Page 1

jornaltem@gmail.com

twitter/jornaltem

orkut - jornaltem

o uiçã b i r t Dis ratuita G de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado - ANO 6 - Edição nº 127

www.jornaltem.com.br

Bizarria pode ser processado por improbidade administrativa Foto: Arquivo TEM

pág/ 03

“É vento na praça” promete agitar Paraíso em agosto pág/ 05

Dicas para evitar cáries em crianças pág/ 07

Eleitor só vai votar com título e documento com foto pág/ 05 Prefeito de Paraisópolis, Sérgio Bizarria, poderá ser processado por usar carro da Prefeitura em evento político em Belo Horizonte


de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

02 Opinião

www.jornaltem.com.br

jornaltem@gmail.com

J. A. Braga Barros

JGeraldo

Faça você mesmo Os Mandamentos do Voto Consciente D R ada a importância das elei ções de outubro a Igreja Católica através da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, subregião Sul I criou e está divulgando os “dez Mandamentos do Voto Consciente”. É claro que a Igreja não vai dizer para você votar neste, ou naquele candidato. A Igreja não vai apontar este ou aquele partido, mas apontará vários critérios que poderão ajudá-lo a tomar a melhor decisão na hora de votar.O importante é você leitor e eleitor não se deixar enganar pelas propagandas políticas, onde os candidatos querem conquistar o nosso voto a qualquer custo. Você precisa saber que o resultado da eleição vai interferir

Comportamento

O

país está estarrecido dian te do assassinato cometido pelo Bruno, goleiro do Clube de Regatas de Flamengo. E a pergunta é: o que leva uma pessoa a cometer um crime tão horrível? Como a ciência explica um fato desses? São dez os genes da violência, segundo estudos científicos. E existe uma região do córtex cerebral frontal que é o responsável pelas noções de ética, moralidade e consciência. Mas o portador desses genes só se tornará violento se outro fator se somar a esta predisposição: o ambiente familiar. Crianças que até os três anos de idade sofrerem, abusos sexuais e psicológicos não desenvolverão nenhum senso de ética e moralidade. Pode matar e estuprar, mas não terá a noção de que está errado. Se sofrer abusos depois disso, mas antes da puberdade, Expediente TEM Cambraia e Pelosi Editora de Jornais Ltda - [CNPJ 07492204/0001-36] Direção - Tatiane Cambraia e Cláudio Marcelo Pelosi Jornalista responsável - Sérgio Cardoso [MTb 26.373-SP] Dep. Jurídico - Émerson Clayton R. Santos/ OAB/ MG 114.933 Vendas - 9198-0001 (Cláudio) E-mail - jornaltem@gmail.com Redação - Rua Pampulha, 439 - Jd. Aeroporto Paraisópolis - MG - CEP 37660-000 Tel.: (35) 9106-2672 / 9198-0001 Copyright Jornal TEM/2010. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta publicação em qualquer meio de comunicação sem autorização escrita do jornal.

diretamente em sua vida, na vida de nossa cidade, de nosso estado e do nosso país. Valorize o seu voto. Não vote em qualquer um. Converse com seus familiares, amigos, grupos de trabalho, grupos religiosos, tenha uma maior participação política. Não deixe os outros pensarem que tipo de sociedade será boa para nós. Vamos juntos participar da construção de um novo modelo de país, de nação, de sociedade, de comunidade que nos interessa. Os “Dez Mandamentos do Voto Consciente” são: 1- O poder emana do povo; 2- O exercício do poder é um serviço ao povo; 3- Governar é promover o bem

Absurdo! entende que o que está fazendo é errado, mas não consegue controlar em algum momento surta. Já alguém que sofreu traumas na adolescência costuma ter algum tipo de controle. Pai violento, mãe possessiva e alcoólatra, más companhias, péssima educação, o irmão psicopata, etc. a saída rápida de um status de pobreza e anonimato para riqueza e fama gera uma forte crise de identidade que leva o indivíduo a perder o controle e noções de ética e moralidade, levando a acreditar que pode tudo. Esses fatores podem explicar episódios como o do Bruno e muitos outros. Alguns estudiosos falam do “Efeito sombra”, Augusto Cury fala do “Cárcere da mente”, prefiro resumir falando que faltou Amor. Faltou-lhe amor na família, na educação, nas amizades e em seu coração. Daí a fatalidade! Como evitar casos como este? Estudos científicos dão pistas. Para evitar que o indivíduo sofra leões no córtex cerebral, região responsável pelo senso de ética e moralidade, causadas por violência moral e sexual e por carência alimentar, é possível, sim, evitar que o mundo se torne mais violento. Investimentos em educação é sem dúvida, o primeiro passo. A

comum; 4- O bom governante governa para todos; 5- O homem público tem que ter idoneidade moral; 6- Voto não é mercadoria; 7- Voto não é troca de favores; 8- A religião pertence a identidade de um povo; 9- A família é um patrimônio da humanidade e um bem insubstituível para a pessoa; 10- Votar é importante, mas ainda não é tudo. Nas próximas edições iremos comentar cada um dos dez mandamentos do voto consciente. Você leitor pode usar estes textos para começar um diálogo sobre as próximas eleições.

