Issuu on Google+

Ano 3 - Edição Lages, 06 de de2013 setembro Lages,95 06-de setembro - Ano 3 de 2013

R$ 2,00

Cidade

Desfiles encerram Semana da Pátria

09

Educação

Lages sedia Olimpíadas do Conhecimento

Sandro Scheuermann

Divulgação

Fábio Ramos/Assessoria/SDR

Governador assina contrato com Sinotruk

07

10

Saúde

Exames acumulam nos laboratórios deolhonocariri.com.br

22

Esporte

Inter joga em casa no domingo Marcelo Vieira (Pakinha)/Arquivo VL

LOJA EXCLUSIVA

CVC LAGES

Rua Emiliano Ramos, 395 Sala 1

3222-0887 lages@cvc.com.br

COLÉGIO

Obras da fábrica devem começar em 2014. O primeiro caminhão deve sair da nova fábrica em 2015 | PG. 04


Opinião

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Opinião do Leitor

Espaço reservado à opinião de nossos leitores. Caso você queira também se expressar, nos envie um email com sua opinião ou sugestão para:

Um simples templo moral

O tempo é uma palavra perdida sem motivos para chorar e muitos motivos para ainda sorrir, e melhor superar tudo o que foi destruído. Uma sintonia entre filósofo e deusa é como nascer sem ferir, é como construir tudo aquilo que um dia foi reconstruído. Na arte, compreendemos um universo grandioso e, após longas horas de reflexão, encontramos uma saída para permanecermos refletindo por toda a vida. Embebidas num processo exagerado, faz do poeta saudável um doente complexo e carente. Em luzes e incensos tudo aquilo que buscamos está perto da realidade. A iniciação dos escolhidos vem antes da associação oficial ao templo sagrado. A amizade está acima de qualquer dificuldade individual. Quando um conjunto de lindas frases é negado pela classe conservadora é que novas oportunidades de comando estão surgindo ao entardecer dos jovens estudantes. O sol, que ainda não nasceu, é uma lua que está brilhando no coração. A melhor aurora vem quando sonhamos com uma linda manhã. A lógica do tempo é um agora sem limites, é um amanhã integrado ao agora, é uma força consciente que liberta um sexto e poderoso sentido. O nascimento é luz de quem deseja para logo

sentir um longo prazer. O aperfeiçoamento é para obreiros do além. As falas diretas surgem dos indivíduos intolerantes. O brilho institucional começa com o respeito entre os próprios membros. A contemplação final é tocar na água sem cair ao fundo do poço. A magia branca é muito mais que amor racional. O que seremos é o que queremos para facilmente possuirmos uma enorme beleza. A força amiga é sabedoria conectada com a divindade. Em todos os lados existem senhores e escravos, ou melhor, em cada esquina nasce um sábio e sofrem ignorantes. O clima faz das manhãs de domingo uma possibilidade de acordar ao lado de quem estará no curso do amor. A viagem é muito mais que confiança para que uma simples loucura não nos deixe sufocados. Em estados espirituais elevados, um nível moral é aplicado de acordo com a necessidade e atração natural entre dois sonhadores. A chance nasce quando entregamos beijos ao doce do ambiente e fazemos do primeiro encontro um modelo perfeito de como serão todos os dias que podemos segurar em nossos corações. A verdade é que todas as experiências vêm de acordo com o presente e, raramente, podemos comparar deuses com homens. A

Nossa Opinião Como pode alguém reclamar do atendimento público em saúde? Isso deve acontecer pela falta de observação da população que não sabe ligar os pontinhos. Explicaremos. A administração público está tendo gastos desnecessários, quando não duplos, porque muitas das pessoas que marcam consultas com especialistas pelo Sistema Único de Saúde (Sus) não comparecem aos consultórios no dia e hora agendados ou deixam de retirar exames de laboratoriais e de raio-x realizados. Quando questionadas sobre o por quê

redacao@vitrinelageana.com.br

simplicidade é um degrau acima do outro. Em processos de tolerância, nada do que foi será explicado novamente para aqueles que trocaram luz pela tolice vibrante nas trevas profanas. A melhor escolha faz da morte um penúltimo exemplo de liberdade. Um sorriso embriagado traz maravilhas que ultrapassam os momentos de tristeza. O ritual sagrado oculta conhecimentos comunicáveis para que nada venha do acaso. O templo sagrado é vigilância constante e igualdade na busca pelos ideais. A mão dos nobres ajuda sem voltar, é apontar sem reclamar, é tocar sem exigir cantores melhores. O brilho do agora é apagado por novas e melhores condições morais. O giro do eu é muito mais que ser refém do conhecimento. A aceitação momentânea é transformação prolongada. As condições absolutas terminam na necessidade do corpo moral.

Descaso com a saúde

da ausência na consulta, por exemplo, parte delas justificam que estava muito frio para sair de casa ou que não gastaram nada naquele serviço e, por isso, não tem problema em se ausentar ou abandonar o exame no laboratório. Para essas pessoas, um aviso: sim, vocês pagaram por aquilo. Os impostos pagos por vocês sustentam o sistema público de saúde. Então, você deixou de ir a uma consulta ou dispor de um serviço pelo qual você já pagou. E vai pagar de novo por causa do descaso e da maneira irresponsável com que

Gripe Vírus Influenza A Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) da Secretaria de Estado da Saúde registrou, até o último sábado, 31 de agosto, 418 casos confirmados de gripe pelo vírus Influenza em Santa Catarina. Do total, 185 são casos de Influenza A (H1N1),

trata o próprio dinheiro. Depois, não adiante reclamar que as coisas andam mal. Se a prefeitura tem de arcar com despesas em dobro, como vai poder investir para que as coisas melhorem? Ou como vai conseguir manter os médicos se, pelo número de ausências às consultas, eles se negam a atender quem não se interessa em cuidar da própria saúde? Sugestão: aprendam a ligar os pontinhos. Façam a sua parte. Se cada um fizer a sua, as rodas da engrenagem rodam com perfeição e são mais difíceis das falhas acontecerem.

107 de Influenza A (H3N2), 112 de Influenza B e um pelo vírus Influenza A (não subtipado). Treze casos confirmados por Influenza A estão aguardando subtipagem pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen).

Sonho de Medicina Dia 12 de setembro acontecerá, na Câmara de Vereadores, sessão especial para viabilidade de implantação do Curso de Medicina em Lages no CAV/Udesc. O comentário

nos bastidores é de que Curitibanos já largou na frente e está praticamente assegurado para nossa cidade vizinha. Lages, mais uma vez, perde na próprio largada.

Renatinho no páreo Circula nas redes sociais a confirmação do ex-prefeito de Lages, Renatinho (PP), a deputado Estadual, ironizando a colocação feita na imprensa

recentemente. “Sou candidato e não preciso de uma máquina, seja ela municipal ou estadual, para trabalhar, pois sou eu que vou buscar meus votos”.

País da impunidade Nas Lagens, semana marcada por perseguições, assaltos e sequestro. A la filme de “João Amorim”, a bala correu solta até em Correia Pinto. Nosso registro e homenagem ao bom exemplo de servidor

Joacir Dal Sotto joacirdalsotto.blogspot.com

02

público, o Cabo Marco Antônio Cardoso (Ninja), da corporação da Polícia Militar, que infelizmente faleceu exercendo sua função contra os criminosos à solta neste país da impunidade.

No lugar do outro Para comemorar um ano dos Jogos Paralímpicos de Londres e iniciar a contagem regressiva de três anos para os Jogos do Rio de Janeiro, foi inaugurada mais uma etapa do projeto Experimentando Diferenças, na embaixada britânica.

Na abertura do evento, 60 estudantes experimentaram atividades esportivas como futebol com olhos vendados e basquete e corrida em cadeira de rodas e conversaram com atletas paralímpicos que ganharam medalhas em Paralimpíadas.


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

03

Ruy Sardá Behling Economista

Prejuízo, uma tradição que se repete Por que a Oktoberfest, de Blumenau, realizada sempre no mês de outubro, há quase 30 anos, sempre dá lucro? Em outubro de 2012, chegando à cidade de Munique, a mais rica da Alemanha, fiquei sabendo que a maior festa do chope do mundo havia sido antecipada para o mês de setembro face à previsão do tempo que previa chuva para o mês de outono na Europa. Fiquei um tanto frustrado com tal notícia, pois eu gostaria de provar um chope nos dias daquela grandiosa e animada festa. Como quem não tem cão caça com gato, seguindo viagem em direção ao sul, tomei um chope, com música ao vivo, na alegre e culta Viena. E a Festa Nacional do Pinhão, a 2ª maior festa popular do nosso rico estado de Santa Catarina, já comemorou as bodas de prata e, sem maior surpresa, ficamos sabendo que novamente deu prejuízo. É uma vergonha uma festa desta dar prejuízo – ao bolso do indefeso contribuinte – em mais de R$ 1 milhão. É dinheiro pra dedéu. Entretanto, para efetuar

uma pavimentação decente na minha rua, num trecho de uns cem metros lineares, cuja contribuição de melhoria relativamente à minha parte já paguei, e isto já faz vários anos, que até agora só teve feita uma meia sola com uma camada rasa de asfalto e de pouca durabilidade. Talvez por um engano da prefeitura, a Rua Fausto de Sousa foi asfaltada, visto que o Secretário de Obras daquela ocasião tinha simpatia por aquela rua. “Prefeitura é um mal necessário”. Está na hora de a Festa Nacional do Pinhão ser privatizada. Chega de esbanjar o nosso rico dinheirinho. Qualquer empresa, quer pública ou privada, tem que observar pelo menos três fatores preponderantes: organização, honestidade e eficiência, sem os quais está fadada ao fracasso. Será que na referida festa os organizadores levam em consideração estas normas ou tudo é feito na base do improviso e do apadrinhamento político? Nós, munícipes e contribuintes, exigimos uma explicação. Vamos dar um basta

