Issuu on Google+

8

Esportes

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

divulgação

São João da Barra/RJ | quinta-feira, 12 de setembro de 2013 | Ano 01 | Número 93 | www.odiariodecampos.com.br/saojoaodabarra |

A-PDF Merger DEMO : Purchase from www.A-PDF.com to remove the watermark

Goyta ganha 11 dias para trabalhar

Com 100% de aproveitamento, alvianil intensifica a preparação para a sequência da Copa Rio

Com 100% de aproveitamento na Copa Rio, o Goytacaz ganhou um tempo precioso para melhor se preparar para a sequência da competição. Depois da vitória sobre o Olaria, no último sábado, o Alvianil terá 11 dias de intervalo até a partida contra o Boavista. O time de Campos folgou na terceira rodada, realizada no meio desta semana, e foi beneficiado também com o adiamento da rodada do Grupo A que aconteceria neste final de semana. O período sem jogos será útil para o técnico Júlio Marinho treinar e dar mais entrosamento ao time, e para o preparador Fábio Rangel aprimorar a forma física dos jogadores que se reapresentaram apenas duas semanas antes da estreia. “Esse intervalo entre os jogos será bastante proveitoso. Vencemos as duas primeiras partidas, mas ainda estamos sem ritmo de jogo e alguns jogadores ainda não estão nas melhores condições físicas. Vamos intensificar a preparação para darmos continuidade na competição”, co-

São João da Barra

phillipe moacyr

scolari com poucas dúvidas para escalação do time da copa • esportes P•8 carlos emir

VEREADOR QUESTIONA ‘PASSEIO’ DE BELTRAME EM S.J. DA BARRA

rua do gás Técnico Julio Marinho aproveita período sem jogos para aprimorar a parte técnica e física dos jogadores

mentou o comandante alvianil, avaliando como “bom” os dois jogos que o time disputou na atual Copa Rio. Grupo A - No fechamento da

terceira rodada, o Boavista venceu o Olaria por 3 a 1, fora de casa, na tarde de ontem, manteve os 100% de aproveitamento e lidera a chave, seguido pelo

Goytacaz, que tem seis pontos e um jogo a menos. O Barra da Tijuca tem três pontos, enquanto Macaé e Olaria ainda não pontuaram.

Poucas dúvidas para definir time titular da Copa mowa sports

técnico Felipe Scolari afirma que fecha lista até o fim do ano

A oito meses da divulgação dos 23 jogadores que disputarão a Copa do Mundo no Brasil, o técnico Luiz Felipe Scolari não esconde já ter definidos quase todos os nomes que estarão na lista. Pelas contas do treinador, se nenhum imprevisto ocorrer, pelo menos 18 jogadores já estão garantidos. Até o momento apenas Júlio César teve a

confirmação de que disputará mais uma Copa do Mundo. Na véspera da vitória sobre Portugal, por 3 a 1, nos Estados Unidos, Felipão antecipou a convocação do goleiro. As dúvidas do treinador são: o terceiro goleiro, os laterais reservas, mais um zagueiro e mais um atacante. Pelo que deixou escapar durante o perío-

do dos amistosos contra Austrália, no sábado, e Portugal, ontem, Felipão tem apenas cinco vagas para serem preenchidas. “Faltam quatro jogos neste ano ainda. Então, ainda não confirmei totalmente quem está dentro. Detalhes podem fazer eu mudar pensamento de um ou outro jogador. Vou avaliar o que for melhor para a Seleção”, declarou.

Frank Areas alerta para aumento da criminalidade por causa das obras do porto e se diz preocupado com descaso do Estado quanto a segurança pública, sem projeto destinado à cidade • geral P•5 Durante evento com dilma

supermercados e postos

sjb entre municípios presentes

goyta: 100% de aproveitamento

Cabral volta a ser Cigarro: lei pode Eleição do Comite Vitória garante vaiado pelo povo restringir locais do Baixo Paraíba 11 dias de treinos • política P•3