Roberto Dimas Pinto

construção de creches que abriguem as crianças de zero a cinco anos de idade é um dos investimentos mais apropriado e imprescindível para prevenir violência. A criança que é assistida por especialistas num ambiente saudável, na maior parte do dia, lhe garantirá segurança e estará livre de violência e de outros males. Os especialistas da creche darão orientação e assistência às mães que saberão cuidar melhor da criança naquele período em estará em sua residência. Terão ainda uma educação mais adequada e regular, com atividades que desenvolverão melhor sua mente e o senso de ética e moralidade. Em nosso município, o único investimento que vinha sendo feito e que, com certeza, traria melhor resultado para o futuro de nossos jovens, foi paralisado: a construção da creche municipal. Crianças que passarem por uma assistência adequada na primeira infância, através de uma creche, dificilmente estariam brigando na praça ou praticando outros comportamentos de risco em nossa comunidade. Com um pouco mais de visão e de vontade política, podemos preparar, sim, um futuro melhor para nossa sociedade, sem ficar esperando por um milagre.

ingo Star, o baterista dos Be atles, completou 70 anos na última semana. Mick Jagger dos Rolling Stones vai fazer 67. John Lennon se estivesse vivo entraria na casa dos 70 este ano. Importantes discos da história como, por exemplo, Revolver dos Beatles, Exile on Main St. dos Stones ou Funhouse dos Stooges ainda podem ser ouvidos com o frescor e rebeldia juvenil da época em que foram lançados. O rock envelheceu, mas não morreu. Talvez eterno, continua influenciando o comportamento milhões de jovens no mundo. Roque é um deles, mas ultimamente anda meio descontente com o que ele diz ser “transformação de bandas de rock em produtos de consumo”. Andando pelas ruas percebeu que agora a moda é usar calças coloridas e gostar de happy rock. Roque não segue moda e odeia a televisão brasileira que para ele “promoveu a lavagem cerebral da população brasileira e não condiz com a realidade”. Roque garante que bandas como Restart são 1% música e 99% visual. Nosso herói vem de um tempo em que o rock era contestador, rebelde e poeticamente mais profundo. As músicas, as ideias e o pensamento tinham importância. “Roqueiro para mim é Hendrix, Jim Morrison, Cazuza, Renato Russo, Janis Joplin, Raul Seixas, Kurt Cobain, Ritta Lee, Lou Reed, Joey Ramone e David Bowie. Agora não dá para saber se é uma banda de rock ou um bando de mauricinhos querendo seduzir garotinhas inocentes”, diz. Roque achava que o “emo” um tipo duvidoso de rock com letras tristes e melancólicas - foi o pior momento do rock. Daí veio o “happy rock” com letras horríveis que o deixaram ainda mais melancólico. Um dia chamaram Roque de emo e ele ficou indignado por meses. Roque quer vazar de Paraíso. “Paraíso não tem futuro”, vive dizendo. 13 de julho, terçafeira chuvosa e fria, foi o Dia

Mundial do Rock e o encontrei na Praça com um brilho diferente nos olhar. - E aí seu Roque? - Fala camarada! Tudo certo como dois e dois são cinco? - Ouvindo Robertão, hein meu rei!? - Agora falando sério. Lembra da última vez que falamos que Paraíso atravessa um período tenebroso, de decadência cultural e que só a juventude unida poderia acabar de vez com esta monotonia? - Claro! Afinal não é por acaso que nos apelidaram de os “últimos poetas utópicos e românticos.” Ah!Ah!Ah! - Ah!AH! Eu nem ligo... A cidade está cheia de pessoas preconceituosas que não conseguem olhar cada pessoa na sua individualidade e com o mínimo de respeito às diferenças... - É meu caro Roque... Paraisópolis é uma cidade preconceituosa. Eu diria até que é um préconceito de cidade. “É tudo maconheiro”, dizem as más línguas dos decadentes que se arrastam como vermes pelas ruas. - Roque esboça um sorriso que combina com o brilho de seus olhos e diz: - Embora uma parte da juventude sonhe com o carro do ano ou pense no modelito que dará lhes personalidade no próximo final de semana, uma rapaziada esperta agilizou o Lobotomy Fest, um festival onde o importante não é o que você tem, mas o que você é, o que você faz. O caminho da cultura é pela estrada da contracultura! - Isso aí roque! O lema dos punks “faça você mesmo!” deve ser usado como uma arma pacífica contra este período de miséria cultural, vazio histórico e existencial que atravessa o coração da cidade. Todo dia é dia de rock! Tchau e os alto-falantes da Praça tocam “rock ‘n geral” do Barão Vermelho: “rock ‘n geral é bem alto / pra se ouvir de qualquer nave / ou de um coração meio surdo / que não sabe amar (...)”.


