Page 1

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Página 1

Redação redacao@jornalspnorte.com.br Comercial spnorte@jornalspnorte.com.br

Ano XVl - No 802

Fábricas de Cultura celebram mulheres durante todo o mês de março Pág. 03

Com estoque baixo, Ministério da Saúde convoca população para doar sangue Pág. 08

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

15 anos depois, Lara Croft está de volta!

Sezefredo Instituto Center Fagundes: Norte: inovação social na arte de uma das avenidas mais empreender e mobilidade completas urbana da região Pág. 07

Pág. 06

Pág. 03

Transporte público: “Aquele longo trajeto de ir e vir”

Notícias da Zona Norte

Obras do Rodoanel Norte terão investimento internacional Pág. 05

Prefeitura propõe reorganizar as linhas de ônibus e retirar aproximadamente mil coletivos das ruas. A ideia é adotar um modelo mais dinâmico com três modais: estrutural (ônibus articulados, em grandes vias, com caminhos até o Centro), articulação regional (coletivos médios, com ligação dos bairros aos corredores) e intrabairro/distribuidor (micro-ônibus e vans que farão a ligação dos bairros residenciais a áreas densas). Pág. 08

“Ninguém Segura Essas Marias” celebra Dia da Mulher no CTN Pág. 06

Exposição conta a história do Rio Tietê Pág. 05

Gastronomia Yo Produtos Orientais: um pedacinho do Japão na Zona Norte Pág. 09


Página 2

E ditorial

O poder da mulher incomoda

É um tanto ridículo chegarmos perto da terceira década do século XXI ainda falando sobre luta por direitos. O direito de não apanhar de um homem fisicamente mais forte; o direito de não sofrer abuso no transporte público; o direito de casar-se com quem bem entender; o direito de ter um salário melhor; o direito de expressar no corpo a própria religião (ou abster-se de ter que acreditar em qualquer coisa sobrenatural); o direito de ocupar cargos diretivos; o direito de vestir-se como queira; o direito de ser dono do próprio corpo, o direito de fazer trabalho braçal. Embora esses “direitos” sejam para todos os cidadãos, hoje o foco é nas mulheres. Ontem foi seu “dia”. Seu dia? Por que é preciso ter uma data marcada para lembrar a sociedade que é preciso bater no peito o orgulho de ser mulher? A resposta é simples e pode ser equiparada ao racismo. Ele nunca deixará de existir até o dia em que não precisarmos mais falar sobre isso. Pouco tempo atrás, ouvi, em tom de brincadeira, uma piada sobre o empoderamento femini-

no. “Não sei o que elas querem. Para que mudar uma tradição de tantos séculos?” Tantos séculos de submissão, abusos ferrenhos dentro da própria casa e uma constante omissão para preservar a imagem do agressor perante a sociedade. Além disso, e talvez o pior, superar a incredulidade sobre a própria força intelectual (até mesmo de outras mulheres) perante o mundo. O compositor Douglas Germano escreveu a emblemática canção “Maria da Vila Matilde”, em que aquela Maria eleva sua voz sobre os desmandos do agressor com quem ela se relacionava. Na canção, Germano replica a violência doméstica que viu em sua própria casa. “Você vai se arrepender de levantar a mão para mim. Cadê meu celular, eu vou ligar pro 180” é o verso principal e que deve ser o grito de guerra das mulheres de todo o país contra o machismo velado que persiste em escorar-se em nosso cotidiano, mostrando suas perigosas garras ao menor descuido. A quem acredita na falsa afirmação de que somos um país tolerante, sinto dizer. É hora de pen-

F inanças

sar fora da sua caixa. O Brasil tolera o que convém. Nos bastidores, a coisa é bem diferente. As estatísticas apontam nosso país como um dos mais violentos do mundo em questão de raça, gênero e religião. Quinhentos mil estupros por ano, com cerca de 70% das vítimas tendo como agressores pessoas próximas; dez estupros coletivos diariamente; somente 15,7% dos acusados presos; quase 5 milhões de denúncias na Central de Atendimento à Mulher, desde sua implantação em 2005 (fone 180, não é por acaso que está na música). Tudo isso gera vergonha, omissão, medo de assassinato, medo de encarar a sociedade. O que vão pensar de mim? Eles vão pensar que o poder feminino incomoda, então é melhor você ficar calada para não abalar as estruturas de uma sociedade com números medievais em meio a tantos avanços. O que nos dá um alento é que, em meio a toda essa banalidade, há para quem gritar. Seja a voz que tantas mulheres gostariam de ter.

Marcelo Segredo

Consultor financeiro, palestrante, ex-presidente da ONG ABC (Associação Brasileira do Consumidor, criador da “Clínica Financeira” e “Casamento& Negócios”, diretor presidente da Marcelo Segredo Assessoria Empresarial Tel.: (11) 2971-1971 - Internet: www.marcelosegredo.com.br E-mail: marcelo@marcelosegredo.com.br

Quem não faz contas tem mais chances de se endividar Vivemos em uma era em que comprar é estar incluso na sociedade. Aparelhos celulares, roupas, carros novos, restaurantes e bares caros, estão se tornando necessidades básicas das pessoas, embora essa cultura consumista seja extremamente questionável quando levamos em conta princípios morais e éticos de conduta. De qualquer modo, esse é o sistema em que vivemos. Para “sobreviver” a ele, precisamos ter alguns cuidados e criar alguns hábitos de suma importância. Saber o quanto ganha e o quanto gasta Por mais simples que possa parecer, fica muito claro que, na páritca, as pessoas ainda não estão preparadas quanto pensam. Uma pesquisa realizada em todas as regiões do país chegou à seguinte conclusão: quem tem problemas com os números, normalmente tem problemas para administrar as próprias finanças. De acordo com o Instituto TIM, as pessoas que não fazem contas têm 43% a mais de chance de se endividar. Para piorar os índices, a SERASA aponta que o Brasil tem hoje 60 milhões de endividados, apenas constatando o fato de que o brasileiro, de forma geral,

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

não sabe admnistrar seu salário e suas contas.

do eixo faz um estrago com prejuízos incalculáveis.

Como administrar melhor as suas contas A primeira dica é objetiva e indispensável: colocar tudo “na ponta do lápis”. Quantas pessoas não reclamam que sempre sobram dias e falta dinheiro no mês? Esse é o resultado de quem vai às compras em um supermercado, mas são direcionadas apenas por plaquinhas vermelhas de desconto, sem saber se de fato aquele produto vale a pena ou, principalmente, se é necessário. Existem ainda inumeros aplicativos de celulares que hoje estão dispníveis gratuitamente para auxiliar na contabilidade mensal das pessoas. Pode ter certeza que com esse hábito, as suas chances de cair em armadilhas do mercado de consumo são quase nulas.

Cuidados para quando for fazer um empréstimo Estourei meu limite de cartão de crédito e de cheque especial, então, é hora de procurar o banco e renegociar. Certo? Errado. O banco forçará você a apresentar garantias contratuais (fiadores e imóveis), fazendo você assinar um reconhecimento de dívida, que no final a torna impagável. Antes de fazer um empréstimo é preciso avaliar o quanto será pago ao final do financiamento. É um erro primário tomar dinheiro do banco sem, ao menos, saber e entender o que está fazendo. Claro que muitas vezes, ou quase sempre, o dinheiro é utilizado para suprir algumas necessidades básicas, mas mesmo assim nada justifica ações por impulsos e não pensadas.

O problema do cartão de crédito O tal do “dinheiro fictício” não está na sua carteira, não aparece naquele momento, parece milagroso, mas é o que mais judia do povo. Quem não sabe fazer contas não pode ter cartão de crédito – isso é uma constatação, não uma dica. E mesmo quem acredita ter noção de finanças precisa fazer um rígido controle. Geralmente, um mês fora

A solução é buscar informação qualificada A solução para quem está em um ciclo de endividamento ou em vias de entrar nele é procurar ajuda profissional qualificada. Somente assim haverá um estudo do caso de forma específica com as alternativas possíveis e reais para sair da situação adversa.

E conomia

Marcos Cintra

Doutor em Economia pela Universidade Harvard, professor titular de Economia na FGV. Foi deputado federal (1999-2003) e autor do projeto do Imposto único. É Presidente da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP). Internet: www.marcoscintra.org - E-mail: mcintra@marcoscintra.org Facebook: www.facebook.com/marcoscintraalbuquerque

Projeto para o próximo governo Em 2018, a reforma tributária estará na agenda brasileira em decorrência das eleições. Há mais de 20 anos o assunto vem sendo discutido, e praticamente nada foi feito no sentido de simplificar a estrutura de impostos e contribuições, combater a sonegação, reduzir custos administrativos para o setor produtivo e para o governo e enfrentar a iniquidade na distribuição do ônus fiscal. Muito pelo contrário, o que se viu foi uma sucessão de medidas isoladas em um ou outro tributo no intuito de aumentar a arrecadação, algo que aprofundou severamente o grau de complexidade do sistema tributário do país. Em termos de projetos que vêm sendo discutido há o que propõe como base para o sistema de tributos do país a unificação de alguns impostos e contribuições sobre o valor adicionado, criando um IVA, e outro que projeta fazê-lo utilizando a movimentação financeira, instituindo um IMF. O primeiro caso seria o pior dos mundos. Haveria alguma simplificação com o IVA, mas sua alíquota seria explosiva, na casa dos 25%, e o sistema continuaria burocrático e vulnerável à sonega-

A rtigo

ção. Além disso, os custos administrativos permaneceriam elevados para as empresas e para o governo e seria mantido uma pesada carga de impostos sobre o consumo, algo que perpetuaria o excessivo ônus sobre as pessoas de baixa renda. Em relação ao IMF o caminho seria oposto. O sistema tributário seria radicalmente simplificado porque seriam substituídos todos os impostos e contribuições declaratórios. Em decorrência da movimentação financeira ser uma base extremamente ampla, sua alíquota seria muito baixa, ligeiramente acima de 2% no caso da substituição apenas dos tributos federais. Sua cobrança automática faria a sonegação praticamente desaparecer e reduziria os custos administrativos para as empresas e para o governo. O ônus tributário sobre as pessoas de baixa renda cairia substancialmente porque seriam eliminados os impostos e contribuições que hoje estão embutidos nos preços dos bens e serviços. O IMF chegou a ser apresentado na Câmara dos Deputados em 2001 por meio da PEC 474/01. A Comissão Especial de Reforma Tributária aprovou o projeto por una-

nimidade em 2002, mas ele não avançou porque o governo que assumiu no ano seguinte adotou uma postura voltada exclusivamente para o aumento da arrecadação, no intuito de fazer frente à expansão dos gastos públicos. Não houve interesse em promover medidas estruturais no caótico sistema tributário brasileiro. O Brasil atingiu um grau de ineficiência tão elevado em seu sistema de impostos e contribuições que certamente o próximo presidente da República e os novos parlamentares terão que se posicionar em relação à reforma tributária. Nesse sentido um grupo de 215 parlamentares criou no final do ano passado a Frente Parlamentar Mista pelo Imposto Único Federal. A proposta é retomar o debate a partir da PEC 474/01 e levar adiante a instituição do IMF único como base da estrutura tributária brasileira. Na última terça-feira (6/3), na Câmara dos Deputados essa Frente foi instalada. Sua criação é uma iniciativa promissora para um país que montou o pior sistema de impostos do mundo, que penaliza as empresas e os trabalhadores e facilita a vida dos sonegadores.