• geral P•4

• geral P•5

• esportes P•8


u

A

g

e

M

X

d

A

d

Z

p

c

F

J

F

p

V

c

K

K

e

p

R

M

R

F

L

W

c

F

K

I

g

g

e

Z

B

I

B

Y

A

W W

B

R

F

X

K

d

p

B

B

q

O

N

Y

Y

q

e

p

I

R

R

J

B

Z

R

S

t

d

S

V

d

A

W

B

c

B

Z

e

L

B

J

B

Y

q

F

c

c

M

h

q

J

J

p

d

A

W

A

Z

I

p

t

S

g

O

O

R

t

c

K

A

O

R

A

c

q

t

O

J

t

p

R

t

L

V

W

p

R

e

F

O

t

I

J

p

u

q

J

e

I

W

S

V

d

K

K

h

K

q

S

R

Z

t

h

O

N

A

c

A

t

e

A

N

g

L

V

Z

R

g

Y

d

d A

X

A

t

R

B

g

Y

L

t

A

c

g

p

K

q

Y

K

X

W

t

J

c

A

A

t

I

N

g

A

A

t

B

W

M

c

L

g

N

X

t

J

B

u

W

B

p

t

V

q

L

J

I

Y

R

K

A

N

S

e

Z

I

A

R

Y

A

c

R

L

p

q

L

K

N

X

p

c

t

Z

R

R

g

J

B

u

J

Y

A

B

R

O

M

e

L

I

A

S

t

d

L

V

W

X

R

W

F

F

J

g

N

d

g

J

e

q

d

g

A

p

X

A

O

S

O

t

S

u

B

R

A

Z

M 40

J U P A Z E I R O

O

R

S A V U H C

C

S

A

E

R

D

B

E

I

R I

S

O T R E S E D

um lindo quebra-cabeça grátis!

S E M I A R I D O

F A

G

E

M

Nas baNcas e livrarias

Solução

C A C T O S

Para ler, lembrar, amar e guardar!

A R O E I R A

Érico hostiliza Verônica e Salma fica perplexa. Sandrona não perdoa Vitinho. Amora mente para não sair com o marido. Lucindo percebe a farsa de

S

R

sangue bom l GLOBO l 19H

I

A

Donato dispensa os serviços de Castro, chegando à conclusão de que foi enganado por ele. Bibiana e Donato pedem ajuda a Ester, que indica Dr. Muniz como advogado para defesa de Hélio. Taís recebe convite para desfilar em Paris. Natália sente as contrações do parto, e Juliano a leva para a maternidade. Paçoquinha declara seu amor por Marinalva e a beija. Juliano fica esfuziante ao ver a filha nascer. Muniz consegue o habeas corpus para Hélio, que vai para a casa dos pais. Rodrigo e Amaralina viajam sem revelar seu destino. Guiomar visita Alberto na clínica psiquiátrica e se comove ao ver o estado do filho.

Energia motivadora e criativa que pode ser utilizado nas atividades profissionais e do dia-a-dia. Cuidados com a saúde estão estimulados. Exercícios físicos e mais dinamismo são necessários.

A

I

FLOR DO CARIBE l GLOBO l 18H

Peixes

(20/2 a 20/3)

L

p

G

Resumo das Novelas

Marte inicia um novo movimento, dinamizando os relacionamentos e parcerias aquarianas. Cuidado com confrontos devido ao orgulho, ao ego. A Lua minguante indica que você deve refletir sobre o seu comportamento afetivo, aquariano.

W

Z

Perceber a origem inconsciente e psicológica de suas atitudes é o desafio virginiano. Marte passa a atuar no signo anterior. Muitas coisas a serem fechadas, concluídas. Lua minguante na área profissional, indicando que pode haver finalizações e correções na carreira.

(21/1 a 19/2)

Apesar da seca, a FAUNA é rica na região, podendo até ser encontrados veado-catingueiro, preá, GAMBÁ, sapocururu, cutia, tatu-peba, asa-branca e ararinha-azul.

I

t

N

Virgem

(23/8 a 22/9)

Aquário

N

O

I

O planeta da ação, da motivação, da energia física e sexual, Marte, passa a atuar em seu signo. Energia aguerrida e que se motiva a novas conquistas e atitudes. Mas cuidado com o egocentrismo.

