Page 2

2

Opinião

E-mail: redacao@jornalscnews.net.br

Fone: (47) 3249-1173

Dr. Mario Cesar dos Santos

Site: www.jornalscnews.net.br

A

análise dos recentes números de inscrição no vestibular de verão da Universidade do Vale do Itajaí traça um curioso perfil do atual momento do mercado de profissões. O maior interesse por algumas áreas do conhecimento demonstra justamente como a sociedade percebe rapidamente as demandas do mercado, impactando a procura por cursos que respondam a essas necessidades de formação. Tomando os maiores índices por vaga, percebemos três tendências predominantes, embora algumas áreas, mesmo relevantes como a de gestão, não apareçam com índices tão acentuados em função da profusão de cursos nas IES. Ressoando o momento virtuoso da construção civil no País, impulsionada pelo déficit habitacional e pelo imperativo de grandes obras estruturais e logísticas, os cursos de engenharia e arquitetura se destacam entre os mais procurados. Os novos alunos visualizam, com razão, as enormes oportunidades de inserção profissional, dada a flagrante demanda por profissionais neste setor. As áreas do design têm também atraído a atenção de muitos jovens, que identificam o avanço das atividades ligadas à estética e ao desenvolvimento de conceitos visuais. Moda, decoração de espaços e criação de novas soluções gráficas são foco de intensa expansão e investimento, resultado de uma sociedade cada vez mais iconográfica, mais interessada

Litoral Catarinense, 2 de maço de 2012

Vinicio Bortolatto

Diretor da Vinicio Bortolatto materiais para construção.

Reitor da Univali

Mercado de profissões

Motivação para vencer!

pela forma das coisas. Nesse processo de sofisticação estética, podemos incluir a gastronomia, área de crescente interesse, também refletido nas matrículas na Universidade. Ao lado dessas, porém, há espaço de destaque para profissões que, desde sempre, são objeto de preferência de muitos jovens que desejam ingressar no ensino superior. Medicina e Odontologia representam o sonho de futuro de muitos que disputam acirradamente as vagas nos cursos. Mesmo tradicionais, são formações que descerram um cenário bastante promissor de emancipação financeira, pois lidam com demandas de saúde que sempre estarão no topo das preocupações humanas. Apesar de tais tendências, a verdade é que as opções profissionais devem estar alinhadas primordialmente com impulsos vocacionais, mais do que com a expectativa de sucesso material. À sociedade não interessa engenheiros ou médicos sem a motivação do talento, pois um mau médico ou engenheiro é um duplo prejuízo à coletividade. Primeiro, pelas próprias consequências – às vezes até letais - de más práticas (vide alguns erros médicos e os desmoronamentos de prédios, por exemplo); segundo, porque um médico ou um engenheiro negligente poderia ser um prodigioso designer de moda se levasse em consideração que, mais do que um diploma, um profissional excelente e realizado nasce da paixão pelo que faz, da felicidade de ter encontrado, na profissão, uma forma de expressão de seu melhor.

G

ostei do artigo do Consultor e professor Gilclér Regina e repasso na integra a todos os leitores. Quando crianças, ouvimos os adultos afirmarem “menino, vai estudar para vencer na vida”. Na maioria das vezes, esta afirmação está associada a “se dar bem na vida”, “ganhar muito dinheiro”. Na prática, vemos tantas pessoas, empresários, artistas e outros que “se deram bem” sob esta ótica, mas, na verdade, são pessoas superficialmente felizes ou infelizes. Afinal, o que é ser vitorioso? O que significa “vencer na vida”? Sucesso é um conceito social e um autoconceito ao mesmo tempo, então, vencer na vida é estar bem consigo mesmo. Uma dona de casa que se esforça e consegue educar bem seus filhos é ou não uma vitoriosa, mesmo não tendo muito dinheiro? Um cientista que vive preso num laboratório, que não ganha milhões, mas tem a missão de contribuir para a ciência, ele é ou não um sucesso? Depende do conceito de sucesso que cada pessoa tem. Sucesso para uns pode ser dinheiro, para outros, o reconhecimento, a família etc. Por que vemos pessoas ricas que vivem drogadas, que se matam? Ou pessoas que vieram de condições modestas e são muito mais felizes do que aquelas que nasceram com 50 milhões de dólares na conta e, talvez por isso mesmo, não possuem objetivos ou

