Issuu on Google+

20 Anos

EDIÇÃO Nº 1096

SÁBADO, 5 DE MARÇO DE 2011

Circ ulaç ão: Região do Alt o Jac uí - R$ 2 ,5 0

MP move ação contra o DAER O

Justiça é atuante na cobrança do Executivo

Ministério Público de Tapera (MP) moveu uma ação pública contra o Departamento Autôno mo de Estradas de Rodagem (DAER), com base em um abaixo-assinado organizado por taperenses devido à falta de segurança na ERS 332, trecho ent re Tapera e Espumoso, que tem registrado inúmeros acidentes e vítimas fat ais. Após a análi se dos autos , comprovados em fotos do abaixo-assi nado e notí ci as jornalísti cas, a juíza Rossana Gelai n det ermi nou que o DAER reforce a sinalização hori zont al e vert ical da pi sta, i ndi cativa da veloci dade máxim a, ass im com o a de proi bição de ultrapas sagem e exis tência de entroncam ento de vi as , além de instal ar redutores ou control adores de velocidade.

Bancos têm horário diferenciado no feriado Como nos demais feriados nacionais, a rede bancária tem horário diferenciado para o atendimento do público na próxima semana. Devido ao feriado na terça-feira, carnaval, a Febraban definiu que Banco do Bra si l, Bradesco, Caixa Econôm ic a Feder al e Sicredi retomam o atendimento somente na quarta-feira, do meio-dia às 15h. Já o Banrisul estará aberto ao público às 11h do dia 9. Não haverá atendimento bancário segunda-fei ra, 7. As pessoas que possuem contas com vencimento nestes dias poderão efet ivar o

pagamento na Quarta-feira de Cinzas, sem cobrança de mora e juros. Outra alternativa é agendar o pagamento das faturas nos caixas elet rônicos, pela internet, nas lotéricas ou nos estabelecimentos comerciais autorizados.

Conforme o Promotor de J ust iça Valdoir Bernardi de Farias, o MP de Tapera envi ou à Promotori a de Não M e Toque cópias da Ação Ci vil Pública (ACP) para abarcar o asfalto da ERS 223 no trecho entre Vi ct or Graeff e Tio Hugo, j á que as obras de recapeament o estão paralis adas . Segundo Valdoir, até o m omento ele não obteve res post as. Ano O promotor informou Acidente c/ danos mat. ainda que no di a 15 de marAcidente c/ lesões ço, às 13h30min, haverá Acidente C om morte um a vis toria no asfalt o da Total de acidentes ER S 223 para averiguar a Veícul os danificados si tuação do acostamento Vítim as l esionadas e da si nali zação da vi a. Vítim as f atai s

Posteriorm ente será feita análi se da poss ibilidade de decl arar como cumprido o proces so instit uído pela Promot oria. Veja o rel atório dos índi ces de acidentes ocorri dos na ER S 332 nos úl timo cinco anos, no trecho entre Tapera e Es pum oso: 2005 2 2 1 5 9 5 1

2006 1 1 0 2 2 1 0

2007 0 3 1 4 7 6 1

2008 4 2 1 7 12 2 1

2009 4 4 1 9 11 13 2

2010 0 0 1 1 2 1 2

Total 11 12 5 28 43 28 7

10ª Lagoa Fest é lançada oficialmente Com a pres ença de lideranças políticas e empresariais, representantes da comunidade, exposit ores e imprensa de toda a região, a 10ª edição da Lagoa Fest foi lançada oficialmente no dia 25 de fevereiro. Cerca de 200 pess oas compareceram na Sociedade Recreativa Sempre Unidos de Lagoa dos Três Cantos para pres tigiar o lançament o da Festa da Alegria Germânica. A s olenidade i niciou com a apresentação do Coral Infanto-Juvenil, seguido da dem onst ração dos trajes das soberanas do município, que foram confec ci ona dos em es ti l o germânico. Em seguida o pres idente do Núcleo Cultural , Roque Eloi Fath, falou sobre o crescimento da fes t a em t odos os aspectos: presença de públi co, c om erci ali zaçã o,

1053

gas tronom ia e infraestrutura. Segundo ele, a festa poderá t er nos próximos anos, ao invés de três, cinco dias de duração. O re pres ent ant e Wallacy Barbosa, da empresa PD Feiras e Eventos, respons áve l pel a infraestrutura, explicou a divi s ão e dis posi ção dos est andes e instalações para shows. Os espaços foram ampliados e modificados em relação aos anos anteriores, o que dará mais conforto aos expositores e ao público. J á o prefe it o Ernor Weber enfatizou as realizações do município que completará 19 anos no dia 19 de março, entre essas a instalaç ão de progra mas de tecnologias em divers os set ores da Adminis tração. Ele destacou o programa de Tele-Medicina e o projeto

Soberanas apresentaram os novos trajes “Um Computador para Cada Aluno” (UCA), que foi implantado na rede municipal de ensino, além de projetos para a criação do Município Digital, com internet banda

larga em todas as casas da cidade e interior. Após os pronunci amentos aconteceu a apresentação do Grupo Folcl órico Cultivo do Pas sado.


2

OPINIÃO

O que o IBGE mostra e a ortodoxia despreza M enos de 24 horas depois de o BC elevar a t axa de juro para 11,75% - medida profiláti ca para desaquecer a economia e conter ‘press ões infl aci onári as ’ decorrentes do des compasso entre oferta e demanda, explicam os consultores dos mercados financeiros - o IBGE divulgou dados do PIB de 2010. O confronto ent re os s inais em itidos pela econom ia real e a decis ão do BC deveri a inspirar, no m íni mo, alguma refl exão em círculos saltit antes, dentro e fora do governo, unidos pel a ci randa-cirandinha do ‘cort a-corta’. Vejamos: a) o PIB bras ileiro cres ceu 7,5% no ano passado em rel ação a 2009; b) a retomada em 2010, t odavia, não s e mos trou apenas vigoros a na recuperação do tempo perdido: ela foi s obretudo notável na s ua consis tência; c) o crescimento do PIB foi puxado, com folgada diant ei ra, pela formação bruta de capital que regis trou um crescim ento hi stórico de 21,8%; d) mas foi princi palmente a produção de máquinas e equipam entos que impul sionou es se sal to na agregação de capaci dade produtiva: o avanço ness e seg-

mento atingiu 30,5% em 2010 (havia caído 13,1% no ano anterior); e) s im, a expansão do cons umo também foi robusta. Puxada por ganhos reais de salário e maior disponibi lidade de crédito, subi u 7% no a no. A s g ran dez as , poré m , s ã o eloquentes: o investi ment o em estruturas e máquinas para promover a ampliação da oferta está crescendo a uma velocidade três vezes s uperi or à da demanda corrent e. Di ante desse desenho, o que faz o jogral ortodoxo? Esquece-o para destacar os ‘desequilí brios’ obs ervados no últi mo trimestre de 2010, quando, de fato, o consumo cresceu quat ro vezes mais que a m édia da economia e a taxa de i nves ti m ent o ret roce deu. Ne nhum a chance à pos sibilidade de s er um hiat o em que o entus iasm o natalino do cons umi dor se descolou do freio em presarial, compreensível este, à véspera de um novo governo. Não. Vat icina-se o caos, s omente miti gável à bas e de l onga e virulent a dieta de ‘pão e água’, leia-se, menos inves timentos públicos , mai s j uros . Ass im se torna uma profecia auto-realizável. (Carta Maior; 03/03/2011)

Sábado, 5 de março de 2011

Transparência em vendas pela internet O deputado federal Sandes Júnior (PP-GO) es tá reapres entando projeto de lei com teor s emel hante a uma proposição do ex-deputado federal Celso Russom anno (PP-SP). Em s ua proposta, pretende o parl amentar obrigar as empresas que vendem pela Internet a fornecer dados do s eu Cadas tro Nacional da Pes soa Jurídica (CNPJ), bem como endereço e t elefones . Ess e proj eto vem em boa hora para coi bir abusos cada vez m ais frequentes por parte de fornecedores que usam a Internet para lesar os cons umi dores. O aument o do comércio eletrônico, se por um lado t rouxe mais comodidade para quem com pra e increment o nas vendas dos em preendedores, também s e constit ui num terreno fértil para que vendedores ines crupulos os us em a rede para auferir lucros indevidos. Os órgãos de defesa dos cons umi dores es tão abarrotados de reclamações, muitas delas originadas por com pradores , que, após t erem fechado um negócio, não cons eguem mai s cont at o com a em presa, que se nega a atendê-lo e não fornece os dados bás icos para a identificação e devida responsabi lização judicial. Com iss o, apos tam na impunidade e no enriquecim ento i lícito e des cabido. Não obst ante ser meritóri a a iniciativa do parlam entar, causa espéci e s aber que o poder públ ico não t enha sido ainda capaz de, com a legi slação exis tent e, fazer cumprir um direito bás ico em uma rel ação de consumo, a indi vidualização de quem fornece bens e serviços na Internet. Ora, certamente quem opera de form a os tens iva é cobrado pelos s eus atos de comércio. As sim, fi ca a pergunta: s e a Fazenda Públi ca consegue al cançar ess es agent es para cobrar tribut os, com o não os al cançari a para fazer valer os di rei tos dos consumidores, cons titucionalment e protegi dos ? Assi m, até mesmo por decret o em ato adm inis trativo j á poderia ter havido essa correção que agora se pleit ei a por via legislat iva. (Editor ial do Correi o do Povo em 19/2/2011)

Memória V Viva iva

Charge

Alunos do jardim da Es col a Floresta durante a formatura em 1994

Coluna do Élbio el.bito@yahoo.com.br Pense e m algué m que se ja poder os o... Ess a pes soa br iga e grita como uma galinha, ou olha e silencia, como um lobo? Lobos não gr itam. Eles tê m a aur a de for ça e poder . Obser vam em s ilêncio. S om ente os pode rosos , s ejam lobos , homens ou m ulher es, res pondem a um ataque ve rbal com o silê ncio. Alé m dis so, que m evita dizer tudo o que tem vontade raramente se arr epe nde por m agoar alguém com palavras ásperas e impensadas. Exatamente por iss o o primeiro e mais óbvio s inal de poder s obr e s i mesmo é o silê ncio em mom entos cr íticos . Se você está em s ilêncio, olhando para o problema, mostra que e stá pensando, se m te mpo par a debates fúteis. Se for uma dis cussão que já

deixou o ter reno da razão, quem silencia mos tr a que já venceu, mesm o quando o outr o lado ins is te em gr itar a sua derrota. Olhe. Sorr ia. Silencie. Vá em fr ente. L embr e-se de que há momentos de falar e há momentos de silenciar . Es colha qual desse s momentos é o corr eto, mesmo que tenha que se es forçar para iss o. Por alguma r azão, provavelmente cultur al, somos treinados para a (fals a) idé ia de que som os obrigados a res ponder a todas as perguntas e reagir a todos os ataques. Não é ver dade ! Você r esponde somente ao que que r r esponde r e r eage somente ao que quer r eagir. Você nem me smo é obr igado a atende r se u te le fone pes soal. Falar é uma e scolha, não uma exigência, por mais que as sim o pareça. Você

Silêncio pode es colher o silêncio. Além diss o, você não ter á que se ar re pe nder por coisas ditas em m omentos impensados , com o de fendeu Xenocrates, mais de 300 anos ante s de Cristo, ao afirmar : “Me arr epe ndo de coisas que diss e, mas jamais do meu s ilêncio”. Res po nda c om o silê ncio , quando for ne ce ssário. Us e sorr isos, não sorrisos sar cás ticos, mas re ais. Use o olhar , use um abr aço ou use qualquer outra coisa par a não r esponder em alguns m omentos. Você ve rá que o silê ncio po de s er a mais pode ro sa das re spostas.

J.L. PUBLICIDADES LT DA. CGC/MF 93.393.783/0001- 00 CGC/ICMS 064/0031110

Regi stra da so b nº 02 L ivro B, fl. 1 e 2 no Cartório de Re gistro Ci vil de Pessoas Jurídi cas/Ib irubá

Ibirub á: Rua Serafim Fagundes, 1084 Fone: (54) 3324-1723 E- mail: visao@jornalvr .com.br Tap era: Rua Duque de Caxias, 460 Fone: ( 54) 3385-2925 E-mail: jintegra@gmail.com Circula ção seman al a os sába dos em Ibi rubá, Quin ze de N ovembro e Fo rtal eza dos Va los. Os cade rnos So cial e Cla ssi ficado s circul am també m em Tap era, Selb ach, Lago a dos Três Can to s, Victor Graeff e Colo rado. Im pre ssã o: Cia d a Arte - CN PJ9 2.107.97 8/0001 -75 Rua Alb ino Brend ler, 146. Fo ne: (55) 333 1-0318 – Ij uí/RS Repres entante comercia l em Porto Ale gre: Perei ra de So uza & Cia . L td a. Exemplar a vuls o: R$ 2,50 Tira gem : 2.000 exemp lare s Jornal fili ado à Ad jori Conce itos assin ados nã o tra duzem ne cessaria me nte a opi niã o do jorna l e sã o de intei ra respo nsabi li dade de se us autore s. Primeira ediç ão em 29 /0 3/1989 Circula ção ininte rrupta des de 15/04/19 90 Diagr ama ção: R aquel Balin Corr êa Dire tor res ponsáve l: Gusta vo B renne r


GERAL

3

Sábado, 5 de março de 2011

Projeto Ambiente Legal é apresentado em Colorado

Empr eendedores rurais e urbanos participar am da reunião

Grupo Timbre de Galo fará apresentação em Ibirubá O Colégi o Si nodal, em parceri a com o Grupo Ti mbre de Galo (ant i go Grupo Viram undos), promove dia 11 a apresentação da peça teatral “O Cas a me nt o de Hermelinda” a partir das 20h. Como o local ainda não est á defini do, a a pre s ent a çã o de ve acontecer na Praça General Osório ou em fren-

te ao colégi o, gratuitament e para a comunidade. O es petácul o di ri gido pelo ator e produtor Jul io Adrião faz parte do proj eto “Por que a gente assim?”, da produtora de cinema M atizar, do Ri o de Janeiro. A peça pretende debater e fazer o público refletir sobre valores como fé, educação, consumo, preconceit o, sexualidade e autoridade.