www.jornaltem.com.br

jornaltem@gmail.com

de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

03

Prefeito teria usado carro oficial em campanha Fotos: Cristina Horta/EM/D.A Press

Tatiane Cambraia

O carro oficial da Prefeitura de Paraisópolis teria sido flagrado no lançamento da campanha do deputado estadual, Marcus Pestana (PSDB), ex-secretário de estado de Saúde, pela reportagem do jornal Estado de Minas, na última terça-feira (20). Segundo a reportagem do EM, o carro da Prefeitura de Paraisópolis estaria no estacionamento de um shopping, em Belo Horizonte, onde estaria sendo lançada a candidatura do deputado Marcus Pestana. Além do carro oficial de Paraisópolis, outros que pertenciam às prefeituras de São João Nepomuceno e Piau, ambas na Zona da Mata, Itambé do Mato Dentro (Central), e veículos que pertencem às câmaras de Bela Vista de Minas (Central), Congonhas (Central) e Turmalina (Vale do Jequitinhonha) também foram flagrados pela reportagem do EM exatamente no momento em que o encontro acontecia. Embora a reportagem do EM não tenha fotografado o veículo oficial de Paraisópolis, o editor de fotografia do jornal, Carlos

Altman, afirmou ao TEM que o carro foi visto pelos repórteres. Segundo o promotor Edson Resende, coordenador eleitoral do Ministério Público de Minas Gerais, o prefeito de Paraisópolis, Sérgio Wagner Bizarria, assim como os demais prefeitos e vereadores serão investigados com base na reportagem do EM. Edson Resende, vai enviar a matéria e o pedido de investigação, por improbidade administrativa, aos promotores das comarcas das sete cidades. “É lamentável que políticos do interior utilizem a estrutura da administração municipal para participar de atos de campanha”, diz Resende. Se condenados, a pena a ser aplicada pode ser o pagamento de multa, cujo valor, conforme a legislação, oscila entre três e 10 vezes o salário de quem praticou o crime. A Justiça pode ainda decidir pela suspensão dos direitos políticos dos prefeitos, vereadores e lideranças. As investigações têm prazo de 90 dias para serem concluídas. Existe a possibilidade, no entanto, de prorrogação por outros 90 dias. Em Nota, o Prefeito Sérgio Bi-

Veículo da Prefeitura de Piau

Veículo da Prefeitura de São João Nepomuceno

Veículo da Prefeitura de Ingaí

Veículo da Câmara Municipal de Bela Vista de Minas

Veículo da Câmara Municipal de Congonhas

Veículo da Câmara Municipal de Turmalina

zarria esclarece que “esteve em Belo Horizonte no dia 20/07 (terça-feira), despachando com o Dep. Carlos Mosconi a respeito de algumas questões do município ligadas à área de saúde e à vinda de patrulha mecanizada da Rural Minas para Paraisópolis, a fim de que o deputado realizasse intervenção junto aos órgãos governamentais para a solução desses problemas. Aproveitando a viagem, o prefeito esteve presente à reunião

para a qual foi convidado pelo Dep. Marcus Pestana. O local do evento se situava próximo à Avenida Amazonas, ou seja, nas proximidades do percurso que deveria ser seguido para o seu retorno à Paraisópolis, o que se deu por volta de 17h00. O prefeito esclarece ainda que não é de seu costume o mau uso de bens públicos, como a utilização de veículo oficial para assuntos particulares e que, na mai-

oria das vezes, acontece exatamente o contrário, como no dia 21/07, quando esteve no Distrito dos Costas, acompanhado do Diretor do SAAE, em seu veiculo particular, para tratar de assuntos da municipalidade, assim como já foram realizadas outras viagens a cidades vizinhas como Itajubá e Pouso Alegre, arcando ainda com as despesas de combustível das mesmas”. Com informações do Estado de Minas


