Issuu on Google+

Kopezinski alerta para cuidados no plantio de frutíferas

Consumidores devem ficar atentos aos rótulos dos produtos Saúde 16

Rural 7

Férias x Estudo: tempo menor para diversão Educação 21

O REPÓRTER Ano 3 - Nº 232

R$ 1,50

IJUÍ, SÁBADO, 3 DE JULHO DE 2010

O raio X do sistema carcerário da região

Polícia 27

Argemiro Brum completa oito Acadêmica de Artes expõe “Relicários Contemporâneos” décadas de história Geral 26 na Sala Java Cultura 13 Dia Internacional do Cooperativismo é celebrado Segurança e saúde são com atividades esportivas e reivindicações dos moradores culturais do Alvorada Geral 11

Bairro 5

Adolescentes interagem com idosos da Sabeve

Seminário debaterá energia elétrica rural

Seleção Brasileira acabou o sonho do Hexa

Congregação Evangélica Luterana Emanuel completa 88 anos de trabalho junto a comunidade

Solidariedade 12

Política 8

Geral 22

Agentes participam de oficina sobre Plano de Saneamento Básico

Meio Ambiente 23

Entre-Ijuís assina convênio histórico com DAER Esporte 24

Região 20 CMYK


2

SÁBADO, 3 de julho de 2010

O REPÓRTER

O REPÓRTER

Da Redação

Torcida assistiu eliminação na Praça

Registro de Imóveis está atendendo em novo endereço

Os ijuienses, desde o início da Copa do Mundo na África, se reuniam na Praça da República para acompanhar os jogos da Seleção Brasileira. Ontem não foi diferente. Vestidos de verde e a amarelo, acompanharam o jogo contra a Holanda, que resultou na eliminação do Brasil. Após o jogo, a decepção e tristeza dos torcedores tomaram conta do centro da cidade.

A titular do Registro de Imóveis de Ijuí, Lenisa Butignol, informa que para melhor receber seus clientes, desde a segunda feira está atendendo em novo endereço. O novo local fica na Rua Benjamin Constant, nº 265, esquina com a 14 de Julho.

Corede local recebe visita de coordenadora Aipan promove curso a população que faz parte da mesorregião. No sobre Alimentação Integral O Conselho Regional de Desenvolvimento do Noroeste Colonial (Corede-Norc) recebeu uma importante visita nesta terça-feira, 29. A coordenadora dos programas regionais das regiões Sul e Sudeste do Ministério da Integração Nacional, Morgana Oliveira, em um tour pela região do Mesomercosul, esteve em Ijuí e participou de um encontro, que faz parte de uma série de sete reuniões na região. O objetivo central, segundo o presidente do Codemi e vice-presidente do Corede-Norc, Sérgio Allebrandt, é buscar a integração com

caso da região de Ijuí, o tema de debate foi a possibilidade de implantação de até três Bolsas de Mercadorias. Para Allebrandt, a novidade viabilizaria o comércio específico com pequenos e médios produtores locais. Cerca de 50 pessoas participaram da reunião. Ao final do evento, diversos empresários manifestaram interesse em aprofundar o debate levantado. Na próxima quinta-feira, novo encontro será realizado, no quinto andar do prédio do Banco do Brasil, nas instalações do Unijuí Comunidade.

Estado imuniza 95,66% do rebanho contra a febre aftosa A primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa no Estado imunizou 95,66% do rebanho. Neste ano, foram vacinados 13.748.612 bovinos e bubalinos. Mesmo o índice sendo inferior aos 97% da mesma etapa da campanha de vacinação em maio do ano passado, o diretor do DPA da Seappa, Dagoberto Bueno, atribui a diferença à prorrogação do período na etapa do ano pas-

sado, realizada devido à seca. Entretanto, ele afirma que as fases não podem ser comparadas porque ocorreram em situações distintas. Apesar da redução, o secretário da Agricultura, Gilmar Tietböhl, considerou o percentual elevado e se disse satisfeito. “Conseguimos superar mais uma vez o índice e nosso rebanho está protegido”, disse. A organização Mundial da

Saúde do Animal (OIE) estabelece mínimo de 85% de imunização para manutenção do status de livre de aftosa com vacinação, mas, por segurança, o Estado trabalha com meta de 90%. Em julho, acontece a conclusão da imunização de fiscalização que iniciou em junho. Os produtores que não vacinaram os animais serão multados em 2% do valor do rebanho.

Resultados da

Ijuí participa de LOTERIA OAB Encontro no final de semana

Dia:

02/07Horário:18h30

Prêmio

Resultado

1.189

5.003

6.765

5.036

1.972

9.965

A OAB Ijuí estará representada no 1º Encontro do Projeto de Interiorização da Comissão de Direitos Humanos Sobral Pinto da OAB/RS. Reunião que tem início hoje, às 9 horas e contará com a presença da Advogada Charlise Colet Gimenez, que coordena a Comissão de Direitos Humanos da 23ª subseção da OAB de Ijuí. Na pauta do encontro, a discussões sobre o Plano de Atividades para a Gestão 2010/2012; insDiretor Administrativo:

O REPÓRTER E.L. Mânica e Cia Ltda. CNPJ: 09.475.474/000164

Av. David José Martins, 1356 - Ijuí - RS - CEP.: 98700-000

Telefone geral: (55) 3332 2000

Enzo Luis Mânica Editora Chefe:

Estefania Vieira Linhares Diagramador Fábio Lima Deicke Arte Gráfica Jonatan Brivio

talação do Programa de combate contra o abuso sexual infantil; atuação junto ao Sistema Penitenciário; proposta de audiência pública nas Subseções; e realização de seminários preparatórios para o Seminário Nacional de direitos humanos. A Comissão de Direitos Humanos recentemente formada na 23ª Subseção, conta também com a participação dos advogados Douglas, Aldemir Berwig e Fabiana Padoim. Revisão: Anelise Copetti Dalla Corte REDAÇÃO Envie sugestões, comentários, críticas e dúvidas para a redação pelo e-mail redacaooreporter@yahoo.com.br; para o endereço Av. David José Martins, 1356, CEP 98700-000, Ijuí, RS; ou pelo telefone (55) 3332 5985.

A Associação Ijuiense de Proteção ao Ambiente Natural (Aipan) estará provendo um curso sobre “Alimentação Integral e Culinária Vitalizante”, no próximo dia 17 de julho, às 8h30, no Laboratório de

Nutrição – Unijuí. O curso será ministrado por Marcos Natureba. Maiores informações sobre como realizar as inscrições, podem ser obtidas na Aipan ou pelo telefone (55) 3331-1483.

Feira Estadual do Artesanato acontece nesTe final de semana

A 19ª Feira Estadual do Artesanato ocorrerá neste final de semana, na Praça da República. Participaram da feira artistas de várias cidades, como Porto Alegre, Giruá, Santo Ângelo, Caxias do Sul e Passo Fundo. O evento será iniciado no sábado, 3, às 10h, com show da banda Retreta e abertura oficial às 10h30. A programação segue no domingo, 4, com diversas atrações culturais. Em caso de chuva, a programação será transferida para o Centro Cultural da Paróquia São Geraldo.

Caps Colmeia vai receber visita de equipe da Itália Na próxima segunda-feira, às 8h, o Centro de Atenção Psicossocial (Caps Colmeia) irá receber uma equipe de saúde mental da cidade de Trento, da Itália. Promovido pelo Poder Executivo, Caps Colmeia e Associação de Saúde Mental de Ijuí (Assami), o encontro objetiva a

apresentação de todo o trabalho realizado pelo Caps Colmeia de Ijuí aos visitantes italianos. Conforme a assistente social do Caps, Daiana Souza de Quadros, a equipe que virá é composta por cerca de sete pessoas e será recepcionada no próprio Centro, com café da manhã.

Horários de ônibus para o Vestibular de Inverno 2010 A Medianeira Transportes estará disponibilizando ônibus para os estudantes que irão realizar a prova de vestibular amanhã na Unijuí: Modelo (7h30); Avenida Getúlio Vargas (7h35); Bradesco (7h15, 7h45, 8h, 8h10 e 8h15); Campus (7h40, 7h55, 8h20, 8h25); São José (7h20); Alvorada (7h25); CSU (7h30, 8h15); Tancredo Neves (7h e 8h); Glória (7h05 e 8h05); Independência (7h40) e Polivalente (7h50). O retorno será a partir das 10h.

PARA ANUNCIAR Escreva para comercialoreporter@yahoo .com.br ou pelo telefone (55) 3333 7426. PARA ASSINAR Para receber o jornal O REPÓRTER em casa ligue para (55) 3333 7426

Os artigos publicados com assinatura não traduzem necessariamente a opinião do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores.

Impressão: E.L. Mânica e Cia Ltda.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

O REPÓRTER

O REPÓRTER

3

Da Redação

Campanha “Ijuí Tem Mais” inicia no próximo dia 12 O diretor do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) Antônio Quatrin concedeu entrevista à Rádio Repórter falando dos passos para a Campanha Ijuí Tem Mais que terá como tema as estações do ano. A Campanha começará a vigorar no dia 12 de julho. Como está sendo preparada a Campanha “Ijuí Tem Mais”? Nós, este ano damos um novo formato para essa campanha. A mudança começou com o nome, se chamando a campanha “Ijuí Tem Mais”. A escolha se deve, porque Ijuí vem se concentrando na região por várias áreas, podemos dizer que o comércio em Ijuí “Tem Mais”. Nós acompanhamos o comércio ijuiense se desenvolvendo a cada dia que passa. São novas lojas se instalando na nossa cidade. É importante também, que a comunidade, o município, e toda a região constate que Ijuí é cada vez mais polo. Como está acontecendo os ajustes e a adesão à campanha? Fizemos um pré-lançamento para as empresas e para a imprensa. Neste período, abrimos um espaço para as adesões. Estamos aguardando as adesões que vêm acontecendo e, a partir desse espaço, vamos começar a campanha. A mesma foi dividida em três períodos:

se fique só na questão do comércio, na questão dos negócios, mas a questão da cultura, devemos contribuir nessa movimentação cultural e social da nossa comunidade.

inverno, primavera e verão. Esta é a grande diferença que tem este ano. Não vamos nos ater a datas comemorativas e sim a estações do ano. Pretendemos trabalhar no inverno a questão do aconchego, na primavera a questão da vida e no verão a questão da alegria. Com todos esses temas, entendemos que o aconchego, vida e alegria, isso só pode gerar energia positiva. Nós pretendemos utilizar, além dos pontos de vendas, as lojas que aderiram à campanha, pretendemos utilizar a Praça central, quetambém estará decorada com esses motivos. Além da decoração, serão realizadas atividades culturais e de lazer, que foram já autorizadas pelo Poder Executivo. É de costume que a ACI e o Sindilojas tenham parcerias com o Poder Executivo na realização de ações. O desenvolvimento dessas atividades é para que não

A antecipação de promoções neste período importante traz alguma preocupação? É algo que nos chama atenção. Constamos que algumas lojas estão com suas vitrines sinalizando com descontos de 30% a 50%. Evidentemente que a entidade não vai interferir nesse comportamento, porque cada empresário tem liberdade para proceder da forma que ele deseja. Realmente achamos que é bastante precipitado. Veja bem, o inverno é uma estação onde o setor do trabalho com confecções, tanto masculinas como femininas, tem o aquecimento em suas vendas, cada clima têm um período de faturamento mais significativo. Entendemos que as promoções seriam no final das estações justamente para que se coloque para fora aquilo que realmente não foi comercializado dentro de uma condição normal. Não temos como mexer na questão da natureza, do clima, mas entendemos que o inverno, que ainda não ocorreu, deverá ocorrer, como iniciar mais tarde e terminar mais tarde.

A TOCA DA ONÇA Terceiro Mundo: A Vingança Va te faire enculer, sale file de pute, quer dizer exatamente isso que você está pensando, só que em legítimo, cultíssimo, primeiro mundíssimo français. A tradução em português vulgar é: vá tomar no xx, seu sujo filho da xxx. Estas foram as super civilizadas palavras com que o jogador Anelka saudou o técnico francês Raymond Domenech, antes da derrocada da França para a África do Sul. Sair à francesa, normalmente, significa sair discretamente, sair sem chamar a atenção. Então, ta na cara que a França fez de tudo nesta Copa do Mundo, menos sair à francesa. A grosseira recusa de Domenech ao civilizado cumprimento de Carlos Alberto Parreira mostrou o quanto o futebol é revelador da

Ações de Prevenção em Saúde Bucal foram desenvolvidas por alunos da EFA O Centro de Educação Básica Francisco de Assis de Três Passos realizou, no dia 26 de junho, na praça Reneu Geraldino Mertz, um evento voltado à Prevenção em Saúde Bucal com os alunos do Curso de Auxiliar em Saúde Bucal – ASB. A programação teve diversas atividades voltadas a prevenção, entre elas a revelação de placa nos dentes e a orientação para escovação. Os alunos realizaram ainda, contação de histórias e distribuíram kits para crianças e jovens, com escova de dente e creme dental doados pela Secretaria Municipal de Saúde de Três Passos. O evento foi realizado no turno da manhã e contou com a presença de escovódromos cedidos pela Prefeitura Munici-

pal de Ijuí, que auxiliaram nas ações desenvolvidas. O evento foi programado na Base Tecnológica de Educação para a Saúde e ministrado pela professora Odontóloga Fernanda Bottega. Na preparação, os alunos elaboraram folders com orientações que foram distribuídos à população. A ação foi supervisionada pela Odontóloga Letícia Jager, e contou com a presença de representante dos dentistas da Rede Básica de Saúde.

Larry Antonio Wizniewsky verdadeira falta de educação de quem se diz civilizado. Na derrocada francesa estão, também, inscritos os rumos do futuro do futebol europeu. Itália, França, Inglaterra, Portugal e Espanha, mantêm e turbinam seus campeonatos nacionais com equipes estrangeiras, formadas em sua grande maioria por craques do Brasil, Gana, Argentina, Paraguai e outros tantos países desprezados economicamente por este mesmo continente. Mas na hora de formarem suas seleções nacionais, estes países têm conseguido apenas amontoados de jogadores menores, e alguns craques, cujo resultado em campo ficou evidente nesta copa. O fracasso das seleções de Rooney, Cristiano Ronaldo e toda a França e a Itália é o retrato escancarado disso. A Espanha é meia boca e

sobrevive por sorte. Já os campeonatos nacionais desses países, reúnem times como o Chelsea, Real Madrid, Barcelona e Milan que, com certeza, ganhariam das próprias seleções nacionais. Não deixa de ser um interessante quadro para ser analisado. O furo dessa situação, no entanto, está alhures. O buraco por onde vaza a qualidade da Copa do Mundo se chama, novamente, FIFA e o dono da furadeira é mesmo Joseph Blatter. Se não, vejamos. O faturamento da FIFA subiu de 799 milhões de dólares na Copa de 2006, para 1 bilhão e 100 milhões de dólares na atual Copa da África (os dados são do próprio site da FIFA). Já os clubes europeus afundam em dívidas insolúveis. Pelos dados da DELOTTE, auditora oficial dos campeonatos da Co-

munidade Europeia, os 10 times mais endividados em milhões de dólares são: Manchester United – 820 / Real Madrid – 800 / Chelsea – 600 / Barcelona – 500 / Atlético de Madrid – 460 / Inter de Milão – 431 / Milan – 365 / Arsenal – 350 / Liverpool – 331. Repito, milhões de dólares. Este é o dado calamitoso. O futebol europeu está falido. O elemento inflacionário é claríssimo: trata-se dos preços dos passes e dos altíssimos salários pagos aos jogadores que atuam no futebol europeu. É isso aí, o modelo espetaculoso de quem sustenta a nata dos campeonatos europeus está escangalhado e falido. A maioria desses jogadores, principalmente os grandes salários, são de jogadores do terceiro mundo. Essa é a nossa vingança. Depois de vermos os nossos times condena-

dos a exportar jogadores para os grandes centros do mundo, Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Gana avançam rumo ao título, pisando na incompetência de seus colonizadores e arrancando deles, individualmente, salários que estão levando seus clubes à falência. É uma contradição gloriosa. Por isso, se em bom gauchês dissermos que a qualidade das seleções europeias e seu futebol estão abaixo do fiofó da cobra, com certeza seremos chamados de a fina flor da grossura. Não importa, é assim que chegaremos lá. Já, se um francês disser que o futebol de seu país e de sua seleção estão “sous le trou de la coulebre”, continuarão chiques e falidos. A vingança é grossa, mas não falha. Esta foi a Copa dos colonizados. Ainda há esperanças para todos.


4

O REPÓRTER

Editorial De volta para casa Há quase um mês, os olhos do mundo estão voltados para a África. Porém, há uma semana de seu encerramento, o Brasil fica nas quartas-de-final. O desânimo e a decepção dos brasileiros foram notáveis, após a eliminação da Seleção Brasileira ontem, contra a Holanda, na Copa do Mundo. Na realidade, a Seleção não entusiasmou. No primeiro jogo, ficou notório que alguns ajustes eram necessários. E quanto ao estrelismo e ao descontrole? Todos sabem. Alguns dos jogadores esqueceram o que realmente estavam lá para fazer. Certo é que o técnico Dunga será bombardeado nos próximos dias, ou melhor, já vinha sendo. Afinal, os gaúchos nunca foram unanimidade. É bom a CBF repensar as suas atitudes e trabalhar mais, pois lidam com a expectativa de milhões de pessoas. A vida volta ao normal, a temática futebol ficará ainda por alguns dias nas conversas. Agora é esperar até 2014, quando a Copa terá como sede o Brasil. Voltando ao cotidiano. Hoje será realizada a comemoração pelo Dia Internacional do Cooperativismo. Unimed, Ceriluz, Sicredi e Cotrijui irão reunir seus colaboradores para celebrar a data. O Cooperativismo, tão importante para a nossa região, está expresso na marca dessas entidades, que através de seus colaboradores e associados, contribuem para o desenvolvimento regional. Como produzir frutas com qualidade. A resposta está na editorial Rural, com destaque na preocupação do produtor para a manutenção da qualidade das frutas e no controle do uso de agrotóxicos. Confira! Ajudar ao próximo. Este é um trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Comitê pela Vida, do Ceap. A doação desta vez foi para a Sabeve. Os alunos realizaram a entrega dos alimentos e puderam dar um pouquinho de atenção aos idosos que residem no Lar. Os moradores do bairro Alvorada estão solicitando a implantação de um posto de saúde na comunidade. Eles relatam que já solicitaram várias vezes, inclusive nas reuniões do OCP, porém, o pedido é sempre negado. A comunidade se uniu e organizou um abaixo assinado. Quem sabe agora são ouvidos. O delegado penitenciário regional Adão Flores Filho concedeu entrevista ao O Repórter falando um pouco sobre a realidade da Penitenciaria Modulada de Ijuí. Poucos sabem, mas ela é exemplo no Estado e no País. Atualmente, possui 474 presos, sendo que 26 são mulheres, porém, a capacidade é para 460 internos, isto é, está com 14 a mais. Outro destaque é em relação à estrutura, os internos não possuem contato com os agentes, além disso, 50% dos apenados estão inseridos em cursos profissionalizantes, ofertados pela própria Penitenciaria.

SÁBADO, 3 de julho de 2010

OPINIÃO

Aposta no passado compromete o futuro São animadoras as estimativas que acabam de ser divulgadas pela Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) quanto aos investimentos estrangeiros diretos (IED) na região em 2010. Seu volume deverá alcançar US$ 100 bilhões, retornando ao patamar verificado antes da grande crise mundial. O crescimento em relação ao ano passado deverá chegar a quase 50%. A retomada é ainda mais importante se considerarmos que, no exercício anterior, verificou-se queda de 42%, conforme consta do estudo “O investimento estrangeiro direto na América Latina e Caribe 2009”, divulgado pela Cepal no início de maio. O relatório aponta que o Brasil continuou sendo o principal destino dos recursos, seguido pelo Chile, México, Colômbia e Argentina. Os Estados Unidos, Espanha e Canadá, pela ordem, seguiram como os maiores investidores. A boa notícia contida no estudo não esconde, entretanto, duas tendências preocupantes. A primeira refere-se à queda dos aportes no setor primário, em especial nos segmentos agrícola e mineral. A segunda diz respeito ao fato de a maioria dos investimentos destinados à indústria concentrar-se em atividades de intensidade tecnológica baixa e média. As duas vertentes, se analisadas com senso de realismo, mostram que boa parte dos investidores do mundo desenvolvido ainda entende a América Latina como provedora de matérias-primas, commodities de baixo valor agregado e semimanufaturados, em especial insumos industriais. Nem mesmo o avanço do Brasil no agronegócio, incluindo alta tecnologia agrícola e elevado volume de exportações, e em segmentos avançados da indústria, como software e aviões, parece sensibilizar algumas nações quanto às mudanças de perfil de nossa economia

e nossa estrutura produtiva. Os investimentos estrangeiros diretos visam, com muito foco, aos nossos mercados consumidores (por isso privilegiam os serviços) e nossos recursos naturais. Tal expectativa evidencia que, a despeito de todos os avanços da chamada Terceira Revolução Industrial e da nova estrutura de produção segmentada da globalização, persiste a anacrônica imagem do Hemisfério Sul exportador de produtos de baixo valor agregado e importador de bens de consumo sofisticados. Aliás, esse olhar anacrônico persistente em parte do mundo desenvolvido também é diagnosticado pelo ex-primeiro-ministro italiano Massimo D’Alema. Em recente visita à Fiesp, ele salientou que a Europa mantém uma visão antiquada da economia e que precisava prestar mais atenção ao Hemisfério Sul. O Brasil, seguido por algumas nações, como Chile e Argentina, é a própria antítese do renitente conceito. Mantém-se, sim, como grande provedor agropecuário, mas com alta tecnologia e eficiência, conciliando a produção de alimentos com a de biocombustíveis, em especial o etanol. Ademais, o País tem segmentos industriais de ponta, é autossuficiente em petróleo e tem a maior reserva hídrica. Ou seja, estamos prontos para a nova era da economia mundial, que será marcada pela produção mais limpa e alta valorização dos alimentos, da água e dos combustíveis renováveis. Não há dúvida de que nesses itens encontram-se as melhores oportunidades de investimentos, com retorno absolutamente garantido pela realidade de um mundo cada vez mais carente de comida, água, energia e salubridade ambiental. Assim, quem continua apostando em teses dos séculos passados pode comprometer o próprio futuro...

