educação. A cidade já contava com diretrizes locais com metas para o ensino

Divulgação/Edna Cardoso

Professores e comunidade realizaram votação de prioridades

– com validade até 2018. Contudo, quando realizado, as metas haviam sido elaboradas por uma empresa terceirizada. “Este ano, foi feito com a participação dos profissionais do muni-

7

cípio, mas iniciaram tudo do zero”, contou Eunice. Foi encaminhado para a Câmara de Vereadores, passou pelo Conselho Municipal de Educação, e aguarda análise do Legislativo.

TRÊS COROAS – A Secretaria de Educação de Três Coroas realizará, na próxima quinta-feira, dia 11, a audiência pública para a apresentar o Plano Municipal de Educação à comunidade. De acordo com a coordenadora pedagógica da cidade, kátia Simone Müller, o documento está sendo finalizado pelas comissões de trabalho. As metas foram divididas em eixos, envolvendo a comunidade escolar de todos os educandários. Entre as linhas estão a educação infantil, fundamental, médio, superior, inclusão e diversidade e formação, qualificação e valorização dos profissionais da educação e gestão e financiamento. Além das metas, foram traçadas estratégias de como desenvolver as ideias e prazos para cumpri-las. Os trabalhos começaram na semana retrasada. Conforme elucida Kátia, foi montada uma comissão técnica formada por todos os segmentos da cidade, seja particular ou pública. Os participantes reuniam-se, inclusive, nas escolas, para discutir as estratégias. Depois da aprovação pela Câmara de Vereadores, criarão o fórum municipal da educação, envolvendo todos os setores ligados ao ensino, para acompanhar as metas e estratégias. A cidade já tinha um Plano, elaborado em 2004 e válido até o final do ano passado. Os comissários utilizaram algumas ideias alavancadas pelo documento antigo, reestruturando-as e atualizando-as. “Esta ação é muito importante para a cidade, é um grande avanço”, salientou a coordenadora pedagógica.

Parobé terá grupo para monitorar plano de educação

PAROBÉ – Foi realizada na semana passada, no ginásio da Escola Idalino da Silva, o Plano Municipal de Educação, a audiência pública do plano de educação. Estiveram presentes representantes da Câmara de Vereadores, Prefeitura, clubes de serviços e comunidade em geral. Agora o documento seguirá para a Câmara de Vereadores para ser votado e, após, se aprovado, sancionado pela Prefeitura. Os trabalhos começaram em novembro do ano passado, quando a Secretaria de Educação convidou a comunidade, entidades e escolas a participarem da elaboração do documento. A primeira conferência aconteceu em início de março e

a segunda, em maio. Foram montados 11 eixos, organizados por grupos temáticos. Este será o primeiro Plano de Educação de Parobé. Entre as metas está a eleição de diretores dos educandários, que começa este ano. Dentro do Conselho Municipal haverá um grupo que monitorará a aplicação das estratégias criadas. “Sem um plano de ação, sem um planejamento, você não vai a lugar algum. Quando tu tens os objetivos traçados e claros, tu sabes para aonde ir, aonde chegar. Ele só vem para nos fazer avançar, em melhorar nossos índices. Será nosso lema norteador para avançarmos”, avaliou a secretária da Educação de Parobé, Maristela Rossatto.

Plano riozinhense em conclusão RIOZINHO – Conforme o secretário municipal de Educação, Oto Petry, a comissão organizadora do Plano Municipal de Educação realizou, na semana passada, uma reunião geral. Ele garante que o diagnóstico do ensino na cidade está em fase conclusiva. “Acredito que cumpriremos o prazo.” O secretário conta que os trabalhos estão acontecendo conforme sugestões de representantes da comunidade. Foram solicitados serviços de uma assessoria da Secretaria da Educação de Porto Alegre. Na próxima quinta-feira, Oto conta que será feita a divisão das metas em oito ou nove grupos, a fim de coordenar a atividade na audiência pública, ainda sem data marcada. Assim que aprovado pela Câmara de vereadores, o documento deverá ser encaminhado para o Ministério da Educação. “A necessidade da elaboração do Plano é extremamente valiosa para que se tenham projetos na área da educação. Deixa de ser um plano de governo e passa a ser um plano de Estado”, reforçou o secretário.


8

GERAL

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

MUNDO DOS

NEGÓCIOS negocios@jornalpanorama.com.br

REDE MÜLLER, de Taquara, esteve representada por seus diretores Franck e Ardi Müller (foto abaixo) na 47ª Convenção Regional de Supermercados - feira de produtos, equipamentos e serviços para o varejo promovida pela Associação Gaúcha de Supermercados (Agas), há duas semanas, em Santa Maria. Segundo a Agas, após dois dias de formações de parcerias e bons negócios, o evento movimentou R$ 4,1 milhões em transações entre os visitantes e os 78 expositores. Para Franck, participar deste tipo de atividade é importante pela troca de informações, conhecimento, além da formalização de parcerias e lançamento de produtos novos.

CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS (CDL) de Parobé realizou, no último dia 28, palestra com Dado Schneider, que reuniu cerca de 530 pessoas, no Centro de Eventos Kirsch. Segundo a secretária-executiva da CDL, Ivonete Brandão, o evento foi bem oportuno, em função das dificuldades que o cenário econômico vem mostrando. "O Dado falou muito em mudanças, buscar o novo, entender todas as gerações de clientes, ver as oportunidades em meio à turbulência. Reclamar e desanimar não vai resolver, mas sim repensar os seus negócios, focar e seguir em frente, sempre lembrando o quão informado e exigente está o cliente atual. Dessa forma, acompanhar as mudanças e mostrar o diferencial competivo é muito importante", pontuou Ivonete. Ainda segundo a secretária, a CDL está com sua campanha do agasalho em andamento, com arrecadação nas lojas de Parobé. Já nos dias 8, 15 e 22 de julho, haverá um curso de coaching em vendas.

Divulgação

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO de Parobé informou que, em parceria com o Sebrae, promoverá uma semana de formação para os microempreendedores individuais. As atividades ocorrerão de 20 a 24 de julho, sempre a partir das 19 horas. Os temas são: "Sei Empreender", "Sei Planejar", "Sei Comprar", "Sei Controlar o Meu Dinheiro" e "Sei Vender". Para participar, basta entrar em contato pelos telefones 3543-3282 ou 91995994 ou e-mail sede@parobe.rs.gov.br. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico fica na avenida das Nações, número 417, no segundo andar. UNIVERSIDADE FEEVALE informou que estão abertas as inscrições para os cursos técnicos na Escola de Educação Básica - Escola de Aplicação. A partir de agosto, a instituição contará com novas opções para os interessados em aplicar conhecimentos nas áreas de logística, marketing e comércio exterior. Para se inscrever, basta entrar no site www.feevale. br/escoladeaplicacao e acessar o link Ingresso - Inscrições Cursos Técnicos. A Escola de Aplicação, que já oferece o Técnico em Publicidade e o Técnico em Informática, conta com laboratórios de informática, laboratórios de fotografia, Sala Conectada, Agência Experimental e página web interativa para o desenvolvimento criativo dos estudantes.

Bombeiros interditam oito casas noturnas na região REGIÃO - Nesta semana, iniciou em Santa Maria o primeiro julgamento de acusados de responsabilidade no caso do incêndio da Boate Kiss. Na região, a preocupação com a segurança das casas noturnas foi evidenciada na sexta-feira passada, com uma operação do Corpo de Bombeiros que fiscalizou 15 estabelecimentos. Destes, oito foram interditados por inadequações em relação ao cumprimento das normas, principalmente as que foram estabelecidas por uma lei estadual aprovada em 2013, que endureceu as regras para o funcionamento deste tipo de estabelecimento. De acordo com o capitão Deoclides Silva da Rosa, comandante do Corpo de Bombeiros de Taquara, a ação desencadeada teve por objetivo a fiscalização extraordinária desses estabelecimentos. Ele destacou que, para o caso de danceterias, se um dos itens básicos de segurança e proteção contra incêndio estiver faltando, a regra é a interdição total ou parcial. Foram verificados itens como extintores, saídas, sinalização e iluminação de emergência, bem como o controle do material de acabamento e revestimento, entre outros sistemas. Segundo o capitão, dos 15 estabelecimentos fiscalizados, cinco estavam de acordo com a legislação. Os estabelecimentos interditados foram: Sociedade Fama Sport Clube (Três Coroas), Boate Taft Mahaus e Manos Bier (Igrejinha), Boate Las Vegas (Parobé) e Boate Calypso, Boate América, Bar Cardoso (Xurupitas) e Mariah Clube, em Taquara. De acordo com o comandante, estes estabelecimentos foram interditados, principalmente, porque não possuíam extintores ou estes estavam vencidos, assim como nenhum possuíam sinalização e iluminação de emergência e laudo de controle de material de acabamento e revestimento. O comandante frisou que a corporação de Taquara, responsável pela fiscalização na região, está à disposição da comunidade.

Prêmio Professor Inovador terá duas etapas este ano

Deoclides fez um alerta aos proprietários de estabelecimentos comerciais, boates, bailões, casa de shows, que necessitam se adequar à legislação o mais rápido possível. “Todos precisam se conscientizar de que é necessário fazer o plano contra incêndio, para, depois disso, o Corpo de Bombeiros conceder o alvará. Somente assim, as prefeituras poderão conceder o alvará de funcionamento dos estabelecimentos”, explicou o capitão. Mais informações pelos telefones 3542-1110 e 3542-4064.