Festival da Linguiça terá 5 dias de shows

O X Festival Nacional da Cuca com Linguiça, promovido pela Prefeitura de Victor Graeff, acontecerá ent re os dias 14 e 18 de março. A programação inclui apresentações artísticas e shows des de as 16h. Para animar a festa j á est ão previstas as bandas Diversom, Super Banda Choppão, Musical Renovasom (14), Os Federais, Essência da Lua (15), Reflexu’s, Calmon (16), Os Monarcas, Só Alegria (17) e Pancadão Sertanejo (18). Durante o festival serão servidas comidas típicas alemãs e chope. A entrada é gratuita em todos os dias. Mais informações pelo fone 3338-1273.

Colorado sediou dia 28/ 2 a audiênci a pública de apresentação do Proj eto Integrado Ambiente Legal. O promotor de Justiça da Comarca de Tapera, Valdoir Bernardi de Farias, explicou os objet ivos do projeto: promover a recuperação das Áreas de Preservação Permanente (APPs) degradadas, harmonizando a pres ervação ambi ental com o desenvolvi mento social e econômico das po-

pulações rurais ; e const ituir as res ervas legais . O Decreto Estadual nº 47.137, de 30 de março de 2010, dis põe que os beneficiários que aderirem ao Projeto terão o prazo de dois anos para implantar a recuperação das APPs em no mínimo um terço, oito anos para restaurar dois terços, e 13 anos para recuperar três terços . “O que dará um fôlego para o produtor se adequar a Lei, s em

ter um impacto imediato, já que terão es se prazo”, falou Valdoir. A adesão ao programa deverá ser firmada na Secretaria de Meio Ambiente através de um Termo de Adesão e Comprom isso. As ações de efeti vação serão desenvolvidas pelo Departamento de Flores tas e Áreas Protegidas. Os municí pios forneceram técnicos para auxiliar os produtores. Porém , os custos da

documenta ção s erão de res pons abi l i dade do beneficiário. Segundo o promotor, as audiências foram exitos as e os municípios já estão recebendo os interess ados em aderir o Projeto. “Agora caberá aos Conselhos M unicipais de Meio ambiente defi ni rem os r ecur s os hídricos para então iniciar o trabalho com os proprietários de terras”, afirmou Valdoir.

Alto Alegre recebe projetos de esgotos da Corsan O prefeito de Alto Alegre, Hélio Dalberto, e o secretário municipal Dirceu Galera receberam do diretor-presidente da Corsan, Arnaldo Dutra, e do superintendente André Finamor o projeto executivo de esgotamento sanitário da área urbana do m unicípio. O projeto é resultado de um convênio com o governo do Estado (Secretaria de Habitação e Saneamento), que realizou os es tudos necessários. “Conseguimos recursos na ordem de R$ 1,3 mil hões l iberados pela Funas a, para iniciarmos as obras de implantação do sistema de coleta e tratamento de esgotos, que vai contemplar 55% da cidade”, afirma Dalberto. O prefeito de Alto Alegre quer a Corsan operando o novo sistema de esgotos e por isso recebeu de Dutra as minut as de contrato de programa de água e esgotos a serem assinadas entre o município e a companhia, após dis cussão com a comunidade. Nesse cas o, a Corsan poderá financiar a contrapartida do financiamento da Funasa, estimada em R$ 200 mil. Ess as obras já estão em proces so licitatório.

Foto e te xto: João Paulo Flores - I mprensa Corsan


IBIRUBÁ

4

Sábado, 5 de março de 2011

Prefeitura presta contas em audiência pública Faleceu ontem a pessoa que atrapalhava a sua vida! Um dia, quando os funcionário s che gara m para trabalhar, encontraram na port aria um carta z e norme, no qual estava escrito: “Faleceu onte m a pesso a que atrapalhava sua vida na empresa. Você e stá convidado para o velório na quadra de esportes”. No iní cio, todos se e ntrist eceram com a morte de alguém, mas depois de algum tempo, f icaram curiosos para saber qu em esta va atrapalhan do sua vida e b loqueando seu crescimento na empresa. A agitação na quadra de e sportes era tão grande qu e foi preciso cha mar os se guranças para organizar a fila do velório. Conforme as pessoas iam se ap ro ximand o d o caixão, a excitação aumentava: - Quem será que estava atrap alhan do o meu p ro gresso? - Ainda bem que esse inf eliz morre u! Um a um, os funcio nários, ag it ados, se aproximava m do caixão, o lhavam pelo visor do caixão na tentat iva de reconhecer o def unt o, e ngoliam seco e saiam de cabeça baixa, sem nada fa lar uns com os o utros. Ficavam no mais a bsoluto silêncio, como se tivessem sido at ingidos no fundo da alma e dirigia m-se para suas salas. Todos muito curiosos mant inham-se na fila até chegar a sua vez de verificar qu em e stava no caixão… A pergunt a ecoava na mente de t odos: “Qu em e st á nesse caixão”? No visor do caixão h avia um espe lh o e cada um via a si mesmo… S ó existe uma pessoa capaz de limitar seu crescimento: você mesmo! V ocê é a única pessoa que po de fazer a revoluçã o de sua vida. Você é a única pessoa que p ode pre judicar a sua vida. V ocê é a única pessoa que pode ajud ar a si mesmo. O mundo é como um espelho que devolve a cada pe ssoa o reflexo d e seus próprios pen samentos. A maneira como você encara a vida é que faz toda dif erença . A vid a muda, quand o “você muda”. (Luiz Fernando Veríssimo )

Decida Viver Melhor Roberto A. Santos Fone: 9196-8451 e-mail: pr.roberto.fogo@hotmail.com

Da boemia à qualidade de vida Existem conceitos estab ele cidos há muito temp o sobre liderança etantas experiências bem e mal sucedidas nos deixando exe mplos que em nosso t empo não é mais possível de cidir por uma minoria. Ou ainda, decidir por uma maioria sem considerar o d ese jo da minoria, até porque somos um to do com anseios, preocup ações e desejos de ver nossas necessidades sociais supridas pelo poder público, pois épara isso que ele, po der p úblico, e xist e: govern ar para t odos. Há poucos dias ouvi em uma reunião de lid eranças de um setor de nossa sociedade que a administração atua l é a administração do “não” e coincidentement e t odo s que ali est avam já tinha m alguma experiência de negat iva com o pod er pú blico. O que está acon tecendo q ue esta minoria nã o est á sendo atendida? Algo precisa mudar. Se nad a for feit o para mudar esta realidade, a minoria, qu e t amb ém fa z p arte do todo, estará sendo marginalizada e ist o fere princí pios básicos da democracia. É preciso dar um basta à boemia, não é p ossível aceitarmos que em pleno 2011 presenciemos uma administração passear pelo tempo em meio a trilha sonora embalando seus son hos a o invés de ouvir a comunidade sobre o que ela quer. Chega de semáforos imbecis, a idiotice de estradas esburacada s, entre ou tro s p rob lemas. Ouvir a comunidade é uma prática usada e consolidada pelo PT, que também está no poder, juntamente co m ou tro s partidos conhecid os na hist ória como de direit a. É preciso influen ciar na caminhada. Está aí outra coisa que não entendo, a convivên cia de partido s com interesses tão dist antes estarem lado a lado, algu ém está permitin do ser vio lentado neste convívio, quanto a seus princí pios de existên cia , ou pior, vendendo a alma em troca de po de r. Se rá que vale a pe na co rrer o risco de passar para a história com a imagem de quem a bdicou de posições históricas somente para t er o comando durante poucos anos? Tenho absolut a certe za qu e um dos d ois lado s sairá p erdendo e muit o, em poucos an os, pois d a boemia à q ua lida de de vida há uma enorme diferença. Ninguém serve a dois s enhores, é u m ensinament o de milhares de an os. É preciso so luçõe s e chega de dezenas de milha re s de reais em duplas sert anejas, é te mpo de acabar co m a boemia.

J.A. CALFINAGEM

Quarta-feira da semana passada a Prefeitura de Ibirubá realizou a audiência pública de pres tação de contas do 3º quadrimestre de 2010, conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A reunião ocorreu na Câmara às 18h30min, quando foi apresentado um relatório sobre as receitas e despesas entre os meses de setembro e dezembro, assim como um com parativo de 2009 com 2010. Em relação às dívidas o saldo atual do Poder Execut ivo é de R$ 3.700.359,81 e des tes foram amortizados R$ 970.925,16. Alguns dos números repassados:

Prefeitura Municipal de Ibirubá - Exercício 2010 Repasse à Câmara de Vereadores Folha de Pagamento Repasse a FUNDIBITEC Obrigações patronais/FGTS/INSS/Impasi/IPE Perda do Fundef/Fundeb Totais de Pagamentos Total empenhado Empenho não realizado Empenhado e desepsas realizadas Empenhado e despesas a pagar Saldo em caixa e bancos disposição Saldo em contas vinculadas

R$ 282.495,82 R$ 3.237.495,82 R$ R$ 734.807,56 R$ 114.983,85 R$ 11.423.039,27 R$ 6.315.546,61 R$ R$ 11.423.039,27 R$ 581.648,15 R$ 1.732.802,74 R$ 1.214.825,99

Continua problema do lixo em Arroio Grande Apes ar das denúncias e promessas, a comunidade de Arroio Grande/Ibirubá ainda não viu res olvido o depósito irregular de lixo doméstico e similares na estrada que demanda até a localidade. O problema já fez aniversário, mas a Prefeitura parece ainda não ter uma postura de decisão. Em novembro de 2009 a Prefeitura depositou material para fechar uma vala na estrada. Seriam apenas galhos e entulho, mas junto havia grande quantidade de lixo doméstico. Vale lembrar que à época foram encontrados depósitos irregulares de lixo na junção da Rua J úlio Rosa com a ERS 223 e que a em pres a Caso foi denunciado há mais de um ano e as providências, além de não prestadora do serviço acuserem efetivas, não inibiram ações irr egulares mulava reclamações pela cidade. Com o lixo s e acumulando nas ruas por dias, depois até um boneco e cartazes quem coloca outro t ipo de lixo no local são os próprios serviram como forma de protesto da comunidade. moradores. Es ta semana uma moradora solicitou que o Jornal VR “A cada pouco, cerca de dois ou três meses, retiramos verificass e a situação atual. O que se constatou é que a os materiais impróprios de lá, como pneus, sacos plástiquantidade de lixo s ó aumentou, bem na entrada para o cos, vasos de banheiro, chega a uma carga o lixo que salão da comunidade. Não são “galhos e entulho”. Ali s e retiramos, mas quanto mais limpamos mais o pes soal encontra de tudo. coloca o lixo lá”, reitera Oneide. O secretário de Obras Oneide Neulando afirmou novaO s ecretário se prontificou a programar uma limpeza mente que a Prefeitura deposita no local somente galhos, mais completa, como solicitado - até porque a fes ta da toco de árvores e restos de construção e, segundo ele, comunidade é no final de semana.

Correção Na matéria sobre a decisão judicial que obriga a Prefeitura de Ibirubá a construir um canil, veiculada na s emana passada, cons tou que o prefeito Carlos Jandrey teria dito “não são obrigados a acatar a decisão”. Esta s emana a responsável pela Ong Mi Au Juda corrigiu a informação, que na verdade teria partido de outra pess oa no Parque de Máquinas da Prefeitura.

Patrocínio

A Calfinagem substitui a massa fina e a massa corrida, com mais qualidade e menor custo. Fones: (51) 9867-6655 ou (54) 9112-3958

Cigarro faz mal até para quem não fuma.