A fase lunar minguante pede atenção à necessidade de aprimoramento no trabalho e na saúde. Questões relacionadas a negócios, à sexualidade, às emoções e ao poder estão em pauta.

g

e

E

(21/7 a 22/8)

(22/12 a 20/1)

A flora é composta de ARBUSTOS retorcidos e com RAÍZES profundas, como a AROEIRA, o angico e o JUAZEIRO. CACTOS, como o MANDACARU, que é um alimento para o gado no período da seca, e o xiquexique, além de BROMéLIAS, como o CAROÁ, cuja FIBRA é utilizada na confecção de REDES, bolsas e cintos, compõem a PAISAGEM.

p

X

T

odiariosjb@gmail.com

Leão

Capricórnio

É uma região onde as CHUVAS são raras e o solo, seco. Em algumas áreas da CAATINGA, já são encontrados trechos de DESERTO.

p

S

S

Fale conosco: odiariosjb@gmail.com

Fase lunar minguante, um momento que pede interiorização aos cancerianos. Muitos insights. Questões financeiras em importante momento de decisões e resoluções.

(21/11 a 21/12)

Lua minguante no setor de relacionamentos sagitarianos. O que precisa minguar nas relações? Que tipo de atitude e de padrões já não encontram mais sentido em seus relacionamentos?

d

N

A

www.odiariodecampos.com/ saojoaodabarra

Mande sugestão, crítica ou denúncia para o endereço:

(21/6 a 20/7)

Sagitário

A caatinga é a vegetação típica do SEMIÁRIDO nordestino, podendo também ser encontrada no norte de Minas Gerais e no sul do Maranhão e do Piauí.

Z

g

G C A M B A

J. Capella – Av. Rio Branco, 173 Centro - Rio de Janeiro – RJ Tel: (21) 2262-8116

• Carla Flávia R. Barreto

Câncer

O movimento de Marte pelo setor profissional dos escorpianos indica iniciativas na carreira. Energia para realizações. Cuidado com confrontos com chefias. Luta pelos seus objetivos.

I

u

U R A C A D N A M

Editora

A Lua minguante ocorre em seu signo, indicando que os próximos dias devem ser de reflexão e de observação. A Lua minguante favorece processos depurativos e a correção de atitudes.

(23/10 a 21/11)

J

I

S

Representantes no Rio e São Paulo:

• Hélio Cordeiro

O Diário agora é seu canal de comunicação em São João da Barra.

(21/5 a 20/6)

Escorpião

J

A

CNPJ 04.853.257/0002-28

Rua Carlos de Lacerda, 13 – Centro Campos dos Goytacazes – RJ Tel: (22) 3054-4200

Diretor de Jornalismo

Gêmeos

Caatinga

R

PH Gomes Editora Ltda.

• Depto. Comercial/ Assinaturas (22) 3054-4200

Os assuntos que envolvem lar, família e imóveis ganham uma energia mais assertiva. O novo movimento de Marte indica motivação para lutar pelo que lhe trará mais centramento.

© Revistas COQUETEL 2013

Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque no texto.

A N U A F

São João da Barra

nasceu de pedido de vista individual do senador Eduardo Lopes (PRB-RJ), em manobra para esperar votação na Câmara dos Deputados da PEC 86/2007, já aprovada no Senado e menos abrangente, por prever voto aberto apenas em cassação de mandato. Segundo Lopes, há um entendimento na Câmara dos Deputados para que a votação da matéria ocorra na próxima semana.

(21/4 a 20/5)

Situações que envolvem amigos, equipes, projetos institucionais estão em foco atualmente. Seu olhar se volta a novas possibilidades de ação criativa e de liderança, construindo o seu futuro. Pode haver o acirramento de conflitos.

www.coquetel.com.br

I

Um pedido de vista coletiva apresentado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado adiou ontem (11) a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 43/2013, já aprovada na Câmara, que acaba com todas as votações secretas no Congresso Nacional. O mesmo texto foi defendido pelo relator no Senado, Sérgio Souza (PMDB-PR), que criticou o adiamento. O adiamento

Touro

CAÇA-PALAVRAS

(23/9 a 22/10)

B

Senado adia votação da PEC do voto secreto

Marte, o planeta regente ariano, passa a atuar em Leão, enfatizando amor, filhos e criatividade. Ímpeto mais caloroso, generoso. Mas cuidado com autoritarismo e atitudes centralizadoras.