CONTRAPONTO - O representante do Mariah Clube, de Taquara, Arcelino Johann, informou ao Panorama que o estabelecimento respeita o trabalho do Corpo de Bombeiros e concorda com a fiscalização e a exigência dos itens de segurança, mas discorda quanto ao método, provocando a interdição durante o funcionamento da casa noturna. Contudo, Johann informou que o Mariah está cumprindo as normas de segurança contra incêndios, pois a direção é rigorosa quanto a estes critérios, sendo que a interdição foi causada por problemas burocráticos. O representante do estabelecimento informou que a adequação está sendo providenciada pelo Mariah e o funcionamento voltará ao normal em no máximo duas semanas. Além disso, Johann ponderou que as leis vêm sendo alteradas rotineiramente na questão da prevenção de incêndios, o que provoca divergências de interpretação. Frisou, porém, que o Mariah cumprirá todas as exigências dos bombeiros para a segurança dos seus clientes. - Panorama não conseguiu contato com as demais casas noturnas citadas nesta reportagem.

Campanha para doação de medula tem apoio de 300 voluntários TAQUARA - A campanha para doação de medula óssea foi realizada com sucesso na terça-feira, dia 2, com o cadastro e coleta de doadores voluntários, no campus das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), e participação da equipe do Hemocentro do Rio Grande do Sul. Centenas de pessoas atenderam ao chamado para fazerem a doação, conscientes de que poderão salvar muitas vidas com este gesto de solidariedade. No total, foram 300 doadores, atingindo o número máximo estabelecido pelo hemocentro para coleta fora de sua base, antes mesmo do horário estabelecido pelos organizadores da campanha na Faccat. No final da tarde, um grande número de pessoas da comunidade, alunos e funcio-

nários da instituição já formavam uma grande fila para colaborarem com a campanha, confirmando o sucesso da iniciativa que integra projeto desenvolvido pelos acadêmicos da disciplina de Empreendedorismo, ministrada pela professora Carine Backes, dos cursos de Administração e Turismo da Faccat. “Vieram pessoas da comunidade de vários municípios da Serra, Vale do Paranhana, Vale do Sinos e litoral”, ressalta Carine Backes, elogiando o fato do projeto ter sido desenvolvido por alunos que participaram de todas as etapas e aplicaram conhecimentos adquiridos em sala de aula, além dos colaboradores de outros cursos, numa atividade multidisciplinar, e dos patrocinadores que apoiaram o evento. Regina Heidrich, 53 anos,

Divulgação/Roseli Santos

REGIÃO – Maior distinção reconhecedora das praticas educativas na região, o Prêmio Professor Inovador do Vale do Paranhana chega a 4ª edição com uma novidade importante: a partir desse ano, o concurso será dividido em duas etapas, municipal e regional. A novidade foi anunciada na manhã de quarta-feira, no Centro Educacional Índio Brasileiro Cezar, pela coordenadora do certame, Liege Brussius. Os trabalhos, primeiramente, deverão ser encaminhados para as secretarias municipais entre os dias 1º e 13 de agosto. Caberá aos avaliadores locais selecionarem os melhores entre as categorias de educação infantil, anos iniciais e finais do ensino fundamental e ensino médio. Os quatro melhores de cada cidade, então, serão enviados para representantes da Agenda Paranhana 2020, organizadora do

Fotos: Cristiano Vargas

Liege: quem ganha com o prêmio é toda a comunidade escolar

evento. Dos 24 trabalhos reunidos na etapa regional, sairão os vencedores de cada categoria. Conforme a coordenadora Liege, essa nova formulação proporcionará a melhor apresentação e defesa dos trabalhos, possibilitando visitas às escolas para

acompanhar de perto o funcionamento das atividades inscritas. Os cadastros para a etapa regional serão entre os dias 15 e 16 de setembro, e encaminhadas pelas secretarias municipais. A solenidade de apresentação dos finalistas será em Rolante, em outubro, com dia e horário a serem definidos. Para Liege Brussius, as equipes diretivas e coordenações pedagógicas de cada escola, com o apoio das secretarias da educação municipais, devem auxiliar os professores na melhor descrição de cada projeto elaborado. Isso, na argumentação dela, contribuirá para um melhor conhecimento dos jurados sobre a importância e resultados de cada iniciativa. “O prêmio é do professor, mas quem ganha é a escola, são os alunos, a comunidade”, enfatizou.

Taquara receberá inscrições até 13 de agosto TAQUARA – Representantes de educandários taquarenses reuniram-se para receber as primeiras orientações sobre o Prêmio Professor Inovador. O encontro aconteceu na manhã de quarta-feira, no Centro Educacional Índio Brasileiro Cezar. Poderão inscrever-se projetos voltados a práticas transformadoras e que tenham resultado no de-

senvolvimento pedagógico, social e humano dos estudantes. Para o secretário de Educação, Cultura e Esportes, Antônio Edmar Teixeira de Holanda, a iniciativa serve de estímulos para que as escolas aumentem o desejo pelos projetos educativos, reconhecendo as melhores práticas. Ele ressalta que a cidade conta com boas ini-

Equipe de alunos da Faccat elaborou o projeto

contadora em Taquara, foi uma das voluntárias doadoras. “Podendo ajudar, não custa nada. Só faz bem para a gente. Um dia eu também posso precisar”, disse. Já Angelito Scherer, 44 anos, instrutor de trânsito em Três Coroas, veio fazer o cadastro de doador incentivado por um colega de trabalho. “Há pessoas esperando na fila”,

lembrou, dizendo que as doações sempre podem ajudar alguém. Roberta Raymundo, 38 anos, consultora de vendas em Taquara, também fez o cadastro, feliz com o gesto e com a possibilidade de poder ajudar o próximo. “Me coloquei no lugar no quem precisa e imaginei que ninguém está livre de um dia precisar também”, enfatizou.

prestou uma homenagem aos 18 acadêmicos do PIBID e aos professores que trabalharam na organização da jornada, destacando que, ao longo de sua existência, o Curso de Matemática da Faccat já formou mais de 100 docentes. Zenar acredita que, graças a essa evolução no aprendizado, a Matemática vem sendo vista de outra maneira e não esteja mais atemorizando tantos os alunos quanto anos atrás. Já o diretor-geral da Faccat, Delmar Backes, ressaltou a pluralidade da plateia, formada por alunos do Ensino Médio, acadêmicos e profissionais graduados e pós-graduados. “O papel do professor é fundamental para o aluno gostar de estudar Matemática”, enfatizou. A palestrante convidada para a abertura da jornada foi da professora Ana Ruth Starepravo. Ela afirmou que é preciso tirar o aluno do papel de espectador e lhe con-

ferir papel mais ativo no ensino aprendizagem. Ana Ruth ainda apresentou dados de uma pesquisa indicando que 76% dos alunos do Ensino Fundamental brasileiro, numa escala de 1 a 6, encontram-se no nível mais baixo. Segundo ela, os alunos têm dificuldade de estabelecer relações do que aprendem na sala de aula com a vida real, daquilo que eles precisam no dia a dia. “Isso se deve a um modelo arraigado de ensino que se baseia na apresentação do conceito, exemplificações e exercícios de fixação. O bom professor não é aquele que sabe explicar a matéria. Ele precisa fazer o aluno estabelecer as relações, levar em conta o sujeito que está aprendendo”, exemplificou a palestrante. Durante os três dias do encontro ainda ocorreram oficinas, mesas redondas e comunicações orais com apresentação de trabalhos vindos de vários estados.

REGIÃO – As escolas de toda a região podem agendar horário para visitar a exposição Viagem ao Mundo de Candinho, que ocorrerá de 22 a 26 deste mês, na Biblioteca do Serviço Social do Comércio (Sesc) Taquara. Os agendamentos para conhecer 25 gravuras do artista plástico Cândido Portinari devem ser feitos no Sesc (Júlio de Castilhos, nº 2835). A Exposição Viagem ao Mundo de Candinho fala sobre a vida e obra de Cândido Portinari – considerado um dos artistas brasileiros mais prestigiados internacionalmente. Ele pintou quase cinco mil obras de pequenos esboços e pinturas de proporções padrão, como “O Lavrador de Café”, até gigantescos murais, como os painéis “Guerra e Paz”, presenteados à sede da ONU em Nova Iorque em 1956 e que, em dezembro de 2010, graças aos esforços de seu filho, retornaram para exibição no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Mais informações sobre a exposição podem ser obtidas junto ao Sesc Taquara, pelo telefone

ciativas, e mostrou-se aberto para auxiliar os educandários na apresentação das propostas. As inscrições da etapa municipal iniciam em 1º de agosto e seguem até o dia 13 do mesmo mês. Uma comissão formada por oito avaliadores escolherá os melhores das categorias educação infantil, anos iniciais e finais do ensino fundamental e ensino médio.

Holanda: cidade conta com boas iniciativas educacionais e que serão exploradas no concurso

e depois as crianças associam o que viram aos personagens dos gibis que temos aqui”, ressaltou, ao lembrar que também são feitos trabalhos de conscientização com os pequenos sobre os cuidados de conservação dos livros. Na terça-feira desta semana, alunos da escola Luiz Behs divertiram-se durante a visitação.

Campeonato de Laço busca integrar cidades do Paranhana TAQUARA – Neste domingo, a sede campestre do CTG O Fogão Gaúcho sediará a primeira etapa do Campeonato de Inverno de Laço da 22ª Região Tradicionalista. A 23ª edição do evento contará com mais três etapas, que ocorrerão no dia 21 junho, no CTG Querência do Mundo Novo, em Três Coroas, e nos dias 5 e 19 de julho, no Piquete de Laçadores Três Estâncias, no parque de eventos Vitor Mateus Teixeira, em Rolante. Segundo o diretor campeiro da 22ª região, Marcelo Moraes, a competição deverá iniciar às 8h30min, contando com a participação de 40 equipes, com dez laçadores cada, em diversas categorias. A abertura oficial está

prevista para ocorrer a partir das 13 horas, contando com a participação de autoridades municipais de toda a região. O homenageado desta edição do Campeonato será Nílson Smaniotto, um dos idealizadores do evento. Para Marcelo, além de valorizar a tradição, o evento tradicionalista custará cerca de R$ 75 mil reais, sendo custeado através dos valores das inscrições e também de parceria com os CTGs da região. Para que seja possível prosseguir com a realização do campeonato, o diretor ressaltou a importância de parcerias com as administrações municipais, para que seja possível baratear o valor das inscrições, atraindo mais participantes.