IBIRUBÁ

5

Sábado, 5 de março de 2011

FotoMagia

Show gratuito para aniversário do município atrai milhares de pessoas de toda a região

Show sertanejo com mais de 10 mil pessoas

A

Adm inist ração M unici pal de Ibirubá come morou os 56 anos de Ibirubá com um a ampla e cara program ação no últi mo final de semana. As at ividades ocorreram na Praça General Osóri o e Rua do Com ércio. A ati vidade com eçou já na qui nta-feira, 24/ 2, com a muam ba de carnaval e na sexta-feira um s how de rock marcou o iní cio da Fes ta em Duas Rodas . S ábado o encont ro de motocicli stas t eve gl obo da morte, tril ha

Globo da morte chamou atenção do público e s hows. Domi ngo, para encerrar, um grande públ ico pres tigiou a dupla sert anej a Mi lionári o & José Rico. O event o cont ou com a presença de m ais de 10 mil pes soas, s egundo a B rigada Mi lit ar. O públi co s e di vi di u na avali ação: além da sonorização, bast ant e criti cada, a despesa de R$ 112,5 m il apenas com a contrat ação dos músi cos foi consi derada no mí ni mo im própria para o atual m omento que a cidade vive. Part e dos cus tos da programação foi coberta com

Ibirubá perde Jeremias Marques de Oliveira No último final de semana a comunidade i birubense perdeu um cidadão muito querido, conheci da pelo excelente trabalho que exerceu por muitos anos no município. Jeremias Marques de Oliveira faleceu aos 79 anos . Ele tinha diabetes e vinha lutando contra outras complicações desde outubro de 2010, quando s ua enfermidade se agravou, causando também problemas pulmonares. Jeremias Oliveira nasceu em Passo Fundo, de onde veio em 1955 para o destacamento da Brigada Militar. Posteriormente prestou concurso para guarda de trânsito da Polícia Civil, onde logo depois atuou como i nvestigador. Paralelamente a esta nova função no Estado elegeu-se vereador e chegou à Pres idência do Legislativo. Foi ainda presidente do Conselho M unicipal de Trânsito (Comutran) e ajudou a implantar melhorias no trânsito da cidade. Somente após a aposentadoria é que ele se dedicou ao Centro de Formação de Condutores (CFC Jeremias), onde trabalhou de forma bastante ativa até sua partida. Seu Jeremias era casado com Cecília Marques de Oli veira, com quem teve duas filhas, Ione e Vera Lúcia, e deixa também o neto Francisco Osvaldo Weiss. A Miss a de 7º Dia ocorre hoje, às 18h, na Igreja Nossa Senhora de Lourdes de Ibirubá. Seu Je remias foi poli cial, vereador , presidente da Câmara e instrutor de Auto Escola por mai s de 40 anos, o pr imeir o cr edenciado no Detr an, antes m esmo do sistema ser obr igatório

recursos que seriam des ti nados a out ras despesas no orçament o do ano. As sim , R $ 50 mil s aíram da dot ação orçamentária “Obras e Ins talações” e R $ 95 m il de “Vencimentos e vant agens fixas – pessoal ci vi l”, conforme decret o as si nado pelo prefeit o C arlos Jandrey e pelo s ecretário Gustavo Robert o Schroeder di a 8 de fevereiro. O feriado de segunda-feira, 28 de fevereiro, Dia do M unicí pio, não teve at ividades .

Agroindústrias ganham destaque do Sebrae

Ivan Madaloz zo conduziu a r eunião O Sebrae promoveu dia 25/2, na Câmara, uma reunião com representantes de agroindústrias quando foram abordados vários ass unt os. O instrut or Ivan

Albino Madalozzo conduziu os trabalhos. Na próxima s emana, entre os dias 9 e11, ocorrerá um curso para este público, também na Câmara.


IBIRUBÁ

6

Sábado, 5 de março de 2011

Caminhada marca a Semana da Paz

É boa!!! Éness es 100 metros que o coração bate mais forte, o pulso fica mais firme. É nessa hora que homem e animal se tornam um só gesto, numa mesma emoção, com olho fixo na nuca do boi, com 8 metros e 4 rodilhas de armada na mão, você joga o laço e quando ele fecha na cabeça do boi e a bandeira maragata se levanta, você eleva seu pensamento a Deus e agradece por mais uma armada positiva... Só quem laça sente a pressão!!

Mas que tal a campeira hein, não para mais de entrar armada no braço des sa gauchada, dia 26 e 27 foram a Espumoso e o Jeferson Guedes, o Seu Miguel, o M arquinho Escobar, o Augusto Zeni, o Gustavo Moura, o Rodrigo Belebon, o Claudio Aimi e o Hugo Formentini fizeram bonito e o 1º lugar Força B Laço Equipe ta na pratelera do Rancho. E depois lá em Fort aleza dos Valos, na Es tância do Umbu, no final de semana que pas sou, teve a 5ª classificatória da 9ª Região Tradicionalista. Grande festa, casa cheia, a gauchada com o braço aprumado, laçando até pensamento, a nossa Campeira deu trabalho, fez direitinho seu dever de cas a e o resultado foi que de novo o nome do CTG Rancho dos Tropeiros e de Ibirubá ficou marcado na região e no es tado. Num evento classificatório onde reúne a nata da lida campeira mostramos a força do braço e a seriedade do trabalho realizado por todos que fazem a lida e a vida tradicionalis ta da nossa entidade. O Matias Luft laçando demais, num grande mom ento, s e cl a s s if i cou para a regional no Laço Piá e na Vaca Parada. No rodeio t iramos o 2º lugar Força B Laço Equipe. O Matias Luft 2º Lugar Laço Piá e 2º Lugar na Vaca Parada. O Patrão Adaleo Luft - 1ª Lugar Laço Capataz, trazendo ass im na mala de garupa mais 4 troféus para o rancho. Desse jeit o vai faltar pratelera logo, logo... De parabéns a Campeira, essa gauchada buena que já mos trou que não tem tempo feio com eles, s eja sol, seja chuva, o laço tá sempre pronto, reascendendo o brio da raça no fogo da tradição.

Atividade foi promovida pelo CTG Rancho dos Tropeiros Há mais de 100 anos o Estado do RS viveu uma grande guerra, a Revolução Farroupilha. Durante uma década o estado foi palco de inúmeros combates entre republicanos e imperiais. Neste período m ui t as vida s f oram sacrificadas e, já cansados,

os bravos gaúchos republi canos e federalistas decidiram por fim à guerra, o que aconteceu em 28 de fevereiro de 1845 com a assinatura do Tratado de Paz. Des ta forma, de 28/2 a 1º/3 é comemorada a Semana da Paz. O CTG Rancho dos

Tropeiros realizou na última terça-feira a Caminhada da Paz pelas ruas centrais da cidade, envolvendo diversas entidades e colégios . Também integrou a comemoração a participação especial na Mi ssa de Ação de Graças pela Paz, no domingo, 27/2, na Igreja Nos-

sa Senhora de Lourdes, e ainda a distribuição de cartazes sobre a Paz no comércio local. As atividades foram realizadas através do de part am ent o c ult ural , prendas e peões da entidade , a poi ados pel a patronagem, Prefeitura, Brigada Militar e Unimed. Informe publicitário

Carazinho Veículos agora em Ibirubá

I

birubá e regi ão contam des de o dia 1º de m arço com o s how-room da Carazinho Veícul os Lt da., repres entant e da General Mot ors do Brasi l Chevrolet. O show-room está na Rua Serafim Fagundes , 1053, em frente ao B anco do Brasil , e cont a com o atendim ento de Ivandro Maldaner e Cássi a Wilke. A General Motors Corporation, mais conhecida pel a sigla GM, é uma das mai ores e m ais i mportantes mont adoras de veícul os do m undo, pres ente no Brasil com a marca Chevrol et há mais de 85 anos , sempre disponibi lizando produtos e s erviços de excelent e qualidade. A Carazinho Veí culos, por s ua vez, representa a marca GM /Chevrolet há mais de 75 anos em uma área operacional de 60 municípi os, sempre buscando firmar uma imagem de empres a sólida e preocupada com a s at isfação dos seus cl ientes . A em presa, fis icament e local izada nas ci dades de Carazinho (mat ri z), Sarandi e Frederico Westphalen, passa agora a oferecer o seu portfólio de produtos e s erviços em Ibirubá, onde poderá ser conheci da t oda a linha de produtos e serviços Chevrolet, já ampl am ente consagrados no mercado brasil ei ro.

Equipe de atendimento em Ibirubá

Venha nos visitar e confira as vantagens de ter um Chevrolet em sua garagem. Fones (54) 3324-4155/9106-5751/8134-1149.


IBIRUBÁ

7

Sábado, 5 de março de 2011

Dra. Miriam é homenageada como mulher exemplo na Assembleia

Sessão para as mulheres na Câmara Quinta-fei ra ocorre a Ses são Solene em Homenagem ao Dia Internacional da Mulher, às 19h, na Câmara. Foram escolhidas mulheres de reconhecido destaque na com unidade: Ana Lúcia Quedi Stefanello, Albert ina Lorenzoni, Avani Lúci a Rebel lato, Delí cia Ramos Roque, Inês da M ott a, Iolanda Celest e Soares Wollmeis ter, Irmel i J ost , Juliana Gewehr, J us sara Rodri gues, Maria Helena Kamphorst , Marisaura Inês R aber Fi or, Marta Regina Debortoli, Nair Sibil a Hentges Marangon, Nair St efanello Libreloto, Nelci Blasi, Nelci Teresi nha de Souza, Neuza da Si l va Câ ma ra, Norm a Franceschet, Salet e Terezi nha Zeni , Terezinha Helena Camargo de Almeida e Vera Lucia Schiefel bein.

Oratória e desinibição O Cipex Idiom as de Ibirubá, sempre procurando aprimorar o conhecim ento de seus alunos e apresent ar um bom trabal ho, promove já para o próxim o sábado (12) um curso de orat ória e des ini bição – “A Comunicação no Mundo dos Negócios”, com a profess ora El iane Sil veira. A palestrant e é formada em Let ras - Li cenciat ura em Inglês e Português, pós-graduada em Admi nis tração Est rat égica e foi ins trutora do Senac por 15 anos nas áreas de gestão, comércio e comunicação, al ém de gerente de s ei s unidades de form ação profiss ional do Senac. A at ivi dade i nici a dia 12 e segue nos dia 19, 26 de m arço e 2 de abril. Serão t rabalhados o medo de falar em público, o planej amento da comunicação, a pos tura para falar, respiração e relaxamento, além de aulas prát icas e film agens . A carga horária é de 15 horas . O curs o é realizado sempre pel a m anhã.

de Administração de Porto Alegre em exerc íc io, R it a de C ás si a El oy, a desembargadora do Tri bunal Regional do Trabalho da 4ª Região, Cleusa Regina Halfen e a ex-deputada es tadual Iara Wortmann, entre outras autoridades.

Foto: João Metzdorf

G.Eitelwein/AgAL – Na Ses são Solene em homenagem ao Dia Int ernacional da Mulher des ta quarta-feira (2) a Assembleia Legislativa entregou o Troféu Mulher Cidadã 2011 a sete mulheres consideradas exemplos para a sociedade, por destacada atuação na pres tação de serviços à comunidade gaúcha e na defesa dos direitos das mulheres . A cerimônia de entrega das distinções contou com a presença de s eis das sete deputadas estaduais que exercem mandato na at ua l l egi sl at ura – fa lt ou Zi l á Breitembach (PSDB) – do presidente da Casa, deputado Adão Villaverde (PT), e do deputado Chicão Gorski (PP). O troféu é uma obra do artista pl ástico Waldomiro Motta e foi ins tituído através da Resolução 2.703, de 16/07/1997, por proposição da então deputada estadual Maria do Carmo Bueno. As agraciadas deste ano foram oficializadas pelo Decreto Legislativo 11.138, de 22/12/2010. O ato de entrega da honraria foi precedido por canções populares brasileiras interpretadas pelo Grupo de Câmara do Coral Municipal de Caxias do Sul. Presenças - Acompanharam a s olenidade a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Márcia Santana, a vice-preside nte do Tri buna l de J us ti ça , des embargadora Liselena Schifino Robles Ribeiro, a defensora pública-geral do Estado, Juss ara Acosta, a secretária municipal

Agraciadas

Na categoria Defesa dos Di reitos e Combate à Violênci a Contra a Mulher, a delegada de polícia Márcia Scherer, que atua na delegacia da mulher de Lajeado e na delegacia de Arroio do Meio, foi homenageada. Além de sua atividade profissional, ela realiza palestras sobre violência doméstica e direitos humanos. A professora Maria H erold, que acumula mais de meio século de dedicação ao ensino de meninas, jovens, mulheres e idos as, foi destacada na área Educação em Prol da Mulher. Aos 82 anos de i dade, continua realizando t arefas em sua comunidade, na linha Marcondes e Santa Maria do Herval, onde foi professora primária e catequi sta. Em Prom oção da Participação Política da Mulher, a distinção foi entregue para a vereadora Neilene Lunelli Cristofoli, de Bento Gonçalves. Ela lutou pela criação da Coordenadoria da Mulher no município e já apresentou diversos projetos de lei relacionados a questões de gênero, incluindo a instituição do dia M unicipal de Luta Contra o Câncer de Mama.