Dircêo Torrecillas Ramos

Graduado pela PUC-SP; Mestre, Doutor, Livre-Docente pela USP; professor convidado PUC-PÓS; foi professor na FGV por 25 anos; membro do Conselho Superior de Direito da Fecomercio; membro da Academia Paulista de Letras Jurídicas (APLJ); membro do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP); International Political Science Association (IPSA); American Political Science Association (APSA); e correspondente do Centro para o Estudo do Federalismo – Philadelphia (EUA); foi vice-presidente da Associação Brasileira dos Constitucionalistas; presidiu várias comissões na OAB. Livros: Autoritarismo e Democracia; Remédios Constitucionais; O Controle de Constitucionalidade por Via de Ação; Federalismo Assimétrico e A Federalização das Novas Comunidades – A Questão da Soberania. Coordenador e coautor de dezenas de obras. Possui mais de 800 artigos publicados em jornais, revistas e livros do Brasil e exterior. E-mail: dirceo@uol.com.br

Ficha Limpa: do nada a coisa alguma? A lei da Ficha Limpa não alcançou a Ex-Presidente Dilma, mas poderá atingir os deputados e senadores. Ao contrário do que se comenta, os critérios, apesar de errôneos, que não condenaram a ex-presidente à inabilitação por oito anos não favorecem os Parlamentares. Entretanto, não haverá necessidade de “fatiar” as decisões contra os políticos porque a Constituição “cidad㔠e a Lei da “Ficha Limpa”, alterada no parlamento, já o fizeram. É óbvio que o legislador constituinte, que continuou como legislador ordinário não iria atuar contra eles próprios sem deixar uma abertura. Segundo um dos idealizadores da Lei da Ficha Limpa, esta não contempla a chefia do executivo federal porque já o fizera a Constituição Federal, no artigo 52, parágrafo único, juntamente com a perda do cargo a inabilitação por oito anos para o exercício de função pública. Não se aplica aos parlamentares. A estes caberá a Lei Complementar no 135 de 4 de junho de 2010 – a chamada Lei da Ficha Limpa –, a qual altera a Lei Complementar no 64 de 18 de maio de 1990, incluindo novas hipóteses de inelegibilidade. É mais branda do que a Constituição para o/a chefe do Executivo e cabe alguns comentários: primeiro porque a Lei Maior pune o “impeachment” com a inabilitação para todos os cargos pú-

blicos, enquanto a “Ficha Limpa” torna os demais políticos apenas inelegíveis. Portanto, poderão exercer cargos “premiados” com foro privilegiado (escaparem do Juiz Sérgio Moro). No caso dos membros do Congresso eles não estarão sujeitos a dois quesitos: se cometeram o crime e devem perder e se devem ficar inabilitados porque a Lei é taxativa quanto à inelegibilidade por oito anos. Entretanto, recebida a denúncia contra Deputado ou Senador, o Supremo Tribunal Federal dará ciência à casa respectiva, havendo a possibilidade de sustar o andamento da ação, de acordo com o art. 53, § 3o, da Lei Máxima. Beneficia Renan e qualquer outro parlamentar. Ainda mais: mesmo por incompatibilidade com o decoro e/ou por condenação criminal em sentença transmitida em julgado, a perda do mandato é decidida pela casa respectiva, em consonância com o art. 55, incisos II, IV, do Texto Maior. Quer dizer: pode ser condenado há 30 anos e não perder o mandato – como conciliar? Afora estes escapes a Lei poderá contemplar aqueles que recorrerem e aí aguardarão em liberdade até o trânsito em julgado, ou seja, quando todos os recursos forem esgotados. Não haverá, nestes casos, punição pela condenação de um colegiado presumindo-se de um tribunal de segunda instância. Digo presumindo porque na Justiça Militar, a Lei trará outros proble-

35.000 Exemplares

mas, em virtude da condenação em primeira instância poder ser colegiada. Outra possibilidade foi permitida por decisão do Supremo Tribunal Federal, relativa às contas de Prefeitos e Governadores. Embora rejeitadas pelos Tribunais de Contas respectivos poderão ser aprovadas pelo legislativo. Os Tribunais são colegiados, mas auxiliares do Poder de representação popular que tem a última palavra isentando da punição. O argumento de que o Executivo Federal não integra a “Ficha Limpa” por conta de sua inclusão na Constituição e na Lei do “impeachment”, suscita dúvidas porque os governadores integram as Leis do “Impeachment” 1.079/50, art. 74 e 201/67, respectivamente, estando inclusos, também na “Ficha Limpa”. Além de prejudicar inocentes com a punição por um colegiado, sem o trânsito em julgado que poderão ser absolvidos após punições, a Lei da “Ficha Limpa” poderá ser esvaziada por recursos suspensivos, por parlamentos a protegerem seus membros com a sustação da ação ou decidirem pela manutenção de mandatos com aprovação de contas rejeitadas pelo Tribunal. Esta situação, levou o Ministro Gilmar Mendes a dizer que referida Lei parece ser feita por bêbados e aos artigos que escrevi em 2010, neste jornal, sobre a possibilidade de levar do nada a coisa alguma e ficar tudo como estava.


Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

Fábricas de Cultura celebram mulheres durante todo o mês de março ::: Bruno Viterbo

Avanços, retrocessos, debates, machismo, violência, empoderamento. Em meio a isso tudo, lutas. Muitas. Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, as Fábricas de Cultura da Zona Norte estão promovendo uma intensa programação durante todo o mês. As diversas atividades, gratuitas, vão debater o papel da mulher em sociedade, questões de gênero, racismo, violência e empoderamento feminino. Rodas de conversa, oficinas e exposições fazem parte da programação. Na Fábrica de Vila Nova Cachoeirinha, os zines dão o tom. Sabe o que é zine? A atividade

Clube Zine para Manas, que ficará até 23 de março (veja programação e endereços abaixo) vai responder essa e outras perguntas, como o fortalecimento da comunicação e da produção artística das manas, além de ensinar as técnicas de produção, criação e distribuição desse simples, mas valiosíssimo e criativo material de divulgação de ideias, visões e (muita) arte. Em Brasilândia, o bate-papo “Violência de Gênero” será comandado pela equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) da UBS Vila Penteado, na sexta-feira (9/3), às 13h. Na quarta (14/3), a delegada da 4a Delegacia Policial da Mulher, Dra.

Maria Alice, vai mediar a roda de conversa sobre a Lei Maria da Penha com mais informações sobre a legislação que visa à proteção das mulheres vítimas de violência. A Fábrica também terá uma exposição sobre o empoderamento da mulher negra e uma performance em alusão à artista mexicana Frida Kahlo. A África e suas cores estarão na Fábrica do Jaçanã, na terça (13/3). As crianças vão aprender e ter novas referências por meio dos antigos reinos africanos com a Oficina Educativa de Coroas Africanas. É indicada para crianças a partir de 7 anos, com inscrições na própria unidade.

Confira abaixo todas as atividades que vão rolar nas Fábricas da Zona Norte. ATIVIDADES

Quarta-feira (14/3), das 14h às 16h Fábrica de Cultura Brasilândia

Clube Zine para Manas Sextas-feiras de (até 23/3), às 17h Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha Exposição: Empoderamento da Mulher Negra Segunda a sexta-feira (até 18/3), das 9h às 19h; sábados e domingos, das 12h às 17h Fábrica de Cultura Brasilândia Oficina Educativa de Coroas Africanas Fábrica de Cultura Brasilândia:

sexta-feira (9/3), às 15h Fábrica de Cultura Jaçanã: terça-feira (13/3), às 15h Bate-papo: Violência de Gênero Sexta-feira (9/3), das 13h às 16h Fábrica de Cultura Brasilândia Roda de conversa: Lei Maria da Penha

Aula: Por que o 8 de março é o Dia Internacional da Mulher? Terça-feira (20/3), das 15h às 16h30 Fábrica de Cultura Brasilândia Performance: Frida Kahlo – México na pele Sexta-feira (23/3), das 16h às 17h30 Fábrica de Cultura Brasilândia Intervenção #ChegadeAssédio Sexta-feira (30/3), às 15h Fábrica de Cultura Brasilândia

ENDEREÇOS Fábrica de Cultura Brasilândia: Av. General Penha Brasil, 2.508 – Telefone: 3859-2300 Fábrica de Cultura Jaçanã: Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138/ Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360 – Telefone: 2249-8010 Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoerinha: Rua Franklin do Amaral, 1.575 – Telefone: 2233-9270

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Página 3

Gente que faz

Instituto Center Norte: inovação social em empreendedorismo e mobilidade urbana ::: Sandra Kanashima Dizem que quem tem poder para conter a miséria e melhorar a educação não são os governos, mas os inovadores. A arte de colocar boas ideias em prática, inspira e motiva pessoas pelo mundo todo. Grandes negócios são criados, vidas são transformadas e há geração de renda, superando desafios. Acreditando que o empreendedorismo e a inovação social são grandes agentes de transformação que podem tornar a Zona Norte em um importante polo de desenvolvimento sustentável é que nasceu o Instituto Center Norte, no ano de 2002. Leilão de Guirlandas de Natal Com a fundação do Instituto, teve início o 1o Leilão de Guirlandas de Natal, idealizado pela então Presidente, Glorinha Baumgart. Apaixonada pelo Natal, Glorinha realizou o leilão por dez anos consecutivos. Todo recurso arrecadado era revertido para os projetos do instituto que, à época, tinha foco na promoção da educação e na capacitação profissional de jovens para inserção no mercado de trabalho. Zona Norte transformadora Após passar por uma reformulação total do seu escopo de atuação, a entidade concentra-se hoje em projetos autorais ou em parceria com outras instituições, ou como investidora e apoiadora de projetos que possuam impacto social – em especial na Zona Norte – e que uti-

Asta, as alunas têm aulas de design e construção de uma coleção de produtos próprio da Rede. Já com a Aliança Empreendedora, participam de aulas presenciais focadas em gestão de negócios.

lizem a inovação social em dois pilares de atuação: empreendedorismo e mobilidade urbana. PROJETOS E AÇÕES Quiosque solidário Cessão de espaço no Shopping Center Norte para ONGs e instituições do terceiro setor comercializarem seus produtos e ampliarem receita e visibilidade do seu trabalho. A cada três meses, uma nova ONG ocupa o quiosque.

