Page 1

JORNAL

O FOCO

Ano 6 | Edição 151 | 14 a 20 de setembro 2012

Diretor: Thiago Melo

w w w. j o r n a l o f o c o . c o m . b r

Eleições 2012

Coligações devem obedecer percentual de candidatas

procurador eleitoral adverte que indeferimentos não podem prejudicar percentual de 30% de postulantes do sexo feminino a vagas nas câmaras do B", "De Volta para o Futuro", "PSD/PTC/DEM" (em Mangaratiba); "Unidos para Continuar" e "Renovando com Fé" (em Itaguaí); "Todos por Seropédica", "Amigos de Seropédica" e "Social Democrata" (em Seropédica) estão na seguinte situação: indeferimentos de candidatas comprometem as cotas.

O FOCO fez levantamento por meio de informações do DivulgaCand do TSE e constatou que indeferimentos de candidatas comprometem obediência à lei eleitoral, que determina o seguinte: 30% do total de candidatos devem ser do sexo feminino. As coligações "Muda Mangaratiba", "PHS/PRB/PC

O Procurador Eleitoral Maurício da Rocha Ribeiro adverte: "se candidatas tiveram seus registros indeferidos e, por conta disso, não se alcançou o percentual de 30%, o partido deve ser intimado para suprir a cota". Ribeiro acrescentou que o juiz pode determinar prazo de 72 horas para regularização. Página 10

Emprego

Comitê em Seropédica

Logística: setor em ascensão Saiba o que faz um profissional de logística, cada vez mais necessário nas grandes empresas. Senai e Estácio oferecem formação. Página 4

Vida de escritora

Talento precoce na literatura

Suspeita de bomba no PT

Na manhã de quinta-feira (13) uma suspeita de explosivo no comitê eleitoral do PT em Seropédica assustou moradores e membros do partido. O delegado da coligação entre PT e PSL, David Camilo, chegou

Maior obra da cidade ALAN MIRANDA

ao local às 8h e viu o dispositivo. O corpo de bombeiros interditou a via principal e a Core e o Grupamento Antibombas foram ao comitê para apurar a denúncia. PT disse que vai acionar a Polícia Federal. foto cedida por gilberto pessoa/foco popular

Juliana Ferreira, com apenas 19 anos, já publicou dois livros, tem um no prelo e outro em conclusão. Seu tema: a perda. Página 15

Saúde

Mangaratiba divulga agenda Segundo secretário de Obras, Parque deve ficar pronto até dezembro deste ano

Secretaria de Saúde divulgou relação de dias e horários em que profissionais da área médica atendem nos distritos da cidade.

Parque Municipal: entrega em dezembro

Página 6

Entrevista

Muito tempero e inspiração Juliana Muakad, chef de cozinha executiva, conta como entrou para o mercado gastronômico e revela sonhos e projetos.

Agentes do Esquadrão antibombas em Seropédica

Página 2

FALE CONOSCO

Previstas inicialmente para serem concluídas em agosto de 2011, as obras do Parque Municipal têm nova data para entrega: 31 de dezembro. De acordo com o secretário de Obras do

município, o atraso aconteceu por conta da complexidade de um determinado espaço, que "está dando muito mais trabalho do que o esperado". O secretário contou também so-

Página 13

Página 3

REDAÇÃO2687-0694 PARA ANUNCIAR2687-0406 redacao@jornalofoco.com.br

bre os detalhes da construção, que é a maior da cidade. Os destaques do Parque são pista de skate coberta e o Centro Cultural, com capacidade para mais de 400 pessoas.

comercial@jornalofoco.com.br


14 a 20 de setembro de 2012

2 entrevista

JORNAL O FOCO

redacao@jornalofoco.com.br fale com a redação (21) 2687-0694 www.jornalofoco.com.br

Juliana Azevedo Muakad a chef especialista em massas e doces já cozinhou para artistas do cirque de soleil e diz que os elogios são o maior patrimônio de quem encara uma profissão difícil, mas igualmente prazerosa

Mão na massa e muita doçura

Fotos: gian cornachini

Apaixonada por massas, Juliana afirma que o nhoque recheado é uma de suas especialidades mais apreciadas Carol Santana carolsantana@jornalofoco.com.br

O

rosto angelical e o sorriso tímido escondem a determinação e forte personalidade no tempero de Juliana Azevedo Muakad. Chef de cozinha executiva há três anos, a jovem de 25 já se aventurou na faculdade de Biologia — sua matéria preferida na escola — mas o acaso e o gosto pela cozinha se incumbiram de colocar tudo no lugar e a fizeram descobrir sua verdadeira vocação e paixão: cozinhar. Apaixonada por massas, Juliana sonha em comandar um bistrô para estar próxima do seu público. Inovar e criar novos pratos são especialidades dela, que recebeu flores de um admirador secreto durante a entrevista. Pelo visto, o sucesso de Juliana vai além dos pratos que ela prepara. O FOCO – Como começou sua trajetória na gastronomia? Quando decidiu se tornar uma chef de cozinha? JULIANA AZEVEDO MUAKAD – Foi muito por acaso, eu sempre gostei de cozinhar, mas comecei a fazer faculdade de Biologia, nas escola sempre me dei bem e os professores incentivaram, mas vi que não era o que queria. Tranquei a matrícula e fiquei um tempo sem saber o que fazer. Um dia indo para o centro do Rio de Janeiro, vi um outdoor de um curso gastromonia e despertou atenção. Comecei a pesquisar sobre a profissão e percebi que era o que eu queria realmente fazer. O FOCO – Algumas pesquisas já divulgadas por revistas da área apontam que o setor gastrônomico tem um mercado fechado e seletivo para novos chefes. Então, como se iniciou sua trajetória? JAM – Meus pais têm um restaurante, então sempre tive proximidade com esse mercado, mas comecei pela indicação de um professor do curso. Era para ser um estágio como auxiliar de cozinha no Circo de Soleil, mas três dias depois o chef responsável me convidou pra ser cozinheira, e no período de um mês de estágio me chamaram pra ser chef de duas cozinhas do circo, junto com mais um chef. Cozinhávamos para cerca de 400 pessoas em uma e na outra para aproximadamente 500 pessoas por espetáculo, e eram dois por dia. Foi uma experiência muito importante pra mim. É muito bom para você conhecer gente. Viajei pro Belo Horizonte, Brasília, Curitiba e aqui no Rio com o circo fiquei 40 dias em cada lugar. Todos os lugares que passei conheci muitas pessoas e tenho portas abertas. É uma correria e pressão muito grande, mas é uma experiência única.

Saí por motivos de saúde, pela rotina eu acabei ficando doente, meu pai também adoeceu então vim pra cá ajudar. Eu gosto daqui, mas trabalhando fora daqui tenho a oportunidade de conhecer coisas diferentes, um crescimento maior. O FOCO – Qual sua especialidade na cozinha? JAM – Eu gosto muito da cozinha brasileira, massas e doces. A culinária brasileira pra mim é a melhor. Nós temos a liberdade de misturar temperos e deixar bom. As outras cozinhas não permitem você brincar com o tempero, tem que ser tudo muito cheio de regras. Na cozinha francesa, por exemplo, a gente não pode misturar a cebola com o alho, eles não permitem, se quisermos sentir o gosto dos dois temos que usar alho poró. A nossa não, nem sempre precisamos de sal e a gente pode misturar, brincar do jeito que quiser e saí bom. O FOCO – Indicaria essa atividade para pessoas que pensam em seguir pelo mesmo caminho? JAM – A pessoa tem que gostar de cozinhar e ter certeza de que é o que quer fazer. Quem não gostar não vai aguentar o estresse, a pressão da cozinha. Quando você faz com amor, você se irrita na hora, mas depois passa, mas se for por obrigação, você vai se desgastar muito. A rotina é pesada. O FOCO – Qual é a maior dificuldade e maior satisfação em ser chef? JAM – Acho que a dificuldade é o reconhecimento do trabalho e remuneração. Agora pelos grandes eventos mundiais e a exposição na mídia, a profissão está sendo mais valorizada, mas

Ju garante que os temperos dão toque especial aos pratos é difícil. Até os renomados chefes já deram entrevistas dizendo que só no restaurante não consegue manter o padrão de vida que eles levam. Um chef hoje precisa trabalhar muito para ter uma condição de vida bacana, muitos dão aula, além do restaurante. A melhor parte, sem dúvida, são os elogios das pessoas. Perceber a satisfação do cliente e ver que realmente gostou do que você fez, me deixa nas nuvens. O FOCO – No seu dia-a-dia, o que você mais gosta de fazer para passar o tempo? JAM – Gosto de estar com os meus amigos, ler e cozinhar, claro. Com os meus amigos a gente faz um churrasco, uns doces, vê uns filmes. Leio muito sobre culinária mundial, sobre a origem dos pratos e adoro inventar receitas novas, misturar temperos, testar doce com salgado, então vou testando sempre e inovando e inventando algo. O FOCO – Qual prato que você inventou e que faz mais sucesso entre as pessoas? JAM – Fiz para um concurso e as pessoas gostaram: foi uma berinjela com chocolate. Deixei a berinjela de moDescobri a lho no licor de laranja e peculinária por acaso, gou todo o gosto da fruta, mas desde o início depois molhei no chocolate. Parece um pavê. Me inseu soube que era o pirei em um livro, que antique eu queria. Eu gamente em um mosteiro na amo cozinhar, se Itália, os monges comiam a deixar eu cozinho o berinjela molhada no cacau. dia inteiro" Testei e deu certo, criação minha e ninguém tasca.

