Issuu on Google+

Cristiano Vargas

PANORAMA Barragens não são responsáveis por enchentes

Entenda como funcionam as barragens do Sistema Salto, que a cada chuva prolongada deixam com medo moradores próximos dos rios. Página 7

TAQUARA, 25 DE OUTUBRO DE 2013 | Nº 2158 | 38 ANOS | 20 PÁGINAS | R$ 1,50

Chuva e caos, de novo

Especial/Lucas Boes

Bastou meia hora de chuva forte para o centro de Taquara voltar a ficar debaixo de água. Queda de muro de escola e alagamentos de residências foram os principais problemas na cidade. Chuva também causou estragos em outros municípios da região. Página 2 Guilherme Augusto

O diferencial da Oktoberfest Trabalho de voluntários (na foto um dos grupos) garante que visitantes fiquem satisfeitos com atendimento no parque. Nesta edição, a cobertura do primeiro final de semana da festa.

Página Central


2

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

ABERTURA A cada enchente mais forte que atinge a região, e não foi diferente no último episódio de agosto, um mito ecoa e é difundido com frequência: a de que os alagamentos foram provocados por barragens que teriam sido abertas no sistema de usinas mantido pela Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE). Com o objetivo de mostrar os investimentos na usina de Canastra, a companhia estatal convidou Panorama para acompanhar uma visita, junto com outros veículos de comunicação, à unidade em Canela. Aproveitamos, também, para desmistificar, novamente, uma dúvida recorrente a cada enchente: não são abertas comportas nas barragens, até porque elas não existem. Desmistificado o mistério referente às barragens do Sistema Salto, é preciso que a comunidade tenha cuidado, em especial lideranças comunitárias e responsáveis por corporações de Defesa Civil, ao, em algu-

EXPEDIENTE

PANORAMA Fundado em 27/9/1975 Impressão: Gazeta do Sul (051) 3715.7800 / 3715.7887

DEMAIS MUNICÍPIOS - Segundo a coordenadora da Defesa Civil de Igrejinha, Alessandra Azambuja, as fortes chuvas de quarta-feira não causaram grandes infortúnios à cidade, como deslizamentos, por exemplo. “Aconteceram alguns alagamentos pequenos e isolados, em decorrência de problemas de escoamento d’água, como em bocas de lobo”, comentou. Apesar do alerta de inundação, não aconteceram problemas em Três Coroas e em Rolante, segundo as informações divulgadas pela Defesa Civil.

www.jornalpanorama.com.br

Jornalismo: editoria@jornalpanorama.com.br Publicidade: publicidade@jornalpanorama.com.br Direção: direcao@jornalpanorama.com.br Diretor: Olavo Carlos Wagner Editores: Inge Dienstmann / Vinicius Linden

As barragens e o planejamento mas ocasiões, alimentar estes boatos. As barragens não são culpadas pelas enchentes na região, na maioria das vezes causadas por excesso de chuva e pela própria geografia de alguns municípios, que, segundo os técnicos, contribuiu para a formação de alagamentos. Na questão das enchentes, o que se mostra cada vez mais necessário é trabalhar para fortalecer as corporações de Defesa Civil. Somente com órgãos bem estruturados, trabalhando em parceria com a comunidade e com organismos auxiliares, como as corporações de bombeiros, é que o Vale do Paranhana conseguirá dar um bom atendimento às demandas de emergência. Além disso, é Vinicius Linden

Especial/Eclair Melo Filho

Na rua Rio Branco, carros insistiram em passar em meio aos alagamentos

Caso mais grave em Taquara foi queda de muro do Colégio Theóphilo Sauer

Alagamentos voltam a provocar caos em Taquara

Uma chuva de 45 minutos foi o que bastou para o centro de Taquara voltar a viver momentos de caos, na quarta-feira. A chuva chegou por volta de 18 horas e alagou as principais ruas da área central, repetindo cenas vistas há vários anos sem qualquer solução. Vias como as ruas Rio Branco, Guilherme Lahm, Pinheiro Machado e Marechal Floriano foram mais afetadas. A Júlio de Castilhos, principal via do centro, ficou tomada por água nos principais pontos. O trânsito ficou bastante confuso. Segundo o coordenador de Defesa Civil de Taquara, Paulo Mello, parte da parede de uma residência localizada no bairro Empresa caiu, sem deixar feridos. O coordenador ressaltou ainda que diversos pontos ficaram alagados, com a água invadindo residências, como na rua Osvaldo Brandão, no bairro Jardim do Prado, e na rua Princesa Isabel,

no bairro Cruzeiro. Paulo lamentou a falta de respeito dos motoristas, principalmente de ônibus, que insistiam em transitar durante o alagamento, cruzando rápido pelas vias, causando ondas que invadiam casas e comércios no centro da cidade. O coordenador disse que até domingo a previsão é de chuva, pedindo que a população fique em alerta. Um dos casos mais graves de Taquara foi a queda do muro do Colégio Theóphilo Sauer, na rua João Bayer. A estrutura desabou em cima de um carro que estava estacionado, mas não deixou ninguém ferido. O muro tinha sido reconstruído em 2012, também depois de uma queda em função de temporal, voltou a tombar. Ninguém estava dentro do carro e não houve feridos. Em decorrência do incidente, o Theóphilo não teve aulas ontem, mas deveria retornar à normalidade nesta sexta-feira.

Leitores fazem reclamações sobre inundações

Um morador do loteamento Jaeger, localizado no bairro Empresa, em Taquara, entrou em contato com o Panorama na manhã de ontem. Ele, que mora no local há mais de 10 anos, relatou que sua rua e arredores sempre sofreram com alagamentos e que, para evitá-los, o próprio leitor construiu uma boca de lobo. “Trabalho com construção civil e sei o que precisava ser feito aqui e o fiz. Desde que criei o sistema de escoamento, a água não ha-

Membro da

Circulação às sextas-feiras em Taquara, Parobé, Igrejinha, Três Coroas, Rolante e Riozinho (Vale do Paranhana). Fechamento comercial quartas ao meio-dia.

essencial que a região atue em mecanismos de prevenção aliados à adoção de novas tecnologias. Neste sentido, cabe um questionamento: afinal, onde andam as tais estações meteorológicas que estavam para ser instaladas em todo o Paranhana e anunciadas em 2010? Os equipamentos funcionam? Se sim, quais são seus dados? Somente investindo em tecnologia, reforçando o caráter preventivo das corporações de Defesa Civil e atuando em planejamentos a respeito de áreas de risco é que será possível minimizar o drama sofrido a cada enchente. Portanto, sabendo, novamente, que as barragens não são responsáveis pelas cheias, que a região trabalhe em conjunto a fim de que episódios dramáticos como os vividos no final de agosto, e que ainda surtem efeitos (exemplificado pelo problema na ponte da ERS-020, em Taquara) sejam diminuídos.

Parobé também registrou alagamentos

Os alagamentos em Parobé começaram por volta das 19 horas. Segundo o coordenador da Defesa Civil do município, Valdenir Martins (Kiko), houve registros nos bairros Nova Guarujá, Integração, Alexandria, Jardim, Residencial Azaléia, Funil, Laranjeira, Alvorada, 3L, Arroio do Sal, Paraíso, 15 de Junho, Planalto, Vila Nova e São João. Três casas da Vila Boa Vista foram interditadas por risco de deslizamento. Kiko estima que cerca de 100 residências foram atingidas, mas nenhuma família foi desalojada. Ele disse que está em alerta para o final de semana, em função da previsão de chuva. A Escola Getúlio Dornelles Vargas, do bairro Jardim, cancelou aulas por causa dos alagamentos de quarta-feira à noite. Cerca de 800 alunos foram dispensados dos estudos ontem. O retorno às aulas será somente na segunda-feira. Segundo o diretor, Jeferson Michel, as águas atingiram o refeitório, o ginásio, alguns banheiros e salas do térreo. Materiais escolares e brinquedos da educação infantil ficaram danificados. A Escola Mariazinha e o posto de saúde, localizados próximos ao educandário, também foram atingidos. Será realizada reunião com a Secretaria de Educação para definir a recuperação dos dias letivos.

Editado pela EMPRESA JORNALÍSTICA GAÚCHA LTDA. Inscrição Estadual: 141/0071666 - CNJP: 88.279385/0001-19 Rua Rio Branco, 1006 - Fone: 3542.2288 - Taquara/RS - CEP: 95.600-000

via entrado mais em nossas casas. Entretanto, há uns 15 dias a Secretaria de Obras informou que nossa boca de lobo estava com problemas, a destruiu e fez outro sistema. A obra que eles criaram, como eu havia avisado, foi insuficiente para escoar a água. O resultado? Várias casas de nosso loteamento estão alagadas. Isso é totalmente revoltante”, concluiu. Nesta quinta-feira, leitores do Panorama também procuraram a redação para

relatar, novamente, problemas em relação às ruas Joaquim Nabuco e Princesa Isabel, no bairro Cruzeiro do Sul. Segundo eles, faz anos que o problema se repete, sem que uma solução seja tomada. Comerciante do centro da cidade também entrou em contato com a redação para evidenciar o problema dos veículos que passaram pelas ruas alagadas e jogaram água para dentro dos estabelecimentos.

IPTU PARA APOSENTADOS (I)

O vereador Valdecir Almeida procurou Panorama, nesta semana, para denunciar suposta “pegadinha” feita em projeto de lei por parte da Prefeitura de Taquara. Trata-se de artigo inserido na matéria que concedeu isenção de IPTU aos aposentados. A regra sempre previa a concessão do benefício a aposentados com renda de até R$ 2 mil, mas, neste ano, a Prefeitura incluiu a renda do cônjuge na soma. Segundo Valdecir, este procedimento vai eliminar o benefício de muitas pessoas em Taquara. Ele disse que solicitará à Prefeitura que altere o seu posicionamento, informando que já foi procurado na Câmara por representantes da Associação dos Aposentados. Admitiu que a maioria dos vereadores não leu o artigo inserido no projeto e que acabou provocando a alteração na regra.

IPTU PARA APOSENTADOS (II)

Contatado por Panorama, o secretário da Fazenda de Taquara, João Carlos de Moura, informou que a mudança na regra foi tomada com o entendimento de que uma família com renda de até R$ 2 mil por mês tem condições de efetuar o pagamento do IPTU. Para o secretário, o benefício não é para todos os aposentados, mas sim àqueles que não têm condições de pagar o imposto. Moura afirmou que a mudança não excluirá um número muito grande de beneficiários da isenção, uma vez que a grande maioria acaba não atingindo a renda determinada pela legislação. Acrescentou, ainda, que para atender ao pedido por mudança na regra terá que ser feito um novo estudo de impacto orçamentário.

OBRAS PARADAS NA ERS-020

As obras no quilômetro 57 da ERS-020 (trecho que liga Taquara a Igrejinha) fluíram depressa na semana passada. Entretanto, as chuvas que atingiram a região nesta semana deixaram os trabalhos completamente paralisados. Com isso, o prazo dado na última semana - de que a obra estaria pronta até hoje, não será cumprido e a execução se estenderá por mais dias. Em nota, o Daer (Departamento de Estradas de Rodagem) afirmou que “só falta imprimar e colocar o asfalto. Com a chuva, não tem como realizar esses serviços. Assim que parar de chover, os trabalhos serão retomados”.

REDE DE ESGOTO

A Prefeitura de Taquara informou a abertura de canal para a instalação de rede de esgoto nas ruas Adelino Eduardo Barth e Martin Lutero, reivindicação de moradores publicada nesta coluna recentemente. Segundo o secretário de Obras, João Luiz Ferreira, o maior entrave para a execução era o tipo de solo que é composto por grande camada de pedra grés, sendo necessária a utilização de equipamento especial para abertura do canal. “É uma obra importante por se tratar de zona nobre e uma das poucas que ainda não contava com a canalização subterrânea de esgoto”, comentou Ferreira. Além da substituição dos canos existentes por tubulação de concreto de 40 centímetros, serão construídas quatro caixas coletoras. O tempo previsto para a conclusão da obra é de 30 dias.


especial

Dia do Sapateiro

Líderes calçadistas mostram preocupação com o futuro do setor Carro-chefe da economia do Vale do Paranhana há décadas, o setor calçadista tem sido o responsável, também, por grande parte da mão-de-obra empregada. Nesta semana, Panorama fez um giro por alguns sindicatos para saber como anda o setor na região. Em Parobé, a situação não é a das melhores. “Não estamos em um momento de muita tranquilidade. Algumas empresas deram férias no mês de setembro. Em outros anos não se falava em parada neste período. Pelo contrário, os funcionários reclamavam das horas-extras”, revela o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Calçados e Vestuário do município, João Nadir Pires. No auge da indústria, entre os anos de 1980 a 1994, a cidade chegou a ter 14 mil empregados em fábricas. Atualmente, são cerca de dez mil. De acordo com o presidente do Sindicato dos Sa-

3

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013 Texto e fotos: Cristiano Vargas

OS NÚMEROS Quadro divulgado pelos Sindicatos dos Sapateiros do Vale do Paranhana mostra como a região vem diminuindo o número de postos de trabalho no setor calçadista. CIDADE:

NO AUGE TEVE:

ATUALMENTE TEM:

Taquara

7,5 mil

4,5 mil

Parobé

14 mil

10,5 mil

Igrejinha

8 mil

6 mil

Segue na próxima página >> Pires: férias coletivas em setembro

Kirsch: produção tem queda gradativa

Cardoso: estabilidade em Igrejinha

pateiros de Taquara, Silvio Kirsch, algumas empresas estão fechando no município. “Eu acredito que a situação irá piorar. A cidade se tornou um lugar para dormir, em matéria de calçados. A expectativa é de que venham mais indústrias que possam beneficiar o nosso trabalhador”, enfatiza. Ele revelou que, desde 2002, a produção vem sofrendo uma queda gradativa. “A expectativa é de que melhore, mas não vejo a luz no fim do túnel brilhando”. Há dois anos consecutivos, o setor em Igrejinha

vem se mantendo estável, sem grandes demissões, de acordo com o presidente do Sindicato dos Sapateiros da cidade, Luiz Carlos Cardoso. “Hoje, o patamar do calçados está bom, e tem tudo para continuar crescendo”, avalia. A rotatividade de funcionários dentro de empresas é um problema comum nas cidades da região. “Hoje, as empresas têm serviço. Daqui a alguns meses ele cai. Depois reergue. Precisamos ter outro meio que possa cobrir os períodos de baixa produção”, destaca Kirsch.

Uma das maiores dificuldades relatadas pelos sindicalistas foi quanto à concorrência com o produto chinês, que oferece um valor menor no varejo. “Nós não estamos vendo medidas concretas do governo quanto à importação do sapato chinês. O que foi feito já não é suficiente”, alerta Pires. Outro ponto destacado são as empresas que nasceram e se fortificaram na região, mas optaram por mudar suas produções para o norte e nordeste do país, onde há incentivos fiscais e mão-de-obra mais barata.


4

PANORAMA

especial

Dia do Sapateiro

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Revista

PANORAMA

Sapato: a profissão de uma vida inteira O setor calçadista está atravessado na história de vida do sapateiro João Carlos Haag, 57 anos. O Tio João, como é popularmente conhecido, é dono de uma pequena loja de consertos de calçados no Centro de Taquara e há mais de quatro décadas nutre em seu trabalho uma paixão diária. Logo aos 12 anos de idade, Tio João começou a fazer pequenos trabalhos em casa, com seu pai, que era empregado de uma fábrica em Sapiranga. Ele lembra que o primeiro par de calçado que fez foi uma sandália de dedo. “Como não tínhamos dinheiro para comprar, tirei o desenho de uma palmilha e fiz o meu próprio chinelo”, explica. Seguindo os passos de seu pai, aos 14 anos começou a trabalhar na produção de uma fábrica, onde ficou por duas décadas. “À noite, depois do meu horário normal, eu ia para outros setores para ajudar e acabava aprendendo novas funções”, destaca. E o aprendizado foi tão significativo que João garante que, até pouco tempo atrás, se lhe dessem um modelo de calçado

Tio João: “O sapato representa tudo na minha vida”

ele seria capaz de fazer todos os processos de confecção e entregava-o pronto. O estímulo em montar sua própria sapataria veio de um amigo. “Eu o ajudava nos finais de semana, às vezes à noite. Fui pegando gosto e percebi que seria a profissão que gostaria de seguir”. Em Caxias do Sul, montou sua primeira loja, há 23 anos. Mas, quis a vida que ele viesse morar em Taquara, e, em 1995, instalou seu negócio na rua Tristão Monteiro, onde permanece até hoje. Ele explica que os cuidados com cada sapato são específicos, pois possuem cor,

tamanho, formato e material diferentes. “É preciso ter o cuidado na hora do conserto, pois se está lidando com uma coisa que representa algo para o outro”, destaca, dizendo que a cada trabalho imagina como gostaria que o calçado fosse consertado, caso fosse seu. E a fama de Tio João vai além do Vale do Paranhana. Ele diz ter clientes em outras partes do Estado, inclusive do País. Geralmente, são pessoas que residiam na região e retornam para rever familiares e amigos, quando aproveitam para consertar seus calçados. Alguns sapatos acabam sendo esquecidos na loja, mas Tio

João diz não se incomodar com isso. “Eu faço a doação deles. Vai para alguma entidade, para pessoas que necessitam. Em compensação, Deus me dá sempre bastante serviço”. Está enganado quem pensa que, depois de 45 anos trabalhando com sapatos, Tio João cogite parar. “Talvez eu feche a sapataria daqui a alguns anos. Mas não quero parar de trabalhar, para manter o corpo e a mente ocupados”, destaca. “O sapato representa tudo na minha vida. O que conquistei foi através dele. Sempre gostei disso. É uma coisa gostosa de trabalhar, que me dá prazer.”