*João Guilherme Sabino Ometto, engenheiro (EESC/USP), é presidente do Grupo São Martinho e vice-presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo).

Artigos para esta página: 2.400 caractéres ou 40 linhas de 60 espaços. Envie por e-mail redacaooreporter@yahoo.com.br


SÁBADO, 3 de julho de 2010

BAIRRO

O REPÓRTER

5

Por Taís Machado

No bairro Alvorada falta segurança e saúde Para os moradores do bairro, a segurança, a saúde e o calçamento estão entre as prioridades

O

Alvorada receberá orçamento de R$ 70 mil, que será investido em calçamento, segundo Orçamento Participativo 2011. Mas para a comunidade, a saúde e a segurança seriam as prioridades do bairro. “Principalmente segurança. Antes quando tinha jogo não dava para aguentar a arruaça, agora parou um pouco, depois que uma turma foi presa”, diz Marilice Rustich, residente há 19 anos no local. Sobre o campo desativado a moradora Mirian da Silva fala que era um transtorno, “causava muito incomodo, eu acho inútil, deveria ser usado de outra maneira, para ocupar o tempo das crianças e adolescentes”, reclama. Para ela, a segurança é precária “quando a gente liga, é difícil ser atendido. À noite, tem

A falta de segurança e saúde é a principal preocupação dos moradores muitos adolescentes, acredi- muito difícil ser atendido, há to que isto está diretamente 3 anos espero um exame de ligado ao consumo de dro- próstata”. gas”, afirma. Valdir Gerlach reside no Quanto à questão de pos- bairro Getúlio Vargas e trabato de saúde, ela acredita que lha no Alvorada, ele constata “seria importante, pois é um que a comunidade está um bairro grande, quanto mais tanto esquecida, “luto mais perto, melhor”. Para Nelci pelo povo daqui, porque é Alves Pereira, borracheiro, daqui que tiramos nosso ‘gamorador há 21 anos na comu- nha-pão’, vejo que falta muinidade, “saúde nem se fala, ta coisa, tem muita gurizada quando fiquei doente, me me- que vem aqui pedir fruta, diquei por conta própria, é bolacha. Eu acho uma falta de respeito idosos esperarem numa fila de madrugada para conseguir ficha de atendimento, essa administração tem que mudar, deve haver outra maneira, para mim mesmo foi um sacrifício”. Com relação ao posto de saúde ser implantado no bairro, o presidente Fredolin Nades salienta que há anos tenta conseguir a instalação, porém, “na última reunião, da OCP 2011, foi dito ao prefeito, mas ele declarou que aqui não pode sair, o porquê eu não sei. Seria muito bom se tivesse aqui, eu sou morador, também sou a favor do posto”, conclui. Calçamento de algumas ruas foi a prioridade eleita na OCP 2011

Moradores exigem escrituras de residências há 18 anos

Segundo os moradores do bairro Glória que estão com seus terrenos irregulares, “faz 18 anos que estou tentando conseguir a escritura, quando eu vim para cá, sabia que o terreno era cedido pela Prefeitura e algumas casas foram doadas pelo governo Estadual, e, a cada ano, o novo prefeito e os vereadores prometiam a regularização, até agora nada foi feito”, conta Lenir de Lima. Eles asseguram que durante algum tempo receberam e pagaram o carnê do IPTU, “no começo veio a cobrança, nós pagamos, mas é contraditório, pois não somos proprietários e estávamos pagando”, disse Lenir. “Moro aqui há cerca de 17 anos, pagamos várias parcelas do imposto e depois recolheram o carnê”, falou

Isaldina Soares das Chácaras. O vereador César Busnello reuniu os moradores para tentar solucionar o problema, conforme informação do morador Paulo Freitas, “ele disse que vai fazer uma assembleia e pediu para que os moradores se unissem para pressionar os órgãos públicos, porém, não prometeu nada. Eu acredito que é um problema burocrático, falta de incentivo dos responsáveis por tentar achar soluções”, salientou. Paulo afirmou que teve problemas para conseguir liberação no Simples, ele possui um pequeno comércio, “para mim, foi uma luta conseguir alvará para emitir nota fiscal, eles não queriam liberar, consegui provisoriamente, espero que agora dê certo”, finaliza.

Há anos moradores recebem a promessa de escrituras

CMYK


6

O REPÓRTER

SÁBADO, 3 de julho de 2010

ECONOMIA Da Redação

Unificação de máquinas leitoras de cartões está valendo no comércio Começou na quinta-feira a unificação das máquinas leitoras de cartão de crédito e de débito no comércio

C

om esta nova medida, o lojista poderá alugar apenas uma máquina para operar as transações de cartões de bandeiras diferentes. A mudança reflete, principalmente, no bolso do pequeno comerciante, que paga entre R$ 80 e R$ 140 pelo aluguel mensal do terminal de operação. O modelo que vigorou até agora obrigava o lojista a alugar, no mínimo, duas máquinas de credenciadoras diferentes para receber os cartões da maioria dos consumidores. Atualmente, existem no país 5 milhões de máquinas alugadas de credenciadoras em 1,5 milhão de estabelecimentos comerciais, segundo dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

Segundo o presidente da entidade, Roque Pellizzaro Junior, o pagamento do aluguel de máquinas representa cerca de 23% da renda das principais credenciadoras. Ele acredita que, apesar de a medida promover a redução do número de máquinas alugadas, as credenciadoras não devem ter grandes prejuízos. “Em até quatro meses as duas principais credenciadoras tendem a perder 50% da base de clientes, mas isso não significa perda de faturamento porque aceitando várias bandeiras em uma máquina, elas vão negociar entre si para equilibrar as entradas”. Além disso, elas devem passar a oferecer outros serviços que possam substituir essa receita, como recarga de celular e pagamento de contas feitos através das maquininhas de cartão. Para Pelizzaro, a grande vantagem da mudança é promover o aumento da concorrência no setor, dominado pelas bandeiras Visa e Mastercard. Juntas, elas representam

A unificação das máquinas irá beneficiar principalmente o pequeno comerciante 96,65% do mercado. um acordo entre as empresas O presidente do CNDL acre- Cielo e Visa, intermediado pelo dita que, com a competição, Ministério da Justiça. No endevem cair as taxas adminis- tanto, não tem validade legal. trativas, o tempo que o lojista “Nada garante que as coileva para receber da operado- sas não possam voltar a ser ra, além do aluguel, cujo valor como antes”, afirma Pelizzaro. “deve chegar a zero”. No Congresso, a Frente ParO consumidor também lamentar Mista do Comércio deve ser beneficiado pela cria- Varejista propõe a criação de ção de bandeiras, que devem lei que promova a transpaoferecer facilidades, como re- rência e a redução das taxas dução de juros e de anuidade, administrativas e dos prazos para conquistar os clientes. de pagamento cobrados dos A mudança é resultado de lojistas.

O Banrisul lança linha de crédito especial para as empresas pagarem os débitos fiscais decorrentes do ICMS, cujas fontes geradoras tenham ocorrido até 31.12.2009. As empresas poderão se beneficiar de redução de multa e atualização monetária sobre elas incidente, de acordo com o Programa Ajustar-RS. O financiamento está disponível nas agências do Banrisul para clientes atuais ou novos, que não apresentarem impedimento operacional e possuírem enquadramento na política de crédito do Banco. O prazo do financiamento é de até 36 meses, com pagamentos mensais, conforme as garantias apresentadas (recebíveis, cheques e títulos, hipoteca, alienação fiduciária e aval). O programa Ajustar RS prevê que dívidas de ICMS vencidas até dezembro de 2009 possam ser pagas com 60% de desconto nos valores relativos a juros e correção monetária. Além disso, para pagamentos à vista, há um desconto de 50% sobre o valor da multa, que vai diminuindo conforme o número de parcelas que o contribuinte utilizar para regularizar o débito.

Prof.Dr. Argemiro Luís Brum

TENDÊNCIAS ALERTA Os resultados recentes das economias dos EUA, dos países da União Europeia e do Japão, associados às decisões da China de frear o ímpeto de sua economia (fato que o Brasil vem tentando igualmente) fazem parte de um mesmo cenário. A crise econômico-financeira, que estourou em meados de 2007, continua e não dá sinais de ceder. A diferença agora é que o capital financeiro assume o lugar dos Estados como elemento motor do processo. Ou seja, após o setor privado (bancos especialmente) ser atingido pela crise, tendo se retirado do financiamento à economia, os Estados vieram em socorro do mercado injetando somas fabulosas na mesma. Isso ajudou a conter a queda, porém, não está tirando o mundo do fundo do poço. Agora, os recursos estatais se esgotam, já tendo gerado uma crise fiscal de proporções assombrosas em alguns países. Esta nova bolha, que acaba de estourar, alimenta o capital financeiro especulativo, o qual fica à espreita de qualquer derrapada na gestão da economia global para tirar proveito. A situação é tão séria, neste meados de

AJUSTAR-RS: Banrisul lança linha de crédito

(CEEMA/DECon/UNIJUÍ

2010, que economistas como Paul Krugman (Prêmio Nobel de Economia de 2008) alertam para uma possível depressão mundial nos próximos meses, se nada for feito de concreto para conter o processo. A esperança na reunião do G20 se esvaiu, na medida em que o grupo pouco trouxe de concreto como solução aos problemas atuais do mundo, embora haja o consenso de que novas regras de regulação do capital financeiro precisam ser construídas. ALERTA (II) Ora, uma depressão é algo muito sério, pois significa uma economia mundial decrescendo (PIB médio negativo) por um longo período de tempo. Seria a terceira da histórica econômica (a primeira ocorrida em 1873 e a segunda em 1929, quando do crash de Wall Street). Por enquanto, ainda não estamos lá, porém, com o passar dos anos (já estamos no terceiro ano desta crise) o medo se instala junto às principais economias mundiais. E o Brasil sabe disso, embora o discurso político seja de que o país tenha superado tal crise. Tanto é verdade que o Banco Central brasileiro, nesta semana, editou nova

regulamentação, que entrará em vigor em 2012, prevendo que os bancos reservem mais recursos para fazer frente a uma eventual (e hoje bastante provável) crise internacional de proporções à de 2008. Além disso, o Banco Central brasileiro anunciou que retirará do mercado, até julho de 2014, R$ 4,7 bilhões, sendo R$ 1,6 bilhão já neste mês de julho. Isso, para tentar evitar o estouro da bolha consumista que se construiu no país. Particularmente, afirmo que não se trata de uma nova crise, mas sim de uma recaída importante da crise que ainda não foi superada. A ideia, com razão, é evitar que os bancos brasileiros tenham muitos recursos disponíveis para fazer apostas de riscos, com o capital alheio, no mercado financeiro, assim como existe sim uma bolha de consumo perigosa em nossa economia. Pelas datas estabelecidas, nota-se que a expectativa é de que o mundo não saia efetivamente da atual crise nem mesmo no médio prazo, confirmando nossos alertas quando do estourou da mesma há três anos. A CONTRADIÇÃO DO BRASIL O que o leitor pode estar

se perguntando é: “...afinal, se esta crise continua, porque no Brasil parece que a mesma não se faz presente?” O Brasil, assim como a China, não pode se enganar com o fenômeno. Efetivamente, essas duas economias estão crescendo muito para um período de crise mundial (nova projeção brasileira dá conta que 2010 pode terminar com 7% de crescimento no PIB neste ano). Todavia, tal crescimento se dá graças a forte injeção de recursos estatais na economia interna, em substituição ao dinheiro privado, somado a um estímulo ao consumo interno generalizado. Assim, graças a um enorme mercado interno, com uma demanda reprimida historicamente, é que sentimos menos a atual crise quando o mesmo passa a consumir. Um mercado interno que os países ricos, em especial, já não possuem mais com tanto potencial. Desta forma, enquanto a produção brasileira e chinesa cresce, a ponto dos países terem que frear dito crescimento por não possuírem estrutura para suportá-lo, os países ricos estagnam e mesmo regridem. Todavia, tal comportamento gera um problema já indicado

há mais tempo: o convite ao consumo desenfreado, pela facilidade creditícia oferecida, o qual leva a um endividamento com forte potencial de inadimplência na maioria dos setores (a bolha). Como há, geralmente, um período de carência para o pagamento de tais dívidas, principalmente as mais importantes, o problema ainda não se manifestou plenamente. Mas os próximos dois anos serão decisivos nesse sentido (grandes dificuldades à vista para o futuro governo). O convite ao consumo interno está correto e sempre foi necessário na história deste país. O que faltou foi alertar (ou ensinar) a população sobre a importância de se consumir com responsabilidade, ou seja, dentro do que o orçamento familiar realmente permite. A situação é tão séria que finalmente, após mais de dois anos de estímulo ao consumo desenfreado, os próprios bancos brasileiros acordaram para o problema e começam a fazer movimentos no sentido de estimular o consumo consciente, visando educar o cliente a evitar o aumento da inadimplência. Uma iniciativa acertada, porém, provavelmente tardia!


SÁBADO, 3 de julho de 2010

RURAL

O REPÓRTER

7

Por Talita Mazzola

Produtor explica cuidados que se deve ter na produção de plantas frutíferas Rudinei Kopezinski salienta que hoje em dia se prima por qualidade e quantidade, e dá algumas dicas de como proteger o plantio de frutíferas contra doenças

H

á 26 anos atuando na área de frutíferas, Rudinei Kopezinski explicou ao O Repórter alguns aspectos da produção de frutas no município, além de destacar algumas dicas de cuidados na hora do plantio. Conforme ele, há muito tempo se tem discutido a forma de fazer um pomar. Kopezinski explica que “existem várias etapas, normalmente pedimos que o pessoal faça a implantação de um quebra vento em torno da área, determinada para o pomar, digamos que seja 50x50, desse espaço, em torno dessa área faz-se um quebra vento com cipreste que seria o ideal ou com o cameron que é o pasto elefante, vermelho ou branco, que são pastos bem altos, crescem em torno de 3 a 4 metros de altura, para proteger. Segundo a experiência que temos, em torno de 60% a 70% das doenças que atingem o pomar são em função da falta de quebra ventos, porque as doenças se proliferam através

dos deles. Depois ele próprio se encarrega de espalhar, então se você tiver, por via de regra, para cada metro de altura um quebra vento, a partir de dois metros, ele vai proteger 20m. Então se você tiver um quebra vento de quatro metros terá uma proteção teoricamente de 60 metros”. O produtor acredita que é necessário ter uma série de cuidados como, por exemplo, nos chamados talhões de frutíferas. “Teríamos que trabalhar em cima da metragem que faz a cobertura, a cada 60m fazer novamente outra carreira de quebra vento. É um projeto que não é completo, mas são cuidados simples que se deve ter, como o pedilúvio, que é uma caixa que fica no chão, de concreto com cal virgem, onde se lavam os pés, além de lavar as mãos com desinfetante, para evitar levar alguma bactéria, pois as principais doenças se transmitem a partir de bactérias”. Quanto aos métodos do processo de produção das frutíferas, Rudinei afirma que antigamente, os pais e avós não tinham equipamentos e produtos, então, usavam adubo natural ao invés de adubo químico. “Não tinha o veneno para passar aí tinha que usar o que se tinha disponível, como a criolina, o fumo em emulsão e uma série de produtos que com a chegada da tecnologia dos químicos, passou a ser

Expectativa de mercado para frutíferas é muito boa, segundo Kopezinski chamado de antiquado. Claro laranjas umbigo e a valência que para produzir é muito mais que é usada para fazer suco. prático, só que ninguém pen- “O mercado está muito bom. sou que somos nós mesmos Percebemos que existe uma que estamos comendo e que consciência de que a pequena estamos jogando produtos propriedade não comporta químicos em cima de uma fruta mais produzir a soja e o trigo, que depois será consumida até pelos preços do mercado, por nós”, diz. Desta forma, ele então a propriedade abaixo destaca que atualmente, de de 30 a 40 hectares, em média, 90% a 95% dos pomares são se não tiver trabalhando com tratados à base de químico, gado de leite ou frutíferas, não pois o interesse hoje é produ- é viável economicamente”, zir em quantidade e qualidade. informa. “O consumidor come com os olhos, então, não existe mais O passado da erradicação a preocupação de produtos dos pomares contraposto essencialmente saudáveis, ele com o presente precisa ser bonito, a qualquer preço”, salienta. Há alguns anos Ijuí, pasKopezinski destaca que sou por uma polêmica sobre as principais variedades de a erradicação dos pomares. frutíferos procuradas pelo Sobre isso, Rudinei Kopeconsumidor são o caqui cho- zinski comenta que toda essa colate preto e branco, berga- polêmica e discussões sobre mota pokan, montegrina e as o tema é falha do Estado. “Te-

DO ÓCIO AO NEGAÓCIO

TERCEIRA GRANDE DEPRESSÃO MUNDIAL I Em artigo publicado esta semana, Paul Krugman apresenta a tese de que o mundo está entrando em mais uma grande depressão. Krugman recebeu o Nobel de Economia em 2008, em função de ter percebido com antecedência a crise das hipotecas dos EUA, que acabou ocorrendo e desencadeando a crise global que assola o mundo há dois anos. Portanto, é bom dar atenção ao que esse economista fala. Segundo ele, o mundo desenvolvido está enfrentando a crise global de forma equivocada, especialmente os países europeus, a partir de diagnóstico equivocado realizado por instituições como o FMI e o Banco

mos que ter consciência de que precisamos ter plantas sadias, produzidas em locais sadios. Estamos brigando para produzir plantas sadias aqui na região, não adianta colocarmos estufas, temos que manter um local sadio para a produção de mudas sadias, mas nós não temos o poder de fazer isso. Quem tem o poder de fazer isso é só o Estado e esse só vem aqui para fiscalizar os viveiros, nunca, em momento algum. O Estado deu condições a nós viveristas para produzirmos com um nível bem abaixo de doenças. É bem fácil mandar os fiscais virem aqui, mas nunca fazer um trabalho de prevenção para nos ajudar”, indigna-se. Ainda sobre tema, o produtor salienta que não se tem maiores problemas e que a produção é sim muito boa, o que falta, na opinião dele, é uma união entre Município, Estado e Federação, juntamente com os produtores, para que haja uma discussão sobre a melhor saída para este problema. “É muito fácil você colocar 10 regrinhas e começar a cobrar das pessoas, agora dar condições para que as pessoas tenham possibilidade de cumprir com essas regras não, é isso que acontece conosco. Na minha opinião, é de suma importância que exista um manejo, se tiver esse manejo perfeito, não teremos problemas”, finaliza Kopezinski.

Roberto Macagnan robertomacagnan@hotmail.com Mundial. Esse diagnóstico tem como pressuposto de que o grande problema da economia mundial é o risco de um processo inflacionário (alta generalizada dos preços) em cadeia, fruto dos gigantescos déficits fiscais dos países desenvolvidos. Assim, as políticas macroeconômicas centram-se no combate ao déficit público, com redução dos gastos dos governos e aumento dos tributos. Para Krugman, o problema é outro! A crise tende a gerar processos de deflação (redução generalizada dos preços), a exemplo do que ocorreu com a Grande Depressão dos anos 1930. E, num processo de deflação (causado pela redução da demanda), é fundamental que os governos intervenham no mercado, gastando para

manter a demanda equilibrada com a oferta. Processos de deflação geram falências e, com elas, ocorrem desemprego e redução da renda. TERCEIRA GRANDE DEPRESSÃO II Pesquisa mensal da empresa Markit constatou desaceleração da produção industrial nos países da zona do euro. Esse indicador é importante, pois reflete o comportamento da economia real, num contexto de abalos no mercado financeiro. Com essa notícia, houve significativa queda nas principais bolsas mundiais. Isoladamente, esse indicador não representa a confirmação do alerta de Krugman, mas preocupa, com certeza!

ESTABILIZA O DESEMPREGO NA REGIÃO METROPOLITANA O DIEESE divulgou seu indicador de desemprego referente ao mês de maio de 2010, na Região Metropolitana (Porto Alegre e municípios vizinhos). O resultado obtido indica que o desemprego está estabilizado em 9,6 %, o que significa que aproximadamente 192 mil trabalhadores continuam desempregados. O DIEESE utiliza metodologia diferente da utilizada pelo IBGE, o que resulta em indicadores diferenciados.

enquanto universidade. Foi a primeira Universidade da Nova República, período em que o Brasil iniciava o processo de redemocratização. Ou seja, a UNIJUÍ é um dos símbolos da democracia! Ponto alto da sessão solene foi a justa homenagem ao seu primeiro reitor Prof. Adelar Francisco Baggio. No evento, foi ressaltado o projeto de universidade, ligado ao projeto de desenvolvimento para o município de Ijuí e região. Muitos ijuienses sequer conhecem essa história!