IGREJINHA – Foi publicada, no Diário Oficial da União, na segunda-feira, portaria de autorização para mais um curso superior de graduação na Faculdade Tecnológica Dental Ceeo, em Igrejinha. Será o curso de Tecnologia em Eventos, com quatro semestres de duração. A novidade estará disponível com processo vestibular em 11 de julho, oferecendo 48 vagas. De acordo com o diretor da Faculdade, Duarte Matzenbacher, o curso tem como objetivo preparar o estudante para a formatação de grandes eventos, seguindo a legislação em vigor. A ideia é que o acadêmico tenha todo os conhecimentos a fim de evitar episódios como o

acontecido na Boate Kiss, em Santa Maria. De acordo com Duarte, o primeiro vestibular terá prova de redação, a partir das 9 horas, e as inscrições estão em andamento. A expectativa do diretor da Faculdade é de que o curso tenha boa aceitação, pois se trata de uma novidade na região, que tem várias empresas dedicadas à realização de eventos. Além disso, a procura tem sido considerável, em função da proximidade do Vale do Paranhana com a Serra Gaúcha, um polo de realização para diversas promoções. Mais informações sobre inscrições pelo telefone 3545-1227 ou no site www.fatecdental. com.br.

Rolante ganhou prêmio pela educação infantil

Os pequenos da Luiz Behs após a hora do conto

3541-2210. A unidade também tem realizado momentos literários com crianças de educandários da cidade. A auxiliar de biblioteca e contadora de história, Karen Müller Diedrich, lembra que as atividades buscam despertar o lúdico e interesse pela leitura. “Temos o cine gibi, em que assistimos alguns desenhos

9

MEC aprova curso de eventos na Fatec Dental

Sesc oferece visitação para escolas conhecerem obras de Portinari

Matemática promoveu Jornada Pedagógica na Faccat A V Jornada Pedagógica de Matemática do Vale do Paranhana (JOPEMAT) e I Encontro Nacional do PIBID/Matemática das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) foram realizados entre os dias 28 e 30 de maio no campus. O tema do evento este ano foi a “Educação Matemática em Foco: os significados do ensinar e aprender matemática”. Na abertura do encontro, no Clube Comercial de Taquara, o coordenador Zenar Pedro Schein destacou que, inicialmente, a jornada reunia apenas profissionais da região. “Com o passar dos anos, o evento se tornou maior e mais qualificado”, salientou ele, lembrando a presença neste ano de participantes de vários municípios da região e da Grande Porto Alegre, além de outros estados, como Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Ceará. Na ocasião, o coordenador também

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

ROLANTE - O Tribunal de Contas do Estado e o Ministério Público realizaram, na terça-feira, homenagem a municípios gaúchos com destaque no atendimento às demandas de educação infantil. Na região, Rolante foi o único município homenageado pelos dois órgãos. O prefeito Ademir Gonçalves recebeu a distinção, juntamente com a secretária de Educação, Eunice Salim Silveira. Também participaram a supervisora da Secretaria de Educação, Patrícia Castilhos dos Reis, a diretora da Escola Municipal de Educação Infantil Raios de Luz, Janice Oliveira, que representou as demais diretoras dos educandários rolantenses. A entrega do diploma foi realizada pelo procurador-geral de Justiça, Eduardo de Lima Veiga, e pelo presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Cézar Miola. Os dois salientaram que o foco da homenagem é valorizar as boas ações desenvolvidas pelo município. Para o prefeito Gonçalves, a homenagem é motivo de orgulho. “Isto mostra que estamos no caminho certo e sempre buscando oferecer um atendimento cada vez melhor às nossas crianças”, salientou o chefe do Executivo. “Esta homenagem representa o valor que a administração está dando à educação como um todo, mas especialmente ao ensino infantil, que tem um investimento alto e que se prima pela qualidade, com a assistência pedagógica e psicológica, com pais e alunos. O trabalho, quando é sério, dá resultados. Trabalhamos muito para conseguirmos isto. Hoje, a exigência nacional é que se atenda 50% das crianças de zero a três anos e nós atendemos 59,09%. De quatro a seis anos, atendemos 100% das crianças. Atribuímos esta conquista, também, aos nossos parceiros, que são as escolas conveniadas e o trabalho intersetorial de toda a administração. Isto faz a diferença”, comentou a secretária de Educação, Eunice Salim. Divulgação/Edna Cardoso

Marcio Renck

Autoridades rolantenses receberam distinção do Tribunal de Contas e Ministério Público

Marcelo Moraes: é preciso de incentivo para estimular e preservar a tradição

LOTEAMENTO - No dia em que o município completou 51 anos, na segunda-feira, a Prefeitura de Igrejinha realizou a inauguração da pavimentação com blocos de concreto e o passeio público do Loteamento Leane Jung, no bairro Garibaldi. A obra teve um investimento de R$ 347.973,21 em parceria do Executivo com o governo federal, por meio de emenda parlamentar da senadora Ana Amélia Lemos (PP). Durante o seu pronunciamento, o prefeito Joel Wilhelm ressaltou o crescimento de Igrejinha, apontando a importância de um trabalho conjunto de todas as secretarias e departamentos em busca do desenvolvimento do município.


Diet

10 Sexta-feira, 5 de junho de 2015 Divulgação

Organizadores e participantes do Sarau no encontro do último dia 28

Sarau no clima dos Anos 60 TAQUARA - O clima dos anos 60 tomou conta do Sarau com Café, realizado no último dia 28, com a participação especial da banda Os Cadillacs, que tocou e comentou os clássicos da época, interpretando canções de artistas como Roberto Carlos, Erasmo Carlos, Wanderléa, entre outros. Os blocos de leitura também priorizaram textos relacionados, enquanto o público interagiu, inclusive com alguns trajados com roupas da época, em sintonia com o tema. O encontro culminou com várias histórias comentadas e relembradas ao longo do sarau e com a música de Maria de Lurdes Ludwig e Cilsa Costa, que interpretaram canções dos Anos 60, outras de autoria própria e do repertório gauchesco, em clima de descontração total. A banda Os Cadillacs, integrada por Liziane Klein (voz e backing), Mariane Oliveira (voz e backing), Vinicius Becker (voz e backing), Orlando Stumpf (violão), Álvaro Paz (teclado), Matheus Santos (baixo) e Otávio Rodrigues (bateria), foi a atração da noite. “Sempre somos surpreendidos positivamente a cada sarau com os nossos convidados, que nos encan-

tam com seu talento e energia”, diz a jornalista Roseli Santos, lembrando que cada encontro é único e uma nova e enriquecedora experiência compartilhada por todos. Os organizadores reforçaram que ainda estão abertas, até o dia 15 deste mês, as inscrições para o concurso literário do Sarau com Café alusivo ao Dia dos Namorados. Os interessados podem participar nas categorias contos, crônicas e poesias, enviando seus textos para o e-mail saraucomcafe@gmail.com. Haverá premiação para os três primeiros colocados entre todas as categorias, que serão conhecidos no sarau do dia 25, às 19h30min, no Café Bistrô Doce & Delícia (rua Guilherme Lahm, 1297). Os melhores textos serão selecionados por uma equipe de professores do Curso de Letras das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat). A premiação aos vencedores será oferecida pela Loja Quem Te Viu, Quem Te Vê, por Rosa Maria Pandolfo Paz e pela Estética Sandra e Carla. O sarau é organizado por Roseli Santos, Taína Lauck, Rafael Tourinho Raymundo, Ilana Lehn e Gustavo Linden Albert. A entrada é gratuita.

Evangelizar pela Música PAROBÉ – O projeto Evangelizar pela Música deverá movimentar a comunidade católica neste final de semana. No domingo, acontecerá a 4ª edição da Colmeia da Canção Católica e o 6º Festival de Música Católica (FIMUC), no ginásio esportivo da Paróquia São João Batista. A programação inicia a partir das 8 horas, com a celebração de missa na Igreja Matriz, seguido de adoração durante todo o dia. As apresentações dos grupos concorrentes na 4ª Colmeia iniciam por volta das 11 horas. Ao meio dia, será servido almoço de confraternização. As apresentações de teatro e dança do FIMUC começam às 13 horas. Por volta das 17h30min, haverá a entrega dos certificados

e troféu de melhor torcida aos participantes do FIMUC e as premiações da 4ª Colmeia. A Comissão Organizadora definiu que a premiação da melhor torcida será somente em troféu e que toda a programação será de entrada franca e sem venda de bebida alcoólica. Segundo o pároco da Comunidade São João Batista, padre Miguel Arnold, o projeto Evangelizar pela Música tem sido um grande referencial nas apresentações por parte dos segmentos da Paróquia em música, dança e teatro. Para o coordenado do projeto, Geraldo Antonio Both, os festivais da Paróquia São João Batista são muito importantes para o crescimento das pastorais de música em várias capelas.