www.jornaltem.com.br

de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

04

Meditações

C

laro, todos nós perdemos a conta de quanto já acordamos desanimados, dispostos a nada fazer, sequer reagir diante de dificuldades sabidamente passageiras. Todavia, por dever existencial levantamos da cama, tocamos a vida, bola prá frente. Refiro-me, sim, aos momentos de estresse, aceitos pela medicina como resultado da lufa-lufa doida que nos obriga a ingressar na mesa de um jogo de causas e efeitos, arriscando ganhar ou perder. A Natureza não programa trambiques ou falcatruas. Quem comanda a sujeira dos cassinos é o próprio homem e suas descobertas – o trabalho, por exemplo. Querem invencionice pior? Desagradável concordar com a assertiva, pouco interessa aonde, nem as circunstâncias. A hipocrisia da Comunidade não perdoa manifestações de apoio à vagabundagem. Se existe uma instituição que desconhece o valor da luta pela sobrevivência individual do Ser Humano é justamente a congregação de desocupados, cujos comentários se voltam unicamente para a censura e a maledicência. A súcia contenta-se em frequentar os logradouros públicos em busca de fofocas e novidades na esperança de desmerecer esforços alheios, como se inveja exorcizasse complexos inconfessáveis de alguém. Nada devo ; nada temo – abandonei as inquietações do labor diário. Realizo o que desejo, na hora que dá na cabeça, sem descuidar do corpo e do espírito. Mens sana in corpore sano - bela lição! Da matéria, atento para o bom comer ebeber na companhia de quem escolher. O segredo é selecionar. Do sobrenatural, medito sobre o pretérito, arrependo-me de umas tantas asneiras, relembro os períodos de prazer, que se foram, e não voltam mais. Procuro avizinhar-me da bondade divina, confiante na compreensão do Eterno para pequenos deslizes da carne. Não me considero um estróina; santo nem imaginar. Qual a distância entre o vício e a virtude? Qual a dimensão do desacerto comparado ao remorso? Qual a vitória do delito perante propósitos da regeneração? Que mais agrava o

pecado – escandalizar os céus ou ofender um próximo coitado sem poder de defesa? Não enxergo desconforto maior que a tentativa de transmigrar faltas pessoais à atuação de terceiros. Num átimo, somos atingidos pelo cuspe atirado para cima sem cuidado de sair debaixo. Por acaso alguém se atreve a dirimir tantos embaraços? O problema é que eles aumentam cada vez que me disponho a raciocinar a respeito de o inevitável – a obrigação de atravessar a ponte sobreposta sobre um rio cujas margens separam realidades distintas. O caminho a trilhar depois é desconhecido de toda gente. Bobagem dizerem: a estrada é assim ou assado. Ninguém retornou ao planeta oferecendo mapa descritivo após tomar rumo em direção ao ignoto. Julgo ser regra geral adotada pelo Comandante do Universo. Exigir das criaturas descortino para abrir veredas que as conduzam de novo à Casa de onde saíram, após cumprir missão penitente. Tudo quanto ascende, converge. Estaria resumida numa sentença a essência da própria Criação? Simplesmente sei que nada sei... Ao tentar desvendar mistérios, beiramos as fronteiras do êxtase mental. A loucura é dolorida? A alma em pedaços perde noção do sofrimento? Cria um mundo de fantasia, impossível de se penetrar? Antes de livrar-se do fictício idealizado, um mentecapto alcança o sentido da morte? Ao desalinhar-se do racional manifesta aflições infindas? O fundamento da insanidade se resume na corrosão do senso de saber decidir? Ser ou não Ser... Como interpretar o conteúdo existencial na dúvida proposta pelo angustiado príncipe dinamarquês? Há mais coisas entre os céus

João da Praia e a terra do que possa supor nossa vã filosofia! Escuto vozes de crianças. Brincam no jardim. Estão próximas das fontes da Vida. Nasceram isentas de maldade. A Sociedade encarregar-se-á de lhes mostrar seu lado maldito. Somos prisioneiros da ignomínia generalizada. Por que as coisas são dessa maneira? Por que certos acontecimentos tendem para o mal mal, quando o bem é harmônico e coerente? Proclamam o cansaço dos bons. Mas o sacrifício de um só Homem não redimiu seu tempo e todos os tempos? Não se deixou imolar consciente de Sua missão Cósmica Redentora? Foi inútil demonstrar o valor metafísico da simbiose corpo - alma em relação às Leis do Universo? Entender a Síntese supera a Análise de todas as partes. Instante de meditar... Exausto de nada construir obedeço à intuição. Vou esticar pernas. Nisto uma, duas, três batidas na velha porta colonial. A luz projetada pelo lampião de ferro clareia um vulto de homem, pés descalços, camisa aberta ao peito. Formula um pedido – quer lugar para se abrigar. Nada além. É pedreiro, trabalho não assusta. Parece-me tímido, embora acostumado às incertezas do vento. Aproveito sua companhia. Sento-me junto dele num banco tosco de madeira. Proponho-me a escutar penares. Não lhe pergunto o nome. Desprezo normas de segurança. Recebo-o como recepcionaria um irmão. Meu viver solitário encontra momentos de Paz. Estranho o fato de nosso encontro suceder assim. Mais estranho, interromper bruscamente minhas indagações telúricas. Conta-me ser filho de viúva, abandonou a família na puberdade. Andarilho por vocação percorre chãos poeirentos sem olhar atrás. Conversamos horas. Mostrei-lhe o quartinho do ex-caseiro. Nele poderia pernoitar. Dia seguinte seria outro dia... Perambulei pela vivenda mais um pouco. Tranquei fechaduras. Recolhi-me. Antes de adormecer pareceu-me sentir nos ouvidos uma frase que o andejo pronunciou: - “Nem sempre os grandes Enigmas se esvaecem entre as torres das Catedrais”...