à malversação do dinheiro público, o nosso dinheiro, que os nossos Poderes Públicos são exímios arrecadadores, porém são pródigos gastadores. Tenho sérias e óbvias dúvidas quanto ao destino de toda essa dinheirama arrecadada. Não bastassem neste último Natal aqueles bonecos, a maioria deles de muito mal gosto, que ao invés de enfeitar nossas ruas e praças, deixaram-nas feias e com a impressão de que ainda somos meio provincianos, que serviram para fazer a criançada chorar de medo, depois vem esta última Festa Nacional do Pinhão, com preços altos nos ingressos e na alimentação. Contratar – a peso de ouro – o intelectual, cantor e compositor Gilberto Gil, cujas músicas interessam a uma pequena camada da nossa sociedade, tem muito pouco a ver com a nossa cultura musical e o interesse dos turistas, visitantes e o pessoal aqui da terra lageana e região serrana. Permitam-me, senhores detentores do Poder Público, sugerir que os organizadores da

nossa tradicional Festa Nacional do Pinhão, realizada aqui em Lages, todos os anos no mês de junho, tenham noções de sociologia. Segundo o Aurelião, “Sociologia, s.f. Estudo e conhecimento objetivo da realidade social; ciência dos fenômenos sociais”. No nosso Curso de Economia a cadeira de Sociologia era ministrada pelo professor Genuíno Bordignon que, depois, foi requisitado pelo Ministério da Educação, indo trabalhar em Brasília. Uma das primeiras coisas que ele nos ensinou, talvez na primeira aula, foi que a Sociologia estuda e se preocupa com a realidade social. Se esse pessoal que costuma improvisar e esbanjar o nosso suado dinheirinho entendesse um pouco da nossa realidade social, não iria buscar na Bahia, terra linda, um cantor para aquecer as noites geladas do nosso inverno serrano. Aqui em Lages, ali no Rio Grande do Sul e também no Paraná nós temos artistas e cantores que agradam os frequentadores do nosso Parque de Exposições,

ali no Bairro Conta Dinheiro, rico em suas lendas, histórias e tradições. Dizem que santo de casa não faz milagre. Não faz milagre se não souber fazer todo aquele ritual recomendado pelas “feiticeiras” e “casamenteiras”. Hoje, dia 8 de agosto de 2013, em pleno século XXI, na Praça Vidal Ramos Sênior, ao lado Terminal Urbano, vi uma cigana chamar uma moça, aparentando ter uns 20 anos, para ver “a La Surte” e a garota atendeu ao chamado, daí então eu fiquei pensando, é por isso que ainda existem pessoas que caem no conto do bilhete premiado. O brasileiro é um povo místico. Talvez desta maneira ele suporta melhor as vicissitudes da vida. Em tempo: Gostaria de sugerir que a nossa Festa Nacional do Pinhão seja realizada de dois em dois anos, além de tornar mais atraente, também diminuiria certos gastos desnecessários, preservando por mais tempo o nosso rico dinheirinho no bolso. Sugiro ainda que a referida festa seja terceirizada.


Política

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Colombo assina contrato com Sinotruk James Tavares/SECOM

Fabricante chinesa de caminhões Sinotruk está com o caminho aberto para a construção de uma fábrica da marca em Lages

Uma comitiva catarinense, liderada pelo governador Raimundo Colombo, está desde terça-feira, 3 de setembro, em missão oficial na China e Emirados Árabes Unidos. Na China, a comitiva visita a sede da fabricante de caminhões Sinotruk, na cidade de Jinan, capital da província de Shandong, onde será assinado o contrato para a instalação da fábrica da marca em Lages. Nos Emirados Árabes, a comitiva participa de encontros com autoridades da área portuária

e do comércio exterior de Dubai. Fazem parte da comitiva o governador Raimundo Colombo, o presidente da SCPar, Paulo César da Costa, o ajudante de ordens, tenente-coronel Luiz Carlos Vitório, a diretora de Missões da Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais, Fabiana Staudinger, o diretor de Imprensa da Secretaria de Comunicação, Claudio Thomas, e o cinegrafista da Secom, Airton Fernandes. A visita à fábrica sede da Sino-

truk está programada para sexta-feira, 6. Participam do encontro o presidente da montadora chinesa, Ma Chunji, e o governador da Província de Shandong, Guo Shuqing. A unidade de Lages será a primeira fábrica da Sinotruk fora da China. O investimento para construção é de R$ 300 milhões. A unidade vai gerar 400 empregos diretos e cerca de 700 empregos indiretos ligados à cadeia de fornecedores. Terá capacidade inicial para produzir cerca de cinco mil caminhões por ano, número que aumentará para oito mil veículos por ano após os três primeiros anos de operação. A construção da unidade, no Polo Industrial de Índios, ao lado da BR-282, deve começar em 2014 e durar um ano. Na segunda-feira, 9, a comitiva chega a Dubai, onde participará de reuniões com empresários do setor portuário e com empresas de comércio exterior. Também está programada uma visita oficial ao Porto de Dubai, um dos maiores do mundo. A chegada da comitiva em Florianópolis está prevista para sexta-feira, 13.

04


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

05


Cidade

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Projetos já podem ser enviados para o FIA Mantidas em grande parte por meio da sensibilidade de organizações doadoras, 36 entidades lageanas, governamentais e não governamentais, poderão começar a apresentar os projetos para receber recursos financeiros através do Fundo para a Infância e Adolescência de Lages (FIA). Os projetos deverão estar vinculados à promoção, proteção, defesa e atendimento dos direitos da criança e do adolescente. As entidades cadastradas no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) deverão respeitar o prazo de 30 dias para enviá-los a partir da publicação do edital, veiculado no dia 26 de agosto. Após esse período será realizada uma plenária, para análise e aprovação. Não há limitações em relação aos valores solicitados e os doadores poderão direcionar, se preferirem, as contribuições ao projeto que desejarem. O edital pode ser consultado no link http://www.lages. sc.gov.br/site_novo/editais.php ou no perfil do FIA no Facebook: FIA Lages - https://www.facebook. com/fia.lages.9?fref=ts, onde estão especificadas as exigências de pré-requisitos e de documentação para

Breno Mendes

Os recursos doados ao FIA são aplicados em ações voltadas às crianças e adolescentes

participação. As entidades que desejarem apresentar projetos deverão entrar em contato com a Secretaria Executiva dos Conselhos Municipais, na rua Monte Castelo, 209, Centro, informar-se pelo número 3224.3014 ou pelo e-mail fia@lages.gov.com.br (com Lúcio Varela ou Cláudia Geremia). Quanto aos

doadores, no portal do município (www.lages.sc.gov.br), à direita da tela, em “Serviços”, há um ícone do link (DOE AO FIA), para o preenchimento do formulário de cadastro para doações. O doador também pode acessar a página na internet http://www.lages.sc.gov. br/doacao/ para colaborar a qualquer momento.

06


Cidade

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Semana da Pátria encerra com desfiles Sandro Scheuermann

Primeiro desfile teve 12 escolas, com até 150 integrantes cada

As comemorações alusivas à semana da Pátria encerram no sábado, 7 de setembro, com a realização de dois desfiles. O primeiro inicia às 9h, na Avenida Presidente Vargas, e o segundo às 13h30, na Avenida dos Lambaris. Antes, porém, ocorre o desfile na rua 31 de Março, no bairro Guarujá. Os desfiles encerram a semana de festividades em celebração à independência do Brasil. Além deles, ocorreram homenagens cívicas, guarda e arreamento das bandeiras. As homenagens aconteceram durante todos os dias no calçadão. A primeira, das 9h às 13h, era feita por uma instituição, e a segunda, das 13h às 17h, por outra, alternando entre escolas, grupo de escoteiros e o 10° Batalhão de Engenharia de Construção (BEC). Os alunos ou integrantes de instituições que desempenharam a função de guarda das bandeiras fizeram sistema de revezamento a cada 15 minutos, de acordo com a

integrante da comissão organizadora, Pitch Albuquerque. A Semana da Pátria é um evento organizado pela prefeitura de Lages, por meio da Secretaria de

Educação, com colaboração das demais secretarias, 10º Bec, 2ª Regional de Polícia Militar, 27ª Gerência Regional de Educação (Gered) e Grupos de Escoteiros.

