Issuu on Google+

Condor, 18 de setembro de 2010

Ano 02 CONEXĂƒO COMUNIDADE 04 Professora da UnijuĂ­ fala sobre as previsĂľes climĂĄticas em função do FenĂ´meno La NiĂąa

Edição 36 GERAL

R$ 1,75

www.jornalvilaliberdade.com

05

ESPORTE

Região traça plano de combate ao mosquito da Dengue em encontro com mais de 40 municípios

08

Super rodada do Campeonato de Futebol Sete começa hoje e vai atÊ segunda-feira

Semana Farroupilha

As comemoraçþes em Condor

Os gaúchos do mundo todo estão celebrando a Semana Farroupilha e em Condor não Ê diferente. Desde o dia 13 gaúchos e gaúchas devidamente trajados são vistos com facilidade nas ruas, escolas e estabelecimentos públicos e comerciais. No CTG Tropeiro da Liberdade as comemoraçþes efetivas tiveram início na quarta-feira, 15, quando o Sindicato Rural de Condor promoveu seu 2º Jantar da Semana Farroupilha, quando foi servido um jantar típico, entrevero no disco. A noite ainda foi abrilhantado pelo espetåculo de danças do Grupo Pasion Gaucha, de Cruz Alta. As comemoraçþes prosseguem no dia de hoje, quando uma cavalgada promovida pelas escolas Professor Malaquias Pinheiro e Castelo Branco, irå do Rincão dos Pinheiros atÊ a Mambuca, onde serå inaugurado o DTG da Escola local. À noite estå reservado o grande evento do CTG Tropeiro da Liberdade, quando os colaboradores da Cotripal de Condor estarão promovendo o 3º Costelão da Cotripal. A programação tem início às 19h, quando a comunidade católica de Condor celebrarå, no CTG, a missa crioula. Logo após serå servido o costelão, que estå sendo comercializado ao valor de R$ 15 por pessoa. A noite encerra com um grande baile, animado pelo conjunto Marca Gaúcha, de Ijuí, que estarå lançando seu primeiro CD.

     

  !        

 

 

Geral 03 ACI de Condor deďŹ ne nova tabela de contribuiçþes e taxas para locação de espaços

 



      


2

18 de setembro de 2010

QUEM DISSE

“Poucas vezes vi alguém tão mal educado desportivamente como esse rapaz. Alguém precisa educá-lo, senão ele vai virar um monstro. Estamos criando um monstro no futebol brasileiro” RENÉ SIMÕES, TÉCNICO DO ATLÉTICO-GO, APÓS DERROTA PARA O SANTOS, NESTA QUARTA, CRITICANDO A POSTURA DO ATACANTE NEYMAR DO TIME PAULISTA. “Quando os convido a ser santos, peço que não se conformem em ser a segunda fila. Peço que não persigam uma meta limitada”

PAPA BENTO XVI

PEDIU

Editorial

Opinião A

Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e o próprio Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) registraram nos últimos dois anos safras recordes no sul do País. Os grãos colhidos, principalmente no Rio Grande do Sul e Paraná, de soja, trigo, milho e feijão fizeram os estoques nacionais inflarem, o que chegou a resultar até em bruscas quedas nos preços pagos pelos produtos. Estas supersafras impulsionaram, em especial, bons negócios na região Noroeste do Rio Grande do Sul. Os pólos industriais metalúrgicos concentrados de Santa Rosa até Panambi foram notícia no Estado todo e também no País, pela recuperação que apresentaram no pós crise, tudo isso como consequência dos bons resultados obtidos pelo setor primário. Como exemplo, apesar das duras críticas e reivindicações as políticas econômicas voltadas ao setor primário no Brasil, os resultados, objetivos e metas apontados na 5ª Tecnopós, onde o Arranjo Produtivo Local Pós-colheita de Condor e Panambi colocou na vitrina sua pujança. Porém, isso tudo tem uma característica vital em comum, a “climatodependência”: se chover bem tudo vai bem, se o clima não ajudar tudo vai mal. Praticamente todos os dois últimos anos foram afetados pelo fenômeno meteorológico denominado pelos cientistas de El Niño, o que, em suma, resulta em boas chuvas para o sul da América do Sul e, em consequência, aos estados do sul do Brasil. Porém os efeitos do fenômeno do gênero masculino estarão sendo substituídos pelo fator feminino, La Niña, o que está causando grande preocupação aos setores produtivos, do primário ao industrial, da Região Sul, já que “A Menina” vai com seus efeitos na contramão do “Menino”. Apreensão que se dá em função da climatodependência. Entrevista realizada pela reportagem do Jornal Vila Liberdade, a professora Cleusa Bianchi Krüger, responsável pelo setor de agrometeorologia da Unijuí, confirmou todas estas previsões, de que La Niña pode sim, causar prejuízos às lavouras de verão no Sul do Brasil. No entanto, a professora Cleusa fez uma alerta aos produtores rurais: por mais que efeitos de La Niña ou El Niño possam ser de fundamental relevância à produção agrícola do Mundo todo, é extremamente importante estar preparado para enfrentá-los, com muito planejamento e conhecimento técnico do que se está fazendo, seja plantando soja ou trigo. Ou seja, não basta jogar sementes na terra e esperar pelo tempo.

Wagner

AOS ALUNOS DAS ESCOLAS CATÓLICAS BRITÂNICAS QUE SEJAM

“OS

DO SÉCULO

FUTUROS SANTOS

XXI”

“Bota aí um uísque, com uma cerveja para acompanhar. E não poupa no choro, boneca”

ANIVERSARIANTE DE HOJE, ATRIZ GRETA GARBO(1905), FALECIDA EM 15/04/1990.

falando nisso

por Jorge Luiz Fripp

NÓS, PAIXÃO E O 20 DE SETEMBRO Andamos nesta semana pelas escolas da cidade falando aos alunos sobre tradição e cultura, semana farroupilha e “outras cocitas mas”. Com o costado das prendas Claudia e Eleonara, do Tropeiros da Liberdade, e da sempre prenda Caroline Araújo, passamos pela Escola Bruno Laux, pela Agostinha Dill e pela Levino Lautert, levando um pouco da nossa história e do significado do feito dos farrapos. Demos ênfase muito especial, neste ano, à figura de Paixão Côrtes. Sendo ele uma estátua viva do Rio Grande, pois serviu de modelo para que o artista Antonio Caringi esculpisse a estátua do Laçador, na entrada de Porto Alegre. Antes disso, foi o líder de um movimento de estudantes secundaristas do Colégio Julio de Castilhos, na capital, que

organizou em 1947 os primórdios do movimento tradicionalista. E os CTGs se espalharam pelo mundo. Há CTG nos confins da floresta amazônica, há CTG ponteando os planaltos descampados do CentroOeste do Brasil, há CTG nas proximidades dos lugares mais sofisticados e exclusivos de Bevedrly Hils, nos EUA. Há CTG inclusive em Tóquio, do outro lado do mundo. Nossos olhos e ouvidos se acostumaram aos xiripás, às bombachas, às guaiacas, aos facões e alpargatas e ao som familiar e inconfundível que vem das vozes e canções galponeiras. Convivemos hoje com todas essas coisas com tranqüila intimidade, como parte indispensável da vida e da paisagem. No entanto, todos esses valores, todo esse orgulho nativo, toda essa chama,

esse sentimento crioulo que nos irmana e que nos faz sentir mais felizes com nossa essência e com nossa identidade poderia não existir. Todo esse cabedal histórico, folclórico e cultural estaria perdido nos arquivos do esquecimento se não fosse a figura de Paixão Côrtes. Graças a ele e a pesquisa minuciosa e única por ele realizada, graças a toda uma lapidação criteriosa e diligente de fatos, eventos, imagens e sons, tornou-se possível construir o ser chamado gaúcho. Ele é o mais notável dos construtores da nossa memória popular, nome ímpar que se identifica logo ao ser pronunciado. Ao Paixão devemos muito, talvez nem possamos medir quanto. Ele é a origem de tudo. Falando nisso, este é um ano ainda mais que especial, em se falando de Paixão Côrtes. Foi ele o escolhido para ser, em 2010, o Patrono da

Crime hediondo Alexandre Garcia O homem mais rico do Brasil, Eike Batista, num manuscrito publicado pela Veja desta semana, escreve “diciplinado” em vez de disciplinado. Talvez isso mostre que ser bom para negócios não demande, necessariamente, conhecimento da língua nacional. As empresas do senhor Batista estão por toda a parte, inclusive no estado do Amapá, onde ficou faltando dinheiro para a Educação. Como se sabe, Educação é base para que o eleitor iletrado e desinformado se converta num cidadão que lê, que acompanha, que se informa e que tem conhecimento suficiente para fazer julgamentos e tomar decisões, como a de eleger um governador. Não é, pois, do interesse de políticos demagogos, populistas e assistencialistas, que o eleitor se liberte pelo conhecimento. Será mais difícil de lidar e de convencer. No Brasil - um em cada cinco de nós é analfabeto funcional. Pois no Amapá, a Polícia Federal prendeu o governador e candidato à reeleição, o exgovernador - atual candidato ao Senado - o ex-presidente da Assembléia e atual presidente do Tribunal de Contas - todos por desvio de dinheiro para a Educação Fundamental. Não é gente desimportante, sem responsabilidades públicas. Waldez Goes foi eleito governador e depois reeleito e lidera as pesquisas para o Senado, sempre com o apoio do senador pelo Amapá, José Sarney. A mulher dele, presa também, é delegada de polícia e chefiou, no governo dele, a Polícia Especializada. A propósito, foi preso também o Secretário de Segurança, um Feira do Livro de Porto Alegre, um dos maiores eventos culturais e literários da América Latina. Nada mais justo do que homenagear aquele que foi o propulsor que projetou o passado para os nossos dias, isto através de diversas obras literárias, artigos em jornais e revistas, além de ser homem de rádio, de palco, de TV e cinema. Para ele o gaúcho é povo e parte importante no conceito universal de povos. Paixão é um dos mensageiros autênticos deste povo e de nossa gente.

delegado da Polícia Federal. O ex-presidente da Assembléia Legislativa usou seu poder político para ser nomeado para o Tribunal de Contas do Estado e lá se tornou presidente. Para a roubalheira não dar na vista dos pobres contribuintes e eleitores do Amapá, escondeu na casa dele em João Pessoa, Paraíba, uma Ferrari, uma Maseratti, um Mini Cooper e dois Mercedes - uma espécie de confissão de que as compras milionárias daqueles carros não tinha explicação no seu contracheque oficial. Um dos beneficiados com contratos na área de Educação construiu um parque aquático em Macapá, onde desfilava com uma Ferrari e um BMW. Estão agora no Presídio da Papuda, em Brasília, à exceção de dois que têm curso superior. Mas isso é pouco para os que roubaram milhões da Educação fundamental de meninos e meninas do Amapá. Roubaram-lhes o caminho da libertação do jugo dos políticos; roubaram-lhes o caminho do futuro; roubaramlhes uma vida mais digna. Merecem apenas cadeia? Lá no Irã, por apenas uma acusação falsa de adultério, uma mulher foi condenada ao apedrejamento. Não com pedras muito grandes, para que tivesse tempo de sofrer por seus crimes. Aqui não existe pena assim cruel. Mas e se os mandássemos para o Irã, em troca da Sakineh?

www.jornalvilaliberdade.com

DIRETORES

Denise Isabel Wuaden Marcelo Fripp

EDITOR CHEFE

Jairo Roberto Fachi MTB - 10.485

SUPERVISÃO GERAL

Jorge Luiz Fripp

Redação

Marcelo Fripp

DIAGRAMAÇÃO

Denise Isabel Wuaden Marcelo Fripp

COMERCIAL

(55) 3379.1005

jornalvilaliberdade@gmail.com CIRCULAÇÃO

Semanal/Sábados TIRAGEM

500 Exemplares IMPRESSÃO

ITS Gráfica e Editora Jornalística Ltda FW Editoração Ltda CNPJ 10.643.438/0001-41

Rua Mauricio Cardoso, 26 Bairro Centro - Condor CEP 98290-000


Geral

18 de setembro de 2010

ACI deďŹ ne nova tabela de contribuiçþes

PolĂ­tica

Assembleia Geral tambÊm apontou taxas para alocação de espaços físicos da Associação