Industriário: fique de olho nos seus direitos

Tão importante quanto comemorar o dia do sapateiro é relembrar alguns direitos da classe. Nesta semana, Panorama entrevistou o assessor jurídico do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Calçados e Vestuário de Parobé, Reni Elizeu da Silva, para apurar algumas garantias que os industriários possuem. De acordo com Reni, toda empresa que tiver em sua produção o manuseio de produtos químicos ou biológicos deverá oferecer a seus funcionários um acréscimo salarial por insalubridade. Na região, o percentual pago nesse tipo de situação é de 20% incidente sobre o pagamento do empregado ou o salário mínimo. “São funções que desgastam a saúde do trabalhador. A cada década trabalhada, ele terá direito a quatro anos de acréscimo na soma do tempo de serviço”, exemplifica. O assédio moral é comum em reclamação de funcionário com relação a seus superiores. Segundo o assessor, as queixas mais ouvidas são cobranças por produção excessiva

ou de funções que não cabem ao empregado, xingamento e desmoralização, propostas sexuais e intimações. “É muito comum o empregado ser assediado moralmente. Mas, os patrões, sabendo que os funcionários poderão reclamar o abuso, não expõem o assédio na presença de outras pessoas”, afirma. Reni diz que a melhor forma de comprovar uma violação é através de testemunhas ou outras vítimas, e com gravações e vídeos. Caso o empregado sofra algum acidente durante seu serviço, a primeira coisa a ser feita é uma Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), junto ao Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). Com isso, o funcionário terá um atestado de 15 dias, pagos pela empresa. Após, é avaliada a necessidade de ele se manter afastado por algum tempo da empresa. “Depois de retornar ao trabalho, o empregado tem direito a um ano de estabilidade. Mas isso não quer dizer que ele não poderá ser demitido. Caso ocorra a demissão, o patrão terá que indenizar o trabalhador pela estabilidade que ainda lhe resta”.

Se turismo é a sua praia, você vai viajar na Revista Panorama. Nas bancas!

Nas situações em que o empregado é demitido sem justa causa, a primeira ação a ser tomada, segundo Reni, é o comparecimento até o sindicato, com a carteira de trabalho, para a certificação de que todos os direitos foram garantidos. “Dependendo da rescisão, ela poderá não ser homologada, retornando ao empregador, exigindo que ele reajuste alguma cláusula ou inclua direitos”, destaca. A carteira assinada é o grande garantidor de todos os direitos de um trabalhador. “As pessoas não têm noção da importância do documento. Sem ele, você fica sem o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS), 13º salário, seguro desemprego, direito a benefícios previdenciários”, afirma Reni. Qualquer pessoa tem direito a atendimento da assessoria trabalhista do sindicato, independente da área de trabalho ou se é associada ou não à entidade. Três equipes atendem gratuitamente durante a semana, através de distribuição de fichas. Para saber mais informações, ligue para o telefone 3543-1211 ou para o sindicato de sua cidade.

Textos e fotos: Cristiano Vargas

Entenda como funciona o dissídio

Pauta das empresas e sindicatos em geral, o dissídio do setor calçadista sempre chama atenção por impasses na negociação. A decisão do setor calçadista ocorre todos os anos no mês de agosto, a data base para isso, e passa a vigorar a partir de setembro. Os sindicados dos trabalhadores, através de uma comissão formada por empregados, produzem um relatório do que desejam como aumento salarial e melhorias para a classe, e apresenta isso ao sindicato patronal, que aceita ou rebate o que foi proposto. “Se não fechar o acordo ou o percentual oferecido for diferente, é realizada uma nova assembleia”, disse o assessor jurídico do Sindicato dos Sapateiros de Parobé, Reni Elizeu da Silva. Quando a negociação não chega a um acordo, o pedido de reajuste segue para o Tribunal Regional do Trabalho (TRT), que determinará o percentual de aumento e os demais direitos válidos para o caso. “Mas tentamos sempre fechar um acordo coletivo. Depois disso, o empregador leva a decisão ao Ministério do Trabalho para homologar”, disse o assessor.

MARIA KARINE MACHADO FAGUNDES MARTINS, 32 anos, costureira, há sete anos trabalha no setor calçadista – “Tenho orgulho de fazer o que faço, porque vejo a satisfação nas pessoas que usam os calçados que produzimos. As oportunidades são maiores dentro da indústria de calçados. Nós temos mais chances de crescimento do que no comércio,

além da vantagem de não precisar trabalhar no final de semana”. MIRIAN REGINA VICENTE, 29, costureira, há dez anos trabalha no setor calçadista – “Cada sapato é uma obra de arte, além de ser um meio pelo qual consigo adquirir tudo o que preciso na minha vida. Para fazer um sapato bom, tem que fazer com vontade, como se fosse para vocês mesma. Eu sempre me avalio se estou fazendo de uma forma que gostaria que os outros fizessem para mim”.

MAXIDELLI LIDIANE DOS SANTOS, 21, viradeira, há seis anos trabalha no setor calçadista – “É uma emoção saber que as pessoas vão usar o que tu produz e se sentirão bem calçando-o. Nosso trabalho se reflete no conforto dos clientes. Se estivermos com calçados bons, conseguimos ir mais longe, suportamos melhor o caminho”. MARGARETE KUHS, 39, preparadeira, há 25 anos trabalha no setor calçadista – “Para mim, trabalhar com sapato te exige tanto como em qualquer outro trabalho. Nós precisamos dele todos os dias para nos manter; faz parte de nossas vidas”.


TAQUARA Cimol tem inscrições para cursos

A Escola Técnica Estadual Monteiro Lobato (Cimol), de Taquara, está com inscrições abertas para os cursos técnicos de 2014. O cadastro, somente para o noturno e para estudantes com ensino médio concluído, encerra na quinta-feira da próxima semana, dia 31. As inscrições são feitas pelo site www.educacao.rs.gov. br, clicando no ícone “matrícula escola pública”. Haverá prova de seleção no dia 23 de novembro, das 14 às 17 horas. Os cursos técnicos do Cimol são eletrotécnica, mecânica, design de móveis, informática, eletrônica e móveis. Com aulas no período diurno, há também vagas para a formação profissional integrada ao ensino médio. O prazo de inscrição nesta modalidade é o mesmo, também pelo site da Secretaria de Educação. Os editais para ambas modalidades podem ser conferidos no site do Cimol (www.cimol. g12.br).

Quer vídeos, fotos

e enquetes? Acesse o PanoramaNET!

www.jornalpanorama.com.br

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Encontro nacional de colecionismo reuniu relíquias históricas no Clube Comercial

TAQUARA – Na semana passada, sexta e sábado, o Clube Comercial sediou o 10º Encontro Nacional de Filatelia, Numismática e Colecionismo de Taquara. O evento foi realizado pelo Clube Filatélico e Numismático local e reuniu moedas, selos, cédulas, miniaturas de veículos, cartões telefônicos e outros itens. Além de expositores vindos de diversos estados do País, o encontro reuniu visitantes de outras nacionali-

dades. “Tem gente que vem do Paraguai, Argentina, Chile e Uruguai para nos visitar. Mensalmente, capitais do Brasil recebem os encontros nacionais de colecionadores e o de Taquara é o único realizado em cidades do interior”, explicou o presidente do Clube Filatélico, Tito Oil Medeiros. Conforme ele, várias escolas da cidade também visitaram o encontro, reunindo cerca de 1,5 mil pessoas nos dois dias da promoção.

“Gosto muito dos encontros, tanto que venho todos os anos e, inclusive, já comprei itens em edições anteriores”, disse o engenheiro agrônomo Alexandre Rick, 63 anos e morador de Taquara. Ele afirmou ser encantado por este tipo de relicários e admirador, principalmente, de moedas e cédulas. Na sexta-feira, ele encontrou o amigo Paulo Luz, artista de Taquara. Paulo já criou várias peças – todas com sucata – retratando a história da cidade e região. “Já fiz carro de corrida, carreta de boi, balsa, gasolina (barco a motor empregado na região na década de 1900), sempre com muita atenção aos detalhes. Mas minhas peças estão todas no Museu Histórico Adelmo Trott”, explicou Paulo.

Guilherme Augusto

Câmara prestou homenagem à Igreja Shalom

Em sessão solene realizada no último dia 17, a Câmara de Vereadores prestou homenagem à Igreja Bíblica Comunidade Shalom. De acordo com o vereador Moisés Rangel (PSC), propositor da distinção, além dos 20 anos de fundação da comunidade, as atividades sociais realizadas pela Igreja foram o principal motivo do tributo prestado na sede do Legislativo. Segundo o pastor Waldemar Hirch, que chegou ao Brasil há mais de quarenta anos, vindo do Canadá, a homenagem foi um reDivulgação

Escola Zeferino Neves homenageou professores

A equipe diretiva e alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Zeferino Vicente Neves Filho, do interior de Taquara, realizaram uma homenagem aos professores no último dia 15. Na ocasião, os estudantes cantaram “Parabéns” e a música “Lua de Cristal”. Um representante da família de cada um dos professores foi até a escola a fim de realizar uma surpresa aos docentes. Além disso, um aluno de cada turma entregou um porta retrato com a foto do professor e sua respectiva turma. Acima, alguns dos professores homenageados.

Juizado da Infância atende abrigados no Lar Padilha

Além dos atendimentos dirigidos ao Lar Padilha, o Juizado da Infância e Juventude vem acompanhando, periodicamente, os acolhidos pela entidade, para prestação jurisdicional e o cumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente. O serviço fica a cargo da juíza Ângela Martini. Em uma de suas visitas ao Lar, Ângela disse perceber no trabalho oferecido pelos profissionais e educadores uma forma exemplar de convivência. “As crianças encontram aqui o que não localizam em casa: organização, limites, tempo de escuta, espaço para a fala, afeto. Há, realmente, um verdadeiro acompanhamento, pois não estamos tratando de um número de processo, mas de crianças, adolescentes, jovens”, relatou. Os encontros têm o acompanhamento do psicólogo Alessandro Lauck, da assistente social Simone de Lima e da secretária da juíza, Sônia Regina de Britto.

conhecimento à Igreja Shalom, que, segundo ele, possui muitos jovens à sua frente, Eles apresentam um programa na Rádio Taquara, com transmissão aos domingos, no horário das 12h30min. A comunidade Bíblica Shalom também realiza um trabalho social no bairro Empresa e Morro da Cruz, com almoços gratuitos aos sábados e domingos, disponibilizando transporte para a comunidade. Possuindo origem germânica, o pastor Valdemar ficou surpreso quando chegou ao Estado, onde

encontrou um povo acolhedor. Ele disse saber dos descendentes germânicos da região. Para sua admiração, muitos ainda se comunicavam na língua alemã, facilitando sua adaptação no novo País. Chegando a Três Coroas, logo criou um orfanato, destacando que sempre procurou trabalhar com crianças. Após sua vinda para Taquara, fundou a Igreja Bíblica Comunidade Shalom, com sede na avenida Sebastião Amoretti. “Vim para atender um chamado de Deus”, afirmou.

5


7

6

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Comunidade Evangélica IECLB Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil

“Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças.” Eclesiastes 9.10

Amigos do Panorama! Conta a história que um homem estava observando o início da construção de um prédio. No intervalo do almoço dirigiu-se a um grupo de operários com a seguinte pergunta: “O que vocês estão fazendo aqui?” Um deles, com a cara fechada, disse: “Você não vê que estamos trabalhando pelo nosso salário?” Outro, porém, sorridente, respondeu: “Estamos construindo uma escola. Acho que é ótimo para nossos filhos, pois temos poucas escolas na cidade”. O que podemos tirar de lição desta pequena história? Você pode encarar suas tarefas e responsabilidades como um fardo, ou pode vê-las como privilégios. Olhe para seus afazeres como oportunidades de ser útil e fazer o bem. Mais cedo ou mais tarde alguém será beneficiado com aquilo que você faz. Se for negligente e irresponsável, poderá envergonhar-se mais tarde. Mas poderá sentir-se satisfeito e feliz se for dedicado e responsável. A palavra de Deus vem como um incentivo para todos nós: fazer tudo “conforme as suas forças”, isto é, da melhor forma possível, com o máximo de empenho e zelo. Assim sua vida e seus serviços serão agradáveis a Deus. Além disso, você, amigo do Panorama, estará fazendo alguma coisa para melhorar a vida de alguém na sua família, na vizinhança, na Igreja ou no país. Amém. Ministra Candidata: Franciele Kogler Bartz PROGRAMAÇÕES: Sábado, 26: Ensaio dos Confirmandos, às 8h30min, na Igreja da Paz. Sábado, 26: Culto no Lar OASE, às 15 horas. Domingo, 27: Culto de Confirmação, com Ceia do Senhor, na Igreja da Paz (centro), às 9 horas. Quinta-feira, 31: Culto da Reforma, às 20 horas, na Comunidade Evangélica Luterana São Paulo (IELB e IECLB).

Se você é mulher... e vaidosa, Vai ficar mais linda com a Revista Panorama. Nas bancas!

Revista PANORAMA

TAQUARA

PANORAMA

Arleu Oliveira sofre condenação por suposto transporte de eleitores

O vereador de Taquara Arleu Machado de Oliveira (PP) sofreu um revés judicial em primeira instância. Ele acabou condenado criminalmente por acusação de transporte de eleitores no pleito do ano passado. Num primeiro momento, a condenação não gera efeitos ao seu mandato na Câmara, o que poderá ocorrer somente depois de o processo não ter possibilidade de recursos. O próprio vereador Arleu anunciou, nesta semana, que irá recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A sentença da Justiça Eleitoral condenou Arleu, e outras duas pessoas, a pena de quatro anos de reclusão, convertida em prestação de serviços à comunidade e pagamento de multa. Segundo a denúncia do Ministério Público, um automóvel foi flagrado pela Brigada Militar, na manhã do

domingo da eleição em 2012, com excesso de passageiros. Abordados, os próprios tripulantes diziam que pegaram carona para ir até o local de votação. Com um dos responsáveis pelo carro, foram apreendidos um celular e 14 panfletos do então candidato Arleu. Já o outro responsável tinha um crachá da coligação pela qual Arleu concorreu ao cargo. Para a juíza Luciana Barcellos Tegiacchi, que analisou o caso, o transporte de eleitores foi configurado nos autos do processo. Ela diz, na sentença, que as circunstâncias revelam muito mais do que uma simples carona. “A prova dos autos indica que o transporte foi realizado para que eleitores votassem. Mais. Demonstra que aqueles que realizaram o transporte tinham interesse na candidatura de

Arleu, o que motivou a facilitação do acesso às urnas ao grupo que residia em local distante”, escreveu. “Ainda que os réus tenham argumentado não haver um ajuste entre eles no sentido de garantir o acesso dos eleitores ao local de votação, visando à obtenção de votos em favor do candidato Arleu, seus depoimentos e o relato das testemunhas demonstram o contrário, revelando que mantinham relacionamento próximo, focado na campanha eleitoral”, acrescentou a magistrada. Além da pena de prestação de serviços comunitários, a juíza determinou o pagamento de multa por parte dos condenados. O carro, os celulares e valores apreendidos serão devolvidos aos réus somente após o trânsito em julgado (sem possibilidade de novos recursos) da sentença.