Serviços Desfiles 6 de setembro, sexta-feira 9h – Rua 31 de Março (Guarujá) 7 de setembro, sábado 9h – Avenida Presidente Vargas 13h30 – Avenida dos Lambaris (Santa Terezinha do Salto) Homenagens cívicas 6 de setembro, sexta-feira 9h às 13h na praça João Costa Hasteamento e guarda das bandeiras: EMEB Nossa Senhora dos Prazeres 13h às 17h - Guarda e arreamento: Protetores Mirins Ambientais 7 de setembro, sábado 9h às 17h na praça João Costa Hasteamento, guarda das bandeiras e arreamento: Grupos dos Escoteiros

07

O Serviço Social na Apae de Lages O Serviço Social na Apae de Lages tem como finalidades lutar pelo direito à inclusão social das pessoas com deficiência mental/intelectual atendidas por ela e garantir o acesso efetivo às políticas de saúde e de assistência social, sob a perspectiva do direito e da promoção de cidadania e do reconhecimento dos direitos individuais da pessoa com deficiência. Neste sentido, o assistente social dispõe de mecanismos e instrumentos que orientam seu fazer, tais como: - Encaminhamento, orientação e acompanhamento de casos elegíveis para a Pensão Vitalícia para Excepcionais (Lei do Estado de Santa Catarina Nº 6.185 DE 01/11/82) para a pessoa com deficiência mental/ intelectual severa residente em Lages e/ou em outros municípios da região onde não existe Apae. - Encaminhamento de denúncia ao Conselho Tutelar e ao Ministério Público Estadual de situações graves de negligência familiar. - Articulação, junto com os programas PAPS, CAPS, CAPSI e junto aos CRAS e CREAS, bem como ao Conselho Tutelar

e Promotoria da Infância e Juventude, de estratégias para a solucionabilidade de situações agravantes. - Apoio e participação em todas as áreas de atuação da entidade, enquanto profissão que pode atuar em todas variáveis sociais. A pessoa com deficiência intelectual tem os mesmos direitos que todos os outros cidadãos, assegurados pela Constituição Federal de nosso país: Direito à vida, liberdade, igualdade, não discriminação, segurança, propriedade, educação, saúde, trabalho, moradia, lazer, previdência e assistência social, entre outros. Maria Isabel Amarante Schweitzer Assistente Social-Apae/Lages


08 Cooperado da Sicredi ganha R$ 40 mil Educação Fiscal escolar Economia

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Divulgação

Divulgação

Professores participaram de um curso on-line de capacitação

Contemplado com o prêmio é associado da Unidade de Atendimento do Bairro Coral

Um dos comtenplados na Promoção Milhões de Amigos, Milhões em Prêmios, da Cooperativa Sicredi que está ocorrendo desde o mês de abril, é associado da Unidade de Atendimento do Bairro Coral, em Lages, e faz parte da Cooperativa Sicredi Altos da Serra RS/SC. O prêmio, no valor de R$ 40 mil, é o décimo quarto da promoção e foi sorteado em agosto. Até o mês de outubro, serão distribuídos mais 10 prêmios semanais de R$ 40 mil e no dia 23 de novembro será o sorteio final com o prêmio no valor de R$ 250 mil a associados pessoas físicas

e jurídicas, sorteados no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. No total, serão mais de R$ 1,3 milhões em prêmios. Participam da promoção associados que utilizarem soluções financeiras do Sicredi ou fizerem indicações de amigos ou familiares para tornarem-se associados das cooperativas do Sicredi participantes da promoção, conforme previsto no regulamento. Assim, tanto o associado que indicou quanto o novo associado, ganham “números da sorte”. A promoção se estende até o dia 31 de outubro.

Os números da sorte serão distribuídos aos associados pelas cooperativas de crédito participantes da promoção de forma eletrônica. Cada número concorrerá a sorteios semanais e a um sorteio final. Os associados poderão consultar seus números através do site da promoção – milhoesempremiossicredi.com.br –, da sua unidade de atendimento ou do Serviço de Atendimento ao Consumidor (Sac) Sicredi, pelo telefone 0800 7247220. O regulamento completo está disponível no site da promoção milhoesempremiossicredi.com.br.

Levar conhecimento aos alunos sobre o funcionamento da administração pública e aplicação dos recursos, assim como a função socioeconômica dos tributos (impostos, taxas e contribuições) e o discernimento da relação Estado/ Sociedade e preservação do patrimônio público. Estes são alguns dos objetivos do Programa de Educação Fiscal, implantado nas escolas da rede municipal de Lages. O projeto, que segue o modelo do programa nacional e estadual, conta com a parceria da Receita Federal de Lages, Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e as secretarias de Educação e da Fazenda. A novidade é que, a partir do ano que vem, o programa

será expandido para todas as escolas municipais. Ano passado duas escolas, a Ondina Neves Bleyer e a Professora Fausta Rath implantaram o projeto-piloto. A ideia apresentou um resultado tão positivo que será disseminado para as outras instituições. “Um ótimo exemplo foi a Emeb Fausta Rath, que focou na preservação do bem público”, conta a gerente de fiscalização da Fazenda e coordenadora do projeto em Lages, Eronilda Catarina Würzius. “Lá não existe mais vandalismo e os próprios alunos ajudam a cuidar da escola”. Os professores são capacitados para trabalharem de forma didática vários temas com os alunos ao longo do ano, como atividade extracurricular e multidisciplinar.


Educação

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

09

Lages sedia Olimpíadas do Conhecimento Uniplac entre as melhores Divulgação

A etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento acontece em Lages do dia 9 a 13 de setembro. A competição reunirá 220 estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senai) de Santa Catarina. Oriundos de 21 cidades do Estado, eles competirão em 40 ocupações (profissões). Desde o começo do ano, os alunos Carlos de Souza Lima Júnior, 18 anos, e Tiago Savi Mondo, 16, dedicam várias horas por dia para aprimorar os conhecimentos e habilidades para as provas de Mecânica de Precisão e Mecânica de Manutenção na etapa estadual da Olimpíada do Conhecimento. No ano passado, Carlos mudou-se de Urubici, onde nasceu, para Lages para estudar no Senai. “Fiz o curso de Torneiro Mecânico na Aprendizagem Industrial”, conta. “E neste ano fui convidado para representar a cidade na modalidade Mecânica de Precisão”. Ele treina pela manhã e à tarde para a Olimpíada. À noite, faz curso Técnico em Eletromecânica. “O Senai está me oferecendo um excelente acompanhamento”, afirma o estudante. “Meu professor está sempre por perto para me orientar e dar incentivo”.

Carlos de Souza Lima Júnior vai competir na modalidade Mecânica de Precisão

Natural de Lages, Tiago Mondo fez o curso de Mecânica de Manutenção na Aprendizagem no ano passado. E em 2013, além de treinar para a modalidade Mecânica de Manutenção da Olimpíada, faz curso Técnico em Mecânica. “Treino e faço peças no torno e na fresa”, diz. “Mas também utilizo equipamento de pneumática e faço montagem e manutenção preventiva”. Embora tenha noção do que vai consistir a

Divulgação

prova, Tiago lembra que, na hora, os avaliadores sempre mudam alguma coisa. “Por isso precisamos estar preparados”, afirma. O professor de Tiago, Adilson Sezerino, explica que tanto a mecânica de precisão quanto a mecânica de manutenção são modalidades nas quais o que mais conta, na maioria das vezes, são pequenos detalhes. “Nos treinamentos, esses alunos já estão produzindo peças de vários tipos, materiais e espessuras”, comenta. “E apesar da pouca idade, eles demonstram muita habilidade”. O professor fala que é isso que conta na hora da prova e também depois, quando estiverem trabalhando na indústria. Ivo Busatto Casagrande, professor de Carlos de Souza, acredita muito nos dois jovens que disputarão as modalidades da mecânica por Lages. “O que busco explicar a eles é que toda essa preparação vai lhes ser muito útil depois, ao longo da vida profissional”, orienta. “Qualquer empresa que for contratá-los, independentemente do resultado que obtiverem na Olimpíada, contará com todo esse conhecimento e competência”.

Os cursos bem avaliados são os de Pedagogia, Direito, Educação Física, Serviço Social e Sistemas de Informação

Cinco cursos da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac) receberam o selo do Guia do Estudante “Melhores Universidades 2013”. O curso de Pedagogia recebeu quatro estrelas (muito bom) e os cursos de Direito, Educação Física, Serviço Social e Sistemas de Informação receberam três estrelas (bom). O reconhecimento - importante tanto para a Universidade, como para os acadêmicos que terão no currículo uma universidade reconhecida nacionalmente - constará

na publicação GE Profissões Vestibular 2014, que passa a circular nas bancas a partir do dia 11 de outubro de 2013. O Guia do Estudante avalia apenas os cursos superiores que tem titulação de bacharelado (com exceção de Pedagogia e Educação Física, em que são consideradas prioritariamente as licenciaturas) e data de conclusão da primeira turma igual ou inferior a 2011, são presenciais, tem turma(s) em andamento e são oferecidos no próximo processo seletivo e não são consideradas as habilitações. O Guia do Estudante avalia o curso como um todo, considerando apenas um curso por município de cada instituição. Os coordenadores dos cursos avaliados respondem a um questionário eletrônico, com dados específicos sobre o curso, como titulação do corpo docente e produção científica. As informações são disponibilizadas aos pareceristas para auxiliá-los no processo de avaliação. O corpo de consultores do GE é formado, basicamente, por docentes e coordenadores de curso. Têm preferência os consultores que possuem currículo cadastrado na Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).