O FOCO – E o futuro como chef, quais são os planos? JAM– Eu sonho em trabalhar com massas. Adoro massa caseira e doces também. Se Deus quiser, vou conseguir trabalhar com as duas especialidades. Eu não penso em ser dona de um grande restaurante porque amo cozinhar, mas também adoro estar entre as pessoas, conversar, conhecer, e num restaurante grande não tem como fazer isso. No futuro penso em ter um bistrô bem aconchegante e com muita coisa gostosa.


14 a 20 de setembro de 2012

3 cotidiano

JORNAL O FOCO

redacao@jornalofoco.com.br fale com a redação (21) 2687-0694 www.jornalofoco.com.br

Lazer, cultura e esportes apesar do atraso de mais de um ano, secretário afirma que as obras do Parque municipal estão adiantadas. centro cultural e pista de skate são os destaques

Parque Municipal: entenda a maior obra de Itaguaí

alan miranda

A área do Parque Municipal tem cerca de 100 mil m². Sua parte externa já está concluída e, ao fundo, do lado esquerdo, as obras seguem para a construção do Centro Cultural Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

C

om aproximadamente 100 mil m², o Parque Municipal é a maior obra já iniciada na cidade de Itaguaí. O valor empregado em sua contrução (R$ 20 milhões) é menor do que o investimento nas obras do centro (R$ 50 milhões),

no entanto, a dimensão da construção é gigante e o Parque reunirá, em um só lugar, áreas para lazer, esporte e entretenimento. O secretário de Obras, Jack Fernandes acrescentou também que o local servirá para desafogar o centro do município: "toda aquela bagunça que acontece no centro nos finais de se-

mana, com carros de sons e barraquinhas vai acabar. A ideia é acomodar todas estas atividades dentro das dependências do Parque" — explicou. PRIMEIRO TESTE Em fevereiro deste ano, a prefeitura inaugurou parte do local para realizar o Carnaval. Toda a parte ex-

terna e o palco principal foram utilizados no evento. Milhares de pessoas passaram pelo local nos quatro dias de festa e, aparentemente, tudo correu bem no primeiro teste. O QUE FALTA Considerado pelo secretário a parte mais complicada da obra, o Centro Cul-

Conclusão prometida para dezembro Com mais de um ano de atraso, as obras do Parque seguem, mas parecem que sem muita pressa. De acordo com o secretário de Obras da cidade, a prefeitura iniciará, em breve, a construção da entrada e da pista de skate do local. Além disto, o centro cultural — já em construção —

também é um entrave para a conclusão. A princípio, o prazo era até agosto de 2011. Em seguida, a prefeitura anunciou a realização do Carnaval 2012 no local e inaugurou parcialmente o Parque em fevereiro. Com isso o prazo se entendeu para julho deste ano. Mais

dois meses se passaram e o secretário justificou o novo atraso com a complexidade da obra: "está dando muito mais trabalho do que a gente esperava. É uma obra muito complexa, pois o teatro é muito detalhado" — resumiu. "Mas está bem adiantada" — concluiu Jack Fernandes.

Ainda de acordo com o secretário, um novo prazo já foi estabelecido pela prefeitura: "o objetivo agora é entregar a obra até o dia 31 de dezembro, junto com todo o pacote do centro. É uma determinação do prefeito Charlinho. Se depender dele, não passa nada deste ano" — ressaltou.

tural do Parque vai contar com teatro e anfiteatro com capacidade para 400 pessoas. "É uma obra muito detalhada. Está dando mais trabalho do a gente esperava" — assumiu. Destaca-se também a pista de skate que ainda será iniciada. De acordo com o secretário, será a segunda pista coberta do Brasil e a única que se

adéqua aos padrões internacionais do esporte. "Vamos colocar Itaguaí no circuito mundial" — afirmou. O local terá também quadras de esportes, lanchonetes, academia ao ar livre, parque infantil, praça de descanso e leitura, praça da terceira idade, área para massagem, pista de cooper e ciclovia. alan miranda

Operários trabalham também no calçamento do Parque


4

cotidiano

14 a 20 de setembro de 2012

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

Emprego crescente em itaguaí, setor de logística promete gerar muitas oportunidades na cidade. saiba o que faz e como buscar formação profissional na área

Logística: carreira promissora para jovens talentos Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

A

gilidade, organização e capacidade de resolver situações adversas de forma rápida: estas são as principais características de um profissional de logística. Em Itaguaí, a área está em amplo crescimento e necessita de pessoal especializado, o que pode ser uma ótima oportunidade para os munícipes. A Logística é a área responsável por prover recursos, equipamentos e informações para a execução de todas as atividades de uma empresa, desde a entrada de materiais até a distribuição do produto, passando por armaze-

nagem, manuseio, embalagem, transporte etc. Tudo isso de forma rápida, barata e de qualidade. MERCADO EM CRESCIMENTO Segundo Pedro Lemel-

Em Campo Grande, a Estácio de Sá oferece graduação em logística. Para o nível médio, Nova Iguaçu, Piraí e Caxias oferecem através do Senai le — da empresa Domínio, de Recursos Humanos e Serviços — o setor é um mercado muito promissor na Cidade do Porto: “com

Sete de Setembro

divulgação / pmm

Registro do último dia de desfile no centro de Mangaratiba

o aumento do número de grandes empresas na região, cresce a demanda por este profissional.” — explicou Lemelle, que acrescentou: “além disto, com o Arco Metropolitano, essa demanda vai aumentar ainda mais” — concluiu. No caso de Itaguaí, a demanda logística crescerá em todas as áreas do setor, pois as empresas ainda vão se instalar.

O curso "Operação de Empilhadeiras" é oferecido em Nova Iguaçu e Duque de Caxias

onde encontrar Para atuar na área, o profissional pode ter formação em curso técnico, superior ou até de pós-graduação. Em suas diversas unidades, o Senai-RJ oferece variados cursos da área, que vão desde administra-

ção de materiais e almoxarifado até Içamento e movimentação de cargas. O polo de Itaguaí não oferece nenhum curso do setor e, de acordo com a assessoria de imprensa do Senai, também não há nenhum curso programado para os próxi-

JORNAL

O FOCO

Com o tema "Valorização das Personalidade de Educação do Município", Mangaratiba levou às ruas o desfile de independência deste ano. Centenas de moradores assistiram o desfile de alunos e funcionários, além dos repertórios das bandas marciais.

O desfile no centro do município encerrou os seis dias de comemoração que aconteceram nos outros distritos. O secretário de Educação Devanil Gonçalves comentou a importância da participação dos funcionários para o crescimento do setor: “A escolha do tema foi uma for-

divulgação / pmm

cnpj: 07.600.975/0001-08

DISQUE-REDAÇÃO: (21) 2687-0694 PLANTÃO 24H: 7753-9156 ID.: 125*28667 Diretor Geral Thiago Melo (MTB 25806-RJ)

Editor Jupy Junior (MTB 28085-RJ)

Diretora Administrativa: Marina MELO Impressão editora esquema

Diagramação Gian Cornachini

„Sugestões de pauta redacao@jornalofoco.com.br „Anuncie comercial@jornalofoco.com.br

(zona oeste da capital). O curso tem duração de dois anos e pode ser frequentado presencialmente ou pelo sistema EAD (Ensino a Distância). Uma ótima oportunidade para quem pensa em conseguir um bom emprego.

Seis dias de desfile da independência

EDITADO E PUBLICADO POR T.M. Comunicações LTDA

„Atendimento ao leitor leitor@jornalofoco.com.br

mos dois meses. No entanto, as cidades Nova Iguaçu, Duque de Caxias e Barra do Piraí disponibilizam o ensino técnico na área. Além disto, a Universidade Estácio de Sá disponibiliza graduação na área na unidade de Campo Grande

ma de reconhecimento do trabalho dessas pessoas“ — afirmou ele. O pelotão da Guarda Municipal com os grupamentos Ambiental, Tático e Ronda Escolar abriu o desfile, acompanhado pela Orquestra Municipal. Em seguida, os profissionais da secreta-

ria de Educação. As escolas de Educação Infantil: CEIM Norma Pinheiro Cardoso, Maria Augusta Lopes, Oliveira Bello, Coronel Moreira da Silva, Hermínia Mattos e João Paulo II também participaram nesse dia, além do grupamento Botinhos, da Defesa Civil, dentre outros.