A Dra. Miriam Peukert Rebelato (C) e grupo de amigos quarta-feira em PoA Na categoria Profissionalização e Emprego da Mulher, foi dist inguida a empresária Maristela Peccin Longhi, de Bento Gonçalves. C onsid era empreendedora cons ciente, dedicada à capacitação e bem estar de seus funcionários, é conhecida por realizar programas s ociais relativos à prevenção ao câncer de mama e ao combate à violência doméstica. Em Saúde em Prol da Mulher, o t roféu foi entregue à médica Miriam Peucket Rebelato. Pós graduada em Gestão na Promoção da Saúde, ela é responsável por iniciar um programa de planejamento familiar e implementar a Coordenadoria Municipal da Mulher de Ibirubá, onde foi Secretária da Saúde durante três gest ões e viceprefeita em dois mandatos.

O des taque em Atividade Comunitária em Prol da Mulher foi concedido a Leslie Gorete Serres de Oliveira, vice-prefei ta de Canela. Responsável pela reativação da Liga Feminina de Combate ao Câncer e pela criação da Semana do Bebê, que tem como objetivo discutir a saúde da criança e de suas famílias, ela também mobiliza a comunidade em campanhas de combate ao crack. O prêmio Mulher na Cultura foi entregue a Enadir Obregon Vielmo, professora formada em psicanál ise, que realiza palestras nas áreas de cultura, neurolinguísti ca, gerontologia e psicanálise em Santiago e região. Enadir incentiva a qualifi cação da mulher pela art e, através de trabal hos voluntários no Centro Cultural Aureliano de Figueiredo Pinto, do qual é presidente.


GERAL

8

Entrevista O Visão Regional entrevista esta semana o advogado Leni Luiz Fior, que na última semana foi contratado por Aristides Marques Ferreira para defendê-lo no processo de desapropriação movido pelo Munic ípio de Ibirubá. A área em questão te m 14.530,93 m2 e a inte nçã o da Pre feitura é repassá-la para a empre sa Indutar, conforme reconheceu o Se cretário Municipal da Administração, prefeito ca ssado por crime e leitoral Gustavo Roberto Sc hroeder em e ntrevista aos meios de comunic ação. VR – Inicialmente é prec iso esclarecer: no que consiste a de sapropriaç ão? LLF - Desapropria r significa a transferência forçada da propriedade de um bem, de um particular pa ra o domínio público. É a forma pre vista em lei, para que a União, Estado ou Município expropriem bens de uma pessoa, se ja por inte resse público ou interesse soc ial. VR – Qualquer c idadão pode ter seus bens desapropriados? LLF – Sim, desde que pree ncha um dos requisitos, ou interesse socia l, ou intere sse público. Digamos que você possui uma casa em um bom terreno e ele seja ideal para construir uma creche. O município pode desapropriar o imóvel para e ssa finalidade, mesmo contra a vontade do proprietário. Deve, c ontudo pagar uma justa indenização, pois e m eve ntua l embate judicial não será a avalia ção da Prefeitura que vai valer e sim aque la feita por perito levando em c onsideração o preço de mercado. VR – E neste caso, há interesse público? LLF - Esse é um tema que vou deixa r para e ve ntual embate judicial, pois a meu ver, a en tre vista (de Gusta vo Roberto Sc hroe de r, sobre o repasse do te rreno à empresa) feriu de morte a impessoabilidade que deve nortear os a tos públicos. A Indutar nasceu como uma pequena e hoje é uma das grandes empregadoras, e e u a dmiro pessoas visionárias. Como precisa espa ço para crescer , existem dois caminhos: ou compra a áre a, ou fa z pressão para rece ber auxilio do poder públic o. No c aso concre to a Indutar exigiu compromissos políticos assumidos durante campanha eleitoral e recorre u ao poder públic o. Me u cliente assegura que não foi procurado pela Indutar para vender a á rea. Se o tivesse feito, meu cliente teria vendido, inclusive mediante uma entrada e parce lamento para pa gamento no praz o de até um ano, o que seria facilmente suportável pela empresa. VR – Há quem questione como o sr. Aristide s adquiriu o terreno. Qual a ve rdade ? LLF - O sr. Aristides c omprou e pagou o imóve l com recursos próprios. A informação e spalhada na cida de de que ele teria

rece bido o imóvel do Município é uma inverdade de quem tenta confundir a popula ção. VR - Qual a localização e o tamanho do imóvel? LLF - O te rreno está loc aliz ado às margens da RS 223 entre a Madeire ira Eno e a Indutar. É um terreno com 14.530,93 m2, tota lmente terraplanado, com luz trifásica, rede de água, etc. Pa ra que o leitor faça uma associa ção, ele tem 59,40 metros de frente para a RS 223 por 236 metros de fundos. Do Visão Regional significa que de fundos sua extensão é maior do que até a Sicredi. Sua localizaçã o, portanto é a melhor entre todos os terrenos ainda disponíve is no Distrito Industrial e ideal para instalar empre sa de médio para gra nde porte. Todo mundo sabe o preço dos imóveis aqui em Ibirubá , por isso meu cliente chama a a tenção para a ba ga tela do va lor oferta do. VR – Qual o valor que o Município ofe rec e u? LLF - O preço ofe rtado foi R$ 355 mil pelo terreno e R$ 55 mil pela casa de 89 m2 que está edificada. Em rela ção ao terreno foi ofertado menos da metade do va lor e nos já demonstramos isso para a Prefeitura. Veja que em agosto de 2010 uma se rra ria comprou um terreno de 7.267 m2, que fica entre a Made ireira Eno e a Cotribá, portanto a menos de 100 metros de distância do terreno de sapropriado, pagou em esc ritura R$ 370 mil e que foi a valiado pelo Município no mesmo valor. Conside rando apenas as dimensões do terreno, o valor ofertado deveria dobrar, para se mante r o mesmo preço por metro quadrado. Em rela ção ao valor da casa edificada ta mbém está de fasado. Em uma pe squisa junto a c onstrutura local o metro da construção para c asa da quele padrão varia de R$ 800 a R$ 950 por m2, ou seja, pe la casa deve ser pago no mínimo R$ 70 mil. VR – Depois do protesto do dia 25/2 houve nova negociação com a Prefeitura Municipal ? LL F - Na se xta fe ira o sr. Gustavo Schroede r entrou e m conta to com o Pr efe ito, que estava via jando, e ofertou R$ 650 mil. Embora a proposta tenha avanç ado, a inda não a tende u a e xpectativa de meu c liente. Foi fe ito um acordo ba se ado em trê s itens: a ) A Pref eitura assum iu o compr om isso de suspe nder por 45 dia s o pr oce sso de de sap ropr ia çã o; b) Ne ste per íodo vamos a vança r a ne gociaçã o pa ra que seja pa go o valor de merc ado; c) O sr. Ar istides ac eita també m que o Município desapr oprie igua l áre a do avô e f amiliares do Pre feito, próxima a Sfil, e faç a uma per muta pela sua área . Como pode ser visto, meu cliente não está quere ndo impedir o progresso, apena s quer que a indeniza ção seja justa .

Sábado, 5 de março de 2011

A verdade sobre a suspensão dos concursos A notícia da suspensão dos concursos caiu como uma bomba no meio dos concurseiros, deixando muitos frustrados, desapontados e até mesmo desesperados. Sei o que é se matar de estudar e ainda ter que ouvir estas notícias. Contudo, a mes ma experiência me faz saber o real efeito dessa medida. A primeira coisa que digo a você é: calma! Vamos analisar a situação com clareza, técnica e visão macro, e sob a luz de 30 anos como concurseiro. O dano pela notícia-bomba é mais psicológico do que efetivo, pelos motivos que seguem. Primeiro ponto. Isso é do jogo. É normal que em início de governo surjam medidas como es tas. Também há o mau costume de, quando se anuncia algum corte em gastos, colocar na lis ta os concurs os públicos. Tolice, já que o governo não pode contratar sem concurso, já que todos os anos há aposentadorias, falecimentos e exonerações que precisam ser repostas, já que o país está em franco crescimento econômico e populacional e etc., o que demanda mais servidores . Parar os concursos é estancar o país. J á vi esse filme antes e asseguro: isso passa. Quem duvidar diss o pesquise na internet sobre a suspensão anunciado no início de 2008. Os concursos tiveram um soluço e continuaram. O governo não tem como evitar os concursos por muito tempo. Iss o frustra? Esperar dói? Sim, claro, mas os concursos podem ser adiados, não eliminados. Quem continuar estudando irá enfrentá-los melhor do que aqueles que, entristecidos, pararem de se esforçar. Para quem continuar estudando, sob certo aspecto, há até uma boa notícia: os menos persistentes sairão da fila. Escrevo para que você continue nela. Ela vai andar. Fique no jogo, pois os melhores jogadores treinam durante as férias. Ou jogam em outros campos. Segundo ponto. A s uspensão é parcial. A sus pensão ocorreu apenas no Poder Executivo da União, não atingindo sequer o Legislativo, nem o Judiciário Federal. Os Tribunais e o Congresso continuarão seus concursos. Os Estados da Federação e os Municípios, idem. Mais que isso: Banco do Brasil, Correios etc., como competem no mercado com bancos privados, continuarão tendo que contratar. As estatais, todas elas, não poderão deixar de cumprir as decisões do TCU de substituir terceirizados por concursados. Só a Petrobras terá que substituir, nos próximos cinco anos, 170.000 terceirizados. Como? Com concursos! O que posso dizer é que o Executivo Federal vai perder muita gente boa e bem preparada enquanto ficar parado. E a Presidenta da República não vem demonstrando ser do tipo de ficar parada. Terceiro ponto. O País e o PAC não podem parar. A Presidenta Dilma não correrá o risco de fazer um retrocesso histórico no desenvolvimento do país. Os servidores s ão necessários não só para a economia, para reduzir o custo Brasil, etc., mas também para os objetivos sociais do governo. Parte dos exuberantes resultados do país no Governo Lula decorreu da política histórica do PT de prestigiar os concursos e de colocar a máquina estatal com recursos humanos suficientes para cumprir seus deveres constitucionais. Mesmo quando anuncia a medida, a ministra Miriam Belchior destacou que cada pedido de seleção e convocação será avaliado com cautela. “Serão analisados caso a caso. Novas contratações serão olhadas com lupa”, disse. Por is so, parece claro que áreas estratégicas como Polícia Federal (1.352 vagas), Polícia Rodoviária Federal (com seleção paralisada na Justiça ano passado e 750 vagas) e INSS (2.500) devem ser mantidas . Não há como aumentar a arrecadação, nem combater crime organizado, tráfico e trabalho escravo sem a realização de concursos. Quarto ponto. Dois votos de confiança. O primeiro é em mim. Acredite no que estou dizendo: quem continuar firme nos estudos não terá frustrada sua persistência, ao contrário. Segundo voto, na Dilma. Ela não comprou os aviões dos franceses, marcou reuniões nas sextasfeiras, acabou com a farra dos ministros usando aviões da FAB, visitou pessoalmente as vítimas da tragédia na Região Serrana, chamou atenção dos ministros responsáveis por problemas como o do Enem e do apagão no Nordeste. A mulher está trabalhando! Nesse pass o, o governo segurou o aumento populista do salário mínimo, anunciou corte recorde de R$ 50 bilhões no Orçamento 2011, inclusive congelando a maior parte do dinheiro das emendas de parlamentares, proibiu a compra de automóveis e imóveis, impôs um teto para gastos com passagens e diárias. Enfim, a suspensão dos concursos públicos não foi uma medida isolada, uma mudança de rumo, mas medida compatível com o pacote anunciado. Por mais tolo que seja parar os concursos, não podemos deixar de elogiar um governo que tem coragem de pisar no freio. Recomendações do especialista. Valendo-me da gentil atribuição do “título” de especialista no assunto, veiculo aqui minhas sugestões: 1) Não reduza em absolutamente nada seu esforço e dedicação, seus estudos e revisões; 2) Faça os concursos que ocorrerão no Judiciário e no Executivo da União, nos Estados e Municípios e nas es tatais; 3) Es pere com calma, pois ainda este ano ocorrerão concursos nas áreas estratégicas do Executivo Federal; 4) Tranquilize-se, pois as vagas continuarão lá e precisarão ser preenchidas mais cedo ou mais tarde. Seja em que hora for, es teja preparado. O futuro irá premiar aqueles que não desanimarem. Posso afirmar, como fez o salmista (Salmo 126:6): “Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo a sua colheita”. Mesmo que a vontade inicial tenha sido a de chorar, não existe motivo para isso. Chorando ou não, contudo, lance as sementes . Ass eguro que você irá colher o que está plantando e no tempo certo estará feliz por ter nas mãos seu merecido cargo. *A diferença entre o sonho e a realidade é a quantidade certa de tempo e trabalho. William Douglas, Juiz Federal/RJ e Professor


IBIRUBÁ

9

Sábado, 5 de março de 2011

Instituto Federal de Ibirubá teve terça sua aula inaugural A aula inaugural do Instituto Federal do RS – Campus Ibirubá (IFRS) ocorreu dia 1º na Casa de Cultura. Participaram do ato, além da reitora Cláudia Schiedeck Soares de Souza e do diret or Heron Lisboa, os coordenadores Jovani José Alberti (Administração) e Raquel Alberti (Ens ino), o prefeito Carlos Jandrey e o presidente da Câmara, Érico Pimentel Nogueira. O professor Heron apresentou um audiovis ual sobre o Fórum Mundial de Educação Tecnológica, ocorri do ano pass ado em Bras ília, a que s e seguiu a aula inaugural conduzida pela reitora. Foi apresentada a missão do IFRS e “o diferencial em fazer parte de uma instituição como esta”. Após os atos Cl áudia Schiedeck s e reuniu com os profess ores no auditório do campus, o que se repetiu à noite com alunos dos curs os de Licenciatura e Técnicos noturnos.