Saúde

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

10

Prefeitura perde R$ 100 mil ao mês por descaso de usuários A equipe da Secretaria de Saúde de Lages calcula que cerca de 30% dos pacientes não retiram os resultados dos exames laboratoriais no período adequado. Dados apontam que somente de janeiro a julho deste ano, quase 113 mil exames feitos em laboratórios foram realizados e não retirados. O diretor administrativo-financeiro da Secretaria de Saúde, Maurício Batalha, diz que fará uma busca ativa dos motivos pelos quais as pessoas deixam de pegar os exames depois que for veiculada a campanha de conscientização aos usuários referente à importância da retirada dos laudos de exames. Por mês, a prefeitura investe R$ 300 mil para que a população que precisa tenha acesso aos exames laboratoriais pelo Sistema Único de Saúde (Sus). Desse montante, R$ 140 mil são provenientes de repasses do Ministério da Saúde (MS). A diferença de R$ 160 mil é paga pela prefeitura. O problema é que o descaso das pessoas com os exames realizados resulta em um prejuízo de cerca de R$ 100 mil por mês para a administração pública. “Um exame não retirado transforma-se em ônus aos cofres públicos e reflete

no bolso dos usuários que precisam do Sus para efetuar qualquer tipo de atendimento médico”, explica Batalha. “Queremos que haja a conscientização da comunidade sobre a gravidade deste problema”. O mês de abril foi o mais preocupante, com 96.203 exames laboratoriais autorizados. Destes, 72.224 pessoas realizaram o procedimento, porém, 22.140 pacientes não retornaram às unidades laboratoriais para retirar os laudos, que permanecem nos laboratórios e, após 30 dias, perdem o prazo de validade. “O paciente precisará requerer outro, o que o faz voltar à fila, resultando em uma demora ainda maior”, afirma o diretor de Saúde. Com o processo de informatização, através do cadastro do paciente pelo Cartão SUS, o cidadão que requerer o exame, bem como uma consulta especializada, e não comparecer na data marcada ficará impedido de realizar qualquer procedimento na rede pública de saúde por um período de 30 dias. A medida da Secretaria Municipal de Saúde é uma forma de evitar que o município pague pela irresponsabilidade dos usuários dos serviços públicos de saúde. “O paciente não

ficará bloqueado permanentemente”, ressalta. “Esta é apenas uma medida para que os prazos sejam respeitados e tudo seja concluído com mais rapidez”. Problema se repete O impasse acontece também com os exames de raios X efetuados no hospital Tereza Ramos. Dos exames autorizados, somente 79% são realizados, e destes, 30% não tem os laudos retirados. A falta de compromisso em comparecer ao exame está tornando difícil manter o serviço à disposição das pessoas porque os serviços conveniados recebem por exame feito. Isso significa que se a pessoa não faz o exame, o serviço de diagnóstico conveniado não recebe o valor referente ao exame que deveria ter sido realizado. Com colaboradores e equipamentos parados devido a falta de comparecimento, os serviços deixam de ganhar pelo exame que poderiam estar disponibilizando para outro convênio ou cliente particular. Por isso, desistem de atender ao sistema público de saúde, o que ocasiona a falta dos serviços para quem depende dele. “Isso prejudica e muito a própria

população”, declara Maurício. Até o fim do ano, com o encerramento do processo de informatização da pasta, um cadastro revelará todas as pessoas que fizeram o exame e não foram buscar e, além disso, será mostrado o número de pacientes que levam o laudo ao médico. Com isso, os problemas poderão ser melhor detectados e o trabalho da Secretaria de Saúde, direcionado de maneira correta para corrigir as falhas e para desenvolver meios de conscientização da população. Consultas especializadas A Policlínica Municipal dispõe de

atendimento nas especialidades de dermatologia, ginecologia, pediatria, oftalmologia, cardiologia, entre outros. Em média, são marcadas 15 consultas por dia em cada uma dessas especialidades, porém, o descaso dos pacientes que não comparecem ao atendimento ultrapassa os 60%. Maurício explica que este não comparecimento não é por conta da demora na marcação de consultas. O recomendado é que se o paciente não puder comparecer à consulta, avise o setor com antecedência. “Assim, as equipes poderão encaixar outro paciente no horário, o que automaticamente fará o andamento da fila fluir”, reitera.


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

11


Geral

Diretran realiza palestras nas escolas A partir da próxima semana a Diretoria de Trânsito (Diretran), por meio da Gerência de Educação do Trânsito, inicia um ciclo de palestras sobre trânsito nas escolas da rede municipal de ensino de Lages. O objetivo, segundo a gerente de Educação do Trânsito, Adriana Dolberth, é preparar os estudantes para a Semana do Trânsito, marcada para acontecer de 18 a 25 de setembro na cidade. A primeira palestra ocorre na Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Lupércio de Oliveira Koech, no bairro Várzea, no dia 11 de setembro. O tema abordado será o Trânsito, para alunos do quarto ao nono ano do Ensino Fundamental, que contempla estudantes com

idade entre nove e 14 anos. Na Emeb Frei Bernardino, no bairro Frei Rogério, o tema será outro. Álcool, Drogas e Segurança serão os três assuntos postos em discussão com alunos de sete a 15 anos, no dia 12 de setembro. “No trânsito são pegas muitas pessoas com envolvidas com álcool e drogas, e é esse conteúdo que queremos repassar para os estudantes”, diz a gerente. O assunto volta a ser o Trânsito na Emeb Oscar Schweitzer, no bairro Guadalajara. Nela, crianças de cinco a nove anos, do terceiro ao quinto ano do Ensino Fundamental aprenderão sobre o tema. Em todas as escolas as palestras serão ministradas por agentes de

trânsito. O conteúdo foi elaborado pelo grupo de Educação do Trânsito da Diretran por faixa etária. Ela conta que a presença dos agentes nas escolas explicando aos alunos as questões relacionadas ao trânsito sempre geram resultados positivos. “As crianças levam para casa o material educativo elaborado para mostrar aos pais, pois elas são os nossos multiplicadores dentro da família”, relata. As escolas interessadas ainda podem solicitar à Diretoria que a atividade seja realizada na instituição. Para isso, basta entrar em contato com a gerente de Educação do Trânsito, Adriana Dolberth, na Diretran. O telefone para contato é 3222.8515.

Revitalização da SC 390 inicia este mês Assessoria/SDR

Terceira pista está sendo colocada em subidas acentuadas

Os primeiros impactos da reforma do trecho da SC-390, que interliga Capão Alto e Campo Belo do Sul, já podem ser notados. Quem trafega pela rodovia há vários anos e é acostumado com um traçado cheio de curvas sinuosas já começa a ter uma noção dos benefícios que o projeto de modernização irá causar. As quatro frentes de trabalho estão retirando curvas consideradas perigosas e construindo faixas adicionais em subidas acentuadas. Esta etapa é considerada uma das mais complexas do cronograma.

12 Homem do Campo

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

A obra faz parte do Pacto por Santa Catarina. O Governo está investindo R$ 29,6 milhões. “É uma ação ampla, que dará mais conforto e segurança aos usuários”, diz o secretário de Desenvolvimento Regional, Gabriel Ribeiro, que vem acompanhando o andamento das obras. O projeto abrange uma extensão de 32 quilômetros. De acordo com os engenheiros do consórcio de empresas responsável pela execução dos trabalhos, a revitalização da camada de asfalto começará em se-

tembro. O projeto também prevê a implantação de interseções, além o asfaltamento do perímetro urbano do município de Campo Belo do Sul. O prazo para a conclusão é de 720 dias. O traçado atual foi desenhado há várias décadas, quando o trânsito era bem menos intenso, e os carros não tinham tanta potência. Porém, nos últimos 15 anos, o número de veículos emplacados quadriplicou no Estado e os perigos também. A estrada é o vetor que dá sustentação a uma das mais belas e importantes microrregiões da Serra, a Região dos Lagos. Ela liga Santa Catarina ao Rio Grande do Sul, passando pela usina de Barra Grande – no leito do Rio Pelotas –, que gera energia para mais de 300 mil pessoas. O agronegócio é a principal atividade econômica dos municípios que ficam às margens da rodovia, utilizada diariamente para o escoamento da produção de madeira, grãos e carne.

cesarmissioneiro@hotmail.com

Anita Garibaldi Retirada de Laguna-PlanaltoSanta Vitória-Lages Após a retirada de Laguna, o exército Farroupilha estava desestabilizado. Contava com sérias baixas do efetivo humano, peças de artilharia, embarcações e, ainda, perderam a simpatia da maioria da população da vila, antes amigos, agora inimigos, por conta de alguns crimes como o do padre Villela e do major da guarda nacional, Francisco Gonçalves Barreiros, que foram castrados, tiveram os olhos arrancados e outros prisioneiros neste momento, covardemente assassinados, mais o saque promovido na cidade a mando de Canabarro e, se não foi pior, foi porque Garibaldi, a pedido de Anita, interveio no que pode. Há de se saber que grande parte do contingente Farroupilha era composto por presidiários, vândalos, bandidos, ex-escravos, muitos recrutados também no Uruguai, com promessa de absolvição de pena e liberdade. Com Imperiais agora definitivamente superiores, Canabarro retorna à Província de São Pedro por Torres (litoral) e por insistência de Luigi Rossetti em não abandonar o território catarinense, Canabarro determina que 400 homens, sob comando do chefe Farroupilha, Coronel Joaquim Teixeira Nunes, acompanhados por Anita e Giuseppe Garibaldi, busquem o Planalto Catarinense. Os Far roupilhas, com dificuldades naturais do caminho, transpõem a serra do Mar e a serra Geral pelo antigo caminho dos conven-

tos. Já no Planalto, buscam o Passo de Santa Vitória, no Rio Pelotas, onde confrontam, no dia 14 de dezembro de 1839, com uns 500 legalistas comandados pelo Brigadeiro Francisco Xavier da cunha. Os Farroupilhas saem vitoriosos deste feroz combate, onde morre o próprio brigadeiro. No dia 18 de dezembro, os Republicanos entram em Lages, sem reação. São recebidos festivamente, reinstalando a República Catarinense. Ali, Terra Natal da mãe e dos irmãos, Anita contempla o esplendor verdejante dos campos lageanos de dezembro. São dunas cobertas de esmeraldas, bordadas por densos capões, onde brotam as mais puras e cristalinas vertentes, matadeiras da sede dos seres andantes e vigiadas por um fenomenal exército de enormes soldados de araucárias que, de tão altos, Giuseppe Garibaldi exclamou: “Parecem colunas que sustentam o céu”. Depois de mais ou menos um mês da escalada da serra e do último combate à bala e ferro branco, das quais Anita participou de todas as formas penitentes a um guerreiro. Neste episódio, Anita, que não se postava de rogada, foi de maior valia ao socorro aos feridos e mutilados, pois não havia médico na expedição. Agora poderia descansar alguns dias, enfim, em uma casa. Anita e Giuseppe foram à missa do galo no Natal de 1839 na Vila de Nossa Senhora dos Prazeres das Lagens.