A

Associação Comercial, Industrial, Serviços e AgropecuĂĄria (ACI) de Condor esteve reunida em Assembleia nesta semana. Como deliberaçþes do encontro o novo critĂŠrio de taxas para utilização dos espaços fĂ­sicos da ACI e reposição da tabela de cobranças da contribuição dos associados, alĂŠm de outros assuntos pertinentes Ă  Assembleia Geral. Com a presença de 15 associados, a direção da ACI de Condor apresentou em Assembleia a proposta de taxas para a cedĂŞncia dos novos espaços disponĂ­veis na sede da Associação. ApĂłs algumas discussĂľes, ďŹ cou deďŹ nido que auditĂłrio e sala de reuniĂľes serĂŁo locados por taxas que variam de R$ 25 a R$ 150. Na tarifação deďŹ nida, nĂŁo sĂłcios da ACI devem pagar R$ 150 por dia de utilização do auditĂłrio com capacidade para 100 pessoas e R$ 50 para a sala de reuniĂľes com 20 lugares. Ainda, foram estipuladas taxas de manutençþes dos dois espaços, valores que serĂŁo cobrados de entidades assistenciais e parceiros da ACI, sendo de R$ 50 para o auditĂłrio e R$ 25para a sala de reuniĂľes. Empresas associadas da ACI e em dia com sua mensalidade tĂŞm direito a utilização do auditĂłrio, de forma gratuita, um dia por mĂŞs, sendo que para alĂŠm disso pagarĂŁo taxa de manutenção de R$ 10, jĂĄ para

3

Claudio Motta

claudiomotta06@hotmail.com

Assembleia reuniu 15 associados da ACI para deďŹ nir novas tarifas

a sala de reuniĂľes, nĂŁo haverĂĄ tarifação aos sĂłcios. “Temos que valorizar os nossos ambientes, foi um bom investimento que tem que dar retorno para a ACI e seus associadosâ€?, alegou o presidente da Associação, JoĂŁo Luis Lopes. Esta Assembleia deďŹ niu ainda o reajuste da tabela de contribuição associativa da ACI. Tendo como base uma pesquisa feita na tabelas aplicadas em ACIs da regiĂŁo, a nova tabela proposta em Condor vai de R$ 30 a R$ 130, de acordo com o tamanho da empresa por seus nĂşmeros de colaboradores. “Andamos e contatamos praticamente todas as ACIs da RegiĂŁo e o menor valor que en-

contramos foi de R$ 46 em CatuĂ­pe, e mesmo assim sem direito a muita coisa. Aqui, estamos disponibilizando este novo espaço, tambĂŠm os convĂŞnios com Sebrae e Federasul e em breve tambĂŠm com a Cheque Ok, empresa de consulta de crĂŠdito. Isto ĂŠ apenas uma defasagem que estamos corrigindoâ€?, argumentou Lopes. Segundo o presidente, o Ăşltimo reajuste nas mensalidades da ACI foi hĂĄ mais de trĂŞs anos. TambĂŠm, foi deďŹ nido que a partir de 2011 a tabela de contribuição serĂĄ reajustada automaticamente de acordo com o Ă­ndice de reajuste do salĂĄrio mĂ­nimo. As novas tarifas passam a vigoram a partir de 1Âş de outubro de 2010.

Liga promove orientação preventiva para estudantes

Ao que parece, a enxurrada de notĂ­cias da grande imprensa contra a Dilma nĂŁo tem surtido efeitos, jĂĄ que a mesma se mostra refratĂĄria Ă  tais manobras e, para desespero da oposição ao governo Lula, a candidata cresce nas intençþes de voto do eleitorado brasileiro. Inclusive a Ăşltima pesquisa divulgada nesta semana, Dilma se distancia de Serra aqui no Rio Grande do Sul, onde vinha enfrentando diďŹ culdades. E pior, para a oposição mesmo, ĂŠ que Dilma e Lula vem arrastando candidatos do mesmo projeto, como ĂŠ o caso de Tarso Genro, que tambĂŠm poderĂĄ vencer as eleiçþes no primeiro turno, segundo as Ăşltimas sondagens. Em determinada eleição que acompanhei (e jĂĄ foram muitas) um proďŹ ssional da ĂĄrea da propaganda referiu uma situação, com a qual se deve ter muita atenção em eleiçþes. A situação ĂŠ a seguinte: se vocĂŞ passar por um grupo de crianças e um dos maiores esteja batendo/agredindo outro menino menor e indefeso, para o qual vocĂŞ ďŹ caria torcendo ou com o qual vocĂŞ seria solidĂĄrio, se compadeceria? Ou ainda, com qual vocĂŞ se revoltaria? Pois em eleiçþes, diz o proďŹ ssional, que o princĂ­pio de raciocĂ­nio do eleitor ĂŠ o mesmo, jĂĄ que aquele que bate, geralmente se apresenta como o superior, o grandĂŁo, enquanto que o que apanha, aparenta o desprotegido, o coitadinho, e ĂŠ justamente deste que se tem piedade, dĂł, entre outros sentimentos e a tendĂŞncia ĂŠ que vamos aderir Ă  causa deste que vem sendo “injustamenteâ€? agredido. Jamais vamos nos juntar ao agressor, eis que nos parece violento e atĂŠ injusto. Parece que ĂŠ isso que vem acontecendo no cenĂĄrio nacional, pois os ataques dos partidos aliados Ă  Serra sĂŁo de tal intensidade que deixa transparecer para o eleitor a imagem do menino maior batendo no menino indefeso (no caso, numa menina), e com isso, Dilma cresce. “Ora, a covardia do Serra batendo numa mulherâ€?, dizia um cidadĂŁo outro dia. Com isso, Serra, do alto de sua experiĂŞncia parece ter perdido o rumo e ďŹ ca batendo na mesma tecla aliado aos grandes veĂ­culos de comunicação do PaĂ­s, enquanto Dilma dispara nas pesquisas de intençþes de voto. Aqui no Rio Grande do Sul, Tarso Genro parece ter fĂ´lego para vencer o pleito no primeiro turno, jĂĄ que nenhuma novidade capaz de mudar o curso do processo tem surgido, embora os embates internos dos partidos da coligação de Fogaça, no sentido de que ĂŠ necessĂĄrio mudar o rumo da prosa, como diz o gaĂşcho. Setores dos partidos aďŹ rmam que Fogaça tem perdido espaço com o eleitor em razĂŁo de sua “neutralidadeâ€? entre Serra e Dilma e que isso “nĂŁo pega bemâ€? junto ao eleitorado gaĂşcho. Boa semana. Advogado - Especialista em Direito PĂşblico Municipal

  

           

 

!"###

  

         Presidente da Cruz Azul falou sobre os riscos do uso de drogas

MÊdica palestrou sobre doenças sexualmente transmissíveis

A Liga Feminina de Combate ao Câncer de Condor promoveu na sexta-feira e no sĂĄbado da semana passada o 2Âş Circuito Estudando com SaĂşde com os alunos da Escola Estadual Agostinha Dill. Com o objetivo de “sensibilizar para uma adolescĂŞncia mais saudĂĄvel, contribuindo para a prevenção de doenças e para o sucesso pessoal e proďŹ ssionalâ€?, uma sĂŠrie de palestras com psicĂłlogos, mĂŠdicos, assistente social e dentista foram promovidas para os

alunos de 7ÂŞ e 8ÂŞ sĂŠries do Ensino Fundamental e alunos do Ensino MĂŠdio dos turnos da manhĂŁ e da noite. Entre os temas ministrados pelos palestrantes estavam “Educação e SaĂşde Trilhando Caminhos para a Cidadaniaâ€?, “As Principais Drogas, DependĂŞncia QuĂ­mica e Conseqßênciasâ€?, “DST – VocĂŞ nĂŁo sabe quem tem, mas pode prevenir–seâ€?!, “Em Busca do Sucesso SaudĂĄvelâ€? e “Promoção e Prevenção da SaĂşde Bucalâ€?. Participaram como palestrantes a

psicóloga Tarciana Franco, o diretor Cruz Azul de Panambi Dålcio Petry, a MÊdica Paula Rubin Facco, a Psicóloga Julia Feldmann e o Cirurgião Dentista Carlos Cassiano Ebert. A promoção e a organização do 2º Circuito Estudando com Saúde foi da Liga Feminina de Combate ao Câncer de Condor e d Escola Estadual de Ensino MÊdio Agostinha Dill, com o apoio Secretaria de Educação e Cultura, Secretaria da Saúde.

A Secretaria Municipal de SaĂşde de Condor, atravĂŠs de seus agentes, e o Hemocentro de Cruz Alta estarĂŁo promovendo na praça Pedro Gärtner, hoje a tarde, uma campanha de doação de sangue e de medula Ăłssea. Durante toda a tarde os proďŹ s-

sionais de saĂşde de Condor estarĂŁo promovendo atividades aďŹ ns como veriďŹ cação de pressĂŁo arterial, de glicose e dando orientaçþes sobre saĂşde, alĂŠm, claro, de estarem coletando amostras de sangue dos futuros doadores de medula Ăłssea e de sangue, que serĂĄ endereçado ao Hemocentro

de Cruz Alta, um dos mais importantes bancos de sangue da Região. As atividades de doação e tambÊm preventivas são destinadas à toda população condorense. O início estå previsto para às 13h30 e se estende durante toda a tarde na Praça Pedro Gärtner.

Hoje Ê dia de doar sangue e medula na Praça







*+,'   ' !"#!$%"&'  !" ! (  !#"! ) !"#!

      ! "#$% &%"' ''(' )%!"#&%%(    

 

 

  

*+'   '    !"#!

   

'$ "&'!" !#     

#-. ' &  $/. ' +.)$

         


4

18 de setembro de 2010

Conexão Comunidade

La Niña assusta, mas não é caso de desespero

Professora de Agrometeorologia da Unijuí fala sobre os efeitos do fenômeno que afetará o Estado

O

s anúncios meteorológicos dos efeitos do Fenômeno La Niña que deverão atingir a região Sul do Brasil estão causando preocupação, principalmente, ao setor primário. Produtores Rurais do Rio Grande do Sul estão a cada dia mais atentos às previsões do clima para o verão que se aproxima. A professora Cleusa Bianchi Krüger, responsavel técnica pela estação Meteorológica da Unijuí e especialista em Agrometeorologia, falou ao JVL sobre as previsões dos novos períodos, destacando que, com ou sem efeitos de fenômenos, o Estado sofre com pouca chuva no verão. Jornal Vila Liberdade (JVL) Quais as previsões para esse início de primavera, também as previsões para o verão, o que diz respeito as cultura de verão aqui no Estado? Professora Cleusa Bianchi Krüger- Nós temos uma previsão climática do fenômeno La Niña, e aqui pra nós nessas regiões já citadas antes, nós temos uma possibilidade da diminuição das chuvas, do volume da chuva, e essa previsão tem mostrado que esse volume tem de ser menor principalmente a partir do mês de novembro, então isso deve interferir, logicamente, o inicio das culturas de verão no caso o soja, na época da semeadura que vai de outubro ate dezembro, e no caso do milho aquele que foi semeado bem cedo. Em resposta direta assim, o que poderia acontecer? Esse milho que se encontrar em floração no mês de novembro pode ter perda de rendimento, se essa chuva não for suficiente para atender a demanda dele, e no caso do soja, que for semeado exatamente a partir do mês de novembro, durante esse mês podemos ter problemas de emergência em função da necessidade que o soja tem de ter um volume um pouco maior de água nesse período inicial. Quanto às culturas de inverno, creio que não teremos nenhum prejuízo maior, porque elas vão se encontrar já quase todas colhidas, ou em processo de colheita, então não prejudicaria essas culturas. Em relação ao verão nós sempre trabalhamos em climatologia ou agrometeorologia,

Palavra do Pastor Erasmo Carlos (Interino)

“Um simples gesto vale mais do que muitas idéias se nenhuma for colocada em prática”

Estação meteorológia da Unijuí é coordenada pela Professora Cleusa

com previsões de três meses, então a previsão atual que nós temos é até novembro, a partir de novembro vai ser provavelmente divulgado ate o final do mês, um novo boletim climático, mas em função da presença da La Niña já se fala na possibilidade de haver menores volumes de chuva para os meses de verão, então isso trás um pouco de preocupação para os produtores. JVL - Se fala tanto em El Niño e em La Niña, isso tem deixado um bicho bem maior do que uma pulga atrás da orelha dos produtores rurais, o que é esse El Niño quanto tempo ele ficou presente agora nos últimos períodos e também um pouco do que é La Niña? Professora Cleusa Bianchi Krüger - De uma forma simples esse o fenômeno “Enos” que é o que denomina o fenômeno El Niño e a La Niña, ele acontece em função do aquecimento ou resfriamento das águas lá do Pacífico, e isso interfere em todo o clima do mundo e também aqui na região sul do Brasil. O que seria o El Niño? O El Niño é quando as águas lá no Pacífico estão mais quentes e isso reflete em maiores volumes de chuva pra nós aqui no sul do Brasil, principalmente durante a primavera e início do verão e lá na fase do outono do ano seguinte do final do fenômeno. Quando nós temos a La Niña é ao contrário, as águas do Pacífico se resfriam e a característica aqui pra nós é a diminuição nos volume das chuvas também nesses períodos de

primavera e início de verão e final de outono. Como que dura ou quanto que pode durar esse fenômeno? Esse fenômeno pode durar de um ano a um ano e meio, então nós saímos de um ano de El Niño nesse ano ali por junho/ julho e entramos numa El Niña, então esse fenômeno tende a durar um ano a um ano e meio, geralmente isso. Esses reflexos da La Niña preocupam pra gente muito na agricultura, porque precisamos de água para os cultivos ter rendimento, pra gente alcançar a produção de grãos lá no final que é importante para o produtor. E o que isto demonstra? Mesmo que a gente tenha previsão de El Niño ou La Niña, as chuvas de verão pra gente aqui no Rio Grande do Sul elas estão muito esparsas, então muitas vezes mesmo em anos de El Niño em que chove mais podemos ter períodos de estiagem, porque o sinal do fenômeno é fraco para o período de verão, então tem aquelas chuvas muito esparsas, nós temos grande variabilidade das chuvas no verão aqui no nosso estado, muitas vezes não está ligada a esses fenômenos. Podemos pensar da seguinte forma, bom, temos a presença da La Niña agora? Temos. Podemos ter deficiência hídrica? Podemos, mas no período forte do verão talvez tenhamos chuvas, muito próximas ao valor médio pra região, e isso pode muitas vezes salvar uma lavoura numa determinada fase de desenvolvimento. Então é claro que a gente tem que se prevenir, tem que buscar