Ibirubenses na final do Garota Verão

O Colégio Sinodal iniciou suas atividades de 2011 com diversas ati vidades, porém, sempre com os mesmos desafios: aulas dinâmi cas, divertidas , ricas em conteúdo vi sual e concret o, nas quais o al uno é questionador, participante ati vo na elaboração do seu próprio saber. Dias 17 e 18/2 os professores part iciparam do s em i nár io pe dagógi co “F azendo a dife rença ”. Várias atividades foram des envolvidas, como boas vindas do diretor Edemar Schweig, reflexão do pastor Adem ir, palestras com a profes sora Môni ca L. Froeder e com o Dr. Oromar Suertegaray, planejamentos, organização do primeiro di a de aula e el aboração

de projetos. O seminário encerrou num clim a de união, des contração e des ejo de mudança. Já para os alunos, m uitas expectativas e curiosidades marcaram o dia 21/2, qua ndo os me s mos

retornaram para o ano letivo. Os alunos das Séries Finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio part iciparam de diversas ati vidades direci onadas ao tema que será abordado ao longo do ano let ivo de

2011: “Civili dade – como fazer a diferença na família, na escola e na sociedade”. Quanto aos alunos das Séries Iniciais do Ensino Fundam enta l, es t es for am recepcionados em clima de festa pelas professoras e participaram de um circuito de atividades. Os pequenos do Viscondinho foram recebidos com muitas surpresas e brincadeiras. Todo o planejament o da Fam ília Sinodal é baseado na convicção que o suces so na educação é decorrente de um a cons trução que acontece todos os dias na escol a, na família e na comunidade, a qual exige det ermi nação, objetivos definidos, incentivos e participação constante da família.

eles vinham avaliando 80 meninas de diferentes municípios gaúchos. Infelizment e, não foi des sa vez que o título saiu para a região. A Garota Verão 2011 é Leonora Weimer, 17 anos, de Eldorado do Sul. Já a faixa de 1ª Princesa ficou com J ul ia na M i rel a Schultz, 15 anos, de Estância Velha, e a de 2ª Princesa com Marcielle de Sousa, 14 anos, de Xangri-lá.

Fotos: Thales Moura

Família Sinodal inicia atividades de 2011

A grande final do Garota Verão aconteceu na tarde de sábado, 26/2, em Capão de Canoa. Uma excursão de Ibirubá foi até o litoral torcer para Daiane Schüssler. A ibirubense de 18 anos teve o apoio de familiares, amigos e da charanga do bloco OZB, que garantiu a animação da torcida. Para definir a vencedora os jurados tiveram um árduo trabalho, pois desde o dia 24 de fevereiro

Visão do Leitor Indignação

Amigos Solidários presta contas a comunidade O pr ojeto social “Amigos Solidários” vem realizando diversas atividades buscando o bem da comunidade, assim como para integrá-la nas várias ações sociais. Na última semana a Redação do Jor nal VR foi procurada pelo coordenador do projeto, Waldemar Nunes Maciel, com o objetivo de divulgar a prestação de contas da entidade. Um jogo de futebol beneficente arrecadou R$ 238, que praticam ente cobriram as despesas, mas a iniciativa recebeu 75 quilos de alimentos e outro s 448 quilos doados por empresários. Do total foram doados 110 quilos para a Igreja Assembléia de Deus e o restante a pessoas carentes dos bairros de Ibir ubá.

Um episódio ocorr ido no último final de semana, durante a comemoração do aniversário de Ibirubá, causou-me muita indignação. No sábado, 26, dur ante a festa em duas rodas, os motoqueiros de Passo Fundo estavam reunidos na Rua do Comér cio, em frente a Capital 922, se diver tindo com suas motos. Aceler avam e faziam “zerinhos”, afinal era um encontro de motos. Es tava tudo indo muito bem até que um grupo de ibirubenses chegou ao local e acabou com o evento. Um deles agrediu um dos visitantes com o capacete que car regava e outros começaram a atacar com s ocos. Eu e uma amiga estávamos junto dos passofundenses e poderíamos ter sido agredidas também. Ainda não se sabe qual o motivo da agress ão, pois os motoqueiros estavam apenas s e divertindo. Talvez, fosse inveja. Particularm ente achei ridícula a atitude dos ibirubenses, pois não tiver am o mínimo de r espeito perante o evento que estava sendo s ediado em nosso município. Eles dever iam ter acolhido os visitantes e não expuls á-los do local. E quando tiver um evento desses em Pas so Fundo como ser emos recebidos? Os causadores da confus ão devem imaginar se foss e ao contrár io. Sem falar na imagem que o município vizinho levar á da Terra da Pitangueira do Mato. Eliza Thomaz


10

IBIRUBÁ

Sábado, 5 de março de 2011

Coprel realiza assembleia com destaque para os investimentos

C

erca de 970 pessoas acompanharam ontem a Assembleia Geral Ordinária da Coprel Coopera tiva de Energia e, também, da Coprel Cooperativa de Geração e Desenvolvimento. Diversos temas de grande importância es tavam na Ordem do Dia. Eles foram anali s ados e vota dos , rec ebendo aprovaçã o dos cooperant es.

Re sumo da Assembleia da Coprel Coope rativa de Energia: Foi apresentado o investimento de R$ 21.915.586,79, realizado pela cooperativa em 2010, para acompanhar o crescimento da região de atuação, investir em novas tecnologias e na melhoria dos indicadores de eficiência.

Para 2011, a projeção de investimentos é de R$ 18.774.000,00. Opresidente Jânio Stefanello destaca o crescimento da Cooperativa de Energia nos úl timos 06 anos: “De 2005 a 2010, investimos R$ 131.582.710,60. Um valor que reflete o nosso compromisso com o crescimento social e econômico das comunidades onde atuamos”.

Re sumo da Assembleia da Coprel Cooperativa de Geração de Energia:

Em m el hori as das Pequenas Cent rai s Hidrelétricas, do COS - Centro de Operação Sis tema e em es tudos para novos projetos de geração a Coprel inves tiu em 2010, R$ 3.213.707,88. Na as sembleia também foram destacadas as Peque-

Sicredi comemora 30 anos de atuação Assembleia será dia 11, próxima sexta As com Si cr edi - Na próxim a sexta-feira, dia 11, a Sicredi Ibirubá est ará real izando doi s event os para os ass oci ados de Ibirubá e Quinze de Novembro. O primeiro s erá a As sem blei a Geral Ordinária (AGO), com início às 9h, na Casa de Cultura de Ibirubá. Em seguida os as sociados serão recebidos na Asfuca com um almoço em comemoração aos 30 anos da Sicredi Ibirubá. A direção da Cooperat i- Presidente Eno Wojahn conduziu as pré-assembleias va de Crédito es pera a presença de um grande públi co. Conforme o pres idente Eno cooperativa. A comissão eleitoral, formada pelos as sociReinoldo Wojahn, a assembleia é moment o do ass oci- ados Cels o M eith, Paulo Adalberto Prante e Gil berto ado conhecer os núm eros, ações e conquist as obtidas Alves Sass i, esteve presente nas pré-assembleias para em 2010. O almoço, um momento de festejar e comemorar pres tar os esclarecimentos necessários quanto à eleição dos membros dos conselhos. o aniversário de 30 anos da cooperativa de crédi to. Pode participar do almoço quem est iver presente na as sembleia, quando serão distribuí dos convi tes (e te- A chapa apresentada: rão de levar pratos e talheres ). Depois do almoço, o Conse lho de Administração público irá s e divertir ao som do m usi cal Só Al egria. Pr esidente: Celso Endres Vice-presidente: Paulo Rogério Prediger Pré-assembleias Cons elheiros: Val deri Ant ônio M arcon, Airton preparam para a AGO Spiering, Célio Horst, Zeno Binsfeld, Ari Benini e Jos é Semana passada a Sicredi Ibirubá iniciou o process o Amilt on dos Santos (efetivos); André Tiemann, Hilton ass emblear com a realização das Pré-assembleias nos Goelzer, Rosalvo Osvino Roesler, Nelson Sand, José Juarez municípios de Quinze de Novembro, dia 1º de março, e Ibirubá, dia 3. O presidente Eno Wojahn conduziu as da Rosa Alves e Airton Rother Meinen (suplentes) atividades com apoio do vice Valdemar Deuts ch e dos gerentes Clóvis Strehl (Quinze de Novembro) e Volmir Conselho F isc al Giacomolli (Ibirubá). Pedro Fal cade, Gi lbert o J os é de B ortoli e El ui za A pauta foi bas icamente a ordem do dia da assembleia Teres inha Pi ccinini Hel ler (efetivos ); Fábio Bi ns feld, geral: prestação de contas, destinação dos resultados e nominata para os cons elhos de Administração e Fis cal da Neri João Roes ler e Paulo M ário Both (s uplentes )

nas Centrai s Hidrelétricas Kotzian e Dreher, concluídas em 2010. Am bas têm a sua s ede administ rativa na Coprel, bem como a operação das m es mas que é fei ta pelo COS. Out ros 14 projetos de geração energia, que tem a participação da Coprel, est ão em process o de desenvolvimento ambiental e de viabilidade econômica. No que se refere aos proj etos de Telecom o des taque foi para o programa, que es tá em andamento, para levar int ernet ao interior. “O resultado de 2010 e a proj eção de i nvestim entos para 2011 é frut o do t rabalho de t oda a diretori a, dos consel heiros, dos col aboradores e dos cooperant es que acreditam na força da cooperação,” destacou o president e.

Nomeado coordenador de saúde

Giovani Diesel Em reunião realizada dia 1º ent re o prefeito Carlos Jandrey e a Secretária de Saúde Carlota Artmann, Giovani Moacir Di es el foi nomeado o Coordenador M unicipal de Saúde. O cargo foi criado já no início da administração e t eve o salário reduzido recentemente. Giovani possui experiência na área e já vinha realizando serviços l igados a nova função.

Dentre as atribuições do cargo est ão o planej amento de programas que pos sibilitem o acess o de toda a popul ação à saúde pública, garant ir a ass istência i ntegral , geral e es peciali zada ao paciente em todas as fas es do seu atendimento na at enção primária e coordenar a execução das at ivi dades de as sis tênci a aos usuári os.


RURAL/REGIÃO

RURAL

Autoridades brasileiras e internacionais confirmam presença na Expodireto

Esta semana o presidente da Cotrijal Nei Cés ar Mânica recebeu a confirmação da presença de sete empresas alemãs e do ministro da Agricultura daquele país na XII Expodireto. Para a instalação destas firmas a comiss ão organizadora já aprovou a construção da Casa da Alemanha, que estará localizada na área central do parque.

Segundo o coordenador da área internacional da feira, J osé Inácio Diel, a confi rm ação des tes exposit ores faz part e de uma sequênci a de ações que iniciaram em 2009. “Mantivemos contato com as Câmaras s etoriais de diversos países . Com a presença des tas sete empres as al em ãs , e s ta rem os agregando novas oportu-

ni dades de conhecimento e negóci os , o que acaba engrandecendo ainda mais o noss o evento”, ressaltou J osé Ináci o. Al ém da Al e ma nha também estarão presentes na Expodireto a empresa argent ina Ombu e representantes da Holanda, que realizarão divers as at ividades em comemoração ao Cent enário dos holande-

s es no Bras il. J á os governantes brasileiros confirmaram a pres ença na sem ana anterior. Partici parão do event o o m ini stro da Agricultura Wagner Rossi , o presidente da Câmara dos Deputados Marco Maia, as s enadoras Kátia Abreu e Ana Amélia Lemos e o pres idente do Tribunal de Contas João Nardes.

BB anuncia na Farsul condições para renegociação das dívidas O superintendente Estadual do Banco do Brasil, José Carlos Reis da Silva, anunciou dia 24/2, em reunião do Conselho de Representantes da Farsul, que as agências do Banco do Bras il já estão aptas a renegociar dívidas de operações rurais vencidas até 30 de junho de 2010. As condições disponibilizadas prevêem exclusão dos encargos de inadimplemento para renegociações formalizadas até o dia 29/4/2011, encargos a partir de IRP (Índice de Remuneração da Poupança) mais 0,5% ao mês e entrada de 10% do valor total da dívida. Além disso, o prazo para pagamento foi alongado para até 10 anos , desde que 40% da dívida seja paga em até cinco anos. Novas condições dis ponibilizadas pelo BB para renegociação de dívidas rur ais:

Sábado, 5 de março de 2011 ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

11

Público-alvo: produtores rurais com dívidas vencidas até 30/06/2010 Prazos: at é 10 anos (com pagamento de 40% da dívida em até 5 anos) Encargos: a partir de IRP (Índice de Remuneração da Poupança) mais 0,5% ao mês Entrada: 10% do valor total da dívida Vi gên ci a: c ondi çõe s di sponí vei s para renegociações formalizadas até 29 de abril de 2011, com exclusão dos encargos de inadimplemento. Canais para renegociação: Dívidas até R$ 100 mil Agências BB Dívidas s uperiores a R$ 100 mil Gerência de Reestruturação de Ativos Operacionai s (Gerat).