Vereador nega transporte de eleitores e anuncia recursos Contatado pela reportagem do Panorama na segunda-feira, o vereador Arleu Oliveira se manifestou a respeito da sentença emitida pela Justiça Eleitoral de Taquara. Dizendo-se preocupado com a divulgação da notícia, “pois atinge um inocente”, o parlamentar afirmou que tem total tranquilidade quanto à reversão do caso com recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Anunciou que seus advogados entraram com embargos declaratórios, visando a esclarecer supostas contradições na sentença da magistrada, para, posterior-

Arquivo/Panorama

Arleu: caso será revertido no TRE

mente, ingressar com o recurso ao TRE. Arleu Oliveira nega, des-

de o começo do processo, o transporte de eleitores. Novamente, afirmou que não teve qualquer participação no fato denunciado, e que sequer saiu de casa no dia da eleição, a não ser para exercer o seu direito de voto. Acrescentou que o processo tem problemas, uma vez que um policial militar interceptou ilegalmente uma conversa telefônica, sem autorização judicial. “Sou inocente. Não há qualquer prova de que eu tenha feito transporte de eleitores. Tenho absoluta convicção de que o caso será revertido no Tribunal”, afirmou, reforçando a sua tran-

quilidade diante da sentença, que, na visão de Arleu, não foi baseada nas provas contidas no processo. O vereador ainda esclareceu que o caso não tem consequências práticas sobre o seu mandato atualmente, uma vez que poderia gerar problemas somente após o trânsito em julgado. “E ainda posso levar o caso ao Tribunal Superior Eleitoral e ao Supremo Tribunal Federal, ambos em Brasília”, lembrou Arleu, finalizando: “acredito, porém, que este caso será encerrado aqui mesmo no TRE, com a minha absolvição”.

Prefeitura e MP fecham acordo sobre educação infantil A situação da falta de vagas nas escolas infantis de Taquara segue tramitando na esfera judicial. No início do mês, Panorama divulgou uma decisão da Justiça que determinou à Prefeitura a abertura de vagas em 60 dias. Caso não providenciasse as vagas em escolas públicas, a administração teria que comprar na rede privada. Contudo, a novidade mais recente é que o Executivo ganhou prazo para elaborar um plano de como será feito o preenchimento das vagas nos próximos meses. Como o tema agora é alvo de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público contra a Prefeitura, todas as decisões são tomadas na esfera judicial. O acordo mais recente foi firmado no último dia 17, numa audiência de conciliação marcada pelo Juizado da Infância e da Juventude de Taquara. Participaram a promotora de Justiça Lisiane Rubin, o prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, o secretário de Educação, Antônio Edmar Teixeira de Hollanda, e o advogado da Prefeitura, Gilberto Bittencourt. A reunião foi mediada pela juíza Ângela Martini.

Segundo termo da audiência, ao qual Panorama teve acesso, o processo foi suspenso por 10 dias. Neste prazo, a Prefeitura terá que apresentar à Justiça um cronograma de como fará o preenchimento das vagas para os próximos meses. No mesmo prazo, terá que mostrar uma lista atualizada de crianças que estão esperando vagas, com o tempo de espera que estão na lista. Como a reunião foi no último dia 17, o prazo da Prefeitura expira no domingo, dia 27. Mesmo com a concessão de um tempo para a organização de um planejamento, a Justiça deu o mesmo período, de 10 dias, para que 33 crianças sejam colocadas em escolas de educação infantil. O advogado da Prefeitura, Gilberto Bittencourt, informou ao Panorama que a administração está trabalhando para fazer um cronograma a ser apresentado ao Judiciário. Disse, também, acreditar que será possível resolver a falta de vagas para as crianças em lista de espera no prazo de dois meses concedido pela Justiça.

Administração voltou a cobrar taxa para protocolos

Contestada em anos anteriores, a taxa de protocolo voltou a ser cobrada na Prefeitura de Taquara. A medida passou a valer no começo deste mês e, nas últimas semanas, vem sendo questionada na Câmara de Vereadores. Já foi alvo de manifestações enfáticas de parlamentares, como Eduardo Kohlrausch, Roberto Timóteo e Valdecir Almeida. A adoção da medida, que, segundo a Prefeitura, acontece, também, em outros municípios, foi amparada por um decreto do prefeito Tito Lívio Jaeger Filho, assinado no final de setembro. O secretário municipal da Fazenda, João Carlos de Moura, explicou ao Panorama que a cobrança da taxa de protocolo tem como objetivo evitar pedidos sem fundamento que estavam sendo feitos à administração municipal. Segun-

do ele, somente em agosto e setembro, 3.884 protocolos foram feitos, gerando, cada um deles, um processo administrativo. “Muitas coisas sem fundamento estavam chegando à Prefeitura, gerando perda de tempo e gasto de recursos, uma vez que cada processo tem um custo”, comentou. Mesmo assim, Moura explicou que houve um mal entendido nos primeiros dias de aplicação da taxa de protocolo. Segundo o secretário, reclamações sobre serviços de responsabilidade da Prefeitura não serão cobradas. Para tanto, Moura emitiu uma nova ordem de serviço, instituindo o documento chamado de “reclamação”. Com este novo procedimento, o cidadão que for reclamar de um buraco na rua, ou de uma lâmpada queimada, por exemplo, ganhará uma

cópia da sua “reclamação”. A outra via será encaminhada ao setor competente e outra ficará arquivada para controle. Com isso, evita-se a abertura de um processo administrativo para cada reclamação formalizada na Prefeitura. Os demais casos, porém, continuarão a necessitar de processos administrativos. Segundo Moura, tratam-se principalmente de pedidos para interesse pessoal, como saibro e aterro, os dois mais comuns. Estes protocolos serão cobrados. O secretário da Fazenda anunciou, ainda, que um grupo de entidades do município continuará com isenção das taxas de protocolo, como as associações e o hospital. Além disso, cidadãos sem condições de pagar a taxa, com comprovação da Secretaria de Assistência Social, também estarão isentos.

Vereadores terão aumento nos salários

Os vereadores de Taquara concederam reajustes em seus próprios salários. A mesa diretora do Legislativo protocolou, nesta semana, dois projetos de lei, um deles concedendo aumento de 5,86% nos salários dos funcionários da Câmara. O valor foi apurado conforme o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Conforme outro projeto de lei, o mesmo percentual de reajuste será concedido aos 15 vereadores de Taquara. Com isso, o salário do vereador passará para R$ 6.707,72. Ambas as matérias, apresentadas na segunda-feira, foram votadas e aprovadas na terça-feira, numa sessão extraordinária. Nesta semana, outros dois projetos foram protocolados na Câmara, ambos pela Prefeitura. Um deles autoriza repasse de R$ 60 mil à empresa Ambiente Verde, a título de incentivo financeiro, e o outro regulamenta os critérios para promoções no magistério.

Câmara aprova a realização de queimadas A Câmara de Vereadores de Taquara aprovou, nesta semana, projeto do vereador Guido Mário Prass Filho que autoriza a realização de queimadas controladas para controle de manejo. A matéria prevê que a Secretaria de Meio Ambiente conceda permissão para a queimada em áreas não mecanizáveis. “É necessário destacar que o uso controlado do fogo nas áreas rurais ocorrerá nos casos em que não é possível a utilização de limpeza mecanizada, áreas pedregosas, e beneficiará direta e predominantemente as pequenas propriedades rurais de nosso Município, para limpeza destas áreas”, comentou Guido Mário. Também foi aprovado, nesta semana, projeto do vereador Lauri Fillmann que institui a Semana Municipal de Redução de Desastres.

FERIADO - Na próxima segunda-feira, dia 28, comemora-se o dia do servidor público. Por este motivo, a administração municipal de Taquara encerrará as atividades hoje, às 17h30min, retornando ao trabalho na terça-feira da semana que vem. Os serviços essenciais, como atendimento à saúde, iluminação pública e recolhimento do lixo, permanecerão em funcionamento normal.


4

Imagina dar de cara com a Fernanda Vasconcelos!? Na Revista Panorama. Nas bancas!

Revista PANORAMA

GERAL

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

7

5

Diretor da CEEE diz que barragens não são responsáveis por enchentes

Um dos maiores mitos da região nos períodos de cheias dos rios, as barragens da divisão do Sistema Salto, compreendendo alguns municípios da serra, como São Francisco de Paula e Canela, não são responsáveis diretamente pelas inundações que assolam os vales do Paranhana e Sinos. A informação veio do diretor de geração da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), Ronaldo Vieira, responsável pela manutenção e operação das usinas hidrelétricas do grupo. Na quinta-feira da semana passada, o Jornal Panorama acompanhou a visita do diretor à Usina de Canastra, em Canela. O convite para a visita foi direcionado a vários veículos de comunicação e feito pela própria CEEE. O encontro fez parte de uma parada de máquinas para melhorias e manutenção corretiva da hidrelétrica. Na oportunidade, Ronaldo desmistificou a culpabilidade da barragem em épocas de cheias dos rios da região e inundações consequentes disso. “No verão, a água que falta lá embaixo está faltando aqui em cima também. No inverno, acontece o contrário. E os prefeitos falam que mandamos água demais. Mas não tem como não mandar. É a lei da natureza. Não há como segurar a água. Não tem liberar ou não liberar”, explica, completando que a água desceria na mesma quantidade caso não houvesse barragem. O diretor cita outros fatores como responsáveis pelos alagamentos. “Não há comportas. A transposição para o Paranhana e Sinos ocorre de forma natural pela disponibilidade de água. O problema da enchente é uma questão de falta de infraestrutura, de diques. As cidades foram construídas muito próximas aos mananciais e não possuem sistemas de proteção, o que acaba acarretando inundações. Mas não é um problema que se origina nas barragens”, salienta. O mecânico responsável pela Usina de Canastra, Gerson Nique, também esclareceu alguns pontos sobre as hidrelétricas. “O pessoal conhece barragem pela ideia de que há comportas. Mas existem dois tipos: as com comportas e as sem, que segue o fluxo normal do rio. Quando a água chega à cota, verte por

NOTÍCIA LAMENTÁVEL. IBDP LAMENTA A DECISÃO DO STF Fotos: Cristiano Vargas

Barragens da serra não possuem comportas e não são responsáveis pelas inundações

Ronaldo: o problema das inundações é a falta de infraestrutura das cidades às margens dos rios

cima da laje, o que é natural, e desce”, destaca. De acordo com ele, as barragens até contribuem para amenizar as inundações, pois retêm a água excedente. A Usina de Canastra está em funcionamento há 57 anos e faz parte do Sistema Interligado Nacional (SIN), podendo suprir sozinha a carga de quatro cidades, como Canela, Gramado, São Francisco de Paula e Cambará do Sul. “Mesmo sendo antiga, nós queremos agregar a ela novas tecnologias. Vamos fazer toda a substituição dos reguladores de velocidade e nossas centrais hidrelétricas passarão por um processo de automação. Ou seja, funcionarão sem intervenção humana”, completou Ronaldo.

Prêmio será entregue aos professores inovadores no dia 31

Às 20 horas da próxima quinta-feira, o Centro de Cultura de Três Coroas receberá a cerimônia de premiação do Concurso Prêmio Professor Inovador 2013. Organizado pela Agenda Paranhana 2020, representada pela Cics-VP, em parceria com as secretarias municipais de educação das seis cidades do Vale, a edição reuniu 165 projetos nesta terceira edição. O Prêmio dividiu seus projetos participantes em quatro grupos: ensino infantil; ensino fundamental anos iniciais, ensino médio e ensino fundamental anos finais. Ao todo, foram 37 projetos a mais do que em sua última edição, realizada em 2011. Desta vez, os vence-

dores de cada categoria receberão um troféu e um tablet e os melhores de cada município uma medalha de reconhecimento. Para Raquel Caetano, coordenadora do Prêmio, “o Professor Inovador vem se consolidando através da participação dos professores, tendo em vista o aumento crescente de projetos inscritos. Destaca também que a inscrição de projetos se torna um importante momento de formação, afinal o professor faz uma retomada do seu trabalho, organizando e escrevendo sobre a sua prática, transformando-se num importante momento de reflexão. Nos últimos tempos a educação do Vale do Paranhana está melhorando seus índices e a

qualidade dos processos educacionais, e isso é o resultado do trabalho de professores e gestores”, comentou. Segundo o regulamento, o concurso “consiste na seleção e premiação das melhores experiências pedagógicas desenvolvidas ou em desenvolvimento por professores das escolas públicas (municipais e estaduais) e privadas, em todas as etapas da educação básica, que, comprovadamente, tenham sido ou estão sendo exitosas na busca da excelência da educação”. Deste modo, o Prêmio busca “resgatar e valorizar o papel dos professores como agentes fundamentais no processo formativo das novas gerações”.

Escolas escolheram delegados para Congresso em Goiás A diretora da União Nacional dos Estudantes (UNE) e União Estadual dos Estudantes (UEE), Ananda Oliveira, acompanhada do presidente da Associação Amigos dos Estudantes de Parobé (Assesp), Maicon Fabiano Haubrich, esteve na região elegendo delegados para participar do 40º Congresso Nacional da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Conubes). Eles visitaram seis escolas em Parobé e Taquara entre sexta-feira da semana passada e nesta segunda-feira. O encontro do movimento acontecerá entre os dias 28 de novembro e 2 de dezembro e será responsável por debater e aprovar as resoluções que orientarão as ações da União

Brasileira dos Estudantes (Ubes) na próxima gestão, além de eleger a nova diretoria da entidade para o próximo biênio. Também discutirá pautas ligadas aos movimentos estudantis. Na sexta à tarde, Ananda e Maicon tiveram uma reunião com o assessor de imprensa da Prefeitura de Taquara, Eduardo Vaz, para tratar sobre o passe livre e a meia entrada estudantil. “Estamos engajados para que as administrações possam entender a importância deste benefício para os estudantes da região”, destacou Ananda. O representante do Executivo ficou de repassar as informações ao prefeito Tito Lívio Jaeger Filho.

Fonte: Nave Design e Assessoria de Comunicação Data: 16/10/2013

O Supremo Tribunal Federal (STF) entende que a aplicação do prazo decadencial é constitucional, inclusive para os benefícios concedidos antes de 1997, porém ressalva que os benefícios indeferidos podem ser discutidos judicialmente a qualquer tempo. O processo RE 626489 de relatoria do ministro Luís Roberto Barroso foi julgado nesta quarta-feira pelo STF. O que estava em pauta era a possibilidade dos segurados já aposentados na data em que entrou em vigor a MP 1523/ 97, convertida na lei 9528/97, poderem revisar seu benefício sem se sujeitar ao prazo de 10 anos previsto. Na ocasião, o Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), que figura como interessado na causa no processo, foi representado pela advogada Gisele Lemos Kravchychyn. O IBDP não concorda com a decisão, que prejudica milhares de segurados que tiveram seus benefícios concedidos em valores inferiores ao devido e que agora não terão como pedir a revisão. “A lei foi posterior à concessão do benefício, portanto não deveria se aplicar aos benefícios anteriores”, explica a presidente do IBDP, Jane Berwanger. E completa: “O governo ganha em cima de um erro que cometeu”. STF. Previdenciário. Revisão de benefício. Decadência. Prazo. Dez anos. Lei 8.213/1991, art. 103. ADIn. Ajuizamento. Fonte: STF - Data: 22/10/2013

A Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas (Cobap) ingressou, no STF, com ADIn, com pedido de liminar, para impugnar dispositivo da Lei 8.213/1991 (Lei de Benefícios da Previdência Social) que fixa em dez anos o prazo de decadência para a revisão do ato de concessão de benefícios previdenciários. Segundo a Cobap, ao estabelecer a decadência, a lei restringiu o acesso a benefícios, violando os arts. 6º e 7º, entre outros, da CF. De acordo com os autos, a decadência do direito de revisão passa a existir com a redação dada ao art. 103 da Lei 8.213/1991 pela Med. Prov. 1.523/1997, convertida na Lei 9.528/1997. No ano seguinte, nova alteração legal reduziu o prazo decadencial para cinco anos. Em 2004, com a sanção da Lei 10.839, o prazo para contestar a concessão de benefícios previdenciários voltou a ser de dez anos. A confederação alega que, ao contrário da imposição de critérios mais restritivos para a concessão de benefícios, como aumento do tempo mínimo de contribuição ou a exigência de idade mínima para aposentadoria, o estabelecimento de prazo decadencial configura «impedimento, abolição, obstáculo ao exercício de um direito fundamental, que foi implementado, incorporado ao patrimônio jurídico do trabalhador, ao cumprir os requisitos mínimos legais para tanto». O relator da ADIn é o Min. DIAS TOFFOLI. (ADIn 5.048). NOTA: As revisões poderão continuar sendo propostas, pois vários casos e processos administrativos concedidos podem ser revisados a qualquer momento. Cada caso deverá ser analisado individualmente, pois identificamos aplicação de vários direitos que não são afetados por esta decisão. Os que são afetados, ainda resta uma esperança da proposta da ação de inconstitucionalidade proposta pelo nosso Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (Maysa Garcia – Diretora Jurídica do IBDP). Na próxima edição publicarei na íntegra a decisão do STF.

