Issuu on Google+


10 11 O

OPOLVO N 102 -08 de julho a 04 de agosto de 2009

CINEMA

Em “Harry Potter e o Enigma do Príncipe”, o bruxo inicia a preparação para destruir Voldemort com a ajuda dos amigos e de um novo amor Gisele Santos

O

s fãs de Harry Potter iniciaram em 2007 uma contagem regressiva para o lançamento da próxima aventura do bruxo nos cinemas. Afinal, desde a estreia de “Harry Potter e a Ordem da Fênix” nenhum filme do bruxo foi lançado. Os motivos do atraso são muitos, entre eles, “O Cavaleiro das Trevas”, que passou a ser prioridade para a Warner e a greve dos roteiristas. Mas para alegria dos Potermaníacos, dia 15 de julho será a data escolhida para o início do fim das aventuras do bruxinho mais famoso da atualidade.

“Harry Potter e o Enigma do Príncipe” foi o mais caro dos filmes da série até agora: custou mais de US$ 200 milhões. A direção segue a cargo de David Yates, responsável pelo filme anterior. Poucas mudanças devem ocorrer para aqueles que leram o livro, mas já para outros fãs que só acompanham a história de Harry pelas telas do cinema a surpresa deve ser grande. Como vem acontecendo nos filmes anteriores, uma morte vai estremecer os rumos da história, fazendo que com a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts nunca mais seja a mesma.

Lorde Voldemort veio para ficar Harry, Rony e Hermione chegam ao sexto ano cheios de expectativas. Afinal, eles estão prestes a completar 17 anos, o que significa a maioridade no mundo dos bruxos. Após os acontecimentos contados no filme anterior, Harry precisa conviver com a morte do padrinho, Sirius Black, e ainda com o rótulo de “O Eleito”, dado a ele por causa de uma profecia que foi destruída durante a batalha no Ministério da Magia. Além de tudo isso, Voldemort segue cada dia mais forte e com mais seguidores, capaz de matar bruxos e até mesmo trouxas (os não bruxos). Para combater o inimigo que cresce a cada dia, Harry inicia aulas particulares com Dumbledore, diretor de Hogwarts, Veremos o pequeno Voldemort e um dos responsáveis pela vinda de Voldemort para a escola quando era apenas um órfão indefeso. Durante as aulas Harry descobre que Voldemort realizou um terrível e poderoso feitiço das trevas, que dividiu a alma do bruxo em sete partes, chamadas de Horcruxes. A partir daí, Harry e Dumbledore vão caçar os fragmentos da alma do vilão para enfim acabar com ele.

Um novo professor e Quadribol O sexto filme traz algumas surpresas. Uma delas é Horácio Slughorn, o novo professor de Poções de Hogwarts. Ele chega para substituir Severo Snape, que assumiu a matéria de Defesa Contra as Artes das Trevas, cargo que sempre almejou desde o primeiro filme da série. Snape, por sinal, será alvo de muitas desconfianças de Harry neste penúltimo longa. Apesar de abusar da confiança de Dumbledore, Snape continua cercado de mistérios e acusações por ele ter sido um Comensal da Morte no tempo em que Voldemort iniciou seu plano de vingança, que culminou com a morte de Tiago e Lílian Potter, pais de Harry. Já os fãs do jogo mais famoso entre os bruxos podem ficar satisfeitos. Como em “A Ordem da Fênix” o Quadribol precisou ser deixado de lado por causa de questões de roteiro, ele chega em “O Enigma do Prín-


O amor está no ar cipe” com a corda toda. Harry agora é o capitão do time da Grifinória e Rony firmou-se como goleiro da equipe, apesar de conseguir a vaga com uma ajuda da amiga Hermione. O diretor afirma que as cenas de Quadribol serão mais violentas que nos filmes anteriores. E, também, mais divertidas.

Harry Potter (Daniel Radcliffe) Harry chega ao 6 o ano com a responsabilidade de ser o escolhido para destruir Voldemort. Após a morte de Sirius Black, o jovem vai ter que enfrentar uma outra grande perda.

Rony Weasley (Rupert Grint) O melhor amigo de Harry vira o goleiro da Grifinória e ainda precisa encarar um namoro com a colega Lilá Brown e os sentimentos reprimidos pela amiga Hermione.