Marcenaria para jovens Realizado pelo Instituto Tomie Ohtake, o curso de formação teórica e prática em marcenaria, possui duração de quatro meses e contempla 40 jovens da Zona Norte. Durante o curso, é oferecida uma bolsa no valor R$ 200 para cada participante, custeando transporte para os dias de aula. A proposta é a criação de mobiliário urbano planejado e construído pelos jovens para um parque ou espaço público da Zona Norte.

Capacitação para o terceiro setor Trata-se de um curso sobre voluntariado, comunicação e inovação para organizações sociais, conduzido pela plataforma social Atados. Já foram beneficiados 30 gestores de ONGs, sendo 48% da Zona Norte.

Cidades criativas Projeto realizado pelo Instituto Muda Brasil, onde durante oito meses, 20 jovens da comunidade Zaki Narchi terão aulas com a metodologia americana STEAM (ciência, tecnologia, engenharia, artes, matemática e robótica). O objetivo é que criem, pesquisem e planejem cidades do futuro.

Rede de costureiras empreendedoras da Zona Norte Formação e capacitação de uma rede de costureiras da Zona Norte por meio de encontros temáticos e treinamentos. O projeto é executado pela Rede Asta e Aliança Empreendedora. As mulheres que participam do projeto já devem ter conhecimento prévio de corte e costura. Com a Rede

Lazer na Vila Durante todo o ano, atividades esportivas e recreativas serão oferecidas aos moradores da Vila Albertina, pela Fundação Gol de Letra. Além das aulas, serão abertas oportunidades à comunidade, com vagas para caminhada, ruas de lazer, Festival de Modalidades, Jogos de Interação, Torneio da Comunidade, além de dez vagas para agentes sociais.

Para participar dos projetos ou conhecer um pouco mais sobre o Instituto Center Norte, entre em contato pelo e-mail: institutocenternorte@centernorte.com.br ou visite o site: www.institutocenternorte.com.br . Endereço: Travessa Casalbuono, 120 – Vila Guilherme - Fone: 2224-5959


Página 4

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Ações Prefeituras Regionais

Oportunidades Cursos e atividades gratuitas nas Fábricas de Cultura Está em busca de melhorar o currículo? Acrescentar experiências enriquecedoras para a sua profissão e para sua vida? Então, não perca as atividades e cursos que vão rolar nas Fábricas de Cultura da Zona Norte no primeiro semestre. São dezenas de oficinas, cursos e aulas especiais de dança, teatro, circo, fotografia, escrita e música. Essas atividades são destinadas a crianças e jovens com idade entre 8 e 21 anos e duram quatro meses. Já as atividades de formação cultural são recomendadas a jovens a partir dos 12 anos. Como exemplo, na Fábrica da Brasilândia vai ter curso de cenografia para espetáculos teatrais. O mergulho nos livros e na literatura é uma das ações na Fábrica do Jaçanã, enquanto em Vila Nova Cachoeirinha o tom é de música, com o curso de percussão popular. As inscrições devem ser feitas nas

próprias Fábricas, munido de RG do responsável (para menores, que devem fazer a inscrição acompanhados), RG ou certidão de nascimento do aluno e comprovante de residência recente. Confira toda a programação de atividades em jornalspnorte. com.br/cursos-fabricas-cultura2018. Fábrica da Cachoeirinha promove workshop de interpretação Um dos destaques nas Fábricas vai rolar na de Vila Nova Cachoeirinha: o ator, diretor e roteirista Marcelo Fernando promove na próxima quinta-feira (15/3, às 14h) o workshop de interpretação para TV, Cinema e Teatro. O objetivo da atividade é elevar a autoestima e confiança dos participantes, por meio da arte lúdica e do desenvolvimento de um olhar crítico e questionador. Conceitos como presença cênica, jogos teatrais, construção de personagens, intepretação e exercícios práticos com a câmera es-

tão entre as habilidades que serão desenvolvidas no encontro. A Fábrica está localizada na Rua Franklin do Amaral, 1.575. Arsesp seleciona para 46 vagas; salários começam em R$ 5.207 A Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp) está com 46 novas vagas de nível superior. As inscrições seguem até 21 de março e vão selecionar analistas de suporte à regulação nas áreas de relações institucionais, recursos humanos, protocolo e administração, especialista em regulação e fiscalização de serviços públicos nas seguintes áreas de trabalho: elétrica, gás canalizado, saneamento básico, entre outras. Os salários chegam a até R$ 6.214, para especialista em regulação e fiscalização de serviços públicos. As inscrições devem ser realizadas no site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). A taxa de inscrição é de R$ 70.

Vila Maria/Vila Guilherme Combate ao descarte irregular de lixo A Prefeitura Regional de Vila Maria/Vila Guilherme desenvolve uma ação diária nas ruas de seus distritos recolhendo os descartes de lixo em pontos viciados. São 278 pontos de descarte irregular espalhados na região. Não é difícil que no mesmo dia de recolhimento voltem a depositar lixo no local. A Prefeitura fiscaliza e trabalha para flagar quem realiza esta prática e, dessa forma, aplicar multas. As equipes estão diariamente na rua para coletar os materiais descartados, no entanto, precisam da ajuda dos munícipes através da responsabilidade com o que é dispensado e com o tipo de trabalho que as pessoas contratam

Operação Cata-Bagulho

Casa Verde/Cachoeirinha: avenidas Casa Verde, Eng. Caetano Álvares e José de Brito de Freitas; Praça das Monções; e ruas Alcides Neves, Alesso Baldovinetti, Belisário Campanha, Carolina Soares, Elvira Barbosa, Jerônimo dos Santos, Lagoa Azul, Noel Rosa, Prof. João Leocádio, Visconde de Araxá, entre outras, a partir das 7h.

Jaçanã/Tremembé: avenidas

Shopping mantém feira-livre nas noites de terça-feira O Shopping D tem uma opção diferente a quem vai no centro de compras. Todas as terçasfeiras, das 17h às 21h, o shopping tem uma feira livre, que está em operação desde o ano passado. De acordo com o empreendimento, a feira “tem sido muito procurada por moradores do entorno em razão da facilidade de acesso e da oferta de um mix de produtos completo e de reconhecida qualidade”. É possível encontrar diversos tipos de verduras e legumes, além de carnes, peixes e a tradicional combinação de pastel e caldo de cana. Com isso, a feira será mantida no Shopping D, no estacionamento do piso térreo. A inici-

ativa é uma parceria do centro de compras com a Cooperativa Nacional de Produtores Agrícolas e Agronegócios (Coonagro), entidade que reúne mais de 20,5 mil cooperados no país, apoiando e abastecendo algumas das barracas presentes na feira. O Shopping D fica na Av. Cruzeiro do Sul, 1.100. Mais informações pelo telefone 4506-6000. Jantar Dançante no Novotel Center Norte Uma tradição do Novotel chega à sétima edição em março. O Jantar Dançante será realizado em 24 de março, a partir das 20h. Para animar os convidados, a equipe de dança Theo & Monica. A parte gastronômica fica por conta do variado buffet, com sa-

ladas, pratos quentes e antepastos. Sobremesas e bebidas não alcóolicas (as alcóolicas serão cobradas à parte) complementam o jantar, que terá como destaques o galeto assado em baixa temperatura com sautèe de champignon e tomate, a maminha recheada com especiarias brasileiras ao molho café Paris, a torta Floresta Negra e a panacota de morango. O valor por pessoa é de R$ 130 (R$ 99 até sexta-feira, 9/3). Os ingressos podem ser adquiridos pelo e-mail festasnovotelcenter norte@accor.com.br ou pelo telefone 2224-4051, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O Novotel está localizado na Av. Zaki Narchi, 500 – Vila Guilherme.

Obras na Travessa João Rangel No ano de 2011 um deslizamento grave ocorreu na encosta que fica entre as ruas Ciro e Travessa João Rangel, na Vila Maria. Após trabalhos iniciados no começo de 2017, entre Administração Regional, Secretaria Municipal das Prefeituras Regionais, Secretaria Mu-

Santana/Tucuruvi

Freguesia/Brasilândia: não há programação.

Acontece

para remoção de seus entulhos e objetos indesejados. Para o descarte responsável, a Prefeitura disponibiliza os Ecopontos: Rua José Bernardo Pinto, 1.480 – Vila Guilherme Av. dos Poetas, 931 – Vila Sabrina Rua Curuçá, 1.700 – Vila Maria Todos os Ecopontos funcionam de segunda-feira a sábado, das 6h às 22h, e aos domingos e feriados, das 6h às 18h.