Libra

L

O Supremo Tribunal Federal (STF) encerrou a sessão de ontem (11) com placar de 4 votos a 2 a favor da possiblidade de um novo julgamento, por meio do recurso conhecido como embargo infringente, para 12 réus condenados na Ação Penal 470, o processo do mensalão. A sessão foi interrompida após o voto do ministro Dias Toffoli (foto), que foi favorável à validade do recurso. Faltam os votos de cinco ministros. A análise dos recursos continua nesta quinta (12). Toffoli entendeu que a Lei 8.038/1990, que estabeleceu as ações

cabíveis nos tribunais superiores, confirmou a validade do Artigo 333 do regimento interno do STF, que prevê a possibilidade dos embargos infringentes. “A Lei 8.038 confirmou o regimento interno como meio normativo processual para a realização do julgamento e o seu prosseguimento”, disse. Na sessão de hoje, além de Toffoli, os ministros Luís Roberto Barroso, Teori Zavascki e Rosa Weber votaram a favor dos recursos. Somente os ministros Joaquim Barbosa e Luiz Fux votaram contra os embargos infringentes. Nesta fase do julgamento, os ministros analisam se os embargos infringentes são cabíveis. Embora esse tipo de recurso esteja previsto no Regimento Interno do STF, uma lei editada em 1990 sobre o funcionamento de tribunais superiores não faz menção ao uso da ferramenta na área penal. Se for aceito, o embargo infringente pode permitir novo julgamento quando há pelo menos quatro votos pela absolvição. A situação atende a pelo menos 12 réus: João Paulo Cunha, João Cláudio Genu e Breno Fischberg (no crime de lavagem de dinheiro); José Dirceu, José Genoino, Delúbio Soares, Marcos Valério, Kátia Rabello, Ramon Hollerbach, Cristiano Paz e José Salgado (no de formação de quadrilha); e Simone Vasconcelos (revisão das penas de lavagem de dinheiro e evasão de divisas).

(21/3 a 20/4)

U

divulgação

Áries

E

Possibilidade de novo julgamento pelo STF

145ª. Delegacia Legal/SJB (22) 2741-1314 Câmara Municipal (22) 2741-1301 Prefeitura Municipal (22) 2741-7878 Pronto Socorro (22) 2741-1818 Santa Casa (22) 2741-1272 CEDAE (22) 2741-1056/2741-1401 Correios (22) 2741-1244 Retiro São João Batista (22) 2741-1401 Secretaria Municipal de Saúde (22) 2741-4175 Posto de Urgência (PU) Barcelos (22) 2741-5432 Posto de Urgência (PU) Mato Escuro (22) 2721-1038 PU – SJ da Barra (22) 2720-4055 Unidade M. de Saúde – Açu (22) 9946-6817 Unidade M. de Saúde – Cajueiro (22) 2741-5750 Unidade M. de Saúde - Atafona (22) 2741-2718 Unidade M. de Saúde – Grussaí (22) 2741-3504 Unidade M. de Saúde – Sabonete (22) 2721-1057 Fórum Municipal (22) 2741-1644 Disque Entulho (22) 2741-1511 Meio Ambiente (22) 2741-7878 R: 322 Guarda Civil Municipal 153 Defesa Civil Municipal 199 Corpo de Bombeiros 192 Polícia Militar 190