Concurso Literário Faccat – Jornal Panorama terá tema “40 anos: lembranças e significados”

REGIÃO - Já pensou em como será a vida aos 40 anos? Se já chegou nessa idade, como espera encontrar o mundo daqui a quatro décadas? Será quarenta a metade da vida ou só o início dela? Refletir sobre o quadragésimo ciclo de algo do passado ou do presente é o desafio lançado para o Concurso Literário Faccat – Jornal Panorama. Em 2015, Jornal Panorama completará a 40ª primavera desde a fundação, em 27 setembro de 1975. A ideia da temática deste ano – “40 anos: lembranças e significados” –, conforme conta a professora do curso de letras da Faccat, Luciane Maria Wagner Raupp, é de alinhar o aniversário de quatro décadas de Panorama a um assunto que desperte interesse nos participantes. “Uma dica é pesquisar sobre o que estava acontecendo no mundo 40 anos atrás, como

também pensar no que significa ter 40 anos, o que essa fase da vida representa”, aconselha a educadora, que recentemente completou o quadragésimo aniversário. O concurso de 2015 traz novidades importantes. As inscrições já estão abertas e seguem até o dia 8 de agosto, valendo apenas para moradores das cidades do Vale do Paranhana, bem como acadêmicos e ex-alunos das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), independente de onde residam atualmente. Esta iniciativa, como salienta Luciane, visa a oportunizar e reconhecer talentos locais. Em sua 14ª edição, a idade mínima estipulada para autores é de 15 anos. A disputa é vedada, também, aos vencedores de 2014 na mesma categoria em que foram premiados. A participação poderá ser apenas individual, nas mo-

dalidades conto, crônica e poema, podendo o inscrito concorrer em todas as categorias. Uma das obrigações do regulamento é quanto ao ineditismo das produções, que não podem ter sido publicados. Os textos deverão conter, conforme lembra Luciane, um pseudônimo, diferente do nome do autor ou, de alguma forma, identificá-lo. A seleção inicial dos melhores trabalhos será feita por professores de Língua Portuguesa e Literatura que levarão em conta a criatividade, coerência ao tema escolhido, estrutura do texto, adequação de linguagem e correção gramatical. “É um dos concursos de maior visibilidade na área na região do Vale do Paranhana”, pontua a educadora. Os trabalhos deverão ser entregues no setor de protocolo da Faccat ou na sede da Rádio Taquara/Jornal Pano-

Exposição na Câmara mostra região como cenário de história em quadrinhos IGREJINHA – Pelos corredores da Câmara de Vereadores, há civis com super poderes. Eles lutam contra vilões, defendendo seus ideais e usando nossa região como cenário para a história e batalhas. Trata-se da exposição do artista e ilustrador Gê Mendes no Espaço Arte, do Legislativo. O espaço segue aberto à visitação gratuita até o próximo dia 10. Além de expor originais de sua revista Legado, cuja história está referida acima, ele trouxe desenhos seus que foram usados em outros trabalhos, como no livro Anjos Também Usam Boné, cartazes, materiais publicitários, ilustrações pessoais e também originais da Guardiões, outra revista sua com propósito e narrativa similares ao da Legado. Geraldo Mendes é mineiro, natural do interior, mas logo mudou-se para Belo Horizonte. Começou a desenhar quando tinha sete anos, por inveja do irmão Rodrigo, dois anos mais velho. “Eu era moleque e só queria saber de brincar de bola. Um dia estava na casa dos meus avós e havia uma aglomeração em volta do meu avô. Todos olhavam admirados um pedaço de papel, com um desenho do Robocop, feito pelo meu irmão. Eles estavam encantados e eu pensei que também era capaz de fazer aquilo, e até melhor. No fundo,

rama. Eles também poderão ser enviados pelo correio, para os endereços: Faccat – Faculdades Integradas de Taquara (Curso de Letras), Av. Oscar Martins Rangel, 4500 - Campus FACCAT, Taquara/ RS, CEP 95600-000, ou Jornal Panorama/ Rádio Taquara (Concurso Literário), Rua Rio Branco, nº 1006 – CEP: 95600-000- Taquara-RS. Serão premiados com R$ 500,00 os melhores textos do concurso nas três categorias – conto, crônica e poema. Também receberá prêmio o vencedor em primeiro lugar geral (R$ 1,5 mil), segundo e terceiro lugar geral, com bonificação de R$ 1 mil cada. O regulamento completo você confere no site do Jornal Panorama (www. jornalpanorama.com.br). O concurso conta com o apoio de Jornal Panorama, Faccat e Fábio Brack Advogados Associados.

Guilherme Augusto

Gê olhando um de seus desenhos, que contam a história da revista Legado

também queria aquela atenção para mim”, comentou. Nesta época, Gê resolveu desafiar o irmão, que também era fã de revistas em quadrinhos. Então Rodrigo, autodidata como Gê, pediu que ele fizesse um desenho, apenas olhando para uma imagem e a reproduzindo no papel. Ficou impressionado com os traços criados pelo irmão mais novo, e lhe mostrou algumas coisas sobre o mundo dos desenhos. “Meu segundo mentor conheci um pouco mais tarde, chamava-se Otávio. Ele morava perto da minha casa e era um CDF e, como sua família tinha melhores condições financeiras que a minha, ele tinha várias revistas de

luxo, edições especiais, material de primeira. Também me levava para o centro da cidade, onde tive contatos com exposições e conheci outros ilustradores”, contou. Assim Ge sempre manteve-se próximo aos desenhos, fazendo de HQ’s uma boa companhia. Anos depois, em 2004, veio morar com a família na região, pois o pai trabalhou na construção da cervejaria Schincariol. Hoje vive em Três Coroas, desenvolve seu gosto por moda como professor de design para calçados, presta assessoria de estilo para uma empresa calçadista e, ainda, faz ilustrações para agências de publicidade e sob encomenda.

Revista Legado ganhará novas páginas A primeira edição da revista em quadrinhos foi criada entre 2012 e 2013, totalizando sete meses de produção. Com pouco mais de 30 páginas, todas coloridas, ela usa Três Coroas como cenário para a história e optou por dar mais enfoque à apresentação dos personagens. O ilustrador se inspirou em amigos para criar os heróis. Ao todo são quatro, e possuem superpoderes, mas vivem no anonimato, quase que em uma sociedade secreta. Então o vilão da trama, que também mora na cidade verde, apaixona-se pela mãe de uma das personagens e a rapta. Neste momento, os amigos se veem obrigados a defender ela e a cidade, passando e interagindo com

diversos pontos de Três Coroas ao longo dos quadros. Agora Gê pretende fazer uma nova edição, dando continuidade à história e usando outra cidade da região como pano de fundo para a trama. Esta terá mais ação e drama, com todos envolvidos já apresentados. Porém, para realiza-la, irá em busca de apoiadores para o projeto. “Estou terminando o roteiro e vou fazer os primeiros desenhos, para então procurar apoio. Quero fazer ela colorida, mantendo a qualidade da anterior. Caso não encontre o suporte necessário, irei disponibilizar a história on line, em versão digital e apenas em preto e branco”, contou o ilustrador.


Diet

11 Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Luciane Wagner Raupp (interina)

Érica Ostrowski

Olá queridos amigos,

No ano passado, Dorokito ficou para o grupo do curta A partir de Agora

Dorothea prepara o IV Doroarte com mostra de vídeos e esquetes TAQUARA - O Centro Sinodal de Ensino Médio Dorothea Schäfke realizará, entre os dias 13 e 17 de julho, a quarta edição do Doroarte e da Mostra de Vídeos, além da primeira Mostra de Esquetes. Os alunos do 9° ano do ensino fundamental II e do ensino médio estão preparando documentários, propagandas e curtas-metragens, que deverão ser entregues até a próxima segunda-feira para avaliação dos professores. Os melhores trabalhos serão apresentados no Centro Cultural Índio Brasileiro Cezar (antigo Cine Viena). A programação contará também com Sarau e Show de Talentos. Segundo a professora, Ângela Soder, responsável pelos curtas-metragens dos

segundos anos do ensino médio, a produção dos curtas deverá ser baseada em obra literária brasileira, e a propaganda será de temática livre. Os documentários abordarão o tema sustentabilidade. Além de Ângela, fazem parte da organização do evento os professores, Rejane Fontoura Nunes (documentários), Osmar Nery Arend (curtas dos primeiros anos do Ensino Médio) e Ivan Terra (propagandas dos terceiros anos do ensino médio). Haverá premiação em todas as categorias, e o melhor curta-metragem participará da 7ª Amostra de Vídeos da Rede Sinodal de Educação (Amovise), que ocorrerá nos dias 22 e 23 de outubro, em Ivoti.

Concurso fotográfico de Rolante já recebe inscrições ROLANTE – Organizado pela Sicredi Nordeste em parceria com a Foto Both, a terceira edição do concurso fotográfico “Um olhar sobre Rolante” está com as inscrições abertas. Fotógrafos amadores e profissionais podem se inscrever até o dia primeiro de setembro, devendo encaminhar as fotos pelos Correios ou entrega-las na Superintendência da Sicredi Nordeste RS ou na Foto Both. O concurso tem como objetivo homenagear o município com amor e orgulho, pelo seu aniversário de 60 anos, com fotografias que retratem os Patrimônios Imaterial ou Material de Rolante. Ele estará dividido nas categorias Geral e Escolar. Na primeira, o vencedor receberá prêmio no valor de R$ 1.200,00; o segundo ganhará prêmio no valor de R$ 800,00; e a bonificação do terceiro será no valor de R$ 500,00. A melhor fotografia eleita por

voto popular também receberá R$ 500, e todos estes receberão troféus. Já a Escolar se dividirá em subcategorias (Infantil, Mirim e Juvenil). Os primeiros colocados receberão kit contendo filtros e lentes para celulares e câmeras compactas, bem como outros brindes e acessórios fotográficos. Além disso, ganhará troféu e a turma do aluno receberá um Passeio Cultural. Aqueles que conquistarem os segundos e terceiros lugares receberão troféu e poderão participar do passeio com os alunos ganhadores. A novidade, em 2015, é que a escola que tiver mais alunos inscritos no concurso ganhará uma câmera digital e troféu destaque. O regulamento completo pode ser encontrado na página “Um Olhar Sobre Rolante”, no Facebook, ou solicitado através do email contato@umolharsobrerolante.com.br.