Conta-se, que em uma cidade muito humilde dos EUA, um jovem pôs no seu coração, o desejo de estudar medicina e forma-se doutor para ajudar as pessoas carentes, que não tinham condições de pagar por tratamento médico e remédios caros. Mas como o jovem também era de família pobre, decidiu custear seus estudos vendendo jornal de casa em casa, por toda a cidade. Certo dia chegou em uma residência, vendeu seu material e pediu um copo de água para a dona da casa. Ela, porém vendo o rapaz parecia estar com fome. Ofereceu-lhe um copo de leite, o rapaz agradeceu e foi embora. Muitos anos se passaram, e o homem já médico formado atendia em um hospital de outra cidade. Um dia trouxeram-lhe a ficha de uma mulher que havia baixado hospital para tratamento com uma doença que poucas vezes se conseguia salvar o paciente. Algo lhe chamou a atenção, porque curiosamente, o endereço da paciente tinha o nome da cidade onde ele vivia quando era ainda jovem. Ao fazer a primeira visita no quarto, se surpreendeu, pois era aquela mulher que morava na sua cidade. Atendeu ela com muito carinho, atenção, após muitos dias entre, exames e medicamentos, o seu problema felizmente foi resolvido. Chegado o dia de a paciente receber a alta do hospital, o medico ordenou a sua enfermeira assistente que enviasse para o quarto a despesa de sua estadia no hospital. A mulher recebeu a nota e começou a ler, quando chegou na ultima linha, seus olhos se encheram de lagrimas, por que estava escrito assim: fatura totalmente paga a muito tempo atrás com um copo de leite. Muitas vezes, não damos a mínima importância para as pequenas coisas, mas são elas que no final de tudo somam e nosso favor um grande resultado. Versículo bíblico para meditação de todos esta em Provérbios 13,13: “O que despreza a palavra perecerá, mas o que teme o mandamento será galardoado”. Que Deus abençoe a todos, amém! informação mas também não entrar numa condição de desespero em função disso, que o clima, a chuva é muito variável, então muitas vezes pode acontecer num volume muito maior, ou um volume menor para a condição de verão nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro. JVL - Tratando de irrigação, sem dúvida agente não tem com o fugir do assunto acumulo de água, os reservatórios de água devem sofrer alguma influência do La Niña, podemos perder bastante recursos hídricos com essas condições? Professora Cleusa Bianchi Krüger - Sempre que se faz um reservatório para irrigação no projeto inicial se trabalha com reserva no sentido de

que aquela reserva de água só vai ser utilizada para uma irrigação, enfim, quando o reservatório tiver completo, então, independe da quantidade de chuva que vai acontecer durante o período da irrigação que é a forma de que se projeta um reservatório. Claro que existe a preocupação dos produtores, bom se nós tivermos menos chuvas, talvez esse meu reservatório não seja capaz de atender a irrigação. Se foi bem feito esse projeto, isso não vai acontecer, o que se observa claro que em função da grande temperatura, alta radiação solar, há uma evaporação maior desses reservatórios, uma perda de água por evaporação, mas isso não vai comprometer a irrigação em si.


Geral

18 de setembro de 2010

5

Saúde e Educação integradas por Agentes de saúde discutem volta da Dengue Coordenadorias de Saúde do Noroeste do Estado promoveram encontro em Ijuí

programa de prevenção a doenças

N

a tarde desta segunda-feira, 13, aconteceu no Auditório da Sede Acadêmica da Unijuí, um encontro de avaliação sobre a dengue e atualização do Plano de Contingência da Região Noroeste. Participaram do evento mais de 40 municípios das regiões de abrangência das 12ª, 14º, 15ª, 17ª e 19ª Coordenadorias Regionais de Saúde (CRSs), inclusive agentes do município de Condor participaram do encontro. O Coordenador da 17ª CRS, Erlon Beck, destacou a importância do evento e do município ser sede para essa discussão. “Ijuí neste ano enfrentou uma grande epidemia de dengue, mas a notícia boa, foi que não tivemos nenhum óbito registrado no município”, disse. Ainda foi destacada a grande probabilidade de todos os municípios da região terem de enfrentar a presença do mosquito vetor. “Como a situação de vários municípios é problemática, e as condições climáticas atuais indicam que no próximo verão a Dengue pode voltar com

Agentes de mais de 40 municípios participaram do encontro em Ijuí

força total, voltamos a pedir a colaboração da comunidade local para continuar evitando o acúmulo de água parada e eliminando possíveis depósitos” ressaltou a Secretária de Saúde de Condor, Marlene da Rosa. Segundo Francisco Paz, do Centro Estadual de Vigilância em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde, a situação do Estado está mudada e por isso é necessário que toda a população se preocupe com os próximos anos. “É preciso focarmos nos-

sa atenção no mosquito da dengue, precisamos controlar a proliferação dele”, destaca. Ele ainda disse, que é importante que os municípios se articulem para saber o que fazer se a dengue aparecer e para evitar que ela apareça nos municípios. Outro fator destacado por Paz é que a Secretaria Estadual de Saúde juntamente com a Secretaria Estadual de Educação lançarão uma Campanha de mídia para que a população entenda os riscos da dengue.

No dia 14 de setembro a Secretária Municipal da Saúde de Condor Marlene Bender da Rosa juntamente com a enfermeira Magda Bade participaram de uma capacitação em Ijuí sobre o Projeto Saúde Prevenção nas Escolas (SPE). Esse projeto representa um marco na integração de saúde e educação e privilegia a escola como espaço para a articulação das políticas voltadas para adolescentes e jovens, mediante a participação dos sujeitos desse processo: estudantes, famílias, profissionais da educação e da saúde. A proposta resulta da parceria entre Ministério da Educação, o Ministério da Saúde,

com o apoio da UNESCO, do UNICEF e do UNFPA na perspectiva de transformar os contextos de vulnerabilidade que expõem adolescentes e jovens á infecção pelo HIV e a Aids, a outras doenças de transmissão sexual e a gravidez não planejada. Segundo a Secretária na próxima semana a Secretaria Municipal de Saúde realizará reunião com as secretarias de Educação e Assistência Social e algumas entidades ligadas aos adolescentes e jovens do Município, para formar o grupo de trabalho municipal e este irá construir o plano de ação para trabalha no ano de 2011 em todas as escolas do município.

Cadastro para coleta de lenha A Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente de Condor Reitera o comunicado aos Agricultores que está realizando o preenchimento do formulário de “Comunicação de Coleta de Lenha Seca de Árvores Nativas para o Consumo Próprio na Pequena Propriedade e

Posse Rural”. Para a realização do preenchimento do formulário os interessados deverão trazer cópia do CPF e certidão atualizada do imóvel, para encaminhamento ao DEFAP de Passo Fundo. Mais informações na Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente de Condor.

Poder Legislativo Municipal de Condor Rua do Comércio, nº 1190 - Condor, RS

Telefone 3379 1322 / email: cvcondor@brturbo.com.br / site: www.camaracondor.rs.gov.br

Da Síntese das Matérias Apresentadas na Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Condor/RS, realizada em 13 de setembro de 2010: PROJETOS

Projeto de Lei Municipal nº. 083/2010, o qual “Autoriza o Município destinar recursos financeiros a Avocap, a titulo de subvenção social e dá outras providências”. Baixado para análise e parecer das Comissões. Projeto de Lei Municipal nº. 084/2010, o qual “Autoriza o Município conceder incentivos a empresa, Mecânica Mesadri e Auto Peças Ltda. e dá outras providências”. Baixado para análise e parecer das Comissões. Projeto de Lei Municipal nº. 085/2010, o qual “Autoriza o Município realizar cessão de uso temporária de equipamento agrícola de sua propriedade, ao Grupo de Patrulha Agrícola de Linha Colônia Cash e dá outras providências”. Baixado para análise e parecer das Comissões.

PROPOSIÇÕES

Indicação nº. 057/2010, (Ver. Marcelo), INDICA ao Presidente desta casa legislativa, o envio de oficio solicitando ao DNIT, a tomada de providências visando melhorar as condições do refúgio e a instalação de placas indicativas de diminuição da velocidade junto a BR 158 nas entradas de acesso a propriedade do Tiro ao Alvo e da Associação dos Servidores Municipais de Condor - ASSEMCO. Deferida e encaminhada ao destinatário. Requerimento nº. 036/2010, (Ver. José), REQUER ao Poder Executivo, através do setor competente, informações quanto ao cumprimento em nosso município da legislação vigente referente a reserva de vagas de estacionamento de 5% para idosos e 2% para portadores de necessidades especiais, junto aos estacionamentos dos estabelecimentos habilitados no município. Aprovado por unanimidade, com emenda do proponente, solicitando que seja enviado oficio ao Conselho Municipal de Trânsito e ao Mercado da Cotripal. Moção nº. 026/2010, “MOÇÃO DE PARABÉNS” a Administração Municipal, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura pela organização da caminhada cívica realizada dia 07 de setembro último em nosso município. Parabenizar de forma muito especial a todas as escolas municipais e estaduais, as suas respectivas direções, quadro de professores, CPMs, aos atletas do Greminho, ao grupo de idosos, a Pastoral da Criança, a Liga de Combate ao Câncer, ao PIM, ao Grupo de Mães Renascer de Esquina Beck, ao CTG Tropeiro da Liberdade, que demonstraram a nossa comunidade o brilho, o encanto, a alegria de nossa gente, quando chamada a externar seu sentimento para com nossa pátria, que através dos diversos temas apresentados, resgataram a nossa história, escrita a cada dia por todos os brasileiros e brasileiras, agentes efetivos da construção deste país. Parabenizar a toda comunidade condorense que participou efetivamente das atividades comemorativas alusivas a independência de nosso país, no momento em que completamos 188 anos de emancipação política e administrativa da então metrópole portuguesa. Que possamos a cada dia, a cada ano mais e mais realizações alcançar, que a nossa pátria seja o alicerce da conquista e realização dos sonhos de cada habitante deste país, com justiça e igualdade de oportunidades a todos. Assim sendo, solicitamos que seja encaminhada correspondência dando ciência desta as escolas e entidades acima relacionadas. Aprovada por unanimidade, com subscrição da Bancada do PDT.

PARECERES DAS COMISSÕES

Projeto de Lei Municipal nº. 077/2010, o qual “Cria o Serviço de Atividades Diversas na Estrutura da Secretaria Municipal de Saúde e Saneamento e dá outras providências”. Aprovado por unanimidade com os Pareceres Favoráveis. Projeto de Lei Municipal nº. 078/2010, o qual “Altera o Anexo I-32 da Classe do Cargo de Telefonista, do Plano de Classificação de Cargos e dá outras providências”. Aprovado por unanimidade com os Pareceres Favoráveis. Projeto de Lei Municipal nº. 082/2010, o qual “Autoriza o Município contratar em caráter temporário servidor para o cargo de Monitor de Educação Infantil e dá outras providências”. Aprovado por unanimidade com os Pareceres Favoráveis. Por nada mais constar na ordem do dia, deu-se por encerrada a presente Sessão, ficando convocados todos os Vereadores para a Sessão Ordinária, dia 21.09.2010, (terça-feira) com início às 18:30 horas, na sede da Câmara Municipal de Vereadores, seguida da realização de AUDIÊNCIA PÚBLICA, para apresentação do Relatório de Gestão referente ao 2º. Trimestre de 2010, da Secretaria Municipal da Saúde e Saneamento. Dirson Wendland – Diretor Legislativo.