S

Colunão

T

Fazê-lo acolher a condição humana: Normalmente o paciente se interroga perplexo: “por que isso foi acontecer comigo, exatamente agora que tudo na vida estava dando certo? Por que, jovem ainda, sou acometido de grave doença?”Tais questonamentos remetem a uma reflexão humilde sobre a condition humaine que é, em todo o momento, exposta a riscos e a vulnerabilidades inesperadas. Quem é sadio sempre pode ficar doente. E toda doença remete à saúde, que é o valor de referência maior. Mas não conseguimos saltar por cima de nossa sombra e não há como não acolher a vida assim como é: sadia e enferma, bem sucedida e fragilizada, ardendo por vida e tendo que aceitar eventuais doenças e, no limite, a própria morte. É nestes momentos que os pacientes fazem profundas revisões de vida. Não se contentam apenas com as explicações científicas (sempre necessárias), dadas pelo corpo médico mas anseiam por um sentido que surge a partir de um diálogo profundo com seu self ou da palavra sábia de um parente, de um sacerdote, de um pastor ou de uma pessoa espiritual. Resgatam, então, valores cotidianos que antes sequer percebiam, redefinem seu desenho de vida e amadurecem. E acabam tendo paz. Acompanhá-lo na grande travesia: Há um momento inevitável que todos, mesmo a pessoa mais idosa do mundo, devem morrer. É a lei da vida, sujeita à morte: uma travessia decisiva. Ela deve ser preparada por toda uma vida que se guiou por valores morais generosos, responsáveis e benfazejos. Mas, para a grande maioria, a morte é sofrida como um assalto e um sequestro, gerando sentimento de impotência. E então dá-se conta de que, finalmente, deve se entregar. A presença discreta, respeitosa da enfermeira ou do enfermeiro ou do parente próximo ou da amiga, pegando-lhe a mão, sussurrando-lhe palavras de conforto e de coragem, convidando-o a ir ao encontro da Luz e ao seio de Deus, que é Pai e Mãe de bondade, podem fazer com que o moribundo saia da vida sereno e agradecido pela existência que viveu. Sussurrar-lhe ao ouvido, se possui uma referência religiosa, as palavras tão consoladoras de São João: Se teu coração te acusa, saibas que Deus é maior que teu coração (3,20). Pode entregar-se tranquilamente a Deus, cujo coração é de puro amor e de misericórdia. Morrer é cair nos braços de Deus. Aqui o cuidado se revela muito mais como arte que como técnica e supõe no agente de saúde densidade de vida, sentido espiritual e um olhar que vai para além da morte. Atingir este estágio é uma missão a que o enfermeiro e enfermeira e também os médicos e médicas devem buscar para serem plenamente servidores da vida. Para todos valem as sábias palavras: “A tragédia da vida não é a morte, mas aquilo que deixamos morrer dentro de nós enquanto vivemos”.

Passatempo

HORÓSCOPO

M

Teólogo, filósofo e escritor.

TELEFONES ÚTEIS SÃO JOÃO DA BARRA

7

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

O

Leonardo Boff

Entretenimento

O

A arte de cuidar dos enfermos - Final

Opinião

S

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

B R

2

rede globo

Damáris e fica revoltado. Bárbara leva Mari para ficar no lugar de Sandrona no seriado. Natan apresenta uma campanha para Nelson. Nelson se enfurece com Natan e Júlia pede demissão. Giane ajuda Fabinho a andar. Bento passeia sozinho por Santiago. Brenda não aceita que Xande seja garçom no Cantaí. Malu conta para Maurício que o bazar de Amora foi forjado. Bento não encontra Amora em seu quarto. Salma e Gilson estranham o comportamento de Érico. Caio exige que Fabinho se afaste de Giane. Érico ignora Verônica e pede para Renata ficar com ele.

amor à vida l GLOBO l 21h César exige que Félix confirme a Pilar que roubou o hospital. Wagner pede para Edith ficar com ele. Valdirene é ironizada por Carlito, Raquel, Ivan e Inaiá e fica arrasada. Félix confessa por que superfaturou os contratos do hospital. Paloma acorda e fica decepcionada ao saber o que sua família fez com ela.

Perséfone expulsa Patrícia e Michel de seu apartamento. Amarilys diz para Eron não se expor no hospital. Niko pede para a dermatologista ajudá-lo a organizar uma

festa surpresa para Eron. César ameaça denunciar Félix à polícia, se Pilar impedir o filho de sair de casa. Edith se declara para Félix.


6

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Geral/Polícia

Política

| São João da Barra | quinta-feira, 11 de setembro de 2013

3

Curso de cuidadores de idosos em SJB

Cabral volta a ser alvo de vaias no rio

Especialização está sendo oferecida pela secretaria de Saúde através do Programa Saúde do Idoso

Governador não respeitou presença de Dilma e ironizou: “prefeito tem que treinar melhor sua turma”

Tem início no próximo sábado (14), o 1º Curso de Formação de Cuidadores Informais de Idosos de São João da Barra (SJB). A especialização é promovida pela prefeitura através da secretaria de Saúde e o curso faz parte do Programa Saúde do Idoso (PSI), com aulas durante três meses - de 15 em 15 dias. Nos dois primeiros meses da qualificação, as aulas serão teóricas e no último, os alunos realizarão a parte prática no Retiro São João Batista, no Centro de Emergência Pedro Otávio Enes Barreto, ambos na sede do município e no Hospital Henrique Roxo, em Campos. Segundo a coordenadora do programa, a geriatra Shirley da Silva Barreto de Lao, o curso vai capacitar os cuidadores a atuar em casas de repouso, clubes da terceira idade, acompanhamento domiciliar e/ou Home Care. “Até agora temos 54 inscritos para a primeira turma e outras 14 pessoas aguardando uma nova turma. Ao final do curso, daremos um certificado para os que tiverem aptos a cuidar de idosos. É uma ação muito importante e que tenho certeza que veio para ficar, tamanha adesão do público”. As aulas teóricas serão realizadas no Grupo da Terceira Idade Maria Júlio Aquino.