jornaltem@gmail.com

Filho da Mãe

J. A. Braga Barros

Paraisópolis, inverno frio de 2010 Mãe, Como está aí em Campinas? Tudo bem? A saúde está sob controle? Estou aqui em nossa querida Paraisópolis. O “Bueno de Paiva” vai comemorar 100 anos em setembro. A senhora ainda tem aquela cadernetinha de notas de quando estudou lá? Paraíso sempre me surpreende. Sábado fui até o sítio buscar alguns blocos para fazer um muro. Logo ali na entrada do Ribeirão Vermelho uma placa com uma seta indicando LobotomyFest. Pensei comigo: - Paraíso está ficando moderno! O que será isso? Onde será esta LobotomyFest? Não é que para minha surpresa esta festa estava acontecendo no meu sítio. É bem verdade que ele está alugado. E meu compromisso é com a imobiliária que me paga corretamente todos os meses. Mas fiquei surpreso. Toda aquela tribo que não sei nomear direito, são tantas subdivisões, todos de preto, piercing, cabelos moicanos, cabeludos, carecas, meio cabeça raspada, meio cheia de cabelos. As moças invariavelmente bonitas, com maquiagens extravagantes, cabelos vermelhos, saias curtas, com aquelas meias pretas, rockão pesado nas caixas de som. O maior encontro. E tem gente que fala que Paraíso não tem nada. Vá ver! O Felipe me pediu o sítio para desenvolver um projeto de “permacultura”. Como eu gosto de tudo por escrito vou pedir para ele me fazer uma planilha com prazo e recurso para ver se é viável. Em tempo, tem gente que fala que a prefeitura não faz nada, a estrada da serra do sítio está uma maravilha. Até que enfim lembraram-se de nós. Ficou uma beleza! Já acabaram as minhas férias. Um abraço, Seu filho,

ABANDONO DE EMPREGO Nome do funcionário: Dulcinéia Gomes Endereço: Rua Duque de Caxias, 646, centro, Paraisópolis – MG CTPS: 63.211/0140-MG CPF: 715.646.056-15 Data de Admissão: 01/09/2008 Retorno de férias: 31/05/2010 Abandono desde as referidas férias até os dias de hoje.


www.jornaltem.com.br

jornaltem@gmail.com

Apoio Cultural Jornal TEM

de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

05

Forte vento atravessará Paraisópolis JGeraldo

Atenção! É VENTO NA PRAÇA! Todos os habitantes de Paraisópolis - sul de Minas Gerais - deverão deixar suas casas, domingo, 1 de agosto, às 14 horas, e se reunirem na Praça Coronel José Vieira, em frente à Concha Acústica. Um forte vento cultural passará por Paraisópolis e transformará a cidade para sempre. De acordo com os poetas, uma nova era chegará, portas se abrirão, a percepção das pessoas se ampliará e a arte fará parte do dia-adia da cidade. A informação sobre o fenômeno cultural – denominado É VENTO NA PRAÇA! - foi captada pelo coletivo de artistas de Paraisópolis: Clube do Trem. “Numa noite dessas de inverno, estávamos andando pelas ruas

desertas da cidade e o vento nos disse que deveríamos chamar toda população – sem nenhuma exceção – para participar ativamente de um processo de transformação artística da cidade”, relatam os membros do Clube do Trem, Paranax, Alfredo e Júlio. Assim, com o apoio incondicional do vento, poetas, músicos e pintores da cidade se uniram com os seguintes objetivos: abrir espaço para artistas em plena atividade, movimentar e renovar o cenário artístico da cidade e região, estimular a produção de novas obras, possibilitar o intercâmbio e o diálogo entre as artes, promover o acesso à cultura sem exclusão social, política ou econômica e trazer à população diversão inteligente. É Vento na Praça! Vale a pena participar deste fenômeno cultural. Você é nosso convidado especial!