MAYSA ADVOGADOS OAB/RS 21.393

Ananda e Maicon repassaram a Vaz a importância da adesão da cidade no passe livre estudantil Divulgação/Alvaro Bourscheidt

MOSTRATEC - As Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) participaram com um estande na 28.ª Mostra Brasileira de Ciência e Tecnologia e Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) que encerrou nesta quinta-feira nos Pavilhões da Fenac, em Novo Hamburgo. A Mostratec foi realizada pela Fundação Liberato Salzano Vieira da Cunha e reuniu trabalhos de jovens cientistas de 14 a 20 anos, do Brasil e de outros 26 países. Destacando a importância de apoiar este tipo de evento, o diretor-geral da Faccat, Delmar Backes, ressaltou que esta é uma feira necessária para revelar os jovens talentos nesta área, e que a instituição esteve presente incentivando e mostrando os serviços que oferece no ensino superior. Estande da instituição de ensino reuniu estudantes

Especialista em Direito Previdenciário, Direito Cível, Direito Tributário e Direito Trabalhista Taquara - Pinheiro Machado, 1148 - 3541.1022 Rolante - Av. Getúlio Vargas, 196 9288.2928 | 9847.4554 Novo Hamburgo: Rua Gal. Daltro Filho, 2054, Hamburgo Velho - 3524.2810 Canoas - Av. Victor Barreto, 2896, Centro - 9989.7632 Gravatai - Av. Antônio G. Corrêa, 115, Sl. 6, Gal. Parque dos Anjos - 9989.7632 www.maysaadvogados.com.br maysa@maysaadvogados.com.br


8

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

ALICE

GERAL

imóveis CRECI 20.749-j

TAQUARA: 3541.0400 PAROBÉ: 3543.6588 aliceimoveis@aliceimoveis.com.br

AQUI

Imobiliária Conveniada

Faccat promove a Semana da Comunicação negocios@jornalpanorama.com.br

ELETROTEC, que comemorou 35 anos reunindo sua equipe (foto) em evento especial, aguarda certificação ISSO 9001 para os próximos meses. A empresa tem como clientes grupos de expressão como Hospital Moinhos de Vento, New Print, Dimed, Universidade Feevale, Celulose Riograndense, Zaffari, entre outros.

TAQUARA - “Despertando Sensações” é o tema da 11.ª Semana da Comunicação, que acontecerá de 29 a 31 deste mês, no campus das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat). O evento, promovido pela coordenação do curso de Comunicação Social da Faccat, reunirá diversos profissionais da área durante os três dias, enfocando assuntos como relacionamentos em redes sociais, merchandising, comunicação sensorial, pesquisa de mercado, entre outros, que serão trabalhados a partir da perspectiva do público e das emoções que são despertadas.

A programação abre na próxima terça-feira, dia 29, com palestra dos diretores da agência Alice Behavioral Brands, Jonatas Tessaro e Margarida Galafassi. Eles falarão sobre comunicação sensorial e comportamental. A professora da Faccat, Tais Vieira, será a mediadora do encontro. Na quarta-feira, dia 30, haverá várias oficinas, à noite, abertas à comunidade, gratuitamente, abordando temas como TV e redes sociais, moda, fotografia, sustentabilidade, relacionamento em redes sociais, entre outros. As inscri-

ções para as oficinas podem ser feitas na coordenação do Curso de Comunicação ou pelo e-mail pprp@faccat.br. A Semana da Comunicação se encerra na quinta-feira, dia 31, com a apresentação de trabalhos dos alunos do curso para representantes das agências Invento Propaganda, Conceito A+, Yes nós temos design, Vivaz Comunicação, Splash Studio, Grisé Comunicação, Shine Up e Get Ideias. Os acadêmicos vencedores do desafio ganharão um estágio nas agências parceiras do evento, além de outros prêmios.

Comunidade da Areia contará com internet em 2014 KAMAJO comemorou aniversário de sua loja em Taquara. Segundo o diretor, João Spalding, a Kamajo está em constante mutação, buscando inovar no layout e na decoração. “Agradeço a todos os clientes que sempre acreditaram que poderíamos oferecer produtos com qualidade e que estão em evidência em todas as partes do mundo”, completou Spalding, que comentou estar planejando a ampliação das lojas, tanto de Taquara como a de Parobé, para atender com maior conforto os clientes. CITRAL TRANSPORTE E TURISMO, de Taquara, foi agraciada com o prêmio Top Ser Humano 2013, pelo o projeto Bem-Estar. A distinção é concedida pela Associação Brasileira de Recursos Humanos - Seccional Rio Grande do Sul (ABRH-RS). A cerimônia de premiação ocorreu no 10 deste mês, em Porto Alegre. Segundo a ABRH, o prêmio é concedido desde 1993. Na foto, Candice, Ricardo e Hélio Neumann, da Citral, recebem o troféu da premiação. Divulgação

ROLANTE - A partir do próximo ano, moradores da localidade de Areia passarão a contar com internet. O anúncio foi feito pelo prefeito Ademir Gonçalves (Dirão). Ele visitou a localidade na noite da terça-feira, a convite do vice -presidente do Legislativo, José Sehnem, juntamente com o coordenador geral de gabinete, Geovani Friedrich, e os vereadores Luciano Altneter (Nico) e Renato José Wesz. Segundo o prefeito, será realizada uma licitação para a aquisição de uma torre que deverá ser instalada na localidade em

dezembro. Dirão observou que o serviço deverá entrar em funcionamento no início de 2014, observando os prazos legais de licitação e instalação de equipamentos. “Queremos auxiliar os moradores no subsídio da taxa básica de acesso à internet, em cerca de 30% a 40%. Rolante foi um dos dez municípios gaúchos contemplados pelo governo federal no programa Cidades Digitais, que nos possibilitará instalar 16 quilômetros de fibra ótica para internet em áreas urbanas”, salientou.

Caps levará informativos sobre drogas para o Rolantchê ROLANTE – Baseada na política de redução de danos, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps) da cidade está desenvolvendo uma atividade para ser executada durante o próximo Rolantchê. A iniciativa consiste em disponibilizar material informativo e fornecer orientações sobre os malefícios do uso de drogas lícitas e ilícitas, em um estande

durante o evento. Na tarde de quarta-feira da semana passada, uma reunião foi realizada para debater a campanha. O slogan será “Enlaçando o Cuidado” e buscará orientar e acolher os usuários de drogas, suas famílias e a comunidade em geral, focando no cuidado através da divulgação de informações com o objetivo de conscientizar as pessoas

sobre as consequências do uso de entorpecentes. Posteriormente ao Rolantchê, uma nova reunião será para avaliar melhorias necessárias e resultados alcançados. A Associação Rolantense de Eventos (ARE) apoiou a ideia e cedeu espaço para o trabalho que será realizado pela equipe do Caps. Práticas como esta já são comuns em cidades co-

mo Igrejinha, durante a Oktoberfest. A reunião foi concluída abordando a possibilidade de criar, em 2014, junto com a Semana de Luta Antimanicomial, um Fórum para tratar das questões envolvendo álcool e outras drogas, onde se pretende chamar lideranças do município e também toda a comunidade a participar.

ASSOCIAÇÃO DOS CONTABILISTAS DO VALE DO PARANHANA (Acon) informou a realização de palestra sobre o Projeto Integrar/Redesim, voltado aos contabilistas da região. O evento acontecerá no dia 1º de novembro, das 9 horas às 10h30min, no auditório da Acon, em Taquara. A palestra será ministrada por José Tadeu Jacoby, secretário-geral da Junta Comercial do Rio Grande do Sul. CÂMARA DE VEREADORES DE IGREJINHA lançou frente parlamentar de apoio a micro e pequenas empresas. A comissão está em atuação desde setembro e tem como presidente o vereador Vanderlei Petry. O vereador Guto Scherer ocupa a função de relator, enquanto Rogério Jacó é o secretário. O trabalho buscará criar mecanismos e ferramentas para facilitar a abertura e o desenvolvimento de micro e pequenas empresas na cidade. CDL DE IGREJINHA E TRÊS COROAS informou que foi publicado, no Diário Oficial do Estado, edital de notificação de exclusão do Simples Nacional. Foram excluídas do sistema 26 empresas de Igrejinha, 48 de Taquara e oito de Três Coroas. Segundo o CDL, as empresas têm 30 dias para regularizar os débitos ou apresentar defesa administrativa. Informações podem ser obtidas com o contador da empresa. CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS (CDL) DE PAROBÉ promoverá a palestra Venda com Humor. O evento acontecerá no dia 27 de novembro, na Sociedade Cultural e Recreativa, a partir das 20 horas. Sócios pagam R$ 20,00 e não sócios R$ 28,00. Todos deverão doar um brinquedo, cuja arrecadação será revertida para o Natal das Crianças Carentes, promoção da entidade. Os convites são limitados. ASSESSORIA IMOBILIÁRIA

Rua Júlio de Castilhos, 2689 - Sala B - Fone: 3541.5900 - Taquara www.projeta.imb.br

ROLANTE - A fim de arrecadar dinheiro para a formatura da turma do Jardim B da Escola Municipal de Educação Infantil Meu Cantinho, 22 alunos estão comercializando lanches (foto) no centro da cidade, fabricados com apoio das professoras nas manhãs de sextas-feiras. A turma é organizada, tem escala de quem vai levar lanche a cada semana e, no dia de sair para vender, todos usam jalecos e crachás identificando-os. “Em cada lugar que chegam, eles mesmos dizem o que estão fazendo. Nós, professoras, somos apenas auxiliares deles”, comenta a professora Cintia Reichert.

Divulgação/Edna Cardoso

Alunos comercializam lanches para custear formatura

VACA CENOGRÁFICA - O presidente do Sindicato Rural do Vale do Paranhana, Sérgio Luce, informou que recebeu do Senar a confirmação da presença da Vaca Cenográfica (foto) no Parque Municipal Vitor Mateus Teixeira, durante a realização do 29° Rolantchê Internacional, que acontecerá de 6 a 10 de novembro. A vaca cenográfica faz parte do Programa Leite Legal, do Sistema CNA/SENAR. Com o equipamento, os participantes poderão ouvir e visualizar informações sobre o Programa Leite Legal e a qualidade do leite produzido. Segundo Luce, a atração deverá chamar a atenção, em especial, dos produtores e estudantes de escolas técnicas federais.

Divulgação


ALICE

TAQUARA: 3541.0400 PAROBÉ: 3543.6588

imóveis CRECI 20.749-j

aliceimoveis@aliceimoveis.com.br

AQUI

Imobiliária Conveniada

Ficha limpa para cargos de confiança

Feira da Melancia em janeiro

PAROBÉ - O prefeito Cláudio Silva sancionou projeto de lei de autoria do vereador Moacir Jagucheski que cria regras para a nomeação de cargos de confiança. A partir da lei, nenhum cidadão que tenha sido condenado por crimes enquadrados na lei da Ficha Limpa, como lavagem de dinheiro, tráfico de drogas e corrupção, poderá tomar posse e exercer funções na prefeitura e na Câmara de Vereadores. Segundo Jagucheski, quando houver a indicação de um funcionário, este deverá entregar uma declaração de que não se encontra em situação irregular, além de certidões negativas atualizadas cíveis e criminais da Justiça Estadual, Federal e Eleitoral.

PAROBÉ – Uma reunião realizada na semana passada definiu a data da próxima edição da Feira da Melancia. O evento acontecerá de 10 a 19 de janeiro de 2014 na Praça 1ª de Maio. O período foi escolhido durante o encontro dos produtores rurais com o Secretário de Desenvolvimento Rural, Augusto de Oliveira, com a diretora de Desenvolvimento Rural, Adriana Pereira, e com o Secretário Geral de Governo, Claudecir Barbosa.

Autorizado saque do FGTS a desabrigados PAROBÉ – A partir desta semana, as 157 famílias atingidas pela enchente no mês de agosto podem encaminhar o saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Moradores dos bairros Mariana, Nova Guarujá, Paraíso, Santa Cristina do Pinhal, São João e XV de Junho, que foram notificados pela Secretaria de Defesa Civil, podem encaminhar a documentação na Secretaria de Desenvolvimento Econômico. O valor máximo para o saque no FGTS é de R$ 6.220,00. Mais informações, assim como lista de documentos necessários para o encaminhamento, podem ser obtidas pelos telefones 98655856 e 9192-5389, com Lodeir de Souza. DIA DA ANIMAÇÃO – Parobé, pela primeira vez, será uma das 20 sedes do Dia Internacional da Animação no Estado. O evento acontecerá na Praça Coberta 1º de Maio, na próxima segunda-feira, a partir das 19 horas. Haverá abertura oficial e, logo após, a exibição dos curtas nacionais e internacionais. De 29 de outubro a 1º de novembro, uma equipe visitará as escolas municipais e exibirá curtas infantis. Esta é a décima edição da mostra, organizada pela Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA) e a exibição é uma promoção da Prefeitura, com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Eventos Turísticos e Secretaria de Educação.

REGIONAL

Cidade tem patrulha agrícola RIOZINHO - A Prefeitura recebeu, nesta semana, uma patrulha agrícola, resultado de emenda parlamentar do deputado federal Alceu Moreira (PMDB). Também foi obtido um trator e comprados um sub-solador e uma máquina para colher milho. Na foto, o prefeito Airton Trevizani, o vice Valério Esquinatti e o secretário de Agricultura, Sérgio Koch.

Polícia Civil recebeu carro da Consulta IGREJINHA – Na semana passada, o prefeito Joel Wilhelm participou de uma cerimônia de entrega de viaturas para a Polícia Civil. O encontro aconteceu no Palácio Piratini, em Porto Alegre, e destinou um Fiat Palio Adventure para Igrejinha, proveniente da Consulta Popular. Para o prefeito, o veículo proporcionará mais mobilidade para que a polícia continue o eficaz serviço que vem prestando à comunidade igrejinhense.

Outubro Rosa com palestra ROLANTE - “Celebrando o Outubro Rosa”: este será o tema da palestra que o médico André Bendl ministrará às mulheres da cidade na próxima quarta-feira. O evento acontecerá na Sociedade Carlos Gomes e abordará a prevenção ao câncer de mama e de colo do útero. A iniciativa é da administração municipal de Rolante em parceria com a Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agropecuária (Acisa).

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Médico atua há 42 anos em hospital TRÊS COROAS - Na sexta-feira passada, data em que se comemorava o dia do médico, a Fundação Hospitalar Dr. Oswaldo Diesel aproveitou para homenagear um profissional que atua há 42 anos na casa de saúde três-coroense: Mauro Frota Michalski. O nome dele passou a identificar o bloco cirúrgico do hospital. A homenagem foi feita numa cerimônia-surpresa no final do dia, com a participação de autoridades municipais, como o prefeito Rogério Grade. Na ocasião, foi relembrada a participação do médico na conquista do atual bloco cirúrgico, que segue todas as normas da Vigilância Sanitária. O médico já anunciou que, em dezembro, deverá deixar de atuar no hospital. Antes disso,

Divulgação

Mauro Michalski (terceiro à esquerda), com autoridades: conquista do bloco cirúrgico

porém, ele é o garoto propaganda do novo carnê hospitalar que arrecada recursos para a manutenção da casa de saúde.

Brincadeira com Grenal beneficia o Lar Padilha TAQUARA - Na terça-feira, o funcionário da Prefeitura de Taquara Alex Sandro de Jesus Ferreira, popularmente conhecido como Parobé, realizou a entrega de 48 litros de leite ao diretor do Lar Padilha, Fernandes Vieira dos Santos. A arrecadação do alimento se deu de forma inusitada. Parobé, que trabalha no Palácio Municipal das 7 às 14 horas, teve a ideia, na sexta-feira passada, de promover um bookmaker (bolão) por ocasião do Grenal. Após cumprir sua jornada de trabalho, Parobé passou pelos setores da administração colhendo os palpites dos colegas. Como não houve acertador, o valor

arrecadado com as apostas (R$ 110,00) foi direcionado para a compra do leite. Na foto, o pastor Carlos Bock, diretor da mantenedora do Lar, os funcionários da prefeitura André Luiz da Silva e Patrícia Liege de Vargas, além do diretor Fernandes e de Parobé.