divulgação

curso terá início no próximo sábado, com duração de 3 meses, com aulas teóricas e práticas pelo Programa Saúde do Idoso

Neste sábado, a partir das 8h30, será feito o credenciamento e em seguida a palavra de saudação. Está marcada para as 10h10 a palestra de abertura, com a clínica médica, endocrinologista e psiquiatra Dra. Eliane Casarsa. O tema é “Dificuldade na memória: Como enfrenta-la? Doenças neurovegetativas”. Às 10h10, o Conselho Municipal do Idoso vai se apresentar para

o público presente e às 10h20, o advogado Fidélis Estefan vai realizar uma palestra sobre o Estatuto do Idoso. Logo após, uma mesa redonda vai discutir a violência contra o idoso e a notificação da violência.

Vinícius Teixeira vai palestra sobre “Cuidados com a boca: doenças da boca, cárie dental, sangramentos das gengivas e feridas da boca”. A alimentação saudável também vai ser tema de uma palestra com o nutricionista do Programa AlimenNa parte da tarde, a partir tar Domiciliar, Dr. Mario Sasadas 13h30, o coordenador do ki, a partir das 15h. O primeiro Programa de Educação Bu- dia de curso se encerra com a cal de São João da Barra, Dr. discussão dos casos, às 16h.

A presidenta Dilma Rousseff assinou, na manhã de ontem (11), em solenidade no município de São Gonçalo, contrato de financiamento com o governo do Estado do Rio para a implantação da Linha 3 do metrô. E, mais uma vez, o governador Sérgio Cabral, que participou do evento, foi alvo de vaias durante seu discurso, e rebateu: “Apesar de o prefeito de São Gonçalo estar organizando protestos contra o governo do Estado, estamos investindo aqui”, disse, referindo-se a Neilton Mulim. Em determinado momento de seu discurso, quando Cabral citou a exprefeita Aparecida Panisset referindose ao início do projeto da construção da linha 3, novamente foi intensamente vaiado. O ex-secretário de Obras de São Gonçalo e atual deputado estadual, Márcio Panisset (PDT-RJ), também foi intensamente vaiado. “Neilton, você tem que treinar sua turma para ser mais educada”, ironizou Cabral, mais uma vez se referindo ao atual prefeito. Por sua vez, a presidenta Dilma reforçou em seu discurso a importância da parceria entre os governos federal, do estado e prefeituras. “Na hora de governar, tem que haver cooperação. O governo governa, não disputa. Independentemente de partido, há o interesse da população”, destacou. A solenidade aconteceu no dia seguinte à aprovação na Alerj de projeto de lei que veta o uso de máscaras em manifestações. Um grupo com cerca de 10 integrantes ocupou a frente do Clube Mauá, em São Gonçalo, onde aconteceu o evento, com faixas de protesto: “O povo tem que continuar usando máscaras. Quem tem que tirar são os corruptos”. Um dos manifestantes, vestido de gorila, usou um megafone para gritar palavras de ordem. O governador Sérgio Cabral ressaltou em seu discurso a importância dos investimentos em São Gonçalo, que segundo ele representou 70% total dos votos do estado em favor da sua administração, somente no primeiro turno das últimas eleições. Cabral, em meio às vaias, enumerou os feitos da sua gestão direcionadas para a região, entre eles as cifras de milhões investidos em um Posto do Poupa Tempo, mais um bilhão em rede de água e esgoto e o Programa Renda Melhor, que atende a mais de 30 mil famílias do município.