Confira a programação do É VENTO NA PRAÇA que acontece no dia 1 de agosto, a partir das 14 horas, na Concha Acústica da Praça Coronel José Vieira. 14:00 hr - Discotecagem de música brasileira com Dj Paranax 15:00 hr - Catavento 15:20 hr - Apresentação de Capoeira 15:40 hr - Kids! 16:00 hr - Daniel Chimp 16:20 hr - André Pantera 17:20 hr - Sarau Poético 17:50 hr - Arte Circense 18:00 hr - Alex Fala Fina 18:30 hr - Pedro Bala e os Holofotes 19:00 hr - INTERVALO 20:00 hr - Maracangaia 20:30 hr - Mente Explícita 21:30 hr - Crime Forjado

Decisão do TSE proíbe eleitor de votar só com o RG ou documento equivalente Nas eleições de 2010, o eleitor só poderá votar se comparecer à cabine com o título de eleitor e documento de identidade com foto em mãos. Os dois documentos são obrigatórios. Uma decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), em junho deste ano, suspende a possibilidade de o eleitor votar só com o RG (documento de identidade) e sem o título no dia da eleição.

Os documentos aceitos pela Justiça eleitoral para comprovação da identidade do eleitor são a carteira de identidade ou documento de valor legal equivalente: certificado de reservista, carteira de trabalho ou a carteira nacional de habilitação, com foto. Não será admitida a certidão de nascimento ou casamento como prova de identidade do eleitor no momento da votação.

Quem estiver sem o documento original, no caso de ele ter sido extraviado (por roubo, furto ou perda), deve pedir uma segunda via até o dia 23 de setembro, dez dias antes do primeiro turno das eleições. Para o eleitor que está fora da cidade onde vota a data é até 04 de agosto. O presidente do TSE, ministro Ricardo Lewandowski, afirmou, porém, que cada caso

deve ser resolvido pelo mesário ou juiz eleitoral, principalmente quando houver a possibilidade de o eleitor ter perdido o título entre o fim do prazo da emissão da segunda via e o primeiro turno da eleição. Para emissão de uma segunda via do título, é preciso que o próprio eleitor vá a qualquer cartório eleitoral com um documento de identidade com foto – pode ser carteira emiti-

da por entidade de classe ou de habilitação. Para homens, é necessário ainda levar certificado de quitação militar. Quem deixou de votar apenas uma vez também pode tirar a segunda via do título. Só estão impedidos quem não votou em três eleições consecutivas e que não regularizou sua situação até 5 de maio. Fonte: R7


www.jornaltem.com.br

de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

Imóveis

Vende-se: Jardim Novo Horizonte - Procura-se casa para alugar. Quarto, Casa c/ 3 quartos, suíte, sala, ban, coz, cozinha, banheiro – Tel.: (35) 9163-8627. Vende-se: Imóvel comercial e re- edícula c/ 2 cômodos, gar. p/ 4 carros – sidencial no centro de Paraisópolis. Valor R$ 180 mil. Tel: (35) 3651-3394 Veículos Área total 310m², Valor R$ 250 mil. Tel.: (Lázaro Ferreira). (35) 8418-8343 Vendem-se: Fiat Palio EL 1.0, ano Vende-se: Chácara (Campo do Meio, 2006, em ótimo estado – Preço de tabeVendo ou troco lote no Jardim Eldoao lado da caixa d’água) com 1000m². la. Moto de trilha Sahara em ótimo esrado 150m². Valor R$ 10 mil (aceita carro Tel: (35) 9137-5628 (Zequinha pasteleiro) tado. Tel.: (35) 8429-0339. ou moto). Tel.: (35) 9144-2125 Clayton Ótima Oportunidade - Vende-se: Chácara 2000m² no Lavapés. Valor R$ 40 mil (menor ou maior valor). Tel.: (35) 3651-2899 Vendo ou troco por carro, Lote com 430m² no Bairro Lavapés e ½ Lote com 125 m² no Bairro Boa Vista II – Tel.: (35) 3651-2436 ou 8407-8228 (Dinael). Vende-se: Terreno no Boa Vista II com 260m² Valor R$ 20 mil. Tel.: (35) 3651-1953/2453 (Eliana ou Eunice). Vendo Terreno em Cambuí - 10x20. Tel.: (35) 3472-1177 (Paulo ou Alaíde).

CRECI 18008

jornaltem@gmail.com

Ve n d e - s e : M o n t a n a 1 . 8 , a n o Vende-se: 1 cama de casal, 1 geladei2007, cor prata, direção hidráulica ra duplex e 2 fornos semi industrial Dako. e capota marítima. Tel.: (35) 3651- Tel.: (35) 3651-1141. 2011 ou 9941-8632.