INDICADORES RURAIS

PENSANDO Nessa quarta feira, a UNIJUI fez sessão solene do Conselho Universitário, para registrar os 25 anos de seu reconhecimento

Soja....R$ 33,50 Milho..R$ 15,00

Valores cotados pela Cotrijui no dia 02/07


8

SÁBADO, 3 de julho de 2010

POLÍTICA

O REPÓRTER

Por Estefania Vieira Linhares

Câmara dos Deputados realiza Seminário para debater energia elétrica O Seminário visa a discutir ações que permitam a expansão do programa Luz para Todos

N

a próxima segunda-feira, a Comissão de Legislação Participativa (CLP) da Câmara dos Deputados realiza, no município de Crissiumal, Seminário para debater a qualidade da energia elétrica distribuída aos consumidores da área rural do Rio Grande do Sul. O evento, que foi proposto pelo presidente da Comissão, deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), visa a discutir ações que permitam a expansão do programa Luz para Todos, desenvolvido pelo Governo Federal, e a garantia de suporte técnico para a ampliação do potencial de distribuição de carga aos consumidores da região. Pimenta destaca que o Se-

minário, que reunirá mais de 50 municípios, permitirá um diagnóstico atualizado sobre o serviço prestado, apresentando medidas efetivas para a solução de problemas como quedas de energia e variação no nível de tensão da rede. Além disso, o evento possibilitará uma avaliação das tarifas que são cobradas atualmente. Segundo dados coletados pela Comissão de Legislação Participativa, o Brasil possui uma das mais altas tarifas de energia elétrica do mundo. Hoje, o cidadão paga, em média, R$ 0,50 por quilowatt consumido, enquanto o custo estimado de produção gira em torno de R$ 0,10. Pimenta ressalta, ainda, que o objetivo da atividade é viabilizar o diálogo entre a empresa fornecedora de energia elétrica e a população rural, aproximando o serviço prestado da realidade de cada comunidade. “A luz elétrica é

O Seminário deverá reunir mais de 50 municípios da região Norte e Noroeste um recurso fundamental para trabalha no campo”, enfatiza o desenvolvimento econômi- Pimenta. co de qualquer região. Nossa O vice-prefeito de Crissiumeta é debater propostas que mal, Carlos Ernesto Grun, um proporcionem um serviço de dos idealizadores do Seminário, qualidade e, principalmente, elogia o pioneirismo da Comisadequado com as reais ne- são de Legislação Participativa, cessidades de quem reside e que oportunizará o debate

público de um problema que atinge milhares de famílias da zona rural do RS. “O Seminário representa um momento histórico para nosso município e região. Pela primeira vez, teremos a chance de discutir as falhas no sistema de transmissão de energia elétrica com as autoridades competentes. Nossa expectativa é encaminhar, durante o evento, a solução para todos os problemas que a comunidade enfrenta atualmente”, afirma Grun Temas como a isenção de pagamento para famílias que consomem menos de 100 quilowatts mensais, como acontece no Paraná, e a implantação imediata da tarifa social também devem ser abordados durante o debate. O seminário acontece na segunda-feira, a partir das 14h, no CTG Estância da Saudade, localizado na rua 20 de Setembro n° 90, em Crissiumal.

Vereador destaca visitas Governadora cria Departamento de aos distritos do interior Pesca e Aquicultura do Estado O vereador Marcos César Barriquello assumiu como prefeito em exercício nos dias 29 e 30 de junho. Durante esses dois dias Barriquello, deu continuidade ao trabalho que estava sendo desenvolvido pelo prefeito Fioravante Ballin, construindo o máximo possível com a sociedade. Em entrevista à Rádio Repórter, o vereador destacou que “na verdade, o que se tem hoje dentro da gestão pública são alguns planejamentos com relação, à construção que é sobre o dia-a-dia de Ijuí”. Segundo ele,

há algumas obras e alguns encaminhamentos que estão sendo dados pelos secretários. Na terçafeira, Barriquello esteve visitando alguns distritos do interior para verificar algumas necessidades e demandas que estão sobrecarregadas pelas Secretarias, principalmente pela de Desenvolvimento Rural. “Claro, são dois dias, não se consegue realizar um trabalho de desenvolvimento, mesmo assim estaremos recebendo a comunidade e quem sabe conseguir colher os frutos no futuro”, conclui o vereador.

A governadora Yeda Crusius assinou o Decreto nº 47.331, criando o Departamento de Pesca e Aquicultura do Estado. A estrutura, ligada à Secretaria da Agricultura, Pecuária, Pesca e Agronegócio (Seappa), tem a finalidade de promover, estimular e articular as atividades pesqueira e agrícola, com a consequente formulação de políticas e a implantação de programas e ações para o desenvolvimento dessas atividades. O Decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), da última quartafeira. O Departamento de Pesca e Aquicultura contará com recursos humanos provenientes do remanejamento do quadro de pessoal da Seappa. “Através de projetos, programas e ações, estamos diversificando e complementando a

matriz econômica do Estado. Buscamos criar condições que incentivem o desenvolvimento de diversos setores que possuem representatividade no Rio Grande do Sul, como o Pesqueiro”, explicou a governadora. Yeda Crusius salientou que o Departamento será um fórum de discussões e de organização para o setor. “Queremos que o setor Pesqueiro se desenvolva, seja forte, com geração de emprego, renda e muita qualidade de vida aos trabalhadores da pesca”, destacou. A piscicultura é um ramo da aquicultura que tem se desenvolvido muito no Rio Grande do Sul, nos últimos anos. De acordo com dados da Emater, na região Noroeste, onde se localiza um dos principais polos de criação de peixes em cativeiro, são 47 municípios envolvidos

nesse tipo de atividade, com 6,5 mil produtores, 8,2 mil açudes dos quais são retiradas 3,7 mil toneladas de pescado por ano. O Brasil é hoje o segundo produtor aquícola da América Latina, com cerca de 270 mil toneladas produzidas por ano. As espécies mais difundidas no território gaúcho são as carpas, com 90% da preferência dos criadores, seguidas pelas tilápias, tidas como ideais para o clima subtropical. Dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentos (FAO) indicam que a produção mundial de produtos derivados da aquicultura tem crescido por volta de 9% ao ano - mais rápido que a pesca tradicional, e também em comparação a outros sistemas de produção de animais para alimentos

Liberados recursos para Ijuí e Jóia Vereador Marcos César Barriquello

Vereador solicita identificação de Biblioteca

O vereador Rubem Carlos Jagmin (PP) indicou, na última sessão da Câmara de Vereadores, a colocação de uma placa que identifique a Biblioteca

Municipal, que está lotada no mesmo prédio da Câmara. A proposta é para facilitar que a comunidade saiba onde está localizada a Biblioteca.

Conforme previsto na Medida Provisória nº 473, editada no final do ano passado, acabam de ser liberados os créditos extraordinários do Ministério da Integração Nacional para as duas cidades, atingidas por calamidades climáticas e desastres naturais, como enchentes, vendavais e tornados. Ijuí recebeu R$ 1.600 milhão e Jóia, R$ 1.544 milhão. O dinheiro será usado na recuperação de estradas

vicinais, pontes e bueiros. O anúncio foi feito pelo deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), que manteve contatos frequentes com o ministro João Santana, que é do seu partido, o PMDB. “Que bom que esses recursos já estão no banco, na conta da Prefeitura, pois as obras não podem mais esperar. Delas depende a população, que em muitos casos perdeu sua casa, e depende a cidade, que precisa recuperar

seu bem público para voltar à normalidade”. De acordo com a Medida Provisória nº 473, R$ 400 milhões deverão ser usados pelo Ministério da Integração Nacional, através da Defesa Civil, em obras preventivas de desastres, no socorro e assistência às pessoas atingidas e no restabelecimento da normalidade no cenário de desastres no Rio Grande do Sul.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

GERAL

O REPÓRTER

9

Por Talita Mazzola / Estefania Vieira Linhares

A diferença entre os tipos de TV’s oferecidas pelo mercado Consultamos alguns vendedores que relataram as principais diferenças entre os televisores tubo, Led, LCD e Plasma

V

ocê sabe a diferença entre os tipos de televisores oferecidos no mercado de eletroeletrônicos? Sabemos que existe uma variedade que vai de televisores tubos e LCD’s, até Plasma e Led, entretanto, poucos são os que entendem as diferenças entre estas. A redação do Jornal O Repórter saiu às ruas e conversou com alguns vendedores para saber as principais diferenças entre os televisores. De acordo

com Adelir Lubas, a Tela Plana é exatamente como diz o nome, ela é plana e está agregada aos televisores de tubo, que são os televisores tradicionais. O televisor de LCD é mais fino, com cristal líquido, diferentemente dos televisores de Plasma, que são os que apresentam a tela de vidro com lâmpadas atrás. Adelis afirma que a TV de Led é Top de Linha, pois é 4 cm mais fina que a de plasma e a LCD e ainda tem um consumo de energia 50% menor que as outras. Os televisores de LCD e Plasma ainda são os mais vendidos, pois, segundo a vendedora, a TV de Led é de um preço maior, portanto, tem uma saída menor, mesmo tendo um consumo de energia abaixo das demais. Sendo assim, na hora da compra, o consumidor terá o mesmo

Os televisores LCD e Plasma são os que têm maior saída, segundo vendedores patamar de qualidade entre da sala, quanto maior o lugar televisores de LCD e Plasma, a aconselha-se televisores maiodiferença irá ocorrer de acor- res e vice-versa. Geralmente do com o ambiente da sala. os televisores de Plasma são “Indiferentemente se for LCD indicados para locais maiores ou Plasma, o tamanho da tele- e abertos”, disse Adelir. Convisão irá variar com o tamanho trapondo um desses fatores,

o vendedor Daniel Borges, avaliou que os televisores de Plasma são mais fáceis de riscar na tela, enquanto o LCD não sofre com este problema. Daniel informou que hoje os televisores padrão – que são os de tubo –, têm pouca saída, especialmente pela melhor qualidade e o consumo de luz menor oferecidos pelas televisões de LCD, Plasma e Led. “Já notamos que a saída desses televisores tem sido bem maior, destacando-se especialmente pelo baixo consumo de energia, comparado aos televisores com tubo. É interessante salientar que a compra desses televisores não se restringe apenas à classe alta, as pessoas com menor poder aquisitivo também já estão fazendo parte da gama que adquire esses televisores”, afirmou.

Normativa regulamenta relógio ponto em empresas A normativa que regulamenta os relógios pontos está em vigor desde o dia 25 de agosto de 2009, passando logo a vigorar. Porém, o início da fiscalização através de medidas de orientação começou 90 dias após sua publicação. Pedro Wrubleski lembrou o artigo nº 74, da Lei de 1943, que estabelece que para os estabelecimentos com mais de 10 empregados será obrigatório o registro de entrada e saída em registros mecânicos ou não devendo ser assinalados os intervalos de

repouso. Esta lei vigorou até 1989, quando o artigo nº 74 passou a dizer o seguinte: para estabelecimentos com mais de 10 trabalhadores será obrigatória a anotação de entrada e saída em registros manual, mecânico ou eletrônico, conforme as instruções expedidas pelo Ministério do Trabalho, devendo haver até sinalização do período do repouso. “Essas instruções a serem expedidas estão pendentes desde 1989. Essa lei veio a completar, com isso, não seria uma novidade. Ela

está prevista para sair desde 20 anos atrás”, explica Pedro Wrubleski. Ele informa que as principais alterações rebatidas são destacadas na folha do ponto e são justificadas no programa. A cada “batida” é emitido um comprovante contendo o nome, o número do PIS, a data e a hora do registro, o número sequencial do relógio e mais o número de série do relógio. Sendo que, o comprovante deverá ficar com o trabalhador, além de todos os registros que devem

mais usar ele para acionar sirene ou controlar o acesso. Segundo, Pedro Wrubleski esta lei veio para tornar o registro de ponto seguro, tanto para o trabalhador quanto para as empresas. Ele lembrou que conforme uma pesquisa, a estimativa é que as empresas possam estar deixando de pagar R$ 20,3 bilhões em horas extras por ano. Por mais que sejam pagas, essas horas extras não são registradas, então, acaba-se perdendo essa contribuição.

Hélio Lopes fatorama.reporter@gmail.com

FATORAMA

Estamos fora da Copa do Mundo de 2010. Consequentemente volta a ladainha da imprensa RioSão Paulo com relação “À era Dunga”, agora na condição de treinador da Seleção Brasileira. ***** Sem dúvida, o futebol gaúcho é bastante atingido diante do fracasso do nosso selecionado na tentativa de conquistar o sexto título mundial. E a nossa Colmeia do Trabalho – a terra do Dunga – também sai da mídia, depois de muita badalação. ***** Afinal, quem foi o maior culpado pelo fracasso do Brasil? Será que foi apenas a teimosia do Dunga na convocação ou o comando da CBF também

ficar no relógio, numa memória inviolável, lacrada pelo fabricante. Ainda, os relógios deverão ter uma porta fiscal, na qual a fiscalização poderá inserir um pen drive para baixar todos os dados contidos no relógio e um botão, que quando pressionado, emite um relatório das batidas das últimas 24 horas. “Assim, o fiscal chega à empresa e já sabe quantos funcionários estão trabalhando”, ressalta Pedro Wrubleski. O relógio é para uso exclusivo de ponto, não se pode

sucumbiu? ***** Na área política, quem sai perdendo é a candidata Dilma, que não vai faturar prestígio em cima da seleção. Acho que o ponto positivo é para a sequência do Brasileirão. E será que a dupla Gre-Nal vai se recuperar? ***** O vice-prefeito de Ijuí, Bira Teixeira, conseguiu parecer positivo para ofício protocolado no Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, pedindo a mudança de local para a construção da Cozinha Comunitária. Bira reuniu-se com o coordenador geral, Antônio Leopoldo, que autorizou a modificação. O mu-

nicípio terá que encaminhar o requerimento com a justificativa e informando sobre o novo terreno. O vice-prefeito recebeu a orientação de que o novo local deverá ter características semelhantes ao atual, com destaque à facilidade de acesso aos beneficiários. ***** Dentro das comemorações dos 75 anos do Hospital de Caridade de Ijuí, destaque para o Baile de Integração, hoje, no CTG Farroupilha, com Pedro Ortaça, fazendo a abertura, seguido pelas bandas São Francisco e Estrela Azul. ***** Presidente Carlos Domingo Poletto, da Cotrijui, anunciou

no Fatorama a implantação de uma nova loja da Cooperativa, atendendo o lado norte da cidade. Será um supermercado com 2.200 m 2 de área construída, cujo terreno já está definido, devendo receber nos próximos dias uma placa indicativa e, posteriormente, o tapume que abrigará toda a obra. O local é na Rua Sergipe, onde há muitos anos funcionou a empresa Hoepner. ***** Repercute ainda a entrevista do ijuiense Lucas Silva, piloto de aviões. Contrário aos que acham ruim e mal localizada a pista do nosso aeroporto, ele afirmou que, na verdade, o aeroporto João Batista Bós Filho

sofre de falta de planejamento, de organização e de responsabilidade. Lucas Silva disse que a pista de Ijuí tem o mesmo comprimento a pista do Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Na prática, falta ao aeroporto de Ijuí uma estação de passageiros, a iluminação da pista e um farol rotativo. Com esses equipamentos, considerados simples de serem operados, já receberíamos jatos executivos. ***** E agora, retomamos as discussões sobre os dois representantes gaúchos no futebol brasileiro. Hoje tem Vasco X Grêmio, às 19h30, em Florianópolis e amanhã, Inter X Penharol, em Rivera, Uruguai.


10

HISTÓRIA

O REPÓRTER

SÁBADO, 3 de julho de 2010

ADEMAR CAMPOS BINDÉ

Foi o “braço direito” de sete prefeitos No Brasil da atualidade, estamos vivenciando, quase que diariamente, fatos e exemplos que envergonham e deslustram o exercício de cargos públicos. Estão aí os episódios do mensalão, de políticos que escondem nas cuecas ou nas meias dinheiro ganho de forma ilícita, para ficarmos apenas em alguns poucos casos mais escabrosos. Pois hoje, nesta página de reminiscências da história de Ijuí, vamos recordar a trajetória de um cidadão ijuiense, de nome Ademar Porto Alegre, que, pela sua honradez e retidão de caráter, merece ser sempre apontado como exemplo a todos aqueles que exercem funções na vida pública ou em qualquer outra atividade humana

N

o dia 3 de abril de 1933, quando tinha a idade de 22 anos, Ademar Porto Alegre ingressava nos quadros da Prefeitura Municipal. Ele foi admitido no cargo de auxiliar de escrita da Tesouraria pelo então prefeito Antônio Soares de Barros, o coronel Dico. No relatório do mesmo prefeito, naquele exercício, ele assinava como secretário e no ano seguinte (1934) como escriturário da Tesouraria, que tinha Chrysanto Gonçalves Leite como contador. No dia 13 de janeiro de 1939, o então prefeito Emílio Martins Bührer o nomeava para o cargo de contador da municipalidade, função que já vinha exercendo desde 23 de abril de 1938. A maior prova de que Ademar Porto Alegre foi não apenas um funcionário público exemplar, de caráter e conduta retilínea, mas também dotado de invejável capacidade profissional, estão no fato de que foi mantido como principal responsável pelas finanças públicas do município de Ijuí por sete prefeitos, começando pelos já citados, o coronel Dico e Emílio Martins Büher, seguidos de Álvaro de Carvalho Nicofé, Antônio Setembrino Lopes, Joaquim Porto Villanova, Ruben Kessler da Silva e Lothar Friedrich. Durante um longo período de 26 anos, ele foi o principal gestor das finanças municipais e, sem exagero, se pode afirmar que foi o “braço direito” desses sete administradores de Ijuí. Ademar Porto Alegre era formado em contabilidade pela Escola Técnica de Comércio Ijui, dirigida pelo

professor Guilherme Clemente Köhler. Depois, na mesma escola, foi professor de contabilidade pública. Sua reputação e conhecimentos em contabilidade pública ultrapassaram os limites de Ijuí, pois seguidamente era chamado a prestar assistência técnica, contábil e financeira para diversas prefeituras do Estado. Além dessas atividades, ele foi chamado, em determinadas ocasiões, para auxiliar em outros setores da administração pública municipal. Assim, através da portaria nº 414, de 8 de junho de 1949, foi designado pelo prefeito Joaquim Porto Villanova para responder, interinamente, pelo expediente da Secção dos Serviços Industriais. Essa interinidade se estendeu por quase dois anos, pois somente pela portaria nº 611, de 10 de maio de 1951, do mesmo prefeito Villanova, ele foi “desincumbido” de responder pelo expediente daquela secção. No cargo de contador da municipalidade, Ademar Porto Alegre permaneceu até a sua aposentadoria, em 28 de dezembro de 1959, através de ato assinado pelo então prefeito Lothar Friedrich, merecendo um ato de louvor, com o seguinte teor: “Ao conceder à V. Sª a recompensa da aposentadoria, por tempo de serviço prestado ao Poder Público, venho mais uma vez expressar meus agradecimentos pela colaboração espontânea prestada ao Executivo Municipal, especialmente no decurso deste quatriênio. Exemplos, como o de V. Sª, elevam o conceito do

Fotos: Acervo particular

Foi jogador do Grêmio FootBall Ijuhyense no início dos anos de 1930. No ano de 1935, quando aconteceu a fusão do Grêmio com o Sport Club 19 de Outubro, permanecendo este com a sua denominação, ele passou a defender suas cores. Em 1937, jogou algumas partidas pelo Clube Atlético Ijuiense. No ano de 1938, com a fundação do Grêmio Literário e Esportivo Ijuiense, Ademar Porto Alegre veio a encerrar sua carreira de futebolista no início dos anos de 1940. Além de jogador, ele integrou diretorias do Sport Club 19 de Outubro e do Grêmio Literário e Esportivo Ijuiense. Também foi diretor de estatística da Liga Atlética Ijuiense, fundada em 1937 e, posteriormente, tesoureiro e membro do Conselho Fiscal da Liga Ijuiense de Futebol. Ademar Porto Alegre era nascido em Ijuí, no dia 5 de dezembro de 1910, como filho de Alcebíades Porto Alegre e de Celina Coelho Netto Porto Alegre. Eram seus avós paternos, Lúcio José Gomes Porto Alegre e Cláudia Dias Porto Alegre, e seus avós maternos, Zeferino Coelho Netto e Joaquina Coelho Netto. Ele casou-se com Noracy Lütz Diniz, em Santo Ângelo, no dia 10 de dezembro de 1938. O casal teve duas filhas: Claudete, casada com Albino Tomazi Filho, e Iara, casada com Joaquim Ozório Bohrer. Ademar Porto Alegre veio a falecer no dia 3 de julho de 1964, alcançando a idade de 53 anos, seis meses e três dias. Portanto, nesta data, transcorre o 46º ano de seu passamento.