fotos: douglas Shineidr

vaiado Cabral colocou a culpa no prefeito e disse, ao lado de Dilma que, apesar de tudo, o governo está investindo no município

cabral deixa evento ouvindo: ‘união, união tira Cabral e Pezão’ Ao citar a antiga parceria do governo estadual com a ex-prefeita Aparecida Panisset (PDT), que trouxe melhorias para São Gonçalo, Cabral foi novamente vaiado e deixou o palanque aos gritos dos manifestantes: “União, União, tira o Cabral e o Pezão”. Durante o evento, Dilma destacou ainda do programa Mais Médicos, enfati-

zando a importância de levar profissionais de saúde aos locais mais carentes. “Em Ipanema e Leblon não faltam médicos, mas sabemos que aqui falta”, disse. Ela destacou que criou o programa porque ouviu a demanda da população. Em discurso, Dilma disse que é obrigação de um governo conhecer as necessidades do povo.

irônico Cabral sequer prestou atenção nos eventos paralelos, preocupado com vaias

“O governo não pode ser surdo. Um governo tem de ouvir muito. E, além de ouvir, sabemos que o Brasil tem um problema sério na área da saúde. Por isso, nós fizemos o Mais Médicos”, disse a presidenta. Ela foi aplaudida ao final do seu discurso, e deixou o palanque ao som de “Olê, olê, olá, Dilma, Dilma.” Mais melhorias - Dilma abriu o seu discurso enfocando os avanços do governo federal, como a diminuição do desequilíbrio social e os índices de desemprego, que segundo ela são passos importantes. “Mas precisamos avançar ainda mais, em direção a tudo que podemos ser”, completou. Dilma elogiou o capacidade que os governos estaduais têm de atuar em parceria com as suas prefeituras e em sintonia com o governo federal. “No Rio, a parceria foi vitoriosa e mudou a vida da população. O trabalho combinado faz as coisas acontecerem e é o que o governo federal está fazendo, é o que estamos fazendo aqui, estamos compartilhando com os governadores e prefeitos, porque governo coopera e não disputa, como pode naturalmente acontecer durante um período eleitoral. Eu sou presidente de todos”, disse Dilma.


4

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Geral

Geral

| São João da Barra | quinta-feira, 12 de setembro de 2013

5

restrição no comércio de cigarro

‘passeio’ de beltrame questionado

Projeto de lei pode impedir venda do produto em supermercado e posto de combustíveis

Vereador Frank alerta para aumento da criminalidade e critica visita do secretário de Segurança

divulgação

Da redação, com Agência Brasil

Projeto de lei do senador Paulo Davim (PV-RN), aprovado ontem pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, proíbe a venda de produtos de tabaco em posto de combustíveis, estabelecimentos de venda ou consumo de alimento, supermercado, loja de conveniência e banca de jornal. O assunto tem de um lado a pressão da indústria que questiona a medida e os impactos econômicos da restrição inclusive sobre a arrecadação do governo e, de outro, um grupo de parlamentares que alertam para os riscos do produto para a saúde. Momentos antes da aprovação, o autor do projeto disse que a decisão reflete interesse de saúde pública. “O mundo inteiro vê que quanto mais obstáculo forem criados entre o usuário e o produto, menor será a adesão e o surgimento de usuários de cigarro”. Segundo Davim, mais de 100 mil pessoas morrem anualmente no país por doenças relacionadas aos produtos tabagistas. “O cigarro corresponde a uma guerra civil no tocante ao número de vítimas que faz”, alertou.

cigarros são vendidos até em loja de conveniência, o que também deverá ser proibido por projeto que tramita no Senado Davim ainda comparou estatísticas, destacando que os casos de homicídios no Brasil matam 42 mil pessoas e que os acidentes de trânsito fazem 35 mil vítimas por ano. O projeto ainda vai ser analisado na

Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), onde Davim pretende reforçar a posição em resposta aos temores do setor produtivo. De acordo com o parlamentar, a arrecadação do país com os im-

postos recolhidos sobre a venda do produto não cobrem um terço dos investimentos em saúde que o governo precisa fazer para tratar pessoas afetadas por doenças relacionadas ao tabagismo.