Vende Vende Tudo Vendo ORBITREK POLISHOP nova. R$ 1.200,00. tratar Cel: 99863-9877 Vendo um Home Theater Sony STR – KS 380, Ótimo estado. Pouco uso R$ 800,00. tratar com Cel: 99863-9877 Vendo uma Guitarra c/ bag Golden GSD Serie, Ótimo estado. Pouco uso R$ 500,00. tratar Cel: 99863-9877 Vendo 1 Mancebo 1,80 x 0,37 Pé R$ 200,00 Pouco uso. tratar Cel: 99863-9877 Vendo vasos nas cores preta, de vidro, e amarela, de porcelana. Lindos. R$ 100,00 cada. Cel: 99863-9877

Geral

Advocacia

Construção e reformas

Precisa-se

Sites - Lojas virtuais - App

nicipal de Justiça, Secretaria Municipal da Fazenda e membros da comunidade local, os recursos foram liberados e as obras tiveram início. A etapa inicial apresentou uma logística complexa para que um planejamento responsável eliminasse o risco de um novo deslizamento. Neste começo de ano, a obra recebeu reforço especial na estrutura do solo, armação de estacas raízes e conclusão das canaletas. A contenção na encosta entra em sua fase final, que tem como ações principais: a construção do muro de gabião, instalação de gradil, retirada da terra, finalização das canaletas, bem como, reparos nas passagens de esgoto. A obra terminará com o plantio de grama e a revitalização da área utilizada como entreposto do material a ser descartado.

Confira o itinerário que a Operação irá percorrer no sábado (10/3)

Nova Cantareira, Sem. José Ermírio de Moraes e Júlio Prado Neves; e ruas Adão Magalhaes, Aimutong, Aldo Forlim, Antonio Joaquim de Oliveira, Bartolomeu Machado, Bento Soares, Caetano Ruyvo, Conchilia, Dionísio de Souza, Eleutério da Silva, Gabriel Martins, Jean Castronis, Luís de Oliveira Bulhões, Maria Vieira, Paulo Peixoto, Solano Trindade, Teodésio Ferreira, entre outras, a partir das 8h.

lhães, Luiz Dumont Villares e Nova Cantareira; Parque Domingos Luís; e ruas Altinópolis, Aureliano Leal, Casa Forte e Pedro Cacunda, a partir das 7h.

Santana/Tucuruvi: avenidas Água Fria, Leôncio de Maga-

Vila Maria/Vila Guilherme: avenidas Gustavo Adolfo, Júlio Buono (entre Rua Ida Boschetti e Av. Jardim Japão) e Conceição (entre as ruas Itamonte e Gil Castelo Branco); e ruas Dr. Abílio Sampaio, Neusa, Ida Boschetti, Crispim Duarte, Ernesto E. Piedade, Antônio Palmiere e Águas Formosas, a partir das 8h.

Abandono de Emprego

misso – Cubro qualquer Orçamento – Consultas pelos Tel. Wastsapp – 99678-4560, Samuel.

Hotel Jabuticaba LTDA-ME, com sede em São Paulo, na Avenida Mazzei, 708 – Tucuruvi, inscrita no CNPJ: 17.114.517/0001-04, convoca a Sra. Jeane Rodrigues de Lima, CTPS: 25253 serie 013, respectivamente, a comparecer em sua sede no prazo máximo de 24 horas, sob pena de configurar abandono de emprego, sujeito às penalidades previstas do art. 482 da CLT.

Assessoria Previdenciária Murarim Assessoria Previdenciária - Benefícios e Aposentadorias do INSS Cálculos e Revisões www.murarim.com.br – murarim@ murarim.com.br. Rua Dep. Gouvea Franco, 32 Sl 06, Pça. dos Bancários – São Paulo/SP – CEP 02422-010 (11) 2158-1045 / 2849-8446 / 960650744 WhatsApp.

Jardinagem Paisagismo Serviços de Jardinagem e Paisagismo – Orçamentos sem Compro-

Compro cédulas e moedas Cédulas e Moedas Nacionais (do padrão réis ao real) – Centena Lacrada – Cédulas e Moedas Estrangeiras 11 4116-8568 ou 94117-2333 (Vivo e Whatsapp) Leonardo.

Precisa-se Recepcionista para atuar em empresa do ramo imobiliário, com mais de 30 anos de tradição. Regime CLT. Marcar entrevista pelo telefone 2977-8122. Falar com Claudio ou enviar currículo para claudiovitimoveis@gmail.com. Imobiliaria Admite gerente de locação (área administrativa) com experiência comprovada em confecção de contratos, atendimento a clientes, emissão de boletos, DIMOB, prestação de contas e gerenciamento de equipe. Morar preferencialmente na Zona Norte (SP). Enviar currículo para: debora@maxtalimoveis.com.br.

Oportunidade


Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

Obras do Rodoanel Norte terão investimento internacional ::: Sandra Kanashima

Na terça-feira (6/3), o Governador Geraldo Alckmin esteve em Washington (EUA) com o objetivo de buscar novas parcerias para São Paulo. Uma delas é o contrato com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que garante financiamento de US$ 70 milhões para a conclusão das obras do Rodoanel Norte. O valor já estava previsto no orçamento global do empreendimento e não significa acréscimo – mas, sim, remanejamento e diversificação da fonte de financiamento para desonerar o tesouro do Estado. Além dos US$ 70 milhões já garantidos no contrato, Alckmin protocolou outro pedido de US$ 223 milhões em financiamento para as obras do Rodoanel e US$ 111 milhões para o Metrô. Segundo o Governador, além das obras gerarem muitos empregos, a mobilidade e a qualidade de vida na região metropolitana serão consideravelmente melhoradas, trazendo benefícios na logística de acesso ao maior aeroporto brasileiro, em Guarulhos, e ao maior porto do país, em Santos. O investimento internacional terá suma importância no âmbito de retração dos aportes que estavam previstos por parte do governo federal, que originalmente deveria arcar com 33% do custo total do Rodoanel e, no entanto, ape-

nas 13% do valor do empreendimento foram repassados pela União. Outros assuntos, como segurança pública e inovações na área da saúde, foram discutidos com os investidores. De acordo com estatísticas levantadas pelo governo do estado, São Paulo saiu de 35 homicídios por 100 mil habitantes/ ano para 8,02 no ano passado, o menor índice do Brasil, e o BID ficou muito interessado na experiência de São Paulo, para ajudar outros estados e países da América Latina.

Rodoanel Norte

O Rodoanel Norte tem início na confluência com a Av. Raimundo Pereira Magalhães – antiga estrada Campinas/São Paulo (SP-332) – e termina na intersecção com a Rodovia Presidente Dutra (BR116). O trecho prevê acesso à Rodovia Fernão Dias (BR-381), além de uma ligação exclusiva de 3,6 km para o Aeroporto Internacional de Guarulhos. Com 44 km de exten-

são, interligará os trechos Oeste e Leste. A expectativa é de que haja uma melhora considerável no fluxo nas marginais – principalmente o tráfego de caminhões, que será distribuído e desviado para o entorno da Região Metropolitana de São Paulo. Estima-se redução de 23% do volume diário médio de caminhões na Marginal Tietê, o que representa uma diminuição de 18,3 mil caminhões por dia, após a conclusão da obra.

Portas nas plataformas do Metrô

Ainda na reunião com os investidores, Geraldo Alckmin solicitou autorização para remanejar US$ 111 milhões em financiamentos, já aprovados junto à instituição financeira, para a instalação de portas-plataforma, em 37 estações do Metrô. O empréstimo foi originalmente solicitado para bancar componentes de manutenção e operação da Linha 5 – Lilás. No entanto, com a concessão da operação da linha no início deste ano, estes itens foram absorvidos pela nova concessionária. Diante disso, o Estado pleiteia a utilização do saldo remanescente do empréstimo para a instalação de portas nas plataformas de embarque e desembarque das estações mais antigas das Linhas 1 – Azul, 2 – Verde e 3 – Vermelha do Metrô.

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Página 5

Exposição conta a história do Rio Tietê A exposição Expedição Tietê: registros de usos, ocupação e recuperação terá sua abertura oficial na quarta-feira (14/3). Realizada pelo Arquivo Público do Estado de São Paulo (APESP), com apoio da Sabesp e da Fundação Energia e Saneamento, a exposição tem por objetivo sensibilizar a população sobre a importância da gestão das águas e aprofundar o debate com o público especializado, por meio do seminário que ocorre na data da abertura. Segundo a Diretora do Departamento de Preservação e Difusão do Acervo do APESP, Camila Brandi, o tema escolhido aproveita o momento de atenção internacional ao 8o Fórum Mundial da Água, que acontece em Brasília, de 18 a 24 de março. A exposição conta com painéis verticais, vitrines e monitores de TVs onde serão exibidos documentos, fotos, mapas e livros do acervo do Arquivo do Estado que registram as múltiplas formas com que a sociedade utilizou e utiliza os recursos naturais do Rio Tietê: desde as retificações do leito para permitir a ocupação e facilitar a navegação, passando pela mineração, lazer, esportes e preservação; até o abastecimento de água para

cidades e geração de energia por barragens e usinas hidrelétricas. Além da documentação oficial, o Arquivo Público também possui em seu acervo documentos gerados por instituições privadas que são de interesse público e social. A exposição fica em cartaz no saguão de entrada do Arqui-

vo Público do Estado de São Paulo até o dia 23 de março. A visitação é gratuita e está aberta ao público de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 9h às 17h. O Arquivo Público está localizado na Rua Voluntários da Pátria, 596, ao lado da Estação Portuguesa-Tietê do Metrô.

PROGRAMAÇÃO Seminário “Expedição Tietê: registros dos usos, ocupação e recuperação” 9h: Credenciamento 9h30: Abertura do Seminário, com o Coordenador do Arquivo Público, Fernando Padula, e o Diretor do Centro de Difusão e Apoio à Pesquisa, Flávio Ricci Arantes 10h: Apresentações das palestras 11h30: Diálogo dos palestrantes com a plateia 12h: Abertura da exposição EXPOSIÇÃO “Expedição Tietê: registros dos usos, ocupação e recuperação” Data: de 14/3 a 23/3 Visitação: Gratuita, de segunda a sexta, das 9h às 17h, no Arquivo Público do Estado de São Paulo. Endereço: Rua Voluntários da Pátria, 596, Santana – SP (ao lado da Estação Portuguesa-Tietê do Metrô).


Página 6

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

TURISMO

Os melhores roteiros nacionais e internacionais

Copa 2018

Barbara Marques

spnorte@jornalspnorte.com.br

Na região do Cáucaso, cidades-sedes carregam histórias desta e de outras eras de nós: é que Sochi será a sede da preparação da Seleção Brasileira para a Copa. Os moradores já até sonham com treinos e exibições abertas. O time de Tite chega no dia 10 de junho, uma semana antes da estreia em Rostov on Don, ou só Rostov, nossa próxima parada.