Mangaratiba comemora festa da padroeira

expediente

fale conosco

REPRODUÇÃO INTERNET

(colaborador)

Reportagens Alan Miranda, Caio Assis e CARol Santana (colaboradores)

endereços na internet www.jornalofoco.com.br www.facebook.com/jornalofoco www.twitter.com/jornalofoco

Grupo Rosa de Saron encerra a festa com louvores

M

angaratiba celebrava desde o dia 30 de agosto a Festa de Nossa Senhora da Guia - padroeira da igreja matriz do município. No final de semana (6, 7 e 8/9), o público assistiu shows de Preta Gil, grupo Balacobaco, Aline Brasil e Rosa de Saron. O destaque do evento foi o show do grupo católico Rosa de Saron, que junto com os fiéis entoou sucessos da carreira como "Uma

trilha sem dor" e "Te louvo em verdade". A Paróquia Nossa Senhora da Guia também promoveu uma atividade interessante: o leilão de animais. Galinhas, patos, carneiros, bezerros, dentre outros foram entregues a quem deu o maior lance. “Estou muito feliz. Amo animais e essa ovelhinha era o que faltava nas minhas criações” — disse dona Ivonil de Oliveira, que arrematou o animal por R$ 250.


cotidiano

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

5

14 a 20 de setembro de 2012

Educação responsáveis por alunos da escola municipal yolanda rangel pereira queixam-se da administração da atual diretora. Dentre as reclamações, eles alegam maus tratos e agressões às crianças

Pais reclamam de direção escolar Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

E

m março deste ano diversos pais passaram a madrugada inteira na fila para conseguir uma vaga na nova unidade escolar do município, a Escola Municipal Yolanda Rangel Pereira. Três meses depois, em junho, o panorama mudou e, desde então, estes mesmos responsáveis pedem a saída da diretora Maria Luiza Silva Hastenreiter de Oliveira. Eles questionam a capacidade da diretora de administrar a unidade, querem que a antiga diretora retorne e alegam maus tratos contra as crianças como o principal motivo. Além disto, há também acusações de supostas agressões físicas e verbais por parte de um dos professores.

reclamações Marcela Teodoro, Regina de Andrade, Janete Oliveira e Alaíde de Fátima conversaram com a reportagem para expor os problemas. Dentre as reclamações dos alunos, destacam-se as queixas contra o professor de Educação Física, Francisco Hélio de Souza Silva. De acordo com elas, Chicão — como é conhecido o professor — tem pouco cuidado com as crianças: “ele puxa, empurra, agarra pelo braço e é muito grosso. Não tem o menor preparo para exercer a função” — reclamou Marcela. “O pior é que não adianta reclamar com a diretora, pois ela não faz nada” — completou. Ainda segundo as responsáveis, a diretora Maria Luiza ofende verbalmente seus alunos e uma delas disse que

caio assis

já foi chamada de “porca”. As mães acrescentaram ainda que já levaram as reclamações até a secretaria de Educação, mas não passaram da porta de entrada. "Fizemos um abaixo-assinado e um funcionário — chamado Pedro Paulo — recebeu nosso documento ainda na entrada do prédio. Isso faz mais de dois meses e nada aconteceu" — disse uma delas. resposta da secretaria A secretária de Educação e Cultura, Laudinice Brito, disse que dificilmente haverá a mudança da direção da escola, mas está disponível para conversar com a comunidade: "recebi o pedido de troca da direção, mas, na ocasião, não continha nenhum relato de agressão. Na época, a Maria Lui-

A Escola Professora Yolanda é alvo de diversas reclamaçõe de pais e responsáveis za estava à frente da escola há pouco mais de uma semana. Não tinha como mudar de novo" — esclareceu. Laudinice disse ainda que a diretora antiga saiu também por con-

ta de reclamações: "a atual diretora entrou com um abaixo-assinado. As coisas estavam correndo muito frouxas e ela assumiu para colocar ordem" — esclareceu. O FOCO entrou

em contato com as mães na segunda-feira (por e-mail) para avisar da disponibilidade da secretária durante toda a terça (11). No entanto, nenhuma delas compareceu à secretaria.

Rodovia Rio-Santos

P

ara garantir a segurança na rodovia BR 101, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) atuou em pontos estratégicos durante o feriado da Independência. Com equipe reforçada, as operações realizadas na rodovia Rio-Santos conseguiram reduzir em 20% o

número de acidentes em relação ao ano anterior. Segundo o chefe de operações da PRF, Jorge Antunes, o movimento na rodovia aumentou em 30%. No balanço geral, foram registradas 23 ocorrências de acidentes, com sete vítimas (nenhuma fatal), uma

pessoa foi presa por dirigir embriagada e 375 multas foram aplicadas. Na volta do feriadão, houve movimento intenso. A operação montada pela PRF no túnel de Muriqui registrou 15 quilômetros de congestionamento na rodovia.

Foto-Legenda Três carros incendiados em muriqui

divulgação / pmm

„ Este foi o resultado da infeliz ideia de cozinhar na mala do carro na praia de Muriqui, no último final de semana: três carros incendidados, perda total. O autor da façanha não foi identificado, mas fica o alerta: nada de aventuras culinárias na praia.

Valor: R$ 551,25

Menos acidentes no feriado


6

cotidiano

14 a 20 de setembro de 2012

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

Secretaria de Saúde A divulgação da grade médica destaca dias e horários dos profissionais que atuam em todos os distritos de mangaratiba, além da Ingaíba, Zona Rural e Ilha de Jaguanum

Saúde com dia e hora certos Carol Santana carolsantana@jornalofoco.com.br

A

secretaria de Saúde de Mangaratiba divulgou a relação com os dias e

horários em que os profissionais da área médica atuam na área de atenção básica nos postos de saúde, Estratégia de Saúde das Famílias (ESFs) e núcleos da

Terceira Idade do município. Dentre as especialidades estão cardiologia, pediatria, ortopedia, urologia, ginecologia, além de exames e programas de

imunização. Com a divulgação da grade médica, o subsecretário da pasta, Sérgio Garrido, acredita que as pessoas vão se organizar melhor e procurar o es-

pecialista mais próximo de sua residência, deixando para ir ao hospital em casos mais graves. “Nós já fazemos a divulgação com dias e horários dos atendimen-

tos nos próprios postos. Temos muitas especialidades em praticamente todo o município. Essa relação vem só para fortalecer a divulgação, assim as pessoas podem se encaminhar para o posto mais próximo, o que irá ajudar a desafogar o atendimento no hospital” — anteviu Sérgio. Tabelação: gian cornachini

GRADE MÉDICA DE MANGARATIBA Localidade Especialidade

Muriqui

Itacuruçá

C. de Jacareí

Cardiologia

Seg. e Ter.: 8h às 12h Quinta: 08 às 14h

Terça: 13h às 17h Sexta: 13h às 17h

Sexta: 8h às 17h

Ginecologia

Quarta: 8h às 17h

Segunda: 13h às 17h Terça: 8h às 17h

Segunda: 8h às 12h

Pneumologia

Terça: 8h às 17h

Sexta: 8h às 17h

Terça: 8h às 17h

Pediatria

Sexta: 8h às 17h

Ter. e Qui.: 8h às 12h Sexta: 8h às 17h

El Ranchito

Ingaíba

Terça: 8h às 12h

Quarta: 8h às 17h

Jaguanum

Quarta: 8h às 17h

Serra do Piloto 3ª Idade Muriqui Terça: 8h às 12h

Segunda: 13h às 17h

Terça: 8h às 12h

Sexta: 8 às 12h

Sexta: 13h às 17h

Urologia

Quinta: 8h às 17h

Clínica Médica

Quarta: 8h às 17h Seg. a Sex.: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Seg., Qua. e Seg. e Qui.: Fonoaudiologia Qui: 8h às 17h 8h às 17h

Qui. e Sáb.: 8h às 17h

Seg. e Qua.: 8h às 17h

Psicologia

Seg. a Qui.: 8h às 17h

Seg. a Qui.: 8h às 17h

Seg. a Sex.: Ter., Qui. e 8h às 17h Sex.: 8h às 17h

Imunização

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Seg., Qua. e Qui: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Exame de eletrocardiograma

Seg.: 8h às 12h

Qua.: 8h às 12h

Ter. e Sex.: 8h às 17h

Coleta de exame de sangue

Seg. e Ter.: 8h às 9h

Ter. e Qui.: 8h às 9h

Quarta: 8h às 9h

Terça: 8h às 17h

Sexta: 8h às 12h

Segunda: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

Sexta: 8h às 12h

Sexta: 13h às 17h

Seg., Ter. e Qui.: 8h às 17h

Terça: 13h às 17h

Seg., Ter., Qua. e Sex.: 8h às 17h

Quinta/15 em Quinta/15 em 15: 8h às 9h 15: 8h às 9h

Sexta: 8h às 9h

Valor: R$ 252,00

Valor: R$ 252,00 CNPJ: 16.243.203/0001-49 Valor: R$ 252,00

Sexta: 8h às 9h

Quinta: 8h às 17h

Sexta: 8h às 12h

Sexta: 8h às 17h

Seg. a Sex.: 8h às 17h

CNPJ: 16.217.244/0001-60

Seg. a Sex.: 8h às 17h

3ª Ida. Itacur.