Ademar Porto Alegre foi um exemplo de honradez e competência no exercício do serviço público funcionário, mormente numa da Cooperativa de Consumo época em que a lei do menor dos Funcionários Públicos, esforço substitui em larga Bancários e Contabilistas escala o senso de responsa- de Ijuí. Em 5 de fevereiro de bilidade e o cumprimento do 1960, já aposentado do serdever. É pois com redobrada viço público, foi nomeado satisfação que decreto hoje pelo prefeito Beno Orlando a sua aposentadoria, por Burmann para o cargo de pretempo de serviço, por consi- sidente da Caixa de Pensões derá-la justa recompensa do e Auxílios dos Servidores seu esforço, no desempenho Municipais de Ijuí. das diversas funções que Ademar Porto Alegre teve, exerceu, como funcionário também, destacada participado município”. ção no futebol ijuiense, em É importante ainda sa- cujo meio era conhecido pelo lientar que, a par de suas apelido de Dema. Ele atuava atividades como funcionário no ataque, ora como meiapúblico, Ademar Porto Alegre direita, ora de centro-avante. teve ativa militância política. Pela legenda do Partido Trabalhista Brasileiro – PTB, foi vereador nas legislaturas de 1952 a 1955, sendo presidente da Câmara Municipal durante esses quatro anos, e de 1956 a 1959, ficando como suplente na legislatura seguinte. Também deve ser ressaltado que, pertencendo ao PTB, ele continuou como responsável pelas finanças municipais, como prova de confiança dos prefeitos Ruben Kessler da Silva, que era do Partido Social Democrático – PSD e Lothar Friedrich, do Partido Na sua carreira de jogador de futebol, em 1938, Ademar Porto Alegre ajudou o Grêmio Literário e o Esportivo Ijuiense a conquistar o título de campeão municipal. Na foto, de Representação Popular aparecem: Amaury Ilgenfritz (1), Eitel Brenner (2), Waldemar Müller, o Milucha (3), Heitor – PRP. Pazzini (4), Germano Lemmertz (5), Bóris Groissmann (6), Jarbas Assumpção Soares (7), Foi, ainda, um dos funda- o presidente Alerante do Nascimento Siqueira (8), João Soares (9), Saturno (10), Ademar dores e primeiro presidente Porto Alegre (11), Isaac Bührer (12) e Carlos Hocevar, o Cáli (13)


SÁBADO, 3 de julho de 2010

O REPÓRTER

GERAL

11

Da Redação

Esporte e cultura marcam o Dia do Cooperativismo Hoje será comemorado o Dia Internacional do Cooperativismo. Para marcar a data, que será celebrada através do esporte, estarão envolvidos colaboradores das quatro principais cooperativas: Ceriluz, Cotrijui, Sicredi e Unimed Noroeste/RS

O

tema “Faça do cooperativismo seu esporte preferido” foi escolhido pelas cooperativas para a programação, que será aberta às 9h, no Salão da Afucoper. Estão

As nossas cooperativas Ceriluz - Cooperativas de Infraestrutura As cooperativas de eletrificação rural tiveram com o objetivo principal proporcionar que a energia elétrica chegasse às comunidades mais distantes do meio rural, promovendo um novo modelo de vida, onde as máquinas estão a serviço do homem, garantindo-lhes um trabalho com maior eficiência e uma vida com muito mais conforto e qualidade. Elas estão organizadas no sistema Fecoergs - Federação das Cooperativas de Energia, Telefonia e Desenvolvimento Rural, composto por 15 cooperativas de distribuição e geração de energia elétrica. Com aproximadamente 13,5 mil associados e atendendo à área integral de 13 municípios da região, a Ceriluz vai completar 44 anos e visa em seu trabalho o mínimo de interrupções e a máxima qualidade da energia fornecida. Desenvolve novos projetos para melhorar a qualidade de vida do quadro social, levando formação e informação sobre gestão rural e cooperativismo. Outro ponto

confirmadas as participações de Alex Stragliotto, ex-jogador de vôlei da Seleção Brasileira e articulador do projeto Ijuí PróVôlei, e do Grupo Teatral Cara de Pau, de Ibirubá, que apresentará a peça humorística “Atletas do Cooperativismo”. O Dia Internacional do Cooperativismo é comemorado anualmente no primeiro sábado de julho. Em Ijuí, esse será o quinto ano consecutivo que a Ceriluz, Cotrijui, Sicredi Augusto Pestana RS e Unimed Noroeste/RS promovem ação integrada para resgatar os valores e princípios que caracterizam o sistema. Em 2010, a programação estará direcionada para o público interno, estabelecendo um paralelo entre o associativismo e o esporte. importante é o comprometimento ambiental, utilizando cabos ecológicos, realizando palestras e atividades para estudantes e estimulando o consumo consciente de energia e a preservação das áreas ciliares às redes e as suas usinas. Atualmente, além da distribuição a cooperativa atua também na geração de energia, sendo proprietária de quatro usinas, sendo uma em construção, as quais geram mais de 15 MW/h. Cotrijui - Cooperativas agropecuárias As cooperativas agropecuárias caracterizam-se pelos serviços prestados aos associados, como recebimento, comercialização da produção conjunta, armazenamento e industrialização de produtos, além da assistência técnica, educacional e social. No Brasil, existem 1.615 cooperativas agropecuárias que contam com aproximadamente 1 milhão de produtores associados. Geram cerca de 140 mil empregos diretos e envolvem mais de 6,3 milhões de pessoas com atividades direta e indiretamente ligadas às Cooperativas. A Cotrijui - Cooperativa

A peça será atração de hoje para os colaboradores das quatro cooperativas e a força, ao redor do mundo, Força do Cooperativismo O Dia Internacional do Co- de mais de 800 milhões de operativismo celebra a união pessoas que optaram pelo sisAgropecuária & Industrial atua no Agronegócio de Alimentos, desenvolvendo atividades em segmentos como cereais e oleaginosas, leite e suínos, beneficiando, industrializando e comercializando produtos agropecuários. Atualmente, representa mais de 18.500 associados, distribuídos em 42 municípios localizados nas Regiões Noroeste, Fronteira Oeste e Campanha do Rio Grande do Sul, possuindo um quadro funcional de 2.400 colaboradores. Soja, milho, arroz, trigo, aveia, canola, girassol, centeio, cevada, dentre outros, são os produtos mais comumente produzidos pelo quadro associativo da Cotrijui. A Cotrijui recebe mais de 800 mil toneladas de produtos agrícolas e parte das matérias primas são utilizadas na industrialização de seus produtos. Sicredi - Cooperativismo de crédito Atualmente, o cooperativismo de crédito, um dos 13 ramos de atividade do cooperativismo, reúne 54 mil cooperativas e 186 milhões de associados no mundo. Deste total, o Brasil concentra 1,1 mil

cooperativas e 3,4 milhões de associados. O Sicredi, considerado um dos principais sistemas de cooperativas de crédito do País e da América Latina, possui 1,6 milhão de associados e mais de 1,1 mil pontos de atendimento em 10 estados brasileiros. A Sicredi Augusto Pestana RS tem uma história de 85 anos na região e é uma das 128 cooperativas de crédito do Sistema Sicredi, conta com sete unidades de atendimento, nos municípios de Jóia, Augusto Pestana, Coronel Barros, Bozano e Ijuí, com cerca de 14.000 associados. Unimed - Cooperativismo em Saúde A Unimed é a maior experiência cooperativista na área da saúde em todo o mundo e também a maior rede de assistência médica do Brasil, presente em 83% do território nacional. O Sistema nasceu com a fundação da Unimed Santos (SP), em 1967, e hoje é composto por 375 cooperativas médicas, que prestam assistência para mais de 16 milhões de clientes e 73 mil empresas em todo país. Os clientes Unimed contam com mais de 109 mil médicos,

tema cooperativo como meio de organização econômica da sociedade, fundamentado em princípios como o da participação democrática, solidariedade, independência e autonomia, visando a prosperidade conjunta. No Brasil, segundo dados da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), atualmente 8,2 milhões de pessoas são associadas a mais de 7,2 mil cooperativas. Em 2009, o setor movimentou R$ 88,5 bilhões no país, representando um crescimento gradual de cerca de 30% desde 2006. Atualmente, o cooperativismo emprega 274,1 mil pessoas e exportou, no ano passado, US$ 3,63 bilhões, equivalente a 5,39% do Produto Interno Bruto (PIB) Brasileiro. 3.244 hospitais credenciados, além de prontoatendimentos, laboratórios, ambulâncias e hospitais próprios e credenciados para garantir qualidade na assistência médica, hospitalar e de diagnóstico complementar oferecidos. Além de deter 34% do mercado nacional de planos de saúde, a Unimed possui lembrança cativa na mente dos brasileiros. De acordo com pesquisa nacional do Instituto Datafolha, a Unimed é pelo 16º ano consecutivo a marca Top of Mind, quando o assunto é plano de saúde. A Unimed Noroeste/RS atua em 52 municípios e conta com 350 médicos cooperados. Possui dezenas de serviços credenciados e serviço próprio, o Hospital Unimed, consolidado como um centro regional de referência que caracteriza-se pelo padrão de tecnologia, ambiente diferenciado e atendimento humanizado. Conta com unidades regionais de atendimento, denominadas de Espaço Unimed. Em parceria com hospitais regionais, a Cooperativa investe na estruturação de unidades de atendimento com padrão diferenciado de hotelaria.

CMYK


12

SÁBADO, 3 de julho de 2010

SOLIDARIEDADE

O REPÓRTER

Por Taís Machado

Alunos levaram alegria ao Lar da Velhice Adolescentes interagiram com idosos na Sabeve, levando alimento, alegria e trocando experiências de vida

N

o dia 25, um grupo de cerca de 40 alunos da 3ª série do Ensino Médio, o “Terceirão” do Ceap, visitou os idosos residentes na Sabeve (Serviço de Amparo e Bem Estar da Velhice). A visita foi agendada pelo Comitê pela Vida, que também convidou os alunos para interagirem com o grupo de idosos. “Este era o maior objetivo da visita”, enfatiza a coordenadora do Comitê pela Vida, Mônica Brandt, dizendo que “foi plenamente alcançado, uma vez que a interação foi muito boa”. Na chegada, o grupo de alunos ajudou a descarregar os 820 Kg de alimentos, arrecadados através da tarefa solidária da Gincana do Grêmio Estudantil Gemli. A Gincana envolveu alunos de 6ª série a 3ª série do Ensino Médio. No

encontro, os estudantes ouviram uma explanação sobre o funcionamento da instituição e, logo depois, compartilharam de momentos de alegria e convivência. O grupo de idosos ficou animado com as danças e contentes com o momento que, em pequenos grupos, os alunos conversaram com os idosos, ouvindo histórias e experiências de vida dos idosos. O grupo de danças infantil Enzian, do Centro Cultural 25 de Julho, fez uma apresentação, coordenada pela professora Jorgina Oliveira. A aluna do Terceirão, Greice Spacil Grinke, de 17 anos fez uma apresentação de dança de salão, com seu partner, mostrando vários ritmos. Para Greice a visita foi de extrema relevância, “porque a gente não conhece a realidade, o mundo deles, aprendemos muito com as histórias que eles nos contaram”. A importância de ações como esta para a aluna é no tratamento com os outros, “ser mais aberto a novas experiências, levamos dança para que eles pudessem ter contato com o que veem

de como foi a vida deles, ter noção do que eles estão vivendo”, salienta. Criada em 28 de novembro de 1970, a Sabeve teve seu início de funcionamento no ano de 1984. É um departamento da Comunidade Evangélica de Ijuí que possui sua própria diretoria e recebe doações. Situa-se na RS 522, Km 2, Linha 2 Oeste, telefone: (55) 3332-4959 ou celular: 99632753, Caixa Postal 54, site www.sabeve.org.

na televisão, levar um pouco de alegria”, completou Grinke. “Foi uma experiência interessante, pois a gente pode compartilhar histórias. Muitos são carentes de visitas, conversas e convivência com jovens”, comenta a aluna Bruna Bendler Goettems, de 17 anos. Ela acredita que é fundamental para os alunos, os jovens, terem uma visão de como é a vida dos idosos do Lar da Velhice, “é importante termos uma visão

Alunos compartilharam momentos de alegria e convivência

Trote pedagógico beneficia Lar da Criança Relatório Social concorrerá ao Uma atividade diferenciada Prêmio de Responsabilidade Social foi promovida pelo Curso de Pedagogia da Unijuí. Para marcar o encerramento das atividades do semestre letivo, os Formandos do Curso realizaram um trote pedagógico ao longo do semestre, no componente curricular de Pedagogia nas Perspectivas Atuais. O componente envolveu seminários de aprofundamento de temas recorrentes no processo de formação. Segundo a professora Iselda Sausen Feil, foram organizados quatro seminários, que para a inscrição, as acadêmicas solicitaram a doação de alimentos, roupas e material de higiene, com o objetivo doar a uma instituição beneficente do município. Os donativos arrecadados nesses seminários foram entregues na noite de segunda-feira,

Colcha de retalhos foi confeccionada em comemoração aos 50 anos do Curso ao diretor do Lar da Criança o trabalho desenvolvimento Henrique Liebich, Odemar pela instituição, que acolhe Egon Rehfeld. O diretor do crianças e adolescentes. Além Lar foi recebido pela chefia dos materiais arrecadados, os do Departamento, professores acadêmicos fizeram a entrega e acadêmicos do Curso. Na de uma colcha de retalhos, oportunidade o diretor fez confeccionada por ocasião dos uma breve explanação sobre 50 anos do Curso de Pedagogia.

Menino necessita com urgência de doação de medula óssea O menino Felipe de Aguiar (filho de Marilene Lourdes de Aguiar) em tratamento contra leucemia, precisa com urgência de um doador de medula óssea. O Hemocentro de Cruz Alta estará coletando sangue de possíveis doadores no próximo dia 8, das 8h30 às 17h no Unilab, no Campus da Unijuí. Qualquer pessoa entre 18

e 55 anos de idade, com boa saúde, pode ser doador. Os candidatos preenchem um formulário com dados pessoais, logo após, é coletada uma amostra de sangue (10 ml) para a realização dos testes. Esses testes determinam as características genéticas que são necessárias para a compatibilidade entre doador e

paciente. Os dados pessoais e o resultado dos testes são armazenados em um sistema que realiza o cruzamento com os dados de pacientes que estão precisando de transplante e, em caso de compatibilidade com o paciente, o doador é chamado para realização de exames complementares necessários para a doação.

A Fidene/Unijuí deverá inscrever seu Relatório Social 2009 no Prêmio de Responsabilidade Social, promovido pela Assembleia Legislativa do Estado. Por nove anos consecutivos a Instituição já foi agraciada com o Certificado de Responsabilidade Social, concedido pela Assembleia Legislativa, concorrendo, ainda, ao Troféu de Responsabilidade Social – Destaque RS, na categoria instituições de ensino superior. Esse troféu já foi conquistado pela FIDENE com o Relatório Social do ano de 2005. A cerimônia de entrega dos diplomas e troféu acontece no final do ano. O Relatório Social 2009, cuja publicação foi coordenada pelo Núcleo de Contabilidade e Orçamento, e elaborada pela Coordenadoria de Marketing, destaca também importantes

projetos desenvolvidos pela Instituição. Para os prêmios Menção Especial e Troféu Destaque RS, igualmente instituídos pela Assembleia Legislativa, foram indicados o Programa Redes de Cooperação, para a categoria com o mesmo nome, e o Projeto de Extensão Socioambiental Acata, para a categoria “Projetos de Sustentabilidade”.

Fidene/Unijuí concorrerá a Premio

SJDS estende prazo para envio de projetos A Secretaria de Justiça e do Desenvolvimento Social do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, através do Programa Rede Parceria Social,comunica a prorrogação do prazo de envio dos projetos. O envio

para a terceira edição da Rede Parceria Social, pode ser feito até 25 de julho, às 23 horas e 59 minutos. A prorrogação se dá devido a grande demanda de projetos encaminhados nesta edição.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

CULTURA

O REPÓRTER

13

Por Drica Morais

“Relicários Contemporâneos” está em exposição na Sala Java O trabalho, realizado pela acadêmica de Artes Marilene Stahlhofer, estará aberto à visitação até o dia 13 de julho

D

esde o dia 28 de junho, está aberta à visitação, na Sala de Exposições Java Bonamigo, a “Mostra Acadêmica I Relicários Contemporâneos”, da acadêmica do Curso de Artes, Marilene Stahlhofer. O trabalho, orientado pela professora Salete Protti, apresenta um conjunto de objetos mostrando o signi-

ficado de sua plástica - desenvolvida nos ateliês do Curso de Artes Visuais da Unijuí. “E como sou colecionadora de sementes, busquei utilizá-las no meu trabalho. Mas, claro, tive o cuidado de não escondê-las e, por isso, trabalhei muito com transparências, como o silicone”, explica a estudante. O (estranho) gosto pelas sementes surgiu há mais de 20 anos, quando Marilene tinha que ficar em casa, esperando seu marido voltar de viagem. “Eu ficava sozinha, cuidando do meu filho, e tinha muita insônia. Ou seja, precisava de

Ijuí

Se você gosta de Jota Quest, prepare-se! No dia 25 de julho, a banda mineira fará seu primeiro show na cidade. “E os ingressos já estão sendo vendidos nas lojas MB e Cadile Calçados”, lembrou o promotor do evento, Jairo Cavalini, em entrevista concedida à Rádio Repórter. O show acontecerá no Ginásio Municipal Wilson Mânica e o passaporte para acompanhar da arquibancada custa R$25,00. A área vip, com mesa para quatro pessoas, em frente ao palco, custa R$600. “E, depois, terá o Open Bar, com bebida liberada para maiores de 18 anos. Para participar, basta adquirir o ingresso ao valor de R$80”, lembra o promotor.

O trabalho é orientado pela professora Salete Protti

algo para me distrair. Comecei, então, a trabalhar com as sementes, decorando determinados objetos. Foi uma espécie de terapia”, conta. Para aperfeiçoar seu trabalho, Marilene ingressou no curso de Artes da Unijuí – e hoje se prepara para a formatura. Para conferir o trabalho da acadêmica, visite a Sala Java até o dia 13 de julho, das 8h às 12h ou das 13h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira. Escolas e outros grupos interessados podem agendar visitas com monitoria especial, pelo telefone 3332-0635 ou pelo e-mail salajava@unijui.edu.br.

Jogo beneficente terá a presença do Grupo Tradição Na próxima quarta-feira, o Grupo Tradição participará de um jogo beneficente no SESC, a partir das 19h30. A banda, formada em Campo Grande – MT, está cumprindo sua agenda de shows pela região e optou por se hospedar na cidade – já que o novo vocalista, Guilherme Bertoldo, e o baterista, Leonardo Bertoldo, são naturais de Ijuí. Para assitir a partida, basta levar 1 kg de alimento não-perecível ou um agasalho.

BLOG DA MÚSICA

Acesse o portal da Iguatemi FM: www.iguatemifm.com

Daniel Sommer + Lashley Michael, ministro das Habitações e Terras de Barbados, presenteou Rihanna com um território em sua terra natal avaliado em 1 milhão de dólares. A iniciativa visa valorizar os cidadãos locais que se encarregam de divulgar a ilha para o resto do mundo. A cantora não po-

derá vender o terreno pelos próximos 15 anos. Para Gline Clarke, ministro do Governo, é injusto presentear celebridades ricas enquanto parte da população barbadiana viva na pobreza. O que você acha? + O videoclipe A Tendência, lançado recentemente pelo

Strike, caiu no gosto da galera e bateu recordes mundiais no Youtube. Por mais de três horas, a produção alcançou o primeiro lugar no site, deixando para trás os sucessos Baby, de Justin Bieber, e Alejandro”, de Lady Gaga.