Cidade pode ganhar unidade profissionalizante

PAROBÉ - A viabilidade da implantação de uma Unidade de Extensão Profissional foi tema de encontro no gabinete do prefeito Cláudio Silva (foto). O encontro ocorreu no último dia 17 e contou com a presença de representantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS). Estiveram presentes os pró-reitores de extensão do IFRS, Viviane Ramos e Jesus Borges, que falaram sobre os critérios de escolha do MEC na implantação de uma unidade tecnológica. Também foi tratado o aumento de cursos do Pronatec, que atualmente oferece, em Parobé, cerca de 200 vagas por ano, formando profissionais em áreas administrativas da indústria. Estiveram presentes, também, os secretários Jorge Martins (Assistência Social), Samuel Mosmann (Desenvolvimento Econômico), além da diretora de Educação, Raquel Caetano, e João Pires, presidente do Sindicato dos Sapateiros. PALESTRA SOBRE DEPENDÊNCIA - Será realizada nesta sexta-feira, a partir das 20 horas, uma palestra sobre a dependência química no Centro de Cultura Remitto René Haack, em Três Coroas. A atividade ficará a cargo do psicólogo Leandro Lopes da Silva. Para participar é necessária a doação de um quilo de alimento não perecível. A realização é da Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social.

INFORME

Vereador Beto Timóteo GABINETE MÓVEL NO BAIRRO MUNDO NOVO A 15ª edição do Gabinete Móvel, promovida pelo vereador Beto Timóteo no Bairro Mundo Novo, aconteceu na Rua Germano Paiva, ouvindo os moradores daquela região da cidade. Na ocasião, o líder comunitário Evanir Ramos expôs as necessidades da comunidade, dentre as quais a expansão da rede elétrica, saneamento básico e a ampliação do itinerário de transporte urbano, a “linha circular”. O vereador Beto Timóteo agradeceu o reconhecimento e a participação da comunidade, salientando que “a realização do Gabinete Móvel trata-se de uma ação inovadora, nunca vista antes no município”, e que o objetivo é realizar 24 edições, tanto no centro de Taquara, quanto nos bairros e no interior. Beto se comprometeu a encaminhar todos os pedidos, fiscalizando e acompanhando a sua tramitação e concretização.

9


10

PANORAMA

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Do caminhão até a chopeira, 700 pessoas trabalham pelo chope gelado Tradicionalmente, a região aguarda a Oktoberfest e sua programação. Os shows nacionais, trilhas de moto, jipe e bicicleta, desfiles, gastronomia, jogos germânicos, confraternização entre amigos. Contudo, ao som de “jetzt geht’s los”, a vontade de beber chope fala mais alto e a bebida se torna o grande atrativo da festa. Prova disso é que no ano passado foram consumidos 181 mil litros da bebida. Nesta semana, Panorama conheceu os responsáveis por garantir o chope gelado aos visitantes. Para tanto, a reportagem conversou com Analise Linden, coordenadora da Central do Chope. Funciona assim: recém-saídas da fábrica, duas carretas posicionadas dentro do parque são responsáveis por abrigar o chope que será consumido

pelos visitantes. Elas estão ligadas ao chopeduto (canais aéreos que levam a bebida para todo o parque) e ele às chopeiras. Para fazer a ponte entre equipamentos e apreciadores, há 24 equipes de voluntários, distribuídas por todo o parque, que trabalham em diferentes horários, sendo que cada turno tem entre quatro e cinco horas. “Os números são generosos. Há cerca de 120 chopeiras distribuídas pelo parque sendo que todas, exceto as do Bier Platz (onde a bebida vem de barris), são alimentadas pelo chopeduto. Além disso, cada ponto tem pessoas que servem o chope, outras que o entregam aos consumidores e recebem os tickets e os fiscais. Ao todo, aproximadamente 700 pessoas trabalham unicamente com o chope. Nes-

te ano, temos o desafio de comercializar 200 mil litros da bebida”, explicou Analise. Já a Central do Chope atua para que tudo funcione em harmonia. Além de coordenar as equipes (compostas por grupos de amigos e famílias), o órgão é responsável por fornecer os materiais necessários para as mesmas (como copos e gelo para os freezers que armazenam refrigerantes e águas) e por fiscalizar as trocas de equipes. Já “o chope é gelado na própria chopeira. E, tanto ao chope quanto às bebidas não alcoólicas, o pessoal não precisa se preocupar: eles estarão sempre bem gelados e em abundância. Trabalhamos e nos preparamos o ano inteiro para o sucesso da festa e alegria daqueles que a prestigiam”, disse a coordenadora. Fotos: Guilherme Augusto

Divulgação/Juliano Arnold

Desfile atraiu cerca de quatro mil pessoas Como de costume, a manhã do primeiro domingo da Oktoberfest foi reservado para o desfile oficial. Desta vez, cerca de quatro mil pessoas assistiram, se encantaram e registraram em suas câmeras a atividade que percorreu a avenida Presidente Castelo Branco em direção ao Parque de Eventos Almiro Grings. O desfile foi dividido em três alas. A primeira narrou histórias contadas em povoados alemães. A segunda contou a trajetória de Igrejinha, dos índios, dos primeiros imigrantes, do polo calçadista até a cidade, prospectando o seu futuro. A terceira contou

a história da festa, com apresentação das comissões que a compõem e participação de presidentes e soberanas de edições anteriores. Por fim, o Bierwagen encerrou a atividade e distribuiu chope aos presentes. Ao todo, segundo a Secretaria Municipal de Educação, que realizou a atividade, cerca de 800 pessoas compuseram o desfile que teve direito, inclusive, a cenários e carros alegóricos. Neste sábado acontecerá a Parada Festiva, que inicia às 15 horas, saindo da avenida Presidente Castelo Branco em direção ao Parque. Fotos: Guilherme Augusto

Diretoria da festa com a chave da cidade e o primeiro brinde da Oktoberfest

INICIANDO A FESTA - A abertura oficial da Oktoberfest foi realizada na sexta-feira passada, ao som da banda alemã Wandermusikanten. Na ocasião, Luciano Dutra Lima, da Brasil Kirin (Schincariol) lançou um desafio à festa: comercializar 200 mil litros de chope. O vice-presidente da Amifest, Leandro Kunst, destacou o modelo de gestão da Oktoberfest. O presidente da Amifest, Clóvis Werb, agradeceu o trabalho dos voluntários. “Não tenho como mensurar a felicidade de estar aqui hoje na condição de presidente voluntário, mas posso dizer que é do tamanho do amor que eu sinto pela festa e pela minha cidade, tam-

bém na mesma proporção do orgulho que cada voluntário demonstrou ter durante o evento que ocorreu no último dia 12 na nossa foto coletiva”, disse emocionado. Durante a solenidade também aconteceu a inauguração do espaço do voluntário, lugar dedicado às cerca de três mil pessoas que trabalham durante o evento. “Nossas ações este ano sempre se voltaram para a valorização do nosso voluntário e esse espaço, hoje e no futuro, certamente será uma trincheira de luxo que cada um de vocês poderá usufruir a partir de hoje para apreciar o que de melhor acontece no nosso parque”, afirmou o presidente.

11

PROGRAMAÇÃO SEXTA-FEIRA - dia 25 20h - Abertura do parque 23h - Show Peaches & Cream e Motivo Doze 1h - Show Rodrigo Ferrari 5h - Encerramento das atividades Bandas: Típica do Sax, União dos Velhos Tempos, Real Madri, Happy Brass, Hopus, Choppão, Porto do Som, Real de Nova Petrópolis e Orquestra Continental de Santa Catarina. SÁBADO - dia 26 13h30min - Abertura do parque, com entrada franca até as 16 horas. 14 às 17 horas - Jogos germânicos e apresentações artísticas 15h - Parada Festiva - saída da avenida Presidente Castelo Branco em direção ao parque de eventos 17h - Encerramento do projeto "Oktoberfest, Cultura e Tradição Fazendo a Diferença". 18h - Show Peaches & Cream e Motivo Doze 20h - Apresentação do presidente e vice da 27ª Oktoberfest 5h - Encerramento das festividades Bandas: União dos Velhos Tempos, Típica do Sax, Típica do Verno, Real Madri, Choppão, Orquestra Os Montanari, Musical Emoção, Banda Hopus, Rainha Musical, Banda 10, Porto do Som, Brilha Som, Banda Berlin, Real de Nova Petrópois, Banda Munich e Orquestra Continental de Santa Catarina. DOMINGO - dia 27 10h30min - Abertura do parque, com entrada franca até as 13 horas. 12 às 15 horas - Apresentações artísticas 20 horas - Show Latino Bandas: Tannenwald, Típica do Verno, União dos Velhos Tempos, Brilha Som, Musical Encanto, Banda Berlin, Orquestra Os Montanari, Orquestra Continental de Santa Catarina, DJ Fuzil, Banda Real Madri, Banda Munich e Real de Nova Petrópolis.

Alegria foi marca presente no desfile

Cidade amanheceu ao som de bandinhas

SERVIÇO Ingresso: R$ 12,00 Idosos (acima de 60 anos): R$ 6,00 Estudantes: R$ 9,00 (mediante apresentação de carteira estudantil dentro do prazo e documento com foto) Crianças de até 10 anos não pagam ingresso. Pessoas com traje típico alemão completo também não pagam a entrada. Copo de chope: R$ 5,00 (440 ml) Refrigerante e água: R$ 2,50 Cerveja sem álcool: R$ 5,00

Analise, terceira à direira, junto da equipe da Central do Chope: missão é garantir o abastecimento

Os Metralhas (Schmitz, em outros meses do ano): uma família há gerações servindo chope

Equipes reúnem amigos e famílias

Pessoas que fazem a festa acontecer

Há 24 anos, Sueli Schmitz se envolve na organização da Oktoberfest de Igrejinha com sua família. Os Metralhas, como o grupo é intitulado, trabalha nas chopeiras, entregando bebida aos visitantes. “Sempre fui apaixonada pela Oktober. Não só por proporcionar alegria às pessoas, mas também por poder ajudar nossa comunidade e melhorar a vida de todos. Através dos repasses, nós, que fazemos a festa, ajudamos o hospital, Apae, escolas, e tudo isso é muito gratificante. Quero viver até os 120 anos e estar aqui, de bengalinha, servindo chope”, contou a “avó metralha”. Ana Paula Schmitz, filha de Sueli, lembrou outro ponto da festa ao afirmar que “cada pessoa tem sua religião e isso deve ser respeitado. Contudo, a Oktober deve ser vista não só como uma festa, mas como algo que salva vidas através do hospital, que as transforma através da Apae, que protege com a Brigada Militar. Independente de crença ou religião, a festa faz muito pelas pessoas”, comentou.

Presente na realização da festa de outubro igrejinhense desde sua segunda edição, foi com emoção e lágrimas nos olhos que Analise respondeu à reportagem. “Trabalho pela festa há 25 anos, sempre por amor. Nada é mais gratificante do que ajudar as pessoas, contribuir para vê-las alegres, sorrindo, se divertindo. É incomparável a sensação de poder fazer pessoas felizes através do teu trabalho. Já passei por vários setores e há uns 10 anos estou na Central do Chope e, na Oktober, trabalho por amor, por prazer, sem ver o tempo passar”, contou.

CALENDÁRIO OFICIAL - A Oktoberfest passará a fazer parte do calendário oficial de eventos do Estado. O projeto de lei, de autoria do deputado estadual João Fischer (Fixinha), foi aprovado na sessão de terça-feira da Assembleia Legislativa. O deputado salientou que a festividade é uma das principais do gênero no país. "Nada mais justo do que dar o devido reconhecimento a uma festa tão significativa para a cultura do nosso Estado", disse o deputado.

Amifest comemora a boa presença de público O primeiro fim de semana da 26ª Oktoberfest de Igrejinha foi de comemoração para os organizadores da festa. O forte calor de sábado e domingo impulsionou a venda de chope e reuniu público acima do esperado. Mesmo com estas informações, a direção da Associação de Ami-

gos da Oktoberfest (Amifest) informou que números parciais da festa não serão divulgados neste ano. É a primeira vez, nos últimos anos, que a Amifest toma esta decisão. Segundo a entidade, os dados de público e consumo de chope só serão divulgados após o término da Oktoberfest.

Soberanas de edições anteriores contagiaram o público

CENTRO DE EVENTOS - Durante a cerimônia de abertura da Oktoberfest, o prefeito Joel Wilhelm anunciou a liberação, por parte da Caixa Econômica Federal, do projeto do novo Centro de Eventos de Igrejinha. De acordo com Joel, a verba provém de emenda parlamentar do deputado federal Renato Molling, no valor de R$ 1.072.000,00. O recurso foi solicitado pela última diretoria da Amifest, comandada pelo ex-presidente Sérgio Lampert. O atual presidente da associação, Clóvis Werb, recebeu das mãos do prefeito o documento em que a Caixa aprova o projeto, que agora passa para o processo de licitação. O espaço (perspectiva acima), que será construído junto ao parque, receberá 450 pessoas e deverá ser inaugurado no ano que vem, quando Igrejinha comemora o seu cinquentenário.

Atuando no mercado desde 2002, a Maxplin tornou-se referência no ramo de produtos de higiene e limpeza. Em constate aperfeiçoamento, a empresa prima pela qualidade dos produtos e pela satisfação dos clientes. Com este perfil, a Maxplin, sediada em Taquara, estendeu sua atuação por todo o Estado. Consulte nossa linha de produtos.

w w w. m a x p l i n . c o m . b r Fone: 3541.5604 | maxplin@terra.com.br

Apae e seus alunos receberam aplausos da comunidade

Patrocínio: Magali Flocke Hack Assessoria Jurídica Kunst Materiais de Construção Flesch Motoboys | Unipacs Supermercado Zambelli Mattos Segurança Eletrônica Irani Máquinas e Motores Esquina do Pão | Rota da Serra - Sthill Dr. Sérgio Luis da Silva Advogado Farmácia Galeno Mérito Processamento de Dados Embutidos Smaniotto Loja de Colchões Ortobom Werb Advogados

O tradicional Chope em Metro também foi representado

Jipeiros fazendo barulho aos quatro mil espectadores

Apoio: Lojas Deltasul | Prefeitura de Igrejinha Stylo Lanches | Distribuidora Léia


12

DIET

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Orquestra Fundarte apresenta concerto Sesi Catedrais amanhã

NATAL EM CANTO 2013 6 de dezembro, às 21h. Rua Júlio de Castilhos, 2150 Taquara - 3542-1328 santa@santateresinha.com.br www.santateresinha.com.br

mara Fundarte na programação de concertos do projeto Sesi Catedrais é levar a música orquestral para comunidades que não têm acesso a essas sonoridades, em especial aos

trabalhadores da indústria, contribuindo para a formação de plateias. Com realização do Sesi, o concerto será apresentado com entrada franca.

Banda Face Única prepara o lançamento do seu CD IGREJINHA - A Banda Face Única, do segmento pop rock gospel, se apresentou em dois eventos no final de semana passado. No sábado, tocou no Planeta Gospel, em Sapiranga, abrindo o show de grandes nomes do meio gospel, como Filhos do Homem e Oficina G3. Já no domingo, foi uma das bandas convidadas para tocar na tarde gospel do Festival Nacional da Música, em Canela, ao lado de artistas evangélicos de renome, como André Valadão, Mara Lima, Cassiane, Asaph Borba, Anderson Freire, entre outros. A banda tem um trabalho de 12 anos fazendo cover de grupos de rock e pop rock do meio gospel, tocando em eventos evangélicos e igrejas da região. Neste ano, os músicos decidiram gravar seu primeiro CD, somente com canções próprias, e estão organizando o seu lançamento para 9 de novembro, às 20 horas, no Parque de Eventos Almiro Grings, em Igrejinha. Eles também apresentam um programa na Rádio Gospel 89FM, todos os sábados, das 17 às 18 horas. “Estamos muito felizes. No final-de-semana passado participamos de dois eventos muito importantes para a música gospel do Rio Grande do Sul, e por que não dizer, do Brasil”, comentou Junior Teixeira, baixista e líder da banda. “O Planeta Gospel reuniu um público jovem, e várias bandas subiram no palco, em que a Face Única abriu o even-

Divulgação

Grupo gospel abriu show de grandes cantores do meio em Sapiranga

to. Já na Festa Nacional da Música, dividimos palco com nomes muito importantes da música gospel, e tivemos a oportunidade de mostrar nosso trabalho, além de poder divulgar o lançamento do nosso CD. Já estamos nos preparativos para o grande dia, e esperamos todos para comemorarmos juntos esta conquista”, ressaltou Júnior.

Coral Municipal participou de Encontro de Coros da Fundarte

ROLANTE – O Coral Municipal (foto) participou do II Encontro de Coros da Fundação Municipal de Artes de Montenegro (Fundarte), no Teatro Therezinha Petry Cardona, no sábado passado. O evento se propôs a reunir e integrar estudantes de canto de Montenegro e cidades próximas para mostrar o que vem sendo estudado pelos grupos. Segundo o regente do Coral, maestro Giovani Costa, esta foi a primeira vez que o Coro Municipal saiu de suas “fronteiras” para participar de um festival a nível nacional e internacional. A atividade buscou aprimorar tanto os elementos musicais quanto as habilidades técnicas específicas do canto.