6

18 de setembro de 2010

Educação

Professoras de Condor em encontro do Geempa

Em comemoração aos 40 anos, fundação tratou de diferentes temåticas

N

os dias 08 a 10 de setembro, a professoras da Escola Agostinha Dill, Elenice Fritsch e Sandra AraĂşjo e da Escola Levino Lautert, Dori DĂźrks e Greice Lopes CĂŠzar estiveram participando da terceira acessĂłria do Grupo de Estudos sobre Educação, Metodologia de Pesquisa e Ação (Geempa), proporcionando durante esse ano letivo, aos professores que estĂŁo inseridos nesse projeto. Nessa data o Geempa comemorou seus 40 anos de fundação. O aniversĂĄrio foi comemorado com trĂŞs momentos diferentes: - de pensar - com alunos do ensino fundamental de algumas escolas da capital; - e com atividades culturais. “No momento de pensar reetimos sobre temas relevantes, entre eles palestrantes internacionais como o francĂŞs GĂŠrard Vergnaud que abordou a temĂĄtica: As Formas OperatĂłrias e Predicativas do Conhecimento e SĂĄra Pain que reetiu sobre: Representação GrĂĄďŹ ca e Cria-

ClaĂ­rton Elsenbach eclairton@yahoo.com.br

Em Porto Alegre Professoras de Condor participaram de encontro do Geempa

tividade na Escola entre outros temas como a Antropologia, Psicologia e as diďŹ culdades de aprendizagem e uma analogia sobre a sociedade em que vivemosâ€?, relatou a professora Dori DĂźrks, que acrescentou, “os momentos culturais foram maravilhosos onde fomos prestigiados com: teatros, opereta musical, shows e concertos musicaisâ€?.

O projeto Geempa se destaca pela profundidade e Ă  amplitude das elaboraçþes cientĂ­ďŹ cas que se sintetizam no pĂłs-construtivismo. As professoras participantes consideraram a acessĂłria muito proveitosa e com isso, esperam melhorar o seu trabalho e o desempenho dos seus alunos lembrando que: todos podem aprender.

Escolas do Município serão avaliadas pelo Saers O município de Condor fez a adesão para realizar as provas do Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Rio Grande do Sul (Saers), com objetivo de ter uma avaliação sobre o nível de educação nas escolas municipais. Participarão da avaliação as escolas da rede pública muni-

Educação na Diversidade e Direitos Humanos

cipal as turmas da 2ª e 5ª sÊrie do Ensino Fundamental de oito anos letivos ou 3º e 6º ano do Ensino Fundamental de nove anos letivos. As provas serão realizadas entre os dias 5 e 9 de novembro. Serão avaliadas as disciplinas de Língua Portuguesa (leitura e interpretação

de textos e ditado de frases na 2ÂŞ sĂŠrie/3Âşano) e MatemĂĄtica (resolução de problemas). TambĂŠm sĂŁo aplicados questionĂĄrios aos alunos, professores e diretores, para identiďŹ car as condiçþes internas e externas da escola que interferem no desempenho escolar dos alunos.

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE CONDOR Secretaria Municipal da Fazenda Planejamento e Recursos Humanos Condor - RS, 03 de Setembro de 2010

A escola ĂŠ um local privilegiado para que as relaçþes humanas se efetivem e se transformem positivamente de modo a proporcionar diferentes vivĂŞncias e interlocuçþes; onde o processo de aprendizagem possibilite a constituição de cidadĂŁos responsĂĄveis por suas escolhas e aptos a desenvolverem açþes para a promoção da justiça, do acesso aos direitos sociais, culturais e econĂ´micos para todos e todas. Este espaço social ĂŠ de grande importância na sociedade, pois ĂŠ na escola onde os sujeitos passam muito tempo de suas vidas e se intrumentalizam atravĂŠs da apreensĂŁo de conhecimentos e vivĂŞncias com seus pares, podendo descobrir suas potencialidades e aprofundando competĂŞncias diversas. Para tanto, o desenvolvimento da criticidade frente ao que a escola propĂľe, a participação da comunidade escolar (professores, pais, alunos, funcionĂĄrios) em todos os momentos de organização do currĂ­culo, da pedagogia e da avaliação serĂĄ fundamental para que verdades engessadas sejam desconstruĂ­das e, assim, num constante processo de aprendizagem, as relaçþes de poder e controle sejam reexaminadas, revistas e tenham suas fronteiras esmaecidas. Neste aspecto, ĂŠ importante que sempre tenhamos um olhar diverso e atento para ouvirmos nossos pares. NĂŁo podemos realizar uma prĂĄtica polĂ­tico-educativa atendo-nos aos conhecimentos elaborados e transmitidos do modo como nĂłs o tivemos, em tempos de alunos e alunas, na escola e na universidade. A escola apresenta-se como um espaço social onde o velho/arcaico conhecimento e o novo se constroem no conito, na inserção constante de outras demandas, de novas descobertas e de novos conceitos, na vivĂŞncia de relaçþes constitutivas de um outro sujeito, observando identidades diversas. É o lugar de inĂşmeras aprendizagens e onde se faz necessĂĄrio a formação constante dos educadores para possibilitar atravĂŠs da mediação, entre os novos conceitos e os novos sujeitos, as inďŹ nitas possibilidades do vir a ser. Atualmente, o foco da ação polĂ­tico-pedagĂłgica, transcende a aprendizagem do “conteĂşdo pelo conteĂşdoâ€? para a constituição de “sujeitos com direitosâ€?: Ă  proteção, ao cuidado, ao desenvolvimento saudĂĄvel, ao acesso ao conhecimento, etc. Observamos que a escola abarca mais e mais funçþes Ă s suas prĂĄticas; nĂŁo ĂŠ o lugar onde os sujeitos terĂŁo acesso apenas aos conhecimentos historicamente construĂ­dos, mas constitui-se como um espaço de interrelaçþes sociais intensas frente Ă  apropriação de conhecimentos, nas diferentes ĂĄreas do saber, com outras abordagens e na inclusĂŁo de novos conceitos. O que vemos acontecer ĂŠ uma viragem na forma de conceber o papel da escola. Esta nova abordagem se faz necessĂĄria no momento onde o se tornar cidadĂŁo elege uma prĂĄtica polĂ­tico-pedagĂłgica que produza a mudança de atitudes e posturas, onde se valorize a pluralidade ĂŠtnica-racial, onde se garanta o respeito ao direito de cada sujeito de constituir-se com o fortalecimento da sua identidade, combatendo toda forma de exploração, discriminação e desigualdades. Este ĂŠ o grande desaďŹ o no espaço/tempo escolar. Entre as questĂľes que se fazem necessĂĄrias, quanto Ă  sua organização, hĂĄ a preocupação quanto ao como a escola irĂĄ se intrumentalizar para dar conta deste novo paradigma? Para o sucesso de tal empreendimento, a escola nĂŁo poderĂĄ estar sozinha, nĂŁo poderĂĄ ser a Ăşnica responsĂĄvel na constituição deste novo e mais educado sujeito. Sujeito caracterizado por açþes polĂ­ticas, ďŹ losĂłďŹ cas, sociais e espirituais que o digniďŹ quem.

CONVOCAĂ‡ĂƒO AtravĂŠs do SecretĂĄrio Municipal da Fazenda, Planejamento e Recursos Humanos, no que tange as atividades e relatĂłrios da Programação Financeira de 2010, vem por meio deste, convocar a população condorense, para participar de AUDIĂŠNCIA PĂšBLICA, para apresentação dos Quadros de GestĂŁo Fiscal Relativos ao 2Âş Quadrimestre de 2010, a realizar-se nas dependĂŞncias da Câmara Municipal de Vereadores, no dia 27 de Setembro de 2010 (Segunda-feira), logo apĂłs encerramento de SessĂŁo OrdinĂĄria do Legislativo Municipal.



   



Atenciosamente Juliano Fehlberg SecretĂĄrio Municipal da Fazenda

$%& '    ()*( +, )% -()(

Laci

# 

   

 

.

$./.012 .34   .  5 Cabeleireira

 # !* '(  +(,#  * (-.(/#*0!(%'&1 *  /  (2 #&1

 *



   

    !"

   !" #$% & # '( ()

 

 

    


Geral

18 de setembro de 2010

7

De olho na Realidade Padre e Jornalista Darci Rodrigues sucursaldarci@hotmail.com

Cultuando as Tradiçþes

Ao romper de mais uma primavera, quando a natureza se renova com o verde e as ores nos campos e nas matas. O Rio Grande se torna mais gaĂşcho com a Semana Farroupilha. Nesta festa da gauchada, ninguĂŠm ďŹ ca de fora ĂŠ o “piazito, a prenda e o peĂŁo“ com vestes tradicionais cultivando a tradição. E tudo começou lĂĄ pelo ano 1835 com a guerra dos farrapos rompendo na ĂŠpoca com a polĂ­tica do centro do paĂ­s. O povo daquele sĂŠculo queria tĂŁo somente respeito e dignidade a nação rio-grandense. Foram 10 anos de lutas sangrentas com vitĂłrias e derrotas para os dois lados. Desta revolução a histĂłria nos diz que foram muitos os herĂłis que ainda hoje sĂŁo lembrados, Bento Gonçalves, David Canabarro, Pinto Bandeira e outros. Estes acontecimentos deram um novo rumo Ă  histĂłria e a vida do povo gaĂşcho. Portanto a revolução farroupilha foi um marco na aďŹ rmação dos princĂ­pios sociais, polĂ­ticos, econĂ´micos, culturais e ideolĂłgicos que ainda hoje impulsiona o desenvolvimento do estado do Rio Grande do Sul. E a semana Farroupilha torna-se o auge das comemoraçþes dos feitos e fatos dos nossos antepassados. NĂŁo ĂŠ mais, os tiros de canhĂľes, espadas e garruchas, mas atravĂŠs de cançþes, danças, desďŹ les, rodeios e muita festa social. Estas comemoraçþes une o passado e o futuro do Rio Grande. E no culto as tradiçþes surgiram os “galpĂľesâ€? - CTGs (Centro de Tradiçþes GaĂşchas) autĂŞnticos templos onde a gauchada se reĂşne para manter viva a cultura gaĂşcha. É ali que peĂľes e prendas unem o ontem ao hoje, manifestando o amor a pĂĄtria rio-grandense e lutando contra o modismo importado de outras regiĂľes e atĂŠ paĂ­ses. E assim aďŹ rmamos que nĂŁo somos contra a cultura universal, pois dela tambĂŠm fazemos parte. Mas devemos resistir Ă s tentativas de terminar com a nossa identiďŹ cação, pois nĂŁo existe outro Estado da nação brasileira onde se vive o civismo igual a nĂłs.Pois somos diferentes quanto Ă  cultura. Mas se sairmos do “trilhoâ€? perderemos a nossa real identiďŹ cação. É preciso preservar as raĂ­zes de nossos antepassados, revivendo suas experiĂŞncias com postura crĂ­tica trazendo ao presente o que de bom ďŹ zeram como exemplo a ser seguido na preparação de um futuro melhor. E assim vivemos no presente sabendo quem somos e o que queremos, defendendo a nossa cultura. Que saibamos conviver fraternalmente com todos respeitando a cada um nĂŁo interessando cor, raça e procedĂŞncia. E que as nossas manifestaçþes artĂ­sticas, culturais ou sociais nesta semana farroupilha seja tambĂŠm um ato de civismo de amor ao Rio Grande e ao Brasil. Pois amar o “chĂŁoâ€? rio-grandense e a nação brasileira, nĂŁo ĂŠ apenas usar botas e bombachas, ou ser um bom ginete etc... Antes de tudo ĂŠ promover a vida e a dignidade da pessoa humana.. Pois o autentico gaĂşcho nĂŁo ĂŠ aquele que nĂŁo leva desaforo para casa, mas aquele que promove a paz, a ordem e o progresso. NĂŁo podemos ser gaĂşchos de vez em quando, devemos ser sempre, independente do lugar ou da roupa que vestimos. Nossos ideais e princĂ­pios sĂŁo os mesmos em tempo integral. E um dos nossos maiores compromissos ĂŠ transmitir esta idĂŠia para que todos aqueles que vierem nos visitar sejam bem acolhidos, pois a marca da hospitalidade que carregamos com muito orgulho nĂŁo pode ďŹ car no esquecimento. Esta ĂŠ a maior herança que devemos deixar para as geraçþes futuras. Pois cultuar as tradiçþes nĂŁo ĂŠ apenas lembrar as conquistas do passado, mas viver estes valores no hoje construindo um a manhĂŁ de igualdade, liberdade e fraternidade.

     '! 