CMYK


14

O REPÓRTER

SÁBADO, 3 de julho de 2010

SOCIAL

PANIFICADORA E MERCADO TIA LUCINDA: 31 ANOS DE QUALIDADE EM PRODUTOS

AGENDA SOCIAL BAILE – Hoje acontece o Baile do Clube da Saudade com a Banda Estação 4, de Santa Rosa. O baile tem início às 21h e a idade mínima para ingresso é de 25 anos. No domingo, acontece novo baile com as bandas Estação 4 e Renovasom, de Chiapetta. O início do baile será às 15h e a idade mínima para compra de ingresso é de 30 anos. SOCIEDADE AIMORÉ - A Sociedade Esportiva e Recreativa Aimoré convida para o Baile da 2ª e 3ª Idade, hoje, a partir das 15h, com animação das bandas Reflex e Remix. Mulheres até às 16h30 não pagam ingresso. Participe!!! SOCIETÁ CAFÉ – Nesta terça-feira, dia 6 de julho, o Societá Café apresenta Boca e Paulinho, em comemoração aos 40 anos de Waldemar Oliveira na noite ijuiense. ALMOÇO DO PESCADOR – Amanhã acontece o 7º almoço do Dia do Pescador, que é comemorado em 29 de junho. O almoço será realizado na sede social da Z 18, na Linha 6 Oeste. JANTAR TÍPICO ITALIANO - No dia 30 de julho, em Barreiro, na Capela Nossa Senhora Conceição, acontece o Jantar Típico Italiano. O cardápio será galeto, fortaia, polenta, massa com molho, arroz, saladas diversas temperadas com bacon, rúcula e repolho xadrez. A sobremesa será sagu com creme de leite. As fichas podem ser adquiridas no Sindicato Rural e também com integrantes da diretoria. FECOLÔNIA – No dia 9 de Julho, acontece o lançamento da Feira de Agroindústria Colonial das cidades de Panambi, Condor e Pejuçara, no Parque Municipal Rudolfo Goldhardt. O evento irá reunir diversas autoridades que assistirão ao lançamento da Fecolônia, feira que irá se realizar de 13 a 15 de agosto, em Panambi. ALMOÇO DO CLUBE DAS MÃES – No dia 18 de julho, na Comunidade de Engenho Velho, em Catuípe, acontece o tradicional evento que evidencia a união, a organização e os laços comunitários estimulados e preservados pelos Clubes de Mães. Informações podem ser obtidas através do telefone 55 3336.1104. BAILE – A Afhocai e EA Produções organizam um megabaile em comemoração aos 75 anos do HCI, hoje, no CTG Clube Farroupilha. O início do baile será às 22h, com show de Pedro Ortaça, Banda São Francisco e encerramento com Estrela Azul. Os ingressos antecipados podem ser adquiridos com integrantes da Afhocai, Farmácia São Lucas, Sul Farma Farmácia, Rede São João, Farma G, Supermercado Modelo, Sonia Cabeleireira, Mini Mercado Freitas, Mercado Darci. Bozano na Vita Farma. Augusto Pestana na Farmácia Kadeado. Ajuricaba na Saga Vídeo Locadora. FESTA PADROEIRO DA VILA SANTANA - A Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Vila Santana convida para Festa em honra ao seu Padroeiro. As festividades se iniciam sexta-feira, dia 16 de julho, com missa às 19h e palestra para os pais e catequizandos da paróquia. Após, venda de cachorro-quente e bebidas. No domingo, dia 18 de julho, a grande festa, iniciando-se às 9h45, com procissão saindo do Viveiro Grupo-Verde, seguida de missa na Matriz com a presença de todas as comunidades trazendo seus estandartes. Ao meio-dia, venda de churrasco, galinhas assadas e recheadas, saladas, cucas e tortas. Na parte da tarde, diversas atrações, sorteio da Ação Entre Amigos e reunião dançante animada pela Banda Renovassom, de Chiapeta. Mais informações pelo fone 3332-1580.

No dia 9 de julho, a Panificadora e Mercado Tia Lucinda completa 31 anos de qualidade em produtos e atendimento. É um empreendimento familiar que passou de mãe para filho e que vem primando, desde então, pelo melhor para seus clientes. Neste mês de aniversário, a Panificadora e Mercado Tia Lucinda está com uma promoção nas tortas: Guilherme, bombom e festinha, ambas a R$11,00 o Kg. A Panificadora e Mercado Tia Lucinda aceita todos os tipos de cartões, com o B a n r i c o m p r a s, V i s a , Master, Quero-Quero, vales Alimentação e Refeição. A panificadora, do proprietário Nilson Rein, trabalha também com tele-entrega de tortas, doces e salgados, dando maior comodidade para seus clientes. O horário de atendimento é de segunda a sábado, das 7h às 12h e das 13h30

às 20h, e aos domingos, das 17h às 20h. Panificadora e Mercado Tia Lucinda agora recebe também pagamen-

to de boletos de água, luz e telefone. Rua do Comércio, n° 2045, telefone (55) 3332.6226.

ANIVERSÁRIO CONCURSO

No dia 26 de junho, a bela jovem Jéssica dos Santos Pens comemorou seu aniversário de 15 anos no Salão de festas do Edifício Hass Center, com a presença da Banda destaque ijuiense Parada Obrigatória. O Estúdio Foto Elis esteve presente registrando todos os momentos.

REGIONAL DE PRENDAS Em Concurso Regional de Prendas realizado no dia 26 de junho, na 22ª Região Tradicionalista Gaúcha, na cidade de Três Coroas, o CTG Sangue Nativo de Parobé trouxe os prêmios de 1ª Prenda infantil, 2º Piá e 1ª Prenda Mirin desta região, onde Andressa Jarutais Rodrigues, nascida em Ijuí, filha de Edisam e Claunice Jarutais Rodrigues, fundadores do Grupo de Folclore Avô Maragato, destacou-se como 1ª Prenda Juvenil. Que tal a prendinha divulgando a história desse Rio Grande como seus pais e avós. Parabéns a ela pela conquista!


SÁBADO, 3 de julho de 2010

O REPÓRTER

SOCIAL

15

LOJAS CAMPEÃ COMEMORA 10 ANOS DE HISTÓRIA Empresa se consolidou em Ijuí como referência em utilidades domésticas, embalagens e presentes

Fundada em 1º de julho de 2000, as Lojas Campeã começou pequena, comercializando embalagens, com dois funcionários, em uma área de 80 m2, destinada à loja, depósito e escritório. Aos poucos, porém, com propostas ousadas, mas claras e alcançáveis, a empresa

foi crescendo, até chegar à estrutura atual, 10 anos após o início das atividades. Hoje, as Lojas Campeã está sediada em Ijuí, em um amplo espaço situado na Avenida Coronel Dico, em uma área total de 2.500 m2, empregando 32 funcionários e oferecendo a

CAFÉ EUROPEU

A Associação de Senhoras da Natividade promoveu no dia 30 de junho, no Salão São Luiz, um Café Europeu com a participação das culturas étnicas de nosso município. O café contou com alguns quitutes típicos da culinária italiana, alemã, espanhola, portuguesa, austríaca, holandesa, leta, sueca e polonesa. Confira algumas presenças no Café Europeu.

Ijuí mais de sete mil itens diferentes à venda. Por meio de representantes comerciais, a loja expande sua cobertura para toda a região noroeste e, ainda, para a região Central do Estado, atuando no varejo e no atacado. Com uma grande variedade de produtos e marcas, a loja é ponto de referência para quem procura utilidades domésticas, eletrodomésticos, material escolar e de escritório, embalagens, produtos descartáveis, brinquedos e artigos para festas. Também é endereço certo para os noivos deixarem suas listas de presentes e, ainda, para os homens, que encontram lá, produtos totalmente direcionados a eles, no Espaço For Men. Por tudo isso, é reconhecida pelos próprios fornecedores como a maior loja em utilidades domésticas do

Estado, e motivo de orgulho pa- Paulo, Rio de Janeiro, Minas ra a direção e colaboradores. Gerais e outros estados. Atenta à qualidade dos proComemore com as Lojas dutos e do atendimento, a Campeã todo o sucesso e as Campeã inova constantemen- conquistas destes 10 anos e histe. Exemplo disso é o site da em- tória. Faça uma visita e confira presa (www.lojascampeã.com) os descontos especiais e as conque oferece serviço de vendas dições de pagamento em até on-line e, em pouco tempo de seis vezes, sem acréscimo. Na funcionamento, já vem con- Avenida Coronel Dico, 569, telequistando clientes em São fone 3331-1185.

COMEMORAÇÃO Leonardo Bonfada completa hoje seu aniversário de 12 anos. A festa de confraternização acontece hoje à tarde, nas dependências do Galpão Crioulo da Rádio Repórter. Os pais Mauro e Adriana Bonfada lhe desejam toda felicidade. Parabéns!

FESTA JUNINA

Na última quinta-feira, os alunos da Escola Ruyzinho participaram da Festa Junina realizada na quadra da escola. Os alunos realizaram brincadeiras e danças típicas, além de provar quitutes típicos das festas de São João.


16

SÁBADO, 3 de julho de 2010

SAÚDE

O REPÓRTER

Por Drica Morais

A saúde também está no rótulo que comer. No entanto, a verdadeira liberdade de escolha só acontece quando ele tem acesso às informações sobre aquele alimento, ou seja, conhece os riscos para a sua saúde e não é induzido por meio de práticas abusivas”, afirma a nutricionista. De acordo com a nova resolução, ficam proibidos os símbolos, figuras ou desenhos que possam causar interpretação falsa, erro ou confusão quanto à origem, qualidade e composição dos alimentos. Também

Segundo nutricionista, entender as informações contidas nos rótulos das embalagens é fundamental para a escolha de alimentos saudáveis e verdadeiramente nutritivos

V

ocê vai ao supermercado, seleciona um produto industrializado, verifica o preço e confere a validade. Até aí, tudo bem. O fato é que muitos consumidores não têm o hábito de verificar os outros dados escritos no rótulo. “E entender as informações contidas nos rótulos é fundamental para a escolha de alimentos saudáveis e verdadeiramente nutritivos”, lembra a nutricionista Vera Lucia Thomé da Cruz. De acordo com ela, a informação nutricional, que poucos entendem, mostra a quantidade de nutrientes por porção do alimento. “Na verdade, as porções indicadas nos rótulos são Entenda o verdadeiro significado das expressões: - Não calórico: não apresenta calorias - Baixas calorias: 40 calorias, ou menos, por porção - Calorias reduzidas: pelo menos 25% menos calorias por porção, em comparação a alimentos similares - Sem açúcar: menos de 1/2 grama de açúcares por porção - Açúcar reduzido: no mínimo 25% menos de açúcar, em comparação a alimentos similares - Light: a definição de alimento light deve ser empregada nos produtos que apresentam redução mínima de 25% em determinado nutriente

não será permitido atribuir características superiores as que o produto possui, bem como sugerir que o alimento é nutricionalmente completo ou que seu consumo é garantia de uma boa saúde. Segundo Vera, uma das grandes preocupações da resolução está focada no público infantil, reconhecidamente mais vulnerável. “Por isso, a nova resolução dá especial importância à divulgação acerca dos perigos vinculados ao consumo excessivo de determinados produtos”.

Uma das preocupações da resolução está focada nas crianças determinadas com base em dietas de 2000 kcal diárias, considerando uma alimentação saudável”, diz. No Brasil, a rotulagem é obrigatória em todo o território nacional e controlada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Segundo Vera, os rótulos devem conter a lista de ingredientes, informando a composição do produto; bem como a origem e o lote, que mostram quem é o fabricante, onde e quando foi produzido o alimento. “Deve haver, ainda, o prazo de validade, a informação nutricional e o

conteúdo líquido, que é a quantidade total do produto na embalagem”, completa a nutricionista.

ou calorias, comparadas com o alimento convencional - Diet: de acordo com a ANVISA, o termo diet pode ser usado em dois tipos de alimentos: para dietas com restrição de nutrientes (carboidratos, gorduras, proteínas, sódio) ou para dietas com ingestão controlada de alimentos (para controle de peso ou de açúcares).

nos 25% a menos, em comparação a alimentos similares

Quanto à gordura: - não contém gordura: menos de 1/2 grama de gordura por porção - 100% sem gordura: supre as exigências para alegação de não conter gordura - Baixo teor de gordura: 3 gramas ou menos por porção - Gordura reduzida: pelo me-

Nova determinação da Anvisa Segundo uma resolução publicada pela Anvisa no dia 29 de junho, as propagandas de determinados alimentos, que apresentam elevadas quantidades de açúcar ou gorduras saturadas, devem mudar. O objetivo é proteger os consumidores de práticas que possam omitir informações ou induzir ao consumo excessivo. “O consumidor é livre para decidir o

Quanto ao colesterol: - Não contém colesterol: menos de 2 miligramas de colesterol por porção e 2 gramas ou menos de gordura saturada por porção - Baixo teor de colesterol: 20 miligramas ou menos de colesterol por porção e 2 gramas ou menos de gordura saturada por porção Quanto ao sal: - não contém sódio: menos de 5 miligramas de sódio por porção - não contém sal: satisfaz as exigências para a alegação de não conter sódio

Valter Mânica valterfarmaceutico@hotmail.com

Os perigos do beijo na boca Atualmente, nossa sociedade incorporou o hábito de “ficar”, no qual se podem beijar várias pessoas, geralmente desconhecidas, em uma mesma balada. Porém, o hábito do beijar na boca, visto por muitos como algo inofensivo, traz o perigo da transmissão de várias doenças, inclusive as sexualmente transmissíveis. A gengivite, por exemplo, é uma irritação bacteriana que teve sua incidência aumentada nos últimos anos, provavelmente em decorrência do hábito de “ficar”. De acordo com um estudo publicado em fevereiro de 2006 no Bristh Medical Journal, beijar na boca várias pessoas aumenta em quatro vezes o risco de adolescentes contraírem meningite, uma infecção cerebral potencialmente fatal. Já a bactéria causadora da temida cárie dental, streptococus mutans, também pode ser transmitida pelo beijo na boca. Além das bactérias, o beijo também pode transmitir vírus causadores de doenças. Uma dessas doenças, a mo-

nonucleose, recebeu o nome popular de “doença do beijo”. Mononucleose é causada pelo vírus Epstein-Barr (VEB) e, depois de um período de incubação de 35 a 45 dias, a pessoa pode permanecer com o vírus para sempre no organismo. Mononucleose pode ser uma doença assintomática, ou apresentar sintomas que incluem: fadiga, dor de garganta, tosse, inchaço dos gânglios, perda de apetite, inflamação do fígado e hipertrofia do baço. Outra doença por vírus mais conhecida e também transmitida pelo beijo, é o herpes labial. Essa doença é provocada pelo vírus herpes simples e pode causar bolhas e feridas nos lábios e pele ao redor da boca. As temidas doenças sexualmente transmissíveis (DST) também podem ser contraídas pelo beijo. Há risco de transmissão do vírus HIV, causador da AIDS, caso existam feridas ou sangramento na boca. Importante Realizar consultas periódicas com seu dentista.

CMYK


SÁBADO, 3 de julho de 2010

DIVERSOS VENDO 6 PNEUS 265/70 ARO 17 E 1 PNEU 235/65 ARO 17, SEMINOVOS. BARBADA! APENAS R$ 250,00 CADA. TRATAR: 9631.5681. CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA DERMATOFUNCIONAL. INFORMAÇÕES (55) 3332-9869. EXCURSÃO: Para Rivera Uruguai, saída 09/07 retorno 10/07/2010. Informações e reservas 3332.1706, 9111.7988 ou 9964.1229. VENDE-SE CASA DE CARNES com clientela formada, ótimo ponto comercial, possui maquinários novos e vendas comprovadas. Aceita-se carro no negócio. Tratar fone: 9113.6237. VENDO MÁQUINA DE ESCREVER elétrica nova IBM 6783 R$250,00; Máquina de escrever Olivetti Línea 98, R$100,00; uma mesa para computador nova em cerejeira, três gavetas com chave, acompanha cadeira de

couro R$250,00; dois arcondicionados 10.000 btus R$150,00 cada um. Negociase 9644.2547. VENDO UMA ESCRIVANINHA de madeira com ferro (escritório ou estudo), nova, possui estrutura forte, três gavetas com chave, acompanha cadeira, no valor de R$250,00. Negocia-se 9644.2547. VENDO COZINHA grande em fórmica que não há material semelhante, é de 1ª qualidade, aproveite! Ela é amarela com portas brancas, 15 portas aéreas de 65X40cm, 10 portas inferiores de 65X56cm, acompanha fogão de seis bocas, forno de assar embutido, com encaixe para geladeira e freezer, acompanha mais um balcão com duas pias inox. A parte traseira pode servir de repartição com sala de jantar, com duas portas grandes e prateleiras. É linda e inteira! R$4.500,00. Negocia-se 9644.2547. GRANDE OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO – Vendo a maior Video Locadora de Ijui, com um bom

O REPÓRTER

CLASSIFICADOS

faturamento e em pleno funcionamento. Mais de 1.500 clientes cadastrados em apenas 7 meses, ótimo ponto comercial, com 240mts², com todos os últimos lançamentos, grande acervo com mais de 5.000 filmes, cafeteria com internet sem fio, loja de conveniência, bolsas, semi jóias, sex shop (a maior da região). Motivo da venda: outro negócio fora do estado. Aceito carro no negócio. Fone (55) 8402.8192 com Fernando. VENDE-SE JET SKI SEEDOO, ano 2005, amarelo e branco, com capa e carreta importada, emplacada, para 2 jet, poucas horas de uso. R$ 8.000,00. Muito abaixo da cotação. Apenas R$ 18.000,00 para jet ski e carreta. fone (55) 8402.8192. VENDE-SE UMA IMPRESSORA, modelo 2X300, revisada e com garantia, ideal para escritório de contabilidade. Valor de R$380,00. Contato nos fones: 3332.1306 ou 9928.8929. VENDE-SE LABRADOR RETRIEVER. Ótima procedência, pai e mãe no local,

17

carteira de saúde animal, desverminados, acompanhamento médico veterinário. Agende uma visita. Tratar com Bruno Hinkelmann. Fone: 9657.9097 ou 3333.6581. PROCURA-SE PESSOA (homem ou mulher) para alugar apartamento mobiliado, com cobertura, quarto individual, e o preço acessível. Localizado na rua Floriano Peixoto, 443, apto 304. Tratar no fone 9193.9244.

VENDE-SE dois suínos, dois gansos, duas vacas e uma novilha holandesa. Interessados tratar no fone: 9938.9529 ou 9115.6002.

VENDE-SE LOJA DE CONFECÇÕES masculina e feminina, com 350 clientes ativos na compra em crediário, possui convênios com 5 cartões de crédito, visa, banricompras, hipercard, quero-quero e good card. Loja totalmente informatizada, com um grande estoque em mercadoria e além de convênios com Fórum, Quartel, Unijuí e Unimed. Tem localização central. Aceita-se automóvel, casa ou apartamento. Tratar 3333.2168 ou 9656.5385.

TECH ART - ADESIVOS EM RECORTE E DECORAÇÃO DE VITRINES COM ADESIVOS! Decore a sua vitrine para Outono/Inverno, Promoções, Liquidação, Aniversário, etc.. Projeto sem custo e orçamento sem compromisso. Contate (55) 9954.5246.

COMPRA-SE novilha Girolando. Fone: 9102.9201.

VENDE-SE MERCADO, com área de 200m² e aluga-

COMPRA-SE NOZES COM CASCA. Fone 9938.9529 ou 9115.6002. VENDE-SE EXPOSITOR de carnes Top, novo. Fone 9102.9201.

se o prédio. Motivo outros negócios. Fone 3332 4273 ou 9137 8135. VENDE-SE LANCHERIA na Rua do Comércio 729, antiga Tropical Lanches, ao lado da Dellano. Fone 9126.1345, 9921.2272, 9923.7124. VENDE-SE DIVERSOS EQUIPAMENTOS para padaria e mercado. Interessados tratar no fone 9963.6456 ou 9102.5413. VENDE-SE AR CONDICIONADO revisado e com garantia 10.000 btus com controle remoto R$ 500,00. Fone 9112.7464. VENDE-SE BUZINA a ar americana com acionamento na cordinha ou pedal e duas câmaras 900X20, novas R$160,00. Fone 9112.7464.

VENDE-SE CAMA PARA BEBÊ, andador e banheira por R$180,00. Fone 9112.7464. CUIDA-SE DE IDOSO no turno da noite com experiência e boas referencias. Tratar com Janete ou Rosane no fone 9171.0668. OFEREÇO-ME PARA SERVIÇO domestico ou diarista meio turno (a tarde). Tenho boas referencias. Tratar com Silvia no fone 9136.6633. OPORTUNIDADE DE EMPREGO: procuramos consultores de venda com disponibilidade de horários e facilidade com telemarketing, para atuar em Ijuí e região. Agende uma entrevista pelo fone: 3332.2133.


18

CLASSIFICADOS

O REPÓRTER

SÁBADO, 3 de julho 2010

VEÍCULOS BARBADA! Vende-se Mondeo ano 98 completo, excelente estado, segundo dono. R$ 13000.00. Fone 9976.1867. JET SKI SEEDOO 2005 – Vendo de barbada, amarelo e branco, para 3 pessoas, poucas horas de uso, com carreta importada para 2 jets. Muito abaixo da cotação. Apenas R$ 18.000,00 - Jet Ski e carreta. Fone 8402.8192. VENDE-SE MOTO TRAXX SKY 110, ano 2010 completa com 2.000 km, na garantia. Interessados tratar com Talita no fone 8126.4108. OFERTA: GOLF 95. Possui roda liga leve, película, direção hidráulica. Cor bordô. Valor: R$ 10.500,00. Tratar fone 9129.9960. VENDE-SE CITRÖEN PICASSO, 2003 completa, na cor cinza. R$ 25000,00. Tratar com Lauro no fone 9917 3349 ou 3332 4433. VENDE-SE CLIO HATCH 2003, Authentic, 1.0, 8V, 4 portas, branco, IPVA 2010 pago, Som original com controle no volante, inpecável, particular. Fone: (51) 9815.5360. VENDE-SE UM FUSCA, ano 77, insufilmado, possui rodas, motor 1600 e pintura metálica. Valor R$4.500,00. Fone 3332.2866. VENDE-SE CAMINHÃO, Chevrolet D60, ano 70, caixa e motor Mercedes em bom estado. Aceito carro, implemento agrícola ou outro tipo de negociação. Fone 8424.8089. VENDE-SE SIENA 98, completo, na cor chumbo, quatro portas. Placa IGV-9995. Motivo da venda, doença. Fone 9336.1079, 9159.9684, 9158.4605. VENDE-SE MOTO CG 125 FAN ES 2009/2010, vermelha, com 6000 km, IPVA. 2010 pago. Tratar com Marcos no fone 9115.0031. VENDE-SE FORD FIESTA STREET, ano 2002, único dono, em estado de novo, com apenas 29.000 km rodados. Todo original. Tratar 9139.4070 com Solange ou 9951.4559 com Vanderlei.