Cabeleireiros e Maquiadores Trabalhar na área da beleza e bem estar é um presente, pois estamos na vida das pessoas, nos seus melhores e mais importantes momentos. Colocam em nossas mãos a cereja do bolo, a própria decoração. Quando somos eleitos para o grande dia, é uma responsabilidade e muita emoção. Isto não tem preço. Vai além da escolha profissional apenas. E quando já se tem um caminho percorrido, a história vai ficando cada vez mais rica e os fatos, por si, acabam trazendo frescor da atualidade com a nostalgia do tempo passado. Estou emotiva? Sim, estou, e é fácil de entender. Ser escolhida para a produção visual de uma debutante quando já fiz isto em sua mãe, a vi nascer e tenho um pouquinho de mim e dos meus nesta trajetória me emociona muito. Passa um filme na cabeça, com todas as lembranças, queridas, sérias ou engraçadas, expectativas realizadas, e outras em caminhos totalmente inesperados, mas cheios de carinho e amor fraterno. Uma cliente de um dia especial que acabou entrando além da porta do salão, entrou no meu coração e faz parte da minha família há uns 20 anos. Quem de nós não têm uma história linda de amigos clientes e clientes amigos, que viraram compadres, padrinhos, irmãos ou filhos?! E é isto que faz a diferença: a emoção. Tudo que se faz com emoção tem melhor resultado, e na nossa área é quase natural este sentimento. Basta deixar fluir e, ao meu ver, temos uma das mais leves e belas profissões do mundo. Não podemos esquecer isto quando o artista liga o piloto automático e fica apenas no modo empresário. Nossa obra é de arte. Então, queridos colegas, principalmente os que estão chegando agora, com o brilho no olho, modernidade, tecnologia e cosmetologia a seu favor: não negligencie as relações humanas deste momento. Curtam cada produção, envolvam-se com cada cliente em seus dias especiais, cuide de cada detalhe como se fosse seu. Isto é o que ficará pra sempre na memória deles e na nossa, e fará diferença na escolha emocional das próximas produções de suas etapas importantes. Podem perguntar a qualquer dos profissionais há mais tempo no mercado. É mágico. Só o tempo mostrará. Tudo tem os dois lados na vida, e este é o bom da experiência! Sou grata, por ser escolhida e me sinto honrada por fazer parte de lindos momentos de vida! Muitas emoções! E aproveito para parabenizar Maria Fernanda BIKI Campana pelos seus 15 anos! E a orgulhosa Lisi Campana, por estas filhas amadas!

O Fusca Um dia após o Natal, a notícia arranca o menino do mundo dos carrinhos e do Hering Rasti. Ele solta uma exclamação: - Não, eu não quero ser tio! O guri chora. Não, não vai ao hospital ver sobrinho nenhum. Mas por quê? Só o pai entende a resposta soluçada: - Só tenho seis anos. Não quero ser velho. O pai abana a cabeça, orgulhoso da engenhosidade do futuro engenheiro. Não, ele não ficaria velho. Nem morreria logo. Ninguém morreria: nem o guri, nem o pai. Era promessa selada com surpresa. O pai leva-o até a frente da casa, de olhos tapados pelas mãos calejadas. O menino ouve o ranger do portão, o pai destapa os olhos do filho e anuncia: - É nosso! Um Fusca. Azul, mas um Fusca! Estalando de novinho. O vizinho grita um cumprimento, no que o pai responde: - Anota, aí! 1974 foi meu ano: fico avô e compro com Fusca estalando de novinho! Feliz ano novo pro Senhor também. O rapazinho esquece a velhice súbita. Embarca no carro. Que importa se o destino é o hospital? A mãe senta ao lado do pai. Ela puxa o espelho retrovisor e retoca o batom, que podem fazê-la avó, mas velha, acabada, nunca. O sobrinho até que era bonitinho. O pai agora é avô. Fica mais doce. Aposenta-se. O Fusca anda, todo dia. Missa, casa de amiga da mãe, chácara da vizinha, missa, casa, aniversário do neto, formatura do Primeiro Grau do rapazinho. Os filhos resolvem trabalhar longe. O rapazinho resolve estudar longe. O Fusca muda de garagem, de estado. Todos mudam de casa. O Fusca leva as malas. Leva os netos para escola. Passeia. Todas as tardes. Cuida dos netos à noite. O Fusca precisa de chapeação. O rapazinho trabalha, o rapaz paga. O Fusca, orgulhoso, fica moderninho. Os netos, meia dúzia, bagunçam no carro. O avô, feliz, leva e traz. A avó senta ao lado do seu motorista. O rapaz compra um carro. Não um Fusca: nada de rivais. Um Gol, novidade sem graça. O rapaz casa, depois, se faz engenheiro. O Fusca, contrariado, fica na garagem, que o pai está muito emocionado para dirigir naquela noite de formatura. O Fusca teve ímpetos de ir sozinho, mas essa já é outra história. Certo dia, o Fusca se nega a sair da garagem. Rabugice tão aguda quanto a dor que o avô sentiu na cabeça. O avô cai de cama. O pai vira filho, criança de fralda. O Fusca não tem mais motorista, os netos, a mulher. Os netos não podem, não têm tempo. O rapaz decide pela venda, o doloroso pelo certo. O Fusca se vende para o vizinho da outra quadra. Lá de longe, os faróis redondos veem ambulâncias, carros de médicos, fonoaudiólogos, nutricionistas, fisioterapeutas. O Fusca se vende para um vizinho do outro lado da rua. Está mais próximo, mas não vê os carros dos netos. O Fusca se vende para o vizinho ao lado. Precisa ver o que está acontecendo. Os faróis alcançam seu dono. Piscam de raiva ao ver sua rival de duas rodas. O Fusca fumaça. Vende-se para o vizinho dos fundos. O Fusca espia o carro do rapaz. Vê uma cadeirinha de bebê. O novo dono pede para deixar o Fusca na garagem antiga. O motor estremece. Não, não pode. A mulher não tem como limpar suas manchas de óleo. O novo dono resolve vender o Fusca para o ferro velho. O Fusca tem medo do guincho. Colocamno sobre um caminhão. Não, ele não merece ser desmanchado. Quando pensa em queimar seus faróis, uma grande porta se abre e ele vê uma grande garagem clara e limpa. Nenhum cheiro de óleo. Uns equipamentos esquisitos. Seria o céu dos Fuscas? Reconhece uma silhueta e uma voz antiga: - Quero tudo original. E azul bem escuro, nada de azul Grêmio. Nem se façam de bobos.


12

POLÍCIA

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Manifestação pediu justiça pela morte de criança de 10 anos TAQUARA – Portando faixas e cartazes, familiares e amigos de Andriely Rodrigues, 10 anos, realizaram uma manifestação na manhã do sábado, na avenida Sebastião Amoretti. Eles lembraram os dois anos da morte da criança, atropelada por um automóvel desgovernado que invadiu a ciclovia no momento em que Andriely retornava para a casa acompanhada de sua avó, Maria Elvira Rodrigues. Nas faixas, o pedido de justiça pelo acidente. A manifestação teve início às 7h30min, horário próximo ao que o acidente ocorreu. Houve uma pequena caminhada pela ciclovia. No local em que o acidente foi registrado, no feriado de Corpus Christi de 2013, os manifestantes afixaram uma pequena cruz, com as iniciais de Andriely, que marcará para sempre a sua morte naquele ponto da avenida Amoretti. Depois de uma rápida oração, a manifestação foi encerrada. Não houve qualquer problema ao trânsito de veículos e o ato foi acompanhado por policiais rodoviários. Segundo apurou Panorama, o acusado do acidente que vitimou Andriely, Fabio Edson da Rosa,

Vinicius Linden

No local em que Andriely Rodrigues foi atropelada, familiares e amigos afixaram cruz com as iniciais do nome dela, para marcar pedido de paz no trânsito

responde a processo em liberdade. No ano passado, a Justiça de Taquara definiu que ele deverá ser submetido a júri popular, mas o réu recorreu ao Tribunal de Justiça, que desde o final de 2014 está com o processo, mas ainda não tomou uma decisão. Fábio tenta evitar o júri popular pela acusação de homicídio. Em depoimento no processo, ele negou que estivesse alcoolizado, mas, dentro do carro, foram encontradas garrafas de whisky. Após o atropelamento, o automóvel em que Fabio estava só

parou no posto de combustível das proximidades, após bater contra um muro. A avó de Andriely, Maria Elvira, até hoje sofre consequências emocionais do acidente com a neta, que considerava sua filha. No sábado passado, ela disse que sequer recordava do ponto em que ocorreu o atropelamento. Emocionada, cobrou justiça pelo acontecido com sua família. Nas faixas, também um pedido de amigos e familiares de Andriely por paz no trânsito e mais cuidado por parte dos motoristas.

Homem morre atropelado na ERS-239 PAROBÉ - Um homem morreu em atropelamento na ERS-239, por volta de 22h35min da sexta-feira passada. O acidente foi registrado no quilômetro 44 da rodovia, próximo a Zé Pneus. Segundo o registro na Polícia Civil, a vítima, identificada como Claudinei da Silva, 41 anos, foi atingida por um automóvel Celta. O homem estaria caminhando pela rodovia. Depois do atropelamento, outros veículos também chegaram a atingir a vítima, mas fugiram. O motorista do Celta fez o teste do bafômetro, que apontou que ele não estava embriagado. O condutor também parou, acionou o Samu, os bombeiros e a Polícia Rodoviária, prestando socorro à vítima. O caso será apurado por meio de inquérito policial. Segundo as informações, no local do acidente havia muita neblina e também não há iluminação.