Sesc realizará evento para os comerciários neste final de semana

TAQUARA – Amanhã e domingo, o Sesc (Serviço Social do Comércio) Taquara realizará sua programação em homenagem ao Dia do Comerciário, comemorado na próxima quarta-feira. Por isso, neste sábado, a Sociedade Cinco de Maio receberá o grupo Buenas e

M’espalho, que apresentará seu repertório de músicas gauchescas. A entrada será um quilo de alimento não perecível e a atração sobe ao palco às 20 horas. Portadores do Cartão SESC concorrerão a brindes no final do evento. O domingo será marcado por uma série de

Semana da Criança foi comemorada na Vovó Domênica TAQUARA - A Escola Municipal Vovó Domênica comemorou, durante este mês, a sua Semana da Criança, com mostras de trabalhos nos corredores do educandário e exposição de projetos desenvolvidos pelas turmas. Também foram realizadas encenações de histórias infantis, piquenique no pátio, festa à fantasia, oficinas de penteado maluco, pintura no rosto, culinária e circuito de

exercícios. A semana finalizou com diversões nos brinquedos infláveis. O Dia do Professor também foi comemorado com surpresa para os educadores.

atividades oferecidas no Parque do Trabalhador. A partir das 15 horas, a comunidade poderá desfrutar de brinquedos infláveis, aulas de ginástica, além de demais serviços de saúde e lazer. As atividades serão gratuitas e em caso de chuva o evento será cancelado.

Academia Andanças em Bento TAQUARA – No início deste mês, a Academia Andanças participou do Festival Bento em Dança, tradicional promoção que ocorre anualmente em Bento Gonçalves. Apresentando 18 coreografias (foto), que foram todas premiadas, a academia de Rita Candemil teve duas participantes indicadas como melhor bailarina: Mariana Roldo e Laura Salim. A Andanças ainda foi escolhida como a melhor escola de dança do Festival, obtendo ainda uma vaga para o festival Passo de Arte, em São Paulo.

Divulgação

OFICINA DE ARTE

Após realizar um city tour pelas ruas de Taquara para conhecer um pouco mais sobre a cidade através de seus prédios históricos, os estudantes tiveram a oportunidade de vivenciar uma experiência sem igual, e para isso contaram com a colaboração de um convidado muito especial, o professor e artesão João Batista Morais, que realizou uma oficina de artes encantadora, onde os estudantes puderam aprender várias técnicas de pintura para compor suas telas. Cada turma pintou sobre uma perspectiva diferente. A turma 131 pintou os prédios históricos numa manhã de sol, e a turma 132 retratou suas telas ao entardecer. Após esse momento tão especial, cada aluno pôde perceber que a arte está muito próxima e que dentro de cada um de nós mora um artista, basta que deixemos nossa imaginação fluir! De uma forma especial, agradecemos a presença do professor João, que dedicou seu tempo para nos proporcionar essa belíssima experiência. Com certeza o aprendizado sobre a cidade de Taquara se tornou muito mais gratificante e encantador.

Divulgação/Cláudio Etges

Orquestra tem programa que mescla música erudita e popular

Divulgação

A semana das crianças no colégio foi muito animada nas manhãs do turno inverso. Além de muitas brincadeiras e atividades divertidas, os estudantes encerraram as atividades colocando a mão na massa! Juntamente com as professoras, os alunos aprenderam a fazer uma deliciosa receita de cupcake! Foi muito divertido aprender brincando! Para quem quiser fazer em casa, segue a receita: Ingredientes: 125g de margarina sem sal 1 xícara de açúcar 2 ovos 1/2 xícara de leite 1 xícara de achocolatado em pó 1 xícara de farinha de trigo 1 colher de chá de fermento Modo de fazer: Bater os ingredientes na batedeira de acordo com a ordem citada acima, um de cada vez. Levar ao forno pré-aquecido a 180° por aproximadamente 20min.

Divulgação/Edna Cardoso

CUPCAKES DO TURNO INVERSO

IGREJINHA - Integrando o projeto Sesi Catedrais, neste sábado, a partir das 20 horas, a Orquestra de Câmara Fundarte, sob a regência do maestro Antônio Borges Cunha, vai apresentar concerto na Igreja Matriz de Igrejinha - Paróquia Imaculada Conceição. No programa que mescla música erudita e popular, estão obras de W. A. Mozart, Johann Sebastian Bach, Carlos Gomes, Villa-Lobos, Carlos Gomes, Ástor Piazzolla, Guerra-peixe, Gilberto Monteiro e Ramon Sixto Rios. O concerto tem como solistas os músicos da Orquestra Giovani dos Santos (violino), interpretando Concerto para Violino em Lá menor (Johann Sebastian Bach), e João Campos Neto e Bruno Esperon (violinos), interpretando Merceditas (Ramon Sixto Rios). Segundo o maestro Borges Cunha, o diferencial apresentado pela Orquestra de Câ-


PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

13

inge@tca.com.br

PARALELAS Inge Dienstmann

Vaso trincado

Fiquei ligada! Penso que muitas outras pessoas também. Na novela Global do horário nobre, nesta semana, os atores Ary Fontoura e Nathália Timberg receberam do autor Walcyr Carrasco a desafiadora incumbência de exporem o amor e a sexualidade na idade avançada. Primeiro: vejo novela, sim. Às vezes só escuto o diálogo, enquanto me envolvo em outra atividade, mas na cena de amor destes dois atores, não consegui desgrudar os olhos da televisão. Todos sabemos que o amor existe para esta faixa etária, mas temos curiosidade em imaginar como as pessoas superam suas inseguranças para viver uma paixão aos 70 anos ou mais, por exemplo. Muita gente, aos 20 ou 30 anos, se impõe reservas porque acha que não tem um corpo dentro dos padrões midiáticos, e que o(a) parceiro(a) não irá apreciar a intimidade. Isto prova que a arte de aproveitar os prazeres da vida precisa ser conquistada, cultivada mesmo com cuidado, independente da faixa etária. O que precisa ser derrubado são os tabus, o medo de ser ridículo, muito mais do que os quilos a mais, os seios flácidos, a barriga proeminente, a calvície, a celulite, enfim, as rugas e babados que não escolhem sexo. Mas, na linha das relações afetivas, acho especialmente intrigante, por outro lado, um fenômeno que ocorre com casais que sofrem alguma mudança importante na vida, quer seja a doença de um dos cônjuges, de um dos filhos, uma traição, uma queda de padrão financeiro. Já observei vários casos em que alguma destas situações leva a uma ruptura difícil de ser costurada de forma a que a relação volte a ficar confortável e prazerosa. Um tempo atrás ouvi o relato de uma mulher que teve um filho com síndrome de Down, e que foi abandonada pelo marido incapaz de lidar com a situação. A partir do diagnóstico da criança, os ânimos entre eles, especialmente o sexo, se tornou impraticável. Ocorreram acusações mútuas, o “vaso trincou”, e mesmo que ainda comportasse água, nenhum deles mais quis depositar flores. Anos depois, com a situação do filho especial equilibrada, a mulher construiu uma nova relação com outra pessoa. Difícil? Mas possível! Assim como teria sido possível ao casal original manter a relação, se não tivessse deixado o “vaso trincar”, assim como tantos outros casais mostram ser viável, deixando que o amor (não a paixão) indique o caminho para a tolerância, a cumplicidade e a colaboração mútuas, que aproximam ao invés de afastar.

Inscrições abertas para festivais de música católica

PAROBÉ – Interessados em participar da quinta Fimuc (Festival de Interpretação de Música Católica) e terceira Colmeia da Canção podem fazer suas inscrições até o dia 1º de novembro. Os festivais serão realizados nos dias 16 e 17 de novembro, compondo o projeto Evangelizar Pela Música, promovido pela Comunidade São João Batista. O Fimuc reunirá participantes das capelas, movimentos e pastorais da própria comunidade católica de Parobé. As apresentações acontecerão no dia 16, a partir das 19h30min, no barracão da Comunidade Santa Luzia, no bairro Guarujá. Já a terceira Colmeia da Canção é um festival de músicas inéditas aberto para católicos de qualquer parte do País, onde serão definidos dez que estarão, juntamente com o primeiro e segundo colocado do FIMUC, subindo ao palco no dia 17, a partir das 13h30min. O ingresso será gratuito e mais informações, assim como o regulamento completo, podem ser obtidas pelos telefones 3543-1501 e 9870-2531. Além disso, o site da Paróquia São João Batista também disponibiliza o regramento através do endereço www.sjbparobe.org.br.

Do meu tuíter @Plinio_Zingano - “Artista de rua”? Parem com essa bobagem. Só fica na “rua” artista que não tem reconhecimento pago. Se tiver, sai da rua.

TRÊS HISTÓRIAS

Anotações para três pequenos contos. Primeira história – Eduardo consegue, finalmente, reaver um dinheiro emprestado. Seu devedor marca o pagamento no centro da cidade e – incrível – comparece. Quando a grana é entregue, um trombadinha passa correndo e leva tudo. O devedor defende-se: “eu paguei!”. Sobra apenas o valor da passagem de volta para casa. Otimista, Eduardo entra numa lotérica, para apostar numa raspadinha; vai tentar recuperar alguma coisa. Enquanto paga, surgem dois ladrões armados. Novo assalto. Eduardo mantém-se calmo. Fica sem dinheiro, porém um de seus irmãos trabalha num banco ali perto. O mano quebra o galho, entretanto pede-lhe que, antes de voltar para casa, vá a uma padaria comprar pão. Até lhe empresta seu automóvel. Na padaria, outros dois ladrões entram e roubam tudo, inclusive o carro. Agora, quase chorando, Eduardo vê os vagabundos ligarem o motor do carro, mas não saírem do lugar. Um bendito pneu furado dá fim ao azar. Segunda história – Morreu a vovó de Mariazinha, garota de cinco anos, maluca por chicletes. O velório é daqueles antigos, realizados em casa, com moedas sobre os olhos, como o costume. A menina chateia a mamãe, querendo ir ao bolicho comprar as gomas. Para acalmá-la, mamãe lhe dá duas moedinhas. Mariazinha desconhece o valor do dinheiro, mas, fitando as moedas que estão nos olhos da vovó, constata que são maiores e conclui que, certamente, conseguirá mais chicletes com elas. Por isso, faz a substituição. Quando volta do armazém, com a boca cheia, mamãe desconfia da quantidade, pois não lhe dera tanto dinheiro. Olhando para a vovó, entende tudo e corre zangada atrás de Mariazinha que foge, passando por baixo do caixão apoiado sobre os tradicionais cavaletes. A menina calcula mal e levanta a cabeça antes do tempo, quase derrubando a morta. Pelo resto do velório ficou longe da mãe, no pátio. Quando aparece uma cobra, grita de medo, mas ninguém acredita nela. Já no cemitério, durante a encomendação, mamãe tenta beliscar-lhe o braço, mas, novamente, ela foge. A cerimônia prossegue até ser interrompida por gritos apavorados: “mamãe, me tira daqui!”. Mariazinha está caída, aos berros, dentro da cova reservada para a vovozinha. Terceira história - Seu Raul morre. Todos ficam muito tristes porque é um membro benquisto na comunidade. Na hora do sepultamento, depois da alocução do padre, os presentes se mantêm em silêncio; os coveiros depositam o caixão na sepultura e se preparam para colocar a campa sobre ela. É então que se ouve um grito lancinante: “ai, ai, meu dedo! para, para!”. O pesado granito caíra sobre o dedo de um coveiro e o respeitoso silêncio se esvai numa constrangida risada. Gostaram da minha imaginação? Agradeço muito… mas não inventei nada. O Eduardo era irmão do meu cunhado e os assaltos aconteceram em Porto Alegre. A Mariazinha é a Ana Maria, hoje professora, minha colega, e o caso ocorreu em Tucanos com cobra e tudo. Finalmente, seu Raul era pai de um amigo meu, o Mauro; eu estava presente no enterro, na zona sul de Porto Alegre. Apenas transcrevi a realidade, a mais criativa contadora de histórias.

Olá, queridos amigos Gosto muito de compartilhar com vocês as minhas experiências, ainda mais quando eu tenho retorno: suas opiniões na rua, no supermercado, no Facebook , concordando ou não. E o assunto de hoje é exatamente quando palavras fazem diferença nas nossas vidas. Assisti, nesta semana, a uma palestra de Daniel Kroeff, em Igrejinha, tratando sobre Felicidade no Trabalho. Foram duas horas de colocações de um professor, doutorado, premiado, que colocou foco sobre coisas óbvias, porém muitas vezes adormecidas, escondidas na acomodação da maioria dos mortais. Temos uma necessidade de embasamento para nossas escolhas, e números de pesquisa, entidades renomadas focadas no assunto, comentários pertinentes em programas de televisão, revistas , jornais, e até o popular e fácil Facebook nos dão acesso a tão importantes referências: o quê e como fazer tudo e qualquer coisa na vida. Sim, precisamos de referências. De exemplos. Uma história de superação nos toca profundamente, e nos faz pensar imediatamente: “Eu também posso”. Precisamos ouvir uma palestra, ler um livro ou viajar para refletirmos, precisamos de um terapeuta, de um amigo para mudarmos um pensamento ou uma conduta, precisamos de uma oração para nos conectar com Deus. E isto fica ao alcance de todos, e a grande diferença está em quem absorve e transmuta com as oportunidades abundantes, e quem apenas as contempla. E se o brilhante professor Daniel Kroeff me permite, minha conclusão sobre a Felicidade no Trabalho é simples: basta ser uma pessoa do bem, engajada em seus sonhos, comprometida com a vida e conectada com Deus! Aberta ao aprendizado de todos os dias, grata pela própria existência. Isto, sim, é estilo e elegância!

Cinema, Pipoca e batepapo tarde no dia 30

TAQUARA - O Centro de Arte e Cultura das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), com apoio da Secretaria Municipal de Educação, promoverá, na próxima quarta-feira, dia 30, mais uma edição da promoção Cinema, Pipoca e Bate-papo. O evento acontecerá no Centro Educacional Índio Brasileiro Cezar (antigo Cine Viena), com entrada gratuita, a partir das 14 horas. Na ocasião, será exibida a comédia “O que esperar quando você está esperando”, que aborda os temas da maternidade e paternidade nos dias atuais. Após a exibição, haverá debate sobre o filme.


5

14

Se você curte uma academia, vai bombar saúde com a Revista Panorama. Nas bancas!

Revista PANORAMA

ESPORTES

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Jipe e bicicleta são as atrações na programação esportiva da Oktober

LIONS e LEO CLUBES DE TAQUARA

Facebook.com/lions.taquara Blog: lionstaquara.blogspot.com, e-mail: lions.taquara@yahoo.com.br

“ Fazer o bem faz bem” Alessandra Heller Reis

“Ser, é ser percebido”

George Berkeley, 1710

Os Lions Clubes de todo o mundo, anualmente, reconhecem o trabalho dedicado de profissionais que se destacam em suas comunidades nas áreas de educação, saúde, meio ambiente e segurança. Trabalhadores que realizam sua atividade com algum diferencial sem que muitas vezes sejam percebidos. Em cerimônia realizada no dia 12 de outubro, o Lions Clube Taquara homenageou os quatro profissionais escolhidos como destaques do ano de 2013, oferecendo os prêmios:

IGREJINHA - Depois da 1ª OktoberMarathon e da 8ª OktoberMotoTrilha, que aconteceram no final de semana passado, a programação esportiva da 26ª Oktoberfest continua. Neste sábado e domingo, é a vez da 10ª OktoberJipe e 9ª OktoberBike. Um trajeto especial com muitas trilhas, barro paisagens foi preparado para a 10ª OktoberJipe, que busca incentivar Igrejinha o espírito aventureiro e o companheirismo entre os participantes. Com muitas subidas, descidas e lama, os jipeiros poderão testar suas máquinas aproveitando as paisagens no

interior de Igrejinha, com direito a almoço típico da culinária alemã e brinde com chope gelado ao final da trilha. O evento ocorre neste sábado, a partir das 9 horas, com saída da sede da Aspumi (ao lado da garagem da Prefeitura, no bairro XV de Novembro). A organização é do Jeep Clube Pé da Serra e as inscrições devem ser feitas no local. Informações pelo site www.jcpedaserra. com.br ou e-mail jcpedaserra@gmail. com. Já a 9ª OktoberBike é para quem gosta de pedalar. São trilhas criadas exclusivamente para o evento, que não

é competição, mas sim diversão, reunindo os apreciadores da modalidade mountain bike. Os ciclistas, com o uso obrigatório de capacete, terão a oportunidade de desbravar caminhos junto às paisagens, além de fazer novos amigos e brindar ao final da trilha com chope gelado. Com organização da Associação Igrejinhense de Ciclismo (Assici) e inscrições no valor de R$ 25,00, o evento acontece no dia 27 de outubro, às 9 horas, com saída do Parque de Eventos Almiro Grings. Informações pelo telefone 8490-3365, e-mail contato@assici. com.br ou site www.assici.com.br.