Vermelha, cabine dupla, 4x4, ano 1995. Aceita-se proposta. Fone: 8443-8955. VENDE-SE FIORINO 1.5, Ano 95, Motor novo. Placa IEB-8385. Valor R$ 11.000,00. Tratar no 3332.7384. (Prodan Informática), 9971.9678 com Marcelo ou 9925.0665 com Evandro.

VENDE-SE BELINA 79/80 vermelha, no valor de R$ 3000,00. IPVA 2010 pago. Interessados tratar com Adriano no fone 9102.9172. VENDE-SE MOTO FAZER, 250cc Ano/Modelo 2008 com 7.000 Km - IMPECÁVEL -2ºDONO! Fones para contato: 9974.7986 / 9933.8717 VENDE-SE um FORD 350, ano 2002, com baú. Interessados tratar no fone 3331.7100.

VENDE-SE uma Biz, ano 2006, preta com 12.000km rodados. Valor R$ 4.200,00. Tratar 9622.8778. VENDE-SE VECTRA CD, branco, ano 95, placa ICJ8176, completo, cambio automático, teto solar, roda, pneus quase novos, revisado, 2º proprietário. Preço: R$

12000,00 + 5x de R$ 594,00. Tratar fone: 3331.1396, 9963.1111 ou 9978.1806. VENDE-SE UM TRATOR Valmet 885, com Multi Torque, ano 91, em bom estado. Interessados tratar no fone: 9622.7746. VENDE-SE FUSCA, ano 80, em ótimo estado. Preço de

barbada. Interessados tratar no fone: 9167.8543. VENDE-SE AUDI A3, ano 2001, completo, excelente estado. Aceita-se troca. Tratar com Rogério no fone 9658.0638. VENDE-SE: ou troca-se por carro de menor valor, caminhonete Mistbishi L-200,

VENDE-SE GOL 1.0, Ano 96, Motor novo. Placa CBY4672. Valor: R$ 11.000,00. Tratar no 3332.7384 (Prodan Informática), 9971-9678 com Marcelo ou 9925.0665 com Evandro. VENDE-SE UNO 1.0, FireFlex, Ano 2006, Ar Condicionado. Placa INB-4926. Valor: RS 18.000,00. Tratar no 3332.7384. CMYK


SÁBADO, 3 de julho de 2010

CLASSIFICADOS

IMÓVEIS VENDE-SE PRÉDIO COMERCIAL com mercado montado mais moradia, prédio de esquina com 175m² de área construída. Informações 3332.1706 ou 9964.1229. Aceita-se carro no negocio. VENDE-SE ÁREA DE TERRA de 8 hectares, localizada no Barreiro, com casa de alvenaria, galpão, açude de 1 hectar, fonte de água própria, luz trifásica e água de poço artesiano na residência, com espaço para mais um açude. Valor R$120.000,00. Fone: 9983.8383. VENDE-SE TERRENO no bairro Thomé de Souza, plano, com boa localização, no tamanho 12,5m X 20m. Aceito carro no negócio. Valor: 35.000,00.Fone 9613.1224. VENDE-SE APARTAMENTO Kitnet, mobiliado, sacada com churrasqueira, box garagen, Ed. Alta Ville (Rua do Comércio 1.196) próximo da FIDENE, inpecável, particular, pode ser financiado, ideal para investidor, já está alugado. Fone: (51) 9815.5360.

fone: 9163.3930.

VENDO APTO NOVO, pronto para morar, com dois dormitórios, sala, cozinha e box de garagem, bem no centro. Tratar 3332.8911, 9122.8523.

VENDE-SE um terreno localizado no bairro Assis Brasil, próximo a Igreja Cristo Rei e ao colégio IMEAB. No valor de R$ 60.000,00. Tratar 9622.8778.

VENDE-SE APARTAMENTO no Res. Kaetano, 2 dormitórios, sala, cozinha, sacada c/ churrasqueira e box de garagem individual. Negócio de ocasião - Tratar 9122.8523.

VENDE-SE um terreno de meio hectar, na BR 285, na entrada do Parque de Exposições, para fins comerciais. Tratar 9622.8778.

VENDE-SE APARTAMENTO mobiliado no centro perto do HCI com box, sacada, gás central, salão de festas, interne. R$85000,00. Fone 9112.7464. ALUGA-SE APARTAMENTO, no centro, sem garagem. Interessados tratar no

ALUGA-SE SALA para consultório médico. Rua Treze de Maio, 145, junto a Odontomed. Tratar 3331-1814. ALUGA-SE APARTAMENTO no Bela Vista. Trata fone 3332.4114 ou 9906.9333. VENDE-SE UMA CASA e

alvenaria com 4 dorm., sala, cozinha, dispensa, lavanderia, 2 banheiros, garagem p/ 2 carros com 142,50 m², terreno 19x20 de esquina. Rua Artur Fucks, 361 no Bairro Jardim. Pode ser financiada pela C.E.F Interessados contatar pelo fone (55)9965.9317 ou (55)8434.6685. VENDO 48 hectares de terra com possibilidade de 120 hectares para arrendo. Excelente sede com acesso asfaltado, situado às margens da BR 185, Caibaté. Contato 9998.8287. VENDE-SE 8 HECTARES de terra. Contém um açude de 1 hectar, casa material com água de poço artesiano, galpão, chiqueiro, luz e força. Valor: 130.000,00 Interessados tratar no 9983.8383.

VENDO CASA no bairro Modelo, no valor de R$ 90.000,00. Aceito troca. Interessados contatar pelo 9171.3653. TROCA-SE uma casa de alvenaria de seis peças, no bairro Getúlio Vargas, por outra casa em outro bairro. Maiores informações no telefone 8445.9327. VENDE-SE ou TROCA-SE. 1 casa de alvenaria sem teto. AV. Padre Antônio Kuber nº 10. Fone para contato: 8436.8378. VENDO UMA CASA mista, na Rua Jorge leopoldo Weber, bairro Assis Brasil. A 150 metros da nova sede administrativa do Demei. Valor: R$55.000 Tratar fone 9115.0031.

O REPÓRTER

19


20

SÁBADO, 3 de julho de 2010

REGIÃO

O REPÓRTER

Por Taís Machado

Entre-Ijuís

Entre-Ijuís assina convênio histórico com o DAER Porta de entrada das Missões terá recurso de R$ 1,5 milhão para obras em pavimentação asfáltica

O

prefeito de Entre-Ijuís, Paulo Meneghine, assinou nesta quarta-feira o maior convênio da história do município, conhecido por ser a porta de entrada das Missões. O convênio firmado com o DAER (Departamento Autônomo de Estradas de Rodagens), por meio do presidente Vicen-

te Britto, soma um investimento de R$ 1,5 milhão do governo estadual em Entre-Ijuís, com contrapartida de R$ 400 mil da prefeitura. O recurso será aplicado na pavimentação com asfalto do acesso sul do município, que liga Entre-Ijuís a BR 285, a principal da região Noroeste do Estado, junto ao trevo de acesso ao distrito do Carajazinho. Nesta terça-feira, o assessor especial do ex-presidente da Emater-RS Mário Nascimento, Marcos Mattos acompanhou o prefeito e os vereadores Mauri Lizot e Mauri Krupp, com a

Marcos Mattos / Divulgação

O prefeito e políticos reunidos para tratar do convênio com o DAER. companhia do deputado esta- acertar os últimos detalhes da dual Jerônimo Goergen, para tramitação dos documentos

finais que estavam pendentes. O prefeito afirma que a obra é “um sonho de muitos anos”. “Nunca o nosso município recebeu do Estado um investimento deste porte e deste valor”, reconhece. “A governadora Yeda Crusius é uma mulher de muita fibra e de palavra. Tivemos também o apoio fundamental do expresidente da Emater-RS, Mário Nascimento, e do deputado Jerônimo Goergen”, destacou. “Vamos realizar um sonho de duas décadas da nossa comunidade”, comemorou Meneghine.

Famurs

Panambi

Prefeitos respondem a questionário sobre o Ministro classifica Laboratório de Fitoterápicos como prioridade que esperam dos futuros governantes Na manhã de quinta-feira, o prefeito Miguel SchmitttPrym, participou em Palmeira das Missões dos atos de assinatura do contrato de construção do Hospital Federal de média e alta complexidade, de caráter regional e exclusivamente para pacientes do SUS. O investimento será de R$ 39 milhões, e destes, foi liberada a primeira parcela de R$ 13 milhões pelo Ministro, durante a solenidade. Na oportunidade, o prefeito Miguel mais uma vez abordou o Ministro sobre o projeto da Cadeia Produtiva de medicamentos fitoterápicos, projeto da Prefeitura de Panambi, combinando com esta autoridade um encontro em Brasília na próxima semana, nos dias 7, 8 e 9 de julho. O Ministro, mais uma vez reafirmou que o projeto é prioridade e convidou Schmittt-Prym para encontro em Brasília. Desta forma, a Cadeia de Fitoterápicos que envolverá milhares de pequenos agricultores, em Panambi e na região, poderá ser o primeiro centro nacional, e terá sua sede em Panambi.

Bozano

Também na oportunidade, Miguel afirmou que o Hospital Regional de Palmeira das Missões significará o aperfeiçoamento da rede do SUS em toda a região, com a implantação de UPAS (Unidades de Pronto Atendimento) nos principais municípios da região. O projeto da UPA de Panambi, com mil e quinhentos metros de área construída já está em elaboração e será implantado no Bairro Arco Irís. Na Secretaria da Justiça o prefeito conseguiu agilizar o processo de liberação de R$ 24 mil para a ampliação do prédio da Cruz Azul. O projeto que prevê a ampliação de quartos para mais 24 internos já tem o apoio da Prefeitura, que já liberou R$ 26 mil, do Lions Clube de Panambi, que já depositou R$ 50 mil, através de uma rifa que realizou, e ainda aguarda a liberação de mais R$ 100 mil, da Fundação Internacional de Lions. O projeto teve a sua tramitação demorada pela falta de alguns documentos que na manhã desta quinta feira foram entregues em mãos na Secretaria pelo vice-prefeito José Luiz.

Na última segunda-feira, A FAMURS (Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul) divulgou levantamento inédito feito pela entidade com as principais prioridades das cidades. Com a pergunta: “Quais são as 10 ações que você espera que o próximo Governador (a) realize no seu Município?”, 403 prefeitos do Estado elencaram suas prioridades. A pesquisa foi desenvolvida entre os meses de março e junho, durante o Programa de Interiorização da Entidade. A divulgação do estudo foi feita pelo presidente da entidade, Marcus Vinícius Vieira de Almeida, durante coletiva à imprensa, na sede da Federação. O que os Municípios esperam dos futuros governantes mostra que os prefeitos do Estado priorizam a construção de novas estradas e a revitalização dos acessos asfálticos existentes, para o desenvolvimento das suas comunidades. Os gestores elegeram infraestrutura como a área prioritária a ser desenvolvida pelo futuro governador (a) do Estado. O levantamento apon-

Eleição para Conselho Tutelar será neste sábado Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) de Bozano informa que neste dia 3 acontecerá a eleição para o Conselho Tutelar. Os locais e horários de votação serão: seção 003: das 9h às 12h - das13h às 17h , em Sta Lúcia – Centro Comunitário de Santa Lúcia; seção 032: 9h às 12h, em São Valentim – Salão da

Capela de São Valentim; seção 053: das 9h às 12h - 13h às 17h, na Escola Estadual Dr. Bozano. Seção 074/ Seção 300: das 9h às 12h - 13h às 17h, na Escola Estadual Dr. Bozano; Seção 066 (Saltinho)/ Seção 100 (São Miguel): das 13h às 16h, em Rincão da Laje, no Centro Comunitário de Rincão da Laje. Seção 101: das 9h às 12h - 13h

e das 17h, em Vila Salto, no Centro Comunitário de Vila Salto; seção 102: das 13h às 16h, em Linha 10, no Centro Comunitário da Capela Santo Antônio; seção 245: das 9h às 12h - das 13h às 17h, em Boa Esperança, no Centro Comunitário de Boa Esperança e seção 269: das 9h às 12h, em Rincão dos Letos, no Centro Comunitário de Rincão dos Letos.

tou que 29,08 % dos prefeitos priorizaram os investimentos em asfaltamento, duplicação e melhoria de estradas. As respostas apontam ainda outras carências nos Municípios, como saneamento, eletrificação, habitação, construção de aeroportos, entre outras. Os investimentos nas áreas de Agricultura e Saúde seguem o ranking de prioridades dos prefeitos com 27% e 15,5%, respectivamente. No total, as respostas somam 3.300 citações, categorizadas por 18 áreas de prioridade, escolhidas diretamente pelos prefeitos. O prefeito de Coronel Barros e presidente da Amuplan (Associação dos Municípios do Planalto Médio), Olivar Scherer, em entrevista à Rádio Repórter, falou sobre o Municipalismo, discutido no 30º Congresso de Municípios, realizado em Porto Alegre. Para ele é importante a participação

das prefeituras em maiores recursos, “a nossa maior luta é aumentar o repasse de verbas para os municípios, porque é lá que acontecem os problemas e a comunidade espera soluções”, disse Olivar. Quanto à dificuldade de liberação de recursos, a documentação deveria ser entregue até sextafeira, “se faltou algum papel, teremos que esperar até as eleições, mas em Coronel Barros temos vários projetos que já foram encaminhados e liberados, então, nessa área a administração atuou com eficiência”, disse o prefeito de Coronel Barros. O resultado foi entregue aos candidatos ao governo do Estado José Fogaça (PMDB), e Tarso Genro (PT). A candidata do PSDB Yeda Crusius não compareceu, apesar de estar confirmada até o último momento, no 30° Congresso de Municípios realizado nos dias 29 e 30, em Porto Alegre.

Augusto Pestana e Condor

Governo disponibiliza crédito para obras em municípios O Governo do Estado, por meio da Caixa RS Agência de Fomento, está liberando financiamento, no valor de R$ 16,2 milhões, para prefeituras gaúchas interessadas em realizar obras de infraestrutura urbana e aquisição de equipamentos rodoviários. A contrapartida dos municípios é de 10% do total a ser financiado. Para que a liberação de recursos seja viabilizada, além dos projetos das obras a serem executadas, os mu-

nicípios deverão apresentar os cronogramas, ou notas de compra, nos casos de aquisição de equipamentos. Ao optarem pelo financiamento, as prefeituras terão a sua disposição juros especiais e um prazo de até cinco anos para concluírem o pagamento. Entre os municípios já contemplados com o financiamento, neste primeiro momento, na nossa região, estão na lista os municípios de Augusto Pestana e Condor.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

EDUCAÇÃO

O REPÓRTER

21

Por Talita Mazzola

Meu filho está com notas baixas, e agora? Coordenadoras pedagógicas falam sobre como deve ser o acompanhamento dos pais nos estudos de seus filhos, especialmente agora em época de férias, quando o tempo para recuperar notas é menor

D

epois de um semestre de muito estudo, enfim, férias! Sinônimo de descanso, lazer, divertimento, alívio das tensões. Mas, e para aqueles que chegaram ao fim do semestre com notas baixas, o que fazer? Conversamos com a orientadora educacional do Colégio Sagrado Coração de Jesus, Shirley Pudell, que salientou acreditar que “durante todo este tempo de estudo os contatos entre escola e família aconteceram e a orientação dada é de que não estudem apenas para passar de ano, mas para retomar os conteúdos que não foram assimilados durante o semestre em andamento. A escola faz a sua

parte, oferecendo laboratórios de aprendizagem e reforço ou recomendando ajuda de aulas particulares e acreditando que o estudante também cumpriu com a sua parte. Por estes motivos, no meu entender, as férias são para descansar, repor energias, passear, dormir mais, ler um bom livro, fazer aquilo que nem sempre o estudante pode fazer no período letivo. Porém, se não cumpriu com o seu papel, cabe aos pais decidir de que forma deverá passar as férias. Talvez fazendo o que não fez até agora: estudando!”. Entretanto, aulas particulares não fazem parte da realidade de todos. A coordenadora pedagógica da Escola Estadual de Ensino Fundamental Emil Glitz, Loni Terezinha Chitolina Kaczan, explica que “sempre que vemos que o aluno está apresentando dificuldades, procuramos estar sempre em contato com os pais orientando-lhes a manter o acompanhamento das tarefas em casa, fiscalizando se os deveres têm sido feitos e se a criança ou adolescente tem copiado o conteúdo do quadro”, afirma. Loni salienta que é necessário que haja um

horário estipulado pelos pais para que os filhos estudem e retomem o que foi aprendido em sala de aula. “Sabemos que é uma tarefa difícil, porque na nossa escola temos muitos pais que não têm muitos conhecimentos e outros que não têm tempo de fazer esse acompanhamento, mas é de suma importância que mesmo

Projeto visa estimular a leitura entre comunidade escolar na Escola Tomé de Souza O projeto “De olho na leitura”, da Escola Municipal Fundamental Tomé de Souza tem por objetivo estimular a leitura entre os alunos e comunidade escolar. Desta forma, foram criadas sacolas contendo diversos livros de literatura infantil, folders informativos e textos abord a n d o d i f e re n t e s t e m a s . Esse material é levado pelo aluno para sua residência por três dias, tempo para a família ler o conteúdo e dar sua opinião através de relato escrito. Conforme a diretora Carmem Weiller, a escola está

Alunos levam para casa material para leitura

incentivando seus alunos à leitura, mostrando-lhes que através desta prática ampliarão seus conhecimentos, seu senso crítico e principalmente a formação de cidadãos conscientes de seus deveres e direitos. O tema do projeto foi escolhido pelos alunos da 4ª série e está estimulando o gosto pela leitura junto à comunidade escolar, que reconhece a leitura como fator decisivo para o desenvolvimento cognitivo, permitindo que o ser humano construa o seu senso crítico e suas próprias ideias frente ao meio ao qual pertence.

Homenagem a ex-reitor foi prestada na quarta-feira na Unijuí Em cerimônia comemorativa pelo reconhecimento dos 25 anos da Unijuí como Universidade, acontecido nessa quartafeira, o Conselho Universitário da Unijuí resolveu homenagear Adelar Baggio, que foi o primeiro reitor da instituição, como professor emérito. O reconhecimento da Unijuí como Universidade aconteceu no dia 28 de junho de 1985. Um grande número de lideranças dos diversos setores do município, além da comunidade acadêmica, prestigiou a soleni-

dade. Dentre os presentes, estavam muitos conselheiros que participaram dos Conselhos Superiores da Universidade à época do reconhecimento. O evento também foi marcado pela participação do Grupo de Canto Bell Vivere, do Centro Cultural Italiano, do qual Baggio foi presidente, além de ter sido um dos precursores da organização do movimento das etnias em Ijuí. O Departamento de Estudos da Administração, ao qual o professor Baggio é adscrito, também prestou sua home-

nagem, destacando o espírito empreendedor do professor. Já o Museu Antropológico Diretor Pestana organizou uma exposição fotográfica, resgatando momentos históricos do período. Após a sessão solene, foi servido um café da tarde de confraternização ao público interno e aos convidados. A tarde encerrou com o registro fotográfico oficial dos 25 anos, ao lado da Biblioteca Universitária. Este momento de confraternização e registro fotográfico também foi realizado nos demais Campi.

assim, os pais mantenham-se informado da vida escolar dos filhos, com uma participação efetiva na fiscalização das atividades desenvolvidas pelos filhos em sala de aula e fora dela”, ressalta. A educadora especial do CSCJ, afirma que é de conhecimento geral que é uma difícil tarefa para alguns pais, fazer com que seus filhos estudem, especialmente pelo pouco tempo que dispõem em função das atividades profissionais, mas, segundo Shirley, é um esforço que vale a pena. “Aluno que estuda no último momento e apenas para provas fica ansioso, estressado e não consegue o aproveitamento desejado. O apoio dos pais é fundamental para a superação de dificuldades e para o sucesso dos filhos”, enfatiza. Algumas dicas de como os pais podem colaborar para melhorar o desempenho escolar dos filhos: 1º Limitar o tempo de ver televisão ou de ficar no computador 2º Estabelecer uma parceria com a escola para troca de

informações sobre o desempenho escolar 3º Determinar um horário de estudo diário 4º Cobrar que cumpra com as suas responsabilidades: temas, trabalhos 5º Olhar os cadernos 6º Acompanhar a aprendizagem

Alunos da URI tem bom índice de aprovação no exame da OAB A lista de aprovados no Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) foi divulgada na última semana e dos inscritos na subsecção de Santo Ângelo, apenas dez obtiveram êxito, sendo que destes, sete são alunos do curso de Direito da URI. Conforme análise dos alunos da URI, a OAB vem qualificando a formação dos advogados, ao exigir cada vez mais dos Bacharéis em Direito o conhecimento técnico necessário para o desempenho da profissão da advocacia com a competência e eficácia que a sociedade exige. O maior desafio apontado pelos acadêmicos nesse último certame foi a exigência não apenas de conhecimento da legislação, mas também de precedentes doutrinários e jurisprudenciais, que elevaram

o grau de dificuldade da prova. Segundo Patrick, de 22 anos e aluno do 8º semestre, além do esforço pessoal, foi decisivo para a aprovação o aproveitamento das aulas, as quais “servem de subsídio fundamental para o estudo individual”, bem como o bom relacionamento e acesso facilitado aos professores, o que foi referendado por Walter e Letícia, ela analista da Receita Federal e formada na segunda turma de 2009. Os alunos aprovados são Cláudio Sidnei da Silva, Diego Luiz Trindade, Ismael Antônio Thomé Correa, Letícia Molinar Machado, Patrick Fachim, Rogério Pagel e Walter Alberto Miozzo Junior. A relação completa dos aprovados no Exame pode ser conferida no site da OAB.