Segunda: 8h às 17h

Ortopedia

Fisioterapia

3ª Idade P. Saco


cotidiano

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

14 a 20 de setembro de 2012

7

A ceú aberto Após solicitação de o foco, secretário de transporte de itaguaí nelson donato envia equipe para solucionar problema com vazamento de esgoto próximo ao terminal rodoviário

Esgoto rodoviário solucionado Alan Miranda alanmiranda@jornalofoco.com.br

A

pós solicitação de O FOCO, a Secretaria Municipal de Transportes vazamento soluciona problema de um esgoto à céu aberto em Itaguaí que incomodava e causava transtornos a pedestres e comerciantes que ficam próximos ao local. O problema estava ao lado do ponto de ônibus e de quiosques, próximo ao Terminal Rodoviário de Itaguaí. reclamação tardia "O pior de tudo é o mau cheiro e os clientes têm reclamado muito" — disse uma funcionária do quiosque Amartone Lanches quando a reportagem esteve no local. Segundo pedestres e comerciantes locais, o transtorno já durava mais de uma semana quando uma das pro-

prietárias de quiosque revolveu reclamar. Segundo Taiane, funcionária do quiosque de açaí, a dona do estabelecimento tentou contato com a prefeitura para resolver o problema na terça-feira (11), mas transferiram sua li-

O FOCO solicitou reparo em um vazamento de esgoto e prefeitura solucionou. Munícipes só reclamaram uma semana depois gação para outros setores sem dar nenhuma solução efetiva. "vamos resolver já" Procurado pela reportagem, o Secretário Municipal de Transporte, Nelson Donato, disse que enviaria na

mesma semana uma equipe ao local para manutenção. "Temos um caminhão para esse tipo de serviço que está no conserto. Vou checar se já está pronto e libero para lá" — disse. Após checar o conserto do veículo por telefone, Donato solicitou imediatamente uma equipe para a manutenção. Pois bem, na quarta-feira (12) uma equipe foi ao local por volta de 8:30h e resolveu o problema. procedimentos falhos A situação poderia ter sido resolvida sem que o transtorno durasse uma semana. É fato que a secretaria se prontificou a resolver o vazamento imediatamente, mas se houvesse melhor fiscalização saberiam do problema antes. Os comerciantes, por outro lado, esperaram uma semana para solicitar manutenção. Coisa habitual do brasileiro: reclamar mais do que agir.

alan miranda

Após solicitação de O FOCO, secretaria de Transportes soluciona vazamento de esgoto

Centro de Atenção Psicossocial

III Encontro dos Caps Mangaratiba

Valor: R$ 360,00 CNPJ: 16.219.929/0001-46

Centro de Atenção Psicossocial (Caps) de Mangaratiba organizou o III Encontro do órgão no Hotel Portobello. Com o tema "Arte de Viver – Construindo juntos um novo modo de vida", o evento foi presidido pelo coordenador Joilson Calazans e contou com três palestrantes convidados. O Caps Mangaratiba tem 100 usuários cadastrados.

Valor: R$ 360,00

Calazans: "Se o paciente não receber amor, ele desiste"

O

CNPJ: 16.248.948/0001-09

divulgação / pmm


8

14 a 20 de setembro de 2012

cotidiano

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

Dia do sexo Fantasias e fetiches estão presentes em praticamente todas as relações amorosas. Alguns artifícios são os artigos de Sex Shops, uma maneira divertida de inovar e melhorar o prazer

Para esquentar os relacionamentos gian cornachini

Carol Santana carolsantana@jornalofoco.com.br

Q

uinta-feira (6) foi um dia mais quente do que o normal. Não estamos falando de previsão do tempo, não. A temperatura aumentou graças a uma data que foi comemorada por muitos casais: o dia do sexo. Criada em 2008, após uma ação de marketing de um fabricante de preservativos, a data movimentou os sex shops de Itaguaí e virou piada pra muita gente. A técnica de enfermagem Beatriz Reis afirmou que a comemoração foi o assunto mais comentado entre as amigas: "esse é um assunto que sempre rende muitos comentários e boas risadas. A data é um pretexto comercial, mas comemorar é sempre bom" — garantiu a jovem, que aproveita a lua de mel dos cinco meses de casamento. Solange Lopes viu potencial no ramo de sex shops há três anos e garante que as

Cada vez mais comum entre casais, os artigos oferecidos nos diversos sex shops são para todos os gostos e bolsos pessoas estão cada dia mais ousadas quando o assunto é apimentar a relação. A administradora afirmou que o público de sex shops é cativo

e comprador: "as datas comemorativas ajudam, mas os clientes assíduos frequentam o sex shop regularmente, sempre querem alguma

novidade" — revelou. Alana Souza é uma das adeptas dos produtos e acessórios picantes. Segundo ela, as visitas ao sex shop aju-

Energia Elétrica

Dilma anuncia redução na conta de luz A

conta de luz deve ficar mais barata para empresas e pessoas físicas em 2013. O anúncio que foi feito pela presidente Dilma Rousseff, na quinta-feira (6) faz parte de mais um conjunto de medidas para estimular a economia do país. O objetivo do governo fe-

deral é principalmente reduzir os custos de produção da indústria, deixando o setor mais competitivo. Para isso, serão cortados impostos no setor elétrico. Atualmente, 9,25% do valor total da conta de luz são referentes a esses impostos. Ou seja, numa conta de R$ 100, R$ 9,25

são encargos que vão direto para os cofres públicos da União. É com esse dinheiro que o governo planeja o orçamento e financia programas de educação, segurança e saúde, por exemplo. Dilma afirmou que a partir de janeiro do próximo ano o preço da energia elétrica fi-

cará 16,2% mais barato para os consumidores residenciais e 28% para a indústria, que consome mais. Com a medida, o governo espera que os empresários cortem preços para os clientes com a economia que terão na conta de luz., o que pode também ajudar a reduzir a inflação.

dam principalmente a fugir da rotina e criar mais intimidade na relação: "tem muitas opções e para todos os gostos. Acho válido para

deixar tudo mais divertido e prazeroso, além de ajudar o casal a ficar mais à vontade, mais confortável e evita que a relação caia na mesmice. Quem ainda não experimentou, vale e muito a pena" — sugeriu. De acordo com a funcionária da magazine Flor da Pele, os homens ainda são mais conservadores e os produtos mais procurados pelos clientes são os óleos, acessórios e fantasias. A vergonha ainda é um fator que inibe muitos homens e mulheres na hora de comprar os produtos eróticos. Segundo Dálila Silva, funcionária da Boutique Sex Shopp, é muito comum clientes desistirem das compras por timidez. "Quando chegam sabendo o que vão comprar é mais fácil, mas se tiver que perguntar algo, alguns até desistem" — relatou aos risos. Independente de dia comemorativo, o importante é aproveitar e aquecer a relação.

divulgação

Presidente fez o anúncio em pronunciamento oficial


cotidiano

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

14 a 20 de setembro de 2012

9

Via férrea empresa que utiliza via férrea anuncia pacote de melhorias em audiência da vale sobre expansão do tig. apesar das promessas, transtornos irritam munícipes

MRS promete melhorias Alan Miranda alanmiranda@jornalofoco.com.br

N

a terça-feira (28) a Vale promoveu uma audiência pública para apresentar o projeto de aumento da capacidade de transporte de minério no Terminal Ilha Guaíba, em Mangaratiba. Caso receba a licença, o tráfego diário de trens que transportam minério para os empreendimentos da região vai aumentar. O empreendimento gera grande lucro para empresários e empregos para a população, mas também causa uma série de transtornos a quem mora próximo à linha férrrea. "não consigo dormir" Segundo algumas pessoas que moram nas imediações do percurso ferroviário, há muitos inconvenientes: o barulho excessivo das buzinas, algumas casas com paredes rachadas, falta de segurança na linha, cancelas sem sinalização e dispersão de poeira são os mais citados.