: Bruno Viterbo

Entre um pouco de frio aqui, um shot de vodca ali, o SP Norte dá sequência à série especial com as cidades-sede da Copa do Mundo 2018, na Rússia. Depois de dar um pulo na capital Moscou, palco da grande final, e São Petersburgo, terra dos grandes palácios, agora é a vez de mais três cidades localizadas ao sul russo: Volgogrado, Rostov on Don e Sochi. As três sedes estão na região do Cáucaso, nas divisas da Rússia com outros países da Europa e da Ásia.

nea, é uma das mais prontas para receber as partidas do Mundial. O Estádio Olímpico de Fisht vai receber seis partidas, de times como Portugal, Alemanha e Espanha. Clima ameno, com direito até a ser chamada de “cidade-resort” por conta de suas praias e balneários, temperaturas em torno de 30°C no já verão russo... Pensando beeem longe, um pouquinho de Brasil. De fato, a cidade terá um pouco

Estreia brasuca Rostov é considerada a maior cidade do sul da Rússia, e é uma das que mais se preparou para sediar os jogos, envolvendo toda uma infraestrutura de transportes, logística e o palco dos jogos, a Arena Rostov. Um dos destaques da emergente cidade, localizada às margens do Rio Don, são seus vários bares e hotéis. A catedral Santíssima Virgem Maria é um cartão postal, enquanto o Parque da Revolução oferece uma vista deslumbrante do rio. O Brasil estreia na cidade contra a Suíça.

Histórias desta e de outras eras Terra natal da bicampeã olímpica Yelena Isinbayeva, Volgogrado carrega muita história. Antes chamada de Stalingrado, em homenagem ao comunista Josef Stalin, foi palco de uma das batalhas mais famosas – e vitoriosas – contra o nazismo durante a segunda guerra mundial. Os turistas sempre procuram o Memorial do Monte Mamaev, onde há monumentos em homenagem aos soldados combatentes. Para sediar os jogos, a nova Arena Volgogrado foi construída ao lado do antigo estádio da cidade, e terá como principal estrela a seleção da Inglaterra. Na mitologia grega, a região do Cáucaso era um dos pilares do mundo. Que a região – sobretudo Rostov – sustente o primeiro pilar da seleção brasileira em busca do hexa.

• Previsões de 9 a 15 de março de 2018 A semana demanda cuidados na comunicação com os mais próximos. Preste atenção nas palavras e a quem você direciona segredos e informações particulares. Ainda assim, a vida profissional e financeira ganha destaque: as próximas semanas são promissoras para quem está em busca de novos desafios.

TOURO – 21 de abril a 20 de maio

Selecione as novas amizades para evitar preocupações desnecessárias. Seja mais prático, compartilhando ideias com seus chefes, para melhorar o ambiente de trabalho. GÊMEOS – 21 de maio a 20 de junho

Não fale tudo o que sabe, para evitar intrigas e inveja no ambiente de trabalho. Olhe para o futuro e, do passado, traga apenas as boas experiências como aprendizado para seu progresso.

Bom momento para impulsionar a carreira, começando por resolver pendências com seus superiores. Lembre-se de que o diálogo ainda é o melhor caminho para o entendimento, tanto na vida profissional como na familiar. LEÃO – 21 de julho a 22 de agosto

Não deixe de se divertir. Mas também não gaste além da conta, apenas para aparecer aos amigos. Pense grande e conseguirá chamar a atenção de seus chefes. Deixe de lado bobagens e fofocas. VIRGEM – 23 de agosto a 22 de setembro

LAZER E ENTRETENIMENTO

Variedades presença especialíssima de Grazzi Brasil, intérprete da Vai-Vai e da vice-campeã carioca, Paraíso do Tuiuti. Quinta-feira (15/3), às 22h. Ingressos: R$ 20.

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha Rua Franklin do Amaral, 1.281 Fone: 2233-9270

As Mulheres no Rock A Fábrica vai celebrar o Dia Internacional da Mulher com muito rock na veia, com as bandas Valentine e Cosmogonia. Os grupos, formados somente por mulheres, apresentam em suas músicas críticas ao estereótipo da mulher na sociedade. Quinta-feira (22/3), às 15h. Grátis.

Casa de Cultura Salvador Ligabue Largo da Matriz de Nossa Senhora do Ó, 215 – Fone: 3931-8266

“Ninguém Segura Essas Marias” celebra Dia da Mulher no CTN

Batalha da Fábrica

Vila do Samba Rua João Rudge, 340 Casa Verde Fone: 3858-6641

ÁRIES – 21 de março a 20 de abril

Comece este período longe de fofocas, principalmente sabendo para quem contará segredos íntimos. Cuide de sua alimentação para elevar a vitalidade.

CÂNCER – 21 de junho a 20 de julho

“Cidade-resort”, Sochi terá um pouquinho de Brasil Vamos começar pela última: Sochi talvez seja a mais conhecida entre as três. A cidade foi sede dos Jogos Olímpicos de Inverno em 2014. Localizada em região litorâ-

Uma batalha de rimas e ritmos só delas. A Batalha de MCs, que sempre acontece na Fábrica, vai dar mais voz às cantoras da região. O evento já é considerado uma vitrine para que os artistas mostrem seu talento e apresentem seus trabalhos. Sábado (24/3), às 14h. Grátis.

HORÓSCOPO

O Dia Internacional da Mulher, comemorado na última quinta-feira (8/3), ressalta a importância delas em nossa sociedade, suas lutas, direitos e instiga a reflexão por parte de todos. Nesse contexto, o Centro de Tradições Nordestinas (CTN) festeja a data neste final de semana, sábado e domingo (10 e 11/3), com um tema para lá de arretado: “Ninguém Segura Essas Marias”. As atividades vão envolver palestras e ações gratuitas, com temas relacionados ao empoderamento feminino, autoconhecimento, emancipação e autoestima. As palestras vão abordar temas como investimentos, saúde da

Grupo Quesito Melodia faz show com campeões do carnaval 2018 Por meio do Projeto Clube do Samba-Enredo, o Quesito Melodia promove na próxima semana uma edição especial do evento. Formado pelos intérpretes Douglas Aguiar, Darlan Alves, Waguinho e Afonsinho, o grupo recebe os colegas Celsinho Mody

mulher, violência, sexualidade, comportamento financeiro e workshop de mecânica de automóveis. Para o bem-estar, o Espaço Maria Bonita terá à disposição massagens rápidas, limpeza de pele e maquiagens, a partir das 14h. Nos finais de semana deste mês, o CTN também promove a Feira de Brechós Se achegue, com várias opções de roupas, bijuterias, artesanato e acessórios a preços acessíveis. Confira em jornalspnorte.com. br/ctn-dia-mulher-atracoes a programação completa do evento. O CTN está localizado na Rua Jacofer, 615, Limão. Mais informações pelo telefone 3488-9400.

(bicampeão com a Tatuapé), Chitão Martins (vice-campeão do Acesso 1, com a Colorado do Brás, que retorna à elite após 25 anos), Guilherme Cruz (campeão do Acesso 2, com a Mocidade Unida da Mooca) e o próprio Douglas Aguiar, campeão do Acesso 1 com a Águia de Ouro. E tem mais: o show terá a

CINEMA

Música e workshop com a banda Alma Livre

Por meio do projeto Reggando Vidas, o grupo de reggae Alma Livre promove vários shows e workshops de percussão em vários espaços de cultura da Zona Norte, até maio. Os cursos são ministrados pelos músicos Kleberson Luiz (bateria) e José Nascimento (percussão) acompanhados dos demais integrantes da banda. O objetivo do projeto é fortalecer a cena do ritmo musical na Cidade, mostrando às pessoas que é possível contribuir com um mundo melhor e mais justo por meio da música. Paz, bem estar e alegria, para resgatar e “regar” os verdadeiros valores da vida. Confira a programação completa das atividades em outros locais da Zona Norte em jornalspnorte. com.br/reggando-vidas-zonanorte. Sábado (10/3), às 20h. Grátis.

Veja a programação completa no site: www.cinemark.com.br

15 anos depois, Lara Croft está de volta! Muito tempo antes de Gal Gadot e sua Mulher Maravilha dominarem a parada toda nas telonas, outra heroína dá as caras nas telonas – e nas telinhas também – há um bocado: Lara Croft está de volta para detonar em Tomb Raider: A Origem, que estreia na próxima quinta-feira (15/3). Tudo começou com um jogo, no já distante ano de 1996. De lá para cá, diversas versões, atualizações, histórias em quadrinhos e, claro, filmes. Aventureira, heroína, sobrevivente,

sex symbol: todos esses “papéis” são direcionados a Croft. Uma das franquias mais bem-sucedidas das telonas – com a bela Angelina Jolie no papel da heroína – começou em 2001, e até hoje é a maior bilheteria de um filme inspirado em um game. A sequência, ainda com Jolie, veio em 2003. Agora, 15 anos depois, Lara Croft está de volta. Desta vez, quem dá vida à combatente é a atriz Alicia Vikander, vencedora do Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2016 com o filme A Garota Dinamarquesa. A origem de Lara Croft mostra a garota, aos seus 21 anos, fazendo entregas de bicicleta pelas ruas de

Londres depois de negar a direção da companhia de seu pai, desaparecido há sete anos – fato que Croft não aceita. Ao descobrir pistas sobre o suposto destino do pai, Lara Croft embarca para uma jornada em uma ilha na costa do Japão. Tudo sem nenhum preparo. Mas, para sobreviver, terá que aprender e lutar, rememorando os ensinamentos que teve quando criança: porrada, arco e flecha e muita inteligência. O ícone dos games ganha uma renovação, atraindo quem já conhece a saga e uma nova geração que viu Angelina Jolie apenas nas telinhas.