Alunos da URI estão entre os 10 aprovados no Exame da OAB


22

SÁBADO, 3 de julho de 2010

GERAL

O REPÓRTER

Da Redação

Os 88 Anos da Congregação Evangélica Luterana Emanuel de Ijuí O pastor Ailton José Müller reflete sobre a história da Congregação e a programação alusiva a seu aniversário

C

om a graça do nosso Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus Pai, e a companhia do Espírito Santo, a Congregação Emanuel de Ijuí está comemorando 88 anos! O aniversário de uma Igreja tem muitas coisas em comum com o aniversário de uma pessoa. Nele se olha para o passado, para a situação do presente e para o futuro. Assim, o aniversário dos 88 anos da Congregação Evangélica Luterana Emanuel de Ijuí é um acontecimento festivo, de recordação de sua história, um momento para constatar em que situação ela se encontra na atualidade e os desafios que se apresentam para o futuro. Apesar desse aspecto comum com o aniversário de uma pessoa, os 88 anos da Congregação Emanuel têm algo próprio e especial. Nestes 88 anos estão envolvidas as vidas de muitas pessoas; uma parte da história de sua mantenedora - Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB) e as localidades que a Congregação esteve em sua peregrinação desde a fun-

dação. No memorial dia 9 de julho de 1922, no antigo Cine Theatro Serrano, o Pastor E. A. DICK realizava o primeiro CULTO na “VILLA IJUHY”, com a participação de 34 pessoas, a maioria provinda da Linha Oito Oeste. Hoje, a Congregação Emanuel está situada na Rua 25 de julho, 290 (na esquina com a SOGI). Na lembrança do aniversário, destacam-se pessoas com um profundo amor a Deus e ao próximo. Foi com este espírito que nasceu a Escola Emanuel. Destacam-se pessoas com espírito de bravura e tenacidade. Mesmo sendo derrotadas, por ocasião do fechamento da Escola na década de 90, não calaram suas vozes, pois continuam investindo suas vidas para o progresso constante da Congregação. Como lideres, planejaram e criaram diversos programas de estudo que atendem às necessidades da Igreja. Prova disso são os frutos do trabalho, que dão testemunho de que o ensino religioso que oferecemos nos cultos e departamentos é fundamentado na Palavra de Deus. Atualmente, somamos um total de 1181 membros. A Paróquia possui três Templos: Emanuel, no Centro de Ijuí; Paz, na Vila Chorão; São Lucas, Ponte Conceição. Ainda atuamos

Culto, um momento na comunidade nos bairros: Sol Nascente, Assis Brasil, Modelo, na Vila Santana, e no bairro Jardim possuímos um terreno onde será construído um novo Templo. Hoje, a Congregação Evangélica Luterana Emanuel de Ijuí é atendida por dois pastores: Ailton José Müller e José Euclides dos Santos. Sendo o presidente executivo o Sr. Gelmir Rudimar Dorn, com sua equipe da diretoria. Nossa Missão: Proclamar Cristo Para Todos! Nosso Propósito: Compartilhar o Evangelho de Cristo para promover a

evangelização e o crescimento espiritual! Nossos Valores: A ação e o amor de Deus através da sua Palavra e dos Sacramentos do Batismo e Santa Ceia, que concedem perdão, vida e salvação em Cristo! Nossa Visão: Sermos uma Igreja Luterana Confessional, que vai ao encontro das necessidades das pessoas! Em nosso município atuamos de forma expressiva com o programa “Cinco Minutos com Jesus”, nas Rádios Repórter AM, às 6h55 e Iguatemi FM, às 7 horas.

Qual será o futuro da Congregação Evangélica Luterana Emanuel de Ijuí? Com certeza surgirão novos desafios e dificuldades, mas também novas vitórias. Se no passado e no presente a Congregação Emanuel pode atingir seus objetivos, porque Deus sempre providenciou recursos humanos e financeiros, podemos olhar para o futuro com esperança e otimismo. Por isso, festejamos este aniversário fazendo coro com o Salmista: “Grandes coisas fez o Senhor por nós, por isso estamos alegres” (Salmos 126.3).

Programação: 4 de julho de 2010 9 horas – Culto festivo dos 88 anos; Participação especial do pastor Dr. Marcos Zimmer – Reitor da Ulbra;

O Templo da Congregação Emanuel

Apresentação do Coral Infantil Emanuel

Coral das Crianças e Coral da Emanuel irão se apresentar; Almoço – venda de churrasco – fichas antecipadas com a diretoria, contato (55) 3332-1899.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

MEIO AMBIENTE

O REPÓRTER

23

Da Redação

Agentes municipais participam de oficinas sobre o Plano de Saneamento Básico As oficinas técnicas do Plano Municipal de Saneamento Básico (Plamsab) foram realizadas na terça e quarta-feira

C

erca de 100 agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias do município participaram da capacitação. Os participantes receberam informações sobre o Plamsab e as especificidades de cada um dos quatro eixos que integram o processo: abastecimento de água potável, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos, drenagem e manejo de águas pluviais e esgotamento sanitário. Conforme destacou o secretário de Meio Ambiente, Osório Lucchese, a proximidade dos agentes de combate às endemias e de saúde com a comunidade, qualifica a construção do plano que deve ter como base a participação social. “Os agentes

conhecem de perto toda a realidade do município, por isso são fundamentais para o sucesso de todo o processo. Realizamos essas oficinas para que eles pudessem conhecer e discutir os quatro eixos, pois, a partir disso, poderemos pensar como resolver as problemáticas que começam a ser apresentadas”, salientou o secretário. Ainda, segundo Osório, esse segundo passo do processo de mobilização social, iniciado com a conferência do último dia 24, é de vital importância. “Nosso grande objetivo enquanto

Poder Executivo é avançar para que seja construído um plano o mais próximo possível da realidade. Temos um conjunto de obrigatoriedades, de desafios e até o fim do ano devemos desenvolver um conjunto de ações para o saneamento básico no município e, com a colaboração de todos os segmentos da sociedade, podemos pensar a cidade para curto, médio e longo prazo, resolvendo de modo integrado o saneamento básico”, assegurou. Durante os encontros, a engenheira química da Secretaria de Meio Ambiente e secretária

UM DESAFIO CHAMADO CIDADE Compensação ambiental: o velho jeitinho brasileiro Não é de hoje que longos debates têm sido travados sobre a importância da preservação ambiental, bem como dos instrumentos a serem adotados para manter o equilíbrio do meio ambiente. Não faz muito tempo que, para a grande maioria dos empreendedores, as únicas preocupações se concentravam com a produção em larga escala, com os preços competitivos, com os lucros e seu bom nome no mercado, desprezando por completo as questões ambientais, mesmo porque a idéia do progresso e do desenvolvimento não estava relacionada à preservação das condições ambientais do planeta, esta, por sua vez, essenciais à manutenção da vida. Atualmente, no entanto, há uma nova tendência pela qual os empreendimentos, que desejam obterem resultados favoráveis, devem levar em conta, que é também o fator ambiental. E isso implica na obediência às leis ambientais federais, estaduais ou municipais e nos conceitos e diretrizes estabelecidos rumo ao desenvolvimento sustentável, garantindo, assim, a sobrevivência, bem como a sadia

qualidade de vida a todos. Dentre os vários mecanismos de proteção ambiental, disciplinados pela legislação brasileira, e os instrumentos de fomentação econômica pela via sustentável implementados, pode-se destacar a compensação ambiental, que muitas vezes apenas disfarça o dano causado. A Compensação Ambiental é um mecanismo financeiro de compensação pelos efeitos de impactos ambientais não mitigáveis. É imposta pelo ordenamento jurídico aos empreendedores, sob a forma de duas modalidades distintas: uma, por ocasião do licenciamento ambiental dos empreendimentos, que causem significativo impacto no meio ambiente, e a outra pela efetiva reparação de um dano específico, causado pela atividade desenvolvida, como por exemplo, um derramamento de substância tóxica em um rio. Logo, é correto afirmar que a compensação ambiental poderá ocorrer em dois momentos diferenciados: através da via preventiva (se a mesma for realizada no procedimento administrativo do Licenciamento Ambiental, indispensável para os empreendimentos potencialmente poluidores), ou corretiva (quando ocorre

executiva do Comitê do Plano de Saneamento, Joice de Oliveira, destacou a importância dos agentes falarem com propriedade da temática e da necessidade do comprometimento e envolvimento de todos, como requer o plano de mobilização social. Ao final das reuniões, a representante da Secretaria Municipal de Educação (Smed), Adriana Noronha, promoveu uma dinâmica para que os agentes pudessem elencar as demandas das regiões onde atuam no município. “Os problemas apresentados pelos agentes, em geral, já são de conhecimento do Executivo Municipal, no entanto, a riqueza dos dados apresentados colabora para a qualificação das demandas que serão contempladas no plano”, afirmou o secretário de Meio Ambiente. Osório reiterou também, a importância de se criar um canal de interlocução permanente do Comitê de Coordenação do Plamsab com os agentes de saúde e de combate às endemias.

Viviane Bronzatto Dutra vibronza@terra.com.br um dano ambiental, esteja o empreendimento licenciado pelo órgão ambiental competente ou não). Cabe dizer que a Compensação Ambiental advém do Princípio do Poluidor-Pagador, o qual estabelece que os custos e as responsabilidades resultantes da exploração ambiental dentro do processo produtivo deverão ser arcados pelo empreendedor. Todavia, o referido princípio não tem a intenção de conceder ao empreendedor o “direito de poluir”, ou ainda, “poluir mediante pagamento”. Na verdade, é a partir do Princípio do Poluidor-Pagador que se impõem ao Poluidor-Empreendedor o dever de arcar com todas as despesas de prevenção aos danos ao meio ambiente, que possam ser gerados pela sua atividade. Desse modo, ele é o responsável pela implementação e utilização dos instrumentos corretos para a prevenção do dano. Há que se frisar que a Licença Ambiental, regular e válida, retira do dano causado ao meio ambiente o caráter de ilicitude do ato, mas em absoluto, não afasta o dever de indenizar. Entretanto, se houver a ocorrência de danos ao meio ambiente devido à atividade ali desenvolvida, onde,

via de regra, o procedimento preventivo (Licenciamento Ambiental) foi desobedecido, ineficaz ou inexistente, é o poluidor também o responsável pela sua recuperação, pois segundo a Lei da Política Nacional do Meio Ambiente, (Lei 6938/81), o empreendimento potencialmente poluidor é o responsável por arcar com as possíveis reparações do dano, mesmo que se tenha agido sem culpa (responsabilidade objetiva por danos ambientais). Parece incrível que para termos recursos para proteger nossa riqueza natural precisemos que sejam cometidos crimes ambientais.Isso só revela o quanto as áreas naturais não são priorizadas, pois os recursos que recebem da União são pífios, a ponto dos órgãos de defesa do meio ambiente dependerem de pecados cometidos contra a natureza. Ademais, na prática, não tem havido controle e monitoramento do que é implantado com os recursos de compensação. Com as compensações ambientais, partimos do princípio de que quem dá as regras é a humanidade e não o planeta. Nossa falsa noção de controle e nossa ética maleável, em busca de objetivos particulares, mesmo em se tratando

do nobre objetivo de preservação ambiental, acabam impedindo uma estreita relação entre todos os atores dessa jornada, que são o governo, a sociedade, as cidades, as empresas. Enfim, uma jornada sem justificativa lógica e sem diálogo. Não só é o planeta que dá as regras, como já é tarde demais para ficar discutindo compensação ambiental quando o planeta já iniciou mudanças dramáticas que já ameaçam a nossa sobrevivência imediata. Não dá para tentar levar no “jeitinho brasileiro”. Tudo precisa ser cumprido à risca. Temos obrigação de despertar para a necessidade urgente de adotar uma nova postura ambiental. Afinal, o que está em jogo, neste momento, é a continuidade da nossa própria existência e da existência da Terra. Repetimos com a natureza os erros do nosso dia-a-dia humano, cegos face ao desastre da destruição ambiental. Cegueira fingida, pois as advertências estão aí, batendo-nos na cara. Chegará, afinal, a idéia de desenvolvimento sustentado do ambiente? É o desafio que lançamos, reconhecendo que a tarefa é de muitos.


24

SÁBADO, 3 de julho de 2010

ESPORTE

O REPÓRTER

por Jonas Palharini

Marco Antônio quer entrar no time em 2011 A diretoria do São Luiz não precisará (se quiser) se preocupar com gerente de futebol para a próxima temporada

E

mbora não seja confirmado pelo presidente Sadi Pereira, o São Luiz planeja a próxima temporada antes das eleições para presidente do clube, prevista para ocorrer na segunda quinzena de setembro. A gestão de Sadi Pereira não deverá ter adversários na eleição e comandará a administração e o futebol do clube pelo quinto ano seguido. Um dos primeiros nomes anunciados pela direção é para o cargo de gerente de futebol. Nos bastidores, já se cria a expectativa de quem ficará à frente dessa função, que hoje em dia é cada vez mais essencial a um clube profissional. Ainda mais que, na maioria das vezes, o gerente é quem realmente entende de futebol. Os dirigentes buscam recursos e comandam o futebol como empresas, com o objetivo da lucratividade. Ex-jogador do clube, Marco Antônio Almeida, hoje empresário do ramo do futebol, erradicado na cidade, se colocou à disposição do clube. Com olho clínico de quem conhece, Marco Antônio foi o

Marco Antônio Almeida está disposto a ajudar o São Luiz no Gauchão responsável pela contratação nização da base como um dos do goleiro Victor, do Grêmio. elementos negativos para não O homem do futebol salientou negociar jogadores da região. que o goleiro Oliveira, ex-São O empresário reiterou que Luiz é um grande goleiro em o São Luiz precisa fazer parceproporções iguais as de Victor, rias. “Todo clube de 1ª Divisão entretanto, não recebeu uma precisa de parcerias para sobreoportunidade em um grande viver”. Marco Antônio reforçou clube. que está à disposição do São Com a missão de descobrir Luiz. “Estou na maior disposinovos talentos, o ex-atacante ção. Não sei se existe alguma do São Luiz levou para testes no restrição pelos ex-jogadores clube Andraus do Paraná, o ata- que passaram pelas diretorias e cante João Vinícius Fontoura, não fizeram um bom papel, mas de 17 anos, que reside no bair- estou à disposição do clube”, ro Modelo e o volante William, disse. também 17 anos, que jogou nos Com boa relação em diverjuniores do São Luiz, nesta tem- sos clubes do Brasil e exterior, porada. Marco Antônio Almeida falou de Marco Antônio acrescentou uma possibilidade de parceria que o último jogador da região entre São Luiz e Coritiba. negociado para um grande cluO empresário finalizou dibe foi Leandro Guerreiro, que zendo que hoje o futebol virou foi para o Internacional. Marco um negócio e é administrado Antônio citou a falta de orga- com uma empresa.

Recuperado de lesão, Negueti retorna para o Campeonato Gaúcho Com contrato até abril de 2012, o zagueiro Negueti tem presença confirmada no elenco do São Luiz para o próximo Gauchão. O jogador de 24 anos sofreu uma lesão séria no joelho esquerdo, no fim do

segundo semestre do ano passado, quando defendeu o Cerâmica de Gravataí, na Copa RS. Recuperado da lesão, Negueti, voltou para ajudar o Cerâmica na busca por uma das duas vagas da Série B.

O defensor do São Luiz vai continuar no time de Gravataí no segundo semestre, para disputar a Copa RS. O zagueiro se apresenta no São Luiz no início da prétemporada, prevista para dezembro.

A Laranja para a Seleção Brasileira Pela segunda vez consecutiva, a Seleção Brasileira é eliminada nas quartas-de-final da Copa do Mundo. Dois tempos distintos. Esse é o resumo da partida de ontem. No primeiro tempo, o Brasil sobrou. Abriu o placar logo aos 10 minutos, após belo passe de Felipe Melo que Robinho só teve o trabalho de tocar para o gol. Depois, perdeu chances de ampliar o resultado. Na etapa final, só deu Holanda. Subiu a marcação em seu campo de ataque, roubou bolas na defesa brasileira e conseguiu converter em gols as chances que criou, ambos em lances que a Seleção não costumava falhar, nas joga-

das aéreas. Felipe Melo aos 8 minutos cabeceou contra e Sneijder, aos 23 minutos, aproveitou livre para mandar no fundo do gol. Decepção total dos mais de 180 milhões de brasileiros que torciam pela seleção. O técnico ijuiense Dunga confirmou a sua saída da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva. Agora a Holanda enfrenta o Uruguai, nas semifinais do Mundial, terça-feira, às 15h30. A outra semifinal será disputada na quarta-feira, às 15h30. Quartas-de-final do Mundial da África do Sul, hoje, às 11h, Argentina x Alemanha e às 15h30, Paraguai x Espanha.

Torcedor vibra com primeiro, mas sofre nos 45 minutos finais

Wanderson deve retornar aos gramados no fim de agosto Em fase final de recuperação, o volante Wanderson deve retomar os trabalhos com bola no fim de agosto. O volante, que tem contrato com o São Luiz até abril de 2011, sofreu ruptura dos ligamentos cruzados do joelho direito, no dia 7 de fevereiro deste ano, na partida contra o Esportivo. O diretor de futebol do Novo Hamburgo, Sandro Blum, contatou com o diretor do São Luiz, Delmar Blatt, para tentar levar Wanderson para disputar a Copa RS. Ainda existe esta possibilidade de empréstimo até o início da pré-temporada para o Gauchão. O volante do São Luiz está

Wanderson conta os dias para voltar aos gramados realizando a fase final de fisioterapia em Ji-Paraná, Rondônia.

CMYK


SÁBADO, 3 de julho de 2010

ESPORTE

O REPÓRTER

25

Por Jonas Palharini

Campeonato Amador entra em fase decisiva Começa amanhã a fase do mata no Campeonato Amador de Ijuí, 1ª e 2ª Divisão Cidade

A

gora quem vence continua e quem perde abandona a competição. O Campeonato Amador da 1ª e 2ª Divisão Cidade está nas quartas-de-final. A Divisão do Interior ainda está em fase de classificação, na sexta rodada, que também será disputada amanhã. No Estádio 19 de Outubro, 1ª Divisão Cidade, às 13h30,

A partir de agora quem perder está fora da próxima etapa do Campeonato Amador Boca Juniors x Portuguesa e às trial, Palestino x Sul América. 15h30, clássico do bairro IndusPela 2ª Divisão, quatro jo-

gos. No campo da Imasa, às 13h30, Inter do São Geraldo x Progresso e às 15h30, Ouro Verde x Corinthians. Campo do Flamengo da Linha 4 Leste, às 13h30, 14 de Julho x Caxias e às 15h30, Estrela x Amigos do Vila Nova. Na Divisão do Interior, às 13h30, jogam Flamengo da Linha 4 Leste x SER Chorão e às 15h30, Avante de Arroio das Antas x Flamengo Santo Antônio. Os confrontos serão disputados no campo do Barreiro. O Juventude de Rincão dos Gói e Juventude do Barreiro folgam nesta rodada.

Esporte Clube Ijuí conquista título em terra catarinense Sem medo de enfrentar desafios, o time feminino do Esporte Clube Ijuí foi a única equipe do Rio Grande do Sul a participar da Super Copa na cidade de Biguaçu, em Santa Catarina. As meninas de Ijuí conquistaram o primeiro lugar na categoria livre e o terceiro na Sub-15. A fase decisiva da competição foi disputada no final de semana passado, em Santa Catarina. A equipe campeã na categoria livre, treinada por Marli Lourenzon, venceu as quatro partidas que disputou. A trei-

nadora elogiou o alto índice técnico das adversárias. O título de campeão da Super Copa catarinense foi conquistado pelas atletas: Taís, Silvane, Juliane, Jalma, Jucimara, Débora, Paula, Cristina, Mariane, Fabiane e Tainá. A decisão foi contra o time do CME Armazém, da cidade de Armazém. Mais de 30 equipes participaram da competição. Na fase final, sete equipes lutavam pelo título. O time feminino do Esporte Clube Ijuí disputa amanhã, em Vista Alegre, a 3ª etapa da Liga Alto Uruguai.

Só falta mais incentivo financeiro. Futebol feminino de Ijuí, domina as competições

Cia Cadagy/Unijuí participa de campeonato de Kung Fu em Farroupilha O subgrupo de Kung Fu da Cia Cadagy/Unijuí participou do 3º Campeonato Wu-Shu-Tao de Kung Fu, entre Brasil e Uruguai, na terça-feira passada, em Farroupilha. Conforme o acadêmico de Educação Física da Universidade, Alexandre Savian, alunos que frequentam a oficina de Kung Fu na Escola Estadual de Ensino Médio Antônio Padilha também competiram, além dos integrantes da Cia. De acordo com ele, os 21 competidores que represen-

taram a instituição no campeonato ganharam 26 medalhas em diferentes categorias, como Kati (sequência de formas), Lutas e Tai Chi, sendo 12 de ouro, 10 de prata e quatro de bronze. O acadêmico ressaltou a oportunidade de elevar o Kung Fu praticado na oficina e pela Cia Cadagy, proporcionando maior visibilidade ao trabalho do grupo e, ainda, possibilitando que os praticantes interagissem com praticantes de outros estilos de Kung Fu.