GIAN CORNACHINI

Para João Carvalho, contador, 76 anos, o sossego acabou. "Tem noites que não consigo dormir. O trem buzina umas nove vezes: quatro na primeira cancela e depois mais cinco. Tem noites que não consigo dormir" — reclamou ele. João conta que também já tentou pedir apoio da associação dos moradores, mas sem sucesso. João mora na Av. Sete de Setembro, na vila Muriqui, paralela à linha do trem, desde junho. propostas da empresa Por meio de assessoria de imprensa, a MRS disse investir em melhorias: "existem 77 lubrificadores de trilhos instalados e que até 2014 colocaremos mais 83". Em relação às Passagens de Nível (PNs), a empresa disse que investiu R$ 2,4 milhões para instalação de cancelas automáticas em quatro pontos do percurso. Os projetos executivos devem ser licitados ainda em 2012 e o plano de investimentos de 2014 in-

Moradores de Itaguaí e Mangaratiba queixam-se de incômodos causados pelos trens que passam pelas duas cidades clui a instalação de mais um conjunto de sinalização ativa na PN da Rua 39, em Itaguaí. Ainda segundo a nota oficial, em agosto de 2012, a MRS iniciou a construção de uma passarela em Itaguaí e dois viadutos rodoviários: um em Itaguaí e outro em Ita-

curuçá. Outro projeto é o aspersor de polímeros para a redução da dispersão de pó de minério, no percurso, queixa frequente dos moradores. medidas eficazes? Embora existam muitos projetos, a excelência ain-

Lei para regular horários dos trens foi vetada Em virtude das constantes reclamações de moradores em relação ao barulho dos trens, o vereador de Mangaratiba, José Luiz (PMDB), criou um Projeto de Lei (PL) para que os trens não transitassem no

município entre 22h e 6h. O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal por unanimidade, mas vetado pelo prefeito, sob a alegação de inconstitucionalidade: "Vislumbro a inconstitucionalidade do PL em questão,

tendo em vista que o objeto do presente projeto é de competência administrativa exclusiva da União" — diz o texto da assessoria jurídica para o veto. Já o vereador José Luiz discorda: "o prefeito achou que regulamen-

tar o horário dos trens fere a constituição. Eu entendo que se passa pelo nosso solo compete ao município" — disse o parlamentar. O publicitário aposentado Ubiratan Lacerda, 75 anos, concorda com a pro-

da não é uma realidade. Muitas das medidas que visam melhorar a segurança na linha datam a conclusão para daqui a dois anos. Outras medidas já efetuadas, como o viaduto em Itaguaí, foram mal executadas: a construção foi apelidada pelos munícipes

de "tobogã", por causa da descida brusca. Quanto ao barulho dos apitos do trem de madrugada, uma das principais reclamações dos munícipes, a empresa não comentou. É fato que há muitos projetos, mas ainda estão longe de sanar todos os transtornos.

posta da lei: "O apito é estrodoso, são mais de 100 decibéis" — disse ele que, em seu blog, comentou o PL e o veto: "as duas únicas competências privativas da União que mais se aproximam do objetivo do projeto citado é legislar sobre as diretrizes da política nacional de transpor-

tes e legislar sobre trânsito e transporte. (...) O Projeto não pretende legislar sobre trânsito e transporte, somente quer proteger o meio ambiente e combater a poluição em qualquer de suas formas, além de garantir o bem-estar e a saúde de seus habitantes" — diz o texto.


14 a 20 de setembro de 2012

10 poder

JORNAL O FOCO

redacao@jornalofoco.com.br fale com a redação (21) 2687-0694 www.jornalofoco.com.br

ELEIÇÕES 2012 Lei eleitoral em mangaratiba, quatro coligações estão em desacordo com a legislação eleitoral porque não obedecem aos 30% de candidatas do sexo feminino. em itaguaí, são duas, e em seropédica, quatro

Candidatas indeferidas ferem proporção de 30% das coligações

ITAGUAÍ Na Cidade do Porto, as coligações "Unidos para Continuar" (PP-PMDB-PV-PSD) e "Renovando com Fé" (PT-PHS-PSDB) estão com problemas. Na primeira, com o indeferimento de duas candidatas, há somente cinco

CNPJ: 16.211.360/0001-72 Valor: R$ 240,00

Lei 9.504/97 é clara no seu artigo 10, parágrafo terceiro: no total de candidatos das coligações, 30% devem ser do sexo feminino. Com a tumultuada rotina de indeferimentos de candidaturas pelo TRE, algumas coligações em Mangaratiba, Seropédica e Itaguaí estão prestes a ter problemas por causa do descumprimento das cotas de gênero. O Procurador Regional Eleitoral, Maurício da Rocha Ribeiro, declarou a O FOCO

reprodução internet

na lista (deveria ter seis). A segunda tem três candidatas indeferidas, o que baixa o número para 7 (deveria ter no mínimo 10). Alexandre Valle disse que assim que o PMDB for intimado tomará providências. MANGARATIBA E SEROPÉDICA "Muda Mangaratiba" deveria ter sete candidatas, mas só tem cinco. As coligações "PHS/PRB e PC do B"; "De Volta ao Futuro" e "PSD/ PTC/DEM" também têm candidatas a menos por causa de indeferimentos. Em Seropédica, o descumprimento é das coligações "Todos por Seropédica", "Amigos de Seropédica", "Social Democrata" e "Eu amo Seropédica".

Coligações partidárias deverão ajustar-se à lei em 72 horas por causa de cotas de gênero

11 ou 17?

TRE julga recursos de candidatos de Itaguaí

O

TRE julgou na terça-feira (11) vários recursos de candidatos a vereador de Itaguaí que pleiteavam a chance de disputar as eleições 2012 mediante um possível aumento no número de cadeiras da Câmara Municipal. Isto porque há cerca

Valor: R$ 240,00

A

que, uma vez constatada a irregularidade, o juiz eleitoral intimará o partido ou coligação para regularizar as cotas em 72 horas. O FOCO fez levantamento e constatou que algumas coligações não estão em conformidade com a lei.

CNPJ: 16.248.948/0001-09

Jupy Junior jupyjunior@jornalofoco.com.br

de um mês o juiz eleitoral Alexandre Gavião determinou que a Câmara não poderia revogar um decreto do ano passado que aumentou seis vagas no legislativo municipal. Baseados naquela decisão — cujo recurso ainda está pendente no TRE

— candidatos acionaram o Tribunal para que coligações e partidos aumentassem a sua lista de postulantes a vereador. Esta situação pode confundir o eleitor, uma vez que alguns candidatos em campanha não sabem efetivamente se estarão nas urnas

como opção de voto. O TRE decidiu que, mesmo com a manutenção do decreto que aumentou o número de cadeiras para 17, novos candidatos não podem ser adicionados às listas das coligações e partidos porque o prazo para realização de convenções já se esgotou.


poder

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

14 a 20 de setembro de 2012

11

ELEIÇÕES 2012 Momento do voto está chegando a hora do eleitor decidir quem comandará os poderes legislativo e executivo municipais. por isso o foco faz um balanço da campanha nas três cidades

Faltam pouco mais de 20 dias para as eleições Jupy Junior jupyjunior@jornalofoco.com.br

A

contar desta sexta-feira (14), faltam apenas 23 dias para as eleições em que se decidirão quem vai ocupar as cadeiras no legislativo e executivo municipais. Mas já é possível fazer um balanço prévio de do que tem marcado a campanha em Itaguaí, Mangaratiba e Seropédica. PLACAS E CARROS O investimento maior dos candidatos tem sido em placas — que poluem visualmente as ruas — e

carros de som, que perturbam a paz dos cidadãos com jingles animadinhos. A fiscalização eleitoral age todos os dias, e já recolheu dezenas de placas e autuou carros. DENUNCISMO A campanha também está sendo marcada por denuncismo, uma prática que tem como objetivo desmoralizar o oponente político. Vídeos, panfletos, boatos e informações mentirosas via e-mail continuam semeando o contraditório e confundindo vários eleitores.

JUDICIÁRIO EM AÇÃO O Judiciário eleitoral nunca trabalhou tanto pode causa da lei 135/2010 ("Ficha Limpa"). Ainda há recursos a serem julgados e muitos candidatos indeferidos e especulação. Há candidaturas ainda sob suspense nas três cidades. Os prazos do calendário eleitoral foram há muito para o espaço. DESORGANIZAÇÃO Vários candidatos, partidos e coligações não organizaram a sua relação com a imprensa. Quem sabe na próxima eleição...

alan miranda

Placas nas ruas de Itaguaí: cidade ficou muito mais poluída com campanha eleitoral

Sessões do Colégio 5 de Julho mudam de lugar „Segundo informações da zona eleitoral de Itaguaí, as seções 11, 12, 13, 14, 315 e 350, que antes se localizavam na Escola 5 de Julho, foram tansferidas para o Colégio Estadual Sandra Roldan Barbosa (Rua Cel. Costa Pereira 27, Centro). Isto porque um dos donos da instituição

é candidato a vereador. O TSE avisa que Para votar nas eleições municipais de 7 de outubro, é obrigatória a apresentação de um documento oficial com foto a fim de comprovar a identidade do eleitor. As eleições municipais de 2012 ocorrerão das 8h às 17h (horário local).