Controle os dissabores com atividades esportivas e não fazendo compras, pois só você será o prejudicado. Cuide de sua saúde e inclua seus familiares em conversas saudáveis. LIBRA – 23 de setembro a 22 de outubro

Bom momento para descansar, mas sem exageros, principalmente quanto à alimentação. Não se esqueça de que o arrependimento (e o sobrepeso) virá e deixará você em depressão. Então, evite. ESCORPIÃO – 23 de outubro a 21 de novembro

Os verdadeiros amigos cobram mais suas atenção e presença. Divida melhor seu tempo, e reserve espaço para a diversão e os passeios. SAGITÁRIO – 22 de novembro a 21 de dezembro Cuidado com o que fala para não magoar pessoas com quem divide trabalho e casa. Cuide de sua alimentação, evitando os exageros. Planeje melhor sua vida profissional e seus gastos. CAPRICÓRNIO – 22 de dezembro a 20 de janeiro Tente ser imparcial no convívio familiar para não cometer injustiças. Refaça seu orçamento doméstico e evite gastos desnecessários. Reserve um tempo para o lazer. AQUÁRIO – 21 de janeiro a 19 de fevereiro Sua impaciência poderá causar grandes aborrecimentos no ambiente de trabalho. Lembre-se que nem todo mundo raciocina como você. Cuidado com acidentes domésticos. PEIXES – 20 de fevereiro a 20 de março

Período propício a resolver mal-entendidos com colegas de trabalho. Assim, o ambiente ficará mais leve e você, também. DICA - Leia também seu signo ascendente


Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Página 7

Uma das avenidas mais completas da região

:::Sandra Kanashima A antiga estrada de Juqueri Muito antes de se tornar uma via de elevada importância na Zona Norte, a Av. Coronel Sezefredo Fagundes guarda em seu nome uma grande homenagem ao político que muito se dedicou ao bairro de Santana e redondezas. Natural de Bragança Paulista, nascido no ano de 1868, Sezefredo Fagundes iniciou sua carreira militar na Guarda Nacional, chegando ao posto de Coronel-Comandante da

76a Brigada. Político de projeção, atuou tanto no município de Juqueri, onde exerceu por diversas legislaturas o cargo de Presidente da Câmara, como posteriormente na capital, afiliado ao Partido Republicano Paulista, que era o partido situacionista da época. Em São Paulo, dedicou sua vida política principalmente na Zona Norte, tendo importante influência na construção das adutoras do Cabuçu, as quais vieram servir o bairro de Santana; na estrada para a velha Cantareira, manancial de abasteci-

mento de águas da capital; e cooperou também na construção da Estrada da Cachoeira. A antiga Estrada de Juqueri – como era conhecida –, recebeu a homenagem com a mudança do nome para Av. Coronel Sezefredo Fagundes, em 28 de dezembro de 1961. Uma avenida de opções Quem passa hoje pela Av. Cel. Sezefredo Fagundes – uma das mais extensas da Zona Norte e liga os bairros Tucuruvi, passando por Vila Mazzei, Jardim Tremembé, Serra da

Cantareira, até a divisa com o Município de Mairiporã, vai encontrar diversas opções que facilitam o dia a dia. Os moradores do entorno se beneficiam da variedade de estabelecimentos e quem trabalha por perto não perde tempo ao se deslocar: tem tudo por lá! Na hora do almoço, opções gastronômicas não faltam: pizzas, lanchonetes, o tradicional “prato-feito” e alimentos orgânicos para manter a vida saudável. Falando em saúde, clínicas especializadas fazem a vida, literalmente, sorrir. Quem está começando uma nova vida ou quer dar uma repaginada no visual da casa, lojas

de móveis planejados também estão por lá. Por toda sua extensão é possível encontrar um grande mix de serviços e comércio que vai desde lojas de roupas e calçados, de tecnologia, de brinquedos, até supermercados, academias, cabeleireiros,

pet shop, escolas, concessionárias de veículos, entre outros estabelecimentos. Confira todas essas opções nesta página e aproveite o que a Av. Cel. Sezefredo Fagundes tem de melhor!


Página 8

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

“Aquele longo trajeto de ir e vir” mais rápido. E quem mora em locais mais afastados? As ruas já não dão mais conta, o “busão” não consegue virar a esquina. “O dia inteiro dando duro, uma volta cansativa”, continua a cantar Sapiência. O crescimento desordenado de nossa Sampa jogou às bordas quem já pouco tem. Minhocões foram instalados: “Surge um viaduto, é o progresso / Ou será um retrocesso...” cantou o resistente quilombo da escola de samba Camisa Verde e Branco, da Barra Funda. A solução? Ninguém soube responder. Talvez mais ônibus? Melhorar o asfalto de maneira efetiva? Reorganizar linhas que, realmente, não fazem muito sentido ter o mesmo trajeto, com alterações aqui e acolá? Enfim, uma discussão que, apesar de parecer banal, é determinante para a cidade que gostaríamos de ter. Afinal, em 2017 as catracas giraram 2,86 bilhões de vezes. Sim, você não leu errado: bilhões.

::: Bruno Viterbo

“É hora de voltar pra casa / Trabalhador só quer chegar bem / Infelizmente não tem asas / E precisa das ruas e das linhas do trem / A condução está tão cara / Conforto é o que não tem / Mas o trabalhador encara / Essa rotina sem nunca depender de ninguém” (“A Volta Pra Casa”, de Rincón Sapiência) Já era tarde da noite quando este jornalista voltava de mais um fechamento da edição do SP Norte, às quintas-feiras (a edição impressa da semana sai às sextas). A bordo de um veículo chamado pelo Uber, conversas são comuns – o silêncio é incômodo, e o repórter é, acima de tudo, um curioso. Conversa vai, conversa vem, o motorista revelou que mora na Brasilândia, periferia de nossa Zona Norte. O assunto? Transporte. Público. A conversa foi em meio às anunciadas mudanças no sistema de ônibus da capital. O que fazer para melhorar o transporte em nossas ruas? Como adequar a frota a avenidas importantes e a ruas em que, muitas vezes, apenas um carro consegue passar? Uma passagem a duras penas, já que, longe dos “novos asfaltos” por aí propagados, as ruas dos bairros carecem de cuidados. Buraco aqui, buraco ali, carro e ônibus no conserto, o trabalhador se estressa, o pedestre se quebra, o ciclista (quase sem ciclovia) não consegue mais andar. Um ciclo sem fim. “Nove horas no trabalho é bem mais suave / Que as duas horas balançando na condução”, canta o incrível rapper Rincón Sapiência. Quem mora mais próximo do Centro tem à disposição vários corredores de ônibus. A viagem pode ser dura, apertada. Mas as vias rápidas permitem um trajeto

“E o busão vai parando nos pontos e nos faróis / É feroz esse desafio” Esse prólogo para jogar luz às recentes mudanças anunciadas pela Prefeitura no sistema de ônibus nos últimos dias. Na verdade, as mudanças estão “atrasadas”: a proposta de reorganização data ainda de 2013. O então Prefeito Fernando Haddad (PT) também implantaria as alterações, que envolvem o sistema e as licitações das empresas de transporte. Porém, naquele mês de junho eclodiram manifestações, inicialmente por conta do aumento na passagem do ônibus, suspensa por Haddad à época. O resultado? Deu no que deu, hoje: nós vimos e sentimos... Mas o tema voltou a ganhar destaque quando, no fim de 2017, a gestão João Doria (PSDB) publicou um edital que visa à alte-

Como fica a volta pra casa com as mudanças promovidas no sistema de ônibus

ração de 43% das linhas de ônibus. Com consulta pública até a última segunda-feira (5/3), o documento prevê a retirada de cerca de mil coletivos das ruas até 2021. Para compensar a mudança, criação de novas linhas, interligações, remanejamentos, enfim: toda sorte de adjetivos alteradores. Na Zona Norte, as alterações se dariam em 42 das 161 linhas da região Norte – de bairros como Santana, Casa Verde, Vila Maria – e em 52 dos 158 ramais da região Noroeste – de Pirituba, Freguesia, Brasilândia e outros. “Manhã, tarde ou noite, é raro um busão vazio” A proposta da Prefeitura é ter um modelo em três tipos: estrutural (ônibus articulados, em grandes vias, com caminhos até o Centro), articulação regional (coletivos médios, com ligação dos bairros aos corredores) e intrabairro/distribuidor (microônibus e vans que farão a ligação dos bairros residenciais a áreas densas). De acordo com a Prefeitura, a mudança permitirá viagens mais rápidas, com menos intervalos. Um porém: com mais baldeações, já que o sistema “se tornará mais eficiente” com a não interferência dos veículos menores em grandes vias. Já a SPTrans afirma que a área coberta pelo sistema será ampliada de 4.680 km para 5,1 mil km. Mais mudanças: cobradores de ônibus deixarão de existir. E mais: a frota terá 936 ônibus fora de circulação. Outro porém: se haverá o sistema intrabairro (e os dois subsequentes graduais), os moradores da periferia terão que arcar com mais baldeações. Mais baldeações implicam em conhecer mais o trajeto, onde descer, onde pegar o “busão” – nem todos têm smartphones para mostrar essas informações, muitos são idosos.

Apesar de a Prefeitura e SPTrans falarem que o tempo de viagem vai diminuir, quem garante que mesmo com mais baldeações, esse tempo será cumprido? São Paulo, tão complexa (ou problemática, chame como quiser), não permite nenhum tipo de garantia em suas ruas, esquinas e sistemas. Aliás, garantia não é um ponto forte de um Prefeito eleito afirmando que ficaria os quatro anos à frente da Cidade, e hoje é postulante a outros cargos... “E sua mente quente como brasa / Só vai relaxar quando entrar dentro de casa” Nesse sentido, se o tempo se alonga, os benefícios de integrações ou mais viagens no valor da passagem vão para o espaço. Ou melhor, saindo do bolso de quem já passa por aperto – e não falo só daquele dentro dos lotados ônibus. “Se ela atrasa, seu dinheiro será descontado”, canta Rincón Sapiência. De acordo com a Prefeitura, a expectativa é que as transferências entre uma linha e outra aumentem 4%. Pode parecer pouco,

mas certamente não será para quem já tem que “se virar nos 30” todos os dias para chegar em casa ou ao trabalho. Todas as mudanças, porém, serão realizadas de forma gradual, em pelo menos três anos. Depois da publicação do edital definitivo, em abril, os contratos serão assinados em, pelo menos, seis meses – tempo considerado pouco para uma licitação que envolve, além das mudanças nas ruas, mudanças nos cofres. Serão R$ 66 bilhões em contratos com novas empresas que vão durar 20 anos; o atual contrato é renovado de maneira emergencial, e data de 2003. Que São Paulo precisa se atualizar, isso ninguém tem dúvidas. O problema é quando as mudanças são feitas de um ponto de vista por vezes míope. A mudança no sistema para estrutural, articulação e distribuidor é ideal para uma cidade plana, longe dos desníveis e desordenamentos causados pelo “progresso” em São Paulo. Por aqui, o buraco é mais embaixo – ou do seu lado. Para que as mudanças sejam

efetivas, todo o controle é necessário. O paulistano teria de saber que, sempre na hora que ele estiver no ponto de ônibus, naquele horário, o coletivo vai passar. Não é o que acontece hoje e as chances de isso acontecer efetivamente são poucas. A consulta pública do edital recebeu 7mil questionamentos – e, como manda a cartilha governamental em nosso país, o desprezo pelo que veio antes, quando a SPTrans afirma que “o volume é mais de três vezes maior do que as manifestações recebidas quando a primeira Consulta Pública foi lançada em 2015. À época, foram 1.950 questionamentos recebidos. O crescimento nas mensagens recebidas demonstra o maior interesse da população em participar da formação do novo sistema de transporte público e também evidencia a transparência que a atual gestão deu à minuta do edital [...]”. Mas esquece que o esclarecimento mais efetivo a quem realmente precisa se deu poucos dias antes do fim da consulta pública. Que a volta pra casa se torne mais tranquila.