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

13


Entrevista

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Reforço para geração de novas empresas Quem tem uma ideia e quiser transformá-la em um negócio de sucesso, pode receber o apoio da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (Certi) e do governo do Estado por meio do programa Sinapse. As estão abertas até o dia 27 de setembro pelo site: www.sinapsedainovacao.com.br. Para entender melhor o programa, veja a entrevista com o coordenador do Sinapse, Antônio Rogério de Souza.

Diane Ziemann

Coordenador do Sinapse, Antônio Rogério de Souza

Vitrine Lageana - Qual avalia que seja o potencial de participação da Serra Catarinense no programa? Antônio Rogério de Souza – Sim. Lages tem participado ativamente das outras edições do Sinapse com várias empresas que já foram contempladas e criadas a partir desse programa. Eu vejo que a região Serrana toda tem um grande potencial. O problema é que até agora somente a cidade de Lages tem conseguido angariar a maioria dos projetos. Tivemos somente um projeto de Correia Pinto. Os outros, todos, foram de Lages.

além de dar recursos, ele dá uma série de capacitação, assessoria, para que a empresa desenvolva o produto, encontre o primeiro cliente, receba capacitação via Sebrae [Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas] e via Fundação Certi, no sentido de melhorar as condições para que a empresa tenha sucesso no mercado.

Vitrine Lageana - Qual cidade tem o maior potencial de participação? Antônio – A cidade de Lages.

Vitrine Lageana - Existe uma área de atuação das empresas que o Sinapse priorize? Antônio – Não. O Sinapse não prioriza nenhuma área e nem, por enquanto, setores. No ano passado foram priorizados alguns setores. Esse ano não há priorização. Empresas de qualquer setor podem participar.

Vitrine Lageana - Quem já tem um negócio e deseja receber o apoio do programa, pode participar? Antônio – Sim, desde que o CNPJ [Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica] não tenha mais que nove meses. [Empresas inscritas no Cadastro] A partir de 30 de novembro de 2012, as empresas podem se candidatar. Por quê? Porque o Sinapse é um programa de geração de novas empresas. A gente considera que com nove meses a empresa ainda está em gestação, ainda precisa de cuidados. O Sinapse é um programa que,

Vitrine Lageana - O programa prioriza empresas de que porte? Antônio – Não. É bom ficar bem claro que o Sinapse é um programa de geração de empresa. As pessoas físicas, estudantes, professores, profissionais liberais, inventores, qualquer um como pessoa física pode participar para formar um negócio. A gente visa, prioritariamente, trabalhos desenvolvidos em finais de curso das universidades em teses, dissertações. Vemos se esses produtos podem gerar um negócio. Este é o principal objetivo. Mas, qualquer pessoa da sociedade pode parti-

cipar, desde que tenha uma ideia boa que possa gerar um negócio. O Sinapse é para concretizar esse sonho. Vitrine Lageana - Quando o programa teve início a projeção realizada era maior ou menor do que a alcançada? Antônio – A Fundação Certi desenvolveu uma metodologia de geração de empresas a partir de ideias de universidades que, inclusive, começou como o Prêmio Sinapse, realizado na grande Florianópolis, apenas, na primeira vez, no intuito de pegar empresas para a incubadora Celta, que é a incubadora da Fundação Certi. Como o programa, naquela época, deu tanto resultado, levamos ao governo do Estado, por meio da Fapesc [Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina], e iniciou-se as operações estaduais. De lá para cá já foram três operações estaduais, duas que premiaram em torno de 50 empresas, e quando o [governador de SC, Raimundo]Colombo assumiu ele passou a 100 empresas por operação. O ano passado foram 100 empreendimentos apoiados e esse ano, mais 100. Nesse ano, ainda, com um adicional: são R$ 50 mil da Fapesc e até R$ 29 mil do Sebrae, ou seja, um total de R$ 79 mil para que essas ideias venham a se transformar em negócios de sucesso.

14


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

15

vmodels.contato@gmail.com

Bruna Valim e Fabíola Lemos foram destaques na primeira etapa do curso ministrado no Centro de Treinamento de Modelos V Models. As belas tiveram notas exemplares na avaliação de passarela. Agora, vamos ver quem será destaque na segunda etapa, que confere todo o treinamento de fotografia do curso.

Clichê, mais chique! com Ana

Lopes

As modelos Letycia Varela e Alexia de Souza Wolniewicz serão as “garotas propaganda” da Agência V Models neste mês de setembro. Após a produção dos books, elas, que não deixaram a desejar em nenhum clique, deram trabalho à equipe na hora da escolha das fotos para a campanha publicitária da agência deste mês. Vocês verão as belas em diversos veículos de comunicação e redes sociais.

O que será do futuro da moda?

Beijos Ana Lopes

Fotos Bruno Rosa

Todos nós sabemos que a moda, atualmente, se renova, se reinventa ou se aprimora. Misturam-se diversos ingredientes, estilos, gostos, cores e, a partir disto, surgem novos conceitos e novas visões sobre ela. Por meio dela podemos demonstrar nosso estado de espírito. Sobre o futuro da moda, isto se torna uma incógnita, já que no século 20 a moda se transformou a cada 10 anos, transparecendo a liberdade feminina, se transformando radicalmente quando houve tempos de guerra, a era das divas de Hollywood, a tranquilidade do paz e amor, a rebeldia de punks rocks, o salto da tecnologia futuristas, marcos de décadas e de estilos. Hoje, ainda mais veloz por causa da tecnologia avançada, coleções que antes levavam muito tempo a serem inventadas e confeccionadas, atualmente se realizam em temporadas que ocorrem durante o ano, trazendo novos ares daqueles séculos onde o mundo estava mudando e se radicalizando. Acredito que o futuro da moda será de pessoas com estilo próprio, transparecendo o que realmente lhes agrada vestir, ouvir, assistir e ler, ou seja, a cultura a flor da pele.


Turismo

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

16

Brasília muito além dos telejornais Foto 1: skyscrapercity.com Foto 2: 40forever.com.br Foto 3: Francisco Medeiros/Ministério do Esporte Foto 4: copa2014.gov.br

1

1

No eixo monumental, junto ao setor militar, fica a Catedral Militar Rainha da Paz

2

O Memorial JK é um museu na cidade de Brasília projetado por Oscar Niemeyer

3

O Estádio Nacional de Brasília é um dos mais imponentes e o segundo maior da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014

4

A Biblioteca Nacional de Brasília (BNB) foi concebida no plano original de Brasília

Fabiano Bachmann fabianobachmann@cvc.com.br Localizada no centro-oeste do país, muitos acreditam que tenha sido Brasília a imagem premonitória que num sonho fora revelada ao padre italiano João Bosco: uma terra de riquezas e prosperidade situada próxima a um lago entre os paralelos 15 e 20 do hemisfério sul. Em Brasília acontece, sempre no mês de setembro, o mais importante evento cívico do país. As homenagens e os festejos alusivos à independência do Brasil são acompanhados todos os anos por milhares pessoas e encerram as comemorações da semana da pátria, no dia 7 de setembro, com um desfile ao

longo da esplanada dos ministérios e que conta com a presença da Presidência da República e diversas personalidades e autoridades políticas. Mas Brasília, também classificada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a cultura (Unesco) como Patrimônio Cultural da Humanidade, oferece aos visitantes muitas outras atrações durante o ano inteiro e que vão além da política ou turismo cívico, fazendo com que a cidade receba mais de um milhão de visitantes todos os anos. Se você viaja pela primeira vez à Brasília, sugiro realizar um

passeio panorâmico pela cidade e visitar os principais monumentos que se encontram ao longo do Eixo Monumental, como a Catedral Rainha da Paz, o Memorial JK, o Memorial dos Povos Indígenas, o Estádio Nacional de Brasília, a Torre de TV, o Teatro Nacional, a Biblioteca Nacional, a Catedral Metropolitana, a Esplanada dos Ministérios, o Palácio da Justiça, o Itamaraty, a Praça dos Três Poderes, o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e o Supremo Tribunal Federal. São muitos lugares para visitar e muita história para você conhecer e, por isso, sua viagem deve ser muito bem planejada

para você aproveitar o tempo com as atrações e passeios mais importantes e que mais lhe interessam. Procure reservar um período para visitar também o Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República. Para encerrar os dias em Brasília, a sugestão é aproveitar os bares e restaurantes à beira do belíssimo Lago Paranoá ou curtir algum dentre os diversos shows e espetáculos culturais e artísticos que a cidade oferece. Antes de viajar, confira a agenda cultural e artística de Brasília. O ecoturismo também tem espaço na Capital Federal. No

Em até

SUPER LANÇAMENTOS CVC 10X sem juros Viagens completas com hospedagem, passeios, apoio total e os preços imbatíveis que só a CVC oferece.

imenso platô do centro-oeste brasileiro, onde se encontra a cidade, nascem grandes bacias hidrográficas e concentram-se também grandes áreas verdes. Não deixe de conhecer o Parque da Cidade, o Parque Nacional e o Jardim Botânico. Que tal conhecer a capital do país na sua próxima viagem? Mas para guardar boas lembranças, prefira sempre a assessoria especializada de um agente ou consultor de viagens. Cuidados especiais devem ser tomados em relação à documentação para a viagem, transporte aéreo, receptivo local, hospedagem e guias locais. Tenha uma boa viagem!