Atletas do Kung Fu da Cia Cadagy/Unijuí trouxeram bons resultados de Farroupilha

Copa RS começa em agosto com 18 equipes confirmadas O interior vai confirmando presença na Copa Ênio Costamilan. O nome da Copa traz a homenagem ao ex-dirigente do Caxias. Alguns times já garantiram que disputam o campeonato, marcado para iniciar no dia 8 de agosto. Guarany-Ba, Bagé, Pelotas, Brasil-Pel, Glória, Cruzeiro, Lajeadense, Novo Hamburgo, Cerâmica, AtléticoCa, Juventude e Caxias estão entre os garantidos. Já algumas cidades impor-

tantes ficarão sem representantes. No bolo está também Ijuí, já que o São Luiz não disputa a Copa do segundo semestre por problemas financeiros. A competição será disputada por 18 equipes que estão divididas em três chaves: CHAVE 1 Internacional Grêmio São José

Cruzeiro Porto Alegre Cerâmica Sapucaiense

CHAVE 2 Juventude Caxias Novo Hamburgo CHAVE 3 14 de Julho Juventus

Lajeadense Glória Atlético Carazinho Bagé Guarany-Cam Santo Ângelo

As equipes, nesta primeira fase, jogarão em turno e returno. Classificam-se os cinco primeiros de cada chave e o melhor sexto colocado por índice técnico.

Os 16 classificados serão divididos em oito chaves de duas equipes, que se enfrentarão em jogos de ida e volta (matamata) para apontar os oito que avançam na competição. O mesmo sistema de mata-mata será feito até que se aponte o campeão e vice da Copa Ênio Costamilan (Copa RS). O campeão da Copa RS tem direito de disputar o Campeonato Brasileiro da Série D, em 2011.

PLACAR REPORTER SESC – Copa Dunga Sesc/ Cedl de Futebol Sete. Hoje, a partir das 13h30, campo do Sesc, categoria mirim, GBM/ Billi Lanches x CFE Grêmio Tricolor; feminino, Uefa Nova Ramada x Cometa; pré-mirim, Cometa Vermelho x CFE Grêmio Tricolor; mirim, Cometa 97 x CFE Grêmio Garra; prémirim, Cometa 2000 x São José/Cooperárbitros; fraldinha, Cometa 2001 x CMD Coronel Barros e infantil, São Luiz 96 x CMD Coronel Barros. BOCHA – Campeonato Municipal de Bocha – veterano. Terça-feira, às 19h, semifinal. AABB x SER Burtet e Clube Aquático Tiarajú x Thomé de Souza. CORONEL BARROS – Copa Noroeste de Futebol de Campo. Hoje, campo do Ipiranga, às 9h, categoria infantil, São Luiz B x Grêmio Cruz Alta; 10h, pré-mirim, Verde Sports x São Luiz; às 11h, mirim, Verde Sports x Grêmio Cruz Alta; às 13h30, infantil, São Luiz A x Genoma Colorado e às 15h, juvenil, CTNG Giruá x São Luiz B. TAÇA DA AMIZADE – Última rodada da primeira fase, amanhã, em Rincão dos Machado. Segunda Divisão, às 13h10, AFSC B1 x Flamengo B; 14h, Simon Bolívar B2 x 11 Amigos B1 e às 15h05, 11 Amigos B2 x Potreirinhos B. JOGOS DO SESI – Serão disputados hoje, os dois últimos jogos da primeira fase do campeonato de futebol das indústrias de Ijuí, valendo as duas últimas vagas na chave B para a semifinal. No campo do Sesi, às 13h45, Esquadrias Tomm/Recapasul/Fonte da Ilha x Imasa e às 16h, Soberana/Moinho Ijuí/Metal Ijuí x Mineradora Ijuí. Já estão classificados para a semifinal na chave A, Brasil Foods e Hidroenergia/Dipesul. AUGUSTO PESTANA – Campeonato Municipal de Futsal. Terça-feira, a partir das 19h30, no Ginásio Municipal, categoria livre, DM Repintura x Lojas Becker e Escritório Equipe x Transporte Ceribola. CURSO DE ÁRBITROS – Terá início no dia 2 de agosto o curso de preparação de árbitros de futebol campo e futsal. O curso vai ser ministrado pelo Senac. O Cedl informa que ainda restam vagas. A inscrição deve ser feita na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social.


26

SÁBADO, 3 de julho de 2010

GERAL

O REPÓRTER

Por Drica Morais

Argemiro Brum: “Não sou um escritor, sou apenas um professor que escreve” Em mais de 40 anos de experiência no ensino superior, Argemiro Jacob Brum escreveu 15 obras – e uma delas será reeditada pela 28ª vez. Mas ele não se considera um escritor. “Sou apenas um professor que escreve pensando em ampliar o conhecimento dos alunos”, diz

F

oi no ano de 1957 que Argemiro Jacob Brum ingressou na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ijuí, com o intuito de cursar Filosofia. Mas ele não parou por aí. Nos anos seguintes, formou-se em Letras, especializou-se em Educação e aperfeiçoou-se em Antropologia e História Econômica. “Na verdade, eu sempre tive certa inclinação para assuntos ligados à história. E foi meu pai que despertou essa curiosidade, pois tinha o hábito de ler o jornal Correio Serrano na época da Guerra Mundial. Ele era quase analfabeto, mas havia aprendido a ler e fazer contas. Costumava comentar sobre os assuntos da época e eu, como seu filho, acompanhava”, recorda o professor. A influência do pai foi mais que benéfica para Argemiro. Hoje, aos 80 anos, ele pode orgulhar-se em ter mais de 40 anos de experiência no ensino superior e diversas obras publicadas. “Mas não

sou escritor, como muitos dizem. Sou apenas um professor que escreve pensando em ampliar o conhecimento dos alunos”, diz. Argemiro já recebeu o Prêmio Educação RS 2002, pelo Sinpro/RS, e, dez anos antes, os títulos de professor Emérito e de Educador Emérito – conferidos, respectivamente, pela Unijuí e pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul. “Eu escrevo pensando nos alunos” Argemiro nunca chegou a contar quantos livros publicou, mas acredita que foram quinze obras. “Eu escrevia pensando nos alunos e conforme iam acontecendo os fatos”, lembra o professor. A sua primeira obra, intitulada O Desenvolvimento Econômico Brasileiro, foi publicada pela primeira vez em 1982, após a solicitação de inúmeros universitários. “O mundo estava em efervescência e muito se falava em países como Ásia e Japão. Mas os jovens queriam ter conhecimento sobre o Brasil e, por isso, reivindicaram uma disciplina específica nas universidades”, conta Argemiro. A PUC do Rio de Janeiro foi a primeira instituição de ensino superior a adotar o componente curricular, chamado de Cultura Brasileira, seguido da faculdade de Ijuí. “Porém, faltava uma bibliografia para ser trabalhada em sala de aula. Decidi, então, escrever um livro, que acabou sendo publicado pela Editora Vozes, de Petrópolis”. O sucesso foi tamanho que várias univer-

Argemiro Jacob Brum nunca chegou a contar quantos livros publicou, mas acredita que foram quinze obras sidades adotaram a obra e, hoje, o professor trabalha em cima de sua atualização. Será a 28ª reedição do livro. A origem de Argemiro Argemiro é filho de agricultores de origem italiana e nasceu em Ijuí, na localidade Picada Conceição, hoje chamada de Barreiro. “Tudo começou quando meu avô, Antônio Brum, imigrante italiano, veio para o Brasil, em 1883. A princípio, ele ficou no Rio de Janeiro, junto com os outros colonos, mas depois foi transferido para Silveira Martins”. Porém, a cidade gaúcha não tinha muitas perspectivas de crescimento e Antônio acabou se mudando para uma nova frente de colonização, chamada de Picada Conceição – hoje

Município é contemplado com recursos para a Semana Farroupilha O Governo do Estado anunciou, nesta quinta-feira, por meio da Secretaria da Cultura, que mais dez municípios receberão apoio financeiro da Comissão Estadual dos Festejos Farroupilhas para realização do Desfile Temático da Semana Farroupilha 2010. Ao todo, são agora, 25 cidades que receberão R$ 10 mil cada, para utilização na organização do evento. A comissão buscou valorizar os locais que já realizavam desfiles de acordo com os temários anuais e que tenham enviado projetos para avaliação. As novas cidades con-

templadas são: Erechim, Ijuí, São Sepé, São Borja, Viamão, Capivari do Sul, São José do Norte, Sananduva, Três Passos e Santa Cruz. Dentre as demais localidades que já haviam sido escolhidas, estão: Arroio Grande, Alegrete, Bagé, Caçapava do Sul, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Piratini, Rosário do Sul, Santana do Livramento, Santo Ângelo, Santa Maria, São Gabriel, Tapes e Vacaria. A Comissão Estadual dos Festejos Farroupilhas receberá um total de R$ 850 mil para custeio da organização. Para o desenvolvimento da

operação e infraestrutura do evento foi selecionada uma empresa. Nas próximas semanas, será assinado um convênio para oficialização da parceria. O lançamento oficial dos festejos deverá ocorrer no início de agosto, em uma cerimônia com data e local a definir. Um livro sobre o tema anual também é preparado para distribuição gratuita em escolas e entidades tradicionalistas. A primeira atividade da programação oficial será o acendimento da Chama Crioula, no dia 14 de agosto, em Itaqui.

Barreiro. “Com outros companheiros, meu avô chegou aqui em meados de 1890, ou seja, alguns meses antes da fundação oficial da Colônia Ijuhy. Na

época, ele era casado e tinha um filho de nove meses: o meu pai”. Argemiro é o mais velho dos doze irmãos. E nove deles já faleceram.

O desenvolvimento da cidade na opinião do professor De acordo com Argemiro, não podemos pensar, apenas, no desenvolvimento de Ijuí, mas de toda a região. “Seria importante construir um projeto de desenvolvimento regional. Aliás, as lideranças municipais deveriam se reunir e trabalhar em cima disso”, avalia o professor. De acordo com ele, é difícil conseguir melhorias para um único município, já que os recursos provêm do Governo do Estado. “Enquanto não houver uma reforma tributária, não haverá grandes mudanças. E o motivo é simples: hoje, o

Governo Federal fica com quase 70% de todos os tributos arrecadados e os estados com 25%. Os municípios, que concentram a maioria dos problemas, recebem apenas 5%”. Porém, mesmo com recursos limitados, seria possível fazer mais pelas cidades. “Ijuí, por exemplo, deveria melhorar a infraestrutura das estradas, das ruas e, principalmente, dos passeios públicos”, completa Argemiro. Ele acredita que a cidade se expandiria com a presença de uma empresa de grande porte. “Afinal, elas puxam outras empresas”.

Inverno Gaúcho realiza mais de 500 atendimentos em junho O programa Inverno Gaúcho, promovido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), realizou 506 atendimentos em junho. O número é superior ao registrado no mesmo período do ano passado, segundo a coordenadora de Saúde, Alexandra Lentz. Mesmo assim, os atendimentos em 2010 mantêm certa estabilidade, se comparados a 2009. A maior demanda de atendimento estava ligada ao resfriado comum, com 196 ocorrências (38,74% do total). Os atendimentos que estavam relacionados à gripe foram 113 (22,33%); já entre

aqueles que apresentaram quadro de amigdalite, foram 105 ocorrências (20,75%). No caso de pacientes com sinusite, 88 pessoas foram atendidas (17,40%). Por último, quadros de pneumonia representaram 0,80% das ocorrências (quatro atendimentos). Ainda conforme a coordenadora de Saúde, um pediatra deverá ser disponibilizado à comunidade para atendimentos no mês de julho. O motivo é a grande demanda das pessoas que buscaram o atendimento na nova sede, no mês passado.


SÁBADO, 3 de julho de 2010

POLÍCIA

O REPÓRTER

27

Por Jonas Palharini

Penitenciária Modulada é referência nacional Delegado Penitenciário Regional, Adão Flores Filho, explica como funciona o sistema prisional da região. Com mais de 20 anos de profissão, o delegado que coordena os presídios de Ijuí, Santo Ângelo, Três Passos, Santa Rosa, São Borja, São Luiz Gonzaga, Cerro Largo e Santo Cristo, destaca a estrutura da penitenciária da Colmeia do Trabalho O Repórter – Qual é o número de detentos na Penitenciária Modulada? Adão Flores Filho – Hoje (quinta-feira) temos 474 presos. Desse total, 26 são mulheres. Em todo o Estado, nós podemos dizer que estamos dentro da capacidade, porque recentemente concluímos uma ampliação do número de vagas. Estão disponibilizadas mais 100 vagas, então, estamos próximos do número ideal. Temos 460 vagas, ou seja, 14 detentos acima do número. Ijuí está com sua lotação mais adequada ao número de vagas, não existe superlotação. Em outras cidades, tem um número um pouco maior, mas depende muito da criminalidade local. Ijuí é destacada nacionalmente pelo sistema prisional.

de querer mudar de vida. Nós alcançamos a ferramenta para ele, mas a mudança de sair do mundo do crime depende dele.

Adão Flores Filho – Os mais antigos. A Penitenciária de Ijuí está bem próxima da realidade em que vivemos hoje, foi construída na década passada. Os outros presídios foram construídos na década de 50, como São Borja, por exemplo. Então, nesses presídios, a gente procura fazer reformas e adaptações, para que fique mais adequado ao nosso trabalho. O Repórter – Como evitar a entrada de celulares e a fabricação de armas artesanais nos presídios? Adão Flores Filho – Na verdade, os detentos utilizam pedaços de barras de ferro, tirados de janelas e confeccionam esses armamentos, antena de televisão pode resultar em arma artesanal. Nós coibimos esse tipo de infração através de revistas estruturais que realizamos diariamente. No momento em que o preso se desloca para o banho de sol diário, os agentes fazem revistas estruturais nas celas, para tentar encontrar armas artesanais ou indícios de tentativas de fugas, através de túneis ou buracos em paredes ou no teto. Telefones celulares, nós coibimos, através de revistas estruturais, nos presos e nas pessoas que se dirigem até a penitenciária para visitação. Outra questão de estrutura de-

Delegado Penitenciário Regional, Adão Flores Filho, destaca que 50% dos detentos trabalham põe contra nós, no sentido em marido. Agora é o casal e, muique no entorno dos presídios tas vezes, os filhos também. passam ruas. Então, facilmente as pessoas arremessam apareO Repórter – Qual a média lhos celulares e drogas de fora de detentos que consegue a para dentro da prisão. ressocialização após saírem da prisão? O Repórter – Qual a faixa Adão Flores Filho – A esetária dos presos da Modulada? tatística prova o reingresso Adão Flores Filho – A faixa do preso em torno de 60% dos etária que nós temos maior em casos. É um índice bastante termos de sistema penitenciá- elevado, porque o indivíduo rio é até 29 anos. Em torno de não consegue se inserir como 60% do total. um cidadão comum, cidadão de bem na sociedade. Nós daO Repórter – Qual o mo- mos alternativas para que ele tivo da prisão da maioria das mude dentro da penitenciária. 26 mulheres na Penitenciária Juntamente com a Fundação Modulada? Gaúcha do Trabalho, Senai, Adão Flores Filho – A maio- Sesi, nós propiciamos cursos ria está presa pelo tráfico de profissionalizantes (encanadrogas. Com a mudança na dor hidráulico, eletricista, legislação, agora toda a família pintor predial e outros) para pode ser presa por associação esses presos. Claro que isso ao tráfico. Antes era preso só o depende da vontade do preso

O Repórter – Comparativo de presos deste ano, para o ano passado? Adão Flores Filho – A variação foi bem pequena. Nós tínhamos em torno de dois mil presos no final do ano passado e, agora, estamos com dois mil e cinquenta na região. O Repórter – Qual o presídio em pior situação?

Penitenciária Modulada de Ijuí tem um dos melhores sistemas de segurança do país

Brigada apreende drogas e cigarros em Três Passos e Santa Rosa A Brigada Militar de Três Passos apreendeu no começo da noite de quinta-feira, 85 pedras de crack que eram transportadas em um Chevette. Segundo o registro, o veículo fugiu de uma barreira na BR-468, nas proximidades do bairro Bela Vista. A viatura saiu em perseguição e conseguiu alcançar o motorista suspeito. No carro foram encontradas

as pedras de crack em um pote. O motorista foi preso e encaminhado à delegacia de polícia. Em Santa Rosa, a Brigada Militar apreendeu 600 pacotes de cigarro em um carro que transitava pela RS-344. Segundo o responsável pela mercadoria, os cigarros foram comprados de um argentino no município de Doutor Maurício Cardoso. O material foi apreendido.

Motociclista vítima de acidente em Catuípe continua internado Polícia Rodoviária Estadual de Cruz Alta atendeu, aos 15 minutos de ontem, acidente de trânsito na ERS-342, em Catuípe. O condutor da moto Honda 250, placa de Catuípe, Claudir Renato Dallepiane, de 40 anos, sofreu traumatismo craniano leve e fratura na tíbia, na colisão que envolveu um veículo não identificado, que fugiu do local. O acidente aconteceu no Km 96, sentido CatuípeIndependência. Claudir Renato Dallepiane está na UTI do Hospital de Caridade de Ijuí, mas não corre risco de morte.

O Repórter – Algum objetivo a ser alcançado pela delegacia regional no sistema penitenciário? Adão Flores Filho – Nossa prioridade e nosso objetivo é desenvolver alguns trabalhos internos (estão em andamento) para que todos os presos não fiquem na ociosidade. Para que ele saia da cela, possa ter um trabalho e uma renda para ajudar no sustento da família. Em Ijuí, presos costuram bolas de futebol, fazem costuras de estopas, artesanatos, além da manutenção do presídio. Os presos trabalham na cozinha e na manutenção geral da penitenciária. Aproximadamente 50% dos presos da Modulada trabalham ou estudam. O Repórter – O que pode ser melhorado no sistema prisional? Adão Flores Filho – Nós temos uma carência muito grande na estrutura do sistema prisional como um todo. O sistema prisional é muito antigo. Somente agora a sociedade se deu conta de que há uma preocupação do retorno do preso, da fase após o cumprimento da pena, e esse é um dos grandes objetivos que nós temos também. Um dos objetivos é manter o preso encarcerado durante o período que a Justiça determinar, mas durante esse período, temos que fazer o tratamento penal desse indivíduo. O Repórter – Quantos presos da Penitenciária Modulada poderão votar nas eleições em outubro? Adão Flores Filho – Estão aptos para votar 56 presos, que estão na provisória, que não foram condenados. O juiz eleitoral conferiu os documentos e eles poderão votar em 3 de outubro. Haverá uma urna dentro do presídio.

Ultrapassagem indevida resulta em acidente na BR-285

Acidente com danos materiais foi registrado na madrugada de quinta-feira, no Km 500 da BR-285, em Entre-Ijuís. O condutor do veículo Siena, placa de Vitória das Missões, não respeitou as regras de ultrapassagens e colidiu frontalmente com um Vectra, placa de Santo Ângelo.


O REPÓRTER SÁBADO, 3 DE JULHO DE 2010

Por Taís Machado

Prof issão que é preparada para salvar vidas No dia 2 de julho, comemora-se o dia do bombeiro, uma corporação da Defesa Civil, que se encontra diretamente ligada à Polícia Militar. A data foi decretada oficial no Brasil no ano de 1954

O

s primeiros registros dos serviços do Corpo de Bombeiro no Brasil surgiram no ano de 1856, quando o imperador D. Pedro II assinou um decreto que caracterizava a diminuição dos incêndios. Antes da criação desta corporação, os cidadãos apagavam os incêndios contando com a ajuda de vizinhos e amigos, além de contar com a sorte de encontrar água no local. De forma bem simples e arriscada, as latas iam passando de mão em mão, até chegaram ao fogo, podendo causar maiores danos, em razão do despreparo. Atualmente, através do número 193, podemos contatar o corpo de bombeiros, esse telefone é igual em todo território nacional. Porém há o alerta de não usar o 193 para trotes e brincadeiras de mau gosto, pois isso atrapalhar no salvamento de vidas que estejam em perigo. Além de ser virem para apagar incêndios, esses profissionais são preparados para fazer resgates de pessoas que correm risco de perder a vida, por asfixia, tentativa de suicídio, afogamentos e traumas em

acidentes, desaparecimentos em florestas e matas, entre outros. Eles são responsáveis também, pela fiscalização em empresas, garantindo condições de primeiros atendimentos em caso de incêndios, onde as mesmas devem manter extintores cheios e oferecer equipamentos de segurança aos funcionários. O capitão Everton Dias, do Corpo de Bombeiros de Ijuí, comentou que as comemorações são feitas durante a semana, que antecede o dia do profissional, “nessa semana tivemos a Semana Nacional de Prevenção e Combate ao Incêndio, que através de palestras, visita a empresa Camera e alunos que nos visitaram, comemoramos nossa data e divulgamos a corporação”. Para o capitão a homenagem “é gratificante, pela nossa profissão ser de risco, mas estamos desmistificando a figura de herói, trabalhamos com técnica e procuramos

nos qualificar cada dia mais”, salienta. Everton ainda fala que a profissão de bombeiro é uma das mais reconhecidas pela população, “cerca de 96% acreditam e confiam na corporação, isso é importante para nós. Trabalhamos com risco, tentamos sempre estar disponíveis e fazer o bem”, conclui.

CMYK


Jornal O Reporter