Royalties vão ser priorizados para professor e o ensino infantil Educação infantil e a melhoria do salário dos professores estão entre as prioridades para a aplicação dos recursos dos royalties do petróleo, disse ontem o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Ele acentuou que o impacto dos recursos na educação ocorrerá a médio prazo. “O grande salto dos royalties vai começar a acontecer daqui a quatro, cinco anos com a produção do Campo de Libra”. “Em sete, dez anos, teremos volumes expressivos de aporte de recursos na educação”, disse em entrevista ao Bom Dia, Ministro, programa de rádio produzido pela Secretaria de Comuni-

cação Social da Presidência da República, em parceria com a EBC Serviços. Na segunda-feira (9), a presidenta Dilma Rousseff sancionou a lei que destina 75% dos royalties do petróleo à educação e 25% à saúde. “Nesse início, os recursos não serão tão significativos, mas, ainda assim, nossa prioridade será aumentar os recursos do Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação] e melhorar o repasse para ajudar as prefeituras e estados a darem mais importância à formação dos professores e a melhorar salários”, resumiu Mercadante. (ABr).

divulgação

meta é valorizar profissionais e garantir ensino de qualidade na educação infantil

O discurso do secretário estadual de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, na visita no estilo “passeio” que fez anteontem a São João da Barra, não correspondeu às expectativas da população do município, que atravessa um momento bastante delicado em razão do aumento da criminalidade em razão das atividades do complexo do Açu. As observações são do vereador Frank Areas (PR), que demonstrou preocupação com o agravamento do problema da segurança na região do entorno do porto do Açu. “Nosso município vive uma situação muito delicada com a instalação do porto, que já chegou perto de 5 mil trabalhadores e que hoje creio que ali ainda estejam atuando cerca de 3 mil pessoas. Mas trouxe também problemas como o tráfico de drogas, que aumentou bastante na região do quinto distrito. Foi um discurso vazio e sem perspectiva A população esperava algo mais concreto e objetivo. Ele não disse a que veio, o que me leva acreditar que deve ter mesmo

carlos emir

frank areas vereador sanjoanense demonstra preocupação com aumento alarmante da violência e o descaso do Estado

vindo passear ou fazer turismo. Ou então esteve aqui em campanha eleitoral”, criticou. Frank Areas lembrou ainda que no mesmo dia em que Beltrame chegou ao município, um estabelecimento foi assaltado em Pipeiras. “É inadmissível que um distrito com 15 localidades e oito mil habitantes só disponha de um Destacamento de Policia-

mento Ostensivo (DPO), na praia do Açu, e um outro se acha funcionamento precariamente, em Sabonete, apenas com uma pessoa e sem as mínimas condições de trabalho, inclusive com falta de uma viatura. Enquanto isso, o DPO de Quixaba continua desativado”, denuncia. O vereador concluiu afirmando que p secretário não trouxe

resposta a problemas que reclamam por uma solução urgente. “Não dá para aceitar que ele chegue aqui e diga que veio conhecer as demandas, quase no final de um segundo governo, sem que tenha se comprometido com nada ou mesmo viesse traçar um plano de ação com medidas ou estratégias de ações preventivas ou ostensivas”, finalizou.

SJB participa da eleição do Comitê Hidrográfico Baixo Paraíba A eleição do Comitê de Bacia Hidrográfica Baixo Paraíba acontece hoje (12), a partir das 13h, no auditório do Hospital Veterinário da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf). O município de São João da Barra, assim como outros das regiões Norte e Noroeste, poder público, usuários e a sociedade civil, estão na lista. Enquanto isso, o subsecretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos de São João da Barra, Sidney Salgado, representou o município sanjoanense, na 2ª Reunião Ordinária do Comitê de Integração da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul (CEIVAP) no final de

agosto na cidade de Resende. O encontro mostrou uma breve apresentação do resultado do estudo “Novas Transposições”, expondo várias alternativas de transposição, inclusive do Rio Paraíba do Sul, para abastecimento do estado de São Paulo. Segundo Sidney os estudos de como ficaria o rio depois de realizada a transposição, em direção a foz, apontam o resultado de que os impactos na qualidade da água averiguados são relevantes para os casos de ocorrência de vazões mínimas em todos os trechos estudados. “A ocorrência de vazões extremas baixas em todos os trechos estudados po-

derão acarretar situações desfavoráveis de qualidade da água, e mesmo condições para eutrofização (crescimento desordenado da vegetação aquática) e mesmo para o surgimento de algas”, disse. “O estudo apontou ainda que as condições encontradas para as vazões simuladas com os cenários com e sem a transposição de vazões mostram situações indesejáveis para qualidade da água e a aprovação de novas transposições só deve piorar as condições de qualidade da água nesses trechos, e só um pesado investimento em saneamento básico e tratamento de efluentes pode mudar esse quadro atual e o futuro”, comentou.

secom - pmsjb

município participa da eleição na Uenf


O Diário SJB 12/09/2013