Aproveite a Feira de Livros EspíriVende-se: Trator Valmet modelo tas, na Praça Cel. José Vieira. 685 – 4x4, ano 1995 com 13.000 Dias 24/07 e 25/07. horas de uso, com carregadeira . Tel.: (35) 3651-1462. Vende-se: 1 Torrador de café, 1 Moedor de café elétrico 110w. Vende-se: Lote 270m² na Av. Guarda Vende-se: Fiat Idea Adventure, ano Vende-se: Corsa Sedan Classic, Tel.: (35) 3651-1393. ano 2004, direção hidráulica, vidros Mor Carneiro, aceita carro ou moto 2008, cor vermelha, completo, preço de tabela Tel.: (35) 3651-2175 ou 8404-4010. elétricos, alarme, travas elétricas, Vende-se 1 TV 20" colorida Semp Toshino negócio. Tel.: (35) 8406-8365. rodas de liga leve 14", 5 pneus novos. Tel.: (35) 9812-9864 (Wagner). ba. Tel.: (35) 3651-4103. Aluga-se Vende-se: Moto Suzuki Intruder 125 cc, cor vinho, ano 2008 com 8000 Km. Vende-se 1 TV 20" colorida Philco HitaUtilidades Caraguatatuba - Suítes para finais de Valor de tabela. Tel.: (35) 8418-8343. chi. Tel.: (35) 3651-1854. semana e temporada – Tratar com MaVende-se 1 Toldo 3,00 x 1,00 com armaria - Tel.: (12) 3883-9826. Vendem-se: CG Titan 150 cc, ano ção em bom estado. Tel.: (35) 8416-8407. Vende-se Prateleiras em aço, balcões. 2008, cor preta, preço de tabela. YBR Tel.: (35) 3651-1070. Aluga-se Cômodo com 80m² na Av. Guar- ano 2004, cor vinho, partida elétrica, Vende-se 1 Estufa para salgados peda Mor Carneiro 51. Tel.: (35) 3651-1666. abaixo da tabela. CG Titan 125 KS, ano quena 220w. Tel (35) 8455-4011. Serviços 2002, cor prata, preço de tabela. Omega GLS, ano 93, completo. Valor R$ 12 mil. Sala comercial no calçadão. Tratar Tratar nos telefones: (35) 3651-4646 Vende-se Balcão de frios. Tel.: (35) Assistência veterinária. Tel.: (35) no Salão da Zizi. 3651-1377 ou 9946-8892 ( Luiz Carlos) 3651-1666. ou 8418-8228.

Angela Vasconcellos IMÓVEIS

05 – Terreno no Res Paraíso Área plano, pasto formado , ótima vista Área: 4 Alqueires e ¾ R$ 160.000 250m² R$ 25.000 07 - Ponto Comercial no Centro Área: 28 - Terreno no Eldorado 150m² R$ 9.000 33 - Sítio no B. Pedra Branca 3 dorm, 111,15 m² Constr: 95m² R$ 95.000 08 – Apto no Centro c/ 3 dorm sendo 1 sala, coz, banh, lago, poço artesiano, suíte, coz, sala, lavand, garagem Área: fornalha Área: ½ Alqueire Constr Útil Aprox: 120 m² R$ 190.000 aprox. 100m² R$ 170.000 09 – Terreno no J. Veríssimo Área: 34 – Apto no Centro 3 dorm sendo 1 450m² R$ 25.000 suíte, sala, coz planej., banh, lavand, 10 – Casa no Centro c/ 3 dorm sendo 1 gar. Área útil aprox. 124 m² R$ 220.000 suíte, todos com armários , coz planej., 39 – Casa centro 4 dorm c/ 1 suíte, sala em 2 amb, 2 ban, copa, coz, lav, gar. garagem 2 carros R$ 180.000 15 – Casa no Centro Área: 200m² Área 275m² Constr 243,24 m² R$ 185.000 66 – Casa no Novo Horizonte c/ 3 dorm R$ 50.000 16 – Casa no Centro c/ 4 dorm, banh, sendo 1 suíte, banh, coz, copa, sala, coz, lavand, garagem 4 carros c/ banh, garagem 3 carros, varanda, lavand, edícula nos fds Área: 351 m² Constr Área de lazer c/ churrasq. e banh, 1 cômodo p/ depósito Área 308 m² Constr 298,56m² R$ 160.000 19 – Terreno no J. Veríssimo Área 526 aprox. 250 m² R$ 210.000 74 – Terreno no B. Goiabal Área Aprox m² R$ 30.000 22 – Sítio no Bela Vista c/ terreno mto 450 m² R$ 10.000 Casas novas a partir de R$ 58.000,00 financiadas pela Caixa Econômica Federal Rua Bueno de Paiva, 276 - centro - Paraisópolis - MG - Tel.: (35) 3651-4614 / 9993-7322 / 8403-3331