CVC LAGES Visite nossa loja Via gastronômica Rua Emiliano Ramos, 395 Sala 1

4 dias / 3 noites A PARTIR

10X

R$

85,

80

SEM JUROS

I n c l u i Tr a n s p o r te ro d o v i á r i o + g u i a acompanhante + 2 noites de hospedagem com café da manhã + passeios em Montevidéu, Piriapolis, Punta del Este e Punta Ballena. À vista R$ 858. Saída 14/novembro. Feriado da Proclamação da República.

COMPRAS EM ORLANDO 6 dias / 5 noites Entrada R$ 620, +

10X

A PARTIR

RODOVIÁRIO MONTEVIDÉU E PUNTA DEL ESTE

R$

498,

00

SEM JUROS

Inclui tran spor te aéreo saindo de Florianópolis + hospedagem no hotel Rosen Centre com café da manhã + traslados de chegada e saída + 3 tours de compras + assistência total em potuguês. À vista R$ 5.600. Base US$ 2.258, Saída 5/novembro.

Prezado cliente: os preços publicados são por pessoa, com hospedagem em apartamento duplo para saídas de Florianópolis. Preços, datas de saída e condições de pagamento sujeitos a reajuste e mudança sem prévio aviso devido ao fechamento publicitário em 04/09/2013. Ofertas de lugares limitadas e reservas sujeitas a confirmação. Condições para pagamento em até 0+10 vezes sem juros no cartão de crédito ou em até 1+9 vezes sem juros ou 0+8 vezes sem juros no cheque pré-datado ou boleto bancário. Taxas aeroportuárias não estão incluídas nos preços. Câmbio do dia 04/09/2013, que será convertido ao câmbio turismo da data da compra - US$ 1,00 = R$ 2,48. Reservamo-nos o direito de qualquer erro de digitação ou impressão. Alguns itens podem não estar disponíveis para todos os roteiros anunciados. Consulte inclusões e roteiros detalhados com nossos vendedores ou com seu agente de viagens.

3222-0887 lages@cvc.com.br Horário: Diariamente das 8:30 às 19:00 Sábado das 9:00 às 13:00


17 Lageanos no Bolshoi Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Vitrine Cultural

Divulgação

Henrique Beling

escolabolshoi.com.br

hbeling@hotmail.com

Homenagem na Alesc O trabalho do artista plástico lageano Malinverni Filho está sendo reconhecido pelo Estado de Santa Catarina. Em setembro, a Assembleia Legislativa realizará sessão solene em homenagem pela passagem do centenário de nascimento do artista. O evento ocorrerá terça-feira, 10 de setembro, às 19h, no Clube Serrano. Na oportunidade, peças originais do artista, e também fotos da exposição “O último verão de Malinverni Filho”, serão expostas no hall do clube. Numa parceria da Fundação Cultural de Lages (FCL) e o Serviço Social do Comércio (Sesc), a exposição reúne, no conjunto das 70 fotos, o aspecto humano e familiar de Malinverni. O curador da exposição, Rudimar Cifuentes, explica que no período de 5 a 30 de setembro o conjunto das obras poderá ser visto no Mu-

Toninho Vieira

Alunos das escolas da rede municipal, estadual ou particular de ensino de Lages nascidos entre os anos de 2002 e 2004 podem se inscrever para concorrer a uma vaga na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. “Não precisa nem saber dançar”, informa a coordenadora do seu Thiago de Castro, e de 4 a 31 de outubro, na Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac). “Depois, de 4 a 14 de novembro,

poderão ser vistas na Galeria da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, um orgulho para os lageanos”, finaliza.

Divulgação

Quem conta um Conto... Quem conta um conto... é um espetáculo de narrativa de histórias dramatizado onde três histórias se entrelaçam entre cantigas e parlendas. Da narrativa surgem personagens divertidos como uma girafa que esconde um grande mistério, um coelho que sonha

Divulgação

processo seletivo da Escola, Sylvana Albuquerque. As inscrições já podem ser feitas até o dia 20 de setembro na Fundação Cultural de Lages (FCL) ou nas escolas das redes municipal, estadual ou particular. A seleção ocorrerá no dia 26 de setembro.

Exposição A partir do dia 4 de setembro, o Espaço Cultural do Angeloni em Lages recebe a exposição do artista plástico Marcos Girard, com o título “Retorno à Querência”. A exposição, que

também faz parte dos festejos da semana farroupilha comemorada em Lages, estará à disposição para visitação durante todo o mês de setembro, com visitação gratuita.

A dança e o circo Divulgação

ser lindo como a menina bonita do laço de fita e um menino que vai até a montanha do vento norte para recuperar a sacola de compras da mamãe. Entre muitas aventuras concluímos que em cada conto contado um ponto é aumentado.

Serviço Data: 8 de setembro, domingo Horas: 16h Local: Teatro do Sesc Entrada: Gratúita

Apoio à pesquisa A Fundação Biblioteca Nacional (FBN) concederá, através do Programa Nacional de Apoio à Pesquisa (PNAP), até 32 bolsas, com desembolso mensal, por um período de um ano para pesquisadores brasileiros, natos ou naturalizados, ou estrangeiros com residência e visto permanentes no Brasil, e de seis me-

ses para pesquisadores estrangeiros, todas sem direito a renovação. O edital, disponível em http:// www.bn.br/portal/arquivos/pdf/ EditalPNAP2013.pdf, tem como objetivo incentivar a produção de trabalhos originais, desenvolvidos a partir de pesquisas nos acervos da Biblioteca Nacional.

A ministra da Cultura, Marta Suplicy, deu posse a Guti Fraga como o novo presidente da Fundação Nacional de Artes – Funarte, na presença de diretores e funcionários da Instituição. Durante a cerimônia, a ministra fez o lançamento do

Edital Funarte de Ocupação dos CEUs das Artes e anunciou que o Ministério da Cultura irá liberar recursos para dois importantes editais da Funarte: o Prêmio de Dança Klauss Vianna e o Prêmio Carequinha de Estímulo ao Circo.


Variedades

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

18

Horóscopo semanal Áries 20/03 a 20/04 Há neste momento muitas demandas emocionais aos arianos, vinculadas à percepção de como tem manifestado os seus sentimentos, a intimidade e encarado seus medos mais profundos. Touro 21/04 a 20/05 Neste momento há muita energia envolvida em questões domésticas, familiares, associadas a imóveis e também aos relacionamentos taurinos. E na quinta-feira teremos a lua nova, que ocorrerá no setor afetivo, indicando a importância de uma nova atitude em relação ao amor, como também na expressão de seus talentos criativos, taurino. Gêmeos 21/05 a 20/06 Uma nova fase na vida privada, em relação ao lar e à família, começa a se manifestar a partir da quinta-feira, com a lua nova ocorrendo no ponto mais baixo da mandala geminiana e anunciando um período de aprimoramento interno, onde você deve evitar cobrar em demasia uma atitude perfeita dos familiares, geminiano. Câncer 21/06 a 21/07 Questões financeiras e emocionais estão em pauta essa semana para os cancerianos. E a lua, o seu regente, estará na fase nova a partir da quinta-feira, propondo uma nova maneira de se comunicar e se expressar, aprimorando conhecimentos, especialmente os relacionados ao trabalho. Leão 22/07 a 22/08 O planeta Marte, que está se movimentando em seu signo, faz nesta semana um aspecto desafiador com Saturno e alerta sobre a tendência a um comportamento defensivo ou repressor. Virgem 23/08 a 22/09 Muitas questões ainda estão se processando em silêncio, nos bastidores, sendo uma época de gestação, virginiano. Mas nesta semana, na quinta-feira, teremos a lua nova em seu signo, marcando o início de uma nova etapa.

Libra 23/09 a 22/10 Chega agora o momento de uma parada para reflexão sobre o que tem ocorrido desde o ano passado, libriano. É a fase anual de reflexões e de interiorização que antecede o seu aniversário. Escorpião 23/10 a 21/11 A superação de limitações, de adversidades e uma atitude resiliente são os desafios dos escorpianos nesta semana e que tem reflexo sobre as questões emocionais e profissionais. Esta é também a semana em que ocorre a lua nova no setor de amizades e de projetos que envolvem instituições e grupos, marcando o início de um novo tempo em relação a esses assuntos. Sagitário 22/11 a 21/12 Novos propósitos, realizações e objetivos podem ser semeados a partir dessa semana, em que ocorre a lua nova no ponto mais alto da mandala astrológica sagitariana, indicando o início de um novo ciclo profissional, onde você deve buscar o aprimoramento na expressão dos talentos e habilidades. Capricórnio 22/12 a 21/01 Momento importante para você se conscientizar de como tem lidado com as emoções, a intimidade e a entrega aos processos de mudança emocional, capricorniano. É importante não resistir a essas transformações. Aquário 21/01 a 18/02 Desafios nos relacionamentos ensinam sobre a necessidade de ser mais maduro emocionalmente e de coordenar esforços em questões pessoais e profissionais. Peixes 19/02 a 19/03 Seja perseverante em seus objetivos profissionais, pois, apesar dos obstáculos, o momento favorece a expressão das energias criativas no trabalho, pisciano.