OktoberMarathon e Mototrilhas foram as primeiras atividades

No primeiro final de semana da Oktoberfest, a cidade recebeu cerca de duas mil pessoas para a 1ª OktoberMarathon e a oitava edição do OktoberMotoTrilha. As atividades, que têm o objetivo de estimular o espírito aventureiro

e a solidariedade entre os participantes, superaram todas as expectativas dos organizadores. Carlos Augusto Acker (Duka), representante da comissão de esportes da Oktoberfest, ressaltou que o sucesso pôde ser medido pela adesão e

o número de inscrições de cada atividade: mais de 450 participantes na maratona e cerca de 700 motos participaram do circuito de trilhas pelo interior da cidade e região que encerrou com almoço festivo no Sítio Laruse.

- Da equipe igrejinhense Lagartixa Run, Andréia Hennsler foi a campeã feminina da October Marathon na categoria solo 42 quilômetros. Já Lucas Radtke e Carolina Schneider conquistaram o vice-campeonato na categoria dupla mista, enquanto Maurício Gomes ficou em segundo na sua categoria (50 a 59 anos) na modalidade solo. Acima, Lucas, Carolina e Andréia

- O taquarense José Pedro Holderbaum participou da Oktobermarathon, no final de semana, como preparação para a Travessia Torres-Tramandaí, em janeiro. Ele ficou no terceiro lugar nos 42 quilômetros, na categoria 21 a 30 anos. “A parte mais difícil foi nos 10 primeiros quilômetros, com um trecho de muitas subidas, exigindo muito dos atletas.”, comentou.

- O igrejinhense Deivis Siebel conquistou a quarta colocação geral na maratona da Oktoberfest. “Foi uma excelente prova, duríssima, é verdade”, reconheceu, acrescentando da satisfação em representar a sua própria cidade no pódio da Oktoberfest. O atleta tem o apoio da academia Sport Center e agradeceu ao amigo Cristiano Saurin pela ajuda durante a prova.

Fotos: Divulgação

Lions Educação à Silvia Gelinger

Lions Saúde ao Dr. Dirceu Martins

Ciclistas se destacam em Santa Catarina

Lions Meio Ambiente a Maria Alice Tedesco

Lions Segurança ao capitão André Lima da Silva

Estas empresas estão comprometidas com os projetos em benefício de nossa comunidade

SiStema de Saúde mãe de deuS

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

a casa da sua família GEssO FOrrO

L A M divisórias

TAQUARA - Três ciclistas integrantes da equipe Faccat/ Energia Vital, representando a Associação Taquarense de Ciclismo (ATAC), se destacaram na segunda etapa do Bike Marathon. A prova ocorreu no último final de semana, na Praia do Rosa, em Santa Catarina. Ricardo Baldasso sagrou-se campeão na categoria Master (55 a 59 anos), enquanto que Diego Costa foi o campeão na categoria 50 a 54 anos. Na categoria Master Feminino, acima de 30 anos, a ciclista Carine Backes Dörr foi vice-campeã. Segundo os participantes, o grau de dificuldade foi maior do que o ano anterior, tendo em vista o forte vento que atrapalhou os ciclistas durante todo o trajeto.

Chico vence na natação sulbrasileira

TAQUARA - O nadador taquarense Silvio Chico Holderbaum participou, no final de semana passado, do 26º Campeonato Sulbrasileiro de Natação Master, que foi realizado no Grêmio Náutico União, em Porto Alegre. Chico sagrou-se campeão sulbrasileiro de natação na categoria 55/59 anos, na prova de 100 metros costas. Foi, também, vice-campeão na prova de 50 metros costas e bronze nos 50 metros borboleta. O taquarense, que tem o apoio de Banda Imóveis, destacou a melhora em todos os seus tempos.

Carine: vice na categoria master feminino

Últimos jogos do municipal de futebol de campo PAROBÉ - Estão sendo realizadas as últimas rodadas do Campeonato Municipal de Futebol. No domingo passado, foram disputadas as primeiras partidas da semifinal no primeiro quadro. O Super Trevo venceu por 1 a 0 o Atlético do Vale, enquanto Chivas/ Zeppelin e Ouro Verde empataram em 2 a 2. Os jogos de volta desta categoria serão no dia 3 de

novembro. Já no segundo quadro, os jogos de volta das semifinais acontecem neste domingo, dia 27. No primeiro confronto, o Atlético do Vale bateu por 2 a 0 o Guarani e o Sete de Setembro e Paraíso ficaram no 1 a 1. As semifinais da categoria veterano também iniciam neste domingo, com Ouro Verde x Sete de Setembro e Guarani x União da Vila.

Ricardo Baldasso foi campeão na master

Igrejinha perdeu em casa para o Veranópolis IGREJINHA – Jogando em casa no último sábado, o Esporte Clube Igrejinha não resistiu a pressão do Veranópolis e perdeu de virada pelo placar de 2 a 1. Com o resultado, a equipe do Paranhana saiu do campeonato e agora aguarda o calendário oficial da Federação Gaúcha de Futebol para definir as competições em 2014, e também inicia a preparação da equipe sub-17, para a Copa Cidade Verde, em Três Coroas.


A cobertura diária do plantão policial dos seis municípios do Vale do Paranhana você pode conferir no site do Jornal Panorama. Acesse www.jornalpanorama.com.br.

Motocicleta atropela policial TAQUARA - Um policial militar ficou ferido em acidente no interior da cidade. O fato aconteceu por volta de 11h40min de terça-feira, na estrada de Serra Velha, no distrito de Pega Fogo. Segundo a ocorrência, os policiais tentaram abordar uma motocicleta, cujo condutor diminuiu a velocidade, dando a entender que iria parar. Contudo, o rapaz acabou atropelando um policial que estava com uma arma, e fugiu do local enquanto os colegas socorreram o brigadiano. O soldado Rodrigo Lopez Gonçalves, de 24 anos, foi medicado no Hospital Bom Jesus, em Taquara.

Dupla foge após assalto a sorveteria TRÊS COROAS - Uma dupla quase foi presa pela Brigada Militar após assaltar uma sorveteria na cidade. O fato aconteceu por volta de 21h10min de domingo, num estabelecimento da rua Fernando Ferrari, no bairro Sander. Após o assalto, os bandidos fugiram numa motocicleta e foram perseguidos pela Brigada Militar. No bairro Vila Nova, o caroneiro desceu da motocicleta e efetuou um disparo contra a viatura. Após, ele correu para um matagal, disparando mais dois tiros contra os brigadianos, que revidaram, mas não atingiram o bandido. O condutor da moto também entrou no matagal e, assim como o seu comparsa, não foi mais localizado pelos brigadianos. Os policiais conseguiram aprender dois capacetes e uma bolsa contendo R$ 148,00 em dinheiro, que tinha sido roubado na sorveteria.

Seis são vítimas de assalto

TAQUARA - Um bar foi assaltado no começo da madrugada do sábado, na localidade de Fazenda Fialho, no interior do município. Segundo o registro policial, três bandidos armados chegaram ao estabelecimento e mandaram todos os clientes deitar no chão. Eles roubaram vários pertences pessoais dos seis clientes, e ainda fugiram levando o automóvel Gol, placas MCE-6070, que pertencia a uma das vítimas.

POLÍCIA

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Brigas provocam dois homicídios no interior de Parobé e Rolante

PAROBÉ/ROLANTE – Duas brigas, por motivações distintas, acabaram em crimes de morte, nesta semana. O primeiro deles aconteceu num posto de combustíveis da localidade de Santa Cristina, no interior de Parobé. Já o segundo, foi numa residência situada no distrito de Areia, no interior rolantense. O caso ocorrido em Parobé foi por volta de 7h30min de segunda-feira, na avenida Integração. A vítima foi identificada como Elias Haubrich Gomes, 36 anos. Segundo o delegado Rosalino Seara, pelos depoimentos das testemunhas, foi possível identificar que Elias tentou cobrar uma dívida de um rapaz e houve um atrito entre eles. Este rapaz, então, chamou seu pai, que matou Elias. Foram vários disparos e dois deles acertaram a vítima. O acusado de ter feito os disparos se apresentou na Polícia Civil de Parobé, na quarta-feira. De acordo com o delegado, o homem apresentou uma versão de legítima defesa, alegando que foi agredido previamente pela vítima. O delegado informou que tanto o homem quanto seu filho, ambos acusados de participação no crime, serão indiciados por homicídio. O inquérito policial, segundo Rosalino, está praticamente esclarecido, faltando apenas alguns laudos, como a

Especial/Edna Cardoso

Políciais e peritos trabalharam na casa em que ocorreu assassinato de mulher, no interior rolantense

Clair Adriana da Rosa foi morta em Rolante

Elias Haubrich Gomes foi assassinado em Parobé

necropsia da vítima. Já por volta de12h30min da terça-feira, uma mulher foi morta a facadas em Rolante. Segundo a Polícia Civil, um casal estava em processo de separação e houve um desentendimento entre o homem e a mulher. Com isso, Clair Adriana da

Rosa, 38 anos, acabou esfaqueada pelo companheiro. O homem fugiu do local no dia do crime, mas se apresentou, acompanhado do advogado, à Polícia Civil de Rolante na quarta-feira. Na ocasião, segundo o delegado Rosalino Seara, que também está respondendo

pela delegacia rolantense, o homem alegou legítima defesa. Segundo o depoimento do acusado do crime, a mulher o procurou na residência em que trabalha e o agrediu com uma faca. “De fato, o rapaz apresenta algumas lesões”, comentou o delegado. O acusado disse que, com a agressão da mulher, acabou por esfaqueá-la. O delegado informou que irá solicitar à Justiça a prisão preventiva do acusado. Clair Adriana da Rosa deixou três filhos com 13, 10 e 2 anos de idade. Ela trabalhava como servente em uma escola municipal de educação infantil de Rolante.

Polícia Civil dá sequência à operação Grade na Cara PAROBÉ - A Polícia Civil do município deu sequência, na quarta-feira, à realização da Operação Grade na Cara. A investigação visa a combater o tráfico de drogas no município. Foi cumprido mandado de busca e apreensão na rua Nilo Carlito Koetz, no centro da cidade, e duas mulheres foram presas por acusação de comercializar entorpecentes.

Segundo o delegado Rosalino Seara, foram indiciadas Camila Carvalho da Silva, 21 anos, e Joseane Cristine Loiola Marques, 18 anos. Com elas, a Polícia localizou 52 pedras de crack, duas buchas de 120 gramas da mesma droga, além de balança de precisão e papel utilizado no preparo da droga. Também foram encontrados R$ 130,00 em dinheiro. As duas foram presas.

Presídio tem programa de alfabetiza​ção para apenados TAQUARA - O Presídio Estadual de Taquara informou, nesta semana, que está realizando aulas do Programa Brasil Alfabetizado para 15 apenados do regime fechado, entre analfabetos e semialfabetizados. O programa tem o objetivo de preparar os participantes para ingresso no ensino fundamental. De acordo com a direção do Presídio, o projeto terá duração de oito meses, e as aulas ocorrerão três vezes por semana, no turno da noite, no espaço de trabalho do estabelecimento prisional. Também está em andamento a organização da biblioteca do local, contando com mais de 800 livros. As aulas do Brasil Alfabetizado serão ministradas pela professora Liliana Lopes, contratada do programa pelo governo federal.

O delegado explicou que Joseane é filha de Adelaide Terezinha Loiola, 41 anos, que foi presa com o companheiro, Adriel Assis, 20 anos, na semana passada. Ainda segundo o delegado, a quadrilha é ligada à Gangue do Alemão, que atua em Porto Alegre, e seria responsável por pelo menos cinco homicídios ocorridos em Parobé, todos vinculados ao tráfico de drogas.

15

Trio preso após assalto a relojoaria ROLANTE - Um trio acabou sendo presos após assalto numa relojoaria, na manhã do último sábado. O estabelecimento fica na avenida Borges de Medeiros, no centro da cidade. Depois do assalto, os bandidos fugiram num Kadett vermelho em direção a Taquara, cruzando com uma viatura da Brigada Militar taquarense na ERS-239. Neste momento, os policiais iniciaram perseguição ao carro, que capotou e caiu para fora da pista. Com a queda, foi preso um dos acusados do assalto e, posteriormente, os policiais encontraram outros dois acusados que tentaram escapar e ainda fizeram dois disparos contra os brigadianos. Na delegacia de polícia, o trio foi reconhecido pelo proprietário da relojoaria. Foram presos em flagrante Jeferson Vandelez dos Santos, de 33 anos; Leandro Viana da Silva, de 34 anos; e Roger Santana da Silva, de 23 anos. Com eles, segundo a ocorrência, foi apreendido um manuscrito com o desenho da loja, dando, na avaliação policial, demonstrativo de que o local foi estudado previamente.

Residência é alvo de assaltantes IGREJINHA - Uma residência foi assaltada no município por volta de 21h50min da sexta-feira passada. O imóvel fica na rua dos Saltos, no bairro Cascata. A vítima contou que dois bandidos chegaram em sua residência e anunciaram o assalto. Armados com revólveres, eles roubaram dinheiro e uma espingarda. Depois, amarraram a vítima, sua esposa e seu filho, fugindo em seguida.

OBITUÁRIO Divulgação

Falecimentos comunicados pela Rádio Taquara de 17/10/2013 a 24/10/2013 - 18/10 - Maria Neli Martin, 87 anos. Cemitério Bom Fim Novo de Sapiranga. - 20/10 - Elno Lima da Silva, 55 anos. Cemitério do Bairro Santa Rosa em Taquara. - 21/10 - Lygia Diadrich da Fé, 83 anos. Cemitério Municipal de Taquara. - 22/10 - Jair da Silva, 48 anos. Cemitério de Entrepelado. - 24/10 - Mario Antonio Vidor, 84 anos. Cemitério de São Francisco de Paula. - 24/10 - Leopoldo Piaça Mariano (Tio Candinha), 72 anos. Cemitério São João Batista de Parobé.


16

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

REDAÇÃO PANORAMA AO VIVO DA OKTOBERFEST

Classificados PANORAMA

LIGUE 3542.2288 para anunciar!

Neste sábado, a partir das 2 da tarde, na Rádio Taquara.

ATENÇÃO: Anúncios com ofertas exageradas podem ser lesivos aos seus interesse. Na dúvida, consulte o PROCON da sua cidade.

TACHAR JOIAS SELECIONA revendedoras de semijoias e lingeries. Pague somente o que vender. Tratar em Igreji-

nha, dia 04/11, no Hotel Delta, e dia 05/11 em Taquara, no CTG Fogão Gaúcho, das 10h às 16h. F. 98717799 c/ Denise.

Tribunal de Justiça/ RS Concursos

Agora em NOVO ENDEREÇO Edifício Flemming - Rua Arnaldo da Costa Bard, 2940 Sala 701 - Taquara (no prédio do Laboratório Bom Pastor). Aposentados por invalidez, pessoas que recebem pensão por morte, recebem ou já receberam auxílio doença, concedidos entre abril de 2002 e abril de 2009, saibam que têm direito à revisão do valor do seu benefício!

• Processos contra o INSS e aposentadorias em geral • Ações de alimentos • Divórcios • Problemas com telefonia • Crédito negado sem motivo • Inscrição indevida em órgão de restrição de crédito (SPC/SERASA) • Cobrança de manutenção de conta bancária após encerramento • Planos de saúde e demais direitos (Saiba que é indevida a negativa de contratação de plano de saúde para idosos, reajustes abusivos em seguros e plano de saúde para idosos, bem com a reserva de margem consignável em contratos de empréstimos).

OFICIAL ESCREVENTE edital publicado - Inscrições abertas. OFICIAL DE JUSTIÇA concurso autorizado Informações sobre os concursos e o curso preparatório em nosso site:

VENDE-SE - Xsara, prata, 1.6, 4 portas, 2001, completo, todo revisa-

EDITAL DE CASAMENTOS ELIZABETH MARTINI, registradora do Registro Civil das Pessoas Naturais e Especial de Taquara-RS. Faz saber que pretendem se casar: 01) CÁSSIO GABRIEL DOS SANTOS MORAES e NATHALIA SOUZA BECKER, 02) ITAMAR GUILHERME MACHADO DAHMER e EDILSE MATIAS SOEIRO, 03) JOÃO CARLOS DOS SANTOS FONSECA e LUCIANA CRISTINA DE SOUZA, 04) SERGIO CLAUDIR KOHLRAUSCH e JAIRA FAUSTINO DE OLIVEIRA, 05) PAULO RICARDO MACHADO RAMOS e DAIANE DA LUZ, 06) LUCAS SILVA RAMOS e FLÁVIA DA SILVA SANTOS. Quem souber de algum impedimento, que oponha-o na forma da lei. DADA e PASSADO, nesta cidade de Taquara-RS. Aos vinte e três (23) dias do mês de outubro (10) de dois mil e treze (2013). Rua Rio Branco, nº 1145 - Sala 104.

http://www.evolucaoconcursos.com.br/

Panorama, 25 de outubro de 2013.