www.jornaltem.com.br

jornaltem@gmail.com

de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

10 passos para seu filho não ter cáries A

o mesmo tempo em que nascem os primeiros dentinhos dos bebês, normalmente entre seis e doze meses de idade, surge mais uma preocupação para os pais: como evitar que eles tenham cáries? Aqui estão as 10 dicas que dou aos meus pacientes para evitar a cárie nas crianças: 1 – Mesmo antes do surgimento dos primeiros dentinhos, é indicado que os pais façam uma limpeza na boquinha dos bebês. Basta enrolar no dedo indicador uma gaze ou fralda umedecida em água filtrada morna e passá-la levemente sobre a gengiva deles. É indicado que esta higiene seja feita antes de dormir. 2 – Beijar a boca do bebê, limpar o bico da chupeta ou mamadeira com a própria boca e assoprar a papinha para esfriar são algumas atitudes recorrentes, mas devem ser evitadas: elas facilitam a transmissão de bactérias para a boca do bebê e podem aumentar as chances do aparecimento de cáries. 3 – Os cuidados com os dentes de leite devem ser os mesmos dos permanentes. Eles são importantes para a mastigação na infância e para guardar o espaço dos dentes que virão.

4 – Durante o sono, a salivação de crianças e adultos diminui e a ação das bactérias na boca pode ser potencializada. Com isso, é indicado as crianças não devem dormir após mamar sem realizar a limpeza da boca. 5 – Os pais devem evitar que a criança tenha uma dieta rica em carboidratos e açúcares. O consumo frequente de doces, chicletes, refrigerantes, salgadinhos e sucos industrializados colaboram para o aparecimento de cáries. 6 – Fazer com que a criança se alimente em horários prédefinidos é importante. A escovação dos dentes deve ocorrer 3 vezes por dia, de manhã, após o almoço e antes de dormir. 7 – É preciso valorizar a hora da escovação para que a criança cresça desenvolvendo os hábitos de limpeza. 8 - Até os dez anos de idade, a criança ainda não possui a coordenação motora ideal, tornando a supervisão dos adultos necessária. Mas é importante deixar a criança fazer a escovação primeiro sozinha. Depois, o adulto entra em cena para finalizar a higienização. 9 – A higienização correta é

realizada com o uso de escova, pouco creme e fio dental, adequados às crianças. 10 – As crianças orientadas sobre a importância da saúde bucal se tornam adolescentes mais habituados à higiene da boca. Para que isso ocorra, a visita a um dentista desde o primeiro ano de vida é necessária para se criar o hábito - vamos estimular a higiene, opinar sobre a dieta e usar técnicas, como aplicações tópicas de flúor ou selantes, dependendo da necessidade.

Renato Goulart Provenzano Cirurgião-dentista - Especial ista em Periodontia e Prótese Dúvidas e sugestões: (35) 3651-1799 renato@ortodontista.com.br

Acesse nosso site e vote

07


de 24 a 30 de julho de 2010 - sábado

08

www.jornaltem.com.br

jornaltem@gmail.com

Abertura da Copa de Futebol Society atrai grande público

A Copa de Futebol Society de Inverno do Paraisópolis Campestre Clube teve início no último domingo (18). A abertura contou com a presença de grande publico entre associados e visitantes, com

distribuição de brindes entre os presentes. A primeira rodada aconteceu entre os times Campestre Clube x Garra F.C (categoria veterano). O Campestre Clube venceu a disputa por 1x0. Na cate-

goria livre o Campestre Clube enfrentou o Katadão F.C., saindo vencedor pelo placar de 2x1. Em entrevista ao TEM o Diretor Esportivo Jorge Felipe Pereira, falou da grande satisfação em estar

Categoria livre: da esquerda para direita (fundo) - Perret, Jorginho, Alex, Paulo Emídio, João Paulo, Chiquinho, F ilipe, (frente) Obina, Antonione, Reinaldo, Baby e Handrew.

ajudando a promover mais uma Copa Society de Inverno no Campestre Clube. “Não estamos medindo esforços para que a copa seja um grande sucesso”. Falou ainda da distribuição de brindes, como chuteira para

o artilheiro da copa, luva para o goleiro menos vazado, troféus e medalhas para campeão e vice. Jorge ressaltou a grande colaboração do Presidente do Paraisópolis Campestre Clube Sr. Antônio Car-

los Azevedo e do Diretor Alex Braga Faria. A final do torneio esta programada para o dia 26 de setembro, lembrando que os jogos acontece sempre aos domingos a partir das 09:00h.

Time dos veteranos: da esquerda para direita (fundo) - Perret, Rodolfo, Batata, Carlão, Neilor, Filipe, Chiquinho, Alex, (frente) Jorginho, Tigrinho, Marquinhos, Ramiro, Wagson. As crianças: Renan, Catarina e Filipinho.


Edição 127  

Edição 127

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you