Somos Todos Um

http://somostodosum.ig.com. br/horoscopo/


Segurança

Reduz número de homicídios no Estado brasil247.com

Redução nos crimes de roubo seguido de morte é de 25%

O número de homicídios dolosos (quando há intenção de matar) registrou queda pelo segundo mês consecutivo em Santa Catarina. Em agosto, foram registrados 42 homicídios dolosos contra 62 no mesmo mês de 2012 – uma redução de 35,39%. Julho já havia registro de redução no número de assassinatos em comparação com o mesmo mês de 2012. No comparativo anual, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) registra, de 1º de janeiro a 3 de setembro de 2013, 460 assassinatos contra 488 ocorridos

no mesmo período do ano passado. Uma redução de 5,74%. A taxa de homicídio por 100 mil habitantes é de 7,34 mortos. A Organização das Nações Unidas (Onu) considerada aceitável até uma taxa de 10 mortos por 100 mil habitantes. Houve registro de assassinatos em 119 dos 295 municípios de Santa Catarina. Outras 176 cidades não tiveram ocorrência de homicídio, e em 65 delas ocorreu apenas um crime. Já as estatísticas de latrocínio (matar para roubar) registram uma

redução de 25,53% no período analisado, de 1º de janeiro a 3 de setembro. Este ano, Santa Catarina teve 35 latrocínios contra 47 no mesmo período do ano passado. Na análise regional, o Vale e o Norte do Estado tiveram os maiores índices de homicídio doloso. Foram 126 assassinatos na região do Vale e 102 no Norte. A região da Grande Florianópolis contabiliza 79 casos. São 61 no Sul e 64 no Oeste. O Planalto serrano é a região com o menor número de homicídios dolosos. Foram 28 este ano. Dos 460 assassinatos, 87,1% das vítimas são homens e 12,9% mulheres. Já o percentual de vítima e autor de crimes violentos com antecedentes policiais é alto. No caso de vítima, este número chega a 63,5% com registros anteriores na polícia. Já com relação aos autores de homicídio, 73,4% possuem antecedentes criminais. Os assassinatos acontecem com mais intensidade no período compreendido entre 20 horas e meia-noite.

Auxílio-reclusão ajuda famílias de presos As famílias de 40.519 presos que contribuíram para a Previdência Social receberam auxílio-reclusão do governo Federal em junho deste ano, segundo os dados mais recentes do Ministério da Previdência Social.

19 Utilidade Pública

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

O auxílio-reclusão é o benefício previdenciário mensal a que têm direito os dependentes dos trabalhadores que se encontram presos no regime fechado ou semiaberto e contribuíram para o Regime Geral de

Previdência Social (RGPS). O montante pago em junho passado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a título de auxílio-reclusão, corresponde a R$ 29,489 milhões.

Cleber de Souza Borges Tenente Coronel PM

(Perguntas ou sugestões enviem um e-mail para a Redação ou para cleber.s.borges@ hotmail.com, ou visite o blog www.clebinho-oazedo.blogspot.com.br)

A violência na sociedade brasileira: como mudar as regras desse jogo? No mundo em que vivemos, por todos os cantos, a violência ganha espaço. O ser humano perdeu o respeito pelo seu semelhante, levando muitas pessoas a viverem cada vez mais no fracasso. Muitas pessoas se julgam superiores, menosprezando os mais humildes. Acham-se donos da verdade, tornando a maioria de seus companheiros infelizes. O desamor começa dentro de cada lar, onde a falta de conhecimento possa se fazer presente. Quando se aproximam os períodos eleitorais, cresce a demagogia, surgem promessas de todos os lados e muitos passam a viverem iludidos em suas próprias fantasias. O povo continua sendo enganado com uma suposta possibilidade de igualdade, cresce a violência por todos os lados, tendo como principais culpados os membros dessa maldita sociedade. Incapazes se tornam os agredidos, pois não recebem o apoio das leis, que os deveriam manter protegidos. Quem tem dinheiro e estudo vive livre, quem não tem, dos marginais tornam-se freguês. Os órgãos competentes se acomodam e a violência não tem como controlar as regras para a boa convivência não existem e as leis não saem dos papéis. Marginais e delinquentes vivem em liberdade, pessoas de bem vivem coagidas e como reféns, trancadas em seus próprios lares, pois o apoio da justiça não tem. O momento pede mudança para essa triste realidade, aplicação severa da lei aplicada a todos que matam, roubam e agridem os semelhantes, independente de suas posições sociais e idades. Precisamos remanejar nossos atos, independente de

posição, manter o respeito pela vida sem uso da descriminação, para que as gerações futuras possam, então, desfrutar, da paz, equilíbrio e harmonia, começando em seu próprio lar. Escola e a violência A violência é um problema social que está presente nas ações dentro das escolas e se manifesta de diversas formas entre todos os envolvidos no processo educativo. Isso não deveria acontecer, pois escola é lugar de formação da ética e da moral dos sujeitos ali inseridos, sejam eles alunos, professores ou demais funcionários. Porém, o que vemos são ações coercitivas, representadas pelo poder e autoritarismo dos professores, coordenação e direção, numa escala hierárquica, estando os alunos no meio dos conflitos profissionais que acabam por refletir dentro da sala de aula. Além disso, a violência estampada nas ruas das cidades, a violência doméstica, os latrocínios, os contrabandos, os crimes de colarinho branco têm levado jovens a perder a credibilidade quanto a uma sociedade justa e igualitária, capaz de promover o desenvolvimento social em iguais condições para todos, tornando-os violentos, conforme esses modelos sociais. Muito se diz sobre o combate à violência, porém, levando ao pé da letra, combater significa guerrear, bombardear, batalhar, o que não traz um conceito correto para se revogar a mesma. As próprias instituições públicas se utilizam desse conceito errôneo, princípio que deve ser o motivador para a falta de engajamento dessas ações.


Esporte

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Definidos jogos das quartas da Copa Vai chegando na definição outro importantíssimo campeonato de futebol brasileiro que garante ao campeão uma vaga na tão sonhada Libertadores da América. Oito times estão na briga e esta semana a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definiu, por sorteio, a data e os horários das partidas que serão de ida vinda. São eles Inter, Atlético-PR, Grêmio, Corinthians, Flamengo, Botafogo, Vasco e Goiás. Como um dos critérios de desempate, na Copa do Brasil, é o gol marcado fora de casa, que tem mais peso, pelo menos nas quartas de finais teremos um caso atípico. No confronto entre os cariocas Botafogo X Flamengo, ambos os jogos serão num estádio neutro, o Maracanã, que impossibilita tal vantagem para qualquer um dos times.

Quartas de Final QUA 23/10 - Arena do Grêmio

QUA 25/09 - Pacaembu GRE

X

COR

COR

QUA 25/09 - Estádio do Vale INT

X

CAP

QUA 25/09 - Serra Dourada GOI

X

GRE

QUA 23/10 - Durival de Br... CAP

X

INT

QUA 23/10 - São Januário VAS

VAS

X

X

GOI

QUA 25/09 - Maracanã

QUA 23/10 - Maracanã

BOT

FLA

X

FLA

X

BOT

Cruzeiro se mantém líder e dispara na frente Algumas equipes, como o Grêmio, que havia vencido quatro partidas seguidas, acabou cambaleando por dois golaços do Goiás, e perdeu por 2 x 0, bem como o Corinthians de Tite, que foi derrotado na quarta-feira, 4 de setembro, pelo Inter, com um golaço de falta de D’Alessnadro, perdendo a invencibilidade de seis partidas. Os resultados mexeram na tabela do atual campeonato. O Atlético-PR, abocanhou a segunda posição ao vencer o santos por 2 x1, com 33 pontos, ultrapassando o Grêmio. Já o colorado subiu duas posições, ficando em

sexto, com 27. O Inter continua sendo o time que menos perdeu nesta primeira fase. Teve somente duas derrotas. Atlético-MG, de R10, que fez um golaço de falta, não passou do empate de 2 x 2 contra o Fluminense sem Fred. O jogador permanece fora dos gramados este ano, depois de um exame de ressonância magnética que acusou um rompimento do músculo, tirando-o também da seleção brasileira. A Portuguesa derrotou, no meio de semana, a Ponte Preta por 2 x 1 e o Flamengo, pelo mesmo escore, derrotou o Vitória, depois de um vexame diante do Corinthians.

Sorrindo está o Cruzeiro, que derrotou o Bahia por 3 x 1 e está em primeiro, com 37 pontos. Neste final de semana teremos a última rodada do primeiro turno. O Cruzeiro deverá encerrar como primeiro colocado, já que nenhum time consegue chegar à pontuação atual do Clube, mesmo que ele perca para o Flamengo, em BH. Marcando três pontos, o Cruzeiro chega aos 40, e aí restam só 34 numa disputa de 54 para chegar como campeão, já que se calcula que o time que chegar a 74 pontos leva o título. Inter x Santos fazem, na terça-feira, 10, o jogo atrasado.