Economia brasileira cresceu 7,5% em 2010 O Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país , fechou 2010 com crescimento de 7,5% em relação ao ano anterior. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou quinta-feira os dados, ess e é o maior res ult ado des de 1986, quando a economia também teve expansão de 7,5%. Em valores correntes , o PIB ficou em R$ 3,675 tril hões no ano. A expansão da economi a em 2010 foi beneficiada, segundo o IBGE, pela baixa bas e de comparação no ano anterior, quando o PIB registrou queda de 0,6%, influenciado pel os efeitos da cris e financeira internacional.

O crescimento observado é resultado do aumento de 6,7% do valor adicionado a preços bás icos e da elevação de 12,5% nos impostos. O document o do IBGE também aponta que, no que se refere à produção, o PIB da indústria, com alta de 10,1%, foi o que mais cresceu entre os t rês component es , puxado pel o bom des em pe nho da extrativa mi neral (15,7%), s eguida pela construção civil (11,6%). O PIB agrícola registrou elevação de 6,5%. Neste caso, o result ado foi influenciado pelo aumento de produção de várias culturas importantes da lavoura bras ileira, com destaque para a soja, com aumento de 20,2%, do trigo (20,1%),

do café (17,6%), do milho (9,4%), da cana (5,7%) e da laranja (4,1%). O setor de serviços teve crescimento de 5,4% em 2010, puxado pelas ativi dades de intermediação fi nanceira e seguros; e comércio, ambas com alt a de 10, 7%. Segundo o IBGE, o crescim ento da população empregada, da massa salarial e do crédito foi o fator que sustentou o cresci mento das vendas no ano. Além dis so, houve expansão de 8,9% em transportes, armazenagem e correio; e de 3,8% em serviços de informação. Já em relação à demanda, o IBGE apurou aumento de 7,0% do consumo das famílias, sétimo ano de alta cons ecut iva; e elevação de

3,3% no consumo do governo. A form ação bruta de capit al fixo cresce u 21,8%, representando a maior taxa acumulada em quartos trimestres desde o início da série, em 1996. No setor externo, houve aument o tanto nas exportações (11,5%) como nas import ações (36,2%). O Produto Interno Bruto repres enta o total de riquezas produzidas no paí s e é usado para dimensionar o tamanho da economia nacional. Para calcular o PIB, o IBGE util iza os resultados de pesqui sas do próprio inst ituto ao longo do ano, em áreas como agricult ura, indústrias, construção civil e t rans porte. (Tha is Lei t ão/ Agênci a Brasil)

Moranga O tape rense L uis Rena to Batistela c olhe u uma moranga de 26 quilos que, segundo ele, é a maior já vista em sua pr opr ie dade. O produtor, que mor a em Linha São Luis, diz a inda que a hortaliç a foi plantada normalmente, se m aduba ção especial. A moranga pe sa 26 quilos

REGIÃO

Tapera comemora 56 anos com jantar baile no Tenarião

A

Prefeitura e a Câmara de Vereadores de Tapera, em parceria com o Lar do Idoso e com o Restau rante do Clube Aliança, realizaram no últim o domingo, 27, o jantar baile em comemoração aos 56 anos do município, no Tenarião. Na noite oito candidatas ao título de Soberana se apresentaram aos jurados, entre eles, a ex-rainha Paula Bullé, o cronista social e produtor de eventos Luciano Baurgardt, a Miss Turismo do RS Emelin Demaman, a diretora de Cultura e Turismo de Fortaleza dos Valos Márcia Fredi e o executivo de contas da RBS TV de Passo Fundo Jean Carlo Leite. As vencedoras foram Meiriéli Mahra Heinrichs Grando (Rainha), M aruen Klein (Senhorita Turismo), Patrícia Erpen (1ª Princesa) e Cristiane Denise Schwantes (2ª Princesa). A Associação Comercial, Indus trial e de Prestação de apres entaram-se os grupos de violino, flauta doce e canto coral, organizados pelo programa União faz a Vida em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SMECD). A t arde também teve Caravana da Leitura, mos tra de produtos e serviços da Rota Della Cuccagna, exposição de artesanato da Associação dos Artesãos Nossa Arte e dos grupos do Programa de Geração de Renda do Centro de Referência à Assistência Social (CRAS) e demonstração de ações e serviços oferecidos pela Secretaria Municipal de Saúde e Ação Social. O setor de Vigilância Sanitária apres entou uma maquete da cidade apontando os locais com maior probabilidade de surgir focos do mosquito transmissor da dengue. Ainda no di a a Rádio Cultura promoveu a XIII Culturândia e o Passeio Ciclístico, que contou com mais de 130 ciclistas.

Morre Adão Rotta Pezenti

O

fotógrafo Adão Rotta Pezenti, que trabal hou em Tapera por mais de 50 anos , faleceu às 18h do último domingo (27/ 2). Após ser atropelado por um a motocicleta no dia 15 de dezembro de 2010, ele estava internado na UTI do Hos pit al Muni cipa l de Paracatu (MG), onde residi a nos últimos anos. Adã o na s c eu e m Espum os o no di a 10 de abril de 1936 e mudou-s e para Tapera com ci nco anos . Aos 13 anos de idaAdão foi um dos primeide começou a aprender o ros fotógrafos da região ofício de fotógrafo. Entre os fatos i mportantes que regis trou es tá a neve do inverno de 1965, a emanci pação do município e a pos se de Dioní sio Lothário Chas sot . Em 2006 Adão encerrou as atividades de seu ateli er e s e mudou para M inas Gerais. Al ém de cidadão folcl órico e queri do na cidade, Adão Pezenti foi colaborador do Jornal Int egração e de out ros jornais da região por m uit os anos. O melhor de s eu t rabalho foi empres tado à s eção “Memória Viva”, que publ icou várias fot os hist óricas da Ci dade Cult ura. Ess e trabalho em breve deve ser revis itado como uma homenagem ao fotógrafo taperense. O corpo foi sepult ado em Paracatu às 17h de s egunda-feira, 28.

EMERGÊNCIAS: BM: 190 Bombeiros: 193


LEGAIS/OBITUÁRIOS

12

1º Ano de Falecimento HILGA PETRY WEIMER

Convocação

Lutou enquanto teve força. Carregou sua dor pela doença sem nunca deixar de nos confortar com um sorriso, um abraço ou um aceno de mão. Deixou seu exemplo de alegria não só com palavras. Deus a levou para junto dEle e tem os certeza de que o céu está mais alegre. A família de HILGA PETRY WEIM ER agradece a todos os vizinhos, parentes e amigos que a visit aram durante sua enfermidade e ajudaram na tão difícil hora da despedida.

Saudosas lembranças das filhas, dos genros, netos e bisnetos

Agradecimento

ORDALINO NOGUEIRA Os familiares enlutados do sempre lembr ado O RDALINO NOGUEIRA agradecem aos médicos do Hospital Annes Dias, Dr . Ar nald o Alves, D r . Jéfe r son W ollme iste r , Dr . R obe rt o Belwanger (Cruz Alta), Antoninha Venturini e demais enfer meiras, ser vidores, às pessoas que cuidar am de sua saúd e em sua residência, à equipe de senhoras da Comunidade Cat ólica, que levaram conforto e a palavra de Deus; ao Adilson, motorista da ambulância da Unimed Alto Jacuí; à dir eção e funcionár ios da F uner ária MPK pelos ser viços prestados; aos soldados do Exér cito Br asileir o, da 29ª G .A.C.A.P de Cruz Alta, pela homenagem. Um agr adecimento especial a Maria Cecília F agund es So uza pela dedicação e carinho. A t odas as pessoas que compar ecer am no velório e atos fúnebres levando a solidariedade e nos dando força nos momentos dif íceis que passamos. A t odos a imor redoura gratidão da família enlutada de ORDALINO NOG UEIRA. A f am ília convid a para a Mi ssa d e 7º Dia a realizar- se h oje na Ig rej a Ma tr iz No ss a Senho ra d e Lou rd es, às 18h, e aman hã, às 8h30mi n. “Tu, que dedicaste a tua vida inteir amente aos teus, que foste o nosso amigo de t odos os momentos, pede ao Pai de misericór dia que nos dê r esignação e força para poder mos carr egar a cr uz desta cr uel separ ação. Deixaste no coração de cada um de nós uma lembr ança viva e uma afeição que jamais se extinguirá” .

Cooperativa de Pequenos Agropecuaristas de Ibirubá Ltda. Rua Mérito, 853; Bairro Planalto – Ibirubá (RS) CNPJ 04.355.355/0001-54 IE 064/0032508

*10/12/1926 +8/3/2010

II Igreja do Evangelho Quadrangular CELEBRAÇÃO DE CULTOS: - Quartas-feiras (15h), Quintas-feiras (19h45min) e Domingos (19h) . Fone: (54) 9154-5939 General Osório centro/Ibirubá

Sábado, 5 de março de 2011

A Presi dente da C OOPER ATIVA DE PEQUENOS AGROPECU ARISTAS DE IBIRUBÁ LTDA – COOPEAGRI, CNPJ 04.355.355/0001-54, NIRE nº 43400084053, com base no que determina o estatuto da mesma, convoca seus associados para Assembléia Geral Ordinária e Extraordinária dia 16 de março de 2011, na Câmara de Vereadores de Ibirubá, com início previsto para às 8h em 1ª convocação, com presença de 2/3 dos Associados; em 2ª convocação às 9h, com presença de metade mais um dos Associados; e em 3ª convocação às 10h, com presença de no mínimo 10 associados, para deliberarem sobre a seguinte Ordem do Dia

CTG Rancho dos Tropeiros Edital de Convocação O Patrão no CT G Rancho dos Tr opeir os, entidade com sede na Rua Carlos Kr ammes, 216, Ibir ubá (RS), no uso de suas at ribuições legais e estatutárias, CONVOCA os associados para Assembleia G eral Or dinár ia dia 10 de nar ço de 2011, no ender eço acima citado, com pr imeira convocação prevista par a as 19h30min, com presença da metade mais um dos sócios quites com a tesour aria, e em segunda convocação às 20h, com pr esença de qualquer número de sócios quites, par a deliberar sobr e a seguinte O rdem do Dia 1) Prestação de contas r elativo ao exercício 2010/2011 2) Eleição e Posse da Patronagem exer cício 2011/2012 3) Assuntos diver sos.

1) Leitura da Convocação; 2) Prestação de Contas dos Órgãos de Admi nistração e Fiscalização compreendendo: a) Relatório da Gestão; b) Balanço Geral; c) Parecer do Conselho Fiscal; d) Plano de Atividades da Cooperativa para o Exercício seguinte; 3) Destinação da Sobra Líquida Apurada; 4) Eleição dos Membros do Conselho Fiscal; 5) Alteração Estatutária e no Objeto da C ooperativa; 6) Assuntos diversos; Ibirubá (RS), 24 de fevereiro de 2011. Clarice Budke Bourscheid Presidente

I birubá (RS), 23 de f evereiro de 2011. Jo ão Carlo s Becker Pa trã o

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

Prefeitura Municipal de Quinze de Novembro A Prefeitura Municipal de Quinze de Novembro (RS) torna público que alterou a data de abertura da seguinte licitação: Tomada de Preços - TP 02/2011 - Obras e Serviços de Engenharia para conclusão e modernização do Ginásio de Esportes. Nova data e horário: 24/03/2011, às 9h. Mais informações na Prefeitura de Quinze de Novembro (Rua Gonçalves Dias, 875), pelo fone/fax (54) 3322-1500 ou pelo e-mail juridico@pm15nov.rs.gov.br. CLAIR TOMÉ KUHN Prefeito Municipal

Informativo da Prefeitura de Quinze de Novembro Departamento de Turismo, Cultura e Meio Ambiente Calendário de Eventos – Já está disponível na recepção da Prefeitura o Calendário de Eventos 2011.

Departamento de Agricultura, Pecuária Indústria e Comércio

Declaração de Animais – Os produtores do município que ainda não realizaram a Declaração Anual de Animais devemfazêla o quanto antes no Departamento Municipal de Agricultura. Alevinos – Estão abertas as encomendas de alevinos. A previsão de chegada é dia 26 de abril. Hortaliças – Já estão disponíveis sementes de hortaliças. A retirada pode ser feita junto ao Departamento de Agricultura.

Setor de Tributação

Blocos de Produtor - Agricultores que possuem Bloco de Produtor Modelo 15 deverão comparecer junto ao setor, com Alcindo, apresentaro bloco em uso no finalde 2010 para que seja realizada a totalização. Esta apresentação e obrigatória e deverá ser realizada até 10 de março de 2011.