Julgamento candidatura PDT

Andréia entrou em pauta no TRE, saiu, e não foi julgada Jupy Junior jupyjunior@jornalofoco.com.br

A

candidata do PDT à prefeitura de Mangaratiba, Andréia Cristina Marcello Busatto, continua com situação indefinida perante a Justiça eleitoral. O julgamento do recurso 178-

27.2012.6.19.0054 entrou na pauta do Tribunal na terça-feira (11), mas o julgamento ainda não ocorreu. O advogado da candidata, Bruno Calfat, tenta regularizar a candidatura de Andréia, uma vez que o TRE já a indeferiu. O recurso tenta reverter a situação e man-

ter a candidata apta a disputar as eleições. Tal situação é fruto do julgamento realizado no ano passado, em que Andréia foi condenada por uso indevido dos meios de comunicação e abuso de poder político e econômico. A decisão do Tribunal, na ocasião, foi

O julgamento foi marcado para terça (11) e não ocorreu por falta de tempo, mas não foi incluído na pauta da sessão de quinta (13)

punir Andréia com a perda do mandato de deputada estadual e com a inelegibilidade por um período de oito anos. Ainda como consequência daquela decisão, Andréia deixou de ser deputada com a suspensão da liminar que Calfat obteve jun-

to ao TSE, graças ao entendimento do Ministro Gilson Dipp. O julgamento de Andréia no TRE foi adiado na terça por falta de tempo, e não entrou na pauta de quinta-feira (13). O TRE não informou o motivo da ausência do nome de Andréia Busatto na sessão de quinta.


12

poder

14 a 20 de setembro de 2012

Câmara Informa Câmara instala elevador para maior acessibilidade O equipamento está sendo testado e deverá ser entregue nos próximos dias para aumentar o acesso daquelas pessoas com problemas de locomoção  A Câmara já instalou o elevador que irá conduzir pessoas com problemas de locomoção, diretamente para o salão onde fica o plenário. A data para sua entrega ao público deverá ser marcada nesta nos próximos dias, dependendo apenas de uma posição do presidente do Legislativo municipal, vereador Jorge Luís da Silva Rocha, Jorginho Charlinho. Instalado pela empresa Elevadores Alpha, que tem sede em Bonsucesso, no Rio, o equipamento se encontra em fase de testes e ajustes. Na realidade, o equipamento se trata de uma plataforma hidráulica que em nada se difere de um elevador comum. A única coisa é o fato dele ser adaptado para deficientes físicos, com barras instaladas para cadeirantes. A plataforma/elevador tem capacidade para transportar até 350 quilos de peso, efetuando duas paradas apenas, e levou menos de uma semana para estar todo montado e funcionando, graças a atuação rápida dos técnicos Marco Antonio da Silva Vieira, Márcio da Silva e Paulo Cesar Mendonça, chefiados pelo engenheiro José Roberto Carnaval. Por conta de sua instalação, boa parte do hall de entrada de Câmara recebeu melhorias em suas paredes, como nova pintura. O fosso do elevador foi construído em parte do jardim de inverno do prédio, que receberá novo tratamento paisagístico por parte da empresa responsável pela obra. A nova instalação faz parte do processo de aumento da capacidade de acessibilidade, empreendido pelo vereador Jorginho Charlinho, e apoiado por todos os vereadores. Por decisão do presidente do Legislativo, foram criadas rampas de acesso para cadeirantes à recepção e aos gabinetes dos parlamentares, e vagas para carros dirigidos por deficientes físicos.

Homenagem a jovens medalhistas  A sessão ordinária desta terça-feira (28/8), teve o seu ponto de destaque para a homenagem feita aos três jovens atletas medalhistas, a pedido do vereador Toni Coelho. Os vereadores votaram, por unanimidade, o requerimento encaminhado à Mesa Diretora da Casa, para que Lohana Rodrigues (16 anos), Patrick Mendonça de Pinho Dutra (15) e Patrícia Rodrigues Dutra (13 ) recebessem “Moção de Congratulações e Elogios”, pelo trabalho comunitário que eles realizam, dentro do projeto “Unidos por um Sonho”, dando aulas de Karatê para crianças da comunidade da Pedreira, localizada no bairro Ibirapitanga. Patrick tem 68 medalhas em seu currículo, e Lohana e Patrícia, 60 medalhas cada uma, nas formas ouro, prata e bronze. Os três são campeões estaduais e irão representar o município de Itaguaí, no dia 20 de outubro, na Copa Leão de Karatê, que será realizada no Ginásio Gilberto Cardoso, o Maracanãzinho, no Rio. Entre competições oficiais e não oficiais, os jovens já foram agraciados com um total de 50 medalhas. Esse cartel conquistado por Patrick, Lohana e Patrícia lhes possibilitou um convite para participarem do XXV Campeonato Internacional de Karatê (Copa Solintex), que será realizado nos próximos dias 28 e 29 de setembro, na Venezuela. Os jovens esperam receber apoio, na forma de patrocínio para a viagem até Caracas. Eles estarão representando Itaguaí, mais uma vez.

Indicações votadas  Os trabalhos do Legislativo foram abertos, nesta terça-feira, pelo presidente da Casa, vereador Jorge Luís da Silva Rocha, Jorginho Charlinho, com a leitura da ata da sessão anterior e dos expedientes, bem como a Ordem do Dia. Todos os vereadores estavam presentes. Depois, Jorginho foi substituído pelo vice-presidente, vereador Silas Cabral, devido a outro compromisso. Foram votadas as indicações dos vereadores Robertinho, pedindo ao prefeito a construção de calçadão, com área de lazer, ao lado da cancela de Itimirim, em Coroa Grande. O vereador também solicitou obras para colocação de iluminação pública, saneamento básico e asfalto, para a Rua Maria de Fátima Valle Santos, situada no bairro Villar dos Coqueiros. O vereador Vicente Rocha pediu ao prefeito a colocação de lombada, ou quebramolas, na Rua Cuba, no bairro Jardim América.

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

CPI Mangaratiba segundo presidente, controlador do município declarou desconhecer licitação. cpi tenta localizar humberto vaz

CPI tenta convocar ex-secretário de Obras fotos: jupy junior

Vereadores Sidney Marcello e Gustavo Busse procuram por Humberto Vaz na prefeitura: "não trabalha mais aqui" Jupy Junior jupyjunior@jornalofoco.com.br

O

vereador do PSDB José Carlos Simões já apelidou a Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga uma licitação supostamente fraudulenta na Prefeitura de Mangaratiba: "CPI das Notas Frias". Os trabalhos da Comissão seguem firmes, e a disposição do relator Gustavo Busse (PSDB) e do presidente Sidney Marcello Filho (PHS) mantém-se inabalável. Tanto é assim que ambos empreenderam uma diligência em busca do ex-secretário de Obras, Humberto Vaz, nesta quarta-feira (12). O objetivo era entregar uma convocação para depoimento que deverá ocorrer — assim é a vontade dos membros da CPI — na sexta-feira (14). O ex-secretário é mais um dos convocados. convocações A CPI ouviu na própria quarta (12) o Sr. Rodrigo (auxiliar administrativo) e o Sr. Luiz Carlos, Controlador do Município. Segundo o presidente da CPI, vereador Sidinho, o Controlador mostrou-se "estarrecido" com a documentação

e declarou que o processo licitatório suspeito não era do seu conhecimento. Outros dois fatos chamaram a atenção dos membros da CPI. O representante da empresa MC Engenharia não apareceu nem na CPI (foi convocado para depoimento na quarta da semana passada) nem na sede do Ministério Público, em Angra dos Reis. O chefe do almoxarifado da prefeitura, cujo nome era desconhecido, segundo a prefeitura morreu em agosto desse ano, informação desmentida dias depois. Para Sidinho, a prefeitura quer atrapalhar a CPI

com informações desencontradas. Sidinho acrescentou que os funcionários da prefeitura convocados pela CPI só foram ouvidos porque houve intervenção do judiciário, mediante ordenamento da juíza de Mangaratiba, Bianca Paes Noto. DRACO E ex-SECRETÁRIO Sidinho declarou ainda que entregou documentos do MP e da CPI para o delegado da Delagacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), Alexandre Capote. E comparou Mangaratiba a Guapimirim, que sofreu ampla ação do

Draco recentemente, com prisão de várias pessoas envolvidas em desvio de verbas públicas. O presidente e o relator, Gustavo Busse, partiram nesta quarta (12) em diligência para entregar ofício de convocação ao ex-secretário de Obras, Humberto Vaz. Eles foram à Prefeitura (ouviram do chefe do Departamento Pessoal: "ele não trabalha mais aqui") , ao comitê de Capixaba e à casa de Vaz, em Muriqui, sem sucesso. Sidinho e Busse disseram que tentariam entregar o documento a Vaz, e que, se necessário, ele seria conduzido à CPI por força policial.