Com estoque baixo, Ministério da Saúde convoca população para doar sangue Dentre os fatores de sangue que estão mais em falta, estão os tipos O+ e O-, cujas reservas estão em condições de abastecer os hospitais por dois dias. Com uma experiência de atendimento consolida-

do ao doador de sangue, atualmente responde por quase 10% da coleta da instituição. A Fundação Pró-Sangue é uma instituição vinculada à Secretaria da Saúde do governo do

estado de São Paulo. Criada em 1984, arrecada cerca de 12 mil bolsas por mês, sendo responsável por 32% de todo sangue consumido na Região Metropolitana de São Paulo.

Pré-requisitos para a doação de sangue Para ser um doador de sangue é necessário seguir algumas normas, estabelecidas pelo Ministério da Saúde. Confira:

Foto: Assessoria Governo SP - ALEXANDRE-CARVALHO

Com a doação de sangue, até quatro vidas podem ser salvas. Ainda não existe nenhum tipo de medicamento que possa substituir a doação de sangue. E quem precisa só consegue graças à complacência de quem doa. Doar sangue é um processo fácil, seguro e solidário, porém os estoques de banco de sangue estão cada vez mais escassos. Nessa segunda-feira (5/3), o Ministério da Saúde divulgou um alerta sobre a queda de doação de sangue que tem impactado os estoques em todo o país. Esse fato acontece principalmente nos períodos de férias escolares e de feriados prolongados – como carnaval, épocas em que é maior o índice de falta de doadores. É importante lembrar que o sangue é essencial para os atendimentos de urgência, realização de cirurgias de grande porte e tratamento de pessoas com doenças crônicas, além de doenças oncológicas variadas que, frequentemente, necessitam de transfusão sanguínea. A doação de sangue é 100% voluntária e beneficia qualquer

· ter idade entre 16 e 69 anos. Para os menores de 18 anos, é necessário o consentimento dos responsáveis

e, entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se tiver doado antes dos 60 anos; é preciso pesar, no mínimo, 50 quilos e estar em bom estado de saúde;

· · o candidato deve estar descansado, não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação

e não estar em jejum; se a pessoa estiver com gripe ou resfriado, não deve doar temporariamente. Mesmo que tenha se recuperado, deve aguardar uma semana para que esteja novamente apta à doação; no dia, é imprescindível levar documento de identidade com foto; quem tomou a vacina contra a febre amarela fica inapto para doar sangue durante quatro semanas;

·

pessoa independente de parentesco com o doador. Fundação Pró-Sangue intensifica campanhas de doação no posto Dante Pazzanese Em São Paulo, na semana em que o posto Dante Pazzanese, da Fundação Pró-Sangue, completa 30 anos de atividade, a campanha

é intensificada. O momento é oportuno já que o período apresenta queda dos estoques, acentuada pelo episódio de vacinação contra a febre amarela. Atualmente, a instituição opera com apenas 35% do volume de sangue necessário, para abastecer mais de cem instituições de saúde da rede pública da Região Metropolitana do Estado de São Paulo.

· · · a frequência máxima é de quatro doações anuais para o homem e de três doações anuais para a mulher. O intervalo mínimo deve ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

Endereço: Av. Dante Pazzanese, 500 – Ibirapuera. Horário de atendimento: segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. Mais informações e horários de funcionamento dos demais postos de coleta, acesse o site: www.prosangue.sp.gov.br ,ou ligue para o Alô Pró-Sangue 0800-55-0300.


Página 9

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 São Paulo, 09 a 15 de março de 2018 Página 9

Um pedacinho do Japão na Zona Norte

A primeira impressão ao adentrarmos na Yo é a de um ambiente inti-

mista e acolhedor. Em meio a produtos orientais, a decoração é minucio-

samente bem cuidada: gatinhos japoneses (maneki-neko), pratinhos de porcelana e jogos de chá decorados com flores de cerejeira nos transmitem a sensação de que estamos em um pedacinho da Terra do Sol Nascente. A boa notícia é que agora o morador da Zona Norte não precisa ir até o bairro da Liberdade para comprar artigos orientais. Localizado no alto de Santana, a Yo Produtos Orientais e Importados é uma loja com variada linha de itens alimentícios e utensílios para a culinária oriental, além de produtos para quem é adepto da alimentação saudável. Em um ambiente planejado, a Yo disponibiliza conforto, harmonia e excelência no atendimento ao cliente. O carro-chefe da loja são os pratos congelados, que garantem a praticidade naqueles momentos em que é preciso preparar algo rápido e saboroso, seja para jantar com a família ou receber os amigos. Rolinho-primave-

ra (de carne ou de legumes); guioza (pastelzinho recheado com legumes, carne bovina ou suína) e nikuman (pãozinho pré-cozido a vapor com recheio de legumes ou carne) são algumas das deliciosas opções que agradam a todos os paladares. Ainda no setor de congelados, o cliente encontra carne bovina para sukiyaki, soja verde précozida, e kani-kama (carne de peixe com sabor de caranguejo). Para a sobremesa, variadas opções de doces japoneses como manju (doce de feijão), gelatina de algas marinhas, sembei, biscoitos koala, choco pie (bolinhos recheados cobertos com chocolate), além dos deliciosos sorvetes Melona. A Yo também comercializa os mais variados produtos naturais, dentre eles, produtos integrais, orgânicos, sem glúten e vegetarianos. Além de todos os alimentos que contribuem para uma alimentação saudável, a loja ainda conta com o setor de itens para

A fantástica fábrica de chocolate fica na Zona Norte! A promoção mais gostosa do ano está de volta! O SP Norte, em parceria com a Chocolates Itália, traz de volta a magia da Páscoa e o sabor dos chocolates da tradicional fábrica da Zona Norte.

Há mais de 30 anos, a Chocolates Itália produz chocolates finos e bombons. Agora, a estrela da vez são os ovos de Páscoa. No fim de ano, os panetones dão o sabor, aliados a irresistíveis combinações com choco-

late. Essa magia está desde 1987 na região, uma história que começou no bairro do Tucuruvi. Fique ligado em nosso Facebook (facebook.com/jornalspnorte), Instagram (instagram.com/spnorte)

e no site jornalspnorte.com.br. Nos próximos dias, a promoção vai acontecer exclusivamente por esses canais. Não perca mais essa superparceria do SP Norte. Afinal, a fantástica fábrica de chocolate fica aqui!

quem gosta de preparar seus pratos orientais em casa: algas marinhas, arroz japonês, cogumelos shimeji, gengibre em conserva, além de molhos e temperos prontos. Quem procura um presente diferenciado conta com a seção de artigos de louças e porcelanas japonesas, além de garrafas e copos térmicos e uma variedade de utilidades e utensílios importados. No balcão, o cliente pode saborear uma deliciosa quiche acompanhada de bebidas nacionais ou importadas. A Yo conta com variada opção de

sucos – chia e lichia estão estre os mais pedidos; além de refrigerantes japoneses, chás gelados e cervejas, como Sapporo, Budweiser e Heineken. Com essa diversificada oferta de produtos, todos saudáveis e nutritivos, a Yo proporciona um pedacinho do Japão para os apreciadores da culinária e da cultura oriental. Para o leitor do SP Norte, a Yo preparou ofertas imperdíveis que podem ser conferidas no Clube SP Norte: www.clubespnorte.com.br. Vale a pena conferir e pegar o seu cupom!

Yo Produtos Orientais e Importados Endereço: Rua Potins, 110 – Santana Fone: 2973-9947 Facebook: www.facebook.com/Yo.produtos Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 9h às 19h30; sábado, das 9h às 18h

SP Norte e Chocolates Itália sorteiam ovos de Páscoa Informações Site: www.chocolatesitalia.com.br Loja 1: Av. Nova Cantareira, 1.182 – Tucuruvi. Fone: 2976-3249 Loja 2: Rua Heliodora, 276 – Santana. Fone: 2959-6516

rafael@poliszuk.com.br

Curta o curta de Far Cry 5

Games

Uma novidade promete deixar os fãs de Far Cry ainda mais ansiosos pelo lançamento do próximo jogo da série. A Ubisoft lançou, na última

segunda-feira (5/3) Inside Eden’s Gate, um curta-metragem inspirado em Far Cry 5. O vídeo é exclusivo da Amazon Prime. Ambientado no cenário fictício de Hope County, na americana Montana, a trama de Inside Eden’s Gate se aprofunda no “Projeto em Eden’s Gate” e em seu impiedoso líder, Joseph Seed. O curta-metragem foi produzido pela Ubisoft em parceria com a Amazon e a Asylum Entertainment, uma premiada divisão do estúdio cinematográ-

Inside Eden’s Gate está no ar com exclusividade na Amazon Prime Video fico Legendary Entertainment. No curta, os rumores sobre um culto religioso fanático chamado “Projeto em Eden’s Gate” atraem três vlogueiros para a remota Hope County, em Montana. Os personagens começam a seguir pistas sobre o desaparecimento de moradores locais e outros acontecimentos estranhos, e acabam frente a frente com Joseph Seed – interpretado pelo mesmo ator que deu vida ao personagem no jogo de videogame – e os outros membros do seu grupo religioso apocalíptico. O elenco tem nomes como Greg Bryk (Marcas da Violência) e Kyle Gallner (Sniper Americano).