 ("  )*   +' 

   

         !"   #$ %" %

&&&%!"   $ %" %


8

Esporte

18 de setembro de 2010

Garotos sĂŁo avaliados em Condor

Sonho de ser jogador de futebol leva mais de 80 jovens a peneirĂŁo no sĂĄbado

O

sonho de ser jogador de futebol levou mais de 80 garotos entre 8 e 20 anos de idade ao Campo do Grêmio Condor na chuvosa tarde do såbado passado. O peneirão organizado pelo acadêmico de Educação Física e um dos coordenadores das Escolinhas do Greminho, Alisson Kettenhuber, e promovido pelo Centro Cultural Esportivo Promocional (CEP) de Santa Rosa, alÊm de selecionar os garotos para próximas etapas tambÊm teve cunho social, jå que foram arrecadados alimentos a serem destinados a famílias carentes de Condor. Para fazer o teste os garotos tinham como custo de inscrição um quilo de alimento não perecível. Os cerca de 80 quilos de feijão, arroz, massa, óleo e outros, foram repassados à Secretaria da Ação Social e Cidadania que irå agregar essa quantia as cestas båsicas que

são montadas e distribuídas à famílias carentes de Condor. No peneirão do dia 11, no qual participaram garotos de Condor, Panambi, Palmeira das Missþes e outros municípios da Região, 40 jovens foram selecionados para a segunda etapa da seleção, que serå

realizada hoje a tarde no Campo do Cruzeiro em Santa Rosa. Após as avaliaçþes de hoje, os meninos selecionados são destinados a clubes do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, onde poderão tentar a carreira de jogador de futebol.

A instabilidade climĂĄtica registrada em Condor nos dois Ăşltimos ďŹ nais de semana e a realização de alguns eventos no MunicĂ­pio resultaram em uma super rodada de trĂŞs dias no Campeonato Municipal de Futebol Sete. O feriadĂŁo do Dia do GaĂşcho

serå de três dias de muito futebol no Campo do Grêmio Condor. A organização do Campeonato estarå realizando hoje 18, amanhã (19) e na segunda-feira (20) as 3ª, 5ª e 4ª rodadas, respectivamente, do certame. De hoje atÊ segunda-feira, durante as

tardes, serĂŁo 11 jogos disputados. A rodada de hoje tem inĂ­cio previsto para as 14h, conďŹ ra os jogos a seguir. AtĂŠ o momento duas rodadas jĂĄ foram disputadas, com um total de 8 jogos. A mĂŠdia de gols do campeonato ĂŠ de 4,5 por partida.

 















              

! "   #  $%&  !& $$'()*++  ,  - -. ///-  - -.  "

 Alisson Kettenhuber repassou Ă  Smas alimentos arrecadados em peneirĂŁo

0!" 001 2 3#4555 55





   

    ! !"#$

 ++',#-./

"%!& ''

!()*

FeriadĂŁo de muito futebol no campeonato de Futsete

Rodadas do ďŹ nal de semana 19/09 - 5ÂŞ Rodada 18/09 - 3ÂŞ Rodada 14h - Juventus X Assistec/JVL 15h - Greminho X Quiosque da Praça 16h - SĂŁo Luiz X ValĂŞncia

13h30 14h30 15h30 16h30

20/09 - 4ÂŞ Rodada 13h30 - Amesc X Esquina Beck/Cidade (Feminino)

14h30 - SER GrĂŞmioX Porto 15h30 - HolĂŠsia X 8 de Julho SĂŞnior 16h30 - 8 de Julho X AmĂŠrcia

- Udinese X Sementes Van Ass - CNC X Stylus (Feminino) - Assistec/JVL X Greminho - Porto X SPI

ACI promove curso de prevenção a incĂŞndios A ACI Condor, atendendo a legislação em vigor Lei Estadual nÂş 10.987 e Resolução TĂŠcnica nÂş 014/ BM-CCB/2009, que torna obrigatĂłrio a capacitação de no mĂ­nimo duas pessoas por estabelecimento em combate Ă  incĂŞndio, promove o Curso com a primeira turma no municĂ­pio de Condor. Data: 25 de setembro Ă s 14h Inscriçþes: ACI de Condor atĂŠ 22 de setembro CertiďŹ cado do treinamento de Prevenção e Combate Ă  IncĂŞndio reconhecido e com validade de 4 anos. Carga horĂĄria: 5 horas (teĂłrica e prĂĄtica) para ocupaçþes classiďŹ cadas de risco pequeno e mĂŠdio. O curso serĂĄ ministrado por proďŹ ssional de alto conhecimento na ĂĄrea, habilitado e cadastrado junto ao corpo de bombeiros. Local : ACI Condor O curso atende as normas legais, que determinam a exigĂŞncia do plano de prevenção e proteção contra incĂŞndio b em como o certiďŹ cado do curso de treinamento para critĂŠrio de concessĂŁo e renovação de alvarĂĄ junto ao ĂłrgĂŁo competente municipal. SerĂŁo oferecidas somente 25 vagas. Ainda, curso e oďŹ cina de anĂĄlise de custos, despesas e preço de venda pelo Sebrae Data: 26 de outubro Inscriçþes atĂŠ 22 de outubro CertiďŹ cado: 4 horas Vagas limitadas. Informaçþes: ACI Condor

01(2334456'47892 ' $:  )&  #(*+  # , -

,.  , - /, )&  ##&$ ( ,/- ., , -

,

 !"# $%& '"$  ' (

;$#$: $# $<553643  





 

          

           

 

     

  !    " "

    

Handtecar CĂ&#x201A;MBIO AUTOMĂ TICO

Diagnóstico Eletrônico do Sistema de Combustível Linha Diesel Leve (Camionetas) Mecânica Geral Limpeza de Bicos Injetores Injeção Eletrônica

Fone 3375 3888 / PlantĂŁo 9962 0619 Rua Roberto Bens, 48 - Parque Moinho Velho - Panambi oficina@handtecar.com.br / www.handtecar.com.br


Social

9

18 de setembro de 2010

Juarez e Glacir Muraro

 

 8   .3)9#

: . ' . 2  ;.  

No dia 21 de setembro comemoram BODAS DE PRATA o casal Juarez e Glacir Muraro! HĂĄ 25 anos vocĂŞs se uniram pelos laços matrimoniais e durante este tempo compartilharam juntos alegrias, tristezas, tantas coisas... NĂłs somos frutos deste amor, e vocĂŞs nossos exemplos de vida. ParabĂŠns pelo aniversĂĄrio de casamento. Com amor de suas ďŹ lhas Gabrieli e BertiĂŠli Muraro. Amamos muito vocĂŞs!!!

. ' 5 2* 2 # ' 

3.  4      

!"

6' .  %/0 %  7 82

 ))&





""+,

" *#

# $ % $&' ()  

  /1 %)  

.$ 2 #- . $ . '  '  %/0

  

 



       

Adilson, Sara e Gabriel Papai Adilson a vida ĂŠ um milhĂŁo de novos começos movidos pelo desaďŹ o sempre novo de viver e fazer todo sonho brilhar. Nesta data especial, que todos os nossos sonhos sejam realizados e todos os nossos desejos alcançados. Que o nosso aniversĂĄrio e nossa vida seja repleto de alegria, paz e amor. Feliz AniversĂĄrio Adilson dia 19, Gabriel dia 16 e Sara dia 29. Com carinho a FamĂ­lia.

        

     ! "     003 45  6+0*$+0  +(-3  %7 2 03

#  2647    :  8  0- 8   * ) 8  5-* 64 0-7   5-9 

VĂł Lurdes

0-12+., 0.."///

ParabĂŠns por esse dia tĂŁo especial 18/09, muita alegria, paz e harmonia. Que todos os seus desejos se realizem, pois vocĂŞ merece. Feliz aniversĂĄrio! Com carinho Gabriel e FamĂ­lia

  

  

         !  "#     $ #% $&$  



   

Aniversariantes da Semana



16/09 Gabriel de O. Pinheiro 18/09 Adilson de O. Pinheiro 19/09 Kayane de Andrade 19/09 Elton Costa 20/09 Sandra Beuter

 

Assista aos Jogos do GauchĂŁo, Libertadores e Copa do Brasil

21/09 ClĂĄudio C. de O. Motta 21/09 Josiel Almeida 21/09 Regina da Motta Santos 22/09 Adriane Silva Ahlert 22/09 Hedi Stahlhofer 24/09 Marcelo da Silva 24/09 Nelmo Afonso Sturmer

ParabĂŠns!

Servimos

Restaurante e Pizzaria

Almoço de Segunda à Domingo, com Buffet Livre, por Kg e Vianda A noite Lanches, pizzas, xis Organização de festas atÊ 150 pessoas

Tele-entrega de xis e pizza

Escolha da Mais Bela Estudante Mega Baile dia 24/09 Banda Sygnus e San Marino Rua do ComĂŠrcio, 858 - Condor / Fone 3379 1066

#$%&'( )* +,"  #-*..,./

     


10

18 de setembro de 2010

Escola  

    

Semana Farroupilha

Durante esta semana realizamos diversas atividades em nossa escola visando homenagear nossos antepassados que lutaram para defender nosso chĂŁo e resgatar algumas tradiçþes que sĂŁo tĂ­picas do nosso Rio Grande do Sul. # Segunda-feira- 13/09 -Organizamos um GalpĂŁo Crioulo e roda de chimarrĂŁo com todas as turmas. # Terça-feira 14/09 - Mateada, mĂşsicas gaĂşchas e danças envolvendo todas turmas. # Quarta-feira 15/09 â&#x20AC;&#x201C; CafĂŠ campeiro, mateada, mĂşsicas gaĂşchas e danças envolvendo todas turmas. # Quinta-feira 16/09 â&#x20AC;&#x201C;Mateada, mĂşsicas gaĂşchas e danças envolvendo todas turmas. # Sexta-feira 17/09 â&#x20AC;&#x201C;Cinema na escola(ďŹ lme envolvendo o tema em estudo), apresentaçþes artĂ­sticas, declamaçþes, carreteiro no disco, passeio a cavalo e mateada. â&#x20AC;&#x153;Como ĂŠ bom ser GaĂşcho, ter nascido nesta terra, povoada por uma gente que honra o lugar onde nasceu.â&#x20AC;?

ENQUETE

O que a Escola GetĂşlio Vargas signiďŹ ca para vocĂŞ? â&#x20AC;&#x153;Aqui tem muitos professores legais, tenho muitos amigos e aqui tem muitos brinquedos e jogos legaisâ&#x20AC;? Diego Gabriel W. de Oliveira- aluno do 1Âş ano

â&#x20AC;&#x153;A escola GetĂşlio Vargas ĂŠ uma escola muito boa em uma equipe de alunos e professores Ăłtimo e um aprendizado de qualidade.â&#x20AC;? Tânia Maria dos Santos Bueno- MĂŁe dos alunos KawĂŁ- prĂŠ e Anadara 4ÂŞ sĂŠrie

Que DelĂ­cia Bolo Salgado

Ingredientes 5 ovos, 1 pitada de sal ž de xĂ­cara de chĂĄ de azeite, 1 ½ xĂ­cara de chĂĄ de leite, 3 xĂ­caras de farinha de trigo, 2 Colheres de chĂĄ de Royal. Modo de fazer Bater no liquidiďŹ cador todos os ingredientes. Se a massa ďŹ car muito dura colocar mais leite. Rechear a gosto e polvilhar com queijo ralado. Receita trazida pelo aluno Dionas Marcus da 8ÂŞ sĂŠrie


Geral

Mais uma turma concluĂ­ curso de TricĂ´

FamĂ­lias beneďŹ ciĂĄrias do bolsa famĂ­lia puderam participar de capacitação

N

o dia 10 de setembro, no Centro de ConvivĂŞncia, a Secretaria Municipal de Ação Social e Cidadania de Condor promoveu a conclusĂŁo do Curso de TricĂ´ destinado a pessoas cadastradas no Programa Bolsa FamĂ­lia, o qual contou com a participação de 12 mulheres. O curso foi promovido pela Smas de Condor em parceria com a Coordenação do Programa Bolsa FamĂ­lia. â&#x20AC;&#x153;A Smas agradece a participação de todas as integrantes e convida a todos os interessados para continuidade dos cursos com inicio de nova turma dia 22 de setembro, nas dependĂŞncias do Centro de ConvivĂŞncia do MunicĂ­pio, Ă s 14hâ&#x20AC;?, destacou a titular da Smas, Lenir Bazanella.