Portador da Câmara tenta entregar convocação para Vaz: secretário não estava em casa


poder

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

14 a 20 de setembro de 2012

13

Dúvida sobre Obras secretário de transportes de itaguaí, nelson donato, esclarece a o foco sobre as atribuições da secretaria e avisa que há projeto para melhorias no transporte

A quem recorrer: Obras ou Transporte? Alan Miranda alanmiranda@jornalofoco.com.br

N

a edição 149 de O FOCO, o secretário Municipal de Obras, Jack Fernandes, explicou em entrevista que certas obras da cidade são na verdade atribuição da secretaria de Transporte. O responsável pela secretaria, Nelson Donato, recebeu O FOCO em sua sala e explicou que tipos de obras são de sua alçada, além de outras questões solicitadas por moradores do município. PEQUENOS REPAROS Segundo Nelson Donato, a secretaria de obras é responsável pelas grandes obras e a de transporte pelas ações de pequeno porte: “realizamos obras como tapar buracos, retirada de entulho, limpeza de fossa, troca de manilhas, reparo em ralo quebrado, enfim, todos os pequenos reparos, além de cuidar dos meios de transporte em circulação no município” — esclareceu Donato. A parte de urbanis-

mo compete à secretaria de transporte. Isso acontece também porque a maior parte dos equipamentos ficam nesse setor, segundo ele. “Caminhões e outras máquinas, além da empresa de limpeza urbana, a Locanty, são da nossa administração” — disse Donato. TRANSPORTE PÚBLICO No transporte, por exemplo, Nelson admite que ainda há muito por fazer: “Se o transporte público de uma maneira geral fosse de qualidade, todos andaríamos de ônibus” — comentou. Segundo o secretário, há um projeto de 2010 para melhorar o sistema de transporte público no município, mas que ainda precisa de ajustes e ele prefere divulgar quando tudo estiver acertado. ESCLARECIMENTOS Aproveitando a oportunidade, o secretário também esclareceu algumas demandas que munícipes solicitaram. A respeito da obra que acontece na rua Walter Barbosa Coelho (centro), os moradores

alan Miranda

se queixam do buraco que ficou na calçada após uma obra da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) para troca de encanamento. O secretário disse que enviou uma equipe ao local, mas não foi possível fazer o reparo nas calçadas porque a empresa ainda não realizou a troca. “A Cedae deveria fazer o repa-

A secretaria de transporte é responsável pelos pequenos reparos, como tapar buracos; retirar entulhos e fazer a troca de manilhas" ro da calçada e já encaminhei um oficio para que seja notificada” — contou ele. Quanto ao lixo jogado em um terreno da rua São Francisco, Nelson disse que encomendou manutenção no local e que, em caso desse tipo de demanda, o munícipe pode acionar a secretaria pelo telefone 2687-0328.

Secretário de Obras, Nelson Donato recebe O FOCO e explica atribuições do setor

ELEIÇÕES 2012 No comitê eleitoral

Suspeita de bomba assusta petistas em Seropédica Alan Miranda alanmiranda@jornalofoco.com.br

foto cedida por gilberto pessoa/foco popular

N

a manhã de quintafeira (13), um isolamento de segurança e dois carros do 24º BPM em frente ao comitê eleitoral do PT em Seropédica causaram preocupação e curiosidade em quem passava próximo ao local. Um dos policiais que fazia o isolamento, Tenente Almeida, informou que a polícia teria recebido a denúncia de uma bomba no comitê e aguardava o Grupamento Antibombas para entrar no local e apurar a denúncia. "fora pt" A primeira pessoa a chegar no local, que fica pró-

Por volta de 9h a Polícia isolou o local e aguardou chegada do grupamento antibombas

ximo à Igreja Universal do Km 49 — centro, foi o delegado da coligação "Construindo com ordem e progresso" (PT e PSL), David Camilo. Segundo ele, que chegou no local por volta de 8h, após abrir o portão e entrar na casa, viu uma bolsa com um aparelho branco, um celular e um outro dispositivo preto grande de 15cm. "Nessa hora já fiquei nervoso. Saí imediatamente e liguei para o 190" — disse ele. O pacote também levava um bilhete grampeado, que Camilo leu depressa, mas recorda-se do trecho: "Fora PT. Se mexer, bum". Camilo prestou queixa, registrada pelo Sargento Risso na 48ª DP (Seropédica ) e o inspetor Couto acionou a

Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) e a o Grupamento Antibombas. procedimento A CORE e o grupamento chegaram por volta de 11:30h. O Corpo de Bombeiros fechou o acesso da via principal nos dois sentidos e os agentes entraram no local. Após retirarem a suposta bomba, explodiram o objeto. Segundo David, o diretório nacional do PT acionou a Polícia Federal para investigar o caso. "Não sei mais se quero continuar na política" — desabafou ele. Lideranças locais atribuem o fato a uma estratégia do PT para adquirir mais visibilidade na disputa eleitoral.


14 a 20 de setembro de 2012

14esportes

JORNAL O FOCO

redacao@jornalofoco.com.br fale com a redação (21) 2687-0694 www.jornalofoco.com.br

Jogos Universitários Os juv (jogos universitários do vale do paraíba) aconteceram no sábado (8) e no domingo (9). na classificação geral a universidade rural obteve 62 pontos e foi a grande campeã do torneio

Rural campeã nos I Jogos do Vale do Paraíba Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

N

o último final de semana — sexta (7), sábado (8) e domingo (9) — aconteceu a primeira edição dos Jogos Universitários do Vale do Paraíba. Após os três dias de competição, a Universidade Federal Rural do Rio de janeiro (UFRRJ) ficou com o primeiro lugar na classificação geral. Em plena greve docente, os 91 "ruralinos" viajaram mais de 200km até Lorena (SP) para a competição, que reuniu 13 universidades da região e contou com mais de 1 mil atletas. Entre as modalidades disputadas estavam: futsal, voleibol, han-

Sub-17

Falta de médico impossibilita partida Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

N

o sábado (8), começaria a fase final das ligas municipais sub-17 para o time de Itaguaí. O jogo estava marcado para o campo do Monte Serrat, às 15h e, mesmo com tudo pronto para começar o jogo, a partida não aconteceu. O motivo: não havia médicos no local. O árbitro, Rafael Dantas, cumpriu com o determinado e aguardou 30 minutos (até às 15:30h). Com a ausência confirmada, os capitães das equipes foram informados e não houve jogo. Com isso, a partida está sob júdice e a partida de volta está, temporariamente suspensa.

debol, basquete e futebol de campo — todas elas com disputas masculinas e femininas, com exceção do futebol de campo, que foi disputado apenas pelos homens. Classificações Os times da UFRRJ participaram em todas as modalidades e venceram três delas: voleibol masculino, basquete feminino e futsal masculino. Houve também uma medalha de prata com o time feminino de voleibol e uma de bronze com o handebol feminino. O basquete e o handebol masculino obtiveram a quarta colocação. E o futebol de campo — única modalidade que não pontuou, foi o quinto.

nem a greve atrapalhou O torneio aconteceu no meio da greve docente da UFRRJ, que já se estede por mais de três meses. Com isto, a Atlética Central da universidade ficou com alguns horário comprometidos. No entanto, de acordo com Pablo Motta, integrante da equipe masculina e técnico do feminino de vôlei, isto dificultou um pouco os treinamentos, mas não impossibilitou os bons resultados. "Com a greve, tivemos um horário menor do que o de costume para treinar. Além disto, não podemos utilizar a quadra externa, pois as luzes ficam apagadas" — revlou Motta. "Chagamos a utilizar as dependências de

rEPRODUÇÃO INTERNET

A equipe masculina de voleibol da Universidade Rural foi campeã invicta no torneio

Com a greve, tivemos alguns horários reduzidos para treinar. Mas, apesar disso, conseguimos os bons resultados Pablo Motta treinador do time feminino de vôlei sobre os treinamentos para o torneio

uma escola, que fica próximo à universidade" — concluiu. Apesar das dificuldades, a única participante do Rio de Janeiro na competição conquistou 62 pontos e foi a primeira colocada; seguida da Univasp, com 57. O próximo compromisso esportivo da UFRRJ fora do Rio de Janeiro é o Tusca (Taça Universi-

tária de São Carlos) — maior torneio universitário da América Latina — que acontece em novembro. De acordo com Gustavo Moura, presidente da Atlética Central da Rural, a universidade tem boas chances em algumas modalidades, como por exemplo handebol e futebol masculino e voleibol e basquete feminino.

Copa Rio

Mangaratibense vence a primeira Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

N

o jogo dos lanternas, o Grêmio Mangaratibense entrou em campo contra o Angra dos Reis para tentar largar a incô-

moda última colocação do grupo B da Copa Rio. A partida aconteceu no estádio da Praia do Saco e foi decidida no fim. Resultado: 1x0 para o time de Mangaratiba. O jogo era válido pela 4ª

rodada do torneio e, com o resultado, o Mangaratibense ultrapassou o Angra e o Olaria e assumiu a terceira posição do grupo com 3 pontos. O outro time da Costa Verde agora é 5º com 1 e o Olaria — dercaio assis

Com gol no fim, Mangaratibense assumiu a terceira colocação do grupo B do torneio

rotado por 2x0 pelo Madureira — caiu para 4º (também com 1 ponto). Na próxima rodada, o Grêmio vai ao Rio enfrentar o Olaria. Caso vença a partida, o estreante da competição empatará com o Bon-

sucesso no número de pontos (o Bonsucesso não joga na rodada). Se a vitória for com diferença de pelo menos 3 gols, o time da Costa Verde assume a vice-liderança, o que daria a vaga para a próxima fase.