O melhor do flash back!

O veículo mais vendido do Brasil

Na Era do Vinil

Curta um verão mais Brasileiro Vai de Honda CG 2014

Ligue e informe-se

(51) 3542-3802 OAB/RS 76.070

do, única dona, valor R$ 14.500,00. Tratar fones 3542.1695 / 9845.9021

de segunda a sábado a partir das 13hs.

Taquara - (51) 3541.0000 Parobé - (51) 3953-1300 Canela - (54) 3909-1000

Confira condições especiais na Candemil Motos!

Prazer de ouvir

www.fm91.com.br

FGTS impõe perda

aos trabalhadores

O

sistema de correção do FGTS não acompanha a inflação, por esta razão, qualquer trabalhador contratado sob o regime da CLT (carteira assinada), desde 1999, tem direito a buscar judicialmente diferenças no saldo do FGTS pelo valor corrigido pela inflação. A diferença pode atingir o percentual de 80%. Assim, todos os trabalhadores que têm ou tiveram carteira assinada desde 1999, inclusive os aposentados, têm direito a buscar na Justiça a diferença. Informe-se.

Mariana Petry – OAB/RS 63.368 | Patrícia Hendges Fries – OAB/RS 60.731

• Direito Previdenciário • Direito Trabalhista • Direito do Consumidor • Direito de Família • Inventários

Rua Francisco Emílio Müller, 1742 Fones: 3541.3498 | 3541.2375 | 8448.2874 mariana.adv@tca.com.br


Classificados PANORAMA

PANORAMA

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

17

LIGUE 3542.2288 para anunciar!

ATENÇÃO: Anúncios com ofertas exageradas podem ser lesivos aos seus interesses Na dúvida, consulte o PROCON da sua cidade.

AESC – HOSPITAL BOM JESUS - TAQUARA

SELECIONA:

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA (PCD) Nos setores: Enfermagem, Nutrição, Administrativo, Rouparia, Farmácia, Recepção Interessados encaminhar currículo para RH – Hospital Bom Jesus

Vendas

- Casa, 2 dormitórios, com garagem, nova, terreno 10mx25m. Bairro Tucanos. R$ 115.000,00 - Casa nova com 2 dormitórios, garagem, terreno 10m X 23m. Bairro Medianeira. R$ 115.000,00 - SALA COMERCIAL TÉRREA, CENTRO, COM FRENTE DE 3,3m. R$ 230.000,00. ACEITA PARCELAR

CONDOMÍNIO QUINTAL VEREDAS, LOCALIZADO NO BAIRRO PETRÓPOLIS, APARTAMENTOS DE 2 DORMITÓRIOS, GARAGEM, ESPAÇO DE LAZER. R$ 165.000,00 ENTREGA 03/2015.

Ronaldo Wagner contato@corretoimoveis.com www.corretoimoveis.com

OPORTUNIDADE DA SEMANA:

facilitta

Imóveis

AQUI

CASA DE ALV., c/ aprox. 400 m2, 3 dorm., sendo 1 com suíte, 2 banh. sociais, lavabo, ampla sala de estar e sala de jantar, com lareira e 2 churr., com vista panorâmica da cidade, gar. para 2 carros, piscina com quiosque, 2 dispensas. B: Sagrada Família. R$ 650.000,00. ID: 609

ANUNCIE NA CORRETO IMÓVEIS VOCÊ TAMBÉM. F: 3541-3368 ou 8568-3368 | Rua Bento Gonçalves, 2194 - Taquara

.: Aluguel

Júlio de Castilhos, 2408 Taquara. Fone 3541.4783 facillitaimoveis@tca.com.br www.facillitaimoveis.com

APARTAMENTOS DE 2 E 3 DORMITÓRIOS - ESQUADRIAS DE PVC - PLAYGROUND - PERGOLADO E CHIMARRÓDROMO - QUIOSQUE COM CHURRASQUEIRA - BICICLETÁRIO - BOA LOCALIZAÇÃO - BAIXO VALOR DE CONDOMÍNIO

Em uma das localizações mais nobres da cidade.

INFORMAÇÕES SOMENTE NA IMOBILIÁRIA R. Júlio de Castilhos, 2579/121 - Gal. Comassetto Taquara - aconceito@brturbo.com.br Fones: 3541.5787 | 8488.3782 | 9972.5147 Visite nosso site: www.conceitoimoveisrs.com

Correto Imóveis

Creci: 22.207 J

DESTAQUE

22.734-J

Natália Zmuda - CRECI - 16018 Angelo Tissiani - CRECI - 19528

CRECI 23.297-J.

Rua Emílio Lúcio Esteves, 1042 - Taquara

Tenha o prazer de Morar em um apto. com a Liberdade de uma casa. Quintal Veredas.

- CASA ALVENARIA, 2 dorm., sacada, garagem demais dependências, Bairro Petrópolis, R$ 750,00 + encargos. - CASA DE MADEIRA, 2 dorm, demais dependências, B: Recreio, R$ 450,00 + enc. - APTO, 2 dorm., demais dependências, centro, R$ 450,00 + encargos. - SALA COMERCIAL, centro, 4 banheiros, mezanino, piso porcelanato, R$ 3.000,00 + encargos. “Caro proprietário, se você tem o imóvel, nós temos o inquilino certo para você! Venha tomar um café conosco e conhecer nosso trabalho!”

ADMINISTRAÇÃO DE CONDOMÍNIOS


18

PANORAMA

E-mail: social@jornalpanorama.com.br

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Por Vanessa Wagner TAQUARA - Chá-desfile promovido pelo Lions Clube aconteceu nesta quarta-feira, no Clube Comercial, com a parceria das lojas By Iara e Piccadilly. As patronesses abrilhantaram o evento, apresentando belas mesas para receber as convidadas – que mais uma vez lotaram o salão, apesar da intensa chuva. A edição deste ano teve arrecadação em benefício do Hospital Bom Jesus. Fotos: Ricardo Santos Fotografia

Divulgação

A patronesse Miralva Guimarães (em pé) brindando também seu aniversário, transcorrido em 19 de outubro, com Nina Rosa Stein, Lizete Ew Möller, Marisa Schardosim, Magda Adam, Jacira Petry, Silvana Zacher Dal Pozzo e Victória Zacher Dal Pozzo.

TAQUARA - A Invento Propaganda recebeu, na última sexta feira, a visita surpresa da banda alemã Wandermusikanten. Os artistas são conhecidos como “a banda que caminha”, por realizarem apresentações acústicas andando pelas ruas das cidades por onde passam. A visita se deu em comemoração ao início da 26ª Oktoberfest de Igrejinha, que é cliente da agência. O show foi idealizado pelo atendimento da agência, juntamente com o presidente da Oktoberfest, Clóvis Werb, comemorando também o sucesso do trabalho realizado para a festa. Nei Bernardes/ Beth Esquinatti Fotografia

Mari Passos, Marina Madalasso e Marilda Fagundes As amigas Valentina Comerlato e Luiza Schenkel, modelos teen na passarela para loja By Iara

Janer Mendes, Olívia Werlang, Iara Neumann e Claudia Werlang TAQUARA – A publicitária Camila Conrado com a filha Sofia, que no dia 22 de outubro completou quatro anos.

As fotos do Chá Desfile podem ser adquiridas em Ricardo Santos Fotografias.

Taquarense em destaque A taquarense Ana Cristina Ostermannn, pós doutoranda em Linguística, Artes e Letras, pertencente ao quadro docente da UNISINOS, foi agraciada pela FAPERGS, no Prêmio Pesquisador Gaúcho (Artes e Letras), como destaque na sua área e cuja entrega de prêmios ocorreu nesta terça-feira, dia 22, no Salão de Eventos da Associação Médica do Rio Grande do Sul.

SAPIRANGA – Vanessa Cunha e Rafael Behling casaram-se no dia 19 de outubro, na Igreja Luterana São Mateus. Convidados foram recebidos no Clube 19 de Julho, onde a animação seguiu até o amanhecer. O casal, que viajou em lua-de-mel para o Caribe, fixou residência em Sapiranga – cidade do noivo.

TAQUARA – Arthur Venter Ribeiro teve seu primeiro aniversário comemorado pelos pais Paulo Ribeiro e Patrícia Venter Ribeiro, que reuniram convidados no Café Bistrô Doce & Delícia, dia 20 de outubro. O pequeno aniversariante recebeu também a atenção da mana Júlia, parceira nas brincadeiras com os amiguinhos.

TAQUARA E REGIÃO CONTAM COM MAIS UMA OPÇÃO GASTRONÔMICA Um resgate atualizado do conceito de armazém, reunindo produtos selecionados cuidadosamente para remeter ao verdadeiro sabor da comida feita em casa! Massas coloniais e artesanais Molhos artesanais Pratos congelados Queijo colonial Salamito e copa Lombo defumado

Salsicha bock Cervejas nacionais e importadas Vinhos/ Espumantes/ Sucos Azeites nacionais e importados Antepastos / Geleias Entre outras delícias!

Rua Pinheiro Machado, 1662 - Sala 2 | Taquara | 3541.2598 | www.nostromagazzino.com.br - Facebook: Nostro Magazzino


19

PANORAMA

E-mail: social@jornalpanorama.com.br

SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Por Vanessa Wagner Divulgação

Escolha o destino

Patagonia – Peru México – Santiago Buenos Aires

Clóvis Werb Presidente da 26ª Edição da Oktoberfest de Igrejinha, Clóvis é, também, advogado. Aos 52 anos, é casado com Ronete Sandra Trott Werb e pai de Carina Werb e Thiago Trott Werb.

TAQUARA - Os diretores da Loja Virtual Empório Gastrô, Lucas e Charles, foram os responsáveis pela harmonização gastronômica em evento comemorando o aniversário das lojas Criare e Sense, que estão com mostra de decoração assinada por várias arquitetas. Divulgação

CONTE UM POUCO SOBRE COMO ESTÁ SENDO PARA VOCÊ PRESIDIR A OKTOBERFEST: Muito gratificante, pois é um evento que envolve toda a comunidade de Igrejinha e região. A oportunidade de presidir uma entidade como a Amifest, que organiza a Oktober, é única, e a convivência com os nossos voluntários serve de motivação e aprendizado constante. QUAL O MAIOR DESAFIO QUE VOCÊ ESTÁ ENCONTRANDO NESSA CAMINHADA? Foi assumir a presidência da Amifest em dezembro passado, contrariando uma orientação médica. Em agosto do ano passado, tive diagnosticado um câncer no sistema linfático, com estágio avançado, inclusive me submeti a sessões de quimioterapia até março deste ano. No final, devido a imunidade baixa, meu estado de saúde se agravou por uma forte pneumonia. No jantar das nossas 24 comissões, em abril, lembro que em meio ao meu pronunciamento, intercalava o discurso com pedidos à banda para tocar músicas, tal a dificuldade em respirar, o próprio ato de falar exigia de mim um esforço incomum. Felizmente, dois dias antes da abertura da festa, realizei exames que confirmaram a eficácia do tratamento.

FRANÇA – Thaiz Soares elegeu um dos belos cafés parisienses para registro do passeio por Paris. O roteiro da viagem, através da agência Unitravel, também incluiu Londres.

IGREJINHA - Karen Krummennauer, Edelisa e Gilvan Omero Krummenauer na festa que reuniu colaboradores da Eletrotec para comemorar os 35 anos da empresa completados em outubro.

IGREJINHA Prestigiando a programação da 26ª Oktoberfest, no espaço Bier Platz:

O QUE ESTÁ SENDO MAIS GRATIFICANTE EM SUA EXPERIÊNCIA? Ver a alegria das pessoas durante a festa. Também nas oportunidades em que acompanhei, com a equipe do Bierwagen e da divulgação, observei a emoção de cada um em receber um folder da nossa festa e a oportunidade de receber um chope na sua cidade. A carreata do dia 17, na rua Júlio de Castilhos, em Taquara, é um exemplo disso. É uma das melhores lembranças que guardo destes dias de festa. FALE UM POUCO SOBRE SEU HISTÓRICO COM A FESTA: Quanto ao aspecto histórico, me considero um privilegiado. Pois estava ligado à administração do prefeito Lauri Krause, no ano de 1988, quando foram articulados, em seu gabinete, os primeiros passos para a organização da nossa festa.

O casal Deise Abreu e Rafael Steigleder Flávia Santos com a nora Maria Eugênia Santos e a neta Catharina

COMO SE DEU SUA ESCOLHA PELO DIREITO? Desde jovem acalentava um sonho de ser diplomata, o que me motivou a optar pelo Direito. COMO VOCÊ SE DEFINE? Sou uma pessoa simples, procuro sempre agregar em todas as situações, através de um diálogo franco e sincero. Meus maiores patrimônios, conquistados nestes 52 anos de existência, são as amizades conquistadas a cada dia. O QUE GOSTA DE FAZER NO SEU TEMPO LIVRE? Conversar com amigos e, quando possível, passar algumas horas no sítio.

Luciana Faistauer Mosmann, Paulo César Mosmann, Nícolas Brocker, Dalila Mosmann, Maria Helena Mosmann e Gabriel Mosmann, acompanhados também do pequeno Vinícius Gabriel Mosmann, que dormia no carrinho durante o almoço da família.

O QUE TE TIRA DO SÉRIO? Sempre tive na paciência uma aliada importante. Mas ela é posta a prova toda vez que as pessoas potencializam coisas insignificantes, ou quando cometem injustiças. UM LUGAR: Serra Grande, beleza natural da minha cidade, Igrejinha. UM HOBBY: Andar de bicicleta. • DEIXE UMA MENSAGEM AOS LEITORES DO JORNAL:

“ Se cada pessoa se dedicar ao trabalho voluntário, ou praticar a solidariedade, certamente crescerá como cidadão e se sentirá recompensada em sua existência.”

Marechal Floriano, 1248 - Centro Taquara 3542.6320


PANORAMA Festa garantiu diversão para as SEXTA-FEIRA, 25 DE OUTUBRO DE 2013

Roger Santos Ott Maria Eugênia Urnauer

Dia 27/10, estará fazendo 6 aninhos. Te desejamos tudo de bom e de mais lindo. Que você continue sendo essa criança maravilhosa que és e que Deus continue te abençoando sempre. Parabéns por ser este menino lindo e querido, que conquista os corações de todos por onde passa. Nós te amamos muito. Tua mãe Jaqueline e teu pai Rogério.

Completou 10 anos no dia 14 de outubro para alegria do papai Alvaro, da mamãe Ana Paula e da mana Maria Eliza.

crianças no Parque do Trabalhador TAQUARA - A tarde de sábado passado foi divertida para as mais de 3,7 mil crianças que, segundo a Prefeitura, foram ao Parque do Trabalhador comemorar o seu dia na festa organizada pela administração municipal de Taquara. Foram momentos de descontração vividos pelos protagonistas da “Festa no Parque”. De novo a previsão do tempo errou. Havia a possibilidade de pancadas de chuva para a tarde, o que acabou não acontecendo. O dia ensolarado garantiu a alegria para o momento. Segundo a Prefeitura, um público estimado em sete mil pessoas esteve curtindo a promoção. Ao todo, 70 voluntários, entre funcionários públicos concursados e cargos de confiança, se empenharam para a realização da promoção, organizando e montando toda a estrutura física necessária. Houve apresentação de teatro, brincadeiras com o palhaço, pintura de “tatuagens”, distribuição de 500 bolas, sorteio de 70 bicicletas e de 49 triciclos. Além disso, as crianças ganharam cachorro quente, refrigerantes, pipocas e picolés, distribuídos gratuitamen-

Divulgação/ Eduardo Vaz

te. Um miniparque de diversões foi montado com vários brinquedos infláveis, cama elástica e xadrez gigante. Para o prefeito Tito Livio Jaeger Filho, a festa atingiu todas as expectativas e cumpriu com o papel social. “Felicidade se mede pela intensidade e nós podemos constatar esse sentimento no rosto de cada uma das crianças. Foi emocionante ver os sorrisos e a realização delas”, comentou o chefe do Executivo, acrescentando que o evento só foi viabilizado porque houve a importante participação de empresas apoiadoras.

Prefeito Titinho conduziu sorteio de bicicletas acompanhado de integrantes da administração


2158