Em 10 minutos, dois estabelecimentos assaltados Adolescente TAQUARA - Num intervalo de 10 minutos, na sexta-feira passada, dois estabelecimentos comerciais foram alvo de bandidos. A Polícia Civil investiga a autoria de ambos os casos e conta, principalmente, com o depoimento de testemunhas e o uso de imagens de câmeras de monitoramento. O primeiro assalto aconteceu na Gastal Construtora e Incorporadora, por volta de 16h50min. A empresa fica situada na ERS-115, no bairro Santa Maria. Segundo a ocorrência policial, um bandido armado invadiu o setor de RH da empresa, usando uma touca ninja. O criminoso portava uma pistola e rendeu uma funcionária, pegando com ela o dinheiro que seria

utilizado no pagamento dos funcionários. Depois, o assaltante fugiu com o automóvel de propriedade da vítima, um Santana, placas IGB-8630. O carro foi abandonado no quilômetro 49 da ERS-239. Já o segundo roubo foi na Empresa Car, situada na rua Rockfeller, no bairro Empresa. De acordo com as informações da ocorrência policial, os bandidos invadiram a loja portando pistolas e revólveres. Eles renderam cerca de 10 funcionários e clientes e roubaram cheques e dinheiro. Os criminosos também pegaram pertences pessoais das vítimas. Após, fugiram num automóvel Agile branco, que foi abandonado dentro do bairro Empresa.

Apenado do semiaberto sofre acidente de carro IGREJINHA - Um apenado do regime semiaberto sofreu acidente após ser baleado no seu carro. O fato aconteceu por volta de 20h40min do domingo, no quilômetro 61 da ERS-020, na localidade de Lajeadinho. Segundo o registro policial, um apenado do regime semiaberto de Taquara se

deslocava com seu carro em direção ao Presídio. Ele contou que um veículo, que não soube reconhecer, tentou lhe ultrapassar e, quando estava ao seu lado, fez disparos contra a vítima. O apenado perdeu o controle do Chevette que conduzia, bateu contra um barranco e capotou o veículo.

OBITUÁRIO Falecimentos comunicados pela Rádio Taquara de 28/05/2015 a 04/06/2015

- 30/05 - Rivadavia Vargas Vasconcelos (Darico), 94 anos. Cemitério do bairro Santa Maria. - 31/05 - Simone Narciso, 43 anos. Cemitério Municipal de Taquara. - 01/06 - Leo Lahr, 71 anos. Cemitério Municipal de Taquara. - 02/06 - Jose Cyrillo Breitendach, 67 anos. Cemitério de Rochedo. - 03/06 - Maria Luiza de Paula Machado, 60 anos. Crematório Metropolitano Cristo Rei em São Leopoldo.

A vítima, de 29 anos, apresentava sinais de disparos no tórax, na perna e nas costas. Numa mochila dentro do seu veículo, foram encontradas duas buchas de cocaína, que foram apreendidas. O apenado foi conduzido ao Hospital Bom Jesus, para atendimento médico.

é baleado em Parobé

PAROBÉ - Um adolescente foi baleado por volta de 16 horas do domingo, na rua Treze de Janeiro, no Loteamento Hennemann. Segundo o registro policial, um adolescente de 14 anos foi encontrado pela Brigada Militar com um tiro no abdome. A vítima foi socorrida até o Hospital de Parobé, onde recebeu atendimento médico. Segundo o registro policial, um rapaz estava na casa de um amigo quando um indivíduo, que ele disse desconhecer, o chamou pelo nome. Ao se virar, ele foi atingido por um disparo. Após o tiro, o suspeito fugiu. A Polícia Civil investigará a tentativa de homicídio.

Família é detida por desacato e agressão a policiais militares PAROBÉ - Uma família foi detida por desacato e agressão a policiais em Parobé. O fato aconteceu por volta de 20h45min do sábado, na rua dos Trilhos, no bairro Guarani. A Brigada Militar procedeu abordagem num automóvel Vectra que estava sendo conduzido por um adolescente de 17 anos. Quando percebeu que seria autuado, o rapaz se irritou, ameaçou matar os

policiais, e disse que reclamaria na corregedoria. Depois, chegaram o pai e os dois irmãos do motorista, que também desacataram os brigadianos com palavras de baixo calão. Os policiais deram voz de prisão por desacato aos quatro, mas eles entraram em luta com os PMs Os quatro foram autuados por desacato, dano, desobediência, resistência, ameaça e lesão corporal.


ESPORTES

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Celso Scarpini visitou redação do Panorama e Rádio Taquara

Guilherme Augusto

TAC deve sediar próxima corrida no dia 21 deste mês TAQUARA – O Taquara Automóvel Clube viveu momentos tumultuados desde o dia 16 de abril, quando recebeu suspensão de 180 dias da Federação Gaúcha de Automobilismo. Em seguida, a então diretoria do clube renunciou, e coube ao TAC realizar eleição para eleger seus novos dirigentes. Depois, no dia 13 de maio, o clube teve sua torre de comando incendiada. Agora, o Taquara Automóvel Clube quer realizar corridas o mais cedo possível, e agendou a próxima para o dia 21. Entretanto, primeiro o clube deve preparar a pista e reerguer a torre de comando, tarefa liderada pelo novo presidente da entidade, Sér-

Sérgio comanda o clube com a tarefa de deixar pra trás momento tumultuado

gio Luiz Nunes Bernardes, de 54 anos. Segundo informou, a torre deve estar reconstruída até o início da próxima semana e ele próprio, que

é serralheiro, trabalhará na construção do telhado. “A chuva da semana passada nos atrapalhou, pois já queríamos estar com a torre pronta e faríamos a corrida no dia 14. Com o mau tempo e outra prova acontecendo no estado no mesmo dia, escolhemos esperar mais uma semana”, contou. Também na próxima semana acontecem as obras na pista, outra vítima das chuvas. “Será preciso patrolar tudo, corrigir buracos, pôr terra, limpar valos, tirar costeletas. Vamos contar com apoio do maquinário da Prefeitura”, informou. Quem realizará a corrida do dia 21 será a própria Federação Gaúcha de

Automobilismo, que trará um comissário e um diretor de prova. Sérgio acompanha o TAC desde sua primeira corrida, onde trabalhou como segurança. Entre 2010 e 2013, quando João Schuck era presidente, colaborou em diversos setores, como na bilheteria e reconstrução dos boxes. “O que tinha de acontecer de ruim já aconteceu, é passado. Agora estamos com uma equipe muito unida, em que todos caminham na mesma direção. O espetáculo depende de todos os pilotos, de todas as categorias, de todos os colaboradores. Vamos fazer acontecer”, finalizou o presidente.

Municipal de Futsal define campeões em Três Coroas TRÊS COROAS - Foi realizada, na última sexta-feira, a final do Campeonato Municipal de Futsal segunda divisão de Três Coroas. Na categoria masculina, a disputa aconteceu entre as equipes AUPF e Chapeação do Alemão B. A AUPF levou a melhor, fazendo o placar de 3 a 0 sobre o adversário. Já na final feminina a equipe Picollo venceu por 8x2 o time Quequedeuali, garantindo o troféu de campeã da categoria. A competição foi realizada pela Prefeitura de Três Coroas, através da diretoria de

13

Desporto. Na categoria Masculina, o terceiro lugar ficou com PI Lanches e o quarto com MDS, que também levou o troféu disciplina. O goleador foi Cristiano, do AUPF, com 14 gols marcados, enquanto a defesa do PI Lanches foi a menos vazada, com 15 gols sofridos. No feminino, o terceiro lugar ficou com a equipe Divas. Jenaína, com quatro sofridos, do Picollo, foi a melhor defesa, e a goleadora foi Gislaine, também do Picollo, com quatro gols marcados. Fotos: Divulgação

TAQUARA - O ex-atleta da seleção brasileira de basquetebol, Celso Scarpini, esteve em visita à redação do Jornal Panorama e Rádio Taquara, na semana passada. Scarpini está interessado em trazer para a Taquara o projeto beneficente “Bola na Cesta”, que tem como objetivo sociabilizar os moradores em um evento esportivo e distribuir brindes para os participantes. O projeto é itinerário e já tem 23 anos de estrada, passando por diversas cidades, beneficiando, conforme Scarpini, mais de 240 mil pessoas. O idealizador da iniciativa buscou referências em um evento similar nos Estados Unidos. Na atividade, são instaladas nove tabelas de três alturas diferentes, privilegiando desde crianças até adultos. “Acertou o cesto, ganhou o ticket para o sorteio”, explica. São sorteados e distribuídos aproximadamente 350 prêmios, entre 150 bolas de basquetebol, bicicletas, camisetas, bonés.

Cada evento chega a reunir cerca de três mil pessoas nas quatro horas de atividades – das 14 às 18 horas. Também há som para as pessoas curtirem e se animarem a participar. Todas as despesas da iniciativa são custeadas por patrocinadores, e é gratuito para a população. “Desperta o interesse das pessoas de todas as idades, e que qualquer tipo de público pode buscar seu objetivo dentro da área esportiva”, complementa. Natural de Porto Alegre, Scarpini iniciou a vida esportiva profissional na seleção brasileira adulta de basquete quando ainda tinha 17 anos. Naquela época, foi campeão Centro Americano, em Porto Rico. Em 1963, conquistou o campeonato Sul-Americano, em Lima, no Peru. No mesmo ano, logrou a vice-liderança dos Jogos Pan-Americanos, em São Paulo. O ex-atleta também foi convidado para acompanhar a comitiva brasileira nos jogos olímpicos de Londres, em 2012.