14 a 20 de setembro de 2012

15 cultura & variedades

JORNAL O FOCO

redacao@jornalofoco.com.br fale com a redação (21) 2687-0694 www.jornalofoco.com.br

Literatura Embora seja uma leitora tardia, a jovem juliana alves ferreira é uma escritora precoce. com apenas 19 anos, já escreveu três livros, publicou dois, e já trabalha na quarta obra da carreira

Vida de jovem escritora Caio Assis caioassis@jornalofoco.com.br

S

eu início na literatura foi tardio e curioso: com 14 anos de idade, Juliana Alves Ferreira não suportava leitura e somente aos 15 leu pela primeira vez um livro. Apenas dois anos mais tarde, quando tinha 17, a moradora de Vila Geni mudou de lado: deixou de ser apenas mais uma leitora e passou a escrever. Hoje, a jovem de 19 anos tem três livros escritos (dois deles publicados) e já trabalha no quarto. “Não gostava dos paradidáticos da escola. Eu os achava muito chatos” — confessou. “Sem contar que minha família nunca teve o hábito” – acrescentou a jovem. No entanto, um dia a Juliana resolveu dar uma chance para a leitura. Com o estímulo do presente dado pela mãe (a saga "Crepúsculo") e um pouco de pressão, a carioca do bairro de Magalhães Bastos começou: “como foi um presente caro, minha mãe dizia: ‘você vai ter que ler tudo, pois gastei muito dinheiro com isso’. E aí, gostei” – confessou. A partir daí, não parou. Começou a ler um livro após o outro e criou um blog, onde começou a escrever contos. Depois de várias publi-

cações no site, a jovem decidiu subir de patamar: começou a escrever um livro, chamado “Minhas Lembranças”, que tem a perda como tema, inspiração que tira dos momentos difíceis que viveu aos 13 anos, quando seu pai faleceu. Para sua mãe, a publicação da obra foi, acima de tudo, uma surpresa: “Eu não sabia de nada. Ela escondeu de mim o tempo todo. Só descobri quando o livro chegou” — contou. “Logo depois, me tranquei no quarto e li todo de uma vez. Saí toda orgulhosa e com os olhos enormes de tanto chorar” — revelou. JULIANA resenhista Além de escritora, Juliana também é resenhista. O trabalho é fruto de parcerias da jovem com duas editoras, firmadas por conta do grande número de seguidores de seu blog.

caio assis

Comecei escrevendo contos no meu blog, sem saber direito como fazer, apenas por impulso. Deu certo e hoje já estou no quarto livro “Toda semana recebo um ou dois livros para escrever uma resenha” — contou a jovem que, em sua curta vida literária, declarou já ter lido mais de 140 livros. Para quem não gostava de ler, um salto e tanto. Para o futuro, Juliana sonha em continuar o que já faz: “Acabei de terminar o ensino médio e pretendo tentar vestibular para Psicologia. Acredito que isso me ajudará na construção dos personagens. Quero escrever para o resto de minha vida” — concluiu a jovem escritora.

O Amor dá uma Segunda Chance "Dois anos antes... O céu estava azul, era verão e nada parecia estar errado. Os pássaros cantavam, as flores brilhavam alegres, o vento estava relativamente frio, mas Ailli não sentia nada, seu corpo era uma verdadeira pedra de mármore. O cemitério tinha um gramado verde brilhante, o sol estava lá no pico do céu. Ailli sentia a luz quente sobre os ombros magros, porém, nada parecia fazer sentido naquele cenário perfeito." (Trecho de "O Amor dá uma Segunda Chance")

Teatro Municipal de Itaguaí

reprodução internet

Setembro com música clássica, comédia e fé Alan Miranda alanmiranda@jornalofoco.com.br

O

Pianista Itajara Dias fará uma apresentação no dia 30

Em sua estante com mais de 180 exemplares, dois têm um lugar especial para Juliana

Teatro Municipal de Itaguaí divulgou a sua programação para o mês de setembro. No dia 17 haverá uma noite de louvor promovida pela Igreja Adventista, às 19h e a entrada custa 1Kg de alimento não-perecível. No dia 23, às 19h, haverá exibição da peça "Paulo Estevão" — um montagem

espírita baseada na obra de Chico Xavier. Uma peça que retorna ao Teatro após boa recep-

Programação do Teatro inclui reapresentação da comédia "Se eu contar ninguém acredita" e concerto de piano com Itajara Dias

tividade no município é a comédia "Se eu contar ninguém acredita", do grupo Cia da Comédia Carioca. A peça, que aborda com muito humor situações comuns do cotidiano, passou pela cidade no mês de maio e retorna aos palcos de Itaguaí no dia 27, às 20h, classificação 14 anos. Para encerrar a programação do mês, Itaguaí vai receber, no dia 30, às 18h, um Concerto do pianista

Itajara Dias — 1° pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O músico acaba de retornar de uma turnê pela Europa, onde se apresentou na "Ópera Garnier", em Paris. No repertório do pianista, algumas canções como Luzes, Vinicius, Destino, Meu Perdão, Expectro, Tema da Saudade, Vênus, Girassóis, Renúncia e Eternity provavelmente farão parte do repertório.


16

14 a 20 de setembro de 2012

cultura & variedades

JORNAL O FOCO

fale com a redação (21) 2687-0694

Atrações variadas a casa de cultura de itaguaí divulgou sua programação cultural do mês de setembro. a principal atração é o expresso break, grupo de dança de rua, que apresentará o projeto "música no chafariz"

Tempo de cultura em Itaguaí Caio Assis e Alan Miranda redacao@jornalofoco.com.br

N

a última semana, a Casa de Cultura de Itaguaí divulgou sua agenda cultural para o mês de setembro. Dentre as atrações, estão exposições de fotografias, concurso de desenho, apresentação de grupo de dança, dentre outros projetos. No dia 3, começou a ex-

posição de fotografias em homenagem ao Dia do Repórter Fotográfico (que é comemorado no dia 02 de setembro). As fotografias ficarão expostas na Casa de Cultura até terça-feira (18) das 9h às 16:30h. Na sexta-feira (21), às 18h, acontece o VIII Concurso de Desenhos de Humor (com o projeto "Arte do Humor"). O evento distribuirá prêmios para os

Dia do Repórter Fotográfico

participantes em três categorias: charge, caricatura e cartum. A premiação dos vencedores será no mesmo dia, às 18:30h. música no chafariz No mesmo dia, acontecerá também a principal atração do mês: o projeto da Casa de Cultura "Música no Chafariz". Haverá uma apresentação do grupo de dança de rua "Ex-

alan miranda

Como atração principal do mês de setembro, a Casa de Cultura de Itaguaí apresentará o grupo de dança "Expresso Break" presso Break", às 19h, no Chafariz Municipal, próximo ao prédio da prefei-

m virtude do dia do repórter fotográfico, a Casa de Cultura de Itaguaí realizou a exposição "Foco Real". Como fotos de Luiz Eduardo Klein, Patrícia Bragança e Rose Gorito, o espaço exibiu cerca de 20 fotografias que tentam registrar o

CNPJ: 16.242.329/0001-07

Valor: R$ 360,00

Valor: R$ 120,00

Na edição anterior, na matéria "Perseguição ao grupo de orações", na página 7, o nome do Padre José Eduardo foi escrito incorretamente. No lugar de "Padre José Martins" leia-se "Padre José Eduardo Lima".

CNPJ: 16.132.824/0001-55

ERRATA O FOCO

últimas atividades do mês No dia seguinte — sábado (22) — haverá conscientização sobre a importância das árvores no planeta, na Biblioteca Comunitária Profª Nair Marinho de Melo Santos, em comemoração ao Dia da Árvore.

No dia 26, o Centro de Memória receberá um antigo morador da cidade (ainda a decidir) para uma entrevista. O depoimento fará parte do projeto "Memória Viva de Itaguaí". Para encerrar o mês, a praça do bairro de Vila Geni — em Coroa Grande — receberá o projeto "Sua Praça com Leitura". O evento começará às 10h e se estenderá até às 15h.

Exposição "Foco Real" em Itaguaí

E

Na imagem, um quadro comum do país: a exclusão de pessoas, que vivem nas ruas

tura. O grupo, já conhecido na cidade, é comandado pelo produtor e educador cultural, Rafael Otoni.

cotidiano e capturar, através das lentes, o acontecimento no instante em que acontece. exclusão social Dentre as situações retratadas, L'Eduardo Klein (nome artístico de Luiz Eduardo) optou pelo tema

da exclusão social e captou momentos de abandono e da dura realidade dos moradores de rua. A composição de algumas fotos também chama a atenção, como a de um cachorro que aparentemente lê uma oferta de supermercado.

JORNAL O FOCO ED. 151 | NOTÍCIA COM NITIDEZ  

Notícias sobre o cotidiano dos municípios de Itaguaí, Mangaratiba e Seropédica. Informação sobre política e os bastidores do poder. Cultura,...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you