Departamento Municipal de Assistência Social e Habitação

Cursos Senar – Estão abertas as inscrições para dois cursos do Senar para o mês de março: Processamento de Frutas e Hortaliças de 14 a 18;3 e Produção de Plantas de Corte dias 22 e 23. As inscrições podem ser feitas na Assistência Social e no STR. Encontro– No dia 12 será realizado o Encontro Municipal de Mulheres na localidade de Volta Gaúcha, a partir das 9h30min. Durante todo o dia haverá programação especialmente voltada para as participantes. As mulheres interessadas no transporte devem fazer a inscrição junto ao STR ou na Emater, adquirindo também a ficha para o almoço.

Emater

O Escritório Municipal da Emater está aceitando pedidos de encomendas de mudas de frutíferas. Informações pelo fone 33221161/1545.


QUINZE DE NOVEMBRO

13

Sábado, 5 de março de 2011

EMEI Pequeno Polegar pode receber mais R$ 100 mil Sem ana pass ada o prefeito Clair Kuhn, o as sess or de gabinet e Délvio J ung e o President e da Câmara Elton Scarsi estiveram em Bras ília e j unto ao deputado Darcí sio Perondi (PMDB) s oli citaram recurs os para a aquisição de equipament os e mobi liários para a creche do programa Pró-Infânci a, que es tá em construção. Est a s emana o Est a semana o Fundo Nacional de Des envol vimento da Educação (FNDE) li berou R$ 100.229,19 que, somados a contraparti da de R$ 1.012,42 do Município, poss ibil itarão comprar t odos os equipam entos e mobiliários para a futura es cola. O proj et o técnico foi encaminhado em 2010, elaborado pela coordenadora do Departamento de Educação, Maidi Schneider.

Encontro de Mulheres será dia 12 em Volta Gaúcha

Senar conclui mais um curso em Quinze O Sindicato dos Trabalhadores Rurai s (STR) e o Departamento Municipal de Assistência Social realizaram entre os dias 21 e 23/ 2 mais um curs o através do Serviço Nacional de Aprendi zagem Rural (Senar). O Curso de Panificação Caseira contou com 16 participantes , orientadas pela instrutora Graziela Di Napoli. Foram elaboradas mais de 20 receitas, desde opções de lanches até a composição de pratos com pletos. Segundo a presidente do STR, Sirlei Fassbi nder, os cursos do Senar são uma ótima opção de aprendizagem, podendo inc lus i ve s ervi r de al te rnat i va para complementação da renda familiar. No último ano foram oferecidos vários cursos e o número deve aumentar: “Em 2009 foram realizados 17 cursos e queremos chegar a esse excelente número mais uma vez. Estes curs os, além de serem totalmente gratuitos , oferecem ensinamentos que podem ser aplicados na prática, no dia-a-dia”, destaca Sirlei.

Em parceria com a Prefei tura de Quinze de Novembro, Emater e Cotribá, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) promove no próximo sábado, 12, o 19° Encontro Municipal de M ulheres, na locali dade de Volta Gaúcha. A programação inicia às 9h pela manhã terá des fi le (10h30min), palestra motivacional com Adriana Fredrich (11h) e atividades físi cas ant es do almoço. Após ocorre a apresentação de cosméticos, divulgação do res ultado do desfile (13h), sorteio de prêmios , escolha da melhor torcida, rifa, apresentações artí sticas, brincadeiras e baile a parti r das 16h30m in. A ficha para o al moço custa R$ 10 (polenta, molho, galet o e massa) e deve s er confirm ada até dia 9. Quem parti cipar deve levar pratos e talheres.

Quinze sedia 3º Trilhão e 3º A.T.A. Ecológico O Mot o C l ube Tri lheiros de Qui nze de Novembro real iza no próxi mo dia 27 de março o 3º Tril hão na orla do maior lago artificial do Rio Grande do Sul . As

atividades iniciam as 9h com a saída no Camping Aurora. A inscrição custa R$ 25. No pacote o participante ganha café da manhã, apoi o e foto indi vi-

“Na expectati va pos itiva em relação à l iberação do recurs o, já havia preparado t odo o proces so necessário para a licitação. Agora o process o será agi lizado e poderemos entregar, juntamente com a obra da nova escol a, toda a infraestrutura int erna compl et a da nova s ede da EMEI Pequeno Polegar”, ress al ta Maidi. O prefeito e o gerente de Des envolvimento Humano Jacques B. Güntzel vistoriaram as obras . “Vamos oferecer um a estrut ura totalmente reformul ada e moderna para atender a educação infantil em Quinze de Novem bro As cri anças de nos so municí pio merecem es te cuidado especi al. Esta conquista faz parte de um esforço conj unt o da equipe da Administ ração Municipal”, reit era Clai r Kuhn.

dual da trilha, impressa no fi nal . O al moço é opcional no ato da i nscrição (R$ 10), sendo oferecida t oda infraestrutura para quem qui ser usufruir do campi ng.

No mesmo final de semana ocorre o 3º ATA Ecológi co, com o 1º Carnaval da Água, hel icóptero e avião anfíbi o. Inf orma çõe s pe l o fon e 9191-0134.

Parabéns Mulher!

Homenagem da vereadora Nilva Maldaner a todas as mulheres.


POLICIAL

14

POLICIAL

Dois acidentes na mesma tarde em Ibirubá

Choque com pick-up deixou catador de papel f erido na Mauá

A

tarde do dia 22/2, terçafeira, foi t umul tuada no am bulatório do Hospi tal Annes Dias de Ibirubá. Ocorreram doi s acident es, quas e si multaneamente. Na Rua Mauá uma Saveiro at ingi u a carroça do catador de papel Ildo Motta, de 54 anos, que foi atropelado. Ele foi conduzido até o hospital por uma cam ionete Pampa, devido à falta da am bu-

Veículo chocou-se fr ontalmente com a ponte na ERS 223, numa cena impres sionante

lância municipal. Chegou ao hospital consciente, porém com muitas es cori ações no ros to e nas pernas, s endo submetido a vários exames. Minutos depois outro acidente chamou a atenção dos motoristas na Ponte do Pulador (ERS 223). Alexandro Hüther perdeu o controle da Courier que ele conduzia, aquaplanou e chocou-se de frent e com a guarda da pont e.

El e e Sueli dos Santos, que tam bém es tava no carro, se feriram. El a chegou consciente ao hospi tal, mas ficou i nternada devido a fortes dores. Al exandro foi liberado no mes mo dia. A Secretária de Saúde de Ibirubá, a contabi lis ta Carlota Art mann, disse que as ambulâncias da Prefei turas es tavam l evando paci entes a outros muni cípios .

BRIGADA MILITAR AGRESSÃO – Dia 25/2, sexta-feira, a Brigada Mil itar deslocou efetivos para a Rua Tiradentes (Cent ro), onde efetuou registro de lesão corporal para um homem que foi agredido com socos e chutes . Na Rua Diniz Dias (B. Odila) ocorreu agress ão contra uma mulher grávida de oito meses, que recebeu t apas na barriga. FURTO – Doces e salgados foram furtados dia 25/ 2 na Carne & Cia., na Rua Mauá. Para tanto a grade da frente do es tabelecimento foi danificada. AGRESSÃO II – Os PMs foram até a Rua Estrela (B. Floresta) no último sábado, onde duas senhoras foram agredidas. Na localidade da Várzea um hom em sofreu chutes do árbitro durante uma partida de futebol e na Rua M onteiro uma mulher informou t er sofrido violência de s eu companheiro. FACA – A BM verificou no hospital dia 26/2 o caso de um homem ferido por arma branca (faca), fato que teria ocorrido perto da praça central. O autor s eria um el emento conhecido por Juninho. ACIDENTE - A Brigada atendeu acidente com um Ford Ka na Rua Sete de Setembro (Centro), no último domingo. AGRESSÃO III – Policiais da Brigada Militar desl ocaram-se até a Rua Barra da Corda domingo e conduziram um homem até hospital depois de ele t er s ido agredido com gol pes de facão. PERTURBAÇÃO – A BM registrou duas ocorrências de perturbação do sossego dia 27/2 na Rua do Comércio (Centro) e outra às 16hs30min na Rua Getulio Vargas, em frente a praça central. ÓBI TO – Às 20h45min de 27/2 a BM encontrou o corpo de Nicanor Braz de Moura, 73 anos, na Rua Três de Outubro. Ele residia no Bairro Floresta. I RREGULAR – Às 18h15min de domingo foi confeccionado registro contra duas pes soas que prestavam segurança na Rua Júlio Rosa, em frente a um baile, j á que ambos não estavam legalizados para prestar o serviço. PERTURBAÇÃO II – No feriado a BM regis trou perturbação do sos sego contra o condutor de um carro à 1h, na Rua Sete de Setembro (Centro). ACIDENTE I I – Ocorreu um aci dente de trânsito com danos m ateri ais à 1h do dia 28/2 na R ua General Osóri o (Cent ro), envolvendo um Fusca e um Fiat Uno.

AGRESSÃO IV - Por volta da 1 de segunda-feira os brigadianos foram solicitados na Rua Três de Outubro, onde uma senhora foi agredida e ameaçada pelo seu ex-companheiro. SUSPEI TO – Um elemento saiu correndo após avi s ta r a vi at ura da BM , que es ta va em patrulhamento perto do frigorífico IBI às 3h do dia 28/2. No l ocal foi recuperada uma bicicleta que havia sido furtada na praça central. AMEAÇA – Cedo da manhã de segunda-feira compareceu à BM um homem para registrar ameaças do ex-marido de sua mulher. Este diria “que vai mandar alguém o matar e pegar sua mul her de volta quando ele for para o trabalho”. FURTO II - Por volta das 8h35min do feriado a guarnição de serviço da Brigada foi solicitada na Rua M auá, nº 1250, para registrar furto num prédio em construção. ESTELIONATO – Um homem foi até a Brigada dia 28/2, às 22h, registrar que fora vítima de estelionato. Relatou que recebeu telefonema de alguém se passando por um sobrinho que estava em vi agem e cujo carro havia quebrado, solicitando R$ 800 para o conserto. A vítima fez o depósito durante a tarde. ACIDENTE III – Dia 1º ocorreu acidente de trânsito às 10h40min na Rua General Osório. ANIMAL - A BM efetuou um regis tro de maus trat os a animais na Rua Nadia Cris tina Vasconcelos , às 11h de terça-feira. DESORDEM – Um cidadão caus ou desordens e a Brigada Militar interveio às 20h30min do dia 1º, na Avenida Mauá. MOTO – Por volta das 20h de terça-feira a BM foi até a localidade de São Lucas, onde havia sido encontrado o CRLV de uma motocicleta, os documentos do proprietário e o próprio veículo logo adiante, abandonado numa lavoura. Consulta no sist ema mostrou que a moto havia sido roubada em Cruz Alta no dia anterior. INTERIOR - A Brigada Militar foi na manhã de quinta-feira à localidade do Rincão Seco, onde ocorreu furto na escola. O IGP da Polícia Civil fez o levantamento. TRÂNSITO – Por volta das 18h de quint a-feira a BM atendeu aci dente na Rua do Comércio, onde colidiram um Fiesta e um caminhão Mercedes Benz.

Sábado, 5 de março de 2011

Conselheiros se atualizam em curso O cor reu dia 17/2, em Chapada, o 76º Encontro Regional de Conselheiros Tutelares do Planalto Médio. De Ibirubá participaram Fábio R ic ardo de C a rv alho Moreira, Marli Birkhane Limara M . Hüther Bock. A programação contou com palestras sobre as at ribui ções do Consel ho Tutelar, o programa Sípia, Frequência do aluno na Escola (Ficai) e inclusão social. Foi elei ta a nova eleição do Conselheiros Tutelares do Planalto Médio (Coplame), que tem agora como presidente Elisiane Mossmann, de Chapada, e vice-pres idente Marli Birkhan, de Ibirubá. O próximo encontro será em Santo Antônio do Planalto, em abril.

Escola Rincão Seco é alvo de furto Na manhã da últim a quintafeira, dia 3, ladrões atacaram a Esc ol a M uni cipal de Ensi no Fundam ental Rincão Seco. A direção verifi cou o fato logo cedo e por volta das 7h efetuou o regis tro junto à polícia. Foram

l evados s ete comput adores , doi s rádios , um receptor de parabólica, R$ 150,00 em es pécie, t rês máquinas di gi tai s , doi s t onners, fechadura, tacógrafo de veículo, material de cozinha e de aula e merenda escolar.