BUSCANDO + INFORMAÇÕES? Estas e mais notícias, na íntegra, enviadas pelas assessorias de comunicação das Prefeituras do Vale do Paranhana e de outros organismos públicos regionais são disponibilizadas diariamente no site AUPF venceu no masculino

Picollo se destacou no feminino

PARATLETA - O esgrimista taquarense Bruno Martins viaja para Curitiba, capital paranaense, na próxima quinta-feira, dia 11. Ele participará da segunda Copa Brasil de Esgrima em Cadeira de Rodas, que acontecerá entre os dias 11 e 14. O paratleta também está comercializando

uma rifa, para auxiliar em seus custos de transporte e passagens aéreas para as competições. Interessados podem entrar em contato pelo telefone 9645-2169, e falar com Claudia, mãe de Bruno. O primeiro prêmio será um televisor de 24 polegadas, e o segundo um tablet.

Classificados PANORAMA

LIGUE

3542.2288 para anunciar!

CRECI 23331-J | www.projeta.imb.br Rua Júlio de Castilhos 2689 Sala A Centro - Taquara – Fone 3541.5900 Ótima oportunidade: Terrenos no bairro Petrópolis com valor promocional. Área de 600m². VALOR: R$ 128.000,00. ► CASA EM CONDOMÍNIO, no bairro Santa Teresinha, com 2 dormitórios, condomínio com vigilância 24h. R$ 145.000,00

► SOBRADO, no bairro Jardim do Prado, 3 dormitórios, sendo 1 suíte, banheiro social, lavabo, estar/jantar, cozinha, área de serviço, churrasqueira e piscina. R$ 500.000,00.

PEDIATRA Dra. Adriana S. dos Santos CRM/RS36256 RQE26826

► APARTAMENTO NOVO, no bairro Petrópolis, 2 dormitórios, sendo 1 suíte com closet, banheiro social, estar/jantar, cozinha com churrasqueira e área de serviço. Garagem para 2 carros. R$ 265.000,00.

►CASAS GEMINADAS, no bairro Santa Rosa. São 2 unidades de 2 dorm., exclusivas na Projeta. R$ 120.000,00.

Consultórios:

Taquara - Rua Rio Branco, 1690 - Fone: (51)3542-1445 Sto. Antônio da Patrulha - Av. Paulo Maciel Moraes, 1013 Fones: (51) 9310-3924 / 9879-4741

► SALA COMERCIAL na Júlio, com ótimo espaço, climatizada, semimobiliada. Andar Superior. R$ 1.800,00.

ALICE

AQUI

Imobiliária Conveniada

PAROBÉ: TAQUARA: J. de Castilhos, 2663 Dr. Legendre, 37 i m ó v e i s Fone: 3541.0400 Fone: 3543.6588 CRECI 20.749-j

E-mail: aliceimoveis@aliceimoveis.com.br

VENDAS CASA, 3 DORMITÓRIOS, NO BAIRRO PETRÓPOLIS, COM 880,95M² DE TERRENO. R$ 300.000,00. CÓD 4368. - SALA COMERCIAL, com divisórias, piso laminado, no bairro Centro, com 62,46m² privativos. R$ 100.000,00. Cód 2941. - TERRENOS, bairro Santa Rosa, com aproximadamente 240,00m², rua bloquetada. R$ 60.000,00. Cód 4154 e 4155. - APARTAMENTO EM PAROBÉ, bairro Centro, 3 dormitórios e 2 vagas de garagem. R$ 450.000,00. Cód 4335.

LOCAÇÕES CASA, BAIRRO FOGÃO GAÚCHO, RUA FRIDOLINO FREIBERGER, 2 DORMITÓRIOS, SALA, COZINHA, ÁREA DE SERVIÇO, BANHEIRO, GARAGEM, PÁTIO FECHADO. R$ 700,00 + ENC. CÓD. 5201. - APARTAMENTO, bairro Centro, Rua Federação, com 3 dormitórios, sendo 1 suíte, sala, cozinha, banheiro social, área de serviço, churrasqueira na sacada, vaga para 2 carros. R$ 1.500,00 + encargos. Cód. 2122. - CHALÉ, bairro Morro do Leôncio, Rua Dezessete de Junho, com 2 dormitórios, sala, banheiro, cozinha, área serviço, pátio fechado. R$ 420,00 + enc. Código 4899.


social@jornalpanorama.com.br

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

14

Por Vanessa Wagner

ITÁLIA - Retornam neste sábado, de bons momentos e belas paisagens compartilhados na Itália, os casais Inge Dienstmann e Olavo Wagner, Michelle Sápiras e Édison Vara.

TAQUARA – Família Moura conferindo os tapetes de Corpus Christi: Márcia, Marcos, Rafaela e Mateus.

TAQUARA – Janaína Schneider, Clair Aguiar, Alice Lehnen e Cassiane da Rosa: confecção dos tapetes de Corpus Christi. JAluine Fotografia

RIO DE JANEIRO – A nutricionista Nicole Klein, que integra a equipe da Estética Sandra e Carla, participou do Arnold Classic Brasil, realizado no Rio de Janeiro, entre os dias 29 e 31 de maio. O evento, promovido pelo ex-ator e fisiculturista Arnold Schwarzenegger, tem foco na nutrição esportiva. Ricardo Santos

TAQUARA – Janete Fries aproveitando o feriado para passeio na companhia da filha Patrícia Fries e a neta Melissa.

Kátia Melo

SERRA – Ramon Bourscheidt e Viviana Volkart escolheram a Vinícola Ravanello, em Gramado, como cenário para o ensaio fotográfico pré-casamento.

“é

que eu

PRECISO DIZER

TAQUARA - Diego Scussiato e Márcia Brito casaram-se no dia 30 de maio, em cerimônia na Igreja Católica Matriz. Recepção para convidados aconteceu no Clube Comercial. Os noivos viajaram para Veneza em lua-de-mel.

TAQUARA – Biki Campana comemora seus 15 anos neste sábado, 6 de junho, recebendo convidados no Kirsch Eventos.

QUE TE AMO...”

Está na hora de tirar o sentimento do peito e revelar a todo mundo aquela declaração guardada há tempos. Neste próximo Dia dos Namorados, Panorama dará espaço para os corações enamorados revelarem suas paixões. As 12 melhores respostas serão publicadas na edição de 12 de junho, e as outras serão postadas no site do Jornal. Faça uma surpresa para seu namorado ou sua namorada! Declare-se, viva este amor e conte-nos em aproximadamente 500 caracteres o porquê de tanto amor. As mensagens devem ser enviadas juntamente com uma foto do casal para o e-mail namorados@jornalpanorama.com.br até o dia 7 de junho.

Não perca tempo, envie logo!

DRA. TERESA CRISTINA SOUZA REUNIU ALGUMAS AMIGAS PARA COMEMORAR SEU ANIVERSÁRIO, NO BOTECO DO SEBASTIÃO, NO DIA 28 DE MAIO.


15

social@jornalpanorama.com.br

Sexta-feira, 5 de junho de 2015

Por Vanessa Wagner

PERFIL

São Paulo Agenda de Shows JUNHO – VIOLETTA LIVE SETEMBRO – KATY PERRY SETEMBRO – QUEEN + ADAM LAMBERT SETEMBRO – ROD STEWART SETEMBRO – SYSTEM OF A DOWN

por Guilherme Augusto

ALESSANDRA RAMM Alessandra Beatriz Ramm é proprietária do restaurante Via Leoni, de Taquara. Natural do mesmo município, ela passou a infância em Igrejinha e hoje está com 38 anos. É mãe de Caroline Ramm, 21 anos, e Pedro Henrique, 12. É filha de Ivo Ramm e Judita Ramm.

3541.3127

Fale sobre sua trajetória: Como Igrejinha não tinha hospital na época, nasci em Taquara, mas vivia no município vizinho. Aos 14 anos passei a trabalhar numa loja de confecções, e desde então sempre atuei com o público e com vendas. Antes disso, trabalhei num atelier de calçados. Mais tarde casei e vim morar em Taquara. Já vivo há 12 anos aqui. Há cinco administro o Via Leoni (que possui 13 anos, ao total) onde já fiz de tudo. Comecei na balança, depois fui para o caixa, passei pela cozinha, e hoje me dedico a diversas funções, principalmente administrativas. TAQUARA – Mães e filhas: Laura e Cristina Salim, Vitória e Rita Candemil.

Qual o maior desafio de seu dia-a-dia? São vários. Ter seu próprio negócio, em um ramo concorrido, e estar sempre buscando um diferencial não é tarefa fácil. O desafio é tanto na gastronomia, procurando estar sempre inovando, buscando pratos e temperos novos, quanto no atendimento. Mostrar às pessoas a qualidade do serviço que elas têm à sua disposição e corresponder a suas expectativas. E no outro extremo: o que é mais gratificante em seu cotidiano? Costumo dizer que “a hora do show” acontece às 11 horas, quando “abrimos as cortinas” ao público. Não importa o que tenha acontecido naquele dia, se houve alguma dificuldade, algum tropeço, qualquer coisa que tenha se passado, seja na vida pessoal ou na profissional. Quando abrimos as portas tenho um sentimento muito bom, um “up”. É até difícil explicar. Sinto que aquele é o meu momento, sinto um astral muito bom. Recebo os clientes como se fossem convidados para minha casa, com atenção, oferecendo um café. Tenho a impressão de que não é um trabalho, mas algo muito prazeroso. É isto que me move.

TAQUARA – Helô e Hugo Quintanilla com os netos Murilo e Lucas Carrion. Murilo (no colo) aniversariou no feriado desta quinta-feira, completando 2 aninhos.

Qual seu hobby? Corrida, inclusive participo de um grupo, o Faccat / Energia Vital. TAQUARA – Eloísa Helena Schwartz com a filha Karen Schwartz e os netos Murilo e Benjamim.

