Issuu on Google+

12

Ponto ao Volante

23 de janeiro 2013

Captur é o crossover do novo Renault Clio

Primeiro crossover compacto da Renault chega em maio Depois de ter levantado a ponta do véu com um «teaser» divulgado no início da semana, a Renault mostrou as fotos oficiais do Captur, o primeiro crossover compacto da marca francesa. A Renault chama-lhe um crossover urbano e sublinha o sentido prático deste novo modelo, quer pelo visual exterior, quer pela modularidade e versatilidade interior. Com 4,12 metros de comprimento, o Captur inspira-se no protótipo com o mesmo nome que a marca francesa tem vindo a exibir nos últimos anos. Tem 4,12 metros de comprimento (recorre à mesma plataforma do Clio e do Nissan Juke) e promete a funcionalidade e o conforto de um monovolume (com posição de condução elevada, modularidade interior e várias áreas de arruma-

ção de objetos). O crossover vai contar, de série, com cartão mãos livres, sistema de ajuda ao arranque em subida, câmara e radar de marcha atrás. Destaque ainda para o Renault R-Link, o novo tablet multimédia integrado, que é complementado com um sistema áudio de seis altifalantes, Bluetooth e audio-streaming. Os motores serão os já conhecidos da gama Clio, com especial destaque para o 1.2 tCe a gasolina e o popular turbodiesel 1.5 dCi em vários níveis de potência. O modelo vai ser produzido na fábrica da Renault de Valladolid, em Espanha. Chega ao mercado português no próximo mês de maio.

Terceira geração segue a linha do Ibiza

Novo Seat Leon chega em fevereiro Terceira geração será composta por três carroçarias distintas: hatchback, coupé e carrinha A terceira geração do Seat Leon chega ao mercado português no próximo mês de fevereiro. Os preços ainda não foram divulgados, mas a versão 2.0 TDi FR de 150cv deverá arrancar nos 32.500 euros, menos 2 mil euros que a versão correspondente do novo Volkswagen Golf (2.0 TDi 150cv Highline). Com 4,26 metros de comprimento, o novo Leon é cerca de cinco centímetros mais curto que o seu antecessor, ainda que a distância entre eixos tenha aumentado quase 6 centímetros. É também 48mm mais largo e 4mm mais alto, mas está mais leve, cerca de 85 kg, fruto da utilização da plataforma MQB, estreada no novo Audi A3. A bagageira tem 380 litros de capacidade (mais 39 litros que o atual).

Também o habitáculo parece ser mais «consensual», saltando à vista o «bloco» no topo da consola, que engloba as saídas da ventilação e o ecrã tátil, que inclui o sistema de infoentretenimento (sistema de operações Easy Connect, que controla o Seat Sound System, assim como outras funções do veículo, através de um ecrã táctil no interior com 5.8 polegadas). A oferta mecânica será composta por motores de injeção direta e turbo alimentados TDI e TSI que vão desde o 1.2 aos 2.0 litros de cilindrada. O destaque vai para o 1.6 TDI com 105 cv e 250 Nm, que na versão Ecomotive (com função Start/Stop e Recuperação de Energia), promete um consumo médio de 3,8 l/100 km e 99 g/km de emissões de CO2.

com 86 cv e 105 cv, além do 1.4 TSI de 122 cv e, no topo da gama a gasolina, o 1.8 TSI com 180 cv. A gama Diesel será também reforçada com o 1.6 TDI de 90 cv e pelo novo TDI de topo, o 2.0 TDI com 184 cv com um binário máximo de 380 Nm. Estarão disponíveis caixas manuais de cinco e seis velocidades, assim como as automáticas DSG de dupla embraiagem com seis ou sete velocidades. Posteriormente, a gama Leon será reforçada com duas carroçarias distintas, SC de três portas, e ST, a variante carrinha. A sua apresentação deverá ter lugar entre o final de 2013 (setembro - Salão de Frankfurt) e o início de 2014 (março – Salão de Genebra).

Estará também disponível o bloco 1.2 TSI em dois níveis de potência,

pub

Mais viaturas em stock

AUTO CARAPELHOS LDA

Vem

CONHEC^E-LO

!

Mégane tourer 110cv GT Line 2012 garant/ 4 anos

Scénic 7 lug 110cv Luxe 2010 garant/ 2 anos

Carapelhos - MIRA

Tel. 231 451782 Telm. 964062094 - 969190276


13

Ponto ao Volante

23 de janeiro 2013

Novas versões BlueEfficiency chegam em março

Mercedes Classe A «gasta» 3,6 litros aos cem A Mercedes prepara-se para lançar a versão mais económica do novo Classe A, o A180 CDI BlueEfficiency. Ao mesmo tempo, a marca alemã apresentou também o A180 BlueEfficiency, a versão de entrada na gama a gasolina do novo Classe A e também um dos carros a gasolina mais eficientes alguma vez produzido pelo construtor de Estugarda.