O jogo

Far Cry 5 coloca o jogador na pele de um jovem delegado e dá a ele total liberdade para explorar, por todos os ângulos, o cenário fictício e aparentemente sereno de Hope County. Com o decorrer da história, o jogador perceberá que sua chegada ao condado irá acelerar os planos de um golpe silencioso planejado há anos por um grupo religioso extremista e apocalíptico que trará muita violência ao lugar. Sob um cerco poderoso e isolado do resto do mundo, os gamers terão que encontrar aliados para formar o grupo Resistência e eliminar as ameaças.


Página 10

Caderno de Imóveis

Para anunciar 2996-1253 São Paulo, 09ligue: a 15 (11) de março de 2018 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Página 10

Índices do dia 08/03* Dólar Comercial Turismo Paralelo 1 UFM 1 UFESP

Compra

Venda

3,262 3,265 3,130 3,390 3,200 3,400 152,00 25,07

IGPM mês* IGP-DI - FGV* IPCA* Selic mês* Poupança* INPC*

0,07 0,15 0,29 0,47 0,3855 0,23

Segundo levantamento do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (CRECI-SP), as vendas de casas e apartamentos cresceram 6,61% em janeiro de 2018 em relação ao mês passado, primeiro resultado positivo para os meses de janeiro desde 2009. Outro marco histórico estabelecido pela pesquisa que o CRECI-SP fez com 290 imobiliárias da cidade foi o aumento de 23,09% no preço médio do metro quadrado dos imóveis vendidos em janeiro em comparação com dezembro do ano passado. Esse foi o maior aumento desde julho de 2010, quando esse valor foi divulgado pela primeira vez. O Presidente do CRECI-SP, José Augusto Viana Neto, lembra que uma coisa (venda em alta) explica outra (preço em alta), mas esse não é, certamente, o único motivo para a reversão do histórico negativo de vendas registrada em janeiro deste ano. O mercado imobiliário não funciona como um algoritmo, com programação que possa prever quando e onde haverá aumentos e quedas. O PIB do Brasil havia crescido

Fotolia_55585409_© auris - Fotolia.com

Venda de imóvel usado cresce pela primeira vez em nove anos no mês de janeiro

7,5% em 2010 comparado a 2009, mas em janeiro de 2011, mesmo com as previsões de que o crescimento continuaria (o PIB fechou positivo o ano em 4%), as vendas de imóveis usados na capital paulista encolheram 28,56% em comparação com dezembro de 2010. Segundo Viana Neto, na decisão de comprar pesam também fatores

emocionais, a oportunidade de compra por necessidade de mudança de endereço, o acesso a recursos não previstos ou a desova do que se estava guardando para um momento oportuno, entre outros. O uso de recursos próprios na compra está claro na pesquisa CRECI-SP. O crescimento de 6,61% nas vendas de janeiro último foi

bancado essencialmente por compradores que usaram recursos próprios para adquirir suas casas e apartamentos. As compras à vista representaram 55,56% do total de negócios fechados nas 290 imobiliárias pesquisadas, que venderam no mês 69,44% em apartamentos e 23,09%, em casas. As vendas com financiamento bancário somaram

38,89% e as feitas com pagamento parcelado pelos proprietários, 5,56%. Os mais vendidos Em janeiro, segundo a pesquisa CRECI-SP, 52,78% dos imóveis usados vendidos na capital custaram aos compradores até R$ 600 mil. A divisão dos imóveis vendidos por faixas de preço apontou predominância – 59,15% – daquelas até R$ 7 mil o metro quadrado. Os descontos concedidos pelos donos dos imóveis vendidos em janeiro aumentaram em relação às médias de dezembro em duas das cinco regiões que compõem a pesquisa CRECI-SP. Esses descontos

são concedidos sobre os preços originais de venda. A maioria dos apartamentos e casas tem padrão construtivo médio (77,78%), 12,5% são do padrão standard e 9,72% do padrão luxo. A pesquisa CRECI-SP apurou que imóveis usados de dois dormitórios foram os mais vendidos nos bairros da Zona B (4,17%) e que os de três dormitórios dominaram as vendas nas Zona A (12,25%), E (2,78%) e Zona C (19,44%, onde houve empate com o mesmo percentual com os imóveis de quatro dormitórios). Na Zona D, os tipos mais vendidos foram os de um e três dormitórios (empatados com 5,56%).


Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

CLASSIFICADOS IMÓVEIS VENDAS Apartamento Oportunidade! Apto. alto de Santana 93 m², 3 dormitórios, suíte, sala ampla, cozinha, 3 vagas e lazer. R$ 550.000. Creci 61.647 Tratar 99103-2911. Apto. novo 2 suítes V Caiçara P. Grande. Terraço S. festas piscina 1 vaga A.u 60 m². R$ 230 mil aceita finan. F: 11 994818255. Apto. Metrô Brás, c/ 2 dorms. Reformados, 1 vaga,

andar alto, sl jogos, portaria, 270 mil. Ac financiamento. Tratar 99877-2125 Cristina. Creci 68899. Apto. R$ 150 mil 1 Dorm, grande, na Praia Grande c/ 54m², 1 vg, planta que favorece fazer 2 dorms. Elevador em prédio tranquilo, 50 m da praia. Tratar: 11 98774-2125 Cristina. Excelente Apto. na R. Cap. Alberto Mendes Jr. com área privativa 133 m² com 3 dormts (1 suíte) qto. empregada, 2 vagas garagem, prédio com excelente infraestrutura – Tratar com proprietário Tel.: 2204-1855. Apartamento vago e re-

formado em Santana – 2 Dorms, 2 Banheiros, 1 Vaga. Exc. localização, próximo ao Metrô e ao Sesc, condomínio com lazer completíssimo, Excelente oportunidade de negócio – só R$ 420 mil –Tratar 947833321.

Casas e Sobrados Á. Fria, jto. Jd França. C Térrea, 2 dormitórios, wc. vaga p 2 carros e quintal. Terreno de 8.23 plano. Creci 61.758 Tratar: 992225689. Casa térrea Vila Armoni! 3 dormitórios, 2

banheiros, sala, cozinha, lavanderia, quintal, garagem. R$ 400.000. Creci 61.647 Ttr 99103-2911. Sobrados Novos 76 m² em Condomínio – Tucuruvi 3 dors. (suíte), banheiro social, aquec. solar de última geração (solis) torneiras e louças (deca) pisos e azulejos (porcelanato), proteção de escada em aço inox, interfone, gar. subterrânea p/ 2 autos. Valor R$ 540 mil. Aceita finac. Tem mais 1 sb. c/ 2 suítes 31 m². Valor R$ 480 mil. Aceita finac. prox. de tudo – Tel. 2206-1770 com Creci 24.476 j.

Vendo sobrado Jd. S. Paulo; Metrô 4 quadras; linda vista panorâmica; Superior: qto. casal grande c/ closet e suíte; qtos. solt. c/ arm. emb. e terraço; qto. solt. c/ terraço; WC social; Inferior: s. jant. e s. estar enormes; gde. coz. c/ prev. gas, gel, freezer; QE; WC c/ chuv. e pia; lavand. coberta. c/ tanque duplo e prev. p/ lav/sec; gde. Quintal desc; jd.c/flores e arv; jd. Inv. desc.; garagem cob; Novos: hidr., eletr., forro PVC, telhado, pint.; 3 cxs. água 1.000 litros cada; reformada total; prev. 220V p/ Ar Cond. Ac. financiam.

banc. Em expos. Tr. propriet. F. 11 99606-2003.

Comercial Prédio Comercial 3 pavimentos e garagem 4 autos na frente. Excelente ponto comercial na Av. Água Fria – Tratar com proprietário Tel.: 2204-1855.

Locação

Alugo Sobrado: 4 dorms, 4 wcs, suíte, 2 vagas, lugar seguro. R. Valério Giuli, Santana. R$ 2.300,00. Fone: 29738185.

Caderno de Imóveis

Página 11


Página 12

Caderno de Imóveis

São Paulo, 09 a 15 de março de 2018

Para anunciar ligue: (11) 2996-1253 www.jornalspnorte.com.br

MODA Oscar 2018: os melhores looks da premiação ::: Gabriela Cury Na noite do último domingo (4/3), tivemos a principal premiação cinematográfica de Hollywood, o Oscar 2018.

O filme A Forma da Água garantiu melhor filme, melhor diretor, melhor design de produção e melhor trilha sonora. Mas, cá entre nós, o que roubou a cena foram os variados looks maravilhosos das divas do cinema, e separei para vocês o Top 5 na minha opinião (com os tweets/prints preciosos do @RealitySocial). No quesito metalizado duas peças conquistaram meu coração: Jennifer Lawrence Usando um Dior bafo e apostando em cabelos ondula-

dos e soltos. Aliás, Jennifer mostrou ser gente como a gente e roubou a cena andando pelo Oscar segurando uma taça de vinho e pulando as fileiras de cadeiras! Aliás, a atriz está nas telonas com o intenso (e polêmico) Operação Red Sparrow. Gal Gadot Não sei com o que iluminava mais: se era seu Givenchy com barras de franjas ou se o colar de diamantes da Tiffany and Co chamado de Blue Book, com mais de mil diamantes e uma água-marinha de 27 quilates.

No quesito elegância, três looks: Jane Fonda Na elegância da escolha de um Balmain branco, a atriz no alto de seus seus 80 anos acerta em cheio na cor, no corte, na postura, sendo fiel às suas escolhas: longos com mangas longas. Allisson Janney Poderosa – e vencedora do Oscar de Melhor atriz coadjuvante –, desfilou um Armani Privé vermelho com decote profundo. A atrz mostrou que não tem idade para usar decote, e sim ter uma

postura de dar inveja! A Choker deu um charme especial com seus 55 quilates. Viola Davis Divina! Não à toa, a galera do BuzzFeed até sugeriu trocar o nome do Oscar para “Viola

Davis de Melhor Filme”! A atriz fez bonito com seu Michael Kors rosa, e vamos combinar: que cabelo mais divo! E aí? O que vocês acharam? Eu já estou doidinha para ter um casamento e aplicar essas inspirações!

Edição 802 - 9 a 15 de Março de 2018  
Edição 802 - 9 a 15 de Março de 2018  
Advertisement