Coprel perde colaborador em acidente Uma fatalidade vitimou quinta-feira Rafael Amaral, colaborador da Coprel que sofreu um acident e de trabalho. Ele es tava executando ati vidades no sistema elétri co de Capão dos Valos, em Ernes tina, pert o da divi sa com Pass o Fundo, quando ocorreu o fato. Rafael foi levado ainda com vida ao Hospi tal Sã o Vi c ent e de P aul a , poré m , s ofr eu um a p ara da cardiorespiratória e faleceu. O corpo foi vel ado na casa mort uária de Ibirubá e o sepultamento foi realizado ontem, no cemitério do m unicípi o. A famíli a coprel iana, form ada pela direção, colaboradores e cooperantes, sente muit o pel a fatali dade e dará todo o apoio necessário à famí lia. “Infeli zmente temos que nos despedir de um col ega al egre, prestati vo, competente, companheiro e que fará mui ta falta a todos nós ”.

BOMBEIROS ENXAMES - Dia 25/ 2 a 4ª Seção de Combate a Incêndio foi até a Rua Arnoldo Wollm es iter (B. Chácara) remover um enxame de abelhas e à Rua Henrique Roetger (B. Progress o), onde havia ves pas num post e de luz. CÃES - Dia 28/2 doi s cães pi ttbull e out ro de raça desconheci da foram capturados na Rua Torres, por volta das 11h40m in. As partes como proceder. VISTO RI A - A 4ª SCI vist oriou árvores na Rua Frederico Walter Gauer (B. Santa Hel ena) dia 1º, às 14h30min, e quarta-feira na Rua Fiorindo Cervi eri (B . C hácara), às, 14h20m in, por solicit ação da Secretaria de Obras. Ambas es tavam em boas condi ções, não se enquadrando para corte.


ESPORT E

ESPORTE Bolão QUINZE – Pela 2ª fase do Municipal, o Bolão de Quinze de Novem bro teve di a 28/2 s ua 5ª roda da. A Amoviprim somou 813 pinos, a Barro Preto 799, Asequin 798, Bar da Esquina 780, Ami gos do C opo 758 e a Amovibel a 756 pi nos. O cam peã o foi J os é Strel e Cristi ano da Silva, com 169 pi nos e o urs o Zeno Pi nno, com 140 pinos . Dia 3 a 6ª ro dada a pre s ent ou Amoviprim com 805 pinos, Barro Preto com 801, Amigos do Copo 793, Bar da Esquina 775, As e qui n 766 e Amovibela 761. O campeão foi indi vidual foi Paulo Renato Schafer e Lodem ar Heller, com 169 pinos , e o urso Adelir Becker, com 121 pinos. A fi nal s erá dia 9, quart a-feira, às 20h, no Bar e Bolão 25 de Julho, entre Amoviprim x Barro Preto.

Escolinha retoma atividades

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

15

QUINZE – Os trei nos da Escolinha Desportiva e Recreati va recomeçam dia 14. Di a 7, às 17h, o professor Gilinho t erá reuni ão com at letas das categorias Sub-13 e Sub-15 para defini r os dias de treinament os . A Sub-9 t erá j ogos às terças -feiras e na quinta trei na a Sub-11 com a profes sora Fernanda, s empre a parti r das 17h. As inscrições podem ser feit as com a t es ou rei r a C at i a Deuts ch. A profess ora Fernanda também fará treinos com meninas de 12 a 15 anos. As int eres sa da s devem contatar o pres idente, profes sor J oão, ou ai nda com as profes soras Fabiane Wotrich, Nilva M al daner, Andirela Kuhn na Es cola Meni no Deus .

Sábado, 5 de março de 2011

Encerrado o Municipal de Futebol de Campo de Quinze

Prefeito Clair Kuhn e Cel so Krug entr egaram os trof éus da “Taça Cotribá 100 Anos” Sociedade Esportiva Santa Clara, Campeã da Categoria Principal Duas partidas reúnem dia 12 no Estádio Ireneu Maurer, a part ir das 18h, os atletas locais que participaram do campeonato. O in gresso será 1 quilo de aliment o M. Scheffler/PMQN – No último sábado (26/2) foi realizado o s egundo jogo da final do Cam peonato Municipal de Futebol de Campo Taça Cotribá 100 Anos Edição 2010/2011. O estádio Guilherme Peukert, em Santa Clara do Ingaí, recebeu mais de duas mi l pessoas que acompanharam os dois jogos que definiram os campeões de 2011. Na categoria Aspirante, a equipe do 15 de Novembro venceu a de Sede

Aurora por 4 (Christian 2, Jardel e Maninho X 3 (Viola 2, Vagner), levando a decisão para a prorrogação, onde a equipe do 15 de Novembro venceu por 1x0 (gol de Jairo), garantindo a vitória. Já na categoria Principal, a Sociedade Esportiva Santa Clara, que já havia vencido o Esporte Clube Floresta no primeiro jogo, garantiu o tít ulo, vencendo por um placar de 7 (Nino 5, Joel son e Gili nho) X 1 (Marciel). O As ses sor de Desporto Evaldir Dresch Kl ein foi o responsável pela organização de todo o campeonato, que neste ano está em sua 21ª edição. “Mais uma vez Quinze de Novembro dem onstrou que o esporte pr om ove um a gra nde integração em nosso muni-

cípio, com um grande respeit o entre perdedores e vencedores . As equi pes estão de parabéns pelo bom com portamento dentro e fora de campo”, destaca Evaldir. O Assessor de Desporto também divulgou os números deste campeonato. Confira: O campeonato iniciou dia 25 de novembro de 2010, com 6 equipes na categoria veterano, 8 equipes na categoria aspirante e também 8 equipes na categoria principal, sendo inscritos 541. atletas. Na categori a aspirante foram disputadas 40 partidas , marcados 189 gols , as sinalados 194 cart ões amarelos e 15 cartões vermelhos . 200 atletas foram i nsc rit os na c at egoria . Sagrou-se campeão o Esporte Clube 15 de Novem-

bro, e vice o Grêmio Esportivo Aurora. Atleta Destaque: Márcio Chaves Branco do Grêmio Esportivo Aurora. Atleta Revelação: Braian Wahys da Sociedade Es portiva Santa Clara. Goleador: Fernando Lopes (Viola) do Grêmio Esportivo Aurora com 18 gol s. Golei ro m enos vazado: Andrei Perim do Esporte Clube 15 de Novembro com 12 gols. Equipe mais discipl inada: Sociedade Esportiva Progresso. Na categoria pri nci pal foram disputadas 40 partidas , marcados 172 gols , as sinalados 201 cart ões amarelos e 16 cartões vermel hos. Nest a categoria foram 160 atletas inscritos. A equipe campeã é a Sociedade Esportiva Santa Clara, e vice o Esporte Clube

Floresta. Atleta Destaque: Leonardo Schaffer da Sociedade Esportiva Santa Cl ara. Atleta Destaque de outro muni cí pio: C és ar Antonel o do Es porte Clube Floresta. Atleta Revelação: Wallace Eickstaedt do Es porte C lube F lores ta. Golea dor: Fa bia no Landwogt (Fabianinho) do Esporte Clube Floresta com 22 gols. Goleiro menos vazado: Marcos Spi elmann (Checheu) do Esporte Clube 15 de Novembro com 14 gols. Equipe mais disciplinada: Sociedade Es portiva Santa Clara. Após os jogos, foi realizada a entrega da premiação para as equipes e os atletas, por representantes da Administração Municipal e da Cotri bá, patrocinadora do campeonato.

Municipal ibirubense vai para o mata-mata A r odada do final de semana define cruzam entos para a próxi ma fase. Hoje jogam Aspirantes e Principal de Bangu x Revel ação, União Herm any x Atl éti co; domingo, S ão José x São Lucas, Ipi ranga x Vila Nova (Aspir antes e Pri ncipal) e os Veteranos de União Herm any x Vil a Nova. Bangu x Atlético, São José x São Lucas IBIRUBÁ - A uma rodada da próxi ma fase já se t em uma prévia do M unicipal de Campo 2011. Pel a categoria Aspirantes, por exemplo, a equi pe do Vila Nova está fora depois de somar apenas dois pontos em set e jogos . Já pela Principal o São Lucas e o União Vila Hermany, que s omou som ente t rês pontos, brigam por uma vaga. A 8ª rodada, real izada no últ imo final de semana, i niciou no sábado. Pel a As pirant es o São Lucas venceu o Florestal com placar de 3 x 2 e o São J osé goleou o Vi la Nova por 5 x 0. Domingo, ainda pela Aspirantes, o Revelação fez 2 x 0 no União Hermany e o Atlético venceu o Ipiranga por 3 a 1. A li derança da categoria está até então com o Revel ação (16 pont os), seguido do Flores tal (14), São José e São

Conheça nosso site:

www.jornalvr.com.br

L uca s (12), B angu ( 8), Hermany (7), Ipiranga (6) e Vila Nova (2). Pela Principal jogaram sábado São Lucas e Florestal, com placar de 2 x 0 para o São Lucas. Já o São J osé venceu o Vila Nova por 2 a 1. Domingo Hermany - Principal o Revelação fez 3 x 0 contra o Hermany e, fechando a rodada, o Atlético Estádio Carlos J. Simon, Bangu x Vila Nova perdeu para o Ipiranga também por 3 a 0. A abriram a rodada: 5 a 1 para o Bangu. Na Várzea o Hermany venceu o São Lucas com placar de 4 classificação traz o Florestal como líder com 17 pontos , seguido de Revelação (16), Ipiranga a 0 e em Arroio Grande Atlético e São José (13), Bangu e São J osé (11), Vil a Nova (9), empataram em 2 x 2. Desta forma a liderança da Atlético (7), São Lucas (4) e Hermany (3). classificação fica dividida entre Hermany e Bangu com 7 pontos, seguidos de São José (4), São Já pelos Veteranos foram realizados três Lucas e Atlético (2) e Vila Nova com 1 ponto. j ogos na manhã de domi ngo. Em Ibirubá, no

Concluída 1ª fase do futsal Está s e defini ndo o futsal ibirubense. A primeira fase da competi ção foi concluída na última sem ana, com Juventude do Triunfo 3 x 2 EC Odila, Juventus FC 0 x 4 Vila Nova e União Vila Hermany 2 x 7 Society (Sub-15).

Pela-Sub 17, jogaram Vila Nova 2 x 1 Amorplan e União Vila Hermany 11 x 3 Deportivo Chácara. Os resultados definem os cruzamentos para a próxima fase, que ainda serão divulgados.


A Fundação Getúlio Vargas anunciou que a inflação sem anal (IPC-S) diminuiu em seis das sete capitais pesquisadas na última semana de fevereiro. A única exceção foi Porto Alegre, onde os preços subiram e a taxa aumentou de 1,24% para 1,48%.

JORNAL COM VISÃO DE FUTURO

A venda de veículos cresceu 11% em fevereiro, informou quarta-feira a Fenabrave. Em fevereiro foram vendidos 430 mil unidades no país, crescimento de 11,08%. Essa quantidade também é 23,06% maior do que o total do mesm o m ês do ano passado.

SÁBADO, 5 DE MARÇO DE 2011

Feriadão: campings e balneários são ótima opção

M.Schef fl er/ PMQN Todos os anos Quinze de Novembro recebe milhares de t uris tas no feriado de Carnaval, que vão aproveitar os di as de folga junto das inúmeras opções oferecidas pela Capital do Turismo Regional. Todos os campings est arão abertos, recebendo os turistas durante o feriado prolongado. “A es trutura turística do município, e os eventos oferecidos têm atraí do um públi co cada ano m aior para Quinze de Novembro”, destaca a secretária de tu-

Pinho’s Park:

Hotel de Lazer Águas da Fonte:

Camping Aurora

rismo, Luiza Budke. Segundo ela, além dos balneários abert os ao público em geral, a expectativa é de que os condomínios de s egunda cas a, reservados para sócios, também recebam um grande público neste feriado. Confi ra a programação: Camping Aurora: O camping estará oferecendo toda a estrutura para os turi stas no feriadão. Os apartamentos já estão todos reservados. Os administradores esperam repe-

tir mais uma vez o excelente público que curte o feriado no l ocal t odos os anos. Mai s informações , fone 3322-1111, ramal 22.

ado já foram reservados locais para acampamentos , mas ainda há espaços disponíveis. Fone 3322-1114 ou 9122-0666.

Hotel de Lazer Águas da Fonte: Como acontece todos os anos , o balneário recebe milhares de pessoas para pass ar o feriado com os amigos ou com a família, num am bie nte m ai s tranquilo. Segundo o proprietário Paulo Meinen, todas as casas e apartam entos já estão locados . Nas semanas anteriores ao feri-

Pinho’s Park: Foi preparada uma programação especial para curtir a folia no Pinho’s. Hoje à noite haverá jantar show com música ao vivo (Banda SMS) e o cardápio será porco-pizza. No domingo, a partir das 15h, a animação será da Banda SMS e DJ’s . Na terça-feira a Banda SMS toca novamente para os foliões .

Tam bém s erá reali zada matinê para as crianças e carnaval da 3ª idade. Contato: 9152-7262. Bal neário Wil ke: O b al n e ário estará a b e rt o todos os di as do f eri ado, c om a infr aestrutura preparada para r e ce b er

os visi tantes (cancha de bocha, vôlei de areia, futebol s ete, lancheria, piscinas). Mais informações pelo fone 3322-1144, ramal 2224, ou 9107-2501.

Balneári o Wilke


Visão Regional, 5 de março de 2011