Motor TCe 90 de 0,9 litros é estrela de lançamento

Novo Clio é a nova arma A nova «arma» do fabricante francês para o disputadíssimo segmento dos utilitários já está disponível no mercado português. Os preços começam nos 13.800 euros para a motorização Energy TCe 90 de 0,9 litros. A versão diesel 1.5 dCi de 90cv arranca nos 17.300 euros. Numa primeira fase, o novo Clio estará disponível com três níveis de equipamento (Confort, Dynamique S e Luxe) e duas motorizações à escolha (gasolina e Diesel de 90 cv). A versão intermédia a gasolina custa 15.100 euros e a mais recheada 16.300 euros. A versão intermédia Diesel tem o preço base de 18.600 euros e a mais equipada 19.800 euros. Feitas as contas, a versão de acesso (13.800 euros) é 400 euros mais acessível do que a anterior versão de entrada de 75 cv do Clio. Já a versão Diesel (17.300 euros) custa menos 600 euros que a versão correspondente do anterior Clio. Em termos mecânicos, o motor Energy TCe 90 de apenas 0,9 litros de cilindrada é uma das

principais novidades. Trata-se do primeiro tricilindrico turbo da marca francesa e oferece 90 cv e 135 Nm, anunciando um consumo médio de 4,3 l/100 km e 99 g/km de emissões. Já o Energy 1.5 dCi 90 Diesel, com 90 cv e 220 Nm (um ganho de 20 Nm face ao atual dCi 85), anuncia um consumo médio de 3,2 l/100 km e 83 g/km de CO2. Para 2013 está previsto o lançamento do novo motor 1.2 TCe de 120 cv e 190 Nm, assim como com uma caixa automática de dupla embraiagem EDC de seis velocidades, além das versões GT, Initiale e a sempre aguardada versão RS. No que diz respeito a equipamento, a quarta geração do Clio conta de série com sistemas como o Stop & Start, o auxílio ao arranque em subida, o ESP e o regulador de velocidade. Já o MEDIA NAV equipa, de série, as versões Dynamique S e Luxe. Um sistema que assenta num ecrã tátil de 7 polegadas (18 cm) e que inclui o rádio e a tecnologia Bluetooth.

Preços novo Clio:

Energy Tce 90 Confort – 13.800 euros Energy Tce 90 Dynamique S - 15 100 euros Energy Tce 90 Luxe - 16 300 euros 1.5 dCi 90 Confort – 17.300 euros 1.5 dCi 90 Dynamique S – 18.600 euros 1.5 dCi 90 Luxe – 19.800 euros

As duas versões adotam o pacote de tecnologias BlueEfficiency, mas apesar da designação semelhante, as duas versões são bastante diferentes. O A180 CDi BlueEfficiency recorre a um motor diesel de quatro cilindros, de 1,5 litros, com 109cv. Acoplado a uma caixa manual de seis velocidades, emite 92g/ km de CO2 e consome em média 3.6l/100km - menos 0,2 l/100 km e 7 g/km face ao A180 CDi «convencional».

Já o A180 BlueEfficiency está equipado com um motor a gasolina 1.6 de quatro cilindros dotado de uma caixa manual de seis velocidades e que desenvolve uma potência de 122cv. Emite 120g/km de emissões de CO2 e consome uma média de 5.2l/100km. Para alcançar estes números, as versões BlueEfficiency recorrem a vários dispositivos para poupar energia e combustível. É o caso do sistema de travagem regenerativa, pneus de baixa resistência ao rolamento, suspensão reajustada, caixa de velocidades mais longa e sistema Start&Stop. O A180 CDi BlueEfficiency e A180 BlueEfficiency chegam ao mercado português no próximo mês de março. Os preços ainda não foram divulgados.

A saga Clio: 22 anos de sucesso! Nascido em 1990, o Clio celebra 22 anos de sucesso, com mais de 11,5 milhões de unidades vendidas, em mais de 115 países. A sua marca foi sempre a de “puxar” para cima o segmento, ao democratizar prestações e equipamentos de segmentos superiores. O Clio foi o único modelo, até hoje, a obter duas vezes o título de Carro do Ano. 1991: comercialização do Clio, que recebe o título de carro do ano 1991. 1991-1993: aparição do Clio Williams e do Clio Baccara 1998: lançamento do Clio II, o primeiro automóvel do segmento a obter 4 estrelas nos crash-tests EuroNCAP ; democratização do rádio com mostrador no painel de bordo, do ar condicionado automático e do sistema de navegação com ecrã a cores. 2000: Clio Renault Sport e Clio V6, que pulverizam o segmento dos pequenos desportivos. 2005: chegada do Clio III, o primeiro modelo do segmento B com 5 estrelas EuroNCAP; democratização do cartão Renault mãos livres. 2006 : Clio III carro do ano. 2007: primeiro motor a gasolina 1.2 turbo do segmento. 2008: pela primeira vez o Clio recebe uma versão Break. 2009: lançamento do Carminat TomTom®, que democratiza os sistemas de navegação. 2010: O Clio festeja 20 anos, com mais de 11 milhões de unidades vendidas pub

Citroen C4 1.6 HDI NACIONAL De 2005 Só 7.250€

Fiat 500 1.2 - de 2008 Só 39 mil km Preço: 8.250€

Ford C-MAX 1.8 TDCI TITAN. De 2007 Só 11.950€

Peugeot 106 1.6 GTI 120 CV Preço: 2.950€

Volkswagen Polo 1.2 De 2007 Preço: 6.250€

Golf V 1.9 TDI 105CV CAIX. 6 vel. Preço: 10.950€

Renault Twingo 1.2 De 2009 por 6.500€

Renault Mégane BREAK DCI De 2005 Preço: 6.750€

Renault Clio 1.5 DCI Fim de 2006 Preço: 7.250€

Mégane III 1.5 DCI LUXE De 2009 Preço:11.950 €

234 798 107 963 355 146 916 010 705 Quintã - Vagos GPS: Latitude:40.555038 Longitude:-8.684011

www.autoalen.com.pt


Ponto ao Volante Janeiro 2013