metas? O ser humano precisa ter pelo que lutar. Isso é que é motivação. Eu imagino que motivação é tudo aquilo que você ainda não tem, ao contrário de satisfação, que é tudo o que você conseguiu. Se eu não posso te motivar, posso lhe dar motivos para que você faça melhor e mais aquilo que você quer fazer. Ser feliz na sociedade contemporânea é algo muito amplo. Um casal que conheço tem um filho que é músico de uma banda de rock e ele é absolutamente feliz, mesmo levando uma vida difícil e dura, para quem o observa de fora. Quando perguntam o que ele vai ser na vida, responde que já é um músico. Agora, se analisarmos sob uma visão de empreendedorismo, ele seria um sucesso ou um fracasso? Quem poderá dizê-lo? Quem poderá ser o juiz da felicidade de alguém ou seu conceito de sucesso? E ainda, quantas histórias dessas viraram inclusive em fama e dinheiro. Muitas vezes eu ouço assim: “Preciso motivar meus funcionários”. Mas em muitos casos é muito difícil motivar um funcionário porque se ele der uma opinião sobre coisas novas, lá é proibido, não há espaço para essas coisas. E as condições de trabalho? Como motivar? Primeiramente deve passar por perguntar sobre o que motiva! Motivar é trabalhar nas alternativas do meio ambiente que lhe dêem os moti-

DIRETOR-PROPRIETÁRIO Alex Walter Van www.jornalscnews.net.br | Twitter: @jornalscnews

Jornalista Responsável Isy Weinert

Fundado em 1994 Tiragem desta edição: 4250 exemplares

Os artigos assinados não refletem, necessariamente, a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores

O Jornal SC NEWS, com distribuição segmentada, circula nos municípios de Balneário Camboriú, Camboriú, Itajaí, Itapema, Navegantes, Luiz Alves, Penha, Piçarras e Barra Velha. Assinantes pagam taxa de entrega e a assinatura se renova automaticamente.

Rua Criciúma, 204, Centro, Fone: (47) 3249-1173 e (47) 9953-5314, CEP 88303-130, Itajaí-SC

Rua: Orlando Ferreira, 952 - Machados - Fone: (47) 3342-4169 - Navegantes - SC Rua: Nereu Liberato Nunes, 263 - Centro -Fone: (47) 3342-1722 - Navegantes - SC

vos suficientes para você fazer mais e melhor aquilo que deve. Existe um ditado britânico que diz: “Eu posso levar meu cavalo até o rio, mas ele só vai beber água se ele quiser beber”. Motivar é isso, é levar esse cavalo até o rio, sabendo que a quantidade de água que ele beberá irá depender dele. Uma empresa necessita trabalhar em condições para que essa pessoa se motive. O que você poderá fazer para que seu filho tenha condições de vencer? Você lhe dará afetividade, equilíbrio emocional, suporte financeiro, para que ele encontre seu verdadeiro caminho. Motivar é oferecer os motivos para que sejam vencidos os desafios. Como disse Martin Luther King: “Se um homem não descobre algo por que morrer, não está preparado para viver”. Eu vejo professores que ganham mal, mas que se preparam como se aquela fosse à aula de sua vida, e isso é bonito de ver. Possuem sentimento de missão. Não adianta querer vencer, é preciso preparar-se para vencer. Não basta rezar, é preciso ir ao encontro de Deus. Winston Churchill que disse certa vez: “O mundo estaria arruinado se cada um somente cumprisse com a sua parte”. Nunca vi nesta vida um desanimado que prosperasse. O fracasso só existe verdadeiramente para os desanimados, para os profetas do caos que estão sempre de plantão. Essas pessoas predizem que nada vai dar certo e acabam acertando, porque nada acaba mesmo dando certo. A idéia é confiar mais. Precisamos ter mais certeza no positivo e sabemos que este se alimenta dos negativos. A grande dica é ver o que todo mundo vê e perceber o que ninguém percebe. Quem fizer isso, estará construindo o seu sucesso pessoal, fincado em rochas verdadeiras. Pense nisso e um forte abraço.

Departamento Financeiro Thalita Souza e Silva Departamento de Circulação Josué Gonçalves Ribeiro Departamento de Vendas Josiane Scheffer

Av. Pref. José Juvenal Mafra, 4000 - Gravatá - Fone: (47) 3342-7075 - Navegantes - SC Rua: Nilo Anastácio Vieira, 470 - Centro - Fone: (47) 3347-1131 - Penha - SC

Jornal SC News  

Edição 57 - Jornal semanal de Itajaí e região

Advertisement