Confira a tabela dos jogos: Sab 07/09/2013 - 18h30 Maracanã FLU

X

BAH

Sab 07/09/2013 - 18h30 Barradão VIT

X

CAM

Sab 07/09/2013 - 18h30 Moisés Lucarelli PON

X

INT

Dom 08/09/2013 - 16h00 Pacaembu COR

X

NAU

Dom 08/09/2013 - 16h00 Mineirão CRU

X

FLA

Dom 08/09/2013 - 16h00 Couto Pereira CFC

X

SAO

Sab 07/09/2013 - 18h30 Vila Belmiro

Dom 08/09/2013 - 18h30 São Januário

SAN

VAS

X

GOI

Sab 07/09/2013 - 21h00 Arena do Grêmio GRE

X

POR

X

CAP

Dom 08/09/2013 - 18h30 Heriberto Hülse CRI

X B

20


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

21


Esporte

Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Torcida do Internacional faz a diferença Celso Aurélio

22

CA Esportes Por Celso Aurélio

A resposta da torcida

A torcida lageana vem prestigiando a equipe

O Internacional de Lages joga domingo, 8 de setembro, no Estádio Municipal Vidal Ramos Junior contra a equipe do Pinheiros pela sétima rodada do Campeonato Estadual de Futebol da Divisão de Acesso (terceira Divisão). A partida está programada para as 15h30 e o time colorado busca

mais uma vitória para consolidar a posição entre os primeiros colocados da competição. Além da equipe de jogadores, o outro ponto forte do Internacional no campeonato Estadual tem sido a torcida. Até agora já foram contabilizados quatro mil torcedores nas duas partidas disputadas em Lages, sendo a equipe

que mais público levou até aqui na competição. Os números iniciais superam com facilidade os dos jogos da segunda Divisão e até da Divisão Especial. Para domingo, a diretoria colorada espera contar mais uma vez com o prestigio da torcida para a busca de mais uma vitória.

A torcida colorada tem feito a sua parte. Vem comparecendo em grande número aos jogos do Internacional no Estádio Municipal. Isso é prova real de que o público lageano está atento aos novos tempos de nosso futebol e que o trabalho e proposta foi

entendido pela comunidade. É lógico que a maratona é longa. Muitos caminhos terão que ser percorrido, mas a resposta positiva da torcida, com certeza, dá ânimo aos dirigentes colorados. Pensemos nisso enquanto é tempo.

Sênior Teve início no último final de semana o Campeonato de Futebol Sênior da Liga Serra-

na de Futebol. A competição promete repetir o sucesso das edições anteriores.

Em foco

Clube Carlos Renaux comemora 100 anos A Diretoria de Seleções da Confederação Brasileira de Futebol convocou os atletas que vão integrar o grupo da Seleção Brasileira Sub-20, que enfrentará a Seleção Catarinense no amistoso em comemoração ao centenário do Clube Atlético Carlos

Renaux, de Brusque. Na ocasião, o selecionado catarinense estará fardado com o uniforme do Clube Atlético Carlos Renaux. A partida será no dia 14 de setembro, data de fundação do Carlos Renaux, às 16h, no Estádio Augusto

Bauer, em Brusque. A Seleção Catarinense que enfrentará o Brasil será comandada pelo técnico Fernando Gil e será composta por atletas que disputam o Campeonato Catarinense Não-Profissional Júnior da Divisão Principal 2013.

159 atletas de SC participam de jogos Santa Catarina entra para ser protagonista nos Jogos Escolares da Juventude, etapa para jovens de 12 a 14 anos, que terão mais de seis mil participantes (recorde na história da competição) e que começaram na quinta-feira, 5 de setembro, em Natal (RN). Parte da delegação, composta por 191 pessoas (159 atletas, 19 professoras e 13 profissionais da Fesporte chefiando o grupo) embarcou quarta-feira,4, para a capital potiguar. O Estado, que emplacou todas as equipes na elite dos Jogos, é favorito ao ouro

em várias modalidades, como o vôlei feminino, o handebol feminino e masculino e o tênis de mesa. Todos os atletas catarinenses que foram a Natal garantiram a vaga na disputa dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), no mês de julho, em São Miguel do Oeste. Além dos futuros talentos do esporte nacional, treinadores, oficiais, árbitros, embaixadores, voluntários, comitê organizador e comitê local, estarão envolvidos no evento que reunirá representantes de 26 estados do Brasil, mais o

Celso Aurélio

Distrito Federal e uma delegação da cidade anfitriã. “Nosso objetivo com os Jogos Escolares da Juventude é contribuir para a inserção social dos jovens através do esporte e estamos muito satisfeitos com os resultados que estamos alcançando”, gerente-geral de Juventude e Infraestrutura do Comitê Olímpico Brasileiro (Cob), Edgar Hubner. Além das competições, os jovens atletas terão à disposição uma ampla gama de eventos paralelos às competições.

Os jovens torcedores colorados estão, a cada jogo, marcando presença nas partidas do Internacional no Tio Vida. Valeu galera, até aproxima edição.

Supletivo Expressão Termine seus estudos de forma rápida e com qualidade

fone: (49) 3225-4088 APRESENTANDO ESTE CUPOM A MATRÍCULA É DE GRAÇA


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

23

Vitrine do Pakinha marcelopakinha@vitrinelageana.com.br

Emersom da Silva e Matheus A. Hildebrando, da Selaria Cabanha

Professores Gabriel Bueno e Liegi Visenci, coordenador do Sesc e professora Karen Cris

Volnei, chefe de Gabinete, e Armando, presidente da FME, no jogo do Inter de Lages

Exposição de arte do Girard no Angeloni. Ele, com colaboradores da Clínica Caminho Santo

Reinaldo dos Santos, sorteado pelo Consórcio Volkswa­gem, recebendo a chave de Julio e do diretor, Darly Bettoni


Lages, 06 de setembro de 2013 - Ano 3

Previsão do tempo

24

SHOW DE OFERTAS CVC

Viagens completas com passagem aérea, hotel, passeios, apoio total e os preços imbatíveis que só a CVC oferece.

10X

R$

87,

Inclui passeio pela cidade e ao litoral sul com a praia de Pirangi

5 dias / 4 noites A PARTIR DE

A PARTIR DE

5 dias / 4 noites

NATAL

80

SEM JUROS

À vista R$ 878, no hotel Araruama p a r a s a í d a s 29/o u t u b ro, 2 6 / novembro, 3/dezembro.

10X

R$

92,

80

SEM JUROS

À vista R$ 928, no hotel Aram Residence para saída 7/novembro.

MACEIÓ

Inclui passeio pela cidade e ao litoral sul com as famosas praias do Francês e Barra de São Miguel

5 dias / 4 noites

10X

R$

93,

SEM JUROS

À vista R$ 938, no hotel Reymar Express para saída 23/outubro.

PRECISA DE

VISTO

8 dias / 7 noites

10X

R$

80

NÃO

MONARCH A PARTIR

Inclui passeio pela cidade histórica e transporte gratuito diurno e noturno para a praia e centro da cidade

A PARTIR DE

PORTO SEGURO

109, 00

SEM JUROS

À v i s t a R $ 1 .09 0. R ote i ro: Panamá, Cartagena, Aruba, La Guaira, Curaçao, Panamá. Preço por pessoa em cabine interna categoria J para saídas 4, 11, 18, 25/ outubro, 1, 8, 15, 22, 29/novembro, 6, 13, 20/dezembro.

CATARINENSES EM MINAS 8 dias / 7 noites

SEM JUROS

Inclui 7 diárias de hospedagem sendo: 3 em Belo Horizonte, 2 em Diamantina e 2 em Ouro Preto + passeios em Belo Horizonte, Sabará, Congonhas, Gruta Rei do Mato, Gruta do Maquiné, Diamantina, Ouro Preto, Mariana, Tiradentes e São João del Rei À vista R$ 2.299, para saída 7/dezembro.

SOVEREIGN 4 dias / 3 noites

10X

R$

94,

10

SEM JUROS

À vista R$ 941. Roteiro: Santos, Rio de Janeiro, Búzios, Santos. Preço por pessoa em cabine dupla interna categoria J para saída 24/março.

EMPRESS

ZENITH

5 dias / 4 noites

10X

R$

108,

5 dias / 4 noites

40

SEM JUROS

À vista R$ 1.084. Roteiro: Santos, Ilhabela, Búzios, Santos. Preço por pessoa em cabine dupla interna categoria L para saídas 17, 21/ março.

10X

A PARTIR

229, 80

A PARTIR

R$

A PARTIR

A PARTIR DE

10X

R$

156, 90

SEM JUROS

À vista R$ 1.569. Roteiro: Itajaí, Búzios, Santos, Itajaí. Preço por pessoa em cabine dupla externa categoria F para saída 10/março.

SAÍDAS ESPECIAIS DE ITAJAÍ/SC

Prezado cliente: os preços publicados são por pessoa, com hospedagem em apartamento duplo para saídas de Florianópolis. Nos cruzeiros marítimos, os preços publicados são por pessoa em cabine dupla, conforme cabines mencionadas e não incluem passagem aérea e transporte ao porto. Preços, datas de saída e condições de pagamento sujeitos a reajuste e mudança sem prévio aviso devido ao fechamento publicitário em 04/09/2013. Ofertas de lugares limitadas e reservas sujeitas a confirmação. Condições para pagamento dos pacotes nacionais em até 0+10 vezes sem juros no cartão de crédito ou em até 1+9 vezes sem juros ou 0+8 vezes sem juros no cheque pré-datado ou boleto bancário. Consulte regras e condições específicas de cada navio. Taxas de embarque cobradas pelos aeroportos e portos, além das taxas marítimas, não estão incluídas nos preços e deverão ser pagas por todos os passageiros. Reservamo-nos o direito de qualquer erro de digitação ou impressão. Alguns itens podem não estar disponíveis para todos os roteiros anunciados. Consulte inclusões e roteiros detalhados com nossos vendedores ou com seu agente de viagens.

CVC LAGES VALE-VIAGEM CVC

Dê o mundo de presente.

Visite nossa loja:

Via gastronômica

Rua Emiliano Ramos, 395 Sala 1

3222-0887 lages@cvc.com.br

Horário: Diariamente das 8:30 às 19:00 Sábado das 9:00 às 13:00


Edição 95