11

18 de setembro de 2010

PREVISĂ&#x192;O DO TEMPO

Fonte: Tempo Agora

SecretĂĄria Lenir e professora Eni fazem entrega de certiďŹ cados Ă s concluĂ­ntes

Cotripal promove Dia de Campo Culturas de Inverno Com o objetivo de promover a expansĂŁo das culturas de inverno orientadas por seus departamentos tĂŠcnicos, a Cotripal irĂĄ promover nos dias 5 e 6 de outubro mais um Dia de Campo Culturas de Inverno. Conforme descrito pelos tĂŠcnicos da Cooperativa, â&#x20AC;&#x153;o Dia de Campo ĂŠ o momento que o agricultor tem para visualizar as praticas que os proďŹ ssio-

nais da Cooperativa estĂŁo orientando para as lavouras. Pois todas as informaçþes que os agrĂ´nomos e tĂŠcnicos transmitem aos associados passam antes por avaliaçþes e sĂŁo comprovadas em pesquisas desenvolvidas no Campo Experimentalâ&#x20AC;?. Todos os associados da Cotripal estĂŁo convidados para o Dia de Campo de Culturas de Inverno no

Campo Experimental da Cotripal, que serĂĄ realizado nos dias 5 e 6 de outubro, a partir das 14h. O departamento de comunicação da Cotripal lembra que as inscriçþes sĂŁo atĂŠ o dia 29 de setembro nos pontos de atendimento e com lĂ­deres de nĂşcleos. Ă&#x2030; necessĂĄrio apresentar o nĂşmero da carteira de identidade para a inscrição do Ă´nibus.

IDOSOS - A Secretaria de Ação Social e Cidadania de Condor convida para o Encontro Mensal do Grupo de Idosos dia 29/09/2010 no Centro de Convivência, às 14h.

- O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Condor convida para o primeiro encontro dos aposentados â&#x20AC;&#x153;A importância da aposentadoria e tarde dançanteâ&#x20AC;?, a realizar-se

no dia 05 de outubro com início as 13h30 no Pavilhão da Comunidade EvangÊlica de Condor. Animação estå a cargo do grupo Só Alegria.

  

IIÂş Jantar da Semana Farroupilha ĂŠ realizado pelo Sindicato Rural

por Greici de Mattos

          

Em uma parceria com o CTG Tropeiro da Liberdade, o Sindicato Rural realizou pelo segundo ano consecutivo o jantar da semana farroupilha, que jĂĄ se tornando tradicional na comunidade. Com a receptividade do pĂşblico, que atendeu ao convite do Sindicato e lotou o CTG, superando as expectativas dos organizadores. A comissĂŁo organizadora formada pela diretoria e associados do Sindicato Rural foi liderada pelo vice-presidente da entidade, Cezar Augusto Mello de Oliveira, que coordenou a elaboração do jantar. Sendo realizado em acordo com o patrĂŁo, Jorge Stahlhofer, quem em seu discurso agradeceu a iniciativa da diretoria do Sindicato. O presidente do Sindicato, Gilberto Costa Beber, ressalta que para o Sindicato ĂŠ uma satisfação poder realizar um evento que relembre nossas tradiçþes, jĂĄ pensando nos planos para o futuro, assim, cada entidade pode cumprir seu papel na sociedade. ApĂłs o tĂŠrmino do jantar, o pĂşblico presente, que foi de aproximadamente 300 pessoas, pode conferir um belo espetĂĄculo de danças com o grupo PasiĂłn GaĂşcha, que apresentou em seu repertĂłrio danças tĂ­picas do nosso estado, danças argentinas, tangos e milongas, coreograďŹ as e performances com bombos, ponchos, facas e boleadeiras.

Triticultor gaĂşcho quer paridade com argentino

A decisĂŁo de permitir que produtores argentinos negociem a sua produção diretamente com a Abitrigo, gerou inconformidade nos produtores gaĂşchos. Segundo o coordenador da comissĂŁo do trigo da Farsul, Hamilton Jardim, foi solicitado ao diretor executivo da Abitrigo, SĂŠrgio Amaral, paridade no tratamento, baseado no convĂŞnio assinado durante o 17Âş congresso Internacional do Trigo. Hamilton quer que â&#x20AC;&#x153;os privilĂŠgios dados aos produtores argentinos sejam tambĂŠm estabelecidos com os produtores gaĂşchos, que tĂŞm investido em novas variedades, principalmente na classe pĂŁo, buscando atender a indĂşstria moageira.â&#x20AC;? Segundo ele, nos Ăşltimo 4 anos, a matriz genĂŠtica do grĂŁo produzido no estado foi modiďŹ cada em virtude das necessidades da indĂşstria. â&#x20AC;&#x153;Em 2007, tĂ­nhamos 23% de variedades classiďŹ cadas como pĂŁo no campo. Nesta safra, devemos ter mais de 70%. O produtor estĂĄ fazendo a sua parte e torcendo para que o tempo contribua e as variedades sejam estĂĄveis, para que possamos atender este mercado que estĂĄ cada vez mais exigente. O Sistema Farsul junto com a Fundação PrĂł - Sementes, estĂŁo desenvolvendo hĂĄ trĂŞs anos o Programa de Avaliação de Cultivares, visando a melhoria da produção gaĂşcha,â&#x20AC;? aďŹ rmou Hamilton Jardim. Fonte: Assessoria de Comunicação - Sistema Farsul


12

Escolas

18 de setembro de 2010

& # )                  

    !"#$%&  '(

Aconteceu em nossa Escola Para comemorar a Semana Farroupilha, a Escola realizou atividades com os alunos, visando ensinĂĄ-los sobre a cultura e tradição gaĂşcha. As atividades aconteceram de 13 a 17 de setembro. Entre as atraçþes, destaque para as apresentaçþes de alunos, roda de chimarrĂŁo, oďŹ cina sobre lendas, trabalhos artĂ­sticos sobre a HistĂłria da Revolução Farroupilha e do tradicionalismo gaĂşcho, brincadeiras sobre o folclore, declamação de poesias gaudĂŠrias. Vale destacar que no dia 16 e 17 a Escola proporcionou atividades especiais aos alunos, com as apresentaçþes das invernadas artisticas do CTG Tropeiro da Liberdade, a palestra com o Professor Jorge Fripp, Boa GaudĂŠrio e o cafĂŠ campeiro.

Entrevista

Murilo Oliveira de Andrade, 17 anos, Guri Destaque Campeiro do RS GestĂŁo 2007/2008, PeĂŁo Farroupilha CTG Tropeiro Velho 2010/2011, Diretor do Departamento Jovem da 9ÂŞ RegiĂŁo Tradicionalista 2010/2011. Como surgiu a oganizaĂŁo da Semana Farroupilha? Quando a Guerra Mundial teve seu ďŹ m em 1945, uma massa de inďŹ&#x201A;uĂŞcias norte americana tomou conta de todo o mundo, com o nosso estado nĂŁo foi diferente, assim, os usos e costumes do povo gaĂşcho ďŹ caram limitados apenas no serviço das grandes estâncias, nos centros urbanos o uso da pilcha era motivo de chacota para todos. No colĂŠgio Julio de Castilhos em Porto Alegre, educandĂĄrio que recebia jovens do estado inteiro, que o resgate as tradiçþes do pago voltaram a ter força, por um jovem chamado JoĂŁo Carlos Dâ&#x20AC;&#x2122;Ă vila PaixĂŁo Cortes, oriundo da cidade de Santâ&#x20AC;&#x2122;ana do Livramento, que ďŹ cou abismado ao ver o descaso Ă s nossas tradiçoes. PaixĂŁo, sabendo que estaria acontecendo os traslados dos

Revolução Farroupilha

Guerra dos Farrapos ou Revolução Farroupilha sĂŁo os nomes pelos quais ďŹ cou conhecida a revolução ou guerra regional, de carĂĄter republicano, contra o governo imperial do Brasil[1][2], na entĂŁo provĂ­ncia de SĂŁo Pedro do Rio Grande do Sul[3], e que resultou na declaração de independĂŞncia da provĂ­ncia como estado republicano, dando origem Ă  RepĂşblica Rio-Grandense[4]. Estendeu-se de 20 de setembro de 1835 a 1 de março de 1845. A revolução, que originalmente nĂŁo tinha carĂĄter separatista, inďŹ&#x201A;uenciou movimentos que ocorreram em outras provĂ­ncias brasileiras: irradiando inďŹ&#x201A;uĂŞncia para a Revolução Liberal que viria a ocorrer em SĂŁo Paulo em 1842 e para a Revolta denominada Sabinada na Bahia em 1837, ambas de ideologia do Partido Liberal da ĂŠpoca, moldado nas Lojas Maçônicas. Inspirou-se na recĂŠm-ďŹ nda guerra de independĂŞncia do Uruguai, mantendo conexĂľes com a nova repĂşblica do Rio da Prata, alĂŠm de provĂ­ncias independentes argentinas, como Corrientes e Santa FĂŠ. Chegou a expandir-se Ă  costa brasileira, em Laguna, com a proclamação da RepĂşblica Juliana e ao planalto catarinense de Lages. Teve como lĂ­deres: Bento Gonçalves, General Neto, Onofre Pires, Lucas de Oliveira, Vicente da Fontoura, Pedro BoticĂĄrio, Davi Canabarro, Afonso JosĂŠ de Almeida Corte Real, Teixeira Nunes, Vicente Ferrer de Almeida, JosĂŠ Mariano de Mattos, alĂŠm de receber inspiração ideolĂłgica de italianos carbonĂĄrios refugiados, como o cientista Tito LĂ­vio Zambeccari e o jornalista Luigi Rossetti[6], alĂŠm de Giuseppe Garibaldi, que embora nĂŁo pertencesse a carbonĂĄria, esteve envolvido em movimentos republicanos na ItĂĄlia.[. A questĂŁo da abolição da escravatura tambĂŠm esteve envolvida, organizando-se exĂŠrcitos contando com homens negros que aspiravam Ă  liberdade

Lenço Branco - Autoria: Antônio Augusto Fagundes

Nascido de alma caudilha - nem por isso menos franca Deus te deu essa cor branca que atĂŠ de noite rebrilha. Lua do herĂłi na coxilha, por de eu for, onde eu ande e sem que ninguĂŠm me mande eu te canto, trofĂŠu mudo que ĂŠ puro neste Rio Grande!

Do pica-pau ao chimango vai um pedaço de glĂłria e engarupo na memĂłria com um guascaço de mango recuerdos de algum chatango que no passado ďŹ cou. Se eu sou assim como sou, entonado e orgulhoso, devo a ti, lenço glorioso, que eu herdei do meu avĂ´.

Das lågrimas de uma china quando seu índio partia, de uma lua que alumia debruçada na campina, de uma sanga cristalina que murmurava merencórea, do clarão de uma vitória deste povo leal e franco nasceste, meu lenço branco, para bandeira de glória!

restos mortais de Davi Canabarro da sua cidade atĂŠ a capital, reuniu mais sete companheiros que eram gaĂşchos de fato e ďŹ zeram uma escolta Ă  moda gaĂşcha, este ato realizou-se no dia 05 de setembro de 1947, dois dias depois o Grupo dos Oito, como assim ďŹ cou conhecido, retirou uma centelha do Fogo SimbĂłlico da PĂĄtria e levou atĂŠ o Julinho (nome popular do educandĂĄrio) onde realizaram atĂŠ o dia 20 de setembro a primeira Ronda GaĂşcha, que deu origem a nossa Semana Farroupilha, que perdura atĂŠ hoje, sendo comemorada do dia 14 atĂŠ o dia 20 de setembro. Qual atividade no Tradicionalismo que vocĂŞ mais aprecia? Toda a atividade de cunho tradicionalista ĂŠ do meu agrado, pois elas tem uma contribuição imensa para a manter a nossa tradição, porĂŠm sempre me agradei mais da parte campeira, pois ĂŠ onde me criei, aprendi desde cedo com meus avĂłs, com meus pais, e toda a famĂ­lia que sĂŁo meus grandes incentivadores.

Curiosidades

O tema da Semana Farroupilha 2010 â&#x20AC;&#x153;Farroupilhas: Ideais, Cidadania, Revoluçãoâ&#x20AC;? â&#x20AC;˘ Os ideais- As razoáş˝s que levarĂŁo os farroupilhas a se colocarem contra o impĂŠrio foram questoáş˝s como altĂ­ssimos impostos, sobre a produção de charque e o direito de escolha de seus representantes. â&#x20AC;˘ Cidadania- Os farroupilhas enquanto cidadĂŁos com famĂ­lias,com propriedades,com direitos civis e com direitos de cidadĂŁo. â&#x20AC;˘ Revolução - A decisĂŁo de lutar para fazer valer seus direitos de cidadĂŁo e para alcançar os ideais que os moviam.

Teu gosto Ê andar voejando entre guerreiros e lanças e acalentar esperanças entropilhadas em bando. O futuro estå chamando, jå cumpriste o teu ideal porque o Rio Grande imortal fez de ti o seu retrato: oposto do maragato, puro, atrevido e bagual!