Hermione Granger (Emma Watson) A jovem não consegue mais esconder o amor que sente por Rony. O sexto ano na escola será marcado por uma grande tragédia, que vai refletir na amizade do trio.

Alvo Dumbledore (Michael Gambon) Cada vez mais misterioso e fazendo viagens longas, o diretor começa a dar aulas particulares para Harry na esperança de ajudá-lo na batalha contra Voldemort.

conseguir mais segurar os sentimentos que cultiva por Rony. Mas o goleiro da Grifinória vai estar ocupado demais pensando em Lilá Brown ou na poção do amor que acaba tomando por engano. O diretor, David Yates, afirmou que o longa tem o seu lado obscuro, afinal ele adianta a grande batalha que está por vir, mas sem esquecer do lado amoroso dos personagens. “Com certeza será o filme mais quente da série, onde Harry, Rony e Hermione descobrem a importância que tem na vida um do outro.” O final da série, que iniciou em 2001 com “A Pedra Filosofal”, chega aos

Draco Malfoy (Tom Felton) Depois da prisão do pai em Azkaban, Draco recebe uma missão secreta do Lorde das Trevas que pode mudar os rumos da história, e mudar Hogwarts de vez.

Curiosidades de um mundo mágico: - A palavra “muggle”, que significa trouxa na língua inglesa foi aceita no Dicionário de Inglês Oxford como “uma pessoa que carece de um conhecimento ou conhecimentos em particular, ou que é considerada inferior de alguma forma.” - Cerca de 400 milhões de exemplares dos sete livros de Harry Potter foram vendidos no mundo todo e foram traduzidos a mais de 60 idiomas, inclusive para o latim. - A família adotiva de Harry não aparecerá no filme, assim como o Ministro da Magia, Rufo Scrimgeur, e o Ministro dos Trouxas. - Hero Fiennes, o ator que interpreta Tom Riddle ainda criança, é sobrinho de Ralph Fiennes, que interpreta Voldemort adulto.

Números potterianos:

Vestidos para jogar o quadribol

Em “O Enigma do Príncipe” o romance estará tão em alta quanto o retorno de Voldemort. Após um breve romance com Cho Chang no filme anterior, Harry começa a se interessar pela irmã de seu melhor amigo, Gina Weasley. Já Hermione não vai

Hermione e Potter, apaixonados, mas por outros

Severo Snape (Alan Rickman) Agora o professor de Defesa Contra as Artes das Trevas continua desfrutando da confiança de Dumbledore. Mas um Voto Perpétuo pode mudar o rumo dessa relação.

cinemas dividida em duas partes: uma com estréia em 2010 e a outra em 2011. O último filme, “Harry Potter e as Relíquias da Morte”, é esperado com grande ansiedade pelos fãs, que agora não se preocupam mais se a adaptação vai ser fiel às páginas do livro, mas sim que a magia está acabando. Um bom presente para os fãs quase órfãos do bruxinho seria a indicação do longa entre o Oscar de Melhor Filme, agora que a Academia aumentou o número de indicados para a premiação de 2010. Nessas horas uma porção de Felix Felicis ajudaria, e muito!

Horácio Slughorn (Jim Broadbent) Este será o novo professor de Poções de Hogwarts. Possui uma lembrança de Voldemort que pode ser a chave para o início da destruição do bruxo.

Harry Potter e a Pedra Filosofal Orçamento: US$ 90 milhões Bilheteria: US$ 976,5 milhões Harry Potter e a Câmara Secreta Orçamento: US$ 100 milhões Bilheteria US$ 876,7 milhões

R.A.B O personagem misterioso que aparece no final do sexto livro deve dar às caras na telona também. Mas a grande revelação só será feita em “Harry Potter e as Relíquias da Morte”.

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban Orçamento: US$ 130 milhões Bilheteria US$ 795,5 milhões Harry Potter e o Cálice de Fogo Orçamento: US$ 130 milhões Bilheteria US$ 896 milhões Harry Potter e a Ordem da Fênix Orçamento: US$ 150 milhões Bilheteria US$ 938,5 milhões



Edição 102 do Jornal O Polvo