E em seu tempo livre, o que gosta de fazer? Tempo o que? Brincadeira. Gosto de passear com meus filhos, e também de chamar as amigas para tomar um café. O que toca em seu rádio? Essencialmente, música gospel. Gosto muito de Gabriela Rocha. Um filme: Dirty Dancing - ritmo quente, de 1987. Um lugar: Gosto demais de estar no Farol de Santa Marta, em Santa Catarina. Também sonho conhecer Londres. Um sonho: São tantos. Além da viagem, também sonho em conhecer o Rio de Janeiro, em ter minha casa, em ter meu restaurante o mais belo possível.

TAQUARA – Cássia Rost e Cristiano Koch com Alex Parnoff e a filha Gabriela.

TAQUARA – Nilton Karnopp e Maria Carolina dos Santos com Manuela e Alana.

Ricardo Santos

Gabrielle Lima Fotografia

Em quem você se inspira? Em Deus. Ele é a base de tudo, é o que me move e dá forças. Tudo busco nele. Isso me conduz e sinto que nunca estou sozinha. Do que você ser orgulha? Ah, dos meus filhos. Eles são demais. São educados, queridos por todos.

TAQUARA – Valentina Kirsch teve seus 6 anos comemorados no dia 21 de maio, em festa planejada pelos pais Fernando Kirsch e Sandra Moraes, no Planeta Kids.

TAQUARA – Janaína Braun e Carlos Smaniotto comemoraram o segundo aniversário da filha Marthina, dia 30 de maio.

Deixe uma mensagem aos leitores do Jornal: Acredito que devemos ter sonhos, querer as coisas de coração para que elas aconteçam. Querer mais, almejar mais, não se acomodar, independente das circunstâncias. Acredito que este seja o caminho para irmos mais longe, para sermos indivíduos realizados.

Marechal Floriano, 1254 - Centro Taquara - 3542.6320


Fotos: Guilherme Augusto

PANORAMA Sexta-feira, 5 de junho de 2015 | www.jornalpanorama.com.br

Feira do Livro bate recorde e reúne 18 mil pessoas

Igrejinha Mix segue até domingo com extensa programação IGREJINHA – O Igrejinha Mix é mais um dos eventos que celebram o aniversário de 51 anos da cidade, e está acontecendo no Parque da Oktoberfest, de quarta-feira até este domingo. A multifeira setorial visa a apresentar à comunidade regional diversos produtos que compõem a economia do município, de móveis a artesanato, de agricultura familiar a pequenos animais. Também há programação cultural, com shows locais, nacionais e apresentações de grupos de danças folclóricas e de corais. No primeiro dia de evento houve programação gospel com shows das bandas Face Única e Opus Dei e na quinta aconteceu avaliação e premiação do concurso Música e Poesia. Hoje à noite, haverá shows de bandas de rock locais e mais tarde, às 23 horas, se apresentarão Armandinho e Banda. Amanhã, Giovani (da dupla com Gian) sobe ao palco às 20 horas e, no domingo, no mesmo horário, Gabriel Valim se apresentará. Também neste sábado acontece a solenidade de aniversário do município, que contará com corte de bolo com 51 metros, simbolizando a idade de Igrejinha. Também acontecerá solenidade sobre os 60 anos da Piccadilly, comemorados em 2015. As homenagens iniciam às 15 horas, com o corte do bolo às 16. Em seguida, haverá apresentações de grupos de danças, CTG’s, música sertaneja e Musical JM, às 18 horas. Além de novas apresentações folclóricas e de CTG’s, no domingo acontece show infantil da Peppa Pig, às 15 horas. O Igrejinha Mix é realizado pela prefeitura, com produção da Metrópole Eventos e patrocinado pela Schin, Piccadilly e Faccat. A entrada é franca, em todos os dias, para todas as atrações.

Ofertas válidas para 05/06 e 11/06/2015 ou enquanto durarem os estoques.

Desde 1997

DISTRIBUIDORA ATACADO VAREJO

EM NOVO ENDEREÇO: Av. Sebastião Amoretti, 2120, ao lado da Rodoviária de Taquara

1

2 ,69

,29 un. Refri Pepsi 350ml Fardo 12

un. Refri Pepsi 2 lts Fardo 8

0 ,89 un. Copo Mundial 200ml Caixa 24

21 ,90 un.

4 ,49 un.

Bala Mole Sortida 600g - Caixa 22

17 ,90

un. Stikadinho Morango c/50 Caixa 20

Bombom Ouro Branco 1kg - Caixa 10

Filial 1: Av. das Nações, 355 - Centro - Parobé Filial 2: Rua Júlio de Castilhos, 2340 - Centro - Taquara

Narete Santos participou de todas as edições feira igrejinhense. Ela é proprietária da Manas Livraria, junto da irmã Nádia Santos. “Somos a única empresa da cidade focada apenas em livros (que não trabalha como papelaria) e não podíamos nos afastar da feira. Acredito que todas as manifestações que levam aos livros são positivas, e que a nossa feira é um grande exemplo disso. Só creio, porém, que a feira deveria ser na praça, como antigamente, pois levaria o livro até os leitores, como acontece na Feira de Porto Alegre, por exemplo, invés de faze-los ir atrás das obras”, comentou.

fazem pensar”, comentou a coordenadora de eventos da SME, Débora Haack, que também elogiou o Bando Celta que, com sua apresentação, levou um trabalho pouco comum e muito cultural ao Parque. Outro ponto bastante lembrado desta edição foi a casa do autor e do patrono, por onde passaram os escritores que realizaram bate-papos durante a feira. “O local teve bastante visitação, e os próprios autores contribuíram para isso, pois tiravam fotos e as postavam em redes sociais, dizendo que estão no evento e como ele estava organizado e a cidade era acolhedora. Isso foi muito gratificante para nós”, comentou Débora, que ressaltou, ainda, que “o sucesso da feira é mérito de todo o município. Há uma grande mobilização nas escolas, que trabalham os livros dos autores antes da feira, e depois realizam exposições”, finalizou. Também recebeu visitação a exposição Olhares Coloridos, da artista Daisi Martini. O espaço reuniu 13 trabalhos, entre pinturas, desenhos e aquarelados, e buscou permitir que os olhares do público pudessem ser coloridos pela arte, com cores alegres e sentimentos.

O livreiro Valdonir Lemes viajou quase 400 quilômetros para participar da feira de Igrejinha. “Venho de Erechim para participar pela terceira vez. Também atuo em feiras em Gramado, Bom Princípio, Santo Ângelo, Palmeiras das Missões, Veranópolis e Nova Prata. O evento de Igrejinha é bastante organizado e gosto dele por acontecer dentro de um parque fechado, pois proporciona mais segurança para os visitantes e livreiros, além disso, também temos locais fechados para guardar nossos livros, o que dificilmente acontece em praças”, disse.

Franciele Medeiros, de Igrejinha, aproveitou a tarde de domingo para visitar a feira pela primeira vez. Junto do filho Nicolas, de cinco anos, ela percorreu os estandes procurando, principalmente, por obras infantis. “O Nicolas ouviu sobre a feira na creche e quis vir. Estou gostando, porque há muitas opções em livros, sobre temas variados, coisa que dificilmente vemos fora da feira. Assim, acredito que ela estimule a leitura, principalmente nos pequenos”, afirmou.

Mais um título: EquiBeat é bicampeã da gincana municipal IGREJINHA – Em mais uma das atividades que celebraram o aniversário de 51 anos do município, foi realizada a Gincana de Integração, no último final de semana. Por um placar de 23.416 pontos a 20.354, e impulsionada pelo apoio de 21 equipes, a EquiBeat ergueu a taça, repetindo o gesto de 2012, último ano em que houve a gincana, quando também saiu vitoriosa. A equipe fez da Escola Vila Nova seu QG, onde reuniu mais de 30 pessoas. Deste número, mais de 200 eram de equipes de apoio, que vieram de cida-

des como Charqueadas, Vacaria, Rolante, Taquara, Parobé, Novo Hamburgo, Três Coroas, Butiá, Bom Principio, Presidente Lucena, Capela de Santana e Minas do Leão para auxiliar o grupo igrejinhense. O time enfrentou a equipe Piratas, que também participou da gincana de 2012. Quem coordenou a gincana foi a Equipe 24 Horas, e ao todo, foram mais de 80 tarefas, que envolveram caça a objetos, lógica, enigmas, prova noturna. A EquiBeat nasceu há 15 anos na gincana da Escola Olívia Lahm Hirt, e mais tarde passou a integrar gincanas municipais.

Divulgação

Noite com bandas gospel abriu programação musical do evento

IGREJINHA – O Parque de Eventos Almiro Grings recebeu a 15ª Feira do Livro do município, no último final de semana. Com o tema “O mundo dos livros na cidade educadora”, o evento contou com a participação de autores, sessões de autógrafo, espetáculos infantis, exposição e vendas de livros. Segundo a organização, o evento reuniu mais de 18 mil pessoas, superando os 12 mil que visitaram o Parque em 2014. Como de costume, a Feira foi organizada pela Secretaria Municipal de Educação (SME) em parceria com o SESC, entretanto, esta edição contou com apoio da Amifest (Associação de Amigos da Oktoberfest de Igrejinha), que promoveu o Maifest (festividades prévias da 28ª Oktoberfest) no parque, no mesmo final de semana. Através dela, foram realizados os shows do Bando Celta, no sábado, e do grupo Nenhum de Nós, no domingo, responsáveis por beneficiar os números de público da Feira. “Uma parceria que deu super certo, pois nos acertamos em todos os detalhes. Além disso, no palco, o Nenhum de Nós disse que gosta muito de tocar em feiras de livros, afinal suas músicas estão relacionadas a temas que nos

Tiago Eckhard, líder da equipe, recebendo troféu do prefeito de Igrejinha

2238  
2238  
Advertisement