Dica de Livro

InsĂ´nia â&#x20AC;&#x201C; Marcelo Carneiro da Cunha O livro insĂ´nia conta a histĂłria de uma garota chamada Claudia, ela vive com o pai, sua mĂŁe morreu em um acidente de carro. Seu pai ĂŠ um cientista e ela quer ser uma biĂłloga. Claudia tem uma amiga chamada Carla, ela apresenta muitos garotos para Claudia, pensando que algum deles irĂĄ agradar a ela, mas isso nĂŁo acontece. O pai de Claudia precisa viajar para FlorianĂłpolis, pois como ele ĂŠ um cientista, precisa de novas descobertas. Claudia vai junto com ele nesta viagem. LĂĄ conhece Andrea, uma mulher muito mais velha que ela, que se apaixona pelo pai de Claudia, mas jĂĄ Claudia se apaixona por Daniel, o vocalista da banda InsĂ´nia, apĂłs um show da banda eles se encontram no camarim e se beijam e começam a namorar.

Dica de Filme

Che Guevara â&#x20AC;&#x201C; Parte I e II Parte I: No dia 26 de novembro de 1956, Fidel Castro navega atĂŠ Cuba com oito rebeldes. Um deles era Ernesto â&#x20AC;&#x153;Cheâ&#x20AC;? Guevara, um mĂŠdico argentino que dividia com Castro um objetivo comum - derrubar o governo corrupto de FulgĂŞncio Batista. Parte II: ApĂłs a Revolução Cubana, Che estĂĄ no auge de sua fama e poder. EntĂŁo ele desapareceu, ressurgindo incĂłgnito na BolĂ­via, onde organiza um pequeno grupo de camaradas cubanos e recrutas bolivianos para começar a grande revolução latino-americana.


Geral

Covatti vem a Condor e faz prognĂłsticos

Deputado e candidato à reeleição, Covatti acredita em Yeda Crusius no segundo turno

O

Deputado Federal e candidato Ă  reeleição, Vilson Covatti (PP), esteve em Condor no sĂĄbado passado, dia 11, quando visitou o diretĂłrio progressista no municĂ­pio e esteve reunido com o prefeito JosĂŠ Francisco Candido, com o vice-prefeito e presidente da sigla em Condor, Valmir Land, alĂŠm de vereadores, lideranças e simpatizantes. Em pouco mais de 1 hora de contato com os condorense, Covatti pode explanar sobre o andamento de sua campanha, suas expectativas, prognĂłsticos sobre as eleiçþes gerais e, claro, pedir voto e apoio dos condorense. Bastante conďŹ ante, Vilson Covatti falou sobre a rotina de visitas dele e de sua mulher, a deputada estadual e candidata a reeleição Silvana Covatti. â&#x20AC;&#x153;Tenho visitado cerca de 10 a 15 municĂ­pios por dia e a Silvana tambĂŠm. Minha estratĂŠgia estĂĄ sendo a busca pelas lideranças, por que sabemos que

Covatti esteve reunido com simpatizantes no diretĂłrio do PP em Condor

sĂŁo elas quem irĂŁo levar o meu nome atĂŠ o eleitorâ&#x20AC;?, disse Vilson Covatti. Fazendo um prognĂłstico Ă s eleiçþes gerais, Covatti foi enfĂĄtico em dizer que acredita na eleição da candidata do PP ao senado e de que a governadora Yeda Crusius possa ir para o segundo Turno. â&#x20AC;&#x153;As pesquisas estĂŁo mostrando que a Ana

AmĂŠlia vai ser eleita e acredito que as açþes do governo do Estado irĂŁo ser bem avaliadas pelos gaĂşchos nessa reta ďŹ nal e a Governadora irĂĄ para o segundo turnoâ&#x20AC;?, avaliou. Vilson Covatti, antes de deixar o MunicĂ­pio ainda comprometeu-se em voltar para Condor antes do ďŹ nal da campanha.

18 de setembro de 2010

13

Conselheiras Tutelares de Condor participam de Encontro Estadual As Conselheiras Tutelares de Condor, Maria LuĂ­za Barcellos e Neuza Medeiros de Oliveira participaram, entre os dias 8 e 10 de setembro do 16Âş Encontro de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Rio Grande do Sul, com a participação de aproximadamente 300 proďŹ ssionais. Com o tema â&#x20AC;&#x153;Rede + ConsciĂŞncia Coletiva = Garantia de Direitosâ&#x20AC;?, o evento deste ano contou com apresentaçþes culturais, palestras, assemblĂŠias e debates. As palestras conduzidas pelos juĂ­zes LĂ­lian Paula Franzmann e Antonio Augusto de Moraes e pelo consultor da AgĂŞncia de Desenvolvimento Social, Edson SĂŞda, objetivaram capacitar os participantes sobre o Estatuto da Criança e do Adoles-

cente, alĂŠm de promover debates sobre como agir e conversar com a comunidade. TrĂŞs SeminĂĄrios foram realizados durante o Encontro, e foram tratados os seguintes temas: â&#x20AC;&#x153;Atribuiçþes do Conselho Tutelar, o Conselho e a Rede de Atendimento; O Compromisso do Executivo e do Legislativo com a Infância e o Adolescente, relação entre Conselhos Tutelares e Conselho de Direitos; e O Conselho Tutelar e a Escola. â&#x20AC;&#x153;Pudemos ďŹ car a par das principais discussĂľes sobre as funçþes do Conselho Tutelar, ĂŠ um evento que deveria ser acompanhado por mais pessoas, ĂłrgĂŁos e entidades da nossa comunidadeâ&#x20AC;?, disse a Professora Neuza Medeiros, conselheira que participou do evento.

Juliano Fripp visita a RegiĂŁo do Litoral Norte A campanha do condorense Juliano Fripp Ă  deputado estadual prossegue em ritmo intenso, por todo o estado do Rio Grande do Sul. No ďŹ nal de semana passado quem recebeu a visita de Juliano foi a regiĂŁo do litoral norte, onde recebeu apoio de correligionĂĄrios e simpatizantes. Na cidade de TrĂŞs Fourquilhas, vĂĄrias lideranças comunitĂĄrias aderiram Ă  candidatura. Juliano esteve lĂĄ e observou as condiçþes precĂĄrias de trabalho dos agricultores que trabalham de sol a sol todos os dias e sem exceção. Juliano tambĂŠm esteve na ci-

dade de MaquinĂŠ, que enfrenta o mesmo problema da agricultura familiar observado pelo em TrĂŞs Forquilhas. â&#x20AC;&#x153;Esta ĂŠ uma questĂŁo fundamental, que serĂĄ enfrentada e incorporada ao programa de propostas defendidas por nossa campanhaâ&#x20AC;?, disse Juliano. Na cidade de Itati, Juliano presenciou outro problema, relacionado Ă  construção da estrada Rota do Sol, que atravessa vĂĄrias cidades litorâneas e foi construĂ­da sem uma

Maria Luiza e Professora Neuza em Encontro Estadual de Conselheiros Tutelares

preocupação social sobre as famĂ­lias afetadas. Por ďŹ m, a Ăşltima cidade visitada por Juliano neste ďŹ m de semana no litoral, foi Terra de Areia.

Jerônimo Goergen destaca aprovação da Ferrosul A Assembleia Legislativa aprovou na terça-feira, 14 o projeto que autoriza a participação acionåria do Rio Grande do Sul na Ferrovia da Integração do Sul, a Ferrosul, nova empresa que serå constituída pelos Estados que integram o Conselho de Desenvolvimento do Sul (Codesul).

O sinal verde dado pelos deputados permitirå ao Estado integrar-se à malha que ligarå por trilhos a produção gaúcha a Santa Catarina, Paranå e Mato Grosso do Sul. Articulador político em favor do envio do projeto à Assembleia, o deputado Jerônimo Goergen destacou

que a aprovação da matĂŠria representa um novo capĂ­tulo na histĂłria da economia gaĂşcha. â&#x20AC;&#x153;Esta ĂŠ uma vitĂłria de todos. A logĂ­stica da RegiĂŁo Sul vai se modiďŹ car para melhor. AlĂ��m disso, o importante ĂŠ que o projeto garante que a nova empresa nĂŁo tenha passivosâ&#x20AC;?, disse.

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE CONDOR Rua Ipiranga, 22 / Fone 55 3379-1133 Fax 55 3379-1121

PUBLICAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES LEGAIS Lei Municipal nÂş 1.875/2010: â&#x20AC;&#x153;Cria o serviço de atividades diversas na estrutura administrativa da Secretaria Municipal de SaĂşde e Saneamento e dĂĄ outras providĂŞnciasâ&#x20AC;?;

         

de Evandro Oliveira

Lavagens e Polimento Cristalização de vidro Higienização total de veículos

Disk Lavagens 9132.4986 Rua Marechal Floriano, nÂş60

Lei Municipal nÂş 1.876/2010: â&#x20AC;&#x153;Altera o anexo I â&#x20AC;&#x201C; 32 da classe do cargo de Telefonista, do Plano de ClassiďŹ cação de Cargos e dĂĄ outras providĂŞnciasâ&#x20AC;?; Lei Municipal nÂş 1.877/2010: â&#x20AC;&#x153;Autoriza o MunicĂ­pio contratar em carĂĄter TemporĂĄrio Servidor para o cargo de Monitor de Educação Infantil e dĂĄ outras providĂŞnciasâ&#x20AC;?. Gabinete do Prefeito Municipal Em 16 de setembro de 2.010 Jose Francisco Candido Prefeito Municipal

                  Rua do ComĂŠrcio, 625 - Fone 3379 1676 e 9151 2444


14

18 de setembro de 2010

... na Vila

Eu ví... por Jorge Fripp

... na Net O horário de verão deste ano terá início no dia 17 de outubro e terminará no dia 20 de fevereiro de 2011. Neste período, os brasileiros que moram nas regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste terão que adiantar o relógio em uma hora. Segundo o Ministério de Minas e Energia, nos últimos anos a redução média da demanda de energia elétrica tem sido em torno de 5%, nas regiões onde o horário de verão foi aplicado. A medida tem como objetivo reduzir os picos de demanda por energia, proporcionando uma utilização mais uniforme durante o dia.

E

xistem pedágios e Pedágios. Como em edições anteriores andamos criticando alguns pedágios de escolas por não deixarem claro seus objetivos e o destino do dinheiro público arrecadado, não poderíamos deixar de registrar um que foi realizado nesta semana, na cidade.

Organizado pelos alunos do Projeto de Educação Complementar da Escola Malaquias Pinheiro, chamava a atenção, quando os motoristas eram abordados, a clareza com que os mesmos colocavam seu objetivo: estavam organizando uma viagem de estudos para as

ruínas de São Miguel. Além disso, nos demos ao trabalho de verificar, durante todo o dia, que em nenhum momento, em todos os postos, deixou de estar um professor acompanhando seus pupilos. Destaque: os alunos do Projeto são os alunos carentes de nosso município.

Que Barbaridade! por Marcelo Fripp - Claro neh, o assunto de hoje não poderia ser outro, as melhorias na Rua Osvaldo Cruz... Depois de uma semana recebendo mensagens e telefonemas (e-mail nenhum) e de conversar bastante com comerciantes e moradores da Rua posso fazer dois apontamentos: 1 - Existe sim, uma grande necessidade de melhorias desta via e que a modernização e indicação de um centro urbano e comercial da cidade passa invariavelmente pela modernização da Osvaldo Cruz. Que isso ocorra hoje, amanhã ou daqui alguns anos... 2 - A imediata transformação da Rua Osvaldo Cruz em avenida po-

Cruzadinha

derá gerar algum desconforto entre poder público e, principalmente, comerciantes e empreendedores instalados nesta via. Como o trânsito de veículos pesados é intenso no local, tudo isso em função de ser esta uma via vicinal de escoamento da Rua do Comércio, um canteiro central poderá gerar alguns transtornos iniciais, o que, com o tempo, indubitavelmente, serão contornados e, consequentemente, esquecidos. Ainda, pude observar a dubiedade de opiniões quanto a remodelação da Osvaldo Cruz: moradores querem ver a rua mais bonita, com canteiro e iluminação centrais; comerciantes querem apenas asfalto e uma rua bem larga pra trânsito de caminhões e máquinas agrícolas...

- E a gauchada, tão bem locos... essa semana só deu bombachudo e bomabachuda também... nestes tempo que usá bombacha é muito mais moda do que tradição, ou tradicionalismo como pregam os do Movimento, até as muié andam de calça pregueada... Só naum vi o fogo... faltô o fogo... tinha de tudo, e ainda, tem, só não tem fogo... bamo botá fogo... - ATENÇÃO - golpe na Vila. Uma jovem está se apresentado em casas onde idosos ficam sozinhos, como amiga da família e pedindo para ir ao banheiro, porém a caganeira serve de desculpa para pequenos furtos, como de dinheiro. Atenção, orientem os velhinhos que ficam sozinhos em casa, é sério...

Resposta anterior

ClassiVila VENDO Moto TWISTER 2006/2007. Com IPVA 2010 pago. Ótimo preço. Tratar 9137 0812

VENDO Monza SLE ano 88, c/ direção, vidro elétrico, câmbio automático, banco de couro. Tratar 9144 3283

VENDO GOL copa 1.6, ano 1994 completo, direção hidráulica, vidro elétrico, porta mala elétrico, alarme, ótimo estado. Tratar 9115 3141

VENDO Lenha lascada ou em cepo. Entrego em casa. Lenha de eucalipto. Tratar 9167-3561. ALUGO Sala Comercial na Rua Marechal Floriano, 30 - sala 101 Galeria Prager. Tratar 3379 1303 ou 9127 4689 VENDO casa c/ 90m² na Rua Reinoldo Felipe Breunig, 181. Tratar 9154 9543 VENDO Máquina de lavar roupa, Muller, 5Kg, nova, programada, centrífuga com turbilhamento , faz tudo , por R$ 400 à vista. VENDO Cilindro manual por R$ 30. VENDO Máquina de Costura Elétrica Elgin por R$ 250. Tratar 9634 5611 VENDO Peugeot 206, 1.6 ano 2001, prata, 4 portas, completo. Tratar 9135 3579 VENDO Moto Honda Pop, Ano 2007, semi nova, ótimo preço. Tratar 9101 7255 VENDO Moto Bis Web Ano 2006 Modelo 2007. Faço parcelado. Tratar 9634 5611


Lazer Sudoku

15

18 de setembro de 2010

Gastronomia

Sudoku, ĂŠ um quebra-cabeça baseado na colocação lĂłgica de nĂşmeros. O objetivo ĂŠ a colocação de nĂşmeros de 1 a 9 em cada uma das cĂŠlulas vazias numa grade, constituĂ­da por 3Ă&#x2014;3 subgrades chamadas regiĂľes. O quebra-cabeça contĂŠm algumas pistas iniciais. Cada coluna, linha e regiĂŁo sĂł pode ter um nĂşmero de cada um dos 1 a 9. Resolver o problema requer apenas raciocĂ­nio lĂłgico e algum tempo.

RECEITAS para o ďŹ nal de semana

As receitas sĂŁo sugestĂľes de Viviane Barcellos Schmidt

Torta de Nutella e Morango

Galinhoca

Ingredientes 2 ½ xĂ­c. (chĂĄ) farinha de trigo 1 xĂ­c. (chĂĄ) de açúcar / 100g. de margarina 1 ovo Recheio: 500g. de chocolate ao leite picado ½ lata de creme de leite / 1 pote de nutella 400g. de morangos Modo de Preparo Misture a farinha, o açúcar, a margarina e o ovo. Trabalhe a massa atĂŠ ďŹ car homogĂŞnea. Abra a massa com um rolo e forre o fundo de uma forma redonda de + ou â&#x20AC;&#x201C; 24cm de diâmetro. NĂŁo esquecendo de modelar a massa com a ponta dos dedos no fundo e nas laterais da forma. Asse em seguida, no forno prĂŠ-aquecido atĂŠ dourar. Recheio: Derreta o chocolate em banho-maria ou no microondas, misture depois o creme de leite e a nutella. Deixe esfriar e bata na batedeira atĂŠ formar um creme liso e homogĂŞneo. Recheie a torta. Corte os morangos em fatias e decore a torta. Leve a geladeira. Sirva gelada. Rendimento; 12 pedaços

Ingredientes 1 quilo de mandioca / 100g de bacon 1 quilo de pedaços de galinha (coxas, sobrecoxas, assas, coxinhas da asa...) 1 cenoura / 2 tomates / 1 cebola / 1 dente de alho 3 colheres (sopa) de massa de tomate 1 copo de caldo de galinha Modo de Preparo Cozinhe a mandioca atĂŠ ďŹ car macia em uma panela com bastante ĂĄgua, retire os talinhos do centro e reserve a ĂĄgua. Em uma panela refogue o bacon. Em seguida coloque a galinha. Deixe dourar bem, junto com o bacon. Bata no liquidiďŹ cador: a cenoura, os tomates e a cebola cortados em pedaços junto com o alho a massa de tomate e o caldo de galinha, misture a ĂĄgua onde foi cozida a mandioca. Coloque tambĂŠm dois pedacinhos de mandioca cozida. Bata tudo. Agora ĂŠ hora de juntar o molho ao pedaços de galinha. Misture, tampe a panela e deixe cozinhar o tempo de engrossar o molho e de cozinhar a galinha. Junte a mandioca cozida ao molho com os pedaços de galinha e misture delicadamente. Se preciso, coloque tambĂŠm um pouco da ĂĄgua onde a mandioca foi cozida. O ponto do molho vocĂŞ escolhe, mais ou menos cremoso. Tampe novamente a panela e deixe cozinhar por 10 minutos.

Horóscopo da semana Solução Anterior

Ă RIES - Problemas do dia a

Dicas de Filmes PrĂ­ncipe da PĂŠrsia: As Areias do Tempo

Gênero: Aventura Sinopse: Um príncipe guerreiro (Jake Gyllenhaal) relutantemente une forças com uma misteriosa princesa (Gemma Arterton) e, juntos, eles lutam contra forças obscuras para salvaguardar uma antiga adaga capaz de libertar as Areias do Tempo - um dom dos deuses que då à pessoa que o possui o poder de controlar o mundo. A Ira de Cain

Gênero: Ação

SacrifĂ­cio e Coragem GĂŞnero: Guerra

MarĂŠ do Azar

Impacto Mortal

A Ilha do Medo GĂŞnero: Policial

O Imbatível 3 - Redenção Gênero: Ação

Caçador de Recompensa Gênero:ComÊdia

Ninja Assassino Gênero: Ação

GĂŞnero: ComĂŠdia

Gênero: Ação

dia ficam mais fåceis de serem solucionados. Deixe de lado tudo o que impede seu crescimento. Resolva primeiro as tarefas simples e sem complicaçþes. Assim abrirå um importante espaço para o sucesso. não dê importância às críticas.

LEĂ&#x192;O - FamĂ­lia e situaçþes cotidianas sĂŁo os temas de anĂĄlise nos prĂłximos dias, porĂŠm nĂŁo perca o foco de seus objetivos. Tudo tem o seu momento. nĂŁo misture as estaçþes e nĂŁo confunda os assuntos. Cada energia funciona de maneira independente e particular.

SAGITà RIO - Você ingressa num importante período do campo emocional. Os sentimentos e as intençþes ficam fortes e trazem o discernimento necessårio para estimular ainda mais o lado apaixonado da vida. Valorize e tire o que hå de melhor de cada momento e situação.

TOURO - Perceba o que realmente importa na vida. Ă&#x2030; justamente nesta fase do ano que o processo de renovação atinge o ponto mĂĄximo. Aproveite para ir atrĂĄs de seus sonhos, mas antes coloque a casa em ordem. Cuide da saĂşde com atitudes regradas e saudĂĄveis.

VIRGEM - Fase de organização. Ă&#x2030; hora de retirar de sua vida tudo o que lhe estĂĄ incomodando hĂĄ muito tempo. Saiba a forma de provocar o menor dano possĂ­vel. o controle das crĂ­ticas e das observaçþes ĂĄsperas deverĂĄ ser intenso.

CAPRICĂ&#x201C;RNIO - VocĂŞ jĂĄ consertou alguns planos, mas a fase ainda pede um pouco mais de empenho. Deixe tudo claro ao redor e expresse o que realmente sente sem rodeios ou dissimulaçþes. Tratar com cautela os assuntos emocionais ĂŠ uma prĂĄtica que vocĂŞ domina com maestria.

GĂ&#x160;MEOS - Reavalie o que jĂĄ foi realizado em outras fases. Valorize as conquistas e perceba o que deu certo. Ajustes sĂŁo necessĂĄrios principalmente nas relaçþes afetivas e no trabalho cotidiano. AlcançarĂĄ um Ăłtimo crescimento pessoal e proďŹ ssional.

LIBRA - Acabe com alguns padrĂľes estabelecidos nas fases anteriores, principalmente os relacionados a seu modo de encarar o mundo material. Preste atenção no orçamento domĂŠstico e nas formas de aplicar recursos visando estabilidade ďŹ nanceira.

AQUà RIO - Estimule sua capacidade intelectual e comunicativa. A criatividade estå num nível excelente. Aproveite para produzir novas situaçþes, principalmente no trabalho. Aguarde novas propostas e preste atenção nas oportunidades. Sua boa estrela brilha como nunca.

CĂ&#x201A;NCER - Evidencie, sem receio, suas ideias. Lembrese de que a autoestima ajuda a alcançar os objetivos. Cada vez que vocĂŞ se valoriza, uma carga de energia positiva impulsiona sua vida na direção do sucesso. Conte com a colaboração de pessoas de seu meio profissional. Ouça sugestĂľes e fique com o que ĂŠ bom.

ESCORPIĂ&#x192;O - A carreira profissional ganha grande estĂ­mulo nesta fase. Momento de lembrar aos outros sua importância nas tarefas diĂĄrias, valorizando ao mĂĄximo cada ação. Bom nĂ­vel de autoestima sempre ajuda. NĂŁo crie expectativas em situaçþes inexistentes, principalmente em relação Ă s amizades.Adote atitudes cautelosas e prudentes.

PEIXES - Seja perseverante em seus propĂłsitos. Ă&#x2030; certo que vem lutando bravamente e alguns resultados ainda nĂŁo foram saboreados. Tenha calma e paciĂŞncia, mas acima de tudo adote uma postura confiante e otimista. Busque a tranquilidade e a harmonia interna. Mais cedo do que vocĂŞ espera os resultados virĂŁo de uma forma intensa e definitiva.

Amistosos de Futebol SĂĄbado 18/09 Condor Assenco 13h30 - SĂŁo JosĂŠ x Inimigos da Bola 15h - Austral x Expresso Veterano TupĂŁ



   

Panambi Campo dos Motoristas 15h - TertĂşlia x Esporte Campo do Moranguinho 15h - 8 de Julho x Veteranos do AtlĂŠtico

Concursos PREFEITURA MUNICIPAL DE SOBRADINHO - RS 84 vagas para vårios cargos, nível 1º, 2º e 3º grau, remuneração de atÊ R$ 7.243,76. As inscriçþes podem ser feitas atÊ o dia 27/09 pelo site www. objetivas.com.br

UFSM - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA - RS 17 vagas para professores, nível superior, remuneração de atÊ R$ 7.333,67. As inscriçþes podem ser feitas atÊ o dia 03/10 pelo site www. ufsm.br/concurso

POL�CIA CIVIL DE SANTA CATARINA - SC 546 vagas para escrivão e agente, nível superior. As inscriçþes podem ser feitas atÊ o dia 22/10 pelo site www.acafe.org.br

POLICIA CIVIL DE SANTA CATARINA / SC 67 vagas para psicólogo da polícia civil, nível superior. As inscriçþes podem ser feitas atÊ o dia 22/10 pelo site www.acafe.org.br


18 de setembro de 2010

Escola Venceslau Pinheiro se destaca na Caminhada CĂ­vica de 7 de setembro

A

   

 





 

E.M.E.F Venceslau Pinheiro de Esquina Beck, participou da caminhada cĂ­vica deste ano com o tema Meio Ambiente dando ĂŞnfase a projetos que foram realizados da prĂŠ-escola atĂŠ 8ÂŞ sĂŠrie. Os projetos começaram em março no dia Mundial da Ă gua, onde os alunos iniciaram uma conscientização atravĂŠs de uma fonte de ĂĄgua secando. Mais tarde, foi confeccionado o globo demonstrando as queimadas, a poluição, o lixo que o prĂłprio homem vem jogando na natureza, sem pensar nas conseqßências. Com base nisso, os alunos confeccionaram as lixeiras para que o lixo seja devidamente separado para a reciclagem. Outro projeto realizado e que foi um exemplo de ação, foi o papa-pilhas. Para essa arrecadação de pilhas, aconteceu um mutirĂŁo na comunidade recolhendo pilhas que serĂŁo recicladas adequadamente. Como reciclar ĂŠ um dos sub-tema do projeto, os alunos dos anos iniciais construĂ­ram lindos e divertidos brinquedos com as garrafas Pet. Pois, alĂŠm de aprender a preservar o meio ambiente, eles estĂŁo tambĂŠm tendo momentos de lazer. NĂłs enquanto educadores, sabemos que precisamos urgentemente superar resistĂŞncias culturais e econĂ´micas e aprender que devemos ensinar nossos alunos a reduzir, racionalizar, reutilizar e reciclar. Este ĂŠ o grande desaďŹ o dos 4 Rs. Este ĂŠ o desaďŹ o da Escola Venceslau Pinheiro.

 

    !" #       

       


Edição 18 de setembro